Tijolaço: turma dos 20 centavos não deu mais as caras

Agora também o blog “Tijolaço” reconhece claramente que as tais “jornadas de junho” de 2013, pretextadas pelo aumento de 20 centavos na tarifa dos ônibus de São Paulo, nos primeiros seis meses da gestão Fernando Haddad, foram uma tramoia. O governo Haddad nunca se recuperou daquele movimento e acabou tendo seu governo comprometido por ter tido que subsidiar os ônibus nos anos seguintes, o que gerou a eleição de “João Dólar”. Isso sem falar que ali nasceu o golpe, como cansei de avisar na época.

MP de SP quer prender Haddad por desmoralizar tucano

Não, não é brincadeira. O Procuradoria Geral de Justiça de São Paulo, através do procurador de Justiça Mário Antonio de Campos Tebet, coordenador da subprocuradoria-geral de Justiça Jurídica, e da promotora Rita de Cássio Bergamo, pediu que Haddad seja processado criminalmente por ter desmascarado a conduta suspeita do historiador tucano Marco Antonio Villa. Haddad estaria sujeito a, no limite, ficar DOZE ANOS preso.