Desagravo aos médicos cubanos

Ativismo político

Na foto acima, médicos cubanos que vieram ao Brasil para trabalhar em um do 701 municípios que não atraíram o interesse de nenhum profissional brasileiro e que foram hostilizados por médicos brasileiros durante evento em Fortaleza (CE).

O que se teme, neste momento, é que esses heroicos profissionais que doaram suas vidas a ajudar os que precisam sem visar lucro façam uma ideia de nosso país que não corresponde à verdade. Não somos isso que você, se ainda não viu, poderá conferir no vídeo abaixo. Essa gente não nos representa, não representa o povo brasileiro.

Assista o vídeo. O post prossegue em seguida.

 

Diante dessas cenas lamentáveis, o Blog oferece a você a chance de dizer a esses profissionais que não faz  parte desse setor pequeno, gritalhão e inconsciente da sociedade brasileira. Deixe, abaixo, o seu comentário de apoio à iniciativa – escrita em espanhol, em respeito a esses profissionais.

*

REPARACIÓN

 

 

Les pedimos disculpas a los médicos de Cuba

Estimados doctores cubanos que fueran hostilizados en Fortaleza, Brasil

Presente,

Nosotros, ciudadanos brasileños decentes, democráticos y humanistas y que, les podemos garantizar, no compartimos de la salvajería de algunos pocos compatriotas que los han insultado y agredido desde vuestro arribo en la bella capital de nuestro querido Ceará, venimos a ustedes con un humilde pedido de disculpas.

Aún que la mayoría de nosotros no sea culpable de la estupidez y de los hechos depreciables de esa pandilla que los ha atacado hace rato, no podrá quedar sin reparación lo que ha pasado.

Por primer, les queremos informar que, hace alrededor de unos quince días, se hizo en Brasil una encuesta de opinión del instituto Datafolha – uno de los más grandes de Brasil – en la cual se preguntaba a personas de los cuatro cantos del país lo que pensaban de la venida de médicos cubanos hacia Brasil. 54% de los encuestados han dicho ser favorables.

Lo que ha pasado resultó, pues, de lucha política-ideológica que todos sabemos cómo sucede sobretodo en Latinoamérica. La derecha brasileña les tiene miedo, pues cree que van a hacer un buen trabajo y que, con eso, podran ayudar el gobierno progresista de la presidenta Dilma Rousseff en las elecciones del 2014.

Concluyendo esta reparación que les hemos enviado por medio de la representación diplomática cubana en São Paulo, les pedimos humildemente que no hagan juicio de nuestro pueblo por los hechos de unas cabezas pequeñas y miserables que se han olvidado de todo lo que es mínimo en una democracia.

En espera de buena acogida, les saludan…

(…)

1.146 comments

  • Sejam bem vindos, obrigado por aceitarem essa missão de cuidar de pessoas menos favorecidas, que não se abalem com as demonstrações de intolerância que tanto envergonha os que possuem o mínimo de consciência, esses histéricos não representa a nós Brasileiros. Que tenham êxito em vossas missões.

  • Minhas sinceras desculpas aos srs. Médicos Cubanos. Esse desagravo não veio do povo brasileiro, e sim de uma elite coorporativista, alienada e egoísta.

  • Meu total apoio aos Doutores Cubanos, e que os mesmos mostrem a uma grande parcela dos endeusados Médicos brasileiros, como se recebe e se trata um paciente das classes menos favorecidas. Tenho uma filha médica, que trabalha em um posto de saúde na periferia, e sei que a mesma comunga do mais alto ideal de Hipócrates, o de valorizar e honrar o juramento no exercício da profissão salvando vidas.

  • Participo deste pedido de desculpas aos médicos cubanos. Precisamos de vocês. Obrigado por se solidarizarem com o nosso povo mais carente de assistência médica.

  • Edu, veja que beleza:

    “Mais Médicos”: Juízo da 5ª Vara Federal de BH indefere liminar ao CRM/MG
    27/08/13 15:43

    O Conselho Regional de Medicina do Estado de Minas Gerais ajuizou ação civil pública contra a União, para que seja desobrigado de efetuar o registro provisório dos médicos intercambistas que aderirem ao Programa Mais Médicos para o Brasil, sem a comprovação documental da revalidação dos diplomas emitidos por universidades estrangeiras, bem como apresentação de certificado CELPE/BRAS para os estrangeiros.

    O juiz titular da 5ª Vara Federal da Seção Judiciária de Minas Gerais, João Batista Ribeiro, indeferiu o pedido de antecipação dos efeitos da tutela ao CRM, por considerar que negar o registro aos médicos intercambistas “causaria à Administração o perigo da demora inverso, sob o aspecto de deixar ao desamparo cidadãos hipossuficientes das camadas mais pobres de nossa sociedade”.

    Veja a integra da decisão em http://portal.trf1.jus.br/sjmg/comunicacao-social/imprensa/noticias/-mais-medicos-juizo-da-5-vara-federal-de-bh-indefere-liminar-ao-crm-mg.htm

    Abraço e força, companheiro.

  • Nosotros brasileños nos sentimos profundamente avergonzados por el comportamiento de unos pocos elitistas médicos. Ustedes son muy bienvenidos y realmente necesitamos ayuda aquí en Brasil.

  • CADE O MP PARA ACABAR COM ESTA XENOFOBIA GENERALIZADA PROVOCADA PELOS NOSSO MEDICOS HIPOCRITAS.VERGONHA, VERGONHA .

    concordo com o desagravo

  • Como cidadã brasileira me envergonho pelo tratamento hostil e preconceituoso dado aos médicos cubanos que desembarcaram em Fortaleza. sejam bem vindos.

  • Minha total solidariedade aos médicos cubanos. Os médicos brasileiros não me representam, e nem à maioria do povo brasileiro!

  • Perfeito. Ótima ideia. Todo apoio aos médicos cubanos e os outros estrangeiros que vieram ao Brasil colaborar com o país para diminuir o déficit de médicos. Que sejam bem vindos e parabéns pela coragem e desprendimento para assumirem esta postura humana que traz humilhação para aqueles coxinhas que protestam e calor ao coração daqueles que amam a vida e o seu povo.
    Parabéns Eduardo. Você teve uma ótima e reparadora ideia.

  • Companheiros, desculpem nosso racismo encalacrado, desculpem o elitismo dos médicos brasileiros porque isso, no Brasil, foi sempre um território da aristocracia. Cursos de medicina e direito foram criados pela familia real portuguesa – que saiu fugida de Portugal pela invasão napoleônica – e não para atender uma demanda da sociedade nem uma necessidade do povo. Perdoem, são ignorantes e não sabem o tamanho da estupidez que cometem e nem da vergonha que provocam em milhões de brasileiros que amam Cuba e sempre receberam bem todos e todas que vêm trabalhar no Brasil e ajudar o povo brasileiro. Sejam bem vindos e mais uma vez nos perdoem!

  • Irmãos e irmãs de Cuba,

    Sinto-me profundamente indignado e envergonhado com o que ocorreu no Ceará. Doeu-me no coração e na alma assistir o vídeo do incidente.

    Por favor, saibam que o povo brasileiro está ao seu lado e apoia sua ajuda médica.

    Espero que o governo do meu país tome alguma medida legal em resposta àqueles fatos desumanos e inaceitáveis.

    Somos todos irmãos e vocês são bem vindos, sempre.

    De todo coração,

    Eduardo Paulo de Araújo
    São Paulo – SP

  • Que mau educação destes que se dizem médicos. Conheço médicos “gente boa”, mas conheço muitos que são “pedaços de cavalo”, que possuem o “rei na barriga”. Esses “médicos” não nos representam.

  • Total apoio aos cubanos que nos vem ajudar a fazer uma medicina para o povo. Que sejam bem vindos a essa luta. Os vendidos aos planos de saúde e ao conforto de consultórios com ar condicionado, não sabem o que é e o que necessita o povo do nosso país, ficam em suas ilhas de conforto e nunca se dedicaram nem mesmo a um dia de caridade cristã, muito menos a população carente

  • Total apoio ao trabalho dos médicos Cubanos nos rincões mais necessitados do Brasil. Nos traz sentimentos de ajuda e humanidade.
    Sejam bem-vindos.

  • Sejam bem vindos irmãos de Cuba. Peço perdão pela selvageria destes seres que não sabem o que representa a grandeza e o nobre trabalho de vocês. Contem com os verdadeiros Brasileiros que sabem valorizar o trabalho de vocês.

  • Presados médicos Cubanos,

    Esta corja que voz arrazoou no desembarque não me representa. Não a mim e nem a maioria esmagadora da nação brasileira.

    Estes que lhes constrangeram são nada menos que uma classe abastada que vê na dor e no sofrimento humano uma possibilidade de lucro. São médicos apenas por diploma. Por dentro, são mercenários.

    E sejam bem-vindos ao Brasil!

    Temos certeza que vossa presença aqui só aumentará a qualidade de vida do povo e a gratidão pelos Cubanos.

    Abraços!!

  • Companheiros e irmãos, por favor, desculpem-nos o tristíssmo papel desempenhado pelas pessoas que fizeram isso a vocês. Eles não sabem o que fazem.

  • Assino e peço imensas desculpas ao povo cubano pelo irracionalismo de um grupo que não representa o verdadeiro povo brasileiro. Que vocês sejam valorizados e respeitados como merecem durante o trabalho no Brasil.

  • Vendo esses “médicos” do Ceará agindo como bestas-feras me deu vergonha de ser brasileiro.

    Bem vindos os nobres médicos de Cuba, criados e educados no humanismo e não no cinismo torpe das elites brasileiras que ainda gostariam de ter escravos se lhes fosse possível.

    400 anos de escravidão ainda mostram seu estrago nesse grande país.

    Que vergonha.

  • Ontem pela primeira vez me senti na pele de um reacionário. Fiquei com vergonha de ser brasileiro.
    Hoje recuperei meu orgulho, graças a este post de desagravo aos médicos cubanos.

  • Minha solidariedade aos profissionais que aceitaram a convocação de ajudar a população pobre e excluída do Brasil.
    Lamento profundamente que, ao aceitar esta tarefa, estejam sendo expostos ao que há de pior na nossa sociedade, a xenofobia, racismo e egocentrismo individualista da elite atrasada daqui…

  • Pedimos perdão eu e minha família pela atitudes de nossos compatriotas que agiram de forma selvagem e pensando somente em seus umbigos, preconceito é coisa deles (uma minoria) agora o pedido de perdão e nos sentimos envergonhados. Sejam bem vindos e que a estadia seja mais acolhedora que a chegada. É o que desejamos.

  • Minhas sinceras desculpas a estes médicos e médicas que vem até nosso país ajudar a salvar a vida e aliviar a dor da nossa população mais humilde e pobre. Admiro o empenho, determinação e solidariedade desses que se mostram médicos de verdade. Tenha certeza que nosso povo saberá reconhecer seu valor e agradecer sua ajuda. Bem-vindos.

  • Peço desculpas aos bravos médicos cubanos que passaram por esse terrível tratamento em meu estado, Ceará.
    Asseguro que apenas uma minoria, ideologicamente alinhada com uma oposição política que não tem nada a oferecer ao povo brasileiro, senão o ódio de classe, a xenofobia, a intolerância e o racismo que se prestaram ao ridículo papel de tentar lhes ofender e resistir a sua chegada.
    O povo do Ceará está feliz em lhes receber com entusiasmo e alegria. Sejam todos muito bem vindos.

  • Sejam bem vindos, Doutores (com D maiúsculo),
    Por favor, não se deixem levar pela escória que tem ofendido os senhores.
    Acredite, no Brasil os bons são maioria.
    Os maus apenas detêm os meios de comunicação, e por isso sua voz ecoa mais alto. Mas tenham em suas mentes e corações que a grande maioria dos brasileiros os apoia e necessita de sua ajuda!
    Abraços

  • Pedimos perdão eu e minha família pela atitudes de nossos compatriotas que agiram de forma selvagem e pensando somente em seus umbigos, preconceito é coisa deles (uma minoria) agora o pedido de perdão e nos sentimos envergonhados. Sejam bem vindos e que a estadia seja mais acolhedora que a chegada. É o que desejamos. Olavo Resende de Oliveira.

  • Sejam bem vindos irmãos cubanos. E desculpem a atitude mesquinha desta minoria. O Brasil e os corações dos verdadeiros brasileiros são bem maiores que eles.

  • Em meu nome e de meus familiares desejo uma boa estada aos médicos que aqui vieram colaborar com a melhoria da saúde pública de nosso país, obrigado e que tenham a proteção Divina.

  • Será que os médicos cubanos se abateram? Pois eles sabem o tamanho de sua superioridade. Os médicos cubanos se preocupam com o próximo, os brasileiros com o contra cheque. Sejam bem vindos!!!! Parabéns pela coragem de todos que vieram ajudar esse país com gente tão miúda.

  • Las personas que ofendieron médicos cubanos a su llegada a Brasil son motivo de vergüenza para todos los brasileños. Pedimos disculpas por el comportamiento incivilizado de estas personas prejuiciosas. Sabemos que los médicos cubanos vienen a ayudar a nuestro pueblo y no podemos agradecerles lo suficiente por lo que están haciendo.

    Tatiane Pires
    Porto Alege – RS

  • Sejam muito bem vindos os médicos de Cuba e do mundo! Nós, brasileiros, lhe saudamos e precisamos de vcs! Esqueçam a estupidez desta meia dúzia de reacionários que os vaiaram! O povo brasileiro os aplaudem !

  • Me sinto envergonhada. Estou constrangida diante dos médicos cubanos que aqui vieram, com seriedade e solidariedade, ajudar brasileiros. Peço desculpas as vocês, companheiros. Peço perdão pela intransigência de poucos que estão se manifestando desta maneira desrespeitosa em nome de uma elite desumana que conhece o significado de fraternidade.
    Sejam benvindos. Desejo sucesso a todos vocês.

    Edu, acho que a presidenta deveria fazer um pedido formal de desculpas a estes doutores.

  • Essa repudiável hostilidade de muitos médicos brasileiros contra os cubanos expõe a perversa índole desses manifestantes. São membros da KU KLUX KLAN ?!

  • Assino este pedido de desculpas aos médicos cubanos e me sinto envergonhado por estes caça-níqueis que se dizem brasileiros, muitos tendo estudado com dinheiro público em nossa universidades federais, e que formam a “Máfia de Branco” brasileira.

  • Irmãos cubanos, gostaria de dizer que doeu em minha alma a agressão ontem dirigida a vocês.

    Alguns brasileiros, sentindo um ódio irracional e totalmente fora de propósito, os atacaram e por conta disso eu também quero, em meu nome e em nome de todas as pessoas que conheço e que aqui não poderão assinar, dizer-lhes que os apoio e desde o início torci muito por suas vindas.
    Gostaria também de dizer que as demonstrações que vocês têm dado de humildade, doação, solidariedade e desprendimento, ao saírem de seu país em missão para ajudarem a cuidar de pessoas necessitadas de um país para muitos desconhecido, serão sempre uma grande lição para todos nós.
    Saibam que além de todo o meu apoio, vocês têm também a minha grande admiração.

    Avante!!
    Gratidão eterna aos grandes médicos cubanos!!

  • Corrigido:

    Perdón e não Pendón.

    Edu, sugiro que seja encaminhado também um AGRAVO ao Conselho Regional de Medicina de Fortaleza, eles precisam saber do nosso repúdio ao ato feito por seus filiados.
    Abraços

  • Desculpe-me, doutores, pela recepção dada por uma minoria de cearenses, nordestinos e brasileiros que não representa a maioria absoluta do povo brasileiro, e muito menos a mim. Sejam bem vindos e façam o trabalho dos senhores em paz.

  • Este trecho da nota do Conselho Estadual de Medician do Ceará ao Sindicato dos Médicos do Ceará já fala por mim, e muito bem:

    “Senhor presidente, para onde você caminha e leva os jovens médicos? E agora, José? José, para onde? Para a agressão física? “Escravos”, José? Um povo valoroso que resiste a um boicote econômico já 54 anos da maior potência econômica do mundo, os Estados Unidos, e não se entrega, e não se curva? Um povo que jamais agrediu outros povos e, sim, oferece sempre a sua solidariedade e os seus médicos em situações de catástrofe, como no Haiti e em 69 países que pedem sua ajuda, sempre intermediada pela OMS? Cuba não tem riqueza, José. A sua riqueza é o seu povo, são seus médicos, sua solidariedade. Incompetentes, José? Os indicadores de saúde de Cuba se pareiam com os dos países mais desenvolvidos, a mortalidade infantil é menor que nos Estados Unidos e há 30 anos desenvolvem um Programa de Saúde da Família que é exemplo para o mundo inteiro”.

  • Edu,

    Nossos médicos não são bons clínicos e se baseiam só em exames. Eles devem ter um medo terrivel de trabalhar num local onde haja limitação tecnológica. Eles não sabem , há muito tempo, o que é ser um médico de família, conhecer seu paciente por nome.

  • Saibam os senhores que grande parcela, arrisco dizer que a maior, sente muita gratidão ,respeito e admiração pelo trabalho e disposição dos senhores em honrar sua profissão e, sobretudo, a humanidade em cada um de nós. Que possamos aprender e transformar a dura realidade em que se encontram muitos de nossos irmãos brasileiros.

  • Eles, os médicos estrangeiros, devem ser recebidos com carinho e tratamento digno, a classe médica erra ao atacar essas pessoas ou exigir delas uma solução que elas não tem.

    Sejam bem vindos !

  • Bienvenidos !!!

    Eu me sinto muito envergonhada com o papel ridículo dos médicos brasileiros na recepção dos cubanos.
    Quero que saibam que essa parcela da população nos causa muita vergonha.
    Que vocês tenham uma estadia feliz e que nos ajudem, pois a maioria dos nossos médicos, infelizmente só pensa em dinheiro, são promotores da doença, pois só com ela instalada é que ganham dinheiro.
    Sintam-se acolhidos pela maioria!
    abraços e boa sorte!
    Beth

  • Queridos hermanos e hermanas di Cuba,

    nuestro país no es el horror que ustedes han visto hasta ahora. Nuestra gente es amable, nuestra alma es grande e buena. Todos ustedes, profesionales de la salud cubanos, son bienvenidos a Brasil e son reconocidos y admirados internacionalmente por la sua forte e solida formacion humanitaria. La sociedad brasileña se avergüenza de la reacción corporativista médica vista en estos últimos días. Desde esta semana en adelante, la población deficiente puede dormir mejor y con un poco más de dignidad gracias a su presencia en las regiones donde, hasta ahora, no había ni siquiera un médico a su disposición. Bienvenidos a Brasil e muchas gracias, de corazòn, por su solidaridad!

    Vitoria Falabella, desde Milán, Italia, pero con el corazòn en Brasil, la tierra natal.

  • Irmãos cubanos, somos solidários a vocês que vieram nos ajudar a superar um grave problema que atinge a população mais pobre. Fiquem certos que essa elite que tenta vos constranger e que nos envergonha tem a mesma natureza cruel daquela elite que foi expulsa de vossa ilha pela revolução.

  • Aos irmãos cubanos toda nossa solidariedade, estima e agradecimento por virem ajudar os brasileiros que precisam de médicos verdadeiros e não de medicina de boutique. Hasta Siempre!

  • Aos Doutores Cubanos, lamento a hostilidade e insensatez com que foram tratados pelos corporativistas e preconceituosos médicos brasileiros em Fortaleza. Eu, cidadã brasileira dou-lhes as boas vindas e agradeço desde já o compromisso a que se puseram de ajudar a cuidar dos nossos irmãos brasileiros menos favorecidos. Muito Obrigada por estarem conosco! VIVA O POVO CUBANO!!

    • Las personas que ofendieron médicos cubanos a su llegada a Brasil son motivo de vergüenza para todos los brasileños. Pedimos disculpas por el comportamiento incivilizado de estas personas prejuiciosas. Sabemos que los médicos cubanos vienen a ayudar a nuestro pueblo y no podemos agradecerles lo suficiente por lo que están haciendo.

  • Entristecidos pela selvageria dos médicos brasileiros, nós, da minha família, pedimos aos amigos médicos cubanos, cem mil anos de perdão.Ssejam bem vindos e contem com nosso apoio.

  • Precisamos também do “Mais Psicólogos” de preferencia cubanos para cuidar deste médicos brasileiros que estudam com recursos do Estado e não tem nenhuma nobreza a retribuir.
    Foram criados sob o universos do Cartão de Crédito, portanto, nunca vão entender sobre o espirito de solidariedade no exercício da medicina cubana.
    Perdoe-os senhores médicos cubanos, esses brasileiros diferenciados não sabem o que fazem.

  • Pedimos desculpas pela falta de humanidade e de respeito de alguns médicos brasileiros aos seus colegas cubanos. “Esses que aí estão atrancando o seu caminho eles passarão vocês passarinho”. Aproprio-me das palavras do poeta dizendo da minha admiração pelo comprometimento e disposição em atender ao chamado do governo brasileiro para fazer o trabalho que alguns representantes da nossa elite ignorante, racista e preconceituosa, vestida de jaleco branco, não quer fazer! Ainda acredito que “esses que aí estão” não representam todos os nossos médicos.
    Sejam bem-vindos.
    Maria José Dozza Subtil

  • Sem dúvida, isso é desespero da casa-grande surpreendida pelo ESTADO, que se movimentou em consonância com o clamor das ruas. E toda vez que ele se mexer nesse sentido sentiremos a reação destemperada dessa direita, que não suporta perder qualquer espaço nesse país.

  • Sinto-me envergonhada diante dessa atitude mesquinha, cruel e desumana dos médicos brasileiros.
    Sejam bem vindos, médicos cubanos!!!!
    Os brasileiros que realmente precisam, nos rincões de nosso país, estarão de braços e corações abertos para acolhê-los.
    Aquele grupo de médicos, no aeroporto de Fortaleza, não representa o POVO BRASILEIRO que é , em sua essência, acolhedor.

  • Boa tarde Eduardo. a seguir está um post que fiz hoje no facebook. Acho que é uma discussão importante inspirada nas tentativas e acertos de previsibilidade lógica do blog. Espero que contribua para um post futuro.

    Reflexão do papel político do Médico da Familia

    O atual debate sobre o Mais Médicos é imbecil,
    uma fábula produzida.
    Não há escravidão, não há incompetência profissional, não há invasão socialista.
    O foco é desviar o debate do que realmente importa.
    O programa foi aplaudido por Veja em 1999,
    com os tucanos não houve polêmica.
    E a ideia dos petistas é a mesma: importar médicos cubanos.
    O que mudou de lá pra cá?
    Os governos?
    Desculpe, mas o descaso de ambos com a saúde é o mesmo.
    A história conta que ambos são pró-indústria farmacêutica e à terceirização/privatização da saúde.
    O que mudou é a visão política da sociedade.
    Hoje, sabemos que programas sociais de grande abrangência são viáveis.
    Sabemos que é possível mudar o país pela mobilização da sociedade.
    E, o que com os tucanos era um programa de saúde,
    hoje, é um programa social.
    Social porque o objetivo é democratizar a saúde.
    Dar o direito ao cidadão de ter acesso ao médico.
    É até poético…
    Começa pelo resgate e valorização do profissional da medicina.
    A via é a atenção básica.
    E, nesse campo, o Clínico Geral é o Grão Mestre.
    É com ele que começam a disseminação das políticas públicas de saúde.
    Ele encabeça o front da batalha.
    Mas a medicina brasileira fez deste um mero coadjuvante:
    vamos ao especialista antes de ir ao Clínico,
    é muito mais chique.
    Fazer exames nucleares é uma questão de status.
    E é pra poucos tratar dor-de-cotovelo com anti-inflamatório.
    Já o Médico da Família…
    Antes de ser um agente da saúde,
    é um ente político.
    Um epidemiologista.
    Sabe que cólera não se resolve com analgésico,
    mas com tratamento de água.
    Principalmente os cubanos…
    Sabe que a maior parte dos problemas de nossa saúde não está na saúde em si.
    Mas na falta de atenção básica,
    na pobreza e miséria,
    na falta de saneamento,
    nos vícios sociais,
    na falta de informação…
    Sabe por que vai à casa das pessoas,
    conhece seus hábitos, seu contexto.
    E não só de um indivíduo ou família,
    mas de todo um bairro ou comunidade.
    E é aí onde nasce o ódio do CRM.
    Não precisa provar-se seu alinhamento com os conservadores e indústria farmacêutica.
    Esta é a maior interessada na especialização médica,
    seu objetivo é vender anti-inflamatório para dor-de-cotovelo.
    Lutar pelas especializações é uma questão estratégica:
    pulveriza-se e, consequentemente, privatiza-se a base informacional da saúde.
    Desvincula-se a ciência médica de seu contexto de atuação.
    Fica bem mais fácil de provar que o déficit de atenção infantil existe.
    Basta financiar uma pesquisa para começar a vender um medicamento.
    Se for pra imbecilizar a população então, melhor ainda!
    E haja Ritalina!
    Percebem a ameaça que se trata a valorização do Médico da Família?
    Cria-se uma base de dados paralela.
    Uma base de dados que cruza as informações das políticas de saúde, com educação, planejamento urbano, etc…
    Cria-se uma base de dados local específica em cada comunidade.
    E os tratamentos tornam-se muito mais simples, precisos e eficientes.
    Epidemias passam a se resolver com políticas públicas locais.
    E a saúde de cada indivíduo com hábitos saudáveis e de acordo com sua realidade.
    O papel do Médico da Família é fazer esse cuidado.
    E a consequência natural é a fortificação da cultura pró-saúde ou de saúde preventiva.
    É inevitável, a venda de remédios despencará.
    É tudo que os laboratórios menos querem.
    Tirar deles o poder da cura,
    para devolver ao médico,
    que é parte da sociedade.
    É o resgate de nossa autonomia como indivíduos/cidadãos.
    É a constituição de um poder social paralelo, autônomo.
    Essa é a natureza, grandeza e força do SUS,
    no qual, acreditamos.

  • Peço desculpas ao médicos cubanos que vieram de boa vontade para ajudar os brasileiros e foram recebidos por médicos brasileiros mal educados, inescrupulosos, que não representam o povo brasileiro, muito pelo contrários, nos envergonham. Sejam bem vindos!

  • Senhores médicos cubanos, sejam bem vindos e recebam desde já a nossa gratidão por aceitarem essa empreitada. Os imbecis que os vaiaram no aeroporto de Fortaleza não nos representam!

  • Quero dizer para os Cubanos nao ligar para esses medicos, eles nao representam
    o povo brasileiro, eles vaiaram porque nao poderao mais usar o dedinho de silicone.

  • Revoltado e envergonhado com essa atitude recebo com carinho os médicos cubanos e afirmo o Brasil é muito maior que essas ignorantes

    • Sou cearense da gema, “da Terra da Luz” e venho dizer que me sinto envergonhado por um bando de idiotas que se dizem medicos que só pensam em engordar suas contas bancarias e duzer a todo Brasil que esses coxinhas de jaleco não representam a opniao de nos cearenses.

  • A luta do povo brasileiro é a mesma luta de toda humanidade, na construção de uma sociedade fraterna, solidária e livre.

    Os companheiros cubanos são nossos irmãos merecem todo nosso respeito e admiração.
    São um exemplo de luta e resistência para toda humanidade.

    O trabalho no campo da saúde que irão realizar com outros médicos de outros países é muito bem-vindo, contribuirá e muito para a melhoria da saúde da sofrida população brasileira.

    A civilidade e a educação do nosso povo não irão falhar nessa hora. Nossas desculpas aos hermanos cubanos.

    “Ser humano é entender que a diversidade leva à unidade. Que a unidade leva à solidariedade. Que a solidariedade leva à igualdade. Que a igualdade leva à liberdade. Que a liberdade leva à diversidade.” Livro dos Livros (Kitab-ul-Kutub)

  • Quem está atiçando a ira da gangue do jaleco branco contra os cubanos é a gangue de dona Judith Brito com seus Mervais, Noblats, Josias e Catanhedes.

  • Sejam Bem vindos Médicos Cubanos!!!!….com extremo amor pela profissão vcs honram a humanidade e dão alento aos necessitados de todo o mundo.Heróis da Saúde!

  • Bienvenidos sean los médicos cubanos. Tengan la certeza ustedes, que la mayoría de la población brasileña está muy contenta. Mis saludos.

  • Viva os Médicos Cubanos!!!!…e tenham certeza de que a maioria da população brasileira apoia todos vocês….liga não para esses preconceituosos da elite brasileira, Cuba se livrou dessa gente faz uns 50 anos, aqui no Brasil as esquerdas ainda teimam em deixa-los em paz, mais um dia quem sabe o povo não bota pra correr para Miami esse tipo de gente!!!

  • Bem vindos irmãos cubanos.
    Um forte abraço em todos vocês.
    Vocês são dignos de honras em nosso solo. Os brasileiros lhes devem respeito e gratidão.
    Muito obrigada cubanos.
    Muito obrigada Cuba

  • Sejam bemvindos os médicos cubanos!
    Esses rapazes deshumanos que foram hostiliza-los em Fortaleza não nos representam.
    Obrigado,
    Alexandre Sacha – Professor

  • Agradeço a vinda dos médicos cubanos para cuidar do nosso povo.
    Manifesto minha vergonha pela atitude deste pseudos profissionais que os hostilizaram.
    Sejam bem vindo companheiros cubanos.

  • Caros irmãos cubanos, sejam bem vindos ao meu país. Peço desculpas pela violência, maldade e preconceito que a elite os tratou. Eles não representam o povo brasileiro, a maior prova disso é a presença de vocês no Brasil fazendo aquilo que eles se negam a fazer. Contem com o nosso apoio total, contem conosco. Mais uma vez, desculpas, sejam bem vindo, muito obrigado por virem nos ajudar, contem conosco

  • Desculpem-nos pelo transtorno. Sejam todos muito bem-vindos. Obrigado por colaborarem com nosso governo e contribuirem para a melhoria da saúde de nosso povo mais sofrido.

  • Os companheiros cubanos são nossos irmãos merecem todo nosso respeito e admiração.
    São um exemplo de luta e resistência para toda humanidade.

    O trabalho no campo da saúde que irão realizar com outros médicos de outros países é muito bem-vindo, contribuirá e muito para a melhoria da saúde da sofrida população brasileira.

    A civilidade e a educação do nosso povo não irão falhar nessa hora. Nossas desculpas aos hermanos cubanos.

    “Ser humano é entender que a diversidade leva à unidade. Que a unidade leva à solidariedade. Que a solidariedade leva à igualdade. Que a igualdade leva à liberdade. Que a liberdade leva à diversidade.” Livro dos Livros (Kitab-ul-Kutub)

  • A notícia boa é que esses vermes que hostilizaram os médicos cubanos não estarão nas cidades onde os médicos desempenharão suas funções. A verminose que hostiliza não tem coragem de sair da capital. Na verdade, eles são contra os médicos estrangeiros porque querem “bater o ponto” no hospital público e se mandarem para os seus consultórios particulares.

  • Irmãos cubanos,
    perdoem a ingratidão dessa gente mercenária.
    O desrespeito que esses “médicos” tiveram por vocês,
    é o mesmo que eles tem pelo desassistido povo brasileiro.

    O Brasil está carente de médicos
    mas também de humanidade e respeito.

    Bem vindos, amigos!

  • Sean bienvenidos a nuestro país y a nuestra vida. No escuchen los hidrófobos, que estan malos y dolientes de alma. Cosa que medicina ninguna cura…

  • Como pessoas de tão alta instrução, podem ser tão ignorantes? Quando faltam os argumentos o que resta e a agressividade, a gritaria desses que agora se revelam fascistas e mesquinhos. O bom e que eles são minoria, e com essas atitudes só reforçam nosso apoio à vinda de médicos estrangeiros.

  • Esse bando de médicos burgueses que se formam em faculdades pagas com o dinheiro dos brasileiros nos enojam e nos vergonham. O verdadeiro brasileiro agradece a vinda de vocês.Sejam bem vindos!!!

  • Mais uma vez, apoiado !

    São os chamados “coxinhas de jaleco”.
    Não tem, não sabem, e nem nunca tiveram a menor noção do que seja HUMANISMO !

  • Prezados médicos cubanos. Em primeiro lugar, gostaria de registrar meu repúdio pelos atos selvagens praticados contra vocês por um grupo de nossos profissionais da saúde, lembrando que suas ações não contam com o nosso respaldo. Pelo contrário, repudiamos esse comportamento mesquinho, estúpido, creditando a isto ao desconhecimento sobre o Programa Mais Médicos, e, particularmente à ignorância de seus membros sobre a realidade que os cerca. Tenho certeza de que vocês saberão muito distinguir o joio do trigo. Eles não nos representam. Vai lembrar que brasileiros e cubanos têm história semelhante e que somos povos irmãos na latinidade, e sempre nutrimos muito respeito mútuo que não será subtraído, um pingo sequer, por atos inconsequentes de uma mínima minoria.
    Sejam sempre bem-vindos, companheiros cubanos!!!

  • Sejam bem-vindos médicos cubanos!
    Não julguem o povo brasileiro pelos imbecis sem alma e cujo deus é o dinheiro que os maltrataram em vossa chegada. Imbecis existem em qualquer lugar, sabeis, mas parece que aqui no Brasil nossa cota aumentou com a vinda dos irmãos cubanos, constatamos agora.

    A vida segue e a grandeza de vosso gesto superará a pequenez de uma minoria de brasileiros ruins, mercenários e inimigos de seu próprio povo. Descobrirão durante o tempo de estadia por aqui quem é o povo brasileiro e quem é a classe dominante deste deste país, uma classe pequena e servil aos interesses do imperialismo americano.

    Como uma avalanche venceremos; “não deveremos ver outra coisa que não seja a luz.”

    Bem-vindos camaradas.

  • Faço das palavras do Eduardo Guimarães minhas: “Esses médicos que hostilizam os médicos negros de Cuba não são o povo brasileiro. Essa gente não tem pátria, não tem alma. Não nos representam.”

  • Eduardo, tem vergonha de pertencer a mesma raça, (ou seja raça humana), a que pertencem essa figuras deploráveis, eles não envergonham só o Brasil envergonham a todos que tenham um mínimo de humanidade. Outro dia você postou uma moça com um cartaz dizendo que a Presidente Dilma tratasse seu linfoma em Cuba, aquele cartaz me deixou um muito perturbado, é esse tipo de gente que estamos formando em nossas universidades? Estou cansado dessa gente, são uns monstros.

  • Bem-vindos médicas e médicos cubanos, ainda que alguns compatriotas
    nos envergonhem, podem ficar cientes de que esses mal-educados
    não representam a maioria do povo brasileiro,
    que muito agradece as suas generosas disponibilidades.
    Sintam-se em casa.

    forte abraço,
    Rejane

  • Peço desculpas aos médicos cubanos. Com certeza, essa foi uma das cenas mais absurdas que já vi em toda minha vida. Que lixo!!!
    Em tempo: em vez de ofender os cubanos, esses “médicos” brasileiros deveriam ficar preocupados com as próximas manifestações pelo país. Diante do descaso deles pelos mais pobres e necessitados, é bem provável que o povo brasileiro, que com certeza será melhor atendido pelos estrangeiros, vá para as ruas pedir a troca dos médicos brasileiros por cubanos, argentinos, uruguaios, chilenos….

  • A maior prova da incompetência e da falência de nossas universidades está aí escancarada, essas instituições formam máquinas que não têm caráter, não têm compostura, não têm hombridade, não têm senso, não têm decência. Há entretanto, exceções, mas estas se calam, e sendo assim, consentem. Isso já é suficiente para eu preferir um médico cubano do que um brasileiro. Com o médico brasileiro tenho, doravante, certeza que serei tratado como cliente, e não paciente.
    Bem vindo sejam vocês, meus irmão de Cuba.

  • Srs. Doutores da República de Cuba,
    tenham certeza, esses manifestantes não nos representam. Nós, a maioria do povo brasileiro, pedimos desculpas pelo ocorrido. Os médicos e/ou estudantes de medicina que estavam presentes na manifestação não sabem nada sobre sistema de saúde pública, não sabem nada de Brasil e não sabem nada de ética. As entidades que os representam também não. Somos gratos por suas presenças, apoiamos os objetivos de nosso governo e sejam bem vindos ao Brasil. Em nossos municípios sem médicos existem 12 milhões de brasileiros que jamais viram um jaleco branco pela frente. É para eles e muitos outros que o programa foi criado. Acredito que, com o tempo, os manifestantes reflitam e revejam seus conceitos, até mesmo para não perderem o bonde da história.
    Cordiais Saudações,
    José Souza

  • Prezados médicos cubanos. Em primeiro lugar, gostaria de registrar meu repúdio pelos atos selvagens praticados contra vocês por um grupo de nossos profissionais da saúde, lembrando que suas ações não contam com o nosso respaldo. Pelo contrário, repudiamos esse comportamento mesquinho, estúpido, creditando a isto ao desconhecimento sobre o que trata o Programa Mais Médicos, e, particularmente à ignorância de seus membros sobre a realidade que os cerca. Eles não nos representam, e tenho certeza de que vocês saberão muito bem distinguir o joio do trigo. Vale lembrar que brasileiros e cubanos dividem uma história muito parecida ( grandes produtores de açúcar e dos problemas sociais que esta cultura acarreta; sociedade e economia sustentada pelo braço africano; grande produtor de tabaco e celeiro de políticos nem sempre muito confiáveis ), isto até 1959, lá. A latinidade só nos aproxima, somos povos irmãos e sempre nutrimos e mantivemos respeito mútuo em nossas relações. Não permitiremos que gente e atos inconsequentes destruam o que levou décadas sendo forjado.
    Sejam sempre bem-vindos, companheiros cubanos, companheiros médicos cubanos!!!

    Ronaldo Pimenta

  • Custo a acreditar que sejam realmente médicos! A todos os profissionais brasileiros e estrangeiros que responderam ao chamamento do governo no programa mais médico, nossos sinceros agradecimentos e, em especial aos valorosos profissionais cubanos, acreditem: estes que lhes receberam não nos representam!

  • Bem vindos, médicos cubanos!! Vocês são exemplos de solidariedade e muito nos honra as vossas presenças. Acredito que esta primeira impressão que estão tendo do Brasil logo se desvanecerá, pois não somos assim como essa matilha (desculpem-me os lobos pela comparação) que os recepcionaram em nossa querida Fortaleza. Podem estar certo de que o povo os receberá com carinho, e muitos agradecidos por terem pela primeira vez um médico no seu município.
    Obrigado, hermanos cubanos!!

  • Caro Edu,a minha vergonha é medonha,sou cearense e quero pedir as mais sinceras desculpas aos médicos estrangeiros e em especial aos irmãos cubanos,e dizer que aqueles manifestantes representam o que á de pior no Ceará,ou seja a sua elite!Não valem nada!

  • Sejam bem-vindos, caros Doutores Cubanos e outros de qualquer pais amigo que desejam socorrer aqueles
    nossos irmãos que esperavam receber dos nossos médicos o que vocês ora oferecem.
    Perdoem os maus elementos que os apuparam.

  • Nossas boas vindas aos bravos profissionais médicos cubanos. E não cubanos. Estes dignos senhores não tem nacionalidade. São acima de tudo, benfeitores de uma causa que enobrece a humanidade. Que exemplo de vida estão nos dando! Quanto aos “outros” … Obrigado a Presidente Dilma. Este seu gesto tornou ainda mais evidente
    o sectarismo e a prepotencia de nossa Mídia. Uma lei de democratização já!

  • Os MERDICOS brasileiros exigem que os estrangeiros se submetam ao REVALIDA, mas os próprios brasileiros não fazem o dito exame. A CF, no art. 5º, dispõe que brasileiros e estrangeiros devem ter tratamento igual. A OAB exige que os todos os advogados façam o Exame da Ordem, tanto os brasileiros como os estrangeiros. Deveria ser assim também para os médicos. Ou se faz pra todos ou pra não se faz pra ninguém. Afinal, há médicos brasileiros pessimamente formados que antes mesmo de se formarem começam a curandeirar.

  • Prezados Irmãos Médicos Cubanos!

    Sejam bem vindos ao Brasil, e sejam muito exitosos em seu trabalho!

    Lembrem-se que os “médicos” que os hostilizam são uma minoria que não representa o povo brasileiro que tanto precisa de sua atenção.

    Boa sorte e muita saúde!

  • É morrendo de vergonha, depois de assistir ao vídeo, que peço aos médicos cubanos e todos os outros médicos estrangeiros, que se dispuseram ir onde nenhum médico “rico e culto” brasileiro aceitou ir, para socorrer nossos irmãos brasileiros, que não nos julguem por este bando de ignorantes… só demonstram o que nosso presidente Lula já provou, educação e solidariedade não se aprendem na escola.
    Sejam bem-vindos ao Brasil da maioria dos brasileiros, que os recebem agradecidos e de braços abertos.

  • Pido disculpas a mis hermanos cubanos. Bienvenidos, espero que no toma en cuenta la actitud hostil de algunas personas aquí en Brasil.
    Estoy orgulloso de ti.
    HERMANOS PERDÓN!

  • Este episódio me desperta dois sentimentos distintos.
    Vergonha quanto aos cubanos.
    Raiva quanto aos agressores.
    Que é que estes caras estão pensando?

  • Sejam bem-vindos ao Brasil, bravos e bravas companheiros e companheiras internacionalistas conscientes e solidá[email protected], de todas as Nações – mas especialmente os da Ilha Heroica. Esses xenófobos reacionários e alienados de jaleco branco que os vaiaram – e a mídia podre que lhes apóia e dá destaque – não nos representam.
    Bom trabalho, ‘boa luta ‘ Até a Vitória, Sempre!
    Júlio Garcia
    http://jcsgarcia.blogspot.com.br/

  • Quero expressar meu apoio a esta iniciativa em desagravo dos médicos cubanos, que chegaram ao Brasil para fazer o que os médicos brasileiros não são capazes. As corporações médicas, até agora, não tiveram, entre os médicos e médicas, quem levante a voz contra elas. Então, temos que crer que: ou a classe médica é só compostas por egoístas que gostam de ter lucro sobre a Saúde da população, ou os bons profissionais estão sendo calados pelas corporações! Não acredito que não exitam médicos e médicas decentes!
    Barrar o egoísmo de classe de maus médicos e médicas! Todo apoio ao programa Mais Médicos! Bem vindo todos os médicos e médicas estrangeiros para ajudar nossa população mais pobre e desassistida por médicos e médicas que não possuem a menor compaixão por nosso povo mais pobre!

  • Como os Doutores, V.sas. sabem, a Direita é canalha. Esses direitistas NÃO VALEM NADA. Nem aqui e nem em lugar algum do mundo. Eles não representam NADA. Absolutamente NADA COM COISA ALGUMA.
    Pedimos humildes desculpas, como já foi colocado, por essa IMBECILIDADE.
    Agradecemos muito a presença dos Srs. e Sras. aqui em nossa Pátria.
    Muito obrigado.

  • Agradeço aos médicos cubanos pela generosidade, capazes de ensiná-la a esses médicos brasileiros, sem nenhum espírito público. Caros cubanos, vocês expuseram a insegurança e a insensibilidade desses médicos. Bem-vindos.

  • Médicos cubanos,
    Ustedes son MUY, MUY BIENVENIDOS.
    Estaremos eternamente agradecidos por venir a Brasil en una misión tan noble.
    Indudablemente, ustedes son la parte superior de la magnitud humana.
    Muchas gracias para mí y para la mayoría de los brasileños.

  • Essas patricinhas e esses mauricinhos mackenzistas , entre outros, são mais repugnantes que vermes. São vazios absolutos que caminham para cursar medicina apenas para ganhar o status de doutores, quando na verdade rastejam no limbo de suas mentes vazias.

    Seres repugnantes dominam essa categoria nojenta de médicos brasileiros.

    São idiotas, sem o menor compromisso humano, querem apenas ganhar absurdos de salário para segurar a onda de suas posturas arrogantes.

    Pago convênio médico mas tenho medo de me consultar com esses jovens idiotas e vazios que vomitam na rua com facilidade em qualquer festa de rua do Mackenzie.

    Além de serem arrogantes são desumanos.

    Nojo dessa classe que se sente superior aos outros. Esses nojentos vão no final da vida para o mesmo lugar e quiça irão feder mais do o povo que eles “tratam”.

    Os médicos brasileiros são vermes de branco, fantasmas gananciosos e pobres de espírito. Verme!!!

  • Escenas muy lamentable que esta elite inconsecuente con estos verdaderos profesionales de la salud que dedican su tiempo a salvar vidas …
    La vocación de Brasil y el granizo de la venida de estos guerreros para nuestro país no por dinero, sino por, como brasileño estoy tan avergonzada y me disculpo por la ignorancia de aquellos que no tienen vocación de servicio a los menos afortunados, pero sólo piensa en el dinero, si no son todos, pero creo que la gran mayoría. Es una pena.

  • Irmãos cubanos, esses médicos que os vaiaram não nos representam. Obrigado por mais uma vez mostrarem ao mundo que a solidariedade está acima da mesquinharia individualista dessa classe corporativista e retrógrada mergulhada em seu próprio umbigo. Sejam muito bem vindos ao Brasil, a verdadeira população brasileira agradece.

  • Queridos irmãos,

    Em meu nome e de milhões de brasileiros que os esperam para minorar o sofrimento de milhares de outros brasileiros que não dispõem de assistência médica, peço-lhes perdão por esse constrangimento por que passaram. Esses meus compatriotas que os agrediram são apenas uma minoria que não reconhecem nem mesmo que se hoje são médicos é graças aos impostos que todos – inclusive os pobres que receberão assistência de vocês – pagamos para que ele se formassem em nossas Universidades públicas. Aceitem nossas desculpas e recebam a nossa solidariedade e nosso agradecimento pelo que vocês vieram fazer aqui.

  • Apoio o pedido de desculpas, claro! Embora sejam os magnatas dos CRMs que deveriam se desculpar pelo vexame que causam ao nosso país.

  • Mis queridos hermanos en Cuba, en primer lugar, pido disculpas por el comportamiento infantil de una clase que vive otra realidade.Eles deben tratar, y por supuesto que entendem.Obrigado por la dignidad, humildad y buen corazón para ayudar a nuestra gente tan necesitada. gracias, muchas gracias.

  • A saúde brasileira tem muito a ver com a ética dos nossos profissionais médicos, desde seus dirigentes corporativos, eles só pensam em $$$$$$$$ (uns tios patinhas ). Possivelmente até teríamos “profissionais médicos” em quantidade suficiente mas o nível ético/moral é mais ou menos o que que se apresentou aí em Fortaleza. Nossas desculpas e que sejam benvindos, abraços e sucesso em nossas terras.

  • EDU;
    Espero que tudo isso mostre ao povo, que o sistema de saude do SUS não é o lixo que falamos mas sim muitos dos seres desumanos oportuintas que sugam a população, que pagam seus salarios…

  • Os médicos coxinhas estão com medo de perder reserva de mercado e consequentemente diminuir os altos lucros dos grandes laboratórios, indústria farmacêutica, etc… E assim perder o jabá…

  • Médicos cubanos.

    Sinto vergonha dessa elite médica brasileira, estúpida e mesquinha. Essa manifestação em Fortaleza revela seu provincianismo, sua ignorância e total ausência de compromisso social. Mais. Revela, como anfitriões de colegas de outro país, indesculpável falta de educação. Estive em Cuba diversas vezes e sempre fui tratado com a maior cortesia e gentileza pelo povo cubano, especialmente pelos médicos cubanos quando meu filho, em uma dessas viagens, precisou de cuidados. Repito – sinto vergonha desses analfabetos que ignoram o que se passa em Cuba e da luta daquele heroico povo em busca de um melhor destino, libertando-se do colonialismo que o império lhe reservara. Mas o que esperar dessa gente medíocre que limita-se a se informar pela pena do colonizador? Médicos cubanos: tenham a certeza que esses arruaceiros de jaleco são a escória de nosso povo e não detém nenhuma representatividade. Não duvidem, os brasileiros em sua maioria expressiva os recebem de braços abertos. Sejam bem vindos e nos desculpem por esse punhado de mentes colonizadas.

  • Assino embaixo.

    Admiráveis médicos cubanos, vocês, mais que ninguém, sabem exatamente o que é a luta de classes.

    Devem ter facilmente percebido as consequências políticas do programa Mais Médicos: a reeleição de Dilma.

    O desespero da classe dominante está na raiz da orquestração da oposição a essa iniciativa do governo.

    A elite está horrorizada com a perspectiva de perder mais uma eleição ( não só para presidente, talvez também para governador de dois estados importantíssimos: São Paulo e Minas Gerais ) e está ensandecida pela falta de candidato oponente, falta de programa, falta de tudo. Lula deu um nó cego nessa turma.

    ENQUANTO A CARAVANA PASSA, OS CÃES ( ULTRA RAIVOSOS ) LATEM ENLOUQUECIDAMENTE.

    Vamos assistir, até outubro de 2014, o desfile do que há de pior em nossa sociedade escravocrata, ultra reacionária, e que ainda tem muita força nesse país tão desigual ( ainda ).

    Sejamos fortes e resistentes. Venceremos, nós e vocês. Quem viver, verá.

  • Aos medicos cubanos, meus votos de boas vindas e que possam desempenhar seu oficio sem nenhum constrangimento. Mas acho isso muito pouco diante da estupidez desses medicos cearenses. Não podem ser médicos. Para mim não passam de um bando de mercenários que não aprenderam o sentido de solidariedade humana. Provavelmente eles atendem por nomes e por que, então, não descobrir os nomes desses quadrúpedes e postá-los nas redes?

  • Amigos Médicos Cubanos, sejam muito bem vindos!
    Pedimos desculpas pelas agressões que vocês estão sofrendo em nosso País.
    Aqui os direitos humanos básicos são mercadorias, portanto, só pra quem pode pagar por elas.
    Parte dos filhos das elites despreza a boa educação e os bons modos.

  • Apoyo plenamente los términos de esta reparación.

    Mis más sinceras disculpas en nombre del pueblo brasileño.

    André Alex Ferreira Santos

  • Sejam muito bem vindos, irmãos cubanos. Devo acrescentar que os demais estrangeiros também são bem vindos aqui, para ajudar-nos. As pessoas necessitadas de atendimento só perguntam: Quando chegam os médicos? São muito necessários, e nossa população carente, mas acolhedora, não deve ser confundida com essas pessoas egoístas e sem solidariedade. E apesar de nos encherem de vergonha e tristeza, elas não representam a maioria de nós.

  • Médicos cubanos, e também de outras nacionalidades…
    Sejam bem-vindos e bem sucedidos em seus novos postos de trabalho, que foram rejeitados, infelizmente, por nossos compatriotas….

  • Caro Eduardo, eu me sinto profundamente envergonhada!!! Não simplesmente por ser brasileira, mas principalmente por ser Ser humano!!! Sou nordestina do Piauí. Costumamos dizer que no norte do Nordeste – Piauí, Maranhão e Ceará – somos mais irmãos que os outros, porquanto temos sotaques próximos e não falamos o di (di dia, di noite), tão característico do restante do Nordeste. Temos também o gosto culinário bem parecido. Minha terceira vergonha é ver cearenses com atitude de arrogância e prepotência próprias de um Sulista. Somos o norte do Nordeste resultado, nascidos da miséria de gente faminta e muito pobre, que deu o suor e as lágrimas para sobreviver, criar seus filhos e fazer com muita labuta esses Estados crescerem, na esperança de ver seus descendentes viverem com um pouco mais de dignidade. Quem são esses vermes que criticam os que vêm nos ajudar?! Seres Humanos certamente não são!!! São descendentes de quem? São Filhos do vergonhoso Brasil dos coronéis? Quem pagou seus diplomas? Certamente, disso não tenho dúvida. São órfãos de conhecimento da própria história. E aí, lamentavelmente, não é por falta de oportunidade, mas por pura estupidez moderna!!! Isso representa a direita deste País?!! Cínica, Arrogante, Preconceituosa, Imbecilizada!!! Os médicos cubanos são seres humanos e com absoluta certeza muito melhores do que todos esses vermes juntos!!!

  • Como brasileira, tenho a honra de recebê-los, assim como aos médicos espanhóis e portugueses.Dos médicos cubanos conhecemos o trabalho com as vítimas de Chernobil, no território devastado do Haiti e o recebimento dos bombeiros norte-americanos (do 11 de setembro) que foram se tratar em Cuba. Aos nossos bons médicos brasileiros também damos as boas vindas ao Programa Mais Médicos. A saúde não tem fronteiras assim como o amor também não tem. Esse desprendimento será ainda muito mais reconhecido, tenho certeza. O Brasil agradece, pelo menos o Brasil sem rancor, que sabe distinguir generosidade de outros sentimentos e atitudes mesquinhas.

  • Sinto me particularmente envergonhado quando vejo como são tratadas pessoas, os médicos cubanos em particular, que vêm ao nosso país para ajudar, para estender a mão àqueles que não tem acesso e muito menos atendimento médico em nosso país.
    Que sejam muito bem vindos, e tenho certeza que em breve o verdadeiro carinho e calor humano do provo brasileiro prevalecerá sobre estas pessoas medíocres que só pensam no seu próprio umbigo.

  • Aplausos aos Médicos Cubanos, por tudo que já realizaram em outros países!
    Bem vindos sejam ao Brasil profundo!

    Quando à molecagem de parte dos “médicos” brasileiros, lamentável. Eles apenas depõem contra si próprios.

    Tenho algumas histórias pessoais negativas vividas com médicos brasileiros:

    1) 2 minicirurgias desnecessárias e inócuas;
    2) incapacidade de detectar – fizeram exame de laboratório! – uma simples aposição de germe na cabeça, detectada depois – e curada – por uma senhora roceira de 79 anos;
    3) magnífico diagnóstico de um médico (paguei consulta particular) de que eu “não tinha nada”, depois de malemal tocar meu joelho e sem pedir rx; fui a outro médico (mais um pagamento particular) que pediu rx e ressonância magnética, que concluiu por desgaste da patela;
    4) chute no tratamento de “tosse de cachorro” ou “tosse seca”. Médico (mais R$ 80,00) me receitou remédio perigoso (a bula diz que “o médico vai receitar dose mínima”, devido aos efeitos colaterais do meticorten) em dose dobrada. Todo ano me dá essa tosse, que acaba indo embora sozinha, mas depois de algumas semanas e depois de muitos enganos brazucamédicos. Alguns anos atrás um farmacêutico me deu uns comprimidos (só dois) que tomei e me livrou da tal tosse por uns 5 anos.
    5) Viva o Ato Médico conforme estabelecido pela Dilma, sem a sacanagem contra outros profissionais da área de saúde.

  • acabei de ler um comentário no globo.com e um infeliz chegou a dizer que esse homem da foto parece mais um cortador de cana com um facão na mão do que um médico… lamentável. quer dizer que só porque ele é negro ele não parece ser médico? médico bom é médico branco? estou indignado com tudo isso!

  • Prezados,

    quando antes em nossas vidas sentimos vergonha de ser brasileiros?

    É o que disse a professora Marilena Chaui: “a classe média é violenta, fascista e ignorante”.

  • Creio que pedir desculpas é pouco, e certamente todos aqui pensam assim.

    Mesmo sem conhecê-los, sei que enfrentaram essa violência de cabeça erguida. Quem escolheu como missão minorar o sofrimento humano, sabe bem que a sanha desses poucos canalhas pertence também ao rol das mazelas humanas.

    Desde já, agradeço-lhes muito mais do que pelo estrito exercício da Medicina. Agradeço pelo alívio e pelo amparo que tantas pessoas terão, propiciados tão somente pela vossa presença.

    Meu desejo sincero de muito boa sorte, de trabalho recompensador e de muita saúde

  • Apóio o pedio de descupa e solidário convosco agradeço a disposição dos que vieram atender ao irmão

    carentes, cujos patrícios no tiveram coragem e nem disposiçaõ para tentedê-los,

    SEM BEM VINDOS!

  • Eu também não concordo com esse tipo de manifestação. Só demonstra má educação.
    Mas ninguém pediu desculpas a Yoani Sanchez, que foi hostilizada da mesma maneira quando tentava fazer palestras públicas aqui no Brasil.
    A má educação é igualita. Os que se comportaram daquela maneira tão ignóbil quanto esta também não representam o povo brasileiro.

  • Esse é o monstro que foi despertado nas manifestações de junho Brasil afora.

    O ódio, o rancor, a sensação que se pode fazer o que quiser contra qualquer um ou contra qualquer coisa, na hora que lhe der na telha.

    Não há mais limites de decencia e dignidade, isso é fascismo puro, não se convence por argumentos mas na base da pressão, da pancad, do achincalhe, da ameaça.

    Me envergonho do que esses energúmenos das corporações médicas brasileiras estão fazendo contra os médicos estrangeiros que estão sendo convidados pelo nosso governo para vir trabalhar onde nenhum desses meliantes de jaleco branco que por os pés.

    Tenho nojo dessa gente individualista, mercantilista, são a vergonha do nosso país.

    • Prezados senhores e senhoras, médicos que vêm nos estender a mão, trazendo lições de dignidade e solidariedade, este pequeno grupo não nos representa! A vocês todo o nosso APOIO e AGRADECIMENTO.

      Nara C M Mello
      BH/Ituiutaba – MG

  • Estas pessoas não nos representam.

    Sejam muito bem vindos a nosso país.

    E aceitem a nossa desculpa pelo modo como foram recebidos.

    Abraço fraterno.

    Luiz Felipe de Oliveira Lopes

  • Médicos Cubanos e Médicas Cubanas sejam benvindos à nossa terra. Que venham 400, 4000 e muitos mais. Minha admiração e agradecimento a vocês e ao seu país por colocarem acima de tudo a nobreza de princípios. Estes que se colocam contra são apenas pessoas que não respeitam nem a si próprios.

  • Pido disculpas a mis hermanos de América Latina, en Cuba. Estos hombres y mujeres no representan el verdadero grado médico. Son una minoría que han olvidado el juramento de oficio. ¡Bienvenido!

  • Lamentável a atitude desses “médicos” brasileiros em sua sanha reacionária e conservadora. Digo mais: fascista, pois é uma hostilidade marcada por preconceitos, empulhações, de uma classe alcunhada como a máfia de branco com medo de muitos serem desmascarados em suas incompetências, além de serem sonegadores contumazes. O que dizer mais sobre esses seres tão pequenos? Tão asquerosos em suas urros fascistóides? Os médicos cubanos têm todo o apoio do verdadeiro povo brasileiro, daqueles que olham nos olhos de nossos irmãos cubanos e agradecem o desprendimento e a grandeza de seus gestos para melhorar a saúde de nossa gente mais carente.

  • Certa elite brasileira é o verdadeiro lixo desse país. Viva os médicos cubanos. Eles vão mostrar a esses monstrinhos como se deve praticar a medicina.
    Sejam bem vindos irmãos cubanos.

  • Sejam bem vindos ao nosso país.
    Parabéns pela coragem e humanidade em ir praticar a medicina onde nossos médicos (?) não querem ir.
    Sinto-me envergonhada pela atitude dessa minoria que não representa o Brasil. Minhas sinceras desculpas.

  • Peço aos médicos cubanos que não levem em consideração a atitude daqueles que se dizem médicos, e prezam pela vida alheia, pois eles não refletem o que pensam a maioria dos brasileiros. Sejam bem vindos!!!

  • Sejam todos bem vindos, os pacientes que precisam de vocês e todas as pessoas de bem do país, agradecem sua adesão ao “Mais Médicos”. Tenho certeza absoluta que, com essa iniciativa, vocês farão uma revolução no programa Saúde da Família.

  • Amigos estrangeiros, e Cubanos em especial, sejam muito bem vindos!

    Gostaria de primeiramente pedir desculpas por essas manifestações corporativistas de uma parcela da nossa classe médica, que representa uma ideologia da classe dominante de nossa sociedade.

    Tenham certeza que aqueles cidadãos que vocês se dispuseram a vir ajudar os acolherão da forma mais fraterna e agradecida possível.

    Eu, mesmo não necessitando de vossa ajuda, agradeço do fundo do coração a ajuda que vocês estão dispostos a dar aos nossos pobres.

  • eu apoio os medicos estrangeiros no brasil, se os “deuses” medicos brasileiros nao querem atender pobre, que venham os estrangeiros, e processo por descriminacao, e tanto mais a estes bandidos que foram hostilizar os medicos estrangeiros, espero que a dilminha do psdb nao desista mais dessa, cedendo a globo/veja e usa.

  • Queria dizer aos médicos cubanos que esses babacas que os hostilizaram nao representam o meu Ceará, nao representam a populaçao cearense. Só representam a eles mesmos, e seus interesses medíocres.

    Convivo com alguns médicos daqui e sei como funciona: nao cumprem carga horária (o que é o básico da ética profissional), deixam os pacientes esperando, mal olham pra estes, etc. E é a maioria que age assim, nao sao exceçoes.

    Que venham uns 20 mil cubanos pro Brasil, e ensinem o que é ser Médico aos pseudo-médicos daqui.

  • BIENVENIDOS QUERIDOS HERMANOS!!!

    OBRIGADA POR VIREM CONTRIBUIR COM A MELHORIA DE SAÚDE E COM ISSO A MELHORIA DE VIDA DOS BRASILEIROS; MUITO OBRIGADA MESMO, ESTAMOS JUNTOS!!!

  • Solidariedade, respeito, humanidade, são palavras que não fazem parte do universo desses médicos e estudantes de medicina, que estão protestando contra a vinda de estrangeiros, especialmente cubanos.
    Sejam bem-vindos! E pedimos desculpas pela grosseria, estupidez, ignorância dessa minoria barulhenta, que nos envergonha profundamente.

  • Sejam bem vindos e apresentamos-lhes nossas sinceras desculpas e afirmamos-lhes que nós brasileiros não nos sentimos representados por essa categoria corporativista que está defendendo uma cruel reserva de mercado e pouco se importando com a saúde de nossos irmãos brasileiros que precisam de assistência médica.

  • Grandes HEROIS Cubanos, como brasileira tenho uma grande honra em recebê-los aqui em nossa pátria!!!!
    E desejo uma ÓTIMA estadia aqui. Sei que vocês tem um trabalho maravilhoso por esse mundo afora, PARABÉNS!!! VIVA A REVOLUÇÃO CUBANA!!!

    Me sinto muito envergonhada pelo comportamento desses mediocres burguesitos. Peço desculpa. Eles não representa a população brasileira.

  • Meus irmãos doutores Cubanos, esta minoria que os hostilizaram não representa o povo brasileiro, o sentimento e esperança de nosso povo humilde é contar com com vossa preciosa ajuda, nos perdoe, não tenho dúvidas que venceremos, um grande abraço meus queridos.

  • Os médicos brasileiros hostis aos médicos estrangeiros, especialmente aos cubanos, não representam o povo brasileiro. Estou envergonhada, quero pedir desculpas. Tenho certeza que vocês vão ser amados pelo nosso povo. Constatamos perplexos o constrangimento pelo qual vocês passaram? Parabéns também pela maneira elegante e superior como se comportaram, sem entrar em confronto com tamanha ignorância, provocação e agressividade. Na minha avaliação, eles e suas lideranças precisavam de punição por conduta anti-ética. Espero que sejam felizes trabalhando com o povo brasileiro.

  • Apoiado. Esses médicos brasileiros me envergonharam. Só podemos agradecer ao Governo Cubano e aos médicos que deixaram seu país e sua família para nos ajudar.

    Silvia

  • Seam bienvenidos!!! Agradecemos a ustedes la grandiosidad de ayudar el Pueblo brasileño!
    Nosotros sentimos verguenza por la atitude de aquellos!
    Perdón!!

    Muchas gracias!

  • Que País é esse que estamos construindo? Para que muitos de nós, de uma forma ou outra, deram a vida, o sangue, o suor ou as lágrimas? Para assistirmos a esse “espetáculo” de preconceito, de ignorância? Estou extremamente decepcionado. É preciso repensarmos o Brasil.

    Aos companheiros médicos cubanos, nossos respeitos, considerem-se bem vindos e saibam que a maior parte da população brasileira os apoia.

  • Os discípulos de Roger Abdelmassih (aquele que ganhou habeas corpus do Gilmar Mendes) e os coxinhas da máfia de branco também conhecida como “classe mérdica” não me representam. Bienvenidos hermanos, o povo brasileiro e os médicos do bem agradecem!

  • Aos profissionais médicos cubanos e ou estrangeiros. Como cidadão brasileiro me sinto na obrigação de pedir-lhes desculpas e desejar-lhes uma excelente estadia, que sejam felizes ao tratar de brasileiros que precisam e muito de vocês. Abraço.

  • Esse pessoal não me representa.
    Tampouco representa a maioria dos cidadãos brasileiros.
    Tais figuras horrendas, felizmente, representam uma parcela bem diminuta de nosso povo.
    Eles representam o que há de pior em nossa nação.
    Representam o preconceito, a estupidez, a intolerância.
    Representam o pensamento de uma elite raivosa.
    Uma elite que, ano após ano, tem que suportar as conquistas que o povo passou a alcançar.
    Essa elite que se acostumou a formar médicos na sala de casa.
    E, com filhos, sobrinhos e netos doutores, por que razão trazer médicos de Cuba?
    Para atender o povo humilde?
    O povo humilde que se dane!!
    Eles já criaram o hábito de se danarem…
    Dar saúde ao povo é uma maneira de libertá-lo.
    Com uma saúde pública de qualidade, vamos decretar o fim da medicina de grupo.
    O fim dos planos de saúde.
    A batalha será difícil, bem difícil.
    Gente muito poderosa está revoltada.
    Não acharam estranho ver tantos doutores (que deveriam partilhar a meta de salvar vidas), tratando colegas como inimigos?
    O amigo deles não é o povo.
    Não são os colegas.
    O amigo deles é o dinheiro.
    Estou envergonhado pelo que ocorreu, mas tenho certeza de que os doutores cubanos logo conhecerão nosso povo.
    Nossa gente alegre, acolhedora e solidária.
    Que sejam bem vindos!!!
    E, que sejam bem felizes em nosso país.

  • Infelizmente o nosso país está dando uma demonstração do que é a medicina em nossa terra, a quem a população brasileira, idosos e crianças entrega a sua vida para ser cuidada dentro de um ambulatório, consultório e de uma sala de cirurgia.
    É com pesar que assisto a uma vilania dessa contra um povo humilhado, como os cubanos, mas dignos, que enfrenta uma potência econômica, os EUA, dando essa contribuição humanitária ao mundo através da medicina, pois o heroísmo desse povo é digno de nota. Parabéns médicos e cidadãos cubanos, os brasileiros verdadeiros agradecem a presença em nosso solo…

  • Apoio os médicos cubanos e também aproveito para agradecer a vinda deles ao Brasil e me desculpar pelo ato desprezível dos médicos do Ceará.

  • Peço desculpas aos médicos cubanos e confesso que, como cearense, fiquei envergonhado com a atitude mesquinha dos médicos do Ceará. Eles agiram como se fossem baderneiros ou membros de torcidas organizadas com seus gritos de guerra. O presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, José Maria Pontes, comandou um grupo que praticou essa indecência moral que cobriu de vergonha, não o Ceará como o nosso país. Já enviei um email para este senhor aqui citado lavrando o meu protesto contra a afronta aos seus colegas cubanos. Lamentável que o conhecido médico Zé Maria Pontes foi diversas vezes eleito vereador de Fortaleza pelo PT. O povo o defenestrou da Câmara Municipal pelo voto e agora ele se transformou num dos mais radicais antipetistas daqui. O povo do Ceará é um povo solidário e esses médicos que aparecem no vídeo não nos representam. Sejam bem-vindos nossos irmãos cubanos!

  • Peço sinceras desculpas pela falta de respeito com que vocês foram tratados pelos médicos brasileiros. Vocês são mui bienvenidos, hermanos cubanos.

  • Lo siento muchisimo. Jamás podria suponer una actitud tan baja como la que vimos en el video arriba.
    Ellos estan temblando porque ahora el pueblo se dará cuenta lo que és ejercer la medicina.

    Dios los bendiga a todos vosotros y gracias por su presencia aqui en Brasil.

  • Peço desculpas por ainda mantermos aqui no Brasil uma das elites mais retrógradas, escravocratas, xenófobas, racistas, colonizadas e elitistas do mundo.

    Mantenham a cabeça erguida, pois a grande maioria do povo brasileiro NÃO aceita mais ser tutelada pelo pessoal da casa grande.

    Tenho esperança de que venceremos juntos!!!

  • Os médicos brasileiros perderam de vez a compostura e a vergonha, depois de há muito haverem perdido seus sentimentos de compaixão pelos que sofrem sem atendimento médico em cidades do interior do Brasil, para onde nunca quiseram antes ir e agora, quando lhes são oferecidos salários de 10.000 reais, um luxo para os padrões salariais dos brasileiros.

    Os médicos cubanos não estão no Brasil para roubar cargo de nenhum mauricinho ou patricinha da medicina brasileira que os recepcionaram com vaias. Ao contrário, estão aqui para cumprir a missão humanitária de prestar assistência médica a brasileiros e brasileiras que dela não dispõem em suas cidades, menosprezados que foram por esses incivilizados filhos brasileiros de Hipócrates, que desonraram a nossa tradição de hospitalidade.

    Com sua atitude lamentável, esses médicos e médicas que receberam com vaias seus colegas cubanos demonstram o que lhes vai pela cabeça: melhor deixar que sofram ou morram os que não dispõem de assistência médica no interior do Brasil a permitir que sejam assistidos por médicos vindos do exterior, um lema apropriado aos que não norteiam suas vidas por exemplos de homens e mulheres que honraram e honram a medicina. Lembrei-me agora de um deles: Albert Schweitzer (1875-1965), organista renomado, filósofo e médico alemão, que deixou o conforto da Europa para dedicar-se à cura de leprosos em Lamberéné, no interior do Gabão. Quando chegou, ele não dominava o idioma do país, e seu primeiro consultório foi improvisado no que antes fora um galinheiro.

    Finalmente vocês mostram suas caras, alienados e elitizados profissionais da medicina brasileira, insensíveis que são aos sofrimentos dos que adoecem ou morrem sem o amparo de um médico que lhes minore o sofrimento, que é o que vão fazer os médicos cubanos que chegam ao nosso País.

    Vergonha, Brasil!!

  • É de uma estupidez tão grande. Como se pode vaiar médicos de um país cuja medicina é uma das melhores do mundo. Por uma razão simples: trabalham com prevenção, e por isso não visam alimentar a indústria farmacêutica. Por trás dessa gente que vaia (um grupo insignificante que não traduz nem de longe a opinião da maioria) tem muita gente graúda interessada em manter seus escritórios com ar condicionando bem longe do povo.
    Confesso que me emocionei com uma médica cubana chegando e falando de sua alegria em vir trabalhar aqui, falava com orgulho e isso foi comovente e emocionante. Bem diferente daqueles médicos medíocres que querem tudo fácil e bem pertinho de casa, de preferência numa clínica onde seja proibida a entrada do povo. Podem esperar, mais alguns poucos anos e veremos bons resultados.

    Sejam bem vindos irmãos cubanos.
    Viva Cuba, viva seus médicos, viva o Brasil

  • Quem são essas pessoas que vão protestar contra a solidariedade dos médicos cubanos?

    Não é possível que pessoas instruídas tenham esse tipo de comportamento. Cada dia que passa a minha descrença aumenta com os brasileiros.

    O preconceito fica mais evidente como o passar do tempo. Não evolução humanitária.

    De que adianta ter formação acadêmica,se não um mínimo de humanidade e comportamento civilizatório?

  • Hipoteco minha total solidariedade aos honoráveis médicos cubanos desrespeitados por uma pseudo-elite que vira as costas ao sofrimento do povo menos favorecido.

  • É PARA CORAR DE VERGONHA QUALQUER BRASILEIRO CONSCIENTE. INFELIZMENTE ESSES BURGUESINHOS NÃO APRENDERAM NADA DE HUMILDADE E SOLIDARIEDADE, SOMENTE UM EGOÍSMO INESCRUPULOSO LHES NORTEIA. QUE PENA!

    VAMOS EM FRENTE EDU.

  • Bem vindos ao nosso país, irmãos cubanos. Os que anseiam pela paz, pela justiça e por vida plena os acolhem fraternalmente de braços abertos. E a nossa profunda gratidão por vir cuidar da saúde do nosso sofrido povo.

  • Esse e o retrato de um pais que os tucanos desejam: um Brasil de preconceito e elitista. O lado bom e que o povo vai abrindo os olhos com este tipo de babaquice. PSDB nunca mais! Desde Lula vivemos em um Brasil para todos.
    Outra coisa: temos que ser mais participativo nas redes sociais para combater as mentiras e calunias da oposicao. Sugiro a todos duas paginas no Facebook que devem CURTIR: Soldadinho de Chumbo e Noticias da Tucanada.

  • Sejam bem vindos, o povo brasileiro tem bom coração e havera de se sentir honrado com a vossa presença e amparo médico. Os que promoveram a hostilização não nos representam, nem o espírito hospitaleiro do Brasil. Vamo que vamo, com nossos agradecimentos por vossa dedicação humanitária.

  • Parabéns e bem vindos aos médicos cubanos que vieram atender as populações mais carentes e esquecidas deste nosso Brasil!! Obrigado pela sua valiosa presença!!

  • Ai, meu Deus, como existe gente manipulada, imbecilizada e desumana neste Brasil!!!
    Que venham cubanos, mexicanos, marcianos, portugueses, sejam eles lá de que país for. O importante é que sejam competentes, que ouçam muito os pacientes ( o que a gente não vê mais nem em consulta de médico de convênio caríssimo… nesta São Paulo). Que tratem bem de nossa gente pobre, que sustentam com impostos caríssios os estudos dos nossos arrogantes médicos, com honrosas exceções.
    Vva o Programa Mais Médicos! Viva (e vivam ) todos os médicos, e, em especial, os cubanos, por serem os mais discriminados. Que uma Força Superior, chame lá Deus ou qualquer poder espiritual,os proteja de tanta maldade desses imbecis manipulados, que são capazes de tudo. Do que a ignorância e a má intenção não são capazes. Se “Deus vier, que venha armado”, como disse Guimarães Rosa, o que conhecia o sertão e o coração dos seres humanos.

    Ana Barbosa

  • Prezados Amigos e Doutores de Cuba:
    Como descendente de japoneses e cristão convicto, sinto profunda tristeza pelo comportamento desrespeitoso de nossos irmãos brasileiros. Sinceras desculpas e sejam bem-vindos.
    Muito obrigado,
    Nelson

  • Alguns médicos elitistas, reacionários e fascistas não querem que o povo do interior do Brasil tenham assistência médica.

    Médicos cubanos, sejam bem-vindos. Ocupem os espaços que os nossos médicos elitistas, reacionários e fascistas não querem ocupar.

  • Peço humildemente desculpas a esses maravilhosos profissionais em nome do Brasil. Essas pessoas que não tiveram respeito com os médicos e médicas Cubanos, também não respeita os brasileiros e brasileiras de origem humilde, negros, negras, pobres, trabalhadores, trabalhadoras. O objetivo deles é só ganhar dinheiro e trabalharem para planos de saúde, atendendo a massa cheirosa…
    Esses “médicos(as)” não os representa….

    SEJAM BEM VINDOS…DEPOSITAMOS NOSSAS ESPERANÇAS EM VOCÊS….

  • Receba os nossos pedidos de desculpas pela ação de pessoas desprovidas de qualquer sentimento de solidariedade, pessoas que desconhecem o verdadeiro sentido da prática da medicina, que não honram seus juramentos e desconhecem acima de tudo a fraternidade.

    Essas pessoas são minoria em nosso país, felizmente. A minoria racista, preconceituosa, fascista.

    A maioria do povo brasileiro está feliz com a chegada de médicos que atuarão no programa Mais Médicos da Presidenta Dilma e que levarão aos nossos irmãos mais afastados e mais necessitados todo tipo de assistência de que necessitam. Louvamos o trabalho de vocês, a solidariedade com que praticam a medicina e para nós é uma grande honra tê-los conosco.

    Sejam bem vindos, companheiros!!

  • Boa noite, Edu

    Boa noite, a todos e a todas

    Reprovo todos os atos indignos desses profissionais médicos brasileiros que se comportam como seres irresponsáveis e medíocres diante dos colegas cubanos que estão aqui, única e exclusivamente, para colaborarem com o BRASIL e com o POVO BRASILEIRO que os médicos brasileiros se negam a cuidar!!!

    Sejam todos bem-vindos e muito obrigado, Srs. e Sras. médicos e médicas cubanos(as)!!

  • Todo apoio aos doutores médicos cubanos.
    A turba que os hostilizou em Fortaleza não fez o juramento de Hipócrates, mas o de hipócritas.
    Saludos.

  • A las hermanas y hermanos cubanos que han venido ofrecer su inestimable ayuda, yo me gustaria ofrecer mis disculpas por tan tamañas insensibilidad y estupidez de los que se dicen medicos brasileños y también decirles que estoy muy agradecido por ustedes, que hubo venido de tan lejos de sus hogares, para nos ofreceren su ayuda en cuidar de nuestros hermanos compatriotas que más necesitan de atención. Sean bienvenidos a nuestro País y que este sea tan solo el inicio de una profundización de nuestras relaciones como pueblos hermanos de latinoamerica.

  • Prezados senhores e senhoras, médicos e médicas, que vêm nos estender a mão, e trazer lições de DIGNIDADE E SOLIDARIEDADE, este pequeno grupo, em definitivo, não nos representa. Recebam os nossos pedidos de DESCULPAS; bem como, nossas BOAS VINDAS!!

    Nara C M Mello
    Ituiutaba/MG

  • Sejam bem-vindos! Esses que estão contra a vinda, principalmente, dos médicos cubanos não conhecem o que é solidariedade nem humanismo. Fazem parte de uma elite preconceituosa que, felizmente, é cada vez menos representativa. Muito obrigada!

  • Quero desejar boas vindas aos heroicos médicos cubanos que vieram ao Brasil para fazer aquilo que brasileiros, formados em medicina não querem fazer, pois só conseguem pensar em cifrões ao invés de pensaram em salvar vidas.
    Esses médicos brasileiros, a maioria formada às custas de impostos pagos pelo povo, inclusive por aquela parcela de menor poder aquisitivo, prefere dar as costas àqueles que bancaram os seu estudos, numa clara demonstração de que não tem nenhum compromisso com o ser humano. A atitude desses médicos, também demonstra o desespero que está tomando conta deles, por saberem que cada dia que passa, pior fica a opinião da população a seu respeito.
    Portanto, pedimos desculpas aos irmãos cubanos, pelo comportamento completamente sem noção desses mafiosos de branco e confiamos que os senhores irão mostrar a eles o que é a verdadeira medicina.
    Viva Cuba. Viva os irmão médicos cubanos.

  • Parabéns pela iniciativa. Total solidariedade aos médicos cubanos.
    Em tempo, é hora dos médicos sérios, e são muitos, dizerem não ao corporativismo e assumirem posição a favor das populações dos pequenos municípios e periferias das grades cidades.

  • Por lo solidario que estais siendo con nuestra gente que mais lo necesita, soy solidario a vosotros y repudio el acoso que habeis sufrido. BIEN VENIDOS, MÉDICOS HUMANOS !

  • Vergonha, é o que sinto, vergonha mesmo! de ser brasileira, Senhores médicos cubanos nos desculpem a arrogância, a deselegância , somos um país da delicadeza perdida!

  • Queria poder dar um abraço nesse senhor, negro, médico, cubano. Meu irmão, seus ancestrais já suportaram humilhações muito piores que essa que tentam imputar-lhe hoje. Força meu amigo e saiba que o povo brasileiro não é isso! O povo brasileiro, de verdade, você conhecerá nos rincões do Brasil. Como os cubanos, o povo sofrido brasileiro é amigo e acolhedor e tenho certeza absoluta que em qualquer cidadezinha que você for trabalhar, será convidado de honra em todas as casas e enxergará em cada paciente seu o rosto daqueles que você deixou em Cuba com saudade. Força irmão, conte com os brasileiros de verdade!

  • Hermanos Cubanos; Bienvenidos a Brasil. Estamos muy avergonzados por lo que los estúpidos médicos de Brasil presentaram en sus llegadas. Brasil está muy agradecido por la brillante acción que vosotros nos están prestando. Perdón por tener que pasar por una cosa así.

  • Dou todo apoio aos doutores médicos cubanos.
    Peço desculpa pela turba que os hostilizou em Fortaleza . Sou medico em Fortaleza, e tenho certeza que só alguns infelizes e equivocados foram os responsaveis.
    Nossa população agradece
    Bien Venidos!
    Saludos.

  • Eduardo,
    Será que vc poderia conseguir os contatos da internet com alguns desses médicos para que possamos auxiliá-los com a lingua e outras dificuldades que eles venham a enfrentar?

    Eu agradeço.

  • Eu queria poder dar um abraço nesse senhor, negro, médico, cubano. Meu irmão, seus ancestrais já suportaram humilhações muito piores que essa que tentam imputar-lhe hoje. Força meu amigo e saiba que o povo brasileiro não é isso! O povo brasileiro, de verdade, você conhecerá nos rincões do Brasil. Como os cubanos, o povo sofrido brasileiro é amigo e acolhedor e tenho certeza absoluta que em qualquer cidadezinha que você for trabalhar, será convidado de honra em todas as casas e enxergará em cada paciente seu o rosto daqueles que você deixou em Cuba com saudade. Força irmão, conte com os brasileiros de verdade!

  • Quero pedir desculpas aos herois cubanos que vêm prestar uma maravilhosa e indispensável ajuda à população mais pobre do Brasil pela bestialidade de que foram vítimas, a qual foi levada a cabo por um setor minoritário de nossa Sociedade, composto pelas classes mais privilegiadas economicamente, de onde se originam a maior parte de nossos médicos(já que infelizmente em nosso país a educação de qualidade só é oferecida a quem pode pagar preços ultrajantes por ela, ou seja é privada, ao contrário de Cuba que tem um dos melhores Sistemas Educacionais do mundo, ofertado gratuitamente para seus cidadãos, numa lição do que é a verdadeira democracia). Camadas essas que, a despeito da boa educação técnica que puderam comprar, preservam um ignorância cultural e de valores que as torna uma das “elites” mais predadoras e desumanas de toda a América latina, insensíveis aos sofrimentos dos pobres e oprimidos, sofrimentos esses que têm na saúde uma de suas causas principais. São esses “médicos”(e as aspas são merecidas, porque não é de fato médico quem apenas tem um diploma técnico e assiste insensivelmente à miséria e ao sofrimento de seus conterrâneos, não somente nada fazendo para mitigá-los, mas lutando para impedir que os que desejam fazê-lo tenham êxito)que tentam impedir, com o furor de seu ódio de classe, sua ganância desumana e sua estupidez bestial, que o programa Mais Médicos, lançado pelo governo de Esquerda da presidenta Dilma Rousself, tenha êxito. São eles que recusam-se a atender aos pobres no sistema público de Saúde(ou de forma ainda mais grave, fingem atendê-los para receberem os salários pagos pelo Estado, sem sequer comparecerem ao trabalho); são esses vermes que hostilizam MÉDICOS DE VERDADE COMO VOCÊS, COMPANHEIROS CUBANOS, DIANTE DOS QUAIS NÃO POSSUEM ESTATURA MORAL SEQUER PARA LAMBEREM O CHÃO EM QUE VOCÊS PISAM; SÃO ELES QUE OS AGRIDEM ; SÃO ELES OS RESPONSÁVEIS PELAS MORTES DIÁRIAS DE PESSOAS POBRES SEM ATENDIMENTO MÉDICO ADEQUADO. ELES SÃO FILHOS DESSA “ELITE” QUE, DO MESMO MODO QUE CONTRA VOCÊS, VOCIFERA ATÉ AGORA CONTRA A RECENTE AQUISIÇÃO DE DIREITOS PELAS EMPREGADAS DOMÉSTICAS, QUE AQUI NO BRASIL ATÉ MESES ATRÁS NÃO POSSUÍAM OS MESMOS DIREITOS TRABALHISTAS QUE O RESTANTE DOS TRABALHADORES(EXERCENDO UMA CONDIÇÃO VERDADEIRAMENTE DE ESCRAVO, COM O BENEPLÁCITO FERVOROSO DOS MESMOS “MÉDICOS” PILANTRAS QUE AGORA OS XINGAM CINICAMENTE DE ESCRAVOS APENAS PORQUE NÃO CONSEGUEM COMPREENDER QUE EXISTAM MÉDICOS QUE NÃO SÃO MERCENÁRIOS COMO ELES, CAPAZES DE COLOCAR O DINHEIRO ACIMA DA VIDA, CUJA MANUTENÇÃO SÓ É PERMITIDA A QUEM PUDER PAGAR POR SEUS “SERVIÇOS”). ESSA É A ESCÓRIA QUE OS ATACA, MAS QUE, TENHAM CERTEZA, COMO TODA ESCÓRIA NADA VALE, IRÁ AFOGAR-SE NA LAMA DE SUA PRÓPRIA MISÉRIA MORAL E NÃO REPRESENTA EM HIPÓTESE NENHUMA NOSSO POVO BRASILEIRO, A MAIORIA ESMAGADORA DE UMA POPULAÇÃO ACOLHEDORA, QUE FESTEJA COM ALEGRIA, COMPROVADA EM INÚMERAS PESQUISAS DE OPINIÃO, A CHEGADA DE VOCÊS, MÉDICOS CUBANOS, PARA FINALMENTE TEREM ATENDIMENTO MÉDICO, FEITO COM HUMANISMO, SOLIDARIEDADE E RESPEITO PELO PRÓXIMO, VALORES INCAPAZES DE SEREM COMPREENDIDOS POR ESSES MERDAS QUE OS ATACARAM, BANDIDOS DE JALECO BRANCO QUE DEVERIAM ESTAR NACADEIA. RECEBAM NESSE TEXTO UM POUCO DAS SAUDAÇÕES QUE LHES SÃO DIRIGIDAS POR MILHÕES DE BRASILEIROS E SAIBAM QUE NOSSO POVO OS ESTÁ RECEBENDO COM AMOR.

  • Desculpe-os, eles não sabem o que fazem e nem ao menos o que são.

    E sejam todos
    bem vindos, bienvenida, benvenuto, welcome, accueil, bonvenon

  • Hermanos médicos (as), mil desculpas,me sinto envergonhada pois essa classe corporativista e elitista de forma alguma nos representa. Agradecemos e muito toda a boa vontade, sua maneira de encarar a medicina e consciência social. Nosso muito obrigado e sejam bem vindos. Mi casa su casa!

  • Sou médico e expresso aqui meu total apoio ao programa “Mais Médicos” e gostaria também de pedir desculpas aos colegas de outros países que foram hostilizados por maus médicos do Ceará que, felizmente, representam uma ínfima minoria da nossa categoria.

  • Estas duas médicas envergonhou a nação brasileiras.
    Conclamos a todos os médicos e médicas e estudantes de medicina mostre publicamente o descontentamento que estas duas médicas causou de vergonha aos cidadões de bem do Brasil.

  • Soy un ciudadano brasileño muy feliz con la llegada de los médicos cubanos a Brasil, que DIOS te bendiga y te proteja en sus horas de trabajo.

  • Esses mesmos coitados que falam mal dos cubanos, fariam qualquer coisa (até vender seus corpos – se é que eles valham algo) para limpar o chão dos seus patrões estadunidenses!

  • Aoa medicos e médicas cubanos(as)

    SEJAM MUITO BEM VINDOS.
    TRABALHEM EM PAZ.
    A POPULAÇÃO VOS RECEBE DE BRAÇOS ABERTOS.
    ESTES POUCOS IDIOTAS NÃO NOS REPRESENTAM.

  • irmaos cubanos, quero pedir desculpas em nome do meu povo, pois creio q a maioria como eu repudia a açao desses ignorantes egoístas, e a exemplo de milhoes de outros imigrantes trabalhadores q aqui vieram e foram bem recebidos, sentimos muita alegria pela vinda de vcs…sejam todos bem vindos…quanto a colocação de “escravos”, tenho certeza q eles é quem os são; escravos da sua imbecilidade

  • Acho que q a contratação desses médicos foi muito importante. Nossos irmãos brasileiros, que moram mais distantes, passarão a utilizar os serviços médicos que tanto necessitam.

  • As cenas exibidas me fazem lembrar a recepção que os jihadistas do PT prepararam para a blogueira Yoani Sánchez quando ela esteve no Brasil, para dizer, entre outras coisas, que a saúde em Cuba se encontra à beira do colapso. Segundo a blogueira, a medicina cubana “é uma das mais atrasadas do mundo”!

    Obviamente, ninguém endossaria, em sã consciência, manifestações desse tipo, com ofensas à blogueira ou aos médicos cubanos, seja qual for a sua pretensa justificativa. Mas prefiro, antes de mais nada, pedir desculpas aos médicos brasileiros pelo fato de estarem sendo caluniados pelos adeptos da seita lulopetista, pelo fato de trabalharem em condições extremamente adversas na rede pública, pelo fato de estarem sendo culpabilizados pelo caos vigente na saúde “quase perfeita” do país, pelo fato de terem as suas entidades de classe desrespeitadas por medidas arbitrárias, de viés totalitário e cunho eleitoreiro, e pelo fato de verem colegas seus aviltarem a profissão, na medida em que se submetem a um regime escravagista de trabalho, cujo rendimento reverte, na sua quase totalidade, para o financiamento de uma ditadura cruel.

    Os médicos brasileiros não merecem tamanho desrespeito. Em recentes pesquisas, realizadas nos últimos anos para avaliar o grau de confiabilidade de que desfrutam as diferentes classes profissionais do país (19 classes avaliadas), os médicos aparecem sempre nos primeiros lugares, só perdendo para classes que são consideradas com especial respeito no mundo todo, como, por exemplo, a dos bombeiros. A sua classificação encontra-se, inclusive, acima da média alcançada pelos médicos de outros países, que também é elevada.

    Em suma, o povo brasileiro acredita nos seus médicos, mas os petistas não! Mas, já que são tão valentes na sua gritaria, sugiro que, na próxima vez em que procurarem um médico brasileiro para cuidar de si ou de seus familiares, digam a ele o que pensam dos médicos do nosso país, com as mesmas palavras torpes com que deixaram as suas mensagens gravadas aqui. Ele saberá, de imediato, a que ideologia os petistas representam, tanto quanto saberá que não representam, nem de longe, o sentimento do povo brasileiro.

      • Não representa voce, idiota. Mas representa a maioria do povo brasileiro que votou no partido três vezes seguidas para governar o país. De acordo com nossa constituição. Senão está satisfeito, vá para Miami

    • Amigo, Lucas Daniel, nem uma coisa nem outra. Ninguem é escravo quando tem autonomia de estudar, de aprender e de ensinar qualquer coisa que seja. Porque no escravo está a sujeição absoluta. Ele é do outro. O fato de não estarem inseridos em sociedade de domínio pecuniário, como a nossa, é bem outra coisa. Quanto aos médicos brasileiros conheci e conheço excelentes médicos. Eles não ficam ruins porque não querem ir para os grotões do Brasil. Se podem não ir que assim seja. Agora, inconcebível é submeter os cubanos à qualquer humilhação. Isso é uma arrogância própria dos ignorantes, por certo não corresponde ao entendimento de todos os médicos. Lamentável.

      • Amigo Cabral, vejo que você concorda comigo no que tange ao tratamento respeitoso que deve ser dispensado aos médicos cubanos, conforme expressei claramente no meu texto. Mas, eu vou mais além na defesa deles, na medida em que repudio, veementemente, a humilhação a que estão sendo submetidos pela ditadura cubana, em conluio com o governo petista, num acordo mercenário que fere frontalmente as leis trabalhistas brasileiras e “o espírito de programas de intercâmbio e de assistência mútua que sociedades livres e democráticas estabelecem entre si ou com entidades internacionais”.

    • Sr. Lucas,
      Primeiro que a blogueira é ativista política, então não existe comparação.
      Segundo tenho absoluta certeza que os doutores DEDO DE SILICONE são ótimos médicos, afinal nunca erram, claro porque nunca trabalham, a população os adora.
      Terceiro querer atribuir aos petistas o fato que o CRM faz apologia a omissão de socorro só mostra que vc não passa de um troll.
      Quarto se eu for a um médico, pergunto primeiro o que ele pensa dos colegas Cubanos, dependendo da resposta cancelo a consulta e ele deixa de receber seus míseros R$ 500,00. Creio que encontrarei na classe médica um profissional que não seja idiotizado pela mídia.

      • Sr. Bartho:

        Primeiro: nas sociedades democráticas, ao contrário do que ocorre nas ditaduras que você tanto preza, o respeito é devido a todos, independentemente das distinções que se lhes queira atribuir.

        Segundo: eu tenho a mais absoluta certeza de que você é preconceituoso e mal intencionado, na medida em que pretende sobrepor o seu julgamento tacanho e mesquinho, sobre os médicos, ao da esmagadora maioria do povo brasileiro..

        Terceiro: não sei de onde foi que você tirou essa “lulice” de que eu “atribui aos petistas o fato que o CRM faz apologia a omissão de socorro”. Acho, por essa cretinice, que o seu cérebro deve ser uma pasta disforme de silicone de má procedência, em franco processo de dissolução.

        Quarto: se for a um médico, ele só terá uma coisa a fazer quando você abrir a boca para entoar essa história ridícula de médico cubano e tentar fugir com o dinheiro que pagou pela consulta: colocá-lo, imediatamente, numa camisa de força e interná-lo por uns “trocentos” dias, até que você saia do surto psicótico!

  • Que vergonha de ser Brasileiro.

    E pensar que eles ficam 6 anos na faculdade para se formam e depois dizem que são cultos.

    Sejam bem vindos os médicos cubanos.

    #MedicosCubanos

    • Cadê o MP? Está a mando do pig, investigando o ‘trabalho escravo” dos médicos cubanos.
      cara, não conte com essa cambada teleguiada, ou telepigada, se preferir

  • Sejam muito bem vindos!!!!Somos irmãos,

    Os médicos e médicas cubanas trazem VALORES humanos.

    Vergonhosamente os médicos e médicas brasileiros tem VALORES monetários.

    MUITO Obrigado por vir socorrer o nosso povo!!!!

    MIL PERDÃO!!!!!!

    E, um FELIZ SEMPRE com muito axé!!!!

    Aos os irmão CUBANOS!!!! viva!!!!

  • Escravos são eles! Escravos de sua própria mesquinhez, de seu egoísmo, de sua vaidade doentia, da sua estupidez. Esses indivíduos nãos nos representam. Merecem todo o nosso repúdio. Sejam bem-vindos, hermanos. Nossas desculpas pelo constrangimento sofrido. Fiquem conosco e nos ajudem.

  • Dou todo meu apoio aos humanista médicos cubanos,
    alias seria bom a gente criar um clube para
    financiarmos estudantes de medicina para que depois de
    formados, venham a trabalhar por 10 anos iniciais de suas
    carreiras em serviços públicos. Um “senai” da medicina.
    Com pequena exceção, os médicos brasileiros não são
    humanistas, mas nós que exercemos uma outra profis-
    são somos também, humanistas?

  • Esses médicos que agiram assim deveriam fazer isso, mas com os médicos Brasileiro que assinam o ponto mas não cumprem sua obrigação!

  • Amigos cubanos,

    alegria de tê-los conosco.

    E repito a pergunta feita por Leandro Fortes pouco tempo atrás: e os bons médicos, onde estão? Por que se calam?

  • Toda solidariedade aos médicos cubanos. Obrigada a todos, estou certa de que farão um grande bem ao nosso país. Agora sim é que estaremos todos mais motivados ainda. Tem gente que vai aprender na marra o que é ser médico e, mais ainda, o valor do SER HUMANO! ADELANTE!!!!

  • A todos estes honrados cubanos minhas boas vindas ao nosso querido Brasil e sinceras desculpas por esta selvageria, imbecilizada à máxima potencia, protagonizada por estes [email protected]&%$*s que se consideram brasileiros quando, na verdade, “para o bem de todos e felicidade geral da nação”, deveriam se mudar para Miami, que é seu verdadeiro lar… episódio lamentável mas que serviu para tirar a máscara destes reaças.

  • Apoiado. E pedimos desculpas também pelas tantas cenas de mesquinharia e de baixaria, como a declaração da jornalista potiguar, que exala ódio, racismo e xenofobia, e pelas declarações furiosas dos representantes das entidades médicas, que se mobilizam para retirar DIREITOS dos que mais necessitam, dos mais pobres desse país. Que sejam bem vindos os médicos cubanos!! Parabéns pelo trabalho humanitário e pelo empenho em ajudar os desassistidos desse Brasil. Toda nossa solidariedade!

  • Sou médico atuando na área de saúde pública há vinte e cinco anos e tenho vergonha da postura elitista e retrógrada desses pretensos médicos.
    “Todo apoyo a mis colegas cubanos”.

    • Los compañeros que mil perdones, mi cara es de color rojo por las fechorías que los médicos brasileños le hicieron a usted, le pedimos disculpas, estos médicos no representan al pueblo brasileño, éstas se deben a la intransigencia que la gente de mi tierra sufre, la mayoría de los médicos de aquí sólo creer en ti mismo y olvidar el amor principal de la profesión, la dedicación por el bienestar de los seres humanos, que Faram la diferencia en este país y enseñó estas malas deber profesional y el amor de ser un doctor, perpetúa el lema que la medicina no tiene frontera ….. La población está contenta con la llegada de ustedes que es sin lugar a dudas la mayoría del pueblo brasileño, bienvenida y te diré una cosa que me ha enseñado y enseña a muchos brasileños que es el amor de su ayuda humanitaria y prenitude fuerza. Yo te saludo valientes compamheiros

  • Perdão médicos cubanos por tantas ofensas que recebem desta elite insana brasileira, que nunca entenderão o que é solidariedade e menos ainda, compartilhar o que tem e não o que sobra. Desculpas, em nome do povo brasileiro.

  • Pido disculpas por la vergonzosa actitud de un pequeño grupo de ignorantes brasileños. Ustedes son muy bienvenidos acá, hermanos cubanos! La población los recibe con los brazos abiertos.

  • Queridos irmãos cubanos, vocês são mais do que bem vindos, são fundamentais na democratização dos serviços de saúde pública no Brasil.

    Saludos!

    Luciana

  • Sejam bem vindos! Certamente o lugar para onde vocês irão a recepção será bem outra, lugar onde essa gente que vaiou não sabe nem apontar no mapa – O Brasil deles é fictício, são uns alienados e abestalhados! Não nos representam!

  • Sinto imensamente por transtorno causados por aqueles que se dizem profissionais da saúde de nosso País..Nós envergonharam com atitudes de arrogância e estupidez..Vocês são maravilhosos e estamos muito felizes com a vinda de vocês..Sejam bem vindos..O Brasil não é constituído só de gente dessa especie não , temos pessoas maravilhosas aqui..Peço minhas desculpas.

  • Desculpem esses tolos médicos brasileiros. Venham e cuidem de nossos pobres. Os médicos brasileiros cuidam dos coxinhas. Vocês serão recompensados pela verdadeira população brasileira.

  • Quero expressar a minha vergonha pelo desrespeito e a brutalidade desavergonhadamente manifestada por esses cidadãos de meu país. Felizmente, não representam a maioria.
    De minha parte, tenho imensa alegria em
    tê-los conosco. Sejam bem vindos, médicos cubanos!

  • Sendo Brasileiro, com vergonha na cara, resta-me pedir desculpas aos irmãos Cubanos, e lamentar existir no Brasil uma elite fascista e parte da população mal informada por uma mídia nefasta.

  • Prezados médicos Cubanos,

    Lamento profundamente o procedimento de parte dos médicos do Ceará. Infelizmente mostraram o quanto são pequenos diante da grandeza de vossa disposição de trabalhar em situações adversas de nosso país.
    Esses filhos e amigos das elites peçonhentas não nos representam, temos vergonha deles. Pedimos desculpas por essa barbaridade. Torcemos que tenham a força, coragem e a bravura para terem excelentes resultados no vosso trabalho.

    Grande abraço a todos
    Rogero Spisla

  • Sejam bem vindos, médicos cubanos!
    Confiamos e entregamos a vocês nosso povo sofrido para que façam por ele aquilo que nossa classe médica foi incapaz de fazer em décadas.
    Sejam bem-vindos e obrigado!

  • Para os médicos cubanos os brasileiros lhes recebemos com carinho, fica aqui a nossa solidariedade e nosso pedido de desculpas pela recepção grosseira dada por um grupelho de médicos comandados por um Conselho desumano

  • Todo apoio e admiração aos profissionais filhos da brava nação cubana. Nossa gratidão pelo bem que farão ao povo brasileiro será eterna, como eterna é a força de Cuba. Sejam bem-vindos!

  • Bem vindos amigos cubanos, os médicos que os hostilizaram não nos representa em momento algum. O que podemos fazer este momento é nos desculparmos pela situação constrangedora que foram obrigados a passar. Estamos ansiosos em ver voces trabalhando. Que Deus esteja junto de voces!

  • Faço minha as palavras de Lilia Borges.
    Vergonha ascendente, a cada ato praticado por essa camarilha liderada pelos seus CRM.
    Sejam bem vindos médicos Cubanos e de qualquer nacionalidade.

  • Peço perdão em nome da maioria decente do povo brasileiro e gostaria de externar o meu total repúdio a esse bando de vagabundos vigaristas, alimentados pela imprensa corrupta e chantagista que vigora no Brasil, e que jamais poderiam ser chamados de médicos.
    Eles definitivamente não nos representam.
    Bem vindos todos os médicos de Cuba, Espanha, Portugal e de todos os países.

  • Gente… isso foi um absurdo.. eu me pergunto onde estava a militância de esquerda em fortaleza para enfrentar essa máfia do jaleco branco… e ao contrário deles… dar boas vindas aos médicos.
    Lamentável…

  • Sou médico, professor universitario, pesquisador no campo das doenças infecciosas. Quero aqui dizer que esses alucinados que hostilizaram os seus colegas, medicos estrangeiros, não me representam. As Confederações Médicas e Conselhos Médicos, unidos em torno do mais acerbo corporativismo, não me representam. Vergonha, é a palavra que exprime o meu sentimento como médico e indignação, é o que sinto como cidadão por essa insana atitude de negar atenção medica aos municipios mais pobres do país, onde nenhum dos alienados que hostilizaram os colegas estrangeiros pretendeu ou pretende clinicar. Nunca vi tal grau de degradação ética na minha profissão! Como chegamos, os médicos, a tal ponto de completa insensibilidade para com as necessidades dos mais pobres e desprotegidos? E que dirigentes de classe são esses, que lideram tal descalabro, aproximando-se perigosamente do incentivo do crime de negação/omissão de socorro? Sabemos que as Confederações e Conselhos sempre representaram a parte mais reacionaria e conservadora da corporação médica, mas juntar-se a esse bando os Sindicatos médicos??
    Por oportuno, transcrevo link para artigo publicado pelo médico e sanitarista Reinaldo Guimarães, esclarecedor para entendermos esse grave momento: http://www.cebes.org.br/verBlog.asp?idConteudo=4901&idSubCategoria=56

  • Bienvenidos, hermanos!

    E pras medicas:

    PATRICINHAS DO JALECO

    As patricinhas açougueiras
    quase cuspiram nos cubanos
    melhor fariam se assentassem
    sobre os negões os brancos ânus.

    Quem validou pra nós tais porcas
    que estão cagando pros doentes,
    que desdenharam o trabalho
    só pra gritarem, delinquentes?

    No fim não é tão diferente
    do seu desfile lá no SUS:
    a falsa hospitalidade
    daqueles perfumados cus.

    Zico Zanelli.

  • Assino e, como cearense e fortalezense, envergonhado peço desculpas aos demais brasileiros e especialmente aos irmãos médicos estrangeiros pelo que fizeram meus conterrâneos, cujas semelhanças comigo parecem se resumir a terem nascido no mesmo local. Aproveito e copio abaixo o ‘link’ e a reprodução de tocante depoimento de uma amiga daqui de Fortaleza:

    https://www.facebook.com/patricia.arrudalacerda/posts/692324404128918

    “Tenho hesitado em falar, tentado conter minha indignação, mais ainda tento compreender porquê a classe médica se sente tão ultrajada pela iniciativa do Ministério da Saúde em aumentar o número de profissionais médicos no país, trazendo estrangeiros para atender em áreas carentes por um período de tempo reduzido até que o número de médicos brasileiros seja suficiente para garantir o acesso à saúde de muitos cidadãos que até então estão desassistidos. Concordo que apenas médicos não podem dar resolutividade a todos os problemas, bem sei disso. Concordo que a estrutura de saúde, saneamento, educação, habitação é muito precária. Mas acho que cada ação do governo no sentido de melhorar estas condições é válida, seja ela eleitoreira ou não!

    Sou BRASILEIRA, estudei numa universidade particular (pagando mensalidades muito caras), fiz pós-graduação na mesma faculdade particular, depois fiz Residência – essa sim custeada pelo Ministério da Saúde – onde conheci melhor a saúde pública e conheci muitas pessoas que mesmo morando na capital nunca tinham sido atendidas por profissionais da saúde antes, por exemplo um jovem com fraqueza muscular generalizada morador de um Morro de difícil acesso, sem condições de ir até um “posto” ou um hospital.

    Hoje com 11 anos de experiência como Fonoaudióloga posso relatar diversas situações onde meu trabalho poderia até ser considerado ‘ESCRAVO’ sob a lógica dos médicos, que dizem que trabalhar sem direito a “carteira assinada”, FGTS e os demais direitos trabalhistas é escravidão. Trabalhei em uma empresa onde o salário atrasava por até 3 meses, em outra que eu não tinha nenhum registro na carteira, atualmente tenho felizmente todos os direitos garantidos, mas meu salário não chega perto de R$ 2 mil mensais. Mesmo assim ninguém nunca cuspiu nos meus chefes, nem jogou ovo neles, nem se apiedaram do meu trabalho “ESCRAVO”!

    Ontem me indignei e chorei ao ver a aflição que passaram os médicos cubanos missionários ao sair de sua primeira aula de treinamento em Fortaleza, e foram hostilizados pelos médicos brasileiros liderados por um vereador (representante do povo), sendo impedidos de sair da Escola, depois vaiados, cuspidos, chamados de ESCRAVOS. E eles que pensavam estar chegando a um país civilizado, democrático!

    Não sou a favor de nenhuma ditadura, mas admiro os indicadores de saúde de Cuba, quiçá tenhamos números próximos no Brasil um dia!

    Os cubanos não serão escravos (receberão salário, moradia e alimentação custeados pelo Governo Federal e Municipal, mesmo que não tenham carteira assinada, terão contratos legais); nem estão despreparados para atender, todos que vieram são experientes, participaram de outras missões em países mais civilizados mesmo que nem tão desenvolvidos como o nosso. Acredito que eles serão humanos ao atender, e não merecem a recepção hostil de seus caros colegas de profissão!

    Acredito também que nenhum médico brasileiro perderá seu emprego para um estrangeiro. Acredito que há muito mais a ser feito, mas é preciso dar o primeiro passo! Sejam bem-vindos todos que queiram cuidar do povo brasileiro!”

  • Capazes como são e vindo para ajudar aos que necessitam, recebam as palavras dos que aqui postaram como um abraço fraterno de quem está feliz com a vinda dos senhores. Aproveito para pedir obrigado a todos os cubanos e a seu governo pelas vacinas que produziram que já salvaram milhares idosos neste Brasil. O reconhecimento de trabalho de vocês virá daqueles que se reerguerem do leito. Desejo sucesso.

  • Bem vindos , hermanos ! Desculpe pelos desumanos que os receberam . Eles nao representam a população que os recebe com toda gratidão pelo bem que farão ao nosso povo.

  • Apoiando o desagravo , complemento com a seguinte observação : creio que além do receio politico que representa, na visão da direita midiática ao falar pela casa-grande , com seu conservadorismo e atraso , a vinda dos médicos estrangeiros causam temor ao corporativismo , à reserva de mercado e a uma mudança muito grande na cultura do tratamento de saúde ,pois passaria a representar prejuízo financeiro ao mercado farmacêutico brasileiro , com a adoção de uma medicina preventiva , sem falar no medo de que fiquem claras as diferenças de nível , com relação à formação profissional de um e de outro .

  • Como cearense e fortalezense, envergonhado peço desculpas aos demais brasileiros e especialmente aos irmãos médicos estrangeiros pelo que fizeram meus conterrâneos, cujas semelhanças comigo parecem se resumir a terem nascido no mesmo local. Aproveito e copio abaixo o ‘link’ e a reprodução de tocante depoimento de uma amiga daqui de Fortaleza:

    https://www.facebook.com/patricia.arrudalacerda/posts/692324404128918

    “Tenho hesitado em falar, tentado conter minha indignação, mais ainda tento compreender porquê a classe médica se sente tão ultrajada pela iniciativa do Ministério da Saúde em aumentar o número de profissionais médicos no país, trazendo estrangeiros para atender em áreas carentes por um período de tempo reduzido até que o número de médicos brasileiros seja suficiente para garantir o acesso à saúde de muitos cidadãos que até então estão desassistidos. Concordo que apenas médicos não podem dar resolutividade a todos os problemas, bem sei disso. Concordo que a estrutura de saúde, saneamento, educação, habitação é muito precária. Mas acho que cada ação do governo no sentido de melhorar estas condições é válida, seja ela eleitoreira ou não!

    Sou BRASILEIRA, estudei numa universidade particular (pagando mensalidades muito caras), fiz pós-graduação na mesma faculdade particular, depois fiz Residência – essa sim custeada pelo Ministério da Saúde – onde conheci melhor a saúde pública e conheci muitas pessoas que mesmo morando na capital nunca tinham sido atendidas por profissionais da saúde antes, por exemplo um jovem com fraqueza muscular generalizada morador de um Morro de difícil acesso, sem condições de ir até um “posto” ou um hospital.

    Hoje com 11 anos de experiência como Fonoaudióloga posso relatar diversas situações onde meu trabalho poderia até ser considerado ‘ESCRAVO’ sob a lógica dos médicos, que dizem que trabalhar sem direito a “carteira assinada”, FGTS e os demais direitos trabalhistas é escravidão. Trabalhei em uma empresa onde o salário atrasava por até 3 meses, em outra que eu não tinha nenhum registro na carteira, atualmente tenho felizmente todos os direitos garantidos, mas meu salário não chega perto de R$ 2 mil mensais. Mesmo assim ninguém nunca cuspiu nos meus chefes, nem jogou ovo neles, nem se apiedaram do meu trabalho “ESCRAVO”!

    Ontem me indignei e chorei ao ver a aflição que passaram os médicos cubanos missionários ao sair de sua primeira aula de treinamento em Fortaleza, e foram hostilizados pelos médicos brasileiros liderados por um vereador (representante do povo), sendo impedidos de sair da Escola, depois vaiados, cuspidos, chamados de ESCRAVOS. E eles que pensavam estar chegando a um país civilizado, democrático!

    Não sou a favor de nenhuma ditadura, mas admiro os indicadores de saúde de Cuba, quiçá tenhamos números próximos no Brasil um dia!

    Os cubanos não serão escravos (receberão salário, moradia e alimentação custeados pelo Governo Federal e Municipal, mesmo que não tenham carteira assinada, terão contratos legais); nem estão despreparados para atender, todos que vieram são experientes, participaram de outras missões em países mais civilizados mesmo que nem tão desenvolvidos como o nosso. Acredito que eles serão humanos ao atender, e não merecem a recepção hostil de seus caros colegas de profissão!

    Acredito também que nenhum médico brasileiro perderá seu emprego para um estrangeiro. Acredito que há muito mais a ser feito, mas é preciso dar o primeiro passo! Sejam bem-vindos todos que queiram cuidar do povo brasileiro!”

  • Parece-me que já assinei porem como não encontrei meu comentário, assino o que
    acho ser repetição:

    Em meu nome e dos meus familiares, peço desculpas aos Doutores Cubanos que foram
    brutalizados verbalmente por inocentes úteis de uma casta idiotizada.
    Ocupem os postos que os nosso médicos não querem. Cuidem dos nossos irmãos enfermos
    nos mais distantes rincões onde os nossos doutores não querem cumprir seu juramento.
    Obrigado por estarem conosco.

  • Todo apoio e respeito aos Doutores Cubanos que se dispuseram de boa vontade deixar seu país para ser hostilizado por pequeno grupo de ignorantes, colocando acima de tudo a missão de atender os menos favorecidos!!!

  • Peço desculpas aos valorosos, dignos, respeitáveis, humanos, competentes e experientes médicos cubanos, pelo comportamento indígno dos médicos elitistas, preconceituosos e racistas brasileiros.

    A melhor resposta que podem dar é desenvlverem o melhor trabalho nas condições que este lhes for apresentado. Desejo a todos muito sucesso e felicidades.

  • Aos doutores cubanos, que trazem vocação e solidariedade na bagagem – remédios desconhecidos por parte dos médicos brasileiros -, o meu apoio e votos de pleno sucesso no nosso país.

  • Parabéns pela iniciativa e também me sinto ofendido com as atitudes grosseiras praticadas pelos médicos racistas contra os nossos irmãos cubanos. Não somos intolerantes nem arrogantes e hostis como ficaram esses degenerados que não respeitam o ser humano. Sejam todos bem vindos e recebam as minhas sinceras desculpas.Sejam felizes e o Brasil os acolhe com todo carinho e respeito.

  • Quero deixar aqui , o meu mais sincero pedido de perdão aos senhores honrados médicos cubanos que nos privilegiam com sua presença e com seu conhecimento -provavelmente até melhor do que o de muitos que os vaiaram criminosamente- nesse momento lindo na nossa história de HERMANOS, levando alívio às populações dos nossos mais longínquos rincões, que são esquecidas por esses médicos burgueses e mercenários. Eles não se interessam em salvar vidas, mas sim em garantir seus privilégios!!!!!Peço aos senhores e senhoras que não desistam do nosso povo sofrido do interior! Tenho certeza de que as pessoas mais necessitadas vão recebê-los com todo o carinho com que recebem todos aqueles que vão levar algum alento para as suas vidas!!!!

    BIENEVENIDOS , CAROS HERMANOS!!!!!!!!!

    Yara Lucia de Vasconcellos Moreira. Ituiutaba, Minas Gerais.

  • Caros médicos cubanos (e outros estrangeiros), não imaginem, nem de longe, que o povo sofrido brasileiro concorda com essa tremenda falta de educação e senso crítico desses “nossos médicos” que só pensam no próprio bolso, esquecendo-se dos seres humanos que precisam de atendimento nas mais distantes regiões desse nosso Brasil.
    Portanto, SEJAM MUITO BEM VINDOS!!!

  • son bienvenidos! pueblo brasileño a recibir con amor y se disculpa por la falta de educación de nuestros médicos y la recepción vergonzosa dada por un pequeño grupo que no nos representa.

  • Espero que o altruísmo e a solidariedade de vocês consigam influenciar as nossa próximas gerações de médicos. Bienvenidos hermanos!

  • O lema de nosso governo atual é “Pais rico é país sem pobreza” Benvindo médicos estrangeiros, especialmente vocês cubanos para diminuir as doenças decorrentes da pobreza. Sabemos que Cuba pratica a medicina preventiva. Obrigado por ajudarem na construção de uma America Latina, berço de uma nova civilização.

  • Bem vindos, bom trabalho e nossos agradecimentos por sua solidariedade aos mais necessitados do nosso País. Saibam que essa parcela que os hostilizou não é representativa de nosso povo. São apenas muito esganiçados.
    Obrigada

  • Apoio sim a vinda destes profissionais. Sei bem como é a gente ser tratado como forasteiro e não é nada agradável!!! Sejam todos bem vindos e que possam contribuir na melhora dos atendimentos em saúde principalmente para a população mais carente!!!

  • Aos médicos Estrangeiros,

    Quero me desculpar pelas hostilidades de parte da classe médica brasileira entre outros simpatizantes do movimento contra a chegada de médicos estrangeiros ao Brasil.

    Quero dizer que eu, como cidadã brasileira apoio a vinda de vcs para nos ajudarem a cuidar do nosso povo mais carente e mais necessitado de atendimento. Eu repudio toda esta manifestação contra vcs.

    Quero agradecer de coração os médicos estrangeiros, em especial os cubanos por terem aceitado este desafio e esta missão de cuidar dos brasileiros. Eles precisam de vcs. Sejam muito bem vindos!

    Att
    Raquel Adornato
    Uma cidadã brasileira de verdade, de corpo, alma e coração!

  • Sejam bem vindos médicos cubanos espanhóis, portugueses e outras nacionalidades.
    Repúdio a esses mercantilistas vendidos aos laboratórios. A direita nefasta que ataca médicos estrangeiros.
    Vejam mais um video do SBT, denunciando médicos do Hospital Estadual de Araruama indo só marcar ponto e em seguida indo para clinicas particulares. Se continuarem a fiscalizar vamos ver por que faltam médicos em hospitais, não é só falta de estrutura, é falta de vergonha.

  • Esta gente de “BRANCO” que ha muito domina os ambulatórios e Hospitais brasileiros tem é MEDO.
    Medo de perder a mamata criada, aonde é de praxe médico ser filho de outro médico;
    Medo de olhar na cara do POVO, e pegar em gente que é POVO;
    Medo de ficar provada a incapacidade da grande maioria dos menininhos do papai;
    Medo de perder a fonte dos Planos de Saúde, que na maioria são deles.

    Esta laia, porque isso não é gente, tem mesmo é que bradar contra quem se dispôs a atender aos que eles nem sequer enxergam como GENTE !!

    O que esta gente de “BRANCO” quer, é que continuemos com o legado abaixo, dos melhores hospitais do Brasil:
    Hospital “Israelita” Albert Einstein
    Hospital “Sírio-Libanês”
    Hospital “Alemão” Oswaldo Cruz
    Hospital “Samaritano”
    Beneficência “Portuguesa”
    Hospital Moinhos de Vento – “de origem alemã”
    Além de todos os hospitais de origem “católica” que temos ainda hoje.

    Quem sabe se com esta atitude de nosso governo, daqui a alguns anos não tenhamos um hospital chamado:
    Hospital “Cubano” Camilo Cienfuegos Gorriarán.

    Abraços a todos os companheiros, e vamos deixar acontecer… porque a verdadeira GENTE BRASILEIRA, dará o valor que eles merecem.

    • Fiz parte das pessoas que fomos ao aeroporto receber e saudar os médicos e médicas cubanos.
      Foi uma festa. Muitos jovens e muita solidariedade.
      Na segunda, para minha decepção e tristeza um ex-petista e ex-vereador de Fortaleza comanda como presidente do sindicato dos médicos essa cena lamentável.
      Estamos organaizando um jantar de desagravo em nome do povo do Ceará.
      Viva Cuba! Viva Fidel e o povo cubano.
      Acredito que esse ato não revela o pensamento dos médicos do Ceará.
      Abraços,
      Prudente

  • Sejam bem vindos médicos cubanos espanhóis, portugueses e outras nacionalidades.
    Repúdio a esses mercantilistas vendidos aos laboratórios. A direita nefasta que ataca médicos estrangeiros.
    Vejam mais um video do SBT, denunciando médicos do Hospital Estadual de Araruama RJ, indo só marcar ponto e em seguida indo para clinicas particulares. Se continuarem a fiscalizar vamos ver por que faltam médicos em hospitais, não é só falta de estrutura, é falta de vergonha.

  • Desculpem-nos, médicos cubanos, por existirem no seio da nossa sociedade colegas seus que vem colocando seu$$ interesses acima das necessidades do nosso povo. Vocês devem ter estranhado muito, achando que só nas terras do grande irmão isto poderia acontecer. Em um país tão desigual quanto o nosso, não mais encontramos médicos que sabem o que significa o juramento que fizeram.

  • Li uma argumentação de médicos baianos contra a vinda dos médicos estrangeiros e fiquei balançado. Mas ao assistir esse show de ignorância, essa declaração explícita de incompetência e medo da concorrência, não tenho dúvidas: Sejam bem vindos e desculpe a recepção. Tenho certeza que seus pacientes os tratarão de outra forma, pois são muito mais bem educados.

  • Essa elite “papai-pagou” e me tornei médico, nos envergonha.

    Deus me livre cair nas mãos desses “coxinhas de jaleco” incompetentes.
    Prefiro ser tratado por um “escravo” cubano MIL vezes….

    O verdadeiro POVO brasileiro certamente acolherá esses verdadeiros MÈDICOS com muito mais DIGNIDADE.

  • Senhores e senhoras médicos cubanos: saibam que esses que vos desrespeitam e vos agridem são uma ínfima parcela da população brasileira. A extrema direita em nosso país não representa nem 10% dos cidadãos adultos.
    Entretanto, como temos uma mídia 100% controlada por ela, faz um barulho desproporcional ao seu tamanho. Creiam-me, a maioria da população brasileira, especialmente a mais carente, vos recebe com júbilo e satisfação já que, em nosso sistema político perverso, também conhecido como capitalismo selvagem, apenas uns poucos cidadãos têm direito à assistência médica.
    Sejam muito bem vindos, desempenhem seu trabalho sem dar ouvidos a esses manifestantes ruidosos, porém inúteis como profissionais, como cidadãos e como seres humanos.

  • O Brasil acolhe com muito carinho todos os médicos que vêm de fora para assistir principalmente as populações mais pobres e somos agradecidos pelo espírito de solidariedade e desprendimento desses profissionais. Por isso afirmamos: muito obrigado e seja muito bem-vindos.

  • Sejam bem vindas médicos cubanos e todos os estrangeiros que aqui vieram prestar sua solidariedade e cuidar desses povos sofridos do nosso Brasil Brasileiro.

  • Parabéns ao médico João Andrade, que postou comentário aqui. Essas jovens de jaleco, mal saídas do aconchego de seus lares de classe média alta, com certeza não têm qualquer vocação para salvar vidas. Querem, apenas, encher o bolso de dinheiro, e o paciente, este é apenas um detalhe. A vida vai lhes ensinar a ter humildade. Médicos de Cuba, sejam muito bem vindos. Felizmente, essa corja que os vaiou é minoria em nosso país.

  • É nojento o nível de racismo e incivilidade aos quais os médicos e médicas cubanos foram submetidos por aqueles que se pretendem “cultos e ricos”. Espero que eles compreendam que estes preconceituosos, analfabetos políticos, corporativistas são uma minoria da população. Sejam bem vindos.

  • A sensação é de total constrangimento e vergonha por mais este ato de médicos corporativistas que colocam a vida de um paciente abaixo de seus interesses. Sejam bem vindos. O povo brasileiro agradece.

  • ESSE SITE ESTA COM PROBLEMA A CUSA MEU COMENTÁRIO COMO DUPLICADO E NÃO EXISTE NEHUM COMENTÁRIO DE SILVIA!

    son bienvenidos! pueblo brasileño a recibir con amor y se disculpa por la falta de educación de nuestros médicos y la recepción vergonzosa dada por un pequeño grupo que no nos representa.

  • Prezados Doutores :

    Sejam benvindos !!!

    O povo brasileiro saberá recompensar dignamente vossos esforços, com carinho, respeito e gratidão, subvertendo a lógica mesquinha dos interesses corporativos mercantilistas, que esperneiam monstruosamente, insuflados por uma mídia tão golpista quanto irresponsável, por um lado, e por outro, por entidades de classe de inspiração mafiosa.

    Neste momento de choque e profunda vergonha pelos atos alheios, só cabe o pedido veemente de desculpas e a certeza de que esta experiência provocará grandes progressos sociais e humanos ao país, trazendo uma dimensão humana ao exercício da profissão médica, e resgatando uma visão mais ampla do uso da ciência e da responsabilidade individual de cada cidadão sobre os destinos do mundo.

    Cordialmente,

    Wilmo Jr.

  • Edu,

    Meu total apoio aos Médicos Cubanos em maiúsculo para demonstrar o meu apreço e gratidão por eles. Peço desculpas pela parcela ignorante da nossa população principalmente essa galerinha que se acha o máximo por andar de branco e com estetoscópio pendurado no pescoço.No futuro serão estes sim escravos das operadoras de saúde e passarão a vida sonhando com a última bolsa da Louis Vuitton e de preferência com uma matrícula no Estado para garantir o fixo sem trabalhar.

    Me lembro que em passado recente fizeram greve na UFRJ porque não havia estacionamento para todos, passe por lá e veja a quantidade de veículos importados e da moda…o que esperar deste profissional???

    Mais uma vez peço desculpas aos Irmãos Cubanos, precisamos muito da sabedoria deles.

    Beijos na Vi

  • Vcs médicos que são contra o Programa Mais Médicos me dão náuseas.
    Que sejam muitíssimos bem vindos ao Brasil todos os médicos que se dispuseram a ajudar a saúde do povo brasileiro, em especial os médicos cubanos. Obrigado.
    Parabéns também a todos os médicos brasileiros que se dispuseram a colaborar com o Programa Mais Médicos do governo federal. Espero que tenham coragem e tenacidade suficiente para manter essa disposição. O povo brasileiro em primeiro lugar!

  • Boa noite Edu, estive em Cuba para um congresso de botânica em 1990. Fiquei mal do estômago em pleno congresso e fui encaminhado à uma médica cubana do centro de convenções. Atendimento simples, comprimidos colocados em minha mão, um pouco de água e melhora dentro de meia hora.
    Aqui nesse País onde muitos desses indivíduos que nunca foram pobres e acham que são ricos, pago caro convênio particular e sou obrigado a ouvir que só tem consulta para setembro. Ligo minutos depois e solicito consulta particular, aí, tem para amanhã. Uma única palavra: MERCENÁRIOS.

  • Apoio a iniciativa e concordo com os termos textuais utilizados.

    Agradeço a vinda de todos vocês e tenho certeza que farão um ótimo trabalho.

    Peço-lhes desculpas pelo episódio.

    Saudações!

  • Parabéns aos médicos estrangeiros que aportam no país para abraçar, de modo humanitário, um dos 701 municípios pobres do Brasil, abandonados pelos nossos médicos, em sua maioria arrogantes, egoístas e pouco preocupados em dar contribuição para melhoria da saúde no Brasil.

  • Cumprimentamos nossos coirmãos latino americanos, pelo seu abnegado espirito fraterno em deslocar-se de sua terra para prestar atendimento aos irmãos brasileiros nos confins de nossa terra, que ao longo de sua história jamais foram reconhecidos em suas necessidades pelos profissionais médicos brasileiros. Prestamos aqui nossas homenagens e recebemos nossos coirmãos medicos cubanos, e com a mesma enfase de nosso abraço fraternos a esses profissionais, queremos manifestar nosso repudio aos que se dizem lideres e representantes dos medicos brasileiros, por uma atitude no minimo grotesca de sua parte, para não dizer leviana, desumana, preconceituosa, egoista, nada patriotica.

  • Senhores médicos cubanos,

    Eu como brasileiro e nordestino estou me sentindo envergonhado com essa cena. A que ponto chegaram os médicos brasileiros na sua trincheira corporativa e estúpida.

    Hermanos cubanos, essa cena patética e histérica pela qual passaram é a síntese da visão da nossa elite em relação à população pobre do nosso país. Nossa elite é preconceituosa, reacionária, discriminatória, medíocre, golpista, antidemocrática e não quer perder nenhum palmo de seu poder, que já dura 450 anos.

    Sejam bem vindos ao Brasil, vocês terão a oportunidade de ver que o povão brasileiro, na sua essência, é muito diferente destas bestas estúpidas e microcefálicas que vociferam contra a chegada de médicos estrangeiros ao país.

    Nosso povão é acolhedor, solidário, atencioso e bem humorado.

  • Eduardo,

    Nesse triste episódio só podemos pedir DESCULPAS aos médicos estrangeiros por esse mau comportamento da classe médica brasileira. Essa atitude não correspondente ao conjunto da sociedade brasileira e cearense. Alias é constrangedor que um povo tão hospitaleiro como nós cearenses tenhamos um comportamento deplorável como assisti nos diversos vídeos disponibilizados.

    Minha esperança é que o trabalho desses MÉDICOS possa isso sim ajudar as pessoas que mais necessitam, que enfrentam todos os tipos de dificuldades, seja de ordem de estrutura, falta de atendimento, filas…etc. Bem vindos a todos, os cubanos, portugueses e espanhóis e de outras nacionalidades. O Brasil precisa de mais médicos e é notório que a quantidade de médicos brasileiros é insuficiente para atender a demanda existente.

  • Edu
    Permita-me oferecer minha opinião sobre este movimento orquestrado entre os CRMs e a mídia. Nisto tudo têm o dedo das Operadoras de Saúde.
    Quantos brasileiros estão aptos economicamente a adquirir um plano de saúde e podem não o faze-lo em virtude da perspectiva de melhora no atendimento de suas necessidades? E se o atendimento, via SUS realmente der uma alavancada com os médicos estrangeiros?
    Serão milhões de reais que deixarão de entrar na contabilidade destes planos. Tenho um amigo que é professor de Medicina numa faculdade particular. Em conversas com ele, fiquei estarrecido com sua narrativa acerca do comportamento dos seus alunos. São em sua maioria “frios” e só pensam em se formar para ganhar muito dinheiro. Isto se as “baladas” assim o permitir. Serão os verdadeiros Dr. “Tylenol” ou Dr. “Virose”

    Forte abraço

  • Amigos cubanos, sejam bem-vindos! Desde sempre procurei médicos que me tratassem como um pessoa, não como uma máquina com algum defeito. Agora sei que a formação de vocês prioriza esse lado humano, trazendo esperança e conforto para todos, sem distinção. Espero que não desanimem com a falta de educação e compostura de alguns profissionais brasileiros, mas que continuem firmes em sua decisão de colaborar com os mais necessitados deste país.

  • Bem-vindos, irmãos! Tenham a certeza que estão sendo aguardados com muita ansiedade e carinho pelo nosso povo tão necessitado! Esta turma raivosa não nos representa!

  • Médicos cubanos, toda essa gente ai se formou em medicina em faculdades publicas, financiadas pelo governo federal do brasil, e pagas com o dinheiro dos, trabalhadores e assalariados que trabalham e suam a camisa para que esse pais um dia chegue a ser um pais para todos e de todos, sejam bem vindos. Nenhum destes dai tiveram trabalhar e trabalhar muito para poder ser o que são, eles são um encosto e uns exploradores da boa vontade dos brasileiros e do nosso governo.

  • Do fundo do coração,q é brasileiro,mas de sentimentos tbém cubanos,pedimos desculpas pela grosseria de alguns -Nossa gente,amigos,é infinitamente melhor do q os certos ‘alguns’.Obrigado por terem vindo.

  • Sejam bemvindos os colegas cubanos, e os outros.Atitudes estúpidas,vimos na imprensa,no CFM,e grupos de colegas,que não representam a maioria dos médicos brasileiros.Alguns têm aproveitado a ocasião para um discurso político-ideológico “nojento”. Outros ,”maria-vai-com-as outas”,que precisam de mais informação e noção de Brasilidade.Sou médico e concordo o “Mais médicos”.Discordo da regulamentação do “Ato médico”(vetos da presidenta Dilma).

  • Sejam bem vindos médicos cubanos. Perdoem nossa elite mal educada. Depois de passarem por este vergonhoso corredor polonês formado por estes filhinhos de papais vocês irão , no interior do país e periferia das grandes cidades, encontrar o verdadeiro povo brasileiro, vergonhosamente desassistidos na sexta maior economia mundial.

  • Cá entre nós, será que nesse momento, elas não estão morrendo de vergonha do papel ridículo que prestaram? se não estão com vergonha, o problema delas é mais sério do que se imagina, caso de internação.

  • Sejam bemvindos os colegas cubanos, e os outros.Atitudes estúpidas,vimos na imprensa,no CFM,e grupos de colegas,que não representam a maioria dos médicos brasileiros.Alguns têm aproveitado a ocasião para um discurso político-ideológico “nojento”. Outros ,”maria-vai-com-as outas”,que precisam de mais informação e noção de Brasilidade.Sou médico e concordo o “Mais médicos”.Discordo da regulamentação do “Ato médico”(vetos da presidenta Dilma).Saude! Será bom para o BRASIL!

  • Deixo aqui registrado o meu repudio a esses mal educados, imbecis que se intitulam médicos. Com certeza essa elite não quer educação e saúde de qualidade, pois é a pobreza e o analfabetismo que os mantém na burguesia podre.
    Dou boas vindas aos PROFISSIONAIS CUBANOS, ESPANHOIS, AFRICANOS, seja de onde vierem, vêm em Paz, com garra, pois aqui tem mosquitos da dengue, turbeculose, catapora…. Não se faz medicina preventiva nesse país.

  • Sean bienvenidos, queridos médicos cubanos. Hermanos humanitários.
    O Brasil de Lula e Dilma não é isto que viram …
    Estes que nos envergonham são forjados no mais vil capitalismo e desonestidade profissional. Não nos representam.
    As comunidades que os aguardam vão amá-los incondicionalmente.
    Nossos respeitos, gratidão e amor.
    Abraços.

  • O Brasil e um pais de um grande povo. Plural e generoso. Os brasileiros sofreram (e ainda sofrem…) com séculos de exploração e indiferença. Fomos o ultimo pais na América a acabar com a escravidão. Essas pessoas que hostilizam os cubanos são herdeiros da mentalidade mais retrograda, indigente e escravagista. Representam apenas uma redução moral e intelectual de postulantes a subalternidade pequeno burguesa. No fundo o que mais temem e a comparacao. Sejam bem vindos irmãos de Cuba, da Espanha, Argentina, Uruguai. Sintam-se acolhidos os que vem pela paz e fraternidade.

  • Bemvindos médicos cubanos,voces representam o ideal do que se quer para a prática da medicina.Desculpem-nos pela atitude mediocre de uma elite médica que só se forma para ganhar dinheiro e só sabe clinicar através de exames,sem eles ficam perdidos.Fiquem certo que o povo brasileiro tem uma grande alma e sabe ser agradecido,voces irão ver.Abraços fraternos.

  • Bienvenidos, doctores cubanos!
    Gostaria que soubessem que muitos brasileiros sentem-se envergonhados pela reação preconceituosa, grosseira e desrespeitosa demonstrada ontem por alguns pseudo-médicos cearenses.
    Lamento muitíssimo que alguns de vocês tenham sido tão mal recebidos e manifesto minha gratidão e admiração pelo trabalho de altíssima qualidade que vocês tem mostrado ao mundo.
    abraços,
    Juliana Ruiz
    São Paulo

  • Que sejam bem vindos todos os médicos (sejam cubanos, espanhóis, portugueses ou de qualquer outro país ) que vierem atender a população carente deste país. Quanto aos médicos cubanos, peço desculpas pelos insultos e agressões que vêm sofrendo, principalmente por parte da imprensa golpista e dos médicos fascistas (não imaginava que eram tantos) brasileiros. O povo ao qual servirão, com certeza, serão muito gratos a esses cubanos que São, sim, altamente capacitados para exercer a medicina.

  • como dizia alhures o poeta cubano josé lezama lima, angel de la jiribilla, enseña una de tus alas. realizate. cúmplete – sejamos anterior à morte, logo anterior à roubada e comprada medicina brasileira, tomada
    pelo capitalismo mais letal, que vive, pois, de doença e de morte, nunca de saúde. ángel de jiribilla, o povo cubano, o único que enfrentou e enfrenta mais de 50 anos da besta mais atroz e dissimulada q a humanidade jamais viu, o imperialismo ocidental-americano. o povo cubano é anterior à morte, residindo aí a sua medicina de cuidado e saúde, totalmente distinta da brasileira. sejam bem-vindos médicos cubanos, que sejamos
    tomados pela saúde socialista.
    com carinho,
    luis

  • Todo apoio e solidariedade aos médicos cubanos que, ao contrário de muitos médicos brasileiros (sem dúvida bem representados por aqueles que estavam no aeroporto de Fortaleza e por algumas associações de classe), exercem sua profissão pensando nas vidas que podem salvar e não no dinheiro que podem amealhar.

  • estou muito feliz com a vinda dos médicos estrangeiros, especialmente dos médicos cubanos, ao brasil, para ajudar nossa população que mais precisa. por favor, em nome de todos os brasileiros que lutam por um país menos desigual, pedimos desculpas pelo comportamento lamentável dos médicos que se opõem à sua presença em nosso país. o que eles falam e pensam não representa o que a GRANDE MAIORIA da população brasileira realmente sente. sejam muito bem-vindos, médicos cubanos, e muito obrigada!

  • Bem-vindos, irmãos!
    Pedimos desculpas pelas demostrações de ódio e intolerância. Esses imbecis não nos representam.
    Um grande abraço!

    Glácio Souza
    Natal-RN

  • ESTA FOTO DOS MÉDICOS CEARENSES VAIANDO O COLEGA CUBANO, QUE VEIO CONVIDADO, ME DEU NOJO. EMBRULHOU O MEU ESTOMAGO. IDIOTAS QUE NÃO TINHAM O DIREITO DE FAZER ISSO JAMAIS, PONDO ABAIXO TODO ESFORÇO DAS PESSOAS POR UM MUNDO MELHOR. RESQUÍCIOS DE PRECONCEITO, SOBERBA PROVINCIANA FIZERAM COM QUE UM SER HUMANO FOSSE REBAIXADO POR GENTE QUE SE ACHA TITULADA E SUPERIOR. MÉDICOS CEARENSES QUE VAIARAM, VOCES ENOJAM A POPULAÇÃO BRASILEIRA. VOCES NÃO NOS REPRESENTAM….FIQUEM SÓ NA MEDICINA VETERINARIA, TALVEZ OS ANIMAIS , POR SEREM SUPERIORES A NÓS, TALVEZ DESCULPEM O GESTO MEDIOCRE DE VOCES. MEUS PESAMES A POPUÇAÇÃO DO CEARÁ POR TER NA SAÚDE PÚBLICA MEDICOS DO NÍVEL DE VOCES.

  • Eu costumava detestar médicos, advogados e policiais – os últimos por culpa de tipos como o Fleury e seus quadrilheiros. Hoje só detesto médicos, excetuando os veterinários, que são em boa parte sérios e abnegados com meus gatos. Peço desculpas aos médicos cubanos, pelos lacerdinhas de jaleco branco que os hostilizaram.

  • Sejam bem vindos todos os médicos que vieram trabalhar para o nosso povo. E perdoem o ocorrido, a maioria da população brasileira não é assim!

  • Sejam bem vindos, caros colegas cubanos! Obrigado pela ajuda, de coração, de um médico envergonhado pelas manifestações egoístas da maioria dos meus colegas brasileiros!

  • Queridos irmãos cubanos essa minoria corporativista gritante sofrem do complexo de viralatas.
    Aceitariam sem reclamar se fossem médicos dos USA, mas depois de Lula e Dilma o Brasil é dos brasileiros e a maioria apoia e desja que mostrem porque médicos de Cuba são respeitados no mundo inteiro.

  • bienvenidos amigos medicos cubanos, nosso respeito e nossos mais calorosos agradecimentos. E com profunda indignação que vejo esta ignomínia de pessoas quee julgavamos do bemm patrocinaandoo vergonhosa edoentia ato de racismo incredulamente histerico.abutrede jaleco ainda nao somoscarniça.

  • Os brasileiros e, especialmente, os nordestinos somos um povo acolhedor e posso garantir que esta falta de urbanidade demonstrada na recepção feita por profissionais da saúde, não representa o que a maioria do povo pensa a respeito da vinda dos abnegados médicos cubanos. Sejam bemvindos.

  • Sejam bem vindos companheiros!! Esta elite medica medíocre ,pendurada nos laboratórios estrangeiros que só visa o lucro,não nos representa. Para eles a pratica da medicina é um negocio.Não se importam com as pessoas.Sejam bem vindos!!!!

  • Sejam Bienvenidos ao nosso Pais Doutores.
    Pode ter certeza que a grande maioria do povo brasileiro estão apoiando vocês e desculpe por uma parte que ainda não aprendeu o que é respeito ao próximo.

  • Caros médicos cubanos, alegro-me com sua vinda para trabalhar no Brasil, pois sei que o povo brasileiro só

    tem a ganhar com isto. Sejam ben vindos.

    Ione Irulegui
    ______________________________________________________________________________________

  • LAMENTÁVEL E VERGONHOSO. ESPERO QUE A POPULAÇÃO DO CEARÁ VAIEM ESTES MÉDICOS RIDICULOS COM RESQUÍCIOS DE PRECONCEITOS E TITULADOS PELA SOBERBA. PESSOAS ASSIM ENVERGONHAM A ESPECIE HUMANA, ENQUANTO MUITOS SE ESFORÇAM POR UM MUNDO MELHOR E MAIS CIVILIZADO ESTES IDIOTAS DÃO UMA AULA DE SELVAGERIA E ARROGÂNCIA. IMPOSSIVEL VER A CENA E NÃO FICAR SENSIBILIZADO COM A IMAGEM. MEUS PESÂMES AO ESTADO DO CEARÁ POR TER NO SEU CORPO MÉDICO PROFISSIONAIS DE TÃO BAIXA EDUCAÇÃO.

  • Sejam bem-vindos, amigos. Por favor, não façam juízo de todos os brasileiros pelas atitudes dessa intolerante, mesquinha e desumana minoria de brasileiros, colega de profissão de vocês.

    Quem dera um dia aprendam com vocês que amar a profissão que escolheram, é primeiro amar ao próximo.

    Os senhores terão a oportunidade, ao desempenharem essa importantíssima e humanitária missão que aceitaram em nosso país, de ter contato com os verdadeiros brasileiros, aqueles que apesar de todas as dificuldades e infortúnios, são solidários, cordiais, humanos.

  • Sejam bem-vindos, amigos. Por favor, não façam juízo de todos os brasileiros pelas atitudes dessa intolerante, mesquinha e desumana minoria de brasileiros, colega de profissão de vocês.

    Quem dera um dia aprendam com vocês que amar a profissão que escolheram, é primeiro amar ao próximo.

    Os senhores terão a oportunidade, ao desempenharem essa importantíssima e humanitária missão que aceitaram em nosso país, de ter contato com os verdadeiros brasileiros, aqueles que apesar de todas as dificuldades e infortúnios, são simples, solidários, cordiais e humanos.

  • Sejam bem vindos médicos cubanos, e nos perdoem pela selvageria de alguns poucos, os quais não representam a maioria do povo brasileiro.

    Saludos

    Nilson Almeida

  • Sejam bem vindos doutores cubanos! Por favor, considerem a recepção que tiveram em Fortaleza como mais um motivo da necessidade de vocês aqui.

  • Médicos cubanos, o Rio de Janeiro, foi no passado, o maior Porto de desembarque de escravos da história da humanidade, por isso os que vocês vão atender são os descendentes dos que vieram ao pais em condições degradantes. Lembrem-se um conterrâneo de vocês veio e atendeu o povo com amor, ciência médica e dedicação, hoje é o prefeito deles, simples assim.

  • ignomínia,vacas e porcos racistas que deveriam por oficio defender a vida,babando histericos contra atitude desprendida e solidria destes heróis cubanos que vem em nosso socorro. abutres de jalecos,ainda nao somos carniça. bienvenidosamigos cubanos nosso mais calor agradecimentos.

  • Sejam bem-vindos ao Brasil Doutores de Cuba!
    Recebam todo nosso respeito e admiração profissional. Parabéns pela conduta Ética, humanística e humanitária com que exercem a profissão de Médico(a)!
    Estamos orgulhosos com a presença de todos vocês para trabalharem no Brasil!

    Felicidades para todos vocês, sempre!

    Abraços,

    Alexandre!

  • Médicos cubanos e demais estrangeiros.

    Sejam todos bem vindos ao Brasil.

    Desejo a todos os médicos estrangeiros do Programa Mais Médicos um bom trabalho.

    E que tenham condições dignas para atenderem satisfatoriamente aos doentes pobres e abandonados pelos médicos mercenários brasileiros.

  • Triste vocês virem nestas condições. Virem como ESCRAVOS. Para trabalharem em CONDIÇÕES de trabalho extremamente RUINS. Postos de Saúde degradados, sem aparatos, sem medicamentos. Vocês estão sendo usados como ferramentas de manipulação de um população alienada, que se contenta com o pouco de uma bolsa miséria. Contenta-se com as migalhas de um governo corrupto, que usa de medidas imediatistas, ao invés de resolverem o problema de fato. A vocês, médicos cubanos, que se contentam com estas condições, lamento. A vocês, brasileiros imbecis, ACORDEM, PRESTEM ATENÇÃO! Deixem de ser BURROS. PRESTEM ATENÇÃO na real intenção da CORJA QUE GOVERNA ESTE país.

    • Daniel,

      Os dignos e solidários (valores que, pelo que escreves, não conheces) médicos cubanos não precisam de desse tipo de defesa. Eles são muito maiores que a mediocridade de teu comentário rasteiro!

    • Os cubanos vão ganhar em torno de 5 mil Reais, com auxílio moradia e vale-transporte. Pergunte a maioria dos trabalhadores se querem ser escravos assim. Melhor, pergunte aos bolvianos que trabalham na industria téxtil da Tucanolândia se eles queriam ser esse tipo de escravo.

  • Nem sei o que dizer àqueles que destrataram médicos e médicas que aqui chegaram para colaborar no cuidado com a saúde do nosso povo.
    Sejam bem vindos aqueles que deixaram sua pátria e sua família para, aqui, exercitarem o que se chama “medicina”.

  • Prezados/as médicos e médicas cubanos/as, agradeço sua manifestação de solidariedade ao povo brasileiro. Tenham certeza que a conduta preconceituosa e desumana desses/as profissionais não expressa a opinião da maioria das pessoas.

  • i Bienvenidos, amigos galenos de Cuba !
    Por favor, perdonen y olviden los pocos brasileños que no los desean acá, pues esos no conocen ni la humanidad ni la solidaridad que uds. aprendieron en Cuba para vivirla donde esteen.
    Muchisimas gracias por su venida y su ayuda.

  • O povo brasileiro vai ficar tão grato ao atendimento prestados por estes MÉDICOS que vão pedir para o Governo que ELES fiquem, pois nunca foram tão bem atendidos. O pior, em outra LÍNGUA. Será que é disso que os médicos brasileiros temem. Antecipadamente, OBRIGADO MÉDICOS CUBANOS e sejam bem vindos!

  • Sejam bem vindos , este tipo de coisa só reforça nossa certeza que precisamos de médicos para cuidar do povo e não de mercenários, vcs que sabem honrar a profissão.

  • Em nome da hospitalidade – sejam Bem-Vindos! Em nome da nossa necessidade – obrigada por terem vindo… e por fim, em nome da boa educação – nos desculpe. As pessoas que NÃO fazem parte do grupo de alto poder aquisitivo, mostrarão que somos um pouco mais educados e gentis que aquele pessoal do aeroporto…

  • Bem vindos, amigos de Cuba! Irmãos, por quê não?
    Vocês farão toda a diferença por aqui. Estamos torcendo para que tudo dê muito certo e que o nosso povo possa desfrutar da possibilidade de ser acolhido e bem cuidados.
    Os médicos brasileiros, em sua grande maioria, necessitam do exemplo de humanidade que vocês propagam.
    A saúde, no Brasil, começa a mudar para melhor. Finalmente!

  • Todo carinho aos cubanos que chegam com sua experiência para minimizar o sofrimento de quem, de fato, necessita em nosso país. Bienvenidos, hermanos!!!!

  • Eu não concordo com a política do Governo, mas sou contra hostilizações contra Cubanos ou outros médicos vindo de fora. O certo é os colegas médicos apoiarem e darem o maior suporte. Aqueles que não estiverem conseguindo se adaptar, dai sim, protestar, reclamar. Muita coisa errada com essa medida de “importação”, devido ao pensamento de politicagem e imediatismo do Governo. Mas acho que os Cubanos deveriam ser recebidos com atenção e apoio. Os que viessem a ser maus profissionais, daí teremos que ser severos com estes.

    Mais comentários, se estiver com paciência de ler…
    Não concordo com a política do Governo pois eles distorcem a realidade, ou posso dizer até mesmo que mentem descaradamente, fazendo parecer que falta médico no Brasil ou que nenhum “quer” ir para o interior. Eles não dizem sobre a precariedade das condições em cidades interioranas. Deveriam dizer que estão cientes dessa precariedade e que o máximo estava sendo feito para resolver isso. Mas a VERDADE é que os investimentos, desde que o PT tomou o poder, vem caindo vertiginosamente. Dai vem com uma solução imediatista sem sequer comentar sobre soluções para o problema mais severo. Outra solução imediatista que queriam implantar, para “mostrar serviço” era os 2 anos de serviço obrigatório, além dos 6 anos de formação… Enfim, muita coisa errada. Estão BRINCANDO de administração, como se o Brasil fosse uma empresa Junior para esses políticos, que parecem mais jovens arriscando palpites…

    • Desculpe ,falta médicos sim ,médicos com solidariedade ,compaixão ,médicos estes(brasileiros) ,que não querem trabalhar nos rinções do nordeste e na periferia.Danilo ,se for para tecer comentários simplistas ,teria sido melhor se abster .
      Qdo Serra “importou “200 médicos cubanos ,não vi tanto terrorismo .Em 78 países existem médicos estrangeiros .
      Danilo ,pegunte aos carentes e nos rinções se existe assistência médica ,pergunte tb se eles estão preocupados com toda esta polêmica feita pela máfia do jaleco branco .Eles querem é ter atendimento digno que é um direito de todo cidadão…afffffffffffff

  • Saibam, irmãos cubanos médicos, não há um átomo no meu corpo que que não esteja envergonhado pela atitude pequena de meus compatriotas cearenses.

    Saibam, eles não representam a gentil e hospitaleira alma brasileira.

    Saibam também que nós os respeitamos muito e de braços ainda mais abertos hoje os acolhemos.

    Sejam muitíssimo bem vindos, irmãos!

  • Mais uma vez, os setores conservadores de nossa sociedade deixam clara sua face mais reacionária, sem qualquer preocupação com aqueles que precisam de maior cuidado.
    Que sejam bem vindos e não se deixem marcar pela postura infeliz e pouco humana de um pequeno grupo que pode gritar, até mesmo aparecer na tv , mas que não vencerá.
    Obrigado amigos.

  • Nao estou aquentando de tanta vergonha !
    Estes caras nao representam o povo brasileiro!

    Sejam bem vindos irmaos cubanos, vamos calar esta corja com seu
    trabalho

  • Certamente, pela formação que têm e pela experiência em muitos outros países, os dignos médicos vindos de Cuba sabem muito bem que gente boa e gente ruim há em todos os lugares. Sabem ainda que trata-se de uma tentativa dos corporativistas, mercadores da saúde, politizarem uma questão de saúde pública. Saberão separar o joio do trigo e serão muito bem recebidos por todos os brasileiros e brasileiras nutridos com espírito de civismo e solidariedade. Somos irmãos.

  • Senti muito constrangimento, vergonha e indignação ao ver as imagens do que aconteceu em Fortaleza. Peço aos médicos que vieram ao Brasil que não imaginem que isso representa o sentimento e opinião da maioria dos brasileiros. Essa gente não me representa!

  • Eles não sabem o que fazem!!! Se sabem, são uns cretinos e reacionários!!! Estamos a postos para defender as conquistas do POVO BRASILEIRO!!! Nossos companheiros CUBANOS, ARGENTINOS, ESPANHÓIS, PORTUGUESES e URUGUAIOS, neste momento, nos representam!!! Salve todos eles!!! Nos perdoem!!! Ou melhor, perdoem esses ignorantes!!! 🙁

  • Estas pessoas que hostilizaram os valorosos profissionais de Cuba de forma alguma representam a esmagadora maioria do povo brasileiro. Como brasileiro, me sinto envergonhado pelo ocorrido. Benvidos cubanos!

  • Sou médica nordestina e sempre trabalhei no serviço publico.
    Ao ver essa noticia hoje, lembrei daquele triste episodio que indignou-nos profundamente quando uma paulista preconceituosa debochou do nordeste a quem responsabilizou pela eleição de Dilma. Hoje vejo essas nordestinas cearenses a quem me recuso a chamar de colegas, praticarem ato xenofobo e fascista semelhante com os colegas cubanos a quem me solidarizo. Apenas lamento não poder participar do Programa Mais Médicos que apoio. Se pudesse certamente escolheria um local onde estivessem médicos cubanos para conviver e aprender com eles.

  • Apoio total Eduardo Guimarães. Pelo menos minimiza a vergonha que estou sentindo neste momento….
    Sejam bem vindos e exerçam sua vocação em paz……..verão que nem todos brasileiros são ou pensam como a elite retrógrada deste país…….

    Completo soporte Eduardo Guimarães. Por lo menos minimiza la vergüenza que siento en este momento ….
    Bienvenido y dedicarse a su vocación en la paz …….. ver que no todos los brasileños son o piensan como retrógrada elite de este país …….

  • Bem-vindos médicos Cubanos e aos demais estrangeiros que estão se deslocando ao Brasil para cooperar com a saúde de nosso povo. Sinto-me profundamente envergonhada pelo constrangimento que uma minoria está vos causando. O brasileiro é acolhedor e saberá recompensar esses tristes episódios que estão manchando a história humanitária que defendem!

  • Este Episódio lamentável demonstra de forma Cabal que tipo de Vermes asquerosos compõe a esmagadora maioria da Mafia de Branco brasileira , além de expor claramente o tipo de” profissional ” que a população brasileira suporta quando precisa de atendimento médico no país .

    São a ralé mais pestilenta e infecta que existe no Brasil , e que finalmente foram desmascarados de forma completa e absoluta por aquilo que possuem em abundancia : Falta de Carater.

    A Grande maioria dos agregados fecais que se apresentam como médicos , foram formados em Universidades Públicas , custeadas pelo imposto de TODOS os brasileiros , incluso aqueles aos quais esta corja tem ojerija em atender , á saber, a população de baixa renda .

    É o mau Caratismo Trifásico :

    Não querem atendem – Não querem permitir que outros atendam – E Tem raiva de quem atende

    Nada pode ser tão baixo , tão vil, tão cafajeste que esta Escória de Branco que se formou á nossas custas .

    Nada !

    O sofrimento , a dor , a necessidade ainda que seja de uma criança ou idoso necessitados não comovem esta
    súcia de Vagabundos , presos que estão aos seus interesses expurios e canalhas tipicos de excrecências desclassificadas pela Teratologia , que são.

    Todo o apoio aos verdadeiros profissionais médicos estrangeiros , notadamente os Cubanos , pois além de serem infinitamente superiores em conhecimento tecnico e experiência de campo aos seus ” Colegas” brasileiros, possuem mais uma grande diferença em relação a grande maioria destes últimos :

    Pertencem a raça humana !!

  • O verdadeiro brasileiro acolhe bem a todos que chegam de fora – esses(as) bandidos(as) de branco não nos representam, muito menos ao povo que sofre sem assistência médica!

  • Que sean muy bienvenidos los hermanos cubanos. Lo que sucedió fue hecho por una porción pequeña y ruidosa de la población. Y, en nombre de los brasileños que se sentiran avergonzados con tal demostración de falta de respeto y solidaridad con ustedes, me disculpo. VIVA CUBA!!!!!!!!!! VIVA O BRASIL!!!!!!!

  • Sejam muito bem vindos. Agradecemos-lhes pelo seu desprendimento e pedimos-lhes sinceras desculpa por aquela fatídica demonstração de preconceito e racismo.

  • É com muita vergonha que repudio as vaias dos filhinhos de papai aos médicos cubanos em sua chegada ao Brasil. É uma lástima ver pessoas indiferentes ao sofrimento alheio das pessoas mais necessitadas irem hostilizá-los em pleno aeroporto por uma causa tão fútil quanto o corporativismo e até mesmo o preconceito de classe. Esse é o Brasil que ainda não cresceu politicamente nem mentalmente, provavelmente sequazes da ideologia de guerra fria da Veja.

  • Bienvenidos hermanos!

    Ustedes son admirables hombres y mujeres nuevos, de un espírito magnífico e generoso, y vuestra ayuda será saludada por muchas generaciones.

    Un abrazo fuerte!

    Thiago Carvalho Pelucio Silva

  • Srs. Médicos Cubanos,
    Os brasileiros são um povo gentil que recebe a todos os estrangeiros com afabilidade!!! Portanto, a burguesada racista que os ofendeu, não nos representa e só nos provoca vergonha alheia!!! Peço-lhes perdão por tanta imbecilidade!!! Sejam bem-vindos!!! Um forte abraço!

  • Não sei nem o que dizer. Profundamente envergonhada com a atitude da mafia de branco. São incompetentes apavorados que os médicos cubanos demonstrem o quão despreparados são para o exercício da profissão de medicina que hoje visa lucro com a doença. Gostaria até que divulgassem o nome desses médicos brasileiros para que retirasse de vez da relação dos que um dia poderia procurar para uma consulta. São mercadores da doença. Abutres. Só me resta pedir perdão aos médicos cubanos. Escravos são os canalhas que se vendem aos planos de saúde que pagam 20 reais por consulta.