Moraes avisa que vai investigar ataques ao STF e que os críticos podem “espernear à vontade”

Relator de inquérito aberto na semana passada para investigar ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Alexandre de Moraes rebateu nesta terça-feira (19), em uma entrevista concedida na entrada da Primeira Turma, críticas à abertura da investigação. Segundo ele, todos têm “direito de espernear”, mas o Supremo está seguindo o regimento e prosseguirá com a apuração.