PF deverá centrar investigação em Datafolha e Ibope

Opinião do blog

Em 23 de abril deste ano, a ONG Movimento dos Sem Mídia pediu à Procuradoria Geral Eleitoral abertura de investigação contra os institutos de pesquisa Datafolha, Ibope, Sensus e Vox Populi devido à disparidade entre os números desses institutos sobre a sucessão presidencial e devido à troca de acusações entre, de um lado, jornais e revistas ligados a Datafolha e Ibope contra os institutos Sensus e Vox Populi e, de outro, de blogs e sites simpáticos ao governo Lula contra o instituto de pesquisas da Folha de São Paulo e o instituto ligado às Organizações Globo. Tais acusações foram de manipulação em prol de Serra ou de Dilma.

Acusações e números disparatados entre duas duplas dentre os quatro institutos – Datafolha e Ibope de um lado e Sensus e Vox Populi do outro – fizeram com que a PGE acolhesse a denúncia do Movimento dos Sem Mídia e determinasse a instauração de inquérito policial de acordo com a lei eleitoral nº 9504/97 e suas alterações, artigo 35, parágrafo 4º (Pesquisas Eleitorais), e com a resolução do TSE nº 23190/2009, artigo 18 (Pesquisas Eleitorais Eleições 2010), lei essa que versa sobre crime de falsificação de pesquisas eleitorais. Em 11 de maio, a vice-procuradora-geral-eleitoral, doutora Sandra Cureau, acolheu a representação do MSM e determinou à Polícia Federal que instaurasse inquérito contra os institutos representados. O processo junto à Procuradoria Geral Eleitoral–DF recebeu o número 4559.2010-33.

A divulgação da última pesquisa Ibope sobre a sucessão presidencial permite compor gráficos que revelam clara divergência das pesquisas Datafolha e Ibope de um lado e Sensus e Vox Populi do outro. Neste estudo, levou-se em conta apenas os três institutos que publicaram maior volume dessas pesquisas no primeiro semestre deste ano (Datafolha, Ibope e Vox Populi). Abaixo, os gráficos reproduzindo o que divulgaram esses institutos sobre as trajetórias estatísticas de Dilma Rousseff e de José Serra entre 31 de março e 30 de julho deste ano.

Como se pode ver nos gráficos, na pesquisa publicada em 15 e 16 de abril o instituto Datafolha joga para cima a candidatura Serra e mantém estagnada a candidatura Dilma. No mesmo período, em 13 a 18 de abril, o instituto Vox Populi joga a candidatura Serra marcantemente para baixo e a candidatura Dilma, da mesma forma, para cima, em uma trajetória das duas candidaturas que, naquele instituto, prossegue até hoje, enquanto que o Datafolha, em 20 a 21 de março, produz trajetória oposta para os candidatos, com o tucano e Dilma estagnados. A situação das duas candidaturas permanece estável no mês de junho e, em julho, Vox Populi volta a mostrar queda acentuada de Serra e subida acentuada de Dilma, enquanto que Datafolha e Ibope mantêm as duas candidaturas sem alterações, culminando com a pesquisa Ibope da última sexta-feira na qual o instituto, como em momentos anteriores, converge para o Vox Populi.

Fica fácil perceber, nos gráficos acima, que Datafolha e Ibope, no decorrer deste ano, produziram reações de Serra que não ocorreram no Vox Populi e que nos próprios Datafolha e Ibope vão se revertendo a cada dois ou três meses, sempre convergindo para o mesmo Vox Populi.

Ora, desde março deste ano o debate eleitoral no país vem se dando, em boa parte, em torno das divergências das pesquisas. As tentativas de Ibope e Datafolha de se descolarem da trajetória de Serra e de Dilma traçada pelo Vox Populi e pelo Sensus, portanto, ocorreram enquanto a imprensa corporativa e a imprensa dita alternativa acusavam, respectivamente, Vox Populi e Sensus, de um lado, e Datafolha e Ibope, do outro, de favorecimento a este ou àquele candidatos, o que, aliado à persistência do “descolamento” dos institutos tidos como serristas dos institutos tidos como dilmistas, elimina a possibilidade de alguém estar meramente “errando” sem intenção oculta.

A mera análise das pesquisas dos quatro maiores institutos do país certamente levará a investigação deles pela Polícia Federal – investigação que o Movimento dos Sem Mídia apurou que está, sim, acontecendo – a concluir que Datafolha e Ibope provocaram divergência de Sensus e Vox Populi de forma artificial e que vai tendo que ser revertida em uma trajetória na qual Dilma sempre acabava, primeiro, ficando mais próxima de Serra até, como se viu na pesquisa Ibope de sexta-feira, ultrapassá-lo, como o Vox Populi previra antes de todos, meses atrás, que aconteceria.

É zero a possibilidade de o Datafolha, por exemplo, estar errando inocentemente, sob a saraivada de acusações que todos os institutos de pesquisa estão sofrendo – e, ainda mais, com uma investigação da Polícia Federal em pleno curso.

O Ibope decidiu recuar devido à cada vez mais clara inexorabilidade da prevalência de Dilma sobre Serra, mas o instituto de pesquisa do jornal Folha de São Paulo – veículo que já publicou falsificação grosseira de ficha policial de Dilma em sua primeira página e que, portanto, não hesita em desafiar a lei –, provavelmente com base na confiança que tem nas relações políticas que o jornal mantém com a oposição ao governo Lula – relações que vão do Poder Legislativo ao Poder Judiciário, passando por instâncias estaduais e municipais do Poder Executivo –, acredita que pode continuar sustentando as chances eleitorais de Serra impedindo a sociedade de saber que tais chances estão diminuindo vertiginosamente.

Em minha opinião, o Ibope tomou uma boa decisão, mas que, entretanto, não elide um passado recente no qual as investigações da Polícia Federal fatalmente mostrarão que ao menos dois institutos de pesquisa cometeram crime eleitoral de uma natureza que atentou escandalosa e gravemente contra a democracia brasileira, a qual todo cidadão decente e consciente tem obrigação de proteger com todo empenho e com toda a convicção, pois esta nação sabe o quanto lhe custou recuperar a sua democracia depois do período de trevas ditatoriais em que foi atirada também por esses que hoje falsificam pesquisas.

72 comments

  • Eduardo, ficou insustentável a mentira do Databranda. Assim como é cada vez pior a situação política de Serra. Isso faz com que todos procurem afastar-se dele. Em Minas, por exemplo, os demotucanos escondem o quanto podem sua ligação com Serra, como constatou a própria Folha de SP. A derrota é contagiosa.

  • Parabéns Eduardo.

    Você levantou a maior arma democrática neste país sobre ameaça. Muitos criticos e defensores ditos democratas nada e nunca o fariam. Para min é uma grande honra ser contemporaneo de um cidadão como você.

    Abraço e vamos a luta. Tens o meu apoio incondicional.

  • Eduardo,

    Com a ultima pesquisa Ibope, o Datafolha ficou com as calcas na mao! Agora, penso que o trabalho da Policia Federal ficou mais facil, escancaradamente facil: o Instituto Datafolha manipula pesquisas eleitorais e comete crime contra a Lei Eleitoral! Simples assim. Com a palavra, a Policia Federal do Brasil!

  • Pensando na frase que diz “O TEMPO É O SENHOR DA RAZÃO”, aproveito para repassar um do Mário Quintana.

    Eduardo, você fez o que tinha de ser feito e no tempo certo.

    Mais uma vez parabéns Eduardo!

    O TEMPO

    A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
    Quando se vê, já são seis horas!
    Quando de vê, já é sexta-feira!
    Quando se vê, já é natal…
    Quando se vê, já terminou o ano…
    Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
    Quando se vê passaram 50 anos!
    Agora é tarde demais para ser reprovado…
    Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
    Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas…
    Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo…
    E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
    Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.

  • A candidatura Serra caminha a esmo e cambaleante, perdendo dia a dia mais e mais apoios; o que é lógico, já que ninguém quer estar num barco afundando. E Serra e seu índio não vêm contribuindo em absolutamente nada, para tentar recuperar uns pontinhos na preferência do eleitorado; o que prova que essa candidatura é natimorta e nunca teve proposta, projeto ou discurso que representasse, realmente, uma alternativa de poder. Agora, o que é de pasmar é que o eleitorado de São Paulo, chamado de "locomotiva do Brasil", apesar de tudo pelo que tem passado, das enchentes aos pedágios abusivos, da absoluta inépcia na educação à insuficiência crônica na saúde, parece que ainda não aprendeu a lição… Se Alckmin se eleger, estará provado que essa "locomotiva" está em carreira baratinada para o descarrilamento total… A "piauização" de São Paulo está mais próxima a cada eleição.

    • será como direi, melancolico se, ao fim de mais outros oito anos, belo dia os entao 40 e tantos milhoes de habitants de Sp, olharem o restante do pais florescendo… a roda alheia girando …a industria toda em outro lugar e se perguntarem: e agora como sairemos desta nossa Detroit?

  • Fico feliz com a notícia, Eduardo. Acredito que se colocar o VP na rua de segunda á sexta-feira da semana que se iniciará, mostrará a maquiagem do Ibope no Sul do País.

  • Pelo andar da carruagem, DILMA deve estar uns 12% à frente. Com certeza, não teremos segundo turno. Ótimo para o Brasil, exceto para os 3%, claro.

  • Aqui em Uberaba, 'braço rural dos "DEMONIOFRENICOS/TUCANOPATAS, um dos seus pares, comumente conhecido como Dr. Marquinhos, Deputado Federal buscando a reeleição, inaugurou dia 30/07/2010 seu comitê eleitoral e, para espanto (?) da platéia, ele simplesmente ignorou o Zépedágio, não há sequer um santinho do dito cujo em seu comitê, tampouco fotos ou algo semelhante – e olha que o tal comitê fica instalado bem no coração da cidade, na mais movimentada avenida.
    Há um ditado popular que diz o seguinte:
    "Quando o navio está naufragando, os primeiros a pularem fora, são os ratos.

  • Eduardo, parabéns pelo seu trabalho nesse blog, pelo seu esforço em nos esclarecer fatos que nos são impostos pela imprensa manipuladora e venal. V. tem nossa solidariedade em relação ao problema sério e angustiante que sua família enfrenta. Espero em Deus que você e seus familiares tenham ânimo para superar tudo isso. No mais, fiquemos atentos. Você e o MSM conseguiram desmontar uma das bombas dos golpistas: a manipulação através de pesquisas. Eles foram atrás de outras armadilhas, que, ao que parece, não estão funcionando também. Mas não descansarão. Tentarão de tudo. Até cadáver pode aparecer. Cabe-nos manter a vigilância e principalmente a tranquilidade. Eles não estão mais desesperados. Estão em pânico!!

  • Esperamos que o inquérito aberto pela PF ande e investigue realmente os institutos de pesquisa Datafolha e Ibope. Imaginem o que seria do país sem a Internet? Com certeza a mentira das pesquisas iria continuar e mesmo aqueles que não queriam votar em Serra, migrariam para ele para, como diziam no passado: "não vou perder o meu voto". Parabéns Eduardo pelo Blog Cidadania e pelo trabalho à frente do MSM!

  • A passos lentos caminha a humanidade, trazendo consigo a sociedade.

    Mas é um movimento bonito. É firme, e vem centrado na certeza que não pode regredir.

  • As coisas acontecem até o povo resolver tomar uma atitude e esta foi tomada pelo povo devido a estes abusos grosseiro de quem sempre fraudou a opinião pública e nunca aconteceu nada!
    A Mídia tem que ter normas, vocês não viram o caso da Gripe Suína, eles tentaram provocar pânico na população com o intuíto somente de ganhar muito dinheiro. Quase todos são apátridas!

  • Até o presente momento ninguém ainda me convenceu de que essas últimas pesquisas do Datafolha o caráter providencial para a candidatura Serra.

  • Parabéns, Eduardo. Está cada vez mais perto o dia em que comemoraremos o fechamento da Folha de São Paulo! Fraudadores, manipuladores, isto é o que eles são!

  • Ouvi falar que detectar fraude em pesquisa eleitoral é muito difícl, no obstante, não resta dúvida que a iniciativa do MSM, a qual dei apoio, força os institutos há pensarem duas vezes antes de fazer besteira. Agora se for possível, e pegarem a Datafraude, por exemplo, será um marco maravilhoso na luta pela democracia.

  • Mas essa Sandra Cureau não é aquela serrista que queria cassar a candidatura Dilma? Estranho.
    Bom, parece que o IBOP agora melhorou, já que mostrou Dilma na frente.

  • Eduardo,

    aqui na minha cidade a oposição já começou a propaganta eleitoral com carros de Som nas ruas e o que mim deixou surpreso é que não estão falando em José Serra, só pedem votos para Jarbas e para os deputados, os senadores são Marco Maciel e Armando Monteiro. Pelo andar da carruagem, o Serra aqui em Pernambuco vai disputar os votos com Marina.

  • E do outro lado estão falando que o Vox Popoli, que é ligado a revista Carta Capital, é lulista por que a Carta Capital é lulista.
    O que tem uma coisa a ver com a outra? A Carta Capital é lulista/dilmista oficialmente, não escondem isso. Por isso não sería interessante que eles direcionassem a pesquisa. Ficaria muito evidênte.
    Já a Folha esconde que é serrista, justamente para poder dizer que o DataFolha é isênto.
    Como esse povo tenta virar o jogo!!! Que caras-de-pau!!

  • Edu

    Eu notei que o Ibope sempre foi mais moderado que o Datafolha em suas manipulações.

    Exemplo: Em Abril quando Sensus e Vox diziam que Dilma e Serra estavam empatados, o Datafolha aparecia com uma diferença de 10 pontos a favor de Serra e o Ibope reduzia essa vantagem para 6 pontos a favor de Serra.

    O Ibope em sua séria histórica , sempre colocou Serra em patamares inferiores do Datafolha.

    Notei também que o Ibope, quando contratado pela CNI, se aproximava muito dos resultados da Sensus e da Vox

    Mas quando contratado pela Globo, o Ibope ficava mais perto do Datafolha.

  • É uma piada que setores da sociedade tenham que pressionar os ministérios públicos e demais autoridades constituídas para que estes “enxerguem” que uma nação inteira pode estar sendo lesada nestas pesquisas de intenção de voto. Mas ainda bem que têm pessoas como Eduardo Guimarães para jogar água no chopp do PIG.

  • É uma piada que setores da sociedade tenham que pressionar os ministérios públicos e demais autoridades constituídas para que estes "enxerguem" que uma nação inteira pode estar sendo lesada nestas pesquisas de intenção de voto. Mas ainda bem que têm pessoas como Eduardo Guimarães para jogar água no chopp do PIG.

  • Aqui em Uberaba, 'braço rural dos "DEMONIOFRENICOS/TUCANOPATAS, um dos seus pares, comumente conhecido como Dr. Marquinhos, Deputado Federal buscando a reeleição, inaugurou dia 30/07/2010 seu comitê eleitoral e, para espanto (?) da platéia, ele simplesmente ignorou o Zépedágio, não há sequer um santinho do dito cujo em seu comitê, tampouco fotos ou algo semelhante – e olha que o tal comitê fica instalado bem no coração da cidade, na mais movimentada avenida.

  • Caro Eduardo
    Também questiono a pesuisa de Alckmin.
    Dilma, Lula e Marta todos com melhor pontuação e o Alckmin estourando?!
    Ai tem coisa.
    Saudações

  • Enquanto o presidente Lula emociona o país com seu trabalho e sua precupação com o povo, Dilma segue o mesmo caminho, respaldada pelo presidente e o país melhora a olhos vistos, o que faz o Databranda? O Databranda se afunda mais e mais no seu direitismo arcaico, rasteiro, rascista e antisocial. Parabéns pelo excelente trabalho, Eduardo, atitudes como a do MSM deixam o PIG com os cabelos em pé e as barbas de molho…

          • Bullshit….vc esta colocando coisas na boca do candidato.
            Falar isto em cima de um palanque da Dilma é gravíssimo:
            "Eu tenho que respeitar a lei de um país, mas se vale minha amizade e o carinho que tenho pelo presidente do Irã (Mahmoud Ahmadinejad) e pelo povo iraniano, se esta mulher está causando incômodo, nós a receberíamos no Brasil…Já que minha candidata é uma mulher, eu queria fazer um apelo a meu amigo Ahmadinejad, ao líder supremo do Irã e ao governo do Irã."

            Afinal, quem esta no palanque?? o Presidente da República ou o Lula cidadão??

  • Eduardo, este pessoal não nos dá folga, mesmo. É uma palhaçada que não tem fim. Pois não é que, apenas uma semana após a divulgação de sua pesquisa atual, o IBOPE, sob encomenda novamente da Globo e Estadão, já estará fechando nova pesquisa? Olhe só: http://www.tse.gov.br/sadAdmPesqEleAvisos/procDet… . Já começaram a coleta das entrevistas hoje, e terminarão na próxima sexta-feira.

    Mas alguém, por favor, me esclareça por que motivo um mesmo contratante – a Globo – encomendaria duas pesquisas junto ao mesmo instituto, em um espaço de uma semana? Qual o cabimento disto? Acaso o eleitorado brasileiro troca de preferência como troca sua roupa íntima?

    Meu palpite, já que se tornou fácil demais antecipar as tramóias do PIG e suas pesquisas de ocasião: a nova pesquisa irá apontar novo crescimento de Serra, provavelmente levando a novo empate técnico com Dilma. Com que justificativa? O glorioso debate entre os candidatos à Presidência da República, a ser travado na quinta-feira à noite, na Band. Debate este onde, como sempre, aconteça o que acontecer, para o PIG, Serra será o vencedor. E contando, “as usual”, com as manipulações do amigo Mitre, além da torcida da claque malufista que a Band sempre organiza em sua plateia.

  • .
    Que ninguém baixe a guarda.

    Pela movimentação da articulação midiática do Millenium,

    há fortes indícios de que estão preparando uma manipulação pós-debates.

    .

  • São grandes as chances da vitória de Dilma. Se ela ocorrer, ela, o PT e o povo brasileiro estarão em dívida com você, Eduardo, pois uma parte dessa vitória dever-se-á à corajosa iniciativa de acionar a Justiça Eleitoral.

  • Eu estava lendo os Blogs ditos "Progressistas" esta manhã e fiquei estarrecido de observar um comportamento análogo em todos. Me parece que o tempo todo os progressistas demonstram uma atitude meio que de vítima, tipo cachorrinho da pata quebrada.
    Lendo os textos percebi que todos ficam o tempo todo se lamentando das falcatruas deste ou daquele instituto de pesquisa, chorando as mágoas da incompreensão pelo fato dos progressistas não serem levados a sério.
    Tudo indica que isto é um prenúncio de antecipação da defesa das denúncias que estão por vir no horário eleitoral gratuito e nos debates. Me parece que apesar do Lula ter 97% de aprovação, a Dilma não convence. Mas todos fazem um esforço tremendo para validar a candidatura, mesmo a contragosto, só pq é indicação do Lula. Vejo nas linhas esta ênfase em mostrar características que definitivamente a candidata não tem. Tudo que é progressista ficou muito cabisbaixo, não vejo empolgação e principalmente não sinto a própria convicção daquilo que esta tentando se vender.
    Sabendo que a mercadoria é muito frágil e não se mantém sozinha, os progressistas ficam o tempo todo defendendo, entrincheirados, sempre na mesma toada, parecendo tentarem se auto-convencerem de algo que não existe.

    • E o que dizer dos blogs que você acredita que são progressistas ficarem tentando salgar carne podre, vendendo um Serra antipático e elitista como o suprassumo do democrata.

  • Interessante tema que vc poderia abordar seria, como a pressão na internet, blogs e outras manifestações públicas conseguiram mudar a posição do Lula quanto a Iraniana adultera, condenada à morte por apedrejamento em praça pública.

    • Meu caro, você não vê que Lula está certo, sempre? Estava certo quando se recusou a falar com o Armadinejad sobre a adúltera, e agora está certo ao decidir ligar pra ele e pedir quer não apedregem a pobre coitada. Entenda que ele está certo também ao mudar de opinião, pois, como ele mesmo disse, prefere ser uma metamorfóse ambulante, do que ter a mesma opinião sempre.

  • Espero que sua informação(de que a investigação da PF está de fato acontecendo)esteja respaldada em fatos concretos. Afinal, essa é a PF de Luiz Fernando Corrêa(não mais de Paulo Lacerda), a qual nunca produziu um relatório para desmentir a absurda estória do "grampo"(montada por Gilmar Mendes e Demóstenes Torres para derrubar o corretíssimo ex-diretor da PF, Paulo Lacerda), uma investigação absurdamente simples, cuja não resolução mostra o grau de influência política na organização. Sem contar que pesam acusações, sobre o atual Diretor da PF, de ter torturado um ex-empregada doméstica de uma sua parente, por suspeitar que a doméstica fôra cúmplice em um roubo na residência da patroa, fato que deixou a tal empregada cega. Sem contar a perseguição fascista que é feita ao HONRADO Delegado Protógenes Queiroz, por este ter tido a ousadia de prender o pilantra Daniel Dantas e levar a cabo uma investigação, a operação Satiagraha. Continua…

  • Continuação : Operação Satiagraha que, pela primeira vez na História deste país, denunciou a a elite brasileira em seu crime secular de apropriação pessoal do patrimônio nacional, neste caso nas privatizações de FHC. Portanto, não podemos elogiar a PF(depois da saída de Lacerda)por seu Republicanismo. Quanto à pesquisa IBOPE, um dado interessante a se notar : Não conheço a metodologia do instituto(ao contrário da do Datafolha, a qual já foi desmoralizada na web, pelas absurdas alterações que fez no espaço amostral : só entrevistou pessoas com telefone, o que elimina 30% do país, aumentou a participação amostral de 8 estados, diminuindo desproporcinalmente a dos 19 restantes)

  • Continuação : Resultado que provavelmente será também mostrado pelo Sensus, uma vez que os números desses institutos sempre foram semelhantes. Os números do IBOPE, como já mencionei, se observados com atenção,embora mostrem a dianteira de Dilma, ainda "oxigenizam" um pouco Serra, afinal, considerando-se a margem de erro"padrão"de 2%, normalmente usada nas pesquisas e que parece ser a adotada pelo IBOPE, o resultado do instituto 39% para Dilma e 34% para Serra, poderia ser 37X36(dentro da margem), o que equivaleria a um quase empate. SE OBSERVARMOS OS NÚMEROS DO VOX POPULI NÃO HÁ POSSIBILIDADE DE EMPATE, 41% PARA DILMA E 33% PARA SERRA, NA PIOR DAS HIPÓTESES DA MARGEM DE ERRO, CONVERTE-SE-IA EM 39×35, O QUE ESTÁ BEM LONGE DE UM EMPATE. Continua…

  • Continuação : Todavia, também podemos afirmar que os números do IBOPE afastam-se dos do Datafolha, que apontaram um empate no "centro" do cálculo(no IBOPE esse empate é apenas uma variação da margem de erro. O centro, resultado mais provável e que de fato chega ao público, mostra Dilma na dianteira). E o que esses resultados do instituto provam? Que, como já disse, o IBOPE escolheu o meio termo, nem abandonou completamente a falsificação, nem aderiu a ela de maneira plena. Se os números do instituto guardam alguma semelhança com os Datafolha; que são uma falsificação grosseira, como já mostrado, devido às escandalosas alterações que o instituto da Folha de São Paulo realizou no espaço amostral; é porque não foram realizados com um rigor científico completo. do contrário, teriam asseemelhado-se completamente aos do Vox Populi. Continua..

  • Continuação : Teriam asssemelhado-se completamente aos números do Vox populi, porque a confiabilidade deles é garantida,;não porque são favoráveis a Dilma, como poderia insinuar algum fanático de direita que ler esse texto; mas porque a metodologia de definição da amostra do instituto(principal criitério para garantir-se a confiabilidade de uma pesquisa) nunca recebeu nenhuma crítica, nem mesmo dos conservadores. Até hoje as críticas feitas ao Vox Populi resumiram-se a amenidades sem importância, não baseando-se em quaqualquer critério científico. Qualquer estudante de Estatística pode confirmar isso. Desse modo, se o IBOPE adota o "caminho do meio", pode ser porque já sente a pressão da Sociedade, gerada pela Representação do MSM e pela força da web, o que torna ainda mais necessário que essa pressão mostre-se eficaz, tanto garantindo que a PF não "sente em cima do inquérito", como "reforçando-o" com as novas informações que a ONG pretende juntar às investigações(espero que o mais rapidamente posssível).

  • Acho que o Serra deu um tiro no Pé. Ele fugiu dos Militares, sem razão nenhuma, fugiu da Prefeitura de São Paulo, agora fugiu do Governo paulista. Será que não corremos o risco, se ele ganhar, espero que não, ele não de uma de Janio.? Guardadas as devidas distancias , governar um estado como Sao Paulo é tão ou mais importante do governar o Brasil.

Deixe uma resposta