Delator dos recibos de Lula conta QUINTA versão

Destaque, Reportagem, Todos os posts

Sergio Moro ouviu, nesta 6a feira (15/12/17), o dono do apartamento alugado a Lula, Glaucos da Costamarques, e o contador do ex-presidente e do seu senhorio, João Leite.

O engenheiro, que acusa Lula, mudou sua versão pela 5a (QUINTA) vez e caiu repetidas vezes em contradição durante o depoimento.

Moro não tem como condenar Lula com base nas acusações desse sujeito. Não usando o direito. Terá que usar uma farsa igual à do delator. Moro terá que fingir que acredita nele.

Assista a reportagem em vídeo e, em seguida, logo abaixo do vídeo, leia importante mensagem do Blog aos leitores

 

Por favor, clique AQUI para ler e assistir mensagem do Blog da Cidadania aos seus leitores.

  • Marcos Omag

    O cara é um coitado que está sendo transformado em carne moída pelo mercado de delações de Curitiba. Os mercadores de delações já estão sendo desmascarados por Tácla Duran, e seus amigos, parentes e agregados que enriqueceram no verdadeiro “trem da alegria” da famigerada “Operação Lava-Jato” devem ser punidos de forma exemplar quando tivermos governo no Brasil. Sem acordos com aqueles que infelicitam o presente e querem inviabilizar o futuro do Brasil como país soberano.

    • Nahum Pereira

      Olá, Marcos! Assino embaixo. Apenas uma observação: que sejam punidos na forma da lei, e não de forma exemplar. Ainda que a punição sirva como exemplo, o importante é que a Constituição e as leis sejam respeitadas. Sinto, pelo seu comentário, que vc concorda comigo. Abraço.

  • Lourenço Siqueira Spinola Spin

    Mudou o depoimento para ferrar Lula pela quinta vez?
    Já basta toda essa farsa!
    Todos a Porto Alegre dia 24 de janeiro.
    Eu vou!

    • Denise Vírgula

      isso!!!

  • Jose Eduardo

    Já virou rotina toda essa patifaria anti-jurídica com aparência de legalidade. Basta, já cansou!

    • Denise Vírgula

      Rumo a Porto Alegre no dia 24/01. Vamos dar a nossa versão sobre essa patifaria de Lava Jato

  • Jimmy Cricket

    ● Tenho um pouco de pena desse tal Costamarques, em suas desesperadas tentativas de escapar da cadeia; afinal, é um idoso como o Lula. Mas pergunto: por que esse sujeito se prestou e continua se prestando a tamanho papelão? Quem é o rábula de porta de cadeia que o orienta? E que diabo de sobrenome é “Costamarques”?
    Todavia, mais importante que minha pena ou minhas perguntas é tentar prever qual será o contorcionismo “jurídico” do torquemadazinho de CUritiba, para condenar Lula e livrar a cara do mutável depoente.
    Porque não está afastada a possibilidade do aprendiz de Savanarola “rachar” sua sentença em dois pedaços; tudo em seu comportamento esquizofrênico me leva a crer que ele cometerá outra batatada jurídica. É aguardar.
    Existem homens e existem ratos, como disse Steinbeck. Neste caso todo, temos um homem que arrosta toda a fúria de uma justiça capenga e uma mídia como não vi nem durante a ditadura anterior. E sobram ratos a começar pelo de toga…

    • Elena

      Jimmy, o DCM publicou um post de autoria de Luis Nassif e Cintia Alves sobre o porquê do sr. Glaucos Costa Marques mudar tanto seus depoimentos à “Farsa Jato”. Diz o post que ele está tentando salvar o pescoço de seu filho, sr. Gustavo da Costa Marques, Diretor de Relações Institucionais da Camargo Correia. No post ficamos sabendo que o sr. Glaucos é “laranja” de seu filho Gustavo. Leia o post e vc vai entender e dar razão a essa teoria de que ele quer “salvar” o seu filho dando Lula de bandeja para a “Farsa a Jato”. http://www.diariodocentrodomundo.com.br/lava-jato-propoe-trocar-o-pescoco-de-filho-de-delator-pelo-de-lula-por-luis-nassif-e-cintia-alves/
      Por oportuno, disse outro dia que desativei minha conta no Facebook e que iria demorar para reativá-la, mas acho que o momento exige não abandonar as redes sociais para combater a saraivada de mentiras que circulam na net, principalmente sobre Lula, e por isso reativei minha conta.

      • Jimmy Cricket

        ● Obrigado, Elena. Vou ler.

      • Denise Vírgula

        Leitura obrigatória para quem quer a verdade dos fatos

    • Denise Vírgula

      Tudo está errado. Isso não é Justiça. Nem Costamarques, nem Lula deveriam estas passando por um processo desses. Lula porque a perícia dos recibos do pagamento do aluguel desmentiu Costamarques retumbantemente e Costamarques porque, se deve, não deveria entre outras coisas, estar sendo exposto na grande mídia. Já é difícil passar por um julgamento, expor depoimentos na televisão é excessivo, ainda mais para um idoso.
      TODOS A PORTO ALEGRE!

      • Jimmy Cricket

        ● Não posso ir a Porto Alegre, mas já arranjei uma faixa preta para usar no braço no dia da decisão do TRF4. O protesto é débil, eu sei, mas é o que está ao meu alcance. E aposto que vão me perguntar a razão da faixa, mesmo nesta modorrenta Guarujá.

  • josecarloslima

    Precisamos de uma biblioteca do golpe de 2016….e que o povo tenha acesso ao acervo

    Como o golpe vem de longa data, penso que para entendermos este golpe precisamos de uma bibliografia que inclua por exemplo o livro Elite do Atraso, de Jesse Souza.

    Ha documentarios, audiovisuais, registros fotográficos?

    Outros temas ligados ao golpe 2016:

    o papel dos ministros Joaquim Barbosa e Aires Brito, no mensalão, uma denuncia de interesse da burguesia que temia o fortalecinento do pt nos municipios, em prejuizo do pmdb.

    como a descoberta do pre sal apressou o golpe e despertou os coxinhas a irem as ruas pedindo o golpe

    brasil terra dos golpes desde a proclamaçao da republica….o Brasil como peça de golpes regionais e operaçao condor em 64 e 2016

    caraca!!!!! nossa história é a história do golpe: que tal um Memorial do Golpe, um grande museu onde caiba a musica de resistencia e luta pela liberdade…..e filmes, como o Cabra Marcado para Morrer,,….

    Irmãos Henfil…e tanta gente q partiu….o povo precisa saber sobre golpes no brasil….e sobre golpes no contexto da luta de classes

    m projeto a ser executado por um governo democratico, o postiço está é destruindo os memoriais que existem

    Parabéns pela biblioteca com esse recorte do golpe de 2016

    mas me permita generalizar o assunto

    Como o golpe vem de longa data, penso que para entendermos este golpe precisamos de uma bibliografia que inclua por exemplo o livro Elite do Atraso, de Jesse Souza.

    Ha documentarios, audiovisuais, registros fotográficos?

    Outros temas ligados ao golpe 2016:

    o papel dos ministros Joaquim Barbosa e Aires Brito, no mensalão, uma denuncia de interesse da burguesia que temia o fortalecinento do pt nos municipios, em prejuizo do pmdb.

    como a descoberta do pre sal apressou o golpe e despertou os coxinhas a irem as ruas pedindo o golpe

    brasil terra dos golpes desde a proclamaçao da republica….o Brasil como peça de golpes regionais e operaçao condor em 64 e 2016

    caraca!!!!! nossa história é a história do golpe: que tal um Memorial do Golpe, um grande museu onde caiba a musica de resistencia e luta pela liberdade…..e filmes, como o Cabra Marcado para Morrer,,….

    Irmãos Henfil…e tanta gente q partiu….o povo precisa saber sobre golpes no brasil….e sobre golpes no contexto da luta de classes

    m projeto a ser executado por um governo democratico, o postiço está é destruindo os memoriais que existem

  • gilberto

    No vídeo, Costamarques parecia “perdidinho” e, ao que tudo indica, está tentando proteger os filhos, que transferiram alguns milhões para sua conta, cuja origem seria ilícita.

  • João Ferreira Bastos

    Chega de conciliação. a hora é de facão

  • HERBERT

    Caro Eduardo,
    Eu volto a dizer, nós estamos no Estado de exceção, imposto pela mídia e pelo Poder Judiciário, e por estarmos nesta situação anômala, é que nenhuma prova, principalmente as de origem do ex-presidente Lula, serão aceitas. A coisa está tão escancarada, que os juízes deste Brasil, já falam abertamente que o Lula será condenado e ficará inelegível para as próximas eleições. É vergonhoso e desastroso, para nós brasileiros, vivermos e convivermos com um Poder Judiciário servil e perseguidor, que abandonou a constituição, as leis e o equilíbrio nos julgamentos, para se tornar um órgão excessivamente punitivo.