Petistas pedem punição por morte covarde de jovem negro em supermercado do RJ

A deputada Erika Kokay (PT-DF) e o deputado Reginaldo Lopes (PT-MG) usaram suas contas no Twitter nesta sexta-feira (15) para manifestarem indignação e pedir punição do ato de covardia pela morte do jovem negro Pedro Gonzaga, de 19 anos, sufocado por um segurança, nesta quinta-feira (14), em uma loja do Extra na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Ativista contra violência policial é executado na Bahia

O ativista Pedro Henrique Santos Cruz Souza, 31 anos, denunciava a violência policial na Bahia desde 2012, quando foi vítima de agressão em uma abordagem. A partir de então, passou a receber e encaminhar denúncias de outros crimes cometidos por policiais. Esta era sua missão de vida até a morte. “Enquanto eu estiver vivo estarei me defendendo e falando pelos que não tem voz”, dizia.

PM do RJ manda moradores de favelas retirar senha do celular e vasculha aparelhos

“Nós temos relatos de operações policiais em que há verificação do celular, com a exigência de tirar a senha para vasculhar, o que pode significar uma produção de provas contra a pessoa. Temos situações de tiro a esmo, em que os policiais, mesmo fora de confronto, atiram para o alto, para regiões em que há população. Há consequências das operações para os moradores, como a suspensão das aulas, suspensão de serviços de saúde, impossibilidade de ir para o trabalho”, destacou Strozenberg