FHC fez sumir a foto que tirou com Maluf; Lula conseguiria?

denúncia

 

A foto que emoldura este texto é rara. Foi preciso esforço para encontrá-la. E não foi achada em arquivo de algum órgão de imprensa, mas perdida em alguma página esquecida da internet. É de 1998, durante um dos vários encontros públicos que Fernando Henrique Cardoso e Paulo Maluf tiveram naquele ano. A foto de um deles foi parar em um outdoor que a campanha malufista ao governo do Estado espalhou pelas ruas de São Paulo.

Não há paulista que não se lembre dos outdoors em que FHC, Maluf e o seu candidato a vice, Luiz Carlos Santos, apareciam perfilados e sorridentes. Havia um outdoor daqueles em cada esquina. Todavia, na internet, onde a história mais recente do país está registrada em incontáveis milhões de fotos, não se acha uma só imagem de cena que agora que se deu com Lula poderá ser encontrada daqui a um século de tantas reproduções que já recebeu.

Àquela época, apesar de alguns raros textos jornalísticos terem tocado no assunto, nenhum veículo estampou a imagem de FHC e Maluf com destaque sequer parecido com o que foi dado à foto de Lula com Maluf tirada durante esta semana. É mais do que óbvio que há registros daquela imagem, ao menos pela imprensa. Porém, algum interesse levou a grande mídia a sumir com ela. Que interesse será, não?

Não acredito que Lula venha a tentar apagar esse momento de sua biografia – Lula não é dado a esse tipo de covardia. Mas, se quisesse, certamente não conseguiria. Não só por sua foto ao lado de Maluf, à diferença da de FHC com o mesmo Maluf, ter ido parar na primeira página dos principais jornais do país, mas, também, porque eles não fariam pelo petista o que fizeram pelo tucano.

Em benefício da memória do país é preciso corrigir tal distorção. Não tirando a foto de Lula e Maluf dos arquivos dos jornais, mas trazendo para a internet imagem que mostra FHC indo muito mais longe do que o petista ao apoiar a eleição do mesmo Maluf – e, ainda por cima, contra o candidato do PSDB que o enfrentava, Mario Covas. Não se pode permitir que a imprensa partidarizada e políticos covardes mutilem a memória do país.

—-

Aqui, mais fotos dos amigos FHC e Maluf à época

 

 

151 comments

    • Ao tentar explicar a união entre o PP-PT em São Paulo, dá-se um vale-tudo histórico; isto é: vão buscar Churchill mais aliados versus Hitler; passando pelo Carlos Prestes que apoiou Getúlio e, posteriormente, Juscelino; pela adesão do saudoso Ulisses Guimarães ao político pernambucano Nilo Coelho, um ex-governador biônico; a foto de FHC e Maluf; e outros mais. E, agora, veem com a explicação que se o Maluf apoia-se o PSDB- como era vislumbrado no início da configuração de aliados- a imprensa ficaria muda. De certo sim, mas não explica o cerne da questão: o histórico-político da importância que representa o PT nas lutas em prol dos movimentos sociais; contra os abusos cometidos na ditadura; abraçar a figura( Maluf) representante dos valores opostos aos cingidos pelo PT. É, sem dúvida, a união da matéria com a antimatéria e, por conseguinte, o aniquilamento de ambos; sem esquecer da liberação de luz pelo coque dos partidos: representada pela foto ( Lula-Haddad-Maluf). Não adianta justificar a coalizão com centenas de experiências políticas passadas, é o mesmo que caminhar em círculos concêntricos, sempre volta ao mesmo ponto da discussão: Por que o PT aceitou o apoio do PP de São Paulo e ainda posou para foto?

      • Pelo mesmo que FHC, por conveniência política. Nessa época, O PRESIDENTE DA REPÚBLICA apoiou a candidatura de Maluf contra o candidato do seu próprio partido e isso não foi capa de jornal. Esse é o sentido do post. Se quiser ler meu blog nos dias anteriores, descobrirá que fui o PRIMEIRO a criticar a aliança que estava sendo costurada. Seu comentário não tem propósito, mistura uma queixa pela supressão da memória do país com defesa da aliança. Uma tolice.

          • O mesmíssimo comentário no PHA assinado pelo “Zé Peixoto”.
            Entendo a posição do Edu que é muito sensata. Mas, ainda não estou convencido que a jogada do Lula seja um desastre. Não é a toa que o Raul Castro o considera um gênio político. Deu o que falar, não resta dúvida, promoveu o Haddad como sendo o candidato do Lula e não do Maluf, a foto a funcionar como instrumento de marketing pela controvérsia que gerou. Quanto mais a oposição mostrá-la e divulgá-la, mais Haddad será associado à imagem do Lula, Maluf seria um contraste negativo para uns mas não para o seu eleitorado cativo e a mensagem principal (Haddad é Lula) acabaria reforçada pelo fato inusitado, diferentemente da foto Maluf=FHC quando não haveria qualquer “surpresa” na união dos dois, tão similares por terem raizes nas elites e governarem para grupos minoritários. O tempo mostrará se de fato foi um erro, porém estou convencido que o Serra perderá esta, o paulistano está saturado da sistemática incompetência dos pseudo-administradores dos últimos anos e optará pela mudança. Não sei bem qual o percentual daqueles que em SP votam invariavelmente no Maluf, não é pequeno. Este percentual se diluirá e não se somará ao do Serra. talvez esteja aí a outra face da cartada do Lula.

        • Já que é para fazer reconstituição histórica, porque o Sr. não levanta também a opinião dos petistas e esquerdas em geral sobre o significado da associação PSDB/Maluf? Na época era considerada por TODOS os citados como “espúria”, “imoral”, pacto corrupto”, etc.

          Agora tem muita gente aqui chamando tal coligação de virtuosa, pelos supostos dividendos eleitorais, exatamente a mesma motivação que criticaram nos opositores. Se há hipocrisia, meu caro, há nos dois lados. Ninguém tem moral para apontar o dedo para o outro nesse caso, sem ser duplamente hipócrita e cínico.

        • Na Obra do Orwell, 1984 ele já falava no conceito de “impessoa”, o que consiste em apagar toda a história de um insurgente. A direita adora atribuir as obras do Orwell a Stalism e ao comunismo, mas a obra dele fala sobre ditaduras, sobre o que vemos hoje em dia a mídia fazer com os que não se alinham.

  • Edú, tenho certeza de que vc me permitirá este off topic para conclamar os brasileiros e exigir do nosso Governo uma atitude rigorosa contra o golpe perpetrado pela direita no nosso vizinho e irmão Paraguay.
    Além dos tratados que obrigam o Governo brasileiro a REPUDIAR o golpe com TODAS as armas necessárias, há que respeitar o regime democrático do Paraguai, país que sofreu por séculos a mais cruel opressão e só agora começa a recuperar sua merecida dignidade.
    É hora de mostrarmos que integração latino-americana e construção da Democracia no continente não são apenas palavras e chavões de discursos: o Brasil tem que dizer claramente que NÃO reconhecerá qualquer governo golpista naquele país, e usar até de Itaipú para isolar os eventuais autores desta agressão às leis e ao Direito Internacional.
    SOMOS TODOS PARAGUAYOS, CARAJO!

    • Pelo que eu saiba foi instaurado um processo de impeachment pela câmera dos deputados daquele país. Por enquanto não há golpe, apenas um processo.
      No entanto, caso os congressistas votem pela cassação do mandado do presidente, isto seria uma decisão democrática, como no impeachment do Collor, ou não?

        • Ah, certo.
          Realmente.
          Claro que não foi culpa dele a morte de 17 na desocupação de terras.
          Alkimim também fez uma desocupação desastrada no Pinheirinho. Mas aí não houveram mortes, graças à Deus.
          Se tivesse havido mortes, Alkimim deveria sofrer processo de impeachement também?
          Eu mesmo respondo, se devería não sei, mas provavelmente não sofreria o processo de impeachment porque, ao contrário do Lugo, Alkimim controla os deputados do estado.

          • Com tal argumento seria bom lembrar o massacre dos Carajás/PA., onde 17 pessoas foram mortas, fuziladas. Não aconteceu o impichamento do governador do Pará, muito menos do presidente da República à época. Seriam esses executivos do partido dos tucanos?

          • Estão se esquecendo de Eldorado dos Carajás.
            Quantos morreram naquele massacre?
            Quem era o governador do Para? Era do PSDB.
            Quem era o presidente da República? Era do PSDB.
            Também deveriam sofrer impichman?
            A tucanada é responsável por aquela matança.

        • O governo do Paraguai é minoritário na câmara e no senado do pais. É por isso que se precisa fazer alianças para garantir a governabilidade. É a política caros, que não é para os de estômago fraco!

      • Duas horas para a acusação, em cada Casa, e duas horas para a defesa do Presidente Lugo. Processo sumário. Se vc acha isso democrático, eu chamo de golpe disfarçado, privação do legítimo direito de defesa, golpe de Estado. É como se o presidente mandasse fechar o Congresso em 48 horas, só isso.
        Em Honduras juntaram-se Legislativo e Judiciário, mas foi uma quartelada, só parcialmente revertida pela reação internacional (os EUA, claro, logo reconheceram os golpistas, assim como Israel. Só os dois).
        Ou seja: golpe no século XXI tem alguma maquiagem, mas não dá prá mudar de nome, concorda?

      • Posso estar enganada, mas o “processo” de impeachment pode terminar amanhã mesmo. Os Deputados votarm hoje e, amanhã, o Presidente Lugo terá duas horas para apresentar sua defesa perante o Senado e depois haverá a votação. Os representantes de vários países, que estão no Rio, estão mandando uma missão ao Paraguai para acompanhar o processo. Parece que també há mobilização popular para defende-lo.

        • É uma farsa este “impeachment”, o novo nome de golpe de Estado que a velha direita inventou. Se isso prosperar (no que não acredito) será culpa do Brasil, do Mercosul, da Unisul. Em seguida a direitona sem votos e entreguista tentará o mesmo com Evo MOrales, depois com Mujica (aquele presidente que dos 25 mil dólares de salário vive com apenas 1.500, um monstro de honestidade a ser eliminado) e com todos os que tentam dar comida a seus povos. Povos depauperados pela direitona civil escondida atrás das armas dos milicos treinados no Panamá.
          Estou indo ao Paraguai, porque ali joga-se o destino da Democracia em nosso continente. Já tenho 56 anos bem vividos, medo eu perdi na ditadura brasileira. Vou cuspir na cara dos golpistas de lá. Se sobreviver, volto prá Holanda, onde o Governo da Rainha Beatrix, vítima da invasão nazista, recebe pessoas honestas com toda lealdade e respeito.
          Se o governo brasileiro cortar a energia de Itaipú por meia hora, os golpistas saberão se entregar, e sairão algemados dos palácios, como manda a lei paraguaia, e como determinam nossos Tratados. Golpe é crime, lá, aqui ou em qualquer país democrático do mundo.

    • Antonio,
      Estou acompanhando bem de perto o processo. O que o Pres. Lugo está sofrendo é um justiçamento. O PiG Paraguaio é ainda mais pestilento que o brasileiro. Ele está sendo esquartejado pelos jornais e tv’s do PiG de lá. Golpe dos reacionários que durante 65 anos constituíram o poder através do Partido Colorado, que inclusive era o próprio partido dos presidentes da ditadura paraguaia (Strossner e Cia.). Eles perderam o poder para um grupo relativamente progressista, mas que não estão conseguindo se sustentar no poder. Para se ter uma idéia, os índices de corrupção no Paraguai, fazem Demóstenes e Cachoeira parecer cidadãos corretos. O povo Guaraní é mais pobre e mais sofrido que os Nordestinos Brasileiros. E depois de muito tempo algumas ações foram feitas para que houvesse alguma inclusão social. Os reacionários burgueses (que diga-se, são muito poucos, mas muito ávidos pelo dinheiro fácil) consideram Lugo um socialista terrível e querem retomar as tetas meio ressecadas, mas que eles tradicionalmente sugaram. A classe média está manipulada, e as classes menos favorecidas não tem acesso a informação e estão sendo as maiores vítimas desse golpe.
      Concordo que o Brasil e os demais países latino americanos devem urgentemente tomar uma posição e impedir o golpe em andamento.

      • A UNASUL tem que exigir pelo menos mas tempo para o presidente Lugo se defender. Caso isso não ocorra, e Lugo sofra o impeachment, será um impeachment legal, porém ilegítimo.
        Mas mesmo ilegítimo, Lugo só teria o caminho da justiça para reverter a situação. Caso contrário só um “contra-golpe”. Mas a UNASUL se sujeitaria? Como?
        Nó difícil desatar, como foi o nó de Honduras.

      • O único problema é que um processo de impeachment, geralmente é feito de forma “legal”, pois são votos do congresso, cujo parlamentares possuem liberdade de votar como quiserem. Não tem como se provar que parlamentares paraguaios foram financiados pela CIA ou outros interesses externos que venha a favorecer a queda de Lugo. Isso é uma hipótese.
        O pior é que não podemos nem mesmo expurgar o Paraguai do Mercosul, pois o impedimento se daria de maneira “democrática” e não por golpe de estado.
        Depois de Honduras e agora no Paraguai, temos que ficar alertas para os objetivos geopolíticos dos EUA aqui na América do Sul. Se não conseguem incluir seus pares no voto, vai no golpe mesmo.

      • Muito bem GILSON. Há um mês atrás eu estava na Europa e recebi um e-mail de uma jornalista pedindo minha opinião sobre o golpe em andamento no Paraguai. Respondi que não acreditava que a direitona do país vizinho ousasse esta eventura criminosa.
        Eu estava errado, penitencio-me. A direitona fascista está mais forte e ousada do que nunca, confiando no apoio dos EUA (que Lugo impediu de instalar bases militares no seu país). Eis aí o monstro de pé, disfarácdo neste julgamento falso que, em menos de 48 horas, pretende derrubar um governo legítimo, democrático, constitucional.
        Por favor, continue acompanhando e denunciando os fatos dramáticos. Estou indo ao Paraguai para ver de perto até onde chega a covardia desses canalhas nazistas, herdeiros de Stroessner e dos escravistas que reduziram o maior país da América Latina ao segundo mais pobre, depois do Haiti.
        Hoje SOMOS TODOS PARAGUAYOS, CARAJO!!!

  • Eu penso pelo lado bom da coisa:

    Fernando Henrique, Serra, Aécio, etc. são farinha do mesmo saco, nada demais estarem ao lado do Maluf, contudo Lula possui outro perfil, o do negociador numa guerra inglória, suja, não dá para sair limpinho dela, há que sujeitar-se a algo menor para seja alcançada a meta maior. Vamos levar uns sopapos, mas com a certeza de estarmos reciclando merda! O cheiro é de lascar, mas os objetivos são nobres!

    • Por um lado vc está certo, mas Lula teve que fazer acordos para conseguir chegar a presidência e governar, e mesmo assim quase foi derrubado. No fundo ele está repetindo uma estratégia que deu certo. Mas é duro ter estômago para aguentar.

      • Marcos, não tive a mínima intenção de justificar e nem transformar isso em algo fácil, apenas acho que temos de lutar com as mesmas armas… cansei de bancar o bonzinho e só tomar na cabeça (para não dizer em outro lugar menos apropriado!)
        É ilusório a ideia de que seremos eternamentes virgens nos ideais, adoro as ideias do Celso Lungaretti, mas chega de ver miséria, quem tem fome, tem pressa!

  • Edu, parabéns pelo esforço dessa joia que vc encontrou!
    Isso explica uma resposta a um certo jornalista da folha dada por este senhor a respeito a foto Lula e Maluf.

    Outro ex-presidente que estava ontem (20.jun.2012) na Rio+20 era Fernando Henrique Cardoso. Convidado a avaliar o episódio da foto Lula-Maluf-Haddad, ele disse que essa aliança é sinal de aproximação cada vez maior dos partidos que ficam compelidos a ampliar suas coligações para conseguir vencer uma eleição –por causa da necessidade de ter tempo de TV no horário eleitoral.

    A respeito do efeito político eleitoral da foto, FHC diz o seguinte: “Vai depender de como a oposição usará esse fato na campanha. Mas não acredito que muitos possam fazer uso desse episódio, pois já se aliaram também ao Maluf e a outros partidos”.

    http://fernandorodrigues.blogosfera.uol.com.br/author/frodrigues/

  • O fato do malígno FHC estar abraçado ao malígno Maluf não é notícia. A verdadeira notícia é o malígno Maluf estar abraçado ao santo Lula.

    • Ora pronobis, a santidade está no santo acolher o maligno e não o maligno acolher o maligno, pois aí teremos a malignidade ao quadrado, principalmente tratando-se de políticos, né?.

      Pelo menos era isso que ensinavam os santos antes de perderem-se entre os coríntios.

      • …aqua foto… Hummmm… Aquela foto tá doennnndo…
        Vai passar. Sei que vai passar. Sei tambem que politica é um modo de engulir sapos…

  • Grande Eduardo!!
    É por isso que não deixo de ler seu blog. Com essa foto você lava nossa alma!!!
    Eu também sempre quis ficar longe do Maluf mas se o nosso querido Lula acha que devemos nos aliar a ele quem sou eu para discordar… Boto todas as minhas fichas nesse jogo do Lula. Ele sabe o que faz!!!!
    A esquerda, às vezes, me dá uma raiva imensa. A gente perde por causa desse tipo de divisão. Acho que quem quer ser anjo deve ir à igreja rezar. Não se faz política sem sujar os dedos, todos sabemos disso.
    A Erundina pensou só nela, se subordinou à midia e aos éticos (e chatos) de sempre e ainda deu munição à oposição. Ô vida!!!
    Temos tempo ainda. Quem sabe não aparece um vice melhor?
    Grande abraço e um beijo na Victoria.

    • Rose querida.

      Realmente nesse nosso modelo de política temos que nos aliar até ao diabo para combater o demônio.
      O problema é que o demônio de hoje pode ser o diabo de amanhã, nosso aliado.
      Por isso, tremo nas bases de imaginar no futuro Lula de mãos dadas com Serra.

      Beijos.

    • Lula deu um golpe de mestre, esconderam a candidatura do fernando, com essa divulgação dos últimos dias, vocês verão como o candidato vai subir nas pesquisas. Proibiram o programa do pt, o Lula achou seu jeito de divulgar.

  • Os únicos que sentem vergonha dessa coligação são os próprios petistas. O grande problema é que o PT se endireitou, mas tem muito petista que ainda sonha com o socialismo, luta de classe blá blá blá. Estou vendo aqui um abaixo-assinado pedindo para acabarem com essa parceria Lula-Maluf, vejam que maluquice. Não enxergam que 1′ 40” de TV faz uma grande diferença

    Eu não entendo qual o interesse que a impressa teria em divulgar uma foto de FHC e Maluf de anos atrás. Talvez saudosismo, sei lá. Aqui eu até entendo, e quer dizer: “Olha!! Eles fizeram, a gente também pode fazer”.

    Tá certo, tudo de “ruim” converge para a herança maldita deixada por FHC.

  • Discordo do seu comentário ” Não há paulista que não se lembre dos outdoors em que FHC, ….”. A falta de memória do povo brasileiro é doentia, mas a foto vale ouro.

  • Eduardo, vc com esse discurso está tentando minimizar a lambança do Lula ao se juntar ao Maluf.
    Não é por aí, rapaz. Esqueça o Fernando Henrique. O bizarro desta história está no fato de que
    Lula, que tem um passado político fortemente marcado por vinte e tantos anos de lutas pela ética,
    pela decencia no trato da coisa pública, do nacionalismo, da transparência nas ações de governo,
    vem, nos últimos anos, desfigurando essa imagem construida com suor e lágrimas.
    Esse escorregão ao se aproximar de Maluf é apenas a culminancia de algo qe já vem se desenhando
    há alguns anos. É uma demonstração de que está decidido a alcançar seu projeto de poder e por
    ele pagar qualquer preço. Foi mordido pela mosca azul. Nada vai afasta~lo desse objetivo.
    Para atingi-lo até Maluf ele engole.

      • Com certeza!!! Lula colocou seu prestígio em risco, não precisava. Mas, a eleição em São Paulo é estratégica. Anular Maluf nas eleições foi o objetivo. Ou alguém acha que se não estivesse com Haddad, não estaria com Serra.? Não são só os minutinhos de propaganda eleitoral. Maluf não vai ajudar muito, mas, foi tirado do caminho para não atrapalhar. Ele não está sendo apoiado para nenhum cargo eletivo, está-se apenas aceitando seu apoio através de seu partido.

          • Cara, não podemos nos ater em coisas menores. é por isso que o PSDB/DEM/ARENA domina são Paulo! Eles divergem internamente, nunca externam suas picuinhas! Por mais que isso me doa, não posso mais ver meu país sendo governado a reboque de São Paulo, devido ao egoísmo (talvez arrogância seja mais adequado) de seus eleitores! Nem entro no mérito de Sampa ser ou não o carro chefe, não tenho nenhum problema com isso, tenho é com a política exportada por ele ser a maioria no Congresso!

  • Meu caro Eduardo, o Nassif publicou ontem em seu blog uma foto da Erundina recebendo apoio do Maluf, que tal publicar também essa foto em seu blog.
    Um grande abraço.

  • Eu apoio qualquer “bosta” que o PT fizer para tirar os Tucanos de SP ,SP…

    03/06/2001 – 23h57

    “FHC fez PFL apoiar Maluf contra Covas em São Paulo, diz ACM

    O ex-senador Antônio Carlos Magalhães (PFL-BA) disse que o presidente Fernando Henrique Cardoso obrigou o PFL a apoiar a candidatura de Paulo Maluf (PPB-SP) contra o governador Mário Covas (PSDB-SP) nas eleições para o governo de São Paulo em 1998.

    “Eu não queria falar isso porque o Covas já morreu, mas o FHC fez isso para conseguir os votos dos dois candidatos para ele”, disse ACM em entrevista ao programa “Passando a Limpo”, da “Rede Record”.”
    http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u20734.shtml

  • FHC que recebeu dinheiro da Fundação Ford,em 1975,para criar o CEBRAP,sempre esteve alinhado com a corja malufista,antes de criar a sua propria corja,a corja tucana.O dinheiro recebido pelo Tartufo tucano para fundar o citado instituto de pesquisa,foi intermediado pelo José Serra,que na época se encontrava nos States,após ter ¨fugido¨do Chile,consumado o golpe de estado contra Allende,em setembro de 73.Nem era preciso essa foto,porque isso ja faz parte da historia.

  • Sem estresse, gente, o Haddad vai vencer a eleição em São Paulo, e é isso o que realmente interessa. A “pisada na bola” do Lula/PT vai sumir na poeira logo, logo. Militância é importante, mas não tem voto suficente para vencer eleição. Quem decide um pleito eleitoral é o povão.

    P. S. também não gostei da foto e das circunstâncias em que foi gerado o fato, mas paciência, agora é arrumar o estrago e seguir em frente. Ver o Zé Serra longe da política é o que importa.

  • Malufar, todos malufaram. Ontem ele ainda tinha algum prestígio político, hoje só restou o tempo de televisão. Maluf está com menos prestígio que o Tiririca. Tanto não tem prestígio nenhum que não levou nem a tal Secretaria Nacional de Habitação no Governo Federal, que permanecerá com Inês Magalhães. Afinal, o Minha Casa, Minha Vida passa por lá, e A Presidenta não quer barulho nem problemas futuros. Mas parece que a CDHU do Governo Alckmin vai sair das mãos dos malufistas. Cadê a moeda de troca pelo apoio ao PT de SP?

  • Prezado Eduardo: Ao leitor Antonio Barbosa Filho (17:38) O problema do Paraguai é o desejo de um pais do norte querer instalar ali uma base militar com desculpas de combater o narcotráfico e terrorismo na tríplice fronteira.Lá, os caras já têm uma pista de pouso e só falta dar uma “boa garibada” para deixá-la em condições operacionais.Como sabem que com o atual presidente não vão conseguir, estão dando um golpe branco.

  • Boa parte da Blogosfera criticou a desastrada aliança do PT com Maluf. Inclusive este site.

    Um dos motivos da crítica é justamente o fato de que a vida política de Maluf combina, sim, com FHC, Serra, Alckmin e Kassab, mas não com Lula.

    O PT deu, de graça, uma arma poderosa para que o PIG use à vontade: as fotos de Lula e Haddad com Maluf. Podemos ter certeza que essas fotos serão a peça principal da artilharia do PIG contra Haddad.

    • Aí é que DEVE entrar o programa de governo que (esperamos nós) a coligação do PT/Haddad deve ter, mostrando tudo de bom que pode ser feito para os paulistanos que não se interessaram em fazer nestes muitos anos de demotucanato.

      Dá pra sair por cima, apesar de todos os pesares.

      Mas tem que mostrar ação/decisão/vontade de mudar São Paulo de liberta-la dos grilhões da escravidão aos quais se encontra aferrada.

    • Novamente você prega um crime federal, acho que o jeito é denunciar você à Polícia Federal para que explique se quer golpe também no Brasil, até porque há outros comentários seus pregando isso abertamente. Fazer o que você faz seria crime até nos Estados Unidos.

  • O Lulla deveria pedir ao Maluf que se filiasse ao PT de uma vez. Não há razão para ter vergonha de Maluf. Vou insistir mais uma vez: o apoio de Maluf a Haddad só servira para alavancar a candidatura do petista, que sabidamente não ia bem. Haddad já tem o voto de boa parte de meus parentes paulistanos, todos malufistas há três gerações. Maluf apoia a Rota nas ruas, ideal com o qual, confesso, estou totalmente de acordo. Precisamos da Rota nas ruas no interior também. Fiquem tranquilos, Haddad vai crescer muito. Vai vencer Serra fácil, fácil.

  • FHC fez sumir a foto que tirou com Maluf; Lula conseguiria? Respondo com outra pergunta: Por que o faria? Como marqueteiro intuitivo já comemorou a repercussão da foto com Maluf. Como diz o ditado, falem mal, mas, falem de mim. Jânio Quadros parece ter sido o primeiro político brasileiro a explorar com eficiência o marketing gratuito. Criava factoides para estar sempre na mídia. Maluf, Collor e o próprio Lula devem ter aprendido muito com ele. Lula já disse que não podemos fazer alianças com seres extraterrestres, mas, com os políticos que aí estão. Enquanto o político não for cassado por seus pares, ou condenado definitivamente pela Justiça, está disponível para o que der e vier. Todos os partidos agem assim, menos o PT que é cheio de brios. O próprio partido se autolimita, quando não é obrigado a se abster de alianças pelo PIG ou pelos outros partidos, que se divertem com seu constrangimento. Não adianta esconder fotos ou coisas do gênero. A avestruz esconde a cabeça e deixa o rabo à mostra. É melhor jogar limpo: o PT pode aliar-se a qualquer partido ou político que não esteja em outra aliança. Quarta feira é dia de “feirão” no supermercado aqui perto. Se eu levantar cedo compro as melhores frutas e verduras. Se dormir um pouco mais, fico com o que sobrou. Na política é a mesma coisa: quem escolhe logo os aliados sai ganhando; quem se cobre de brios fica com a sobra. Cá entre nós: político ainda é coisa que se escolha?

  • Dificilmente Haddad ganha.

    Mas o Serra anda tão queimado, que dificilmente ele ganha tb.

    Estas eleições que se aproximam, são, ao meu ver, as mais imprevisíveis e improváveis que eu já vi.

    Estamos em uma situação onde desejamos que um candidato ganhe, mas não temos certeza do que acontecerá.

    A única coisa mais plausível ate agora, é um segundo turno.

    E nada mais.

    • Certeza o Serra não leva. Por causa da Privataria Tucana. E arrisco dizer que o Haddad pode perder pra outro, devido a esta aliança. Os eleitores que centro, que tendem a votar no Pt ou num outro da direita vão ficar muito indecisos. Quem pode aproveitar este cenário é o Chalita e o Russomano. Talvez este consiga grande parte dos malufistas.

      • Chalita e Russomano vão surpreender nesta eleição.E é bom anotar que é um desses dois que será o provavel prefeito de SP.Russomano talvez aproveite sua popularidade como defensor dos consumidores,que tem quadro fixo num programa popular exibido todas as manhãs pela Record,para conseguir alguma vantagem em relação aos demais candidatos.Mas,em principio,o quadro ainda está indefinido.

  • Pensando bem o PT nem devia estar preocupado com essa aliança com Maluf. Poderia aliar-se ao novo partido recém registrado no TSE, o PEN – Partido Ecológico Nacional, nosso 30º partido político. Aí, talvez, conquistasse duas aliadas de peso com uma só cajadada: Marina Silva e Heloisa Helena. Que tal?

  • Bom pra mim, não tem nada que possa sustentar positivamente uma aliança deste tipo. Além de representar o principal grupo de direita das últimas décadas do Brasil, Maluf é um bandido condenado, foragido em seu próprio país. Lula está manchando sua trajetória política de uma maneira absurda.

  • Sabe, Eduardo, essas “parcerias” revoltam os militantes, mas apenas os das cidades grandes, já que nos pequenos e médios municípios (que são maioria no Brasil) os partidos não tem muita importância, mas os candidatos. Aqui na minha cidade, por exemplo, o PT é oposição ao PRB, mas na cidade vizinha é aliado e olha que a distância é de 40km. E mais, numa eleição quem foi adversário pode ser aliado na próxima. Pode? Para maioria dos militantes não, mas no inteirorzão brasileiro a política se faz assim mesmo. É preciso vivenciá-la no dia a dia para entender e não criticar. Gostar eu não gosto, mas entendo e aceito. Acho que os militantes petistas deveriam entender e não radicalizar e, a Erundina, para mim, fez bobagem em deixar a chada do Haddad.

      • Você tem toda razão Emília. Aqui em Ressaquinha MG, eu flagrei, há coisa de dois ou três anos, o então presidente do PT perguntando à esposa do presidente do PSDB se o marido havia se restabelecido do problema de saúde, e desejando pronto restabelecimento. Esse moço do PT sofreu um acidente e provavelmente o presidente do PSDB foi visitá-lo.

    • Essa conversinha vocês demotucanalhas já tentaram jogar em relação ao Sarney e não colou. Simplesmente não cola porque ao contrário do que vocês gostariam o povo não é imbecil e entende muito bem a diferença entre coligação eleitoral e ideologia política.

      Se continuar mentindo bastante talvez engane um ou dois, mas jamais vai enganar uma quantidade significativa de pessoas.

        • Mau pra quem cara pálida?……ruim é gastar energia no jogo dos outros e esse jogo de foto feia é do PIG e não da militancia do PT que sabe muito bem quem é o comandante Lula e quem é o pilantra Maluf.
          Nos estamos entrando em uma campanha dura e importante e sempre optamos por estar sem coligações e os resultados não tem sido dos melhores, portanto a partida é essa e não vou jogar no campo deles. pt final!!!

  • E daí que FHC se aliou à Maluf????
    Eles são da mesma laia. Farinha do mesmo saco. Não tem porque a imprensa ficar mostrando isso. Nada mais normal do que FHC se unir com Maluf.
    Lula que eh diferente de Maluf e, por isso, o espanto da uniao.
    Paremos de justificar os nossos erros com os erros dos outros. Vamos olhar mais para o nosso umbigo.

  • Caro Eduardo, muitos políticos lêem “A Arte da Guerra” de Tsun Zu, como um tratado de estratégia de uso na vida em geral e perfeitamente adequado a vários aspectos da disputa eleitoral.

    Alén de trazer 1,5 minutos para o horário eleitoral do Hadad o que a coligação com o PP faz é retirar um aliado e minar as forças do principal adversário.

    Serra é atualmente o representante da extrema direita e demais forças conservadoras e reacionárias em São Paulo. Aliado ao Maluf teria um elemento a mais para unir as forças elitistas e antipopulares em seu benefício. Com o Maluf fora da jogada esse ponto positivo já não existe para ele.

    Sem falar que são 1,5 minutos a menos para o Serra e 3 minutos de Tv fazem muita diferença, principalmente para quem tem projetos e propostas a apresentar, como é o caso do Hadad.

    Maluf é uma pessoa horrorosa, mas o jogo eleitoral é assim nas atuais regras. Quando a reforma política for feita podemos pensar em um sistema onde esse varejo eleitoral de partidos nanicos seria inviabilizado em prol de projetos políticos consistentes.

    Porém é importante saber que esse tipo de coligação não influencia os projetos, nem influenciará um eventual governo do Hadad.

    • Ruy, voce está correto. Lula novamente foi hábil e pragmático. Isto é o que desperta a ira , principalmente naqueles que esperavam este apoio (tempo na TV). Lembrando que Haddad é desconhecido por 60% da população paulistana. Lula chamou para vice, um empresário (impensável, tempos atrás), costurou alianças ( inclusive com PP de Maluf) , governou habilmente, e levou o País a avanços sociais necessários. O jogo é feio mesmo, mas é necessário se quisermos avançar.

      • Ruy e José,
        Compartilho da análise de vocês.
        Como diz o Jandui, o Lula dá aula, aprende quem quiser.
        Fotos? Mostram um momento. Não mostram o que as pessoas são nem o que pensam.
        Na Política, existem os adversários com os quais podemos dialogar, concordando ou discordando.
        Inimigos? Com esses NÃO há diálogo, então, melhor vencê-los. E o inimigo aqui é só um: serra e seus aliados, chupins do povo de São Paulo. Não foi o maluf que vendeu São Paulo(estado e capital). Repito, não gosto dele, mas, prefiro uma foto do sábio e grande Pres.Lula com ele do que com o vampiro e seu grupelho.

  • Você coloca um título “FHC fez sumir a foto que tirou com Maluf; Lula conseguiria?” e o contradiz no primeiro parágrafo, me diz como é escrever com coerência e reclamar todo santo dia do “PIG”!!!

        • Acho que vc só leu o primeiro parágrafo, essa parte do texto explica de maneira inequívoca a ideia que o Eduardo quis passar:

          “Àquela época, apesar de alguns raros textos jornalísticos terem tocado no assunto, nenhum veículo estampou a imagem de FHC e Maluf com destaque sequer parecido com o que foi dado à foto de Lula com Maluf tirada durante esta semana. É mais do que óbvio que há registros daquela imagem, ao menos pela imprensa. Porém, algum interesse levou a grande mídia a sumir com ela. Que interesse será, não?”

          Se isso não fizer vc e alguns entenderem… bem, então é mal-caratismo mesmo ou burrice!

          • Vamos perder tempo com alguém que lê só o primeiro parágrafo e tira conclusão sobre o texto inteiro? Tô fora

  • A foto provavelmente foi uma montagem.

    O Maluf chegou ao segundo turno contra o Covas. Uma tática malufista foi espalhar cartazes pela cidade com o FHC.

    Isso faz mais sentido do que FHC apoiar Maluf contra Covas.

    Não gosto do FHC, mas, salvo engano, foi isso o que aconteceu.

      • Eduardo, me desculpe, eu gostaria que você estivesse certo. Mas você postou uma reportagem que me dá razão:

        “Segundo ele [Covas], o candidato ao governo pelo PPB, Paulo Maluf, “vende” a idéia de que teria o apoio de FHC. “A imprensa ‘compra’ e vem me perguntar.”
        “O outdoor (em que Covas aparece ao lado de FHC) não é para dizer que o Fernando me apóia. É exatamente para dizer que eu apóio o Fernando, porque eu acho que o presidente não precisa dizer toda hora que me apóia. No entanto, para cada outdoor meu há 500 do Maluf. Isso acaba confundindo a população. Mas quem enfrenta o Maluf tem de saber que está jogando contra golpe baixo”, disse.”

        Ou seja, o Maluf espalhou os 500 outdoors, pra parecer que o FHC o apoiava.

          • Pode ser que o FHC estivesse fazendo jogo duplo mesmo. Eu não tinha ouvido falar sobre isso. O Covas, pelo que sei, não se manifestou sobre isso.

            O que eu me lembro dessa eleição Covas X Maluf é que foram espalhados esses outdoors e dizia-se que tinha sido o Maluf. E convenhamos, faria bastante sentido.

            As demais fotos são, aparentemente, relativas ao momento em que Maluf apoiou FHC na reeleição.

            Agora, que a pura existência desse outdoor não prova apoio do FHC ao Maluf, não prova. Tem cara de montagem. Se FHC o permitiu, não sei. É provável.

            Estou contestando uma uma informação específica, portanto: não deve ser uma foto tirada de Maluf, seu vice e FHC juntos. Só isso.

            De resto, não tenho a menor dúvida de que essas fotos revelam muito sobre a índole do FHC e que a imprensa tratou os dois casos (Lula e FHC) de maneira diferente.

  • Bom, deixando a mídia corporativa de lado, a imagem de petistas com Maluf choca sim mais do que a imagem do FHC com Maluf. E isso por causa da história do PT. Hoje o PT é aliado das 3 pessoas que o PT mais atacava: Maluf, Collor e Sarney. É claro que num país onde os partidos são fracos e o personalismo é forte, como o Brasil, é praticamente impossível fechar aliança com um partido sem se aproximar de gente como o Maluf. O principal culpado é o sistema político mesmo.

    Mas eu repito, pelo menos para mim que sou de esquerda, a imagem do Lula com Maluf choca mais do que a do FHC com Maluf. O PT tem uma tradição na esquerda, o PSDB não. Não é apenas pelo fato de existirem fortes suspeitas de corrupção envolvendo Maluf, mas porque ele, assim como Collor, representam o atraso, o que a de mais reacionário da sociedade.

    Aliás, a hipocrisia da mídia sobre esse assunto me faz lembrar outra coisa: quando o Tiririca foi eleito deputado, toda a mídia fez o maior drama por causa do suposto analfabetismo dele. Só faltaram pedir para a justiça impedir o cara de assumir o mandato. Entretanto, essa mesma mídia jamais deu o mesmo espaço e nunca agiu de forma tão dramática nas vezes em que Maluf foi eleito deputado. Na minha visão pelo menos, alguém como Maluf ser eleito é muito mais escandaloso do que o Tiririca ser eleito.

  • Uma coisa podemos tirar de tudo isso: o único político que jamais tiraria uma foto de mãos dadas com Maluf é o finado Covas, inimigo figadal de Malufe e fundador do PSDB, quando esse partido era mais à esquerda, como o PT, que também era mais a esquerda no passado.

  • Com quem mais o Lula vai obrigar o PT fazer aliança pra ganhar a eleição em SP?

    a) Josef Menguele
    b) Demétrio Magnoli
    c) Gilmar Mendes
    d) Sérgio Fleury
    e) Darth Vader

    conforme publicado no blog da Mariafro: Parece que vivemos a era do “é decadente ser coerente”. (vale a pena ler)

  • Além da Erundina, quem mais vai pular fora do barco da aliança PT-Maluf?

    a) A militância do PT
    b) os Malufistas, que mais odeiam o PT que adoram o Maluf
    c) Os parentes dos desaparecidos políticos do cemitério de Perus
    d) Hebe Camargo
    e) O eleitor de SP

    Como está na capa de Carta Capital: “Vale Tudo!”

    Trocar a história da Erundina por 1 minuto de televisão, de fato mostra bem o que virou o PT de SP. Vai gastar esse um minuto, em toda campanha, só pra ficar se explicando de como ganhou esse um minuto a mais. Coisa de gênio mesmo!!!!

  • Espero, que aquela frase do Lula em um debate na qual chama de Maluf competente “Maluf, você realmente é competente, compete, compete e nunca ganha”, seja, neste momento real e angarie com aquela famosa competência em muitos votos para o Hadad.
    Mesmo não sendo Malufista, eu voto no Hadad.

  • Tenho dito que o nosso MAIOR problema sempre foi o que é o atual, é MORAL, não é ideológico como alguns atestam ou tentam nos fazer acreditar.

    Lembro que desde criança recebia lições sobre do que seria o certo.

    Certo seriam a honestidade, o cultivar da amizade e da verdade, estudar e trabalhar pra se sustentar, escutar e respeitar as opiniões divergentes e os diferentes, NÃO roubar nem trapacear, não trair e por aí vai.

    Depois, muito tempo depois aprendi por vontade própria (pois normalmente isso não é matéria de escola) aprendi a ver as diferenças e as nuances que existem entre os diversos pensamentos ideológicos .. e mais depois ainda, depois de colher material que me permitisse ter massa crítica – esta que o jovem não entende que quando vem, SE VEM, só vem com o tempo – aprendi a enxergar as vantagens e desvantagens de cada uma das correntes se adotadas incondicionalmente.

    Em todo este tempo, confesso, NÃO me lembro de ter tido chiliques, de ter evitado temas e/ou de me negar a debater sobre diversos assuntos e posicionamentos desde que, desde que sentisse que o debatedor era pessoa intelectualmente aberta e HONESTA e que estivesse imbuído, como eu, do mesmo espírito construtivo e crítico que, penso, deve acompanhar qualquer processo dialético que vise acima de tudo o aprimoramento e engrandecimento constante do ser ..processo, diga-se nem sempre prazeroso e indolor.

    Mas duma coisa é certo, em todo este tempo também lembro de nunca ter deixado passar batido, mesmo em meio a conflitos, de deixar passar batido o senso que me foi trazido pelos primeiros ensinamentos que um dia, nos primórdios da minha infância, pessoas que me queriam bem tentaram me passar, e dentre eles, alguns eu ainda consigo lembrar e/ou derivar expresso pela boca de outras pessoas:

    ” Você está certo! Mas pelos motivos errados! E isso faz com que você esteja totalmente errado!” – Stefen King

    “Se estiveres no caminho certo, avança; se estiveres no errado, recua.” – Lao-Tsé

    “Estar com alguém errado é lembrar em dobro a falta que faz alguém certo.” – Tati Bernardi

    “Acredito que errado é aquele que fala correto e não vive o que diz.” – Fernando Anitelli

    Por favor entendem colegas, eu NÃO posso, eu NÃO devo, eu NÃO tenho o direito de votar em quem esta acompanhado por MALUF e seu BANDO, este sim a PIOR e mais PERVERSA corrente política que por aqui um dia já passou ..ela não é ideológica, é fisiológica, comprovadamente CRIMINOSA

    ..e confesso, confesso que eu me sentiria uma das mais felizes pessoas se percebesse que o meu ato de INDIGNAÇÃO viesse acompanhado por MILHARES de votos NULOS e/ou brancos de outros que como eu acreditam que mais importante na vida do que qualquer ideologia, que o que vale mesmo são os PRINCÍPIOS e a ética que carregamos, estes que devem sempre permear a relação entre nós e os seres que convivemos.

    .eu devo isso ao meu passado, aos meus princípios, ao meus filhos.

    http://www.youtube.com/watch?v=JsMXDG_MK4g&feature=related

    • C…….., vai votar em quem então?
      Nossa mãe de Deus, o Romanelli vai, volta, vai, volta de novo, sobe, desce, vai pra frente, pra trás, fala, fala, e fala de novo, e fala mais uma vez, só que não assume o que quer.
      Asim é fácil, né Romanelli.
      Quando a peleja acabar, aí tu vens dizer que tava o tempo todo certo…
      Então?
      Serra?
      Russomano?
      Chalita?
      Sonsinha, ops, Soninha?
      Haddad eu nem pergunto…..
      Ah, já sei: o seu candidato deve ser o Valmor Bolan….
      kkkkkkkkkkk

  • E todo mundo vai fazendo o joguinho do PIG que quer ‘pessoalizar’ a aliança do PT com o PP em São Paulo reduzindo o PP à figura de Maluf. Lula simplesmente conseguiu rachar a direita paulista, mas a simplificação do PP à figura do ex-prefeito impede que muitos vejam isso. Já li que serra ficou um tanto contrariado com a perda do apoio de Maluf, não pelo político em si, mas por causa do tempo de TV e da estrutura do PP que trabalharia em seu favor. Maluf não fará que os direitões e reacionários paulistanos que sempre votaram nele (e que atualmente votam no PSDB) transfiram seus votos para Haddad, mas o tempo de TV irá para Haddad e a estrutura partidária não poderá servir a serra. Muitos criticaram Erundina porque deu munição ao PIG quando de sua desistência ao cargo de vice, mas agora muitos destes fazem o joguinho da direita e da imprensa golpista e tratam a aliança entre PARTIDOS como mero abraço entre Lula e Maluf. É uma imagem feia, aquela foto? É, é feia de doer, mas aposto que também não deve ter sido fácil para Lula. Se o ex-presidente não tivesse entendido que política se faz com o que se tem e não com aquilo que se deseja, o Brasil teria sido entregue a serra em 2002 e continuaria nos rumos do neo-liberalismo selvagem e da privataria. Em que buraco estaríamos hoje, tanto em nível econômico quanto em nível político? De quem seria a PetrobraX hoje? Só pra ficar numa atualidade: o caso Cachoeira teria vindo à tona? A PF teria atuado como vem atuando desde o fim da era dos tucanos no planalto ou continuaria sendo fartamente utilizada para invadir escritórios de políticos rivais e enviar faxes (ou torpedos, atualmente) com a frase “Missão cumprida”?
    As pessoas precisaram parar de cair nas armadilhas preparadas pelo PIG.

    • Caro Carlos, Lula perdeu as 04 eleições que disputou (1 para governador (4o lugar) e 3 para presidente (sendo a de 1998 no primeiro turno)). Era um idealista.O PT era idealista, vendia-se bottons e camisetas para arrecadação de fundos para disputas em que os demais candidatos tinham o apoio de bancos e empresas.Lula tornou-se pragmático, fez alianças impensáveis ( um empresário para vice!), costurou um pacto com partidos (inclusive o PP de Maluf) e governou o País por 8 anos. Mas ele não esqueceu o seu idealismo, basta ver os avanços sociais de seu governo. Terminou seu mandato com alto indice de aprovação e fez sua sucessora. O tempo na TV do PP é importante, tão importante que o próprio PSDB estava negociando. Lula novamente foi pragmático e habilmente tomou este tempo. O custo foi alto, sim foi. Mas quando se sabe que Haddad é desconhecido por 60% da população paulistana e quem conhece TV, sabe que 1 minuto e meio é muito importante nestas circunstâncias. Sómente Lula sabe o que ele passou neste 8 anos e o que teve de engolir, para garantir os avanços do País.

  • Engraçado a foto “histórica” do Lula com o Maluf.A imprensa.parte do PT e de vários partidos,além de Erundina Porcina (aquela que foi sem nunca ter sido) caíram de pau no ex Presidente ,como todos vimos.Mas se esqueceram de algo fundamental: Maluf foi preso pela Polícia Federal,NO GOVERNO LULA,portanto PRESO POR LULA que quebrou um TABU da época,qundo “Bandido rico (ainda mais o Maluf) não vai preso nunca”justamente por terem a proteção dos governantes.Portanto,o “constrangimento” de posar para tal famosa foto,deveria ser do meliante que se viu frente a frente com seu único e maior algoz,afinal, a leitura do fotograma pode tranquilamente passar pelos filmes policiais americanos,em que agentes do FBI vão às sarjetas procurar meliantes em decadência (normalmente condenados) para “trocar favores”,usualmente contra outros “bandidos” mais perigosos e ativos.No Brasil ,chamamos de X9 esses alcaguetes que são DETESTADOS pelos marginais por motivos óbvios e sobrevivem graças aos “acordos” firmados com o sistema policial que admite esse tipo de “expediente” ,sem o qual o crime não poderia ser combatido.Maluf ,portanto,não passa de um X9 de Lula e nós aqui preocupados com um bandido que está apenas colaborando,sem nenhum constrangimento,para que outros sejam condenados.Bom dia Brasil !!!

  • De fato ainda não estamos acostumados ao jogo político ou somos incapazes de aceitar a realidade, pois alianças entre partidos em eleições é um fato normal.Penso que esse asunto do Maluf com Lula de uma bobagem absurda.Imginem só, o Maluf apóia Dilma e ao mesmo tempo apóia Alckim, já apoio o FHC antes de morrer vai apoiar muita gente ainda.O problema é que existe má fé por parte de alguns.Receber apoio do Maluf não é pior que receber apoio do ACM, Sarney, Newton Cardoso ou qualquer outra raposa política brasileira.Ninquém ganha eleição sozinho. Salvo engano, Maluf é deputado federal por SP com votos a dar com pau.

  • Ah, mas espera ai.
    Qual os problema dos tucanos terem se aliados ao Maluf?
    Afinal, nós os tucanos somos safados sem vergonhas, piores que o Judas. Somos capazes de trair Jesus Cristo, Maomé e Buda juntos para nos aliar até com o Satanás… E se bobear traímos o Satanás e expulsamos ele e todos os seus capetas pra tomar o inferno e privatiza-lo!
    Mas, agora, o PT, o grande partido da moral, da ética e da honestidade na política. Aquele que defende o pobre, o trabalhador, o descamisado… Isto é um contra senso!
    É uma petulância vocês do PT terem roubado o Maluf da gente! Devolvam ai já!
    Afinal, se o PT fica fazendo a mesma coisa que os tucanos, então qual a diferença entre votar no PT e no PSDB? hehe…

    • Que vocês são safados, sem vergonhas, piores que o Judas, vendedores do alheio a gente já sabia. A gente só está comentando aqui como vocês ficam histéricas quando perdem um apoio que já consideravam certo.

      É meio como a raposa e as uvas, sabe?

      • Eu tenho uma proposta, companheiros:
        Vocês devolvem o Maluf pra nós que nós devolvemos o mensaleiro Valdemar Costa Neto pra Vocês.
        Que tal?

        Vocês já tem outros grandes homens ao vosso lado como: Sarney, Renan, Jader e Collor… E agora querem o Maluf também… É muita gula!

  • O FHC apoiou Maluf contra Covas por causa da chantagem do Maluf no caso da emenda da reeleição. Na época, o FHC usou o PIG para pressionar o Maluf. Quando os dois acertaram os ponteiros, a pressão do PIG passou.

  • Beleza!! achar a foto no bau da internet!!……passar espanador na memoria do pig!! se botarem autodour..com a foto do Lula/Hadadd/Maluf…….botar este foto em autodour….como contraponto**o fim nao justifica os meios,! mas em 1950…Adhemar foi buscar Getulio em Sao Borja,com Cafe Filho como vice(PSP).Adhemar o homem da caixinha……

  • Que trinca você descobriu, Edu! Esse Luiz Carlos Santos deu muito que falar. Era presidente da Assembléia Legislativa em 1983, no governo Franco Montoro. Quércia era vice-governador. Isso há 29 anos. Se fosse possível empilhar todos os inquéritos que eles motivaram daria uma montanha de papel.

  • As viúvas de Stálin, isto é, petistas, comunistas e outras que mantiveram um encontro com Ahmadinejad (um nazista que nega o genocídio dos judeus), são pessoas cujas mentes estão tão deformadas por ideologias e preconceitos, que se houver um surto de tifo nos Estados Unidos ficarão ao lado do tifo!

    Att. Eugênio José Alati

    Em tempo: a matéria acima comprova o meu comentário. Ao publicarem as fotos, querem afirmar que o Lula agiu igualzinho a FHC! Ora, se o Lula é igual a FHC, como os senhores podem defendê-lo? Como percebem, os senhores estão precisando refletir ou iniciarem um tratamento psiquiátrico!

  • Sim, concordo que a militancia caiu no conto da foto.
    A direita ficou enfurecida com a foto de Jânio Quadros recebendo o esquerdista Che Guevara. Hoje não perdoam Maluf. O Serra ficou p da vida por ter perdido o PP, isso a imprensa não conta. Setores da esquerda, de forma inadvertida, fazem coro com os tucanos nas críticas à “foto maldita”
    http://www.advivo.com.br/blog/iv-avatar/da-serie-fotos-malditas-janio-quadros-e-che-guevara

    A doutrina desqualidicadora das eleições, é isso que está sendo colocado em prática no Paraguai
    http://www.cartamaior.com.br/templates/materiaMostrar.cfm?materia_id=16315

  • Memórias paulistanas

    Chega a ser impossível, ou intelectualmente desonesto, debitarmos a uma só administração todos os problemas enfrentados por uma Cidade, País e/ou Estado.

    Evidente que pontualmente em um ou outro foco pode ter havido mais ou menos apelo e gravidade, mas no todo ? Não, difícil.

    De décadas lembro que a qualidade de ensino na cidade piorou e muito (mais precisamente a partir de 1975 com a ultima grande reforma de ensino, aquela que acabou com o primário, ginásio e colegial, uma que se seguiu após o fim do exame de admissão, das aulas de latim e francês, pouco anteriormente).

    Transporte publico então, desde jovem aqui em SAMPA, desde lá, salvo raros momentos (quando da inauguração do METRO por ex) sempre que busco no tempo me vejo espremido pra fora da ônibus ou parado no transito, aliás, episódio que na minha família não me foi exclusivo uma vez que meus filhos hoje reclamam do mesmo e meu pai, ainda nos anos 40, ele mesmo foi vítima a ponto de ser lançado pra fora dum BONDE que quase lhe custou a vida e uns 2 ou 3 dias de cama.

    Se formos ver então na área da saúde, ai que até hoje não tenho confiança e nem vejo muita melhoria a ponto de deixar pra ela, pra administração pública, a missão de cuidar da minha família (sim, sou da minoria que paga imposto e de quebra ainda consegue bancar em dobradinha um plano particular) .

    Nas enchentes, aquilo de sempre, canalização da chuva, impermeabilização do solo, deformação de várzeas e leitos, e tome agravamento e BILHÕES em recursos pra se tentar solucionar um problema que afeta a milhões sem sucesso, ou a passo de tartaruga ..quando não, em vermos aos poucos os últimos córregos e rios que tinham nos sobrado serem definitivamente canalizados (tipo o da 23 de maio) e/ou entregues a depósitos de lixo e dejetos HUMANOS. (aqui, lembro dum tio de minha esposa, ainda vivo, que se banhava nas águas limpas do Rio Aricanduva – nos anos 60 – e que hoje “infesta” a Zona Leste), antes ou concomitantemente ao TIETE, que de torto e sinuoso, fizeram-no raso e reto.

    Na área do VERDE então, e urbanização, confesso, aqui é uma das minhas grandes diferenças para com esta cidade, pois de significativo, raramente vi, e isso desde quando tinha uns 5 ou 6 anos, tempo suficiente pra que eu não mais percebesse a garoa fria que marcava toda tarde desta cidade de Piratininga até os anos 60

    ..verdade é que de idos tempos que vejo a coisa aquecer, FAVELAR-SE, se acinzentar e mal cheirar, sendo que raramente, aliás, pra falar a verdade, NUNCA, de nunca eu ter visto que tal preocupação com o meio ambiente tenha feito parte verdadeira da pauta da administração de qq prefeito (a), mesmo dos que que sempre se “venderam” como se sendo visionários e atentos ao problema. (1)

    E é isso, SP é uma cidade que precisava parar dizia o prefeito Figueiredo Ferraz ..uma que de grupo em grupo, de administração em administração foi isso ..um inchaço dantesco com os problemas se acumulando e agravando, e com os antes munícipes, hoje sendo tratados como um mero TRAÇO estatístico tamanha a sua insignificância diante deste conjunto que hoje soma pra mais de 16 milhões de pessoas (gde SP)

    Aí eu fiquei pensando, de todos os grupos políticos, quem teria sido o unico que praticamente atravessou todo este processo que lembro, e que efetivamente poderia ter sido responsabilizado por MUITOS dos erros, OMISSÕES e desvios que aqui ocorreram ?

    ..e qual não foi a minha surpresa que pelo balanço eu conclui o óbvio, que foi o grupo de PAULO MALUF que direta ou indiretamente sempre se disse presente, aliás, com raras e saudosas exceções, nos últimos QUARENTA anos de muitas DESA_administrações daqui ..justamente nos raros momentos em que o mesmo era denunciado mais e mais por seus laços íntimos com o crime e a corrupção.

    Relembre abaixo os últimos prefeitos de SP, os unicos que lembro que MALUF não participou nem apitou foram marcados com por mim ..sendo bom lembrar que em termos de CÂMARA MUNICIPAL o antigo cacique sempre contou com importante e significante base de apoio, base esta que lhe rendeu muita proteção e impunidade, diga-se.

    -Paulo Salim Maluf 08/04/1969 – 07/04/1971
    -José Carlos de Figueiredo Ferraz 08/04/1971 – 21/08/1973
    -João Brasil Vita 22/08/1973 – 27/08/1973
    -Miguel Colasuono 28/08/1973 – 16/08/1975
    (*)-Olavo Egidio Setubal 17/08/1975 – 11/07/1979
    -Reynaldo Emygdio de Barros 12/07/1979 – 14/05/1982
    -Antonio Salim Curiati 15/05/1982 – 14/03/1983
    -Francisco Altino Lima 15/03/1983 – 10/05/1983
    (*)-Mario Covas 11/05/1983 – 31/12/1985
    -Jânio da Silva Quadros 01/01/1986 – 31/12/1988
    (*)-Luiza Erundina de Souza 01/01/1989 – 31/12/1992
    -Paulo Salim Maluf 01/01/1993 – 31/12/1996
    -Celso Pitta 01/01/1997 – 25/05/2000, arioca que nem sabia aonde ficava a MOOCA
    -Régis de Oliveira 26/05/2000 – 13/06/2000
    -Celso Pitta 14/06/2000 – 31/12/2000
    (*)-Marta Suplicy 01/01/2001 – 31/12/2004
    -José Serra 01/01/2005 – 31/03/2006
    -Gilberto Kassab

    Em assim sendo penso que qq corrente que se atrever a se apresentar como NOVO, convenhamos, pra começar não pode chegar e se valer dos mesmos personagens que já nos são velhos, velhos conhecidos do POVO, da POLICIA e da justiça, por sinal.

    (1) curiosidade – certa feita encontrei com o então vereador Eder Jofre – mais um iniciado por Maluf, tipo Timóteo – propus a ele que apresentasse um projeto de incentivo ao plantio de árvores – isso nos anos 80 do século passado ..a resposta dele até hoje lembro bem, ele me disse pra que eu, NAQUELE TEMPO (como se hoje fosse fácil) pra que eu levasse a ele um abaixo assinado com 300 MIL assinaturas que ai ele dava “sequência” na ideia ..francamente, pensei, se eu tivesse força pra tanto eu seria o vereador, e não ele que mal sabia fazer conta ..só não falei, pq intui que seguro morreu de velho, e não seria eu que por um pouco de verde iria gostar de ficar com o olho roxo por conta dum cruzado de direita do antigo peso pena.

    http://www.youtube.com/watch?v=JTmdVFEHyas

    • Maluf, remédio? quem diria….. e vocês continuam acreditando no Lula…..
      O que deve ser feito para que vocês abram os olhos?
      Os lulistas sairam da esfera da política para a da religião.
      A Argentina já tem a igreja do Maradona, agora o Brasil tem a do Lula, só isso explica tanta devoção apesar dos pesares.

  • Haja óleo de peroba! Cadê a dignidade petista? Parem de choramingar, parem de apontar o dedo para os outros, assumam o malfeito e pronto!

  • Alguém ainda dúvida de que é uma estratégia de Lula?
    Desde de 2003 Lula governa o Brasil baseado em alianças, tanto à direita, quanto à esquerda, e esse matiz de posições ideológicas contraditórias, garantiu à Lula governar o Brasil e melhorar a vida do brasileiro por dois mandatos, saindo da presidência com altos índices de aprovação e emplacando Dilma Roussef como sua sucessora.
    Dilma também governa baseada nas alianças que Lula forjou, às custas do abandono do ideologismo inócuo, que lhe rederam 3 derrotas em eleições presidenciais, Lula aprendeu a enxergar o Brasil, e que somente trazendo alguém da elite, do conservadorismo brasileiro, poderia ganhar uma eleição, José de Alencar, rico, poderoso e político influente da direita mineira, abriu à Lula e ao seu projeto de Brasil, as portas do poder…
    Enfim, Lula sabe que não se governa o Brasil apoiado somente por forças de esquerda, pois o Brasil é um país de múltiplas faces ideológicas, culturais, raciais e socias, e isso se reflete nos partidos políticos de forma claríssima.
    O conservadorismo de São Paulo é histórico, 1932, onde a elite paulista se revoltou contra Getúlio Vargas (uma das principais causas do conflito foi a ruptura da política do café com leite – alternância de poder entre as elites de Minas Gerais e São Paulo, que caracterizou a República Velha (1889-1930). Alijada do poder, a classe dominante de São Paulo passou a exigir do governo federal maior participação).e históricamente também, um candidato de esquerda em São Paulo, dificilmente rompe a barreira dos 30% de votos, o que sempre impede uma vitória desta, e a aliança de Lula com o PP de Maluf, além de tempo de tv importantíssimo, será uma forma de atrair o eleitorado conservador para Haddad!
    Lula, ao meu ver, acertou outra vez, tirou tempo de Serra e flerta com o eleitorado conservador de São Paulo!

  • Volta e meia a militancia cai no conto do vigario do pig. Se Erundina fosse cabeça de chapa e recebesse apoio do PP com direito a abraçar Maluf o pig não faria escandalo e a militancia ficaria de bico calado.

  • Caro Edu,
    O gesto do ex-Presidente Lula, pode ser considerado um gesto de nobreza, pois sacrificou a sua biografia em benefício da cidade de São Paulo, que não merece mais ser desgovernada por essa turma DEMOTUCANA que estão a muito tempo no poder na cidade e nada fizeram para melhorá-la. O Futuro irá mostrar que o seu gesto não foi uma mudança, mas uma atitude de um ESTADISTA, que sacrifica princípios em prol de um bem maior, que é a procura da melhoria de vida dos cidadãos e neste caso dos cidadãos paulistanos.

  • Claro que é duro ver Lula e Haddad ao lado de Maluf. Mas, pelo menos, eles não tentam ludibriar o eleitor, escondendo as alianças que fazem. Já o outro lado … Da história mais recente, não podemos esquecer que Fernando Gabeira fez campanha à prefeitura do Rio com amplo apoio de César Maia, mas escondeu ao máximo do eleitorado. Conseguiu que fossem recolhidos panfletos que registravam a aliañça Gabeira-César.
    http://eleicoes.uol.com.br/2008/ultnot/2008/10/17/ult6022u391.jhtm

  • Pra enxotar os tucanos do exuberante ninho paulistano tudo vale. O saudoso e corajoso Brizola já dizia: “posso me aliar até com o Diabo, contanto que não me leve para o inferno”.

  • Mas a elite em nada se manifesta quanto aos roubos bilhadários realizados pela Privataria Tucana comandada pelo Falso, Hipócrita e Calhorda.
    A turma gosta mesmo é de dinheiro nas Bahamas e nas Ilhas Virgens.
    Que elite hein!!!

  • Acho que a alianca com o Partido do Maluf pode ajudar a acabar com o Tucanistao, mas o Maluf esta sendo procurado pela Interpol, alianca com a direita pra um programe de goveno do PT como foi feito com Jose Alencar e Saney e’ uma coisa. O Sarney pode sair do Brasil e nao sera preso, mas o Maluf e’ agora um bandido que nao pode sair do Brasil, corriga me se estiver errado, logo esta foto foi mesmo um tiro no pe. Ja o FHC com Maluf e’ o privata e o bandido juntos. Querer que o PIG nao tire proveito deste episodio e’ muita ingenuidade, ja que o PIG esta sempre tentando o golpe. Enquanto nao houver reforma da Midia, reclamar que o PIG e’ o partido da direita nao vai chegar a lugar nenhum. Cada a militancia que deveria estar as ruas pedindo a CPI da Veja que ate agora nao foi convocada pela CMPI do Cachoeira. Vamos pra rua ou paramos de lamentar.

  • Maluf foi um dos caras que mais desceram a lenha no PT. Assim como Gustavo Fruet no Paraná. Na minha opinião, nada justifica essa aliança do PT com esses políticos inescrupulosos. O Partido dos Trabalhadores se iguala no fisiologismo.

  • “Provavelmente eu até tenha postado o comentário abaixo em algum de seus artigos antigos, como em tantos quantos eu consegui faze-lo tamanha foi a minha indignação. Principalmente porque eu apoei e defendi publicamente também via comentário em vários blogs a coligação Haddad e Erudina. E porque não com o PP também? Por isso vou repetir o meu comentário aqui, caso o aceitem claro.”
    Antes quero deixar claro que Lula jamais se preocuparia em esconder qualquer foto que fosse com qual político que fosse porque ele assume o que faz. Abaixo o comentário provavelmente repetido aqui neste blog.
    Interessante a coincidência das fotos e das manchetes da matéria de Luíza Erundina ao lado ou acima da de Delfim Neto na Carta Capital. E quem acompanhou a política brasileira na época em que Delfim Neto foi ministro da direita e hoje é um dos aliados do PT não compreende essa repulsa de Erudina, tardia por sinal, porque veio mais de vinte e quatro horas depois, repelir Paulo Maluf. Prova ela que retroage, retrógrada é, a concretização da “Esquerda Burra”. E a configuração de uma pessoa tresloucada e traidora.
    Parte 2: Que na comissão da verdade age cheia de ódio e rancor, vingativa. Invertesse o caso e lhe dessem poder absoluto sabe-se lá qual seria o tamanho da maldade de sua vingança sob o ardor do fogo de seu ódio.
    Toda a concentração de energia que pulsa em explosão nas suas decisões entre um sim e um não são as mesmas, volátil alguém definiria. Um perigo para a sociedade analisariam, pois aparentemente o que se menos levou em conta em sua decisão foi a melhoria para o povo.
    Parte 3: Uma faísca que por um tempo riscou o céu com luz não própria e que logo se apagou, para sempre. Com petulância de desesperada defesa a Estrela Guia com seus argumentos apagou. Lula-lá passou dos limites, disse, pelo povo. Luíza Erundina melhor do que ele moralmente se achou. Seria o mesmo que dizer.
    Parte 5: Quem és tu Lula Estrela Guia diante de apagado risco no céu que um dia pouca luz lançou? Ainda obrigado, Lula, a ouvir o que não é nada em qualquer espaço, além de escuridão. Ousar dizer que quem passou dos limites foi tú, Lula-lá, ainda estrela guia brilhante no céu do coração do povo brasileiro.
    Parte 6: E quem és tu Erundina para para falar o que quer que seja do Lula e criar-lhe problemas para a eleição de São Paulo. Dizendo inclusive que ele foi longe de mais?
    E você para onde foi? Onde esta? E se foi e chegou a algum lugar, foi por quem? Por mérito político seu? E se, o que fez para merece-lo? Quem é você como liderança para o nosso país?
    Parte 7:Foi prefeita de São Paulo nas costas de quem? De sua liderança política de nada e de ninguém como é até hoje, ou por Zé Dirceu, Lula, Suplicys e PT?
    Que arrogância é essa para se achar com o direito de desistir dizendo que foi porque o Lula foi longe nessa ao coligar-se como o partido de Paulo Maluf? E ainda querer atrapalhar Lula e PT, isso tem nome, é covardia e traição! Típico de um tresloucada que não transmite confiança à ninguém, PSB que se cuide.
    Parte 8: Coincidinco com o artigo aqui comentado: Mas estranhamente só se decidir depois de mais de 24hrs?
    Pergunte-se a si mesma, quem sou eu? O que represento para o meu país como pessoa e política? Que falta eu faço para o Brasil? Antes de arrogar-se ao que quer que seja. Por que senão a pergunta quantos Malufs valem uma Erundina que fizeram na Carta Capital pode ser respondida por você mesma, e você com toda a certeza já se deu mal.
    José da Mota.

  • De nada adianta querer esconder uma realidade política brasileira, PP esta com o governo federal há muitos anos e com o governo de São Paulo também, ambos sabendo que uma das maiores lideranças políticas do PP é o Paulo Maluf. Mas nada disso interessa tanto mais quanto a nova coligação do PT também para São Paulo e os apoios que recebeu:
    Manuela Dávila é projeto do futuro do Brasil, suas disputas em Porto Alegre fazem parte de uma preparação natural de quem vem assumir responsabilidades a nível nacional o mais breve que a sua idade permita.
    vou deixar um comentário feito sobre o apoio do PC do B ao PT de São Paulo para que o leitor tenha noção do que estou falando:
    Parte 1-2-3: Agora sim eu posso dizer com segurança e certeza:
    “O Galo Cantou Canto Certo”
    E só agora fui saber que o certo deste canto era; para São Paulo
    caminhar de mãos dadas com Manuela Dávia, Renato Rabelo, Haddad, Tarso Genro, PC do B e PT.
    A falta de preconceito e farsas, apoiou Hadadd, e se chama Renato Rabelo. Botando a prova todos os seus anos de luta pelo bem do Brasil. Ao lado da maior liderança política jovem que surgiu nos últimos anos no país, Manuela Dávila, com certeza em carreira breve e mulher já na idade exigida, possivelmente ven ser nossa presidenta da República.
    Parte 4: Porto Alegre ao elege-la, Manuela Dávila, prefeita, dará-lhe a oportunidade de mostrar aos brasileiros toda a sua capacidade de governar, inclusive a nação na hora certa politicamente.
    E o que um dia em vários Blogs foi comentado por mim exageradamente emocionado para a aliança Haddad e Erundina, descubro que foi puro engano, do que entendi sobre “O Canto Certo que O Galo Cantou”.
    Então repito tudo o de bom que descrevi, substituindo os personagens errados pelos certos, obedecendo ao canto do galo.
    “O Galo Cantou Canto Certo”
    São Paulo forma a mais genial e eclética aliança política que sequer o maior dos gênios do marketing político poderia imaginar.
    Parte 5 : O que naturalmente levará à vitoria da disputa eleitoral mais cobiçada do país, a prefeitura de São Paulo. São tantos acertos políticos, da prefeitura de São Paulo à Prefeitura de Porto Alegre, governo federal, à até a Presidente Dilma. De onde naturalmente gerará maior aproximação, melhor administração e mais projetos para os estados de São Paulo e Rio Grande do Sul. Agora sim, é de se admirar e repetir para acreditar, estratégia política racionalmente inimaginável, um golpe de sorte, dar a vitória da disputa pela prefeitura de São Paulo, mudando todo o quadro político nacional.
    Como se projeto planejado em universidades como Federal de Juiz de Fora, UFRJ ou UFRS, mas por político conhecedor de nossas mazelas. P.S. Dividido em partes. Como se fosse uma tese de doutorado, PHD, com o título, “Passo a passo para mudar a política brasileira de mãos para sempre” ou “Os novos rumos do Brasil” ou mais brilhante ainda;
    Parte 6: “Brasil acordado em solo esplendido”, ousando um pouco mais, “Brasil acordado em solo esplendido com Manuela Dávila futura presidente”.
    Como para o PT no início das negociações para a campanha eleitoral de São Paulo perder o apoio de Kassab foi considerado uma derrota fatal. A surpresa da chegada da surpreendente Manuela Dávila (PC do B, do gigante Renato Rabelo (PC do B) e do próprio PC do B na aliança com Haddad foi sensacional.
    E ainda como a cereja do bolo ganharam o apoio do cobiçado, e também ápto líder à assumir a presidência do Brasil, Tarso Genro, como padrinho e costurador político de uma aliança PT PC do B para Porto Alegre.
    Paro por aqui, porque sobre este tema há muito o que conjecturar. Em outra oportunidade volto à ele com prazer, e haverá, um tanto bom. E diferentemente da primeira vez, verdadeiro, verdadeiramente compromissada a coligação aqui anunciada.
    José da Mota.

  • Convenhamos, né, a que ponto o lula ta chegando? Ta perdendo o senso? Lulinha paz e amor tem limites. A gente fica até sem ter como rebater uma coisa dessas frente aos amigos e conhecidos. E precisava mesmo?

  • E por favor, vamos parar com essa conversa de que a mídia não mostra a foto deles, mas mostra a nossa. Que nós nos aliamos, mas eles também. Princípios éticos à parte, isso tá ficando muito feito… de novo…

  • O senhor (?) não se refere, ainda que para atenuar essa posição détraqué, que o governador Mário Covas saiu em estado de saúde delicadíssimo para apoiar a d. Martha, entendendo que expor sua posição no campo democrático, contra Maluf, era superior às proibições médicas de não deixar o monitoramento hospitalar.

  • A legenda da foto do outdoor é mentirosa e tendenciosa, Maluf apoiou FHC mas FHC nao o apoiou, apoiou Covas. O Maluf naõ tem jeito é doente. Mas a verdade é essa. E as fotos não são tão raras e ocultas estão em centenas de sites.
    Ninguem presta mas a verdade é essa o macaco que pula de galho em galho é o Maluf e eu nao entendo pq todos querem apoio dele.

Deixe uma resposta