Tucano desce a lenha em fanáticos pelo impeachment: “ignorantes políticos”

Análise

graziano

 

Xico Graziano é assessor especial do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e diretor do site Observador Político, ligado ao IFHC (Instituto Fernando Henrique Cardoso). Uma semana após a eleição presidencial do ano passado ele já começara a se estranhar com os movimentos que pedem “impeachment” de Dilma Rousseff.

Coordenador digital de Aécio Neves durante a campanha presidencial de 2014, o ex-deputado federal pelo PSDB Xico Graziano foi atacado nas redes sociais em novembro do ano passado por criticar um protesto a favor do impeachment de Dilma Rousseff.

À época, Graziano declarou que falar em impeachment contra a petista uma semana após sua vitória nas urnas era “absurdo” e “antidemocrático”. A opinião gerou polêmica e o tucano foi acusado de ser “comunista” e “petralha”.

Após os protestos antipetistas de 15 de março e 12 de abril, a pressão de movimentos como Vem Pra Rua, Movimento Brasil Livre e Revoltados On Line obrigou o PSDB, sem lá muita convicção, a encomendar um parecer ao jurista Miguel Reale Júnior sobre a viabilidade de encaminhar à Câmara dos Deputados um pedido de impeachment da presidente recém-reeleita.

Tudo isso foi jogo de cena do PSDB, pois é amplamente conhecido o fato de que não existem elementos para abrir um processo de cassação de Dilma Rousseff por crime de responsabilidade, o que permitiria interromper seu mandato recém-obtido nas urnas.

O parecer do jurista encomendado pelo PSDB apenas disse a realidade: “ainda” não haveria “elementos” para abertura de processo de impeachment contra a presidente da República. A frase é curiosa, pois induz à crença de que esses elementos como que estariam germinando e passarem a existir seria mera questão de tempo.

Aécio Neves declarou publicamente, pois, a suposta inviabilidade de atender aos movimentos que querem porque querem exterminar um mandato eletivo concedido pela maioria do eleitorado brasileiro. A reação desses movimentos foi destemperada e passaram a insultar Aécio, Fernando Henrique Cardoso e o próprio PSDB.

Foram usados termos como “traidor”, “arregão”, “covarde” e outras pérolas.

Eis que Graziano volta ao palco e faz um duro ataque aos fanáticos de extrema direita que querem o impeachment com ou sem motivo, como se fosse natural exigir que seja jogado no lixo o desejo da maioria dos eleitores, expresso na eleição presidencial de 2014, bastando, para isso, qualquer desculpa.

Vale ler o “desabafo” de Graziano ante os insultos disparados pelos fanáticos contra FHC e Aécio.

graziano 1

A irritação de Graziano, porém, não se deve aos seus supostos pendores democráticos. Ao chamar os extremistas de direita de “ignorantes políticos” ele pareceu ter buscado um substituto para o adjetivo “burros”. Nesse “desabafo”, ele até tenta explicar por que não faz sentido pedir “agora” o impeachment de Dilma Rousseff.

O trecho abaixo, escrito por Graziano, deixa muito clara a razão de ele não querer mexer com isso “neste momento”.

 

“(…) Quem venceu, que enfrente a crise. Afinal, foram eles, do PT, que enfiaram o país nessa desgraceira. Que paguem por sua irresponsabilidade e safadeza. Quem quer sentar naquela cadeira para pagar o mico do PT? Lula e Dilma que se fritem (…)”

 

Entendeu, leitor? O que Graziano pensa, de fato, não é que pedir o impeachment de Dilma sem amparo de provas é antidemocrático. Ele calcula um fato: quem quer que seja que esteja na Presidência da República agora vai ter que aplicar o ajuste fiscal e, assim, arcar com uma imensa onda de impopularidade, que virá da direita, do centro e até da própria esquerda.

Dilma está sofrendo ataques de todos os lados, até do PT.

O fato é que se a economia estivesse bem e a direita tivesse a mesma maioria no Congresso que tem neste momento, não hesitaria em inventar qualquer desculpa para derrubar Dilma Rousseff, sobretudo se ela estivesse sofrendo a mesma crise de impopularidade.

Assim como o ex-presidente Fernando Collor foi derrubado sem amparo de provas, o mesmo poderia ser feito contra Dilma. Porém, como já se disse várias vezes neste espaço – e como Graziano, inclusive, disse, claramente, em seu texto no Facebook, supra reproduzido:

 

“Quem quer sentar naquela cadeira para pagar o mico do PT?”

 

Dilma Vana Rousseff tem o pior emprego do mundo, neste momento. Sem ajuste fiscal, o Brasil perde o grau de investimento concedido pelas agências de classificação de risco e pode sofrer um efeito sistêmico, ou crise cambial. Uma brusca e violenta desvalorização do real faria a inflação explodir. Os efeitos seguintes seriam uma forte crise no emprego, na renda etc. Com ajuste fiscal, o Brasil se safa do buraco, mas quem o conduzir será odiado pelo conjunto do espectro político, da direita à esquerda. E pela esmagadora maioria da opinião pública.

Quem quer Dilma fora do poder acha que a saída dela poderia evitar o ajuste. Não iria rolar. A situação ficaria ainda pior do que está, pois até que ela fosse impedida a economia teria ido para o buraco. Quem herdasse o governo teria uma missão muito mais dura pela frente e, devido à ignorância de grandes setores do eleitorado, seria colocado na cruz em lugar do PT e de Dilma.

Seja como for, é positivo para o país que esses fanáticos de ultradireita se isolem. Como são estupidamente radicais, continuarão dinamitando pontes com a política formal e assustando o espectro político com seu radicalismo.

Seja por oportunismo ou por apreço real pela democracia, a reação de Graziano mostra que ainda há cabeças pensantes na oposição. E mostra que até o PSDB está ciente de que não adianta destruir o país para retomar o poder. Menos mal.

 

 

62 comments

  • :

    Ouvindo A Voz do Bra♥S♥il e postando:

    * 1 * 2 * 13 * 4

    *************

    Um poema (acróstico) para Dilma Rousseff, a depenadora de tucanus :

    .

    D ilma, coração valente,
    I magem de todo o bem em que se sente
    L ivre o amor maior pela brasileira gente
    M uito humana e inteligente
    A PresidentA do nosso Lula 2018 de novo Presidente

    .:.

    D uas vezes contra o espectro atro
    I nscreveu já seu nome na história
    L utando contra mídia venal & Cia e seu teatro
    M ulher forte de mais uma vitória
    A deixar tucanus na ó-posição de quatro ! ! ! ! de quatro ! ! ! ! de quatro ! ! ! ! DE QUATRO ! ! ! !

    * * * * * * * * * * * * *
    Ley de Medios Já ! ! ! !
    ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

  • Não dou bola para gente da DIREITA..
    Que se exploda sua opinião…esta estorinha de falar mal
    para se colocar do lado de quem reclama, e depois desce
    a lenha..é coisa de gente covarde e recalcada..
    Gente que lutou pela democracia, e quer que o Governo
    se arrebente e arrebente com o Brasil…é balela..
    É o mesmo papo de DIREITA…votei em LULA no passado,
    MAS agora!!!! Não voto não.!!!!
    Que palhaçada…
    MAS os coxinhas merecem isto e mais um pouco..

  • Boa noite Eduardo!
    Artigo muito esclarecedor como tudo o que você escreve. O PSDB só faz média, mas na hora H como sempre recua. Nós brasileiros/as temos mais é que torcer pelo Brasil. Vejamos a confiança que a China está depositando no Brasil e confiemos mais na Presidenta Dilma que só quer um país cada vez melhor para nós.
    Abraços e bom final de semana para você e sua família.

  • Me desculpe Eduardo, mas nessa vou discordar.

    O discurso do cara deixa transparecer que ele só ficou irritadinho porque a zumbizada golpista que eles ajudaram a parir resolveu atacar seus ídolos Aécioporto e FHC, o comprador de reeleição. Enquanto a bandidagem atacava só o PT e a Presidente ele aplaudia e incentivava!

  • Há políticos que, embora extremamente reacionários, querem preservar um mínimo de dignidade na sua história política, como esse Graziano.

    FHC, Aécio, Aloysio, Agripino, Roberto Freire, não estão entre esses.

    É uma vergonha.

  • Vamos falar de economia, crescimento, concessão etc. O assunto empeachmente já cansou, não vai dar em nada. Falando em economia, depois do Levy ir aos EUA pedir bênção para as medidas hoje anunciadas, inclusive com total apoio de Christine Lagarde, (quem diria!) o governo está em festa, só não esta em festa o Aécio que a Dilma acusou-o que se ganhasse a eleição levaria o país para uma recessão. O Brasil não pode continuar como o país que cresce menos que todos os paises das Américas, exceção, claro, a Venezuela, e, também. como a grande, a maioria esmagadora, dos países do mundo. Crescer ou morrer!

  • Vejo o poder dos EUA em xeque neste cenário em que vivemos, de um lado tentam frear nosso desenvolvimento de um tipo independente que sempre foi abortado por pressões que levaram aos golpes com participações diretas da inteligência dos EUA. Documentos secretos, que agora liberados depois de decurso o prazo comprovam que a teoria da conspiração era fato. Temos uma outra modalidade de Golpe patrocinada pelo poder imenso dos meios de comunicação com a tarefa de se aliarem aos filhotes dos golpistas do passado para com a propaganda, dissimulação e deturpações dos fatos enfraquecer governos que tenha a postura ideológica progressista independente. Não tenho certeza se esta estratégia norte americana diante de um mundo globalizado com uma potência emergente como a China isso será possível. Veja que curioso, os EUA tende a ver a crise da América Latina e no meio a nossa como uma maneira de fazer seus velhos aliados voltares ao poder, de modo que os EUA e esta oposição entreguista são convergentes dos teóricos do quanto pior melhor, por outro lado a China não quer a decadência da América latina e muito menos a do Brasil, um dos seus sócios nos BRICS e vai investir pesado para que mantenhamos firmes no caminho da emancipação. O fato é que são dois países que no fim querem é se dar bem, mas nesta briga se nós soubermos administrar poderemos tirar proveito e lá na frente sermos em vez de coadjuvante finalmente ser protagonista do nosso desenvolvimento.

  • Eu penso que ele só mostrou sua opinião por que ofendram seus parceiros como também tem o pensamento básico de quem odeia o PT,apesar de defender a democracia.Quer dizer, enquato só o PT é atacado tudo bem.Começara a agir da mesma com eles viraram “ignorantes políticos”.Esse cara não me engana!

  • Para mim, ele que se exploda junto com os revoltados. Fizeram de tudo para vender (doar seria a palavra mais correta) tudo que o país tinha. Só não venderam a Petrobras porque não tiveram tempo. Arrocharam os trabalhadores e desemprego era notícia corriqueira. Foi uma década perdida para quem se formava nas Universidades. Tempo que engenheiros faziam concurso para gari. Além da corrupção que o Engavetador Geral da União jogava para baixo do tapete. Eles que se explodam juntos.

  • O PSDB é governo em muitos estados, a atitude de algumas lideranças como indiretamente preconiza o Graziano beira a irresponsabilidade.

  • Não precisei terminar a leitura de seu post para constatar que o blogueiro é mais um empedernido defensor das mazelas do governo. Dizer que a causa da impopularidade de Dilma é o ajuste fiscal beira a chacota. O governo Dilma perdeu a confiança de pessoas que conheço pela incapacidade de gerir o país e pela venalidade em colocar setores importantes nas mãos de canalhas.

    • FHC foi incapaz de gerir o país também, levando o Brasil a ir 3 vezes ao FMI. O PSDB também colocou setores importantes nas mãos de canalhas que primeiro afundaram estes setores e depois doaram o patrimônio público para seus amiguinhos. O PSDB tinha o Engavetador Geral da União que varria para baixo do tapete tucano tudo que era denúncia de corrupção e FHC era blindado pela mídia golpista. Com tudo isso, não vi na época indignação da mídia e nem de setores da população de classe média e alta (os paneleiros de hoje).

    • O País está sendo gerido com crises etc.há avanços nunca alcançados antes, como sair do mapa da fome da ONU. Antes ele foi rifado, distribuído para os amigos. 300% de inflação ao ano na época do príncipe da privataria. Vendendo tudo ele ainda triplicou a dívida pública.

  • …sei não Eduardo. Xico Graziano não me parece estar defendendo posições democráticas. Afirma que a direita irracional se porta como…mas espera. Não foi o Aécio o ‘primeiro’ irracional ? Não foi FHC com suas idas e vinda, a moda ‘esqueçam tudo que escrevi’ quem hora sim e noutra tambem, tem insuflado a direita irracional ? Graziano, me pareceu, está mais para ‘O REMENDÃO do ARREGÃO’. Só isso.

  • Graziano, cujo filho propagou mentiras contra o filho de Lula, usando o Instituto FHC. Como o povão que eles criaram estão contra eles os demotucancos que gestaram e pariram os monstros, agora pedem e clamam pela razão? Não foram eles, os próprios burros elevados a enésima potencia? Quando os ataques eram e são contra o PT tudo bem? Agora, quando estão provando dos próprios venenos levantam bandeira branca?

  • Bom….A busilis é a seguinte:

    Aécio e o PSDB não vão pedir o impeachment de Dilma agora porque sabem que Cunha não autorizaria e mesmo se autorizasse o processo não teria 2/3 dos votos da câmara. Seria uma queimação de cartucho a toa.

    Detesto o PSDB , mas não acho que estejam sendo burros nesse caso.

    Eles vão protocolar frente ao procurador geral da república a acusação de que Dilma cometeu crime comum em razão das “pedaladas fiscais” do final do ano passado.

    Bom, o TCU já apontou que o evento foi de fato criminoso e pediu explicações de Guido Mantega entre outros.

    E se o TCU continuar com a sua opinião de que as pedaladas foram criminosas, o que faria Rodrigo Janot?

    Vai engavetar? Se engaveta vai ser chamado pelos tucanos de engavetador.

    Se manda o troço pro supremo, o supremo manda pra câmara e ai o Eduardo Cunha pode liberar ou não. Algo que chega a câmara pelas mãos do JANOT, por mais inimigo que ele seja do Cunha, tem mais força do que algo que chega pelas mãos da oposição.

    O caminho que escolheu o PSDB é mais longo, mas tem mais possibilidade, ainda que ainda seja pequena, de exito.

    • Você escreveu, escreveu, escreveu… E se esqueceu uma coisa a Presidenta só pode ser processada por crime de responsabilidade. E mesmo assim se for cometido durante seu mandato, se realmente aconteceu as “pedaladas”, elas foram cometidas no mandato 2011/2014. Em 31 12 2014 começou outo mandato, aguardem ela cometer outras pedaladas. As anteriores perderam a validade.

  • Se eu ligasse pra que tucano dizia eu teria votado neles faz tempo ..Pra Dilma, por meus valores, eu há tenho a certeza e a sentença na ponta da língua.

    em tempo ..FIQUEM ATENTOS srs “enroladinhos” pra nova onda que começa a tomar conta da cabeça dos nossos intelectuais.

    COINCIDINDO com o novo ÊXODO internacional, claro que pra alguns o BRASIL não poderia ficar de fora pra tentar aliviar a barra da Europa.

    ..ontem mesmo eu DENUNCIEI aqui SERGIO VERLANG, ex diretor do BC que anda pregando a necessidade do BRASIL ter que IMPORTAR cerca de 3 MILHÕES de imigrantes ao longo da próxima década se quiser voltar a crescer ..BOBAGEM !!!! ..já imaginou, importarmos 30 milhões ?
    .
    e hoje ..hoje, na ROLHA, RUBENS RICUPERO, ex ministro da fazenda, tb bate na mesma tecla ..fala que a taxa de natalidade esta baixa e que isso estaria “diminuindo” o nosso estoque de “miseráveis” ..eu explico
    .
    É que na fórmula destes CANASTRÕES não esta computado a vinda de gente escolarizada, com GRANA, mas sim, prioritariamente, a “inventividade” que viria com os haitianos, bolivianos, africanos e asiáticos, gente que se viesse pra cá, já chegaria com direito a auxílio aluguel e bolsa família (seguindo Haddad)
    .
    Qual seja, pra esta turma ordinária ATÉ os nossos pobres e miseráveis são piores do que o dos outros e se eles querem melhorar, s[o esperando por melhoraras vindas com o Jardim de Alá, não e mesmo ?

    Sinceramente, se esta turma esta preocupada com a “falta” de MO que tal:

    – que tal estimular para que os 36 MILHÕES de NEM NEM voltem a estudar e trabalhar ? ..e pra isso há que diminuirmos SIM o número de tetas, inclusive repensando da eficiência e necessidade de mantermos “zumbizados” cerca de 1/4 da população brasileira que, direta e/ou indiretamente, recebem um pouco da bolsa DOLLY e FUBA.

    – que tal investir na saúde, educação e da HABITAÇÃO popular (que diminuiria a violência, a mortalidade, fora de aumentar o emprego, consumo e auto estima ?

    – que tal melhorar a INFRA estrutura pra que se diminua o número de 46 mil mortes/ano no transito de brasileiros ?

    – que tal apertar a pena dos crimes contra a VIDA (acabando com as reduções de 1/3, 1/6 e saídas festivas por exemplo) ..diminuindo a MAIORIDADE PENAL pra estes crimes ..pra que o número dantesco de 60 MIL mortes/ano não se repita ? ..inclusive aqui corroborando com menores gastos com a saúde, e PREVIDÊNCIA ..fora ainda de darmos um melhor aproveitamento a vidas de pessoas que as perdem tão precocemente ?

    então srs, fiquem atentos ..o problema destes caras efetivamente não é em saldar os nossos passivos SECULARES, mas sim em não deixar faltar mão de obra barata e em abundancia pro modelo poder ser tocado com lucratividade ..e de quebra aliviando a situação da EUROPA que já esta ficando escurinha também

    em tempo ..e se antes, de pires na mão, o BRASIL ficou refém de Portugal, depois da Inglaterra e EUA até a década de 00, agora parece que chegou a vez da CHINA que, ao se propor segurar as TRAPALHADAS da Dona Dilma, doutra forma nos dá o dinheiro, o projeto, as máquinas, MO, a operação e a dependência. e toma o lucro e o poder de decisão, claro

    BRASIL, se assim, com certeza, nem daqui 50 anos

    Não perca, leia:

    http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,nivel-da-taxa-de-juros-esta-bastante-adequado-para-controlar-inflacao,1691897

    http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2015/05/1632522-entrevista-ricupero.shtml

    https://www.youtube.com/watch?v=WEYLPkdVYBc

    • Eis que o Bananelli voltou.

      Tanto Bananelli, quanto o Xico Graziano, querem se posar de democratas! Sim eles defendem a democracia…do PSDB em poder entregar todo recurso natural do Brasil aos imperialistas.

      O Bananelli é daqueles democratas paneleiros, que querem a terceirização dos direitos trabalhistas, em benefícios das elites sanguessugas que ele apoia, ele e o PSDB.

  • 12 anos de falcatrua, de malfeitos e desmandos.

    To com ele. Nada de impeachmente.

    Tem que deixar explodir todas as bombas no colo do PT. Petrobras, BNDES, Mensalao, Trensalão (ai acabar sendo culpa do PT tb), FIES, Minha casa meu engano, PAC 1,2,3,4…5…6…7

    Tem que explodir um por um para que todo Petista fique com a mesma cara do relator da CPI (petista) quando o Onyx fala sobre a Petrobras.

  • Caro Eduardo, e amigos do blog,

    Sempre penso neste assunto do ponto de vista econômico/financeiro, claro que além do político, e fico a imaginar o quanto de tempo e dinheiro são verdadeiramente desperdiçados no dia a dia da nossa política. Me lembro bem de alguns maus comportados do PT de 20 anos anos atrás, também virulentos e ”chatos”, mas nada que se compare a situação atual. A conversa saiu fora do eixo, o diálogo desapareceu, os acordos inviabilizados e parem para pensar, isso custa dinheiro, muito dinheiro. Seria demais me perguntar que se fizéssemos um pacto pela paz, economizaríamos até 2% do PIB por conta de um bom acordo ao invés de uma ótima briga, que é o que está acontecendo? Não vou nem citar o que é jogado no ”lixo” por conta das mentiras semanais que não se sustentam por algumas horas e são derrubadas pelas redes sociais. Absolutamente nada é levantado de novo.
    Essa semana, por exemplo, o destaque que foi dado ao caso do falecido José Janene. Fiquei a pensar que as CPI’s atuais são circos, mas agora estão virando Circo de Horrores, pois saíram das palhaçadas para truques de mágicas inimagináveis. Imaginem como se sentiram o corpo clínico do Instituto do Coração, os enfermeiro que o atenderam, os médicos cardiologistas que o acompanharam, o médico que assinou o atestado de óbito, os funcionários do necrotério, etc, etc, enfim, dezenas de pessoas que envolvem uma morte qualquer. Como será que se sentiram, por algumas horas, como cúmplices de uma suposta fraude? Sabemos quem a classe médica paulistana apóia, mas, como será que se sentiram experimentando um pouco do veneno que disseminam diariamente contra a política, e um detalhe: o deputado que duvidou da morte de Janene, médico, não é nem um pouco simpático as esquerdas; sabemos quem ele representa. As mídias ficaram noticiando, moendo e remoendo esse absurdo por horas, e na hora do recuo da iniciativa, apenas algumas notinhas e chamadinhas discretas, diferente dos primeiro alardes. Chegaram até a especular que Janene estaria na América Central. É ou não é um verdadeiro desperdício de tempo e dinheiro?
    Voltando ao tema central, sempre me vem à mente o porquê de algumas autoridades se renderem a esses jogos, expondo suas reputações e arranhando suas imagens? O que será que se passa na cabeça de alguns deputados da oposição que ‘’sabem da inviabilidade” de todos os absurdos que promovem? Quanto ganharíamos trabalhando em prol do que realmente interessa? A missão chinesa dessa semana, praticamente desapareceu da mídia, se é que a metade dos brasileiros souberam dela!
    Claro que sei que muitos que se envolvem na política, já tem dinheiro e o que faltam-lhes é o poder. Mas que poder é esse de só destruir qualquer coisa que se construa e sirva à todos e não somente àlguns? Até quando votaremos em sabidamente verdadeiros canalhas?
    O que me alenta, é de que nunca perco a oportunidade de falar com as pessoas. E pela minha pesquisa pessoal, há muita animosidade, mas também há muita falta de informação. Compete a nós dividir um pouco, doses de bom senso a nossa volta. Pode parecer difícil no começo, mas dá prazer, além de diminuir o ódio que espalham contra o PT. E ajuda e economizar recursos deste planeta.

    Douglas Quina
    Mogi Guaçu – SP

  • Edu,

    A revolução francesa começou quando “os notáveis” pediram ajuda à burguesia para “assustar” o rei e ter mais privilégios. Os tucanos estão com medo porque não sabem até quando o tal juiz Moro vai segurar a onda, e eles temem a guilhotina

  • Claro que esse Graziano é um cínico! Ele “critica” os animais de extrema-direita por puro oportunismo, tanto que chega afirmar que eles “fizeram bem” ao pedir o impeachment de Dilma logo após a vitória e coloca FHC e Aécio como “democratas responsáveis”, criticados pelos fanáticos, quando é essa dupla que alimenta esses psicopatas, junto com a mídia, e também pede o impeachment dia sim e outro também. Concordo com sua tese de que Graziano somente atacou os fanáticos por saber que quem tomar o lugar de Dilma agora teria que fazer o ajuste, o qual com o PSDB seria ainda mais conservador do que o feito por Dilma. De qualquer jeito a cara de pau desse safado ajuda sim a isolar os fanáticos, num momento em que o radicalismo dessa gente precisa ser combatido, e facilita até mesmo para combatê-los na esfera legal. Quanto ao “ajuste” de Dilma, mantenho a mesma posição de sempre. Se o país ficar eternamente refém da ortodoxia, preocupando-se com agências de risco e avaliações de neoliberais que davam nota máxima ao Lemanhs Brothers antes dele falir, jamais quebrará a teia de relações econômico-financeiras que colocam o Brasil em posição subalterna na Economia Internacional, nos deixando dependentes dos recursos externos, via títulos da dívida pública, que sugam as riquezas nacionais, influenciam nossa taxa de juros e câmbio e amarram a construção de um projeto de desenvolvimento autônomo, principalmente por condenar nossa política industrial ao esfacelamento e drenar recursos do PIB para o pagamento dos juros da dívida interna. Vejam que há sim saídas heterodoxas possíveis(o momento de peitar a ortodoxia é agora, quando temos um colchão de mais de US$370 bilhões em reservas). Bastou uma pequena pressão dos Senadores, principalmente os de esquerda, para que o Governo incluísse no ajuste o aumento da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido, que passou de 15 para 20%, colocando um pouco a conta do ajuste nos ricos. Lembrando que a CSLL já aumentara para esse patamar de 15%, antes era de 9%, graças a outras medidas heterodoxas adotadas em 2008 por Lula, exatamente quando resolveu enfrentar a crise internacional fora do maldito “tripé” que a mídia elogia. O que não dá é para ficar nesse ajuste neoliberal, que todos sabem que destrói a Economia de qualquer país, basta ver a Europa, seguindo os “conselhos” da mídia e do Sistema Financeiro Internacional, destruindo a atividade econômica enriquecendo os bancos estrangeiros,e ainda aguentando a mesma mídia que impõe o ajuste fazer jogo duplo, exigí-lo como uma Verdade indiscutível e meter o pau no Governo Dilma quando os cortes são anunciados, como vem fazendo Globo e sua turma desde ontem, deixando até mesmo a esquerda desarmada, já que por mais que saiba que é uma manobra oportunista da mídia, fica difícil explicar isso ao homem comum alienado, já que sempre se receberá a inevitável pergunta sobre se concordamos com o ajuste e teremos que dizer que não, ao menos não do jeito que está. De qualquer forma, Dilma está mergulhada na ortodoxia, não sairá tão fácil dela, o nosso consolo é que colocou um pé na heterodoxia ao aumentar a CSLL e esperemos que com o anúncio das concessões em junho inicie uma política desenvolvimentista, que se se limitar a infraestrutura; concessões; irá dar em nada, precisando englobar uma política industrial efetiva, que poderá ser conduzida peloo Pré-Sal.

  • Só de ler essa frase “Quem quer sentar naquela cadeira para pagar o mico do PT?” depreende-se o quanto o PSDB se julga incompetente para resolver situações incômodas. Os políticos do PSDB são incompetentes, vide SP, PR e MG como eles governaram e governam. São os estados mais endividados da federação. Só sabem repartir dinheiro público entre eles e seus amigos. Fico me perguntando o que o governo de SP faz com todo o dinheiro que arrecada nos seus ricos pedágios, pois um deputado estadual (nem lembro mais o nome do dito cujo) disse que, com o dinheiro arrecadado por ano, daria pra construir todos os 12 estádios da Copa. PSDB em SP está acabando com tudo de bom que o estado já teve. Instituto Butantã está indo pro brejo por falta de investimento. Alckmin pretende acabar com a Fundap e a Cepam. Hospital das Clínicas e Iamspe, que já foram hospitais considerados referência em todo o país, estão em situação precaríssima. Falam tanto mal do SUS mas se esquecem da situação dos hospitais estaduais de SP. Hospital Estadual Mário Covas aqui de S.André está um horror, pelo que tenho lido nos jornais regionais. E a grande preocupação atualmente dos paulistas é: “Vamos ter água até o final desse ano?” Esta dificil responder essa questão, pois a Sabesp está sendo acusada de não fornecer dados corretos de como estão os reservatórios do estado. E a educação pública de SP nem precisa falar nada pois está na UTI há muito tempo, e olha que a vitrine das propagandas do Alckmin nas eleições do ano passado era justamente a educação, onde ele dizia que foi a área que recebeu o maior investimento no seu governo. Coitado dos professores de SP, que estão em greve há mais de 60 dias. Lamentável a situação de SP. E ainda leio no brasil247.com que Alckmin, provavelmente, será o candidato do PSDB em 2018 para presidência da República. Definitivamente, isso não, pois o Brasil não merece tamanha desgraça.

    • Cara Helena,

      São todos ”excelentes” candidatos. Deixem os a vontade. São excelentes candidatos a perderem. Será até covardia, pois diante de Lula, terão que ter algo muito, muitíssimo melhor do que têm agora. Fiquem a vontade!!! É um favor que estão fazendo.

      Douglas Quina
      Mogi Guaçu – SP

  • Quem desdenha, quer comprar! Diz o velho ditado. Este boçal, lacaio do velho FGAGAC, falou muita asneira. Tenho 76 anos. Nunca vi o Brasil melhor do que neste período do governo do PT. Ele devia permanecer na sua insignificância. É uma besta quadrada. Edu, um abraço e saúde para toda família.

  • NOVO ESCÂNDALO ATINGE O GOVERNO DO TUCANO BETO RICHA. http://www.brasil247.com/pt/247/parana247/182074/Auditores-fiscais-doaram-a-Richa-e-foram-promovidos.htm OS TUCANOS POUSAM DE MORALISTA, MAS, NA GRANDE MAIORIA, SÃO CORRUPTOS. Basta ver a compra da reeleição de FHC, o desvio de recursos da saúde em Minas e a construção do aeroporto do “Titio”, em Cláudio (MG), o Trensalão (SP) o mensalão em Furnas etc. etc. etc. etc. etc.

  • Não percebo sinceridade na fala deste Graziano. Para mim, ele quer se fazer parecer democrata, mas revela a verdadeira intenção: deixar o governo Dilma sangrar sozinho. Mas, não partilho da avaliação de que ninguém quer assumir a vaga da nossa presidenta. Dilma ainda tem 3 anos e meio para arrumar a Casa e legar mais um governo com grande apoio popular. Claro que não será fácil. E a oposição de direita preferiria que ela caísse antes de conseguir retomar o projeto de crescimento do Brasil e das políticas sociais.

    O argumento de que qualquer um que sentasse agora na cadeira da Dilma teria que fazer o mesmo ou pior não se sustenta. E explico porquê. Alguém da oposição ou mesmo da base do governo que assumisse o governo com uma derrubada da presidenta Dilma, certamente contaria com o apoio imediato da mídia, da tucanada, e desta classe média lobotomizada que bate panelas nas varandas gourmet.

    Seria um tal de chamar a população para o sacrifício, para salvar o Brasil do que eles chamariam de herança negativa do lulopetismo. E poderiam aplicar medidas neoliberais muito mais fortes do que os ajustes de Levy. Quando a população percebesse que foi enganada já teria sido um pouco tarde. O Brasil já assistiu este filme, com o golpe de 1964, com a campanha das direitas-já em 1985, e também com a reeleição de FHC, entre outros momentos.

    • Euler,
      Você não percebe sinceridade porque ela não existe. Do discurso falacioso desse tucano cínico, só a parte em que despreza o PT e lhe atribui tudo de ruim é a verdadeira. Tudo jogo de cena. Estrategia pura e simples, porque o momento não lhes é favorável dizer que concorda e continuará a abrigar de bom grado os extremo-fascistas em seus ninhos. Afinal quem deu a eles todo o apoio em suas jornadas de ódio, insanidades antidemocrática e antipetista?! Eles. De onde seus pupilos tiraram tanta coragem para expressarem seus pensamento e ações pro-empedimento presidencial? Dos discursos irresponsáveis e cheios de raiva e ódio dos senhores Fernando Henrique Cardoso, Aécio Neves, Carlos Sampaio, Aloísio Nunes, Cássio Cunha Lima, Agripino Maia, Bolsonaro, Roberto Freire e mais uma infinidade de tucanos e braços direitos de tucanos velhacos e de moral nada ilibada. O extremo-fascismo desses senhores só poderia produzir extremo-fascistas de menor plumagem! Agora vem posar de democrata! Só se for a democracia do General Figueredo!
      Maria Antônia

    • Por coerência ou lógica (ou falta dela) devo corrigir uma parte no segundo parágrafo do meu comentário. Foi equivocado dizer que: “O argumento de que qualquer um que sentasse agora na cadeira da Dilma teria que fazer o mesmo ou pior não se sustenta.” O que não se sustenta, na verdade, é a argumentação de que ninguém desejaria tomar o lugar da presidenta por ter que aplicar medidas impopulares. As explicações que dei em seguida fundamentam esta minha afirmação (apoio da mídia, da classe média lobotomizada, etc.).

      P.S. Maria Antonia, concordo com sua análise.

  • Edu,esse tal de Xico é é muito cínico.Dizer que foi o PT quem jogou o Brasil nessa “desgraceira” é simples-
    mente uma canalhice.Todos nós sabemos como Lula recebeu o país…e no tanto que o melhorou,quer dizer,
    salvou-o do desastre total. Haja despeito,inveja e mediocridade.Mas,2018 chega rápido! E meu querido con-
    terrâneo voltará!!!

  • triste que estes senhores, que deveriam estar ajudando o Brasil a desenvolver, estejam trabalhando contra a nação, pois foram eles que levaram os coxinhas a essa posição de impeachment

    • Não considero o PSDB um partido que defenda o Brasil, vejo o PSDB um partido que não quer que o Brasil seja autônomo. Eles fazem de tudo para desestabilizar o país e tornar o Brasil uma colônia dos EUA.

  • Existe uma razão a mais para os tucanos recuarem do Impeachment. O PMDB como partido majoritário no Congresso poderia afastar Dilma mas preservaria Temer. Ficaria com a Presidência da Câmara, do Senado e da República. O PT sofreria mas o PSDB iria mais rapidamente abraçar o DEM no limbo da irrelevância.

  • O PSDB tem muito a ver com os movimentos de coxinhas reacionários e fascistas, eles deram corda nesse bando de debilóides fascistas.

    Se o PSDB quisesse o bem do país, eles lutariam para democratizar os meios de comunicação que ajudam a reverberar as ideias fascistas e reacionárias. Mas o PSDB é contra a democratização dos meios de comunicação. O mesmo PSDB não pensa no bem do país, pois eles fazem de tudo para enlamear e jogar o país na recessão. O PSDB tem culpa.

    Não tem mais como o PSDB se dissociar desse bando de debilóides reacionários e fascistas, pois o PSDB ajudou a criar essas coisas, o PSDB tem culpa no cartório e agora tentam se passar como uma das instituições que criticam esses bandos de reacionários e fascistas.

  • Quanto mais “batem”na Dilma e no Lula, mais cresce minha admiração por eles. Enfrentar a campanha de ódio que assumiu seus contornos mais fascistas e preconceituosos com a candidatura do Aécio só cabe a quem tem sólido estofo ideológico, dignidade inabalável e muito amor pelo Brasil e pelo povo brasileiro. Lula e Dilma já provaram por a+b que respeitam seu próprio passado de luta e a causa que abraçaram e que estão dispostos a enfrentar terremotos e tempestades para levar a cabo a obra que se iniciou em 2012. Contra a fúria ensandecida daqueles que, corruptos e ambiciosos natos, vendo a imensa riqueza deste país, querem se apossar de tudo e, no máximo, dividir com seus pares nacionais e internacionais, aqueles que estão por trás de todas as manifestações pelo impeachment, pela derrubada de todas as medidas positivas aprovadas ao longos deste 12 anos, pela criminalização cada vez mais ampla das classes desfavorecidas, pela disseminação do preconceito racial e social. Como Lula no início de seu governo , Dilma agora enfrenta e enfrentará reações as mais diversas pelos ajustes fiscais necessários para o país continuar encarando a crise internacional sem sucumbir a mesma como os países “ricos” europeus e os próprios USA.. São esses que, embora forçados a manter relações econômicas com o Brasil, urdem, em segredo, planos para fazer o botim por aqui. Façamos nossas críticas construtivas, mas com o respeito que a Dilma, essa mulher guerreira, corajosa e capaz merece e sem nos esquecermos de tudo o que tem sido feito, de tudo que conquistamos e haveremos de conquistar com os governos do PT, os maiores responsáveis por tudo de bom que o Brasil tem vivido. E ignoremos os evidentes trolls que só enganam os trouxas.

  • Assim como Chico Graziano, existem vários tucanos que são realistas.
    E apenas isso, realistas.
    No mais, traíras e entreguistas como toda a Classe.
    De qualquer forma, esses comentários fazem grande diferença ao chegarem no público, pois deixam claro que hoje, também no PSDB não há unanimidade sobre absolutamente nada.
    O PT, pelo menos, já coloca LULA nas ruas para desespero dos tucanos.
    Já os emplumados não sabem nem mesmo quem lançar.
    Isso evidencia que seus candidatos são ruins.
    A única coisa a favor dos tucanos nesse instante, é a imprensa golpista maldita.
    Queiramos ou não, ela faz a diferença na cabeça dos ignorantes.
    Ainda creio na recuperação do PT assim que o País retomar seu crescimento, apesar da força contrária exercida pela direita apoiada pela facção criminosa da mídia e de alguns setores podres do Judiciário.

  • Parece que houve um espasmo, e alguns neurônios que estavam entrando em curto cirquito voltaram a funcionar, é triste.

Deixe uma resposta