Câmara irá ao STF exigir que juíza aceite visita a Lula

A juíza Carolina Lebbos é uma espécie de “teleguiada” de Sergio Moro – advogados dizem que toma “benção” dele o tempo todo. Essa juíza proibiu visita da Comissão da Câmara dos Deputados a Lula. O Blog da Cidadania entrevistou o deputado Paulo Pimenta (PT-SP) e ele explicou que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, exigirá que o STF mande a juíza de Moro permitir imediatamente a visita a Lula.

Assista o programa do Portal Brasil 247 “Quarto Poder”, com Eduardo Guimarães

A direita midiático-judiciária tem nova arma para calar adversários na eleição de 2018, as ditas “fake news”. Porém, a experiência mostra que a mídia corporativa é grande produtora de notícias falsas. Nesse contexto, o jornal O Estado de São Paulo vem se destacando em 2018 com a produção de notícias falsas contra adversários políticos. Esse é o tema da edição desta semana de O Quarto Poder, programa do Brasil 247 com Eduardo Guimarães. Assista

Programa do Sindicato dos Bancários de SP discute prisão de Lula

Nesta segunda-feira 9 de abril, o programa de debates do Sindicato dos Bancários de SP, “Contraponto, discutiu a prisão do ex-presidente Lula, as consequências e o cenário político. Participaram, por vídeo, Paulo Moreira Leite, do Brasil 247; Rodrigo Vianna, da TV Record; Paulo Salvador e Paulo Donizeti, da Rede Brasil Atual ; e Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania. Assista

Programa Contraponto reestreia com análise de conjuntura por blogueiros

O programa Contraponto, de análise política e entrevistas, reestreou nesta segunda-feira 2 de abril e irá ao ar uma vez ao mês. Confira o programa de reestreia, mediado pela presidente do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Ivone Silva, tendo como convidados Altamiro Borges, do Centro de Estudos da Mídia Barão de Itararé, e Eduardo Guimarães, editor do Blog da Cidadania. 

Programa do Brasil 247 Quarto Poder discute derrota da Globo no STF

O programa Quarto Poder, apresentado às sextas-feiras pelo jornal eletrônico Brasil 247, discute, nesta semana, a derrota da Globo no STF, que aceitou, por 7 a 4, discutir o habeas corpus do ex-presidente Lula e, de quebra, deu-lhe um habeas corpus que impedirá que seja preso antes de julgado o mérito do seu pedido de liberdade condizente com o artigo 5º da Constituição.