Parte da Alerj quer despejar Witzel do Palácio das Laranjeiras

Todos os posts, Últimas notícias

Foto: André Gomes de Mello

Deputados da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) tentam “despejar” o governador afastado Wilson Witzel (PSC) do Palácio Laranjeiras. A alegação é de que a permanência dele no imóvel custaria R$ 100 mil por mês aos cofres públicos. Para forçar a saída de Witzel —encarada como mais uma retaliação—, deputados querem aprovar um projeto de lei em regime de urgência.

O presidente da Alerj, André Ceciliano (PT), já sinalizou contudo que não deve acelerar a votação sob o risco de atrapalhar o processo de impeachment contra Witzel. Diante da possível recusa, parlamentares passaram a pressionar a Casa Legislativa inclusive sob a forma de uma campanha nas redes sociais.

Redação com Uol