Justiça faz show contra o PT e missa para o PSDB

Opinião do blog

Quanto mais se olha para como a Justiça brasileira trata os cidadãos, mais se torna visível como usa critérios e procedimentos diversos para eles dependendo de fatores que, até ontem, restringiam-se a classe social e a situação econômica, mas que, agora, englobam viés político e, o que é pior, viés partidário.

Tal fato fica claro diante de notícia que, aparentemente – e só aparentemente –, soa auspiciosa. Qual seja, a de que Justiça Federal encaminhou ao STF o inquérito sobre cartel envolvendo multinacionais e políticos do PSDB em licitações do Metrô e da CPTM em São Paulo.

Nota da 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo sobre o envio do processo a Brasília parece pedir desculpas pela medida e, em tese, deveria significar que esse envio tem como objetivo afastar a investigação de pressões do Judiciário paulista, mas, pelo teor, a medida também pode ser interpretada como resguardo para autoridades do governo paulista.

Abaixo, a nota.

—–

 

NOTA À IMPRENSA SOBRE INQUÉRITO NA 6ª VARA CRIMINAL

São Paulo, 10 de dezembro de 2013

A respeito das informações veiculadas na imprensa sobre o inquérito policial em que são investigados, entre outras práticas criminosas, supostos pagamentos de propina a funcionários públicos no âmbito de licitações relacionadas ao Metrô de São Paulo, cumpre esclarecer:

1 – O inquérito policial corre em segredo de Justiça, tanto pela existência de informações protegidas constitucional e legalmente, como para propiciar maior efetividade às investigações, sendo vedada a divulgação, pelos detentores de dever de sigilo, dos dados nele constantes;

2 – O inquérito policial foi remetido ao Supremo Tribunal Federal em razão de ter sido mencionada a eventual prática de infrações penais por autoridades detentoras de foro por prerrogativa de função perante aquela Corte;

3 – A remessa dos autos ao Supremo Tribunal Federal não implica reconhecimento pelo magistrado responsável pela supervisão do inquérito da existência de indícios concretos de práticas criminosas pelas autoridades referidas, fundamentando-se apenas no entendimento de que compete ao STF supervisionar eventuais medidas investigatórias relacionadas a tais autoridades.

6ª Vara Criminal Federal de São Paulo

—–

Um dia antes da divulgação dessa nota, um dos mais renomados juristas brasileiros, autor de obras obrigatórias nas faculdades de Direito de todo o país, afirmou, textualmente, que o Supremo Tribunal Federal tratou diferentemente políticos do PT e do PSDB e que, contra os petistas, promoveu “show”, mas contra o PSDB promoveu um tipo de missa.

Em recente entrevista ao programa de Web TV Contraponto – que será divulgada na íntegra por este Blog em breve –, o jurista Dalmo de Abreu Dallari fez essas e outras considerações preocupantes, chegando a chamar de “nazista” a teoria usada para condenar os réus do mensalão, a famigerada teoria do “domínio do fato”.

Para os que possam atribuir “esquerdismo” ou “petismo” a Dallari – o que, no mundo jurídico, seria considerado uma heresia –, uma sua antítese, o jurista Ives Gandra Martins, numerário da Opus Dei e um de seus fundadores no Brasil, além de adversário histórico do PT, deu entrevista à Folha de São Paulo na qual afirmou que o ex-ministro José Dirceu foi condenado “sem provas”.

Ambos os juristas reconhecem, por exemplo, que houve tratamento diferenciado quanto a desmembramento dos respectivos mensalões de PT e PSDB. Para o primeiro, o STF inovou processando réus sem foro privilegiado; para o segundo, remeteu à primeira instância o processo dos que não têm tal foro.

A ritualística da Justiça para casos que envolvam o PSDB, portanto, é legitimamente solene. Ressalvas mil sobre os direitos dos acusados, sobretudo a um direito que foi sonegado aos réus durante o inquérito do mensalão petista: a presunção de inocência.

Na era do “domínio do fato”, a Justiça presumir inocência, como faz a 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo, tornou-se um privilégio. Que história é essa de ressalvar que não há indícios contra figuras carimbadas do PSDB? Se não houvesse indícios eles não estariam arrolados no inquérito remetido – e como investigados, sim.

Nomes do PSDB como os secretários do governo do Estado de São Paulo Aloysio Nunes e José Aníbal constam da denúncia da Siemens sobre corrupção nos negócios que fez com os governos Mário Covas, José Serra e Geraldo Alckmin. A investigação da Justiça sobre a denúncia da empresa alemã, portanto, põe sob suspeita do mais alto ao mais baixo membro dessas gestões.

Ou não?

Pelo lado da mídia, não é diferente.

Na semana em que a revista Veja e sua horda de zumbis tentam tornar inquestionável acusações sem provas contra o ex-presidente Lula por parte de um ex-policial demitido do governo Lula após sofrer grave acusação da Policia Federal de envolvimento com o crime organizado, vemos a mesma revista sugerir que a Justiça suíça e a multinacional alemã Siemens se aliaram ao PT para enxovalhar políticos tucanos.

Mas após o próprio Ministério Público Federal de São Paulo, através do procurador Rodrigo de Grandis, ter engavetado sucessivos pedidos da Justiça suíça para que investigasse as mesmas autoridades que agora figuram na nota da 6ª Vara Criminal de Brasília, a conduta da Veja torna-se até natural.

Na entrevista que o jurista Dalmo Dallari deu a este que escreve na última segunda-feira, ele também disse que não é só no Brasil que acontece essa partidarização da Justiça. Nos Estados Unidos – de onde é copiado nosso sistema judicial –, os partidos que se revezam no poder indicam juízes claramente identificados consigo, em uma disputa que chega a ser contabilizada publicamente.

Aqui no Brasil, continua-se a praticar o cinismo mais escancarado, segundo Dallari. Fingimos que não há politização da Justiça e, sobretudo, do Supremo Tribunal Federal. Chegamos ao cúmulo do cinismo de fazer o Legislativo sabatinar os candidatos à cúpula do Judiciário para como que lhes aferir uma impossível isenção.

Tudo isso e muito mais foi possível extrair da entrevista com o jurista Dalmo de Abreu Dallari. São considerações assustadoras, pois obrigam a concluir que o modelo de “democracia” que vige no Brasil e até em potências como os Estados Unidos, entre outros, admite que pessoas sejam julgadas pela Justiça sob critérios políticos.

Quem não entender a gravidade dessa nova realidade estará semeando novos abusos no futuro. Se essa distorção não for corrigida, não tardará e veremos a política travar uma luta sangrenta para aparelhar a Justiça, pois ao grupo político que ora está sendo prejudicado só restará entrar nesse jogo.

142 comments

  • Quaando um orgão no corpo humano, inspiro-me para o jogo de imaginação em H.G.Wells, e nos mestres de ficção, se rebela sobre todos os demais, pode-se afirmar comsegurança: temos um corpo condenado. Nem cirurgias, nem intervenções de fármacos irão curar os demais orgãos debilitados. Solução única: extirpar, isto sim, esse orgão invasor, malévolo e tirânico. Esta mais do que na hora de organizar-se o mundo das pessoas equilibradas e patrioticas no Brasil. E reforçar os protestos, as criticas, as análises, as atitudes. Mas, de modo que não acabem desaguando no mar da inocuidade. Importa cercar,cercear, derrubar a sanha da perfidia escancarada contra a Renascença Brasileira, iniciada em 2003. Caso contrário, nem eleições gerais para Presidente da República prevalecerão. Eles irão interferir. Denunciar. Fraudar,etc.Enfim,anular resultados. E dar posse a quem lhes der na telha.

      • Décio – Atibaia.
        Pô meu.

        A inveja é uma merda; vc sabe, né?
        O Fabio Martins fez uma analogia muito clara e concisa
        comparando órgãos infectados do corpo humano e a politica em geral.
        Será que precisava desenhar?

        Ô Wilsoleaks Alves, cê tá de plantão? S-o-c-o-r-r-o….

          • Urtiga e morangos… kkkkk
            O catão é tão ético que provavelmente nem come morangos, pois são vermelhos….

            Isto porque em Atibaia a japonesada faz uma festa dos morangos de 1ª linha. Mas, como ele é muito ético, não vai. Como eu disse, morangos são vermelhos, a bandeira do PT é vermelha, etc…

            novamente KKKKKKKKKKK

  • o supremo agiu assim sob pressao nem so da midia pois essa se poderia contornar e cala=la mais tambem sob pressao de altas autoridades do país que sempre vestiram a farda dos EUA. vivem aqui, sao pagos com dinheiro da naçao, sao brasileiros, mais seus objetivos e fazer o que os EUA manda, sempre foram assim lambe botas de tio sam, Esta foi a pressao realmente que eu vi. tanto é assim que com toda a ousadia de Joaquim Barbosa se esses juizes nao estivessem sendo ameaçados eles teriam cassado JB, ou ate passado por cima de suas atitudes. no entanto vemos que quando ele agride todo o supremo todos se calam e so Zavasck responde a altura. Nem JB nem essa midia nao teriam tanto atrevimento se nao estivessem sustentados por essas forças que sempre beijaram os pes de tio Sam. Na verdade o que falta ao Brasil ´é forças armadas decidida como na VENEZUELA, CHILE, EQUADOR E OUTROS AI que resolveram coesos enfrentar os EUA, mais aqui é diferente foi diferente em 64 e continua sendo. mesmo apos eles ter visto o seu proprio fracasso administrando o País isso porque todos sabemos que eles entregaram o poder com o país com inflaçao de mais de 1.-000% ao ano, e dai ate FHC o caos tomou conta do Brasil. so com Lula a naçao respirou aliviada. Um certo general na hora da morte disse. DO QUE ADIANTOU TUDO QUE FIZEMOS NAO ADIANTOU NADA. ora muitos deles nem sabiam realmente o que estava por traz do golpe. so 2 ou 3 generais sabiam da influencia da CIA e um ou outro politico na revoluçao. Muitos desses generais foram enganados, foram levados a acreditar que o golpe era para por ordem no país mais o que se ver é o AI 5 e a Naçao nas maos de americanos mandando e desmandando aqui a ponto do PROJETO SIVAN ter mais prestado serviços a eles do que mesmo ao Brasil. todos os equipamentos no SIVAN passam informaçoes mais para os EUA do que mesmo para o Brasil. É POR AI O QUE FALTA SERIA NOSSAS FORÇAS ARMADAS QUE VIVE MANDANDO SOLDADOS PARA COMBATER ESCONDIDO DO BRASIL, OU QUE VIVE MANDANDO SOLDADOS PARA SER TREINADOS NOS EUA PARA SABOTAR NOSSOS GOVERNANTES DEVIDAMENTE ELEITOS PELOS POVO.; tanto governos EUROPEUS TRABALHAM PARA O SEU POVO. TANTO É QUE COM TODA A CRISE DE 2008 nao houve aumentos de alimentos muito menos de eletro eletronicos.? e nem esses itens serviram para medir a inflaçao por la. OS governos de la sabem que se eles acelerassem a inflaçao aumentando preços o povo iriam para as ruas quebraria tudo. entao estes governos vivem de explorar naçoes da AMERICA LATINA em prol do seu proprio povo. e nós que se vire por aqui. EU SEMPRE ME FALO> PRINCIPALMENTE OS GENERAIS DE PIJAME ANDAM A DIZER QUE DIRCEU GENOINO E OUTROS SAO TERRORISTAS, COMUNISTAS E QUE SAO LADROES, ORA GENTE É IMPOSSIVEL QUE ESSES MESMO GENERAIS QUE VER DIRCEU COM O MESMO AP, GENOINO COM A MESMA CASA, E VER FORTUNAS DOS MEMBROS DO PSDB 64 BILHOES EM CONTA EM PARAISOS FISCAIS, ESCANDALOS COMO PROPINODUTO PRIVATARIA TUCANA O PRINCIPE DAS PRIVATARIAS, FURNAS PROER QUADRILHA DO ISS. PROPINODUTO DO PSDB, TUDO NA CARA DESSES HOMENS E ELES JOGAM A ALCUNHA DE LADRAO JUSTAMENTE PARA QUEM NAO TEM FORTUNAS. ALGUMA COISA TEM QUE ESTA ERRADA COM ESSAS AUTORIDADES, QUAL ´É MESMO A INTENÇAO DELES TAPAREM OS OUVIDOS PARA A CORRUPÇAO DO PSDB. ESCANDARADAMENTE NA CARA DE TODOS E ELES SEMPRE CALADOS. ORA NAO ME VENHAM COM A DESCULPA DE QUE O PT É COMUNISTA PORQUE ACREDITO QUE COMUNISMO MESMO NO MUNDO NAO EXISTE MAIS. ALIAS QUEM MAIS PROPAGOU E DEU NOME AOS COMUNISTAS FORAM EXATAMENTE OS EUA. que usou esse artificio para condenar todo mundo em volta do mundo. como pessoas mas, de pessima indole, criminosos, quando tanto o comunismo como o socialismos tem dado mostra que sao mais humanos do que esse capitalismo selvagem, criminoso mantido pelo pentagono e grandes corporaçoes americanas, ENTAO O QUE ESTA ERRADO NO BRASIL É EXATAMENTE ESSE ELO ENTRE OS EUA/BRASIL, pois so visam os interesses americanos e nossos JUIZES DO SUPREMO SAO LAMBE BOTA OUTROS SAO AMEAÇADOS. E ELES SE CALARAM JUSTAMENTE POR ISSO. o silencio qeu houve entre eles, nos deixa bem claro que forças ocultas estavam por traz amedrontando os juizes. e o moleque de recados dessas forças ocultas se chama GILMAR MENDES DANTAS CRISTINA, um juiz que nao tem condiçoes de engraxar minhas botas, lavar meus pes.

  • Ah, Eduardo, não seja tão cruel com o “domínio do fato”… Como Claus Roxin e seus alunos já explicaram, essa teoria não prescinde de provas, e foi criada justamente para impedir a condenação de superiores que desconhecem o que fazem seus subordinados. Pela teoria do domínio do fato, para condená-los são necessárias provas. Ou seja, JB usou-ao ao revés, por ignorância ou por maldade.

    • Acho que não, é claro que não.
      A justiça não pode ser eleita pelos mesmos que elegem, seguidamente, o Renan Calheiros, o Sarney…….
      A justiça não deve, em nenhuma hipótese, estar atrelada ao poder econômico de uma campanha eleitoral.
      Os juízes do STF não devem ser indicados pelo Executivo, nem sabatinados pelo Legislativo.
      Hierarquia, carreira, essas devem ser as determinantes para que um juiz chegue ao STF.

      • Parentesco, compadrio, nepotismo, relações sociais, afinidade de classe. Todos os cargos do Judiciário deveriam ser preenchido APENAS por concurso, com critérios objetivos, sem entrevistas com juízes, avaliações sociais, perfis sócio-econômicos e outras mutretinhas. Já é vantagem suficiente que os mais endinheirados possam se preparar melhor. Os juízes do STF deveriam ter mandato por tempo determinado.

          • Foi um erro de expressão da minha parte. Quis dizer um tempo determinado, um número definido de anos, não um limite dado pela idade. Mas você não comentou os outros itens que u citei, limitou-se a apontar o meu erro…

        • Bem, Marianne, minha opinião se baseia no fato de que, por produzir conteúdo intelectual, um magistrado não precisa do físico de um atleta para manter boa performance profissional.
          Aliás, como a excelência caminha no mesmo sentido da experiência, quanto mais experiente, melhor o conteúdo daquilo que um juiz pode produzir.
          Não é isso que devemos esperar?
          Definitivamente, não vejo porque se deva estabelecer um prazo, 4, 6, 8 anos de atuação de um juiz do STF.
          Mas eu sei porque o pessoal daqui defende eleições diretas, e mandato com prazo determinado para os ditos cujos.

      • Bom, até posso concordar com a hierarquia para ascensão ao STF.

        Mas, alguma coisa precisa mudar.,O STF está numa situação de total descrédito. O crédito a ele dado é por simpatizantes do PSDB que odeiam o PT e estão pouco se lixando se há desrespeito às leis, desde que petistas sejam presos e execrados.

        O mandato até os 70 anos é algo que deveria sim, ser modificado. Que os juízes ficassem no cargo 10 anos, no máximo e depois dessem lugar a outros.

        • Quem te disse que o STF está em total descrédito ? Datafolha ? Ibope ?
          Porque você acha que os institutos de pesquisa colocam Joaquim Barbosa na lista de presidenciáveis ?
          O fato de você destestar algo ou alguem e por isso desejar que esse algo ou alguem se dane é uma coisa, mas daí o seu desejo tornar-se realidade é outra.
          Você se surpreenderia em saber que o índice de confiança no STF é bem maior do que você pensa.

      • Ou seja, vc quer que um grupo de pessoas exerça o poder soberano do povo – e justamente o poder mais importante, que é o de dar a palavra final sobre as leis e a Constituição e sobre a liberdade de cada um – sem ter nenhuma interferência desse povo do qual supostamente o poder deveria se originar.

        Uma aristocracia, pura e simples, acima do povo, intocável por ele e soberano. Típico de quem acha que a decisão da maioria é ruim por não ser igual a dele…

        E não, os Ministros do STF NÃO tem mandato determinado, como vc escreveu em outro comentário. Eles são compulsoriamente aposentados aos 70 anos de idade, o que é outra coisa completamente diferente.

        • Ricardo Pierri, você está dizendo que somos eu e você a dar a palavra final sobre as leis, a constituição e a liberdade de cada um?
          Melhor rever seus conceitos, ou, ao menos, o que escreveu no post acima, até porque nós já demos nossa palavra final, quando elegemos nossos governantes, que escolheram e referendaram o nome dos juízes do STF.
          Quer fazer isso de novo?

    • Em muitos países democráticos há eleições para o judiciário. É óbvio que para essas eleições concorrem pessoas que demonstraram conhecimento e capacidade técnica na área juridica através de aprovação em concursos, mas os concursos não conseguem avaliar o ser humano em sí, sua vida pregressa, suas atitudes nem seu compromisso com a democracia. Essas avaliações só podem ser feitas através de eleições.

      Não acho que seja necessário eleições para TODOS os cargos do judiciário, mas com certeza é necessária para os principais órgãos colegiados (STF, STJ, CNJ) e para o cargo de procurador geral da República.

      Eleições para o judiciário devem ser diferentes das eleições para o legislativo e executivo não apenas porque os candidatos devem ter o conhecimento jurídico comprovado mas também porque as candidaturas não devem estar atreladas aos partidos (embora os partidos possam apoiar este ou aquele candidato) e o processo de escolha de candidatos deve ser feito sem a participação dessas instituições.

      Não existe motivo para que os cargos políticos do judiciário (e todos vimos como esses casos são políticos agora na farsa montada em torno da mentira do mensalão) não sejam submetídos a escrutínio popular.

      O judiciário é o mais podre e corrupto dos poderes e a ausência de eleições diretas é parte desse descalabro.

      • Concordo plenamente com os adjetivos PODRE E CORRUPTO para nosso STF, e acrescento CÍNICO,COVARDE, DESONESTO E PARTIDARIZADO, e continuarei pensando assim enquanto não submeterem todos os acusados dos mesmos crimes a penas iguais às dos réus da ação penal 470.

  • Eduardo, bom dia. Desculpe a minha ignorância em certos assuntos, mas, gostaria de ter uma resposta sua ou de algum leitor. Se um juiz do STF, é indicado pela Presidente Dilma, sabatinado e aprovado pelo Senado, ele, poderá, também, ser deposto pelo mesmo processo, ou não?
    Desde já, agradeço.
    Um Feliz Natal e um excelente ano de 2014, a vc, e a sua familia, e a todos que postam no blog.

  • Há certa lógica em se inferir que determinados cargos ou cacife que se obtenha dentro da sociedade, coloca automaticamente essas figuras num clube especial, onde o objetivo de todos é se proteger e manter privilégios aristocráticos para eles? Parece até que a monarquia age nas sobras, não tendo o poder que era visível, mas que hoje usa esse poder através de conchavos para manter privilégios e a capacidade de interferir na sociedade? Se não for algo assim, não há lógica de como até o STF, onde seus membros pertenciam a sociedade “normal”, hoje se coloca num estrado que estaria nas alturas do Monte Olimpo.

  • É grave sim o que acontece, gravíssimo ..mas enquanto não partirmos das criticas para propostas corretivas, continuaremos assim, neste diz que me diz que beira ao coitadismo.

    Pelamordeus, temos que parar de tergiversar no campo da teoria e partirmos para a PRATICA, para a COBRANÇA do Executivo, sim, via o Ministro Masmorra da Justiça Inativa por exemplo (que hoje pertence a um governo só é cobrado pela base fisiológica, pois o PT abdicou deste direito desde o 1o momento), do Legislativo (apesar dos Malufs e Tiriricas que ainda nos infestam) e das próprias entidades jurídicas (AMB e OAB), para que estas proponham as mudanças necessárias.

    um exemplo..

    No caso do FORO privilegiado, penso que é correto SIM INDEXARMOS os envolvidos a um mesmo foro, sob o risco de se em instancias diferentes, réus que cometeram o mesmo crime terem penas absurdamente diferentes (aliás, mesmo no STF houve o caso do Valdemar que recebeu pena penar do que o seu pau mandado por exemplo)

    verdade é que o país, por incrível que parece, NÃO tem vocação pra punir BANDIDO, ainda mais se de colarinho, e isso atrapalha uma barbaridade, não sabe ?

    Penso que a um ERRO de “alçada, de administração” se é que assim eu poderia dizer. Estes camaradas deveriam ser julgados pelo colegiado dum STJ primeiro para, aí sim, se contestando (diga-se com MUITO menos recursos e tempo de protelação) apelarem eventualmente para o Supremo que, a esta altura, JAMAIS poderia ter membros com cargos vitalícios em seus quadros.

    DO jeito que é desenhado hoje acabamos por ferir princípios (como o de não se ter mais fóruns a recorrer ou o país dar o “direito” a cortes internacionais para aqui se meterem)

    Fora isso temos muito direitos extravagantes que as Corporações de JURISTAS não fazem nada pra combater, como o direito à “prescrição por idade/tempo”, o direito à mentira (inclusive pela parte do defensor), à CHICANA..

    ..dificuldades IMPLÍCITAS, por exemplo, pela falta dum cadastro unificado dos cidadãos (do C.U.) que dificulta, atrasa e inviabiliza até, a CITAÇÃO, quanto mais a chamada às falas, célere e eficiente, de CRIMINOSOS, de bandidos (de pequenos a gigantes) que ferem um próximo e que, se bem instruídos, sabem que jamais pagarão por suas agressões (que vai dum prejuízo financeiro, a até um assassinato triplamente qualificado)

    ..enfim, problema é que FALHAS não faltam, já propostas de correção, bem ..e por estas e outras que quando nos deparamos com textos como estes de Rui Barbosa , de 14.12.1914 (99 anos atrás), é que acabamos pensando de quanto ainda nos falta..

    Sinto vergonha de mim
    por ter sido educador de parte desse povo,
    por ter batalhado sempre pela justiça,
    por compactuar com a honestidade,
    por primar pela verdade
    e por ver este povo já chamado varonil
    enveredar pelo caminho da desonra.

    Sinto vergonha de mim
    por ter feito parte de uma era
    que lutou pela democracia,
    pela liberdade de ser
    e ter que entregar aos meus filhos,
    simples e abominavelmente,
    a derrota das virtudes pelos vícios,
    a ausência da sensatez
    no julgamento da verdade,
    a negligência com a família,
    célula-mater da sociedade,
    a demasiada preocupação
    com o “eu” feliz a qualquer custo,
    buscando a tal “felicidade”
    em caminhos eivados de desrespeito
    para com o seu próximo.

    Tenho vergonha de mim
    pela passividade em ouvir,
    sem despejar meu verbo,
    a tantas desculpas ditadas
    pelo orgulho e vaidade,
    a tanta falta de humildade
    para reconhecer um erro cometido,
    a tantos “floreios” para justificar
    atos criminosos,
    a tanta relutância
    em esquecer a antiga posição
    de sempre “contestar”,
    voltar atrás
    e mudar o futuro.

    Tenho vergonha de mim
    pois faço parte de um povo que não reconheço,
    enveredando por caminhos
    que não quero percorrer…

    Tenho vergonha da minha impotência,
    da minha falta de garra,
    das minhas desilusões
    e do meu cansaço.

    Não tenho para onde ir
    pois amo este meu chão,
    vibro ao ouvir meu Hino
    e jamais usei a minha Bandeira
    para enxugar o meu suor
    ou enrolar meu corpo
    na pecaminosa manifestação de nacionalidade.

    Ao lado da vergonha de mim,
    tenho tanta pena de ti, povo brasileiro!

    “De tanto ver triunfar as nulidades,
    de tanto ver prosperar a desonra,
    de tanto ver crescer a injustiça,
    de tanto ver agigantarem-se os poderes
    nas mãos dos maus,
    o homem chega a desanimar da virtude,
    a rir-se da honra,
    a ter vergonha de ser honesto”.

    • em tempo ..ontem só deu Democratas e PSDB no JN

      Primeiro foi o caso da Governadora do RN punida pelo TRE (à qual Bonner fez questão de dizer que era do “DEMO”, isso mesmo, do “DEMO” rsrsrsrs ..e olha que eles nem entrevistaram o menino Agripino) ..depois veio o caso dos fiscais da administração do Serra/KASSAB, assim anunciado, Serra/Kassab ..e mais tarde, falou-se sobre a apuração dos desvios dos Cartéis e agentes públicos na “gestão dos governadores COVAS, SERRA e Alckmin do PSDB”, todos citados nominalmente, inclusive o partido.

      e de quebra, como cereja, o JN ainda deu espaço para algumas palavras do prefeito Malddad

      Bem, claro que antes de comemorar a “imparcialidade informativa”, por todo o passado recente, me veio à mente a possibilidade de que as organizações go-lo-bo estivessem mesmo torcendo, agora, pela turma bancada pelo Itau (Eduardo e Monica, ups, Marina) ou mesmo a dos Mineiros que chegam nos trazendo mais um menino tancrediano (de família tradicional, sempre usada pra TAPAR buraco em épocas de risco institucional, isso desde GV) aquele que não sai do RIO e de Parrriii, o Aócio Never, um legítimo representante deste nosso caciquismo tropical.

      Enfim, será mesmo que estamos vendo nascer um “novo tempo” ..hummm, duvido

      http://www.youtube.com/watch?v=fp9aUGwvHmU

      • Eles comentam os casos de corrupção do PSDB, muito timidamente, obrigados que são pelas evidências que já não podem ser omitidas. Quanto ao namoro com a candidatura de Osmarina Itaú Natura, já ficou evidenciado há muito tempo. Percebo isso desde junho do corrente ano.

    • O nosso bom, prolixo e confuso Romanelli, que fala, fala, fala e não diz nada, parece que não conhece a biografia de Rui Barboza. Ou se a conhece, admira-a. E se a admira é porque sabe que o jurista baiano foi um dos mais reacionários e preconceituosos personagens públicos deste país.

  • Para Edu e demais companheiros do Blog.

    Por favor, estou precisando da cópia do laudo 2.828 da PF e também das Notas Técnicas assinadas por Pizzolato. Estou estudando a possibilidade de fazer uma Ação Popular com efeito de Rescisória.

    Quem puder me ajudar, por favor, [email protected].

    Obrigado.

    Luiz Felipe

  • Caro Eduardo:

    Chega-se ao governo, mas ainda vai um bom tempo para se chegar ao poder.

    Partindo dessa realidade, e sendo ”pessimista”, ainda serão necessários dois mandatos executivos presidenciais do PT para que a isso se concretize. Nesse interim, a presidenta reeleita, promoverá algumas reformas substanciais, pois estará embasada dessa prerrogativa, pois será eleita no primeiro turno, assim como o executivo paulista também será finalmente entregue a que é de direito: ao povo. A mídia conservadora terá várias baixas em seu staff, pois não haverá mais anunciantes patrocinando as mentiras sucessivas e amiúdes, e finalmente uma lei de mídias porá a cabo as irresponsabilidades praticadas livremente até então, enxugando algumas máquinas da virulência a que pobres, pretos, prostitutas e petistas foram submetidos anos a fio sem qualquer incômodo por parte das autoridades. O STF, despolitizado, terá seu equilíbrio restabelecido, após algumas baixas, até por pedidos voluntários mesmo, que revisará algumas injustiças praticadas. E na economia, tudo o que corretamente foi implantado, estará dando frutos e revertendo para o povo as riquezas do petróleo da agricultura, além de uma industria renovada pela certeza de lucros reais. Enfim, uma visão pessimista.

    Agora a visão otimista: tudo isso pode acontecer na metade do tempo, se a militância assumir seu papel, cabeças pensantes se filiarem e concorrerem para o equilíbrio dos legislativos, a OAB acordar, ou quem sabe, no primeiro mandato, houver uma verdadeira revolução silenciosa em que a oposição retrograda apoiada pelo PIG, baixe a guarda e veja que o status quo atual não nos levará a nada. A blogosfera terá um papel crucial nesse processo, desmontando todas as investidas dos trolls. Trolls que hoje, muito bem remunerados, também perderão as verbas por falta de patrocínios.
    Ainda mais, se talvez os EUA, após a sequência de fracassos diplomáticos se voltarem para seus próprios problemas, o processo se tornará ainda mais célere.

    Ufanismo? Não!. Eu que já vivi mais de 50 anos, me dou por satisfeito vendo meu país hoje com esperanças reais, coisa que inexistia há 15 anos atras.

    Douglas Quina
    Mogi Guaçu – SP

    • nada como ser bem informado ??!! ..ainda faltam 2 mandatos vc diz, e sobre comando de quem ?

      Bom, 3 mandatos, convenhamos, não foram suficientes pra saúde, educação, transportes e segurança, né mesmo ? ..já pra industria despencar e o agronegócio expandir, a custa dos transgênicos, da CHINA e do desmatamento, tenho que reconhecer

      Poxa, vc deve saber de coisas que a maioria não sabe, como por exemplo, quais os projetos e metas a serem adotados que ainda faltam e que nos colocariam nos trilhos ..será que o famigerado TREM BALA que nem os EUA quer ? ..no básico:

      Projetos pra educação, saúde, transportes, infra, pesca, turismo, segurança, justiça, meio ambiente e industria/comércio, nas relações exteriores, pra ficar num mínimo..

      ..isso, se dentro do seu cronograma, de 2 mandatos, tanto verba, como tempo e metas forem absolutamente cumpridos e não imitarem uma NOIVA, o que convenhamos, ATÉ agora, eu não vi NADA que saísse a contento (exceção os emblemáticos bolsa família e mais médicos, apesar dos desvios e da imprevisibilidade em tentarmos prever de quando eles não serão mais necessários, ou mesmo quando eles pararão de inflar)

      Problema meu caro, é que de intenção o INFERNO esta cheio ..pra esquerda, triste realidade, sobram idéias (e muitas lamentáveis, tipo as cotas racistas herdadas e encampadas de THC) mas rareiam pessoas capacitadas e dispostas a tocar

      ..aí é aquilo ..a esquerda sempre chama a direita pra ajudar ..bem, o resto, vc já sabe Maluf, Kassab, Sarney e ex senadores até do DEMO pra “somar” ..olha ?! é um enxugar de gelo, um passinho pra frente outro pra trás que não tem jeito, e isso vai durar séculos ..ainda mais se no lugar de DILMA não voltar o LULA, este sim um presidente líder, e não uma conformada e burocrática gerente

      • Verdade?
        Você acredita mesmo que em 10 anos se possa criar infraestrutura autoestradas e ferrovias inexistente, criar escolas e educar para o curso superior mais pós graduação, acabar com a desnutrição e fome, criar empregos, reduzir o imenso deficit habitacional, prover segurança e ainda lutar com uma classe política e um supremo que quer impedir tudo isto junto com um pais poderoso que nos quer como quintal? Jura? Já escreveu cartinha para o papai noel? Todas estas benesses infra estruturais estão presentes nos países democráticos com que nos comparam a 100 anos. Respeite a inteligência dos debatedores. Você não está numa roda de coxinhas com cérebros lavados pela mídia.

      • Boa tarde Romanelli,
        Sim, Romanelli, sou bem informado, e quando posso uso minhas informações para promover o otimismo, a esperança e a proficuidade humana. Pena que eu ainda seja uma minoria.
        Vamos aos seus pontos:
        I – É possível sim que em 5 ou 4 mandatos executivos haja mudanças sim. Em 2, sabemos que já é possível asfaltar alguns projetos; mas na extrutura, na conjuntura, e nos hábitos de mais de 500 anos é muito mais difícil. Em 3, é possível deixar os opositores atônitos com os muitos sucessos alcançados, a ponto de se fazer uso de outros meios que não a política, de tentar desmontar essas conquistas, seja pela mídia, por alguns elementos do ministério público, pela justiça de exceção, enfim, pelo uso intenso de práticas muito bem conhecidas pelos senhores da Casa Grande no açoite dos moradores da Senzala. Agora, não é importante a ‘’pessoa’’, mas sim o grupo que promove essa mudança. Soa quase como uma piada, alguns urubólogos tentarem profetizar que quando da morte do líder petista o PT acabará. Portanto não importa a pessoa.
        II – Os processos industriais de transformação estão falidos em praticamente todo o mundo, exceção para China, Japão, Coréia, Polônia, Índia e Brasil. Quando os EUA esgotaram seu modelo desenvolvimento nos anos 70 e resolveram quebrar o termômetro da economia, desvinculando sua moeda ao peso-ouro, foi dada a largada para um verdadeiro desmonte de todo sistema produtivo, sendo que maximizou-se os lucro, não importando onde seja confeccionado o produto a ser comercializado. Mas daí V.Sa. dizer que nossa indústria despencou? Sabia que nossa indústria naval ressuscitou? Hoje são quase 100.000 empregos diretos para fabricação de navios e plataformas? E os indiretos? A indústria do petróleo, gera mais uns outros 200.000 nos setores de válvulas, tubulações, enfim tudo que esteja em volta. Algumas pessoas querem levar o debate para o lado da produtividade, porém se esquecem de que a produtividade que querem comparar é com a da China, onde por enquanto, a mão de obra é escreva e as jornadas de 50/60 horas semanais pela metade do que ganha um operário brasileiro. Quero uam comparação justa com o operário da Alemanha.
        III – O agronegócio é uma atividade cercada de preconceitos, pois trabalhar a terra é realmente para quem tem vocação. Os grandes fazendeiros contam com muita mecanização, muito bem financiada pelo BNDES e claro porduz muito, o que colabora para nosso superávit comercial, que logo em seguida é torrado por turistas enebriados de consumo, numa demonstração clara de falta de caráter patriótico, só para mostar aos vizinhos que ‘’está podendo’’. Lamentável. Ainda se fosse uma viagem cultural, nada! Só consumo de coisas desnecessárias.
        IV – Ao que eu saiba os transgênicos estão limitados aos cereais de grande produção em escala. Estão dando certo, pois economizam muito agrotóxico que antes eram usados em proporções superiores a 300% do que são hoje. Colocação sua meio incongruente e que em nda dependem do governo federal, estadual, enfim, algo de cunho mundial independente do regime e do sistema. Desmatamento de quê? Da Amazônia Legal? Sefor, creio que esteja muito mal informado, pois nunca foi menor do que hoje.
        V – Quanto ao Trem Bala, melhor que ainda fique adormecido, pois acredito que 3 refeições por dia a todos os brasileiro, seja a prioridade.
        VI – Saúde e educação. Fica difícil para qualquer administração lutar contra um time que demagogicamente supre as fontes de recursos para esses setores. Quando acabaram com a CPMF, riram, riam, até não poderem mais. Choram até hoje os que até então eram os beneficiários desta pequena verba de R$ 40.000.000.000,00 anuais, fora o fato de que servia para também fiscalizar a circulação de dinheiro que muitas vezes estão ao serviço do tráfico, da contravenção e da propina. A Receita Federal ficou sem esse instrumento de fiscalização e portanto, ponto para a bandidagem.
        VII – Segurança Pública é assunto regional e aí entra vários fatores. Em São Paulo, por exemplo, o que se viu nestes 31 anos de PMDB/PSDB, foi um total desmonte de aparato físico, humano e psicológico, pois o resultado disso é uma violência endêmica, corrupção extrema, insolubilidade de 90% dos casos que necessitam de investigação científica e um blá blá infindável que quer achar culpados por tudo isso e que todos sabemos está dentro do Palácio dos Bandeirantes. Aliás, tai algo, que quando o Padilha assumir, no dia seguinte todas as mazelas de então passarão ser ‘’culpa do PT’’. Mais uma portanto.

        VIII – Relações Exteriores. Ah o Itamarati!!! Nunca mais precisou tirar os sapatos para entrar nos EUA e nem se levantar quando o presidente dos EUA adentra a sala. Por um acaso o presidente da OMC é um brasileiro? Por um acaso foi na semana passada que houve uma decisão que fere habilmente aquelas tentativas de negociações fora dos blocos comerciais? Seria o Roberto Azevêdo um sortudo, ou teve uma ajuda da diplomacia brasileira? Aliás o que vc tem a criticar da diplomacia brasileira? Se for devido ao afastamento comercial dos norte americanos e europeus e aproximação dos orientais(BRICS), o que vc faria hoje se a situação fosse ao contrário? Estaríamos na tão desejada recessão tucana?
        IX – A habilidade para alianças políticas não é um privilégio da direita. Lula provou que quando apertou a mão do Maluf, era bem mais do que um simples aperto de mão. Foi uma jagada de mestre para obter os minutos preciosos que foram muito bem usados para eleger um poste. Quanta inveja despertou e os que destilaram seus ódios, perderam o bonde da história. Exemplo: Se a Erundina não tivesse se precipitado, falado tanta besteira e renunciado a candidatura no seu purismo, hoje ela seria a viceprefeita e poderia assim com a atribuição do cargo, implantar programas sociais que as tinha em mente. Agora é só lamentar.
        X – Pulei a questão das cotas para ficar no final… voltemos. A questão das cotas é só um milésimo do que devemos àqueles que para cá vieram involuntariamente. Mas já que estavam aqui, mereciam respeito quando da independência. Não foram respeitados e tiveram que esperar mais 66 para uma pseudo libertação. Quando da proclamação da República, ainda tiveram que enfrentar o branqueamento de nosso povo com a importação de levas de portugueses, espanhóis, italianos, alemães, siriolibaneses, etc, etc, etc(até norte americanos vieram para cá após a guerra de secessão). Que tal devolvermos um pouco do que lhes foram tirados? Uma migalha que não fará falta, pois ao contrário do que fazemos hoje, podemos gerar uma leva de brasileiros que ao estudarem aqui, deixem aqui dentro seus conhecimentos e pesquisas; muito diferente dos brancos que estudam nas melhores universidades e depois fogem para o exterior, sob a desgastada e fajuta desculpa de que aqui não recebem incentivo para tal.
        Peço desculpas por um texto prolixo, mas devido a sua metralhadora verborágica tive que fatiar minha resposta. Caso queira podemos nos aprofundar mais ainda, mas num tópico por vez.
        Douglas Quina
        Mogi Guaçu – SP

        • Douglas, reconheço seu esforço, mas não me convenço com palavras de conforto e esperança.

          Infelizmente aqui é aquilo, prometeram mundos e fundos – e eu não pedi que o fizessem – e agora, passado um tempo, culpam nossa história de 500 anos, falam dos passivos, culpam as “limitações do cargo” e terminam por imitar Dom Fernando, dizendo que na política a gente só faz o que é possível ..sei sei ..bem, agora só falta dizerem tb pra esquecermos o que muitos BRAVATEAVAM.

          Sabe, eu fui um entusiasta de 1a quando vi os projetos, metas e promessas do governo de LULA I ..em LULA II, após ver que ele não tinha equipe pra tocar, e nem VIGOR pra cobrar (pelo seu perfil conciliador), me veio a decepção com os atrasos e desvios..

          ..mesmo assim, por absoluta falta de opção fiz campanha pra DILMA que, logo nos 1os dias, após o almoço com a Ana-Maria, o jantar com a tia Hebe e a confraternização com o PIG, tudo coroado com um aumento PREMATURO do placebo da SELIC, bem, aí foi só aguardar para que o cenário de INAÇÃO começasse a operar.

          Infelizmente, pruma corrente política que dizia que estaria atenta ao básico, hoje, podemos dizer que faltou quase tudo, desde a moradia de QUALIDADE, acessível e barata, pros nossos milhões de favelados, à saúde, educação que as estatísticas todo ano nos escancaram..

          ..isso pra não dizer em detalhes dos recordes do CUSTO BRASIL (do preço das coisas frente a nossa renda, dos tributos regressivos), da corrupção em que ainda somos destaque no mundo, e da violência que nos ceifa anualmente cerca de 60 mil seres, isso sem que as AUTORIDADES montam UMA PALHA pra combater, estes que nos foram retirados prematuramente de forma violenta, assassinados, ou das 50 mil mulheres que são estupradas todo santo ano e que a seus algozes sequer a castração química acompanhada de tornozeleira e monitoramento ainda implantamos..

          Cara, quando nós pegamos um país em que falta tudo, qq coisa que se faça aparece, problema hoje é que a sensação de ausência, ainda é permanente ..e lá se foram quase 12 anos ..e você que mais 8 ..tá bom, mas pra que ? fui isso que eu perguntei.

          Nestes números de violência, o que mais chama a atenção é que nos Estados mais miseráveis, justamente aonde o “pouco” que se deu (R$ 300 mango de bolsa, no máximo), foi visto como redenção, é lá que a violência mais eclodiu, provando para os descrentes, que ainda continua havendo uma coisa de muito errado entre nós, e que não é a miséria o principal ingrediente de tanta crueldade ..aliás, MUITO menos as drogas como alguns já estão usando pra tentar se justificar.

          Claro que vc abordou vários tópicos que, no dia a dia, poderemos descer mais pormenorizadamente.

          De todos o que mais me incomoda, o que TINHA alternativa, o que foi embasado em mentiras e eufemismos, em fórmulas alienígenas à nossa realidade, foi a tal cota racial, esta que poderia muito bem ter sido substituída pela SOCIAL (dar a quem de fato precisa, independente da cor )

          Só pra difundirmos ainda a quem não sabe, o 1o censo do BRASIL foi feito em 1872, lá já se dizia que 15% da população brasileira, formada de IMENSA maioria por negros e pardos, 15% era de escravos ..digo isso pra demonstrar que a IMENSA maioria dos negros não eram escravas, mas que muitas, assim como brancos, já eram vítimas sociais..

          ..digo isso pra que vc reflita que depois desta data, até a abolição em 1888, o país teve 2 leis (a do ventre livre e a do sexagenário) que diminuíram ainda mais o % de escravos (chegando a menos de 10% da população, de MAIORIA negra e parda) ..e ainda afirmo, que dentro da população NEGRA, já haviam muitos deles que se destacavam como figuras proeminentes (como engenheiros, médicos, jornalistas, juristas, escritores etc) . ..enfim, digo isso pra afirmar que a coisa nem sempre esta na cara como alguns querem forçar, e é muito mais complexa do que muitos possam imaginar.

          Ademais, todos sabemos que o direito, desde o mais elementar (código de Hamurabi) de há muito que a humanidade aprendeu que vc não pode cobrar de um, pelo pecado do outro, não existe crime hereditário ..ou seja, INOCENTES vivos (refiro-me a todos que em igual situação sócio econômica hoje são preteridos por sua cor) jamais poderiam estar pagando por pecados de mortos.

          Enfim, por acreditar que de há muito o BRASIL deixou de ser um país Institucionalmente racista, um aonde um negro, por exemplo, estaria proibido por lei de frequentar uma escola, de participar dum concurso ou de frequentar um lugar público (como nos EUA, Austrália e Africa do Sul recentes, países sim em que VIVOS devem a VIVOS), por saber que nosso país de há muito tornou ABJETAS quaisquer uma destas restrições, e que as nossa residem FUNDAMENTALMENTE sob critérios e valores econômicos é que reafirmo, pra mim todo cotista (não importa se o negro de hoje contra o branco, ou o branco nazista que se lançava contra os judeus tb alegando reparo e compensação) todos são RACISTAS, e de mim sempre terão o mais profundo desprezo.

          Dar pão a quem tem fome, já dizia um cara que como Mandela, Madre Tereza, Chico Xavier e Gandhi, nos PROVARAM que as verdadeiras revoluções não se fazem com armas, mas com o toque nas almas das pessoas.

          abraços

          ah sim, e pq defendo hoje a volta de LULA ? bem, aqui há uma outro oportunidade dele reparar seus erros e correr atras dos prejuízos e desvios ….fora que quem não tem cão, caça com gato (já ouviu esta ?) ..ou isso, ou a história, em seu balanço estatístico, não irá nos perdoar ..a menos que por milagre DILMA resolva colocar uma equipe disposta a mudar e a TRABALHAR com afinco (DU-VI-DO), quem nasceu pra ser gerente não deve ser colocado como presidente..

          http://www.youtube.com/watch?v=cK5sXM7j8EY

          • ”A blogosfera terá um papel crucial nesse processo, desmontando todas as investidas dos trolls. Trolls que hoje, muito bem remunerados, também perderão as verbas por falta de patrocínios”.

            Caro Eduardo

            Te peço, nos poupe deste troll Romanelli. Citei 10 ítens e nenhum deles teve uma resposta de nível, pelo menos sofrível. Apenas a trollagem pasteurizada de sempre. E claro, haverá a substituição do nome e do IP, mas o trololó será o mesmo. Agradeço os que leram minha resposta e apreciaram minha argumentação. Sempre que eu encontre o confronto e o debate de alto nível, farei minha parte. Afinal estamos aqui pra isso.

            Douglas Quina
            Mogi Guaçu – SP

        • Douglas…
          Seu texto não foi prolixo, pelo contrário foi conciso. Prolixos são os comentários desse manézão Romanelli que ainda tem coragem de citar a vergonha de Rui Barbosa.
          O Romanélli me causa vergonha alheia.

        • Douglas, vc matou a cobra, mostrou o pau, a cobra, o veneno, o antídoto e até o curativo para a picada.

          Não tem mais o que dizer, a não ser que o ‘mala’ foi despachado..

          E 2 pontos do seu comentário acertaram no centro do alvo: o turismo de consumo de supérfluos pra ficar mostrando pros parentes e vizinhos e a pisada na bola da Erundina.

          Parabéns!

          • Obrigado. A questão do turismo de exibição é como a jabuticaba, só existe no Brasil. Pena.

            Abraços

            Douglas Quina

        • Douglas.
          texto extenso mas bem arrazoado. Dá para sorver sem cansaço, o que não
          acontece com seu opositor que, com todo respeito, é fã de um cansativo blá blá blá.

      • Antes de ser bem informado, é preciso inteligência pra utilizar a informação.

        E faltam-lhe ambas.

        3 mandatos NÃO são suficientes pra corrigir problemas seculares em um país do tamanho do Brasil, ponto.

        Na saúde, por exemplo, faltam médicos. Cada médico leva quase um década pra se formar. Em 2003 não havia vagas suficientes pra formar todos os médicos necessários em 12 anos. E mesmo hoje, com a ampliação maciça de vagas nas universidades, ainda levará mais uma década pra termos o número de médicos de que precisamos.

        Ou seja, mais dois mandatos E MEIO!

        Não se repara séculos de privilégios e marginalização em 12 anos. Não se repara o estrago feito por gerações em MEIA GERAÇÃO. ESPECIALMENTE quando ainda temos que lidar com gente como vc, que se acha “bem informada” enquanto repete meias verdades e mentiras completas e não consegue encadear dois raciocínios coerentes, e sempre o mesmo diagnóstico: “culpa do PT”.

        E o argumento da perfeição é uma falácia, pra sua informação.

    • douglas sua visão não vem de
      falta ou excesso de informação
      e sentimento que partilho com meus 73
      não VIAJANDO em trem balanagulha
      mas acompanhando adiada eleição do lula
      depois de três vezes superado
      pelos restos da ditadura
      do BRASIL COLONIZADO
      sempre como o romanelli
      MELHOR IN(con)FORMADO

  • > vemos a mesma revista sugerir que a Justiça suíça e a multinacional alemã
    > Siemens se aliaram ao PT para enxovalhar políticos tucanos.

    Por curiosidade mórbida… alguém pode copiar o trecho em que a Veja faz tal ilação?

    Inacreditável!

  • Prezado Eduardo:

    “Em recente entrevista ao programa de Web TV Contraponto – que será divulgada na íntegra por este Blog em breve –, o jurista Dalmo de Abreu Dallari fez essas e outras considerações preocupantes, chegando a chamar de “nazista” a teoria usada para condenar os réus do mensalão, a famigerada teoria do “domínio do fato”.

    Considerando que os nossos doutores têm cursos na Alemanha, conhecedores que são daquele idioma e das leis que lá estudaram e importaram para este nosso país tropical e que a lei do domínio do fato é de cunho nazista e foi aplicada de modo errado, conforme o próprio autor que esteve no Brasil e disse que a lei não se aplicava neste caso específico do mensalão; o que nos resta dizer em relação a esta situação criada pelos nossos ministros ?

    1° – Die Kacke ist am dampfer = A merda está fervendo.
    2° – Scheisse glanzt nicht, wenn man sie poliert = A merda não brilha nem quando polida.
    Obs: Não falo alemão. Essas duas expressões foram tiradas de um livro que li sobre a economia do novo terceiro mundo(os paises ricos da Europa que estão descendo a ladeira e conhecendo a pobreza).
    O nome do livro é Bumerangue, autor: Michael Lewis, Ed. Sextante.

    • Acho estes trecho muito mais eloquentes. Obviamente não menosprezando sua colaboração oportuna e acertada!

      1) “In Athens, I several times had a feeling new to me as a journalist: a complete lack of interest in what was obviously shocking material,” Lewis wrote, describing his many interviews with bankers, tax collectors and a former member of parliament.

      “Scandal after scandal poured forth. Twenty minutes into it I’d lose interest. There were simply too many: they could fill libraries, never mind a book.”

      2)Lewis does write that “one of the causes of the current global financial crisis is that the people who saw it coming had more to gain from it by taking short positions than they did by trying to publicize the problem. Plus, most of the people who could credibly charge Iceland – or, for that matter, Lehman Brothers – with financial crimes could be dismissed as crass profiteers, talking their own book.”

      3) In his fourth chapter, the Secret Lives of Germans, Lewis describes and questions the role of Germany as the sane economy in the unstable Eurozone.

      He asks “how did people who seem as intelligent and successful and honest and well-organized as the Germans allow themselves to be drawn into such a mess?”

      While describing the historical reminders all over Berlin of World War II and the Nazi era, Lewis writes “it’s as if history stopped and assigned roles to people, and the Germans have been required to accept that they will always play the villain.”

      He writes that for the Germans “the euro isn’t just a currency. It’s a device for flushing away the past. It’s another Holocaust Memorial.”

  • A gigantesca diferença que encontramos entre as duas “justiças”, a brasileira e a ianque, é que como lá os dois partidos que se revezam no poder, Democratas e Republicanos, no fundo são a mesma coisa, representam os mesmos interesses da plutocracia empresarial-militar e financeira que comanda o país(basta ver-se a ENORME DECEPÇÃO que foi Barack Obama para se comprovar esse fato), “diferenciando-se” entre si no máximo em questões pontuais ou na intensidade da implantação do modlo de dominação plutocrata, a classe dominante ianque identifica-se com ambos que por isso têm a “liberdade” de colocar cada um juízes de fato identificados com o seu grupo. Juízes esses que ao menos mantêm um certo “pudor” na hora de direcionarem as decisões conforme seus interesses, não comentendo cinismos escandalosos como os praticados pelo STF para atingir o PT. Agem assim, é bom frisar, não por serem “bonzinhos”, mas por viverem numa Sociedade não tão extremamente desigual como a nossa (onde as disparidades de classe são abissais)e que possui um bom grau de organização civil, na qual os diferentes grupos unem-se para reivindicar seus interesses. Assim, não vou ser hipócrita, não acredito em “justiça”, muito menos imparcial, acredito em luta de classes e democracia como normatização política dessa luta, ou seja, acredito que só teremos uma justiça séria, não “isenta”, mas democrática, quando os diferentes grupos e setores sociais puderem-se representar nela, dando espaço à pluralidade de visões e julgamentos(como desejamos para a mídia e como é, embora ainda muito pouco, no Legislativo)que permitam assim que os golpes políticos de um juiz sejam anulados pelas posições do outro, isso no que diz respeito às “interpretações” da Lei que são de fato o que conta no Direito(já este um produto da luta de classes, no qual a classe dominante tenta dar um capa de “legitimidade” à sua dominação e os dominados procura inserir normas para protegerem-se um pouco da exploração). E como seriam então decididas as questões? Pela honestidade. Ora, numa Sociedade equilibrada, e consequentemente vigilante, os diversos atores sociais estariam sempre atentos aos “julgamentos” dos Tribunais, não para pressionar, mas para cobrar um mínimo de coerência através dos advogados dos envolvidos. Assim, questões tão “esquecidas” pelo nosso STF, como provas materiais e presunção de inocência seriam decisivas para resolver julgamentos, uma vez que dependendo de seu tamanho, impediriam “interpretações” descabidas dos juízes, por mais que suas inclinações ideológicas os encaminhassem para outro posicionamento. O problema é que no Brasil, O PT CONSEGUIU SOMENTE O PODER POLÍTICO, NÃO POSSUI NEM DE LONGE O APOIO DA CLASSE DOMINANTE(E AINDA BEM QUE NÃO O TEM, AFINAL FOI ESSA CLASSE DOMINANTE QUE CONSTRUIU ESSA SOCIEDADE EXCLUDENTE EM QUE ESTAMOS VIVENDO), E POR ISSO MESMO NAO CONSEGUE COLOCAR NOS TRIBUNAIS SUPERIORES JUIZES IDENTIFICADOS COM SEU PROJETO POLITICO(SEM CONTAR QUE E DIF[ICIL ACHA-LOS NO QUADRO DE NOSSO JUDICI[ARIO, POR SI SO UM FEUDO DA CLASSE DOMINANTE E DA CLASSE MEDIA ALTA ATAVICA QUE LHE SERVE CANINAMENTE). ASSIM, O PARTIDO, TAMBEM POR FALTA DE CORAGEM EM ENCAMPAR ESSA BRIGA, COLOCOU NO STF E NOS OUTROS TRIBUNAIS QUASE QUE UMA TOTALIDADE DE JU[IZES QUE NAO TEM NENHUMA IDENTIFICACAO COM O IDEARIO PROGRESSISTA, AO CONTR[ARIO SAO NOTORIOS CONSERVADORES, E NAO APENAS ISSO, ODEIAM O PT E TEM UM INDISCUTIVEL ENGAJAMENTO NUM PROJETO POLITICO DESTINADO A DERROTAR O PARTIDO E AS FORCAS DE ESQUERDA DE QUALQUE JEITO. QUANDO FALO QUALQUER JEITO, REFIRO-ME A ATITUDES ANTI-DEMOCR[ATICAS, OU SEJA, AO GOLPE. Como unica solucao para essa forca em que o partido meteu-se, nao apenas pela composicao de classes da Sociedade brasileira, mas por sua propria omissao em nao combate-la, proponho a boa, velha e unica forma de se equilibrar as relacoes em uma Sociedade, tornando-a mais justa, a luta de classes, Enquanto nao formos AS RUAS, EXIGINDO PARA COMECAR A REVISAO NESSE JULGAMENTO POLITICO, E MAIS DO QUE SOMENTE POLITICO, DE EXCECAO(JA QUE IGNORARAM-SE PROVAS MATERIAIS E DESRESPEITARAM-SE PRINCIPIOS ELEMENTARES DO DIREITO)QUE CONSTITUIU O JULGAMENTO DA AP 470, COMO TAMBEM UMA REFORMA RADICAL NO JUDICIARIO, QUE TORNE O CARGO DE JUIZ ELETIVOU OU UM CONCURSO ELABORADO DE MANEIRA DIFERENTE DA ATUAL, COM COTAS RACIAIS, E TAMBEM PASSE A SUBMETER AS INDICACOES AOS TRIBUNAIS SUPERIORES A CONSELHOS SOCIAIS, COMPOSTOS POR MEMBROS DA SOCIEDADE CIVIL QUE REPRESENTEM OS DIFERENTES INTERESSES QUE A COMPOEM, SEREMOS OBRIGADOS A CONTINUAR AGUENTANDO NESCIOS ARROGANTES COMO JOAQUIM BARBOSA, LUIS FUX E GILMAR MENDES A DITAR, COMO SUA EMPAFIA E MEDIOCRIADDE, A CONSTRUCAO DE UM GOLPE CINICO DIANTE DE UMA SOCIEDADE IMOBILIZADA. HAJAMOS ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS, POIS , TENHAM CERTEZA, ELES QUEREM O GOLPE E NAO VAO ADMITIR PERDER EM 2014. HA MUITOS INTERESSES EM JOGO PARA ISSO, INCLUINDO-SE OS DOS EUA, QUE QUEREM O PRE-SAL A QUALQUER CUSTO E NAO HESITARAO EM TOMA-LO A FORCA. O GOLPE DAS MANIFESTACOES TAMBEM VEM AI..

  • A gigantesca diferença que encontramos entre as duas “justiças”, a brasileira e a ianque, é que como lá os dois partidos que se revezam no poder, Democratas e Republicanos, no fundo são a mesma coisa, representam os mesmos interesses da plutocracia empresarial-militar e financeira que comanda o país(basta ver-se a ENOREM DECEPÇÃO que foi Barack Obama para se comprovar esse fato), “diferenciando-se” entre si no máximo em questões pontuais ou na intensidade da implantação do modlo de dominação plutocrata, a classe dominante ianque identifica-se com ambos que por isso têm a “liberdade” de colocar cada um juízes de fato identificados com o seu grupo. Juízes esses que ao menos mantêm um certo “pudor” na hora de direcionarem as decisões conforme seus interesses, não comentendo cinismos escandalosos como os praticados pelo STF para atingir o PT. Agem assim, é bom frisar, não por serem “bonzinhos”, ma spor viverem numa Sociedade não tão extremamente desigual como a nossa (onde as disparidades de classe são abissais)e que possui um bom grau de organização civil, na qual os diferentes grupos unem-se para reivindicar seus interesses. Assim, não vou ser hipócrita, não acredito em “justiça”, muito menos imparcial, acredito em luta de classes e democracia como normatização política dessa luta, ou seja, acredito que só teremos uma justiça séria, não “isenta”, ams democrática, quando os diferenets grupos e setores sociais puderem-se representar nela, dando espaço à pluralidade de visões e julga,mentos(comod esejamos para a mídia e como é, embora inda muitop pouco, no Legislativo)que permitam assimque os golpes políticos de um juiz sejam anulados pelas posições do outro, isso no que diz respeito às “interpretações” da Lei que são de fato o que conta no Direito(já este um produto da luta de classes, no qual a classe dominante tenta dar um capa de “legitimidade” à sua dominação e os dominados procura inserir norma para proteger-se um pouco da exploração). E como seriam então decididas as questões? Pela honestidade. Ora, numa Sociedade equilibrada, e consequentemente vigilante, os diversos atores sociais estariam sempre atentos aos “julgamentos” dos Tribunais, não para pressionar, mas para cobrar um mínimo de coerência através dos advogados dos envolvidos. Assim, questões tão “esquecidas” pelo nosso STF, como provas materiais e rpesunção de inocência seriam decisivas para resolver julgamentos, uma vze que dependendo de seu tamanho, impediriam “interpretações” descabidas dos juízes, por mais que suas inclinações ideológicas os encaminhassem para outro posicionamento. O problema é que no Brasil, O PT CONSEGUIU SOMENTE O PODER POLÍTICO, NÃO POSSUI NEM DE LONGE O APOIO DA CLASSE DOMINANTE(E AINDA BEM QUE NÃO O TEM, AFINAL FOI ESSA CLASSE DOMINANTE QUE CONSTRUIU ESSA SOCIEDADE EXCLUDENTE EM QUE ESTAMOS VIVENDO), e por eE POR ISSO MESMO N’AO CONSEGUE COLOCAR NOS TROIBUNAIS SUPERIORES JU[IZES IDENTIFICADOS COM SUA PROJETO POL[ITICO(SEM CONTAR QUE [E DIF[ICIL ACH[A-LOS NO QUADRO DE NOSSO ~JUDICI[ARIO~, POR SI S[O UM FEUDO DA CLASES DOMINANTE E DA CLASSE M[EDIA ALTA AT[AVICA QUE LHE SERVE CANINAMENTE). ASSIM, O PARTIDO, TAMB[EM POR FALTA DE CORAGEM EM ENCAMPAR ESSA BRIGA, COLOCOU NO STF E OS OUTROS TRIBUNAIS QUASE QUE UMA TOTALIDADE DE JU[IZES QUE N’AO T”EM NENHUM IDENTIFICA;’AO COM O IDE[ARIO PROGRESSISTA, AO CONTR[ARIO S’AO NOT[ORIOS CONSERVADORES, E N’AO APENAS ISSO, ODEIAM O PT E TEM UM INDISCUT[IVEL ENGAJAMENTO NUM PROJETO POL[ITICO DESTINADO A DERROTAR O PARTIDO E AS FOR;AS DE ESQUERDA DE QUALQUE JEITO. QUANDO FALO ~QUALQUER jEITO~, REFIRO-ME A ATITUDE ANTI-DEMOCR[ATICAS, OU SEJA, AO GOLPE. Como unica solucao para essa forca em que o partido meteu-se/ nao apenas pela composi;’ao de classes da Sociedade brasileira, ams por sua propria omissao em n’ao combate-la, proponho a boa, velha e unica forma de se equilibrar as rela;oes em uma Sociedade, tornando-a mais justa, a luta de classes, Eqnatrno Enquanatttto n’ao formos {AS RUAS, EXIGINDO PARA COME;AR A REVIS’AO NESSE JULGAMENTO POL[ITICO, E MAIS DO QUE PSOMENTE POL[ITICO, DE EXCE;’AO(J[A QUE IGNOROUS-E PROVAS MATERIAIS E DESRESPEITOU-SE PRINCIPIOS ELEMENTARES DO dIREITO)QUE CONSTIU-SE O JULGAMENTO DA AP 470/ COMO TAMBEM UM A REFORMA RADICAL NO JUDICI[ARIO, QUE TORNE O CARGO DE JUIZ ELETIVOU OU UM CONCURSO ELABORADO DE MANEIRA DIFERENTE DA ATUAL, COM COTAS RACIAIS. COMO TAMB[EM PASSE-SE A SUBMETER AS INDICA;’EOS AOS TRIVBUNAIS SUPERIORES A CONSELHOS, SOCIAIS, COMPOSTOS POR EMMBROS DA SOCIEDADE CIVIL QUE REPRESENTEM AS DIFERENTES INTERESSES QUE A COMP’OEM, SEREMOS OBRIGADOS A CONTINUAR AGUENTANDO NESCIOS ARROGANETS COMO JOAQUIM BARBOSA, LUIS FUX E GILMAR MENDES A DITAR, COMO SUA EMPAFIA E MEDIOCRIADDE, A CONSTRU;AO DE UM GOLPE C[INICO DIANTE DE NUMA SOCIEDADE IMOBILIZADA. HAJAMOS ANTES QUE SEJA TARDEDEMAIS, POIS , TENHMA CERTEZA, ELES QUEREM O GOLPE E N’AO V’AO ADMNITIR PERDER EM 2014. JH[MUITOS INTERESSES EM JOGO PARA ISSO, ININCLUINDO-SE OS DOS EUA.

    • Muito bonito tudo, mas se essa história do mensalão tivesse ocorrido nos USA com certeza os suspeitos aguardariam julgamento preso,o duda mendonça ia pegar perpetua por receber dinheiro fora do país, o Delubio 2 perpetuas por inserir dinheiro não contabilizado em campanha,Genoino perpetua por ser presidente do partido e ter assinado os contratos, enfim lá não é Brasil .
      “Blagojevich, primeiro democrata a se eleger governador de Illinois em 30 anos, perdeu o cargo e virou réu depois de gravações do FBI o envolverem em uma série de escândalos de corrupção, o principal deles o de ter tentado leiloar o assento no Senado deixado vago pelo presidente Barack Obama, que tem em Illinois sua base política. Como governador do estado, cabia a Blagojevich indicar o sucessor. Após perder o cargo, o governador chegou a participar de um reality show com celebridades na TV americana, antes de ser condenado.”
      Acima vejam, 14 anos só por um telefonema, ele jamais consegui concretizar o delito, ou seja, país sério é assim.

  • O item 3 dessa “nota à imprensa” é absolutamente dispensável. O que ele diz é que todo réu é inocente até prova em contrário. Mas, devido ao recente julgamento da AP470, em que a ausência de provas foi usada como prova, agora é preciso que a justiça diga que, não sendo petista, não há condenação prévia.

  • Eduardo, bom dia.

    Gostaria que alguém refletisse sobre o porquê de Dilma ter inserido naquele avião (África do Sul) “outras pessoas”.

    Tem a ver com o cancelamento de viagem internacional em outubro ?

    A coisa pode estar bem pior.

    Eles precisam de uma ruptura. Irão buscá-la.

    Não será fácil.

  • Então, ficamos combinados assim:
    – se o réu é do PT, a ausência de provas indica que ele é culpado e escondeu as provas.
    – se o réu é demotucano, as provas contra ele mostram que o PT tentou incriminá-lo.

    • Você expressou corretamente aquilo que a imprensa fala, embora eles usem de outras palavras para dourar a pílula, mas que em essência se resume a isso mesmo.

      É uma cara de pau insuperável, mas é isso que eles de fato estão dizendo.

      Nunca ví uma proteção tão descarada de corruptos, como a que a imprensa está fazendo com os corruptos tucanos. E o mais inaceitável é que o judiciário está praticando esse mesmo absurdo.

        • Jose marcos, você tocou no ponto: é um questão de defesa de classe.

          A luta de classes existe – embora o PT tente ignorá-la – e na crise contínua que o capitalismo vive, ela se exacerba.

          É fundamental nos organizarmos, seja nos sindicatos, associações e movimentos. Porque a elite está se organizando contra o povo.

        • Pessoalmente eu acho que a única explicação para o comportamento dos membros do STF nessa farsa do mensalão é que estão todos de RABO PRESO com a Globo.

          Eles sabem que a farsa será desmontada em um futuro próximo e que irá destruir a biografia de todos os palhaços que compuseram esse picadeiro.

          Somente o fato de ter coisas mais escabrosas a esconder e medo da Globo revelar tudo poderia explicar essa atitude deles.

          • Sempre é bom lembrar que, quando foi presidente do stf, o “coroné” Gilmar Dantas contratou um capanga de Cachoeira para “administrar” a central telefônica do STF. Só nessa brincadeira, o que ele deve ter gravado de conversas comprometedoras…

        • Concordo, meu falecido sogro já dizia que o poder mais corrupto que existe é o judiciário. O legislativo e o executivo, com todas as falhas que possam ter, por pior que seja o sistema eleitoral, tem que passar por uma eleição. Hoje vivemos o absurdo de um presidente do STF ser o sujeito mais poderoso “politicamente do país. Esta luta é difícil, pois a forma atual interessa as elites, que em ultima instância podem sempre contar com o judiciário em seu socorro.

          Agora, talvez estejamos vivendo o pior dos cenários, pois além da defesa de sua classe, concordo com o Ruy, os absurdos são tantos que só podem estar de “rabos presos”.

          • O senador Requião está propondo que os membros do STF tenham mandato de seis anos. Já é um começo pois, além de não serem eleitos, o cargo é vitalício, ou seja, a pessoa só sai quando se aposenta ou falece!

        • Roberto com essa artimanha do Gilmar Mendes com o capanga do cachoeira gravando no STF, foi facilitado a estratégia de levar a julgamento a AP470 e condenar os petistas, como também usar essas gravações acusando o governo de ter grampeado os ministros.

          • Colocaram o STF como refém da Globo. O medo dos membros do STF de ser alvo de uma campanha difamatória foi mais forte que a preocupação com suas biografias. Com a lei e a justiça duvido que eles tenham alguma preocupação.

            Juiz pensa que é Deus, desembargador tem certeza e o JB acha que ser Deus é pouco para ele.

    • A PF jamais investigará os tucanos apesar de todas as provas. Eita justiça imoral. Segredo de justiça para os tucanos é = a esquecer as provas dentro da gaveta.

  • Eduardo, A teoria do domínio do fato, não tem nada de nazista, pois a mesma foi inclusive usada em Nuremberg. nos USA nos dias atuais ela é muito utilizada agora vejamos, é fato que a justiça americana é a melhor do mundo e também a mais democrática, em virtude de haver em 85% dos casos eleições diretas para Juízes e promotores, também é sabido que lá o rèu em determinadas ocasiões e ações pode ele mesmo escolher se quer julgado pelo povo ou pelo juiz singular.
    Falar que a teoria do domínio do fato é Nazista é de um total desconhecimento, bastaria o tal jurista comprar o livro ” Nuremberg Trials” e ele verá claramente que tal teoria foi a que condenou os chefões do terceiro Reich.
    Falo com propriedade, pois em minha tese de mestrado estudei muito o julgamento de Nuremberg e por consequencia a teoria,.
    No Brasil ela é chamada popularmente de concurso de agentes e pessoas.
    É fato também que para o uso da teoria é necessário que a raia miúda tenha cometido atos que beneficiem os chefes no caso é sabido que os atos de Delúbio e Valério beneficiaram Dirceu que almejava uma base de governo maior e submissa.

    • Segundo o renomado jurista doutor Dalmo de Abreu Dallari, a lei é nazista e foi usada para condenar nazistas. Depois foi revista por Claus Roxin. Por último, não dispensa provas. Seu uso, no Brasil, foi praticamente ditatorial.

      • Quanto a lei ser Nazista isso é opinião dele, saiba que na Itália na década de 80 esta teoria foi usada para pegar a máfia, o TPI está usando ela neste momento para condenar os ex chefes Sérvios que não mataram uma só pessoa mas seus subordinados mataram milhares, é fato que esta teoria é considerada a ultima ratio usada pelos judiciários para prender gente poderosa que é responsável por crimes gravissimos .
        Respeito sua opinião, mas isso é página virada marginal existe em todos os lugares o PT não seria uma exceção, acho até que os ligados ao partido deveriam é execrar publicamente estes caras, imagina só se a PM começar a abraçar policial corrupto usando a desculpa que no passado ele foi bom?
        Nada tenho contra o PT tampouco a favor, mas qualquer bom assessor de marketing ou imprensa diria para mudarem a postura e exigirem mais punição ainda para os condenados pois alem de traírem a república traíram o partido,

    • Vale lembrar que a tal “teoria do dominio do fato” dentro da legislação Brasileira que é escrita e não da forma oral como existia antigamente em alguns paises não existe, nao está inserida, ou seja, esta teoria foi “inventada” de última hora, pois os juízes daquela corte, especificamente JB e G”D”M precisavam de todas as formas condenar os Petistas, então como não haviam provas, isto dito textualmente pela juíza Rosa Weber e por ela também dita que pela literatura dava a ela “prerrogativa” de condenar (sem provas). portanto usou-se de uma lei que serviu para condenar após segunda guerra mundial, mas esta mesma lei foi usada para uma circunstância daquela época onde as democracias da Europa estavam solapadas ou até mesmo nao existia.. o dominio de fato serve apenas para burlar as leis elementares que diz que para se condenar alguem precisa-se de Provas materiais e testemunhais e ainda havendo dúvida todos são inocentes até se PROVE O CONTRÁRIO. O que STF fez foi inverter a lógica PENAL ou seja, não é preciso prova para condenar e todo suspeito é culpado ad eternum, não importando as leis vigentes, é claro que isso vai mudar no caso dos corruptos e corruptores dos DEMOTUCANOS, as leis elementares voltarão ao seu curso normal de uso e mais adiante quando surgir um modo de punir mais PETISTAS usarão novamente a burla das leis para assim condená-los.

  • A renúncia do mandato parlamentar feito por Genoíno, mostra a supremacia do judiciário perante um legislativo, supremacia essa graças a interferência da mídia, o que é péssimo para a democracia e a soberania popular garantida pelo voto.

      • Mas que moral tem o legislativo???? È fato que nosso legislativo é conhecido como casa de bandidos, é fato também que 75% da população não confia no legislativo,e o legislativo por si só não tem nenhum bom exemplo para a sociedade,ainda também é sabido que no congresso, ha ladroes, assassinos, estupradores, estelionatários,e a maioria condenado, então Eduardo, como dizia minha avó ” com que roupa” os politico podem cobrar algo???
        Conheço muito deputado e senador que depois de junho anda até se escondendo, estes dias estava em um Shopping e presenciei um famoso deputado ter que sair de lá de fininho após um rapaz começar a gritar “ladrão” e logo juntou-se a ele mais umas 10 pessoas, o incrível é que ninguem saiu em defesa do parlamentar, o mesmo como já dito saiu apavorado.

        • Claudio, o fato de que existem muitos parlamentares safados não justifica a quebra do princípio constitucional da separação dos poderes, nem se pode desmerecer a instituição porque muitos dos que lá estão não estão à altura do cargo que ocupam.

          Quem diz que os ministros do STF são menos safados que os parlamentares?

          O legislativo é o mais exposto dos poderes. Com tantos deputados e senadores é fácil encontrar casos escabrosos de bandidos e escroques de todo tipo. Até traficantes de drogas como pudemos observar com a apreensão de meia tonelada de cocaína em um helicóptero de um deputado na fazenda de um senador.

          Mas apesar do número de pessoas ser mais reduzido no STF e a proteção midiática a eles (pelos bons serviços prestados atuando como capachos da mídia) , quem te garante que o resultado geral do STF é melhor que a média dos parlamentares? E se fosse, o certo não seria melhorar a qualidade do parlamento em vez de desrespeitar a Constituição e permitir concentração ilegal de poderes nas mãos de pessoas que nem ao menos passaram pelo escrutínio popular?

          O STF está se apresentando da mesma forma que os ditadores se apresentam. COmo paladinos da moralidade, mas que precisam de poderes arbitrários para atuar. Essa é a desculpa de todos os ditadores para eliminar o Estado de Direito e as liberdades individuais. Acabar com as eleições é a conclusão inexorável dessa argumentação falaciosa.

          Os ordinários que infestam a câmara não são desculpa para destruir a democracia, até porque os ordinários do STF não aparentam ser melhores não.

          • Tá boa a coisa de novo aqui, com a ‘expulsão’ das cobras…

            Ruy, lembrando que um crápula como o DEMOstenes Torres era (é?) membro do ministério público…

  • Fora de pauta : atente-se para matéria, publicada no Balaio do Kotscho, no Tijolaço e no Conversa Afiada; sobre a preparação para as “manifestações” do ano que vem. Mostrando que são uma força organizada(Por que? Com que recursos? Quais os interesses?)as “organizações” que pretendem realizar “manifestações” na Copa (o que escancara que as tais “manifestações” de junho não tiveram nada de espontâneas, foram organizadas com muita antecedência, ou seja, com viés golpista)já visitam parlamentares no Congresso em busca de apoio. Este espaço deve postar uma matéria sobre esse que é um dos maiores, senão o maior, perigo para a reeleição de Dilma.

    • Quem está por trás do “Change Brazil”? Porque no comercial de um banco, para ouvir a música de fundo, bastaria ligar para um número de celular mandando uma mensagem com a palavra “MUDE”? Coincidências? Pode ser.

  • É isso mesmo Edu, acho que existem três alternativas ao governo: tentar submeter o judiciário a um órgão de fiscalização independente com poderes plenos para punir juízes, e mudanças nas regras de escolha e mandato dos ministros do STF; entrar nesse ‘jogo’ de poder pra valer, ou será paulatinamente ‘golpeado’, como vem sendo feito, até que surja uma oportunidade de desferir o golpe final com apoio da debilitada oposição e do PIG.

  • Edu : O jeito é continuar por esse caminho que você e outros blogueiros destemidos veem trilhando:buscar a Verdade e denunciar ,denunciar, denunciar!!! Nós continuamos na trincheira com você até q as instituições r epublicanas cumpram sua responsabilidade de RESPEITAR e FAZER RESPEITAR A CONSTITUIÇÃO . Abraços.

  • Como já disse, com conhecimento de causa, o banqueiro-bandido, nos tribunais ditos “superiores” os direitistas que estiverem inscritos no psdb/dem/pps gozam de privilégio de foro. Portanto, o processo do Trensalão não esquentará um minuto sequer na gaveta dos ministros que participaram ativamente da farsa da AP470. O processo será anulado, arquivado ou caducará pelo tempo. Estou aceitando apostas.

  • Acho que essa notícia, de que o inquérito será remetido ao STF , é o que de melhor podia acontecer para os corruptos tucanos e o que de pior podia acontecer para o país. Se contra um zé ninguém como Eduardo Azeredo um processo não anda no Supremo, imagine contra José Serra, Geraldo Alckmin e Mário covas.

  • O governo do PT e aliados não pode é deixar a direita indicar os Ministros no Ministerio Público e no STF. O PT tem que escolher Procurador Geral da República e Ministros sérios e alinhados com a politica do PT. Não deve fazer o que a direita faz,aparelhar a Justiça para proteger os aliados e condenar os adversarios(PT),mesmo sem provas.

    • Dizem que Deus queria despejar o diabo do inferno porque ele fica lá comandando os capetas para tentarem os humanos e fazê-los pecar. Porém Ele não consegue abrir um processo porque não encontra um único advogado no céu.

      Sabe o que significa cem advogados jogados ao mar?

  • O STF se tornou esse poder descomunal, que ao mesmo legisla, investiga, acusa, condena, e faz o papel de Tribunal Superior Eleitoral,, aonde vamos parar com isso… O jurista Dalmo de Abreu Dallari foi bem claro: O STF tem que ser um Tribunal Constitucional, como na Alemanha, onde o STF é sediado bem longe do centro do poder para não se deixar influenciar, na Alemanha o STF fica numa cidade média, veja a partir do min 25:00 a fala do Dalari

    http://www.youtube.com/watch?v=X3vuVJp-MtM&list=UUxNhtPbaChhZTHXM80uvLfA

  • Edu, vê se tem como se produzir um video somente com a fala de Dallari, a do PML foi boa, mas um video com menor tempo, seria bom para o mundo juridico, e vale um post…

  • Prezado Eduardo:

    Para Cláudio ( 10:16 ) e Eduardo ( 10:47 )

    “ Foi um juiz americano, Justice Wernesturm, quem revelou o verdadeiro fundo da campanha de vingança de Nuremberg. Ele foi presidente de um dos tribunais que julgaram os casos de certos generais alemães que tinham sido comandos no sul do Oriente e foram encarregados dos “ crimes de guerra !. Wenersturm desistiu da sua nomeação em Nuremberg e correu o risco de voltar para os Estados Unidos. Meia hora antes da sua partida, ele deu uma entrevista ao repórter do Chicago Tribune (um jornal de propriedade de não judeus) sob a terminante condição de que não seria publicada antes do seu avião pousasse nos Estados Unidos. Sua declaração continha os seguintes pontos:

    1. Os altos ideais prescritos pelo Tribunal de Nuremberg jamais tinham sido materializado , na prática, nos Tribunais de Nuremberg.

    2. O fato de que só os vencedores estavam julgando os perdedores da guerra não provia a verdadeira justiça.

    3. Os membros do departamento do promotor público, em vez de tentarem formular e alcançar um novo princípio legal como diretriz, só se deixaram mover pela ambição pessoal e pela vingança.

    4. A promotoria fez o máximo que pôde, de todas as maneiras, para impedir a defesa ao preparar os casos, e para tornar impossível o fornecimento de provas.

    5. A promotoria, chefiada pelo general Taylor, fez de tudo que podia para impedir que a decisão unânime do Tribunal Militar fosse executada, isto é, pedir a Washington provas de posse do governo americano
    .
    6. Noventa por cento do Tribunal de Nuremberg era composto por pessoas parciais, que apoiaram a causa da promotoria, fosse por motivos políticos ou raciais.

    7. É evidente que a promotoria soube como preencher todos os cargos administrativos do Tribunal Militar com “ americanos “ cujos certificados de naturalização eram realmente muito recentes, e que, quer no serviço administrativo ou por suas traduções, etc., criaram um clima hostil para as pessoas acusadas.

    8. O verdadeiro objetivo dos julgamentos de Nuremberg foi o de mostrar aos alemães os crimes do seu Fuhrer, e essa finalidade foi, ao mesmo tempo o pretexto sobre o qual os julgamentos foram ordenados . Mas o único fato mostrado aos alemães foi que eles tinham caído em mãos de conquistadores brutais e empedernidos.

    Se eu tivesse sabido com antecedência do que estava acontecendo em Nuremberg eu jamais teria ido lá”
    Quando alguém perguntou por que o Juiz Justice Wenersturm não queria que suas declarações fossem publicadas antes de ele chegar os Estados Unidos?, responde mais ou menos como um jornalista inglês observou, astutamente: “Justice Wenerstunm sabia muito bem que os acidentes aéreos são até bem freqüentes na aviação civil americana”.

    No item 3 acima há algo semelhante com o que diz alguns órgãos da nossa mídia sobre ambição e vingança ?

    Nos itens 4 e 5 há semelhança sobre não pedido as provas junto à polícia federal , ao Banco do Brasil e à Visanet ?

    No item 6 acima há similitude entre aqueles noventa e cinco por cento e a nossa grande mídia? Esta acha que pobre só pode subir na vida se for em camburão da polícia.

    No item 8 o que se deseja mostrar no julgamento do mensalão são os “crimes” do PT e chegar à Lula. Afinal de contas como pode um partido de trabalhadores dá um chega prá lá na elite deste pais e continuar insistindo que trabalhadores devem “subir na vida” . O negócio é desmoralizar, acabar com a auto estima dessa raça e fazê-la voltar às suas origens, ou seja, “volte para a base da pirâmide, pois, lá é o seu lugar. Vocês são uns fedidos e aqui no alto é lugar somente para a massa cheirosa.”

    • gostei Valdir………….afinal a história sempre foi escrita pelos vencedores…….olha eu sempre fui amante de filmes de guerra, e passei a desgostar daqueles filmes onde os norteamericanos se fazem de bonzinhos e libertadores.

      • Sobre o julgamento de Nuremberg a análise está certíssima, mas vinculá-lo ao julgamento do mensalão é faccioso.
        Os réus do mensalão tiveram amplo direito à defesa com a agravante de que alguns ministros se posicionaram francamente a favor dos reus principais.
        A opinião de Dalmo pode se revestir de importância dado o renome de quem a emitiu, mas permanece o que é na sua essência; mera opinião.

        • Desde quando alguns ministros se posicionarem “francamente a favor dos réus” é “agravante”? Só aí você desnuda sua opinião. Isso é fascismo. Vocês não podem passar.

          • pois é Eduardo, você não admite trollagens aqui mais… mas o comentário acima do “Kasparzinho” mostra bem a linha cínica do pensamento dos trolls…

          • Um juiz que se revela parcial durante um julgamente não é grave mas gravíssimo.
            Um juiz que tenha tido vínculos com o réu deve se posicionar impedido em julgá-lo ( Tofolli)
            Um juiz que se comporta como se fosse auxiliar da defesa ( Lewandowski) deve ser censurado pelo colegiado.
            Fascismo ? Ora senhor, ofender-me não muda os fatos.

  • Se fosse contra o PT, os medíocres da justiça paulista enviariam o processo já concluído como culpados, o STF marcaria o julgamento para próximo da eleição e os hipócritas da indignação seletiva, tipo os Décios e Ramizas da vida, já estariam pedindo pena de morte para os envolvidos e deportação até do cachorrinho de estimação, mais como é com os tucanos, tudo tem que ser apurado com muuuuiiita calma, tipo o mensalão Tucano.

  • “Nos Estados Unidos – de onde é copiado nosso sistema judicial –, os partidos que se revezam no poder indicam juízes claramente identificados consigo, em uma disputa que chega a ser contabilizada publicamente.”

    No Brasil, no entanto, corre-se o risco de se fazer a indicação e o indicado se mostrar aos depois um déspota.

  • A cafetina do bordel da cidade (Bob jefferson)

    acaba de adentrar a sala , Magna, da faculdade de direito (STF)

    e MINISTRAR uma introduçao á AULA DE ETICA aos professores ( Que é pra te’ bom senso’ ao banir o Caixa 2 que vai entrar em julgamento)

    E
    VOCES PENSAM que ja viram tudo nessa vida!

      • Carlos…

        Poder-se-ia dizer que, os Ministros nomeados por petistas não foram fiéis, maaaas só que não.

        Na verdade, eles, os Ministros, foram fiéis. Só que foram fiéis à classe, posto que, todos são da elite, figuram no topo da pirâmide social e lutam desbragadamente para manter o próprio status.

        • Juiz não tem que ser fiel. Tem que julgar pelo seu convencimento firmado na lei.
          Barbosa não fez isso. Toffoli (MEO DEOS. Nunca foi magistrado!!!) e Levandowski também não.
          Tribunal de m….

  • A verdade de João Paulo encara as mentiras de JB

    http://www.brasil247.com/pt/247/poder/123623/A-verdade-de-Jo%C3%A3o-Paulo-encara-as-mentiras-de-JB.htm

    Esta notícia do 247 tem um resumo de algumas mentiras do JB desmascaradas pela revista “A verdade, nada mais que a verdade” lançada pelo deputado João Paulo cunha e um link para baixar essa publicação no formato PDF.

    Acho uma leitura imprecindível para quem quer compreender melhor as mentiras, ocultação de provas e as arbitrariedades cometidas pelo psicopata do STF em sua busca por uma candidatura política.

    É de dar nojo ver como um inescrupuloso oportunista pode escarnecer da justiça e pisotear sobre as leis com o apoio da máfia midiática.

      • Hummm… Deixe-me ver… Acho que a palavra mais correta seria oportunista.

        Nove oportunistas.

        O cavalo já estava encilhado, então… Por que não montá-lo?

      • Não. Psicopata do STF é o JB. Os demais são pessoas com o RABO PRESO. A afirmação foi em tom jocoso, não sou psicólogo então não se trata proópriamente de um diagnóstico, apenas uma opinião pessoal, mas com argumentos que posso expor se for o caso de debater as razões que me levaram a formar essa opinião.

        Enfim, o que me leva a ter a opinião de que o JB sofre de psicopatia é o seu comportamento. Identifico nele as características de um psicopata, mas ainda assim é só opinião. Psicopata do STF é um apelido. Poderia chamá-lo de Luis XV do STF, Ministro-Sol, tirano de aldeia togado ou outros apelidos igualmente divertidos e que servem apenas para florear um pouco o texto.

  • Porque não fazemos igual ao país modelo do PIG? Nos EUA o presidente pode a qualquer momento destituir qualquer ministro do supremo. Ou reduzir o mandato para 5 anos.

  • Diante de injustiças é possível compreender o povo de algumas nações que partem para o desespero e partem para a violência. Depois de tanta dialética, só sobra como resultado o vazio das palavras ao vento.

    • Carlos Roberto Bezerra, a nossa resposta não pode ser “uma quimera” como o leviano fux fez conosco ao dar seu depoimento em plenária. Sob a luz dos holofotes empolgado consigo mesmo, votando ao lado dessa figura nefasta que é o seu “chefe”.Esssa farsa que foi o julgamento tem de ser denunciada, cantada em prosa e verso por nós todos os dias ,até que se reverta essa impostura que querem enfiar “goela abaixo” dos cidadãos que se prezam.Um grande abraço a todos os que comungam por um Brasil cada vez melhor.

  • Hoje, Miguel do Rosário chamou a atenção para a deposição da governadora do Rio Grande do Norte. Ela foi deposta por ter, segundo o STE , usado avião ou helicóptero para ajudar na eleição da atual prefeita de Mossoró. Bom, o governador do RJ usou helicóptero para levar a família nos fins de semana para sua casa de veraneio. A questão não está nas acusações (podem ser graves e tal), mas a forma do afastamento. O STE está mais uma vez judicializando a política. A lei diz que cabe às câmaras legislativas o processo e a votação para afastamento de ocupantes eleitos pelo voto popular. Então, a governadora é a figura escolhida, tal como foi o Donadon (esse foi julgado tendo direito a recursos em várias estâncias) para ser a bola da vez. Quem será o próximo alvo da arbitrariedade judicial? E o ano que vem? Está começando a ficar estranho de novo. E apenas para discordar do Jurgen, não reconheço inteligência no JB, mas muita truculência, muita ambição e as costas largas (quem o protege de fato?, não sei dizer). A Globo? Não. FSP? Não. As Forças Armadas? Não. Tal qual em 1964, juntas estão no papel de testas-de-ferro de corporações financeiras, um ou dois Estados-Nações muito fortes do ponto de vista de armamento (nem é necessário adivinhar). Mas, se tudo ruir, todas vão juntas para o mesmo buraco. De uma certa forma, já estão indo, a oposição toda não consegue ter legitimidade que a sustente.

    • Corrigindo, a governadora foi afastada pelo TRE do estado, por ter utilizado avião oficial em campanha de sua candidata à prefeitura de Mossoró. O mau sinal é o mesmo, o STF seguido de outros tribunais judicializando a política.

    • E o que dizer da recente peregrinação de Dilma para ver o Papa em hotel de luxo total, com sua enorme comitiva de vagabundos pagos por nós??
      E a comitiva de ex-presidentes que foi de Aerolula pro enterro do Mandela?? Ora Lula, fernando I e fernando II que PAGUEM suas viagens.
      Desperdicio é pouco. Não há solução.

  • “Juristas” ou “especialistas” sempre existem lara defender qualquer posição.
    Devemos considerá-los, com cuidado.
    A minha impressão sobre a quebra de paradigma ou exceção feita pelo stf é a mesma da maioria de vocês. Pergunto: Como poderíamos fazer a coisa andar, não fosse assim?
    Precisamos de leis melhores, bons tribunais, combater a corrupção e blablabla. sim, mas pra quando?
    Entendo a irresignação dos condenados, afinal “todo mundo sempre fez isso”.
    Mas uma hora tinha que mudar.
    Que toda a estabanação sirva para e expandir a ação e fazer com que todos os caixas 2, futuros pc farias, delubio, Collor, Fhc lula e dilma sejma presos como os “mensaleiros”.
    Que presidentes perdulários nos devolvam a grana.
    Corrupto não tem partido. Corrupto que foi guerrilheiro de araque, que foi exilado ou foi estudante revoltado e desmiolado é igual aos janotinhas playboys. Passado é passado.
    Pena que a expectativa de isso ocorra seja ZERO.

  • …-temer a verdade,é indubitavelmente ter cumplicidade com a mentira….tratar atos comprovadamentes vergonhosos e que depõem contra a legitimidade da imparcialidade dos nossos intérpretes maiores da constitucionalidade ou não das nossas leis…a priore,em referencia ao sacrificio da missa,em favor do “tucanato”,a esta altura dos acontecimentos,nos induz imaginar uma igreja satânica ,tendo como grandes sacerdotes os nossos respeitáveis ministros do supremo…sumo pontífice,o presidente ,a quem toda a nação brasileira o tem ovacionado como um exemplo a ser seguido…-quanto ao segredo de justiça , ja não se faz nescessário quando todo o mundo ja tem conhecimento dos fatos comprobatórios até para os leigos…-a flagrante parcialidade dos nossos ministros,se comprovadas, é a omissão á justa interpretação das leis,impedimento maior para que se faça justiça…-com a palavra os ministérios a quem afeta diretamente tais procederes e que acredito averiguarão as veracidades ou não de tais acusações…-Goethe-Br.

  • Os caciques do PSDB criaram toda a sujeira que hoje existe na politica braqsileira,mensalao,reeleiçao
    propinoduto e outras tantas logísticas de trambiquesincomfessaveis , O Valerio, e outros idiotas pagaram as
    contas dos crimes que os bocas mole vcometeram,,acredito que um bom lugar para envia-los paraq comprir pena seria a ROMENIA,lá e que e a terra do Cd.Dracula a quem eles devem obediência eterna.
    se o Brasil se livrar de Aécio Neves,Jose Serra,Geraldo Alkimin e os dois Aluizios,terá uma possibilidade de
    swobrevivencia.

Deixe uma resposta