Confissão do general Villas Boas pode libertar Lula

Em entrevista à Folha de SP, o comandante do Exército, general Villas Boas, prestou um serviço (involuntário) ao país ao confessar que mensagem que divulgou no Twitter na véspera do julgamento do pedido de habeas-corpus de Lula ao STF foi ameaça à Corte. Essa confissão terá consequências drásticas no Brasil e no exterior e pode resultar na absolvição de Lula.

Jornalistas dizem que um dos três desembargadores inocentará Lula

Aumentam análises no sentido de que ao menos um dos três desembargadores não está disposto a sujar sua biografia condenando Lula sem provas. Os jornalistas Ricardo Boechat e Kennedy Alencar avaliam que o processo contra o ex-presidente chegou “quadrado” ao TRF4. A condenação de Lula seria um ato de engajamento político, diante da ausência de provas. E para uma autoridade do Judiciário votar sob motivação política é um demérito sem igual

TRF4 volta a acusar Moro de condenar réu sem provas

Sergio Moro foi condenado mais vez por instância superior sob acusação gravíssima: condenar sem provas. Dirão que é “normal” decisão judicial ser reformada em instância superior, mas as condenações de Moro são mais graves porque levam pessoas à cadeia em primeira instância. A reforma de outra decisão dele é gravíssima e revela a irresponsabilidade desse “magistrado” que age ora como promotor, ora como político e candidato.