Reforma da Previdência não basta pro Brasil crescer, diz FMI

Embora tenha revisto a expectativa de crescimento da economia brasileira ligeiramente para cima em 2019, o Fundo Monetário Internacional afirma que o governo do país precisa se comprometer a implementar também uma “ambiciosa agenda de reformas, aberturas comerciais e investimentos em infraestrutura”, para aumentar o potencial de desenvolvimento econômico do país.