Bretas diz ter “direito” a 2 auxílios-moradia para 1 imóvel

Destaque, Reportagem, Todos os posts, Últimas notícias

Episódio que eclodiu no primeiro dia útil da última semana de janeiro desmascara o puritanismo de fancaria de uma casta que se assenhorou do país vertendo um discurso hipócrita e falso como uma nota de 3 reais.

Segundo a coluna Painel, da Folha de São Paulo, o juiz da 7ª vara federal criminal do Rio de Janeiro, Marcelo Bretas, responsável pela Lava Jato naquele Estado, está sendo alvo de questionamento na Ouvidoria da Justiça Federal por um comportamento idêntico ao dos políticos que critica.

Casado com uma integrante da mesma categoria (uma juíza), Bretas recebe o benefício apesar de resolução do CNJ proibir a remuneração a casais que morem sob o mesmo teto – como ele e a esposa são juízes, ambos recebem auxílio-moradia mesmo ocupando um só imóvel.

Em resposta, o órgão informou que o magistrado obteve o direito à verba judicialmente. Ele e outros outros quatro colegas entraram com ação para garantir o ganho extra, assim como qualquer outro político tão criticado pela mídia ou pelas “virgens imaculadas” da Lava Jato.

Pelo Twitter, Bretas foi ao ataque contra os críticos da hipocrisia. Em um primeiro comentário sobre o caso, atacou “os vultosos honorários pagos aos advogados públicos”, como se os abusos de terceiros justificassem o seu.

Em um segundo tuíte, diz que seria seu “direito” sangrar duas vezes os cofres públicos para pagar uma só despesa, já que ele e a esposa recebem auxílio-moradia como se vivessem em residências diferentes, apesar de ocuparem uma residência só.

Talvez seja necessário que alguém informe ao todo-poderoso magistrado que o que é de direito não é necessariamente ético, apesar de que seria um descalabro se, provocada, a Justiça decidisse que o Erário deve pagar duas vezes pela mesma despesa caso o requerente seja um poderoso de plantão.

UM MINUTO DA SUA ATENÇÃO

Apoie o Blog da Cidadania. O site tem custos – equipe técnica, hospedagem, cobertura (telefonemas, deslocamentos). Assinar um dos primeiros blogs políticos do país, que já existe há 13 anos, é forma de militância política. Há várias formas de assinar. Confira, abaixo. E obrigado pelo apoio. 

PARA ASSINAR VIA CARTÃO DE CRÉDITO MENSALMENTE, CLIQUE NO LINK https://www.mercadopago.com/mlb/debits/new?preapproval_plan_id=282c035437934f48bb0e0e40940950bfAQUI 

PARA ASSINAR VIA CARTÃO DE CRÉDITO UMA SÓ VEZ, CLIQUE NO LINK https://www.vakinha.com.br/vaquinha/financie-o-jornalismo-do-blog-da-cidadania

PARA FAZER DEPÓSITO EM CONTA, ENVIE E-MAIL PARA [email protected]