Estranho: Moro recusa a Lula audiência para recebimento de recibos

A audiência em questão seria do próprio interesse da Justiça para eliminar qualquer dúvida que pudesse surgir em relação a um juizado constantemente acusado de partidarismo político-partidário contra  o ex-presidente. A defesa de Lula julga essa decisão de Moro preocupante devido a acusações veladas do próprio Moro de que os recibos seriam falsos, pois não foram periciadas pela Justiça.

Perícia do Senado sofre forte descrédito e pode ser investigada

Perícia feita pelo Senado nas “provas” de que Dilma teria cometido crime orçamentário está sendo vista como “contraditória” até pela mídia antipetista. Irrompe, assim, forte pressão sobre o ministro Ricardo Lewandowski para que determine perícia por alguma entidade estrangeira que, preferencialmente, não use técnicos que postam ataques a Dilma e ao PT no Facebook. Julgamento grosseiro pode tirar o Brasil da rota dos investimentos estrangeiros.

Perícia expõe como denúncia contra Dilma é confusa e imprecisa

Se o processo contra Dilma se amparou em “pedaladas” (ou atraso no repasse de recursos para bancos públicos pagarem programas sociais) e em autorização de créditos suplementares sem aval do Congresso, como pode seguir em frente se, agora, há prova de que ao menos uma das acusações é comprovadamente falsa? Que democracia joga os votos da maioria de seus cidadãos no lixo sob uma denúncia que se mostra tão frágil? Essa acusação é muito fraca para cassar 54 milhões de votos. Está provado.