Resta à Veja fazer de Policarpo o seu bode expiatório

Análise

 

Se existia dúvida quanto à inclusão da revista Veja no rol dos que serão investigados pela CPI do Cachoeira, a partir do vazamento na internet do inquérito que foi enviado ao Congresso pelo ministro do STF Ricardo Lewandowski, tal duvida virou pó.

Quem deu o furo foi o controverso site Brasil 247, que tem comprado briga com a Veja, com blogs progressistas, reacionários e que, entre seus colunistas, conta com figuras antagônicas como o petista José Dirceu e o tucano Artur Virgílio.

A importância do furo é tão grande e o conteúdo do inquérito tão explosivo que o Jornal Nacional citou a fonte, de onde eclodiu uma cachoeira de acusações contra o já exangue Demóstenes Torres e o governador Marconi Perillo, que mantém ar impoluto apesar da lama que já lhe chega à cintura.

E é aí que entra a revista Veja, apesar de, por enquanto, continuar de fora dos telejornais.  A publicação aparece mal na fita, ou melhor, nas fitas das gravações da Polícia Federal que figuram no inquérito.

Em um dos trechos largamente divulgados na internet, Cachoeira e companhia aparecem decidindo em que seção da revista deverão ser publicadas informações que passaram ao editor Policarpo Jr., informações que a quadrilha pretendia que prejudicassem seus adversários nos “negócios”.

Como se não bastasse, a transcrição das escutas revela que as imagens do ex-ministro José Dirceu se encontrando com membros do governo federal em um hotel de Brasília que Veja publicou, foram fornecidas pelo esquema de Cachoeira.

E essas são só algumas das muitas garimpagens que estão sendo feitas por uma legião de internautas no material divulgado pelo 247, que ainda não inclui os contatos do editor da Veja com a quadrilha apesar de ele e a publicação aparecerem nos diálogos, o que sugere que ainda há material oculto.

Torna-se impossível, assim, que a CPI deixe de convocar, se não o dono da Veja, Roberto Civita, ao menos o seu editor Policarpo Jr. a fim de dar explicações, pois o que já vazou deixa claro que a mera relação fonte-repórter que a revista alega era muito mais do que admite.

Diante da confirmação de maior envolvimento da Veja no escândalo, parece lícito especular que, se a chapa esquentar, Policarpo pode receber uma proposta do patrão: assumir sozinho ônus dessa relação inexplicável que fez de Cachoeira uma espécie de ghost-editor da revista.

Esse tipo de proposta se baseia em pagamento de alta soma e apoio jurídico integral. Como o bode expiatório, supõe-se, não tem passagens pela polícia, torna-se réu primário, ou seja, não vai para a cadeia. E, depois de ultrapassado o desgaste do processo, sai rico dele.

A Veja sairia chamuscada, mas sem responsabilização criminal. É o que está acontecendo na Inglaterra, no caso Murdoch. Ele diz que “não sabia” de nada e empurra a culpa para os funcionários. Só que não está funcionando. Mas isso é na Inglaterra e estamos no Brasil.

182 comments

  • A imagem dos mafiosos está muito boa, Eduardo. É uma verdadeira quadrilha, conspirando contra o país há muitos anos.
    E o raciocínio está correto.

  • Eduardo, ver a Veja naufragar, realmente, não tem preço! O tal do Policarpo tem uma cara, hem? Agora, só trabalho ardiloso em cachoeira pra sair dessa.

    Mas deixando de brincadeira, creio que o quadro traçado por ti é o mais provável. Embora queira acreditar que não. Dias de tumulto e fancaria, eleições à deriva.

    CPI é novela arrastada. Faz parte. Vamos que vamos.

    Saudações!

    E a Victória?

    • Vamos pular, vamos pular, vamos pular. Era um, serão dois, serão tres. Serão quatro, serão cinco serão seis. Vejam a óia ai gente. Explooooooooooooooooode coração!

  • Lastimo que escapem da incineração nos fornos da cozinha do Demóstenes o esgoto que flui da editora das margens do rio paulista.

  • Bem que, depois dessas revelações Edu, vc poderia dar uma ligadinha para sua fonte petista que disse que o governo iria se acovardar diante da mídia, pra ver o que ele pensa. Será que ele ainda vai sustentar a posição de cachorro manso? A bola está picando para uma LEY DE MEDIOS, se não aproveitarem, terei certeza que PT e PSDB são tudo a mesma coisa….corporativistas. Rezo pra minha Presidenta meter o pé na porta dos que se acham influentes e o que não for pra cadeia, ter a cara bem exposta numa CPI.

    Mexa sua bunda Paulo Bernardo incopetente, para de caçar radiozinhas piratas do interior e mostre alguma coragem seu covarde!

  • O mesmo 247 publicou que a Abril e o governo tão fechando um acordão que livraria os dois: o primeiro das investigações e o segundo de uma “perseguição” da imprensa em retaliação.

      • Passamos do tempo do Pode,achar,talvez,falaram ou falar,assim tendo documentos na internet so cabe falarmos de fatos.
        Cachoeira não invalida a mafia Dantas ,mas o protogenes sendo parlamentar e ex degado ele não tem direito de divulgar oque acha,supoe imagina ele tem que lidar com fatos.

      • Pode, não – está. O tal editor do 247 Leonardo Attuch é homem do DD…

        pode ser uma briga de “famiglias” – e de quebra esta CPI do Cachô tira o foco da Satiagraha, da Privataria Tucana…

        o problema é que os DESgovernos tucanos são canalhas demais, é muita podridão pra ser revelada e punida. Não é mole, não!!!

    • Além do que o Locatelli disse, seria de uma burrice atróz do governo.
      A Veja vem perseguindo desde o primeiro mandato Lula, com os mais sujos golpes que se possa imaginar. Chute na bunda do Lula na capa, dolares de Cuba, conta secreta na Suiça, invasão de quarto de hotel e outras coisitas mais. Tudo em dobradinha com um bandido, como vemos agora.
      O resultado? Já vamos para o décimo ano de governo petista e com popularidade na estratosfera.
      A Dilma fazer acordão com o Civita? É ruim einh? Sabe qual vai ser a resposta dela?
      Perdeu, playboy!

    • Breno, acho esta hipótese perfeitamente viável. Aqui na região do ABC tem um jornal que atende pela alcunha “Diário do Grande ABC”, do baixo clero do PIG, que tem uma história onde guarda muita semelhança com seu palpite. O jornal sempre foi de oposição sangrenta contra o PT e das administrações das cidades onde o partido comanda. Foi um dos maiores detratores do ex-prefeito de Santo André, Celso Daniel. O jornal, que tem venda fraquissima nas bancas, deve as cuecas ao BNDS. A dívida foi sendo empurrada com a barriga. Quando o BNDS (e talvez a PF) deu uma encoxada forte no dono do jornal, virou petista de carteirinha. Portanto, exemplos de arranjos tem muitos por aí.

  • O Bob Civita pode também despachar o Policarpo como correspondente em Miami, na colonia dos mafiosos cubanos, assim como mandou o Mainardinho para Nápoles, onde as Camorras abundam. Só falta arrumar uma vaga para o Rei do Esgoto, já que como jornalista ninguém o empregaria no Brasil. De grana, estão todos muito bem.

  • Sim, Eduardo está oculto. O inquérito tem quinze volumes e, intencionalmente, o 247 divulgou apenas sete; então, ainda faltam oito volumes a serem divulgados. A íntegra que o site afirma, é apenas do senador Demóstenes,ainda faltam outros, ou seja, faltam mais volumes do que os que já foram divulgados.

    • Segundo o Protógenes, o bate-papo entre o Nextel do Cachoeira e do Poli, que é como o bicheiro o chama carinhosamente, está na operação Las Vegas.
      Já deve estar nas mãos do relator, o Odair Cunha do PT.
      Que ironia, o destino da Veja na mão de um petista

      • Impressionantes vocês. Nada foi provado ainda sobre o Pirillo e vocês dizem que o cara está com lama na cintura. Existe uma gravação comprometendo diretamente o Protógenes com a bandidagem e vocês acham que o cara é o arqueiro verde da justiça.
        O STF dá ganho de causa prá torcida ( sim, vocês transformam qualquer droga que sirva para a esquerda em torcida fanática. Parecem os torcedores do Bolivar de La Paz) e pronto ; o STF é maravilhoso. Dias atrás, temeroso de ver Gilmar Mendes incensado em seu blog porque votou a favor, o dono publicou um post prá lá de sacana sobre o homem.
        Agora o blogueiro anda deixando nas entrelinhas que é profeta ( nada disso cumpanheros, uso a lógica) e felizmente para ele ninguem pergunta; cadê a CPI da privataria que ele garantiu que sairia? Cadê a bomba supersônica que o livro Privataria Tucana deflagraria? Cadê os mortos do Pinheirinho ?
        Está mais que flagrante que o Eduardo está implorando ser processado pela Veja. Neste post dá como certo que Policarpo vai receber por fora para assumir os pecados da revista. Já pensaram ? Ser processado pela revista mais importante do país ? Mas pode ele que tire o equino da chuva. Não vai ser assim que vai bombar o blog.

        • ” Nada foi provado ainda sobre o Pirillo e vocês dizem que o cara está com lama na cintura”. Para um tucano-pefelê nada foi provado mesmo e nunca se provará algo contra uma pessoa honesta como é o caso do “Pirillo”.

          Mas segundo o mesmo tucano-pefelê, quem deve estar com a lama na cintura é o Protógenes, né: “Existe uma gravação comprometendo diretamente o Protógenes com a bandidagem e vocês acham que o cara é o arqueiro verde da justiça.”!!!!!!!

          Incrível, segundo o tucano-pefelê, há uma (isto mesmo uma, umazinha) gravação comprometendo o Protógenes com o crime!!!!! Portanto o Protógenes está com a lama na cintura!!!!! Mas o tal de “Pirillo” este é a honestidade em pessoa!!!! O Eduardo Guimarães tem inveja e mais inveja do “Pirillo”!!!!!

          Mas apesar das inúmeras provas, não há como dizer que o “Pirillo” está com a lama na cintura, né senhor Luizão!!!

          E o Eduardo Guimarães então, tá querendo ser processado pela Veja!!!! Luizão o Eduardo tá querendo se aparecer ou tá querendo arrancar dinheiro da Veja????

          Cadê os mortos do Pinheirinhos, Luizão? Cadê, que o Eduardo disse que existiram?!!! Luizão, tucanão-pefelão, você bem sabe que o governador de São Paulo é o fascista Geraldo Alckimin, este sujeito nunca, nunca mesmo mandou mexer nos dados estatísticos da Secretaria de Segurança Pública.

          E você, Luizão , tucanão-pefelão, é a prova viva de que nunca ninguém morreu no Pinheirinho, da mesma forma que você tem certeza e prova que o “Pirillo” é honesto e que o bandido é o Protógenes, este sim que tá com a lama até o pescoço!!!!

          Luizão, tucanão-pefelão, você é o cara.

        • Vc está brincando, né? Só pode!

          Ninguém seria tão idiota a ponto de dizer que não há nada contra Perillo, já que as gravações confirmam a ligação DIRETA de Cachoeira e de Demóstenes com ele, com direito a apontar pessoas para cargos e tudo mais.

          Assim como ninguém seria tão idiota a ponto de dizer que uma conversa marcando um reunião entre um delegado da inteligência da PF com um agente da inteligência das forças armadas, ambos envolvidos em uma investigação, é “prova” ou “indício” de ligação entre Protógenes e Cachoeira.

          • Escalaram esses dois aloprados para me contestar ? O primeiro não tem o que afirmar e fica só no ponto de interrogação (parei de contar no quinto). É mais um daqueles que pensa que é engraçado e não sai do nem-nem. O mané acha que vou me desculpar por errar o nome do Marconi. Aliás, falando nisso, querer “se aparecer” é de doer, heim cumpanhêro.
            Quanto ao Pierri, truco na mesma linha. Se vale para o Marconi vale para o Protógenes. Não estou aqui para defender o cara, mas dizer que “as gravações confirmam a ligação DIRETA de Cachoeira e de Demóstenes com ele” é uma mentira deslavada. Por enquanto o que apareceu foram indícios de que auxiliares diretos do governador andaram de conchavo com os bandidos, mas ligar o Marconi com Cachoeira AINDA não provaram.

          • Deixem esse detrito em forma humana (ou nem tanto)que se apresenta sob a alcunha de Luizão falar sozinho,pois os fatos haverão de calar a boca definitivamente desse zé mané,ou como dizem na minha cidade,zé ruela.

          • Luizão, então só posso concluir que vc está completamente desinformado.

            Há conversas entre os bandidos mencionando o Perillo como um amigão, pronto a resolver os problemas deles. E vários.

            Contra Protógenes há o que, mesmo? Uma ligação onde ele combina um encontro com um tenente de Cachoeira que TBM era membro da inteligência militar E estava envolvido em uma investigação com o Protógenes.

            Se vc não dá valor à sua integridade intelectual, a ponto de fingir que os dois casos são iguais oumesmo similares, é problema e defeito seu. Não venha chamar os outros de aloprados quando é vc que comete uma insanidade dessas.

        • Luizão, tucanão-pefelão (ou zé ruela), vosmecê poderia me dizer o nome do governador de Goiás que tanto defende?

          Vosmecê continua sendo o cara!

  • Por menos que isso, o governo da Grã Bretanha ordenou a prisão dos jornalistas do ” News of the World”. Já Policarpo sequer teve o seu sigilo bancário quebrado e eu duvido que ele vá para atrás das grades.

    • Paulo Ribeiro, não é por aí. O salário do Policarpo quem paga é o Civita. O que ele e a Veja ganhavam do Cachoeira em troca é outra coisa mais valiosa que dinheiro. Um poder assomboroso a intimidar as Instituições da República

  • Veja foi útil ao banqueiro Daniel Dantas. Além das matérias que o colocavam como vítima, Diogo Mainardi – jornalista da Veja – tentou plantar, nos autos, “provas” contaminadas que se seriam usadas, pelos advogados de Dantas, para anular todo o processo (1).

    Veja foi ainda mais últil ainda a Carlinhos Cachoeira e sua quadrilha. Permitiu que o criminoso plantasse matérias, falsificasse documentos, vencesse concorrências e derrubasse ministros e altos funcionários do Governo que estivessem atrapalhando seus “negócios”.

    Mais do que útil, Veja é porta-voz do crime organizado.

    A Quadrilha Veja / Cachoeira derrubou Paulo Lacerda, diretor da ABIN. Derrubou PAGOT, diretor do DNIT. Foi essa mesma quadrilha que derrubou também vários ministros de Dilma. E Dilma, ainda por cima, foi dar entrevista exclusiva à quadrilha. Provavelmente, a intenção da Veja com aquela entrevista era criar um álibi. Do tipo: “não nos acusem de nada, esquerdistas, pois a presidente de vocês nos deu entrevista exclusiva, mostrando que ela não tem nada contra nós”.

    O que a CPI PRECISA mostrar ao Brasil é isso: um criminoso + uma revista mentirosa + um juiz amigo de banqueiro bandido + um senador racista tentaram derrubar o Governo Federal. Tiveram ajuda dos partidos de oposição, mas não conseguiram seu intento. O fato de não terem tido sucesso não torna o fato menos grave: foi uma tentativa de golpe de Estado.

    • (1) Existe um questionável preceito jurídico que determina a anulação total de um processo se alguma das provas tiver sido obtida de maneira ilícita. Isso é usado por réus de colarinho branco. Eles mandam seus aliados batalharem para incluir, nos autos, provas ilegais contra eles e, assim, destruírem todo o processo.

    • Na verdde, a Veja é o elo de ligação entre a quadrilha de Cachoeira e a de Daniel Dantas. E provavelmente entre muitas outras que ainda desconhecemos.

      E não é só a Veja, não. Há evidências nas ligações de pagamentos feitos a diversos jornalistas, e de interferência com jornalistas até mesmo da Globo.

      A imprensa marrom é o elo de ligação de todas as grandes quadrilhas criminosas desse país. É um enorme vespeiro. Os próprios “jornalistas” não passam de pequenos mafiosos, cobrando por proteção e promoção.

      É a cara do crime organizado, a fossa para onde todos os bandidos correm.

      • E Daniel Dantas por ter maior desenvoltura nos meios internacionais é o elo de ligação entre Cachoeira,as mafias russa,japonesa,albanesa e nigeriana.Fechou.

  • De qualquer modo, a exposição vai reduzindo o conjunto de leitores de Veja aos “patológicos”…sabe como é, tem seita pra tudo, até de bebedor de urina…

  • Sim teriam vazado antes para a midia-PIG que então publicava seletivamente. E aqui o segue publicado no controverso 247

    “Na edição de 26/04/12 da Folha, há até uma nota emblemática na coluna Painel, da jornalista Vera Magalhães. Chama-se “Vacina” e diz o que segue abaixo:
    “O deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) vai argumentar na CPI, com base no artigo 207 do Código de Processo Penal, que é vedado o depoimento de testemunha que por ofício tenha de manter sigilo, como jornalistas. O PT tenta levar parte da mídia para o foco da investigação”.

    Ou seja um dos PIG já cogitava pois suponho que tivesse de posse de todo o inquérito.e o inevitável foco será a Vejabandida.

    Vejam trecho da declaração de Collor, durante a primeira reunião da CPMI
    “Não é admissível, em um país de livre acesso às informações e em um governo que se preza pela transparência pública, aceitar que alguns confrades, sob o argumento muitas vezes falacioso do sigilo da fonte, utilizem-se de informantes com os mais rasteiros métodos, visando ao furo de reportagem, mas, sobretudo, propiciar a obtenção de lucros, lucros e mais lucros a si próprios, aos veículos que lhes dão guarida e aos respectivos chefes que os alugam”, protestou. “Precisamos estar vigilantes, alertas e cautelosos para todo tipo de manipulação a que recorrem os meios para instigar comportamentos, deformar opiniões e induzir resultados”, declarou.

    Edu, conforme outras previsões suas baseadas na lógica evidente dos fatos; também acho que vão ofertar o Policarpo.

  • Realmente Edu. Em casos como esse é de se lamentar que vivamos no Brasil. A impunidade impera para os poderosos. E não vejo formas de que isso mude em curto, médio e longo prazos.

  • Como você explica a VEJA ser a primeira revista a publicar a relação entre Demostenes Torres, Cachoeira e a Delta Construções. É tiro no pé???

        • A estratégia oximoro; quero unir forças com o lado do 247. A hora é de união. Demóstenes caiu, Marconi aquele que queria ocupar a presidência do Senado e Lula apoiou o Sarney classificado naqueles dias como corrupto e agora valeu a pena a escolha do Lula.

          Porem o mais importante é o 247 unido para derrubar a Veja-bandida com todas as razoes éticas e comerciais.
          No futuro vamos nos empenhar o nosso lado pelo menos em saber se há uma conexão espúria com Gilmar Mendes (digo Dantas) que seja para um equilíbrio perfeito entre Estado e Mercado, ambos eficazes. Disse “e” não disse “ou”

        • Não tinha lido o Thiago. É uma opinião dele, posso tomar os leitores desse blog como uma seita também, usando o mesmo argumento que ele usa. Me diz como vc consegue criticar uma revista que você não lê? Penso que as coisas estão meio debulosas ainda. E as pessoas aqui e em vários blogs, vão tirando conclusões, no meu entender, precipitadas. Só a CPI poderá esclarecer as coisas.

          • Não preciso ler uma VEJA BANDIDA para saber que este detrito sólido de maré baixa é uma facção da famiglia Civita.

            Como não me considero um bebedor de urina como foi dito mais acima pelo Thiago Venco, isto é mais um outro motivo para não querer ler a VEJA BANDIDA.

            Mesmo não lendo a VEJA BANDIDA, todos nós sabemos qual a linha editorial que ela segue e também sabemos a qual facção ela faz parte, no caso a famiglia Civita, uma das famiglias do PIG e que está envolvida até o pescoço com as falcatruas das Privatarias e agora com as falcatruas do caso VEJA BANDIDA – Cachoeira.

            #VEJAGOLPISTA

            #VEJA BANDIDA

          • …Tô atrasado,e algo estupefato c/ seu rotorno…e me vém c/ essa?!…Watergate deu origem a filme oscarizado,assim como exemplo de jornalismo investigativo;por aqui,sintonizado à seus préstimos,reativaremos as chanchadas e daremos exemplos cabais das inconcistências das verdades factuais.

  • A Veja e os demais comparsas dela no PIG sempre jogaram na cara do Presidente Lula a pergunta se ele sabia, ou não, do tal “Esquema do Mensalão”, então cabe agora pergurtarmos ao Sr. Roberto Civita:
    O sr. sabia, ou não, da associação do seu editor Policarpo Jr. com a “Quadrilha do Cachoeira”?

  • Ele diz que “não sabia” de nada e empurra a culpa para os funcionários. Só que não está funcionando. Mas isso é na Inglaterra e estamos no Brasil.

    Esse frase me lembrou de um ex-presidente

  • Policarpo é um nome um meio arcaico, mas, eis que surgiu outro personagem de nome antiquado que poderá entornar ainda mais o caldo: o ex-delegado da PF Onésimo de Souza. O site Ponto e Contraponto dá o serviço: “Notícia quente de fonte mais quente ainda. A coisa está prestes a feder para um jornalista da Veja. Segundo a fonte, o delegado aposentado da Polícia Federal Onésimo de Souza, deu depoimento à Polícia Federal que desdiz a alegação que teria sido convidado a participar de um grupo de inteligência da campanha de Dilma Rousseff. Quando perguntado sobre afirmações anteriores respondeu que “ouviu errado”. Segundo Onésimo, quem inventou toda a história de grupo de espionagem da campanha de Dilma foi o jornalista Policarpo Junior, da revista Veja. Onésimo acusa o jornalista ainda de estar de posse de documentos que foram roubados no comitê de Dilma, o tornando responsável no mínimo de receptação de produto de furto. Policarpo poderá ser processado segundo o agente da Polícia Federal que informou a nossa fonte. Onésimo, que depois de aposentado se tornou membro da equipe de espionagem montada por José Serra no Ministério da Saúde e chefiada por Marcelo Itagiba, revelou que depois brigou com o grupo, porém ainda possui as gravações ilegais que fez a mando do grupo de espionagem montado por Serra. Segundo Onésimo, o grupo investigou a vida de todo mundo, desde adversários até aliados. O depoimento de Onésimo à Polícia Federal corre em segredo de justiça, portanto não temos link para apontar para o depoimento, mas podemos afirmar que a fonte é quente e depois que vazar essa informação, a PF não vai mais conseguir segurar a informação. Em breve, muito em breve, essa bomba vai estourar no colo do Serra e do jornalismo criminoso da revista Veja. O jantar entre Policarpo e Onésimo noticiado pelo Conversa Afiada na semana passada era um acerto de contas entre os dois. Policarpo está tremendo na base e querendo saber do teor do depoimento de Onésimo”.

  • Não encontrei os dados biográficos de Policarpo Júnior na rede. Provavelmente, seu pai foi admirador de Lima Barreto, jornalista e autor do romance Triste Fim de Policarpo Quaresma. Ironia do destino, a situação do editor da Veja não é das melhores. Lima Barreto, porém, vem a pelo em razão de outro romance: Recordações do Escrivão Isaias Caminha, no qual critica as mazelas da imprensa de seu tempo. O que escreveria o grande Lima se vivesse nestes tempos?

  • O caso da Inglaterra tem métodos semelhantes mas motivações diferentes: lá, queriam vender jornal, ganhar dinheiro. Aqui, o intuito era abalar a República, derrubar o Governo.

    • Fato, como foi divulgado meses atrás, supostamente declarado pelo proprio dono da editora a um alto interlocutor do PT: “não tem acordo, vou derrubar a Dilma”…

      • Agora ele vai se rastejar aos pés da Dilma clamando por um acordão. E a Dilma, – ” senhor Civita, componha-se, o seu problema é com a Justiça”
        Perdeu, playboy!

        • Eles podem tentar ameaçar o governo com uma guerra total do PIG. Se eu estivesse na pele da Presidenta, ficaria tranquila. E deixaria o bambu descer com força sobre a “revista” (!) Veja. As evidências indicam que essa publicação se envolveu a fundo com a quadrilha cachoerística. Isso não é jornalismo, é bandidagem, se se comprovarem as informações que têm chegado à internet.

  • O deputado Fernando Ferro (PT-PE) considerou que ficou impossível não convocar a Veja para depor, seja na pessoa do Policarpo, seja chamando seu chefe, Victor Civita.

    As novas transcrições de áudio das escutas legais da PF são estarrecedoras. E aposto que vem mais por aí.

    O fato é que uma revista mafiosa juntou-se com um criminoso, com um juiz do STF, com um senador racista, e com boa parte da oposição, para tentar dar um golpe de Estado, derrubar o presidente e assumir o poder. É isso que a CPI tem que deixar claro ao povo brasileiro. Menos que isso é como se um médico fechasse o corte sem retirar a infecção que está lá dentro.

    • É isso mesmo Locatellii. Isso tem que ficar bem esclarecido pela CPI. Já a questão da punição não é com ela. O Legilstivo tem que fazer sua parte investigando, doa a quem doer, que foi o que fêz o governo, através da PF. Depois é com a Justiça, que é quem pode julgar.
      O desânimo do Edu em relação à punir o capo Civita é compreensível. Mas a sociedade terá que se mobilizar e cobrar do Judiciário

    • Você resumiu bem. É isso mesmo, se se confirmarem as informações que têm saido na internet. Tentativa de golpe de estado com o apoio de uma quadrilha de criminosos.

  • A defesa da revista está pronta.
    A “Zóia” é um folhetim, e as reportagens e as capas dela com aqueles polvo, pé-na-bunda do Lula, etc., são mera obra de ficção. A “Zóia” é um grande 1º de abril semanal. Pronto.
    Será que cola?

  • Se eu fosse acionista da Reckitt Benckiser trocaria o nome do seu produto de limpeza mais vendido. porque a marca foi conspurcada. Está se arriscando a ver consumidor pedindo no supermercado o produto SUJOU! Ou então processava a Veja junto com os leitores otários. Aliás, o MEC e os pais responsáveis de alunos das escolas paulistas deveriam entrar com uma ação contra a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo que assinou essa porcaria (ou lixo, como queira) que desinforma e deseduca a infância e a juventude paulista. Assim como a população do estado que paga por isso, mesmo não sendo consultada nem pela escola nem pelo Serra/Alckmin ou pelo prefeito Kassab.

  • Segundo José de Abreu via twiter, afirmou que o dono da veja, Civita, disse a um petista: “Não tem arrêgo, vou derrubar a presidenta”, partindo dessa informação, é certo que ele sabia das relações de Cachoeira e Policarpo, aguardemos mais um pouco de água a verter dessa cachoeira.

  • Se o site Brasil 247 estiver certo em dizer que haverá um acordão entre governo e mídia, farei campanha pra voto nulo nas próximas dez eleições.

      • Sobre tudo que saiu lá é isso o que você tem a comentar? Eu deixo você comentar aqui, apesar de ser um belo de um safado, porque você me faz rir

        • Interessante, parece que divergimos na razão inversa mas convergimos na reação ao conteúdo. Também acho você um safado assim como rio muito dos teus primarismos.

          • Esse Orlando é um canalha dos mais primarios.Esse otario pensa que com o juridiques dele ele intimida alguem.É um verdadeiro cafageste.

          • por favor, respeitem os palhaços. mts de nós passamos nossa infância se divertindo com esses profissionais do humor e da irreverência. peço a gentileza aos colegas q doravante qdo se referirem a esses indivíduos , se pretenderem continuar usando esse termo como adjetivo o façam entre aspas. abs.

      • Orlando, não sabia que você é do jaez faz me rir.

        Faz me rir com os teus comentários udenentos e pefelentos.

        Faz me rir dizendo que o Cachoeira é honesto.

        Faz me rir dizendo que o Protógenes é que é o corrupto de toda essa história.

        Faz me rir, Orlando, faz me rir com mais um comentário!!!!!!!

  • Edu,
    Penso que esse deve ser a visão do pessoal da CMPI e por certo pelos procuradores que investigam o caso. Eles sabem que é materia demais direcionada a o governo Lula e Dilma para que o dono da revista não tivesse ciencia.

    A coisa está cada dia mais quente e o caso monte carlo ainda nem apareceu, o que está sendo mostrado parece ser o caso Las Vegas.

    Meu interesse primeiro e unico é a Venus platinada, quando chegarmos nela é que a coisa vai fica boa.

    Pelo visto já chegou ao Gilmar de maneira documental, só falta pegar as tais ligações telefonicas ou coisa pior tipo conta nas ilhas virgens . O Gilmar está passando pela fritura natural, e só falta ser servido, dessa ele não escapa não.

    Se assim for feito a Rede Globo vai ficando mais nervosa, e nesses momentos o intelecto não funciona.
    Vamos aguardar, acho que os parlamentares estão se comportando muito bem, com muita prudencia e discrição coisa que o caso pede. O pior já aconteceu, as principais cabeças do crime mediático já apareceram, agora é aguardar quantas mais descerão ao cadafalso.

    O que nós simples mortais podemos fazer aqui de fora? É dar todo o apoio aos parlamentes a medida que a Rede Globo for desvirtuando as noticiais, nos mais é tranquilidade e paciencia, pois a privataria tucana está também nessa CPMI.

  • Edu,

    Hoje, ao ler as transcrições que mostram a estreita associação da Veja com a quadrilha, tive momentos de mais profunda alegria! Até que enfim este esquema mafioso veio a públco e não é mais possível escondê-lo. Agora vou para os blogs da UOL cobrar de Josias e Fernando Rodrigues post sobre o assunto!
    Espero que mais coisa ainda apareça… afinal nada vimos dos telefonemas de Cahoeira e Policarpo.
    Está mais do que evidente que há uma ação conjunta da quadrilha com a mídia que atuou sempre no sentido de desestabilizar o governo e, para tanto, favorecia os interesses dos bandidos. Eles se igualam.
    Creio que a história do mensalão terá que ser totalmente reescrita!
    Nada como um dia após o outro! Nada como a nossa republicana Polícia Federal!
    É imensurável o prazer de ver esta mídia golpista acuada e perdida sem saber o que fazer!

  • O governo Dilma não pode, de maneira alguma, aceitar um pacto de não agressão com essa imprensa golpista. Muito menos chantagem. Mas é preciso que o PT, através de seus deputados, senadores e lideranças denunciem todo dia o que realmente aconteceu no país desde janeiro de 2003: tentativas(sim, no plural) de golpes de estado urdidas por esses filhotes do udenismo golpista dos anos 50. Com exceção do irresponsável Jânio Quadros, nunca ganharam nada no voto. Sempre foram repelidos pelo povo brasileiro, mas como conspiravam!! Como batiam às portas dos quartéis, como vivandeiras de bivaques assanhadas, querendo se esfregar nas fardas. Eles estão enrolados. É hora de um bom direto no fígado.

  • Boa Eduardo!

    Quem diria, o Cachoeira era o Ghost-Editor da Veja-Bandida. Policarpo, apenas seu empregado. Tem que quebrar o sigilo do Policarpo. Quanto o seu amigo, chefe e Contraventor Cachoeira lhe pagou pelo serviço sujo!

    O Civita terá que se explicar à CPI (A Globo mandou recado que, se isso acontecer, vai retaliar). A Veja, longe de ser da imprensa livre é uma quadrilha especializada em assassinar a honra de pessoas dignas, fantasiada de imprensa, mas que, na verdade, objetiva somente lucro de vantagens com contratos dirigidos de publicidade pagos com o nosso dinheiro.

    Não adianta. Civita vai depor na CPI. Policarpo idem. Sairão presos de lá.

    EI CIVITA, PREPARA O HC PREVENTIVO PARA DEPOR NA CPI!

    SENÃO VC SERÁ PRESO!

    Advogado Livre

      • Faz muito sentido, pois estamos a falar da famiglia Marinho.

        É necessário a Ley de Medios para ceifar de vez as ações ameaçadoras da famiglia Marinho.

    • Advogado livre, li também sobre essa história da retaliação do PIG, caso a Veja seja (e será) convocada pela CPI. Ué? Que retaliação? Eles já fazem isso pelo menos há dez anos. E não caíram na própria arapuca? Qual será a próxima ‘estratégia In-te-li-gen-te’ do PIG?
      Não há nem nunca houve uma ocasião tão extraordinária para a Regulamentação dos meios de comunicação. Isso sem dar um passo em falso contra a liberdade de expressão. Não é demais (ou Dilmais)?

  • Veja e Globo são as cabeças do PIG,se a Veja cair(o que é quase certo)a Globo vem atras e o resto,por consequencia vem por efeito dominó.Definitivamente a casa desses delinquentes caiu.

  • De uma coisa eu tenho certeza, nesta eleições
    municipais os partidos progressistas, democráticos
    e populares irão ampliar, e muito, a presença
    nas prefeituras em todo Brasil, pois a fonte de
    recursos para bancar as milhonarias campanhas
    eleitorais da direita, e é público e notório que a
    direita só consegue fazer campanha regada
    com muito dinheiro, enquanto que os partidos
    de esquerda aprenderam a fazer política eleitoral
    com o mínimo de recursos.

    A além disso a revista veja e o PIG não tem a
    mínima influência na decisão dos votos da maioria
    da população, lembrando que a eleição,
    principalmente as municipais, são influenciadas
    pelo poder do capital financeiro, pois os candidatos
    a prefeito se aproveitam das dificuldades
    financeiras da boa parte da população para
    comprar os votos da população carente.

    Quanto a influência do PIG nas campanhas
    majoritárias, nós não estamos mais nos anos
    quarenta, quando a imprensa junto com as
    oligarquias levou um presidente a cometer
    suicídio, levou outro a renunciar com apenas três
    meses de mandato e o que assumiu logo após
    resistiu e se comprometeu a fazer as fazer
    reformas de base e tendo o apoio
    popular foi retirado a força do poder, tendo o Brasil
    tendo caído em uma profunda ditadura que durante
    27 jogou o país no atraso.

    Mas hoje a situação é
    diferente, a comunicação é instantâneada mídia
    conservadora não lá muita influência, tanto
    porque o povo já experimentou por oito anos o
    governo de direita e não gostou, tanto que elegeram
    Lula por duas vezes e a sua sucessora, sendo
    que ambos batem recordes de popularidade,
    enquanto que o Fernando Henrique terminou
    com índices baixíssimos de aceitação.

  • EXTRA, EXTRA, CIVITA ENTRA COM HABEAS CORPUS NO SUPREMO

    Direto da Redação
    Advogado Livre

    O italiano Roberto Civita, dono da revista Veja, conhecida pela sua parcialidade em razão de contratos milionários com governos tucanos, impetrou um Habeas Corpus preventivo no Supremo Tribunal Federal, na manhã de hoje. Desde o vazamento das informações do inquérito no 247, o Civita está 24 horas por dia, 7 dias por semana sem dormir “no exterior” (Com se sabe, Civita não mora no Brasil, por motivos amplamente explicados no site Conversa Afiada).

    A sua convocação para depor na CPI tornou-se inevitável com a comprovação do aparelhamento da revista Veja com a quadrilha do contraventor Carlos Augusto de Almeida Ramos, o vulgo “Carlinhos Cachoeira”. Gravações revelaram que a Revista Veja é o instrumento político de trabalho da quadrilha operada pelo editor-chefe da Veja, Policarpo Júnior, para espionar ilegalmente, plantar escutas e notícias falsas aptas a assassinar a honra de qualquer pessoa que estivesse no caminho lucrativo e ilícito da organização criminosa.

    Para não sair preso e algemado da CPI, o italiano Civita e seu comparsa Policarpo Jr., pedem que o STF lhes garantam o direito de ir e vir. A CPI promete quebrar o sigilo fiscal e telefônico da dupla subordinada a Cachoeira. Se o STF negar o pedido, fontes indicam de Civita ficará foragido no exterior e mandará seu empregado Policarpo como “bode espiatório” desse grande escândalo. Na Inglaterra, por muito menos o multi-milionário Rupert Murdoch foi depor e teve que fechar as portas de seu centenário jornal.

  • EXTRA, EXTRA, CIVITA ENTRA COM HABEAS CORPUS NO SUPREMO

    Direto da Redação
    Advogado Livre

    O italiano Roberto Civita, dono da revista Veja, conhecida pela sua parcialidade em razão de contratos milionários com governos tucanos, impetrou um Habeas Corpus preventivo no Supremo Tribunal Federal, na manhã de hoje. Desde o vazamento das informações do inquérito no 247, o Civita está 24 horas por dia, 7 dias por semana sem dormir “no exterior” (Com se sabe, Civita não mora no Brasil, por motivos amplamente explicados no site Conversa Afiada).

    A sua convocação para depor na CPI tornou-se inevitável com a comprovação do aparelhamento da revista Veja com a quadrilha do contraventor Carlos Augusto de Almeida Ramos, o vulgo “Carlinhos Cachoeira”. Gravações revelaram que a Revista Veja é o instrumento político de trabalho da quadrilha operada pelo editor-chefe da Veja, Policarpo Júnior, para espionar ilegalmente, plantar escutas e notícias falsas aptas a assassinar a honra de qualquer pessoa que estivesse no caminho lucrativo e ilícito da organização criminosa.

    Para não sair preso e algemado da CPI, o italiano Civita e seu comparsa Policarpo Jr., pedem que o STF lhes garantam o direito de ir e vir. A CPI promete quebrar o sigilo fiscal e telefônico da dupla subordinada a Cachoeira. Se o STF negar o pedido, fontes indicam de Civita ficará foragido no exterior e mandará seu empregado Policarpo como “bode espiatório” desse grande escândalo. Na Inglaterra, por muito menos o multi-milionário Rupert Murdoch foi depor e teve que fechar as portas de seu centenário jornal.

    [email protected]

    • Adivinha quem vai dar um HC preventivo para o capo Civita?

      Será que é o mesmo juiz que permite facilidades?

      Será que é o mesmo juiz que já deu dois HCs recordes?

      Será que é o juiz que votou pela manutenção das cotas, mas argumentou contra elas?

      Como é o nome mesmo deste juiz?

  • Depois de conhecermos tantas trapalhadas, tanta sujeira, tantas ilegalidades cometidas por essa nefanda revista o que falta para as autoridades policiais e judiciais agirem? Os responsáveis pela revista vão continuar a agir criminosamente?

  • Vou coletivar (veja, oposiç~çao, globo, folha, enfim, udn) como manés tiozinhos, vocês fizeram do PT com o “mensalão” uns tirador de pirulito, diante deste escândalo monstruoso. Este é o verdadeiro ralo da República, Dilma tem que ir fundo no mergulho à “Cachoeira”, que está rolando de longe, desde a deposição de Lacerda para ficar com o “leito” livre para rolar o que quizer. Se deram mal.

  • Revelações mais do que estarrecedoras ainda estão por vir,principalmente com relação à construtora Delta e suas relações mais do que promiscuas com alguns governos estaduais.Mas o foco principal vai ser principalmente as ligações de Cachoeira com expoentes da oposição ao atual governo,as relações do esquema criminoso com a imprensa para a fabricação de denuncias visando desestabilizar o governo,ligações da facção criminosa comandada por Cachoeira-Demostenes,com facções criminosas de outros paises,principalmente a mafias russas e japonesas,como tambem com contra-revolucionarios cubanos baseados em Miami.

  • sr. eduardo,
    tens razão quando afirmas que veja, demóstenes e perilo estão de lama até a cintura.
    faltou dizer que eles estão de “cabeça para baixo”.

  • Pela madrugada!! Deu no Estadão: Demóstenes “trabalhou” com Gilmar Mendes, a pedido de Cachoeira, para perdoar judicialmente metade de uma dívida de R$ 6 bilhões (!!!) de empresa elétrica de Goiás. Detalhe: empresa suspeita de malversação de recursos.

    http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,demostenes-trabalhou-com-gilmar-mendes-para-levar-ao-stf-acao-da-celg-diz-pf,866526,0.htm

    O capitalismo brasileiro é comandado por gente como Cachoeira, Daniel Dantas, Salvatore Cacciola…

    Enquanto não passarmos isso a limpo, não chegaremos a ser uma Nação civilizada.

  • Proponho um site que funcione tipoo “impostômentro” monitorando os anunciantes da Veja (públicos e prrivados) e o quanto cada um pagou por anúncio. Depois de tantas revelções não é mais possível que o governo federal e empresas públicas e privadas continuem sendo anunciantes desse semanário, trata-se de questão ética e não política. Para os entes públicos deveria pesar a questão da improbidade. Os agentes privados que tanto pregam a ética nas realções empresáriais deveriam sentir-se impedidos de anunciar na Veja.

  • Eduardo, se esses crápulas da imprensa continuarem a chantagear, basta o Governo Federal, entenda Presidenta Dilma, dizer que não negocia com bandidos. Abraços, querido, espero que sua Vitória esteja muito bem, é o que sempre peço a Deus quando me lembro de seu Blog, o qual indico para os meus alunos.

  • Como já disse em post anterior,o PIG angariou muitos inimigos no congresso,se as revelações continuarem neste ritmo,envolvendo mais e mais a Veja em conluio com o crime organizado, causando espécie na sociedade,que já acontece,e houver pressão.Junte-se a isto se p PT não amarelar,ou mesmo forçado pela pressão popular.as coisa ficarão muitíssimo difíceis para os lados da Abril.Hoje ha uma pressão do PIG,ameaças,mas se acontecer o que digo,a tendencia é o instinto de preservação,deixar a Veja a própria sorte,pois em barco que está afundando,os ratos são os primeiros a abandonar o navio>

  • Quanto à ameaça de retaliações por parte da facção criminosa capitaneada pela Abril e pela Globo,não se preocupem,porque é mero blefe.Quem tem de fazer um maleficio faz de uma vez por todas e não ameaça.Isso é fato desde os tempos de Maquiavel.

  • Barbaridade!! Deu na Folha: Cachoeira pediu a Demóstenes para interceder, junto à justiça, para transferir para Goiás diversos PMs presos, acusados de pertencerem a grupos de extermínio. Cachoeira não é “contraventor”. É bandido mesmo.

    • http://www.ovale.com.br/nossa-regi-o/show-sertanejo-custa-mais-caro-em-s-jose-1.248813

      FARRA DO BOI NA TERRA DO PINHEIRINHO…
      ..
      “Show sertanejo custa mais caro em S. José
      Sem licitação, a Prefeitura de São José contratou no último dia 30 de março a empresa Brandão & Brandão SC/LTDA, no valor de R$ 156 mil, para prestação de serviços artísticos durante o 1º de maio

      São José dos Campos

      A terceirização da contratação do show da dupla sertaneja Gian & Giovani para a Festa do Trabalhador no Novo Horizonte no próximo dia 1º pode ter encarecido o valor do contrato.
      Sem licitação, a Prefeitura de São José contratou no último dia 30 de março a empresa Brandão & Brandão SC/LTDA, no valor de R$ 156 mil, para prestação de serviços artísticos durante o 1º de maio.
      O governo gastou ainda outros R$ 16 mil para pagar outros 14 artistas que irão se apresentar na festa no mesmo dia.
      O valor gasto com a produção do show da dupla Gian & Giovani é 65% maior que o pago pela Prefeitura de Pitangueiras, onde a dupla sertaneja irá se apresentar na próxima segunda-feira.
      Lá, o governo municipal afirmou ter contratado uma empresa para a produção de 18 shows, incluindo o da dupla sertaneja, por R$ 94,2 mil para três dias de festa.
      O VALE entrou em contato com produção de Gian & Giovani. O orçamento encaminhado aponta que o cachê da dupla e da banda, incluindo transporte dos artistas, equipamentos e alimentação, sairia por R$ 68 mil.” VIDE

      http://www.ovale.com.br/nossa-regi-o/show-sertanejo-custa-mais-caro-em-s-jose-1.248813

    • Essa piada é muito boa, Eduardo.

      Rola no Facebook. Serve pra 2012…
      29/abr/2012 . 10:26 | Autor: Seu Pimenta
      Um deputado está andando tranquilamente quando é atropelado e morre.

      A alma dele chega ao Paraíso e dá de cara com São Pedro na entrada.

      – Bem-vindo ao Paraíso! – diz São Pedro

      – Antes que você entre, há um probleminha. Raramente vemos parlamentares por aqui, sabe, então não sabemos bem o que fazer com você.

      – Não vejo problema, é só me deixar entrar – diz o antigo deputado.

      – Eu bem que gostaria, mas tenho ordens superiores. Vamos fazer o seguinte: Você passa um dia no Inferno e um dia no Paraíso Aí, pode escolher onde quer passar a eternidade.

      – Não precisa, já resolvi. Quero ficar no Paraíso – diz o deputado.

      – Desculpe, mas temos as nossas regras.

      Assim, São Pedro o acompanha até o elevador e ele desce, desce, desce até o Inferno. A porta se abre e ele se vê no meio de um lindo campo de golfe. Ao fundo o clube onde estão todos os seus amigos e outros políticos com os quais havia trabalhado.

      Todos muito felizes em traje social.

      Ele é cumprimentado, abraçado e eles começam a falar sobre os bons tempos em que ficaram ricos às custas do povo.

      Jogam uma partida descontraída e depois comem lagosta e caviar.

      Quem também está presente é o diabo, um cara muito amigável que passa o tempo todo dançando e contando piadas.

      Eles se divertem tanto que, antes que ele perceba, já é hora de ir embora.

      Todos se despedem dele com abraços e acenam enquanto o elevador sobe.

      Ele sobe, sobe, sobe e porta se abre outra vez. São Pedro está esperando por ele..

      Agora é a vez de visitar o Paraíso.

      Ele passa 24 horas junto a um grupo de almas contentes que andam de nuvem em nuvem, tocando harpas e cantando.

      Tudo vai muito bem e, antes que ele perceba, o dia se acaba e São Pedro retorna.

      – E aí? Você passou um dia no Inferno e um dia no Paraíso.

      Agora escolha a sua casa eterna.

      Ele pensa um minuto e responde:

      – Olha, eu nunca pensei .. O Paraíso é muito bom, mas eu acho que vou ficar melhor no Inferno.

      Então São Pedro o leva de volta ao elevador e ele desce, desce, desce até o Inferno.

      A porta abre e ele se vê no meio de um enorme terreno baldio cheio de lixo. Ele vê todos os amigos com as roupas rasgadas e sujas catando o entulho e colocando em sacos pretos.

      O diabo vai ao seu encontro e passa o braço pelo ombro do deputado.

      – Não estou entendendo – gagueja o deputado – Ontem mesmo eu estive aqui e havia um campo de golfe, um clube, lagosta, caviar, e nós dançamos e nos divertimos o tempo todo. Agora só vejo esse fim de mundo cheio de lixo e meus amigos arrasados!!!

      O diabo olha pra ele, sorri ironicamente e diz:

      – Ontem estávamos em campanha. Agora, já conseguimos o seu voto…

      http://www.pimenta.blog.br/

  • Eduardo, acredito que a Veja fará isso mesmo, jogará Policarpo aos crocodilos. Só há um problema: Policarpo é profissional da Veja. Não importa se ele foi culpado, Veja tem responsabilidade. Foi de suas páginas que as matérias cachoerísticas sairam. Rezo para que os membros da CPI tenham clareza e iluminação. É uma oportunidade ímpar de punir uma publicação irresponsável, se as acusações forem comprovadas. Além disso, o mensalão agora adquire outra perspectiva. Espero que os ministros do Supremo tenha a sabedoria que tem demonstrado em votações recentes.

    Em tempo, em contraposição à opinião do jornalista Kennedy Alencar na CBN (“o mensalão é o maior escândalo do PT e precisa ser investigado”), observo:

    1) Não vale dizer que o mensalão é o maior escândalo do PT.
    2) O mensalão precisa ser provado como tal (“mensalidade”).
    3) Há evidências de caixa 2, não de mensalidades (e caixa 2, diga-se de passagem, não é legal).
    4) O dito mensalão pega também, com força,o PSDB do senhor Eduardo Azeredo (PSDB/MG).
    5) Se existem evidências da quadrilha de Cachoeira em relação ao assunto mensalão, o Supremo precisa aguardar para ver a CPI avançar. Senão, poderá ser tremendamente injusto.

    Em tempo:

    1) Quando é que o senhor Fábio Barbosa cairá fora do Grupo Abril?
    2) Qual é a estrutura completa da quadrilha cachoeirística?
    3) E o restante do PIG, participa dessa estrutura, afinal?

    • Decerto que o restante do PIG participava do esquema. O JN da Globo (e outros) era quem repercutia diuturnamente as “denúncias” policarpianas da Veja. Sem a ajuda da TV o conteúdo da Veja ficava restrito apenas à classe média alta, que compra a revista. A Globo apoiava a Veja mesmo contra seu patrimonio, pois eles editam uma revista que é concorrente da Veja (Época). Há na verdade uma quadrilha obsecada em desestabilizar o governo Lula/Dilma não importa com que meios. Esse é um caso mesmo de atentado à segurança nacional.

      • A Veja entrava na fossa cheia de detritos para pegar e jogar no ventilador – globo, folha, estadão, epoca – que espalhava por todo o país. Reberverava.
        Tinha Homer Simpson que se deliciava com os detritos lançados pelo PiG crente que seria suficiente para destruir o governo do povo.

    • Depois desta sujeira da InVeja, Mensalão se tornou brinquedinho de criança.
      A CpMI temde ter muito cuidado, pois esta turma do Carlinhos Cachoeira são tudo “Barra pesada”.
      a Mídia perdeu o controle da situação e deseperaram, fizeram pressão demais tentandocriar um clima ruim com denuncias infundadas sobre o Governo e a pressão foi demais e as Comportas viraram uma Cachoeira. Agora não não há como represar esta cachoeira!
      Né mesmo Demóstenes e Gilmar.

  • E Veja, por meio de seus capachos, diz que não há crime em utilizar Cachoeira como fonte.

    Gostaria de conhecer outra revista onde alguma fonte (bandida ou não) interfere EM QUAL SEÇÃO a denúncia (mentirosa ou não) vai ser publicada.

  • Edu, Não não sei não, mas, Esse ITALIANO: ROBERTO CIVITA atentar contra o estado brasileiro, não é motivo de Expulsão por complô CONTRA O BRASIL ???????

    EXPULSEM ESSE CANALHA JÁ, ou o país não sairá dessa cachoeira de [email protected]\%%#$$$$ em que eles nos meteram.

  • Se essa CPI quer ser um marco divisorio no combate à criminalidade ela vai ter que ser uma investigação profunda nas entranhas do conluio entre facções criminosas(não sejamos ingenuos,quem lucra com jogos ilegais,tambem lucra com trafico de entorpecentes,trafico de armas,trafico de escravas sexuais e não é à toa que Goias é um dos maiores polos exportadores de garotas de programa para os Estados Unidos e Europa)suas vinculações com grupos contrarevolucionarios cubanos,suas ligações carnais com as mafias japonesa,russa e albanesa,com expoentes dos partidos de oposição no Brasil e com integrantes do aparato midiatico que da suporte a essa verdadeira mafia(jornalistas,editores e donos de empresas de comunicação).De fato se tudo for como estou prevendo,está CPI será o tiro de misericordia na moribunda oposição parlamentar brasileira,alem da pa de cal que faltava no tumulo do PIG.Essa CPI tem tudo para ser de fato a CPI do Fim do Mundo ou a CPI do Apocalipse.

  • Indignação e revolta. Por mais força que essas palavras possam ter, elas deixam de exprimir o sentimento que, acho, assalta boa parte dos brasileiros bons. E tenho certeza que toda essa podridão é só a ponta de um gigantesco iceberg. O que enxergo é a mais absoluta falta de respeito misturada com vilania. Esses caras todos são esclarecidos, têm estudos, têm cultura, mas são bandidos. Na semana, Erundina esteve aqui em Fortaleza pra angariar apoio à comissão da Verdade, que vai apurar os crimes de morte da ditadura. Enquanto isso, uns sinistros tropeçam em suas próprias nazistadas. Foram folgados demais, estava tudo dominado, mas a soberba os enquadrou. Os reis estão nus. Mas não foi apenas meia dúzia que derivou para o crime na vã certeza de submeter o país. Festejo a impressionante queda da taxa de imortalidade infantil na década, divulgada na sexta-feira pelo IBGE. Quanto esses caras jogaram contra para que isso acontecesse, mesmo de forma indireta (ou direta, mesmo)? A gente está falando de gente que, de um lado, tem muito dinheiro e quer mais, sempre mais, por qualquer meio, e, de outro, de quem não tem porra nenhuma e insiste em continuar vivo para, bravamente, conquistar um pouquinho, migalhas até, da riqueza que a humanidade se proporciona. Uns querem status, querem comprar nos USA, outros querem comida no prato. É muita sacanagem, pô. Não se muda esses caras. Eles são, e fim. Aos bons brasileiros cabe levantar-se numa cruzada histórica para livrar-nos a todos desses tipos de ameaças ao nosso desenvolvimento, à nossa afirmação definitiva como verdadeira nação.

  • O número 1 era o Pirllo e não o Agnelo como a Globo apressou-se em divulgar.
    Esta informação está nos documentos liberados pela CPI. (Volume 7).
    O PIG não tem jeito.
    Vergonha alheia.KKKKKKKKKkkkk
    Só falta o Agnelo entrar com um pedido de “ERRAMOS” por parte da platinada.

  • Essa CPI precisa ser a CPI da mídia. Pois que a verdadeira oposição aos avanços progressistas do BRASIL no presente e no passado não muito distante, é ela a mídia. Que como podemos ver agora, não teve o menor escrúpulo em associar-se ao crime organizado em suas tentativas de derrubar o governo Lula e se possível Dilma.
    Demóstenes e Cachoeira já não são nada mais nada menos do que cachorros mortos.

  • Resta ao povo brasileior através da CPI finalizar o PiG. Não dá para baixar a guarda. O PiG esta no chão, preso as cordas e imobilizado. É saberamelhor forma de finalizar. Se deixar sobreviver e respirar, o PiG vai na jugular. Essa oportunidade não pode ser perdida sob pena de tão cedo termos outra. A Cristina Kishner em condições muito piores peitou o PiG Argentino, assim como Chavez que ainda tinha o imperio dos USA conspirando.

  • A mafia Russa se especializou em traficar armas quimicas,principalmente bacteriologica para organizações terroristas e para governos que paguem mais.Ao que parece a facção criminosa capitaneada por Cachoeira e Demostenes estava introduzindo esse trafico na America do Sul em associação com a mafia nigeriana(tambem especializada em trafico de entorpecentes).A mafia russa se especializou tambem no trafico de escravas sexuais e em associação com Cachoeira implantou bases de operação tanto em Anapolis quanto em Goiania(capital do Estado de Goias)considerados dois polos importantes de exportação de mulheres utilizadas no mercado de prostituição tanto na Europa quanto nos Estados Unidos.A coisa é muito pior do que vcs imaginam.

  • Essa tese não se sustenta, pois a partir do édito da Bula Ética da Marginal Pinheiros, pelo Eurípedes, sabemos documentadamente, que nada sai na Veja sem que todos os aspectos da notícia (procedência, fonte, motivação, etc.) seja do conhecimento da direção e dos donos da revista semanal de consultórios.

    Simples assim, o resto são sonhos de uma noite de verão, em pleno outono da publicação.

  • Prezado Eduardo,
    parece que a imprensa, pelo menos os sites que até então tentavam confundir as pessoas sobre a CPI do Cachoeira/veja/Demóstenes (principalmente IG e UOL), começa a jogar a toalha. Não dá mais para esconder. Atribuo isso à força dos blog’s “sujos”, que não deixou a coisa esfriar, fazendo com que o Governo e base aliada fossem para cima do PIG. Parabéns e continue firme no propósito de desmascarar essa imprensa corrupta.

  • #VEJAGOLPISTA

    “Veja nomeia Álvaro Dias como seu porta-voz

    SITE DA ABRIL DIZ QUE DIVULGAÇÃO DO RELATÓRIO DERRUBA A TESE DO CONLUIO ENTRE A QUADRILHA DE CACHOEIRA E A REVISTA VEJA, AMPARANDO-SE NO SENADOR TUCANO; NÃO É PIADA
    28 de Abril de 2012 às 13:53

    247 – Aparentemente, os editores de Veja não leram o inquérito divulgado pelo 247 sobre a Operação Monte Carlo. Ou o fizeram de forma apressada. No site de Veja, a principal matéria informa que o “discurso anti-imprensa perde força”, ancorando-se em declaração do senador Álvaro Dias, transformado em porta-voz informal da empresa. De acordo com Veja, grupos hostis à liberdade de expressão estariam dispostos a colocar em risco o jornalismo investigativo. Não, Roberto Civita. Não, Fábio Barbosa. Não se trata de jornalismo investigativo, mas de jornalismo que mereça ser investigado – como no caso da invasão do Hotel Naoum para colocar fogo na República, a pedido de um bicheiro. Leia, abaixo, o texto de Veja: …”
    http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/56825/Veja-nomeia-%C3%81lvaro-Dias-como-seu-porta-voz.htm

    #VEJAGOLPISTA

  • A mafia russa por ter larga experiencia no trafico de armas quimicas e principalmente bacteriologicas a organizações terroristas e especialmente governos dispostos a pagar verdadeiras fortunas por elas,estava interessada(se é que inda não está)a fincar raizes na America do Sul(se é que já não fincou)em associação com membros da mafia comandada pela dupla Cachoeira-Demostenes em associação com a mafia nigeriana e organizações paramilitares venezuelana que fazem oposição ao governo Hugo Chaves.Algumas coisas vão ser esclarecidas ao longo da CPI(se ela for para valer)que farão com que muita gente comece a ligar uma coisa com outra,principalmente o cancer que atingiu Lula,Cristina Kirchner e Chaves.Será realmente que isso faz sentido?Para mim faz e é coisa de arrepiar.

  • O governo brasileiro bem poderia deportar esses Civita para a Itália. Afinal, eles são de lá. Eles que tentem derrubar o governo da Itália. Bando de vagabundos!!

  • É assustador mas estou achando sensacional o desmantelamento da credibilidade do PIG mor…. tenho amigos (admiradores e seguidores do pig) que estão desolados.Me confessam estar decepcionados com seus (deles) oráculos. Muito bom!!!!

  • Eduzinho!

    Vocês perderam.
    Não há nada e nem poderia haver contra uma revista séria como a Veja.
    Os mensaleiros serão condenados.
    Zé Dirceu sairá algemado.
    A bandidada vai em cana.
    Ninguém vai convocar a Veja.
    Não tem macho pra isso naquele antro de ladrões que é o PT.
    Podem espernear.
    Vão perder a boquinha, seus safados!
    Bando de ratos nojentos.

    Armandão!

    ——————–

    EIS OS DADOS DO MELIANTE

    IP address [?]: 189.123.2.247 [Whois] [Reverse IP]
    IP country code: BR
    IP address country: Brazil
    IP address state: Distrito Federal
    IP address city: Brasília
    IP address latitude: -15.7833
    IP address longitude: -47.9167
    ISP of this IP [?]: NET Serviços de Comunicação S.A..
    Organization: NET Serviços de Comunicação S.A..
    Host of this IP: [?]: bd7b02f7.virtua.com.br[Whois] [Trace]
    Local time in Brazil: 2012-04-28 21:05

    • Acho que safado é vc,cafageste.Acho que quem perdeu foi vc,delinquente.Vc deve fazer parte do esquema do cachoeira pago para espalhar mentiras nos blogs progressistas.Mas o que é seu,FDP,está bem guardado.

  • Veja e Globo como as cabeças do PIG eram os maiores interessados no desaparecimento definitivo de Lula.Veja e Globo foram igualmente as duas organizações criminosas que mais incentivaram os internautas a participarem da campanha para obrigar Lula a se tratar de cancer no SUS.Agora façam a ligação mafia russa,especialidade da mafia russa(trafico de armas quimicas e bacteriologicas de novissima geração),sua associação com a mafia de Cachoeira-Demostenes para introduzir tal trafico de armas na America do Sul via Nigeria e a doença de Lula.Isso fecha o circuito.

  • Eduardo, não tem como a CPI não convocar o Civita, pois uma não convocação desmoralizaria a CPI e o Congresso. O envolvimento da revista Veja com a quadrilha de Cachoeira está exposto e não tem como tentarem tampar o sol. A publicação associou-se ao crime, não algo restrito à atuação do jornalista Policarpo Jr. e as próprias “reportagens” publicadas são prova material farta. As reportagens encomendadas e falsas como a do grampo (sem áudio) que derrubou a chefia da Abin, a que derrubou a chefia do Dnit, a das escolas modelo chinesas, a reportagem com fotos (feitas pela arapongagem da quadrilha) do hotel em que José Dirceu se hospedava, além das inúmeras outras feitas nos últimos 10 anos. A Veja foi pega, não tem como a CPI não convocar o Civita.

  • Carlinhos Cachoeira recebia FHC em Base Aérea e “operava” os genéricos de José Serra
    Publicado: 19/03/2012 em Corrupção, Demóstenes Torres, FHC, José Serra
    Tags:cachoeira, dem, demóstenes, FHC, josé serra, psdb
    0

    Por Marco Antonio L. No Blog DoLaDoDeLá

    Lembrei-me do episódio que narro em seguida depois de ver o nome de Carlinhos Cachoeira de volta ao noticiário, no caso envolvendo o senador Demóstenes Torres.

    Partindo de onde partiu, resolvi por as “barbas de molho”. Por quê? Explico.
    Era 2004. Trabalhava na TV Globo, em São Paulo.

    Um deputado estadual do Rio, não me lembro mais quem, havia passado para o Fantástico a gravação que incriminava Waldomiro Diniz, então assessor da Casa Civil do primeiro governo Lula.
    O “furo” da Revista Época (leia-se Editora Globo), em fevereiro daquele ano, abriu caminho para a CPI dos Bingos, na Câmara Federal e excitou a mídia, que festejava a descoberta do caixa dois da campanha do PT à presidência.

    De quebra, enfraquecia o principal artífice do projeto político ora no poder: José Dirceu.

    Luiz Carlos Azenha e eu fomos incumbidos, em São Paulo, de produzir uma reportagem especial esmiuçando a gravação entre Cachoeira e Diniz a procura de desdobramentos.

    Produzimos um vt de quase 8 minutos. A princípio seria para o JN (duvidávamos, por causa da longa duração), depois passaram para o Fantástico e, por fim, reeditamos para o Jornal da Globo, depois de cortes e mais cortes.

    A certa altura da edição, toca o telefone na minha mesa. Pasmo, atendo, do outro lado da linha, Carlos Augusto Ramos, Carlinhos Cachoeira, o próprio. Pergunto aos meus botões: como foi que ele descobriu a produção da nossa reportagem? E mais, quem teria dado o meu ramal a ele?

    Conversamos com franqueza e cordialidade. Ele desqualifica a reportagem que estamos fazendo e diz (numa tentativa de barganhar a seu favor) que tem como nos dar com exclusividade o caminho para o caixa dois do PSDB (seria uma isca?).

    Digo a ele que não tenho poder para mudar o trabalho em curso, mas sugiro que me explique qual é a denúncia exatamente, para encaminhar à direção.

    Ele me conta que o negócio de caça-níqueis, bingos e loterias deixou de ser rentável e que migou para o ramo de medicamentos genéricos, mais “limpo” e atrativo. Estava disposto a contar “em off” como era o esquema na Anvisa para liberação das fórmulas.

    Era denúncia grave. Envolvia o ex-ministro da Saúde e candidato derrotado à presidência, José Serra, e o ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, que, segundo meu interlocutor, teria até participado de um encontro com ele, Cachoeira, e outros na base aérea de Anápolis, quando de um evento da aeronáutica.

    Desligo o telefone, consulto o arquivo e bingo! Temos a imagem do então presidente desembarcando e sendo recebido na pista da base aérea de Anápolis, no dia apontado por Cachoeira. Peço para “descer” a imagem e conto para o Azenha.

    Decidimos fazer uma menção discreta dentro da reportagem, para não chamar a atenção da nossa chefia, e que, indo ao ar, poderia servir de pista para repórteres investigativos, cujos veículos fossem mais isentos e independentes.

    Diante desta nova bomba, que poderia equilibrar o jogo em favor do governo Lula que, àquela altura, estava imobilizado nas cordas, apanhando sem parar, apresentei um relatório à chefia e fui pessoalmente contar ao chefe de reportagens especiais, Luiz Malavolta, o que tínhamos em mãos.

    “Pode esquecer”, disse o Mala. “Denúncia contra o Serra a casa não vai dar”. Dito e feito. Até hoje ninguém abriu a caixa preta da indústria farmacêutica dos genéricos. Ou será que o Amaury Ribeiro Jr. não desvendará esse mistério para nós em: A Privataria Tucana 2?

    Por isso, quando ouço falar de Carlinhos Cachoeira, Revista Época, Globo e congêneres já fico com uma preguiça danada.

    Foi o que disse ao meu sobrinho dia desses: “Toda denúncia serve ao interesse de alguém.” No caso desta última, envolvendo o senador por Goiás, a quem interessa?

  • Direita midiatica partidária, prestem atenção. Não reeditem os ATENTADOS feitos POR VOCES CONTRA VOCES MESMOS. Tal qual aquele PASSADO TÃO PRESENTE da ditadura de 64. E, obviamente, colocar a CULPA NA ESQUERDA e naqueles que querem “acabar” com a famosa imprensa “livre”(de processos claro). Dep. marco maia cade o direito de resposta que já foi votado no senado? Idem e inclusive ATENTADOS CONTRA(pode ser até de eliminação/assassinato) SEUS PROPRIOS empregados. Sabe cumé né direita midiatica partidária, voces estão acuados e, VERMES ACUADOS FAZEM QUALQUER COISA pra livrar o rabo. Todos os empregados, ainda que CAPACHOS, dessas ORGANIZAÇÕES CRIMINOSAS MIDIATICAS estão correndo sério risco de vida pela ação de seus próprios PATRÕES. Assim, “INCENDIOS” de redações, ASSASSINATOS DE EMPREGADOS, desaparecimentos, explosões, invasões(de qualquer tipo em suas propriedades), “dossies” de ataques “descobertos”, fogo em carros de entrega dos jornais de voces etc, SERÃO DE RESPONSABILIDADE DE VOCES MESMOS.

  • A NET Serviços de Comunicação S.A. é uma empresa controlada pela Rede Globo.
    Edu você precisa enviar o conteúdo do comentário do meliante para ver se o PT toma alguma providência.

    O comentário dele é típico de um desesperado. Só quem tem consciência da própria culpa é que procura se defender assim.

  • A @RenaultBrasil patrocina a #VejaBandida com 3 páginas de anúncio.
    O @Bradesco patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @Mizunobr patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @mercedesbenzbr patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @FiatBR patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @niveabrasil patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @kiamotorsbrasil patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @NextelBrasiI patrocina a #VejaBandida com 1 páginas de anúncio.
    A @toyotadobrasil patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @Vivoemrede patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @OficialPeugeot patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @MicrosoftBr patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @chevroletbrasil patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    O @pontofrio patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @JeepDoBrasil patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @nokiabrasil patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @ClaroBrasil patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @HPNoticias patrocina a #VejaBandida com 1 páginas de anúncio.
    A @skybrasil patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @TIMTIMporTIMTIM #Tim patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @NEToficial patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @Catho_Online patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @VolvoCarsBR patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.
    A @digaoi #Oi patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A Abreu/@SOFT_TRAVEL patrocinam a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A @canadaturismo patrocinam a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A Lipomax patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A Vivara patrocina a #VejaBandida com 1 página de anúncio.
    A Hyundai @Ottoni_Brasil patrocina a #VejaBandida com 5 páginas de anúncio.
    A CacauShow patrocina a #VejaBandida com 4 páginas de anúncio.
    A Credicard patrocina a #VejaBandida com 2 páginas de anúncio.

    Porque estas empresas se associaram ao crime organizado???

    Que tal parar de consumir os produtos destas empresas!!!

    Isto sim, seria consumo conciente !!!

  • Do blog Amigos do Pres Lula.
    ‘Chanceler’ Cachoeira mediou encontro de Berlusconi com Demóstenes
    Demóstenes deveria pedir desculpas “em nome do povo brasileiro”, no encontro, pela não extradição de Cesare Battisti.

    O bicheiro Carlinhos Cachoeira também atuou como uma espécie de “Chanceler” informal do DEM (ministro informal das relações exteriores para o senador Demóstenes Torres).

    Em junho de 2011, através de uma conhecida, o bicheiro articulou um convite do então primeiro-ministro Silvio Berlusconi para receber Demóstenes Torres (ex-DEM) na Itália

    O deferência teria uma contrapartida imprópria para a soberania nacional: Demóstenes se abaixaria” diante de Berlusconi para pedir desculpas “em nome do povo brasileiro”, pela não extradição de Cesare Battisti. O senador concordou e disse: “Faço isso com o maior prazer”.

    O plano de Cachoeira previa avisar a velha imprensa brasileira, para ampla cobertura:

    Poucos dias antes deste telefonema, Demóstenes havia feito um discurso na tribuna do Senado bajulando Berlusconi: Pediu desculpas à nação italiana pela decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de não extraditar Cesare Battisti

  • Eduardo, o twitter já fez, em menos de dez dias duas campanhas contra a Veja: #Veja bandida e #Veja golpista.

    Que tal se nos organizássemos nas redes sociais e fossêmos às principais capitais do país protestarmos contra o PIG (Globo, Veja, Estadão, Isto É, Correio Braziliense, Diário de Minas, RBS, Band, Folha)? Poderíamos nos organizar e, ao final do ato, juntássemos exemplares destes periódicos e mais os logos das emissoras e queimássemos em praça pública como sinal de protesto e repúdio ao jornalismo praticado por estas empresas no Brasil?

  • O pior é saber que toda essa barbaridade não vai dar em nada.Muito pelo contrário,eles vão ficar rastelando para ver se pegam alguma coisa contra o governo.

  • Armando Valadares é o tipo do safado que fala o que ele falou em sua postagem,atras de um computador(se é que no esgoto tem computador).Quero ver esse pulha falar o que falou,cara a cara,a vivo e a cores.Armando,sua casa caiu,tuas ameaças me fazem rir,otario.Eu sei quem é vc,delinquente.Não adianta fugir.

  • Na verdade Civita (Abril)e os irmãos Marinho(Globo) torciam pela morte de Lula.Civita e os Marinhos têm ligações muito estreitas com membros de facções criminosas internacionais que operam no circuito São Paulo-Rio-Miami com contrabando,trafico de brancas(mulheres enviadas para o exterior para fins de prostituição)e trafico de entorpecentes.A entrada da Abril no ramo da educação,por exemplo,com a compra do sistema Anglo de Ensino,foi a formula encontrada pelo capo Civita para lavar o dinheiro do trafico de entorpecentes realizado em colaboração com a mafia cubana(formada em sua maioria por contra revolucinarios cubanos).Por essa colaboração com a mafia cubana(dentre outras mafias)Civita recebia uma porcentagem nos lucros da venda de entorpecentes nos principais centros urbanos do Brasil.Os irmãos Marinho utilizam varios empreendimentos das Organizações Globo,principalmente a Fundação Roberto Marinho,para lavagem de dinheiro oriundo do crime organizado.Compreensivel o desespero,a insania de um elemento que se apresenta com a alcunha de armando valadares.

  • Caso o PIG,associado ao PSDB e DEM,lograssem exito no golpe contra Lula,seria implantada no Brasil uma verdadeira República do crime,perto da qual a Chicago de Al Capone seria um jardim de infancia e a Cuba do ditador Fulgencio Batista um paraiso.

  • N estou gostando desse obsequioso silêncio,por parte da CPMI,em relação a veja e suas incursões ao mundo do crime,travestida de “fontes” -obsequioso é q incomoda.

  • VEJA a CACHORREIRA do DEMóstenes.
    Vejam abaixo alguns links que podem ser compartilhados assim como podemos comentar nossas impressões juntamente com as TAGs #VejaGolpista e #PolicarpoNaCPI

    SUGESTAO DE LINKS

    Via @viomundo Demóstenes, sobre grampo de Dirceu: “Aí é ótimo, fantástico” #VejaGolpista #PolicarpoNaCPI – http://www.viomundo.com.br/denuncias/demostenes-sobre-grampo-de-dirceu-ai-e-otimo-fantastico.html

    Via @luisnassiff – Obsessão de Veja com Dirceu cria problemas para Carlinhos #VejaGolpista #PolicarpoNaCPI http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/obsessao-de-veja-com-dirceu-cria-problemas-para-carlinhos
    Via @luisnassiff Como Cachoeira utilizava a Veja – #VejaGolpista #PolicarpoNaCPI – http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/como-cachoeira-utilizava-a-veja
    Via @brasil247 Uma bomba para “Poli” detonar na Veja – #VejaGolpista #PolicarpoNaCPI – http://brasil247.com/pt/247/midiatech/56810/Uma-bomba-para-%E2%80%9CPoli%E2%80%9D-detonar-na-Veja.htm
    Via Tijolaço: Jornalismo e cumplicidade não são o mesmo – #VejaGolpista #PolicarpoNaCPI http://www.tijolaco.com/jornalismo-e-cumplicidade-nao-sao-o-mesmo/
    Via @viomundo O jogo duplo de Demóstenes com a Delta #VejaGolpista #PolicarpoNaCPI – http://www.viomundo.com.br/denuncias/o-jogo-duplo-de-demostenes-sobre-a-delta.html

  • Clamor punitivo – Wadih Damous

    “Não pode a sociedade pedir a esta Casa soluções peregrinas que satisfaçam todas as expectativas e reconciliem todas as consciências”. A frase, dita dois anos atrás pelo ministro Cezar Peluso ao assumir a presidência do Supremo Tribunal Federal, é complementar ao que ele disse antes de deixar o cargo, semana passada, externando preocupação com uma certa “tendência na corte em se alinhar com a opinião pública.” Essas duas manifestações de Peluso talvez sejam das raríssimas vezes em que estivemos de acordo quanto ao que se deseja do Poder Judiciário, embora, no mesmo contexto, ele tenha formulado críticas virulentas e injustificáveis à atuação da corregedora do Conselho Nacional de Justiça, Eliana Calmon.

    A lembrança vem a propósito da intensa, fortíssima pressão veiculada pelos meios de comunicação pela condenação dos réus no processo do chamado “mensalão”. A perspectiva, ou pelo menos a intenção do novo presidente, Ayres de Britto, é pela sua votação ainda neste semestre, para não coincidir com o período eleitoral. Ótimo. O problema é que, desde já, vêse, ouve-se, lê-se em cada espaço midiático um pré-julgamento dos acusados, como forma de pressionar o tribunal a decidir em sintonia com a opinião pública, ou publicada. Precisamos refletir sobre esse clamor punitivo.

    A mobilização da sociedade contra a corrupção é legítima, os cidadãos têm razão e direito de exigir lisura e comportamento ético de autoridades, administradores, legisladores, juízes, advogados, de quem quer que seja. Mas não é possível estar de acordo, principalmente para quem milita no Direito e tem apreço pela democracia, com linchamentos políticos, condenações prévias ao exame acurado dos autos. Não se vê sombra da atual mobilização em torno do processo do “mensalão” em relação a outros milhares de processos no Brasil aguardando a palavra do Supremo e de outros tribunais, dos quais dependem pessoas comuns, até para sobreviver.

    Vivemos uma democracia, temos um Judiciário funcionando plenamente, não tem cabimento, pois, essa pressão indevida para que um juiz ou uma corte decida desta ou daquela maneira.

    O que se espera desse Poder, do Supremo, é um julgamento isento, de acordo com a forma dos autos, e não pela pressão.

    Se ficar demonstrado no processo que os réus cometeram crime, que sejam punidos – e caso contrário, que sejam absolvidos – mas não pela opinião pública, onde já caíram em desgraça.

    O que se espera do Supremo no processo do “mensalão” é um julgamento isento, de acordo com a forma dos autos.

    Wadih Damous é presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seção Rio de Janeiro

  • VEJA a CACHORREIRA do DEMóstenes:
    A obsessão de Veja com Dirceu cria problemas para Carlinhos
    Enviado por luisnassif, sab, 28/04/2012 – 08:13
    Voluma 2, pagina 14:
    Demóstenes conta a Cachoeira que Veja resolveu requentar matéria da IstoÉ de um ano atrás, acusando Dirceu de ligação com a Delta. Baseou-se em um grampo de dois ex-sócios da Delta com Cavendish, o dono da construtora.
    Cachoeira diz não estar gostando dessa história, pois “não tem essa ligação com o Zé Dirceu”.
    Demóstenes pensa em uma estratégia para esvaziar a matéria.
    EM outro trecho o araponga Dadá informa que já conversou com o autor da matéria, Hugo Marques, que informou que o alvo da revista é Dirceu, não a Delta.

  • Eduardo, também acho que esse comentário do Armando Valadares deveria ser mandado para a CPMI, principalmente para os deputados do PT, que ficam tentando contemporizar, e o cara disse que eles não são machos para convocar ninguém da Veja.

  • Dizem que Civita encontra-se foragido da policia, provavelmente noutro país, tendo ingressado com pedido de HC junto ao STF,

    Um dúvida: Quem deu fuga ao contador de Cachoeira, verdadeiro homem-bomba,

    Conversa entre perillo e Cachoeira, relação que a mulher de Cachoeira afirmou dias atrás não existir

    http://g1.globo.com/videos/goias/jatv-2edicao/t/edicoes/v/gravacao-feita-pela-pf-mostra-conversa-entre-carlinhos-cachoeira-e-marconi-perillo/1924574/

  • Estou pasmo! O nome do Vice-Presidente da República é mencionado nos grampos da Polícia Federal.

    http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1131996

    “……Desde então o Senador Demóstenes Torres buscava
    atender com presteza aos pleitos de Carlos Cachoeira. Em um conjunto de diálogos captados, o Senador informou a Carlos Cachoeira sobre , o trâmite de um projeto de lei que tratava da legalização dos bingos:…..
    Página 6
    C: oi Doutor
    D: fala Professor. Seguinte, eu ACERTEI com o Lereia, o Jovair Arantes, é o seguinte procedimento: eu…o Lereia já entregou pro Jovair, o Jovair vai ao Chefe da Casa Civil lá …. esqueci o nome dele … José Múcio, o José Mucio em seguida vai ao Temer, ele tambem vai ao Temer, e assim que eles completarem isso, que deve ser na terça-feira, eu tambem vou
    ao Temer, pra gente tentar pautar tudo, tá certo?
    C: Excelente então. Muito bom.
    D: Então tá bom professor. Boa noite aí.
    C: Obrigado Doutor, um abraço.
    29/4/2009, 21:20
    C: Falou Doutor. Aquela lei, voce deu uma volta nelas (sic) aí? Pra saber?
    D: Dei a volta. É o seguinte: é… inclusive o Jovair não falou nada com o José Múcio, viu? Encontrei com o José Mucio, o José Mucio me disse que o Jovair não falou com ele não. Mas que ele está disposto a fazer. Então fala com o Michel Temer pra gente poder falar, uai.

    http://brasil247.com/videos-ipad/Vol%201.PDF

    • Porque pasmo?
      Só por que é o vice?
      Todos sabem o que é o PMDB e quem é Temer.
      Infelizmente o governo teve que associar-se a este partido e outros que fedem.

  • Não dá pra aceitar o Policarpo como boi de piranha. Tem que chegar no chefe, no Civita, que todos sabem, andou dizendo por aí que ía derrubar a Dilma custasse o que custasse. Se algum ingênuo tinha alguma dúvida elas acabaram por aqui. Foram 8 anos de cacetada semanal na persona de Lula, infâmias contra o presidente e o PT, factóides, farsas absurdas, manipulações, difamações levianas, capas grotescas e o que há de mais ignóbil na imprensa golpista. Isso não pode sair barato. É xilindró ou condenação pra todo mundo. A começar, o cabeça poderia ir, no mínimo, cantar em outra freguesia! Tem que sanear a mídia, porque esse fartum já passou do intolerável, já envenena há muito, a sociedade. E é muito claro o envolvimento da Globo nessa lama toda, está mais do que escancarado. Mas o pavor da Vênus platinada é enorme não?

  • Suponhamos que Policarpo em algum momento, se necessário, será o boi de piranha do escândalo cachoeira da veja. Baseado nos dados divulgados pela maioria da imprensa e na realidade de todo empregado brasileiro em cargos de confiança.
    Civita talvez dê uma volta turística de carro em volta do palácio e ministérios, acompanhado de alguns ministros e quem sabe até a presidente de República.
    Continuando a suposição, caso policarpo o boi de piranha com certeza irá como a maioria dos trabalhadores brasileiros viveu, de bolso vázio e atendendo o patrão em tudo. Já Civita de bolso cheio, talvez mude o destino do seu passeio turístico.
    Como em tudo neste país, para todos, que ou são, ou foram, ou serão laranja. Para não perderem seus empregos. ALguns com gordos salários, outros magros, mas únicos empregos. Todos sem excessão em que o brasileiro se torna depndente, e ou, mal acostumado à algum benfício. Fruto de seu esforço e anos dedicados à função. Mesmo assim se sujeita à todo tipo de submissão para sustentá-lo, como por exempolo manterem-se de bico calado e até aceitarem serem ludibriados por presidentes de sindicatos. Quer um laranja? Vá à alguma praça pública e pregue uma placa daquelas no peito. com esta oferta de “oportunidade”. Que em segundos formará uma fila gigantesca. Mas que no fim, laranjas, sairão pobres, talvez presos ou constrangidos e humilhados, uns bagaços. E os seus patrões, livres e cada vez mais ricos.
    José da Mota Leite Neto.

Deixe uma resposta