Transporte público ainda mais caro em SP

O valor da passagem dos ônibus municipais de São Paulo, do Metrô e dos trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) subiu de R$ 4,30 para R$ 4,40 na virada do dia 31 para este 1º de janeiro de 2020. O valor havia sido anunciado no dia 19 por técnicos da São Paulo Transporte (SPTrans) e confirmado pelas gestões do prefeito Bruno Covas (PSDB) e do governador João Doria (PSDB) no último dia 20.

Trensalão: Justiça e MP paulistas inventaram a corrupção sem corrupto

O TJ-SP abriu ação contra o trensalão. Nenhuma autoridade paulista do primeiro escalão foi responsabilizada. O governo de São Paulo pagando o dobro, o triplo do que custavam bens e serviços fornecidos pelas empresas fraudadoras e o governo só pagando, pagando, pagando sem desconfiar de absolutamente nada. O dinheiro faltando para Saúde, Educação, Segurança, Transporte etc. e nem os governadores nem ninguém desses governos se deu conta. A ação do TJ-SP é uma obra de ficção… Ou seria de terror?

Trensalão: PF, Tóffoli, Marco Aurélio e Fux (claro) matam no peito

Enquanto céus e terras se movem para inventar pagamento de propina com recibo, nas instâncias de investigação que julgam e condenam políticos só quando são petistas, tucanos envolvidos em escândalo que em tudo se assemelha ao da Petrobrás vão saindo à francesa, sob os auspícios da PF e do STF. Confira, no post, o que diz o andamento do processo 3815 do Supremo.