FHC perde de Lula por 3 a 2

Crônica

Saiu ontem (sábado) na coluna de Mônica Bergamo, a colunista de fofocas do caderno de (maiores) inutilidades da Folha de São Paulo:

—–

FOLHA DE SÃO PAULO

16 de abril de 2011

Mônica Bergamo

TERCEIRO ROUND

Fernando Henrique Cardoso volta a disparar. Em entrevista ao jornalista Alexandre Machado em seu programa “Começando o Dia”, que estreia na rádio Cultura FM, na segunda, desafia Lula para disputar uma eleição contra ele. Diz que o petista, “lá de Londres, refestelado em sua vocação nova [de palestrante]”, se “dá o direito de gozar” de FHC. “Ele se esquece que eu o derrotei duas vezes. Quem sabe ele queira uma terceira. Eu topo.”

—–

Após cometer a pérola sobre ser necessário que o PSDB desse uma banana para o povão como “estratégia” para chegar ao poder, Fernando Henrique Cardoso mostra um alheamento da realidade que permite inferir que pode estar senil, apesar de não aparentar 79 anos.

Primeiro, porque não é Lula que teria que topar enfrentá-lo em uma nova eleição presidencial. E a questão não é o petista querer ou não, mas o partido do próprio FHC, que trata de escondê-lo a cada eleição desde 2002, aceitar lançá-lo candidato a qualquer coisa.

E você, leitor, se for fã de FHC, não brigue comigo ou com o PSDB, mas com os 76% do eleitorado que repudiam o ex-presidente apesar de todo esforço (diário) que a mídia faz há quase uma década tentando ressuscitar essa múmia política.

Aliás, a senilidade fernandina está em estágio tão adiantado que ele perdeu a capacidade de contar. Ele não venceu Lula, perdeu dele, se formos fazer as contas.

Mesmo tendo vencido as eleições de 1994 e 1998 graças, não a si mesmo, mas ao poder que a mídia tinha de hipnotizar o eleitorado – poder que não pertence mais a ela –, não conseguiu fazer seu sucessor em 2002 – e Lula fez a dele em 2010 – e foi escondido pelo próprio partido nas três eleições presidenciais do século XXI.

Ou seja: são duas vitórias ilegítimas (porque vencidas com ajuda de um “juiz” ladrão, a mídia) contra três vitórias legítimas do adversário, que descobriu como anular a influência dos que (ainda) se pretendem árbitros eleitorais.

Dizem que, ao envelhecer, corremos o risco de nossas mentes retrocederem à infância. O comportamento juvenil (no mau sentido) de um ex-presidente da República cheio de títulos, que transforma a política em disputa colegial, comprova a tese.

98 comments

  • Por favor, não confunda comportamento juvenil com imbecilidade. Tampouco, permita virem dele desculpas, já que ele conseguiu ser imbecil muito antes sequer de poder alegar senilidade.

    Hoje o problema dele é recorrência mesmo, precisa ficar repetindo as asneiras do passado, como que se assim fazendo, resolvesse a triste sina de ter de carregar seu passado de desgoverno. A senilidade é tal que não aprendeu que, uma vez, acertou como proceder corretamente, pedindo para que o esquecessem; não o fez e não o fará por que, o fantasma de seus erros são maiores que as qualidades que busca pregar.

    O PIG o ajuda e o ajudará até sua morte, não a política, já que nesta última, ele já cometeu suicídio.

  • “São poucos os políticos que sabem fazer política. Mas, quando um intelectual
    tenta entrar nesse meio, então é o fim do mundo.” [Jorge Luis Borges]
    FHC foi péssimo como administrador, pediu para esquecer o que escreveu e agora não gosta do povão. Muito cartaz para um fariseu sem sinédrio.

  • Não to dizendo que FHC quando abre a boca acaba involuntariamente virando cabo eleitoral de Lula???

    As probablildades de Lula devolver a pérola a FHC dando um de cruzado bem dado, são infinitas. FHC é um péssimo político e acaba entrando em armadilhas porque não consegue amansar o ego e assim acaba oferecendo ao adversário Lula que não é bobo nem nada, uma cela pra ser montado.

    Estou só no aguardo da resposta de Lula, que certamente virá a galope. Nem eu que sou bobo dispensaria uma montaria dessa,hehe.

    Abçssssssssss Edu.

  • Parece que o FHC com o apoio da sua midia patronal e conservadora vai conseguindo seu intento, voltar a ribalta. Acho que ele não merece tantas luzes, e o nosso presidente Lula perder tempo com esse Sr. só atende ao interesse dessa midia, que promove um duelinho inutil para promover seu lider politico preferencial.

  • Esse fhc sofre de “complexo de vira-latas”, pois não pode ver um ex-metalúrgico ser mais famoso que ele.Por isso aconselho o velho fhc a mudar de país, ou de mundo. Vai ser quinta coluna lá nos quinto dos inferno sô????

  • É muito simples:
    O fhc espera a Dilma terminar seu mandato e depois espera mais quatro anos porque ela vai ser reeleita.
    Depois ele disputa a candidatura com quem sobrar no seu partido e tenta a sorte disputando a presidência com o Lula.
    Em política às vezes é necessário ter paciência e respeitar o jogo democrático.

  • Edu, te assisti ontem pela net no Encontro. Vc. é muito inteligente cara. Aquela postagem do Nassif foi na mosca. Adoro sue blog. Obrigado por fazer pra gente mesmo com todos os teus problemas. Beijos

    • bondade sua. Aliás, eu digo sempre que eu deveria pagar aos leitores – sem este blog, com os meus problemas que você citou, já teria pirado. Obrigado por me ler.

  • Quando FHC disse ” povão “, de maneira pejorativa e preconceituosa, ele apenas expõe o que realmente pensa do trabalhador mais humilde. Aliás, este é o pensamento difundido pela mídia que rotula aquele cidadão mais humilde, admirador do governo Lula, como um ignorante, dependente do bolsa-família e outras bobagens, como se a classe média, dita esclarecida, não votasse pelos seus interesses.
    O que não podemos ignorar é o alvo daquele artigo infeliz, que é a nova classe média, a classe C, que não é politizada e na condição de classe social emergente não ficará eternamente agradecida ao Lula e Dilma pela sua ascensão. Portanto, descuidar das demandas, como por exemplo, diminuição dos impostos, seria um risco enorme de repetirmos o que aconteceu no Chile, onde o governo de centro-esquerda Bachelet, com grande popularidade, não fez o sucessor.

    • Gostei e pactuo de sua análise Vilela. É o que tenho dito já faz um tempo. O texto sobre “Lulismo x petismo” aborda uma tese sobre isso. Nós temos que ficar muito atentos à nova classe C surgida com as melhorias do Governo do PT. Se não lidarmos com ela, corremos mesmo o risco de um Berlusconi tupiniquim. Abraços,

  • Edu quem realmente é um produto da mídia é Lula, durante os anos 80-90 não ouve um mês que lula não estivesse na mídia, pq sempre se achava uma forma de colocá-lo na mídia.
    Com a superexposição de uma figura medíocre criou-se um mito, que como deputado federal não fez nada e como presidente soube ser apenas um engenheiro de obras prontas.

    • Ai meu Jesuzinho!

      A midia apenas massacrou Lula todos os dias e dizer que ele é medíocre?????
      Ele deixou a presidencia com uma avaliação maravilhosa e é respeitado no mundo inteiro.

      Sabe Aliança ,tenho vergonha de existirem brasileiros como vc.

    • O Lula estava na mídia nas décadas de 80 e 90? Ah, sim, estava… e 80% das vezes como um analfabeto radical, intransigente, ultrapassado, etc como era todo o PT tratado à época.

      E os 20% restantes, nos quais ele era tratado como político sério, se deviam ao fato dele ser o único concorrente de Brizola, a quem a grande mídia detestava e temia ainda mais do que odeia Lula.

      Enquanto isso, os tucanos e o PFL eram tratados como salvadores da pátria, progressistas, a esperança da modernidade.

      Precisamos passar pelo desgoverno tucano pra muita gente perceber que não era nada disso, muito pelo contrário.

    • Os PSDBêbados tem inveja de um torneiro mecânico que soube ser muito mais que eles no plano internacional. Sem diploma e escritos fajutos (palavras do próprio autor).
      Os PSDBêbados adoram a posição de subordinados dos estrangeiros, lambe botas, por isso não conseguem dormir com a capacidade alheia. Não vote no Lula, mas, o faria agora.
      Os PSDBêbados desorientados procuram de todas as maneiras achar um caminho, porém, não o encontrarão porque seu modelo político e econômico está desmoronando mundo afora.

    • Lula na mídia nos tempos brabos do renascimento do sindicalismo não foi arranjo de interesses. Não havia como escondê-lo. E isso já é história.
      Lula como deputado federal fez algo q muitos pensavam mas ninguém teve coragem de externar: a maioria das casa legislativas é composta por picaretas. Picaretas com os quais teve que, pragmaticamente, governar o país.
      Quanto ao mais, sai da tua zona de conforto e percorre este país: vc vai ver um povo que reaprendeu a acreditar q podemos ser o q sempre nos disseram ser impossível.

    • A Refinaria Abreu e Lima era uma obra pronta? A Transposição do Rio São Francisco era uma obra pronta? A Ferrovia Transnordestina era uma obra pronta? A duplicação da BR101 era uma obra pronta? O novo estaleiro do Rio de Janeiro era uma obra pronta? Neobabaca.

    • Dona Aliança, onde a senhora morava nesses anos? O Lula sempre foi desancado pelos bacanas e sua mídia gorda. Lembro durante a campanha em que ele acabou eleito em 2002, uns bacanas conversando no caro restaurante todos desprezando ironicamente o Lula que não sabia falar nem português quanto mais o indispensável (?!) inglês. Presidir já era dificil para sábios diplomados quanto mais pra um ignorante que falava “menas”. A esperança (?!) era que o país sofresse o bastante para afastar o PT & sua corja para sempre do poder. Como o resultado é história recente, poupo-me de ser, como o insistente FHC e suas Alianças decadentes, recorrente.

    • aliancaliberal

      17/04/2011 • 13:04

      Você deve ser um dos que batem palmas para as asneiras que Cerra vomita.
      Relaxe que a dor de cotovelo passa, mas se você continuar esperneando, vai ter que procurar ajuda psicológica.

  • O comentário do Ary Nunes define bem o quadro: FHC é um mau político, que mal e mal se comunica com o povo. Para ganhar as eleições que faturou, de forma vergonhosa, montou a cavalo sobre o PIG, aparelhado desde o exterior. As “vitórias” de FHC servirão de lição para que nunca mais se permita repetí-las, uma delas à custa de um estelionato eleitoral, regado à compra de reeleição via Congresso. FHC, ao falar, reitera o que sempre foi: líder de proveta “made in VEJA”. Quem não se lembra do quase desespero com que temia que o Lula se candidatasse pela terceira vez? Só falava numa tal alternância, que na cabeça dele só vale para opositores e implica em troca de partido, desde que se ponha um tucano no lugar (de preferência ele mesmo), ainda que o da situação faça um excelente governo. A verborréia de FHC, desconexa e ridícula, demonstra o porque do tipo de administração suicida a que conduziu o país, assessorado por José Serra e o PSDB-DEM. Trata-se de um fanfarrão que seria digno de pena, se não tivesse levado milhares de pais de família ao desespero em seu governo entreguista e desempregador. Se tem tanta certeza, porque, então, não desafiou o Lula a concorrer a um terceiro mandato, tendo ele, FHC, como opositor alternativo?

  • Quem manobrava o FHC era a esposa .
    com morte a dela ele perdeu o rumo de vez.
    quem sabe a irma do Aécio adota ele ,assim passara a comandar os dois .

  • O orgulho, a vaidade e o egoísmo desse senhor obscurecem a sua inteligência.

    Um grande abraço, Edu. Continue nos brindando com seus excelentes textos.

  • Se existe uma pessoa no mundo de hoje que morta eu dançaria em frente ao caixão dele, essa pessa é o Farol de Alexandria, também apelidado por mim de Boca Mole. Esse maldito desgraçado acabou com a minha família não uma, mas duas vezes, Eduardo e, ainda abre a boca mole pra cuspir merda . Perdoe-me pelo desabafo, Edu, mas eu tenho verdadeiro ódio desses tucanos, pois eles fizeram muito mais do quebrar o Brasil, eles colocaram a estima do brasileiro no chão, eu incluso.
    Fui eleitora desse caricatura de gente e, minha raiva maior, foi que ele roubou minhas esperanças por muito tempo e, isso doeu muito mais do que a perda do meu poder aquisitivo. Fico danada da vida quando alguém me trai e foi assim que me senti durante o governo tucano do Boca Mole.

    • Você não está só!
      Só para dar um, somente um, exemplo.
      Todos os trabalhadores do Brasil, INDEPENDENTEMENTE DE ESTAREM OU NÃO APOSENTADOS, se sentiram traídos, desrespeitados e menosprezados quando este crápula desleal chamou os aposentados de vagabundos.
      Todos os trabalhadores que se aposentam é porque cumpriram seu tempo, seu dever e as exigências da lei para que tal aconteça.
      É… os canalhas também envelhecem…

  • O engraçado seria escolher o que é melhor par o Brasil em uma aposta!!!!! Isso mostrar o tipo de presidente que tivermos, em vez de mostrar argumentos que pode fazer melhor para o Brasil (que Lula) fica parecendo torcedor de time que já faz dez anos que não ganha campeonato. Ficou parecendo torcedor e analista de futebol em porta de bar!!!!

  • Que FHC atirou na própria língua, é fato, basta ver a reação da mídia demotucana tentando salvá-lo de todas as maneiras, mudam o sentido da palavra “povão” usada tão claramente por FHC, dizem agora que ele não quis dizer o que disse, ou seja, não tem nem a humildade de reconhecer que no mínimo não soube se expressar, mas o fato é que a máscara de FHC e da oposição PSDB/DEM caiu de forma clara, escancarando o que à tempos sabemos sobre o pensamento neoliberal destes, que o “povão” é um problema para o Brasil, então eles focam na classe média…
    Mas a mídia já viu que será difícil salvar FHC desta infeliz e tão sincera declaração, basta ver o que um dos cães de guarda do PIG escreve:

    Considerando-se o suor que derrama para convencer que não quis dizer o que todo mundo diz que ele disse, FHC logo repetirá a fatídica frase que jura jamais ter dito:
    “Esqueçam o que escrevi”. (Josias de Souza).

    Vê-se literalmente que FHC encheu o “saco” até mesmo de seus pares neoliberais..

  • este infantilismo de FHC parece patológico.
    Não lhe basta ter atrasado a vida de quase a totalidade da população brasileira nos seus ultimos seis anos de desgoverno, quebrado o país três vezes, ser execrado por 3/4 da população. Escarnecer dos não-elite, chama-los de vagabundos, caipiras…

    O fato é que apesar de nos incomodar as sandices que esta criatura emite via oral ou escrita, elas são muito úteis para demarcar os campos de disputa política em que nos encontramos. O lado dele X o lado de Lula. Até aqui o povo não tem tido dúvidas. E olha que não é abobrinha o resistir à catilinária diária de jornais, rádios e tvs Brasil afora falando mal de Lula e do governo PT/PMDB – talvez não tenha efeito porque estamos todos cuidando de trabalhar, estudar, crescer… coisa a que não se tinha o direito durante os anos FHC.

    Deixa o ex-presidente dos demotucanos falar à vontade. Isso só faz o povão das classes média-média pra baixo lembrar o tempo de dificuldades insuperáveis que passamos, os anos que perdemos em nossas vidas e de quem não podemos nada cobrar. Só “agradecer” no momento do voto anti-FHC/PSDB/DEMO/PSD e congêneres. Para sempre! Vade retro, FHC

    abração, Edu. Muita saúde pra todos da família 🙂

    • Excelente comentário. É ótimo que fhc tenha seus pensamentos publicados amiúde. Serve sempre para que não seja esquecido. Quando a mídia ataca Lula e Dilma com falsidades e ilações, a lembrança dos tempos de fhc traz as comparações que eliminam qualquer dúvida de quem deve governar.

  • Foi o povo que escolheu FHC , depois escolheu LULA e agora DILMA . Isso é democracia vamos parar de achar que a imprensa é culpada de tudo , vamos reconhecer que FHC grande importancia sim com seus erros e acertos. LULA é o cara foi otimo Presidente , DILMA tem tudo pra ser melhor ainda. Vamos parar de pegar no pé do FHC

    • “Parar de pegar no pé de FHC”???
      Como assim? Parar de criticar as besteiras que ele diz? Parar de expor o mal que ele fez, ainda faz e pode continuar fazendo?

      Como assim parar de “pegar no pé”? Ninguém aqui pega no pé da múmia. Aliás, acho que a maioria aqui teria uma reação alérgica caso o fizesse.

      Quem tem que parar de puxar o saco do FHC é a grande imprensa, louca pra impô-lo como “grande líder” da direita acéfala, como “símbolo da modernidade e da ética” e outras tantas coisas…

    • Esse negócio de respeitar o que o povo escolheu vale principalmente quando o escolhido não é acossado ao suicídio, como Getúlio Vargas; ameaçado por capitães golpistas da aeronáutica, como Juscelino; eleito por voto e derrubado pela força das armas, como Jango; e para lamentar os anos em que perdemos nossos votos por mudanças na Constituição constantemente rasgada pelos milicos de plantão. Aliás o problema do Fernando II não é de pé preso, é de lingua solta em boca frouxa. Com mídia gorda cúmplice tocando bumbo.

    • Eu jamais iria pegar no pé do FHC, até porque não suportaria o chulé.

      Mas diga-me, por que o FHC não pode ser criticado???

      Parece-me que os tucanos não admitem a menor crítica. Falam o que querem (sempre mentiras) e se recusam a escutar o que não querem…

  • Edu,
    fala sério, FHC está sendo inconveniente, chega de tanta inveja do Lula.
    Os prêmios que Lula tem recebido no exterior tem provocado muito ódio no “PRÍNCIPE”

  • FHC, como sempre, apoiado pela grande midia, tenta sobreviver politicamente criando frases jocosas sem nenhum respaldo na realidade, porém, sempre amplificada pela imprensa a seu serviço e as fileiras reacionárias que o acompanham.O resultado dessa eleição podemos analisar pela aceitação que ambos deixaram o cargo: FHC 26% Lula 87%!..

    • Se fosse uma dúzia pedindo a queda do socialismo de Cuba, aí sim apareceria na imprensa brasileira.

      Mas como é a imensa e esmagadora maioria cubana celebrando o socialismo como sua escolha soberana, e festejando Fidel e cia, a mídia faz de conta que não vê.

      Afinal, fica difícil olhar pra aquele monte de gente feliz de estar ali e dizer que Fidel é um “ditador sanguinário”. então, eles nem tentam e escondem a verdade ao máximo pra não afugentar os papagaios…

  • A soberba e a inveja lhe corroem o íntimo(de fhc) >Ele não suporta ver o Lula, após deixar o governo com altos índices de aprovação(o contrário dele) dar palestras pelo mundo e receber homenagens por aí a fora.Como pode um retirante Nordestino sem diploma universitário ter tudo isso e eu, um homem de letras, poliglota não? O governo de fhc(minúsculo mesmo) foi submisso aos interesses da elite local(do País) e aos dos países centrais(Eua-Europa-Japão), promovendo aquilo que se chama de MODERNIZAÇAO CONSERVADORA.Isso já ocorreu várias vezes no nosso brasil.Como exemplo no império e na República velha(governavam só para as elites), Tendo como resultado a mais tardia libertação dos escravos das américas e uma industrialização tardia> O que nos salvou foi a REVOLUÇAO DE 1930 já que perdemos 41 anos (1889-1930) sob a dominação da POLÍTICA CAFÉ COM LEITE. Nossa modernização e inclusão no século XX só ocorreu após 1930(Era vargas)mudanças ESTRUTURAIS e SUPERESTRUTURAIS(trabalhistas,para mulheres,na educação)>Tivemos uma segunda era revolucionária no PERIODO JK com muitas mudanças estruturais (siderurgia-automobilística-rodovias etc)e após um longo hiato desenvolvimentista obtivemos a ERA LULA com MODERNIZAÇAO COM INCLUSAO, incorporando inúmeros segmentos populacionais que antes eram invisíveis aos governantes e ao mesmo tempo recuperando a capacidade financeira e de investimento do Brasil. FHC tentou destruir o legado de Vargas (nacionalismo e as estatais) entegando muitas empresas públicas a preço vil e desempregando milhares de pais de familia, e o que ele deixou pra nós? Só um país quebrado e pendurado no FMI e é isso que ele teme: O JULGAMENTO DA HISTÓRIA, apesar do PIG vagabundo jogar sempre ao lado desse infeliz….

  • O FHH escolheu o LULA como o seu alter ego.
    Em sua cadência arrastada rumo ao ostracismo político e ao esquecimento inexorável, somente a permanente lembrança do triunfante LULA propicia-lhe algum oxigênio.
    Parasita, FHH vive à custa do Presidente LULA.

  • “Não existe vaidade inteligente.” ( Louis-Ferdinand Céline ).

    FHC é uma besta falante.

    Não sei como ainda em público depois de tudo que v. bem lembrou.

    Não passa de um incompetente, cínico e invejoso.

    Pior que o Salieri, que, consta, ao menos, que tinha um mínimo de talento.

    Além do mais é um Joaquim Silvério dos Reis, como o grande Barbosa Lima Sobrinho gostava de chamá-lo.

  • Li o artigo de Fernando Henrique na integra e não encontrei a tal perola que o senhor fala, entâo por favor esclareça em que parte do artigo FHC manda o PSDB dar uma banana ao povão.
    É provavel que o senhor esteja se referindo ao paragrafo onde Fernando Henrique diz que é inútil ao partido disputar o povão com o PT porque o partido de Lula manipulou os sindicatos e os movimentos sociais. A saída (para ganhar o povão) seria usar com criatividade área da comunicação virtual.
    Como o senhor não é nenhum burro ou analfabeto funcional em português, acredito que só pode ser proselitismo petista.
    O senhor afirma que segundo pesquisa, FHC tem 76% de rejeição do eleitorado brasileiro mas não cita a fonte. Se observarmos a ultima eleição presidencial veremos que 60 milhões de eleitores não votaram na candidata de Lula,ou seja, Dilma não ganhou de lavada. Isso faz supor que há um enorme contingente de eleitores imunes ao populismo de Lula.
    Uma eventual disputa presidencial entre FHC e Lula levaria o lulopetismo à loucura pois todos sabem que o unico adversario de peso para Lula seria FHC.

    • Nem o próprio PSDB acreditou que o FHC era o “único oponente de peso” contra Lula.

      Mas vc, papagaiando o jênio, acha que sim.

      Sabe do que se chama aqueles que acreditam em algo que não pode ser provado, e que tudo indica ser falso?

      De fanáticos. No seu caso, tucano fanático. Caso perdido, mesmo.

      Quanto à banana ao povão, se vc não encontrou isso no texto do FHC, é pq não quis encontrar. Tanto tá lá que teve muita gente do próprio tucanato que não gostou nem um pouco da idéia.

  • Estou torcendo para que o “boca” não pare de dar entrevistas.
    Deixem o “boca” falar gente! Quanto mais ele fala mais se caga todo e o Lula cresce.
    Ele deve estar á beira da loucura. Imagine o nordestino dando entrevistas em Londres.
    Como diz 0 PHA: “ele é um gênio”

  • Acho que não precisamos exagerar para desmentir FHC.

    Em 1994 havia no conjunto da população um sentimento de verdadeiro alívio com o controle da inflação que massacrava o país desde os anos 70 cada vez mais descontrolada.

    A eleição de FHC em 1994 (a despeito da mídia) não pode ser considerada ilegítima. Por outro lado a de 1998 é imoral e “ilegal” de alto a baixo.

    Portanto está 3 x 1 pro Lula.

  • Pobrezinho do FHC… Perdeu a noção e já não é de hoje… Um triste fim para alguém que chegou aonde ele chegou e teve a importância que ele teve… Atualmente, o pior inimigo de FHC não é Lula, o PT ou a base de apoio ao governo; seu pior inimigo é a própria boca, que age em cumplicidade com sua mente senil, dando vazão a delírios teóricos como esse seu último panfleto ou às bobagens faraônicas que anda dizendo por aí… FHC está cheio de mágoa; o cotovelo lhe dói de forma atroz, ao perceber a importância de Lula, mesmo após ter deixado a presidência; ao ver que seu sucessor, mesmo sem ter a milionésima parte de suas láureas e títulos, é presença requisitada no mundo inteiro e vem sendo aplaudido e homenageado por onde passa… Pobre FHC; vai ter um final de vida cheio de frustração e terá de engolir o fato de que quando se for, pouquíssimos se lembrarão dele…

  • Edu,
    eu tenho uma teoria: FHC nunca ganhou uma eleição. Foi o plano Real (que eu apoio, aliás) que surrou o Lula duas vezes nas urnas. Fernando Henrique não ganha nem eleição de síndico, se depender de suas, digamos, qualidades políticas.

  • É louvável elite no sentido de elevação dos desejos para consciência. (do budismo). Transformação, Superação, metástase (JHS).
    Outro preceito é que quem se intui como elite sabe (sabedoria) ser vedada, ser incompatível a riqueza material. Diria riqueza material excessiva, consumo conspícuo. (Até Weber o dizia valorizando só o trabalho, trabalho, trabalho como agradável a Deus)

    Os que fraudam sua missão de elite, em síntese o servir eficaz a si e a sociedade, se sujeitam a sansão por praticar crime de lesa evolução (de si mesmo e dos outros) quando empregam para se locupletarem; os conhecimentos, informações, reflexões, meditações, o ter acesso aos poderes do uso do mental.

    “No limite da irresponsabilidade” lembramos. Causa da nossa banda larga privatizada 400% mais cara do que em outras economias também capitalistas.

    Traindo a filosofia do sentido da ética superior, muito mais grave quando para explorar egoisticamente com a eficácia da lógica, da ciência, da tecnologia, os mais vulneráveis. A invasão do Iraque como exemplo.
    Existem déspotas ignorantes e são menos imputáveis que os acadêmicos ou autodidatas ilustrados. Tudo para dramatizar esse embate transcendente entre FHC e Lula.

    Algo, alguém, um poder concentrado ou difuso. Deus ou LEI para alguns. Imaginário popular, uma corrente de pensamento, um consenso para outros; intuiu um “chão de fabrica” e este “foi aceitando” a missão. Latente como em todos nós, humilde foi sendo ‘iluminado” não para execrar a intelectualidade, o estudo, a elevação emocional e mental. Tanto que apóia como nunca escolas técnicas, ensino superior (PROUNI E PRONATEC).
    Tanto que escolheu Dilma. Está sendo um farol que foca a falsa elite. Esse foco estimula a criatividade por isso do acrônimo PIG

    Tinha que ter sido assim, uma cobrança paradigmática, impactante, transcendente, vindo de um do povo. Para que a tal elite se reconhece e se redimisse. Para que cessasse de adoecer.
    E cada um de nós quer que Dilma seja iluminada para que a meta seja atingida. “Um país rico é um país sem pobreza”

    Vivemos e somos agentes de um sincronismo. Se Nassif é atacado referimos que Gabriela do lado adversário foi tanto quanto também legalmente contratada. Desmonta-se o factóide, o testando hipóteses do PIG. A sua ilação maliciosa infamante do assassinato de reputações. O escore correto é de 3 a 2!!!

    O Brasil a America Latina virou o jogo. Daqui para frente é inexorável. O ponto vernal de um ciclo para outro foi ultrapassado.

    Ricardo Amorim, não o conheço ainda. Entretanto fiquei estimulado. Um consultor econômico sendo entrevistado na TV Câmara, a dizer – “O Brasil é um país condenado a dar certo”
    Que a Lei nos proporcione uma oposição/mercado/capitalismo á altura para dialogar. Contraditar o que seja em busca da síntese.
    (O dinheiro pertence a quem sabe usá-lo e não a quem o possui)

  • Como bom futebolista, Lula sabe muito bem que o boca de fole FHC, deixou uma bola fácil na boca da área, e que para qualquer lado que chute, pode fazer gol, até se chutar a bola fora!

    1 – Basta pedir ao PT que Lula consegue a sua indicação POR ACLAMAÇÃO a um novo mandato a presidente da república, coisa que o boca de fole FHC não consegue, NEM NA COZINHA DO FASANO (principalmente nela).

    2 – Se Lula quiser chutar a bola fora, basta pedir ao FHC que concorra contra qualquer “poste” do PT. Para Lula seria demérito concorrer contra qualquer quadro do PSDB. O MUNDO INTEIRO ACLAMA LULA E O RECONHECIMENTO DEMO-TUCANALHA É TOTALMENTE DISPENSÁVEL A ELE…AD ETERNUM!

    PROPOSTA SÉRIA AGORA: Vamos deixar de chamar o povo do PSDB de tucanos. O tucano é uma das mais belas aves brasileiras e não merecem essa vergonha. Então militante do PSDB é no máximo tucanalha!

    E o Povo do PFL, que se autodenominou democrata? por que os chamamo-los DEM? Eles são o Próprio DEMo!

    E o partido novo do Kassab que reune dissidentes do PFL e o que há de mais porco na política nacional, além do fato que em são Paulo estão coligados com o PCdoB (PASMEM)

    Então, o partido do Kassab tem que ser chamado de “PFL do B”

  • Edu ,mais uma dos tucanos ,depois falam de Lula:

    Viomundo – O que você não vê na mídia Viomundo – O que você não vê na mídia
    rss sobre o site fale comigo
    twitter
    facebook
    linked in
    stumble upon

    * inicial
    * denúncias
    * política
    * entrevistas
    * opinião do blog
    * você escreve
    * rádio
    * tv

    Humor
    e-mail Imprimir comentar
    17 de abril de 2011 às 16:38
    Aécio Neves se recusa a fazer teste do bafômetro

    Dicas de Stanley Burburinho e Gustavo Pamplona

    Aécio Neves tem habilitação apreendida em blitz da Lei Seca no Rio

    Assessoria diz que senador não sabia que documento estava vencido.
    Tucano também se recusou a fazer teste do bafômetro, diz governo do Rio.

    por Bernardo Tabak, do G1 RJ

    O senador Aécio Neves (PSDB-MG) teve a carteira de habilitação apreendida por estar com o documento vencido e por se recusar a fazer o teste do bafômetro numa Operação Lei Seca na Avenida Bartolomeu Mitre, no Leblon, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Aécio foi parado na blitz na madrugada deste domingo (17). As informações são da Secretaria de Estado de Governo do Rio.

    De acordo com a Secretaria de Governo, Aécio Neves foi multado. O senador não teve o carro apreendido, pois apresentou um condutor habilitado, e foi liberado.

    A assessoria de imprensa de Aécio Neves informou que o senador não sabia que a carteira de habilitação estava vencida. De acordo com a assessoria, o tucano tinha saído da casa de amigos e voltava para sua residência, no Leblon, com a namorada.

    Ainda segundo a assessoria, os policiais reconheceram o senador e solicitaram a documentação, que foi imediatamente apresentada. Quando os policiais alertaram que a habilitação estava vencida, Aécio Neves disse que não sabia que estava vencida. A assessoria informou que um taxista habilitado conduziu o carro para a casa do senador.

    A recusa do teste de bafômetro é considerada uma infração gravíssima, representa 7 pontos na carteira e vale multa de R$ 957. Dirigir com a carteira de habilitação vencida também é uma infração gravíssima e representa 7 pontos. A multa de R$ 191,54.

    PS do Viomundo: Segundo Emir Sader, no Facebook, Aécio estava “procurando a nova classe média, que o FHC indicou”.

  • Eduardo!

    Concordo com as suas críticas a FHC.
    Lamentável, no entanto, o teu preconceito contra as pessoas idosas.
    Logo você.
    Lamentável e decepcionante.
    Perdestes um leitor e admirador.

    Paulo

  • FHC, lance-se pré-candidato a prefeito de SP hahaha! Você, que não tem medo do Lula, vai ter medo dos caciques do PSDB paulista? Do Serra? Ou, quando muito, da provável adversária Marta Suplicy? Vai fundo nessa, FHC! Ninguém melhor do que você pra defender seu legado. Até porque só você mesmo o defende!

    • Que nada Arthur. Aécio Neves e a grande maioria da imprensa do PLMG (partido do palácio da liberdade-MG) são FHC até debaixo d’água e SIM (acredite se quiser!) vivem elogiando ABERTAMENTE a pessoa invejosa e péssima administradora e ao DESgoverno do “boca” FHC.

      Muita atenção nisso. Eles estão com a mesma cantilena de sempre. Merdal Pereira e Miriam Leitão já falaram hoje na CBN sobre a “alta” da inflação, da necessidade de subir os juros, do “desgoverno” Dilma, do paradoxo BC x Fazenda… nada mudou no PIG. Nada… e NUNCA podemos subestimar o hiperpoder do PIG, onipresente, jornais, revistas, rádios e tvs, Brasil afora, mundo afora…

      E as fotos do écim com a cara torta na blitz? Não vi em nenhum jornal mineiro (só no ESQUERDOPATA e no AMIGOS DO PRESIDENTE LULA). E as fotos falam por si.

      A BANDNEWS-BH divulgou a nota oficial do senador dizendo que ele não foi solicitado a soprar o bafômetro – pelas fotos entende-se o porque…

  • Prezado Eduardo:Marco Tulio Cícero, nasceu em 106 A.C. e morreu em 44 A.c. vivendo, portanto, 62 anos. Enquanto isso o nosso ex está com79, segundo você disse no seu texto. Deus dê vida longa ao nosso ex.
    Apesar de ser um homem ” lido e culto” parece que não leu ou se esqueceu do velho Cícero quando fala de Saber envelhecer.Veja o diálogo entre Lélio e Catão.LELIO:Gostaríamos que, após a longa estrada que percorreste e que teremos de percorrer por nossa vez, nos descrevesse o lugar onde chegaste. CATÃO:Farei o melhor possivel Lélio.Com frequencia escutei os lamentos de pessoas de minha idade.Assim ouvi Gaio Salinator e Espúrio Albino, dois antigos cônsules de minha geração, queixarem-se amargamente de estarem privados dos prazeres sem os quais, supunham, a vida nada mais vale; ou, ainda, de serem agora negligenciados pelos mesmos que os honravam outrora. Escutando-os, eu tinha a impressão de que se enganavam de culpado. Será de fato a idade que devemos incriminar? Nesse caso eu tambem deveria padecer dos mesmos incovenientes, e, comigo todas as pessoas idosas.Ora, sei de muitos que vivem sua velhice sem jeremiadas, aceitam alegremente estar liberado da carne e são respeitados pelos que os cercam.É portanto ao caráter de cada um, e não à velhice propriamente , que devemos imputar todas essas lamentações. Os velhos inteligentes, agradáveis e divertidos suportam facilmente a velhice, ao passo que a acrimônia(estado em que é azedo), o temperamento triste e a rabugice são deploráveis em qualquer idade.

  • KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK! Que esse merda é um poço de medicridade, eu sempre soube, todavia, tenho que admitir que a “competência” de FHC em ser medíocre e invejoso consegue superar as minhas expectativas! Sejamos Juvenis : ele quer enfrentar Lula?! Estimando o total de votantes obrigatórios do país em 130 milhões, talvez, possamos pensar em um placar honroso para FHC(para ninguém dizer que eu sou malvado com os fascistas tucanos) : Que tal Lula : 129.999.9999 e 1 para FHC(o voto dele mesmo). Não seria tão ruim, os “gênios” midiáticos relinchariam seus editorais para comprovar que o resultado mostra a força eleitoral de FHC. É claro que há um grande impecilho para esse embate : Tenho certeza absoluta que o PSDB preferiria fechar(migrariam para o PSD de Kassab)a lançar o maior agouro eleitoral do planeta Terra como candidato. Só recordando novamente que FHC nunca ganhou de Lula, afinal suas duas vitórias foram ilegítimas, “ganhou”, em 94 e 98 com um juiz mais do que ladrão( a ditadura midiática que impediu que os que divergiam de FHC tivessem o direito de expressarem-se em meios de comunicação que exploram uma concessão pública, assim garantiram que o engodo neo-liberal do Plano Real – um imposição imperialista do Consenso de Washington, destinada a ajustar a América Latina à nova fase de exploração do capital – fôsse vendido à população como a “salvação da pátria”, a qual teve o seu verdadeiro caráter de desastre revelado pelos oito anos do desgoverno do tucano); já em 2002, 2006 e 2010, apesar do juiz continuar ladrão(e até aumentar suas trapaças)o desastre promovido pela burrice e entreguismo de FHC, como também a evolução política dos brasileiros)fizeram Lula triunfar, o que também deveu-se às qualidades pessoais de Lula(no caso da primeira eleição)e, nas duas seguintes, também à sua extraordinária competência administrativa,(na última, devemos também citar as qualidades de Dilma) que levou-o a transformar o Brasil numa potência, apesar de tantas forças trabalhando para impedí-lo, a tornar-se o maior Presidente de nossa História e a eleger uma sucessora que continua seu projeto político de inclusão e indpendência.

  • “são duas vitórias ilegítimas (porque vencidas com ajuda de um “juiz” ladrão, a mídia) contra três vitórias legítimas do adversário” Desde quando comecei a frequentar o blog (há uns 3 anos e pouco) pouca vezes vi uma afirmação tão desprovida de verdade e de razoabilidade, beirando a infantilidade.

    Parece aquela birguinha de crianças em que uma tenta convencer a outra que seu pai é melhor, que o carro do seu pai é melhor, que o time de futebol do seu pai é melhor, etc, etc. Ou seja, há argumentos paar cada um dos oponentes achar que o seu é o melhor, mas, no final, o importante é falar mal do outro.

    Me desculpe, mas o nem o próprio ex-presidente teve essa soberba de não reconhecer os méritos do adversário nas duas surras que levou nas urnas (lembre-se: as duas vitórias de FHC foram no 1º turno).

    Ademais, se alguém teve um juiz ladrão a seu favor naquela que o sr. chamou de 3ª vitória, foi o PT, pois, bem ao contrário do que fez FHC em 2001, Lula em 2009 saiu pelo país de bracinho dado com a sua candidata pedindo votos para ela e se aliando com todo tipo de político que acenasse o rabinho com apoio, independentemente de partido. Sem esquecer, é claro, do estouro de 90 bilhões no orçamento que deixou para a sucessora pagar e que pode vir a prejudicar a política econômica em 2011.

  • Caro Edu !

    Obrigada por ter abrilhantado nosso I Encontro Blogprog-SP com sua presença.
    Saúde e alegria pra você e sua família.
    Abraços.
    Nilva
    PS.: o estilo pode ser parecido, mas fica por aí..kkk…a convicção é outra. Você sabe do que falo..rsrsrs.

  • O que o PSDB precisa é se refundar como partido político, para se manter realmente como uma oposição nacional.

    Primeiramente, precisa de um projeto estratégico de desenvolvimento nacional, de diretrizes e orientações de Estado-Nação apoiadas numa plataforma sólida, não só de críticas, mas de alternativas.

    Precisa combater a despolitização da classe média, com políticas públicas de promoção cultural e educacional, à diversidade de informação, e não transformando-a em fantoche consumista como deu a entender FHC.

    Tem que renovar suas lideranças, adaptar seu discurso à nova realidade sócio-econômica e, principalmente, entender o país.

    Abraços

    • Como refundar ou renovar suas lideranças se um dos “lideres” do Psdb (Aécio) só faz “caca. O Farol bem que faz uma força desgraçada. Mas, é como empurrar sozinho uma carreta carregada morro acima. “Nun” vai mesmo!

    • Caro Gomes: concordo com tudo que você diz que o PSDB precisaria ter. Mas é exatamente tudo que ele não tem! Não tem programa real: não é “social”, nem é “democrata” (as campanhas sujas e o golpismo maculam o partido desde, pelo menos 2002).
      Tiveram a oportunidade de usar o Estado de São Paulo e outros importantes como o Rio Grande do Sul, Minas Gerais e outros, para usar como vitrina, e não o fizeram.
      E são um bando de vaidosos e prepotentes, cada um querendo engolir o outro. Serra é um desagregador e Fernando Henrique prega a unidade – desde que seja em torno dele.
      Acho que o PSDB esgotou seu ciclo histórico (tal como o DEM, ex-PFL, ex-PDS, ex-Arena, ex-UDN…). Teria que começar tudo de novo. Mas teria que surgir outro Franco Montoro, prá começo de conversa.

  • Ó, CÉUS! Ó, VIDA! Ó, AZAR!

    Guerra e Serra. É uma rima mas não é uma solução

    Do Blog Tijolaço

    O presidente nacional do PSDB, Sérgio Guerra, aquele que foi classificado por Lula como pessoa “que tem pouca inteligência ou capacidade de decisão” – claro que de forma resumida -, acaba deu uma entrevista (link abaixo) daquelas de dirigente de clube de futebol.

    Disse que Serra “está prestigiado” no partido.

    – O governador Serra não tem nada a ver com o PSD, nunca teve e jamais iria para um partido desse. Não há PSDB sem o Serra e ninguém compreenderia o Serra fora do PSDB.

    Ué, isso é uma advertência a José Serra?

    Porque todo mundo sabe que Guerra é um dos que mais quer ver Serra pelas costas. E vice-versa.

    Mas Guerra entrega a rapadura em outro momento. Confessa que a oposição está mesmo caminhando contra o vento, sem lenço e sem documento.

    – A presidente adotou uma postura republicana, não fala todos os dias, como falava o presidente Lula. Por um bom tempo, Lula alimentava, com sua fala diária e observações nem sempre sensatas, o discurso da oposição. Não é fácil combater quem fala muito pouco como a Dilma. Eu diria que a oposição tem agora um grande desafio. O combate não pode ser o mesmo.

    Lula tinha mesmo razão sobre Sérgio Guerra

    Leia entrevista no Sérgio Guerra, no O Globo

    http://oglobo.globo.com/pais/mat/2011/04/18/sergio-guerra-reclama-de-ataque-especulativo-de-setores-governistas-descarta-ida-de-serra-para-psd-924264782.asp

  • Com certeza o FHC está “caduco”… Ele surtou, só pode ser. Será que ele não lembra que o PSDB o escondeu na eleição presidencial? Será que ele sabe o motivo? Será que ele chegou a vê alguma pesquisa sobre rejeição? coitado. Ele e a titia de Minas…”tão loucas”.

  • Um Ultimate político Lula x FHC, seria um combate de resultado sequelante tão previsível quanto poderia ser o de um “emocionante” ringue entre Mike Tyson e Nelson Ned…

  • Malandro, nunca vi tanto ódio contra a mídia. Esse Eduardo Guimarães deve usar jornal ao invés de papel higiênico para limpar o rabo. Se FHC não foi lá essas coisas, o PT e o Lula não podem se vangloriar de ter feito melhor.

Deixe uma resposta