Carmen Lúcia fará você sentir muita saudade de Lewandowski

Opinião do blog

lewandowski capa

 

Uma amiga muito querida, jornalista e ser humano de primeira, signatária de desagravo que promovi em 2012 em defesa do (ainda) presidente do Supremo ministro Ricardo Lewandowski, assim como vários outros companheiros de luta veio pedir minha avaliação sobre ele por conta de sua conduta ao longo do processo de impeachment de Dilma no Senado, que preside.

Alguns amigos queridos que assinaram o desagravo a Lewandowski há quase quatro anos chegaram a me dizer que queriam retirar suas assinaturas de documento que fui entregar a ele em Brasília, logo após o julgamento do mensalão.

lewandowski 1

Antes de mais nada, quero dizer que entendo cada companheira e cada companheiro que, no afã de lutar contra o processo ilegal que tramita no Senado contra Dilma Rousseff, exasperam-se ao não verem aquele no qual muitos apostavam para combater essa injustiça (Lewandowski) fazer alguma coisa para impedir a farsa que o Legislativo federal empreende não (apenas) contra a presidente legítima dos brasileiros, mas contra a democracia.

Antes de abordar essa questão da conduta de Lewandowski no julgamento de Dilma no Senado – e a questão Carmen Lúcia, que dá título a este texto – vamos nos lembrar por que mais de cinco mil leitores desta página assinaram, em 2012, o desagravo ao ainda presidente do Supremo.

Confira, abaixo, vídeo da luta de Lewandowski, no julgamento do mensalão, em 2012, contra a famigerada “teoria do domínio do fato”, usada para condenar José Dirceu, José Genoino e outros petistas sem provas.

Lewandowski pagou um alto preço pela sua luta contra o arbítrio, contra farsa jurídica anterior que permitiu cassar a liberdade de cidadãos ao arrepio da Constituição Federal. Quando fui levar a ele o calhamaço com mais de cinco mil comentários de leitores solidarizando-se com ele por ter defendido a justiça e a verdade no julgamento do mensalão, fui recebido por sua família, que me agradeceu pela iniciativa, pois todos estavam sendo ofendidos por vizinhos, nas ruas, pois o ministro e sua família são pessoas de classe média alta e, nesse meio, o consenso a favor da farsa do mensalão era total.

Por essa razão, pela iniciativa deste blogueiro, Lewandowski gravou o vídeo abaixo.

Contudo, não é por conta desse vídeo ou do convite de Lewandowski para que eu participasse de sua posse que, agora, volto a me manifestar em seu favor. Quase não temos tido mais contato. De 2012 a 2014, todos os finais de ano ele me telefonava para desejar boas festas; em 2015, não houve ligação. E os contatos diretos e indiretos que tínhamos, cessaram.

O que ocorre é que minha postura política decerto pesou para ele por estar presidente do Supremo. E é compreensível. Lewandowski tomou todos os cuidados para não ser ligado a nenhuma corrente política. E a melhor coisa que ele pode fazer para me agradar é se portar com justiça. É isso o que todos queremos dele.

Não vou exigir ou cobrar nada dele.

Agora, quero que os amigos reflitam comigo o seguinte: ninguém assinou o desagravo a Lewandowski em 2012 por conta do que ele faria no futuro, mas pelo que ele havia feito no passado então recentíssimo, ou seja, no julgamento do mensalão, como mostra o vídeo acima.

Quanto ao que o presidente do Supremo tem feito ao longo do processo de Dilma, em minha opinião ele está fazendo o que pode ser feito. Temos que entender que ser presidente do STF não significa ser dono daquela Corte ou decidir sozinho em nome dela.

Claro que Dilma ainda poderá arguir no Supremo o mérito do processo contra si no Senado, mas só fará isso quando o processo terminar. Ela ainda não fez porque se sofrer uma derrota no STF ela influirá na decisão que o Senado tomará no fim deste mês. E quando o fizer estou certo de que Lewandowski votará corretamente, da forma mais honesta possível.

Um exemplo da conduta decente do ministro no processo contra Dilma foi quando ele barrou abuso que estava sendo cometido contra ela pela Comissão do Impeachment

lewandowski 3

Até hoje, lewandowski vem sendo achincalhado e perseguido pelo seu comportamento destemido no julgamento do mensalão, que ele adotou em prejuízo até de sua família, de sua imagem nos setores abastados da sociedade em que vivem pessoas como ministros do Supremo. Um bando de vagabundos chegou a mandar fazer um boneco inflável dele para achincalhá-lo.

lewandowski 2

Por fim, sobre o título deste post, quero dizer que, assim como a gestão Temer vem fazendo muitos dos que criticavam Dilma antes de ela ser afastada agora sentirem saudade do governo dela, Carmen Lúcia fará as pessoas que estão descontentes com a postura de Lewandowski no julgamento da presidente no Senado sentirem saudade e valorizarem a gestão dele à frente do Supremo.

A grosseria de Carmen Lúcia contra Dilma ao dizer que não quer ser chamada de “presidenta” e, sim, de “presidente”, não foi um caso isolado. Carmen Lúcia gosta de atender aos caprichos da mídia. Há anos vem se comportando de modo midiático. Assim como Gilmar Mendes, ela está sempre lá para dizer o que a mídia antipetista quer ouvir.

Em agosto do ano passado, por exemplo, deu declaração política sobre petistas investigados pela Lava Jato. A então vice-presidente do STF declarou para as câmeras que brasileiros precisam ter ‘a ousadia dos canalhas’.

Ela deu a declaração durante uma palestra na Associação Comercial do Rio de Janeiro, mas, de acordo com a agência de notícias Reuters, não esclareceu a quem se referia quando usou o palavra ‘‘canalhas’’, mas o contexto foi quando petistas haviam sido denunciados pela Lava Jato naquele mesmo dia.

Em setembro de 2015, Carmen Lucia voltou a encenar para as câmeras ao votar pela validação da decisão do ministro Teori Zavascki, que decretara a prisão do senador Delcídio do Amaral (PT-MS); disse que o crime não venceria a Justiça, e disse de forma teatral, que foi prontamente usada pelo Jornal Nacional contra o PT.

Em março deste ano, sobre a queixa de Dilma de que estava sendo vítima de um golpe, Carmen Lúcia novamente estava lá para dizer o que a mídia queria. Confira a declaração dela  sobre essa questão:

“Não ouvi [o discurso de Dilma], mas tenho certeza que a presidente deve ter dito que, se não se cumprir a Constituição, poderia haver algum problema. Não acredito que ela tenha dito que impeachment é golpe porque ele é previsto na Constituição”

Uma bobagem. É claro que Dilma não disse que impeachment é golpe, ela havia dito que impeachment sem crime de responsabilidade é golpe, e até defensores do impeachment reconhecem que não há crime de responsabilidade e que Dilma está sendo derrubada por “julgamento político”.

Lewandowski não tem muito o que fazer por Dilma durante o julgamento. Se prazos e procedimentos da lei do impeachment forem seguidos, ele não pode se meter. Só em casos de abusos como negarem a perícia pedida por Dilma é que ele pode fazer alguma coisa.

Não quero que Lewandowski atue como advogado de defesa de Dilma, muito menos como acusador. Quero que atue como magistrado, e ele tem feito isso. Lewandowski não é presidente do PT, é presidente do Poder Judiciário. Por pouco tempo. Infelizmente. Sejamos justos com ele, companheiras e companheiros. De injustiça já basta a que fazem com Dilma.

125 comments

  • Eduardo, boa noite. Não havia assinado o manifesto de apoio a Lewandowski em 2012, mas gostaria de assiná-lo agora. Seria possível?
    Desde já, agradeço.

  • Infelizmente, a Dilma e o Lula devem gostar de sofrer. Escolheram uma boa parte dos juízes. E só escolheram aqueles que fazem o jogo da extrema direita brasileira. Espero que tenham aprendido a lição. Não existe juiz imparcial. Então é melhor escolher aqueles que estão do seu lado. De outra forma, se escolherá os do lado de lá. A prova esta no STF e no MPF. Enquanto o Lula tem até a sua quarta geração investigado, o Aécio só está sendo (se é que está realmente sendo) investigado por que o Janot insistiu muito para que o Gilmar Mendes permitisse as investigações. Mas todo mundo já sabe que não haverá nenhuma investigação. E tudo graças ao “sorteio eletrônico” do STF. Que consegue colocar na mão do GM todo processo contra o PT. Sinto muito Eduardo Guimarães, mas não se safa um!!

    • Companheiro, acho que Lewandowski é o único que se salva, sim. Eu o conheço e vejo como um homem sério e devotado à Justiça. Mas, claro, é só minha opinião. Respeito a sua

      • Caro Eduardo,
        Não tenho muito o que dizer sobre o ministro Lewadowisk. Você já me conhece o suficiente para saber o que penso sobre a “justiça” brasileira, de modo geral. Não duvido de que, enquanto cidadão, o senhor Lewandowisk seja um homem teoricamente ético e honrado. Contudo, um homem só é de fato ético e honrado quando sua conduta virtuosa está a serviço da prática. Ética e honra, não são conhecimentos, e, regras comportamentais de um juiz, que não são colocadas a serviço da justiça, não serve para nada, é morta. Ele, na prática é o segundo homem mais poderoso do País, enquanto presidente do stf. Não desejo, nem nunca esperei que ele fosse advogado de Dilma, mesmo porque não é esse seu papel, mas como presidente do stf, deveria, é sua obrigação defender a democracia. Você viu, soube de algum gesto neste sentido? Assisti a sessão do senado na qual ele estava como presidente, não percebi, em nenhum momento, qualquer resquício de boa vontade em que o processo seguisse outro rumo que não fosse o do Golpe. Nem mesmo respeito à defesa da presidenta ele se dignou a pedir dos senadores golpista. Todos, estão ali, canalha e velhacamente andando e cagando pro que a defesa diz ou pensa. O fato de que os trâmites do processo sejam legais não significa que seja justo, e com respeito à Constituição. O processo é legal? É. Legalidade não é questão de justiça, é questão de poder. Ele tem poder para demonstrar isso. Por quê não o faz? Para mim a única diferença dele, como juiz, ou qualquer outro, seja ele quem for, Gilmar Mendes, Carmém Lúcia, Celso de Mello é — no Brasil existem dois tipos de juízes: aqueles que abertamente defendem a Casa Grande e aqueles que fingem dela discordar, mas na intimidade de seus encontros, todos pertencem a Ela. No Brasil o que diferencia o judiciário dos donos da Casa Grande é, apenas quem fica no andar de cima e quem pertence ao andar de baixo. Todos se locupletam. Todos se festejam. Para mim, juiz que tem honra e moral ilibada, mas nenhuma preocupação com a manutenção da dignidade do povo mais pobre do País em que nasceu, não serve para nada. Se tivessem essa responsabilidade o Brasil não estaria nesse abismo institucional que ora se encontra. Os juízes brasileiros são todos Asnos de Buridam?! Não. Não é por incapacidade que não se decidem pelo que é legal e justo e por isso deixam a democracia morrer, mas porque todos — tenho muitas dúvidas se há exceção — são cipaios da Casa Grande externa.
        Abraços
        Maria Antônia

        • Muito bem, Maria Antônia. Você foi ao ponto vital da questão. Lewandovski, como os demais, são muito pequenos para o cargo que ocupam. Gente pequena num país de pequenos. Concordo com todas as suas considerações.

        • Falou e disse, Maria Antonia. E poderíamos citar a aética atitude de pedir aumento à Dilma em plena crise política e financeira. Pra dizer o mínimo. Nosso país vai muito mal, também, por se querer muita contemporização.

        • Sr. Eduardo, dessa vez vou discordar do senhor e concordar com a Sra.Maria Antonia; o festejado presidente foi muito fraco em sua gestão, dificilmente um presidente de stf ou tribunal deixa saudades, esse foi apenas mais um, a sucessora pelo começo desastrado tambem não nos dá animo.

        • Concordo, Maria Antonia, com tudo! Sim, infelizmente, a justiça brasileira é um lixo, e levandovski faz parte disso, não se diferenciou nesse momento crucial! Não queria que ele defendesse Dilma, queria que defendesse a justiça, a democracia, a constituição!!! Sim, todas, atualmente, minúsculas!

        • Perfeito e também subscrevo.
          Digo mais, tivesse o Sr. Lewandowski a isenção e dignidade, mas a incapacidade de fazer valer o direito diante de seus pares, pediria sua aposentadoria. Jamais compactuaria com essa situação, como faz permanecendo no cargo.

      • Colegas,
        Entendo perfeitamente o posição do Eduardo em defender o senhor Lewnadowiski. É muito difícil criticar mais duramente, aqueles por quem temos estima. Sendo o Eduardo um homem de muitas lutas e algumas, reconheçamos, bem difíceis, tenta manter esperança naqueles em quem acredita, o que é absolutamente natural. Talvez por isso não perceba, ou não queira acreditar, que o atual presidente do supremo mantém uma postura em relação a democracia e a sua usurpação, igualzinha a que a folha de São Paulo mantém em relação às esquerdas. Maquia-se de isenta, e diz isso com a maior cara de pau, tão somente porque tem em seus quadros alguns jornalistas e comentaristas de esquerda, faz isso para dizer que é amante da opinião contrária e do pluralismo de ideias, como contraponto aos seus jornaleteiros amestrados e por isso alinhados com sua ideologia de direita. O mais puro cinismo! Só não percebe isso quem não quer, ou quem com seu ideário se afina. A razão primeira para a existência de um judiciário respeitado é a coragem para manter a justiça na legalidade e a legalidade da justiça, e não transformar os ritos legais em justiça. Isso por si só joga na lata do lixo, toda e qualquer ideia de honra, ética e probidade. Quem tem que ter honra, ética e moral individual somos nós, os cidadãos comuns. Nossa postura de ética, moralidade e honra primeiramente nos beneficia, para depois influenciar àqueles que conosco convivem, quando querem essa influência. Um juiz é um homem público, e porque é público, pago com nosso dinheiro, está a serviço da sociedade que lhe garantiu esse dever, portanto, sua moral, também, por obrigação deve ser pública, para que seus pares e todos os cidadãos saibam de que lado estar e a quem defende, e por isso nele se espelhar. Porquanto, a moral de um juiz é a prática justa de seu dever, e não uma moral e uma honra de discurso vazio para “inglês ver”. Que concordemos, ou não, juízes como Gilmar Mendes, são canalhas sim, mas canalhas corajosos, dizem de que lado estão, por isso são menos perigosos, se mostram como são. Gilmar não tergiversa, defende o PSDB e a sua classe na maior limpidez. Que juízes já criticaram clara e publicamente o Gilmar Mendes?! Quase todos, na sua grande maioria, tergiversam sobre legalidades da “”””justiça””””, e a outra parte, fica muda. O discurso de justiça, de legalidade, de ordem, de manutenção da soberania (para mim é palavrão), pertence a todos os juízes e políticos. Coragem e brio, deve pertencer a poucos ou quase inexistentes, não conheço, nunca vi nem ouvi falar. E os juízes brasileiros?! Seus brios passam pela forma como vão manter seus privilégios, e por conseguinte, o de suas gerações parentais futuras.
        Abraços
        Maria Antônia

  • Não acho correto defender esse juiz covarde. Sua atitude não favoreceu a defesa de Dilma e sua negociata com o Cunha para aumento de salário é vergonhosa. Se é um colegiado esse cara deveria ter a coragem de apresentar o contraditório e defender a Carta Magna. Esse Lewandowski não merece tanta consideração assim. Estou é preocupada com o Lula e sua família que são enlameados todos os dias, caluniados e tratados como escória e lixo porque não pertencem aos “setores abastados da sociedade”(sic). Ele não está fazendo nada e não fará nada por Dilma ou pela Constituição Republicana. Esse seria o trabalho dele como membro desse STF que se mostra completamente mafioso, golpista e bandido. Está na hora do colocar todos esses juízes nas mãos da Corte Suprema Internacional para que esse processo fraudulento e dantesco seja julgado e condenado. Esse cara é um GOLPISTA e assim será lembrado pela historia. Seu nome aparecerá no rodapé dos livros de historia como golpista, além de covarde.

      • Caro Eduardo, concordo com a Maria Antônia. O Brasil está sendo assaltado e esse processo está viciado desde o início. Eu bem vi e escutei o video mas isso não muda nada, o que ele faz aqui e agora é muito mais grave porque se trata do Brasil como nação sendo devorado por um bando de ladrões e canalhas. Ser conivente com isso é pior, ainda mais indigno do que o próprio Gilmar que pelo menos assume que é canalha e golpista.

          • Caro Edu, entendo vc querer defender essa pessoa por razoes talvez pessoais, mas esse cara não pode representar o povo brasileiro de forma alguma. Não deveria jamais ter deixado esse processo existir, poderia ter sim denunciado a farsa do processo contra Dilma, mas não o fez e não o fará. Li atentamente o post e penso ser ruim mesmo defender esse “cara de paisagem” num momento tão grave assim. Se ele sofreu retaliação da mídia nativa deveria ter denunciado e enfrentado a mídia assim como o Lula e Dilma fazem sem o menor apoio desses canalhas. Teria trazido a justiça para uma questão evidente demais de corporativismo da Casa Grande. Não o faz porque não tem peito e prefere lavar suas mãos diante do processo mais abjeto da historia do STF. Esse cara é uma farsa e um covarde. É triste demais ver o Brasil afundando nas mãos de gente tão pequena e medíocre. O Brasil não merece essa corja. Dilma e Lula deveriam sair do Brasil e viver em outro país, não vale a pena. E qto ao PT, espero que muitos lutarão para recuperar a reputação desse partido que foi o único a ter pelo menos de fato tentado mudar um pouco a estrutura atroz de inegalidades no Brasil. Eu pessoalmente se pudesse colocava toda essa corja do STF na cadeia para o resto de suas vidas. Me doi a vida daqueles que irao passar fome e ver seus filhos morrer de fome. Não acho que uma pessoa pública deva ser colocada em posição de privilégio, isso é indecente. Sorry Edu, mas estou mais do que enojada. Gde abraço e beijos na Victoria.

          • Edu. concordo com Maria Antônia. O Sr. Lewandovski é na melhor das hipóteses, omisso. O que é inadmissível ao se tratar de um ministro do STF.

          • Prezado Eduardo, quando não concordamos com qualquer coisa e permanecemos no ambiente somos cúmplices e compactuamos, ainda que indiretamente, queiramos ou não.

  • E tem mais, se Gilmar fala como se fosse um político do PSDB e não como membro do STF, por que esse L. não da uma entrevista como juiz e fala da Carta Magna como um Dalmo Dallari faria sem pestanejar ? É preciso coragem para andar sozinho e muita covardia e pouco carater para andar convenientemente acompanhado.

    • Pois o festejado está fazendo o papel de um Pilatos tupiniquim, nem por isso será absolvido pela História, se aceitou participar desse processo inquisitorial apenas como um fantoche merece todas as criticas.

    • Lenita, temos que entender que fomos nós que colocamos 8 lá no STF, portanto somos os próprios culpados pelo o que eles fazem, a culpa é toda nossa, não dá para culpar a Globo ou quem quer que seja pelos atos de juizes que o PT escolheu. Lulandowski é um safado assim como vários outros, defendem abertamente um partido político.

      • Ó idiota de plantão! Até para se passar por outra pessoa é necessário o mínimo de cérebro treinado na arte de inteligir. Saber imitar as características de escrita é uma delas. Nós dois não temos absolutamente nada em comum. O que faz e dar sentido a tua medíocre existência é o apego ao servilismos e ao ato de rastejar. O que dar sentido à minha vida é a liberdade e a luta para que eu e todos, vivamos com dignidade. Mas, não se acanhe não, continue tentando, nunca conseguirá imitar meu modo de escrever porque ele vem de meus pensamentos e de minhas ideias. Se existe uma coisa que vocês de direita, com raríssimas exceções, não têm e nunca terão, são pensamentos nem ideias, porquanto, o pensamento, como as ideias próprias, são uma arte e demanda muito esforço e tempo para consegui-lo. Vocês não têm intimidade nem com um nem com a outra. O que faz parte de seus modos são a estupidez, a canalhice, o cinismo a repetição, por imitação e má imitação, e o zurro e o relincho como forma de se expressar! Fique à vontade e deleite-se com a possibilidade, de um dia, talvez, poder tornar-se uma Maria Antônia. Sonhar faz parte da natureza humana, ainda que ela seja a mais abjeta e ordinária! Serei generosa contigo e te recomendo. Cuidado! Se você se esforçar demais poderá ter um curto circuito neuronal que pode resultar na perda de memória, que não sei se para ti será bom ou ruim, uma vez que, te livrarás da tua medíocre e insignificante existência, por conseguinte, de ti mesmo!
        Maria Antônia,
        aquela que jamais faria uma pergunta tão rasteira, estúpida, medíocre e imbecil, mesmo porque até os insetos saberiam a resposta.

      • Maria Antonia, nunca culpei a Globo pela influência que esta possa ter em relação às atitudes do judiciario. Aqueles que lambem as botas da Globo, como Moro ou Carmem Lucia, são pessoas mediocres mesmo, sem expressão nenhuma e comprovadamente sem carater, ja que não se comportam à altura e às exigenciais de seus cargos. Não concordo também que a culpa seja toda das escolhas feitas por Lula e Dilma. Ambos indicaram pessoas que lhes pareciam comprometidas com suas funções. Eh claro que podemos dizer que foram inocentes porque deveriam ter escolhido pessoas progressistas e confirmadamente de esquerda. Minha pergunta é a seguinte: quantas pessoas progressistas e de esquerda pode-se encontrar na Casa Grande ? Esta “casta” não esta sendo manipulada pela Globo, ela é conservadora e fascista; é representada em sua imensa maioria pelos donos e filhos da Casa Grande, assim como todos os dirigentes do PIG. Enfim, não gosto desse papo de culpar Dilma e Lula por tudo, essa analise acaba sempre caindo na parcialidade. Chegamos a esse ponto porque a Casa Grande nunca quis abrir mão de uma virgula de seus privilégios e esta perfeitamente sintonizada com todas as forças conservadoras e expoliadores do Brasil de sempre. Lula e Dilma estão muito avançados no tempo, o Brasil ainda não saiu do seu estagio primitivo e talvez nunca saia se continuarmos a nos flagelar assim. Assumir os erros não é de forma alguma ter esse tipo de postura. Os erros nos ensinam, e o que precisa ser mudado é a propria Constituição que da’ poderes absolutos ao STF. Isso sim é um erro e uma aberração.

  • Qual preço alto pagou Levandovsky ? ,,foi destituído ..demitido ..perdeu aposentadoria ..aposentaram-no compulsória ? ..perdeu poder ou força de voto ? …oras faz favor

    ..e quanto a Carmem Lucia ..desculpe, assim como Toffoli, Barbosa, Fux, Levy e tantos outros quando se desalinham do julgo político partidário ou se enfronham no corporativismo, aqui é aquilo ..tirando Celso, Marrrco Aurééélio e Agilmal Mentes,l o resto foi CRIA do PT REXONA de LULA ou do governo CALCINHA da presidanta Dilma
    .
    assim, qq descontentamento ou OBRA não feita, que se debite, assim como os créditos e débitos de tantos atos destes governos, a seus respectivos padrinhos
    .
    A propósito ,,falar em cortar as benésses destes nababos e/ou ACABAR com a vitalicidade deles nos cargos ninguém fala,né ?!

      • Todo mundo sabe disso, Edu. É que é muito cômodo fica cobrando os outros e deletando o que foi feito. Ninguém, pelo menos, à esquerda tem o direito de fazer qq tipo de cobrança ou crítica ao Ministro Ricardo Lewandowski. Entregaram Dirceu, entregaram Dilma e, agora querem ir prá cima do único que lutou contra o golpe desde o início. Quero lembrar que muita gnte da ” esquerda, saiu babando o ovo de JB em junho de 2013. Ministro Lewandowski, fez muito mais pela democracia que todos oa partidecos e movimentos sociais, juntos.

    • Ora, governos passam…. esses senhores têm uma carreira a defender. Não irão, de forma alguma, manchar suas biografias profissionais com atos escancarados (e contra a Lei pétrea vigente) para proteger um ou outro político, seja ele um vereador ou um presidente da república.

  • Olá Edu, é possível alguma liminar agora antes mesmo do julgamento? Tentar de alguma forma atrapalhar essa palhaçada golpista? A direita faz isso direto, não podemos tentar o mesmo? Será que o. Cardoso nem pra isso serve? Grato.

    • Como eu disse, Paulo, não se pode saber o que passa na cabeça dos 11 membros do Supremo. Tentar uma liminar agora é uma faca de dois gumes. Se não for concedida influenciará negativamente o Senado. Por isso a defesa de Dilma só questionará o mérito no Supremo caso o impeachment passe no Senado

  • Caro Eduardo,

    Não, a digníssima Dilma não pode recorrer ao STF quanto ao mérito do impeachment.

    A Corte constitucionalmente competente para julgamento é o Senado.

    É o Senado que decide o mérito, a existência ou não de crime de responsabilidade.

    Façamos o exercício inverso, para comprovar a fraude de sua assertiva.

    Digamos que o Senado decida que não houve crime de responsabilidade e arquive o processo de impeachment.

    Haveria recurso ao STF.

    Então, pela sua lógica, o STF poderia decidir pela existência de crime de responsabilidade e, consequentemente, acatar o impeachment e afastar definitivamente a digníssima Dilma?

    • Pode, sim. Vc está redondamente enganado. Se a Corte vai dar razão a Dilma ou aos golpistas é difícil dizer. Ficará dividida. Possivelmente os golpistas terão maioria

      • Pode não! Vc está enganado.

        O STF pode e deve se pronunciar quanto ao rito do impeachment mas NUNCA sobre o mérito!

        Cabe ao Senado e somente ao Senado julgar se há ou não crime de responsabilidade e se esse crime justifica um impeachment.

        Não dê ilusões com falsas informações para os seus leitores petistas!

  • “Quero que atue como magistrado.”
    Lewandowsky, que sempre reputei como sério, deve tomar um cuidado:
    Não permitir que o seu nome seja escrito na história do Brasil como o juiz que presidiu o julgamento e ajudou a condenar alguém que ele sabe ser inocente.

  • Concordo com você Eduardo.

    O problema foi Lula e Dilma terem feito indicações muito ruins para o STF e PGR. Talvez tenham aprendido para a próxima vez, se ocorrer, que assumirem a Presidência da República.

    Abs,
    Hélcio.

    • Hélcio:

      Porque Lula e Dilma fizeram “indicações muito ruins para o STF”? Porque estavam numa camisa-de-força. Todo o sistema estava (e está) aparelhado pelas sociedades secretas. (que todos sabem quais são, mas não podem dizer). Assim, os candidatos possíveis ao STF eram todos (eu disse TODOS) membros e escravos dessas sociedades secretas (se você pode entrar nelas mas não pode sair sem restrições, você se aceitou escravo).

      Essas sociedades secretas coletam, na sociedade, pessoas que tenham forte ambição e… um forte rabo preso. Quando precisam do gajo que colocaram numa instituição, é só lembrá-lo do seu rabo. Ou faz o que nós mandamos (mesmo contrariado, como Joaquim Barbosa – e isto pesa a favor dele, ao contrário de outros mais brancos), ou nós mostramos o seu rabo (pedofilia, ódio ás mulheres, conta em paraíso fiscal, desvios sexuais, impotência sexual, trauma de infância, etc.).

      Quando todos os escolhíveis são porcarias, melhor usar um critério matemático: joga-se os dados, ou canta-se unidunitê, e escolhe-se o brilhante escravo de Momanguá da Serra, Estado de DV. A matemática é a chave para a volta da Democracia!

      • Hélcio, dados e unidunitê não são critérios matemáticos. O comandante fez sábado 90 anos e a revolução cubana não ficou lendo nas nuvens se dava ou não para entrar em Havana. Tinham determinação e coragem, acreditavam naquilo que faziam. Einstein dizia (sei que fora do contexto é difícil entender, mas vale como dica para pesquisar o sentido disto), que deus não joga dados.

  • Depois da leitura do seu texto e da correta atuação do Min. Ricardo Lewandowski à frente do Supremo Tribunal Federal, declaro-me signatário do desagravo de 2012.

  • PELO AMOR DE DEUS COMPANHEIRO !! MORO FAZ O QUE QUISER COMO JUIZINHO DE PRIMEIRA EM CURITIBA GRAVA CONVERSA DA PRESIDENTA E DIVULGA !! PRENDE LULA !! PRENDE ATE LEVANDOVISK SE QUISER !! NINGUEM FAZ NADA NAO DEIXARAM NEM LULA SER NOMEADO MINISTRO E SE VEM DIZER QUE ELE COMO PRESIDENTE DO SUPREMO NAO PODERIA TER FEITO NADA , NEM FALOU NADAA !! DIFERENTE POR EXEMPLO DE MARCO AURELIO QUE PELO MENOS SAIU EM DEFESA QUANDO PRENDERAM LULA EM MARÇO !! AGORA ESSE SEU MINISTRO E MAIS UM GOLPISTA GOLPISTA HIPOCRITA CANALHA GOLPISTA SIM O SUPREMO TODO E GOLPISTA !! DESCULPE POR ALGUMA COISA MAI AQUI E MAIS UM COMPANHEIRO INDIGNADO !! VALEU BOM FDS A TODOS !!

  • Caro Eduardo,
    Concordo em gênero, número e grau com o post. Nessa farsa jurídica, o voto decisivo é dos senadores. Lewandowski, ao presidir o julgamento, responde apenas pelo aspecto processual, na condição de representante da cúpula do Poder Judiciário. Abraço fraterno!
    PS: Em outubro farei a mesma opção ideológica que o amigo 🙂
    Silas

  • Meu amigo blogueiro.

    Assinei o apoio ao Lewandowski, e no momento era a coisa certa a fazer.

    No entanto, ele é uma decepção total.

    Homem fraco, não quer se desgastar minimamente.

    Quer ser presidente do stf (como diz PHA, revisor na mexe no texto),

    mas não quer pagar o preço do desgaste.

    Passa impressão que é só bater o pé que ele sai correndo.

    Em tempos de ministros com atuação político/midiática,

    ele fica encolhido no seu casúlo, com medo de desagradar.

    Ele teria que se adaptar aos novos tempos,

    infelizmente, se mostra egoista e conivente!

        • Ela NOMEOU os golpistas. Ouça o audio, outra vez. Carmen Lucia e Toffoli. Omitiu GM por ser o chefe do golpe no STF , o que deu mais peso aos outros 2. Portanto, pode deixar fora da lista, min. Lewand.,Min. Barroso, Min. MAM e min. Teori. O resto é tudo canalha, mesmo. E, se a senadora resolveu entregar o resto da quadrilha, ótimo pro Brasil. Só não entendi o que vc acha que o Lewandowski, tinha que ter feito. Cortar a palavra dela? Defender os golpistas da Corte? Chamar a polícia? Dar um soco na cara da véia? Lembrando que isso foi em cadeia nacional… Quem tem que ver isso é o MPF.

      • ele podia sair do seu quadrado,

        ir pra mídia, ocupar espaço, criar polêmica.

        constranger seus pares golpistas, ganhar a opinião pública.

        só que ele fica restrito nequele mundinho do faz-de-conta.

        no fundo, ele a Dilma se merecem.

        você, por exemplo:

        cai de cabeça, dá porrada pra todo lado, abre espaço, etc.

        ele não; pode ser muito competente juridicamente,

        só que fica preso numa atuação republicana.

        e nós estamos vendo no que isso está dando.

          • Então que ele assuma uma liderança política.

            Política a favor da ética, do equilíbrio do stf.

            Atue nos bastidores, sei lá.

            O cara quis ser presidente, tem que estar à altura do cargo

            Não pode ficar bancando a rainha da Inglaterra.

            Na hora de brigar por salário, ele soube atuar politicamente.

            Entendo que devemos ter TOLERÃNCIA ZERO contra golpistas e coniventes.

            A prova do fracasso dele é o Lula ter que ir na ONU.

  • Este é o Edu-Guim que eu conheço. Sereno, mas firme na defesa da Democracia. Parabéns pela defesa do Lewandovski, que merece (e digo isto depois que você me convenceu).

    Quanto à Carmen Lúcia, que dizer de uma ministra que não sabe o que decidir e decide o que seu subordinado – o juiz Moro = lhe sugere? Seria melhor guindar Moro ao STF (não pioraria muito o conjunto) e rebaixar Carmen como um (masculino) de seus milhares de assessores…

  • Caro Edu, primeiramente FORA TEMER. Em seguida espero que Vitória esteja melhor. Em terceiro você podia coordenar um movimento de envio coletivo do endereço da mulher do Eduardo Cunha ao Moro. Que tal?

  • “A grosseria de Carmen Lúcia contra Dilma ao dizer que não quer ser chamada de “presidenta” e, sim, de “presidente”, não foi um caso isolado. ”

    Qual foi a grosseria?

    A Ministra Carmem Lúcia era obrigada a optar pelo tratamento de “Presidenta”, essa bobagem inventada como marketing de Dilma?

    Menos, né!?

    Beeeeemmmm menos!

  • Acompanho seu blog há alguns anos, desde quando ainda era UOL. Concordei com a imensa maioria de suas postagens. Mas aqui, permita-me, vou discordar. Não questiono a honradez pessoal de Lewandowski, e creio que nem é essa a questão aqui. Como dizia o orador romano Cícero, à mulher de César não basta ser honesta, precisa também parecer honesta. E ao juiz do stf não basta se dizer juiz, é preciso agir também como tal. O que vejo, Eduardo, é um juiz acovardado, encastelado em sua torre de marfim jurídica, que tem permitido, com sua inação, a destruição do nosso país. Ferdinand Lassalle disse que uma Constituição que não tenha aplicação na sociedade e que não tenha reflexos dela é apenas uma folha de papel. O stf (não estão merecendo nem maiúsculas), com sua postura pusilânime, nos brindou com uma resma de papel inútil a que reduziram nossa Constituição. Lewandowski não pode ser inimputado nisso exatamente por ser presidente da Corte. Nesse ponto é preciso concordar com o escroque Sérgio Machado: esse é o stf mais m*** da história. Chego à triste conclusão que todos os ministros do stf são exatamente iguais, e o que destoa Gilmar Mendes do restante é apenas o histrionismo. Para encerrar, Eduardo, infelizmente entendo que todos nós fomos ludibriados pela esperança de termos juízes de verdade, e não politiqueiros medrosos, na nossa suprema corte. E o que me deixa mais triste é saber que esse papel desempenhado pelo stf hoje é seu modus operandi histórico: o stf enviou Olga Benário aos nazistas e chancelou o golpe de 64, como está chancelando o golpe de hoje. Confesso que estou cansado. Com 46 anos, eu esperava que as mudanças iniciadas por Lula fariam, pela primeira vez, com que nosso país se tornasse um lugar civilizado. Mas vejo que me enganei, e a sensação de desassossego que eu tinha nos anos 80 e 90 estão novamente presentes. Temo pelo futuro de minhas filhas.

  • Compreendo o intento do Edu de fazer justiça à atuação do ministro Lewandowski no processo do Mensalão e eu assinei o desagravo. Mas para mim a coisa acaba aí. Estamos num momento em que as instituições deveriam ser revistas pois se afastaram do seu papel primário, se encastelaram plutocraticamente, ficaram hiper distantes da realidade do povo e fizeram contribuições duvidosas para a democracia. Parcelas do Ministério Público. O Supremo in totem – institucionalmente falando. Eu gostava muito de assistir as sessões do supremo, gostava especialmente de ouvir o Barroso e apreciava a condução firme e tranquila do Lewandowski. Além de julgarem processos além da conta – alguns às vésperas de terminar o prazo legal, mais de dez anos depois de terem sido instalados, fui constatando o seguinte: os ministros do supremo pertencem a uma casta social e veem o mundo desse patamar. Por mais que tentem, não conseguem ver o que se passa ao rés do chão, porque não falam desse lugar. Os seus valores se refletem na decisão de alguns processos. Lembro bem de dois que me decepcionaram muito e me fizeram ver que a justiça terá que ser praticada de outro modo num país com as nossas características. Eles julgaram uma lei antiga que punia pedofilia nas forças armadas. Não conseguiram ultrapassar determinadas barreiras e apenas flexibilizaram a tal lei. O outro caso me deixou boquiaberta: eles autorizaram invasão de domicílio sem mandado, em circunstâncias específicas. Não é possível que os magistrados não saibam que camada da população vai ser atingida. Eles institucionalizaram o desrespeito que já acontece cotidianamente com os das periferias, considerados pelas forças policiais bandidos em princípio – tanto, que matam a torto e a direito os jovens negros. Permitiram que os sigilos bancário, fiscal, telefônico sejam quebrados sem necessariamente serem autorizados por eles, mas por outras instâncias. Fizeram pouco, muito pouco, para melhorar o sistema prisional e tirar da cadeia quem apodrece e até morre nela disputando o metro quadrado, sem julgamento. E se estão lá para defender a Constituição, gostaria muito de saber o que fizeram DE FATO para evitar a parcialidade da justiça que pune os desprotegidos e protege os poderosos. Não me venham falar da Lava a Jato, os poderosos como Romero Jucá, Temer, Aécio-Furnas, a mulher do Cunha, o Cunha, o Eliseu Padilha, o Serra, os do Banestado, o dos desvios de São Paulo, os do Merendão, os do Mensalão tucano, sofrem processos mas não são punidos, ou são punidos depois de loooongoos processos, enquanto outros se dão rapidamente. Lula por exemplo é visceralmente caçado. O sistema como um todo protege uns e penaliza outros, isso não é justiça, isso não é democracia, isso não é constitucional. Além disso há promiscuidade entre ministros do supremo e escritórios de advocacia. E nada fizeram contra um dos seus pares, Gilmar Mendes. Não denunciaram os abusos do Gilmar Mendes, não enfrentaram o Gilmar Mendes. Permitiram que o Gilmar Mendes escarnecesse de tudo e de todos. Permitiram também que mantivesse sua escola de Direito. Permitiram que todos os processos contra o Aécio sofressem o estranho efeito de parar nas mãos do Gilmar Mendes. Vejo com simpatia individualizar casos, acho que o Lewandowski pode merecer essa individualização, mas isso também mascara o que acontece com essa instituição que, dado o seu histórico em outros momentos do país, agiu contrariamente à democracia, o que a deixa sob a suspeição de que possa fazer isso de novo.

  • Prezado Eduardo, assinei os manifestos em favor do Ministro, mas desta vez discordo de você porque os atos corretos de alguém não podem servir para justificar suas faltas, omissão e erros.
    Concordo que com Carmen Lúcia sentiremos saudades do Ministro, já que esta senhora adquiriu uma casa de um doleiro ligado ao Cachoeira pela metade do preço e como não existe almoço grátis…
    Por mais correto que seja, o Ministro deixou de atuar dentro da lei como presidente do STF, em nenhum momento admoestou o juiz Moro que estuprou seguidamente a constituição; aceitou negociar aumentos com Temer, insistiu o quanto pode com Dilma por aumento a ponto da presidente a certa altura ter dito. Chamei o Ministro para conversarmos, mas dele só ouvi palavras sobre o aumento.
    Se o Ministro não concordava ou não tinha forças para vencer os golpistas do STF, o procurador geral ou quem quer que seja deveria ter renunciado e se retirado.
    É o que uma pessoa de brios teria feito!

  • Pessoal que ficar em casa, assistindo o golpe passar e exigindo dos outros, atitudes. Ministro Lewandowski, foi fundamental, até o golpe,. Fez o que estava ao seu alcance, pq exigir dele o que não se exigiu nem de nossas lideranças. Até, agora, não vi um único movimento efetivo dos partidos de esquerda, centrais e movimentos sociais, contra o golpe. ficar dando gritinhos nas ruas contra golpe de Estado é piada. Chegamos ao ponto de diante de um golpe quase consolidado, estar chiando pra carregar cartazes ( isso é inacreditável )
    Ah mas a esquerda tá dividida… Foda-se a esquerda! O antipetismo criado, a partir do mensalão, era pra detonar o PT; o MPF fez seu trabalho, a mídia fez o dela e o judiciário fez o dele. a estratégia da dos golpistas era criar um sentimento generalizado para inviabilizar o PT. O foco era o eleitor, de modo geral. Agora, se a esquerda, resolveu que tb poderia faturar alguma coisa com o antipetismo e passou a engrossar o coro, não é culpa da direita nem dos golpistas. Mesmo em ninhos golpistas, os democratas conseguiram dar um jeito de lutar pelo país. No STF, onde a baixaria capitaneada pelo MPF, teve início, encontraram JB mas tb tiveram que encarar o Min. Lewandowski ( que, para mim, não deve mais nada ao país; fez o que ninguém fez, num momento, totalmente, desfavorável. Agora que todomundo sabe que é golpe fica fácil. Mesmo assim, ainda vemos à esquerda, pessoas tentando minimizar o golpe e desqualificar os que lutaram contra ele, desde o início. Não aceito críticas a ministros do STF ( mesmo os canalhas notórios, tipo GM ), que não venham acompanhadas de cobranças à nossas lideranças. Ministro Lewandowski, foi sorte nossa. (100% do que existe no mercado pra ser indicado pro STF é lixo fascista mesmo. Demos a sorte, de num momento crítico, min. Lewandowski, estar na Corte. Pura sorte pq as chances disso acontecer eram mínimas. A regra é o judiciário , MP, incluso ser ninho dos fascistas. O que está acontecendo com o Min.Lewandowski, é canalhice da esquerda que, além de não ter reagido adequadamente, tenta atribuir ao outro a responsabilidade por seu fracasso, ou pior, pelo fracasso de sua estratégia. Não é só com ele que está acontecendo isso. Aconteceu com José Dirceu e Dilma, tb, São todos culpados PELA ESQUERDA, pela perseguição que sofrem. Com relação ao STF, creio estar numa situação um pouco melhor que a do MPF, que tende a desaparecer. Nossa Corte Suprema, não desaparecerá como o MPF mas terá a cara de GM, só que de saias Carmen Lucia não tem nada a oferecer ao país; por outro lado, Min. Lewandowski já está noutro estágio. Todo mundo pergunta aos presidentes do STF/CNJ, qual a marca de suas gestões, Edu, A marca do Min.Lewandowski ficou nos cidadãos e teu desagravo tá aí pra provar isso.

  • Partamos do seguinte princípio: o julgamento do processo de impeachment no Senado é somente POLÍTICO e não deveria ser porque existem regras para que isso não ocorra, mas nossos ministros atropelaram essas regras e descumpriram o que prescreve nossa Constituição.

    Para mim o ministro do stf presidir as seções de votação do impeachment não passa de palhaçada e visa apenas passar um verniz no GOLPE para tentar legitimá-lo. Lewandowski faz parte dessa palhaçada.

    Recordo-me que em dado momento Lewandowski foi ter com Dilma no Alvorada, mas, segundo a presidenta, ele só se interessou em tratar sobre seus proventos e de seus egrégios comparsas.

    A história se repete, agora com Caifás Calheiros, Judas Temer e Pôncio Lewandowski.

      • Elegeram um congresso de direita e, querem fingir que não tem nada com isso, passando a bola pro STF. Querem, o quê? Que o ST passe por cima do Congresso, democraticamente, eleito? Então pq estamos reclamando qdo passamo por cima da presidenta eleita? Min. Lewandowski, por acaso é pai de vcs, pra consertar as cagadas que fazem? Vão pressionar, Stedile, Boulos, PT, PSOL, PSTU, PCO, CUT, CTB, UGT Conlutas e pqp, se quiserem… cerquem o senado e desçam o cacete; por R$ 20 centavos e pra babar o ovo de JB, vcs foram. Se virem e procurem os culpados por essa merda, olhando no espelho. Bando de covardes! Ministro Lewandowski não tem obrigação nenhuma de trocar fralda de coxinha. O representante de vcs na Corte era Jb e, agora é GM e, tb Carmen Lúcia. Tá muito fácil a vida dos ” esquerda que culpam o PT por tudo e não fazem nada, contra o golpe. Agora, reclamam que o PT não reage mas foram os primeiros a apoiar e pedir o linchamento das lideranças petistas. Vê se tinham alguém para colocar no lugar deles? Não tinham e não tem NADA. Vão ficar enchendo o saco dos ministros do STF pq são um bando de filhotes de ditador; não gostam do executivo, se juntam ao midiciário para derrotá-lo; não gostam do legislativo, querem que judiciário trtatore. Querem derrubsr todo mundo, eleito , democraticamente mas querem votos para os seus. Ministro Ricardo Lewandowski, deixa de ser presidente mas continua ministro da Corte. Ao lado de Teori, Barroso e MAM, ainda tem muito pra fazer pelo país. Tempos estranhos se aproximam e, independente de quem esteja na presidência, o STF terá um peso muito grande. Vamos pra uma ditadura civil com, pelo menos, 4 ministros decentes; já é alguma coisa.

    • Pelo que entendi da fala do senador Jorge Viana, a lei do impeachment, que data de 1950, previa que o presidente do Supremo Tribunal Federal deveria presidir a sessão no Senado porque, à época em que ela foi promulgada, o presidente do Senado era também o vice-presidente da República, portanto, para garantir a isenção, designou-se o presidente de outro poder (o Judiciário) para conduzir o processo na sua reta final.
      Portanto, a presença de Lewandowski se deve unicamente ao cumprimento do que assenta a lei, e em nenhuma hipótese significa a legitimidade desse processo farsesco.

  • Temos um problema sério no Brasil, os juízes em sua grande maioria, vem de uma classe média alta, com todos os vícios que essa elite tem, por mais honestos que alguns possam ser, os vícios estão encravado em seus DNA.

  • Lembro me que ele votou sozinho uma vez. Sofreu. A mídia caiu em cima. Os fascistas também. Foi corajoso.

    O corporativismo do Supremo deve ser uma coisa do outro mundo. A pressão corporativa deve ser equivalente.

  • A “JUIZ” carmen lucia.
    Coitada dessa senhora, já entrou com o pé esquerdo. Deveria ser grata a ingenuidade de LULA e de DILMA por não terem mudado as leis e expulsado os golpistas, traidores e incompetentes do judiciário. Hoje está sendo promovida, não por competência, não foi sequer aprovada na avaliação do senado, para o cargo que exerce, mas POR ANTIGUIDADE. Isto é triste para nós. Já sabemos o que esperar dela. O que a move é a pura INVEJA. Ela nunca chegará aos pés de DILMA. Logo, logo estará perdendo esse cargo e será totalmente esquecida. Ainda mais que é conhecida como uma das “premiadas” pela globobosta.
    Senhora, já estás na “fase da despedida”, seja mais humana, use o cérebro e não o fígado, para decidir. Não seja apenas uma concurseira. Tudo isso também passará, até o seu veneno.
    Todos cometemos “erros”, ou não? –
    — Quase todos nós temos uma história para contar, o peso da história só o tempo dá…
    Cármen Lúcia, ministra do STF, comprou mansão de doleiro que está na Lava Jato.
    Lava … — https://limpinhoecheiroso.com/…/carm… de jan de 2015 –
    CARMEM LÚCIA COMPRA, POR 1.7 MILHÃO, MANSÃO DO DOLEIRO FAYED TRABOULSI,ENVOLVIDO NA LAVA-JATO, QUE VALE MAIS DE 3 MILHÕES. ?????????????????????
    Aconteça o que acontecer, DILMA JÁ É VITORIOSA. DILMA CORAÇÃO VALENTE. DILMA GLORIOSA E AINDA UMA BONITA SENHORA. DILMA É HONESTA…
    Senhora Carmem, que Deus a abençoe, vos dê saúde e muita humanidade. A INVEJA é prejudicial a saúde. Aproveite o seu tempo para crescer como indivíduo, como gente. A vida é bem curta
    FORA TEMER GOLPISTA, ficha suja, traidor, invejoso, frustrado, doente… leve algumas peças do judiciário com você…

  • Nao sei mais, nao tenho agora ainda nenhuma opinião sequer razoavel sobre o Lewandowski.
    Parecendo bem mais proximo de um pôncio pilatos, o qual tambem tinha Poder, lembram?
    Mas quando os sacerdotes e doutores da lei (midia) passam a gritar
    ‘solta Barrabás, queremos Barrabas’
    e a turba toda repete nas ruas…
    Sinal que alguem vai ser crucificado mas Cunhabrás pode sair rindo e pela porta da frente.

  • A Direita tem que contar com o apoio da SUPERESTRUTURA (Justiça -mídia ) para poder impor seu projeto Anti-povo nojento. Essa corja já diminuiu as Verbas de Custeio e Investimentos nas Universidades Federais até 2017 . Evidentemente que esses recursos não gastos com o bem estar e ascensão social e econômica do póvo irá para o bolsos dos rentistas (a todo débito corresponde um crédito ) . A classe média coxinha imbecil vai já sentir na pele a burrada que fez ao não poder mais entrar nas universidades públicas nem nos cursos mais procurados (Medicina-Engenharia ).
    A globo tem que sempre combatida e denunciada na sua ação nefasta e pró Estados Unidos que sempre teve.
    Esse golpista sinistro e nojento não pode ter paz e jamais pisará na rua sem ser molestado. No meu Nordeste, ele não porá os pés ….será enxotado ..Canalha Golpista !

  • Aproveitando a oportunidade, volto a insistir.
    –Ministro Ricardo Lewandowski.
    –Talvez isto seja uma fantasia, mas, desejo, de coração, que o Sr. leia esta mensagem, uma mera mensagem, muito importante para mim, porque amo meu país.
    –Nós que prezamos e respeitamos a democracia, estamos tristes. Tristes de ver a canalhice imperando, pessoas se vendendo por tão pouco, pessoas que desconhecem o prazer e a tranquilidade do “suficiente”. Já acreditei no Sr. e também já lhe xinguei, tão grande foi minha decepção com o judiciário.
    –Hoje volto a apelar para V.Exa. com uma frase de Carl Jung: * Sua visão se tornará clara somente quando você olhar para dentro do seu coração. Quem olha para fora, sonha. Quem olha para dentro, acorda.
    –Estamos precisando que V.Exa. desperte para o que é justo. para o bem de nosso país, para a justiça em relação a Sra. Presidenta Dilma Rousseff, para o verdadeiro papel do STF, do poder judiciário, de seus membros, para a responsabilidade de punirmos os corruptos. Não é possível aceitar que o país seja administrado por uma quadrilha, por um eduardo cunha, por um golpista e seus capangas.
    –LULA e DILMA não merecem o que estão fazendo com eles.
    –Eles acreditaram em pessoas que hoje estão no judiciário traindo-os. A traição é um dos piores golpes que se pode sofrer. — É horrível saber que o STF não barrou o golpe porque ele é parte do golpe. É horrível saber que oito (8) daquelas criaturas foram escolhidas por LULA e DILMA e que foram traídas por elas. Pessoas sem qualquer sentimento de respeito a si próprias e sem dignidade. Se não aprovavam LULA e DILMA, por que aceitaram a indicação.
    — Ministro Lewandowski, ainda confio em V. Exa., despeça-se do seu cargo com um gesto de honradez. A idade pode nos dar sabedoria e muitos aproveitam isso. Use sua sabedoria, SEJA JUSTO, APENAS JUSTO. Seu gesto será lembrado por muitos e por muito tempo. SALVE NOSSA DEMOCRACIA.
    Um grande e carinhoso abraço,

  • Caro Edu, apoiei o ministro Lewandowski e assinei sua solidariedade com ele. Porém, por tudo que escreveram ai, ele ficaraá marcado pela covardia d eter permitido a que GM tripudiasse em tudo, a covardia de permitir um Eduardo Cunha degolar uma presidente eleita e pela cobertura e naturalização do Golpe tão bem descrita, inclusive por vazamento do Sérgio Machado.

    Diante de tão graves situações só caberia a um verdadeiro juíz uma ação ou a demissão. Esatrá escrio em breve que sob a presidência de wando o país sofreu mais um golpe. e dessa vez um golpe que esteve todo tempo ao alcance do STF.

    Eu gostaria de retirar minha assinatura. Não confio mais em ninguém no STF.

  • A PRESIDENTA DILMA,esta sendo DERRUBADA,não por processo político e sim,por FRAUDE PARTIDÁRIA.Política é o que todos fazemos,diuturnamente,em relação aos outros.PARTIDÁRIO é parte.Pode e deveria ser POLÍTICO,mas GOLPE PARTIDÁRIO,não faz parte da política.Essa interpretação,ao misturar PARTE COM POLÍTICA é um dos motivos de a maioria das pessoas,desconfiarem do que se denominou,chamar POLÍTICOS.Como ser político,fizesse parte de ações criminosas.Quando a Sra,.que assume a PRESIDÊNCIA DO STF,vou continuar chamando-a de PRESIDENTA,primeiro por que não está errado o termo,em nosso idioma,o PORTUGUÊS,de Camões e Machado e Assis e tantos outros,e segundo,por não gostar da PRESIDENTA CARMEM LÚCIA,que me INFRINGE MEDO!

  • Tenho para mim que Lewandowski poderia fazer mais do que fez até o momento, poderia denunciar a pressão em derrubar Dilma e a faca no pescoço do STF que o PIG colocou novamente. Também acho que um só ministro não pode fazer nada quando a maioria se torna conivente com o golpe, se houvesse maioria de ministros defendendo a Democracia e a nossa Constituição, Lewandowski poderia fazer algo mais. Então o problema não é Lewandowski, é o STF. O STF se tornou um órgão conivente com o crime, pois a maioria dos seus integrantes se tornaram golpistas, isto enfraquece o STF, o torna uma coisa pequena e submissa aos interesses das elites, que balança o seu rabo (que se tornou fétido) ao sabor dos desejos das elites.

    Temos que desmascarar o STF como um órgão imparcial e defensor da lei, pois o STF tomou partido do golpe, além de ser puxa-saco da imprensa bandida e golpista do PIG.

  • Imagina, o Gilmar Mendes é um político no STF. O Celso de Mello cansa de manifestar opiniões políticas. A bobalhona da Carmen Lúcia (além de tudo, ignorante, parecendo aqueles que querem parecer cultos para entrar no clubinho e daí cometem gafes incríveis) é política. O próprio Barroso dá opiniões políticas. O Marco Aurélio vive dando opiniões fortes. Então o que esperar do presidente do Poder Judiciário? É óbvio que existe espaço para que haja politicamente, e o faz quando é do seu interesse. O que estamos vivendo é de desanimar, porque quem tem algum tipo de poder para agir não age, não temos mais referências, a mediocridade parece geral. Do PT não espere-se nada, aí já temos um cadáver. A Dilma passa seus dias no twitter repetindo os mesmos chavões, realmente perdeu totalmente o bonde da história, não tem a menor capacidade de reagir de forma concreta. O próprio Lula tá pensando bem mais na reabilitação política própria do que qualquer coisa. E o Lewandowski não poderia ser diferente desse quadro geral.

  • Li o post, Edu e também li os vários comentários, dentre eles os da comentarista Maria Antonia. Todos não deixam de ter suas razões. E eu, como já disse em outro post, estou muito decepcionada com a postura do sr. Lewandowski nesse processo do impeachment, que pra mim é uma palhaçada. Como já disse o procurador do MPF, sr. Ivan Marx, as tais pedaladas não configuram crime e, se não são crimes, então por que continuar com essa comédia do impeachment? Não seria o caso de anular esse processo todo? O que me surpreende nisso tudo é ver a atuação da senadora Kátia Abreu. Justo ela que tanto atacava o governo Lula e hoje é a maior defensora do governo Dilma. Está colocando a cara a tapa, sem medo de assumir suas posições. E eu que tanto a critiquei no passado, hoje tenho que me redimir ao ver a lucidez com que ela defende a Dilma. Que contraste em relação a certas pessoas, que deveriam tomar uma atitude mas simplesmente se calam, compactuando com esse enredo maluco chamado impeachment. Não dá para aceitar essa grande farsa, que é esse processo do impeachment, que quer afastar em definitivo uma governante eleita, que não cometeu crime nenhum e está sendo vítima de uma feroz disputa de poder. E, conforme alguns comentaram, eu também acredito que esse golpe, infelizmente, vai vingar. Só espero que não leve 21 anos para certas pessoas se conscientizarem da grande besteira que fizeram ao apoiarem o golpe.

  • :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos canalhas direitistas… …
    .
    Também considero o ministro Lewandowski uma pessoa séria e comprometida com a verdadeira justiça.
    .:.
    * 1 * 2 * 13 * 4
    *************
    .:.
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula 2018 neles !!!!
    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

  • :
    : * * * * 03:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos canalhas direitistas… …

    .:.
    * 1 * 2 * 13 * 4
    *************
    .:.
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula 2018 neles !!!!
    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

  • :
    : * * * * 03:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos canalhas direitistas… …

    .:.
    * 1 * 2 * 13 * 4
    *************
    .:.
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula 2018 neles !!!!
    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

  • :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos canalhas direitistas… …

    .:.
    * 1 * 2 * 13 * 4
    *************
    .:.
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula 2018 neles !!!!
    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

  • O Lewandowski ja fez muito pelo PT quando absolveu o Zé Dirceu e os outros no processo do mensalão.
    Vocês queriam o quê, que ele fosse contra a lei pra continuar a proteger o PT ?
    Ele como Juiz da suprema corte está lá pra ser um guardião da lei e da constituição e não um capacho a serviço dos petistas.

    • Caro coxinha, posso chamá-lo carinhosamente de coxinha, pois o conteúdo do que você escreve é coisa de coxinha. Escrever que o Lewandowski protegeu o PT e esquecer, cinicamente e seletivamente (coisas de coxinhas e trouxinhas que negam a realidade) que o Gilmar(PSDB-MT) criou situações e fortaleceu indícios que se tornaram provas contestáveis contra o PT, além de blindar o PSDB e integrantes do PIG só pode ser mesmo coisa de pessoa sem honestidade intelectual, de pessoa que não tem respeito pela verdade, de pessoa que ama e idolatra os bandidos do PIG. Eis o que você , José Carlos Webber, é.

  • Edu,

    Aprecio a sua defesa do Lewandowski. Mas imagem do STF ficará para sempre arranhada depois do golpe se 2016.

    O máximo que você conseguirá será salvar a biografia dele. Dos demais não.

    Parabéns é boa sorte.

  • Genial os apelidinhos “carinhosos” que estão ganhando o público. Curitiba é Sucupira, Moro o coronel Paraguaçú, aquele delegado de barbicha e gravata borboleta (meu deus!) é o Dirceu Borboleta, os delegados aecistas o Zéca Diabo e as três irmãs solteironas as/os artistas globais que foram puxar o saco do Moro neste fim de semans. Impagável. É preciso divulgar, estes apelidos tem que pegar porque, afinal, a vida imita a arte.

  • Edu,

    Concordo totalmente com o seu texto!

    Apesar de muitas vezes me impacientar com o ministro Lewandowski, sou capaz de entender a atuação dele, os cuidados que ele deve tomar para não ser achincalhado pela mídia, exatamente como você expôs.

    Também não espero nenhuma militância política dele – e concordo que ele não deve mesmo agir politicamente. Gilmar Mendes é um péssimo exemplo de ministro e juiz a ser seguido, e da mesma forma que o critico por isso, detestaria ver Lewandowski tendo uma conduta semelhante. Gilmar só faz o que faz porque tem o apoio irrestrito e incondicional da mídia, e todos sabemos o motivo. Se qualquer outro ministro indicado pelo PT toma qualquer decisão minimamente favorável a um petista, ainda que absolutamente amparado pela lei, tem sua reputação automaticamente demolida.

    Eu andava muito chateada com Lewandowski pelo fato de ele nunca ter levado a plenário o Inquérito 2474 – que acredito (posso estar enganada) ser capaz de derrubar a farsa do Mentirão (AP470). No entanto, acabo de consultar o site do STF e vejo que o processo continua tramitando, e foi redistribuído, estando sob a relatoria do ministro Dias Toffoli – outro que tem tido uma postura dúbia, que parece ter-se aliado a Gilmar Mendes, não se sabe se por autoproteção, covardia ou por alinhamento “ideológico”.

    As declarações da ministra Carmen Lúcia realmente têm tido um apelo midiático muito grande. Sobre não querer ser chamada de “presidenta”, é um direito que lhe assiste, porém o motivo alegado foi ridículo, além de representar um desdém diante das conquistas da luta feminina por equiparação de direitos e respeito. É cedo para julgá-la, mas, a se levar em conta o teor de alguns de seus pronunciamentos, é mais uma figura conservadora assumindo o mais alto cargo do Poder Judiciário, o que significa, infelizmente, que todos os três poderes se encontram DOMINADOS!! Triste demais.

  • Um dos maiores erros de Lula e Dilma foi nas escolhas dos ministros para o STF. Pra mim qualquer um do STF que assumir a presidência com essa composição atual será ruim. Lewandowski não se posicionou contra o impeachment mesmo sabendo que o mesmo está sendo levado por corruptos citados na Lava Jato.

  • Bom dia Edu!

    O fato de Lewandoviski ser o unico juiz que se salta no STF mostra que a classe dos magistrados são uma casta que não serve ao povo e sim aos poderosos e os salva de serem punidos pela lei!

    Um abraço!!!

  • Prezado Eduardo:

    Nessas horas, em que o Supremo, em sua maioria, é isso que está aí, eu sinto saudades dos verdadeiros baluartes da Justiça, que muitos dos leitores desse blog, em virtude da idade, nem ouviram falar deles;

    – Nelson Hungria
    – Hermes Lima
    – Evandro Lins e Silva

    Todos formam banidos dos Tribunais durante a ditadura militar.

    Que falta eles fazem agora.

  • Vamos então também nos referir a Carmen Lúcia como “ministro Carmen Lúcia” e “juiz Carmen Lúcia”, já que ela parece desprezar títulos femininos!!

  • Só para citar alguns, Lula e Dilma tinham a possibilidade de indicar, por exemplo, Bandeira de Mello, Dalmo Dallari, Werner Becker, Lênio Streck, Eugênio Aragão, Celso Tres, Ela Wiecko, Roberto Batochio, Eliana Calmon e mesmo Cláudio Lembo.
    Ao invés disso preferiram indicar Carmen Lúcia, Fux, Fachin, Toffolli, Rosa Weber, Joaquim Barbosa.
    O que poderia ter sido a chance de ordenar o sistema judiciário para servir à democracia e ser o guardião de fato da constituição, por falta de entendimento e até mesmo de compromisso, acabou mantendo (e piorando) o sistema judiciário como guardião da corrupção sistêmica como forma de exercício de poder e como tutor dos interesses da oligarquia.
    O judiciário é o pior dos poderes da república e sempre o foi. Este golpe desnudou à nação a necessidade de uma reforma profunda no judiciário e de sua submissão ao controle da sociedade.

  • Caro Edu,

    estou desolada com o comportamento do Supremo como um todo, mas mais ainda com o de Lewandovsky. Dos outros não esperava nada mesmo, mas julguei que ele manteria a altivez e a coragem.

    Que nada! Certo esteve e está o Lula, ao dizer que estão totalmente acovardados. Desgosto e desolação, é o sentimento que me traz a atitude do Lewandovsky.

  • Lewandovsky não não parece ter o temperamento de Carmen Lúcia, arrogante e pernóstica, mas isso não o torna menos cúmplice desse show de horrores em que se transformou o golpe. Afinal, e quem conhece as instituições públicas brasileiras sabe disso, ao fim e ao cabo atrela-se ao senso comum conservador e fascista que dali emana, ainda que em alguns momentos apresente momentâneos ares progressistas, muito mais ilusórios que sinceros. E por que digo isso!? É evidente que não exigiria de Lewandovsky o controle sobre algo, os trâmites no Senado e no STF, que não possui meios para controlar, mas enxergo essa postura não por querer dele ações impossíveis, mas por observar omissões ou mesmo atos onde teria sim poderes para nadar contra a corrente golpista e fascista que assola o país, mas não o faz. Vamos aos casos concretos : POR QUE LEVANDOVSKY NÃO MANTEVE A DATA DO JULGAMENTO DE DILMA PARA O FINAL DE OUTUBRO E INÍCIO DE SETEMBRO, COMO ESTAVA PREVISTO!!!!!!!!!!???? PARECE UM BOBAGEM, A FIXAÇÃO DE UMA DATA, MAS A MUDANÇA PARA OS PERÍODO DESEJADO POR TEMER PASSA A ÓBVIA SINALIZAÇÃO DO CONTROLE QUE O DITADOR E SUA QUADRILHA POSSUEM SOBRE O PROCESSO, AJUDANDO AINDA MAIS NA CRIAÇÃO DE UMA CORRENTE FAVORÁVEL AO GOLPE. OUTRA COISA, POR QUE LEWANDOVSKY NÃO ATENDEU O PEDIDO DOS SENADORES QUE APOIAM DILMA E ADIOU A VOTAÇÃO DO GOLPE ATÉ SEREM CONCLUÍDAS AS INVESTIGAÇÕES QUE PODEM COLOCAR TEMER NO CENTRO DAS PROPINAS QUE A GOLPE A JATO AFIRMA TEREM SIDO PAGAS PELAS EMPREITEIRA!!!!!!!!!!!??????? MOTIVOS PARA ISSO NÃO FALTAM, SEM O A MUDANÇA DE DATA E SE FOR EFETIVADO NO CARGO, TEMER TERÁ IMUNIDADE E SÓ PODERÁ RESPONDER POR CRIMES COMETIDOS NO EXERCÍCIO DO MANDATO. OU SEJA,SE LEWANDOVSKY ASSIM AGISSE, CONTRIBUIRIA PARA IMPEDIR QUE UM CRIMINOSO ESCAPE DA JUSTIÇA!!!!!!!!!???? E POR ÚLTIMO, SÓ PARA FICAR EM ALGUNS EXEMPLOS, MAS HÁ OUTROS; POR QUE LEWANDOVSKY “LEVANTOU A BOLA” PARA A TRUCULÊNCIA DE CARMEN LÚCIA AO PERGUNTAR SE “ELA QUERIA SER CHAMADA DE PRESIDENTA OU PRESIDENTE”, PERGUNTINHA SÓRDIDA E PARA LÁ DE DESNECESSÁRIA!!!!!!!!!!??? SERÁ QUE ELE É TÃO INGÊNUO OU POUCO PERSPICAZ PARA NÃO PERCEBER QUE DEU DE BANDEJA A “GILMAR MENDES DE SAIA” A CHANCE DE EXIBIR-SE PARA OS BARÕES DA MÍDIA, QUE FIZERAM A FESTA EM SUA SANHA PARA ATINGIR DILMA!!!!!!!!!!!!!!!???????? PRECISAMOS VER ALÉM ADS APARÊNCIAS.

  • PRECONCEITO E BURGUESIA

    Perdão!.. de não ter ousado
    Viver contente e feliz!
    Perdão da minha miséria,
    Da dor que me rala o peito,
    E se do mal que te hei feito,
    Também do mal que me fiz!
    (Gonçalves Dias, Ainda uma vez – Adeus!)

    O escritor inglês Edward Gibbon (1737 – 1794), célebre por sua obra “Declínio e Queda do Império Romano”, foi batizado aos 16 anos no rito católico romano. Seu pai, irado, retirou-o de Oxford, entregou sua educação a um calvinista e ameaçou executar seu conversor religioso.
    Transcrevo o comentário que D. A. Saunders, especialista nesta obra de Gibbon, apresenta, na Introdução de uma das edições, sobre a referida passagem biográfica: “Era tal a índole da época que, poucos anos mais tarde, uma turba londrina, enfurecida pelas propostas de abrandamento das leis penais discriminatórias contra os católicos romanos, queimou distritos da cidade e teve de ser reprimida pela força armada”.
    Nem mesmo parece-nos distantes as multidões, açuladas pelos canais de televisão e manchetes de jornais, que corriam as ruas do Rio de Janeiro e de São Paulo, desejosas de enforcar eleitores e membros do Partido dos Trabalhadores. Obviamente, tanto em Londres como nas cidades brasileiras havia arruaceiros assalariados a serviço da igreja protestante quanto dos interesses rentistas e entreguistas de nosso País.
    Mas se houvesse um mínimo de racionalidade e informação, o que responderiam os não remunerados ali presentes? Frases ocas, sem sentido, lugar comum, chavões e interjeições. Tive uma experiência nos Estados Unidos da América (EUA) há alguns anos: nem mesmo palavras, mas simples urros eram vocalizados, fazendo-me crer no baixíssimo nível intelectual das pessoas reunidas na manifestação.
    Este preconceito, quase epidérmico, da burguesia média e pequena é muito bem descrito e estudado por sociólogos e pensadores de vários países, como o francês Pierre Bourdieu, o português Boaventura de Souza Santos, o brasileiro Jessé Souza, e diversos outros que tomariam o espaço deste artigo. Começa na própria casa, vítima de pais desinformados e alienados, aprofunda-se no ensino desvinculado da realidade física e social onde vive e culmina na embrutecedora comunicação de massa (televisão, rádio, jornal, revista).
    Pergunte, caro leitor, a qualquer burguês, o que é e como se forma a cidadania e ouvirá as arrepiantes respostas, resultado de preconceitos e da ignorância. E, o que é ainda pior, diante de você poderá estar um magistrado, que julgará pessoas que ele nem entende nem nelas identifica seres humanos.
    Permitam-me mais um exemplo tomado da autobiografia de Gibbon. Cinco anos da “reconversão religiosa” foram passados em Lausanne, na Suíça, onde se tornou hábil no idioma francês e conheceu o “homem mais extraordinário da época”, Voltaire, e a dramaturgia francesa.
    O conhecimento deste teatro levou-o à seguinte reflexão: “talvez moderasse minha idolatria pelo gênio grandioso de Shakespeare, a qual nos é inculcada desde a infância como o primeiro dever de um inglês”.
    Essas pequena e média burguesias podem até sair fisicamente de seus ninhos, mas suas mentes continuam, diferentemente de Gibbon, aprisionadas aos preconceitos limitadores da compreensão e do raciocínio.
    Chegamos assim ao episódio humilhante para a nacionalidade e para a cidadania brasileira do impeachment da Presidente Dilma Rousseff. Não farei nem me cabe fazê-la, a sua defesa. Clamo pela dignidade brasileira.
    Um golpe planejado pelos interesses geopolíticos dos EUA e pelo capital financeiro internacional, executado por corruptos políticos e juízes, com ativa participação dos veículos de comunicação e o aplauso e a omissão da burguesia nacional.
    Deixo para a reflexão dos caros leitores um trecho de outro pensador, este o alemão Norbert Elias, também estudioso das sociedades humanas, na obra O Processo Civilizador, sobre os momentos que antecederam a Revolução Francesa:
    “Não era, em absoluto, verdade que toda a burguesia desejasse a reforma e que apenas a aristocracia a ela se opusesse. Houve certo número de grupos claramente identificáveis de classe média que resistiram até o fim a qualquer tentativa de reforma e cuja existência, na verdade, estava ligada à preservação do ancien règime na sua forma original. Esses grupos incluíam a maioria dos altos administradores, a noblesse de robe, cujos cargos eram propriedade de família, no mesmo sentido em que uma fábrica ou empresa é hoje propriedade hereditária. Incluíam também as guildas de ofícios e, em bom número, os financistas. E se a reforma fracassou na França, se as disparidades da sociedade finalmente romperam de forma violenta o tecido da estrutura institucional do ancien règime, grande parte da responsabilidade coube à oposição desses grupos de classe média”.
    Pedro Augusto Pinho, avô, administrador aposentado

  • A grosseria da Carmem Lúcia é mais ou menos assim: “Todo preto que entrar no meu tribunal, é culpado e cadeia”. Ou seja, eu que sou negro ficaria com receio de ser julgado por este juiz, a mesma analogia se faz com os políticos de esquerda, que ficarão a mercê deste judiciário abertamente parcial e seletivo.

  • Eduquim,

    No mensalão do PT, o Lewandowisk deveria ter pedido ao Joaquim Barbosa para verificar o processo 2470. era seu direito e dever verificar o processo, pois ele demonstrava que os recursos do BB não eram públicos. Não o fez, então foi omisso!

    No caso do processo em curso do impedimento, ele deveria – não importa o que vão dizer a mídia e os demais golpistas; ele é um juiz – solicitar o MP para dar sua palavra sobre o mérito dos crimes de responsabilidade e acolher o parecer do MP do DF. Até agora não o fez. Está sendo omisso novamente!

  • Infelizmente, até aqui, Lewandowski está compactuando com o Golpe.

    E ninguém pode negar. O Golpe posto, CF88 destruída, restará pouco pra Carme Lucia prejudicar ao pais. Nada falta mais, estamos numa ditadura e ponto. Qquer barbaridade kafkiana cola. Basta algum canalha com poder desejar e ter apoio midiatico.

    Triste fim das nossas ilusões. Inclusive a respeito do Lewandovski.

    🙁

Deixe uma resposta