A aula de democracia da presidenta-professora Dilma Rousseff

Reportagem

final

 

Apesar das negativas dos golpistas de que estão fazendo o que todos veem, a quantidade de pessoas, instituições e até de nações que enxergam que está ocorrendo um golpe de Estado no Brasil desqualifica as tentativas vis, imorais, inaceitáveis de tratar esses questionamentos com desdém.

As multidões que tomaram as ruas e a internet para protestar contra a derrubada da presidente chegam a dezenas de milhares, as figuras públicas que manifestaram repúdio ao processo farsesco mal chamado de “impeachment” são prêmios Nobel, intelectuais, artistas, chefes de governo, líderes religiosos e tantos e tão importantes cidadãos “comuns”, os órgãos de imprensa que opinam que esse processo é viciado são veículos como o francês Le Monde, o inglês The Guardian, o norte-americano The New York Times, o alemão Deutche Welle…

Não dá, portanto, para tratar a oposição ao impeachment como os golpistas e fascistas tratam, como se fosse uma invenção maluca de um pequeno contingente de ignorantes.

Dito isso, vale atentar para as palavras iniciais de Dilma em seu julgamento no Senado.  Ela disse que entre seus defeitos não está a deslealdade e a covardia. Que não trai os compromissos que assume, os princípios que defende ou os que lutam ao seu lado. E que na luta contra a ditadura recebeu no seu corpo as marcas da tortura, que amargou por anos o sofrimento da prisão e que viu companheiros e companheiras sendo violentados, e até assassinados.

Dilma lembrou que à época da ditadura era muito jovem e que tinha muito a esperar da vida. Por isso, tinha medo da morte, das sequelas da tortura no seu corpo e na sua alma, mas não cedeu. Resistiu. Resistiu à tempestade de terror que começava a engoli-la, na escuridão dos tempos amargos em que o país vivia. Dilma lembra que não mudou de lado apesar de receber o peso da injustiça nos seus ombros, e que continuou lutando pela democracia.

Diante de tanta injustiça, a presidente desabafou:

“Não esperem de mim o silêncio dos covardes. No passado, com as armas, e hoje com a retórica jurídica, pretendem acabar com o estado de direito (…). Não luto pelo meu mandato por vaidade ou por apego ao poder, luto pela democracia, pela verdade e a justiça”.

Apesar de um discurso tão forte e edificante, Dilma não lida com pessoas que se deixarão convencer pela verdade e pela justiça; seus julgadores, em maioria, são movidos pela ambição, por interesses menores e se valem do logro, do cinismo, da fraude, da farsa para alcançar seus objetivos inconfessáveis, de forma que se fingem de tolos para encenarem esse espetáculo farsesco.

Foi o caso da senadora pelo partido da ditadura militar Ana Amélia, do PP (Arena) do Rio Grande do Sul, que ousou esgrimir com o argumento torpe de que simplesmente por Dilma estar se submetendo ao julgamento do Senado ela estaria convalidando o processo contra si.

Dilma teve que explicar mais de uma vez que a atual composição do Senado Federal só deixará de ser respeitável se consumar o golpe contra si e, como a Casa ainda não o fez, continua merecendo seu respeito e o de todos, pois ainda tem chance de não cometer o crime de lesa-pátria que será cassar o seu mandato.

A situação será outra, segundo Dilma, se o Senado aprovar o golpe.

Desde o seu discurso inicial, passando pelas respostas a cada senador que a inqueriu, Dilma foi didática. Ela teve que desenhar para uma senadora de um partido golpista pela própria natureza como é que pessoas como essa atacam a democracia.

Dilma deu uma aula de democracia àquela horda de bárbaros que não tem noção do que faz – ou têm noção, mas pouco se importa com o futuro do país contanto que receba cargos e proventos oriundos da derrubada de um governo legítimo e amparado por 54 milhões de votos.

81 comments

    • NÃO HÁ justificativa pra fazê-lo nem explicação legal que suporte ..essa é a merda ..é GOLPE

      agora ..se o TSE entrar contra PT PSDB e Marina ..ai sim ..puxa régua e convoca novas eleições ..mas o prazo é exíguo tb

    • COVARDE NIGRO, que não está no senadinho mas está aqui mostrando a vilania que é capaz. Você deve estar satisfeito com o desfeito que já sabemos desse golpe que já está deixando mmmmmmuuuuuuuuiiiiiiiittttttttaaaaaa
      gente rica, talvez você mesmo. Gaspetro foi vendida para a Mitsui – A Mineração Rio do Norte em conluo com o INSTITUTO XICO MENDES está se apossando da BAUXITA e para isso esta em guerra com os índios e colombolas
      Venda do Campo de Carcará a 2bi, sendo que vale 22b – Privatização do “AQUÍFERO GUARANI, com área total de 1,2milhões de km2, sendo que 2/3 da reserva estão no sub-solo dos estados de GOIÁS, MATO GROSSO DO SUL, MINAS GERAIS, SÃO PAULO, PARANÁ. SANTA CATARINA E RIO GRANDE DO SUL. Acho que os COXINHAS deveriam cobrar os dízimos destes negócios, inclusive voce. Afinal escrever nos blogs petistas não deve ser fácil.

      • Alguém sempre fica Rico.

        Com a nobre Dilma e Lula foram os banqueiros e empresários “amigos do rei”, beneficiários diretos do descalabro fiscal ou da farra de crédito artificial para manter a economia andando sem produtividade, para sustentar a reeleição.

        Se quer uma dica, apostaria em titulos pré fixados. Se ocorrer o impeachment, e a taxa de juro cair…

        O Brasil não vai melhorar nunca. Acostumemo-nos e tiremos o proveito que dá. Só nao esqueça de blindar o carro. Afinal, a opressão gera vítimas- não a mãe assassinada na porta da escola, mas o pobre assassino.

      • Nao sou bom com o teclado do celular, e em movimento.
        Se prestar atenção, até o Eduardo comete esses erros nos comentários. Basta ver.

        Agora, e se eu fosse mesmo analfabeto- estilo Lula?

        • Queria muito ser analfabeta como o Lula. Se eu tivesse só um pouquinho da inteligência dele eu ficaria muito, mas muito mesmo, agradecida, E dispensaria até o reconhecimento mundial que ele tem (e que você, o FHC, e toda sua turma morrem de inveja).

        • Se fosse analfabeto estilo Lula seria um gênio, pois sair de um caminhão de retirantes estilo “pau-de-arara” e se tornar o maior líder político da História do Brasil e um dos maiores líderes populares do mundo como Lula fez é coisa só para gênios como ele.

          Mas como é analfabeto estilo “Nigro” (ou seja, com vergonha até de usar o próprio nome) então é apenas mais um fracassado que destila inveja desse grande líder na Internet.

          • Preconceito conosco, os analfabetos…
            E se eu fosse lgbt, negro, pobre- mereceria algum respeito seu?

            Esse esquerdismo humanitário de vocês é mesmo só fachada. Apenas sabem agredir e insultar gratuitamente.

            Abrasso.

      • Não, Luiz Antônio, esse sujeito nem é um Hobin Hood, não está bêbado, nem é um analfabeto, em sentido gramatical.
        Claro que é um analfabeto político, coloquialmente, referindo-me.
        É tão somente, mais um cretino! Na pior acepção desse vocábulo!

    • Loucura fiscal??? A presidenta Dilma Rousseff queria fazer um ajuste fiscal de 90 bilhões, mas a quadrilha comandada pelo Cunha e Temer não deixaram. Entretanto o austero Temer fez um ajuste fiscal de 170 bilhões. Isso é um estupro fiscal.

      • FORA TEMER!!!
        Esperar o que? Eles acham que venceram. O golpe é contra a democracia. Ainda não entenderam que serão cobrados duramente por seus atos. Não escaparão do julgamento duro da história. Quantas vezes os opressores celebraram o fim da historia, a morte de inocentes condenados morte para depois descobrirem que na verdade sofreram uma monumental derrota.

        Há mais de 2 mil anos, um homem foi condenado a morte por crucificação e seus algozes celebraram a sua morte. A morte do subversivo, que contrariava a ordem romana e religiosa vigentes, para os algozes representava o fim. Hoje, sabemos, que não foi o fim, muito pelo contrário, foi apenas, o começo, o inicio de uma nova era.

  • Edu, em primeiro lugar fora desgoverno golpista! Felicito-te pela candidatura, é assim que tem que ser feito para melhorar a política nesse país, os honestos começarem a ter responsabilidade com este nosso querido país. Quanto a Dilma, ah, Dilma. Dilma, a Magnífica! Que mulher! Que personalidade! Minha admiração cresceu ao ouví-la e entendi porque o Lula a escolheu. Nâo há paralelo entre ela e esses golpistas. Eles não são páreo para ela. A estatura moral dela esmaga a insignficância e a mediocridade desses canalhas!

      • Eu também, Vânia. Somos mulheres na luta, toda mulher brasileira é em princípio uma guerreira. Me senti gratificada por ver Dilma, nossa 1a presidenta, corajosa e firme, com a postura e a tranquilidade dos que se sabem inocentes e que fazem as coisas porque acreditam no que fazem. Os acusadores, corja inqualificável, não têm a mínima ideia do que seja isso.

  • Caro Eduardo,

    Com certeza um discurso histórico que vai ser lembrado por muito tempo. A presidente Dilma não conseguirá reverter essa situação, porque há um conjunto de forças da elite brasileira, lideradas pela mídia, que, associada ao Ministério Público, ao Poder Judiciário e a vários segmentos da sociedade deste país, que se uniram com um único objetivo de arrancá-la do poder, ainda, que isso fosse à custa de rasgar a constituição federal e as demais leis brasileiras. Após o resultado das votações no Senado, a presidente disse que recorrerá ao STF. É um direito que lhe cabe, mas de nada vai adiantar, pois como se sabe, esse tribunal tem agido como um partido político de oposição.

  • Se seguir estritamente o que diz a constituição, cai mesmo. Mas cairiam outros governos também que fizeram a mesma coisa, como Lula e FHC. E porque não caíram? Porque a economia não ia tão mal e os presidentes tinham apoio no congresso.
    Portanto não é golpe se não quiser ver, e é golpe se assim o quiser. A presidente está caindo porque errou demais na economia, perdeu apoio no congresso e perdeu completamente apoio popular. Foi arrogante e não consegue reconhecer seus erros.
    Portanto, vai ser cassada e a esquerda terá que lutar democraticamente para voltar ao poder, ou fazer como o governo de Cuba, que assumiu por um golpe, mas como gosta de dizer essa mesma esquerda, um golpe legítimo.

    • Porque não esperar as eleições que mudaria o “conjunto da obra” ?
      Há dois tipos de antipetistas: os puros que não votariam no PT mas tb em qualquer outro partido, portanto são impuros os que votam em outros partidos e como tais os argumentos usados para justificar o GOLPE são de oposição partiudaria

  • Estou assistindo agora e testemunho: Dilma está ganhando: muito segura & esclarecida. Mesmo não sendo adepto do seu governo ela realmente está bem na sua defesa.

  • Muito tarde para dar uma de estadista – algo que Dilma nunca foi. Seu destino já está selado – e ninguém – a não ser os apaniguados de sempre – sentirá sua queda. Dilma entrará para a História como a president(a) mais inepta da história republicana.

  • Muito tarde para dar uma de estadista – algo que Dilma nunca foi. Seu destino já está selado – e ninguém – a não ser os apaniguados de sempre – sentirá sua queda. Dilma será lembrada como a president(a) mais inepta da história republicana.

  • Salve Dilma…..Mulher guerreira, honrada e digna…
    Parabens pela postagem, Eduardo…..precisa ser lida e trabalhada nas escolas….
    Fora Temer e toda sua corja fascista!

  • Essa horda de canalhas, como essa velha ordinária do PP, tem a exata noção do que estão fazendo, e, por isso mesmo, o fazem, sabotam a continuidade do processo de libertação do Brasil do seu papel de nação subalterna e explorada dentro do Sistema Capitalista Internacional, que é sustentado por uma composição social desumana, geradora de uma das piores concentrações de renda do planeta; e por uma classe dominante servil aos interesses dos exploradores estrangeiros, sem nenhuma noção da ideia de Nação, cuja única ambição é entregar as riquezas dos país às nações que controlam o Capitalismo Internacional e às empresas multinacionais oriundas desses países. ESSE PAPEL, O DE DESPACHANTE DOS INTERESSES DA CLASSE DOMINANTE ANTI-NACIONAL E ENTREGUISTA, É O EXERCIDO PELA DIREITA POLÍTICA BRASILEIRA, POR ESSE MONTE DE MERDA CHAMADO ANA AMÉLIA, PELO PSDB, PELA GRANDE MAIORIA DA CÂMARA, DO SENADO E PELOS QUE CONTROLAM A BUROCRACIA ESTATAL BRASILEIRA toda a burocracia estatal brasileira. Evidentemente, são liderados em seu papel de jagunços da classe dominante pela plutocracia que controla as comunicações no país, ela mesma também parte dessa classe dominante, e que através de seus “jornalistas” lacaios amestrados determina as táticas de ataque e o discurso hipócrita a ser emulado pelos conservadores para disfarçar seu verdadeiro objetivo : O COMBATE A QUALQUER MÍNIMA POSSIBILIDADE DE MUDANÇA NO BRASIL QUE REPRESENTE UM PAÍS MAIS SOBERANO E SOCIALMENTE JUSTO. Além deles, nãos nos esqueçamos no auxílio indispensável DA CLASSE MÉDIA IGNORANTE, ARROGANTE, PATÉTICA, TRUCULENTA E FASCISTA, QUE OCUPA OS POSTOS DA BUROCRACIA ESTATAL E CONTRIBUIU DE FORMA DECISIVA,EM TODAS AS OCASIÕES EM QUE OCORRERAM GOLPES NESTE PAÍS, PARA DEFENDER OS INTERESSES DA ELITE A QUE NÃO PERTENCE, MAS COM A QUAL IDENTIFICA-SE DE FORMA ESQUISOFRÊNICA, NUMA SIMBIOSE DOENTIA ENTRE OS PATRÕES E UM GRUPO DE “EXPLORADOS” INSANOS, QUE ACREDITA SER O QUE NÃO É, NUNCA FOI E JAMAIS SERÁ, DELÍRIO QUE SÓ PODE SER MOTIVADO PELA SOMA NEFASTA DE SEUS PRECONCEITOS SOCIAIS ASQUEROSOS, SUA IGNORÂNCIA ABISSAL, SEUS RECALQUES IMENSOS, SUA CEGUEIRA LATENTE E SUA FALTA DE CARÁTER EXPLÍCITA. Tudo isso ocorrendo sob o olhar patético de uma massa pobre e despolitizada, secularmente amansada pela chibata da escravidão que ainda lateja em seus ombros e a coloca na eterna posição do servo assustado e medroso.

    • Vamos ao ponto: tanto o PT, Dilma e Lula estão sendo, vergonhosamente, perseguidos por picuinhas por serem NACIONALISTAS, gente! Eles representam o empecilho para que os outros países se apoderem de nossas riquezas. Vide a sofreguidão com que o governo Temer esta acelerando a entrega do nosso pré-sal, do nosso aquífero Guarani, conforme comentei no post anterior, e das nossas riquezas minerais, principalmente o NIÓBIO, em que o país possui quase a totalidade da reserva mundial desse minério, cerca de 98%, conforme li no site http://www.redebrasilatual.com.br (“O nióbio é nosso?”). Lembrem-se que, além do aquífero Guarani considerado o segundo dos maiores mananciais de água doce do mundo, temos ainda o aquífero Alter do Chão, que está localizado no Norte do Brasil, que é considerado o maior do mundo. Há tempos li no site http://www.conjur.com.br que está havendo na Amazônia a Hidropirataria, que é o roubo das nossas águas de lá. Só que não encontro mais essa notícia nesse site, mas encontrei no seguinte: http://www.verdademundial.com.br
      E, enquanto todo mundo está com a atenção voltada para o impeachment, o esperto do José Serra esta recebendo, em seu gabinete, a visita de executivos representantes da Shell para, é claro, entregar o nosso pré-sal, conforme denunciou o deputado Wadih Damous. E o MiShell Temer assediando os senadores indecisos para votarem

    • Vamos ao ponto: tanto o PT, Dilma e Lula estão sendo, vergonhosamente, perseguidos por picuinhas por serem NACIONALISTAS, gente! Eles representam o empecilho para que os outros países se apoderem de nossas riquezas. Vide a sofreguidão com que o governo Temer esta acelerando a entrega do nosso pré-sal, do nosso aquífero Guarani, conforme comentei no post anterior, e das nossas riquezas minerais, principalmente o NIÓBIO, em que o país possui quase a totalidade da reserva mundial desse minério, cerca de 98%, conforme li no site http://www.redebrasilatual.com.br (“O nióbio é nosso?”). Lembrem-se que, além do aquífero Guarani considerado o segundo dos maiores mananciais de água doce do mundo, temos ainda o aquífero Alter do Chão, que está localizado no Norte do Brasil, que é considerado o maior do mundo. Há tempos li no site http://www.conjur.com.br que está havendo na Amazônia a Hidropirataria, que é o roubo das nossas águas de lá. Só que não encontro mais essa notícia nesse site, mas encontrei no seguinte: http://www.verdademundial.com.br
      E, enquanto todo mundo está com a atenção voltada para o impeachment, o esperto do José Serra esta recebendo, em seu gabinete, a visita de executivos representantes da Shell para, é claro, entregar o nosso pré-sal, conforme denunciou o deputado Wadih Damous. E o MiShell Temer continua assediando os senadores indecisos para votarem a favor do impeachment, em troca de cargos no Banco do Nordeste. E eu que pensei que as nossas Forças Armadas fossem nacionalistas, assim como Dilma e Lula e o PT…. Santa ingenuidade a minha!

      http://www.redebrasilatua.com.br/revistas/74/ciencia
      http://verdademundial.com.br/2014/11/a-hidropirataria-navios-roubam-agua-dos-rios-da-amazonia/

  • No fim das contas quem tava certa é aquela analista do Santander, que apenas ao fazer seu trabalho, alertando seus clientes sobre a piora da economia, foi demitida pelo covarde banco a mando do cappo Lula. Uma trabalhadora, mãe de família, perdeu seu emprego porque contrariou o picareta-mor da república. Que homem justo e sensível, não?

  • Dilma de goleada! Ve la entupir a ana amelia de verde amarelo.hipocrita! O aecim o cunha lima.o suplente do cerra etc.isto nao tem preco! Ela ganhou o debate moral e enterrou os senadores na vala comum….

  • Corajosa e guerreira até o fim. Ninguém, mas ninguém tem esta estatura moral de Dilma. Dilma está sendo julgada por anões, por zés e marias vendidos por vinténs (advinha quem vai ficar com o maior bolo da república?). Dilma me representa e me representará mesmo perdendo seu mandato. É urgente lembrar que agora, mais do que nunca é necessário o boicote aos jornais impressos, televisivos das redes que serviram ao golpe. Não consumir determinados produtos, infelizmente não dá para suspender tudo. Levar esse boicote para nossos amigos fora do Brasil, em todos os continentes. Não haverá tantos capitalistas nem tantos ricos se o consumo diminuir em vários setores. É questão de vida ou morte. Para nós e para eles também.

    • Não adianta agora ficar chamando a Dilma de “corajosa, linda e maravilhosa” – ela já era. Deveria ter mostrado coragem e ter enfrentado Eduardo Cunha – mas preferiu se acovardar e seguir a política de acomodações. Essa arrogância e covardia selou seu destino – o povo não está nem aí para sua patética queda.

  • Vi toda a sessão no Senado.
    A Dilma foi admirável.
    Ela realmente cresce, quando confrontada por algozes.
    Ficou claro o golpe.
    Quando a pessoa está do lado da verdade,
    a serenidade grita.

  • Sem mais delongas…

    Ou este País será para todos ou não será para ninguém

    E vale para o planeta também

    Ninguém mais aceita ser oprimido.

    Estamos saindo do pré primário…

    Aleluia !

  • Querido blogueiro e candidato a vereador pelo guerreiro PCdoB, infelizmente sou de Vinhedo e não poderei votar em ti. Mas a conversa não é esta, sei que o blog é seu e você faz dele o que quiser. Hoje 30/08/2016 às 00:52 suas indicações de blog, ou por falta de tempo ou desinteresse indicam muitos blogs que não mais existem e principalmente um de um senhor que ao virar idoso preferiu ser um velhaco! Estou me referindo ao sr. ricardo kotscho, referido blog virou um antro de coxinhas, prefiro que indiques o Reinaldo Azevedo ou Augusto Nunes, pelo menos eles dizem a que vieram. Entro em seu blog e após leio outros indicados, este prazo está acabando, ou tiras o velhaco ou abandona este seu leitor. Grato e um abraço!

    • Eu, que sempre escrevia no blog, hoje só leio os posts do Ricardo Kotscho para ler os comentários do blogueiro Enio Barroso Filho, pois acho-os um primor, uma mistura de humor, sarcasmo e verdades escritas de uma forma peculiar que retrata bem sua inteligência e sua magistral defesa do PT. Há outros bons comentaristas, uns 4 mais ou menos, mas o Enio se destaca. Lamento que por lá a maioria seja de coxinhas mesmo. É triste ver no que se transformou um blog que eu acompanho desde os tempos do portal IG.

  • O STF e o MPF encabeçam esse golpe de cabo a rabo, senão já teria matado na raiz essa farsa lá atrás. Cunha ou qualquer outro jamais poderiam ter ficado livres para iniciar esse crime contra a Democracia e o voto popular.
    Parabéns a Dilma e Lula por ter caído na conversa mole do republicanismo com a oposição golpista de direita. Se aconselharam com tucanospetistas, nomearam só canalha de direita para o poder judiciário.
    Dilma não teve coragem de enfrentar a crítica da mídia golpista de plantão e esses corruptos moralistas da oposição, preferiu nomear quem a oposição queria e deu no que deu, colocou Janót, deveria ter colocado o Eugênio Aragão, que teria matado esse golpe lá no nascedouro, colocado freio aos abusos criminosos dos procuradores do MPF da Farsa Jato. Deveria ter nomeado juristas que estão aí com coragem denunciado esse golpe, denunciando os abusos totalitários da farsa a jato, a perseguição politica ao PT, os abusos dessas delações torturadas e etc. Era para se fazer uma limpeza , equilibrar o judiciário, tirar o total controle que a direita fascista tem dele. Não nomeou um que preste no judiciário, e por isso o crime do golpe avança à passos largos sendo maquiado com ar de legalidade.

    • Assino embaixo, Roger. Conhece o ditado: cria corvos e eles lhe comerão os olhos. Sou a favor da manutenção da Dilma não por suas qualidades, mas porque é seu direito pelos votos da maioria dos eleitores. O principal do golpe é a mudança de um modelo de governo que foi repetidamente aprovado pelo povo por um outro diametralmente oposto que foi repetidamente (4 vezes) derrotado. Por isso ela deve ficar. Mas, na remotíssima possiblidade do impedimento ser derrotado e ela permanecer, nomeará o Lula para alguma coisa afim de que ele reaproxime o governo com o pmdb (ela já disse isso ontem). O que será a própria definição de idiota do Einstein, que disse que idiota é aquele que erra e continua repetindo o experimento seguidamente sem nada mudar. Além disso ela continuará a dar bilhões por ano do nosso dinheiro, pago como impostos, para o pig que é a linha de frente do golpe e continuará a guerra contra ela e a esquerda. Estamos muito mal no Brasil com qualquer desfecho: preso por ter cão ou preso por não ter cão.

  • :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos canalhas direitistas… …
    ..:.
    * 1 * 2 * 13 * 4
    *************
    .:.
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *

    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula 2018 neles !!!!

    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

    • O maior problema econômico deste país foi a sabotagem de vcs. Ninguém, mas ninguém mantém a economia funcionando diante de uma sabotagem destas.

      • Sabotagem? “Nós”, a oposição? Tás brincando.

        Quem “sabotou” a economia do país foi Dilma e o PT
        Quem sabotou a Petrobras foi a Dilma e o PT.

        E tudo para se manter no poder a qualquer custo.

        O país já vinha, desde o tempo da “marolinha” tendo redução no faturamento e arrecadação de impostos. Ajustes eram necessários.
        Os os “bons ventos” da economia com altos preços das commodities acabaram.
        Depois se abriu as torneiras do crédito e a grana acabou.
        Explodiu tudo de uma vez. A economia do país se esfacelou como um castelo de cartas ao vento.
        Não foram tomadas as providências ao tempo certo. Foi feita uma gestão populista e irresponsável do país criando-se despesas sem a contrapartida das receitas.

        Resultado: a maior crise da história desde a década de 1930.
        Teremos mais uma década perdida como a de 1980.

        • Nada disto!

          O que houve foi que em meados de 2013 começaram as manifestações sem sentido, criadas pela extrema esquerda e turbinadas pela direita e pelo PIG. Até este momento, o Brasil praticamente se autoinvestia. Tínhamos um PIB bom, inflação controlada, contas equilibradas, pleno emprego, sem falar dos fundamentos macroeconômicos bem consolidados, como dívida pública bruta e líquida nos devidos percentuais. Havia ainda as desonerações, que estavam diminuindo a inflação e ampliando os investimos privados. Tudo isto, mesmo com a maior crise capitalista financeira de todos os tempos.

          Depois daí, tudo deu errado.

          Então Dilma esticou a corda com políticas anti cíclicas, até 2014, depreciando as contas públicas. Mas depreciando de forma facilmente reversível. Coisa que se não fossem as sabotagens pós eleições, pós segundo mandato, criadas por Aécio, Cunha, PIG et caterva, daria para reverter e ter crescimento e as contas garantidas.

          O ruim de tudo isto, foi que com a quase vitória de Aécio, por causa da sabotagem que já tinha começado em meados de 2013, o congresso se tornou mais conservador, cheio de picaretas corruptos de direita, sem escrúpulo algum, que sabotaram os ajustes leves que Dilma propôs, usando Levy para isto. Sabotaram com trancamento de pautas, pautas bombas, irresponsabilidades fiscais e mais outras formas de sabotagem, como a guerra política, o golpe em si. Tudo feito para causar instabilidade e acabar com os investimentos. Forçaram o aumento de gastos para aumentar o rombo e por toda a culpa em Dilma.

          Fora isto, a Lava Jata de primeira instância, que teve como missão caçar petistas, somente petistas, livrar a cada de direitistas, acabar com a indústria civil pesada. Nunca a missão foi lutar contra a corrupção, mesmo porque os delegados são aecistas, os procuradores qua já atuaram no Banestado nunca cassaram tucanos, e Moro, um juiz tucano que só vai atrás de petistas e livra a cara de tucanos, Cássio Cunha Lima que o diga.

          Enfim, esta foi a sabotagem de vcs.

          • O Brasil jamais se “auto-investia”. Isto é uma completa falácia.
            No modelo Lulista-Dilmista o Brasil simplesmente não se sustentava.
            O modelo populista de incentivo a consumo não se sustenta. Apenas cria bolhas e voos de galinha.
            O modelo que se auto-sustenta é aquele que dá ganhos reais significativos na produtividade, o que não foi feito.
            O que aconteceu era simplesmente o inevitável.

          • Mentira. O modelo auto-sustentável é o modelo que estimula o consumo, que por sua vez estimula a produção. Por mais que vc queira, capitalista algum quer produzir sem incentivo. Falácia são estas idéias neoliberais que o mundo não quer mais saber, nem os EUA age da forma que vcs neoliberais pensam. O modelo consumista se sustenta se não houver a sabotagem que vcs fizeram, e olhe que estou tirando de jogada a sabotagem geopolítica dos EUA na redução do barril de petróleo. Cuidado com estes supostos ganhos reais de produtividade prometidos pelo neoliberalismo, se este ganho real concentrar renda, de nada adianta.

            O que aconteceu não aconteceria se não fosse a guerra política que vcs criaram, se não fosse esta nojenta Lava Jato de primeira instância e se não fosse este congresso de ultradireita.

          • Voo de galinha!!! 12 anos… vc é louco… e mesmo assim, se não fosse a sabotagem de vcs, hoje estaríamos bem.

    • Seba,
      É muita arrogância! Só um canalha para postar uma merda tão fétida dessa! Uma mulher que consegue emudecer a maioria beócia, cretina e de baixíssimo nível intelectual dos senadores, com uma aula sobre o que são os tais créditos complementares, o que são os planos de contingenciamento e mostrando em que artigos da Constituição são proibidos e de que modo e em que lei — a LDO– são permitidos pelo senado, e por essa razão, não existe crime, como nunca fora feito antes; e você diz que ela não entende nada de economia!, é porque você não é apenas um imbecilizado total, mas tão repulsivo quanto um Ataíde Oliveira ou um Petecão e abissalmente cínico e beócio quanto o Perrela e seu par Aécio Néscio, segundo, Lewandowiski. Quem és tu, criatura repulsiva? Que tu não gostes da presidenta, é natural que assim o seja, afinal, gente da envergadura moral da Dilma não desperta simpatia em canalhas, no entanto, desqualificá-la mesmo sabendo de suas qualidades e uma delas é seu conhecimento da economia é muita sordidez! Faz o seguinte, jenio da economia, escreve um tratado sobre o assunto e posta aqui, para que todos saibamos o quanto é jenial! Te farei uma gentileza e uma imensa e dolorosa generosidade, debaterei contigo.
      Maria Antônia

      • OK, Maria Antônia. Eu aceito debater com você.

        Mas em primeiro lugar tenha mais educação. Não não entre num debate com esse comportamento ofensivo chamando os outros de canalha e de outros atributos de baixo calão com fez e agindo como um típico patrulhador ideológico petista especialista em lavagens cerebrais com aquela pinta que se acha que sabe tudo que é dona da razão. Essas coisas não colam mais, pelo menos pra mim.

        Em segundo lugar quem é arrogante (e demais) é você que se acha no direito de dizer que a maioria dos senadores tem “baixíssimo nível intelectual”… Parece que seguiu a escola da “Narizinho” que disse que eles “não tem moral para julgar a Dilma”.

        Em terceiro lugar o que diz sobre “crédito complementares” e “planos de contingenciamento” não vem ao caso sobre o que está em pauta na minha discussão.
        Vou tentar ser mais claro: o que eu disse é que ela resolveu gastar o que não se tinha mais. Ela resolveu tocar o pé no acelerador quando tinha que no mínimo tirar ou frear. E fez uma grande barbeiragem batendo o carro.

        De economia ela não entende nada. Quebrou o país e quebrou a Petrobras. Aliás não conseguiu fazer dar certo nem aquela lojinha… Até as baratas da sua casa sabem disso…

        • Ora ora.

          Vejam este gráfico:

          http://m.folha.uol.com.br/poder/2016/04/1757921-pedaladas-fiscais-dispararam-sob-dilma-diz-relatorio-do-banco-central.shtml

          Ele fala por si só.

          O descalabro fiscal, com vistas em especial à eleição, são claroa como a água (água pura, não do volume morto).

          O próprio Lula na entrevista ao Glen Greenwald admitiu que Dilma sabia da necessidade do ajuste, mas que nao o faria em período eleitoral.

          É o ápice da crença ridícula de que pode-se “estimular”, “controlar” o mercado ad eternum, associado à interesses escusos.

          É a história de manter o bêbado feliz. Com mais cachaça. Mas sabemos que uma hora precisamos oarar de beber. Tem delirium tremens. Secura. Mal estar. “The medication is sour, but you have to take it”.

        • Seba,
          Educação eu tenho. Tenho educação, tenho gentileza e sou agradável, àqueles que discordam de mim, mas respeitam a democracia. Contudo, não tenho a menor razão, nem condição de ser condescendente com a arrogância, a hipocrisia e o desrespeito democrático, principalmente, para com a mulher política e, certamente, a mais honesta e reta figura política que o Brasil já teve, e é possível que jamais terá outra igual. Vocês são tão ordinariamente boçais que nos ofendem! Não nos ofendem com palavras, mas com suas imbecilidade e estupidez indecentes. Cria rastejante da plutocracia, inseto dotado de moral pegajosa , não consigo, não devo e não tenho vontade de ter para com você, que, cotidianamente, entra neste blog para desqualificar a democracia de modo ridicularmente boçal — à maneira, repito, dos senadores, em sua maioria, de baixíssimo, miudíssimo nível intelectual — fazer uso de meu rotineiro e habitual costume de ter boas maneiras e bons modos, para não ferir tua moralidade de moralista sem moral, para que assim, contigo possa ter qualquer empatia, não perca seu tempo. Não o farei. Se em tua imbecilidade não consegue perceber o quão bocós e beócios são os senadores, Magno Malta, José Medeiros, Ataíde Oliveira, Moka, Petecão, e mais uma dezenas deles, e a parte restante, em sua maioria, seguida dos bocós e beócios, todos, moralistas sem moral, é porque com eles te identifica e te afina. Você e seus pares da ideologia de rastejante são todos preconceituosos, propagadores do ódio e da mentira, mas transferem esse repugnante comportamento para aqueles que não comungam de sua boçalidades. São cúmplices, porque defensores do que há de pior e mais repulsivo e lastimável no cenário da política nacional. As regras de civilidade do debate democrático não são para serem usadas com quem contra a democracia atenta todos os dias. Os diálogos e debates respeitosos são para ser aplicados entre aqueles que defendem e respeitam a democracia, não com quem dela é seu predador. Quando a indigência moral, quando a injustiça se travestem de moralidade, a indignação, a grosseira e a incivilidade é uma obrigação, na defesa dos direitos e liberdades democráticos. Você advoga pela causa dos ricos. Eu pertenço ao populacho e defendo os direitos e as liberdades para todos, inclusive, para você.
          Saber do que vocês pensam e falam aos quatro ventos, até as baratas da minha casa sabem, você certou. As baratas da minha casa sabem, obstante, não acreditam! Minhas baratas são democráticas e defendem os direitos humanos e a liberdade para todos, inclusive, os seus. O meu conterrâneo Torquato Neto dizia que “Leve um homem e um boi ao matadouro. Aquele que gritar é o homem, mesmo que seja o boi”. Quando a imoralidade e a injustiça humanas são tão acintosamente explícita, no entanto, debocha, desdenha, jura de pé junto e persigna-se, dizendo que é moral e justa, só nos resta animalizar os homens e humanizar os insetos. É mais confortável e menos vergonhoso desejar estar entre os insetos do que entre os homens.
          Concordo integralmente com a fala da corajosa, pequena e linda senadora, Gleisi Hoffman ” Qual dos senhores senadores tem moral para julgar a presidenta Dilma!?”
          Maria Antônia

  • Caro Edu,
    estou impressionado com a força e a resistência da presidenta Dilma !
    Seu tempo de fala deve ter ficado em torno de 10 horas e, isso, sem perder a força e a dignidade.
    Infelizmente, bandidos não apoiam a justiça e a verdade!
    Grande abraço!

  • Uma aula de cidadania e uma lição de vida, Edu. Veja bem, foram mais de 12 horas rebatendo com firmeza um a um dos golpistas. Uma senhora de mais de 60 anos. Tendo que ouvir a mesma ladainha mecanicamente reproduzida e respondendo com a objetividade dos fatos. Muito homem mais jovem, tipo Aécio, não aguentaria.
    A ladainha mais cínica é aquela que sustenta que o processo é constitucional porque ela tem direito a “ampla defesa”. Ela desmonta esse embuste de forma clara para quem quiser entender. O rito obedecido só garante a aparência. A essência permanece a mesma, com ou sem a “observância do rito”, é golpe.
    Só acrescentaria uma coisa. A inquisição na idade média também tinha um rito, seguido a risca pelos inquisidores

  • Perguntada se seu direito de defesa tem sido assegurado, ela respondeu que sim. Questionada se ela chama de golpe um procedimento que desde o início respeitou os ditames constitucionais e, ademais, tem todas as etapas sancionadas pelo STF, ela tartamudeou,como de hábito, e respondeu que, até aquele momento, não havia golpe porem, se considerada impedida, aí sim seria golpe.
    Ou seja, se ela ganha, não há golpe, se ela perde, é golpe.
    É ou não é uma lição de democracia?

    • Melhor dizendo, ou dizendo a VERDADE: Se ela for condenada sem crime de responsabilidade- É GOLPE.

      Se ficar comprovado crime de responsabilidade – ela deve ser condenada – ai não é GOLPE.

    • Sanchez,
      Juro a você, tento a muito custo não chamá-los de imbecilizados e estúpidos, mas a minha natureza ordinária fala mais alto e minha paciência compreensiva explode! Criatura tola e boçal, tu sabes qual é a real diferença entre o ser e o não ser, o existir e o não existir, o objeto e o não objeto! Olha para ti mesmo, não como um rosto que te reflete, mas como um pessoa com nome, características físicas e de personalidade e procura descobrir a partir de tua própria capacidade de pensar, se é que és capaz de produzir essa bela arte, e responde à pergunta básica e absurdamente simples. De que modo de tornastes um ser humano? De que maneira começou a formação de tua existência e quando ela se concluiu? Mas considerando e sendo sabedora que, pelo modo como repete a fala da direita imbecilizada e tosca, à maneira da maioria dos senadores pouco ou quase nada afeitos ao ato de inteligir, vou responder para ti. Tu só te tornas um homem de fato, a partir do momento em que nasce, adquiri e absorve ao longo de meses e anos a cultura e a orientação de teus familiares, isso ocorre com todos nós. Antes disso, houve a necessidade fundamental de que teu pai e a tua mãe tenham transado e, pelo menos até agora tem sido assim, nessa ordem, a mulher fica prenhe. Aí, tu nasceu e se tornou um homem, humano ou não, e de acordo com a orientação familiar e mais outras variáveis. Com o golpe é a mesma coisa. O processo tem todas as característica de um golpe, contudo, só será comprovado como golpe depois da votação final dos canalhas senadores. Ou seja, para que haja a existência de um humano, há invariavelmente, a necessidade de um trepada entre um homem e uma mulher — desde que ele não seja de laboratório — bem como para haver um golpe, enquanto objeto materializado, há a necessidade do rito final. Para a existência de todo e qualquer objeto, como coisa material e materializada, existe um processo para sua formação. Entendeu?
      Maria Antônia

  • Apesar do momento crítico, foi um dia de glória.
    Pudemos conhecer uma DILMA que até então não se conhecia, em função de sua introspecção administrativa.
    Mostrou ao “mundo” lama que tomou conta do congresso nacional, puxada por um contraventor chamado Eduardo Cunha.
    E não poupou palavras.
    Algo que me chamou a atenção, foi o comportamento de muitos parlamentares que, durante a fala de DILMA, ficavam em seus celulares, certamente atentos à repercussão de suas declarações.
    A Ana Amélia, plagiando o Louro José, tentou a primeira investida demagógica contra a Presidenta, e foi logo lançada ao lixo, de onde nunca deveria ter saído.
    Falar sobre os demais golpistas seria redundância.
    Seja qual for o resultado DILMA saiu altiva e de alma lavada.
    Seus carrascos, que não possuem um pingo de vergonha na cara, enfiaram o rabo entre as pernas e, certamente depois continuaram a apunhalá-la pelas costas, como sempre fazem.
    O AlibabáCunha ousou se defender mas, do quê ???
    Vamos em frente.
    A resposta já está nas ruas.

  • O golpe em curso no Brasil está baseado na elite empresarial financiadora,na mídia hegemônica, no poder judiciário e no congresso nacional

  • LUZ DA HISTÓRIA

    Com certeza, o belo, histórico e contundente discurso proferido pela Presidente Dilma Roussef em 29/08 merece o aplauso e os elogios da militância progressista.

    Ainda que não se possa dizer que seja um discurso perfeito, até porque tal perfeição seria impossível, cumpre reconhecer que a eloqüente autodefesa contém todas as principais evidências da inconstitucionalidade do impixe.

    Além disso, o discurso faz de início um breve resumo da história pessoal da Presidente, com relevante destaque para a combatividade, a coerência, e a lealdade de sua trajetória política desde a década de 1960.

    O discurso apresenta também um conciso histórico do golpe em marcha, com a clara indicação dos óbvios indícios de manipulação, de casuísmo e da conseqüente ilegitimidade que contamina todo o processo de impixe.

    E prima pela precisa caracterização do golpe, com a demonstração didática do fato de que, no presidencialismo, a destituição do mandato presidencial sem a comprovação de crime de responsabilidade é coisa inconstitucional.

    Além de denunciar a ação orquestrada de grupos poderosos que têm o indisfarçável objetivo de contrariar a vontade popular expressa nas urnas.

    Assim, denuncia a mal disfarçada manipulação de factóides urdidos para travestir de pretensa legalidade uma ruptura institucional e, portanto, um flagrante golpe de estado, que se caracteriza sempre pela atuação de órgãos estatais para a tomada do poder através de meios ilegais e inconstitucionais.

    Ademais, a firmeza admirável do discurso da Presidente no senado em 29/08 advém especialmente da rigorosa demonstração de inexistência de quaisquer crimes de responsabilidade a ela atribuídos.

    O discurso demonstra de forma ampla e inequívoca que todos os decretos de autorização de créditos suplementares editados pelo governo Dilma respeitaram a legislação em vigor, e não alteraram a meta fiscal.

    E indica expressamente que os referidos decretos de créditos suplementares realizaram apenas a realocação de despesas, e foram decorrentes da cogente necessidade de atender a solicitações formais de diversos órgãos estatais, inclusive alguns do poder judiciário, para evitar a interrupção de serviços públicos e de programas sociais essenciais para a população carente.

    Ao tempo em que destaca o fato de que tal realocação de despesas foi uma decorrência portanto da necessidade de evitar o colapso do estado brasileiro no segundo semestre de 2015, em face da forte e abrupta queda das receitas fiscais, influenciada pela grave crise econômica internacional.

    Deste modo, resta evidenciado que crime mesmo seria não editar os tais decretos e, com isto, permitir o colapso da administração federal.

    Para completar, o discurso da Presidente ressalta o fato de que os decretos de créditos suplementares citados no processo impixe foram anteriores à casuística alteração do entendimento sustentado pelo TCU até 2015.

    Bem como ressalta que os mencionados decretos foram aprovados pelo Congresso Nacional, por estarem de acordo com as exigências da Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO, da Lei Orçamentária Anual – LOA, e por respeitar a Lei de Responsabilidade Fiscal — LRF, visto que não alteraram a meta fiscal, conforme reiteradamente comprovado.

    E termina de fulminar a grotesca tese do impixe com a recordação do fato de que, até outubro/2015, o TCU aprovou inúmeros decretos semelhantes nas contas de diversos exercícios fiscais, de diferentes governos.

    Por outro lado, o discurso demonstra a absoluta inexistência de ato direto da Presidência da República na realização das pedaladas fiscais.

    E acrescenta o fato de que as pedaladas praticadas não violam a Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF, pois não caracterizam operações de crédito, conforme atesta decisão do Ministério Público Federal – MPF.

    Por fim, o discurso denuncia de forma expressa que a casuística alteração do entendimento do TCU acerca das pedaladas, ocorrida no final de 2015, não serve de forma alguma para a pretensa legitimação do impixe.

    E isto por força do elementar princípio jurídico que veda a retroatividade da lei, dado que as pedaladas foram anteriores à alteração do entendimento.

    Dessa forma, o histórico e demolidor discurso proferido pela Presidente Dilma Roussef em 29/08 demonstra, de maneira irrefutável, a inexistência dos ilícitos aptos a embasar julgamento pelo senado.

    Por esta via, resta já comprovada a resultante inconstitucionalidade do processo de impixe, que viola os artigos 85 e 86 da Constituição Cidadã, fere o devido processo legal e agride o Estado Democrático de Direito.

    Donde resulta aberta a possibilidade de acionamento específico do STF para julgamento da questão de mérito relativa à inconstitucionalidade do impixe, posto que a independência dos três poderes não exime nenhum deles da obrigação de cumprir suas respectivas funções institucionais.

    Assim, de tudo quanto expendido no discurso da Presidente ora em apreço, salta à vista a evidente ilegitimidade do governo que está na iminência de ser tornado efetivo sem jamais haver sido escolhido pelo voto popular, sem possuir respaldo legal e sem o indispensável respeito à democracia.

    Com o agravante maior de que as políticas visadas pelo governo ilegítimo e inconstitucional possuem características diametralmente opostas ao projeto de nação vitorioso nas eleições de 2001, 2006, 2010 e 2014.

    E com o acréscimo deplorável do apoio mal dissimulado da grande mídia e dos interesses anti-sociais a serviço do imperialismo predatório.

    Urge então cobrar das Senhoras Senadoras e dos Senhores Senadores o dever de julgar com justiça a realidade, e vale lembrar que o julgamento maior será feito pelas futuras gerações, à luz dos fatos e da História…

Deixe uma resposta