Fraude da Folha escancara queda do apoio ao golpe e da rejeição a Lula

O passa-moleque que a Folha de SP e seu instituto de pesquisas, o Datafolha, tentaram dar no distinto público quase fez passar batido fatos contidos na pesquisa que são arrasadores para os golpistas e excelentes para a democracia: despencaram a rejeição de Lula e o apoio ao golpe. Que efeito isso terá sobre a votação do impeachment no Senado? Certamente um efeito oposto ao que a Folha pretendeu causar com essa pesquisa malandra.

A mais nova prova histórica das armações da imprensa contra Lula

No futuro, os historiadores concluirão que, além de os grandes meios de imprensa brasileiros desta época serem partidarizados, atuavam com dose cavalar de cinismo, de verdadeiro deboche, pois chegavam a reconhecer que seu jornalismo era antiético, como fez a ombudsman da Folha de São Paulo, neste domingo. Mas os historiadores ficarão estarrecidos ao constatarem que a imprensa desta época, apesar de reconhecer suas maracutaias, não mudava de comportamento. Veja como a Folha tratou “delações premiadas” que citaram Lula e Aécio