Ministro chefe do GSI diz que comandante de ação com 80 tiros no RJ “deu uma bobeada”

Recapitulando: O músico Evaldo Rosa dos Santos, 46, foi morto depois de ter o carro alvejado com 80 tiros por militares do Exército, na tarde do último domingo (7), no Rio de Janeiro. Os militares disseram que foram atacados a tiros e revidaram atirando contra o automóvel no qual Santos estava. Familiares e amigos de Santos negaram que ele estivesse armado e contestaram a versão dada pelo Exército

Indicação de ministros não é acordo partidário, segundo General Heleno

Futuro ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), negou que Bolsonaro tenha priorizado o DEM na escolha dos ministros do seu governo. Até agora, três dos dez ministros indicados são do partido: Onyx Lorenzoni (Casa Civil), Tereza Cristina (Agricultura) e Luiz Henrique Mandetta (Saúde). “Isso do DEM é mera circunstância. Não é nada que o comprometa. Ele tem escolhido por bancada e não por partido”, disse Heleno.