Direita em pânico: Jovem Pan ataca Folha por Bolsonaro

Destaque, Reportagem, Todos os posts

A reportagem da Folha de São Paulo denunciando o enriquecimento suspeito de Jair Bolsonaro continua rendendo e revelando fatos bem interessantes. A mídia antipetista está se dividindo. Parte ataca Bolsonaro para tentar reviver o governador-zumbi de São Paulo, Geraldo Alckmin, candidato dos banqueiros. Outra parte está com Jair Bolsonaro, que quer ser o candidato dos banqueiros.

Bolsonaro até tentou agradar ao “mercado”, ou seja, aos banqueiros. Andou prometendo privatizar a torto e a direito, mas não colou. Sua fama extremista de direita não agrada ao mercado.

As razões são muito simples: um simples apanhado das, digamos assim, “ideias” de Bolsonaro é suficiente para desmoralizá-lo e a quem estiver ao seu lado.

Em 1999, o capitão reformado expôs suas ideias no programa “Câmera Aberta”, na TV Bandeirantes. Em 35 minutos, ele defendeu a ditadura e a tortura, pregou o fechamento do Congresso e disse que o Brasil precisava de uma guerra civil, mesmo que isso provocasse a morte de inocentes. Como se não bastasse, gabou-se de sonegar impostos.

É preciso ser um animal quadrúpede para apoiar um sujeito como esse, dirá você. Sim, é preciso. Mas como o que não falta na mídia brasileira são quadrúpedes, já tem veículo importante de comunicação atuando claramente a serviço de Bolsonaro.

É o caso da Jovem Pan. Um trio de energúmenos apressou-se em defender o energúmeno-mor e atacar quem denunciou seu patrimônio.

Augusto Nunes, Joice Hasselmann e Felipe Moura Brasil produziram uma sessão engulhos na qual defenderam Bolsonaro com argumentos que até não são tão ruins, mas que serviriam perfeitamente para Lula. Além disso, mentiram.

Quem começou a defender Bolsonaro foi aquele garoto com nome de colírio, Moura Brasil. Ele tentou explicar por que a antiga dona de um dos muitos imóveis de Bolsonaro no Rio de Janeiro vendeu o imóvel a ele com um prejuízo de 180 mil reais em relação ao que havia pago pelo mesmo imóvel poucos meses antes.

Juntando esse fato com declarações do próprio Bolsonaro de que sonega impostos tanto quanto pode, dadas naquele programa da TV Bandeirantes de 1999, parece mais do que lícito supor que essa operação de compra e venda tenha sido subfaturada para sonegar impostos, já que o preço de mercado do imóvel era, à época da transação, três vezes maior do que aquilo que o deputado fluminense declarou.

Joice Hasselmann argumentou que o salário de deputado é mais do que suficiente para Bolsonaro ter um patrimônio de 15 milhões de reais, pois ele é parlamentar há muito tempo. No que foi seguida por Augusto Nunes, que afirmou, mentirosamente, que o patrimônio de Lula seria “bem maior” do que isso.

Detalhe: o patrimônio de Lula e o da falecida dona Marisa somados chegam a 11,7 milhões de reais, segundo edição da revista época de outubro do ano passado http://epoca.globo.com/politica/expresso/noticia/2017/10/inventario-de-marisa-leticia-patrimonio-declarado-do-casal-lula-da-silva-e-de-r-117-milhoes.html

Quem quiser ver a cena patética desses três usando para Bolsonaro argumentos que negam a Lula, clique aqui https://www.youtube.com/watch?v=Ty2vEN_W1T8&feature=youtu.be

Seja como for, o fato é que esses três atacaram duramente a Folha de São Paulo, dizendo que o que o jornal fez “não é jornalismo”.

Em minha opinião, a Folha de São Paulo forçou um pouco a barra. Apesar de haver evidências escandalosas de sonegação de impostos no caso do imóvel claramente subfaturado, parece pouco para fazer uma primeira página de jornal com manchete que parece anunciar um grande escândalo quando o que havia eram só indícios que precisam ser investigados, mas que são insuficientes para tal estardalhaço.

O que acontece é que a Folha tentou transferir votos de Bolsonaro para Alckmin com aquela primeira página escandalizada com a “riqueza” do candidato extremista de direita. E os argumentos dos três patetas da Jovem Pan são até ponderados. Eles falam que não se pode condenar Bolsonaro sob indícios tão frágeis

De fato, não dá. Foi um exagero, ainda que o caso da sonegação de impostos pareça bastante evidente. Há características claras de operações de subfaturamento de negócios imobiliários.

Porém, o fato é que todos esses argumentos servem para Lula. Aliás, vale dizer que o Juiz Sergio Moro acaba de absolver a mulher de Eduardo Cunha, Cláudia Cruz, sob argumento que o juiz usou para condenar Lula.

Moro absolveu a mulher de Cunha por uma conta com mais de 1 milhão de dólares dela na Suíça porque não conseguiu provar que esses recursos eram da Petrobrás. Mas condenou Lula por um apartamento que não é dele construído com recursos que sabidamente não vieram da Petrobrás, conforme o próprio moro assentiu.

As ironias poéticas não param de suceder. Moralista, verborrágico sobre corrupção, Bolsonaro pode estar para sofrer um linchamento igual ao de Lula pelo crime maior de ameaçar os projetos eleitorais do tucano da vez que a mídia quer colocar na Presidência da República.

Mas esse barraco na direita promete. Bolsonaro já seduziu o MBL e a Jovem Pan. Como os veículos mais toscos estão caindo no seu colo, provavelmente vai colocar a IstoÉ no bolso. E aí a campanha eleitoral de 2018 vai ficar bem mais interessante. A direita tucana vai ter que cair matando em Bolsonaro para ter chance.

Que se matem. Para o lado dos democratas, vai ser muito bom.

Abaixo, o comentário de Eduardo Guimarães em vídeo. Em seguida, peço que leia mensagem do Blog da Cidadania ao leitor

UM MINUTO DA SUA ATENÇÃO

Apoie o Blog da Cidadania. O site tem custos – equipe técnica, hospedagem, cobertura (telefonemas, deslocamentos). Assinar um dos primeiros blogs políticos do país, que já existe há 13 anos, é forma de militância política. Há várias formas de assinar. Confira, abaixo. E obrigado pelo apoio. 

PARA ASSINAR VIA CARTÃO DE CRÉDITO MENSALMENTE, CLIQUE NO LINK https://www.mercadopago.com/mlb/debits/new?preapproval_plan_id=282c035437934f48bb0e0e40940950bfAQUI 

PARA ASSINAR VIA CARTÃO DE CRÉDITO UMA SÓ VEZ, CLIQUE NO LINK https://www.vakinha.com.br/vaquinha/financie-o-jornalismo-do-blog-da-cidadania

PARA FAZER DEPÓSITO EM CONTA, ENVIE E-MAIL PARA [email protected]

VEJA, ABAIXO, COMO RECEBER NOTIFICAÇÕES QUANDO O BLOG PUBLICAR NOVO POST. ACIONE O SININHO