Essa guerra política está prejudicando a sua vida

Opinião do blog

tiro no pé

 

Escrevo poucos minutos antes de ir para o aeroporto tomar um voo até Teresina (PI), onde participarei de um encontro local de blogueiros pelos próximos três dias – minha participação será no sábado (23), por volta das 13 horas.

O post da sexta-feira, portanto, será escrito de uma região do país que quero muito conhecer, pois tal conhecimento me faz falta. Acredito que a viagem me permitirá exterminar estereótipos erigidos contra uma das regiões mais estereotipadas do Brasil.

Até lá, quero deixar o leitor com um apelo. Chegou a hora de cada um, não importando qual for sua visão político-ideológica, começar a pensar um pouco em si mesmo. Claro que este chamado não visa os que lucram ou perdem com a política; dirijo-me ao cidadão comum.

Você, homem da multidão, que não integra grupos de interesse organizados, tem que refletir sobre essa guerra política incessante que o Brasil vem travando em um momento em que o país deveria estar voltado para reativar a sua economia.

Não será tirando o PT do poder ou elegendo medidas administrativo-econômicas como o grande satã que a economia voltará a andar – está paralisada por uma crise política que rouba confiança dos agentes econômicos.

Na terça-feira, o PSDB levou ao ar um programa eleitoral televisivo em que tentou vender ao brasileiro que sua vida não melhorou ao longo da última década e que o problema da corrupção no país é uma invenção do PT.

Vamos falar sério: isso é uma loucura.

Na quinta-feira, o partido entra com uma denúncia criminal contra o PT e diz que o impeachment “não é para agora”.

Interesses políticos à parte, essa Espada de Dâmocles foi colocada sobre a cabeça dos agentes econômicos por um partido político da importância do PSDB, que não apenas já governou o país por oito anos como tem chances consideráveis de voltar ao poder.

Você que apoia os panelaços e as manifestações antipetistas, e que vibra com iniciativas como essa do PSDB, ainda que não saiba está se prejudicando – a menos, é claro, que seja ligado a grupos políticos ou econômicos de oposição ao governo Dilma, que buscam lucro político-econômico decorrente do enfraquecimento da situação.

Se você, porém, tem apenas tendência político-ideológica mas depende do funcionamento do país – e, sobretudo, da economia – para viver bem, com tranquilidade e segurança, saiba que insuflar essa guerra política é um tiro no pé.

Essa paralisia que a política está impondo à economia a fará piorar muito antes de melhorar. E tudo por nada.

Não caia nessa esparrela de que a corrupção vai acabar se o PT for “exterminado”. Se fuzilassem todos os políticos, filiados e simpatizantes petistas, a corrupção não diminuiria um milésimo por cento.

Você odeia o PT? Ótimo, vote na oposição em 2018. Quer criticar, critique. Mas não apoie essa política de terra-arrasada que o PSDB e setores da imprensa estão fazendo. Não apoie os presidentes das duas Casas do Congresso usarem suas influências sobre a maioria dos congressistas em prol da “solução” dos rolos deles com a Justiça.

Essas trocas de insultos incessantes entre “petralhas” e “coxinhas”, esses protestos antipetistas que agridem pessoas na rua por parecerem – apenas parecerem – petistas é mais um fator de insegurança social e econômica.

Há milhões de brasileiros favoráveis ao PSDB, ao PT, ao PMDB etc. Não são todos bons ou ruins. Entre todos, há os bons, os maus e os que não são nem bons nem maus, mas, apenas, humanos.

Já ultrapassamos todos os limites da insensatez. Chegou a hora de refletir que o Brasil é uma grande nave e que estamos todos a bordo dela.

O país tem um governo democraticamente eleito que você pode até não gostar, mas que, se não conseguir governar, mesmo que seja derrubado antes da hora, lá na frente, até lá os efeitos desse processo vão fazer vítimas. Muitas vítimas.

Você pode ser uma delas.

A economia irá afundar, a intolerância e até a violência vão aumentar, enfim, a sua vida irá piorar. Poderá pagar com seu emprego e até com a sua vida, pois o clima de beligerância entre correntes políticas contrárias já começa a descambar para a violência.

Quanto mais crise, mais gente desesperada. Quanto mais gente desesperada, maior o contingente daqueles que buscam “soluções” erradas, muitas vezes até criminosas, no auge do desespero.

O Brasil vive um problema econômico que nem é de tão difícil solução, se as paixões político-ideológicas forem deixadas de lado. Imagine o país como uma família que está gastando mais do que a renda familiar e que precisa fazer cortes de gastos. Claro que é legítimo cada familiar lutar para ser menos atingido, mas essa disputa tem que se ater a essa questão sem que cada membro dessa família fique puxando a faca um para o outro.

Contudo, não é o que está acontecendo. Há uma guerra política que chega a flertar com a violência. Não é caso, ainda, de prever um confronto civil, mas essa intolerância, esse ódio todo que se vê por aí impede a economia de retomar seu funcionamento normal.

Como já foi dito, isso assusta os agentes econômicos; torna o futuro extremamente imprevisível e o que o capital mais almeja é previsibilidade.

A próxima eleição está logo aí. Você não gosta do PT, do PSDB, do PMDB? Seja qual for o partido – ou os partidos – do qual não gosta, em 2016 você poderá mandar seu recado votando em quem quiser. E 2018 vem logo depois.

Seria bom, também, lembrar que ninguém é seu inimigo mortal só por ver a política de forma diferente da sua. Os “petralhas” e “coxinhas” têm os mesmos interesses. Nenhum deles quer ver o país afundar.

Isso não significa que não se deve criticar o governo, mas essa visão de que é preciso arrumar um pretexto para depor ou manietar um governo legitimamente eleito, repito, é um tiro – de bazuca – no seu pé.

Trocando em miúdos: enquanto Dilma estiver no poder ela tem que ter condições de governar ou você se ferra. Simples assim.

Não pense que dá para entregar o Poder Executivo a outro; ele será exercido por quem o ocupar. Se essa pessoa estiver de mãos amarradas, quem sai perdendo é o povo – do mais rico ao mais pobre.

Um governante manietado não interessa nem a quem apoia nem a quem não apoia. Um processo fajuto de impeachment – do tipo que “não é para já” – tampouco interessa ao país. Nesse meio tempo, a economia sofrerá ainda mais e você é quem vai pagar o pato.

Claro que se existisse alguma razão legítima, não decorrente do mero inconformismo com a derrota eleitoral de 2014, o país teria que passar por esse trauma. Mas porque alguns políticos querem se fortalecer para 2018 você vai deixar que o governo não consiga governar?

Aí é roça. Para você

Ora, se você não tem perspectiva de uma boquinha no governo que vier a substituir o de Dilma, não vai ganhar nada com isso. Pense bem. Ponha suas paixões de lado e, pelo amor aos seus filhos, netos ou a você mesmo: reflita.

 

110 comments

  • ♫ O programa eleitoral da macacada – que pensa ser gorilada – foi uma obra prima de incompetência. Pior que um crime, foi um erro. Assisti quase inteiro e mal consegui acreditar no que vi; parecia coisa de partido nanico querendo arregimentar o lumpenproletariat. Autenticamente nazista.
    Acredito que, a esta altura, já existam resultados de alguma pesquisa sobre a repercussão da papagaiada e gostaria imensamente de conhecê-los. Afinal de contas, se o furdunço da tucanalha está atrasando o país, acho que tenho direito a pelo menos rir um pouco desse canhonaço que os miquinhos dispararam contra o próprio pé, aleijando-se talvez per omnia secula seculorum…

  • Será que o PT e os petista nos governos de FHC se comportaram como você pede, pondo a paixão de lado, olhando o futuro para um Brasil melhor, apoiando medidas importantes como a Lei de Responsabilidade Fiscal, o Proer, que Lula disse a Busch, no começo da crise de 2008, para fazer um, apoiando o Plano Real que conteve uma inflação que PENALIZAVA PRINCIPALMENTE AS CLASSE MENOS FAVORECIDAS, e, deixando o governo trabalhar para o bem de todos os brasileiros?

    • marcita

      LRF é de 1993 e é consenso que mais atrapalha que ajuda.

      Em 1998 FHC criou mecanismo legal para Petrobras não obedecer lei de licitações.

      Neste mesmo ano o PT propôs desvalorização gradual do Real, antevendo a catástrofe que abateu sobre o país em 1999.

      PT lutou contra todas as privatizações

      Há centenas, milhares de exemplo da atuação propositiva do PT na oposição. Só não vê quem não quer.

    • Oi Marcita
      Mudanças mais profundas só se tornarão possíveis, se entre as inúmeras medidas, uma delas é detonar essa armadilha neoliberal, chamada de LRF.
      Saudações

  • Caro xará, visto que vc diz que vai conhecer, permita-me algumas sugestões, mesmo sabendo que sua viagem não é de lazer. Experimente comida típica, particularmente o capote e a picanha de bode, na realidade de cabrito. Encontro das águas do rio Poti/Parnaiba. Longe, mas imperdível, talvez para uma próxima, com mais tempo: Delta do Parnaiba, inscrições ruprestes em Piripiri e, principalmente, em São Raimundo Nonato. Esse estado, vítima de uma pobreza atroz e um preconceito mais ainda, é maravilhoso, mas poucos se interessam. Poucos sabem de sua rica História, da sua importância no ciclo da borracha (maniçoba), suas lutas sangrentas no passado, pela nossa independência. Tenha uma excelente viagem.

  • Perfeito sua postagem Edu, parabéns, mais uma vez se superando, cada vez melhor! concordo com tudo que escrevestes!
    abraços e boa viagem até Teresina PI.

  • Postaram uma mensagem no Facebook que resume bem a que ponto vai o descompromisso dos analfabetos políticos com o futuro do país. Eu a compartilhei no FB e ainda a mandei por email para todos os coleguinhas que vivem me mandando mensagens escrotas contra o Governo da Dilma e o PT. Ninguém me respondeu.

    A mensagem:
    Título: Estão ferrando o futuro dos seus filhos e você acha legal porque pensa que estão f…. só o PT.

    Mensagem : “Aprovaram a terceirização irrestrita na Câmara. Você achou maneiro, porque foi uma derrota do PT. Liberou geral com agrotóxico e transgênico. Você gostou porque o PT era contra. Deram o direito de ministros do STF e TCU virarem monarcas e ficarem quase a vida toda no cargo. Você gostou porque foi uma derrota da Dilma. Bateram em professores. Você gostou porque eles são filiados a sindicatos e “ensinam comunismo petista”. O Eduardo Cunha vendeu o Congresso pros empresários. Você adora porque ele chantageia a Dilma. Até quando vocês vão achar maneiro ferrarem o futuro dos seus filhos, enquanto você acredita que quem está se f…… é o PT?”

  • :

    Ouvindo A Voz do Bra♥S♥il e postando:

    * 1 * 2 * 13 * 4 *************

    Um poema (acróstico) para Dilma Rousseff, a depenadora de tucanus :

    .

    D ilma, coração valente,
    I magem de todo o bem em que se sente
    L ivre o amor maior pela brasileira gente
    M uito humana e inteligente
    A PresidentA do nosso Lula 2018 de novo Presidente

    .:.

    D uas vezes contra o espectro atro
    I nscreveu já seu nome na história
    L utando contra mídia venal & Cia e seu teatro
    M ulher forte de mais uma vitória
    A deixar tucanus na ó-posição de quatro ! ! ! ! de quatro ! ! ! ! de quatro ! ! ! ! DE QUATRO ! ! ! !

    * * * * * * * * * * * * *

    Ley de Medios Já ! ! ! !

  • O absurdo de pedir impeachment é tão grande, que até Aécio e companhia recuaram da ideia (no que foram criticados pelo MBL). Deixem a mulher trabalhar oras, não é para isso que ela foi eleita?

  • A única crise verdadeira que vivemos é a crise do controle da opinião e da informação nas mãos de uma oligarquia. É por causa da mídia que tudo isso está acontecendo. Crise econômica de verdade este país não atravessa, temos pequenos entraves resultantes tanto da crise econômica internacional, quanto das escolhas neoliberais erradas do Governo Dilma. E nem falo do “ajuste” atual, ao qual me oponho na forma como está sendo feito, mas das medidas adotadas ainda em 2011, quando Dilma assumiu seu primeiro mandato, pegou um país que crescia de forma acelerada e por medo da pressão midiática em cima do terrorismo inflacionário, começou a contenção dos gastos, leia-se dos investimentos do estado. Claro que houve tentativas de enfrentar a ortodoxia no decorrer do primeiro mandato, quando Dilma tentou baixar os juros e novamente foi derrotada pela pressão dos Bancos e da mídia, mas no geral o excesso de ortodoxia econômica do PT é o principal responsável pelos problemas atuais, no que se refere a uma causa econômica, mas que nem de longe nos colocam diante de uma crise verdadeira, como as que ocorreram no desgoverno FHC, quando o país literalmente faliu e a população vivia na miséria. Contudo, essa guerra que faz parte de uma grande estratégia para derrotar o PT em 2018(e que fracassará, pois elegeremos Lula na disputa eleitoral), é o resultado da semente de ódio plantada por Globo e sua turma durante treze anos, devidamente semeada numa Sociedade conservadora, construída em cima de preconceito, violência e ódio de classe, que foram regados com fervor pela mídia para transformar uma classe média ignorante, reacionária e burra em robôs fascistas, truculentos e fanáticos, capazes de retirar do armário os preconceitos mais atávicos que aprenderam com suas famílias. É isso o que está acontecendo hoje no Brasil, contudo embora pareça muito grande, é muito mais restrito do que parece. Felicito-o por conhecer o Piauí, acredito que já conhece o Nordeste em parte, por ter citado neste espaço que viajou a Recife e Olinda, mas basta que caminhe um pouco pelas áreas mais pobres de sua cidade, fazendo “turismo” no Capão Redondo ou Paraisópolis e verá que a grande massa da população não está nem aí para isso. Aproveite para visitar áreas miseráveis de outras parte do Brasil e verá que o povo como sempre está por fora desse clima de ódio e ainda vê no PT aquele que deu oportunidade de melhora em suas vidas. É verdade que esse povo paralisado é um elemento a se disputar, ele pode sim ser trazido para o lado conservador, mas a entrada de Lula em cena e a articulação eficiente dos movimentos sociais poderão trazê-lo para a causa progressista, desde que não se perca tempo para explicar a essas pessoas o que significa o retrocesso conservador em curso e o que o PSDB pretende fazer com elas se voltar ao poder. O PL 4330 pode ser um excelente momento para trazer-se o povão para essa luta, não apenas o proletariado ligado a sindicatos fortes, mas também o subproletariado que começou a sair de sua condição precária e pode ser mobilizado para defender as conquistas que apenas começou a obter. O artigo de Saul Leblon, em Carta Maior, trata um pouco dessa que talvez seja a mais importante ação política do momento. Ao invés de tentarmos trazer a classe média burra para o lado progressista(ou pelo menos juntamente com essa tentativa)devemos começar a trazer para o jogo político esse ator majoritário, que melhorou de vida nos últimos anos e adquiriu condições e interesses para que possa conscientizar-se com relação à urgência em defender o modelo construído nesses treze anos. Poderia ser um novo caminho a ser seguido pelo Cidadania e pela mídia alternativa, e com isso a web abriria-se para o povão.

  • Ola Edu, estou convicto que os coxinhas nunca leram um livro de História.
    Agora, tem um livro muito bom, que monstra a todos os petistas porque
    estamos neste Mundo. Os Exilados de Capela”, trata-se de um livro espirita
    mas serve direitinho pra nós.

  • Edu,

    Quem esta organizando o Encontro dos Blogueiros aqui em Cuiabá – MT?

    Até o presente momento ainda não recebi convite para participar e nem sei o local que será realizado o evento.

    Abraço.

    Geremias
    Cuiabá – MT

  • Boa noite, Edu

    Realmente, seria muito bom que as pessoas refletissem sobre o que está ocorrendo.
    O Brasil e o Povo Brasileiro sairia ganhando.
    Vamos torcer para que a maioria seja sensata.

    Um abraço.

  • Eduardo escreveu tudo de modo perfeito. Falo isso para os inconformados com a derrota desde outubro de 2014. Eles não entendem isso e não aceitam a derrota. Você colocou de maneira cristalina. Quem sabe se alguns lendo sua crônica não caiam na real. Entendam que a torcida para o seu time de futebol não pode ser a mesma para um partido político porque quando isso acontece quem se ferra é o povo desse País. Pensar que afundar economicamente o país atingirá a Dilma é de uma ingenuidade sem igual. Concordo que ninguém é obrigado a gostar do governo do PT mas é obrigado a respeitar a vontade da maioria que o elegeu. Muito mais produtivo é lutar por bandeiras democráticas que solucionem o que muitos criticam. Por exemplo pedir que se instale uma impressora na urna eletrônica para que o voto seja impresso e coloca-lo numa urna para possibilitar recontagem dos votos em caso de necessidade. Batalhar por uma reforma política com participação popular nas decisões como o fim do financiamento empresarial de campanha. Impedir que o Congresso faça barganhas ao executivo para a aprovação de projetos que beneficiem a população pressionando o deputado e o senador que você votou. Precisamos de construção não demolição.

  • Edu,

    Peço licença para divulgar neste espaço, singela homenagem do Conselho Federal de Contabilidade ao Senador Aécio Neves.
    O Conselho Federal de Contabilidade, nesta nota representando os 27 Conselhos Regionais de Contabilidade e os 510 mil Profissionais da Contabilidade do Brasil, vem a público discordar das referências aos “contabilistas” feitas pelo senador Aécio Neves, em pronunciamento criticando o Ajuste Fiscal proposto pelo ministro Joaquim Levy, do dia 20 de maio, conforme matéria publica no Jornal O Globo (http://oglobo.globo.com/brasil/aecio-chama-ajuste-fiscal-de-joaquim-levy-de-contabilista-16217897). Para ler a integra clique no link a seguir: http://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=1&cad=rja&uact=8&ved=0CB0QFjAA&url=http%3A%2F%2Ftvclassecontabil.com.br%2Fnoticias%2Fconselho_federal_de_contabilidade%2Fnota-de-desagravo-do-cfc-sobre-o-pronunciamento-do-senador-aecio-neves&ei=qqNeVZKgKsSrNv6zgIAC&usg=AFQjCNFxRnjwewicnrxqUhd44ELkWiPKYA

  • Caro Eduardo,
    Desejo-lhe boa viagem e bom retorno à sua família. Mas desejo profundamente que você goste de minha capital.
    Para mim, já foi melhor. Era mais provinciana e tranquila. Infelizmente do começo de 2000 para cá, empresários do resto do Brasil e principalmente os sulistas, descobriram nosso estado. Claro que tem a parte positiva de mais empregos, portanto mais desenvolvimento, todavia a contrapartida vem com acréscimo da violência e polição do ar em todos os aspectos. Não tenho dúvidas, será bem recebido. Nós piauienses estamos longe, bem distantes de ter metade da arrogância de seus conterrâneos. Conheço cada pedacinho dessa cidade e foi na praça Pedro II que vi o Lula pela primeira vez, em 1983, se não me engano, fazendo discurso contra a exploração dos trabalhadores pela elite da época. E também foi nesta praça, ainda bem adolescente, que tive o prazer de assistir e saborear os belos quadrinhos e cartoons dos gênios cartunistas Henfil, Ziraldo, Glauco, Laércio e muitos outros, no salão de humor do velho teatro 4 de setembro.
    Sinta-se em casa e boa estada.
    Abraços
    Maria Antônia

  • A guerra política deflagrada pelos “democratas” que respeitam o resultado da eleição se forem eles os eleitos está afetando a vida de todos.
    A tal da crise é artificial, conta com o respaldo da FIESP na pessoa do Skaf que é o patrocinador da lei de terceirização.
    Conta com o respaldo de grandes industriais, banqueiros, rentistas, consultores e outros vagabundos que vivem do suor alheio, pois para eles quanto pior melhor.
    Conta com o respaldo da imprensa mais canalha que existe sobre a terra, imprensa comandada por homens ambiciosos sem nenhum escrúpulo que empregam “jornalistas” que mais parecem capachos. Estes jornalistas a troco de alguma exposição mentem descaradamente fazendo o serviço sujo dos seus patrões pelo que chamam de salário e que não passa de uns trocados pelo qual venderam sua dignidade profissional e seu caráter.
    Você tem razão, perdemos todos. Aqueles que apoiam o governo e aqueles que são contra.
    Os mais violentos, batedores de panelas, coxinhas, pit bulls e outros meliantes todos eles são cretinos completos e acabados, não se dão conta de que vai sobrar para todos.
    Deputados e senadores, principalmente os dois senadores por São Paulo demonstram ser verdadeiras meretrizes e não homens eleitos para contribuir e colaborar para que este país tenha um governo estável, já que foi eleito democraticamente.
    O episódio da rejeição do indicado pela Presidente Dilma para a OEA mostra que nosso Congresso hoje mais parece uma pocilga onde porcos chafurdam na lama.
    A imensa maioria dos congressistas não passa de proxenetas tal e qual aqueles que existem nos bordéis.
    O pior é que somos nós os explorados!
    A culpa infelizmente é nossa, como sociedade que não pensa, não analisa e não gosta de política.
    Vota no primeiro vagabundo que lhe oferece uma dose de cachaça ou uma camisa para o time do seu bairro.
    Por pior que seja a Lei da Terceirização, fico pensando até que ponto não seria educativo que ela entrasse em vigor.
    Os primeiros a sofrer com elas serão os coxinhas da classe média que puderam nos últimos doze anos comprar autos importados pagando em dólares ou em euros cinco vezes mais do que custam lá fora, três vezes mais que custam no Chile e na Argentina. Acreditam na ladainha dos impostos. São cretinos completos!
    Serão os primeiros, TODAS as empresas vão terceirizar os funcionários de médio escalão, ou seja a maioria dos coxinhas.
    Os operários das linhas de montagem também vão sofrer. Poucos entre eles vota com consciência.
    Votam sem pensar ou votam porque o sujeito aparece na TV como um palhaço de um programa comandado por um rato que deseja eleger o filho governador do Paraná. Um dos piores vereadores na câmara de São Paulo.
    Procure por favor (eu não tenho) no Facebook um post de hoje colocado pelo deputado Jean Wyllys no qual escreve sobre a Casa do Cunha.
    Há um dito popular: – OU SE APRENDE COM AMOR OU COM A DOR. Parece que boa parte da população do Sul e do Sudeste prefere a segunda hipótese.Que seja!
    Quem sabe na próxima eleição ao invés de estelionatários que se escondem na pele de “pastor”. “fazendeiro” “industrial”, “advogado” sejam defenestrados das casas legislativas que hoje mais parecem bordéis onde falta um “leão de chácara”.
    Passamos um momento muito difícil que começou com uma idiota messiânica vinda lá do Acre e que seguramente está a serviço do WWF.
    Continua com um playboy que nunca teve profissão remunerada e é pilotado pela irmã. Por si não articula duas palavras se estiver sóbrio.
    A mesma irmã que considera a família predestinada a dirigir o país, se não foi o avô porque os céus o levaram então que seja o irmão. Ela deu essa declaração em uma entrevista no Rio meses antes da eleições.
    Essa guerra política prejudica todos nós!
    Uma guerra sem sentido que é forte no Sul e Sudeste.
    Uma guerra com soldados cretinos alimentados por uma imprensa canalha e políticos que tentam implantar no Brasil a Canalhocracia.
    Não se dão conta da força e do prestígio na nossa presidente.
    Renegam o fato de que o governo Lula recuperou a credibilidade do nosso país, recuperou nosso orgulho de sermos brasileiros como posso constatar nas minhas viagens a trabalho.
    Não reconhecem o mérito, independente do partido que apoiam, da presidente que continua a duras penas a obra iniciada por Lula.
    Não admitem que os acordos assinados ontem com os chineses representa um salto de desenvolvimento tirando-nos da dependência EUA Europa.
    Não reconhecem que o Brasil desenvolvido é o líder natural do bloco latino americano tão sonhado pelo Chavéz cujo comunismo só existe na cabeça dos cretinos que batem panelas contra a presidente e se calam quanto a propina paga pela Ford para fugir do pagamento de impostos.
    Cretinos que sequer admitem que nosso país com sua política nacionalista, beneficia a todos e essa mesma política é que permitiu o desenvolvimento do KC390 especificado pela FAB e construído pela EMBRAER.
    Esse avião fez seu primeiro voo dias atrás e pode ser visto no link:

    https://www.youtube.com/watch?v=HlJ1u1GgaFs (vôo)

    https://www.youtube.com/watch?v=wN5Bs9R5qm8 (especificações) É assistir e ter os olhos marejados)

    São tão cretinos que não sabem e se recusam saber que este avião brasileiro do projeto à construção substitui os Búfalos e Hércules já obsoletos, tem alcance de 6.000 km, pousa e decola em pistas de terra.
    Cretinos que se dizem informados e que consideram Miami, o maior bordel latino americano como o centro do mundo desconhecem o potencial de vendas dessa aeronave.
    Desconhecem que o Brasil tem hoje a 4ª indústria naval do mundo.
    Tem o maior potencial entre todas as nações e tem um governo cujos miiostros não tiram o sapato para qualquer um.

    Você escreve que vai ao Piauí. Então vai para o Brasil que pulsa e vive apesar dos coxinhas.
    Vai para o Brasil que teve uma safra maior que a do sudeste.
    Vai para um Brasil se encontrar com pessoas de passaram a ser cidadãos e não mais mercadoria nas mãos de coronéis.
    Vai para um Brasil que sempre lutou para ser brasileiro e que faz a cidânania todo dia e não apenas nos domingos ensolarados.
    Vai ser surpreender com a afetividade e amabilidade de todos eles.
    A amabilidade e afetividade de todos no NE.
    Boa Viagem!

  • ‘Jaime era médico e trabalhava em hospital universitário. Atendia a população pobre, num hospital em ruínas porque acreditava na educação médica de qualidade como instrumento importante para melhorar a qualidade de vida das pessoas.

    Morreu porque desafiou a realidade atual, de total abandono, onde o criminoso é tratado como vítima dos 500 anos de colonização errada… Balela.

    Não, Jaime não terá cruzes na praia de Copacabana.

    Não, nenhum favelado vai tacar fogo em ônibus nem fechar com barricadas a curva do Calombo, onde Jaime foi covardemente atacado.

    Não, Dilma não ficou estarrecida e nem sequer vai ligar para a família de Jaime para uma palavra de conforto.

    Jaime, cidadão brasileiro, pagava seus impostos em dia.

    Jaime sou eu, é você. Jaime somos todos que antes desconfiávamos, mas agora temos certeza, que esse país deu totalmente ERRADO.’

    País de ……………..
    Você completa!!!”

      • Uhhhhhhhh… essa foi na jugular do coxinha.

        Esta turma é cega, intolerante, intransigente, fascista, etc. O que vc escreveu, pedindo uma trégua, infelizmente não vai funcionar. Como se vê, para esta gente, a culpa de todas as mazelas só recai sobre o governo de Dilma. Eles querem derrubar o PT a todo custo.

        Viu o ar de preconceito deste cara com relação aos favelados. Essa turma não está nem aí para os favelados, é a classe média que temos. Hipócritas! Essa indignação com a situação do personagem Jaime é pura hipocrisia. Esta turma passou por um governo socialmente devastador que foi o de FHC, e ainda passa por governos estaduais do PSDB igualmente devastadores, mas a culpa de tudo ruim é de Dilma. Esta turma não quer reconhecer que o PT melhorou muito o social, e agora, vem por toda a culpa no PT por não ter resolvido coisas que não se resolvem do dia para a noite e que, muitas delas, nem de competência do governo federal são.

        Tá difícil eles refletirem sobre isto.

    • Espere só o PL 4330 começar a “render frutos” pros patrões. O “Jaime” vai trabalhar 5 horas a mais, pra ganhar 40% a menos, sem direito a férias, por medo de perder o lugar pra outro terceirizado. Quem mando o “Jaime” votar na direita? Ah, foi a rede globo… Então prepare o lombo, futuro escravo!!!

    • Perdoe-me mas discordo da sua colocação.
      Principalmente da frase incompleta que fecha seu comentário.
      Você como tantos outros sabe o que as reticências estão substituindo e acredito que pense desta forma não apenas nesse momento em razão do acontecimento que ceifou a vida do médico no Rio de Janeiro.
      Deve ser seu modo de ver este país, reclama e eu pergunto: O que fez para mudar essa situação?
      Em quem votou nas últimas eleições? Cobra do seu eleito medidas contra essa situação?
      Há uma família enlutada, perderam um ente querido de uma forma estúpida.
      Há um culpado por isso que inclusive já foi detido.
      Existe no sistema judiciário ou penal, alguma possibilidade de socializá-lo?
      O jovem teve as mesmas oportunidades que você teve?
      Não estou desculpando o menor.
      Estou dizendo que sua forma de pensar é a mesma dos bolsonaros da vida.
      Fica muito fácil!
      E é exatamente essa facilidade que nos levou à situação que vivemos.
      Prende e arrebenta.
      Em todas as sociedades em todas as culturas, infelizmente, há criminosos.
      Alguns por circunstância,. outros por índole é o custo que pagamos.
      A única coisa que tenho certeza é, se pensa como a sua frase final, melhor que se cale.

    • Cobre essa tragédia de seu governador. Não é de hoje que a Lagoa vive sem policiamento. O máximo que vemos é blitz contra carros e motos na Borges de Medeiros. A Epitácio Pessoa, muito mais erma, jamais vi um policial. Quando engarrafada, o que é normal após o Corte de Cantagalo, chega a dar medo. Agora, após essa terrível tragédia colocaram policiais. Até quando? Pergunte ao Pezão. E onde andam os guardas municipais do Eduardo Paes? Aliás os Eduardos, … Que lástima…

  • EXCELENTE ARTIGO, EDUARDO. Eu. para falar a verdade, já não estou suportando mais estes senhores que querem atravancar o desenvolvimento do país. Não vejo mais a Globo há bastante tempo, Não quero saber de jornais e revistas como Isto é, Veja, folha de São Paulo, Estadão. Cancelei a Isto é e até hoje ainda vem a minha casa: rasgo em pedacinhos e jogo no lixo, sem nem abrir.

  • Parabéns! Eduardo pelo texto, infelizmente devido a omissão do governo e do PT na política de comunicação, estamos a mercê dessa máquina golpista manipulando a população.

  • ESTA GUERRA POLÍTICA ESTÁ PREJUDICANDO A SUA VIDA

    Só tirando o PT do poder e proscrevendo as medidas administrativo-econômicas tomadas, na bacia das almas, para transferir para os trabalhadores e os pobres e desvalidos deste país a conta da incompetência e da roubalheira. é que superaremos a crise política que rouba a confiança dos agentes econômicos e a crise econômica que rouba a confiança de todos.

    Na terça-feira, o PSDB levou ao ar um programa eleitoral televisivo em que mostrou aos brasileiros a real situação em que se encontra o país, depois de doze anos de desmandos administrativos do PT e de uma corrupção que, se não foi inventada por ele, foi institucionalizada durante esse sombrio período em que ele impôs o seu criminoso projeto de poder ao país..

    Vamos falar sério: O que o PT está fazendo com o país é uma loucura. E o PSDB se comporta de forma ambígua em relação a isso.

    Na quinta-feira, o partido entra com uma denúncia criminal contra o PT e diz que o impeachment “não é para agora”. Ora, Ives Gandra já havia concluído, bem antes que novas e graves evidências surgissem, que o pedido de impeachment era perfeitamente cabível. Por que, então, tamanha hesitação? Quer cometer o mesmo erro crasso de 2005, quando declinou do sagrado dever de pedir o impeachment de Lula da Silva, logo após a bombástica confissão de Duda Mendonça sobre a campanha do petista?

    Interesses políticos à parte, essa Espada de Dâmocles foi colocada sobre a cabeça do País Que Presta por um partido político da importância do PSDB, que não apenas já governou o país por oito anos como tem chances consideráveis de voltar ao poder.

    Você que que é contra os panelaços e as manifestações antipetistas, e que continua apoiando as patifarias do PT ainda que não saiba está se prejudicando – a menos, é claro, que seja ligado a grupos políticos ou econômicos que pululam à sombra do desgoverno Dilma, e que buscam lucro político-econômico ainda mesmo no enfraquecimento da sua situação.

    Se você, porém, tem apenas tendência político-ideológica mas depende do funcionamento do país – e, sobretudo, da economia – para viver bem, com tranquilidade e segurança, saiba que apoiar essa seita política é um tiro no pé.

    Essa paralisia que o PT está impondo à economia, por incompetência e corrupção, vai piorar ainda mais, sem chance de melhorar a breve ou médio prazo. E tudo por nada.

    Não caia nessa esparrela de que a corrupção vai acabar sem que o PT seja banido do cenário político nacional. Não seria necessário fuzilar todos os políticos, filiados e simpatizantes petistas – que isso é coisa de comunistas! -, para que a corrupção seja desinstitucionalizada. Bastaria cassar o registro partidário da seita, que motivo para tanto não falta.

    Você ainda apoia o PT, apesar de toda a sua bandalheira? Ótimo, vote nele em 2018, se ainda não tiver sido cassado. Quer defendê-lo, defenda. Mas não apoie essa política de terra-arrasada que o PT e setores da imprensa – blogs, inclusive! – estão fazendo para que a seita escape das punições que lhe cabem pelo Petrolão e outras patifarias de igual ou maior tamanho que ainda virão à tona. Não apoie os bandos cooptados nas duas Casas do Congresso para usar suas influências sobre a maioria dos congressistas em prol da “solução dos rolos dos petistas com a Justiça.

    Essas trocas de insultos incessantes entre “petralhas” e “coxinhas”, não interessa aos manifestantes antipetistas, que têm sido agredidos por pessoas na rua que parecem – e são – petistas é mais um fator de insegurança social e econômica. Isso ocorre porque os petistas não se conformam por terem perdido o .

    Há milhões de brasileiros favoráveis ao PSDB, ao PT, ao PMDB etc. Não são todos bons ou ruins. Entre todos, há os bons, os maus e os que não são nem bons nem maus, mas, apenas, humanos.

    Mas, com o PT, já ultrapassamos todos os limites da insensatez. Chegou a hora de refletir que o Brasil é uma grande nave e que estamos todos a bordo dela. Não vamos juntos com o PT, pelo amor de Deus!

    O país tem um governo eleito por meio do maior estelionato eleitoral já ocorrido no país, de que você pode até gostar, mas que, se continuar, lá na frente, até lá os efeitos desse processo de degradação política, ética, econômica e institucional que ele fomenta vai fazer vítimas. Muitas vítimas.

    Você pode ser uma delas.

    A economia irá afundar, a intolerância e até a violência vão aumentar, enfim, a sua vida irá piorar. Poderá pagar com seu emprego e até com a sua vida, pois o clima de beligerância entre correntes políticas contrárias já começa a descambar para a violência.

    Quanto mais crise, mais gente desesperada. Quanto mais gente desesperada, maior o contingente daqueles que buscam “soluções” erradas, muitas vezes até criminosas, no auge do desespero.

    O Brasil vive um problema econômico que de difícil solução, que começou nos desmandos administrativos patrocinados por Lula da Silva. Ainda que as paixões político-ideológicas sejam deixadas de lado, vai ser difícil sairmos dessa enrascada. Imagine o país como uma família em que alguns membros gastaram muito mais do que a renda familiar permitia e que até roubaram dos outros ,membros da família, e que precisa fazer cortes de gastos. Claro que é legítimo que os que não gastaram muito e nem roubaram dos outros reclamem de ter que pagar a conta. Mas essa disputa tem que se ater a essa questão sem que cada membro dessa família fique puxando a faca um para o outro.

    Contudo, não é o que está acontecendo. Há uma guerra política que chega a flertar com a violência. E tudo começou com o mantra sinistro do “nós” contra “eles” repetido todo santo dia pelo aiatolá da seita, lembra-se? Não é caso, ainda, de prever um confronto civil, mas essa intolerância, esse ódio todo que se vê por aí também colabora para que a economia, estraçalhada pelo PT, não retome seu funcionamento normal. Mesmo que um tucano neoliberal tenha sido convocado, ás pressas, para salvar o “governo popular”. Agora que a vaca já está com as patas no brejo, ele não vai poder fazer milagres.

    Como já foi dito, isso assusta os agentes econômicos; torna o futuro extremamente imprevisível e o que o capital mais almeja é previsibilidade.

    A próxima eleição está logo aí. Você não gosta do PSDB, do PMDB, do PSB? Seja qual for o partido – ou os partidos – do qual não gosta, em 2016 você poderá mandar seu recado votando em quem quiser. Mas não vote PT, caso ele ainda não tenha sido extinto. E 2018 vem logo depois. Faça o mesmo.

    Seria bom, também, lembrar que ninguém é seu inimigo mortal só por ver a política de forma diferente da sua. “Nós’ e “eles” temos os mesmos interesses. Nenhum de nós quer ver o país afundar. Ainda que já esteja afundando..

    Isso não significa que você não deve apoiar o governo, ainda que seja um disparate. Mas essa visão de que é preciso livrá-lo a qualquer custo do impeachment é um tiro – de bazuca – no seu pé. lembra=se de como você pediu, por muito menos, o impeachment do Collor?

    Trocando em miúdos: enquanto Dilma estiver no poder o país continuará à deriva, “governado” pelo Temer e a” base alugada”, e você se ferra. Simples assim.

    Não pense que dá para entregar o Poder Executivo a outro petista. Ele será exercido por quem o ocupar. Se essa pessoa também estiver de mãos amarradas, num projeto criminoso de poder, quem sai perdendo é o povo – do mais rico ao mais pobre.

    Um governante manietado por um projeto de poder, só de poder, não interessa nem a quem apoia nem a quem não apoia. Um processo fajuto de impeachment – do tipo que “não é para já” – tampouco interessa ao país. Nesse meio tempo, a economia sofrerá ainda mais e você é quem vai pagar o pato. Portanto, ‘Impeachment, já!”

    Claro que se não existisse alguma razão legítima, que tudo fosse decorrente do mero inconformismo com a derrota eleitoral de 2014, mesmo que por um flagrante estelionato eleitoral, o país não teria que passar por esse trauma. Mas porque um certo político quer se fortalecer para 2018, você vai deixar que um governo que faliu continue desgovernando?

    Aí é roça. Para você

    Ora, se você tem, como única perspectiva, manter a sua boquinha ou vir a ter uma boquinha no governo da Dilma, não vai ganhar nada com isso. Pense bem. Ponha suas paixões de lado e, pelo amor aos seus filhos, netos ou a você mesmo: reflita.

  • Convenhamos chapinha, seu armistício só é lembrado quando seu grupo esta nas cordas, não é verdade ? desculpe, acho que chegou a hora no “knock out” ..aliás, pra mim, por tudo já COMPROVADO, esta atrasado

    Esta crise não é de fora, não foi importada e nem criada pela oposição ..ela é todinha de Lula 2o e de DILMA ..ela foi planejada e processada, resultou de DEZENAS de equívocos cometidos ao longo de 8 anos por alguns administradores que, quis o destino, ainda, com suas MENTIRAS e manipulações, conseguiram-se mais um tempo nos dirigindo.

    E vc viu o que Haddad fez pra ficar em linha com o Google ? começou a baixar a a velocidade dos carros na cidade pros mesmos 40 km/h dos veículos autônomos

    e vc viu o que o BC começa a dizer pelo fato do país não crescer ?

    Que isso NÃO seria culpa da falta e/ou COMPROMETIMENTO da renda da sociedade ..que NÃO seria devido à TUNGA tributária formada por impostos regressivos que drena a renda das famílias ..que isso NÃO é devido a concentração de renda ou o fato de termos um Estado corrupto, perdulário e incompetente que insiste em inflacionar o CUSTO BRASIL ..sabe o que o BC, em tempos de ÊXODO começa a dizer ?

    Que é pq NÃO tem gente suficiente pra manter seu crescimento (isso, com tanto desempregado, remediado e assistido em todos os cantos) ..disse mais, disse que ao país caberia importar cerca de 3 MILHÕES de pessoas/ano (provavelmente do Haiti, A.do SUL, Africa e Asia, claro)

    Acredite “enroladinho” (um tipo de salgadinho pra combinar com os coxinhas) o UNIVERSO conspira

    sendo assim tá fácil, tá fácil pra hoje em dia qq um falar qq bobagem ..só não esta fácil pra remover este grupo do Planalto ..mesmo pq, mais difícil ainda é imaginarmos quem e quando colocar no lugar..

    • Vai chover aí em Sumpa, irmãos!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
      O bananelli escreveu UMA (UUUUUMMMMMMMAAAAAAAAA) frase da qual se tira proveito: a última….

      “sendo assim tá fácil, tá fácil pra hoje em dia qq um falar qq bobagem ..só não esta fácil pra remover este grupo do Planalto ..mesmo pq, mais difícil ainda é imaginarmos quem e quando colocar no lugar..”

      Vamos por partes:

      Tá muito fácil pra qqer um falar merda o tempo todo, principalmente no blog de um camarada democrático ao extremo, que aceita ser chamado de “enroladinho” por um boçal que tem ‘suco’ de banana dentro da caixa cefálica!

      remover este grupo do planalto agora só vai ser possível em 2018. Até lá, se vc for realmente o ‘honestão’ que se pinta todo dia aqui, vai respeitar a lei e apenas criticar de forma democrática, sem ânsia de golpes de estado.

      Quem e quando colocar no lugar, também, só para 2018!

      Then, sorry periferia!

  • Perfeito Edu,

    E para piorar os coxinhas estão pretendendo organizar uma greve geral para o dia 26 de junho! Eles não desistem mesmo, é mole?
    Você acredita que essa guerra política pode levar o país a uma guerra civil em breve?

    Um abraço!

    • Pedro,
      Guerra Civil?! Bem menos, meu caro! Nosso país não tem características nem um passado histórico que nos possa levar a acreditar que isso seja possível. Não consigo perceber essa possibilidade. E ademais, desde quando a classe média tem interesse de fato em mudanças reais para o país?! Você consegue enxergar essa turba paneleira nas ruas guerreando de fato?! Com quem?! As pessoas mais pobres, com absoluta certeza, não irão. Por quê iriam?! Guerra Civil só acontece de uma classe contra outra. A classe média vai guerrear contra a classe média?! Duvido que isso seja possível. Que pobres estariam junto com eles?! Só se forem os marginais das periferias para ver se deixam os fascistinhas de grife sem calças, sem camisa e sem tênis. Aí seria a guerra civil dos paneleiros pelados! Esse pessoal só quer ver o circo pegar fogo e como todos sabemos o quanto eles odeiam vermelho, os bombeiros teriam que vir de marte!
      Maria Antônia

  • Esta guerra política que vemos desde que o PT chegou ao poder e que se acirrou neste mandato da presidente Dilma, está prejudicando o País e em especial aos trabalhadores brasileiros. Mesmo mantendo nossos empregos, estamos vendo nossa vida piorar. Não dá mais para suportarmos os aumentos de preços nos supermercados, conta de água e luz. Se os empresários não mais aceitassem pagar propinas aos políticos e servidores públicos, com certeza acabaria a corrupção e ainda sobraria muito dinheiro para os governos aplicarem na educação, saúde e infraestrutura.

  • Caro Eduardo,

    Não se sabe aonde essa gente quer chegar. Eu fico a imaginar as eleições de 2018, caso o ex-presidente Lula resolva se candidatar ao pleito eleitoral vindouro. Os diversos setores da sociedade brasileira, que pregam o ódio ao PT e ao seu governo, vão fazer de tudo para impedir uma possível candidatura do ex-presidente. Não é nenhum vaticínio, basta observar atentamente a chamada operação lava a jato e boa parte dos congressistas, que não medem esforços no sentido de não deixar a presidente Dilma governar.
    Aproveite bem Teresina-PI. Eu a conheço. É uma bela cidade brasileira, que foi planejada por seus idealizadores e construtores. É uma referencia nacional nos estudos, desde o ensino fundamental até a universidade. Pouca gente sabe disso. O que você vai estranhar na cidade é o calor que é muito forte.

  • Texto primoroso,mas o governo enquanto não reconhecer que tudo o que estamos passando foi por não ter tido coragem de enfrenta a Mídia, achando que a direita seria benevolente e que esperaria vencer um dia as eleições de modo democrático, um erro letal para as esquerdas e para o próprio governo que agora tenta correr atrás do prejuízo,que seria inútil se continuar não tendo coragem de atacar os nossos carrascos,a imprensa.

  • O PT, antes tão arrogante, quer uma trégua? Que a peça, junto com as devidas desculpas.
    Mas eu não vi isso. A economia vai de mal a pior porque Dilma I foi péssimo. Nada tem isso com a oposição.
    O post prega uma espécie de pacto nacional. Muito parecido com aquele pedido ao PT em 93, que foi recusado.

    • O problema é que a situação não está ruim, apenas vcs querem que ela se torne pior para que o PSDB volte ao poder, mesmo que para isto a bancarrota tenha que acontecer. O país teve um desequilíbrio nas contas para fazer com que empregos não fossem sacrificados. Isso não é tão ruim, dá para recuperar. Diferente da época FHC, que o país tava falido. O PT naquela época não fazia oposição destrutiva e nem tentava golpes, muito pelo contrário, até tentava dialogar com soluções. Vcs são intransigentes, não aceitam serem governados pelo PT de forma alguma, nem que tenhamos um crescimento do PIB de 100%.

      • Bem, o país crescia e pouca gente reclamava durante os dois governos Lula e o primeiro Dilma. Por que só depois de 12 anos? Simples, é a economia!!!
        Taí a chave. O que derruba governos não é oposição burra, são as burradas do próprio governo.

  • Eduardo, queria dar uma sugestão que nada tem a ver com a matéria: Sabe essa estratégia de Dilma se aproximar da imprensa chamando o pessoal pra conversar de modo off-record como ela fez com Jô Soares? Então, voce que é próximo ao pessoal da SECOM, queria que Dilma desse essa oportunidade ao comediante Rafinha Bastos.
    Danilo Gentili odeia o Rafinha. Dilma chamando Rafinha pra uma conversa em off, Gentili vai pirar de inveja.
    Que tal?

  • Não caia nessa esparrela de que a corrupção vai acabar se o PT for “exterminado”. Se fuzilassem todos os políticos, filiados e simpatizantes petistas, a corrupção não diminuiria um milésimo por cento.
    O que acabaria era o combate à corrupção. Por isso que eles querem tirar o PT.

    • Excelente colocações Valério Albuquerque, realmente é isto que eles querem, fuzilando todos, acaba-se o combate a corrupção, combate aos corruptos e corruptores e eles fazem uma baita festa, pois poderiam continuar corrompendo sem ter quem atrapalhe os PLANOS DELES.

  • O problema, Edu, é que os coxinhas tão pouco se importando com o país. Eles só se importam com eles mesmos e seu pequeno núcleo familiar. Na verdade, eu tenho a impressão que os coxinhas querem que todos os outros brasileiros se ferrem, inclusive o Brasil! Todos sabemos que os ditos petralhas não querem o mal de ninguém, muito menos do nosso país. Se tem alguém fazendo uma guerra, são os simpatizantes da direita. A sorte é que Dilma é uma mulher muito inteligente e tranquila, senão tudo já teria ido por água abaixo. O Congresso só existe para atrapalhar, são cerca de 600 pessoas, salvo poucas exceções, que só estão lá para ir contra a economia do país e dispostos a piorar a vida dos brasileiros. Se não é isso, então o que explica tanta sabotagem que esses parlamentares estão fazendo lá dentro? Quando mudaremos isso? Acredito que só quando os brasileiros pararem de consumir as desinformações veiculadas na mídia golpista, principalmente Globo, e quando o povo tiver um pensamento mais crítico, entender mais de história, de política. Seria preciso mais uns 20 anos com muito investimento em educação de qualidade? Apesar de que, para ser crítico e inteligente, não é preciso estudar nas melhores escolas, com os melhores professores. Existe algo chamado autodidatismo.

  • Estamos vendo o cumulo da coxice. Pra prejudicar politicamente o PT, o coxa aceita ser prejudicado. Alias, assim aumenta ainda mais seu ódio: ter que se prejudicar para acusar o PT de o estar prejudincado. Loucura total hahahahaha.

  • Eis aí: desemprego em ascensão, renda em baixa, arrecadação em queda, recessão e inflação em alta, megacorte no Orçamento e elevação de impostos. Se Dilma tivesse sucedido a um presidente tucano, ela certamente vituperaria contra a herança maldita. No 13º ano de governo petista, eis o legado dos 12 anteriores.

    Seria essa uma herança bendita?

  • Seu artigo, Eduardo, sacode várias consciências. A consciência política, a consciência econômica e a mais importante, a consciência de preservar da Democracia. Sem democracia o país se torna uma nau sem rumo. Você expõe com clareza que esse clima de animosidade pode nos levar ao abismo. Isso não interessa a ninguém que preza a liberdade. Na Democracia o diálogo sempre deve predominar. Não podemos jamais perder a capacidade de dialogar. Uma sociedade se constrói com bom senso e respeito mutuo. O outro caminho a História está cansada de mostrar o quanto é tenebroso e nunca mudou nada.

  • “É a CIA, estúpido!” Começaram com as manifestações “espontâneas” em 2013 para derrubar a popularidade de Dilma; depois derrubaram o avião do Eduardo Campos a fim de que Marina levasse a eleição para o segundo turno… tudo o que a CIA, NSA fazem são sabotagens para desestabilizar países, destruir seu tecido social e assim, prosperarem. Qual foi a “democracia” que os EUA trouxeram para o Iraque ao derrubarem e assassinarem Saddam Russein? O que fizeram com a Líbia com Kadafi? Com o Afeganistão, Venezuela, Argentina (caso da morte do procurador) a fim de desestabilizar a Cristina, Com o Brasil nos ataques diuturnos sem qualquer pauta positiva? E com o avião russo derrubado igual ao do Putin (era para acertar nele!), etc… O que são estas coisas senão golpes a fim de criarem clima de terra arrasada nestes países?

    Edu, o ódio foi preparado nos “laboratórios” da CIA. Perceberam que o monstro do egoísmo poderia ser alimentado com desinformação e ódio e assim fizeram. Aquele egoísmo do qual muitos se envergonhavam em admitir, saiu do armário, ganhou força, insanidade e, reage com o ódio. Este, Edu, nasce do egoísmo, nasce do medo de perderem algo para outros, ainda que seja apenas algo subjetivo, tais como espaço no shopping, vagas nas universidades, poltronas de avião para os pobres… ainda que não tenha havido qualquer medida deste governo para taxar a classe média e os ricos, sofrem com este trabalho eficiente e diabólico produzido por psicólogos comportamentais ligados a organizações imperialistas.

    Isso não vai parar… estamos próximos a uma convulsão social. O governo nada fez, a mídia fez o seu trabalho como bom aluno, e os coxinhas, tal qual antenas repetidoras, reproduzem e vomitam o que lhes inocularam. Ganhei alguns ex-amigos e vou assim, tocando a vida. Ao menos medido toda a manhã pedindo que espíritos de luz, amor e justiça, iluminem, ensinem amor coletivo e tragam justiça social para o mundo e que lavem o ódio do coração, mentes e almas das pessoas. E, claro, ser uma pessoa melhor.

  • É isso Edu.

    Este é um texto que deveria de verdade ser ‘MULTIPLICADO” na internet.
    A desinformação jogada pelos meios de comunicação esta afetando a todos, e infelizmente sabemos que o cidadão comum “compra” fácil demais o que recebe da imprensa brasileira.

    Abraço;

    Rodrigo Agostini.

  • “Na terça-feira, o PSDB levou ao ar um programa eleitoral televisivo em que tentou vender ao brasileiro que sua vida não melhorou ao longo da última década ..”

    Tocou na raiz do problema: a vida “melhorou” no governo Lula, quando as commodities tinham disparado de preço e as finanças ajudavam. O PT agora fica tentando “vender” melhoria falando sempre nos ultimos 12 anos, só que o povão tá enxergando que a realidade AGORA é muito diferente e os tempos de bonança se foram. Naquela época, ao invés de aproveitar-se o dinheiro para fazer a reforma educacional, gastou-se em Bolsa familia, PRONA isso e aquilo, agora….a verdade é que o modelo de economia baseado em crédito e consumo esgotou-se.

    Mais de 50 milhões de brasileiros estão com o nome no SPC e SERASA, a inflação bateu 8.13% e a recessão esse ano será de 1.5%….não é culpa do MerDal nem do Tio Rei, é culpa da Sra Dilma Roussef.

    Lula tem que voltar em 2018 !!!

  • “Claro que se existisse alguma razão legítima, não decorrente do mero inconformismo com a derrota eleitoral de 2014, o país teria que passar por esse trauma.”
    Esse é o problema. Petistas e apoiadores do governo não admitem erros.
    Por outro lado, gente do próprio PT está querendo melar os ajustes do governo, que são apoiados até por gente da oposição.
    Ou seja, enquanto o PT e aliados do governo estiverem jogando contra, e o governo não fizer qualquer autocrítica (insistindo, por exemplo, na história de que os abusivos reajustes da energia elétrica é SÓ culpa da falta de chuvas e que a Dilma nunca mentiu para se reeleger), chegando as raias de dizer que a crise econômica é culpa da imprensa e da oposição, fica difícil pedir apoio do povo que está se afastando do governo, principalmente por causa dos graves problemas econômicos que estão pondo a perder todos os ganhos destes 12 anos de governos petistas.

  • Edu, perfeito tudo o que você disse.
    Mas só posso concluir que tudo é resultado da falta de política mais incisiva por parte dos governos Lula e Dilma – esta última, principalmente.
    Cansei de ouvir por aí que as inúmeras concessões de Dilma, sobretudo as escolhas de ministros com perfil conservador, notadamente a do ministro da Fazenda, tinham o objetivo de “destravar” o país. Pessoas confiáveis ao “mercado”, como Levy, teriam o condão de liberar o espírito animal do empresariado e, com perdão da redundância, aumentar a confiança de investidores e tudo mais.
    Nada disso aconteceu.
    Ora, é de se perguntar, então, do que adiantou fazer tais acenos, humilhantes até, de algum modo.
    Sei. Se Dilma tivesse sido mais impositiva do ponto de vista político poderia haver maior conflagração do que a que já há.
    Pois é. Nunca vamos saber.
    Só sabemos que a posição recuada do governo nem ajudou o empresariado a ficar mais confiante, tampouco desarmou o país.
    O único consolo é que o desespero da oposição parece sugerir que há uma crença de que a economia vai dar uma arrancada mais cedo ou mais tarde e aí… Bem, e aí é o “é a economia, estúpido!”.

  • Eduardo,
    acredito que já esteja em Teresina. Tenho certeza que irá se surpreender . É uma cidade muito bonita, limpa e agradável. Melhor que a encomenda, isso sou testemunha. Boa estadia, bons debates.

  • Edu,não tenho estômago forte o suficiente para ler certos comentários…Dão ânsias de devolução…
    Mudando bem de assunto,vê se consegue conhecer um pouco mais que só a capital.Oeiras,a 1ª capital,era
    belíssima quando a conheci,há quase 30 anos.Digo ‘era’ porque faz até medo,mesmo sendo ela uma cidade
    histórica.As formações rochosas de Sete Cidades e a área pré-histórica de São Raimundo Nonato.Sem falar
    no Delta do Parnaíba,na divisa com o Maranhão,um dos 3 únicos no mundo com as suas características.E
    olha que sou pernambucana…Mas é que amo o meu Nordeste e fico injuriada com os sudestinos que o me-
    nosprezam e nutrem preconceito contra o nosso povo,nosso sotaque,etc.Como você é de outro modo tenho
    certeza que apreciaria qualquer dessas indicações.

  • E desde quando somos da mesma “família”? Este posto soa como um pedido de misericórdia. É patético e indigno de um petralha outrora tão combativo.

    • Se não somos da mesma família como ousas entrar em nossa casa? Se queres algo diga o que e veremos o que possamos fazer. Do contrário brinde-nos com tua ausência.

      • Pessoas como o tal de Ricardo nunca irão entender o que significa tolerância, sensatez, educação. Não tenho dúvida nenhuma de que ele estará a postos em frente ao MASP, no domingo, batendo panela, xingando e, por que não?, agredindo fisicamente quem se atrever a passar com alguma roupa vermelha. No entanto, Eduardo, sua campanha, certamente, irá atingir um grande número de pessoas que tenham discernimento e que não sejam guiados pelo ódio acima de tudo. Parabéns pelo texto. Muito bom.

  • Essa politica de terra arrasada aplicada por grandes jornalhões, PSDB, DEM e satélites não tem mais volta, se nós desistimos de combate-las, a força do mal estimulada por esses bandidos vão nos tratorar e cementar o fascismo no Brasil, pois a ampla maioria dos jovens tem uma educação medíocre com baixa capacidade de interpretação da situação politica. Além de pessoas de nossa geração, também, assimilando esse massacre de enganações e manipulações da grande imprensa. E essa politica, nós conhecemos os verdadeiros inimigos, a coordenação geral vem da NSA, CIA, a embaixada americana, que usam os demotucanos como correia de transmissão desse ataque de recolonização brasileira, pois estão interessadas no óleo do pré-sal, que combinada com os vira-latas políticos que se vendem por migalhas e querem legitimar o golpe politico de estado. Não sei se, o Lula abandonou o Zé Dirceu, o Genoino e demais companheiros, para poder tornar o senhor máximo no PT, mas que, além de ter usado a grande imprensa para tornar o único dono do PT permitiu que abrissem um fosso de oportunidades para atacar e destruir o PT, como um todo. Não regularizou a lei da imprensa que está legitimada na constituição federal, não democratizou a justiça brasileira que continua com a mesma doutrina da ditadura militar e não julgou e condenou os crimes da ditadura militar, também não legitimou o plebiscito sobre a reestatização do Vale do Rio Doce, etc. Tudo isso em nome da colaboração de classes do sistema burgues de governança? Sempre a conta do pais sobrando para a classe trabalhadora? A AP 470, além de uma farsa bem grande e vergonhosa não foi combatida, nem pelo próprio PT que está consolidada como verdadeira ao povo brasileiro? Em SP, nas periferias os poderes do Tio Sam cooptam líderes comunitários e treinar nos Estados Unidos, ou no próprio bairro, via ONG´s e “igrejas” para torná-los espiões e traidores do Brasil. E ainda, vamos recuar com tudo isso e outras iniciativas que desconhecemos para nos destruir?

  • A situação de trabalho para o meu marido, que é tradutor, está bastante complicada desde quando essa guerra política começou…ele trabalha com tradução em toda as áreas, mas por conta do pré-sal o volume de trabalho para empresas ligadas a Petrobrás era muito maior e agora está praticamente parado. Isso está ficando insuportável para nós. É urgente que essa situação se resolva! Mais uma vez, nós estamos pagando a conta da ambição de alguns políticos e empresários que não se importam com o Brasil e os brasileiros.

Deixe uma resposta