Foi bom pra você, direita midiática?

Crônica

Durante anos (entre 2003 e 2010), este país viveu confrontos políticos entre o governo federal, de um lado, e a grande imprensa e a oposição do outro que chegaram a fazer o país temer que acabassem em uma guerra civil ou em (outro) golpe de Estado.

Para se ter uma idéia do nível de virulência que a direita midiática empreendeu na tentativa de voltar ao poder, supostos jornalistas chegaram a escrever livros sobre o ex-presidente Lula e seu partido que, mais do que difamar, pretendiam meramente insultar.

Os títulos desses livros dão bem a dimensão do clima político que vigeu durante anos: “O país dos petralhas” e “Lula é minha anta”, de autoria, respectivamente, dos colunistas da revista Veja Reinaldo Azevedo e Diogo Mainardi.

A Veja foi um capítulo à parte. Durante pelo menos seis anos, toda semana trazia um “grande escândalo” do juízo final contra o governo Lula, que, daquela vez, derrubaria aquele governo.

O site da Agência Reuters, perto da eleição presidencial do ano passado, publicou alentada matéria que explica bem a guerra que a grande imprensa declarara ao governo. Vale a pena este texto reproduzir um trecho antes de prosseguir.

—–

Agência Reuters Brasil

Revista pode ser o último obstáculo para vitória de Dilma

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Por Stuart Grudgings

RIO DE JANEIRO (Reuters) – Já se tornou um ritual nas manhãs de sábado durante a atual corrida presidencial — funcionários dos partidos e jornalistas correm às bancas para verem se, desta vez, a edição da revista Veja derruba a candidata Dilma Rousseff (PT).

Com sua capacidade para fazer ataques, a revista mais lida do Brasil –que já divulgou dois escândalos de corrupção que afetaram Dilma– parece ser o último grande trunfo da oposição, numa disputa em que a candidata governista chega à penúltima semana ampliando sua vantagem na dianteira das pesquisas.

Alguns analistas políticos descrevem a corrida em termos de quantas capas da Veja faltam para a eleição: duas.

A incansável campanha da publicação contra Dilma é um sinal daquilo que alguns dizem ser uma profunda tendência da mídia brasileira contra o PT e o governo de Luiz Inácio Lula da Silva, primeiro presidente brasileiro egresso da classe operária.

(…)

Clique aqui para continuar lendo.

—–

Outros grandes meios de comunicação não fizeram por menos. Distorceram, omitiram, falsificaram, inventaram tudo o que puderam para recolocar a oposição demo-tucana no poder.

A Folha de São Paulo, por exemplo, chegou a publicar, na primeira página, uma falsificação de ficha policial com pesadas acusações contra a hoje presidente Dilma Rousseff, e a acusar o ex-presidente Lula até de maníaco sexual e assassino.

Para citar todos os ataques, haveria que escrever um livro. Devido à diferença do alcance das comunicações, nem Getúlio Vargas, levado ao suicídio pelos mesmos veículos que agora fustigavam Lula, sofreu campanha de desmoralização igual.

O resultado de tudo isso ainda está sendo conhecido. Apesar de os brasileiros terem dado uma sobrevida à direita midiática votando em vários de seus candidatos a governador, praticamente a exilaram do cenário federal.

No Congresso, a oposição encolheu pelo voto popular. Encolheu muito. O recado das urnas foi claro: a esmagadora maioria dos brasileiros desaprovou a campanha que esses jornais, revistas, tevês, rádios e portais de internet fizeram contra o governo Lula.

Não é difícil encontrar quem diga que tentaram sabotar o governo anterior. Milhões de brasileiros parecem achar que foram prejudicados pela aliança entre esses meios de comunicação e o PSDB, o DEM e o PPS. E foram.

O Poder Legislativo, no total, deve ter perdido mais da metade dos últimos oito anos atuando como instância policial contra o governo do país, enredado em dezenas de CPIs que a nada chegaram e que paralisaram a apreciação de matérias de interesse nacional.

Neste sábado, um dos colunistas de um dos veículos mais beligerantes e que deu sua imensa contribuição para a guerra política dos últimos anos constata, mergulhado na amargura, o resumo da ópera que ajudou a escrever. A leitura desse texto é obrigatória.

—–

FOLHA DE SÃO PAULO

23 de abril de 2011

FERNANDO DE BARROS E SILVA

Pelada em praça pública

SÃO PAULO – Roupa suja se lava em casa. Sim, mas a oposição já não tem roupa, está pelada no meio da rua, exibindo a sua crise em praça pública. Perdeu, literalmente, a vergonha de mostrar seus vexames.

A nudez é tanto do DEM quanto do PSDB. Anteontem, no jornal “O Globo”, o deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO) desafiava: “Que os coveiros fracassados sigam o caminho adesista e de traição. As urnas darão a resposta!”. Referia-se ao tesoureiro do partido, Saulo Queiróz, de saída para o PSD de Gilberto Kassab, e ia além: “O Saulo é um cão fila do Jorge Bornhausen, que está agindo nos bastidores para minar o partido”.

O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, deve trocar o DEM pelo PSD.

No “Painel” da Folha de ontem, o senador tucano Aloysio Nunes dizia o seguinte: “Stalin bania os inimigos para se manter no poder. O PSDB agora extermina seus amigos para se manter na oposição”.

Atacava o grupo alckmista, acusado de segregar vereadores simpáticos a Serra-Kassab, seis dos quais debandaram do ninho piando alto contra a turma do governador.

O PSD pode ter sido o deflagrador imediato dessa crise, mas o partido de ocasião do prefeito é muito mais um sintoma da fragilidade da oposição do que a sua causa.

É irônico que essas cenas de desinteligência explícita venham logo na sequência do artigo em que FHC se esforçava para dar um sentido programático, estratégico e coletivo à ação do PSDB.

A palavra de ordem mostra-se impotente e vazia diante do clima de “cada um por si” que toma conta dos tucanos, do DEM, dos dissidentes, da oposição. Kassab virou líder do Partido Salve-se quem Puder.

A fusão dos cacos do PSDB com o que restou do DEM entrou na roda de conversas. Mas, por ora, as reações contrárias de lado a lado à formação desse novo-velho partido parecem mais fortes.

O movimento da oposição não é mesmo de fusão nem de união, mas de dissolução, de esfarelamento.

  • ProfeGélson

    Os lobos(maus) vão se comer uns aos outros: bom apetite!!!!!
    Boa Páscoa a todos!!!

  • Humberto

    Eduardo, bom dia!
    Previsões:

    O Kassab é laranja do Serra. Na sequencia ele se proclamará cacique do PSD. Restará ao FHC apagar a luz no PSDB.(se ele souber onde fica o interruptor). O Aecio coitado acabou de suicidar-se na madrugada do Leblom. Ao Alckimim possivelmente restará agarrar-se à saia da Grande Dilma.Quem viver verá. Acordei hoje com forte influencia de Mãe Diná. Será?

    • Marcelo C.

      Boa, boa. Adorei suas “visões”!!!

    • Manda aí o endereço do teu local de consulta porque achei suas previsões certeiras! Na mosca!

  • Marcelo Figueiredo

    Faltou citar o Senador mineiro-carioca alcoolizado, com documentos vencidos e veículo de procedência duvidosa que é, na minha opinião, o retrato fiel dessa oposição destrambelhada.

  • Cláudio RJ

    É sempre desejável e saudável, em qualquer democracia de funcionamento regular, que os partidos de oposição sejam uma ferramenta de crítica construtiva e fiscalização ativa dos atos do governo. Infelizmente aqui no Brasil não tem funcionado assim nos últimos anos. Quando o PT era oposição, era até mais radical que a atual oposição; a história não deixa mentir, porém os fatos e a análise dos números mostra que, quando governo, o PT tem se mostrado muito mais efetivo que os partidos da atual oposição. Podem falar em conjuntura econômica, problemas herdados, etc..Mas a história, novamente ela, mostra que todos os governos herdam problemas de outros, e tem que saber administrá-los. Quanto a conjunturas econômicas, elas são ondas que atingem a quase todos, mas as medidas preventivas e corretivas adotadas tem o poder de transformá-las em tsunamis ou marolinhas…. O governo cria a onda e a grande massa geralmente é que a surfa e sofre suas consequências. Estamo vendo uma oposição esfacela simplesmente porque a principal força que a tornava coesa era um projeto de poder vislumbrado por ela, que vai se tornando cada vez mais distante, e pior, vai se transferindo cada vez mais para o bloco da situação. Mesmo a grande força midiática que deu sustentação, durante muito tempo, a essa oposição, hoje se mostra mais preocupada com outra crise, a de credibilidade, que se abateu sobre os grandes grupos de comunicação, que insistiram durante muito tempo em tentar vender uma “verdade” conflitante com a realidade vivida pela grande massa. Só cabe a eles, neste momento, tomar o caminho de volta e tentar resgatar o que ficou perdido lá trás. Tomara que consigam, pelo bem da democracia.

    • eduguim

      assino embaixo

      • Thal Caló

        Concordo, e fico preocupado porque para o bem regime democrático é necessário uma oposição consistente e propositiva. Não sei quem poderá liderar e reestruturar a direita no caminho de volta a realidade de nosso país.

        • Enquanto a imprensa estiver se comportando como um partido político não haverá chance de surgir uma oposição consequente. A imprensa ataca a todos que não aderem ao seu discurso uniformizado (e boçal), seja do governo ou seja de oposição. Para a oligarquia que se apossou dos meios de comunicação no País, quem não defender especificamente seus interesses comerciais não tem vez nem voz.

          Enquanto não ocorrer um processo de democratização dos meios de comunicação no Brasil a oposição e não o governo, fica refém dessa armadilha. Enquanto a oposição ficar restrita aos personagens medíocres e boçais como Serra, FHC, Alckmin, Aécio e outras porcarias, que só existem em função da imprensa, o Brasil vai continuar sem oposição.

          • Marcelo Silva

            Concordo c vc, Ruy, e diria que o maior problema do nosso país é esse do oligopolio das comunicacoes. as demais mazelas (educacao, saude, segurança) sao consequencia da leviandade e irresponsabilidade dessa midia. Pois, como dizia o filosofo ricupero, o q é bom p eles eles falam, e escondem o q nao lhes interessa.

        • O Professor Hariovaldo, quem sabe… 🙂

        • Ferreira

          DONA JUDITH BRITO.
          Ela disse: nós somos a oposição.
          Não há oposição neste país.

      • Pedro1

        Acho eu que a polarização se dará entre PT e PSB.

  • Marcelo Silva

    e sempre assim, fazem m. dp mudam de partido, ou mudam o nome do partido. mas o povo ta vendo tudo, e agora nao ve so a globo.

  • Milton Roberto freitas

    Indiferente ao nome que se da ao partido ,devemos lembrar que na hora H eles se unem .
    Diferente da esquerda que é capaz de ser contra so porque a muié foi na festa do fulano,a direita se disfarça de centrão e na hora do voto mostra que estão la pela mesma causa ,defender o seu.
    Mas o grande partido deles continua unido ,O PIG.
    Direita sem midia não existe ,afinal quem se depara com um filiado do PSDB ,DEM ou PPS em associaçoes de bairro,sindicatos ou mesmo em faculdades ou no trabalho.
    Eles sabem disto e conta com um fator primordial e infalivel a divisão da esquerda .
    Agora esquerda sem povo tambem é morta .
    sabemos do grande trabalho feito na internet denunciando o PIG,mas quantos neste pais sabe oque é o PIG.
    falo de pessoas que se especializaram e que por não ter o abto de se informar pelos blogues continua refem do PIG.
    Assim pergunto qual seria a extrategia para chegar a esta classe media ,faculdades e trabalhadores no comercio e nas frabricas .
    Afinal isto não seria para fortalecer o PT ,mas o nosso pais pois com mais informação pressionariamos quanto as grades reformas .
    Assim como direita sem midia não existe ,podemos esperar uma grande pressão a todos que lhe fizer opisição .
    Mudar este pai é levar blogues sujos e informação a todos que possam se unir .
    faculdades ,sindicatos ,classe media .associações .
    que tal um DVD mostrando como chegar a estes ,assim não teriamos que ficar argumentando muito bastaria mostrar ,distribuir ,colocar no YOTUBE. com paletras dos grandes blogueiros .
    E ai quem vai encarar o PIG de frente ?

    • Dimas Antonio Granado de Pádua

      Ja disse e volto a dizer:ou o Brasil acaba com o PIG,de uma vez por todas ou o PIG é capaz de exterminar o povo,de destruir o pais,de fazer as maiores infamias que são possiveis para defender os interesses daqueles a quem ele serve.O PIG não faz oposição,o PIG faz guerra.Tudo aquilo que favorecer amplos setores da população em termos de qualidade de vida,o PIG será contra.Como ja tive oportunidade de dizer,não existem formas possiveis de contemporização com o inimigo.Ou destruimos o inimigo ou o inimigo nos destroi.É a logica da dialetica que opõe o termo amigo ao termo inimigo.E não ha como fugir da inexorabilidade dessa logica.O PIG é inimigo do Brasil,portanto de seu povo,portanto de seus mais legitimos interesses,portanto o PIG é inimigo de toda politica que tenha como objetivo principal a realização da cidadania plena,portanto o PIG é inimigo de qualquer politica que tenha como fulcro a realização da justiça social.

    • Juliano Santos

      Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) + ley dos médios.
      Mas atenção, senão pressionar o governo, princialmente o ministro Paulo Bernardo, vai ficar muito aquém do que se se deseja. E dar mais suporte aos blogueiros sujos, entre os quais se inclui o nosso indefectível Edu

    • helena catin

      Eu estou igual papagaio de pirata, repetindo uma coisa ininterruptamente…
      O governo lépido e ligeiro do PT precisa investir na TV BRASIL melhorar MUITO o sinal, que essa tv alcance todos os municipios do Brasil e investir nos equipamentos e na programacão, não dá pra esperar a lei de médios, ela virá na garupa da tartaruga, então tem que se aproveitar o que já existe: a tv e investir nela pesado, é a melhor arma para chegar à casa das pessoas e informar de forma isenta!!
      Eu espero que o governo não repita a ‘não estratégia’ da campanha que foi apanhar, apanhar e apanhar e deixar a cargo da blogosfera e da militância a defesa de Dilma, porque se a gente constatar que o próprio governo não faz questão de informar a sociedade e nem defender suas acões, o povo cansa de ser ESCUDO e desiste de dar murro em ponta de faca!
      Acorda PT!

      • rodrigo.aft

        helena, concordo q há algo acontecendo no pt…

        eu gosto do partido e tenho votado quase majoritariamente nele, mas… algo estranho acontece…

        acho q colocaram o ovo da serpente dentro do pt e eles não se aperceberam.

        o braço do GOLPE BRANCO é grande e alcança TODOS PARTIDOS (o judiciário já está praticamente domesticado, com poucas e boas exeções).

        quer ver um exemplo? quem foi a zebra q conduziu a discussão e proposta da lista fechada no pt?
        agora, depois de pronta uma proposta, talvez a pior, querem impor goela abaixo da opinião pública.
        por q não começaram a consultar a opinião pública ANTES de formatar o projeto?
        isso foi um engano de meia dúzia ou um atentado (sabotagem) interno proposital?

        tô falando.. o “modus operandi” do pt, ao se espelhar nas “espertezas” dos demais partidos vai minar o pt por dentro… pensando bem, algumas pessoas do pt trabalham contra ou a favor do partido?

        finalizando, cansei de ver gente muito boa ser EXPULSA do pt por discordância dos rumos “liberalizantes”, o pt de “resultados” q o partido tem adotado, mas não consigo ver uma expulsão por desvio de conduta…

        (quem tiver as expulsões por desvio de conduta, fraude e outros, por favor, não precisa postar todas, só umas 20 tá bom, COM LINK, pois andei procurando e não achei)

        tomar q abram o olho a tempo, cortem da própria carne (expulsem os elementos nocivos) e se renovem para o bem deles e (nosso) do bRAZIL.

        uma fábula (por favor, lembrem q fábula é fábula) linda de renovação “cortando da própria carne”:

        A águia é a ave que possui a maior longevidade da espécie, chega a viver 70 anos.

        Mas, para chegar a esta idade, aos 40 anos ela tem de tomar uma série e difícil decisão…

        Aos 40 anos a águia esta com as unhas compridas e flexíveis, não consegue mais agarrar as presas das quais se alimenta.

        O bico alongado e pontiagudo se curva. Apontando contra o peito estão as asas, envelhecidas e pesadas, em função da grossura das penas, e voar se torna difícil!

        A águia então só tem duas alternativas: morrer… ou enfrentar um doloroso processo de renovação que dura, em média, 150 dias.

        Consiste em voar para o alto de uma montanha e se recolher em um ninho próximo a um paredão, onde ela não necessite voar.

        Então, após, encontrar esse lugar, a águia começa a bate com o bico em uma parede até conseguir arranca-lo, com muita dor.

        Após arrancar o seu próprio bico, a águia espera que nasça um novo bico, com o qual irá arrancar suas velhas unhas, uma a uma, novamente com muita dor.

        Quando as novas unhas começam a nascer, a águia então passa a arrancar as velhas penas.

        E só após cinco meses ela vai para o famoso vôo da renovação.

        E para viver plenamente mais 30 anos.

        Em nossa vida, muitas vezes temos de nos resguardar por algum tempo e começar um processo de renovação.

        Somente livres do peso do passado poderemos aproveitar o resultado valioso que uma renovação sempre traz.”
        .

        ÓTIMA PÁSCOA A TODOS!!!

  • Mais 2 anos e no PSDB restarão o Serra, o “Último Imperador” e o PIG.
    Vamos conferir.

    • Odete

      Que nada. Kassab está preparando o terreno para o “preparado” no partido recem fundado. Quando estiver tudo arrumadinho, Serra entrará triunfante (?????!!!!) . Tudo estratégia. A grande maioria dos DEMos está migrando pra lá. Como Serra já é praticamente unha-e-carne com eles, nada a estranhar.

  • Rodrigo

    O Engraçado é ver como funciona as criticas da Oposição para Oposição.

    Elas sempre são no sabado ou no domingo… quiçá nos feriados….

    Será pq o números de leitores diminuem ?

    Agora se pegar de sexta a segunda, e só pau para cima do Governo…

    E midia golpista mesmo…

  • Muito boa matéria Edu. Acho que isto é um sinal de que o povo não está nem aí para a mídia golpista. Aécio perdeu a oportunidade de sair do PSDB. Agora é tarde. Acredito que isso facilitará a campanha de Dilma em 2014. Pois se Serra e Alckimin por exemplo, disputarem a eleição em partidos diferentes. Os votos da direita irão se dividir, você não acha?

    Te convido a ler meu novo post:

    Fidel Castro: A História me absolverá!

    http://www.comunistas.spruz.com/pt/Fidel-Castro-A-Histria-me-absolver/blog.htm

  • José

    Depois de anos de tentativas dessa midia vagabunda, o povão deu uma banana pra eles na eleição de 2010.esse consórcio(pig+psdb+dem) definhará ainda mais>Esses colunistas meio amalucados(reinaldo azevedo e Diogo Mainard) parecem estar numa outra realidade,pois fingem não ver as mudanças que ocorreram no país nos últimos anos.Acho ,pessoalmente, que estes brigam com a realidade>Nunca vão conseguir, pois o povo tem consciencia do que tem alcançado e do que é por eles (colunistas) proposto,e já fizeram sua escolha(eleição 2010).Esse pig vagabundo vai rasnor por muito tempo e em vão…

  • Juliano Santos

    Ele analisou o DEM, o PSDB, mas faltou analisar o Pig. Tudo bem, é pedir demais. Ainda demorará para que façam a mea-culpa.
    Talvez se tivessem uma visão mais ampla do processo histórico percebessem que os ventos da poítica brasileira mudaram de direção. O povão, o que o FHC não quer, não vai mais a reboque da classe média, e até esta por sua vêz esta menos massa de manobra do discurso udenista falso moralista da imprensa. O paradigma Getúlio versus Lacerda não mais rege a política nacional.
    A sociedade majoritariamente optou por um modelo de capitalismo social-democrata, mais ou menos aos moldes das democracias do Wellfare state que dominaram o norte europeu dos anos 60 aos 90.
    Acredito que serão com os já 12 anos de Lula e Dilma, no mínimo 20 anos desse modelo até que o patológico desequilibrio socio-econômico brasileiro atinja níveis aceitáveis, minimamente saudáveis.
    E tudo leva a crer que com a condução do PT, pois o PSDB perdeu o bonde da história, empacado no discurso neo-liberal que desgraçou os países da AL.
    Enquanto eles papaguairem o lenga-lenga do pig, qual seja, diminuição do Estado, corte de gastos (sociais), criminalização dos movimentos sociais, MST, sindicatos e funcionários públicos, estarão dirigindo bêbados na contra-mão e com a carteira vencida

  • Andrea Serpa

    O único projeto que mídia e oposição deixaram claro foi o ódio.Abriram a boca só para atacar e esqueceram de apresentar um projetoEssa transferência do oposição para situação,como bem expõe Cláudio RJ , não é benéfico para nenhum lado.Esfacela a oposição , confunde e descaracteriza a situação.AS idéias e os projetos ficam em segundo plano todos só pensam em eleição.Isso é péssimo para a democracia,para a qualidade do debate e para qualquer projeto político coerente e responsável..

  • Jofre de Assis

    A expressão que a oposição conhece, atualmente, é “sobrevivência política”. Eduardo, aproveitando, sobre o artigo de fhc, sinceramente, acho que os blogueiros progressistas deveriam parar de “dar moral” a esse indivíduo, é justamente isso que ele quer, aparecer, sair do mausoléu político que seus próprios colegas de oposição o colocaram. A questão é que ele ajuda demais o governo com as bobagens que fala, mas dar cartaz a ele não me parece a melhor coisa a ser feita.

  • Fabio Amaral Di Fini

    Alguns trechos da matéria da Reuters dizem absolutamente tudo; vejamos:

    Sobre a parcialidade da mídia na eleição: “É inquestionável,…Sempre que um evento ocorrer ele será distorcido de um modo claramente destinado a favorecer a candidatura Serra e a diminuir a candidatura Dilma.”

    Sobre a desigualdade de condições nas comunicações brasileiras: “…o paralelo entre Obama e o canal Fox News não se sustenta, porque no Brasil, ao contrário do que ocorre nos EUA, não há grandes jornais ou redes de televisão com posições de esquerda, que poderiam equilibrar a cobertura.”

    Sobre a tal lua-de-mel da mídia com Dilma: “…Dilma, por ser oriunda da classe média, será poupada de tais ataques pessoais, mas não de uma cobertura ideologicamente tendenciosa. ‘A meta da elite é impedir outros oito anos deste tipo de governo’…”

    Sobre a queixa justíssima de Lula: “…’nove ou dez famílias’ controlam a mídia brasileira.”

    Já quanto à matéria da Folha serrista…, absolutamente incrível sua lucidez e análise crítica dos fatos… Sintoma claro de que “nem tudo anda como dantes no reino de Abrantes…” O que será que mudou por lá? A meu ver, a oposição começou a perceber o buraco aonde se enfiou… Só espero que dessa percepção, surja uma oposição renovada, que saiba ser uma verdadeira oposição e não a mera atiradora de m… no ventilador, que conhecemos tão bem e com a qual até nos acostumamos… E onde se diz “ventilador”, leia-se MÍDIA! Será que a mídia brasileira vai, finalmente, entender que seu papel é muito maior que o de, meramente, fazer campanha para uma única corrente política ou candidato?

    Com uma oposição de verdade, consistente e PROPONENTE haverá de se chegar a uma série de metas consensuais que, certamente, colocarão o país nos eixos! Teremos, então, um PACTO SOCIAL CONSISTENTE e poderemos crescer sem os solavancos e puxadas de tapete que se repetem continuamente e que visam, apenas e tão somente, por fogo no circo… Esse “circo” é o Brasil, e ele é de todos nós, governo e oposição; se o incendiarem, todos sairemos perdendo e adeus futuro brilhante e promissor para nosso país!

  • José Medeiros

    O PIG não é movido somente a combustível nacional. A mistura que o impulsiona é também importada, refinada lá fora e há um interesse por trás disso, de derrubar qualquer governo que ouse ser independente do cabresto imperial. Infelizmente, apesar do esforço patriótico do Lula para erguer a cabeça do nosso povo, a cambada dos 20% – aquela top pirâmide de uma elite inútil e improdutiva – que desfila sobre o tapete da humana submissão dos 80% restantes de brasileiros de 3ª classe, continuará a fazer o possível e o impossível para, via propaganda mentirosa e manipuladora de uma mídia infestada de espiões, se apossar, com exclusividade, das imensas e, muitas ainda intocadas, riquezas nacionais. O PIG é a ponta de lança do “American way of life”, a dominação soft que o império promove. Não adianta culpar a China. Os chineses estão na deles. O mundo voltará à bipolarização porque não faz sentido que um império tão espúrio continue sem contraparte. Talvez tenhamos que nos aliar a um deles, certamente os EUA, porém de uma maneira digna e, não da forma aviltante e submissa como pretende FHC, ao passo que escravista, racista e espoliadora para com os 80% de compatriotas, como sói comportar-se a elite apodrecida e incompetente dos bairros chics de São Paulo e do país. Hoje o PIG – UOL ataca de novo, com festa, uma galeria de fotos de coluna social. Nos “leads” desfila sorridente Aécio Neves, o candidato baladeiro, o amorzinho do PIG, polegar para cima, o qual foi apanhado em blitz de rua dirigindo bêbado. Êta bom exemplo. Na mesma linha aparece o médico estuprador, Abdelmasar, também sorridente, livre e impune, comemorando a paternidade de rebentos gêmeos. Viva o PIG e sua traição à pátria. Viva o Brasil colônia que levou Tiradentes ao enforcamento há 300 anos. Viva a impunidade seletiva sob os mantos dos Gilmares e dos Aurélios. Viva a roubalheira que há 5 séculos depena esta terra tão fértil e tão rica, abençoada por Deus e infestada de demônios. Viva o Kassab, um político medíocre que aprendeu como é facílimo correr atrás de um pobre para espancá-lo em frente às câmeras e em seguida ser “purificado” por uma mídia domesticável pelo seu padrinho, José Serra. Tanto aprendeu que mandou três esbirros da guarda civil, mãos sobre os coldres, acompanharem três serviçais da prefeitura que, sob as vistas de centenas de cidadãos acovardados, em plena Praça do Patriarca, arrancaram das mãos de 4 inconformados as faixas e as listas contendo as assinaturas dos que protestavam contra o aumento abusivo das passagens de ônibus que promoveu, certamente a serviço de interesses inconfessáveis. Os Big Brothers, as novelas, o futebol da Globo, os mercenários do PIG estão todos aí para desviarem as atenções, abafarem protestos e para acabar com o que resta de dignidade em uma maioria que desconhece a própria força.

    • helena catin

      Exatamente José a maioria DESCONHECE a própria forca! É nisso que se fia a pior elite do mundo para nos manter ‘no nosso lugar’ ou seja, trabalhando a vida inteira para sustentá-los e NUNCA reinvindicar nada! A hora mágica em que o povo acordar que basta exigirmos (na rua aos milhões) deles o que é nosso por direito e que eles são nossos FUNCIONÁRIOS, aí a nossa vida vai mudar da água pro vinho! Eu acredito que se os ‘ocupantes temporáios’ do executivo, legislativo e judiciário tem que nos TEMER, do contrário o mundo vai acabar e nós estaremos aqui discutindo como fazer o governo trabalhar em prol do povo (qq governo qq partido) e isso só depende de nós!

  • David Rodrigues da Silva

    Edu, não se surpreenda, se “CERRA”, apagar a LUZ. O Vigarista Político do DEM, Governador de Santa Catarina, deixou claro: Na dúvida, vou de Kassab, e toda sua base, isto é, vereadores e Deputados. A Miss Desmatamento, a Senadora Kátia Abreu, já pulou fora e vai de Kassab, e pressiona o Colombo, atual Governador de Santa Catarina, a sair o mais rápido. Lembra da Profecia do LULA? Pois é, está sendo concretizada. LULA disse em Campanha Eleitoral em Santa Catarina, que o UDN/Arena/PDS/PFL/DEM, tinha que ser EXTIRPADO da Política no BRASIL, por serem GOLPISTAS. LULA foi apedrejado pelo PIG, se fosse num País Teocrático, já estava MORTO a pedradas…., bem, o nanico PPS e o famigerado DEM, estão a IMPLORAR ao PSDB, para que sejam incorporados e se fundirem, acreditam que perderâo mais Deputados e Prefeitos e vereadores para o Partido de KASSAB, estão Desesperados…., pelo visto, os Tucanos do resto do Brasil, deixarão a Belíssima Cidade de São Paulo, por que o ESTADO, com menos TUCANOS para bicar seus CIDADÃOS. O BONHAUSSEN, já declarou que não QUER GUERRA COM A DILMA, e que também, como atual Secretário do COLOMBO, já està de MALAS PRONTAS. Afinal, quem vai apagar a LUZ? Acho que é o ” CERRA “, de Belo Horizorizonte

  • Remindo Sauim

    Eduardo, acabou-se o ciclo Veja/Folha/O Globo, acachapados pelos eleitores e leitores deste país. Agora o PSDB derrota-se a sí mesmo com sua propaganda política desta semana em que propagandeia não querer cargos. Ora os segundo, terceiro, quarto e demais escalões de sua estrutura política só pensam nisso. Com a cabeça do partido negando esta benesse, esta turma já estão debandando para a esfera dos outros partidos.

  • Marcelo Lincoln

    Edú, creio eu que em política temos que ocupar os espaços vazios para ajudar a implementar a política a qual pensamos ser certa. A oposição não tem espaço a ocupar, depois que a mídia observou que esse espaço estava “vago” e o ccupou. Penso que para a oposição renascer, a mídia terá que largar o “osso”!

  • Dimas Antonio Granado de Pádua

    O PSDB é um partido em processo de extinção,o artigo do ex sociologo FHC foi apenas um tiro de misericordia em algo que ja estava praticamente morto.O DEM segue o mesmo caminho.O partido de Kassab é um partido de ocasião,não tem vida muito longa.Mas ajudou,direta ou indiretamente,a enterrar o consorcio PSDB-DEM.Por esse lado,ponto positivo para o partido de Kassab,embora talvez não fosse essa a intenção do prefeito de São Paulo.O PIG continuara sendo o PIG,até que uma Ley de Medios dura,venha a estirpa-lo da vida nacional.Uma democracia que se caracterize por instituições solidas não pode conviver em hipotese alguma com uma imprensa que seja apenas instrumento de politicagem no pior sentido que essa palavra possa ter.Uma imprensa golpista que serve a interesses contrarios aos interesses da grande maioria da população brasileira,não pode se beneficiar da liberdade de expressão que é uma garantia fundamental insculpida em nossa Carta Politica.Uma imprensa que mente,distorce a verdade,fabrica crises,não tem direito a invocar a liberdade de expressão.Uma imprensa que é conhecida como especialista em assassinato de reputações só pode ser tratada como aquilo que ela realmente é:delinquente.

  • Ronaldo

    Vocês se esqueceram da formiguinha verde carola.

    Aguardem 2012. No desespero, parte do PIG vai aderir.

  • Eason Nascimento

    Sobra a mídia, desesperada, sozinha e sem credibilidade, tentando impedir que o PT governe por 16 anos.
    http://bit.ly/hq7dh8

    • Dimas Antonio Granado de Pádua

      Pois é,Eason,se pensam que vão voltar ao poder em 2014 ou em 2018 ou em 2022,se enganam.A oposição não tem projeto para o pais,a oposição so tem ódio.Ódio pelo Brasil,ódio pelo seu povo,ódio por governos que tentam fazer politica em beneficio das maiorias desassistidas.As elites e seu braço midiatico jamais perdoaram ou irão perdoar Lula.Jamais perdoarão Dilma.Em 2014 quem será o derrotado da vez?Serra,apesar dos 44 milhões de votos é uma carta fora do baralho,porque é um homem muito doente.FHC ja encerrou sua carreira de uma forma bastante melancolica.Aécio?Ele vai ter de escolher entre uma derrota certa em 2014 para Lula ou Dilma ou cumprir integralmente seu mandato de Senador que termina em 2018.Tambem com esse discursinho neo liberal de sempre,essa oposição canhestra não vai chegar a lugar algum.

  • Luís CPPrudente

    Temos que pressionar para que a nossa “Ley de Medios” seja tal qual a da Argentina, uma “ley de medios” que detone o monopólio do PIG. Que arranque o direito de determinar o horário e os dias de jogos de futebol da Globo e passe o direito de transmissão a todas as demais emissoras abertas do Brasil.

    Temos que exigir também uma Banda Larga Universal com, no mínimo, um mega.

  • Milton Roberto freitas

    Lançamento da campanha pela banda larga
    Reproduzo matéria publicada no sítio da campanha:

    A banda larga no Brasil é cara, lenta e para poucos, e está na hora de
    pressionar o poder público e as empresas para essa situação mudar. O
    lançamento do Plano Nacional de Banda Larga em 2010 foi um passo importante na tarefa necessária de democratizar o acesso à internet, mas é insuficiente. O modelo de prestação do serviço no Brasil faz com que as empresas não tenham obrigações de universalização. Elas ofertam o serviço nas áreas lucrativas e cobram preços impeditivos para a população de baixa renda e de localidades fora dos grandes centros urbanos.

    Enquanto isso, prefeituras que tentam ampliar o acesso em seus municípios esbarram nos altos custos de conexão às grandes redes. Provedores sem fins lucrativos que tentam prover o serviço são impedidos pela legislação. Cidadãos que compartilham sua conexão são multados pela Anatel.

    É preciso pensar a banda larga como um serviço essencial. A internet é
    instrumento de efetivação de direitos fundamentais e de desenvolvimento, além de espaço da expressão das diferentes opiniões e manifestações culturais brasileiras por meio da rede.

    Neste dia 25, vamos colocar o bloco na rua: juntar blogueiros, ativistas da cultura digital, entidades de defesa do consumidor, sindicatos e centrais sindicais, ONGs, coletivos, usuários com ou sem internet em casa, todos aqueles que acham que o acesso à internet deveria ser entendido como um direito fundamental. Nossa proposta é unir os cidadãos e cidadãs brasileiros em uma vigília permanente em defesa do interesse público na implementação do Plano Nacional de Banda Larga e da participação da sociedade civil nas decisões que estão sendo tomadas.

    O lançamento nacional da Campanha Banda Larga é um Direito Seu! Uma ação pela Internet barata, de qualidade e para todos será feito em plenárias simultâneas em São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador e Brasília, com transmissão pela Internet. O manifesto da campanha, a lista de participantes e o plano de ação estão no site http://www.campanhabandalarga.org.br. Participe.

    São Paulo (SP) – 19h

    Sindicato dos Engenheiros de São Paulo

    Rua Genebra, 25 – Centro (travessa da Rua Maria Paula)

    Rio de Janeiro (RJ) – 20h30

    Auditório do SindJor Rio

    Rua Evaristo da Veiga, 16, 17º andar

    Salvador (BA) – 19h

    Auditório 2 da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia

    Avenida Reitor Miguel Calmon s/n – Campus Canela

    Brasília (DF) – 19h30

    Balaio Café

    CLN 201 Norte, Bloco B, lojas 19/31.

    Campo Grande (MS) – 19h30

    Sede da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul)

    Rua 26 de agosto, 2269 – Bairro Amambai
    Postado por Miro às 12:11

  • Elyandra

    Depois de tanta bobagem sendo dita, na matéria e nos comentários, que nada mais dizem do que um discurso contra a liberdade de imprensa e de pensamento, só me resta lembrar as palavras de Chaves, (o da serie mesmo), 1982: ” Ai que burro, dá zero pra ele”

    • Dimas Antonio Granado de Pádua

      Liberdade de pensamento e de expressão para quem,cara pálida?Desde quando existe liberdade de expressão ou de pensamento,para difamar,caluniar,assassinar reputações,inventar fatos,fabricar crises?Não gostou das verdades que foram ditas é um direito seu,mas nada vai mudar o fato de que o PIG é um dos maiores perigos para a democracia no Brasil e ponto final,porque é um fato notoriamente reconhecido por todos e contra fatos não ha argumentos.Outro ponto que já é consenso é que é preciso acabar com o PIG de uma vez por todas e quanto a isso não ha discussão.Uma democracia seria não pode comportar uma imprensa irresponsavel,que age de maneira destrutiva para com os interesses do pais e seu povo.

    • Na verdade, é um discurso A FAVOR da liberdade de expressão e de imprensa.

      Primeiro pq as duas são garantias são do povo, e não de meia dúzia de indivíduos.

      Segundo pq a liberdade de imprensa – que, vale repetir, é uma garantia do POVO, e não das empresas de comunicação – inclui sua liberdade dos interesses econômicos e políticos de seus donos. Não há imprensa livre se ela for subordinada a interesses particulares.

      Se vc não quer ver, paciência.

    • Almir

      Sei, sei, sei. Você defende a liberdade de expressão somente pra mídia hereditária e suas dinastias, né? Converse mais, pra ver se eu compro seu peixe.

    • Luís CPPrudente

      “Depois de tanta bobagem sendo dita (por você Elyandra?) , na matéria e nos comentários, que nada mais dizem do que um discurso contra a liberdade de imprensa e de pensamento (liberdade de quem Elyandra? Parece discurso do PIG!) , só me resta lembrar as palavras de Chaves, (o da serie mesmo), 1982: ” Ai que burro, dá zero pra ele” (ai, ai, ai, Elyandra! Você assiste isto mesmo! Mas que coisa, sô!!).

      ” Ai que burra, dá zero pra ela! Ai que burra, dá zero para ela” . Foi isto que o Chavez escreveu para você, Elyandra?

    • Pedro Soto

      Já dizia o grande Graciliano Ramos: “A imprensa sempre esteve ao lado dos ricos e poderosos”
      Que liberdade de imprensa é essa que temos por aqui se 90% da mídia ataca os partidos e as idéias políticas da grande maioria do povo brasileiro. É só verificar os resultados das últimas eleições.

    • aliancaliberal

      Coragem em dizer isso, quem vc acha que é pra vir aqui e criticar a esquerda, que direito vc acha que tem de criticar.
      VC acha que pode pensar o que quer, quem lhe deu esta liberdade, afinal não estamos em uma democracia onde todos devem pensar no bem do país e abrir mão de sua individualidade.
      ……….
      Os interesses do coletivo são mais importantes que os interesses individuais.
      ………..
      Essa coisa de liberdades de imprensa, de pensamento e outras liberdades civis são conceitos da elite branca e não têm lugar em nossa sociedade, vamos garantir a democratização dos meios de comunicação e o direito fundamental do Estado censurar o que bem entender.
      Todos nós sabemos que o estado sempre sabe o que é o melhor para o povo e criticar o governo é ir contra a razão e contra o bem do país.
      Veja que durante a campanha eleitoral a internet foi usada como meio de divulgar mentiras contra a candidata Dilma, por isso o PNBL deve guardar em seus servidores todos os acessos que os cidadãos façam a sites que divulguem mentiras contra o estado, para que assim seja possível identificar quem é contra o país e assim processar quem agir desta forma.
      Exemplo disso foi o que o Comitê Central do Partido dos Trabalhadores que esta ajuizando uma ação contra o Google por crime contra a honra do Partido. O PT argumenta que o sistema de indexação da empresa está “baixando o nível da campanha” ao permitir facilmente o acesso a todos os documentos do partido que defendem a legalização/descriminalização do aborto no Brasil.
      Acionaremos judicialmente o Google pela indexação não autorizada de nossos documentos internos, disse José Eduardo. “O PT tem uma incontestável história de lutas em defesa da legalização do aborto, mas isso não deve vir ha público sem autorização”, continuou.

      • Luís CPPrudente

        Este também deve ter recebido uma bola de papel na cabeça!

      • Mais insanidades.

        De tudo o que vc escreveu, só uma coisa se salva: “Os interesses do coletivo são mais importantes que os interesses individuais.”

        Uma verdade incontestável. Eu não quero saber se seu interesse é acumular o máximo de riqueza, ou se é cortar custos poluindo o meio ambiente, ou se é incitar o ódio aos “diferentes”, ou se é se submeter a uma potência estrangeira pra recolher suas migalhas, se isso significa que centenas de milhares vão sofrer com isso. O interesse, ou melhor a SOBREVIVÊNCIA e a dignidade da maioria é mais importante do que seus interesses mesquinhos.

        E ponto final. NINGUÉM tem o direito de impor seus interesses à coletividade, quando eles são prejudiciais a ela.

        Se vc não gosta disso, problema seu. A maioria não pode ser prejudicada pq vc acha que seus interesses estão acima da vida, da saúde, do bem-estar dos outros.

    • ProfeGélson

      Ai, que burra: ”dá zero pra ela”!!!!!

  • Horta

    Edu, este episódio do PSD (partido do kassab) é uma tentativa do fracassado pig e oposição de reter ou de estancar a ida da classe média em direção de Dilma. O lula retém já o povão (que foi exatamente isto que FHC constatou) e está vendo a Dilma fazer um governo de conquista da classe média, unindo classe média (dilma) X povão (lula) não terá prá ninguém. Por isto kassab fundou este “partidéco” para retre a classe média que se esvairá à Dilma, não têm como fugir. É só Dilma fazer bons aeroportos. Fazer a classe média de um modo geral participar através do MP com site de interveção nos municípios, com opiniões do que deve ser feito no município, enfim…

  • sonia

    Quem disse que NÃO TEMOS oposição se esqueceu do Judiciario que fez e faz oposição descaradamente

    • Luiz

      Sonia, Isso mesmo, este é o verdadeiro câncer do Brasil… o JUDICIÁRIO. Sem extirpar esta horda de canalhas nada mudará no Brasil.

  • Adilson S Lima

    Os decadentes PSDB, DEM e PPS não sabem desempenhar o papel de oposição ao governo, como faziam com competência PT e PC do B na era Collor e FHC. O PT cresceu na oposição e era a vitrine para o país, mesmo sem ter a imprensa a seu favor. Vemos hoje a esfacelada oposição debandando para o partido PSD, como forma de se manterem vivos. Imagina se o PT durante o período em que era oposição se tivessem a mídia a seu favor, não teria perdido as eleições para Collor e FHC.

    • MARCIO BASTOS

      BINGOOOOOOOO! NO PONTO

  • Scan

    Edu, não sei se há limites de linhas e peço desculpas antecipadas pelo tamanho da postagem.

    Quando a Revolução Francesa atingiu seu ponto crítico e escolheu o avanço ao invés da reação, qualquer prócer girondino fazia lamentável figura ao lado do mais modesto dos jacobinos: estes estavam à altura dos acontecimentos; aqueles se perderam na batalha.
    Acredito seja girondina a situação da oposição de direita hoje no Brasil.
    Ela é acusada de não ter um programa de governo (salvo os arrôtos matinais do “jenial” estrátego FHC); de estar perdida como surdo em bingo; de ser sempre mais do mesmo – uma dízima periódica política, etc. Trata-se, além da constatação do óbvio “girondinismo”, o sempre recorrente papel daqueles que se fossilizam e se apegam a idéias já demonstradas inúteis, falazes, e que via de regra beneficiam sempre uma minoria. Como já foi bem dito: não que não possam mudar de idéia; o problema é que não têm ideias para mudar.
    Tenho visto em diversos blogs (sujos, pois os limpos eu não frequento) que é desejo de todos a existência de uma oposição ao governo que aí está para que se o mantenha nos trilhos. Não uma oposição imbecil “à la Çerra”; não uma oposição irresponsável como a do PIG, capaz de jogar o país numa guerra civil; não uma oposição baseada em vontades de meia dúzia de generais de pijama sempre prontos a trair o povo tão logo possam se livrar dos andadores e fraldões geriáticos.
    Não: uma, por assim dizer, oposição “construtiva”, seja lá o que queiram dizer com isso.
    Entretanto noto que, quase sem excessões entre direitistas de carteirinha e apoiadores sensatos do governo, busca-se sempre para o papel de oposição a direita que ainda existe.
    Alguns, utilizando raciocínio por analogia (sempre perigoso por não se saber até onde a analogia é válida), acreditam que o PSDB, renovado ou não, escovado ou não, penteado ou não, possa ainda representar este papel, pois os partidos políticos são bastante parecidos e, afinal, o PT foi oposição durante muito tempo e mostrou-se competente. Hoje é situação e igualmente sai-se muito bem. Porque o PSDB, trilhando caminho semelhante e inverso – do poder para oposição, não poderá sair-se igualmente bem?
    Outros, aparentemente mais realistas, acreditam que uma refundação, não do PSDB (o qual já julgam morto ainda que insepulto), mas da direita, possa exercer o papel crucial, tratando-se apenas de encontrar nomes representativos que possam aglutinar em torno de si as pessoas inteligentes que existem em qualquer facção.
    Nada a objetar quanto ao mato onde se deseja lenhar.
    Eu também gostaria que houvesse uma oposição que impedisse ou dificultasse quaisquer manobras escusas do governo; eu também gostaria que houvesse uma oposição que “vigiasse” o governo e não o deixasse, ou pelo menos dificultasse, qualquer saída de linha.
    Só que noto que apesar das esperanças e vontades serem semelhantes, procuramos sua realização em lugares diferentes. Sempre ouço clamor pela oposição articulada “à direita”, jamais à esquerda.
    Confesso achar muito estranho que as coisas se passem assim, pois a esquerda tem se mostrado infinitamente mais competente do que a direita justamente por estar à altura dos acontecimentos. Portanto, a mim me parece mais razoável a busca e criação de uma oposição à esquerda, que se fortaleça com discursos coerentes, pelo constante embate em prol do povo brasileiro e luta contra aqueles que se opõem à consecução desses objetivos.
    O primeiro passo foi dado: o PT deu uma boa varrida na casa e mostrou que um governo mais à esquerda é amplamente preferível àquela excrescência que aí estava. Falta-nos agora uma oposição que o empurre para a frente, lhe queime as pontes e apague definitivamente a possibilidade de uma reação.
    A onda está no ar e não poderá se manter assim: cabe a uma coalisão opositora de esquerda fazer com que ela vá em frente.
    Acredito que uma oposição de direita, por mais bem intencionada que fosse, a quebraria.

    Um abraço.

    • Pedro Soto

      Caro Scan
      Se quiserem uma guerra civil, que venham.
      A longo prazo, eu não vejo outro caminho. Eles não vão entregar a rapadura só pelas vias democráticas, não.
      Pela minha idade eu não assistirei a essa tragédia, mas que ela será inexorável não tenho dúvidas.

    • Fabio Amaral Di Fini

      Scan, sua idéia de buscar-se uma oposição consequente à esquerda seria boa, não fosse o fato de que o que há hoje à esquerda do PT, não tem porte, não tem maturidade política e, mesmo em se tratando de personalidades, as há, mas são tão poucas, que podem ser contadas usando-se os dedos de apenas uma mão… Minha crítica aos que estão à esquerda do PT é a de que falta vivência a esses partidos… Purismo é bom, mas se for levado a extremos acaba inviabilizando qualquer ação política. Um partido não pode ser inflexível, sob pena de ficar imobilizado. Vejo nos partidos à esquerda do PT, algumas semelhanças com o próprio PT quando ainda era uma opção recente, pouco depois de sua fundação… Os princípios são sólidos, as intenções são boas, mas a falta de plasticidade põe tudo a perder.

    • Roberto Pereira

      Olha só que visão mais interessante a deste comentário: uma oposição de ESQUERDA que impulsione o PT pra frente.

      Muito interessante pensar nisso dessa forma.

      Muitos do PT julgam que uma oposição de esquerda, quando critica o governo federal, acaba levando água para o moinho da direita – como vimos na época da crise do mensalão em que direita e esquerda avançavam sobre o governo Lula com ferocidade idêntica.

      Mas se a oposição for no sentido de mobilizar a sociedade, os meios acadêmicos, para temas de avnço social e político seria um feito maravilhoso.

      Teríamos condições disso acontecer?

      Ou a direita se aproveitaria dessa “oposição de esquerda” para criar um clima de fim do mundo?

      É hora de avançar o governo na ampliação da distribuição de renda e direitos formais às minorias e aos menos favorecidos, ou ainda se deve manter essa melhora dentro dos paramêtros atuais que já custam tantas críticas ao governo?

      Confesso não saber a resposta.

  • Carlos

    Eduardo, um livro é pouco para escancarar esta sordidez da oposição e do PIG. Temos que incentivar diversos escritores, focalizando esta época. A História não será contada corretamente, tendo como base de informação revistas, jornais e os canais de TV. Temos que ter publicações que falem a verdade dos fatos, ou seja, que o presidente Lula fez um grande governo, mesmo sendo perseguido pelos crocodilos do mangue e pelas aves agourentas.

  • Desde que conseguiu matar Getúlio, a imprensa se comporta como o verdadeiro poder no Brasil. Por 60 anos, foi uma espada de Dámocles, sobre a cabeça da classe política, que sempre manteve subordinada e obediente cmo uma bem orquestrada campanha de difamação virtualmente diária: nenhum político presta.

    Estabelecida essa “verdade”, ficou muito mais fácil para os barões da imprensa destruírem qualquer um que a eles se opusesse. Fizeram isso com Jango – o que resultou em um golpe -, o fizeram com Brizola – resultando na eleição de Collor, o qual resolveram tirar do poder com um motivo banal para demonstrar como podiam fazê-lo -, e tentaram fazer com Lula, e não conseguiram nada.

    Tudo o que importa a essa imprensa é recuperar seu poder de criar e destruir reputações. Sem isso, os barões terão que se contentar em ser meros empresários, e não detentores de um poder não democrático, acima dos três poderes da República. Deixarão de ser o governo por trás de todos os governos, deixarão de ter políticos comendo em suas mãos e depois gastando centenas de milhões de tesouro público com suas publicações, para apaziguá-los.

    Muito mais importante para esses barões do que o poder de ganhar uma eleição, é o poder de minar um governante, de destruir sua reputação, de dizer ao povo o que eles devem pensar dele. É esse o poder que faz o poder democrático curvar-se e servi-los.

    Por isso ainda estão desesperadamente atrás de Lula. Não é para evitar que se candidate e vença novamente, mas sim para, como o próprio Lula atestou, provar que podem destruir qualquer um, não importa quem seja.

    Esse papinho de quarto poder precisa acabar. Imprensa não é poder, e nem pode ser. Ela é ferramenta do POVO, e não do poderoso, da elite ou de seus donos. Ou a imprensa serve ao povo, informando honestamente, ou precisa ser extirpada por tentar nos roubar de nossa soberania.

    Imprensa livre ou morte!

    • Dimas Antonio Granado de Pádua

      Imprensa livre so existe se estiver a serviço da verdadeira informação e por conseguinte a serviço do titular da soberania de uma determinada comunidade politica e juridicamente organizada:o povo.Não existe portanto imprensa livre se estiver subordinada a interesses outros que não sejam os interesses do povo,que é titular de todos os direitos inscritos em nossa Constituição,por exemplo.A imprensa portanto deve servir ao povo da melhor maneira possivel,informando-o corretamente para que ele(povo)possa decidir de maneira correta.Um povo livre não é massa de manobra para ninguem e não serve a ninguem,mas é servido.O que essa elite incompetente,corrupta,vassala dos interesses antinacionais,ainda não compreendeu é que sua hora final soou.E não ha como fazer com que o relogio da historia volte atrás.

      • Pedro Soto

        Deus te ouça.

    • Pedro Soto

      Não nos iludamos. O confronto total é inevitável.

    • aliancaliberal

      Desculpe a sinceridade, mas é pura conversa fiada, o que desejas sim é o controle da informação pelo estado. Desta forma escândalos do tipo mensalão, Eurenice Guerra nunca viriam a tona.
      Para vocês todo ser humano tem direito à liberdade de imprensa, opinião e expressão, desde que essas liberdades favoreçam ao partido.

      pas mentir à moi bébé

      • Dimas Antonio Granado de Pádua

        Aí que vc se engana,Aliança das Sandices Neo Liberais.Defendemos a liberdade de expressão para todos,sem exceção.Porque o que se viu na campanha de 2010 foi liberdade de expressão apenas para um dos lados em disputa.Ou a Dilma em todos os momentos em que foi atacada de forma vil,canalha,teve espaço na imprensalona para desmontar as calunias,as infamias das quais foi vitima?Desculpe a franqueza,mas vc é muito estupido para entender as coisas por mais claras que elas estejam.Quanto ao ¨mensalão¨do PT,até hoje foi provada alguma coisa?José Dirceu foi absolvido das acusações pelo proprio STF,os demais envolvidos que eram detentores de cargos eletivos foram anistiados.Esse tal¨mensalão¨foi um fato criado com o unico proposito de desestabilizar o governo Lula,com o objetivo de derruba-lo.O mensalão foi criação do demotucanato.Ciro Gomes em uma entrevista deixou isso bem claro.O objetivo do mensalão era derrubar o governo Lula.E os duzentos mil pagos a cada parlamentar para a aprovação da emenda da reeleição,no primeiro mandato como presidente do ex sociologo FHC?E as inumeras denuncias de corrupção do governo FHC arquivadas pelo ex- Engavetador Geral da República,Geraldo Brindeiro?Mas vcs fazem vistas grossas para isso,como hipocritas que são.

      • Pedro Soto

        Ô cara, qual foi o escândalo ou a denúncia que a mídia desvendeu nos oito anos do FHC?
        Ou você vai me convencer que o governo dele foi a própria perfeição? O que você finge não saber é que a mídia e os partidos de direita se confundem nos mesmos objtivos de defender os interesses de uma minoria de privilegiados que há mais de 200 anos se nutrem da pobreza do povo brasileiro. Quando alguém quer mudar alguma coisa, como Getúlio, Jango, Brizola, Lula ou Dilma, pau neles sem piedade, com a mídia na vanguarda. Se possível, até, com golpes militares (e guerra civil, não tenham duvida).
        A Vale do Rio Doce nos foi escandalosamente roubada e essa mídia sórdida aplaudiu de pé, pois é para defender essas patifarias em benefício de poucos que ela existe. E paga muito bem aos seus escribas de ocasião para obedecerem caninamente às ordens dos patrões.

        • aliancaliberal

          Pedro eu tive a paciencia por causa do post do Edu de ir no site da veja e dar uma olhada nas revistas de 92 a 2002, faça o mesmo.Vai concluir que os ataques aos governos faz parte do jogo.
          Na verdade imprensa é pra isso mesmo, é dificil para um reporter obter informações do governo existe o corporativismo estatal.
          O caso do mensalão somente veio a tona pq um empresário gravou a propina nos correios e sobrou para roberto jefferson que era da base aliada, vendo que ia se dar mal atirou merda no ventilador pra não cair sozinho.
          Eu sei que vc sabe o que aconteceu e apenas tenta mentir pra si mesmo ai é questão pessoal paro por aqui.

      • Pedro Soto

        Deixa de bancar o ingenuo, ó neoliberal.
        Como você explica que nos 30 dias anteriores à eleição para presidente, o jornal O Globo, em 25 deles, atacou o governo em manchetes de primeira página com denúncias e acusações de todo o tipo. Será que foi motivado por intenções patrióticas ou simplesmente por objetivos eleitoreiros?
        Ora, meu caro, pode existir ainda alguma dúvida?

      • Não, o que queremos é que a SOCIEDADE seja plenamente representada pela imprensa, ou seja, que todas as opiniões sejam publicadas e não apenas as que beneficiam os donos da imprensa e seus amigos.

        Você, porém, é incapaz de aceitar isso, pois, em sua mente, a sociedade é dividida entre os “melhores” e os “piores”, e as opiniões destes devem, por serem “piores”, ser ignoradas solenemente. Apenas os “melhores” – ou seja os que têm dinheiro suficiente pra adquirir a imprensa – devem ser ouvidos, pois é um “direito” deles – ou melhor, um privilégio.

        As liberdades, pra direita, não passam de privilégios de quem pode por elas pagar. O resto é perfumaria.

  • Paulo Marcel

    E por falar em Veja, ROBERTO CIVITA recebeu premiação no Fórum de Comandatuba – Ba “Liderança em Comunicação” (eu não sei o que isto quer dizer. Acho que deve ser a revista que mais vende. Por enquanto isto é verdade).
    Este Fórum, no dia de hoje, estava discutindo a educação no país e sua dívida com ela.

    Roberto Civita e Educação, nada a ver!!!

    http://todeolhomalandragem.blogspot.com

  • MARCIO BASTOS

    QUANDO TUDO COMEÇA DAR ERRADO, NAO TEM JEITO! SLOGAM DO PSDB “TEM MUITA COISA ERRADA POR AI…

    • Dimas Antonio Granado de Pádua

      Sim,com certeza tem muita coisa errada por aí,a começar pelo PSDB que era para ser um partido de centro esquerda,mas que pendeu inexoravelmente se não para a extrema direita,indubitavelmente para a direita de onde não sairá porque o espaço que a ele(PSDB)pertencia foi tomado pelo PT,que faz uma politica inclusiva essencialmente social-democrata.Não adiante,tucanos,demotucanos e similares fazerem cara de choro,perderam o bonde da historia e ponto final.Mudassem o disco,não mudaram.Continuaram na mesma toada.No mesmo papo furado.No mesmo nhenhenhem.Agora é tarde demais.

      • MARCIO BASTOS

        dimas perfeito, a culpa e do FHC que nao orientou seus companheiros partidarios, Era uma sonho do PSDB fazer a politica da Social democracia, mas quando chegaram la, esqueceram do que escreveram e o mais grave que supeitavamos e que dirigente Maior (FHC) nos revelou de forma nua….Esqueceram do POVO.

        • Dimas Antonio Granado de Pádua

          Epitafio de FHC:¨Esqueçam que eu existi¨.Vai ser dificil,mas com todo o empenho,vamos tentar.

  • Roberto Ribeiro

    A População percebeu que os grandes impérios midiáticos sempre formaram a facção mais corrupta, conservadora e assassina da História do Brasil, portanto, ilegítima para denunciar quem quer que seja.
    A Direita sempre humilhou este País e seu instrumento mais poderoso para isso é o aparato nazi-midiático.
    Povo aos poucos vai percebendo a canalhice dessa gente.

    • Muita gente se pergunta como foi possível a existência de uma Alemanha nazista, como é que tanta gente foi convencida de sua própria suposta superioridade e levada a odiar todos os outros.

      E a resposta é simples: com a participação da imprensa e de seus barões. Foi ela quem disseminou a ideologia nazista e suas mentiras e distorções.

      E não foi sob coerção do Estado, não, mas por conivência e identidade ideológica mesmo. Um belo exemplo do abuso da liberdade de imprensa, que a direita prefere não ver.

      O mesmo ocorre nos EUA, cuja população é levada a acreditar, desde criancinha, em sua suposta “superioridade” sobre os demais povos, no “valor” do militarismo, que “liberdade” significa capitalismo e submissão aos interesses “superiores” dos EUA e “democracia” só existe se for do jeito deles, e que só há uma verdade e uma história, a deles.

      O que mais falta na imprensa é a liberdade, especialmente dos interesses econômicos e políticos de seus barões.

  • Robson

    E pensar que tudo comecou com a eleicão do NUNCA DANTES.
    OBRIGADO LULA

  • Pedro Soto

    Prezado Eduardo
    Por uma decisão pessoal, após a campanha presidencial de 2010 eu não leio e nem assisto a nada mais que venha do PIG. Não me fazem a menor falta. Mas, agora há pouco, assistindo a um inocente jogo de futebol pela Rede TV (vejam bem, não se trata nem da TV Globo que já não tem nem mais sintonia na minha tv), fui surpreendido pelo anúncio de uma futura entrevista com o Sen. Aloysio Nunes, do PSDB, Fui então OBRIGADO a escutar o dito cujo bostejando, em poucos instantes, todas aquelas sandices que já estava desacostumado a ouvir. Em suma, ele simplesmente critica a Dilma porque ela NÃO ESTÁ SEGUINDO A AGENDA DERROTADA DOS NEOLIBERAIS!
    Meu ponto é o seguinte: Só uma urgente Ley de Medios no país poderá nos livrar desse matraquear infame dessa mídia carcomida e reacionária que há mais de cem anos dita (ou tenta ditar) os destinos do nosso país.

    E já que você citou o PIG na época de Getúlio Vargas, recomendo o excelente livro do jornalista brasileiro Hamilton Almeida: “Sob os Olhos de Perón – O Brasil de Vargas e as Relações com a Argentina”
    Trata-se de um excelente trabalho de pesquisa junto ao Ministério de Relações Exteriores daquele país, onde são retratadas, cruamente, as atividades golpistas e reacionárias da imprensa brasileira naquela época. A editora é a Record.
    Vale a pena.

    • aliancaliberal

      Aluisio Nunes não foi companheiro de luta tambem?
      sera que vai aparecer na novela do SBT?
      Não era ele membro da ALN e motorista e guarda-costas de Marighella?

      • Dimas Antonio Granado de Pádua

        Pelo seu comentario percebe-se claramente que além de direitista empedernido é um completo desinformado.O fato de Aluizio Nunes¨Lulú¨Ferreira Filho ter participado da luta armada,não justifica o fato dele hoje estar ao lado e defender aqueles que ele ontem combateu ou supostamente combateu.Para mim,gente como ele(Aluisio),FHC e José Serra,sempre foram a quinta coluna do imperialismo ianque dentro do movimento de esquerda no Brasil.Porque jamais foram de esquerda. Já está praticamente comprovado que FHC recebeu fundos de uma fundação norte-americana.Fundos estes que foram utilizados para a criação do CEBRAP.Portanto,trair a Patria é algo que faz parte da estrutura genetica dos tucanos.

        • rodrigo.aft

          Dimas, esse tipo frequenta o blog do nassif postando reiteradamente artigos quilométricos q ele nem sabe do q se trata.

          é o famos troll “de luxo”, com grau de instrução razoável e bolsa substancial para ficar brincando no computador e perturbando os sites q, se não fosse por obrigação de trabalho, nem frequentaria.

          e aviso: o cara (TrollLiberal) é persistente!
          (até não cortarem a bolsa… aí ele some, do mesmo jeito q apareceu…)

          • aliancaliberal

            “artigos quilométricos” todos colocam arquivos grandes no nassif, e eu entendo muito bem do que é colocado .
            Que por sinal os post não não tem nada haver com politica é apenas economia moeda, juros, divida publica etc.
            Alguns tem a “sindrome de avestruz” não querem ver nada que não seja autorizado pelo partido é um tipo de alienção.

          • rodrigo.aft

            AliançaLiberal querido,

            veja bem….

            eu não tenho doutrinação partidária coisa nenhuma, tanto q fiz uma crítica ácida ao pt logo acima; gosto da filosofia q norteia os partidos de centro-esquerda (mais para a esquerda q para o centro), mas no bRAZIL, praticamente não há política partidária, HÁ CONVENIÊNCIA PARTIDÁRIA, tanto por culpa do baixo grau de politização da população em geral, como PELA GANÂNCIA DESMESURADA E FALTA TOTAL DE ÉTICA da maioria dos nossos políticos (e os poucos bons normalmente não conseguem ascender na hierarquia política… pq será?).
            mas, por enquanto, o pt com todos seus antagonismos, está ainda, bem melhor q psdb, pmdb ou dem.
            tem montes de erros e pessoas em cargos errados, e precisaria de correção e vigilância da base e até da população q nele votou.
            SÓ A PRESSÃO POPULAR ENQUADRA OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS (eleitos e concursados)!!!!
            (deixe os funcionários eleitos ou concursados á vontade, q eles farão o melhor para eles, não para a população, independentemente do partido)

            em segundo, prefiro ser criticado como “alienado” pró esquerda do q como colonizado, pois o colonizado, sabedor q é de sua educação (e, às vezes, condição financeira) ser de média para boas, comparado-se à população, serve de instrumento para espionar, implantar planos e modelos estrangeiros em seu próprio país, e fazer sabotagens, seja no plano financeiro, industrial, cultural, militar, para ganhar algumas migalhas a mais em benefício próprio, entrega milhões a interesses externos.
            o colonizado é um câncer no seio de uma sociedade sadia e precisa ser podado de decisões relevantes (sem síndico de prédio deveria ser).

            obrigado pela referência. boa noite!

        • aliancaliberal

          “Já está praticamente comprovado” rapaz eu já vi esta história, é assim de acordo com a origem se determina a ética de alguém, os que não são a favor são delegados ao inferno, tem os que são traidores que também levam o mesmo fim.
          Quer ver como a moralidade da esquerda é relativa se FHC e Serra recebessem dinheiro de Cuba, não seriam criticados.
          Este antiamericanismo de inveja somente serve para proselitismo político barato

          • Dimas Antonio Granado de Pádua

            A mesma lenga lenga de sempre,Senhor Aliança Liberal.Esta mais do que comprovado que José Serra fugiu do Brasil em 64 ajudado por agentes do serviço secreto norte americano.Está mais do que comprovado que FHC recebia dinheiro de uma fundação norte americana durante os anos de chumbo.É mais do que certo que Aluisio Nunes¨Lulú¨Ferreira Filho era agente duplo.Esses tres referidos senhores jamais foram de esquerda.Dinheiro de Cuba?Ouro de Moscou?Na falta de argumentos mais consistentes sempre metem Cuba no meio e na falta de Cuba sempre a mesma conversa que ja devia pertencer ao passado:¨querem implantar o comunismo ateu em nossa patria¨.Sinceramente seria comico se não fosse tragico.A sua estupidez clama aos ceus.senhor Aliança Liberal e o senhor ainda vem querer falar de ética?Poupe minha inteligencia.

          • Roberto Pereira

            Eu não tenho inveja nenhuma dos estadounidenses, pelo contrário tenho horror aquela sociedade consumista e doente que aceita gastar TRILHÕES em guerras e morte, mas não aceita um sistema de saúde público – considerado coisa de “comunista”.

            É a prova final da deformação que aquelas pessoas sofreram por conta da lavagem cerebral dos meios de comunicação naquele país SEMPRE a serviço do grande capital.

            E eles sim é que adoram vir se meter na casa dos outros, patrocinando golpes, assassinatos e líderes políticos e guerra aberta ou covarde contra quem não dobra a espinha pra eles.

      • Luís CPPrudente

        Então é isto senhor Aliança de Sandice Neo-Liberal, o senhor recebe uma bolsa para ficar despejando as suas sandices neo-liberais por aqui e por outros blogs, hein!
        Quem lhe paga para vossa senhoria vir dizer essas arengas de sandices neo-liberais?

        • Dimas Antonio Granado de Pádua

          Acho,sinceramente,que o senhor Aliança Liberal está de brincadeira.Porque não existe ninguem tão estupido,tão idiota assim.Se as pessoas revelam seu carater pelas palavras(e FHC que o diga)que escrevem ou dizem,lamento muito pelo senhor Aliança Liberal

        • aliancaliberal

          Luis não vem com essa de quem eu sirvo, eu tenho a minha razão como mestra do meu julgar.

          Só pq não sou adestrado pela sua ideologia não significa que recebo de alguém.(deve estar julgando a si mesmo )

          Eu tenho todo o direito de me expressar aqui como qualquer outro, suas criticas e de outros revelam a má índole do discurso de “democratização dos meios de comunicação”.
          Veja que qualquer opinião contrária e rechaçada com estupidez imagina seus iguais com poder de veto a opinião.

        • rodrigo.aft

          Luís,

          olha a “fonte inspiradora” para os artigos quilométricos do colega: http://www.mises.org.br/Default.aspx

          deve ser daí, ou da isenta fundação ford a origem da bolsa-auxílio pro cara ficar brincando no micro para divulgar cultura e políticas externas no brazil (estou sendo irônico com o Brasil, q não reage de acordo).

          acho q deveríamos agradecer de joelhos aos irmãos bons do north, da UE ou do cartel financeiro sionista.
          (frase do dia do colonizado de plantão: “o deus mercado e o sionismo são os meus pastores e nada me faltará!” – pura verdade! faltará aos outros, à população, mas isso não importa… )

          estou chutando as fontes de recursos do colega neocon, mas de graça, por pura bondade, é q ele não fica postando em vários blogs.

          vlw e inté!

          • aliancaliberal

            Pior que na maioria do tempo (90%) eu estou lendo textos coletivistas, mesmo pq o acesso aos dogmas coletivistas é muito facilitado, quem será que financia todo este esquema.

      • Haroldo Mourão Cunha

        Cabo Anselmo!!!

      • E daí? Paulo Francis um dia foi comunista!

  • Salvador

    Eduardo.
    Meu aplauso de pé!
    Parabéns; você nos deu uma página que jamais leríamos em jornal algum e se algum jornal tivesse.
    a clareza e coragem, não haveria jornalista ou reporte a altura.
    Nem nas bancas paro mais parta ler as manchetes dado o nojo, o asco que tenho por todos eles.
    Continue caro amigo, você faz a diferença.

  • Marquinhos Santa Fé

    Eduardo, veja a audiência das três principais emissoras de televisão aberta no Brasil nos últimos anos.

    Fica claro que a Globo, principal representante do PIG, vem perdendo espaço ano após ano!

    _______

    Globo

    1990 – 25.3
    1991 – 26,8
    1992 – 24,1
    1993 – 25,0
    1994 – 28,6
    1995 – 26,1
    1996 – 26,1
    1997 – 25,8
    1998 – 26,0
    1999 – 25,1
    2000 – 23,5
    2001 – 20,0
    2002 – 21,4
    2003 – 22,8
    2004 – 20,4
    2005 – 19,8
    2006 – 21,6
    2007 – 20,1
    2008 – 19,5
    2009 – 16.8
    2010 – 16.5

    Record

    1990 – 2,4
    1991 – 2,0
    1992 – 1,8
    1993 – 1,4
    1994 – 1,7
    1995- 1,5
    1996 – 1,9
    1997 – 1,8
    1998 – 2,1
    1999 – 2,4
    2000 – 3,1
    2001 – 3,5
    2002 – 3,8
    2003 – 4,7
    2004 – 5,3
    2005 – 5,7
    2006 – 6,0
    2007 – 6,8
    2008 – 7,6
    2009 – 7.1
    2010- 7.4

    SBT

    1990 – 9,1
    1991 – 9,2
    1992 – 9,3
    1993 – 9,1
    1994 – 8,8
    1995 – 9,1
    1996 – 8,9
    1997 – 8,6
    1998 – 8,4
    1999 – 9,0
    2000 – 8,1
    2001 – 9,8
    2002 – 8,7
    2003 – 8,6
    2004 – 8,0
    2005 – 7,8
    2006 – 7,4
    2007 – 7,0
    2008 – 5,9
    2009- 6.2
    2010- 6.1

    • Pedro Soto

      Meu caro Marquinhos Santa Fé
      Como já disse num comentário anterior, eu faço a minha parte.
      O meu aparelho de televisão nem mais sintonia da TV Globo tem.
      Mas devo reconhecer, é claro, que só posso me dar ao luxo de ignorar completamnete o PIG graças ao nosso amigo Eduardo, ao PHA, ao Azenha, ao Escrevinhador, ao Brizola Neto, ao Miro, enfim, a esses grandes batalhadores de todos os dias que possuem verdadeiros estômagos de aço para acompanhar as infâmias midiáticas da direitalha tupiniquim.

      • Marquinhos Santa Fé

        Também não assisto a Globo amigo Paulo Souto!

        Também devo gratidão a pessoas como o Eduardo Guimarães, Emir Sader, Venício A. de Lima, entre outros, que me ajudaram a questionar o PIG e a entender melhor o mundo!

        • Pedro Soto

          Intimamente, sempre questionei o PIG, mas, como você, somente depois de conhecer os blogs destes grandes companheiros pude compreender que não estava sozinho e que, juntos, temos que levar esta luta a todos os brasileiros.

        • Fabricio Jaques Alves

          Não assisto Rede Globo ou Rede Lixo nem a pau. Odeio o BBB com todas as forças do meu corpo!

    • Marcelo Silva

      Sim, Marquinhos, mas o ritmo de queda é muito lento. Quantos anos ainda teremos que atrasar nosso país até q essa midia parcial leviana e irresponsavel seja responsabilizada?

  • O Estadão acaba de criar o “Apagão dos Combustíveis”, quem aguenta?

    • Não está faltando combustível, apenas o preço subiu. Amanhã ou depois quando o preço cair, ninguém lembra mais.

      É a enésima repetição da estratégia fracassada de terrorismo midiático.

  • Salvador

    Fernando Lyra dá um show em reportagem repassada pelo PHA. Vale a pena ler.
    http://www.conversaafiada.com.br/politica/2011/04/23/lyra-fora-lula-quem-o-pt-tem/.

  • Mariana

    Eduardo, e tudo isso quem provocou foi um humilde metalúrgico sem diploma superior, que o PIG e as elites que o sustentam não engolem? Que coisa, hein?

  • jacó

    Não há mais o que elogiar LULA e DILMA, são a pura história e bondade, exemplos de governantes humanos, nada mais a dizer, o maximo.

  • Otavio

    Vivo na Europa ha alguns anos e fico impressionado com essa choradeira dos petistas no Brasil. Por aqui, sai um livro POR SEMANA chamando Sarkozy e Berlusconi de tudo. Canalha é o adjetivo mais leve. A maior parte dos livros são escritos por jornalistas que trabalham em grandes veículos. Claro que a esquerda mundial não acha isso nenhum absurdo, já que são dois presidentes de direita. Eu também não acho e ninguém por aqui acha um absurdo. Aqui isso tem três palavras pra definir: liberdade de expressão.

    Sonho com o dia em que o Brasil vai ter maturidade para chegar a isso. Por enquanto, o que vemos, é blogs como esse achando um absurdo que jornalistas escrevam livros criticando o governo. Atraso, atraso, atraso.

    • eduguim

      conversa fiada.

    • priscila maria presotto

      Ainda bem que vc está na Europa ,seja feliz….

    • Luís CPPrudente

      Pelo jeito, Otavinho, você é muito mal informado mesmo! Você deveria frequentar mais blogs como este Blog da Cidadania.

      Por acaso você vive no Jardim Europa de São Paulo ou no Jardim Europa de Suzano? Ou será outro jardim ou vila Europa de outro município?

    • Pedro Soto

      Curioso
      Porque será que essa mesma liberdade de expressão não produziu um único livro contra o FHC (não vou mencionar nem os insultos) que governou o mesmo período de oito anos do Lula?
      Será que é porque o FHC é a própria perfeição em pessoa?

      • Otavio

        Por que você ou este blogueiro não escreveram um livro criticando FHC? Ainda podem fazê-lo. Essa é a questão: ninguém está proibido. E ainda bem que é assim.

        • Dimas Antonio Granado de Pádua

          Ninguem precisa escrever um livro para fazer criticas acerbas contra o senhor FHC.Ele proprio,FHC,ja se encarregou disso,se expondo ao ridiculo nas inumeras vezes em que veio a público manifestar seus infelizes pontos de vista.E tambem por uma outra razão,esta decerto de carater um tanto quanto mais humanitario,afinal,não se chuta cachorro morto.

        • Luís CPPrudente

          Otavinho, você deve tá doido mesmo! Chutar cachorro morto, como é o caso do finado FHC!

          É isto que vocês fazem aí no Jardim Europa de Suzano? Coisa de doido, sô!

        • Pedro Soto

          Esses livros que atacam o Lula não passam de um apanhado de insultos diários ou semanais publicados nas colunas dessa imprensa sórdida a serviço dos interesses que ela representa. Não há uma só acusação séria, um só fato que denigra o seu governo, noves fora as manjadas mentiras sobre o mensalão, termo esse INVENTADO pelo antigo jurado de programa de calouros que me recuso a citar o nome.
          No caso do governo FHC, só o ROUBO da Vale do Rio Doce, que o Brasil foi vítima, daria não para um, mas para vários livros sobre o assunto. Cadê os trizilhões de jornalistas dos 300 jornais, 150 canais de televisão, 200 revistas semanais e 800 rádios pelo Brasil afora que constituem o PIG? Em oito anos de governo FHC nenhum reparo, nenhuma crítica, nenhum questionamento?
          O que você está admitindo, nessas bobagens que escreveu, é que a mídia está aí mesmo é para defender os interesses que ela representa, que não são os do povo brasileiro, e ponto final.

        • Isso é que é fugir da pergunta.

          Mas ela continua: cadê a condenação de FHC por essa imprensa que se diz imparcial e livre?

          A inexistência, nesse caso, é mais uma prova da existência da evidente parcialidade da imprensa, ou seja, de que ela não tem nada de livre, se se submete aos interesses de seus barões.

          E desse tipo de imprensa nós não precisamos. Ela é autoritária, é anátema à democracia.

          Imprensa livre dos barões, já!

    • Fabio Amaral Di Fini

      Camarada, seus “alguns anos na Europa” o alijaram daquilo que está acontecendo por aqui… Liberdade de expressão nós temos, e muita… O problema é que essa liberdade é regularmente usada para solapar e sabotar, e não da forma construtiva que seria de se esperar de uma mídia responsável…

  • Cheila

    Edu,Lula saiu do governo com uma aprovação de 84%,fez sua sucessora,elegeu deputados e senadores q apoiou ,derrubou todos os senadores canastrões do PSDB ,desmontou com a oposição,que acabou virando isso que está aí,rachados,quebrados e juntando os cacos para voltarem a tona.E ainda tem gente que torce o nariz quando se fala no Lula…Lula é sim, o “CARA”.

  • Cheila

    Lula acabou com a oposição…Lula é mesmo o “Cara”…

    • Julio Silveira

      Só quero reafirmar, Lula é o cara.
      E o grande responsavel por mostrar que outro Brasil é possivel.

      • Lúcia Adélia

        É isso aí Júlio, Viva Luiz Inácio Lula da Silva o cara

  • aliancaliberal

    Eduardo me diga algo que o PT não fosse contra durante os governos josé Sarney, Collor, Itamar e FHC, se o própria constituição o PT não assinou, o plano Real etc e fez de tudo para impedir a governabilidade.
    O PT nunca teve projeto para o país e sim projeto de tomada de poder, democracia só da boca pra fora.
    Não existe partido de direita somente uma “direita da esquerda”, pq os partidos não tem fundamentos, não tem conceitos conservadores nem liberais.
    O PSD que todos já sabiam desde o ano passado que seria criado vai ser um PP(arena) da da vida.
    …………
    Sobre a imprensa ela sempre malhou quem estava no poder, apenas agora é a esquerda a ser critcada e pimenta nos olhos dos outros é refresco.
    Quem não lembra do Dossiê Cayman e Caio Fabio, a Pasta rosa de Ângelo Calmon de Sá .
    Caio Fabio falando sobre o Dossiê Cayman (2010) http://www.youtube.com/watch?v=pB8pjBdSalA

    • Dimas Antonio Granado de Pádua

      Isso de o PT não ter projeto de pais e so projeto de tomada de poder,nem Plinio Salgado ou para ser mais atual nem mesmo em seus delirios senis,Olavo de Carvalho,o ¨filosofo¨queridinho da extrema da extrema direita chegaria a tanto.No seu caso,senhor Aliança Liberal,ou é má fé(o que não duvido)ou é o mais completo alheamento da realidade.Basta analisar criteriosamente os indicadores sociais em termos de emprego,renda,saude e educação nos ultimos oito anos(periodo empreendido pelo governo Lula)e compara-los com os oito anos de governo FHC.Mas é pedir muito para quem está agindo dentro da mais pura má fé ou está completamente ausente do mundo real.

      • aliancaliberal

        Vamos comparar então com o mundo, a participação do Brasil no PIB mundial caiu , a participação na produção de alimentos caiu, a qualidade do ensino caiu em comparação a media mundial etc…

        Ouve avanços sim, mas foi por mérito do estado?ou pela natural nossa natural capacidade de superação, que país teve por 20-30 anos uma inflação alta e ainda assim conseguiu desenvolvimento, apesar das dificuldades cada brasileiro faz a sua parte para melhorar nosso país.

        Comparar governos sem levar em conta o contesto histórico e desonestidade, mas agora veremos o que Dilma será capaz de fazer no governo, assim teremos a possibilidade de comparar dois governos sem a desculpa da “herança maldita”.

        • Primeiro, é contexto.

          Segundo, é vc quem o está omitindo.

          O Brasil, infelizmente, está preso na armadilha neoliberal do seu chefe, e dela não vai sair tão cedo. É isso que nos segura, mais que qualquer outra coisa. Não fossem esses grilhões, poderíamos ir mais longe do que já fomos.

          Além disso, de onde foi que vc tirou esse monte de bobagens? O Brasil ($2 trilhões) hoje é responsável por 3,2% do PIB mundial ($62 trilhões), e isso é um recorde!

          Mais crianças hoje estão na escola do que nunca. A qualidade do ensino não é algo objetivo, que possa ser comparado dessa forma, e quero ver de onde vc tirou isso.

          Quanto a nossa participação na agricultura mundial, primeiro, de onde vc tirou isso? Segundo, mesmo que tenha diminuído, o que eu duvido, QUAL O PROBLEMA? Deixar de ser um país agrícola é, pra mim, essencial. Como nossa participação no PIB mundial cresceu, e supondo que a participação de nossa agricultura diminuiu, isso só pode significar que nossa participação na produção industrial do mundo aumentou, o que é uma boa notícia.

          Infelizmente, duvido que seja verdade.

        • Dimas Antonio Granado de Pádua

          Vc gostaria muito que o governo Dilma não desse certo,mas a verdade é que o governo Dilma vai dar certo contra todas as expectativas de pessoas como vc.Claro que se não fosse o Estado com seus instrumentos de intervenção JAMAIS OS INDICES de melhoria em emprego,renda,saude e educação teriam chagado aos otimos indices que chegaram.Porque o Mercado,que o senhor tanto idolatra,so serve para meia duzia de vigaristas ganharem milhões independentemente da miseria que tal mercado possa produzir em milhares de familias.Na falta de argumentos o senhor inventa dados.Mas seria pedir muito tambem que o senhor não os inventasse.É pratica comum liberais omitirem a verdade,a mentira está no dna dos liberais.

  • Jorge Abumanssur

    Pequena retrospectiva da influência da mídia.
    Cresci vendo a grande mídia adquirindo cada vez mais força. Derrubando ministros como Alceni Guerra, deputados como Ibsen Pinheiro. Depois fortemente estabelecida conseguiu derrubar um presidente (o que não foi tão ruim, rs,rs.) . Em seguida, grande trégua nos anos FHC. Veio o período Lula. Mais alguns deputados ou senadores caíram. Certos de que seria moleza apear o LULA, os jornais e revistas correram cada um, atrás de ser o grande promotor/ indutor da queda de Lula. A competição pela manchete do fim foi semanal e feroz. Porém, inútil. Aos poucos a mídia foi perdendo crédito e força. Até que um obscuro deputado federal simplesmente disse que estava se lixando para a opinião dos jornais e revistas semanais. Uau! Foi um bater sem dó de toda mídia e colunistas, na tentativa de fazê-lo se ajoelhar. O resultado foi pífio para toda a imprensa. Este deputado reelegeu-se tranquilamente e sem dúvida,continua se lixando para a imprensa. Conclusão: a mídia conseguiu perder tanta credibilidade que nem consegue prejudicar deputados que não tem acesso ao contraditório ou defesa. Infelizmente, nossa imprensa não aceita que está errando e que seu crédito continua se esvaindo.

  • Go Oliveria

    Entretanto, olho vivo.

    Sísivo costumava renascer das cinzas…

    O que não presta, dura mais!

  • Gersier

    Eduardo,só não concordo com a frase da Agência Reuters “a revista mais lida do Brasil”.Garanto que as revistas de fofocas são mais.Tenho um amigo que tem várias bancas pela cidade e as vezes rimos da “preocupação”,principalmente do sexo feminino,em saber sobre as novelas e a vida de atores e atrizes,cantores e cantoras.Acredito que sejam essas e outras publicações que ajudam a sustentar a Abril,porque se ela dependesse da venda da tal vesga,já teria fechado as portas ha muito tempo.

  • Lúcia Adélia

    É isso aí Edu, adorei sua análise. E agora PIG? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Pedro Soto

    Vale a pena assistir ao programa do humorista americano Bill Maher todas as sexta-feiras, às 21 horas na HBO.
    Mas vejam bem, o que ele fala é muito sério. Por incrível que pareça nos Estados Unidos artistas ou jornalistas de esquerda podem falar na televisão.

  • Jose Eduardo Dyonisio

    Sei que é importante ter uma oposição estruturada, aquela coisa toda, para o bem da democracia, coisa e tal, porém foi, muito legal o seu texto de hoje. Meu, ver a direita se matando, ainda mais com transmissão ao vivo e a cores, não tem prazer igual. Parabéns, você é o maior cronista dos blogs.

  • Fenomenal, esse artigo da Foia. Fernando Barros não precisava escrever mais nada, “a oposição está pelada no meio da rua e exibe sua crise em praça pública” já define com maestria o barraco em que se transformou o ninho tucano e agregados.
    Isso é massa cheirosa ou elite? A baixaria é de cortiço. Como diz o povão, “que fubá!”.

  • ana

    Para manipular, eles sempre apostaram na ignorância do povo brasileiro abandonado no analfabetismo.
    Plano maquiavelico posto em pratica por seculos contra o povo. O PiG, com seus mantras de povinho subdesenvolvido, tratava de destruir o pouco de auto estima que porvetura existisse. Pura peversão!
    E a maioria se diz cristão. Jesus Cristo está literalmente revirando na tumba!

  • Sandro Machado

    A oposição está assim, por um simples e único motivo: NOS 8 ANOS DO GOVERNO DO OPERÁRIO ESTADISTA, A OPOSIÇÃO COMPROU TODAS AS TESES DA GRANDE MÍDIA, SEM FAZER UMA ÚNICA CRÍTICA, QUE, INDO POR AQUELE CAMINHO, IRIA PAGAR EM VOTOS MAIS À FRENTE. Os deputados, senadores e dirigentes partidários do DEM e PSDB, liam os editoriais da FSP, Estadão e o Oglobo, principalmente, e saiam trombetiando o que haviam lido, mesmo que aquilo fosse contra os interesses do Brasil. Veja o caso do marco regulatório do Pré-sal. Só foi a grande mídia todinha ir contra o regime de partilha, que congressistas e dirigentes da oposição tomaram a mesma decisão equivocada. A oposição bebeu na fonte errada, bebeu na água suja, eleitista e anti-nacional da grande imprensa. Agora, o que lhes posso dizer: BEM FEITO, POIS TERCERIZARAM O VOTO SAGRADO QUE POVO BRASILEIRO LHES DELEGOU, PARA MEIA DÚZIA DE FAMÍLIAS QUE ACHAM QUE SÃO DONAS DA OPINIÃO PÚBLICA NACIONAL.

  • Miguel Oliveira

    Psdb/pfl/pps quando eram governo roubavam tanto, mas tanto, que não sobrava nada para investir em benefício do povo. Roubavam à vontade, pois o povo não tomava conhecimento de suas falcatruas, acobertadas pela mídia de cabresto. Resultado: levaram o país à falência, sem rodovias, sem ferrovias, sem portos, sem crédito, sem geração nem transmissão de energia, sem escolas, hospitais, sem polícia , forças armadas em frangalhos, serviços públicos decadentes etc, etc. O povo, então, viu que como estava não podia ficar, criando coragem de votar em Lula. Pensaram que era só difamar, caluniar, malhar Lula como um Judas, que voltariam facilmente ao poder. Só não esperavam que Lula fosse fazer tudo aquilo que não faziam, e a melhoria econômica do país e do povo viesse acompanhada do acesso a informações verdadeiras através da Internet, e então a sua mídia venal e desonesta não fosse capaz de enganar a população como sempre fora até então. Aí, estão percebendo que estar com aquela coligação demotucana é fria, tanto que pouco sobrou daqueles grandes caciques que atacavam Lula raivosamente, e está um salve-se quem puder, com todo mundo caindo fora enquanto é tempo.

  • Carlos Henrique

    Estou rindo incontrolavelmente! É maravilhoso ver a direita se lascar, e lendo a narrativa fúnebre feita pelo “mauricinho” patético do jornal mais nazista do país! Realmente, melhor é impossível! Sem contar que somos informados por Barros e Silva da debandada de um lacaio da “raça” do nazista Borhaunsen. Não vou ser hipócrita ; quero que essa gente, junto com os barões da mídia e seus “jornalistas” amestrados, sejam esmagados! Estão colhendo os frutos que plantaram, muito no Governo Lula, mas também em mais de 500 anos de sabotagens contra o Brasil. Só falta lembrar uma coisa : Diogo Mainard(que deveria estar na cadeia por crime de desacato à autoridade)fugiu do país para não pagar uma indenização judicial, estabelecida em favor de Paulo Henrique Amorim : além de fascista, é caloteiro e fora da lei! Essa informação é procedente, pode publicá-la, foi postada pelo próprio PHA em seu portal. Só um lembrete : não foram todos os brasileiros que derão alguma sobrevida à direita no cenário estadual. Foi um parte dos brasileiros, mais precisamente os reacionários e despolitizados “sulistas”(leia-se, Sudeste e Sul), já que no Nordeste, a direita não sobrevive nas administrações estaduais, e muito menos nas municipais. Em Pernambuco, o PSB administra o Executivo; os partidos de esquerda têm a maioria esmagadora da Assembléia Legislativa; além de controlarem 75% dos municípios. Assim, se não fôssem os reacionários sulistas, o Brasil já estaria livre dessa direita canalha(a mesma que deu o golpe de 64)e teríamos observado o surgimento de uma nova oposição, propositiva e comprometida com o Brasil.

  • Dimas Antonio Granado de Pádua

    Não querendo ser otimista demais,o Brasil com a oposição midiatico-demotucana extremamente enfraquecida,desacreditada,em frangalhos,so tem a ganhar e muito.Quanto ao partido de Kassab,so rindo mesmo.PSD?Um partido social democrata?Só pode ser uma piada em se partindo tal ideia de um conhecido laranja de Serra,que é o Kassab.Pois quem conhece a trajetoria politica de Kassab sabe muito bem que ele sempre pertenceu à direita.Esse tal do PSD(um mero partido de ocasião,nada mais do que isso)está mais para Partido dos Sem Destino do que para qualquer outra coisa,com prazo de validade até outubro do ano que vem.