Mensalão do PT não chega aos pés da privataria tucana

Opinião do blog

O ano novo começa com a promessa de uma disputa dolorosa para o país.  O Brasil atravessará 2012 discutindo se quem roubou mais  foram os petistas e aliados envolvidos no escândalo do mensalão ou se foram os tucanos envolvidos nas denúncias contra as privatizações de patrimônio público durante o primeiro governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Nos próximos meses, portanto, o escândalo petista e o tucano estarão na berlinda midiática, o que irá desencadear uma verdadeira guerra política, pois os meios de comunicação aliados à oposição tentarão usar o julgamento do mensalão para interferir nas eleições municipais.

Como o inquérito do mensalão deve ser julgado durante o processo eleitoral deste ano, prevê-se que a imprensa deve tentar pressionar o Supremo Tribunal Federal a condenar expoentes governistas de forma a ajudar PSDB, DEM e PPS a elegerem governos municipais a fim de driblarem o processo de enfraquecimento pelo qual esses partidos vêm passando, com significativa redução de suas bancadas no Congresso Nacional.

Por outro lado, a base aliada, fustigada em 2011 por denúncias da mídia oposicionista contra ministros indicados pelos partidos que apoiam o governo federal, parece disposta a não apanhar sem reação. O previsível uso político-eleitoral do julgamento do mensalão fará os governistas se empenharem na CPI da Privataria, que já tem as assinaturas necessárias e já está protocolada na Mesa Diretora da Câmara dos Deputados.

Independentemente da tragédia que será a contaminação das eleições de prefeitos e vereadores devido à tentativa midiático-oposicionista de usar o julgamento do mensalão como vitamina eleitoral para tucanos e aliados, vale comparar o escândalo petista ao tucano. Afinal, a imprensa já tomou partido nessa disputa patética e há anos vem tentando transformar o mensalão no “maior escândalo de corrupção da história”.

Comparando-se os dois escândalos, porém, essa teoria se torna risível. O mensalão, basicamente, teria sido compra de apoio de parlamentares pelo governo Lula para votarem a favor de suas proposições ao Congresso Nacional. As cifras envolvidas, no entanto, mal se comparam às que transparecem no livro A Privataria Tucana.

A tese do mensalão é a de que a empresa de cartões de crédito Visanet (hoje Cielo) teria recebido dinheiro público do Banco do Brasil e repassado às agências de publicidade DNA e SMP&B, do publicitário Marcos Valério, quem, através do Banco Rural, teria pago mensalidades a deputados da base aliada do governo Lula.

Segundo o relator do inquérito do mensalão no Supremo, ministro Joaquim Barbosa, o montante de recursos públicos que pode ter abastecido o suposto esquema do mensalão seria de R$ 73 milhões. Esse seria o que a imprensa oposicionista chama de “maior escândalo de corrupção da história”.

Abaixo, as coincidências entre saques no Banco Rural e as votações do Legislativo que o governo Lula teria vencido por subornar parlamentares e partidos aliados.

1 – A reforma tributária aprovada na Câmara em 24 de setembro de 2003 se conectaria a pagamentos de R$ 1,212 milhão nos dias 23, 25 e 26 daquele mês e ano;

2 – A reforma tributária modificada no Senado em 17 de dezembro de 2003 se conectaria a pagamentos de R$ 470 mil no mesmo dia 17 e no dia 19;

3 – A Medida Provisória (MP) do salário mínimo aprovada na Câmara em 2 de junho de 2004 teria contrapartida de saques de R$ 500 mil no Banco Rural na mesma data;

4 – A MP do salário mínimo aprovada em 23 de junho de 2004 na Câmara após passar pelo Senado coincidiria com saques no total de R$ 200 mil no mesmo dia;

5 – Votação do status de ministro para o presidente do Banco Central ocorrida em 1º de dezembro de 2004 teria gerado pagamentos no total de R$ 480 mil em 29 e 30 de novembro daquele ano.

6 – A MP dos Bingos aprovada em 30 de março de 2004 teria gerado pagamentos totais de R$ 200 mil no dia anterior.

7 – A Reforma da Previdência aprovada em primeiro turno na Câmara em 5 de agosto de 2003 teria tido a contrapartida de R$ 200 mil no dia seguinte.

8 – A Reforma da Previdência aprovada em 27 de agosto de 2003 teria gerado propinas no valor de R$ 200 mil aos deputados governistas nos dois dias anteriores, 25 e 26.

9 – A Reforma da Previdência aprovada no Senado em 26 de novembro de 2003 teria gerado pagamentos totais de R$ 400 mil no mesmo dia e no dia seguinte.

10 – A Reforma da Previdência aprovada Senado em segundo turno em 11 de dezembro de 2003 resultaria em pagamentos de R$ 120 mil um dia antes.

O total de R$ 3,98 milhões sacados por parlamentares no Banco Rural deixa muito a descobrir sobre o restante dos tais R$ 73 milhões a que alude o ministro Joaquim Barbosa, mas mesmo que toda essa dinheirama tivesse sido rastreada – e até já pode ter sido, mas só se ficará sabendo quando ocorrer o julgamento do mensalão –, mal se compara às cifras que foram COMPROVADAMENTE pagas aos parentes e assessores de José Serra em períodos coincidentes com as privatizações do governo FHC.

O livro-bomba da privataria mostra que valores como os que foram detectados como tendo sido pagos a deputados “mensaleiros” (R$ 3,98 milhões) chegavam a ser pagos em poucas semanas, durante anos, a parentes e assessores do ex-deputado, ex-senador, ex-ministro, ex-prefeito e ex-governador tucano. O total de propinas nas privatizações, calculado pelo livro, ultrapassa a casa dos 2 bilhões de reais.

Além disso, as denúncias contra as privatizações tucanas envolvem gigantescas movimentações financeiras em paraísos fiscais por meio de contas e subcontas em instituições financeiras nacionais e estrangeiras envolvidas com lavagem de dinheiro do terrorismo e do tráfico de dogas. Isso sem falar no aumento exponencial do patrimônio dos envolvidos.

Pode-se dizer, tranquilamente, que evidências como as que pesam contra petistas e aliados no escândalo do mensalão existem muito mais contra tucanos no escândalo das privatizações. Na verdade, se a régua usada para acusar os “mensaleiros” tivesse sido usada contra os “privateiros”, teria havido – ou estaria havendo – também um inquérito da Privataria no Supremo.

Para entender por que um escândalo muito maior – que envolve quase cem bilhões de reais de dinheiro público, o montante das privatizações tucanas – jamais foi investigado e denunciado como foi o escândalo do mensalão, há que voltar a agosto de 2007. Então, o ministro do Supremo Ricardo Lewandovsky foi flagrado por jornalista da Folha de São Paulo dizendo ao telefone que ele e seus pares haviam acabado de aceitar o inquérito do mensalão por pressão da mídia, ou, como disse textualmente, “Com a faca no pescoço”.

Como se sabe, com exceção da Folha de São Paulo, que dedicou algumas matérias críticas ao obscuro processo de privatizações do governo FHC, a grande imprensa, hoje na oposição, jamais incomodou o governo tucano. Pelo contrário: até por ter comprado boa parte do que foi privatizado na telefonia, a imprensa defendia furiosamente aquele processo.

Nos próximos meses, portanto, conforme for se aproximando o julgamento do mensalão, a imprensa será inundada por pressões contra o Supremo Tribunal Federal para que, em pleno processo eleitoral, condene petistas graúdos como José Dirceu a fim de desmoralizar o PT e ajudar o PSDB e aliados a recuperarem um pouco do poder que vêm perdendo.

Enquanto isso, assim como a imprensa esconde ou desqualifica o explosivo livro A Privataria Tucana, deverá tentar esconder ou distorcer a CPI que se pretende instalar para investigar as denúncias que a obra do jornalista Amaury Ribeiro Jr. contém. Se o PT e seus aliados não denunciarem isso, o julgamento do mensalão poderá lhes produzir uma catástrofe nas urnas.

Se o PT e seus aliados não se acovardarem, portanto, o país descobrirá que o mensalão está muito longe de ser o “maior escândalo de corrupção da história”, pois as privatizações do governo FHC, sim, é que constituem não só o maior escândalo político do Brasil, mas, muito provavelmente, um dos maiores do mundo, se não for o maior.

100 comments

  • O que me atraiu no PT e me fez ser seu simpatizante desde sempre, a partir de minha inscrição como eleitor, foi o direcionamento que este partido alega e aparenta ter para com o Estado. A impressão é de que se trata de um partido político de viés bem mais nacionalista do que o de seu principal rival. Toda esta minha percepção irá por água abaixo caso não se apurem devidamente os fatos referentes à privatização.

    Posso procurar outras opções na hora de ir às urnas. Tudo está a depender do tratamento que será dado pelo petismo às privatizações, via CPI.

    (Que fique claro que, por motivos óbvios, não se cogita de minha adesão ao PSDB).

  • prezado Edu,

    mesmo sendo instalada a CPI da privataria, a midia gorda
    vai esconder ao máximo as informações de seu público.
    então, não cabe ao Ministro da Comunicação, quando for o
    momento, ir em rede nacional para denunciar esse grupo mediático
    fazendo de tudo para desqualifica-los, tirar o pouco crédito que
    lhes sobraram?

    Edu, tenha um Feliz 2012 para você, Familia e muita saúde para Vitória.

  • Caro Edu

    O cálculo do mensalão mesmo estando certo ficará realmente infinitamente abaixo da Privataria, pois essa além de valores comprovados desviados pelo clã Serra temos ainda que calcular o valor real de venda dos bens entregues, os financiamentos para pagar esses bens e o quanto o país deixou de ganhar no período em que esses bens passaram para a mãos privadas, ou privatas!

    Um 2012 com lindas sorridente Vitórias para você!

  • Prezado Eduguim. Pela primeira vez tomo conhecimento dos detalhes do tido havido como provas do mensalão. Mas, não deveria constar o nome do pagador e do recebedor? Será que o STF, vai considerar a relação contida na matéria acima como prova ” robusta e incontestável”? O fato é que se eleitor acreditasse nesse mansalão, Lula não seria reeleito e Dilma não seria a atual Presidenta!

    • constam os nomes do pagador e do receptor, marcos valério e parlamentares do pt e da base aliada com nome, número de conta, valor recebido. Só não se sabe, ainda, se o BB deu dinheiro de forma ilegal à Visanet para que repassasse a Marcos Valerio

        • Esse,meu caro,é um mistério que nem Freud explica!!!Desde o início dessa história é o que não se aplica a nenhuma lógica pertinente,E mais,recentemente o Cafajéferson NEGOU o mensalão em sua defesa no STF dizendo tter sido apenas FIGURA de retórica E QUE ,O TAL MENSALAO,NÃO PASSOU DE CAIXA 2 da campanha de 2004 ( disputa de prefeituras) ,parte de apoio financeiro do PT ao PTB.Basta ir ao Blog do Paulo Henrique Amorim e fazer a busca para encontrar ,lá,o que foi dito e não publicado (óbviamente) por NENHUM orgão de informação,nenhuma nota,nem uma linha!!!

          • Caro Scan e Isnard

            Por favor, me atualizem, quais parlamentares do PT ganharam para votar proposta do partido e o valor que cada um recebeu?
            Caixa 2, não aprovo, mas entendo a acusação, pagar o caixa 2 em mensalidades, também compreendo, apesar de não aprovar, mas pagar para votar em propostas do próprio partido?!?!
            Saudações

        • Essa é a pergunta de R$3,98 Mi.
          Parlamentar do partido receber pagamento para votar nas propostas do partido não faz o menor sentido.
          Só faria algum se a “compra” fosse de outros deputados fora da base aliada que estão lá pra isso mesmo.
          A propósito, quanto foi que o FHC pagou pra cada um daqueles que votaram pela aprovação da emenda da reeleição? Os 200 mil do Ronivon? E o resto?

  • Prezado Eduardo: Desejo a voc^, sua família e a todos os que participam neste blog um feliz 2012.
    Não lí ainda o livro do Amaury.Estou no 2° capítulo, mas, mesmo assim darei a minha opinião sobre o seu artigo. Como os bicudos gostam desviar a atenção do distinto público sobre as lambanças que eles aprontam, creio que, farejando que esse esquema que eles montaram e dele se aproveitaram, um dia viria à tona, aquela divulgação da “maior roubalheira da história do pais” nada mais era para preparar a opinião
    pública para dizer que quem roubou foi o PT e que agora para se vingarem dos tucanos, o PT está divulgando mentiras através de um cara que está respondendo processo na PF. Parece que o nome disso é ” mecanismo de defesa da personalidade”. Eu coloco nos outros a culpa que eu sei que é minha, mas que procuro fazer crer que´não tenho nada com isso.

  • O PT tem que ser bastante cobrado para atuar com força nesta CPI. Nós temos que ser menos complacentes com o partido do Governo. A militância fica numa postura de adesão quase sem crítica, agindo como se os nossos mandatários fossem crianças indefesas em face das ameças de um mundo cruel. Ora, nós somos o povo, nós não somos o Governo. O poder não emana do povo??? Nós devemos mandar e não nos conformar. Vamos brigar e não nos render. Com cobranças e ameaças de serem apeados do poder os políticos tendem a andar. Pra frente. Se ficarmos quietinhos, fazendo reverências ao Governo e nos conformando com as “circunstâncias do poder” a coisa fica parada do jeito que está. Os Sarney’s e Collor’s tomam de conta do pedaço. E aí a gente anda pra trás, feito caranguejo. Por isso que o PT tem sim que se bastante cobrado com relação à CPI da Privataria. Eu não aceitarei desculpas para um eventual corpo mole do Partido dos Trabalhadores. O discurso da “governabilidade” tem limites.

    • FALOU TUDO LUCAS, CONCORDO PLENAMENTE, PEIXEIRA NO RABO DOS POLITICOS TODOS PRA TRABALHAREM PELO POVO E NÃO POR ELES MESMOS, CHICOTE NA MÃO DO POVO E POLITICOS SEMPRE NA LINHA É O QUE DEVEMOS FAZER, CHICOTE ESTRALANDO.

  • Durante muito tempo o PIG fez campanha contra as estatais, taxando-as de ineficientes, cabides de empregos e antros de corrupção, preparando a opinião pública para aceitar a privatização das mesmas.
    Quando da privatização, escondeu que fazia parte de consorcios que compraram as estatais. Essa promiscuidade deve ser investigada pela CPI.

  • Em 2012 é preciso muito cuidado com o PIG, eles já estão recrutando seus soldados para 2014, vamos olhar cada lance, cada deslocamento dos generais do ALI Kamelada, olho nele: o invasor de praias, ele sempre chega em primeiro por causa do nariz, o Luciano Huck é um franco-atirador e elemento surpresa do PIG. Está sendo preparado para ser o pai dos pobres, através do lata-velha, o programa genérico do bolsa-familia, para atender os pobres. É só um aviso.

  • O dinheiro envolvido no mensalão,sendo que é questionavel a existencia do tal,é dinheiro de cafezinho perto dos bilhões que envolveram as Privatarias comandadas pelo consorcio do MAL(PSDB+DEM+PIG)

  • Roubo e desvio de verba publica, seja o montante que fôr, tem que ser investigado e punido. O ladrão que rouba o som do carro não é menos ladrão que o que rouba o carro inteiro… Pro Brasil virar um país decente, todo mundo tem que ir pra cadeia… petistas corruptos, tucanos corruptos… Honestidade deveria ser a regra, não a excessão… Deveria ser defendida com unhas e dentes pelos representantes do estado, a começar do judiciário!

  • Duas perguntas para os entendedores:
    1- O Eduardo Azeredo, do PSDB, tido e havido como o criador do “Valerioduto” não está indiciado em nenhum processo? Mesmo sabendo-se que tirou dinheiro da Copasa no valor de 2 milhões?
    2- O genro do fhc, com nome esquisito, não foi diretor da Petrobrás? Se foi, por que ninguém fala mais nele? Quanto ele ganhou lá? Os irmãos de Lula não podiam fazer lobby, o que acho correto, mas o genro de fhc podia exercer cargo público?
    Sei que aqui tem muito comentarista que deve saber as respostas.

  • Caro Edu,
    Voce é verdadeiramente uma pessoa admirável. Mal começou 2012 vc já arregaçou as mangas e ja meteu o pau na moleira. É isso aí, companheiro, bola pra frente que atrás vem gente.
    Privataria Tucana: O maior escândalo do mundo e de todos os tempos.
    Grande Abraço.

  • Eu entendo que apenas esses 10 casos podem ser chamados de “mensalão”, mas eu acredito que hajam mais casos, com “pagamentos” em datas não relacionadas com nenhuma votação, que fazem parte desse mítico processo do mensação. Estou errado?

    Qual o montante incluindo todos os pagamentos envolvidos?

    Pq 4 milhões é troco pra café. Não precisa nem mesmo ir na privataria pra encontrar montantes muito maiores. A compra de votos para a re-eleição de FHC envolveu muito mais dinheiro.

    Aliás, cada parlamentar da ALESP recebe 2 milhões em emendas “garantidas” pelo governo tucano. Os supostos 4 milhões do “mensalão” só pagariam 2 deputados paulistas (os federais são bem baratinhos, hein?).

    Aliás, mesmo os 70 e poucos milhões supostamente desviados não são nada perto dessa “liberalidade” do governo estadual de SP. Afinal, são 2 milhões por parlamentar por ano, há vários anos. Mesmo que apenas uma parte desse parlamentares desvie o dinheiro pra si, o montante deve facilmente ultrapassar os 73 milhões.

    Por falar nisso, o escândalo paulista sumiu, não é mesmo? Pq será?

    Ah, e os 73 milhões não incluem o que foi desviado antes dos “petistas” “adotarem” o esquema tucano?

  • Franklin Martins sempre questionava “de onde vem o dinheiro do valerioduto”. Não podemos nos esquecer do Eduardo Azeredo, que se valeu do mesmo esquema.

  • O estado clínico do PIG se deteriora a cada ano.
    Assistimos a mais profunda crise de “esquizofrenia” do PIG nos últimos dois anos.
    Que temos uma sociedade muito doente, especialmente na elite com toda sorte de psicopatias, todos sabem.
    O PIG e de suas bases de sustentação ( empresários, professores universitários (ufsc e outras), fazendeirões e etc.) caminham celeremente para internarem-se no PINEL, São Pedro, Juqueri e outros hospitais.
    A fuga da realidade nacional, caminho que esses “doutos elementos” escolheram trilhar durante o governo Lula, mostra que eles entraram na fase de pré-internação. A fase de negação!
    Negam o que todos vêem e fazem, inclusive, eles mesmos.
    Detenteros de 95% (só ?) dos meios de produção e capitais, esses elementos não podem ser substituídos.
    Entonces, teremos que aguentar sua doença até que uma nova elite, com jovens empreendedores e intelectuais, assumam o Brasil.
    Até lá boa sorte para nós. Que as nossas doenças não afetem nossa lucidez.Eduardo, grato pelo blog e pelo tremendo espaço ofertado.
    Felicidades e algum dinheiro em 2012…

    Rogério Neibert Bezerra

    “Arriscando-se” em Floripa, Eduardo, venha comer uma Anchova aqui em casa.

  • Só que roubo é roubo, Edu. Seja de dez reis ou cem bilhões. Naturalmente, valores maiores matam mais gente de inanição e as penas decorrentes devem ser maiores. Eu me recusei a superfaturar uma nota fiscal no valor de R$ 5.800,00, quando tinha a receber apenas R$ 2.500,00. A proposta veio de um secretário de prefeitura da periferia de Curitiba. Perdi o o cliente. Conclui que eu era o único prestador de serviço a me recusar a aceitar proposta indecorosa. Muito triste.

    No entanto, sei de mutretas de gente do PT parananense. Como vou continuar a votar neles? Na direita, nunca, é claro. Tudo isso para dizer que a discussão, a meu ver, deve ser outra. Pressionar a justiça sim para que condene sem seletividade, mas lutar sempre mais por pautas que levem à justiça social. Estacionar na refrega entre tucanos e petistas pode desviar o foco de que precisamos, urgente e com mais determinação, de medidas mais ousadas na direção da dignidade humana de todos, todos, todos.

  • O que o PT fez ou faz, na minha opinião, é buscar recursos juntos aqueles que tem contratos com o governo., por meio de doações e favores. Pode-se questionar a ética desses procedimentos mas querer descontextualizá-los, como a grande imprensa faz, é pura hipocrisia. Já que essa é uma pratica politica corriqueira, ou seja todos os partidos a praticam. E o PT não conseguiria eleger deputados e senadores com dinheiro de rifas, botons e camisetas em contraposição ao poder econômico que financia as campanhas.

  • Eu não sei se vocês repararam, mas nenhuma dessas votações em que se acusa o pagamento de “mensalidades” aos parlamentares é de caráter ideológico. Pelo contrário, as votações 7,8,9 e 10, que tratam da Reforma da Previdência, acima listadas, desagradaram muito mais ao pensamento de esquerda do que ao de direita, inclusive pela criação da alíquota de 11% de desconto para os funcionários públicos, lembram-se? (se não, perguntam aos funcionários)

    Portanto, essa acusação de pagamento de “mensalidades” não passa de uma grande xaropada.

    • Na verdade o mensalão nunca existiu e o proprio autor da denuncia afirmou categoricamente isso.Não podemos ser ingenuos e acreditar que existam governos que sejam cem por cento éticos.Mas governos corruptos como os governos do PSDB são realmente cem por cento corruptos a ponto de sucatearem serviços públicos essenciais como saude,educação e segurança com a justificativa de choque gestão.Mas o choque de gestão de tucanos e assemelhados é engordar as contas correntes de parentes e amigos em bancos suiços e paraiso fiscais.Os tucanos são comprovadamente corruptos,exterminadores do futuro de uma nação,tudo em que eles tocam apodrece.

    • Admitir que houve “mensalão” como uso indevido do caixa 2 dos partidos é uma coisa. Admitir que houve pagamento rotineiro de “mensalidades” aos parlamentares para apoio nas votações no Congresso é outra, completamente diferente.

  • Venhamos ou convenhamos,se atras de um Neymar ou de um Adriano ou de qualquer outro atleta que se dedique ao futebol,por exemplo,e o proprio caso de policia em que se transformou CBF provam didaticamente que por tras do famoso esporte bretão ha muito mais coisas do que vir possa nossa ingenuidade imaginar,no que diz respeito à politica e aos politicos o circo de horrores pode se dizer que chegue às raias da perfeição.Se igrejas evangelicas,clubes de futebol,podem ser considerados como verdadeiras lavanderias do dinheiro proveniente do crime organizado,o que dizer dos partidos politicos?Enquanto não houver uma reforma politica de verdade,vamos ficar aqui discutindo o sexo dos anjos.E uma reforma politica de verdade passa pelo financiamento público de campanha.Falar em moralização da politica sem financiamento público de campanha é piada.Se é ingenuidade acreditar que o sucesso de um Neymar se deve unicamente ao talento do jogador,mais ingenuidade ainda é acreditar que deputados não se vendam aos mais diversos interesses,até mesmo os mais criminosos.Se existe o lobby que defende os interesses das empreiteiras,quem garante que não exista o lobby que defenda os interesses do crime organizado?Se organizações criminosas podem financiar escolas de samba,clubes de futebol,porque não poderiam financiar politicos e seus partidos?Aí estão politicos do PSDB blindados por uma midia,que cada dia que passa,se assemelha e muito a uma organização criminosa semelhante à mafia.

    • Uma reforma política é certamente necessária porém com as leis atuais seria sim possível combater grande parte da corrupção no legislativo e executivo. O problema maior está no Poder Judiciário que nada na corrupção(nado costas) e quando se fala em fiscalização naquele poder, os deuses, os intocáveis, os “santos ” batem o pé, vociferam de indignação. Um poder onde parte de seus membros tem relações promíscuas evidentes com membros dos outros poderes e empresários. Um poder que só pune pobre, preto e puta .

  • Algumas considerações:

    O chamado “mensalão” não enriqueceu nenhum petista. O único caso do tipo foi o Land Rover do Silvinho Pereira, que convenhamos, não dá para enriquecer, ainda mais porque ele devolveu, mas no caso do Serra, vários enriqueceram, e MUITO!!!.

    O livro do Amaury aborda apenas o lado “Serra” na privataria, estimado em R$ 2 bilhões, mas todos sabemos que tem muito mais gente envolvida nesta farra.

    Fora a privataria, tem também o mensalão tucano com a famosa lista de Furnas, que segundo a Carta Capital, foi muito maior do que o mensalão do PT.

    Há que se apurar também os desvios de verbas nos estados, feitos por governadores tucanos, principalmente de SP, MG e da Yeda no RS, sem falar no Beto Richa, Teotônio Vilella Fº, Marcelo Alencar, Simão Jatene e Almir Gabriel no Pará, etc…

    Só na fuga de dinheiro para paraísos fiscais no caso que ficou conhecido como Banestado, fala-se de um valor entre US$ 75 a 100 bilhões. Só pra lembrar, a Vale do Rio Doce foi “vendida” por R$ 3,3 bilhões.

  • Eduardo, nem me passa pela cabeça a idéia de que o PT participe de uma “operação abafa”, no caso “Privataria”. Se percebermos que o PT está fazando isso, temos que cobrar com força. Não podemos aceitar.

  • Eu sonho (sonhar não custa e não dói nada!) que o judiciário cumpra seu papel e que os roubos sejam restituidos e que os culpados sejam presos. De todos os partidos. Algo assim, por mais doloroso que seja, será o joelhaço que o Brasil precisa dar para manter e aumentar suas conquistas internas e externas.

  • Eduguim – Veja a relação Governo FHC-PFL,grande Impren$a,empre$ários com o maior a$$alto que já se fez ao Brasil: Um pequeno trecho do Livro “A PRIVATARIA TUCANA” que um cunhado meu trouxe ontem 31.12.2011 e hoje 01.01.2012 já li 80 paginas.
    Mendonça de Barros liga pra Ricardo Sergio e explica que o Opportunity está com “um problema de fiança”para participar do leilão das teles.E propõe:”Não dá pra o Banco do Brasil dar(a fiança)”?
    — Acabei de dar — responde Ricardo Sergio,que alcaçou R$ 874 milhões para o consorcio de Dantas. E agrega, cometendo a frase sintese do processo de privatização à brasileira. “NÓS ESTAMOS NO LIMITE DA NOSSA IRRESPONSABILIDADE”. E emenda outra ,mais tosca e premonitória.
    “NA HORA QUE DER MERDA ,ESTAMOS JUNTOS DESDE O INICIO”.
    Vale relembrar um telefonema de FHC para Mendonça de Barros. Queria saber a quantas andava a preparação do leilão das teles. Recebe, como resposta, que “estamos com o quadro praticamente fechado”. À vontade, os dois comentam o tom apologético adotado pela mídia para saudar as privatizações, que catapultariam o Brasil ao concerto das grandes nações. Não era ingenuidade. Se, de um lado, os grandes conglomerados propagandeavam as benesses que a venda do patrimonio público traria ao país, de outro, sonegam aos seus leitores, ouvintes e telespectadores a condição de integrante de consorcios que disputavam a aquisição das teles.
    – A IMPRENSA ESTÁ MUITO FAVORÁVEL, COM EDITORIAIS – comenta Mendonça de Barros.
    – ESTÁ DEMAIS, NÉ – diz FHC. – ESTÃO EXAGERANDO ATÉ… – Acrescenta, mordaz com seus áulicos midiáticos.
    No interiror do governo, finalizada a queda de braço e leiloadas as teles, todos voltaram às boas. À revista Veja, falando sobre sua afinidade com Ricardo Sergio, Mendonça de Barros declarou: “Eu não vou ficar irritado com um amigo meu”, disse. “Mas quem é amigo dele mesmo é o Serra e o Clóvis”.

  • ola edu provas contra a privataria tucana o proprio PIG jatem a Revista Veja fez uma ediçao com o Ricardo Sergio de Oliveira escrito O HOMEM BOMBA

  • Eduardo,

    O chamado mensalão do PT ainda está para ser provado visto que quem o denunciou, o deputado falastrão do PTB, foi cassado exatamente por não provar o que disse.

    No mais, dos 40 denunciados, apenas 4 são do PT, dentre estes o Zé Dirceu, sobre o qual não há o menor vestígio de prova que possa ser aceita em um tribunal. Dentre os 40 tem até um do PSDB. Logo, se mensalão existiu, ele pode ser de qualquer um, menos do PT.

    É por essas e outras que o povo não acredita nesse mensalão, visto que elegeu a candidata de Lula e reconduziu ao Congresso Nacional aqueles demonizados pela imprensa.

    • Odorico, não há por que dissentir. Note que os verbos estão no condicional. O texto apenas aborda uma investigação que existe. Não há um só trecho em que afirma que o mensalão existiu de fato. Agora, alguma coisa houve, ou seja, houve caixa 2… no mínimo

  • Edu,

    Vou dissentir do seu texto, por um aspecto muito importante, o tal do mensalão ainda está por provar, já a privataria tucana tem vasta documentação comprobatória. Aliás a única prova do mensalão é a palavra de um político que não goza de credibilidade junto à sociedade.

    Em tempo: Não deixem de comprar o livro a Privataria Tucana, eu já comprei o meu, mas, quem desejar baixar o livro, clique no link a seguir: http://www.mediafire.com/?2duud5g4n9zf5cw

    • Adilson, não há por que dissentir. Note que os verbos estão no condicional. O texto apenas aborda uma investigação que existe. Não há um só trecho em que afirma que o mensalão existiu de fato. Agora, alguma coisa houve, ou seja, houve caixa 2… no mínimo

  • Caro Edu,
    quero desejar um excelente 2012 pra vc e sua familia, com muita saude e disposiçao para enfrentar os desafios de manter acesa a chama deste movimento que nos une no combate aos inimigos do povo brasileiro. Abraçao

  • A privataria tucana sempre foi denunciada, infelizmente só resolveram investigar como retaliação e não por que estavam interessados em punir os “responsaveis” por esse roubo do patrimônio nacional, note que o Amaury reuniu bastante provas , e pra isso não usou nenhuma técnica “ultra-mega” avançada de investigação; por outro lado o mensalão do PT deve ser esclarecido, mas não por conta dessa história estapafurdia de compra de votos que o Bob Jefferson criou e depois “desementiu”, mas por que o estopim dessa crise foi a disputa pelo controle de Furnas, que na época tinha um tucano no controle (Dimas Toledo, ligado a Aécio), Zé Dirceu não queria que Furnas ficasse sob o controle do Bob Jefferson, pois dizem as más línguas que é de Furnas que vinha o dinheiro que abastecia o caixa 2 dos tucanos e posteriormente do PT, falar de mensalão sem tocar nessa questão é fazer pirotecnia.

  • Edu, essa tese de compra de votações é piada. Não dá pra acreditar que a reforma da previdência tenha ‘custado’ 200 mil. Se fosse 200 mil por parlamentar ainda vai, mas 200 mil no total, ainda por cima pro partido, é inverossímil.
    A história da Visanet foi pura invenção do Relator da CPI que não tinha uma cifra grandiosa pra apresentar.
    O mensalção foi, de fato, uma transferência de fundos entre o PT e partidos da base aliada por conta das despesas eleitorais de 2004. O PT arrecadou em excesso em localidades nas quais não disputou prefeituras. Não havia como tranferir recursos pros aliados pois a legislação não permite. As maquiagens financeiras de Valério foram pra isso.
    Esses argumentos atuais são tão idiotas como dizer que o governo compra votos no Congresso por meio da concessão de pastas ministeriais. Assim, todo ato de governo é compra de votos e corrupção. Uma besteirada que só se sustenta nas páginas da imprensa de aluguel.

  • Eduardo, bom dia!
    O jornalão “Folha golpista e mentirosa de São Paulo” divulgou uma certa notícia “PF flagra desvio recorde de recursos públicos em 2011″. Estão tentando de tudo para esconder A Privataria Tucana”. Bom começarmos, a rebater e explicar melhor isso que eles estão querendo vender.
    Abraço.

  • agora, gente falta alguem familiarizado com o esquemas gerais da privataria fazer um quadro n aqui na blogosfera, bem didático,
    tipo “ENTENDA COMO” E PORQUE” q volta e meia sai nos jornais.
    “tipo” assim: quando ricardo sergio foi escolhido tesoureiro das 2 campanhas (fhc e serra) e porque isso era na epoca aconselhavel?
    O BNDES financiou quais grupos de dentro e de fora para comprar as estatais? o entao pres do BNDES foi pra?onde e onde está hoje? E os Fundos das estatais?Tudo sem ilaçoes diretas e relatando o que sejam hipoteses e o modus operandi desses caras.
    E nao podemos ficar em denuncismo retaliativo.
    Isto tudo tem que dar em consequencias pra eles, revisao dos contratos e o diabo.

  • E entre “privateiros” e “mensaleiros”, eu, que não sou nem um, nem outro, mas apenas alguém que tenta viver do próprio trabalho, mantendo uma modestíssima empresa individual com um único funcionário, acabo de recorrer ao cheque especial para pagar impostos federais, que vivem chegando, sempre altos, sem dó nem piedade… Algo está muito errado por aqui… Até quando continuarei a pagar essa “festa” de outros, sem ter direito a um canapé sequer?

  • O total de propinas nas privatizações, calculado pelo livro, ultrapassa a casa dos 2 bilhões de reais.

    Este valor só se refere a desvios para alguns bolsos. Há uma outra cifra a ser levada em conta: Qual foi o valor do causado pela privataria ao Brasil? Quanto o Brasil deixou de faturar se tivesse sido um jogo limpo, com preço justo, a venda da Vale, Sistema Telebrás(aqui se incluem Embratel e as teles estaduais, centro de pesquisa avançada na área de telecomunicação) e, além destas, outras 200 empresas que entraram na jogatina. Os prejuizos passam de 1 trilhão de reais.

    Como se sabe, mesmo depois de abrir mão de todo o seu patrimônio, logo em seguida o Brasil mendigou junto ao FMI, o país assumiu débitos fiscais e trabalhistas das empresas privatizadas,,etc etc

  • Xará,
    Até o reino mineral, no dizer do Mino, sabe que o “stf” é política e umbilicalmente atrelado ao psdb e que a maioria de seus membros não escondem essa orientação, pois vão além das palavras, os atos e decisões escancaram o posicionamento, não político, mas e acima de tudo, partidarizado.
    É certo que o julgamento do mensalão vai jogar luzes sobre expoentes do pt e com o auxílio luxuoso do PIG, serão condenados com vistas a contaminar as eleições municipais. Aquela corte vai, literalmente, rachar e expor suas mazelas, e mídia comprada e corrompida vai apedrejar os julgados.
    Aos que ainda não perceberam, a CPI da Privataria é a chance e o antídoto do pt e aliados contra esse movimento que está sendo alinhavado e costurado nos subterrâneos.
    A CPI deverá aprofundar-se, ainda que saibam que terão que cortar na própria carne, pois será inevitável comprovar que tanto psdb, quanto pt, participaram dos processos de lavagem de dinheiro de origem ilícita, ainda que em momentos distintos, mas igualmente criminosos, fatos esses comprovados pelo sepultamento da CPI do Banestado, no chamado “acordão”.
    Para a sociedade, essa briga será um verdadeiro e necessário expurgo, que atinge ambas as faces da mesma moeda(pt/psdb).
    Caberá à Câmara Federal contrapor-se ao “stf” e aos seus aliados históricos. Cada lado vai jogar todas as suas fichas nos processos, tanto de investigação, quanto de julgamento.
    O ano promete um jogo muito sujo e de artilharia pesada, daqui pra lá e de lá pra cá e vai ser um verdadeiro barata-voa!!!
    Ao meu sentir, será o estabelecimento do caos para atingirmos a organização e o restabelecimento das forças, tão necessárias ao equilíbrio.

  • Os quase R$ 100 bilhões da venda das estatais foi um dinheiro que ninguém viu, pois a dívida externa, no mesmo período, subiu feito um foguete. Como disse o Delfim Netto:

    Março de 2008
    Portal Terra – Qual a diferença entre o crescimento dos governos Lula e FHC?
    Delfim Netto – A diferença é completa. O Fernando Henrique entregou o Brasil falido. Todo mundo se recusa a entender esse fato; em 2002, o Brasil estava (em tom enfático) fa-li-do. Estava com déficit, a exportação crescia 4% enquanto a divida crescia 6,5%. Tinha US$ 17 bilhões de reservas e tinha feito uma bela duma… dum apagão em 2001. E não satisfeito, fez a crise externa em 2002…

    E tem mais: R$ 100 bilhões foi o preço (supostamente) pago pela venda. Mas elas valiam muito, muito mais. A venda da Vale, por exemplo, não levou em conta o valor das reservas de minério de ferro que a empresa explorava. O minério foi simplesmente dado de graça aos compradores!!!

    • Mas isso é verdade mesmo? As imensas reservas minerais da Vale – literalmente o solo do Brasil – foi dado de graça aos compradores?

      Cadê essa turba de chatos que ficam apitando que nem cricris dia e noite por causa de belo monte e meia dúzia de índios supostamente atingidos que não viram isso?

      Quanto aos escândalos: CADEIA PRA TODO MUNDO SEJA DE QUE PARTIDO FOR.

      Corrupção é corrupção, quem se vende por 10 vende até a mãe por 100.

      • Roberto, infelizmente é verdade. Eles levaram em conta apenas os prédios e veículos, não incluíram o maior patrimônio da Vale, que é a riqueza do subsolo. Absurdo!!

        Recentemente, descobrimos que a Vale, sob direção do playboy Agnelli, sonegou imposto de renda no total de R$ 25 bilhões. Além de ter encomendado os tais “super-navios” que não podem aportar na China.

        Para acrescentar, a China está pressionando fortemente a Vale para baixar o preço do minério. Foi descoberta, no Noroeste da China, uma gigantesca jazida de minério de ferro. É um verdadeiro pré-sal de ferro que poderá ser explorado nos próximos 100 anos pela China. O país está usando essa descoberta como fator de pressão sobre a Vale para baixa de preços.

        • Obrigado pela resposta.

          Isso é um crime tão grotesco que é uma vergonha que o sr, FHC e demais comparsas não estejam respondendo na justiça por essa patifaria.

          E essa imprensa vendida que defendeu essas privatizações ao estrangeiro é sempre a ponta mais visível dos quinta-colunas desse país.

  • Eduardo,
    Dizer quem roubou mais ou roubou menos, me parece irrelevante, ou melhor dizendo, questão secundária.
    Primeiro, é necessário concluirmos que tanto PSDB quanto PT, se utilizaram dos mesmos artifícios, ainda que em condições desproporcionais no quesito quantidade, mas com qualidade idêntica.
    Segundo, e principalmente, o pivô, protagonista, articulador e executor de tudo isso, tanto para um lado, quanto para o outro (não podemos deixar de lado o bisonho PMDB), é o “brilhante” DANIEL VALENTE DANTAS.
    Essa é a verdade inescapável e esse “senhor” já está botando terror pra cima de todos os que com ele estão de rabo preso.
    O primeiro capítulo da história, envolvendo o PSDB, o Amaury nos conta no livro, o segundo capítulo da história, envolvendo PT, ainda está sob o manto do sigilo judicial e se chama SATIAGRAHA.
    O mensalão, de lá e de cá, é a execução do plano, mas igual na essência.

    • Maisa,
      Quer dizer que não há diferença entre roubar um pote de margarina( ou uma caneta) e um bilhão de dólares é a mesma coisa? Desculpe mas só pode ser ingenuidade de sua parte. Para Deus, é verdade, tudo é pecado; porem para nós, pobres mortais, a diferença é astronômica. Meter alguem na CADEIA por que roubou uma caneta é absurdo, agora deixar LIVRE quem roubou um bilhão de dólares também é absurdo.

      • Lucio, acho que voce nao conseguiu entender o que eu disse. A quantidade do que, em tese, o PSDB se apropriou, pode e deve ser maior, apenas quantitativamente. O PT também, a meu ver, também levou muita grana, menos que o PSDB, mas isso nao diminui a culpa, nem de um, muito mesmos do aoutro. Cadeia pra todos!!!!! quero apenas expressar o meu sentimento de que ambos os partidos praticaram os mesmos crimes e precisamos leva-los todos as barras da justiça.

  • A direita tucanou o roubo. Isso é roubo sofisticado demais, é coisa prá gente letrada,doutor formado nos istrangeiru. Estou lendo A PRIVATARIA TUCANA e não tô entendendo bulhufas da tal da lavanderia tucana. Eu só sei que o roubo foi o maior da história do nosso Brasil,desde Pedro Alvares Cabral.

  • Caro Eduardo,

    Comparar os malfeitos, não me parece o melhor argumento. Apesar de entender e concordar com seus argumentos. Não é o maior escândalo político na história recente, como repetem diariamente os paus mandados do PIG, como fez a Christiana Lobo no “Fatos e Versões” no sábado passado e nem uma linha sobre a CPI da privataria tucana. Temos que esclarecer a concidência das votações e o repasse de verbas para os parlamentares. Com clareza e muita, mais muita honestidade. Liberar emenda para garantir maioria nas votações, é prática usual, no congresso. É diferente, SIM, de enriquecer a custa dos cofres públicos. Desonestidade é cometida por pessoas, não por siglas partidárias. Quem nunca cometeu uma desonestidade, que atire a primeira pedra. Temos que separar a PRIVATARIA, do mensalão que nem deveria ter esse título. As câmaras municipais e estaduais em todo o Brasil, seja governado por partido de oposição ou situação, COMPRA apoio. É cínica e manipuladora a insistência nas acusações ao PT. Quanto ao Marcos Valério é outra história. Dívida de campanha que começou com o Aécio e o Eduardo Ezeredo, em Minas Gerais. Acho que o julgamento será exclarecedor. Não gosto da ideia de prescrição. Vai parecer manobra do governo. O assunto sempre voltará a ser usado para atacar o LULA e o PT. Cartas na mesa para que se possa entender e corrigir os erros. É assim que se constroi um pais democrático. Um ano próspero e feliz para você e familia.

    • Eu não estou comparando, quem compara é a mídia ao dizer que o escândalo do mensalão é o maior da história. Eu só disse que se a régua que a mídia usa for a quantidade de dinheiro roubado, o mensalão – se é que existiu – está longe de ser o maior escândalo.

  • Os direitóides de plantão devem estar furiosos depois de ler um texto deste. Devem estar tramando algo para dizer que a privataria é uma farsa e que o mensalão petista é verdadeiro. De quebra, vão dizer que não houve mensalão mineiro. O que é que esses caras vão aprontar.

  • Aqueles que defendem que PSDB e PT estão no mesmo barco, porque há de se punir quaisquer desvio:

    1. O PT é SUSPEITO de mensalão, como bem fica claro no texto desta página. Muitas dúvidas, já apontadas nos comentários contestam frontalmente a acusação: entre elas a declaração de Roberto Jefferson de que não houve mensalão; a questão não respondida de porque o PT pagaria a membros do próprio partido e da base aliada para votar a seu favor (o próprio Jefferson disse que ele não recebeu porque era aliado e isto não fazia sentido); porque o Azeredo e a parte tucana do valerioduto não estão sendo investigadas; a declaração de Levandowski da pressão midiatica; o fato de Jefferson ter sido cassado porque não provou o que afirmou; e o relatório preliminar do processo onde afirmava-se que apesar de não haver provas contra José Dirceu, este deveria ser punido para “servir de exemplo”. Isso mesmo, servir de exemplo sendo punido sem provas.

    2. A privataria foi um desmonte de toda uma estrutura político – econômica cujo propósito era realizar o sonho histórico da burguesia comercial brasileira (oligarquia escravista – PRP – PDC – Revolta constitucionalista – UDN – ARENA – PFL/DEM e PSDB) de manter o estado mínimo, com máximas condições de “livre comércio” e mínimas condições de nacional – estatismo e políticas sociais. O PSDB desmontou o estado e tentou fazê-lo de maneira que fosse algo irreversível.

    3 – Fora a estimativa de 2 bilhões de propina, ainda existem as perdas do valor de chuchu das vendas (como o colega nos comentários lembrou das reservas de minério de ferro que saíram de graça), totalmente abaixo do razoável. Isso só na privataria, toda a gestão do PSDB foi escandalosamnete mais corrupta que a do PT. Alguém aí se lembra que o PSDB se batia com o PFL à direita e o PMDB à esquerda? Com certeza não montou sua base com argumentos.

    4- Para realizar este desmonte, o PSDB contou com o apoio da mídia (única instituição que sobreviveu com sua estrutura oligopólica, golpista e burguesa as diversas mudanças institucionais do país). No Brasil, a mídia materializa-se totalmente como partido do capital, como dizia Gramsci. E foi, mais uma vez, uma das grandes beneficiadas comprando grandes porções das teles, assim como foi favorecida no período da ditadura (sendo o auge desta o famoso conluio Globo – Time Warner)

    5 – Os indícios de caixa 2 do PT nos levam a necessária reflexão do financiamento de campanha, e dos riscos do financiamento privado. Hoje sua postura é a favor do financiamento público exclusivo, algumas variações ditando limitadas possibilidades de participação privada, oque demonstra uma reação do partido em coibir esta prática, que é uma mal nacional. O PSDB é contra o financiamento público, e historicamente sempre favoreceu os seus patrocinadores após as eleições (privatização das rodovias, o grande exemplo).
    Já acerca da privataria, o que podemos relfetir sobre o assunto? Que o PSDB reforça a histórica confusão entre privado e público neste país, onde este é extensão daquele. Que não mede esforços para desmontar as instituições do estado, únicas instancias na ordem burguesa que permitem o combate a hegemonia do mercado sobre os direitos humanos.

    Se o PT fez caixa 2 ou mensalão, que tudo seja apurado e os envolvidos sejam punidos. No caso do PSDB, a medida deveria ser a mesma reservada ao líderes das privatizações na América Latina, como Menem, Fujimori, Perez e Gotari – cadeia. Atentado contra o patrimônio público, a soberania nacional e o povo brasileiro.

    Equiparar os “crimes” de PT e PSDB é a mesma coisa que dizer que roubar um pirulito é igual a explodir um supermercado. Não faz o menor sentido.

  • Edu
    Antes de tudo, desejo um ano de muitas realizações para você e família. Com muita saúde (principalmente para a sua Victória), muita paz e harmonia em seu lar.

    Queria contar que hoje, pela manhã, ví o Diego Mainardi falar com toda naturalidade no Manhattan Connection:

    “Não gosto do brasileiro e do PT” .

    É gente assim que torce para o mensalão do PT acabar com o partido, enquanto a roubalheira do PSDB nem é lembrada.

  • Se a CPI da tucanagem sair será completamente ofuscada pela mídia velha com o julgamento do mensalão. O mais provável é que a CPI não saia e o autor do livro seja criminalizado. Num país que tem o judiciário que tem tudo pode acontecer. Há uma batalha anterior e mais importante a ser travada: contra o judiciário. Ele precisa ser virado de cabeça para baixo e desinfetado de alto a baixo, em todas as instâncias.

  • Como sempre um texto lúcido e claro, espero que neste 2012 esse blog continue com força total em prol do Brasil e dos brasileiros, não de grupos que os interesses estão bem claros.

    Acho que esta faltando aí a tal “Emenda da reeleição”, e não podemos nos esquecer que paralelamente ocorreu a desvalorização do Real, e com isso muita gente grauda ganhou alguns bilhões com tudo isso!

    Um ótimo ano para aqueles que lutam pelo Brasil!

    Provos Brasil

  • Partindo do princípio que é imoral roubar, sejam centavos ou sejam bilhões, o texto do Eduardo seria condenável se apenas demonstrasse quem roubou mais – PT ou PSDB. Mas levando-se em conta que o judiciário brasileiro prende só quem faz parte do grupo dos 3 Ps e solta ou deixa livre os ladrões de colarinho branco , que a velha mídia se tornou acintosamente a verdadeira oposição, até para defender os benefícios financeiro-ideológicos que obteve com a privataria, o artigo deste blog mostra-se um grande libelo que alerta sobre as possíveis artimanhas e armas que a imprensa usará, com todo a sua força, para defender seus aliados e interesses.
    Por isso, é importante ficarmos de olhos bem abertos e cobrarmos, como for possível, providências das autoridades no sentido de não passar impune este que é sem dúvida o maior crime de lesa-pátria e assalto aos cofres públicos deste país.
    As batalhas serão duríssimas.Se nada ou pouco for cobrado, nem a CPI da privataria sai ou termina adequadamente, haja vista que envolve figurões e empresas que detêm o poder econômico e, o que é pior, mexe com sistemas e esquemas institucionalizados e até com pessoas do próprio PT.

    PS: por falar em CPI da Privataria, como tem poucas assinaturas do PMDB ali, não?

  • Vejam o que diz a Lei 9.096/95:

    “Art. 1º O partido político, pessoa jurídica de direito privado, destina-se a assegurar, no interesse do regime democrático, a autenticidade do sistema representativo e a defender os direitos fundamentais definidos na Constituição Federal.
    ……………………………………….
    Art. 31. É vedado ao partido receber, direta ou indiretamente, sob qualquer forma ou pretexto, contribuição ou auxílio pecuniário ou estimável em dinheiro, inclusive através de publicidade de qualquer espécie, procedente de:

    I – entidade ou governo estrangeiros;

    II – autoridade ou órgãos públicos, ressalvadas as dotações referidas no art. 38;

    III – autarquias, empresas públicas ou concessionárias de serviços públicos, sociedades de economia mista e fundações instituídas em virtude de lei e para cujos recursos concorram órgãos ou entidades governamentais;

    IV – entidade de classe ou sindical.

    …………………………………………..
    Art. 32. O partido está obrigado a enviar, anualmente, à Justiça Eleitoral, o balanço contábil do exercício findo, até o dia 30 de abril do ano seguinte.”

    Comentário: O PT (partido político) não é órgão público, nem estatal, nem concessão pública, nem cartório. É pessoa jurídica de direito privado. Seus membros e dirigentes não são funcionários públicos, pelo simples fato de integrarem o partido. Os recursos arrecadados, até que se prove em contrário, são recursos privados (não públicos). Portanto o partido pode repassar tais recursos a quem bem entender, sendo exigida apenas a devida prestação de contas à Justiça Eleitoral, porquanto ausente essa providência (prestação de contas) caracterizaria o “caixa 2”.

    Acontece que o “caixa 2” partidário não é crime. É apenas irregularidade administrativa, punível com multa civil ao partido (não é pena, haja vista que não há crime), a ser aplicada pela Justiça Eleitoral em processo administrativo, e não em sede de ação penal.

    Ah, mas os recursos do tal “mensalão do PT” não eram públicos? Bom, se eram mesmo públicos, cabe uma pergunta: de qual órgão público foram desviados? Ora, na era da informática, qualquer estagiário de Contabilidade descobriria isso num minuto. No entanto lá se vão quase SETE ANOS de investigações, com milhares de pessoas batendo cabeça, sem nada encontrar.

    Portanto, a meu ver o tal “mensalão do PT” resultará, se muito, numa multa ao partido.

  • Prezado Eduardo,

    o movimento PARTIDÁRIO 31 de julho (o tal que se diz contra a corrupção) lançou um troféu chamado Algemas de ouro, com o objetivo (apenas aparente) de escolher os maiores corruptos do país. A verdadeira intenção só fica óbvia para os que tentam participar de maneira mais democrática. É uma “eleição” direcionada, já que as pessoas só podem votar em nove candidatos pré-selecionados: à exceção de Jaqueline Roriz, todos relacionados ao governo federal (ex-ministros, José Sarney e José Dirceu). Nenhum nome do PSDB ou do DEM, embora não faltem “exemplos”!
    Vença quem vencer, a repercussãoserá contrária ao governo. E alguns sites tradicional da imprensa (ou da imprensa tradicional) já começam a noticiar que “os mais votados são Sarney e Dirceu, além de ex-ministros do governo Dilma”. Mas, claro, nenhum menciona que só dá pra votar neles.
    É a falsa notícia mais uma vez ganhando espaço na mídia conservadora.

    Abraços e um excelente 2012. Manuel

      • O PSDB.VENDEU MUTINACIONAIS PARA SALVAR O BANQUEIRO MAGALHAES PINTO ELES NAO PODEM E NAO DEVEM FALAR MAL DE NINGUEM O DINHEIRO DAS MULTINACIONAIS SUMIU E ATE HOJE NINGUEM VIU O PSDB E SIMPLISMENTE O PEDAÇO DA ARENA DO PDS HOJE E DEM E LAMENTAVEL NOS GOVERNO LULA INFELISMENTE SURGIU ESTE VERGONHOSO MENSALAO MAIS COM ELE OU SEM ELE O BRASIL E HOJE GRAÇAS A LULA UMA SUPER POTENCIA QUE NAO PRECISA DO AMERICANO PARA SOBREVIVER A UMA CRISE DO TAMANHO DESTA QUE AI ESTA NO GOVERNO DO PSDB SE SALVAVA BANCOS INTERNOS HOJE MUITOS PROCURA O BRASIL DE LULA HOJE O BRASIL DE DILMA PARA TENTAR AJUDAR PAISES E ESTES O BRASIL QUE QUEREMOS QUE NAO PRECISA SE HUMILHAR A NINGUEM LA FORA AGORA O QUE E PRECISO QUE SE FAÇAM E URGENTE E ACABAR COM ESTA FARRA DOS CORUPTOS E DA CORUPÇAO TIRAR DE UMA VEZ POR TODAS ESTES LADROES DA POLITICA QUALQUER ESCOLINHA QUE SE ENVENTAM DE FAZER EM NOSSOS MUNICIPIOS SO SE FALAM EM MILHOES COISA QUE COM QUALQUER 300 MIL REAIS SE FAZEM ESCOLINHAS E POSTOS DE SAUDE SE GASTAM MILHOES EM MUITOS MUNICIPIOS NAO A FISCALIZAÇAO POR PARTE DA CAMARA MUNICIPAL E OS TRIBUNAIS DE CONTAS PELO JEITO NAO TEM BONS AUDITORES CAPAZES DE ENCONTRAR AS FALHAS QUE A MAIORIA DO POVO CONHECI VEJA SO O QUE ACONTECEU NO RIO DE JANEIRO O GOVERNO FEDERAL LIBEROU O ANO PASSADO 10.000.000 DEZ MILHOES DE REAIS PARA RESOLVER PARTE DA SITUAÇAO DO QUE OCOREU NAQUELES MUNICIPIOS E NADA FIZERAM E O DINHEIRO SUMIL NINGUEM SABE PARA ONDE FOI MAIS SABEMOS QUE O POVAO CONTINUA NO MESMO LOCAL COM O MESMO SOFRIMENTO ESTA ACONTECENDO TUDO DE NOVO O DESEPERO DAQUELA POPULAÇAO ESTE ANO E O MESMO AS CASAS SAO AS MESMA NADA MUDOU O NOSSO PAIS MUDOU MUITO FINANCEIRAMENTE MAIS AS PRATICAS INLICITAS SAO AS MESMAS E PELAS MESM,A PESSOAS E LAMENTAVEL TERMOS QUE ASISTIR A TUDO ISTO O SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA E O ELEITORAL TRM TUDO PARA ACABAR COM ISTO O QUE ESTA ESPERANDO NAO PODEMOS MAIS VER O NOSSO DINHEIRO SENDO ESBANJADOS POR POLITICOS LADROES FICHAS SUJAS IMUNDAS QUEREMOS UM BRASIL DIFERENTE COM A ALMA LAVADA LIMPA ATE OS DENTES PARA PODERMOS VOTAR CONCIENTE VIVA LULA E VIVA DILMA NOSSA QUERIDA PRESIDENTA JOSE PINTO DA SILVA POR UMA PAULISTA DECENTE CHEIA DE AMOR POR TODOS NOS PAULISTENSES.PRTB

    • Quanto à podridão das privatizações, bem cunhada como “privataria tucana” pelo intimorato Amary Junior, uma em especial se refere à Companhia Siderúrgica Nacional, outrora orgulho dos voltarredondenses, clama pela ação do Ministério Público Federal, ultima esperança para se por cabo às asquerosidades havidas com a “doação” da CSN. Aliás, de causar espécie que o MPF não tenha proposto uma Ação Civil Pública, objetivando sua anulação, ainda que parcial, referentemente às grandes áreas de terras que compuseram a privatização, haja vista que NÃO SE FABRICA AÇO COM TERRAS emuito menos com prédios. A maior parte das terras de Volta Redonda, , com que se agraciou o “barão do aço”, tem causado sérios prejuizos ao Município, pois o progresso do mesmo está engessado por falta de terras. A última esperança de uma população de 260 mil habitantes está nas mãos do cioso Ministério Público Federal, último bastão da moralidade neste pa´s das iniquidades e corrupção.Urge cessar com as atrocidades cometidas pelo “barão do aço” contra Volta Redonda, marco histórico da industrialização desse surrupiado Brasil.

  • O engraçado disso que o Duda Mendonça já recebia através do caixa dois. Quando ele foi na cpmi dos correios que disse que tinha recebido nos paraisos fiscais, descobriram em 1998 ele já tinha recebido pelos paraisos fiscais. Na campanha de 1998 de Marconi Perillo, Azeredo e do Pedro Simon que apoiava o candidato contra Olivio Dutra, ele
    já tinha recebido no paraíso fiscal. No caso do Valerioduto usado pelos ptistas, a maior parte do dinheiro foi TELEMIG CELULAR e AMAZONIA CELULAR que pertencia ao Daniel Dantas. Sem falar que o Daniel Dantas quando era presidente da Brasil Telecon deu um prejuízo de 600 milhões de reais ao seus sócios. Quando os fundos de pensão assumiram o comando, descobriram que ele tinha desviado dinheiro implantado uma escuta na prédio da Brasil Telecon. Isso foi capa da CARTA CAPITAL no final de 2005. Através desse desvio do Brasil Telecon o senhor Dantas comprou as duas operadoras de celulares. Isso foi matéria da revista Carta Capital. Não podemos esquecer um de ministro que depois virou secretário, o Luis Gushiken esse foi trucidado pelo pig. Na época o Daniel Dantas queria tirar o presidente Sergio Rosa no comando do previ, foi através dele que os fundos começaram a brigar com Dantas. Uma coisa muito esquisita em 2005 tinha 3 CPI no congresso, em nenhuma o José Dirceu foi convocado ao contrário do Gushiken que teve de suportar o deputado Onix Lorenzoni. Uma coisa é certa a operação SATIAGRAHA foi encomendada pelo governo do Lula para descobrir aonde via o Valerioduto do caixa dois do pt. E TEM UM NOME DANIEL VALENTE DANTAS. Como no livro do Amaury ele aparece de novo como um dos que fizeram esse sistema de lavagem de dinheiro junto com Ricardo Sergio de Oliveira.

  • Edú e amigos: tenho lido comentários em vários blogs na linha do “a CPI não vai dar em nada”, “não interessa ao PT”, etc. Não consigo me contaminar por este derrotismo antecipado, e protesto contra ele.
    Cada momento histórico é um momento. Pode ser que o Brasil não esteja amadurecido para vasculhar certas entranhas, mas só saberemos isso durante e ao final desta batalha. É cedo para desanimarmos, ou duvidarmos dos avanços.
    Sou do tempo em que o Doi-Codi jamais acabaria; o FMI controlaria o Brasil eternamente; não teríamos eleições diretas; o Lula jamais seria eleito presidente; Dilma era um poste sem chances; etc, etc. Ah, e a Inglaterra era uma potência imperial universal…
    A pior postura é o pessimismo antes da luta: se entrarmos derrotados, melhor ficar com as bundas nas poltronas. Não aceito isso, não vejo a razão desta impotência prévia.
    É claro que tudo depende de correlação de forças. Mas quem já mediu nossa força e do inimigo, nesta altura do processo político? O Serra sabe que é fraco, pode até ser traído pelos “parceiros” que ele traiu tantas vezes. A blogosfera criou o maior fenômeno editorial das últimas décadas, rompendo o bloqueio geral. As centrais sindicais mais conseqüentes hão de agir, em algum momento. A presidenta Dilma está deixando o barco correr, o que já é positivo.
    Enfim, acho que, como em todos os avanços democráticos, as coisas dependem mais de nós do que da vontade dos antigos “senhores”. Vamos à luta, companheiros!

  • Eduguim,concordo plenamente com Chico Duarte,tive a mesma impressão em relação ao PIG,logo q comecei a ler. Privataria Tucana: Mesmo uma CPI “não dará em nada”

    Privataria Tucana

    por Chico Duarte da Silveira, via e-mail

    Acabo de ler o livro. Espantado, não tanto pela roubalheira em si, mas pela distância entre os fatos, agora comprovados judicialmente, e as suas versões publicadas na grande mídia. Não dá mais para discordar, por achar excessivo, do apelido PIG — partido da imprensa golpista. Agora soa até tímido, face ao exposto no livro.

    A roubalheira em si sempre foi evidente. Bastava acompanhar o “emagrecimento forçado” das estatais para reduzir seus valores nos escandalosos “fluxos de caixa descontados”, método do thatcherismo inglês para vender empresas velhas e completamente depreciadas. O que nunca foi nosso caso, mas “vestiu como luva de pelica para a ladroagem demo-tucana”.

    Inesquecível foi a reclamação das empresas clientes da CSN de que, pós privatização, o aço passou a ser vendido por sua cotação internacional, com aumento brutal. Qual teria sido o valor da CSN, mesmo pelo imoral “ adjusted cash flow”, com seus preços acima de seus custos, e sem os empréstimos que a situação anterior obrigava, isto nunca saberemos. Como também nunca, quem exatamente recebia “bribe” para manter essa subvenção estatal ao setores automotivo e de construção. O PIG até hoje elogia a competência dos novos proprietários…

    Por este método, por exemplo, na Vale uma mina de ouro recém descoberta ficou “fora do cálculo do valor da privatarização” por não ser possível “estimar seu fluxo de caixa”. O livro deixa claro que “essas diferenças” foram acertadas por fora.

    Perigosa é a expectativa de que a verdade, agora chancelada pela Justiça, leve a qualquer consequência. Mesmo uma nova CPI, que aprofunde a do Banestado, não dará em nada. E não foi esta CPMI que virou pizza. De suas 6.000 contas que totalizam US$30 bi, 1.000 foram em 2005 parar na Justiça, em processos onde abundam provas, e delações premiadas de doleiros já presos e condenados ( “farol da colina” ). Apesar de serem os menores dentre os menores (tucano de plumagem mais vistosa tinha método mais seguro que este posto a disposição da “turma do demo”), totalizando mísero US$1 bi, nem mesmo esses 1.000 processos serão julgados. A próxima notícia sobre os mesmos será dada quando eles prescreverem… .

    Estranha esta “nossa justiça”. Pra não recuar muito, as “expropriações” feitas na 2a guerra mundial de ativos de alemães, italianos e japoneses ainda estão pendentes. Ela funciona pra ladrão de galinha e pra preto-pobre traficante pé de chinelo (e tão somente para impedir que o excesso de oferta de drogas cause queda dos preços, prejudicando o financiamento do caixa2 da próxima eleição). Acima do milhão, não existe crime pra ela. Se forçada por quem insistir em não compreender ou não aceitar tal fato, respondem com prescrição. É preciso entender o dito “… e aos inimigos, a Lei”. E isto só funciona com os juizes certos.

    Copiamos quase tudo dos EUA. Menos eleição para juiz e delegado, que acabam por “ser eleitos” pelos eleitos dos demais poderes. A consequência é que, mesmo se por milagre forem eleitos políticos decentes no lugar destes que ai estão, não teremos outra solução que não a do tempo e das aposentadorias para corrigir o que, impropriamente, é chamado de Judiciário.

    Assim, todas as ilegalidades cometidas e denunciadas nunca serão corrigidas. Um bom exemplo disto está nas concessões de transportes aéreos. Sempre que foi do interesse do poderoso da vez, a empresa foi “quebrada” e passada para empresários amigos. Pan Air, Cruzeiro do Sul,, Varig, Vasp, todas tem processos que, se julgados, resolveriam seus problemas ( a TAM e a Gol que se cuidem para estar sempre do lado das companias certas…).

    Alguém acredita na hipótese da prisão do Serra ou de sua filha ou genro ou primo? Ou em anulação de contratos celebrados fora da Lei, como vários de privatarização? Nem mesmo a velhinha de Taubaté. Nesta nossa “república-do-rabo-preso”, onde todos colecionam provas contra todos, ou se mantem a impunidade geral ou acabam as instituições por falta de gente, solta, é claro.

    Lamentável que este “momento de ouro” pelo qual passamos, com os preços relativos a nosso favor como nunca na história, com um até 2002 impensável respeito e prestígio internacional, encontre um “Brazil” entregue às instituições que temos, “seletivas” para dizer o menos.

    A raiz do problema é o ódio visceral do povo por seus políticos. Povo que cobra, a vista, a cada eleição, mais caro por seu voto. E não dá pra comprar voto com grana de fundo partidário. Tem que ser caixa 2, dinheiro criminoso pra cometer mais um crime que permite mais um mandato de idêntico padrão . Exceções? Claro que existem. Costumam perder logo na primeira reeleição, mas existem. O problema é a total perda de credibilidade de nossas instituições democráticas.

    O bandido não confia na polícia e nem mesmo no juiz. Sabe que se não matar, vai ser morto. A idade média, tanto dos mortos quanto dos que vão presos, cai a cada ano. Fingimos não ver o resultado disto tudo. Temos, já a algumas décadas, o recorde absoluto e relativo do número de mortos de nossa guerra civil crônica. Que matou muito mais que qualquer outra guerra.

    Com muito esforço, e décadas de paciência, de baixo pra cima criamos um Partido dos Trabalhadores. Eleito, cumpriu a maior parte de suas promessas, especialmente as ligadas a fome, emprego e distribuição de renda. Para fazê-lo, entretanto, teve que “jogar o jogo” ou dele ficaria fora para sempre. Votações no Congresso custam dinheiro porque este é necessário para manter o mandato, simples assim. Inútil copiar o modelo e até mesmo os personagens usados para tanto pelo tucanato, Marcos Valério e o mensalão do ex presidente mineiro da tucanagem desenfreada. Como o PT comprou a contradição de jogar o jogo para poder mudá-lo, o que fez, paga agora o preço do descrédito e age com militantes de aluguel, como se fosse um “PTB qualquer” da vida. E vai ter que comprar voto como qualquer outro partido que exista de fato, ainda que por preço menor, vai ter.

    Sob condições incomparavelmente melhores, matamos a Esperança. O ponto triste do Privataria Tucana foi ver até que ponto o PT apodreceu neste processo, como teve que “compor” pra não haver explosão na CPMI do Banestado, por exemplo. Como se aproximou e se beneficiou das privatizações havidas, e de seus personagens, não podendo agora bancar o que é justo, o legal. E não há nada para por no lugar. Bons quadros saíram. Gente que pegava até mal conhecer, assinando ficha e dando cartas dentro do partido. Pra não falar do “fogo amigo”, luta de punhais no escuro, por espaço, das várias correntes-partidos que o compõe.

    Matar o que sobrou de Esperança em um país com a guerra civil que temos, historicamente nunca foi receita de sucesso. Não havendo mais caminhos, agudizar o crônico pode vir a ser a saída possível. Lembro de Angola e Moçambique, onde isto ocorreu, e tremo de medo. Afinal, a palma da minha mão é fina, já que trabalho com a cabeça. E, lá na Africa, o critério inicial foi este. Aplicado nos que não acreditaram no que estava havendo e resolveram, antes de fugir pro exterior, passar em casa pra pegar dinheiro e joias.

    Só saiu quem foi do escritório pro aeroporto, e só com a roupa do corpo. Nada indicava que tal ocorreria de uma hora pra outra. Não havia organização, nem nada preparado. Simplesmente explodiu, sem nenhum controle. A PM local trocou de lado, passou a matar no outro lado. O Exército a seguiu. E deu no que deu. Antes disto, lá morria relativamente muito menos gente do que as que aqui continuam a ser mortas. E nenhuma das duas nações citadas tinha em sua história a nossa mais selvagem tradição, a de cortar a cabeça de nossos inimigos, herdada pelos portugueses dos índios que aqui viviam(?), antes de serem dizimados… .

    Povo Cordial, é …? Tá certo!…

    PS do autor — Entretanto, continuo “Lulista roxo” e apaixonado pela Pres. Dilma, que ficará registrada como sendo sua obra prima. Ambos com credibilidade em alta, o que pode vir a ser uma saída. Na falta de Instituições, teremos que nos virar com um “salvador da pátria”. A História também não recomenda, mas dado que já recusou um terceiro mandato certo, por respeito à CF, graças a Deus por podermos contar com eles… (Eu estava errado em querer o terceiro mandato; possivelmente, e com sorte, tudo acima pode não passar de mais um erro. Tô torcendo por isto… Mas, todo alto executivo multinacional tem sempre seu passaporte em dia e mala feita; mora e trabalha perto de aeroporto, havendo sempre pronto e atualizado um “contingency plan” para esta eventualidade, oficialmente classificada como remota e improvável, mas sempre pronto e atualizado… )

    PS do Viomundo: Este site passa a publicar resenhas sobre o livro escritas por leitores.

    Leia também:

    FHC: “Assassinatos morais de inocentes”

    PHA entrevista Amaury Ribeiro Jr

    Amaury Ribeiro Jr: O primo mais esperto de José Serra

    Gilberto Maringoni: Internautas driblam a censura privata

    Serra, sobre livro: “Lixo, lixo, lixo”

    Amaury Ribeiro Jr: O primo mais esperto de José Serra

    E a subespécie andrea-aecius?

    Fernando Brito: A conexão Citco-PHC

    Luís Nassif: A reportagem investigativa da década

    E já que vocês querem ler sobre lavagem de dinheiro…

    A bomba que vai estourar no colo de Teixeira

    Amaury: Propina foi para enriquecimento pessoal

    Amaury Ribeiro Jr.: Quem é o Doutor Escuta

    Exclusivo: Leilões, arapongas e o poder de Serra

    CartaCapital: “Serra sempre teve medo do que seria publicado no livro

    http://www.viomundo.com.br/politica/privataria-tucana-mesmo-uma-cpi-nao-dara-em-nada.html

  • A respeito do montante roubado na venda do Banestado:

    “(…) De suas 6.000 contas que totalizam US$30 bi, 1.000 foram em 2005 parar na Justiça, em processos onde abundam provas, e delações premiadas de doleiros já presos e condenados ( “farol da colina” ). Apesar de serem os menores dentre os menores (tucano de plumagem mais vistosa tinha método mais seguro que este posto a disposição da “turma do demo”), totalizando mísero US$1 bi, nem mesmo esses 1.000 processos serão julgados. A próxima notícia sobre os mesmos será dada quando eles prescreverem… .(…)”

    http://www.viomundo.com.br/politica/privataria-tucana-mesmo-uma-cpi-nao-dara-em-nada.html

  • NÃO PODEMOS ESPERAR A COVARDIA DO PT. TEMOS QUE DENUNCIAR À SOCIEDADE BRASILEIRA TANTO OS CRIMES DA QUADRILHA DE JOSÉ SERRA E DO PSDB, COMO EXPLICITAR A OPERAÇÃO DE LAVAGEM CEREBAL QUE TENTA COMPARAR DE FORMA PATÉTICA DUAS SITUAÇÕES INCOMPARÁVEIS. SÓ UM FANÁTICO DE DIREITA OU UM COMPLETO DEMENTE PODERIA COMPARAR O TAMANHO DO INEXISTENTE CASO DO “MENSALÃO” COM OS BILHÕES DE REAIS PAGOS EM PROPINA AOS BANDIDOS DO PSDB, SEM CONTAR A FORTUNA INCALCULÁVEL DO PATRIMÔNIO PÚBLICO DOS BRASILEIROS QUE FOI ENTREGUE POR ESSES CRIMINOSOS AOS ESTRANGEIROS POR VALORES RISÍVEIS(É SEMPRE IMPORTANTE RESSALTAR QUE, SÓ PARA FICARMOS NO CASO DA VALE, A EMPRESA FOI “DOADA” PELO VALOR CORRESPONDENTE AO SEU LUCRO ANUAL E, NESTE PRESENTE QUE FHC E QUADRILHEIROS ASSOCIADOS DERAM AOS GRINGOS, TAMBÉM VEIO COMO “BRINDE” O CONTROLE SOBRE AS RESERVAS MINEIRAIS QUE PERTENCIAM À EMPRESA, MUITAS DAS QUAIS SEQUER SE SABIA A DIMENSÃO EXATA). QUANTO AO “MENSALÃO”, TRATOU-SE APENAS DE UM CASO DE CAIXA 2(QUE É CRI9ME, MAS É UMA PRÁTICA USUAL DE TODOS OS PARTIDOS POLÍTICOS, QUE SÓ ACABARÁ COM A IMPLANTAÇÃO DO FINANCIAMENTO PÚBLICO DE CAMPANHA), CUJA “TECNOLOGIA” FÔRA DESENVOLVIDA PELO PSDB NAS ELEIÇÕES DE 1998, SENDO POSTERIORMENTE IMPORTADA PELO PT. NÃO HÁ QUALQUER EVIDÊNCIA QUE INDIQUE TRATAR-SE DE PAGAMENTO A PARLAMENTARES DA BASE ALIADA DO GOVERNO(AS COINCIDÊNCIAS QUE VOCÊ CITOU SÃO MÍNIMAS, SE COMPARADAS AO TOTAL DE PAGAMENTOS REALIZADOS EM PERÍODOS EM QUE NÃO HAVIA VOTAÇÕES DE INTERESSE DO GOVERNO). ALÉM DO QUE, SE ERAM DA BASE ALIADA, ESSES PARLAMENTARES JÁ POSSUÍAM A OBRIGAÇÃO E O COMPROMETIMENTO(TÊM INDICADOS SEUS EM CARGOS DE CONFIANÇA DO GOVERNO, PRÁTICA COMUM NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA INDEPENDENTEMENTE DE QUE PARTIDO ESTEJA NO PODER)DE VOTAR CONFORME OS INTERESSES DO GOVERNO FEDERAL. ALÉM DISSO, NÃO FOI O DINHEIRO DO BANCO DO BRASIL QUE IRRIGOU OS DUTOS DE MARCOS VALÉRIO, MAS OS RECURSOS DO BANQUEIRO DANIEL DANTAS, QUE TAMBÉM ABASTECEU O “MENSALÃO” DO PSDB, NA CAMPANHA DE EDUARDO AZEREDO EM 1998. TANTO É QUE, SE EXISTE ALGUMA CONCORDÂNCIA VERDADEIRA ENTRE DATAS NESSE CASO, ELA NÃO SE REFERE ÀS VOTAÇÕES DE INTERESSE DO GOVERNO, MAS ENTRE O FECHAMENTO DE “CONTRATOS” DE PUBLICIDADE, CUJA REALIZAÇÃO DE SERVIÇOS ATÉ HOJE NUNCA FOI COMPROVADA, ENTRE A BRASIL TELECOM, A TELEMIG CELULAR E A AMAZÔNIA CELULAR(EMPRESAS ADMINISTRADAS POR DANTAS)E AS AGÊNCIAS DE MARCOS VALÉRIO, CUJO PAGAMENTOS POR SERVIÇOS NÃO REALIZADOS DERAM-SE EM MOMENTOS IMEDIATAMENTE ANTERIORES ÀS CAMPANHAS ELEITORAIS OU AO INCÍO DOS DEPÓSITOS DE RECURSOS NAS CONTAS DE PARLAMENTARES, SEMPRE REALIZADAS APÓS O PERÍODO DE ELEIÇÕES, EVIDENCIANDO QUE TRATAVAM-SE DE RECURSOS DE CAIXA 2, USADOS PARA FINANCIAR CAMPANHAS, CUJAS SOBRES SERIAM DISTRIBUÍDAS ENTRE OS PARTIDOS, COMO TAMBÉM DEPOSITADAS NAS CONTAS DOS PARLAMENTARES. COMPARAR ESSE CASO COM A MÁFIA MONTADA POR JOSÉ SERRA, FHC E TODA A CORJA TUCANA; SEM CONTAR O ESTRAGO QUE FIZERAM NO PATRIMÔNIO E NA SOBERANIA NACIONAL, É DE UMA MÁ FÉ GIGANTESCA E PRESSUPÕEM A CRENÇA NUMA COMPLETA BESTIALIZAÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA, CUJA INVERACIDADE PRECISA SER COMPROVADA ATRAVÉS DA MOBILIZAÇÃO POPULAR, A QUAL DEVE NÃO SOMENTE EXIGIR PARA O INEXISTENTE “MENSALÃO” UM JULGAMENTO JUSTO; QUE EVIDENCIE NELE O QUE AS PROVAS MATERIAIS INDICAM : QUE TRATOU-SE DE UM CASO DE CAIXA 2; COMO TAMBÉM DEVE REINVINDICAR AO MINISTÉRIO PÚBLICO E AO JUDICIÁRIO UMA INVESTIGAÇÃO SÉRIA E ISENTA SOBRE OS CRIMES DE JOSÉ SERRA; SEM MEDO DA “FACA NO PESCOÇO” QUE A MÍDIA COLOCARÁ, DESTA VEZ EXIGINDO A ABSOLVOIÇÃO DA TUCANALHA; PARA QUE ESSAS INSTITUIÇÕES HONREM O POVO BRASILEIRO A QUEM DEVEM SERVIR E NÃO SE CURVEM AOS CAPRICHOS DA DOS DONOS DA MÍDIA.

  • Espero que a CPI funcione como uma espécie de Comissão da Verdade e chegue, ao menos calcule as cifras que foram parar no bolso dos espertinhos, bem como o valor do prejuizo dado ao País como, por atos tais como:

    1- Deixar de fora do valor valor da venda da Vale uma mina de ouro descoberta naquele período: Quanto vale uma mina de ouro? Na privataria ficou de graça.

    2- Isentar a Vale de pagar ICMS sobre a venda de minérios, ferro.

    Link para texto sobre o assunto

    http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/2012/01/privataria-tucana-serra-e-lei-kandir.html

    3- A respeito do montante roubado na venda do Banestado:

    “(…) De suas 6.000 contas que totalizam US$30 bi, 1.000 foram em 2005 parar na Justiça, em processos onde abundam provas, e delações premiadas de doleiros já presos e condenados ( “farol da colina” ). Apesar de serem os menores dentre os menores (tucano de plumagem mais vistosa tinha método mais seguro que este posto a disposição da “turma do demo”), totalizando mísero US$1 bi, nem mesmo esses 1.000 processos serão julgados. A próxima notícia sobre os mesmos será dada quando eles prescreverem… .(…)”

    http://www.viomundo.com.br/politica/privataria-tucana-mesmo-uma-cpi-nao-dara-em-nada.html

  • Edu, vc foi muito modesto ao contabilizar a roubalheira da privataria. Senão vejamos, só para citar um exemplo. No TO a Celtins(Centrais Elétricas do Tocantins) foi privatizada, ficando nas mãos do atual governador Siqueira Campos(psdb-TO), não sei ao certo se do próprio ou de laranjas. Espero que a CPI da Privataria funcione ao menos como uma espécie de Comissão da Verdade e coloque isso em pratos limpos. Quero saber quem são os donos da Celtins. Dizem que é um consórcio que administra, mas essa coisa de consórcio é convesa prá boi dormir. Na CEMIG uma turma de tucanos tentou ficar com a CEMIG. Uma senhora que assina pelo nome de Landau. Enfim, um trabalho e tanto calcular a roubalheira ocorrida na privataria. Mas seria bom se tudo isso fosse colocado em pratos limpos. Haja pratos…rsss

  • Na minha opinião, nunca houve “mensalões” e sim um mensalão, o qual teve início em 1998 com FHC e Eduardo Azeredo e as pessoas que sempre participaram continuaram participando através do governo do PSDB, PT e do DEM.
    A grande mídia tenta incutir esta balela de “mensalões”, inclusive evitam falar no “mensalão do PSDB”.
    Feliz 2012 Eduardo.
    PS.: Eu tentei seguir você no twitter, mas não consegui, estava bloqueado.
    Será que fiz alguma coisa que não fiquei sabendo???

    Abraço

    http://todeolhomalandragem.blogspot.com/

  • Com a globo fazendo o que bem entende, a culpa é do PT e pronto! Ontem, por falta de opção, assisti ao jornal nacional todinho. Dá pra ver a distorção. Mas quem só ouve sem questionar, eles estão divulgando verdades. Não há contraponto. Alguém acaba de dizer que não, e em seguida eles transformam num sim.

  • ESSE JUIZECO PAVÃO DE MARINGÁ NÃO TEM EXAME DA OAB E NEM FOI CONCURSADO, FOI NOMEADO POR UM COLEGIADO NA ERA FHC PARA ATAUAR NO CASO BANESTADO, ASSIM COMO O EX-ADVOGADO DO PCC E DE MARCOLA 9MARCOS HERBAS CAMACHO), SR ALEXANDRE MORAIS, VIROU JUIZ SEM TOGA NO STF NO GOLPE E SEM CONCURSO.

    CELSO RUSSOMANO EX-ASSESSOR DE COMUNICAÇÃO DO HOTEL DELLA VOLPE, O QUADRILHÃO DE MICHEL TEMER E O ASSASSINATO DO JOVEM GOVERNADOR DO ACRE MORTO NO DELLA VOLPE COM TIROS NA CABEÇA DOIS DIAS ANTES DE DEPOR NA CPI ESQUEMA ODEBRECHT E ESQUEMA COLLOR PC FARIAS!!!OS ASSASSINOS PEGARAM A CHAVE NA PORTARIA, FOI FEITA UMA SIMULAÇÃO DE LATROCÍNIO,. MAS FOI UMA EXECUÇÃO!!!UM CRIME POLÍTICO E INICIOU O IMPEACHMENT DE FERNADO COLLOR

    https://www.youtube.com/watch?v=PFrEo6wDlVg

    TODO O SÉTIMO ANDAR DO HOTEL NO DIA DO CRIME FOI ALUGADO PELA ODEBRECHT PARA NINGUÉM OUVIR OS TIROS. O JOVEM GOVERNADOR FOI MORTO NO APARTAMENTO 704, NO 702 AO LADO ESTAVA HOSPEDO UM NORTE AMERICANO, UM TESTA DE FERRO DA ODEBRECHT QUE OPERA CONTAS OFFSHORE PARA A ODEBRECHT E OS 300 POLÍTICOS DO QAUADRILHÇAO DO PMDB/SPDB/DEM, ELE ESTAVA BEM AO LADO DA CENA DO CRIME, NÃO PRESTOU DEPOIMENTO À POLÍCIA E FUGIU PARA OS EUA APÓS O CRIME. O GOVERNADOR FOI MORTO AO DENUNCIAR O DEPROP.

    https://www.youtube.com/watch?v=AxFriAwvu_8

    JOVEM GOVERNADOR DO ACRE FOI MORTO EM SÃO PAULO PELO QUADRILHÃO DE MICHEL TEMER E O ESQUEMA ODEBRECHT ASSASSINADO EM 17 DE MAIO DE 1992, DOIS DIAS ANTES DE DEPOR NA CPI “ESQUEMA ODEBRECHT E ESQUEMA COLLOR PC FARIAS”. DOIS FATOS CURIOSOS: O GOVERNADOR DENUNCIOU PASMEM HÁ 25 ANOS ATRÁS O “ESQUEMA DEPROP DA ODEBRECHT” QUE A LAVA JATO SE GABA DE TER DESCOBERTO!!! O PRINCIPAL DENUNCIADO ERA O LIDER DO PMDB CHEFE DO QUADRILHÃO SR MICHEL TEMER, QUE ERA SECRETÁRIO DA SEGURANÇA DO GOVERNO CORRUPTO DE ANTONIO FLEURY (PMDB-SP) E ELE ABAFOU O CRIME. OUTRO FATO CURIOSO É QUE O ASSESSOR DE COMUNICAÇÃO DO HOTEL ONDE FOI TRAMADO O ASSASSINATO ERA O SR CELSO RUSSOMANO, UM FERZO ALIADO DO QUADRILHÃO DO PMDB. ESSA QUADRILHA DARIA INVEJA ATÉ A ALPHONSO CAPONE SE VIVO FOSSE!!!!ELES ESTÃO SAQUEANDO O PAÍS HÁ MAIS DE CINQUENTA ANOS E COM AVAL DO JUDICIÁRIO.

    ESSE CANALHA MEGA CORRUPTO SR FHC OBTEVE FORTUNAS EM IMÓEVIS MILIONÁRIOS EM PARIS (37 MILHÕES EM CHAMPS ELISSÉS), OUTRO EM BARCELONA, NEW YORK (TOWER TRUMP), UMA FAZENDA MILIONÁRIA OBTIDA EM TROCA DE PROPINAS COM A FAMÍLIA DE SERGIO MOTA EM BURITIS (MG) COM PISTA PARA BOEINGS NO AEROPORTO CONSTRUÍDO PELAS CONSTRUTORAS CAMARGO CORREIA E ODEBRECHT, SALDOS DE 368 MILHÕES DE DÓLARES EM DUAS CONTAS SECRETAS BILIONÁRIAS: CONTA TUCANO E CONTA CH J&T NO PANAMÁ E NAS ILHAS CAYMAN (DOSSIÊ CAYMAN ABAFADO EM 1998) E ENRIQUECEU FAMILIARES O CORRUPTO GENRO DAVID ZYLBERSZTAJN E O SINISTRO FILHO PHC TEM CONTAS SECRETAS BILIONÁRIAS NA SUÍÇA E NO CARIBE E NEGÓCIOS BILIONÁRIOS NO “PANAMÁ PAPERS” (“MOSSAK FONSECA”), FHC MONTOU UMA REDE DE CORRUPÇÃO E TRANSFORMOU O PLANALTO NUM ESCRITÓRIO DE “NEGÓCIOS DA CHINA, ELE ANUNCIOU AO MUNDO CENTENAS DE PRIVATARIAS A BAIXOS PREÇOS” NOMEOU FEROZES ALIADOS EM VÁRIAS EMPRESAS NACIONAIS PARA AJUDAR NOS DESMONTES E NAS PRIVATARIAS, ELE ATÉ MUDOU O ESTATUTO DAS EMPRESAS NACIONAIS PARA NOMEAR ESTRANGEIROS NA PRESIDÊNCIA E DIRETORIAS, COMO FOI O CASO DA NOMEAÇÃO DO DESASTRADO O BANQUEIRO FRANCÊS PASME NA PRESIDÊNCIA DA PETROBRAS, O MONSIEUR HENRY REISCHTULL (DONO DO BANCO SBA E EX- DIRETOR DO PARIBAS) E O ESPANHOL NESTOR CERVERÓ PARA AJUADR A ENTREGAR AS SONDAS DA PETROBRAS, AS SUBSIDIÁRIAS E AS PETROQUIMICAS DA PETROBRAS (COPENE, PQU, BRASKEM, PETROFERTIL, FAFEN, ETC) DOADAS POR PREÇOS ÍNFIMOS PARA O AMIGO PESSOAL DE FHC SR EMILIO ODEBRECHT. DESDE 1996 A ODEBRECHT DEIXOU DE SER UMA MERA CONSTRUTORA PARA SER A GIGANTE DO SETOR PETROQUIMICO GANHANDO NA MÃO GRANDE AS SUPERLUCRATIVAS PETTROQUIMICAS DA PETROBRAS DOADAS POR FHC AO GRUPO ODEBRECHT E AO GRUPO QUATOR EM TROCA DE PROPINAS PAGAS NO BANCO DO ESTADO DO PARANÁ, O PROPINODUTO DAS PRIVATARIAS TUCANAS.

    OS TRÊS PODERES ESTÃO MUITO APODRECIDOS NO BRASIL. COMO FEZ O JUIZ PIETRO NA ITÁLIA VAZAMENTOS SELETIVOS NA MANI PULITE, UMA AÇÃO MEDIEVAL CRIADA EM 1990 PARA BLINDAR SILVIO BERSLUCONE E SEUS JAGUNÇOS MAFIOSOS, PERSEGUIU E LEVOU AO SUICÍDIO 22 PESSOAS TORTURADAS NA ÍTALIA COM A FINALIDADE DE ELEGER BERLUSCONE O DONO DA EMISSORA RAI, AQUI NA TERRA DOS TUPINIQUINS TENTAM FAZER UMA CÓPIA DE BAIXO NÍVEL DA MANI PULITE USNADO UM JUIZ SEM OAB, NÃO CONCURSADO E “BLINDADOR DE TUCANOS DESDE O ESCÂNDALO BANESTADO” (1997-2002).

    EM SANTA CATARINA UM REITOR CIDADÃO DE BEM ATUANDO HONESTAMENTE NO MAGISTÉRIO POR 38 ANOS FOI PRESO, TORTURADO, HUMILHADO, LEVADO A SESSÕES DE TORTURAS FÍSICAS E PSICOLÓGICAS A MANDO DO JUIZECO PAVÃO DE CURITIBA AGENTE DA CIA CONTRATADO E TREINADO EM 2009 PARA FAZER O DESMONTE NACIONAL NO BRASIL E ENTREGAR AS RIQUEZAS NATURAIS DO BRASIL (PRESAL E MINÉRIOS E METAIS NOBRES DA AMAZÔNIA). A FAMÍLIA DE CHANCELLIER ACUSA O ESTADO DE TER FEITO TORTURAS FÍSICAS E PSICOLÓGICAS COM O REITOR PASSOU POR SESSÕES DE TORTURAS A MODA DA DITADURA MILITAR DE DAN MITRIONE COM ORIENTAÇÕES DA CIA O PAVÃO DE CURITIBA RESGATA O NAZI FACISMO NO BRASIL.

    ENQUANTO ISSO, O SENADOR CORRUPTO MEGA DELATADO, TRAFICANTE DE DROGAS, DROGADO AÉCIO CHEIRA NEVES, RÉU EM 14 PROCESSOS DE CORRUPÇÃO NO TJMG POR ROUBO DE VERBAS PÚBLICAS (AÉCIO DESVIOU 60 MILHÕES PARA CONSTRUÇÃO DE AEROPORTO NA “ROTA DA COCAINA” NA FAZENDA DOS PRIMOS, DESVIOU 5 BILHÕES DESVIADOS DA SAÚDE EM MG PARA GASTOS COM PROPAGANDA E ENRIQUECIMENTO ILÍCITO DE FAMILIARES DONOS DA MÍDIA), AÉCIO É LADRÃO DE MALAS DE DINHEIRO, MATADOR DE LARANJAS (SRA CRISTIANE APARECIDA E SRA MIRTES MORTAS EM BH EM 2002 NO ESQUEMA DE FURNAS E MENSALÃO TUCANO), RECEBEU 100 MILHÕES DE REAIS EM PROPINAS DA OAS EM OBRAS SUPERFATURADAS (NOVO PALÁCIO), RECEBEU 500 MILHÕES DAS MINERADORAS PARA ABAFAR A “CPI DA MINERAÇÃO” E ABAFAR OS DESASTRES DA BHM SAMARCO, AÉCIO CHEIRA NEVES É UM MEGA DELATADO E UM MEGA BLINDADO NA TEIA DE PROTEÇÃO TUCANA NA LAVA JATO E FOI MATADOR MANDANTE DE ASSASSINATOS DE POLICIAIS (LUCAS GOMES ARCANJO E OUTROS), DE JORNALISTAS MORTOS EM MINAS GERAIS, AÉCIO É UMA CÓPIA DE PABLO ESCOBAR COM EXTENSA FICHA CRIMINAL, TODA A CORRUPÇÃO ABAFADA PELA “TEIA DE PROTEÇÃO JUDICIÁRIA TUCANA” NA ROUBALHEIRA DO GOVERNO FHC NO BANCO DO ESTADO DO PARANÁ- 125 BILHÕES DÓLARES FORAM PAGOS PELAS MULTINACIONAIS A FAMILIARES DE 300 POLÍTICOS DEMOTUCANOS NAS PRIVATARIAS TUCANAS, TUDO ABAFADO POR SERGIO MORO NO ESCÂNDALO BANESTADO (1997-2002).

    OS CORRUPTOS AÉCIO CHEIRA NEVES, TEMER E SEU QUADRILHÃO, O FILHO E GENRO DE FHC E PRIMO DE JOSÉ SERRA NA LAMA DA CORRUPÇÃO SÃO DELATADOS POR VÁRIOS DELATORES E BLINDADOS NO STF E NO PARANÁ.

    FERNANDO BAIANO DELATA CORRUPTO FILHO DE FHC SR PHC EM PESADO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO USANDO EMPRESAS DE FACHADA OFFSHORE NO PANAMÁ E ILHAS CAYMAN E PROPINAS MILIONÁRIAS RECEBIDAS DE MULTINACIONAIS EM CONTRATOS ILÍCITOS NA ÉPOCA DOS APAGÕES, CONTRATOS DO GASBOL E NO DESASTRE DA PLATAFORMA P-36 COM GERMAN EFRAMOVITCH EM PARCERIA COM O CORRUPTO GENRO DE FHC DAVID ZYLBERSZTAJN

    https://www.youtube.com/watch?v=AnKK51ITUQI

    FERNANDO BAIANO DELATOU EM VÍDEO O MEGA CORRUPTO FILHO DE FHC O VAGABUNDO PHC NA CORRUPÇÃO COM MULTINACIONAIS EM CONTRATOS ILÍCITOS E OBRAS SUPERFATURADAS PARA CONSTRUÇÃO DE USINAS TERMELÉTRICAS NOS APAGÕES PLANEJADOS DE FHC NOS ESCÂNDALOS DO GASBOL E DA TERMO-RIO. NÃO FOI GRATUITA A NOMEAÇÃO DE PEDRO PARENTE COMO MINISTRO DOS APAGÕES, DO BANQUEIRO FRANCÊS HENRY PHILLIPE REISCHTULL AMIGO PESSOAL DO GENRO DE FHC NA PRESIDÊNCIA DA PETROBRAS, A NOMEAÇÃO DE BARUSCO NOS PROGRAMAS DE TERCEIRIZAÇÃO E AFRETAMENTOS. PARA NOMEAR ESTRANGEIROS NAS ESTATAIS FHC FEZ MUDANÇAS NO ESTATUTO E “RASGOU ACORDOS COLETIVOS” PARA A NOMEAR O ESPANHOL NESTOR CERVERÓ E NOMEAR PAULO ROBERTO COSTA FEROZ ALIADO DE FHC, E NOMEAR OS TUCANOS SR DELCIDIO DO AMARAL (PSDB-MT) E SERGIO MACAHADO (PSDB-CE) EMPOSSADOS POR FHC EM 1996 PARA MONTAR OS ESQUEMAS DAS PRIVATARIAS TUCANAS NA ÁREA DE PETRÓLEO E ENERGIA, JUSTIFICADAS PELOS APAGÕES PLANEJADOS DE FHC.

    ISSO EXPLICA AS FORTUNAS BILIONÁRIAS DO FILHO DE FHC O CORRUPTO PAULO HENRIQUE CARDOSO NAS ILHAS CAYMAN E NO “PANAMÁ PAPERS” E AQUELE APARTAMENTO DE 37 MILHÕES DE REAIS NA CHAMPS ELISSÉS EM PARIS EM NOME DE FHC E TAMBÉM AS CONTAS SECRETAS BILIONÁRIAS NO CARIBE (CONTA TUCANO, CONTA MARÍLIA E CONTA CH J&T COM MAIS DE HUM BILHÃO DE DÓLARES).

    AS EMPRESAS AMERICANAS ENVOLVIDAS COM A MAIOR PARTE DA CORRUPÇÃO QUE REMUNEROU COM PROPINAS BILIONÁRIAS O FILHO E O GENRO DE FHC E OS FAMILIARES DE JOSÉ SERRA E DE 300 POLÍTICOS DEMOTUCANOS SÃO A ENRON, SHELL, CHEVRON, EXXON MOBIL, AES E A EL PASO E BHP SAMARCO. TODAS ESSES ESQUEMAS DE CORRUPÇÃO FORAM CRIADOS NO GOVERNO FHC AINDA EM 1995 PARA PROMOVER AS PRIVATARIAS TUCANAS, DESMONTAR O ESTADO NACIONAL, FAZER OS TERRÍVEIS APAGÕES E ENTREGAR AS 137 MAIORES EMPRESAS NACIONAIS E AS RESERVAS MINERAIS E PETROLÍFERAS PARA O CAPITAL ESTRANGEIROE ESSAS PASSAGENS. O DELEGADO JOSÉ CASTILHO NETO DA PF PRENDEU OLGA YOUSSEF, ALBERTO YOUSSEF E OUTROS 70 DOLEIROS NO PARANÁ PASMEM, TODOS FORAM MANTIDOS SOLTOS PELO JUIZ TUCANO SERGIO MORO ORIENTADO NAQUELA SINISTRA “TEIA DE PROTEÇÃO TUCANA NO JUDICIÁRIO” CRIADA EM 1995 POR GERALDO BRINDEIRO E GILMAR MENDES.

    OS MAPAS DA CORRUPÇÃO MONTADA NO GOVERNO FHC ESTÃO DETALHADOS NOS LIVROS:

    1- “FHC, CRISE, DECADÊNCIA E CORRUPÇÃO”, H Fontana

    2- “O MAPA DA CORRUPÇÃO NO GOVERNO FHC”, Larissa Burtone

    3- “A OUTRA HISTÓRIA DA LAVA JATO” , Paulo Moreira Leite

    4- “A PRIVATARIA TUCANA”,Amaury Junior

    5- “YOUTUBE: REQUIÃO: BANESTADO FOI A MAIOR CORRUPÇÃO DA REPÚBLICA E ENVOLVE OS MESMOS JUIZES, OS MESMOS DOLEIROS E OS MESMOS POLÍTICOS DA LAVA JATO”

    6- “EL COMPLOT DEL FMI PARA LAS NACIONES DE IBERO AMERICA”, lindon Larouche, 1993

    7- “O BANESTADO E A LAVA JATO UM FEITIÇO DO TEMPO: OS MESMOS DOLEIROS E OS MESMOS JUÍZES E OS MESMOS PROCURADORES”, Jandira fegali

    8- “TARDE DEMAIS PARA ESQUECER”, Bendito C Bonfim, 1995

    9- “A PÁTRIA PEDE SOCORRO”, brigadeiro Ivan Frota, 1995

    10_ “YOUTUBE: “BILL CLINTON PASSA SERMÃO EM FHC PELA PESADA CORRUPÇÃO NO ESQUEMA BANESTADO QUE USOU AGÊNCIA EM NY”, Florença Itália, novembro 1999

    O PATRIMÔNIO PÚBLICO FOI PARA O RALO DA CORRUPÇÃO NO “ESQUEMA BANESTADO NAS PRIVATARIAS DE FHC”: ISSO MESMO 15 TRILHÕES DE DÓLARES, PARA OS BOLSOS DOS GRINGOS E PARA O RALO DA CORRUPÇÃO NO GOVERNO FHC!!MUITOS MIDIOTAS TEM PREGUIÇA DE LER LIVROS, TODA A BIBLIOGRAFIA ESTÁ CITADA NAS FONTES CITADA NA MATÉRIA, MAS VAMOS LÁ:

    RESPOSTA SOBRE OS VALORES PATRIMONIAIS DOADOS POR FHC EM TROCA DE PROPINAS BLIONÁRIAS PAGAS PELAS MULTINACIONAIS NO “ESQUEMA BANESTADO- BANCO DO ESTADO DO PARANÁ” QUE O DELEGADO JOSÉ CASTILHO NETO INVESTIGOU E PRENDEU 70 DOLEIROS NO PARANÁ E INDICIOU 300 POLÍTICOS DEMO-TUCANOS

    Sugiro uma leitura no documento publicado no RR RELATÓRIO RESERVADO (no Google) PRELIMINARY IDEAS STEP BAY STEP FOR A PRIVATIZATION MASTER PLAN IN BRAZIL OF ELETROBRAS GROUP, TELEBRAS GROUP, PETROCHEMICAL GROUP, PETROBRAS GROUP, VALE DO RIO DOCE GROUP AND INFRAERO GROUP – CONFIDENTIAL MEMORANDUM”. A elaboração desse documento teve a partiucipação de notáveis traidores e lesa pátrias: FHC então ministro das relações exteriores e o sr Henrique Meireles atuou como diretor do First Suisse Bank of Boston pelo Brasil; o lesa pátria Salinas pelo México que foi o mandante da morte do candidato presidenciável Luis Donaldo em 1994, o lesa pátria Carlos Menen e Cavallo pela Argentina, todos figuras notáveis da corrupção. O sr Meirelles ao sair do banco americano ele tornou-se diretor financeiro do GRUPO JBS e lá permaneceu entre 1999 e 2015 todos conhecem o final desse filme de Meirelles com a JBS.

    valores patrimoniais que foram doados por FHC e seus 300 políticos corruptos remunerados pelas multinacionais no ESCÂNDALO BANESTADO NO PARANÁ (ABAFADO POR SERGIO MORO ENTRE 1997 E 2002):

    1- O ESCÂNDALO DA PRIVATARIA DA VALE DO RIO DOCE: 5 TRILHÕES DE DÓLARES (18 TRILHÕES DE REAIS)

    A CIA VALE DO RIO DOCE E TODAS AS SUAS SUBSIDIÁRIAS (DOCENAVE: 49 NAVIOS), JAZIDAS MINERAIS EM PLENA PRODUÇÃO EM MINAS GERAIS, BAHIA, GOIÁS, MATO GROSSO, PARÁ (CARAJÁS), ETC: PATRIMÔNIO 5 TRILHÕES DE DÓLARES (18 trilhões de reais).

    Uma auditoria avaliou os equipamentos e instalações da VALE DO RIO DOCE em 380 bilhões de dólares, hum trilhão e meio de reais, e as jazidas de metais avaliadas em cinco trilhões de dólares, TUDO FOI DOADO PELA BAGATELA DE 3 BILHÕES DE REAIS NA “BACIA DAS ALMAS” (MENOS QUE O,2% DO VALOR PATRIMONIAL) PARA O GRUPO BHP SAMARCO E GRUPO BILLITON COM PARTICIPAÇÃO DO BRADESCO PARTICIPAÇÕES NAS NEGOCIATAS (envolve o ex-diretor do BRADESPAR SR ROGER AGNELLI QUE APÓS PERMANECER 15 ANOS NA PRESIDÊNCIA DA VALE PRIVATIZADA ELE SOFREU UM DESASTRE AÉREO EM SP LOGO APÓS O ACIDENTE DA SAMARCO EM MARIANA QUE GEROU PREJUIZOS DE 370 BILHÕES DE REAIS AO BRASIL (MINAS GERAIS E ESPÍRITO SANTO) E A COMPLETA DESTRUIÇÃO DO RIO DOCE. Esses valores de avaliação da maior mineradora do planeta A VALE DO RIO DOCE na época da sua privataização, foram publicados no livro “EL COMPLOT PARA ANIAQUILAR LAS NACCIONES DE IBERO AMERICA”, Lindon Larouche, 1993. O livro cita FHC como signatário do famigerado Consenso de Washington e dos acordos secretos com o FMI e MEGA ESPECULADORES INTERNACIONAIS. 460 BILHÕES DE DÓLARES + 160 BILHÕES DE DÓLARES EM SISTEMAS FIXOS QUE ESTÁ SENDO DOADO AGORA POR KASSAB NO GOVERNO GOLPISTA DE “MI-SHELL” TEMER QUE PLANEJOU O GOLPE COM SERRA E O PAVÃO DE CURITIBA PARA ENTREGAR O PRESAL QUE VALE 20 TRILHÕES US$ CONFIRAM NA ENTREVISTA NO YOUTUBE: “ROCKEFELLER: “PRESAL VALE 20 TRILHÕES DE US$ E SEIS MILHÕES DE EMPREGOS: 30 VEZES O PIB DO BRASIL” . ESSA PARTE NÃO VAMOS COMENTAR NO PREJUIZOS POIS FOI O ALVO PRINCIPAL DO GOLPE DE 2016 MAIS RECENTE, VAMOS FOCAR NA MATÉRIA ANEXA. OS PREJUIZOS COM A PERDA DO PRESAL E A DOAÇÃO DE RESERVAS PARA AS PETROLÍFERAS FORAM ARMADAS NO PLANEJAMENTO DO GOLPE E NO TREINAMENTO DE SERGIO MORO NA CIA EM 2009 (PROJETO PONTE)

    2- PRIVATARIAS DAS TELECOMUNICAÇÕES- MAIS CONHECIDO COMO “ESCÂNDALO DAS TELES NO LIMITE DA IRRESPONSABILIDADE” -OUTUBRO 1998- 300 BILHÕES DE DÓLARES E MAIS 160 BILHÕES DE DÓLARES EM PRÉDIOS, INSTALAÇÕES, ANTENAS SATÉLITES E ESTAÇÕES TERRESTRES.

    Os grampos da Polícia Federal foram publicados pela REVISTA ISTOE em outubro de 1998, conversas palacianas falam descaradamente sobre corrupção e concessão de empréstimo-doação no BNDES (MARCIO FORTES E MENDONÇA DE BARROS, SERGIO MOTA, FHC, VERÔNICA SERRA, DANIEL DANTAS E JOSÉ SERRA) de dois bilhões de dólares para os gringos ganhadores das raspadinhas da doação de 38 empresas de telefonia móvel e celular. O banqueiro Dantas e o tucano Jereissati receberam a doação de 8 empresas de telefonia celular no norte e nordeste tendo a filha de Serra como testa de ferro, e os gringos da RTP TELECOM DE PORTUGAL E A ESPANHOLA TELEFÔNICA RECEBERAM A DOAÇÃO DE 28 EMPRESAS DE TELEFONIA FIXA E CELULAR NOS DEMAIS REGIÕES DO BRASIL. O prejuízo estimado foi de 300 bilhões de dólares cerca de hum trilhão e meio de reais na época dessa privataria. AS PROPINAS FORAM PAGAS NO ESQUEMA BANESTADO NO PARANÁ E LAVADAS PELOS DOLEIROS OFFICE BOYS DOS TUCANOS NO PARANÁ ALBERTO YOUSSEF E OLGA YOUSSEF E OUTROS 70 DOLEIROS PRESOS NO PARANÁ E SOLTOS POR SERGIO MORO ELES FORAM PRESOS EM 1999 NA “OPERAÇÃO MACUCO”

    3- A PRIVATARIA DOS CAMPOS PETROLÍFEROS DO BRASIL EM LEILÕES LESA PÁTRIAS: 4 TRILHÕES DE DÓLARES (14 TRILHÕES DE REAIS)

    ESSA PERDA REPRESENTA 20% DO VALOR DA DOAÇÃO FEITA PELA PEC LESA PÁTRIA DE JOSÉ SERRA (PEC-131) PARA ENTREGA DOS CAMPOS GIGANTES E ULTRA PRODUTIVOS DO PRESAL DOADOS PELO VAMPIRÃO CONDE DRÁCULA “MI-SHELL” TEMER EM 2016 E 2017 ESSE FOI O PREÇO DO GOLPE PARLAMENTAR E JUDICIÁRIO NO BRASIL. DESDE 2011 O EX AGENTE DA CIA EDWARD SNOWDEN JÁ ALERTAVA QUE O BRASIL SERIA ESPIONADO E GOLPEADO COM A AJUDA DE JUÍZES TREINADOS EM 2009 PELA CIA E FBI JUNTO COM JUIZES DO PARAGUAI.

    29 BACIAS SEDIMENTARES E 200 CAMPOS PETROLÍFEROS DOADOS PELA ANP LOGO APÓS A SUA CRIAÇÃO EM 1997. NOTEM QUE UM MÊS ANTES DE CRIA-LA FHC COLOCOU TROPAS DO EXÉRCITO NA SEDE DA EX-ESTATAL PETROBRAS E ROUBOU MILHARES DE MAPAS DE PETRÓLEO DA PETROBRAS E FHC ENTREGOU AO CORRUPTO GENRO DAVID ZYLBERSZTAJN QUE OS NEGOCIOU COM AS PETROLÍFERAS ESTRANGEIRAS

    O PREJUÍZO COM ESSA DOAÇÃO DE 200 CAMPOS PETROLÍFEROS EM 29 BACIAS SEDIMENTARES NO PÓS SAL FOI DE QUATRO TRILHÕES DE DÓLARES. CENTENAS DE CAMPOS FORAM VENDIDOS POR PREÇOS DE APARTAMENTOS E ATÉ DE UMA HONDA CIVIC NA BACIA DAS ALMAS EM TROCA DE PROPINAS PARA DAVID.

    O sinistro genro de FHC DAVID ZYLBERSZTAJN foi nomeado em janeiro de 1997 pelo sogro o corrupto sr FHC, MAIS CONHECIDO COMO “CROCODILO CAIMÃO FHC” pelas ações secretas e obscuras no ESCÂNDALO BANESTADO E O DOSSIÊ CAYMAN MANTIDO ABAFADO PELO PRG GERALDO BRINDEIRO O ENGAVETADOR GERAL DA REPÚBLICA DE FHC.

    4- A DOAÇÃO DE 32 EMPRESAS DE DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO BRASIL E SUAS CENTENAS DE SUBSIDIÁRIAS – OS APAGÕES PLANEJADOS DE FHC PARA JUSTIFICAR AS PRIVATARIAS: PREJUÍZOS DE 3,5 TRILHÕES DE DÓLARES DE DÓLARES (13 TRILHÕES DE REAIS), AS CONTAS DE ENERGIA QUINTUPLICARAM DESDE 1999 PASSANDO O KWH DA FAIXA DOS CINCO CENTAVOS PARA OS ATUAIS NOVENTA CENTAVOS POR KWH (UM AUMENTO DE 4 MIL POR CENTO)

    Essa privataria foi a mais escandalosa do Brasil e foi planejada cuidadosamente através dos APAGÕES que foram ações de SABOTAGEM do governo FHC na paralisação de serviços de manutenção nas subestações, linhas de transmissão, redes públicas, estações abaixadoras, centrais hidrelétricas que geraram entre 1996 e 2001 muitos transtornos e enormes prejuízos para a indústria e para a população para JUSTIFICAR AS PRIVATARIAS. FHC CONFESSOU DE PRÓPRIO PUNHO NO LIVRO DIÁRIOS DA PRESIDÊNCIA QUE PLANEJOU OS APAGÕES COM AJUDA DE CONSULTORIAS ESTRANGEIRAS QUE ADMITIU ATOS DE SABOTAGEM E DESLEIXO NAS INSTALAÇÕES E CORTES DE INVESTIMENTOS NAS LINHAS DE TRANSMISSÃO PARA QUE A ENERGIA FOSSE PROPOSITADAMENTE RACIONADA E ASSIM JUSTIFICAR A ENTREGA DE EMPRESAS GIGANTES DE ENERGIA COMO A ELETROPAULO (DOADA PELO CORRUPTO GENRO DE FHC PARA A AMERICANA AES) E CENTENAS DE PRIVATARIAS, O CASO MAIS GRAVE FOI A PRIVATARIA DA CERJ CENTRAIS ELÉTRICAS DO RIO DE JANEIRO E A CEG – CIA ESTADUAL DE GÁS DOADAS PARA LIGHT E PARA A ELETRICITÉ DE FRANCE PASMEM NA BACIA DAS ALMAS E DEPOIS A SEGUNDA FOI REVENDIDA PELA EMPRESA FRANCESA PARA A LAIGHT TORNADO A CONCESSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA E GÁS EM UMA UNICA EMPRESA: UM PERIGOSO NEGÓCIO PARA O ESTADO DO RIO DE JANEIRO. ENERGIA ELETRICA E GÁS PASSARAM A SER CONDUZIDOS PASMEM NUM UNICO DUTO GERANDO EXPLOSÕES DE BUEIROS: “A MUSICA DE CARNAVAL VIROU DEBOCHE “BUEIRO DO RIO CALOR QUE PROVOCA ARREPIO” LEMBRANDO OS VELHOS TEMPOS DAS CRÍTICAS À LIGHT NOS ANOS 1940 COM AMUSICA DE CARNAVAL DE 1944:”RIO CIDADE QUE RELUZ, DE DIA FALTA ÁGUA E DE NOITE FALTA LUZ!!”

    5- A PRIVATIZAÇÃO BRANCA DA PETROBRAS – ENTREGA DE SEIS BILHÕES DE AÇÕES PREFERENCIAIS DA PETROBRAS NA BACIA DAS ALMAS NO DIA 10 DE JANEIRO DE 2000. PREJUIZO DE HUM TRILHÃO DE DÓLARES

    A PETROBRAS FOI A EMPRESA QUE MAIS SOFREU ATAQUES, EXTINÇÃO DE DEPARTAMENTOS, FATIAMENTO EM “UNIDADES DE NEGÓCIO” E PRIVATODOAÇÃO DE DEZENAS DE SUBSIDIÁRIAS, DESMONTES, ENTREGA DE SEIS BILHÕES DE AÇÕES PREFERENCIAIS VENDIDAS NA BACIA DAS ALMAS E TROCADAS POR MOEDAS PODRES DO MERCADO IMOBILIÁRIO, UMA VERGONHOSA NEGOCIATA FEITA POR FHC E O CORRUPTO GENRO DAVID E SR REISCHTULL NA BOLSA DE NEW YORK E FEROZES ATAQUES NA ERA FHC E PARA FAZER OS DESMONTES O SR FHC NOMEOU FEROZES ALIADOS NO COMANDO INCLUINDO O SINISTRO TUCANO SR PAULO ROBERTO COSTA, O ESPANHOL NESTOR CERVERO, BARUSCO E OUTROS CITADOS NA LAVA A JATO FORAM “PESSOAS NOMEADAS POR FHC” ELE SEGUIU PASSO A PASSO A ORIENTAÇÕES DA CONSULTORIA DO BANK OF BOSTON (SR MEIRELLES E DO BANCO JP MORGAN SR GROSS E DO PARIBAS PELO SR NENRY REISCHTULL QUE FOI NOMEADO POR FHC, MESMO SENDO ESTRANGEIRO, PAMSEM PARA A PRESIDÊNCIA DA EX ESTATAL PETROBRAS EM 1999)

    DESDE A ENTREGA DE SEIS BILHÕES DE AÇÕES NA BOLSA DE NY A PETROBRAS É OBRIGADA A ENVIAR PARA NEW YORK, TODOS OS ANOS, MAIS DE SESSENTA POR CENTO DOS SEUS LUCROS. A UNIÃO FICOU COM APENAS A METADE MAIS UMA DO TOTAL DE AÇÕES ORDINÁRIAS QUE REPRESENTA APENAS 30% DO TOTAL DO CAPITAL VOLANTE, UM GOLPE DE MESTRE NA PRIVATIZAÇÃO BRANCA DA EX ESTATAL PETROBRAS. ESSE GOLPE FOI PLANEJADO EM DEZEMBRO DE 1997 PELA SINISTRA LEI 9.478/97 UM GOLPE DE MESTRE QUE DEFINIU UM NOVO CONCEITO FAJUTO DE EMPRESA NACIONAL (51% DAS AÇÕES ORDINÁRIAS E NÃO MAIS 51% DO TOTAL DE AÇÕES A NOVA LEGISLAÇÃO LESA PÁTRIA DE FHC PERMITIU QUE UMA EMPRESA ESTRANGEIRA POSSUA 100 % DAS AÇÕES PREFERENCIAIS FOI O CASO DA PETROBRAS QUE FOI GOLPEADA NESSA PRIVATIZAÇÃO BRANCA NO DIA 10 DE JANEIRO DE 2000.

    6- A NEBULOSA E VERGONHOSA PRIVATARIA DAS SEIS EMPRESAS PETROQUÍMICAS GIGANTES DA PETROBRAS DOADAS PARA O GRUPO ODEBRECHT EM 1995 E 1996

    O corrupto sr FHC doou em 1995 e 1996 na bacia das almas TODAS as empresas petroquímicas SUPERLUCRATIVAS subsidiárias do grupo PETROBRAS PARA O SEU AMIGO PESSOAL DOM EMÍLIO ODEBRECHT (COPENE, PQU, BRASKEM, COPESUL, PETROFERTIL, FAFEN, ETC) ELAS VALIAM EM TORNO DE 2,5 TRILHÕES DE DÓLARES E GERAM LUCROS ANUAIS ESTRATOSFÉRICOS.

    Desde 1996 a ODEBRECHT que levou na mão grande as petroquimicas gigantes da Petrobras em leilões coroados de falcatruas, deixou de ser uma mera construtora para ser a GIGANTE DO SETOR PETROQUIMICO. Desde 1997 90% dos lucros da ODEBRECHT provém das superlucrartivas empresas petroquimicas que pertenciam a PETROBRAS e foram doadas por FHC para o amigo DOM EMILIO ODEBRECHT PASMEM TENDO COMO TESTA DE FERRO O FILHO CORRUPTO PAULO HENRIQUE CARDOSO, O PHC

    É MUITO CÍNICO ESSE SR FACHIN PROTEGENDO E BLINDANDO FHC E SEUS FAMILIARES CORRUPTOS NA SINISTRA “TEIA DE PROTEÇÃO TUCANA JUDICIÁRIA CRIADA EM 1995 POR GIULMAR MENDES E GERALDO BRINDEIRO PARA ABAFAR ESQUEMA BANESTADO” AGINDO COM O JUIZ PAVÃO DE CURITIBA AGENTE DA CIA SERGIO MORO NA “REDE DE PROTEÇÃO TUCANA NO JUDICIÁRIO”, E MAIS UMA VEZ BLINDANDO O CORRUPTO CROCODILO CAIMÃO FHC QUE ENVOLVEU TODA A FAMÍLIA EM NEGÓCIOS DA CORRUPÇÃO E EMPRESAS DE FACHADA O OFFSHORES NO CARIBE, FHC É O PAI DA CORRUPÇÃO NO ESQUEMA BANESTADO (PARANÁ)E NO MENSALÃO TUCANO (MINAS GERAIS) TEM CONTAS BILIONÁRIAS NAS ILHAS CAYMAN, APARTAMENTO DE 37 MILHÕES EM PARIS, IMÓVEIS MILIONÁRIOS EM BARCELONA E NO BRASIL E FORTUNAS EM NOME DE FILHOS, DO CORRUPTO PHC E DO GENRO CORRUPTO DAVID ZYLBERSZTAJN

    https://www.youtube.com/watch?v=AnKK51ITUQI

  • ESSE JUIZECO PAVÃO DE MARINGÁ NÃO TEM EXAME DA OAB E NEM FOI CONCURSADO, FOI NOMEADO POR UM COLEGIADO NA ERA FHC PARA ATAUAR NO CASO BANESTADO, ASSIM COMO O EX-ADVOGADO DO PCC E DE MARCOLA 9MARCOS HERBAS CAMACHO), SR ALEXANDRE MORAIS, VIROU JUIZ SEM TOGA NO STF NO GOLPE E SEM CONCURSO.

    CELSO RUSSOMANO EX-ASSESSOR DE COMUNICAÇÃO DO HOTEL DELLA VOLPE, O QUADRILHÃO DE MICHEL TEMER E O ASSASSINATO DO JOVEM GOVERNADOR DO ACRE MORTO NO DELLA VOLPE COM TIROS NA CABEÇA DOIS DIAS ANTES DE DEPOR NA CPI ESQUEMA ODEBRECHT E ESQUEMA COLLOR PC FARIAS!!!OS ASSASSINOS PEGARAM A CHAVE NA PORTARIA, FOI FEITA UMA SIMULAÇÃO DE LATROCÍNIO,. MAS FOI UMA EXECUÇÃO!!!UM CRIME POLÍTICO E INICIOU O IMPEACHMENT DE FERNADO COLLOR

    https://www.youtube.com/watch?v=PFrEo6wDlVg

    TODO O SÉTIMO ANDAR DO HOTEL NO DIA DO CRIME FOI ALUGADO PELA ODEBRECHT PARA NINGUÉM OUVIR OS TIROS. O JOVEM GOVERNADOR FOI MORTO NO APARTAMENTO 704, NO 702 AO LADO ESTAVA HOSPEDO UM NORTE AMERICANO, UM TESTA DE FERRO DA ODEBRECHT QUE OPERA CONTAS OFFSHORE PARA A ODEBRECHT E OS 300 POLÍTICOS DO QAUADRILHÇAO DO PMDB/SPDB/DEM, ELE ESTAVA BEM AO LADO DA CENA DO CRIME, NÃO PRESTOU DEPOIMENTO À POLÍCIA E FUGIU PARA OS EUA APÓS O CRIME. O GOVERNADOR FOI MORTO AO DENUNCIAR O DEPROP.

    https://www.youtube.com/watch?v=AxFriAwvu_8

    JOVEM GOVERNADOR DO ACRE FOI MORTO EM SÃO PAULO PELO QUADRILHÃO DE MICHEL TEMER E O ESQUEMA ODEBRECHT ASSASSINADO EM 17 DE MAIO DE 1992, DOIS DIAS ANTES DE DEPOR NA CPI “ESQUEMA ODEBRECHT E ESQUEMA COLLOR PC FARIAS”. DOIS FATOS CURIOSOS: O GOVERNADOR DENUNCIOU PASMEM HÁ 25 ANOS ATRÁS O “ESQUEMA DEPROP DA ODEBRECHT” QUE A LAVA JATO SE GABA DE TER DESCOBERTO!!! O PRINCIPAL DENUNCIADO ERA O LIDER DO PMDB CHEFE DO QUADRILHÃO SR MICHEL TEMER, QUE ERA SECRETÁRIO DA SEGURANÇA DO GOVERNO CORRUPTO DE ANTONIO FLEURY (PMDB-SP) E ELE ABAFOU O CRIME. OUTRO FATO CURIOSO É QUE O ASSESSOR DE COMUNICAÇÃO DO HOTEL ONDE FOI TRAMADO O ASSASSINATO ERA O SR CELSO RUSSOMANO, UM FERZO ALIADO DO QUADRILHÃO DO PMDB. ESSA QUADRILHA DARIA INVEJA ATÉ A ALPHONSO CAPONE SE VIVO FOSSE!!!!ELES ESTÃO SAQUEANDO O PAÍS HÁ MAIS DE CINQUENTA ANOS E COM AVAL DO JUDICIÁRIO.

    ESSE CANALHA MEGA CORRUPTO SR FHC OBTEVE FORTUNAS EM IMÓEVIS MILIONÁRIOS EM PARIS (37 MILHÕES EM CHAMPS ELISSÉS), OUTRO EM BARCELONA, NEW YORK (TOWER TRUMP), UMA FAZENDA MILIONÁRIA OBTIDA EM TROCA DE PROPINAS COM A FAMÍLIA DE SERGIO MOTA EM BURITIS (MG) COM PISTA PARA BOEINGS NO AEROPORTO CONSTRUÍDO PELAS CONSTRUTORAS CAMARGO CORREIA E ODEBRECHT, SALDOS DE 368 MILHÕES DE DÓLARES EM DUAS CONTAS SECRETAS BILIONÁRIAS: CONTA TUCANO E CONTA CH J&T NO PANAMÁ E NAS ILHAS CAYMAN (DOSSIÊ CAYMAN ABAFADO EM 1998) E ENRIQUECEU FAMILIARES O CORRUPTO GENRO DAVID ZYLBERSZTAJN E O SINISTRO FILHO PHC TEM CONTAS SECRETAS BILIONÁRIAS NA SUÍÇA E NO CARIBE E NEGÓCIOS BILIONÁRIOS NO “PANAMÁ PAPERS” (“MOSSAK FONSECA”), FHC MONTOU UMA REDE DE CORRUPÇÃO E TRANSFORMOU O PLANALTO NUM ESCRITÓRIO DE “NEGÓCIOS DA CHINA, ELE ANUNCIOU AO MUNDO CENTENAS DE PRIVATARIAS A BAIXOS PREÇOS” NOMEOU FEROZES ALIADOS EM VÁRIAS EMPRESAS NACIONAIS PARA AJUDAR NOS DESMONTES E NAS PRIVATARIAS, ELE ATÉ MUDOU O ESTATUTO DAS EMPRESAS NACIONAIS PARA NOMEAR ESTRANGEIROS NA PRESIDÊNCIA E DIRETORIAS, COMO FOI O CASO DA NOMEAÇÃO DO DESASTRADO O BANQUEIRO FRANCÊS PASME NA PRESIDÊNCIA DA PETROBRAS, O MONSIEUR HENRY REISCHTULL (DONO DO BANCO SBA E EX- DIRETOR DO PARIBAS) E O ESPANHOL NESTOR CERVERÓ PARA AJUADR A ENTREGAR AS SONDAS DA PETROBRAS, AS SUBSIDIÁRIAS E AS PETROQUIMICAS DA PETROBRAS (COPENE, PQU, BRASKEM, PETROFERTIL, FAFEN, ETC) DOADAS POR PREÇOS ÍNFIMOS PARA O AMIGO PESSOAL DE FHC SR EMILIO ODEBRECHT. DESDE 1996 A ODEBRECHT DEIXOU DE SER UMA MERA CONSTRUTORA PARA SER A GIGANTE DO SETOR PETROQUIMICO GANHANDO NA MÃO GRANDE AS SUPERLUCRATIVAS PETTROQUIMICAS DA PETROBRAS DOADAS POR FHC AO GRUPO ODEBRECHT E AO GRUPO QUATOR EM TROCA DE PROPINAS PAGAS NO BANCO DO ESTADO DO PARANÁ, O PROPINODUTO DAS PRIVATARIAS TUCANAS.

    OS TRÊS PODERES ESTÃO MUITO APODRECIDOS NO BRASIL. COMO FEZ O JUIZ PIETRO NA ITÁLIA VAZAMENTOS SELETIVOS NA MANI PULITE, UMA AÇÃO MEDIEVAL CRIADA EM 1990 PARA BLINDAR SILVIO BERSLUCONE E SEUS JAGUNÇOS MAFIOSOS, PERSEGUIU E LEVOU AO SUICÍDIO 22 PESSOAS TORTURADAS NA ÍTALIA COM A FINALIDADE DE ELEGER BERLUSCONE O DONO DA EMISSORA RAI, AQUI NA TERRA DOS TUPINIQUINS TENTAM FAZER UMA CÓPIA DE BAIXO NÍVEL DA MANI PULITE USNADO UM JUIZ SEM OAB, NÃO CONCURSADO E “BLINDADOR DE TUCANOS DESDE O ESCÂNDALO BANESTADO” (1997-2002).

    EM SANTA CATARINA UM REITOR CIDADÃO DE BEM ATUANDO HONESTAMENTE NO MAGISTÉRIO POR 38 ANOS FOI PRESO, TORTURADO, HUMILHADO, LEVADO A SESSÕES DE TORTURAS FÍSICAS E PSICOLÓGICAS A MANDO DO JUIZECO PAVÃO DE CURITIBA AGENTE DA CIA CONTRATADO E TREINADO EM 2009 PARA FAZER O DESMONTE NACIONAL NO BRASIL E ENTREGAR AS RIQUEZAS NATURAIS DO BRASIL (PRESAL E MINÉRIOS E METAIS NOBRES DA AMAZÔNIA). A FAMÍLIA DE CHANCELLIER ACUSA O ESTADO DE TER FEITO TORTURAS FÍSICAS E PSICOLÓGICAS COM O REITOR PASSOU POR SESSÕES DE TORTURAS A MODA DA DITADURA MILITAR DE DAN MITRIONE COM ORIENTAÇÕES DA CIA O PAVÃO DE CURITIBA RESGATA O NAZI FACISMO NO BRASIL.

    ENQUANTO ISSO, O SENADOR CORRUPTO MEGA DELATADO, TRAFICANTE DE DROGAS, DROGADO AÉCIO CHEIRA NEVES, RÉU EM 14 PROCESSOS DE CORRUPÇÃO NO TJMG POR ROUBO DE VERBAS PÚBLICAS (AÉCIO DESVIOU 60 MILHÕES PARA CONSTRUÇÃO DE AEROPORTO NA “ROTA DA COCAINA” NA FAZENDA DOS PRIMOS, DESVIOU 5 BILHÕES DESVIADOS DA SAÚDE EM MG PARA GASTOS COM PROPAGANDA E ENRIQUECIMENTO ILÍCITO DE FAMILIARES DONOS DA MÍDIA), AÉCIO É LADRÃO DE MALAS DE DINHEIRO, MATADOR DE LARANJAS (SRA CRISTIANE APARECIDA E SRA MIRTES MORTAS EM BH EM 2002 NO ESQUEMA DE FURNAS E MENSALÃO TUCANO), RECEBEU 100 MILHÕES DE REAIS EM PROPINAS DA OAS EM OBRAS SUPERFATURADAS (NOVO PALÁCIO), RECEBEU 500 MILHÕES DAS MINERADORAS PARA ABAFAR A “CPI DA MINERAÇÃO” E ABAFAR OS DESASTRES DA BHM SAMARCO, AÉCIO CHEIRA NEVES É UM MEGA DELATADO E UM MEGA BLINDADO NA TEIA DE PROTEÇÃO TUCANA NA LAVA JATO E FOI MATADOR MANDANTE DE ASSASSINATOS DE POLICIAIS (LUCAS GOMES ARCANJO E OUTROS), DE JORNALISTAS MORTOS EM MINAS GERAIS, AÉCIO É UMA CÓPIA DE PABLO ESCOBAR COM EXTENSA FICHA CRIMINAL, TODA A CORRUPÇÃO ABAFADA PELA “TEIA DE PROTEÇÃO JUDICIÁRIA TUCANA” NA ROUBALHEIRA DO GOVERNO FHC NO BANCO DO ESTADO DO PARANÁ- 125 BILHÕES DÓLARES FORAM PAGOS PELAS MULTINACIONAIS A FAMILIARES DE 300 POLÍTICOS DEMOTUCANOS NAS PRIVATARIAS TUCANAS, TUDO ABAFADO POR SERGIO MORO NO ESCÂNDALO BANESTADO (1997-2002).

    OS CORRUPTOS AÉCIO CHEIRA NEVES, TEMER E SEU QUADRILHÃO, O FILHO E GENRO DE FHC E PRIMO DE JOSÉ SERRA NA LAMA DA CORRUPÇÃO SÃO DELATADOS POR VÁRIOS DELATORES E BLINDADOS NO STF E NO PARANÁ.

    FERNANDO BAIANO DELATA CORRUPTO FILHO DE FHC SR PHC EM PESADO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO USANDO EMPRESAS DE FACHADA OFFSHORE NO PANAMÁ E ILHAS CAYMAN E PROPINAS MILIONÁRIAS RECEBIDAS DE MULTINACIONAIS EM CONTRATOS ILÍCITOS NA ÉPOCA DOS APAGÕES, CONTRATOS DO GASBOL E NO DESASTRE DA PLATAFORMA P-36 COM GERMAN EFRAMOVITCH EM PARCERIA COM O CORRUPTO GENRO DE FHC DAVID ZYLBERSZTAJN

    https://www.youtube.com/watch?v=AnKK51ITUQI

    FERNANDO BAIANO DELATOU EM VÍDEO O MEGA CORRUPTO FILHO DE FHC O VAGABUNDO PHC NA CORRUPÇÃO COM MULTINACIONAIS EM CONTRATOS ILÍCITOS E OBRAS SUPERFATURADAS PARA CONSTRUÇÃO DE USINAS TERMELÉTRICAS NOS APAGÕES PLANEJADOS DE FHC NOS ESCÂNDALOS DO GASBOL E DA TERMO-RIO. NÃO FOI GRATUITA A NOMEAÇÃO DE PEDRO PARENTE COMO MINISTRO DOS APAGÕES, DO BANQUEIRO FRANCÊS HENRY PHILLIPE REISCHTULL AMIGO PESSOAL DO GENRO DE FHC NA PRESIDÊNCIA DA PETROBRAS, A NOMEAÇÃO DE BARUSCO NOS PROGRAMAS DE TERCEIRIZAÇÃO E AFRETAMENTOS. PARA NOMEAR ESTRANGEIROS NAS ESTATAIS FHC FEZ MUDANÇAS NO ESTATUTO E “RASGOU ACORDOS COLETIVOS” PARA A NOMEAR O ESPANHOL NESTOR CERVERÓ E NOMEAR PAULO ROBERTO COSTA FEROZ ALIADO DE FHC, E NOMEAR OS TUCANOS SR DELCIDIO DO AMARAL (PSDB-MT) E SERGIO MACAHADO (PSDB-CE) EMPOSSADOS POR FHC EM 1996 PARA MONTAR OS ESQUEMAS DAS PRIVATARIAS TUCANAS NA ÁREA DE PETRÓLEO E ENERGIA, JUSTIFICADAS PELOS APAGÕES PLANEJADOS DE FHC.

    ISSO EXPLICA AS FORTUNAS BILIONÁRIAS DO FILHO DE FHC O CORRUPTO PAULO HENRIQUE CARDOSO NAS ILHAS CAYMAN E NO “PANAMÁ PAPERS” E AQUELE APARTAMENTO DE 37 MILHÕES DE REAIS NA CHAMPS ELISSÉS EM PARIS EM NOME DE FHC E TAMBÉM AS CONTAS SECRETAS BILIONÁRIAS NO CARIBE (CONTA TUCANO, CONTA MARÍLIA E CONTA CH J&T COM MAIS DE HUM BILHÃO DE DÓLARES).

    AS EMPRESAS AMERICANAS ENVOLVIDAS COM A MAIOR PARTE DA CORRUPÇÃO QUE REMUNEROU COM PROPINAS BILIONÁRIAS O FILHO E O GENRO DE FHC E OS FAMILIARES DE JOSÉ SERRA E DE 300 POLÍTICOS DEMOTUCANOS SÃO A ENRON, SHELL, CHEVRON, EXXON MOBIL, AES E A EL PASO E BHP SAMARCO. TODAS ESSES ESQUEMAS DE CORRUPÇÃO FORAM CRIADOS NO GOVERNO FHC AINDA EM 1995 PARA PROMOVER AS PRIVATARIAS TUCANAS, DESMONTAR O ESTADO NACIONAL, FAZER OS TERRÍVEIS APAGÕES E ENTREGAR AS 137 MAIORES EMPRESAS NACIONAIS E AS RESERVAS MINERAIS E PETROLÍFERAS PARA O CAPITAL ESTRANGEIROE ESSAS PASSAGENS. O DELEGADO JOSÉ CASTILHO NETO DA PF PRENDEU OLGA YOUSSEF, ALBERTO YOUSSEF E OUTROS 70 DOLEIROS NO PARANÁ PASMEM, TODOS FORAM MANTIDOS SOLTOS PELO JUIZ TUCANO SERGIO MORO ORIENTADO NAQUELA SINISTRA “TEIA DE PROTEÇÃO TUCANA NO JUDICIÁRIO” CRIADA EM 1995 POR GERALDO BRINDEIRO E GILMAR MENDES.

    OS MAPAS DA CORRUPÇÃO MONTADA NO GOVERNO FHC ESTÃO DETALHADOS NOS LIVROS:

    1- “FHC, CRISE, DECADÊNCIA E CORRUPÇÃO”, H Fontana

    2- “O MAPA DA CORRUPÇÃO NO GOVERNO FHC”, Larissa Burtone

    3- “A OUTRA HISTÓRIA DA LAVA JATO” , Paulo Moreira Leite

    4- “A PRIVATARIA TUCANA”,Amaury Junior

    5- “YOUTUBE: REQUIÃO: BANESTADO FOI A MAIOR CORRUPÇÃO DA REPÚBLICA E ENVOLVE OS MESMOS JUIZES, OS MESMOS DOLEIROS E OS MESMOS POLÍTICOS DA LAVA JATO”

    6- “EL COMPLOT DEL FMI PARA LAS NACIONES DE IBERO AMERICA”, lindon Larouche, 1993

    7- “O BANESTADO E A LAVA JATO UM FEITIÇO DO TEMPO: OS MESMOS DOLEIROS E OS MESMOS JUÍZES E OS MESMOS PROCURADORES”, Jandira fegali

    8- “TARDE DEMAIS PARA ESQUECER”, Bendito C Bonfim, 1995

    9- “A PÁTRIA PEDE SOCORRO”, brigadeiro Ivan Frota, 1995

    10_ “YOUTUBE: “BILL CLINTON PASSA SERMÃO EM FHC PELA PESADA CORRUPÇÃO NO ESQUEMA BANESTADO QUE USOU AGÊNCIA EM NY”, Florença Itália, novembro 1999

    O PATRIMÔNIO PÚBLICO FOI PARA O RALO DA CORRUPÇÃO NO “ESQUEMA BANESTADO NAS PRIVATARIAS DE FHC”: ISSO MESMO 15 TRILHÕES DE DÓLARES, PARA OS BOLSOS DOS GRINGOS E PARA O RALO DA CORRUPÇÃO NO GOVERNO FHC!!MUITOS MIDIOTAS TEM PREGUIÇA DE LER LIVROS, TODA A BIBLIOGRAFIA ESTÁ CITADA NAS FONTES CITADA NA MATÉRIA, MAS VAMOS LÁ:

    RESPOSTA SOBRE OS VALORES PATRIMONIAIS DOADOS POR FHC EM TROCA DE PROPINAS BLIONÁRIAS PAGAS PELAS MULTINACIONAIS NO “ESQUEMA BANESTADO- BANCO DO ESTADO DO PARANÁ” QUE O DELEGADO JOSÉ CASTILHO NETO INVESTIGOU E PRENDEU 70 DOLEIROS NO PARANÁ E INDICIOU 300 POLÍTICOS DEMO-TUCANOS

    Sugiro uma leitura no documento publicado no RR RELATÓRIO RESERVADO (no Google) PRELIMINARY IDEAS STEP BAY STEP FOR A PRIVATIZATION MASTER PLAN IN BRAZIL OF ELETROBRAS GROUP, TELEBRAS GROUP, PETROCHEMICAL GROUP, PETROBRAS GROUP, VALE DO RIO DOCE GROUP AND INFRAERO GROUP – CONFIDENTIAL MEMORANDUM”. A elaboração desse documento teve a partiucipação de notáveis traidores e lesa pátrias: FHC então ministro das relações exteriores e o sr Henrique Meireles atuou como diretor do First Suisse Bank of Boston pelo Brasil; o lesa pátria Salinas pelo México que foi o mandante da morte do candidato presidenciável Luis Donaldo em 1994, o lesa pátria Carlos Menen e Cavallo pela Argentina, todos figuras notáveis da corrupção. O sr Meirelles ao sair do banco americano ele tornou-se diretor financeiro do GRUPO JBS e lá permaneceu entre 1999 e 2015 todos conhecem o final desse filme de Meirelles com a JBS.

    valores patrimoniais que foram doados por FHC e seus 300 políticos corruptos remunerados pelas multinacionais no ESCÂNDALO BANESTADO NO PARANÁ (ABAFADO POR SERGIO MORO ENTRE 1997 E 2002):

    1- O ESCÂNDALO DA PRIVATARIA DA VALE DO RIO DOCE: 5 TRILHÕES DE DÓLARES (18 TRILHÕES DE REAIS)

    A CIA VALE DO RIO DOCE E TODAS AS SUAS SUBSIDIÁRIAS (DOCENAVE: 49 NAVIOS), JAZIDAS MINERAIS EM PLENA PRODUÇÃO EM MINAS GERAIS, BAHIA, GOIÁS, MATO GROSSO, PARÁ (CARAJÁS), ETC: PATRIMÔNIO 5 TRILHÕES DE DÓLARES (18 trilhões de reais).

    Uma auditoria avaliou os equipamentos e instalações da VALE DO RIO DOCE em 380 bilhões de dólares, hum trilhão e meio de reais, e as jazidas de metais avaliadas em cinco trilhões de dólares, TUDO FOI DOADO PELA BAGATELA DE 3 BILHÕES DE REAIS NA “BACIA DAS ALMAS” (MENOS QUE O,2% DO VALOR PATRIMONIAL) PARA O GRUPO BHP SAMARCO E GRUPO BILLITON COM PARTICIPAÇÃO DO BRADESCO PARTICIPAÇÕES NAS NEGOCIATAS (envolve o ex-diretor do BRADESPAR SR ROGER AGNELLI QUE APÓS PERMANECER 15 ANOS NA PRESIDÊNCIA DA VALE PRIVATIZADA ELE SOFREU UM DESASTRE AÉREO EM SP LOGO APÓS O ACIDENTE DA SAMARCO EM MARIANA QUE GEROU PREJUIZOS DE 370 BILHÕES DE REAIS AO BRASIL (MINAS GERAIS E ESPÍRITO SANTO) E A COMPLETA DESTRUIÇÃO DO RIO DOCE. Esses valores de avaliação da maior mineradora do planeta A VALE DO RIO DOCE na época da sua privataização, foram publicados no livro “EL COMPLOT PARA ANIAQUILAR LAS NACCIONES DE IBERO AMERICA”, Lindon Larouche, 1993. O livro cita FHC como signatário do famigerado Consenso de Washington e dos acordos secretos com o FMI e MEGA ESPECULADORES INTERNACIONAIS. 460 BILHÕES DE DÓLARES + 160 BILHÕES DE DÓLARES EM SISTEMAS FIXOS QUE ESTÁ SENDO DOADO AGORA POR KASSAB NO GOVERNO GOLPISTA DE “MI-SHELL” TEMER QUE PLANEJOU O GOLPE COM SERRA E O PAVÃO DE CURITIBA PARA ENTREGAR O PRESAL QUE VALE 20 TRILHÕES US$ CONFIRAM NA ENTREVISTA NO YOUTUBE: “ROCKEFELLER: “PRESAL VALE 20 TRILHÕES DE US$ E SEIS MILHÕES DE EMPREGOS: 30 VEZES O PIB DO BRASIL” . ESSA PARTE NÃO VAMOS COMENTAR NO PREJUIZOS POIS FOI O ALVO PRINCIPAL DO GOLPE DE 2016 MAIS RECENTE, VAMOS FOCAR NA MATÉRIA ANEXA. OS PREJUIZOS COM A PERDA DO PRESAL E A DOAÇÃO DE RESERVAS PARA AS PETROLÍFERAS FORAM ARMADAS NO PLANEJAMENTO DO GOLPE E NO TREINAMENTO DE SERGIO MORO NA CIA EM 2009 (PROJETO PONTE)

    2- PRIVATARIAS DAS TELECOMUNICAÇÕES- MAIS CONHECIDO COMO “ESCÂNDALO DAS TELES NO LIMITE DA IRRESPONSABILIDADE” -OUTUBRO 1998- 300 BILHÕES DE DÓLARES E MAIS 160 BILHÕES DE DÓLARES EM PRÉDIOS, INSTALAÇÕES, ANTENAS SATÉLITES E ESTAÇÕES TERRESTRES.

    Os grampos da Polícia Federal foram publicados pela REVISTA ISTOE em outubro de 1998, conversas palacianas falam descaradamente sobre corrupção e concessão de empréstimo-doação no BNDES (MARCIO FORTES E MENDONÇA DE BARROS, SERGIO MOTA, FHC, VERÔNICA SERRA, DANIEL DANTAS E JOSÉ SERRA) de dois bilhões de dólares para os gringos ganhadores das raspadinhas da doação de 38 empresas de telefonia móvel e celular. O banqueiro Dantas e o tucano Jereissati receberam a doação de 8 empresas de telefonia celular no norte e nordeste tendo a filha de Serra como testa de ferro, e os gringos da RTP TELECOM DE PORTUGAL E A ESPANHOLA TELEFÔNICA RECEBERAM A DOAÇÃO DE 28 EMPRESAS DE TELEFONIA FIXA E CELULAR NOS DEMAIS REGIÕES DO BRASIL. O prejuízo estimado foi de 300 bilhões de dólares cerca de hum trilhão e meio de reais na época dessa privataria. AS PROPINAS FORAM PAGAS NO ESQUEMA BANESTADO NO PARANÁ E LAVADAS PELOS DOLEIROS OFFICE BOYS DOS TUCANOS NO PARANÁ ALBERTO YOUSSEF E OLGA YOUSSEF E OUTROS 70 DOLEIROS PRESOS NO PARANÁ E SOLTOS POR SERGIO MORO ELES FORAM PRESOS EM 1999 NA “OPERAÇÃO MACUCO”

    3- A PRIVATARIA DOS CAMPOS PETROLÍFEROS DO BRASIL EM LEILÕES LESA PÁTRIAS: 4 TRILHÕES DE DÓLARES (14 TRILHÕES DE REAIS)

    ESSA PERDA REPRESENTA 20% DO VALOR DA DOAÇÃO FEITA PELA PEC LESA PÁTRIA DE JOSÉ SERRA (PEC-131) PARA ENTREGA DOS CAMPOS GIGANTES E ULTRA PRODUTIVOS DO PRESAL DOADOS PELO VAMPIRÃO CONDE DRÁCULA “MI-SHELL” TEMER EM 2016 E 2017 ESSE FOI O PREÇO DO GOLPE PARLAMENTAR E JUDICIÁRIO NO BRASIL. DESDE 2011 O EX AGENTE DA CIA EDWARD SNOWDEN JÁ ALERTAVA QUE O BRASIL SERIA ESPIONADO E GOLPEADO COM A AJUDA DE JUÍZES TREINADOS EM 2009 PELA CIA E FBI JUNTO COM JUIZES DO PARAGUAI.

    29 BACIAS SEDIMENTARES E 200 CAMPOS PETROLÍFEROS DOADOS PELA ANP LOGO APÓS A SUA CRIAÇÃO EM 1997. NOTEM QUE UM MÊS ANTES DE CRIA-LA FHC COLOCOU TROPAS DO EXÉRCITO NA SEDE DA EX-ESTATAL PETROBRAS E ROUBOU MILHARES DE MAPAS DE PETRÓLEO DA PETROBRAS E FHC ENTREGOU AO CORRUPTO GENRO DAVID ZYLBERSZTAJN QUE OS NEGOCIOU COM AS PETROLÍFERAS ESTRANGEIRAS

    O PREJUÍZO COM ESSA DOAÇÃO DE 200 CAMPOS PETROLÍFEROS EM 29 BACIAS SEDIMENTARES NO PÓS SAL FOI DE QUATRO TRILHÕES DE DÓLARES. CENTENAS DE CAMPOS FORAM VENDIDOS POR PREÇOS DE APARTAMENTOS E ATÉ DE UMA HONDA CIVIC NA BACIA DAS ALMAS EM TROCA DE PROPINAS PARA DAVID.

    O sinistro genro de FHC DAVID ZYLBERSZTAJN foi nomeado em janeiro de 1997 pelo sogro o corrupto sr FHC, MAIS CONHECIDO COMO “CROCODILO CAIMÃO FHC” pelas ações secretas e obscuras no ESCÂNDALO BANESTADO E O DOSSIÊ CAYMAN MANTIDO ABAFADO PELO PRG GERALDO BRINDEIRO O ENGAVETADOR GERAL DA REPÚBLICA DE FHC.

    4- A DOAÇÃO DE 32 EMPRESAS DE DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO BRASIL E SUAS CENTENAS DE SUBSIDIÁRIAS – OS APAGÕES PLANEJADOS DE FHC PARA JUSTIFICAR AS PRIVATARIAS: PREJUÍZOS DE 3,5 TRILHÕES DE DÓLARES DE DÓLARES (13 TRILHÕES DE REAIS), AS CONTAS DE ENERGIA QUINTUPLICARAM DESDE 1999 PASSANDO O KWH DA FAIXA DOS CINCO CENTAVOS PARA OS ATUAIS NOVENTA CENTAVOS POR KWH (UM AUMENTO DE 4 MIL POR CENTO)

    Essa privataria foi a mais escandalosa do Brasil e foi planejada cuidadosamente através dos APAGÕES que foram ações de SABOTAGEM do governo FHC na paralisação de serviços de manutenção nas subestações, linhas de transmissão, redes públicas, estações abaixadoras, centrais hidrelétricas que geraram entre 1996 e 2001 muitos transtornos e enormes prejuízos para a indústria e para a população para JUSTIFICAR AS PRIVATARIAS. FHC CONFESSOU DE PRÓPRIO PUNHO NO LIVRO DIÁRIOS DA PRESIDÊNCIA QUE PLANEJOU OS APAGÕES COM AJUDA DE CONSULTORIAS ESTRANGEIRAS QUE ADMITIU ATOS DE SABOTAGEM E DESLEIXO NAS INSTALAÇÕES E CORTES DE INVESTIMENTOS NAS LINHAS DE TRANSMISSÃO PARA QUE A ENERGIA FOSSE PROPOSITADAMENTE RACIONADA E ASSIM JUSTIFICAR A ENTREGA DE EMPRESAS GIGANTES DE ENERGIA COMO A ELETROPAULO (DOADA PELO CORRUPTO GENRO DE FHC PARA A AMERICANA AES) E CENTENAS DE PRIVATARIAS, O CASO MAIS GRAVE FOI A PRIVATARIA DA CERJ CENTRAIS ELÉTRICAS DO RIO DE JANEIRO E A CEG – CIA ESTADUAL DE GÁS DOADAS PARA LIGHT E PARA A ELETRICITÉ DE FRANCE PASMEM NA BACIA DAS ALMAS E DEPOIS A SEGUNDA FOI REVENDIDA PELA EMPRESA FRANCESA PARA A LAIGHT TORNADO A CONCESSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA E GÁS EM UMA UNICA EMPRESA: UM PERIGOSO NEGÓCIO PARA O ESTADO DO RIO DE JANEIRO. ENERGIA ELETRICA E GÁS PASSARAM A SER CONDUZIDOS PASMEM NUM UNICO DUTO GERANDO EXPLOSÕES DE BUEIROS: “A MUSICA DE CARNAVAL VIROU DEBOCHE “BUEIRO DO RIO CALOR QUE PROVOCA ARREPIO” LEMBRANDO OS VELHOS TEMPOS DAS CRÍTICAS À LIGHT NOS ANOS 1940 COM AMUSICA DE CARNAVAL DE 1944:”RIO CIDADE QUE RELUZ, DE DIA FALTA ÁGUA E DE NOITE FALTA LUZ!!”

    5- A PRIVATIZAÇÃO BRANCA DA PETROBRAS – ENTREGA DE SEIS BILHÕES DE AÇÕES PREFERENCIAIS DA PETROBRAS NA BACIA DAS ALMAS NO DIA 10 DE JANEIRO DE 2000. PREJUIZO DE HUM TRILHÃO DE DÓLARES

    A PETROBRAS FOI A EMPRESA QUE MAIS SOFREU ATAQUES, EXTINÇÃO DE DEPARTAMENTOS, FATIAMENTO EM “UNIDADES DE NEGÓCIO” E PRIVATODOAÇÃO DE DEZENAS DE SUBSIDIÁRIAS, DESMONTES, ENTREGA DE SEIS BILHÕES DE AÇÕES PREFERENCIAIS VENDIDAS NA BACIA DAS ALMAS E TROCADAS POR MOEDAS PODRES DO MERCADO IMOBILIÁRIO, UMA VERGONHOSA NEGOCIATA FEITA POR FHC E O CORRUPTO GENRO DAVID E SR REISCHTULL NA BOLSA DE NEW YORK E FEROZES ATAQUES NA ERA FHC E PARA FAZER OS DESMONTES O SR FHC NOMEOU FEROZES ALIADOS NO COMANDO INCLUINDO O SINISTRO TUCANO SR PAULO ROBERTO COSTA, O ESPANHOL NESTOR CERVERO, BARUSCO E OUTROS CITADOS NA LAVA A JATO FORAM “PESSOAS NOMEADAS POR FHC” ELE SEGUIU PASSO A PASSO A ORIENTAÇÕES DA CONSULTORIA DO BANK OF BOSTON (SR MEIRELLES E DO BANCO JP MORGAN SR GROSS E DO PARIBAS PELO SR NENRY REISCHTULL QUE FOI NOMEADO POR FHC, MESMO SENDO ESTRANGEIRO, PAMSEM PARA A PRESIDÊNCIA DA EX ESTATAL PETROBRAS EM 1999)

    DESDE A ENTREGA DE SEIS BILHÕES DE AÇÕES NA BOLSA DE NY A PETROBRAS É OBRIGADA A ENVIAR PARA NEW YORK, TODOS OS ANOS, MAIS DE SESSENTA POR CENTO DOS SEUS LUCROS. A UNIÃO FICOU COM APENAS A METADE MAIS UMA DO TOTAL DE AÇÕES ORDINÁRIAS QUE REPRESENTA APENAS 30% DO TOTAL DO CAPITAL VOLANTE, UM GOLPE DE MESTRE NA PRIVATIZAÇÃO BRANCA DA EX ESTATAL PETROBRAS. ESSE GOLPE FOI PLANEJADO EM DEZEMBRO DE 1997 PELA SINISTRA LEI 9.478/97 UM GOLPE DE MESTRE QUE DEFINIU UM NOVO CONCEITO FAJUTO DE EMPRESA NACIONAL (51% DAS AÇÕES ORDINÁRIAS E NÃO MAIS 51% DO TOTAL DE AÇÕES A NOVA LEGISLAÇÃO LESA PÁTRIA DE FHC PERMITIU QUE UMA EMPRESA ESTRANGEIRA POSSUA 100 % DAS AÇÕES PREFERENCIAIS FOI O CASO DA PETROBRAS QUE FOI GOLPEADA NESSA PRIVATIZAÇÃO BRANCA NO DIA 10 DE JANEIRO DE 2000.

    6- A NEBULOSA E VERGONHOSA PRIVATARIA DAS SEIS EMPRESAS PETROQUÍMICAS GIGANTES DA PETROBRAS DOADAS PARA O GRUPO ODEBRECHT EM 1995 E 1996

    O corrupto sr FHC doou em 1995 e 1996 na bacia das almas TODAS as empresas petroquímicas SUPERLUCRATIVAS subsidiárias do grupo PETROBRAS PARA O SEU AMIGO PESSOAL DOM EMÍLIO ODEBRECHT (COPENE, PQU, BRASKEM, COPESUL, PETROFERTIL, FAFEN, ETC) ELAS VALIAM EM TORNO DE 2,5 TRILHÕES DE DÓLARES E GERAM LUCROS ANUAIS ESTRATOSFÉRICOS.

    Desde 1996 a ODEBRECHT que levou na mão grande as petroquimicas gigantes da Petrobras em leilões coroados de falcatruas, deixou de ser uma mera construtora para ser a GIGANTE DO SETOR PETROQUIMICO. Desde 1997 90% dos lucros da ODEBRECHT provém das superlucrartivas empresas petroquimicas que pertenciam a PETROBRAS e foram doadas por FHC para o amigo DOM EMILIO ODEBRECHT PASMEM TENDO COMO TESTA DE FERRO O FILHO CORRUPTO PAULO HENRIQUE CARDOSO, O PHC

    É MUITO CÍNICO ESSE SR FACHIN PROTEGENDO E BLINDANDO FHC E SEUS FAMILIARES CORRUPTOS NA SINISTRA “TEIA DE PROTEÇÃO TUCANA JUDICIÁRIA CRIADA EM 1995 POR GIULMAR MENDES E GERALDO BRINDEIRO PARA ABAFAR ESQUEMA BANESTADO” AGINDO COM O JUIZ PAVÃO DE CURITIBA AGENTE DA CIA SERGIO MORO NA “REDE DE PROTEÇÃO TUCANA NO JUDICIÁRIO”, E MAIS UMA VEZ BLINDANDO O CORRUPTO CROCODILO CAIMÃO FHC QUE ENVOLVEU TODA A FAMÍLIA EM NEGÓCIOS DA CORRUPÇÃO E EMPRESAS DE FACHADA O OFFSHORES NO CARIBE, FHC É O PAI DA CORRUPÇÃO NO ESQUEMA BANESTADO (PARANÁ)E NO MENSALÃO TUCANO (MINAS GERAIS) TEM CONTAS BILIONÁRIAS NAS ILHAS CAYMAN, APARTAMENTO DE 37 MILHÕES EM PARIS, IMÓVEIS MILIONÁRIOS EM BARCELONA E NO BRASIL E FORTUNAS EM NOME DE FILHOS, DO CORRUPTO PHC E DO GENRO CORRUPTO DAVID ZYLBERSZTAJN

    https://www.youtube.com/watch?v=AnKK51ITUQI

Deixe uma resposta