Pela criminalização da apologia à ditadura militar

Manifesto

 

Muitos levaram na brincadeira um dos fatos mais estarrecedores e tristes da história recente deste país: no último sábado (22/3/14), pessoas saíram pelas ruas das maiores cidades brasileiras para fazer apologia a dois crimes, sendo um deles um crime de lesa-humanidade. Aquelas pessoas não só defenderam a ditadura militar instaurada em 1964, mas, também, que seja dado um golpe de Estado no Brasil.

Apesar do que pareceu apenas ridículo a tantos – e que, entre outras coisas, realmente foi ridículo –, não se pode mais aceitar que, após todos os horrores praticados pelo regime criminoso instaurado em 1964, pessoas irresponsáveis ou desinformadas ou mal-intencionadas – ou tudo isso junto – não apenas defendam as atrocidades do passado, mas cheguem ao cúmulo de pregar que se repitam.

Com efeito, o que aconteceu no último sábado em algumas cidades brasileiras – pouco importa se com maior ou menor intensidade – não pode ser levado na brincadeira. E não pode se repetir.

Em 18 de novembro de 2011, a presidente Dilma Rousseff sancionou a lei 12.528, que criou a Comissão Nacional da Verdade no âmbito da Casa Civil da Presidência da República com a finalidade de examinar e esclarecer as graves violações de direitos humanos praticadas no período de 1946 até a promulgação da Constituição de 1988. A conclusão dos trabalhos dessa Comissão, pois, precisa coincidir com uma providência drástica que impeça que a nação brasileira continue sendo afrontada e ameaçada como foi em 22 de março último.

Em 24 de dezembro de 2013, a presidente da República sancionou a medida provisória 632, que, em seu artigo 25, prorrogou o mandato da Comissão Nacional da Verdade até 16 de dezembro de 2014, quando deverá apresentar relatório circunstanciado contendo as atividades realizadas, os fatos examinados, as conclusões e recomendações.

Entre essas recomendações do relatório final da CNV, é imperativo que conste equiparação da apologia à ditadura militar à apologia ao nazismo.

No Brasil, fazer apologia ao nazismo e ao racismo é crime sem direito a fiança. Este enquadramento é dado pelo artigo 20, parágrafos 1 e 2, da lei 7716 de 5 de janeiro de 1989, atualizada pela lei 9459 de 15 de maio de 1997.

A divulgação do que a Comissão Nacional e as Comissões Estaduais terão apurado entre 18 de novembro de 2011 e 16 de dezembro de 2014 justificará plenamente que, no relatório final que emergirá dos trabalhos dessas comissões, nas recomendações que serão feitas, insira a proposta de criminalizar a apologia à ditadura e a pregação de novas rupturas institucionais.

O relatório final da Comissão Nacional da Verdade apresentará ao Brasil uma história de horror e morte, de roubalheira desbragada de um regime de caráter basicamente nazista, no qual até crianças foram seviciadas, no qual mulheres foram estupradas, no qual assassinatos foram cometidos, tudo sob a desculpa de obtenção de “informações” das vítimas, muitas das quais não tinham o que revelar.

Se o que o regime de 1964 praticou não for comparável ao nazismo, cuja apologia é proibida em incontáveis países – entre os quais na própria Alemanha, onde aquele regime hediondo nasceu –, regime criminoso nenhum jamais será.

Ironicamente, uma lei nascida daquela ditadura sangrenta – uma lei que vige até hoje – já até poderia ser usada para punir os bandidos que saíram às ruas de grandes cidades brasileiras no último sábado para exaltar os crimes daquele período infame de nossa história e para pregar que se repitam.

Em 1983, foi promulgada pela ditadura, já em seus estertores, a lei 7170, a famigerada Lei de Segurança Nacional, que, em seus artigos 16 e 17, pune pregação ou tentativa de derrubar o regime vigente com penas que vão de 1 a 15 anos.

O artigo 16 da lei 7170/83 reza que “Integrar ou manter associação, partido, comitê, entidade de classe ou grupamento que tenha por objetivo a mudança do regime vigente ou do Estado de Direito, por meios violentos ou com o emprego de grave ameaça”, é punível com pena de reclusão de 1 a 5 anos.

O artigo 17 da lei 7170/83 reza que “Tentar mudar, com emprego de violência ou grave ameaça, a ordem, o regime vigente ou o Estado de Direito” é punível com pena de reclusão de 3 a 15 anos.

Para sorte dos fascistas que saíram às ruas das grandes cidades brasileiras no último sábado, porém, nenhum democrata recorrerá àquele instrumento infame legado pela ditadura que exaltam, mas que poderia ser usado para enquadrá-los.

Contudo, isso não significa permitir que continuem fazendo apologia a crimes pretéritos enquanto pregam crimes futuros. Nos Estados Unidos, que tanto agradam a essa gente, quem for à rua pregar derrubada do governo pela força será sumariamente preso e trancafiado por muito tempo. Crime dessa natureza é punido em qualquer outra grande democracia. Por que não deveria ser punido no Brasil?

189 comments

  • Concordo Edu. Se é contra a lei que um sujeito saia por aí pregando crime contra quem quer seja. Porque não haveria de ser quem se associa para pregar crime contra uma nação inteira.
    Cadeia para essa cambada de nazifacistas. Vamos cortar logo o mal pela raíz

  • Prezado Eduardo,
    voce esqueceu de citar o escandalo ainda maior que o Altamiro Borges publicou e a Carta Maior difundiu — http://www.cartamaior.com.br/?/Editoria/Politica/Camara-abre-espaco-para-golpistas-e-saudosos-da-ditadura/4/30531

    21/03/2014, Câmara abre espaço para golpistas e saudosos da ditadura – A bancada dos saudosos do regime militar conseguiu a complacência da mesa da Câmara, presidida por Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) – Num gesto deprimente e revoltante, a mesa diretora da Câmara Federal decidiu abrir espaço na casa para homenagear os golpistas de 1964. Por solicitação do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), famoso defensor das torturas e assassinatos do período da ditadura, ocorrerá uma sessão para “comemorar os feitos” do golpe militar de 1964, que completa 50 anos em abril.

    • Segundo as informações que foram retiradas do Portal Vermelho, o duvidoso e incerto Henrique Alves negou o pedido do nazifascista Jair Bolsonaro:

      25 DE MARÇO DE 2014 – 19H10
      Câmara fará sessão para homenagear resistência e não a ditadura

      O presidente da Câmara, deputado Henrique Alves (PMDB-RN), cedeu aos apelos dos partidos de esquerda, como o PCdoB, e decidiu que acolherá o requerimento da deputada Luiza Erundina (PSB-SP) para a realização de uma sessão solene para homenagear a resistência à ditadura militar. A sessão ocorrerá no dia 1º de abril, às 9h30. Ao mesmo tempo, negou o requerimento do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), que queria homenagear a ditadura.

      O presidente da Câmara disse que não poderia acolher um requerimento “para exaltar a ditadura”. Segundo ele, “esta Casa não poderia fazer isso de jeito nenhum porque foi perseguida, brutalmente atingida pela revolução, seus membros cassados, essa casa fechada, portanto, estou indeferindo.”

  • Como defender um estado de direito com um congresso fazendo chantagem ao governo, um STF que não respeita nem ao menos o regime semiaberto para presos de julgamento de exceção (leia-se Genoíno e Dirceu principalmente), com um instituto Milênio fazendo a apologia do golpe a qualquer preço, com um JN que não transmite o melhor discurso do Papa Francisco sobre os pecados da mídia? Nossa luta este ano vai que ter que ser enviezada, pelas brechas possíveis. A sorte (ou azar) é que que a ignorância está tão grande, que os poucos que leem jornal, mal tem condições de interpretar a desinformação, por falta de lastro cultural ou por cegueira ideológica. A única coisa que os jornais dão é mais combustível ao ódio dos tolos, à hipócrita sanha oportunista daqueles que não tem nem voto nem admiração da maioria dos eleitores. Dilma pode ter muitos defeitos, mas trabalha a sério. O que fazem FHHC, Aécio, Campos e Cunha? Só flanam pelos salões destilando seus venenos. Com certeza estão aplicando na Petrobrás que deu lucro de 11% nas ações. Além de caluniarem, ficam mais ricos. São essas figuras que querem o ‘bem’ do Brasil! Para eles o que vale, relembrando o personagem do Chico Anísio é O povo que se exploda”!

  • Essa turma não descansa. Dos dois lados. Mania de perder tempo, querendo reviver um passado extinto, ou fingindo que ele ainda está aí para querer combatê-lo.

    Todos sabem que houve ditadura. Que houve tortura, que pessoas morreram. Que havia sim um temor (possivelmente infundado) de uma ditadura sindical ou o escambau. O Mundo era outro. Ser profeta do passado é fácil.

    A Presidente(A) sanciona a tal lei da “comissão da verdade”. Interessante que como bem observou o Eduardo Guimarães, a lei envolve também a DITADURA VARGAS, tão adorada pelos “trabalhistas” do Brasil.

    Tem um blogueiro por aí que detesta os paulistas e os chamas de separatistas, e reclama que São Paulo é a única cidade do Brasil sem uma avenida ou rua Getúlio Vargas. Por outro lado temos vários ” monumentos” como viatudos e o Minhocão, com homenagens à ditadura militar.

    Que ditador é melhor? Eu não fico com nenhum.

    • Pois é. Tem também aqueles neste blog que tanto bradam contra a ditadura militar de 1964 mas que defendem com fervor as ditaduras comunistas, tipo aquela de Cuba, onde existe um partido único, pessoas são presas por discordar e impedidas até, vejam só, de ir embora do país. Apologia à ditadura comunista também deveria ser crime. Pena sugerida? Escolhe: ou vai preso ou pode ser deportado pra Cuba ou Coreia do Norte.

      • Vocês deram um golpe de Estado no Brasil com base no que acontece em outros países. Eu lá quero saber de Cuba ou da Venezuela? Nesta, há eleições livres. O povo pode se afastar do chavismo na hora que quiser. Mas pregar golpe de Estado com base no que acontece num outro país é demais. Se um americano pregar derrubada do governo, vai em cana. Guantánamo. Vocês não acham que os EUA são o máximo? Então…

        • Vocês? Como assim “Vocês”?
          Quem disse que eu faço parte daqueles que deram o golpe da ditadura de 1964?
          E quanto a Venezuela: Eu falei de cuba. Onde eu citei “Venezuela”?
          Você, como todo esquerdista “esperto” gosta, nas discussões, de sair atribuindo coisas aos outros que eles não disseram. Você distorce e tergiversa. Mas tudo isso faz parte das táticas da velha cartilha.
          Discutir com você é perda de tempo.

          • uma das características de vocês, trolls, é fingir que “não é comigo”… e entendem muito bem as répilcas que são dirigidas a vocês e fingem de “sonsos”… as mesmas argumentações… mas é bom o Eduardo publicar esse vômito da sua turma, carregados de ódio, má-fé, ignorância e iniquidade !!

          • Se revelou Marcelo, “você como todo esquerdista”. Você não nos engana dando uma de João Sem Braço, tá!

          • Bom dia Edu
            O que estes dementes precisam é de uma máquina do tempo para voltar a 1964. Porém, sem opção de volta.
            Não passam de meros lambe-botas.
            Abraço

          • Não houve porque os ditadores da direita não deixaram. Deram o golpe primeiro. Mas houve e ainda há em outros países no mundo onde pessoas ainda são assassinadas nos “paredoms”, apenas por discordar do pensamento do ditador de plantão, ou são enviadas para os gulags onde sofrem toda sorte de torturas e trabalhos forçados como “corretivo”.

          • Conversa. Não havia golpe de esquerda nenhum sendo gestado. Jango sabia que não teria pernas. Vocês falam sobre essa invenção vomo se tivessem provas

          • Se não havia risco de ditadura de esquerda, por que alguns dos presos pela ditadura militar brasileira foram buscar abrigo em Cuba e lá se especializaram em guerrilhas. Há documentos.

          • A resposta está em seu comentário. Ele foram buscar abrigo. Se não tivesse havido golpe e ameaça à vida de quem pensava diferente, teriam ficado aqui. Mas eles voltaram e lutaram para que fascistas como você possam discordar do governo, insultá-lo à vontade, mentir sobre ele todo santo dia, publicamente. Você só esconde seu nome por ser covarde, mal-intencionada e paranoica. Poderia mostrar a cara e dizer todas as suas loucuras, como fizeram seus pares na marcha assumidamente fascista da praça da República (vide os cartazes que portavam e as palavras que diziam). Se houvesse o regime que você exalta, a marcha fascista seria impossível. Se discordasse do governo, teria que ficar de boca fechada ou seria torturada e morta. Nós, democratas, lutamos para que vocês, fascistas, possam mostrar como são infames. E impunemente.

          • Não houve mesmo…

            Não houve pq os fatos históricos mostram que a mesma se extinguiu na raiz, com toda violência repudiável de uma ditadura militar.

          • >Então some daqui, fascista de merda

            Esse tal de EduGuim é machão atrás de um teclado….queria ver ele falar isso, ser machão assim pros 3 caras que seguiram ele na passeata anti comunismo……o “machão” se cagou todo e saiu correndo com o rabo entre as pernas.

            NOTA DO EDITOR: Interessantes esses trolls o sujeito usa um email falso, nome falso e quer que o autor desta página enfrente sozinho três brutamontes. Vejam os dados desse psicopata, abaixo

            [email protected]
            206.108.21.106

        • Ao babaca que escreveu em sua postagem: “esse tal de EduGuim é machão atrás de um teclado….queria ver ele falar isso, ser machão assim pros 3 caras que seguiram ele na passeata anti comunismo……o “machão” se cagou todo e saiu correndo com o rabo entre as pernas”, digo: cagão é você, seu m…

      • Porque não ataca a Arabia Saudita? É uma ferrenha ditadura, só que protegida pelos os EUA.
        A Venezuela não é uma ditadura e só vai preso que tenta dá golpe em um governo eleito pela maioria.
        Quando você ler algo de positivo sobre a Venezuela na imprensa brasileira, não esqueça de mim informar.
        Quanto os EUA deixar de boicotar Cuba ela vira um democracia.
        O problema de vocês que ler e acreditam na mídia brasileira, comandado pelos os Estados Unidos.

      • Quem está generalizando aqui? O Edu, e eu endosso, está falando que fazer apologia de golpe contra a democracia deveria ser crime. Tipificado no código penal. Que na Comissão da Verdade surja proposta nesse sentido. Ninguém está falando em Cuba, ou comunismo
        Os dois lados aqui, que o sr.Nigro falou, no caso, são os extremos, da direita e da esquerda. Um diz que o governo petista é comunista e outro que é neoliberal. Ambos no fundo pregam rupturas, com resultado opostos, mas nem tanto

    • NIGRO
      Antes de escrever bobagens se informe melhor.

      A comissão da verdade vai apurar as graves violações aos direitos humanos no período de 1946 até a promulgação da constituição de 1988 . PRESTE ATENÇÃO 1946 ,como você não sabe eu te informo A DITADURA DA ERA VARGAS ACABOU EM 1945.

    • A Presidente(A) sanciona a tal lei da “comissão da verdade”. Interessante que como bem observou o Eduardo Guimarães, a lei envolve também a DITADURA VARGAS, tão adorada pelos “trabalhistas” do Brasil.

      Tem um blogueiro por aí que detesta os paulistas e os chamas de separatistas, e reclama que São Paulo é a única cidade do Brasil sem uma avenida ou rua Getúlio Vargas. Por outro lado temos vários ” monumentos” como viatudos e o Minhocão, com homenagens à ditadura militar.

      Que ditador é melhor? Eu não fico com nenhum.

      Esse tal de nigro é mal intencionado. O sujeito fala que o Getúlio Vargas foi ditador. Vargas só agiu de forma ditadora no chamado Estado Novo. Mesmo agindo de forma ditadora num período curto (Estado Novo) para as elites, para os meios de comunicação (iguaizinhos aos que tem hoje) e para muitos comunistas (que foram presos e mortos no Estado Novo), Vargas criou leis que garantiram conquistas sociais que temos até hoje. Vargas criou condições do Brasil ser o que é hoje (um país em desenvolvimento, graças aos anos de Lula e Dilma). Muitos comunistas perseguidos pelo Governo Vargas no Estado Novo, perceberam que o Governo Vargas foi autoritário, mas direcionou o desenvolvimento do Brasil no sentido da democratização e das melhorias sociais.

      O mal intencionado nigro, pelo visto, é contra Vargas por causa das ações de desenvolvimento social e industrial que o Brasil teve.

      São Paulo deveria sim ter avenidas Getúlio Vargas, pois este homem fez um grande bem ao Brasil.

      Que viva Getúlio Vargas, o ditador que cerceou os interesses das elites e dos imperialistas dos EUA (a quem o tal de nigro deve prestar obediência). O ditador que melhorou as condições sociais do povo brasileiro. Getúlio Vargas foi tão ditador quanto foi o João Goulart (o da ditadura sindical), Lula e Dilma (os da ditadura do povo contra os interesses das elites e do nigro).

      Que a ditadura de Lula e Dilma continue para o bem do povo brasileiro, contra a ditadura do nigro, do PSDB e das elites.

    • Esqueci de apagar a citação feita pelo mal intencionado nigro.

      O texto correto é o que está abaixo:
      Esse tal de nigro é mal intencionado. O sujeito fala que o Getúlio Vargas foi ditador. Vargas só agiu de forma ditadora no chamado Estado Novo. Mesmo agindo de forma ditadora num período curto (Estado Novo) para as elites, para os meios de comunicação (iguaizinhos aos que tem hoje) e para muitos comunistas (que foram presos e mortos no Estado Novo), Vargas criou leis que garantiram conquistas sociais que temos até hoje. Vargas criou condições do Brasil ser o que é hoje (um país em desenvolvimento, graças aos anos de Lula e Dilma). Muitos comunistas perseguidos pelo Governo Vargas no Estado Novo, perceberam que o Governo Vargas foi autoritário, mas direcionou o desenvolvimento do Brasil no sentido da democratização e das melhorias sociais.

      O mal intencionado nigro, pelo visto, é contra Vargas por causa das ações de desenvolvimento social e industrial que o Brasil teve.

      São Paulo deveria sim ter avenidas Getúlio Vargas, pois este homem fez um grande bem ao Brasil.

      Que viva Getúlio Vargas, o ditador que cerceou os interesses das elites e dos imperialistas dos EUA (a quem o tal de nigro deve prestar obediência). O ditador que melhorou as condições sociais do povo brasileiro. Getúlio Vargas foi tão ditador quanto foi o João Goulart (o da ditadura sindical), Lula e Dilma (os da ditadura do povo contra os interesses das elites e do nigro).

      Que a ditadura de Lula e Dilma continue para o bem do povo brasileiro, contra a ditadura do nigro, do PSDB e das elites.

      • Ui.

        Ditador sim. Ponto final.
        Não tem ditadura boa.

        Sempre há “poréns”- doisnpesos e duas medidas, para -alguns- de vocês. Pode vir um cara aqui e apontar apenas eventuais “acertos” (coisa quase sempre relativa) da ditadura militar para defendê-la.

        Prefiro a liberdade.

        E não precisamos de avenida GV. Já temos o minhocão com nome de ditador.

        Criminalize-se também a apologia a GV, ditador suicida.

  • Trata-se de uma situação delicada.

    O golpe militar, por si somente já é uma violação à lei. Se formos considerar que estava em vigor a Constituição de 1946, a tal marcha do dia 22 faz apologia ao crime. Se formos considerar que não há respaldo constitucional para o pleito da tal marcha, chegaremos à conclusão de que a mesma faz apologia ao crime por outro flanco. Se formos considerar que o Partido Comunista é uma entidade legal e em pleno vigor das suas atividades políticas, chegaremos à mesma conclusão.

    Então, já há instrumentos para enquadrar não apenas os marchadores, mas também o Estado.

    O governo do estado de São Paulo, não somente permitiu o evento. Foi bem mais além, quando se constatou em filme a presença de oficiais da ativa da PM de São Paulo. Isso é crime,

    Na internet, uma pessoa, que se diz de Marinha e na ativa, fala abertamente em Golpe. Sendo ou não sendo da ativa, o que ela faz é crime.

    Ainda na internet, um militar da reserva incentiva aos seus colegas a fazerem curso de reciclagem de tiro, porque o “golpe comunista do PT” terá que ser debelado e que haverá luta.

    https://www.youtube.com/watch?v=F5xSkh5ET3A

    Não sou versado em direito, mas o bom senso aponta para que sejam tomadas providências. E essas providências não são detectadas.

    Novamente, um incômodo silêncio invade o senso de democracia.

    O movimento contra o “golpe comunista do PT” promete novas investidas e uma horda de gente ignorante e cheia de ódio adere a cada instante pelas redes sociais.

    Há o sentimento de um quadro anômalo que se associa ao sentimento não menos pior que é o de descaso para com algo que é imensamente caro a todos nós, inclusive aos marchadores: a democracia.

    Sergio Govea.

    —|||—

    • Qual é sua proposta, Sergio? Uma ação coletiva de cidadãos para provocar o STF, por exemplo? Eu de minha parte, concordo que é crime, mas gostaria que juristas, principalmente da área do direito constitucional entrassem no debate, antes de tomar qualquer providência

      • Juliano, Wladimir e demais.

        A minha ideia é a de entrar na justiça com base nas Leis 7.170 e 7.716 e com base nos Artigos 138 a 140 do CP de 1940.

        Mas, antes, precisamos de um ponto de encontro.

        Apesar de saber que o Eduardo Guimarães é um homem que luta pela democracia, entendo que este espaço de comentários não tenha por objetivo precípuo uma troca intensa de mensagens.

        Para quem estiver disposto a conversar sobre a matéria e já deliberar decisões, sugiro a instalação do PalTalk.

        Abrirei hoje uma sala com senha no Paltalk e lá poderemos conversar.

        A senha poderá ser obtida pelo email [email protected] a partir de amanhã bem cedo.

        Isso vale para todos. Todos que entendam que não podemos deixar a nossa tão cara democracia ao sabor da vontade de pessoas que , sem voto, querem a derrubada de um governo legítimo.

        Espero que todos leiam isso.

        Peço que os interessados repliquem esta postagem aqui no Blog e onde quiserem.

        Podem divulgar o meu email sem problemas.

        Espero que o Eduardo compreenda a replicação desta mensagem, convidando-o de plano a participar.

        Sem ódio e no voto. Que seja essa a nossa intenção perene.

        Valeu.

        Sergio Govea.

    • Concordo plenamente com você Sérgio; e também com os alertas que o Edu vem dando por meio deste Blog! Os filhotes de serpentes, assim como todos os filhotes são bonitinhos quando pequenos; ocorre, é que, por natureza “são serpentes”, e se não forem colocadas nos seus devidos lugares no devido tempo, irão crescer, e aí é que está o perigo! Movimento pela criminalização da apologia à volta da ditadura e ao crime do golpe contra o Estado Democrático de Direito. Vamos usar o mesmo “veneno” da ditadura contra essas serpentes! LSN nessa cambada. A maioria está identificada nos vídeos da “marchinha infame”!
      Abraços a vc Edu e Sérgio!

  • Não é necessário que esperemos a inclusão no Relatório da Comissão Nacional da Verdade da exigência de que a exaltação ao período da ditadura militar ou o apoio a um golpe de estado sejam considerados crimes(o que só ocorreria depois dessa exigência da comissão ser transformada em Lei); como também não precisamos usar a famigerada “Lei” da Segurança Nacional, feita pela monstruosa ditadura civil-militar que esses animais tanto exaltam. Há no Código Penal brasileiro a tipificação do ilícito de “Apologia ao Crime”, que caracteriza-se por considerar crime alguém, mesmo sem praticar, exaltar ou estimular a prática de qualquer crime, que pode ser perfeitamente usada tanto para colocar na cadeia, como praticante de um ilícito criminal, alguém que exaltasse um crime comum(roubo, estelionato); como para colocar no xilindró esses montes de merda que saíram relinchando sábado pelas ruas de algumas cidades do Brasil exaltando a ditadura militar e a realização de um golpe de estado(em quantidades ridículas, mas isso não importa porque independente do número praticaram um crime). Ambos, ditadura militar e golpe de estado, são por definição um crime, pois afrontam a Lei ao derrubar o Governo que a LEI colocou no poder dentro de um determinado prazo também estabelecido por ela. Portanto, exaltá-los é apologia ao crime, como já disse no meu comentário na matéria anterior que cobria o show de horrores que esses psicopatas realizaram em São Paulo. Ora, se muitos tentaram usar esses dispositivo legal para enquadrar as pessoas que participaram das marchas “pela liberalização da maconha” no passado, ainda que tais marchas não pregassem o consumo da droga, o que seria crime, mas exercessem o direito democrático de discutir a modificação de uma Lei; o que não dizer dos que não pregam nenhuma discussão legal, mas escancaradamente fazem apologiao ao desrespeito à Lei que caracterizou nossa ditadura civil-militar; além de ser uma das maiorers atrocidades praticadas em todaa História do Brasil, e caracterizaria a realização de um golpe de estado contra o Goevrno democraticamente eleito? Não há o que discutir, cabe à Sociedade civil organizada(e falo dela coletivamente, este blog já tem demandas demais para patrocinar e não pode encampar essa ideia)procurar os meios legais(quem sabe encaminhando uma Representação ao ministério público?)para que esses animais respondam pelo crime que cometeram sábado em várias cidades do Brasil(uma busca na web é suficiente para localizar-se os organizadores da “marcha” nazi-fascista, sem contar a enorme quantidade de material, fotos e vídeos, que registraram aquele show de psicopatas), pagando pelo crime cometido e garantindo-se que eles ou seus seguidores não voltem mais a repetí-lo. É urgente que a Sociedade brasileira, com a lei a ampará-la, reaja agora antes que eles não se tornem mais afoitos. Lugar de bandido fascista é na cadeia para pagar pelos crimes que comete.

  • …na realidade, na realidade, não apoiam a volta da ditadura de 64, mas apoiam QUALQUER coisa que signifique a saída do PT do poder (inclusive golpe de estado).
    São os de sempre querendo a cabeça do PT a qualquer preço.
    A democracia e a sucessão de governos do PT ou não cuidarão de reduzir esse grupo de mil pessoas (nada), para rigorosamente nada.

    • Cuidado com o que deseja. O que você escreveu sem pensar diz por exemplo que você aceitaria a ditadura do líder da Coréia do Norte se em um exercício de imaginação ele viesse aqui para tirar o governo petista do poder. E acredite em mim, embora a nossa democracia ainda seja deformada e capenga, você têm o direito de sair gritando por uma mudança de regime. na Coréia você desaparecia e nunca achariam o seu corpo se fizesse a mesma coisa.

      • Perdão, entendi errado o seu comentário. O que eu escrevi anteriormente se aplica aos manifestantes, achei que estivesse falando em nome deles ao invés de descrevendo o que eles fizeram

  • Essa é uma necessidade urgente, criminalizar a apologia de golpes, de rupturas democráticas. Pode ser essa a nossa nova missão: propor projeto de lei nesse sentido. Tarefa da blogosfera progressista, pois não temos outro movimento capaz disso.

  • Prezado Eduardo:

    Que bom seria se esses caras que querem a ditadura fôssem morar na Coreia do Norte;mas antes poderia fazer um estágio numa ditadura financiada e apoiada pelos Estados Unidos. Trata-se da Arábia Saudita.

    • Mas a Arábia Saudita é um exemplo de democracia conforme os EUA. E os EUA apoiam democracia monárquica como a da Arábia Saudita.

      Venezuela é um exemplo de Ditadura, mas lá há eleições anuais, onde o povo escolhe o “ditador”. Na democrática monarquia da Arábia Saudita o povo não pode escolher e nem questionar o democrático rei, ele sim representa os conceitos de democracia ( a democracia dos EUA).

  • Daqueles pessoal sem Norte que participou do evento, fizeram só pelos 150,00. Nenhuma ideologia os moves a não ser os interesses dos bucaneiros. Alguns estavam com a bússola apontando para o Norte da América do Norte por ideologia e por ser traidor, quinta coluna. Foi só ouvir um no microfone dando como exemplo os Estados Unidos para entender que ele procurava a chance de ter um poder de destaque na nova ordem que poderia surgir.

  • Rio de Janeiro, 24 de março de 2014

    UNE: Direção

    PROJETO: UNEDOBEM

    A UNE é de grande importância para a sociedade brasileira, mas no meu ponto de vista, poderia fazer muito mais, para os estudantes carentes do Brasil, por exemplo, formar uma grande rede de solidariedade e apoio, para esses estudantes. Lançar um projeto, com o apoio de algumas empresas e festas culturais, A UNEDOBEM onde um estudante quase formado, daria apoio (seria um padrinho do bem) para quem está começando na faculdade (o estudante carente) como livros, apostilas, roupas e até um local, para que esse estudante, possa começar a sua vida acadêmica. O estudante apadrinhado, principalmente oriundo de uma família pobre, que recebe o bolsa família, poderia contar com uma caixinha dos associados da UNE, para as sua despesas básicas, ter uma carteirinha especial, um cartão com um limite por mês, para ser gasto na faculdade, para ser pago por esse projeto. A luta da UNE agora, deve ser para transformar, para melhor, a vida do estudante pobre brasileiro, essa será um linda e gloriosa luta, por um país, mais justo e solidário.

  • Edu, isso tudo que aconteceu, sábado, não passa de raiva da direita contra os novos brasileiros que essa direita se negava a ver. Eles não aceitam que o juros na poupança está baixo demais para formar renda extra, que a empregada doméstica deles ficou cara ou foi trabalhar com carteira assinada em outro lugar, que os aeroportos e restaurantes estão lotados de gente que eles não consideravam como merecedores de estarem ali, que o sistema de cotas colocou pobres e/ou negros e/ou não brancos nos bancos das universidades pública, que os governos do PT não deveria oferecer assistência médica no interior ou periferia das grandes cidades para atender pobres e etc.. É por isso que eles foram às ruas e alguns o foram pelos R$150,00 oferecidos pelo que há de mais atrasado em nossa sociedade. Eles estão se lixando para direitos.

  • eduardo, não espanta que QUEM está acostumado a PAGAR PRA TER, ache que, COMO PAGA(?!) IMPOSTOS, TEM DIREITO A GOVERNAR O PAÍS INTEIRO.
    se traem ao dizer QUERO MEU PAÍS DE VOLTA.
    usam mídia, militares cúmplices, empresários dúplices, intelectuais & intérpretes desEMPREGADOS PRA CONTINUAR (500 ANOS DE HERANÇA SENHORIAL) mantendo o POVO SUBORDINADO.
    povo que sempre foi maioria, MAS SÓ VEIO A APARECER COMO TAL COM ELEIÇÕES
    e cujas manifestações livres são esmagadas com ARMADO preDOMÍNIO CULTURAL ou golpe eleitoral
    nessa continuidade DEMOCRÁTICA vai-se esgarçando a CORTINA AUTOCRÁTICA
    amém

  • Os reacionários sempre vêm com esse papinho de que apoiamos a ditadura comunista de Cuba, da Venezuela e trololó trololó…isso dói nos ouvidos…’eita’ povinho que se preocupa demais com os vizinhos mas se esquece de olhar para o seu quintal e cuidar da sua vida para o bem do Brasil. É o típico vizinho fofoqueiro, que não sabe nada de nada, não tem argumentos, mas tá lá pra encher o saco e meter o bendelho onde não foi chamado; atitude bem típica dos americanos. Coincidência?

  • Sabe que eu estava pensando isso ontem ouvindo uma entrevista para vários jornalistas do jogador Tinga, vítima de racismo num jogo de futebol no Peru onde ele, Tinga, foi chamado de macaco.
    Todos os jornalistas indignadíssimos (com razão), faziam discursos veementes contra o racismo. No entanto, no mesmo programa, quando o assunto foi a tal marcha, ninguém demostrou um pingo de contrariedade. Ao contrário, eram contra o golpe, mas defendiam o direito “democrático” da manifestação fascista.

        • Hoje você pode dizer o que quer, pode criticar o governo, pode votar em quem quiser. No tempo que você defende, você não podia votar e não podia discordar do governo. Nós, democratas, lutamos para que você possa dizer todas as asneiras que infestam sua cabeça vazia

          • Eduardo, parece haver uma contradição nas suas palavras. Você diz agora que, como democrata, defende o direito dos ditos fascistas mostrarem como são infames e fazê-lo impunemente. Mas o título de seu post é “pela criminalizaçao da apologia à ditadura militar”. Repito o que já disse aqui uma vez: a chamada esquerda apenas reproduz, com sinal político invertido, muitos dos males que condena na direita. E aqueles que como eu buscam uma opção intermediária, coerente e menos hipócrita ficam perdidos…

  • Mas quanta bobagem ainda vai ser dita por pessoas que estão dando o golpe Comunista no brasil ???

    Quem se debruçar sobre a HISTÓRIA VERDADEIRA, verá que os “MILICOS”, ou parte deles, só começaram a dar pescoções depois que os “LIBERTADORES” COMEÇARAM A MATAR E SEQUESTRAR PESSOAS.
    Isso foi apenas um “ATENDENDO A PEDIDOS”. Uma reação ao “Método Cubano de Libertação.”.
    E, o pior de tudo, é que convenceram grande parte da nova geração que nem soube o qua aconteceu de verdade.

    • Que história “verdadeira”? A tortura começou nos primeiros dias do golpe. Os assassinatos e tudo mais. Wladimir Herzog, só para ficar num dos exemplos mais famosos, foi torturado e morto só por sua opinião – era editor da TV Cultura. E as crianças que foram seviciadas pelos militares? Recentemente, a Comissão da Verdade de São Paulo fez uma sessão só sobre as crianças torturadas. Que ser humano tortura crianças? Quem estupra mulheres para obrigá-las a falar? Conheço várias que sofreram torturas diabólicas e que não tinham nada que ver com o peixe. Vocês são o mal, são diabos em forma de ser humano. São racistas, gananciosos, desonestos, machistas, cruéis. Não são seres humanos.

        • Eduardo, desculpe mas não entendi sua resposta ao Marcelo creio que ele se dirigiu ao Manoel. Os trolls estão procurando irritar-lo e tirar do sério. A discussão torna-se inocua porque os trolls estão ai somente para tumultuar e desinformar, e outros comentáristas de direita são totalmente manipulados pela mídia, e estão cegos de um ódio infundado (discutem comunismo/socialismo como se fosse a mesma coisa, sem noção). O problema maior está na mídia partidarizada, enquanto não se resolver isso (que seria função do governo ….) vejo um grande desgate pessoal para você. Espero ajuda-lo a ver para concentrar no problema real e não se desgastar com esses idiotas, seu blog é muito importante para ficar nesse bla bla.

          • O tal de Manuel Fernandes não vai conseguir compreender os conceitos de revolução e golpe. Na cabeça dele revolução foi o que os golpistas fizeram em 1964. E ele deve apoiar o golpismo de 64.

  • Sempre é oportuno renovar congratulações a quem, responsável por um blog como este da Cidadania, de modo incansável, sacrificado é óbvio, batalha pelo Bem Comum do Povo Brasileiro. Agradecimentos também pela avaliação sobre essa indiferença com que tantos se comportam ante a gravidade dos fatos tão objetivamente apontados e catalogados como o crime que na realidade são..

  • Só defende os Militares/Nazistas/Fascistas/Assassinos/Lambe-Botas-do-EUA se:

    1) No Golpe estavam ao lado deles e se locupletaram.
    2) Caso de distúrbio grave de caráter.
    3) As duas alternativas estão corretas.

  • Edu
    Concordo com vc. Acho que a direita golpista está mostrando as garras aos poucos .
    A quem cabe mostrar a ela os limites da lei? Não sei se a próxima vez que se manifestar
    ainda tenhamos motivos pra rir… Essa praga cresce na sombra e tem raízes fortes.

    Em tempo: Quem é esse Sérgio Govea?????

  • Apoio a criminalização da apologia a qualquer tipo de ditadura. Por acaso, há ditadura má e ditadura boa? Qualquer que seja a ditadura deve ser condenada, tanto as de direita como as comunistas que existem em Cuba e na Coreia do Norte. As protoditaduras como as da Venezuela também devem ser condenadas. Ditadura nunca mais.

    • Cuba é uma ditadura gerada pelos EUA; Coreia do Norte é um horror que qualquer pessoa sã combate e nunca você viu apologia àquele regime em um blog como este. Nunca vi ditadura em que todos podem votar livremente, como na Venezuela, e podem escrever grandes jornais xingando o governo de tudo quanto é nome. Só que estou no Brasil e é aqui que gente como você tenta implantar de novo a ditadura. Então, eu luto para poder continuar dizendo as minhas ideias e você as suas. E você luta para me calar, para implantar no Brasil um regime em que só vocês, fascistas, possam dizer o que pensam. Vocês não passarão.

      • podem escrever grandes jornais xingando o governo de tudo quanto é nome

        Desde que o governo lhes de o papel para imprimir.

        Livre expressão, como a deputada cujo mandato foi simplesmente revogado??

        Vc é louco de pedra meu

      • “Só que estou no Brasil e é aqui que gente como você tenta implantar de novo a ditadura. Então, eu luto para poder continuar dizendo as minhas ideias e você as suas. E você luta para me calar, para implantar no Brasil um regime em que só vocês, fascistas, possam dizer o que pensam. Vocês não passarão”.

        Ao responder, você deve conferir a quem está respondendo. Neste post há mais de um Paulo fazendo comentários. No comentário que fiz nada há que justifique a resposta que você deu acima. Como pode ver, eu condeno TODO tipo de ditadura, SEJA LÁ QUAL FOR. Todos devem ter o direito de falar o que quer e defender o que quer, sem censura ou ameaças do Estado nem perigo de prisão como em Cuba e na Coreia do Norte. Sou pela liberdade total de expressão, seja relacionado à direita, ao centro ou à esquerda. Todos têm o direito de expressar suas opiniões. É por meio do debate que conseguimos sanar as divergências.

        Não tenho procuração para responder pelo xará Paulo, que comentou às 11:17. Só que ele é outra pessoa.

  • A liberdade de expressão é garantida pela constituição. Qualquer um pode fazer uma marcha apoiando o que quiser. Tem marcha da maconha, marcha dos gays e até marcha apoiando os corruptos que estão no poder hoje em dia. Então uma marcha apoiando o fim da corrupção e a retomada da lei e da ordem no país é mais que legítima. Vão chorar lá em Cuba junto com os presos da ilha (toda a população cubana).

    • A lei 7716/89 criminaliza o racismo e o nazismo porque há diferença entre opinião e crimes retóricos que induzem violência e discriminação. A Alemanha criminaliza o nazismo pela mesma razão. Eu sou um cidadão brasileiro. Não é um vagabundo fascista como você que irá me expulsar de meu país. O mundo mudou, fascistão. Hoje vocês têm que engolir a democracia e conviver com opinião divergente.

    • Besteira
      Querem um “intervenção” militar para convocar eleições em 180 dias.
      Não precisa intervenção militar. As eleições já estão convocadas. Quem é contra a governo compareça às urnas no dia 5 de outubro, pouco mais de 180 dias, e vote em quem quiser.
      Se nem um candidato que está ai o representa, indiquem o Joaquim Barbosa, O Bolsonaro ou o Olavo de Carvalho.
      Mas sejam rápidos, pois o prazo para candidatura a presidente acaba em abril.

      • Esse é o problema desses fascistas e psicopatas: estão sem opção eleitoral e desesperados com iminência de uma nova derrota para a Dilma em outubro. Enlouquecidos, vêem no golpe militar a única saída para barrar o PT e a esquerda. Mas são violentos e perigosos. Precisam ser desmascarados pelas forças democráticas, derrotados nas urnas e enquadrados rigorosamente na lei.

    • “Então uma marcha apoiando o fim da corrupção e a retomada da lei e da ordem no país é mais que legítima.”

      O engraçado – ou melhor dizendo, o triste – é que estes panacas acreditam – ou fingem acreditar – que o regime de fascistas deles não teria corrupção e haveria retomada da lei e da ordem.

      Na ditadura que estes fascistas tanto amam havia vários relatos de corrupção (ex: construção da ponte Rio-Niterói e o rombo da previdência). Isto porque muita coisa ainda não se sabe, porque era proibido investigar o governo e seus bandidos na época.

      Panacas.

    • Paulo, quando você vai fazer uma marcha para protestar contra alguma coisa, deveria AO MENOS ser um protesto coerente. Por exemplo, é ridículo acusar o governo atual de ser “comunista” (e mesmo que fosse comunista, isso NÃO é um crime) dado que se o governo fosse REALMENTE comunista não teríamos nesse exato momento empresas privadas, propriedade particular, eleições e etc. Aliás diga-se de passagem que neste suposto “governo comunista” atual os banqueiros e empresários estão muito bem de vida (o que não aconteceria se estivéssemos de fato sob um regime comunista).

      Apareceram pessoas apoiando o fascismo, você REALMENTE entende o que significa isso? Entende se que tivéssemos um governo fascista neste momento, você provavelmente estaria morto por qualquer pequena discordância – justificável ou não – que tivesse contra o ditador? Querer promover “caça aos comunistas”? WTF? É capaz de notar a OBSCENA semelhança com a “caça às bruxas” da idade média? Estou história para saber as REAIS razões da caça às bruxas?

      Protestar sobre coisas concretas é uma coisa, mas o que vocês fizeram nas ruas foi, desculpe-me, fazer papel de palhaço.

  • Edu,

    Esses aposentados idiotas que não souberam criar os filhos agora pregam o fascismo. O maior ódio deles é que chegaram a quarta idade sem o respeito dos filhos e/ou parentes e por puro egoismo acham que voltando aos anos 60 suas vidas mudarão. Seria bom lembrá-los de Iara Iavelberg uma paulistana da classe média que é apenas um entre os mais de 400 cadáveres registrados na luta pela democracia .

  • Prezado Eduardo:

    Essa turma que fica dizendo eu acho, eu acho, pititi, patatá; então achou.
    Vou sugerir a leitura de dois livros.
    1. O Golpe Começou em Washington – Edmar Morel
    2.Seja Feita a Vossa Vontade – Gerard Colby
    Depois esses analfabetos políticos e seguidores de entreguistas e chantagistas não venham dizer que eles aqui não recebem informações para libertá-los da ignorância política para poderem pensar em um Brasil melhor e realmente independente.
    Lembrem-se fascistas e entreguistas
    ” Não há felicidade sem liberdade e o fundamento da liberdade é a coragem”.
    É preciso ter coragem para enfrentar a grande mídia. É preciso ter coragem para enfrentar os rentistas/parasitas que nada produzem e que levam uma grande fatia do orçamento nacional. É preciso ter coragem para enfrentar o capital estrangeiro que está aliados a grandes grupos nacional e querem destruir a nossa economia.
    A vida ( seja animal ou vegetal) é movida a energia. Petróleo é a mola impulsora da nossa sociedade. Por que será que ontem uma agência de risco (norte americana) rebaixou a nota do Brasil e focou principalmente na Petrobrás e na Eletrobrás? essa turma juntamente com os PSDB não quer que sejamos
    independentes. Essa briga contra a Petrobrás começou muito antes da sua criação.
    Governo Getúlio Vargas (Ministro da Agricultura- Juarez Távora -Boletim n° 23 de abril a junho de 1934
    “sobre o petróleo de Lobato no Estado da Bahia, o assunto foi estudado por técnicos competentes e o relatório merece inteira aprovação do dept° de Produção Mineral – está provado a inexistência de petróleo na Bahia”.Levaram Getúlio ao suicídio porque ele criou a Petrobrás. Agora o PSDB quer entregá-la à Chevron.

  • Caro Edu!

    Fico perplexo, por haver pessoas, que olham somente para o próprio umbigo e, ficam ensandecidos, a ponto de querem matar outro ser humano por divergir de sua opinião essa passeata foi extremamente perigosa, mas também fico admirado pela sua paciência em responder aos questionamento dos fanáticos desinformados.
    Abraços.

  • Edu, concordo totalmente.
    Não deve ser dificil entrar na justiça contra essa marcha e seus organizadores. É ilegal fazer apologia ao crime (vide os problemas que a marcha da maconha enfrenta). Só se teria que demonstrar que pregar ruptura institucional é apologia ao crime. As fotos estão aí, os cartazes deles falam tudo.

  • “Para sorte dos fascistas que saíram às ruas das grandes cidades brasileiras no último sábado, porém, nenhum democrata recorrerá àquele instrumento infame legado pela ditadura que exaltam, mas que poderia ser usado para enquadrá-los.”

    Os supracitados artigos da lei 7170/83 podem ter sido recepcionados pela atual constituição. Caso sim, o dispositivo poderia ser muito bem utilizado nestes casos de apologia ao golpe.

  • Delongas e afins;…

    Comparar os governos militares ao nazismo é piada!
    Mas sei um regime que pode ser alvo da sua pretensa lei, este regime é o comunismo pois fazer apologia ao socialismo e comunismo deveria ser crime pois este regime dispensa apresentação e tem como ícones Pol Pot, Stálin, Lenin,Henver Hoxxa,Nicolae Causescu , Ho chi Mim, Mao Tsé Tung, Fidel Castro enfim estes todos mataram juntos milhoes de seres humanos em prol da implantação de seus regimes…
    No demais o pior mesmo é ver alguém falando mal de um regime e na mesma seara instando a aplicação de uma lei criada por esse (…).
    Ademais tal lei é notadamente inconstitucional pois não foi recepcionada pela CF/88 portanto está no limbo e a aplicação da mesma seria ato idiota no plano jurídico/penal.
    Fato também que a Carta Política de 88 não criminaliza tal ato que você Eduardo diz ser crime, portanto que haja mais manifestações em todos os sentidos… Pedir a cabeça do presidente ou um golpe militar é fato ATÍPICO.
    E quanto aos “democratas” não querem aplicar tal lei isso é falso pois é de domínio público inclusive o STF já disse veladamente que tal lei é inconstitucional e colide frontalmente com as garantias e direitos individuais, sendo que o enquadramento de qualquer cidadão em tal tipo penal será criminoso gerando inclusive penalidade tanto na esfera cível quanto criminal, sendo por isso que todos os agentes do estado estão desautorizados a fazer uso desta lei, e os que fizerem podem inclusive ser exonerados.
    Também aproveito o momento para lhe dizer que nos USA não existe código penal ou seja lei escrita na esfera penal , pois lá o sistema judicial NÃO é o Romano Germânico e sim o “Common Law”, sendo inverídica sua afirmação que lá é crime pedir a destituição do presidente.
    Os americanos escrevem poucas leis mas sabem respeitar leis de convivência comum , em pesquisa básica ao site do departamento de justiça verá que lá pode haver qualquer tipo de manifestação, saiba também que na Pensilvania há comunidades que se negam a ter documentos ou mesmo a respeitar o governo, portam armas pesadas e vivem em paz, saiba também que lá usar cinto de segurança ou seja, a obrigatoriedade é inconstitucional , em 1985 o departamento nacional de transportes tentou uma lei nesse sentido visando a redução de mortes, mas a suprema corte se pronunciou que os entes federados não podem ser obrigados a cumprir leis da união.
    Ademais cabe aqui lhe esclarecer que a formação dos USA se deu por associação de colônias que tinham e até hoje tem normas e leis diferentes, sendo que Washington é apenas eleito entre estas como um representante, sendo que lá não existe repasses federais a estados ( salvo em casos de desastres), e Obama não tem poder algum sobre nenhum estado, ou seja, lá inexiste intromissão federal e a união se dedica mais a política externa , que em minha opinião é o melhor modelo.
    Espero que esta prolixa explicação lhe tire as dúvidas…
    atenciosamente,
    celso Leal

  • Caro Edu,

    Já existe uma previsão constitucional, Art. 5º, XLIV, que criminaliza com rigor a ação de grupos armados, civis ou militares, contra o Estado Democrático.

    Parece-me que a melhor maneira de enfrentar esse assunto seria por meio de uma proposta de Emenda Constitucional que acrescentasse ao Art. 5º, XLIV o crime de pregação ou apologia contra o Estado Democrático.

  • Nós, democratas, lutamos para que vocês, fascistas, possam mostrar como são infames. E impunemente.

    Nós democratas??? pelo amor de Deus….vc nem sabe o que significa.

    Alias nem vc nem nenhum outro petista e muito menos aqueles da luta armada…..

    Ainda bem que o blog é seu, ai vc fala a merda que quiser.

  • Edu, tudo isso esta acontecendo porque não fizemos um ajuste de conta com os torturadores. Eles tinham que ser julgados, condenados e presos e não ficar passeando pelos shoppings com seus netinhos. Eles tinham que ser criminalizados e presos, como foi feito na Alemanha, na Argentinha e em outros lugares do mundo. Somente desta forma poderemos virar esta página de vez. Uma lei criminalizando este tipo de manifestação ajuda, mas é um paliativo, temos que derrubar a Lei da Anistia que anistiou agentes do Estado, pagos com o dinheiro público, que cometeram verdadeiros crimes hediondos contra o povo brasileiro, contra a humanidade.

  • Os golpistas sempre procuram justificar seus atos. Em 1954 havia o tal “mar de lama no Catete”, mas já havia um componente ideológico. Em 1961, voltou o tema do comunismo para tentar impedir a posse de J.Goulart. Em 1964 a mesma coisa: corrupção e “comunização do país”. Agora, a mesma lenga-lenga. Êta energúmenos sem imaginação. Parecem aqueles discos velhos furados. Não passam de uns labrostas cafumangos.

    • E quando lhes faltam argumentos, vem a indefectível expressão “… então vá pra Cuba…”. São ridículos mesmo. Pode até ser que eu siga os conselhos desses biltres e vá ver Omara Portuondo, Pablo Milanés, ouvir a música de Ernesto Lecuona e Compay Segundo, ir ao “La Floridita”. É, não é má idéia, não… quem sabe? Obrigado pela sugestão.

  • Em relação ao tema central do post, ou seja, a proposta de criminalização do pleito pela volta da ditadura militar, acho difícil encontrar sustentação legal para embasar a tese.
    Conforme alguem já disse, há liberdade de expressão que permite qualquer manifestação, desde que não seja de fomento ao racismo ou ao crime.
    Dirá alguem, ah! na ditadura militar houve tortura e assassinatos. Sim, mas os manifestantes podem contrapor que eles querem um regime duro, mas que não defendem cerceamento de liberdade nem atentados à pessoa humana.
    Por mais que não se lhes goste ou que se lhes oponha, quem quiser combater movimentos desse naipe deve fazê-lo no campo ideológico, acho difícil encontrar meios de criminalizá-los.
    Um adendo, a mesma rejeição que se têm à ditadura militar de 64, e aos que a defendem, deve valer para a ditadura Vargas, à qual muitos se apegam hoje em dia sem saber que ela foi tão ou mais sangrenta que a dos militares.

    • Fazer apologia a um golpe de estado para a instauração de um regime militar é crime contra o Estado Democratico de Direito.Manifestação de protesto é uma coisa,fazer apologia ao crime,sendo enfatico, é crime e golpe de estado é crime contra as instituições democraticas.

  • A subversão dos neogalináceos verdes não deve ser menosprezada. O ressentimento deles é puro revanchismo contra a democracia e a inclusão social. Aqui, encontram convergência com os neoliberais. Exemplos de flerte entre ambas as vertentes não faltam. Pinochetistas no Chile, Bolsonaro mergulhado na campanha do Serra em 2010 e McCain com o Svoboda na Ucrânia são práticas conhecidas. Se o ovo da serpente quer chocar, melhor prevenir que remediar!

  • Edu, confesso que fiquei bastante preocupado com as manifestações das marchadeiras e estava mais preocupado ainda com o silêncio dos blogueiros sujos, ainda bem que você expôs a sua e a minha preocupação.

    Um abraço, Irenaldo

  • Eduardo, fora de pauta. Acho importante uma matéria publicada no Brasil 247. Ela fala sobre reembolsos de tratamentos dentários(com porcelana e outros materiais caríssimos) para parlamentares e seus familiares e ex-parlamentares com valores elevadíssimos. Hoje eles falam e moralidade e austeridade e pedem CPI. O povo precisa conhecê-los também.

  • O Brasil é um país onde a maioria de sua população não olha para frente e muito menos para trás.Pedir a ditadura é apenas destilar o ódio entranhado dos menos favorecidos. Exigir a volta da ditadura é apenas querer as senhoras e filhos dos militares voltem a entranhar nos órgãos publico, mamando na teta do contribuinte. Já imaginaram a Alemanha pedindo a volta do nazismo ou a africa do sul pedinto a volta do apartheid. isso só aconteceria se fosse aqui no Brasil.

    • Aí não Jorge. Aí você foi longe.

      Você tem certeza que os brasileiros estão exigindo a ditadura militar de volta?

      Nós somos 200.000.000 de habitantes.

      Em torno de 1.000 pessoas compareceram à marcha pela família com deus para o golpe dos militares.

      Calculemos:

      1.000
      ——————- = 0,000005% pentelhésimo de imbecís.
      200.000.000

      Esse tanto de tonto não dá nem a metade da população de uma vila em Trás os Montes.
      Que dirá a maioria da população brasileira.

      Lembranças ao Coliseu.

  • Sei não mas acho que essa hilariante marcha das viuvinhas da ditadura teve o efeito contrário do esperado, muita gente que andava falando mal da política, demonizando a política como coisa suja despertou para um fato que a muito não se escutava: a pior democracia é superior a melhor ditadura.

    As vivandeiras de bivaque carregam um grande estelionato em sua pretensão, tomar o poder sem voto e sem eleição ao melhor estilo pé na porta e arma em punho é uma trapaça, e um governo que já começa com esse vício não pode ser melhor do que o derrubado.

  • As cavalgaduras da direita e da extrema direita não têm argumentos,só coices.Caso tipico de elementos com os neuronios em curto circuito permanente.Querem pregar o golpe de estado?Atras das grades,pelo menos,num presidio de segurança maxima e se possivel em local de dificil acesso para impedir qualquer contato com seres humanos.Se bem que aos inimputaveis,não caiba pena e sim medidas de segurança.Caso tipico de fascistas e coxinhas em geral.

  • Edu, vou dizer só duas coisinhas para essa reaçada:
    1 – Quem não tem voto tem rojão ou bomba
    2- Se citam exemplos de ditaduras em outros países porque não lembram das ditaduras militares, de direita, apoiadas pelos EUA que ocorreram no Chile e na Argentina, tão ou mais sanguinárias que a do Br.

  • Boa notícia: o pmdb retirou a proposta para alterar o Marco Civil. Parece que agora há mais chance do projeto original ser aprovado na integra. Viva!

  • FORA DE PAUTA:
    Sobre o Marco Civil da Internet, parece que daqui a pouco (20:22 25/03/2014) será aprovado no congresso com algumas modificações mantendo-se a privacidade, liberdade e a neutralidade na rede, contundo após aprovado no Camara será remetido ao Senado para apreciação naquela casa, pergunto se o relator desta PL que foi o Deputado Alessandro Molon poderá garantir o mesmo texto aprovado na Camara lá no Senado e quem será o relator do mesmo texto quando for votado no Senado, me preocupo que no Senado poderá ser desmanchado o texto em favor das teles e a Rede Globo??? sim hoje podemos comemorar a provável aprovação, porém poderemos ficar tranquilo quanto ao mesmo resultado no Senado?
    então deixo minha preocupação quanto a isto, será que alguém poderia me dizer quanto a esta possiblidade de ser alterado o texto do Marco Civil no Senado???

    • Se houverem alterações no senado, o texto voltará para a câmara que poderá aprovar ou não cada uma das alterações e por fim, enviará o texto para a sanção presidencial.

      Se NÃO houverem alterações no senado, o texto vai direto para a presidência.

  • Teríamos que criminalizar o aopio a TODA E QUALQUER DITADURA. Stálin matou MAIS DE 20 MILHÕES em nome do “estado operário”, onde quem ficava na boa mesmo eram os integrantes da cúpula do partidão. Que dizer da ditadura cubana e seu PAREDÒN? Coréia do Norte e o megalomaníaco com armas nucleares e fão do rato da Disney e dos gadgets da maçã? Ou a China que cresce num ritmo alucinante ao custo do trabalho praticamente escravo de seu povo enquanto os membros do partidão… Pol Pot e o kmer vermelho? 2 milhões de mortos. Aliás, é interessante notar o número de mortos da nossa ditadura… 424. Fonte: http://www.averdadesufocada.com/index.php/textos-de-terceiros-site-34/201-2911-os-mortos-da-ditadura-mito-e-realidade

    Então comprar 424 mortos com 20 milhões do Stalín fica meio distorcido. Talvez com o kmer vermelho, 2 milhões. Não ainda é muito. Vamos ficar com Cuba, aqui do lado: 17.000 fuzilados… http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/dilma-em-cuba-livra-a-cara-de-tiranos-que-mataram-3951-vezes-mais-do-que-o-regime-militar-brasileiro-e-a-mulher-da-comecao-da-verdade/

    Ou seja, em termos de matar quem discorda de você nossa ditadura era mais que amadora se comparada com a de Cuba, que aliás perdura até hoje. E quem tem entre seus defensores o ex-presidente e a atual presidente. E os dois enchem a boca para falar de luta pela democracia e direitos humanos…

    Se vc quer uma ditadura do proletariado, eu tb sou livre para querer uma ditadura de “direita”.

    • Só mesmo a democracia concede aos fascistas o direito de ameaçá-la… O que leva uma “pessoa” a reservar-se o “direito” de querer uma “ditadura de direita”… E, o que é pior, preferir uma ditadura de direita por “entender” , sem nenhum fundamento, ser menos letal do que uma ditadura de esquerda!
      Ditadura é ditadura prezado, caso te dês ao trabalho, sugiro que leias alguma coisa sobre a Russia Czarista e, também, sobre a revolução de 1917. Verás que, também lá, as facções políticas acomodaram-se à esquerda, ao centro e à direita. Trotsky, por exemplo, era de esquerda… Ganhas um doce se adivinhares a qual facção pertencia Stálin?!

    • Isso mesmo George falou tudo. Os Comunas Totalitários não aceitam a liberdade de imprensa, de expressão e de opinião, e estão fazendo de tudo para amordaçar, calar e censurar a pequena imprensa oposicionista ( vide o que fizeram com a Rachel Shererazade) .
      Estão doidinhos para instalar uma Ditadura de Esquerda Totalitária Sanguinária e assim legitimar seus atos de perseguir os conservadores, os cristãos, os que prezam pela moral e bons costumes.
      Não se trata de defender o Regime Militar ( que cometeu alguns excessos), mas sim defender a Família tradicional, a liberdade de imprensa, de opinião, de religião e expressão, e os Militares são o única esperança que o povo ainda têm pela garantia da lei e da ordem.
      E a Ditadura Comunista matou mais de 100 milhões pelo mundo e foi muito sanguinária e isto os Comunas Totalitários querem esconder a todo custo.

  • Fora de pauta:

    Por estas horas o Marco Civil da Internet já deve estar aprovado, quase que por unanimidade.
    Só não foi por unanimidade porque o merda do Rubens Bueno e o cretino do Roberto Freire votaram contra, com um argumento idiota de que este marco civil é uma intervenção do governo, pelo que foram vaiados pelo pessoal que assistia à sessão da Câmara.
    Aliás, nem sei porque se deram ao trabalho de votar contra, já que votaram quase no fim, depois de os outros partidos já haviam aprovado.
    As caras de peroba do Rubens Bueno e do Freire não têm preço!

      • C P, cê precisava ver…

        À parte o fato de que todos têm direito a pensar e agir como quiserem, a única coisa que me veio à cabeça, naquela hora, ao ver um cara de cabelos brancos proferir tantas infâmias foi aquela frase que diz que “canalhas também envelhecem”…

  • E não pode partir da iniciativa popular uma lei que faça esta proposta de criminalizar apologia à ditadura militar e equipará-la á apologia ao nazismo?

  • Ola Edu!

    então, para uma Lei dessa vingar tem que vir das ruas,
    então eu sugiro que façamos um clube de arrecadação
    de assinaturas, para poder agilizar colheitas de assinaturas.
    A gente resolve fazer uma Lei de cunho popular, mas primeiro temos que
    lançar a ideia, o Club das Assinaturas, cujo objetivo é quando necessitar
    arrecadar assinatura para projeto de lei, então com um prazo
    de 90 dias, arrecadaremos hum milhão de
    trezentas mil assinaturas, para sermos o mais rápido possível, formaremos uma rede
    nacional, um boca a boca muito rápido.
    Veja o que está acontecendo com a Lei de Mídia e a Lei
    de Reforma Política, ninguém, fala nada, não há nenhum boletim
    para mim essa ação que está ocorrendo em passo de tartaruga não
    passa de uma miragem, depois de afundarem o barco dos progressistas
    vai chegar ao Congresso.

    um grande abç.

  • Apoiado, desta forma vai parar de sair dinheiro do Brasil para financiar ditaduras militares no mundo, como por ex: Cuba.

    O estranho é que aqui fazem apologia diária de ditaduras sanguinárias na América Latina.

    • Dona Aliança, por acaso quando voce diz “financiar ditaduras pelo mundo como Cuba”, voce se refere ao “Mais Médicos”?
      Rapaz, só na cabeça de direitistas alucinados, importar médicos para suprir a carência desses profissionais nas regiões mais remotas e pobres do Brasil, é “financiar ditaduras”
      E o que Tio Sam fez e ainda faz seria o que então? Nossa Senhora, a cada uma que a gente tem que aturar. Mas ok, tudo em nome da democracia, sr.Aliança

      • Juliano Santos quer dizer que contratar médicos onde mais da metade do dinheiro que seriam pagos para eles vai lá pra Cuba não seria financiar uma ditadura? E a inauguração do porto de Mariel? Dê uma licença e vá parar de defender apologistas de ditaduras de esquerda. A realidade é que a verdade tortura o pessoal da esquerda, me explica o que seria um golpe militar haja visto que a vontade do povo e do congresso prevaleceu, foram eles que solicitaram a intervenção militar de 1964 que foi uma contra-revolução, evitando assim o golpe de esquerda. Pois bem, “só não enxerga a realidade quem não vê”. Me poupe e vão estudar a história do Brasil com honestidade!!

        • 80% de aprovação ao governo Jango na época significa pra você q o povo apoiou a ditadura? O povo ou os barões da mídia, empresários e cia que hoje sabemos a partir da abertura de arquivos daquela época?
          Pois bem, “só não enxerga a realidade quem não vê”. Me poupe e vá estudar a história do Brasil com honestidade!!

      • Juliano quem contribuiu com a suposta falta de médicos no Brasil foi o próprio governo impedindo a criação de novos cursos de medicina, com apoio para ser justo, do conselho federal de medicina.

    • ‘Ditaduras sanguinárias’ na AL foram em tempos idos, com os Golpes de Estado provocados pela direita, que não se estabelece em uma democracia, ocorridos no Brasil, Argentina, Chile, Bolívia, Paraguai e Uruguai ( Operação Condor) além de Nicarágua, Cuba e tantos outros.

      A continuidade dos governos legítimos de esquerda nestes países é amparada por políticas governamentais de base, atendendo as necessidades das maiorias e em respeito à dignidade humana. Haja visto à maciça aprovação nas eleições ao governo Chavez e Maduro, na Venezuela, Lula e Dilma, no Brasil, Fidel e Raul, em Cuba (aliás, exemplo de democracia!) e aos demais países latinos.

      • Quem vê pensa que a esquerda é democrática, nunca lutaram por isso, a contra ofensiva da direita para impedir a morte de milhões é chamada de ditadura.

        Quando um a ditadura de esquerda toma o poder 10% da população morre.

        Não é atoa que murros foram feitos, Cuba não marinha pesqueira pq será?

        Esquerdista acha que tem o monopólio da virtude e cria um espantalho para bater e bate sem contraponto.

        O discurso de esquerda é fácil de vender o que não contam é que será a igualdade mediante a perda das liberdades.
        Não vê a Venezuela e o seu bolivarianismo.
        “A ditadura perfeita terá as aparências da democracia”

    • Prezado
      Leia um pequeno livro de Noam Chomsky “O que o Tio Sam realmente quer” e você verá quem mais matou no mundo, se os ditadores da esquerda ou os “democratas” da direta.

  • Por falar em apologia ao crime, além da apoligia ao DITADOR Getulio Vargas, seria também interessante abolir a apologia aos movimentos criminosos e armados que atuaram contra a ditadura militar.

    Quantos crimes eles não praticaram? Assassinatos, ” justiçamentos”, sequestros…

    Até nossa “querida” presidente (ou “presidenta” como gosta de ser ridiculamente chamada) foi assaltante de banco. Será que já atirou em alguém? E o querido F Martins que até de sequestro participou?

    Pior é que essa turma acha que eles- com ou sem treinamento em Cuba (meu deus Cuba!!) – é que derrubaram o regime. Piada né?

  • Eduardo. O Ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio de Mello em entrevista gravada e televisada para todo o Brasil e para o Mundo, pelo jornalista Kenedy Alencar, declarou com sorrisos que o “Golpe Militar de 64” foi um “mal necessário”. Com este depoimento ficou e fica claro até hoje o seu apoio a todos os tipos de torturas praticados em nome daquela doentia ideologia fascista. Sou um admirador de sua coragem. Faço uma cobrança a você: “Deixe de fumar, hoje mesmo”. Abs;

    • Ada, vc é uma múmia paralítica, seu marido (se é que tem) é um corno, na sua familia só tem pedófilo e por aí vai.

      Hã hã, nada de reclamar, afinal de contas, pelo raciocínio lógico que a sua pergunta sugere, eu tenho ‘todo o direito de me expressar’, mesmo sem saber se o que estou falando procede…

      Viu como é legal?

    • Ada, Edu odiar a liberdade de expressâo? se ele odiasse teu comentário nem teria aparecido no blog, antes de falar bobagem pensem bem antes de achar que ser contra a apologia ao crime é estar contrário a liberdade expressão. outra, não confunda liberdade com LIBERTINAGEM.. toda liberdade que possamos ter exige antes responsabilidade e respeito as regras vigentes.

  • Que liberdade de expressão?Desde quando ser contra a apologia a um golpe de Estado que instaure uma ditadura militar terrorista como a de 64 é ser contra a liberdade de expressão?Vcs,fascistas e golpistas,definitivamente,perderam o senso do ridiculo,se é que algum dia tiveram.

  • Economicismo é um reducionismo sedutor. Seus seguidores, conscientemente ou não, desprezam a psicologia de massas constante dos movimentos políticos ou sociais coletivos.
    Neste vídeo de 2 min e 50 seg (https://www.youtube.com/watch?v=6q7bHktD8Qk), conclui-se como ressentimentos sedimentados por séculos ultrapassam poucos anos de algumas melhorias econômicas. Mesmo que estas sejam relevantes (bolsa família, pleno emprego, moradia popular, viajar de avião).
    A massa pobre e oprimida pode tornar-se ogro de um semelhante ou de si mesma.
    Basta um boato, uma fantasia, e ela vira o deus Saturno a devorar seus filhos.
    Os marchadeiros vivandeiros que desfilaram agora apostam no boato, para agitar os baixos instintos da massa secularmente ressentida.
    Ninguém duvide nem pague pra ver! Os marchadeiros têm que ser confrontados na lei e na luta!

  • Ninguém pediu que se instale uma ditadura militar num país onde a ditadura proletária já se instaurou. Pedimos, sim, uma intervenção militar que é bem diferente do que seria uma ditadura. Pedimos uma intervenção que seria necessária onde a roubalheira se tornou moda e onde os criminosos se tornaram donos da ocasião. Não temos medo de nenhum tipo de confronto. Seria a nossa vontade, mais do que justa, sendo confrontada com os black blocs violentos da vida. O que acham da última obrigatoriedade na Coréia do Norte? Já cortaram seus cabelinhos?

    • Jurema, por acaso a roubalheira do metrô de SP foi feita por gente de qual partido do proletariado? Responda ou você é apenas uma marca de castanha de caju, que por sinal gosto muito.

    • Só esqueceram de mencionar que na época da ditadura militar estava tendo a guerra do Vietnã igualmente agora que está para haver a terceira guerra mundial e Dilma inventa de trazer uma ditadura comunista aqui para o Brasil,o banco brics também com rússia e china vão derrubar nossa economia pois nesses casos generais ficam com os Estados Unidos. Ninguém quer isso,militarismo,mas como faremos com a soberania nacional? Que vale mais que tudo? Só intervvenção mesmo!

  • O ex-capitão do Exército Cláudio Heitor de Alvarenga não esconde o inconformismo com a morte do irmão, Francisco Jacques de Alvarenga, em 28 de junho de 1973. deixando a família jogada a sorte por ação covarde da esquerda….

    Militante que se insurgiu contra a ditadura (1964-85), foi executado aos 27 anos com quatro tiros, que acertaram a cabeça, o pescoço e o peito, na sala dos professores do colégio Veiga de Almeida, no bairro carioca da Tijuca, onde dava aulas de história.

    Em seguida, os atiradores picharam na parede a sigla “ALN”, de Ação Libertadora Nacional -uma das maiores organizações da luta armada no Brasil- e fugiram.

    “Francisco foi vítima dos dois lados: os loucos da extrema direita o torturaram, e os loucos da extrema esquerda o mataram…

    Gente da paz essa né??

  • Mortos pelo regime militar, segundo a CNV: 858
    Mortos pelo regime nazista: 25.000.000
    Mortos pelos regimes comunistas: 94.000.000
    Fonte: Courtois et al. “The Black Book of Communism: Crimes, Terror, Repression.”
    Você, Eduardo Guimarães, seria a favor da criminalização da apologia da ideologia ou dos regimes comunistas?

Deixe uma resposta