Se Palocci cair, haverá castas políticas no Brasil

denúncia

Entendo Lula e Dilma ao apoiarem Palocci com tanta veemência, cobrando apoio daqueles que se propuseram a ser aliados dos dois maiores líderes políticos do Brasil, um por sua liderança propriamente dita e outra pelo cargo que ocupa. Afinal, o que se está tentando fazer com o chefe da Casa Civil é lhe negar os mínimos direitos civis.

Esse fato já começava a ficar claro quando veio a público seu suposto “enriquecimento ilícito” através de matéria do jornal Folha de São Paulo. O jornal registra aumento patrimonial de vinte vezes em quatro anos sem informar que é comum que ex-membros de equipes econômicas do governo federal enriqueçam ao saírem dos cargos.

Nesse momento, começa a concessão de direitos “diferenciados” para petistas, de um lado, e para tucanos ou demos do outro. É imoral enriquecer rápido após passar pelo governo, mas só para petistas. Tucanos podem porque teriam mais títulos e mais experiência no setor financeiro. Então podem enriquecer 100 vezes no mesmo período que Palocci que “tudo bem” e não se fala mais nisso.

Agora, porém, veio o supra-sumo do absurdo. O crime que até há pouco mais de seis meses era passível de pena capital, na mídia, agora se torna irrelevante. Quebra de sigilo fiscal foi um tema que permaneceu por semanas a fio nas manchetes principais de primeira página com letras garrafais e em todos os telejornais, com matérias, às vezes, de VINTE MINUTOS de duração.

A então candidata Dilma Rousseff, ano passado, foi cobrada no ar, durante entrevistas ao SBT ou ao Jornal Nacional, por supostamente ter mandado quebrarem o sigilo fiscal da filha de seu adversário José Serra. A mídia, a cada minuto, soltava o nome de um envolvido, de um suspeito do “crime”, enquanto longos discursos sobre direitos civis enchiam as páginas dos jornais.

Hoje, o que se vê são notinhas de pé de página nos jornais e nenhum, repito, NENHUM artigo ou coluna se indignando com a violação dos direitos civis de Palocci, que já foi julgado e condenado sem que ninguém ao menos saiba dizer o que foi que ele fez.

Palocci fez o que? Tráfico de influência? De quem para quem? Quando? Em que área do governo? Onde está o objeto do crime? Silêncio. Os clichês sobre “ética” abundam. As ironias são cortantes. Mas fatos, que é bom mesmo, ninguém dá.

Admite-se que as operações de Palocci parecem legais, mas, no entanto, seriam imorais. Mas, detalhe: só para ele.

Cortem-lhe a cabeça que estará resolvida a imoralidade legalizada – só não há garantias de que não se repetirá, pois outros que passarem pela área econômica estarão liberados. Quebrem seus sigilos, ignorem a sentença da Justiça que o absolveu da acusação de violar o sigilo do pobre caseiro que após se reunir com o DEM ganhou 40 mil do mesmo pai que jamais lhe dera um pirulito.

Ora, a prefeitura de São Paulo, através de um secretário da cota de Serra, violou o sigilo de Palocci? “Bem feito. Ele violou o sigilo do caseiro”, dizem, sem dar bola para o fato de que a Justiça não aceitou nem abrir inquérito devido à total falta de provas.

Para Palocci, não vale nenhuma das garantias legais que valem para tucanos. Não só pode ser acusado sem provas como pode ter seus direitos civis violados e, achando prova ou não, deve ser punido ao menos com perda do cargo. Enquanto isso, os negócios obscuros da família Serra com Daniel Dantas permanecem na escuridão.

Entendo Lula e Dilma. Também estou indignado. E, como eles, no que depender de mim não conseguirão derrubar o ministro. Sua queda significaria a materialização de castas políticas, no Brasil. A uma, tudo seria permitido. Cometendo crime, passaria a vítima e poderia enriquecer sem questionamento; à outra, nenhum direito – sigilo fiscal, presunção da inocência…

Esse caso deixou de ser político e passou a ser institucional. Não se pode apoiar a criação de castas políticas neste país. Até porque, você nunca sabe se estará entre os contemplados a ser incluído na escala político-social mais alta.

  • Palocci seria funcionário ativo do Governo de São Paulo? Pode até parecer brincadeira, mas o Governo do Estado de São Paulo disponibiliza um relatório de pessoal em que consta o nome de um médico sanitarista em Ribeirão Preto, de nome ANTONIO PALOCCI FILHO e que seria um funcionário ‘ativo’. Veja mais em Palocci seria funcionário ativo do Governo de São Paulo?

  • Vai cair!!

    • Décio

      Vai cair!! (2)

      • Abel Botelho

        Já devia ter caído. Não aprendeu com a lição do caseiro.

        • Almir

          Qual caseiro? Aquele que teve a conta bancária abastecida em 40 mil, dois dias antes mentir descaradamente numa CPI? Ah, o coitadinho ficara “indignado” com as reuniões que dizia haver na casa do Palocci? Se ficou tão “indignado”, porque não gravou, não filmou tudo? Afinal, se tinha 40 mil na conta, podia muito bem possuir uma porcaria de um celular que custa 500 (a prestação, porque à vista fica mais barato). Ah o dinheiro era do pai? E que pai, hein? O sujeito teve 25 pra reconhecer o filho, e de repente resolver aparecer, mesmo sem ser procurado, e vai logo dando 40 mil ao filhote, exatamente 2 dias antes deste ir depor na CPI. E ainda tem babaca qe acredita num enredo mal-ajambrado como esse.

          • Salvador

            Almir.
            Na bucha!
            Assino em baixo

          • Não foi isto que a caixa acaba de admitir para o ministério público

          • Abel Botelho

            Vá dizer isso para o juiz que condenou a Caixa a pagar 500 mil de indenização ao pobre caseiro por violação de seu sigilo…

          • Mayrpedrao

            Mãs não foi o Palocci que pediu para quebrar o sigilo bancario dele?

      • Roberto Pereira

        Tomara que caia!
        Já está custando muito caro.

    • Roberto Ilia

      Não vai não! os tucanalhos vão se fo…. dessa vez! Não vão ganhar no tapetão não!

      • Abel Botelho

        abertas as apostas?

    • Gerson Carneiro

      Em homenagem à torcida do contra:

      Vai cair, vai cair, vai cair
      A estrela do céu
      Vai cair
      A noite no mar
      Vai cair
      O nível do gás
      Vai cair
      A cinza no chão
      Vai cair
      Juízo final
      Vai cair
      Os dentes de Jó
      Vai cair
      O preço do caos
      Vai cair
      Peteca no chão
      Vai sair
      O sol outra vez
      Vai sair
      Um filho pra luz
      Vai sair
      Da cara o terror
      Vai sair
      O expresso 22
      Vai sair
      A máscara azul
      Vai sair
      O verde do mar
      Vai sair
      Um novo gibi
      Vai sair
      Da cara o suor
      Vai subir
      Cachorro urubu
      Vai subir
      O elevador
      Vai subir
      O preço do horror
      Vai subir
      O nível mental
      Vai subir
      O disco voador
      Vai subir
      A torre babel
      Vai subir
      O Cristo pro céu
      Vai subir
      A chama do mal
      Vai cair
      Estrela do céu
      Vai cair
      A noite no mar
      Vai cair
      O nível do gás
      Vai cair
      A cinza no chão
      Vai cair
      Juízo final
      Vai cair
      Os dentes de Jó
      Vai cair
      O preço do caos
      Vai cair
      Peteca no chão
      Vai sair
      O sol outra vez
      Vai sair
      Um filho pra luz
      Vai sair
      Da cara o terror
      Vai sair
      O expresso 22
      Vai sair
      A máscara azul
      Vai sair
      O verde do mar
      Vai sair
      Um novo gibi
      Vai sair
      Da cara o suor
      Vai subir
      Cachorro urubu
      Vai subir
      O elevador
      Vai subir
      O preço do horror

      Dentadura Postiça
      Composição : Raul Seixas

  • raul soares
    • Walber Schwartz

      “Palocci fez o que? Tráfico de influência? De quem para quem? Quando? Em que área do governo? Onde está o objeto do crime?” – perfeito, Eduardo, isso é exatamente o que Palocci deveria responder.

      Deixar pairar a dúvida é confissão de culpa. Não é moralmente sustentável o argumento “os outros podem, por que não nós?”. Principalmente vindo do partido que se orgulha em dizer que a partir de sua chegada ao poder, muita coisa mudou nesse país.

      • eduguim

        E muita coisa mudou neste mais, sim. Além do quê, o ônus da prova cabe a quem acusa. Se não sabe nem apontar o crime, não pode condenar.

        • Walber Schwartz

          Por essa lógica, Collor teria terminado seu mandato tranquilamente. No caso de homens públicos, o julgamento político antecede o criminal, você sabe muito bem disso. Palocci, como cidadão comum, tem direito a presunção de inocência; como super ministro, se não se explicar, já está condenado e será um peso desnecessário pra um governo que mal se inicia. Ao contrário do que disse o Lula, todo mundo sabe que Palocci não é nenhum gênio da economia e seria facilmente substituido. O PT tem quadro pra isso.

          • eduguim

            No caso Collor havia montes de crimes. Havia até testemunhas. No caso de Palocci, ninguém sabe dizer o que foi feito de errado.

          • aliancaliberal

            “havia montes de crimes.” e por qual foi condenado? se por nenhum então não havia crime algum, correto?

          • Alguém falou em Geraldo Brindeiro?

        • A única acusação que vejo é: O palloci é troistskysta de araque, ele ganha dinheiro. Não pode!

        • Décio

          À mulher de Cesar não basta ser honesta, tem que parecer honesta.
          Se bem que, no caso, além de não parecer, parece não ser.

          • eduguim

            Again 3: Sempre defendi a presunção da inocência, fosse para quem fosse. Veja Aqui http://bit.ly/mk4YiX e aqui http://bit.ly/jJ4t

          • A mulher do Serra, a Monica transandina, aquela do procedimento abortivo chileno, nao era mas parecia??

            E assim continuaria, a serviço eleitoral da mentira, não fosse a memoria de algumas ex-alunas.
            e então?

        • Donizeti – SP

          Após o resultado das eleições de 2010, a oposição política demo/tucana foi reduzida a frangalhos, é minoria no Câmara e Senado, primeiro por sua própria incompetência e por não ter um projeto político realizável para nosso país, já que o neoliberalismo fernando/serrista morreu no mundo e por aqui ninguém mais acredita nos ” choques de gestão ” e na conversa mole do ” estado mínimo ” para o povão e do ” estado máximo” para os amigos da elite tucana.

          Em segundo lugar, o fracasso e falta de rumo da oposição demo/tucana se explica por ter terceirizado para a midia conservadora a pauta política de enfrentamento ao governo Lula nos 8 anos de seu governo, com o resultado pífio que todos conhecemos.

          Agora, no início do governo Dilma, a terceirização da pauta política pela oposição para a mídia anti-PT
          volta a ocorrer, primeiro com o episódio da Ministra Ana de Holanda da Cultura, onde a mídia tentou fazer e inflar uma pauta política artificial sobre notícias evidentemente vazadas por integrantes do próprio ministério da cultura descontentes com a entrada da nova ministra e tentaram derruba-la, o que não deu certo, pois a Presidenta Dilma bancou a permanência da Ministra Ana.
          Será que acabou a crise na Cultura? Como num passe de mágica não se fala mais nisso, não é curioso ? Será que a matilha midiática achou uma caça mais interessante para esfolar ?

          Partindo de onde partiram as primeiras ” denuncias ” contra o Ministro da Casa Civil Palocci, não se pode esperar lealdade alguma ou qualquer interesse jornalístico ou compromisso com a verdade, pois a Folha de São Paulo no governo Serra portou-se como um diário oficial do seu governo e na campanha de 2010 atuou como um verdadeiro comitê de campanha serrista.

          O interesse da Folha no caso Palocci resume-se mais uma vêz a dar uma pauta e um norte para uma oposição demo/tucana sem peso político, sem rumo, nem norte.

          Esse episódio é sem dúvida o início de uma guerra política contra o governo Dilma, e se Palocci cair, não haverá uma semana de paz para o governo federal, pois com certeza a Folha, Estadão, Veja e Globo já devem ter outras dezenas de ” denúncias ” similares prontinhas para disparar contra outros Ministros importantes para a gestão do governo Dilma.

          A intenção é uma só, paralizar politicamente o governo Dilma e fabricar uma crise atrás da outra através da mídia aliada dos demo/tucanos.

          A mídia conservadora com o caso do Palloci iniciou o ” terceiro turno ” contra a Dilma/PT e se esse movimento de verdadeiro ” golpe branco ” não for enfrentado com articulação política e determinação pelo seu governo, o Brasil vai passar quatro anos discutindo crises artificiais e o país corre o risco de retroceder nas conquistas economicas e sociais do governo Lula. Isso é tudo que o PSDB e sua midia aliada querem, é sua única chance de recuperar o poder federal após 3 derrotas consecutivas.

          A mídia anti-PT parecia haver perdido o poder de travar políticamente o país, apesar dos 8 anos de bombardeio contra o Presidente Lula, mas está tentando exercitar seu velho poder de criar crises e fazer o jogo politico do PSDB.

          É disso que se trata, esclareço que não sou contra que se cobrem explicações sobre os ganhos do Ministro Palocci e de sua consultoria, mas por enquanto não existe prova alguma que ele cometeu algum delito, seja penal, seja economico para tirá-lo sumariamente do cargo que ocupa e o governo Dilma não pode fazer isso para fazer a vontade da mídia e da oposição.

          Como cidadão exijo que a mídia conservadora tenha o mesmo foco contra enriquecimento de outros políticos do PSDB, do DEM ou do PPS. Não podemos aceitar a política de dois pesos e duas medidas.

          Somente para citar 2 exemplos dentre centenas de outros, como ficam os negócios do ex-ministro tucano Pérsio Arida, que dizem transporta seus cavalos do Brasil para a Europa em jatinhos e antes de ser ministro não era nenhum milionário. E os negócios para lá de obscuros da filha do Serra, a Verônica Serra e da sua sociedade com a irmã do banqueiro Daniel Dantas, a Verônica Dantas ?

          • Clóvis

            Donizetti, excelente análise….Disse tudo….

      • Fábio

        Deixa eu ver se entendi.

        Agora podem me acusar do que bem entenderem, e o ônus da prova não é de quem acusa, mas meu.

        Isso vai contra os princípios mais básico do estado democrático de direito.

        Não acho que se deva blindar o Palocci, e penso que, se alguém apresentar acusações fundamentadas em provas, que se inicie um processo.

        Quanto a haver indícios, caso a PF ache que existem, deve proceder uma investigação, mantendo entretanto o sigilo necessário à proteção da reputação de qualquer cidadão que, sendo investigado, ainda não tem processo transitado em julgado que o declare culpado seja do que for.

        Qualquer comportamento diferente disso é leviandade, é hipocrisia, e pensar nesse sentido ou é falta de caráter, ou muita estupidez…

  • José Geraldo Fábio

    Eduardo,
    Acompanho há bastante tempo seu blog. Parabéns pela lucidez e coragem. E, mais uma vez, você vai ao centro da questão. Tal como ocorreu na capanha, não se trata de moralização ou de justiça. Trata-se de fazer sangrar e tentar derrubar um governo que governa para todos. Plenamente de acordo com seu artigo.

  • Cheila

    Independente de partido político ,o que fez Palocci pode ser legal ,mas é imoral e todos que usam de informações privilegiadas estando no governo deveriam e devem ser punidos.

    • eduguim

      Para punir é preciso haver lei, e não há lei que puna que membros de equipe econômica trabalhem na iniciativa privada após deixarem o cargo.

      • Cheila

        Edu, aí é que entra a ética profissional.Como um ministro de estado, ele deveria saber o que é ético e o que ñ é…Eu sou professora e ñ sou só no horário de aula,sou professora 24 horas por dia e procuro pautar minha vida com ética por saber que meus alunos e ex-alunos se dirigem a minha pessoa, mesmo fora da sala de aula como professora.Tenho que ser sempre vigilante e ter postura profissional,mesmo fora da escola,foi o que faltou pro ministro…Ética…

        • eduguim

          Tirando o clichê, não há acusação. Onde faltou com a ética? Ganhar dinheiro é falta de ética? Se os que o antecederam no cargo e também ganharam nunca foram acusados de falta de ética, por que só ele?

          • Romanelli

            eu te ajudo na duvida

            consultoriando enquanto era e RECEBIA como deputado federal, como líder ativo, recebia pra se dedicar em TEMPO INTEGRAL, quando ajudava com as cartas dadas pelo governo (este que, SIM, deveria, mas MENTIU e não o afastou enquanto podia)

            ..recebeu e prestou serviço privado enquanto tinha acesso privilegiado ..quando sabia dos passos que se deu, que estavam sendo e os que seriam dados

            Entenda (e claro que vc entende muito bem) Palocci só conseguiu pra si a legalidade através de uma proteção tributária ..nada mais

            Em dois meses, ganhar o que ganhou, nem Rubini cumpadi, quanto mais um embusteiro dum médico que se passava como economista (na verdade um títere do mercado)

            eu tb quero ..quero a ata, escopo, contratos, data e hora, assistentes e testemunhas pelos serviços prestados ..lista de clientes e seus envolvimentos com o Estado do MEU PAÍS !!! ..e não só ora com o clã dos tucanos, ora o dos petistas, e sempre com os peemedebistas

            aliás, ou vc escolhe esta a opção sem pé nem cabeça, esta aonde ele peca pela falta de ética e postura pública (no que é reincidente e iria sozinho)

            ..ou opta por uma outra, mais factível, em que ele seria acusado como tendo se apropriado de sobras de campanha ? ..crime que poderia levar junto todo um governo

            escolhe?

          • Cheila

            Edu, me desculpes,eu ñ vejo assim… T admiro muito…Sem comentários.

          • Ricardo

            Eduardo, vc já parou pra pensar o quanto este espaço se desvirtuou da sua proposta inicial? Sua carreira solo só vai ajudar a desmobilizar uma blogosfera realmente progressista. Se PHA, Azenha, Vianna emitem opiniões convergentes contra este fato é porque já não tem mais por onde segurar, e protelar as coisas significa perder credibilidade. Vc não está dando voz aos que divergem da questão, moralmente falando, tirando os direitóides que aqui sempre virão, uma parte significativa de leitores assíduos estão querendo as coisas mais as claras. O julgamento popular conta ou só na hora do voto? Há oito anos optamos por mudanças, confiamos, e num curto espaço de tempo vemos as coisas se desfazendo e caminharem para um mar de justificativas. Um governo sem críticas não sobrevive – e isso significa refazer as coisas de acordo com a vontade popular – Colocar um reicidente (politicamente falando) é uma burrice tamanha. O Cara não cheira bem, mesmo, e é só ver o time de crápulas que o defende. Para um governo dito socialista quem possui um imóvel de seis contos dá muito na vista. A esmagadora maioria dos brasileiros não faz nem idéia do que significa este valor. Isso só num imóvel, e o resto? O que este homem está fazendo lá? Ele tem de prestar contas! Se ele for limpo ele apresenta; ou este governo nunca soube o que é CORTAR NA PRÓPRIA CARNE? Só vale para Waldir Pires e Rosseto, quando, aliás, o primeiro, foi substituido pelo próprio golpista que ainda está aí??? Pior do que castas é uma “governabilidade” intocável. Considerando este ponto acho que isso já está, de longe, fazendo muito mais mal do que bem. É preciso assumir responsabilidades. Tem muita coisa de golpismo (como qualquer governo), mas muita sugeira debaixo do tapete… ou o Palocci estaria arriscando a vida a defender o povo com essas condutas todas. Não só vc mas o governo em muito se desvirtuou. O Povo já não pode mais absolutamente nada??? Onde está SUA VOZ???

          • eduguim

            Você está propondo que eu mude de opinião por que amigos meus pensam diferente? Por que eu faria isso? Pensamos diferentes sobre um monte de coisa. Não há um movimento para derrubar ou para segurar Palocci. O que há é a saudável pluralidade que tantos nos negaram, mas que agora aparece gente exigindo. Você tem o direito de pensar diferente de mim, mas não de querer me obrigar a pensar como você ou como qualquer outro. Diga a sua opinião e respeite a minha. É isso o que este blog garante. O assunto não é o Eduardo.

          • Ricardo

            a questão é que vc está defendendo mais um, entre tantos imorais; pois justamente como este MSM começou e todo mundo apoiou. Não dá pra se sentir um idiota o tempo todo.

          • Mayrpedrao

            Neste caso será que neste blog, já que o Edu não é o assunto, está faltando informação . Eu só leio que não há crime cometido pelo Palocci, correto, mas como no Strauss-Kahn, tomar um posição a favor ou contra apenas com uma parte da informação dos fatos, não compromete a construção de uma análise bem fundamentada?
            Ótimo que não há acusação contra Palocci, menos um problema para a Presidenta Dilma, o problema é a forma em que a defesa do Palocci aparece, jusfificam a suposta falta de ética comparando com outros políticos, não tão íntegros assim. A blindagem deve ser feita na Presidenta Dilma, mesmo porque a PIG está muito pacífica.

            Não vemos informações que refutam as acusações da PIG, apenas que Palocci não cometeu crime algum.
            O papel dos blogueiro não é trazer transparência para os fatos?
            A PIG ataca e os BLOGs contra atacam, desconstruindo as acusações calamitosas.

            Abraço

          • Marcelo de Matos

            Acho que esse comentário saiu no lugar errado.

          • Roberto Pereira

            os que o antecederam não tinham cargo público.

            Palocci era Deputado FEDERAL.

            um deputado federal legisla e trabalha para quem o elegeu ou para quem paga suas “consultorias”?

          • Abel Botelho

            Por que ele foi o ÚNICO dentre esses “outros” que autou no governo ao qual pertenceu. Ademais, nem formação de economista ele tem. Que diabo de sapiência é essa que de uma hora para outra saiu de médico para consultor em economia pago a peso de ouro? Detalhe: faturou 20 milhões de reais só em 2010, ano em que, coincidentemente, esava à frente da campanha da Dilma. Falando nisso, alguém já viu se a consultoria do Palocci doou dinheiro para campanha?

      • Ana

        Aí é que tá! Bom post, só que não toca no cerne da questão…

      • Abel Botelho

        Mas há lei que pune o tráfico de influência. Esse sr. só ganhou dinheiro no governo do PT. Os “outros” que o sr. alega terem enriquecido após a saída do governo, ganharam dinheiro na iniciativa privada, sem praticar lobby junto ao governo ou coisa parecida.

        • Fábio

          Me engana, que eu gosto…

      • cleusa

        É isso que precisa ser mudado não é Edu? Concordo com você.

  • Avelino

    Caro Eduardo
    Parece que ser da Casa Civil é ser tenebroso.Ainda acho que deveriamos estudar melhor essa pasta, que causa ojeriza, paura na oposição, pior até que o cargo de presidente.Ai tem coisa.Se não for alguém de apoio aos tucanos e á midia, se declara guerra.
    Se não fosse o Palocci, seria qualquer um, desde que ocupe esse cargo.
    Saudaçõe

  • Marcelo de Matos

    Parabéns pelo post Edu. Você disse tudo. É incrível como a elite branca e a mídia nos dão esse show de preconceito explícito. É como se vivêssemos antes da promulgação da Lei Áurea: o pessoal do andar de cima pode tudo e os do andar de baixo não têm direito algum. É a cultura escravocrata que ainda domina nossa sociedade. Quando se falou no “mensalão” petista (pagamentos mensais a parlamentares que não ocorreram, ou, pelo menos, não foram provados) a mídia exigiu o afastamento de Dirceu e Delúbio do PT, mas, tolerou tranquilamente a permanência de Roberto Jefferson como presidente nacional do PTB. Saliente-se que um funcionário dos Correios, da “quota” de Jefferson, foi flagrado recebendo dinheiro de empresários e o próprio Jefferson afirmou ter recebido R$ 4 mi de caixa dois eleitoral. Dois pesos e duas medidas: uma herança típica da cultura escravocrata.

    • Walber Schwartz

      Ah, agora o Palocci é preto?

      • Marcelo de Matos

        Não é preto, mas, petista e, como tal, discriminado. Você já ouviu falar em discriminação ou nunca teve notícia disso?

        • Chico Mendes

          Não tem nada de comparar o que está passando com Palloci com o que passa milhões de negros neste país.
          .
          Comparação totalmente descabida.

      • Carlos J.Ribeiro

        Preto é o Paulo Vieira de Souza, o “Paulo Preto” que fugiu com R$ 4 milhões da campanha serrista. Diretor do DERSA, membro da cúpula tucana em SPaulo. Gente finíssima.

  • Lúcia Adélia

    Boa Edu, também estou contigo, com Lula e com Dilma. Fora PIG que tem indignação seletiva. Fora com as castas políticas

  • Ivonete

    Bem colocadol, não se pode criminalizar uma pessoa pela sua moral. O crime se caracteriza por uma ação ilegal. Então a questão não é o Palocci, o que está em jogo são os princípios institucionais republicanos, que têm que ser igual para todos. A origem dos conflitos está exatamente nessa discrepância na aplicadação do princípio da equanimidade jurídica. Se abrirmos mão disso, podemos jogar fora o Estado e a Repúbliica, aliás, podemos jogar fora quase todas as instituições modernas. Ficaremos apenas com as antigas do tipo: religião oficial.

  • Junior

    Podemos lutar pela permanência de Palocci. Mas já vimos um exemplo do seu enfraquecimento no desatre que foi para o governo a votação do novo código florestal, ontem.
    Em resumo, um pato manco no cargo de principal ministro do governo causa mais problemas do que causaria sua saída.
    Sabendo disso Palocci poderia fazer um bem a este goveno e “pedir para sair”.

    • eduguim

      Até Lula, o maior estrategista político do país, discorda de você. Seria um desastre. O governo tem quatro meses. Se o governo demitir Palocci sob pressão ou mesmo se ele não aguentar a pressão, passaremos os próximos quatro anos com a mídia derrubando um ministro atrás do outro. E inviabilizando a administração.

      • Só se consegue derrubar ministro se ele não tem base de apoio, ou então deixa de ter o mínimo de transparência de seus atos privados, como é o caso deste Sr. Palocci.

        Desde o tempo do Lula ja caíram inúmeros Ministros. Lamentavelmente todos enrolados em falcatruas, desmandos e corrupção.

        Mais ainda virão. Espere para ver a hora de fechar as contas do PAN, Mundial, Olimpiada etc.

        • aliancaliberal

          Não faz eu lembrar disso, senão vai dar depressão só de saber dos golpes, falcatruas e dpois quem vai ter que pagar a conta vai ser nosso povo.
          E depois terei que ver os politicos do governo “popular” do Brasil, no cinismo de sempre e as foquinhas amestradas batendo palma..

          • Juliano Santos

            Porque vocês não vão trocar figurinha lá no boteco do ex-Campineiro? Onde a Dona Aliança Udenista poderá curar sua depressão tomando os chops artezanais do dono da espelunca

  • Margonzague Sampaio

    Eduardo,
    Em primeiro lugar quero te parabenizar pela coragem que sempre demonstra em suas argumentações, mostrando entre outras coisas a hipocrisia e a parcialidade da imprensa podre deste país, bem como da hipocrisia exacerbada dos membros da ARENA/DEM, PSDB, PPS, etc. Segundo, dizer que seria muito bom você escrever alguma coisa sobre a também parcialidade explícita do Sr. Ophir Cavalcante, Presidente da OAB nacional, pois quando envolvem pessoas ligadas aos partidos retro citados ele parece não enxergar nada de errado, nem mesmo um pequeno indício de algo ilegal, exemplo: caso Paulo Preto, sobre o caso do Presidente da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, sobre as CPI’s que a oposição sempre tentou instalar nos governos do PSDB de São Paulo e não conseguiu, agora recentemente sobre o pedido de impedimento do Ministro do STF, Sr. Gilmar Mendes, etc, etc. Aproveitando o ensejo, outro dia assisti na TV Senado discurso do Senador Demóstenes Torres, DEM/Goiás, “(um dos Professores de Educação Moral e Cívica do Senado Federal)”,sobre o caso Palloci, fazendo não só ilações, mais acusaçõs de que ocorreu enriquecimento ilícito do Ministro (não vou agora entrar neste mérito), tráfico de influência, etc. Agora em pergunto: será que este Senador e os outros que hoje estão acusando o Ministro sem dizer que crime ele, o Ministro, praticou, (pois eles, na verdade, os acusadores têm objetivo úncio e exclusivo de prejudicar, enfraquecer a Presidenta Dilma, puro e simplesmente isso), mostram para a sociedade brasileira suas rendas e seus patrimônios e como conseguiram? Sim, porque o Senador Demóstenes hoje é proprietário de Faculdade no Estado de Minas Gerais. Salvo engano ele semrpe foi funciário púbico e de família não muito abastada, caso contrário retiro o que disse! Por favor escreva alguma coisa sobre tais fatos.

    • eduguim

      Ophir está sempre indignado, sempre com o mesmo lado. Sua indignação tem filiação político-partidária.

  • Luiz

    Curioso que o que vc coloca sobre os direitos individuais seletivos dos tucanos, é o mesmo adotado pelo governo americano. Dá para concluir, de uma vez por todas, que a direita brasileira está a serviço do inimigo? É uma “quinta coluna” ou “inimigos na trincheira”?
    Faz tempo que esconfio. É aquela história, tem rabo de porco, fucinho de porco, geito de porco, ronca como porco, então, deve ser porco ou, provavelmente, alguma espécie da mesma família.

  • Luiz

    Acho que se deve parar de ver a direita brasileira como brasileiros. São estrangeiros com certidão de nascimento do Brasil.

  • Marcelo Silva

    tucano correndo é atleta, petista correndo é ladrao.

    • Abel Botelho

      boa analogia…

  • Maria José Rêgo

    Edu, concordo com você em tudo que escreveu até agora sobre o caso Palocci. Na minha modesta opinião a Dilma não, nunca, jamais, em tempo algum, deverá tirar do cargo qualquer ministro por pressão do PIG.

    • Alonso Muchon

      Compartilho da sua opinião, o Governo Federal, eleito pela maioria dos brasileiros, não pode ser pautado pelo pig em decadência, muito menos por essa oposição de “mentirinha” ineficiente em propostas para o Brasil, está mais para revistas de fofocas.

  • Marcio.

    Muito embora haja sensível diferença entre a condenação política e a criminal, como alguém aí já comentou muito bem, você tem razão quanto à eventual quebra do sigilo fiscal do ministro.

    Isso é um atentado gravíssimo às garantias individuais, seja a vítima um ministro, uma filha de candidato ou um singelo caseiro. Os autores e beneficiários desse ato ilícito devem ser severamente punidos. Se eu fosse o Palocci denunciaria o fato à polícia e MP.

    • Walber Schwartz

      E por que você acha que ele ainda não entrou?

      • Marcio.

        Ótima pergunta.

        • Fernando SP

          A resposta é que o PT já entrou com o pedido.

    • Marcio.

      Corrigindo, “desses atos ilícitos”. Expressa melhor meu pensamento.

  • Marcelo Silva

    Edu, essas castas politicas ja existem há mt tempo, assim como existe o direito dos ricos e o direito dos pobres, aqui.

    • eduguim

      as castas eram raciais, agora são também políticas… Ou melhor, não serão porque gente como eu vai lutar contra isso. E todos sabem que não tenho medo de lutar.

      • Abel Botelho

        mas que casta…os petistas estão no poder há 8 anos, com mais 4 pela frente, e agora o governo tem uma maioria absurda no Congresso. Apanhar com essa maioria se chama falta de competência…

  • Caro Eduardo,
    Respeito a sua posição em relação ao caso Palocci. Estamos cansados de saber que a mídia está denunciando todos os dias, não é porque é isenta, imparcial, é porque tenta atingir o governo da Presidenta Dilma, isso está muito claro.
    Porém, o PT ao qual sou filiado, pregou ética e moral desde a sua fundação. E O que O Palocci praticou no mínimo é imoral. E sua justificativa foi pior ainda, dizer que todos os outros fazem.
    Por isso, mesmo que o governo Dilma passe por um revés, é importatne lavar essa roupa suja. Se queremos uma democracia de fato, nada pode ficar debaixo do tapete. A própria Dilma montou seu ministério com ajuda de Lula.
    Então, é responsabilidade dela que os fatos sejam esclarecidos. Eu, moro numa cidade dominada pelos coronéis da direita e muitas vezes pus minha cara para bater para defender um partido que acredito nele, mas que é preciso que passe por uma “limpeza” moral. Não coloquei a minha cara para bater e acredito que muitos colegas também não para termos uma pseudo democracia.
    Com todo respeito.

  • Mayrpedrao

    Edu, vejo que você é o único que está nadando contra a corrente da blogosfera.
    Passei no blog do Vianna e lá encontrei um texto da Maria Inês Nassif, acredito que para entender melhor o que você defende. Entender quem é o Palocci no Governo.
    Não entendi também o porque das capas das revistas semanais, uma sobre felicidade, outra sobra a copa de 2014…
    O que a PIG está tramando, que jogo é esse?

    Abraço

    Texto referido:

    http://www.rodrigovianna.com.br/outras-palavras/o-escandalo-palocci-e-as-micangas.html

    • eduguim

      São só as capas das revistas. Os jornais estão forrados de acusações. Manchete todo dia. E os telejornais também estão batendo.

    • Roberto Pereira

      Dizem que o Palocci é queridinho da Veja e da Globo.

      Não sei se é dos Frias e do Estadão.

      Vai ver que também entre o PIG está havendo uma divisão e não só na blogosfera progressista.

      • Luiz Monteiro de Barros

        Bingo. Assim mesmo a bonança está imprevisivel. Haja coração para aguentar é preciso muita auto ajuda. Otimismo- será uma paradoxal vitoria de Dilma/Brasil. O Eduardo continuará coerente como sempre foi. Se voce busca no Google Eduardo Guiramarães um dia cheguei a acessar um post no qual defendia Lula de uma vaia lá no Rio de Janeiro coordenada por um individuo. Anos depois o tal estava ao lado de Lula exultando com a escolha do Brasil para sede das Olimpiadas. “America Latina berço de uma nova civilização” Tudo conspira a favor até mesmo as contradições do caso Palocci. Eduardo senta legal ao lado dos blogueiros progressista que vituperam Palocci. Somos amigos acima de tudo.

  • Waldemar Andreu

    PS:tomo a liberdade de repetir o comentário anterior com algumas correções! Pois é, o “galo cantou” não se sabe onde! O sr. PH tem seus motivos, o sr. Rodrigo Viana também, o sr. Eduardo Guimarães idem! E, com quem está a razão? Não é difícil perceber que no Brasil convivemos com uma multiplicidade de concepções “POLÍTICAS”! Ideologia de classes, duas fundamentais, burguesia e proletariado, burguesia possui meios de produção, o proletáriado vende sua força de trabalho! Se ficasse só nisso seria mais fácil o entendimento, são as camadas intermediárias, (não classes) de difícil enquadramento, muda de governo para governo, de difícil compreensão, tem consequencias políticas. Muitas dessas concepções políticas já estruturadas em partidos políticos, são inúmeros, outras não! São inúmeros os partidos políticos no Brasil, a tendência é aumentar! E, os sindicatos, os movimentos sociais, religião…? A conjuntura é muito complexa, de difícil entendimento! Esse é também um ponto de vista no sentido de contribuir! O Presidente Lula, um homem sábio, sugeriu como seu sucessor uma candidata fora do PT, do PT histórico, foi um desafio, ele tinha razão, deu certo! Um detalhe significante, nessa conjuntura disputar eleição depende de dinheiro, muito dinheiro! O Dr. Palocci, um “SOCIALISTA NEOLIBERAL” (no PT,na “esquerda” existem inúmeros), um homem bem relacionado, simpático a comunidade financeira, não é segredo, banqueiros sempre o ajudaram a se eleger, o homem do dinheiro, a história se repete, a legislação eleitoral está ultrapassada, é preciso mudá-la! A Dilma venceu, o Palocci foi contemplado com cargos importantes, até eu que sou bobo ficaria milionário! A questão, não é só Palocci, também sua assessoria, acrescenta o Sr. Eduardo Cardoso &Cia! A presidenta que se cuide! A questão não é a Katia Abreu pelo que ela representa, pode ter um tratamento diferenciado, a questão é o Sr. Daniel Dantas, pelo que ele representa, o PH tem razão, sabe das coisas! Um questionamento: porque o sr. Ulisses Guimarães, o Sr. Leonel Brizola morreram pobres? O alvo da direita é a presidenta Dilma, (não é boba nem neoliberal) tentam enfraquecer-la, atacam de novo, com arrocho salarial, ameaça de inflação, uma “nova reforma” na previdência, tirar direitos do povo trabalhador, são insaciáveis, aí mora o perigo! Quanto o Sr. Palocci & Cia, quanto mais rápido se livrar melhor! Em tempo: a questão Palocci, é o mesmo que discutir o sexo dos anjos, ou como dizia a minha saudosa vózinha, é que nem cocô quanto mais mexe mais fede! Até porque o Palocci não cometeu crime, o problema não é a ilegalidade, mas imoralidade, é uma questão política, não tem consenso, não vamos convencer os RUSSOS!

  • Leonardo Vasconcelos

    Edu, parece que aquela pergunta que você lançou uma vez (se eu não me engano via twittter) continua até agora sem ser respondida minimamente: qual a acusação que pesa sobre o Palocci? É incrível que, dias depois desse factóide ter sido lançado pelos jornalões para desgastar o governo, uma pergunta básica como essa não tenha sido feita e nem respondida por parte daqueles que começaram com o assunto. E os papagaios da mídia não conseguem parar um minuto para refletir…

  • Mayrpedrao

    Edu, vejo que você é o único que está nadando contra a corrente da blogosfera.
    Passei no blog do Vianna e lá encontrei um texto da Maria Inês Nassif, acredito que para entender melhor o que você defende e entender quem é o Palocci no Governo devemos ler este artigo e até outros mais.
    Não entendi também o porque das capas das revistas semanais, uma sobre felicidade, outra sobra a copa de 2014…
    O que a PIG está tramando, que jogo é esse?

    Texta da Inês Nassif

    http://www.rodrigovianna.com.br/outras-palavras/o-escandalo-palocci-e-as-micangas.html

    • Marcelo de Matos

      Como toda unanimidade é burra, o nosso amigo Edu caiu fora. Fez muito bem.

  • Gabriel Brito

    gente, foda-se tudo isso, por favor!!
    vai demorar quanto pra entendermos que tanto uns como outros sao inimigos de morte do povo, que precisam ser combatidos e expurgados da nossa politica? quanto tempo vai demorar pra se admitir que o PT levou a nossa despolitização da politica a niveis nunca antes vistos? que se recusou a chamar o povo pra brigar nas ruas por reais avanços, pois viraram mais um bando de gerentes burgueses, que so negociam em palacios e gabinentes, com os politicos-empresarios de sempre e financiadores de campanha? chega dessa gente, sao todos, absolutamente todos, inimigos de qualquer projeto de brasil decente. nao aprovam de verdade uma pauta progressista, uma unica!, e fica esse povo de esquerda querendo livrar a cara do pt, falando do PIG, como se fosse o PIG que governasse ha 9 anos com essa politica neoliberal fundamentalista. sao apenas um bando de histericos que com mobilizaçao de verdade podia ta mto mais desmoralizado também. mas quem disse que os” esquerdistas” no poder encararam de frente? cade a democratização da mídia? esses cagoes vao recuar até quando? entao nao reclamem de PIG, ja q da parte do governo nada se faz pra mudar a realidade midiática.
    depois dos numeros do ipea, deviamos enfiar no saco o papinho de classe média ascendente, ate pelos criterios arbitrarios e enganosos usados pelo governo, mas nao, ficamos gastando energia pra tentar criar diferenças entre PT e PSDB, dois blocos absolutamente da mesma estirpe – antes que venham com conversinha, eu sei q a base do PT é bem diferente sim, mas essa base nao apita mais merda nenhuma, ou ja foi totalmente emburrecida pelos atuais donos da legenda.
    a votação do codigo florestal de ontem vai servir pra isso tudo ficar mais claro ou serão necessarias mais algumas dezenas de humilhações que o “governo do povo” vai esfregar na nossa cara e depois vamos ficar ai contemporizando, falando hipocritamente de “correlaçao de forças”, “governabilidade” e outras empulhações pra livrar a cara de quem ja deu as costas ao país há muito tempo e apenas administra um projeto de poder calcado em pateticas concessoes e muita, muita, propaganda? ah, e antes que eu me esqueça, é hora de dar fim ao mau caratismo de taxar de “esquerda que a direita gosta” aqueles que repudiam completamente a máfia que virou o PT. até pq o PT já virou a propria direita há tempos né…a menos se fizermos análises honestas da realidade…
    que seja tudo lícito no caso palocci, dane-se. A imoralidade que é o ponto inaceitável, a simbolizaçao perfeita de que o partido dos trabalhadores ja se converteu em partido da nova burguesia, com mta alegria, por sinal.

    • Ricardo

      disse tudo.

    • Roberto Pereira

      A operação SALVA-PALOCCI já custou o Código Florestal cedido à bancada Ruralista.

      E hoje acabo de ler que custou o Kit-antihomofibia nas escolas(suspenso até o dia de são nunca) para a bancada evangélica.

      Tudo isso para segurar o impoluto cidadão acima de qualquer suspeita no cargo.

      Edu, o PIG vai continuar batendo no governo com ou sem Palocci, mas com ele lá o serviço vai ficar muito mais facilitado.

      Tremendo erro ter reconduzido o cara-do-mercado para um posto desses.

      Dilma até cumpriu o acordo, engoliu sapo e foi na festa da Folha, foi fazer omelete na Globo.

      Pra mim está tudo muito claro. Dilma quer fazer um governo morno e sem marolas. O Palocci pensou que dava conta do recado e foi o primeiro a ser rifado pelos amiguinhos.

    • Luiz Paulo

      Sem retoques… aliás, creio que deixar o Palocci no governo saia mais barato… E não estou sendo leviano! Não se admite o enriquecimento absurdo que ele teve em pouco tempo… e não se admite para ele e nem para ninguém! Os tucanos que assim enriqueceram também deveriam ser punidos, não foram e não serão, mas daí a salvar a pele do Dr. Palocci é querer tapar o sol com a peneira, com todo o respeito e admiração que tenho pelo Eduardo Guimarães, o Cardoso…pelo amor de Deus! Aliás, era bola cantada, esse PT paulista não tem qualquer diferença dos tucanos, nunca teve, a não ser menos inteligência para escamotear os ganhos: os tucanos quando saem do governo entram na iniciativa privada investindo e manipulando bolsas e fundos, a viagem petista paulistana é menos liberal… só isso, coisa de empresa familiar…

    • Fernando SP

      Gabriel, é claro que o PT para chegar ao governo teve que fazer concessões. Daí a dizer que é tudo farinha do mesmo saco vai uma enorme distância. Você não pode negar que após 8 anos de governo do Lula o país mudou para melhor. Ele promoveu algo até então inédito ao conseguir unir crescimento, inflação sob controle e inclusão social. Mais que isso essa mudança é irreversível. É claro também que há muito a se fazer principalmente no que se refere à política econômica, a meu ver não dá para continuarmos a dispender bilhões para pagamento de juros. Não dá para continuarmos tentando segurar a cotação do dolar comprando divisas sem mexer na causa do problema que é o mercado de futuros. De todo modo o avanço que o Brasil experimentou e espero que continue a experimentar é um fato inequívoco que não aconteceria se ainda fossemos governados pelos tucanos. Basta ver a situação do estado de SP governado por eles há 20 anos. Portanto meu caro apesar de todo seu desencanto com o petismo de raiz se Dilma seguir o caminho aberto por Lula nosso país vai seguir crescendo e diminuindo o abismo entre seus cidadãos.

  • Mayrpedrao

    Edu, mas sabemos que as capas da Veja sempre são ofensivas, por que não agora?
    Eles não perdem a oportunidade de “bestializar” membros do Governo de esquerda.
    Lembra da capa com o Lula de costa e uma marca de pé no traseiro, por que com o Palocci isso não aconteceu?

    http://1.bp.blogspot.com/_FzujHlBjh-s/TF2gqld_SaI/AAAAAAAABMM/OdvzvU7jT_Q/s1600/veja+lula.bmp

    O que não entendo é a passividade da PIG, Por que não pediram a cabeça dele como das outrras vezes

    • Junior

      Acredito que o PIG não está interessado na saída do Palocci, pois um “pato manco” como principal ministro do governo faria o trabalho PIG, prejudicando o governo de dentro para fora.

    • Luiz Monteiro de Barros

      Enigma “Ou me decifras ou te devoro” O Mino acha a solução imprevisivel.

  • jacó

    Não há crime sem lei anterior que o defina, é axioma da presunção de inocencia e não abala em nada esse deslize de palofi, mais crime anda cometendo a céu aberto desgovernos do Partido Do Senador Dirigindo Bebado.

  • Rogerio Rais

    Prezado Edu,

    Concordo com vc… é impressionante como a mídia golpista e seus fanfarrões – pig – não conseguem compreender que: mexer com Lula e com Dilma é mexer com muita gente, muita gente mesmo, no mundo inteiro…
    Seu post ilustra, claramente, a tensão e o nível da luta de classes em nosso país.
    Preparemo-nos, porque o chumbo grosso é de verdade… por exemplo? o Aldo Rebelo aos abraços com a ponta de lança da direita mais atrasada e reacionária… no tempo, já vimos essa foto antes: a Heloísa Helena, a Marina…
    Cordialmente,

    Rogério Rais

    • emanuel rego lima

      É isso aí Mayrpedrao….

      Por isso mesmo não podemos dispersar nossas forças.

      Ainda bem que o Renan, o Jucá, Sarney e o Maluf já demonstraram irrestrita confiança no Ministro.

      Não devemos nos dispersar.

      Pena que até o momento o Collor não hipotecou solidariedade ao companheiro difamado.

      Mas aguardemos o apoio desse valoroso aliado!

  • Douglas Otaviani Tôrres

    Edú,entendo sua posição e concordo plenamente com ela.Mas o que confirma este episódio é a Tal estratégia do governo Dilma de tentar ganhar a simpatia da elita midiática ou econômica, as nomeações de Palocci , Cardoso e Jobim são parte desta estratégia.Mas a permanecia de Palocci pode custar caro ao governo em outra ponta.Como a presidente foi muito criticada,causou divisor em sua base de apoio,em vez de no mínimo agradecer quem a ajudou e foi fundamental a sua eleição,lhe deu as costas e foi estender a mão a direita,após uma campanha barra pesada e com o clima ainda tenso.Palocci não tem a confiança desta mesma base,então nem deveria estar no governo,agora sua permanecia é para não ceder a chantagem da midia,mas ao mesmo tempo vai fazer a presidente perder mais apoios na sua bases e nos movimentos sociais,e como disse o Rodrigo Viana em um exelente texto em seu blog,se aparecer uma crise grave e a o governo precisar do apoio destes movimentos sociais,que tambem foram fundmentais para a sustentação do governo Lula,como vai ser com uma base dividida ou com sua confiança abalada.A presidente,ou o PT se meteram em uma enrascada, desnecessária,absolutamente de graça.e por a meu ver por uma simples explicação,em 2 palavras,BURRICE E MÊDO.

  • Waldir

    Edu, esses demo-tucanos terão que se candidatarem contra você nas próximas eleições e assim veremos quem tem apóio popular e quem não passa de papagaio de pirata, eu sou pobre, um simples assalariado, más aposto meu carro na sua eleição, para que nós possamos termos um representante a altura que o povo do brasil merece no CONGRESSO NACIONAL, vão pro inferno seus DEMO-TUCANOS-CANALHAS…

    • Ricardo

      Pro inferno Demotucanalhas? isso inclui Jobim, Sarney, Collor, Malluf? …Palocci?

  • Waldir

    Pluraridade de quê?? de imprensa PIG?? Onde estão Pérsio Arida, Pedro Malan e aquele ex-diretor da Caixa Federal que se tornou dono de um famoso Porcão-Foods???Milagre da multiplicação dos Pães???…O que eu destesto é dois pesos e duas medidas, por isso precisamos de sua imparcialidade no Congresso Nacional, para termos leis representativas e aplicáveis…

    • Abel Botelho

      Vamos lá:

      – Pedro Malan: tornou-se presidente do Unibanco APÓS o final do gov. FHC, já durante o Gov. Lula. Antes do gov. FHC, trabalhou no FMI. Doutor em Economia pela Univ. de Berkeley.

      – Pérsio Arida: Doutor em Economia pelo MIT. TRABALHOU em bancos após a sua saída do governo E em 2008 (13 anos após deixar o Governo) fundou o BTG Pactual.

      – Antonio Palocci: médico e político. Nunca estudou economia. Ganhou milhões prestando consultoria a empresas que tiham interesses NO GOVERNO DO QUAL FEZ PARTE.

      Quer que desenhe ou assim está bom?

  • Estão fazendo um novo mensalão, só que desta vez a blogosfera está perdendo a razão se colocando ao lado do PIG. Só vc na lucidez. Parabéns, Eduardo.

  • José do Ceará

    A Origem de tudo isso aí tem as seguintes características:Careca,feio,fabricante de dossíês,inescrupuloso e o mesmo Modus Operandi;Atuação nas sombras e assim:
    1) Quando o dossiê é forjado para fazê-lo de Vítima,a mídia só se detém sobre QUEM VAZOU (ex campanha2010)

    20) Quando o dossíê é dirigido para atacar alguém, a ´mídia só se detém sobre o VAZAMENTO e fica muda sobre quem vazou.

    Advinhem quem é artista neste tipo de coisa….

    • aliancaliberal

      O PT, a Dilma?
      Dossie cayman, os alopadros do PT, o “banco de dados ” etc…

  • Roberto Pereira

    A direita age assim mesmo, qual é a novidade?

    O que me espanta é a esquerda usar isso como argumento: se os de lá fazem, então o Palocci pode fazer também.

    Depois quando a midia cai matando em cima do PT na época das eleições ninguém sabe porque a oposição sem programa e sem metas consegue 44% dos votos diante de um governo tão bem sucedido como o de Lula.

    E um sujeito que dava “consultorias” milionárias até dois meses antes de entrar no governo parou com tudo? Ou continua prestando favor “gratuito” pela velha camaradagem?

    Quem sabe para não perder os clientes pro futuro retorno às “consultorias”…

  • Famble

    Se o cara não tem o que temer, por que não convova uma entrevista coletiva e explica publicamente toda a questão? Ele é um ministro de estado, quase um premier, o que equivale no país, ao segundo cargo do executivo, depois da presidente da república. Desculpe-me, mas o Collor caiu por muito menos.

  • Carlos G P Lenz

    Prezado Eduardo

    Em que pirão tu te metestes!!!

    Não adianta, para a maioria o Palofi tá julgado e condenado.

    Todos que se levantarem a defender que precisa haver investigação, levantamento de provas, julgamento e somente após a condenação, serão execrados como defensores de corrupto, ladrão, etc…
    O senso de que todos são inocentes até prova em contrário, por aqui não existe, neste pais de colonizados.

    Acho o tal do Palofi sinistro e não confio nele, mas daí a linchá-lo sem provas, fazer o joguinho da midia marrom fedida (pig) e dos oportunistas da oposição, acho uma baita insensatez. Principalmente neste começo de governo…

    No mais, pelo andar da carruagem muito mais cedo, do que se espera, estaremos elegendo um “berlusconi” por aqui, como previsto pelo PHA e pelo jeito com a ajuda dele…

    Coragem e sds

    • eduguim

      Não é preciso coragem, Carlos. Apenas serenidade e aceitação de que na democracia as pessoas pensam de formas diferentes. E estou certo de que a esmagadora maioria dos brasileiros aprova o projeto em curso e não aceita sabotagens. Quem ainda não entendeu isso, vai entender. Cedo ou tarde.

      • Ricardo

        …e os fins justificam os meios. Piada, cansamos.

        • Fábio

          Mais um “cansado”…

          • Ricardo

            sim, mais um.

          • Abel Botelho

            mais 2

      • Salvador

        Eduardo.
        Alem do post também por essa resposta, PARABENS.
        Se você não tivesse a coragem e a moral que possui, negaria guarida a elementos que AINDA não aprenderam respeitar essa guarida para o contraditório. Discutir uma causa ou “coisa” é para pessoas que tem boa formação. Ser ético é também para quem busca o equilíbrio das ações com dignidade e não deixa ser ferida a verdade a quem a tem.
        Portanto meu caro, não temas. Do teu lado os números de aliados aumentam na proporção da demonstração da sua retidão.

  • Mas vocês já notaram que a mídia, o Ministério Público e a Polícia Federal só funcionam quando o PT está no poder? Os caras tem que ficar no poder uns 200 anos.

    • eduguim

      É por isso que voto no PT. A pressão o faz trabalhar melhor. Quando elegem a direita, a fiscalização some.

      • A oposição sistemática, cerrada, hostil e violenta feita pelo PT nos anos que eram oposição, pelo jeito caíram no esquecimento.

        • Pra você ver que o PT era esculachado até quando era oposição. Eu me lembro muito bem quando o PT, PC do B, PDT e PSB mal somavam 100 deputados, e o Jabor espumava, dizendo que a culpa era deles que não se aprovavam as “reformas”.
          Sem falar que naquela época o procurador geral de república era o Geraldo Brindeiro, que dispensa apresentações…

  • Scan

    Não gosto do Palocci e desejaria vê-lo fora do governo. Mas não farei coro ao PIG e seus neófitos exigindo sua defenestração em nome da “moral”, já que legalmente (até o momento) não se constatou malfeito algum.
    O Tolstoi (creio) disse uma vez que o patriotismo é o último refúgio dos canalhas. Errou: o derradeiro é o moralismo.
    Em compensação, B. Russell acerta em cheio: “O maior deleite para o moralista é poder infligir sofrimento com a consciência limpa.”

  • Vania Cury

    Caro Eduardo
    Parabéns, mais uma vez, pela análise serena e ponderada da questão do Palocci. É a coisa mais rara de se ver por aqui, no Brasil. Sinto-me sempre recompensada ao ler seus comentários.
    Só não acredito numa coisinha: na cara de paisagem de uns e outros da oposição, que “preferem” não condenar o Palocci por enquanto. Acho que o melhor disfarce de um agressor é justamente se fingir desinteressado na agressão. Não levanta suspeitas e ainda consegue posar de “justo”. Mas, comigo não, violão!
    Um abraço.

  • Marcelo de Matos

    Em todos os escândalos políticos que envolvem a elite branca, nosso jornalismo investigativo não se preocupa em saber quem cometeu o crime, ou se de fato o cometeu, mas, quem vazou a informação. Foi assim no caso das declarações de imposto de renda de tucanos em Santo André; no inquérito da Operação Castelo de Areia em que foi investigado o recebimento de propinas por filiados ao DEM, PPS e PSDB. Em um caso mais antigo, o da CPI do Banestado, em que houve o desvio de 30 milhões de dólares, a investigação foi suspensa devido à grande quantidade de ações judiciais interpostas contra o vazamento das informações. No caso Palocci tudo indica que algum aspone de Kassab forneceu os dados, a pedido do seu guru Serra, que deve se candidatar pelo PDS do alcaide paulista, já que Alckmin domina o partido tucano. A nossa gloriosa mídia, nesse caso, não está nem um pouco preocupada com o vazamento, já que ela integra a corriola oposicionista.

  • Juliano Santos

    Perfeito Edu. E acho que você e o Miguel do Rosário, que com orgulho considero meus amigos, tem papel importantíssimo para alertar outros blogueiros “sujos” que tem opinião contrária, opinião honesta diga-se de passagem, mas que não estão atentando para o que está realmente em jogo.
    Pessoal, cuidado com o “fogo amigo”!

  • Diego Vilela

    A queda do Palocci pode ser a fissura mestra de todo um plano para desconstruir a gestão do PT e abalar a reeleição da Dilma com os derrotismos de sempre quanto a Copa e as Olimpiadas.

  • Gil Teixeira

    É Básico para os PPSDEMBestas:
    Quando mandamos é democfracia. Quando o PT manda é ditadura. èr a tática de acusar o outro do crime que está cometendo. O ladrão que sai correndo gritando: pega ladrão. Pega!
    Texto perfeito, Edu. Os trrolls de sempre estão fazendo malabarismos para defender o que não conseguem.

  • O principal é que, numa democracia, o ônus da prova CABE A QUEM ACUSA.

    Acusar é fácil. Os demotucanos estavam acostumados a derrubar inimigos acusando de qualquer coisa.

    O Governo não deve ceder, seja no “caso” Palocci, seja no Código Florestal, seja no caso do livro que descriminaliza o linguajar do povo (sem deixar de ensinar a língua culta).

    Chega de ceder a chantagens.

    • Roberto Pereira

      Pra salvar o Palocci já cederam o código florestal pros ruralistas e cederam o kit anti-homofobia pros evangélicos.

      E vão continuar cedendo e levando o governo cada vez mais pra direita caso o Palocci continue no governo.

      O cara tem rabo de palha.

      Errou quem colocou ele lá achando que suas amizades paulistas e seu verniz tucano o salvaria do PIG.

      Como se, vê caíram do cavalo.

      Lei de mídia com Palocci? Nem em sonho.

  • marta

    Edu, acho que, neste caso, estas enganado. desculpa. Um ministro de Estado deve explicações sobre qualquer dúvida que paire sobre sua idoniedade, pois ao não fazê-lo torna o governo do qual participa refem, tanto da mídia quanto das bancadas políticas. Segundo consta, já começou a barganha. O governo suspende o tal de Kit sobre a homofobia e a bancada religiosa não apoia a criação da CPI sobre o Palocci. Assim, me parece que o Min. Palocci, sem julgamento sobre a legalidade, moralidade ou se não é ético ter ele ganho dinheiro com uma empresa de consultoria, deveria vir a público e esclarecer este assunto de uma vez por todas. Não o fazendo está prejudicando politicamente o governo do qual participa.

  • Emília

    CONCORO COM VOCÊ, Edu. ESTOU INDIGNADA COM ESSA IMPRENSA PODRE, VENAL E HIPÓCRITA. Não gosto do Palocci, ele é escorregadio como uma enguia, mas ele não agiu diferente de nenhum outro ex-ministro da Fazenda ou ex-presidente do Banco Central. Por que os congressistas não mudam a Constituição e coloquem ex-governistas em “stand by” de pelo menos um ano, antes de se tornarem “consultores” privados?

  • Gerson Carneiro

    A filha do Serra é proprietária de uma empresa especializada na quebra de sigilo como já demonstrado em reportagem da revista Carta Capital no auge das acusações contra o pessoal da campanha da Dilma.

    E interessante que no início das acusações contra Palocci o José Serra permaneceu quietinho, como a dizer “fico quieto e ninguém desconfiará de mim”.

  • Gerson Carneiro

    Mais da casta política no Brasil (a seguir resumo de matéria extraída do site http://www.viomundo.com.br):

    Governo Alckmin ignora a denúncia da Folha e a apuração pela Justiça, e mantém contratos suspeitos para a construção da Linha 5 – Lilás, do Metrô: prejuízos aos cofres públicos estimados em R$ 304 milhões.

    Em outubro do ano passado, o jornal Folha de S. Paulo (http://www1.folha.uol.com.br/poder/820054-resultado-de-licitacao-do-metro-de-sao-paulo-ja-era-conhecido-seis-meses-antes.shtml) a suspeita de fraude na licitação de R$ 4 bilhões de reais para a linha 5 do Metrô.

    A denúncia se baseou num vídeo e documento, com firma reconhecida em cartório, que anunciavam seis meses antes da conclusão da licitação os vencedores de seis lotes (3 a 8) da linha 5 – Lilás.

    Após a denúncia o então governador de São Paulo, Alberto Goldman (PSDB), suspendeu a contratação das empresas vencedoras da licitação porque a Corregedoria do Estado também achou indícios de irregularidades. (www1.folha.uol.com.br/cotidiano/827663-metro-de-sp-suspende-contratos-da-linha-5-lilas-apos-denuncia.shtml) .

    Apesar de todos os fatos, o governo Geraldo Alckmin, precipitadamente, validou as licitações dos sete lotes ( 2 a 8) da Linha-5 e os contratos daí decorrentes, que serão feitos por sete consórcios suspeitos de terem repartido a obra.

  • Fabio Amaral Di Fini

    A mídia cismou que vai ter a cabeça de Palocci, seja como for. Só que não vai tê-la! Não há sequer um motivo aparente para retirar Palocci da Esplanada; se Dilma o fizer por pressão da mídia, estará capitulando diante da mesma e aí quem mandará no Brasil será ela e não a presidenta… Por outro lado, acho a maior perda de tempo ficarmos aqui discutindo com essas ‘virgens do demotucanato’, que endossam os absurdos que a mídia apregoa… Essas ‘virgens’ antes de tudo, estão irritadas porque continuarão ‘virgens’ até o fim dos tempos, pois o demotucanato há muito broxou…

    • Salvador

      “Essas ‘virgens’ antes de tudo, estão irritadas porque continuarão ‘virgens’ até o fim dos tempos, pois o demotucanato há muito broxou…”.
      Perfeita reflexão.

  • Luiz Monteiro de Barros

    Outro dia havia e há ainda celeuma na esquerda sobre a Ana de Holanda que esta do Palocci se sobrepõe por enquanto. Então li uma noticia de que Dilma colocara suas mãos nos ombros da Ana e disse “continue firme”.

    Este caso do Palocci é o mais intrincado de todos os que trouxeram polemicas na blogosfera (O feminaze, o da vaidade dos blogueiros progressistas com o Lula; do nome e sem participação de mulheres. Quando só PHA colocava “o presidente que tem medo”. A visita de Dilma no aniversario da Folha, etc etc).

    Hegemonia, maioria absoluta, são conceitos dinâmicos, jamais absolutos. Nas eleições Serra teve 44 milhões de votos e Dilma precisa governar para todos. Viva a diversidade.
    PHA já marcava muito antes do final da campanha que Palocci não poderia integrar o ministério. Ele tinha e tem seus motivos (37 processos que lhe move Daniel Dantas amigo de Palocci) Veja o paradoxo se foi a Folha que começou e ele sempre explica como Folha*

    Este caso está cheio de paradoxos ou de aparentes contradições. Assistam o Palocci no Instituto Millennium no seminário liberdade de expressão observem a data(Veja lá em 24/03/2010 em http://www.advivo.com.br/blog/antonio-ateu/politica-palocci-no-instituto-millenium-em-2010 . então por que eles não “blindam” o Palocci?

    Alguns blogueiros vociferavam contra Palocci um dos 3 porquinhos como era alcunhado, muito antes da nomeação definitiva.

    O PHA o que mais se destacava. E ele agora a repercutir a noticia inicial da Folha sobre o Palocci. A mesma que ele nomeia e explica com Folha*(*) ‘é um jornal que não se deve deixar a avó ler, porque publica palavrões. Além disso, Folha é aquele jornal que entrevista Daniel Dantas DEPOIS de condenado e pergunta o que ele achou da investigação; da “ditabranda”; da ficha falsa da Dilma; que veste FHC com o manto de “bom caráter”, porque, depois de 18 anos, reconheceu um filho; que matou o Tuma e depois o ressuscitou; e que é o que é, porque o dono é o que é; nos anos militares, a Folha emprestava carros de reportagem aos torturadores”

    Este é emblemático; blog o Communard do Johan de Fortaleza que acompanho faz tempo tem este post “Carta aberta de um blogueiros progressista” de 02 de novembro de 2010 em
    http://ocommunard.wordpress.com/2010/11/02/palloci-meireles-e-helio-nao/ Vejam a data.

    “Palocci, (e outros) são praticamente os únicos governistas ostensivamente defendidos pela mesma camarilha pseudo-jornalistica que furiosamente atacaram com infâmias o governo Lula e, sobretudo, com especial crueldade, sua candidatura. Não preciso nem dizer com quais ataques.

    Palocci, Sra presidente, foi o fiador mais radical do neoliberalismo brasileiro, capaz de fazer corar até um Malan, para ilustrar seu corolário direitista basta comparar suas declarações sobre economia com a plataforma da ultra-direita americana do Tea Party. …… Há ainda um fato político inaceitável de ter sido convidado pelo Instituto Millennium. Suas políticas foram as principais responsáveis de, por exemplo, levar o Lula a ser vaiado como traidor em uma das edições do Fórum Social Mundial. Além de ter defendido a concentração das mídias no Brasil no ultra-direitista Instituto Millennium, cujo foi o único petista convidado”

    O caso Palocci por outro lado vejo ele sendo exemplarmente defendido (não há crime o que há é linchamento o tal de assassinato de reputação uma das ferramentas do PIG) pelo Miguel do Rosário do Óleo do Diabo.

    Este caso encontra na diversidade uma minoria defendendo Palocci (não há crime) e uma maioria contraditoria que une a oposição (DEM e PSDB tentando convocá-lo para depor na Camara), PHA, Rodrigo, Carta Capital com Mino com o seu “O poder quando corrompe” cujos botões lhe dizem ser imprevisível o que Dilma fará.

    Atenção Discordo do Mino que apoiou o Lula e a Dilma no caso da extradição do Battisti que ele defende ainda neste mesmo artigo lá acima. Não há convergencia absoluta, quando muito é a nossa intuição que nos conduz.

    Se ele cair ou sair significa uma divisão na elite que ele representa. O colunista Palocci da Folha desagradou uma parte do grupo.
    É um teste enigmático para Dilma OU ME DECIFRAS OU TE DEVORO”. Até que ponto manter Palocci significa varias concessões como muitos já insinuam.

    Enquanto isso o Código Florestal foi aprovado na Câmara (por enquanto e com a promessa de Dilma vetar a anistia) com a acachapante votação de 410 x 63 e muitas analises dizendo da falta de hegemonia da base governista. Já se coloca Dilma fragilizada. Outro teste.

    Dormir com esta diversidade é preciso de muito auto ajuda.

  • Apesar de Sarney ser o que sabemos que ele é, este sim, bem complicado, teve a nossa defesa. E o defendemos por um único motivo: a queda de Sarney naquele momento seria trágico para o progresso do Brasil, ou seja, para a continuidade deste projeto maravilhoso em andamento

    Defendemos Sarney porque sabíamos que, ruim com Sarney, pior sem ele, isto porque, os “eticos” tipo Zé Agripino Maia, Marconi Perillo, et caterva assumiriam a presidência do Senado. Se isto tivesse ocorrido, com o Senado nas mãos do PSDB, duvidododo que Dilma teria sido eleita.
    A lógica agora é a mesma e, como se vê, por muito menos gente da esquerda embarcou na canoa furada do pig

    Como já conheço esta história, tô fora
    Fica Palocci!!!

    • Luiz Monteiro de Barros

      Muito bem este paralelo com o Sarney. Quantoi tempo demorou a tentativa de assassinato de reputação. è uma das famosas e mais perfidas ferramentas do PIG. E vencemos ele permaneceu

  • Yacov

    Senão vejamos:

    1 – Quebra de sigilo de 60 milhões de brasileiros pela filha do serra, PODE, mas a quebra de sigilo do Francenildo pelo Palocci, NÃO PODE??

    2 – O Ex-ministro do PT ganhar uma fortuna fazendo consultoria após sair do governo NÂO PODE, mas todos os ex-ministros do PSDB-DEM e da direitona que ficaram ricos fazendo a mesmíssima coisa, PODE??

    3 – Investigar um monte de corruptos na “Operação Castelo de Areia”, NÂO PODE, porque baseada em denuncia anônima, mas acossar o COngresso para fazer uma CPI baseada numa denúncia apoiada em quebra ilícita de seu sigilo fiscal, PODE??

    Eu pergunto: QUE PAÌS È ESSE????????????????????????????

    “O BRASIL PARA TODOS não passa na glOBo – O que passa na gLOBo é um braZil para TOLOS”

  • Augusto

    Palocci deve cair. Precisa cair. Palocci é um sujeito podre! Cheira mal, muito mal. E aí eu não estou me referindo à corrupção propriamente dita nem à ética, muito embora nesses dois aspectos ele também não mereça o menor respeito. Um cara que redige uma carta juntamente com o capo do consórcio mafiomidiático, a quem também entrega um caseiro, não pode ser ministro do governo no qual votei. Você ainda não percebeu, Eduardo, mas enquanto Palocci estiver no governo, não haverá banda larga, não haverá lei da mídia nem do direito de resposta, não haverá apoio às mídas alternativas, não haverá redução dos juros, não haverá apoio aos movimentos sociais. E, como se não bastasse, Palocci tornou-se moeda de troca no Congresso, onde a bancada fundamentalista evangélica, para ficar apneas num exemplo, ameaça convocá-lo caso governo insista em acabar com o preconceito aos homossexuais no Brasil.

    • Ricardo

      o umbigo fala mais alto.

    • Luis Armidoro

      Falou tudo. Sustentar Palocci (um tucanão enrustido envenenado de neoliberalismo) já está custando caro: aprovação do código de devastação florestal, tranco na politica econômica (mantendo os juros para o “mercado”), recuo em politicas educacionais. Se este cara tivesse um pingo de vergonha, pedia licença enquanto se apura o que houve (Henrique Heargraves, no Governo Itamar, se licenciou enquanto se apurava uma denúncia, que era falsa, e voltou tranquilamente ao governo. Palocci é tão insubstituível assim para não se afastar?)

    • Ivan Moraes

      Verdade pura, Augusto. Se o Brasil precisa de um Palocci pra “ir pra frente”, entao que caia o Brasil inteiro. Eh preferivel.

      Isso INDEPENDE da reacao da media, que nao pauta decisao minha e nunca o fez.

      • eduguim

        para você, que não vive no Brasil, Ivan, pode ser. Mas para quem, como eu, é afetado pelo que acontece neste país, não dá. Sorry, não vou deixar que o Brasil “caia” só para contentar as idiossincrasias moralistas de alguns

        • Ivan Moraes

          Nada a ver com moralismo de minha parte, claro. De parte da media sim mas nao minha.

          Injustica foi feita e nunca foi desfeita. Alias, a injustica continua sendo feita.

          • Leonardo Meireles Câmara

            Absolutamente de acordo contigo, Ivan. Fora Palocci, pra ontem!

        • Caíto

          Esse país não tem donos (tipo: nós sabemos o que é melhor para vocês). Corrupção escancarada, enquanto deputado federal em pleno mandato. Arrumar tempo para “consultoria” como? Lamentável coonestar esse tipo de comportamento.

    • Antonio Junqueira

      Observadas regras e costumes consolidados há décadas e que norteiam o cenário político tupiniquim e considerando ainda que, pensar não é compactuar com o que está posto e sim estabelecer caminhos viáveis para que transformações ocorram, podemos afirmar que tem quem pense a política real estabelecida e tem quem comente essa política, normalmente a partir de informações de quem pensa e possui instrumentos midiáticos para propagar em massa o que pensa em fatos, para os que apenas comentam, o que ele quer que pensem, como se pensassem realmente a política.

      Para quem pensa a política como está posta, é um martírio obsequioso, em casos como do Palocci, observar comentaristas, atingidos no calcanhar da indignação induzida, fazerem o jogo da oposição.
      Fazer o que? É do jogo democrático.

      Mas, Eduardo Guimarães contra-ataca, pensando e escancarando comparativamente, com a reação diametralmente oposta da mídia em relação a quebra dos sigilos de Sérgio Ricardo e Monica Serra com o do Palocci.

      Dois pesos e duas medidas, explicitos e vergonhosos, mas que não deixam nem um pouquinho coradas as organizações da dona Judith, pois o que interessa é alcançar o objetivo traçado pelos midiáticos líderes confessos da oposição.

      Então, ao invés de pelo menos pensar e comentar o que o Eduardo escancarou, ficar recomentando ad infinitum a variação patrimonial do Palocci, só pode ser coisa de viúvo da velhinha de Taubaté com espírito vigilante de mãe de miss.

      Mas vamos lá, mais uma vez, não custa.
      A palavra é, GOVERNABILIDADE.

    • Geloca

      Concordo plenamente com você, Augusto. Calma Eduardo, estive com você sempre, mas agora não dá, é insustentável defender Palocci e não é questão de moralismo udenista…veja quantas esparrelas ele aprontou no primeiro governo Lula.

      • izabel ap.

        É verdade Geloca,é uma esparrela mesmo,o que o Palocci fez no primeiro mandato do Presidente Lula,de ter tirado o País do burraco quando o Lula recebeu a herança maldita do tucano FHC.

  • O pig é expert em transformar questiúnculas como esta do enriquecimento de Palocci numa grande questão.
    Incrivel o que tem de papagaio de jornal caindo de patinho
    Comigo não Tavinho Ditabranda

    • Roberto Pereira

      Se vc tiver uma “questiúncula” de VINTE milhões sobrando pode me ceder que eu aceito.
      kkkkkkkkk

      • Sim Roberto, uma questiúncula sim, pq Palocci ganhou seus milhões através de meios lícitos
        Agora uma grande questão que o PIG deixa passar batido:
        O Arminio Fraga comprou MacDonalds por 1,5 bilhão de dólares. Palocci cometeu a imprudência de comprar um apartamento.

        Vc sabe quem é Arminio Fraga?
        Ex-ministro de FHC

        E o outro, o Pérsio Arida, triolhionário às custas de roubalheira, pego pela Operação Sarthiagaha

        • lucile

          Boooooa!

        • Willans

          Não concordo com a lógica do “se eles podem, poque eu não”. Essa postura condescendente com os corruptos, sejam da direita ou da esquerda, é que faz do Brasil um país das mentiras, do atrazo e da impunidade. Não se pode justificar um erro com outro erro. O erro se corta pela raiz ou ele sufocará o anseio pela retidão e tudo se banalizia e se nivela por baixo. O Pallocci já teve mais oportunidades do que seus méritos possam justificar. Dilma e Lula prestam um desserviço ao país, apoiando esse sujeito, em vez de defenestrá-lo sem pudores.

          • Nada disso Willians, o PIG que diz isso que vc está dizendo.
            Será mesmo que não podemos comparar?
            Como podemos permitir que os podres de uns sejam mostrados e de outros não, qual a lógica disso garoto
            Ah sim, a zelite pode roubar, que o diga Maluf, Armínio Fraga,…
            E olhe lá que Palocci não cometeu qualquer ilícito
            Amigo, não seja papagaio de jornal

        • Abel Botelho

          Armínio Fraga era milionário antes de ser Presidente do Banco Central. Pérsio Arida sempre teve posição de destaque no mercado financeiro, pois se trata de economista de renome. Já o “Tony” é médico…

        • Daniel

          …mas o Armínio estava na iniciativa privada. O Palocci não largou o osso, tava na vida pública.
          Sinceramente, independente se a mídia está querendo criar um crise para governo, é inconcebível ficar defendendo esse cara. Tá parecendo à época do governo FHC, que toda denuncia contra algum aliado o governo dizia que a oposição tava querendo criar uma crise…
          O governo ta indo muito bem e pode continuar muito bem sem ele.

      • Portanto Roberto, quem sabe vc pedindo um pouquinho aos bilionários ministros tucanos vc consegue alguma coisa

        • Roberto Pereira

          A indecência de TUDO é usar JUSTAMENTE ISSO como defesa.
          Incrível como vcs não percebem!

          Que a Folha quer fod___ com o PT, o Lula e a Dilma até as pedras sabem, mas isso não deve servir de desculpa para fazer vista grossa ao Sr. Palocci.

          Que raio de consultoria que um médico/deputado faz que rende 20 milhões num ano e dez milhões logo após as eleições?

          E se vcs acham que manter um ministro frágil desses a qualquer preço no governo vai ter algum bom resultado aconselho a ler o que já anda custando em termos de cessão ao que há de mais atrasado nesse país:

          Bancada ruralista e bancada evangélica.

          E não vai parar por aí.

          Pode ter certeza disso.

          • Não seja ridículo, Palloci não recebeu o que recebeu por ser mádico nem por ser deputado, mas por ter sido ministro da fazenda. Essa informação ESSENCIAL você omite de seu comentário, seja por má-fé, arrogância ou ignorância mesmo…

            É fato comum que pessoas que ocupem cargos desse nível remunerações altíssimas ao sair do governo. Feitas as devidas desincompatibilizações, quarentena e declarando os vencimentos corretamente, coisa que o Palloci fez, não há nada de ilegal e nem ao menos imoral nisso.

            Não há a menor suspeita de ilicitude e é isso que se está alegando, não estamos falando que um erro justifica outro, estamos falando que não há erro.

            O que há é vontade de atacar e derrubar o Palloci, só isso. Mais nada. Difamação, mentiras, intriga e ignomínia, onde se enquadra seu comentário.

          • Flavio Lima

            E voce, amigo, esta sendo pautado pelo tavinho… o Edu Gui esta lucido na avaliação dele. E não sou fã do Pallocci não, mas é mais ou menos como ter entregado o sarney pouco tempo atras: caindo na armadilha dos reaças.

          • Marcio Batista

            Perfeita consideração.

            Essa blindagem vai custar caro.

          • Que raio de consultoria que um médico/deputado faz que rende 20 milhões num ano e dez milhões logo após as eleições?

            Nossa, como vc está por fora. Não venha me dizer que vc não sabe que para estas empresas que faturam muita grana, para elas é café pequeno pagar milhões por uma asssessoria, se for ex-ministro então basta uma informação, nem precisa ser um longo parecer, o retorno em termos de lucro é certo, por isso essas empregam pagam, por isso Palocci faturou numa boa, de forma limpa, e declarou à Receita.

            Insisto: onde é mesmo que está a ilegalidade ou imoralidade de Palocci

            Por ter ficado rico no sistema capitalista

            Conte outra piada Roberto

          • Roberto Pereira

            A Ruy Acquaviva – eu não sou ridículo é você que não consegue entender uma ironia. kkkkkkkkkkkk

            Ao Spin – é EXATAMENTE isso – empresas pagam milhões a um DEPUTADO FEDERAL em pleno exercício do cargo que possui amplo trânsito dentro do governo mesmo tendo sido defenestrado num escândalo de quebra de sigilo e entrega de informações de um cidadão meia boca para um revista.

            Por que?

            ESSA É A QUESTÃO.

            A única informação/consultoria que um MÉDICO/DEPUTADO poderia fornecer que valesse todo esse dinheiro não deve ser do tipo que se compra ou se consegue com qualquer um.

            UM cara que vende informação privilegiada até dois meses antes de entrar no governo é confiável?

            Pra quem um cara desse tipo governa?

            Se vcs acham tudo isso uma maravilha só posso lamentar por vcs.

            A luta política os cegou e os deixou tão cínicos como os do lado de lá.

            E EU DUVIDO QUE VCS DOIS DIRIAM A MESMA COISA SE O GOVERNO FOSSE DO PSDB.

            Olhem bem no espelho e sejam sinceros com vcs mesmos.

          • Geloca

            isso, mesmo.

      • No padrão de pesos e medidas que a midia utiliza ha seculos para avaliar os fatos, e no que deveria utilizar agora para ambos os lados , não deixa de ser questiuncula sim.
        Porque agora deveria deixar de se-lo?
        voce e eu sabemos a resposta, isso é o pior.

  • Mayrpedrao

    Entendi, você é pelo direito e apoia o Governo, nós também!
    A diferença é que não acredito que haja um homem forte no Governo, mesmo porque este homem seria mulher, Dilma Roussef.
    Quero que o Governo Dilma siga seu caminho, sem tropeços, que caiam todos que tiverem que cair e fique somente aquele que estejam com ela, incondicionalmente. A Dilma não cai se o Palocci cair, pelo que vi nesta última eleição, o povo apoia este governo, independentemente do Pig temos os blogueiros para estreitar as distância e mobilizar os Brasileiros.

    Segue abaixo algumas declarações de apoio ao Palocci:

    ‘”Bons rendimentos promovem uma variação patrimonial” Serra

    ‘”Não é nossa intenção desestabilizar o governo” Aécio

    Carta Capital 25 de maio 2011 nº647 ano XVI – pag.24

    Outro ponto, por que o Pig está tão manso?

    “Coincidência ou não, na semana anterior à revelação pela folha do patrimonio do Palocci, a revista Veja publicara uma reportagem sem maiores repercussões contra Dirceu”

    Carta Capital 25 de maio 2011 nº647 ano XVI – pag.27

    “Mas a passividade do tucanato foi o aspecto mais impressionante do episódio. Sobre tudo porque um dos primeiros a defender Palocci foi Serra”

    Carta Capital 25 de maio 2011 nº647 ano XVI – pag.22

    Agora algumas escritas do Edu:

    Em Defesa e FHC

    “Quero deixar uma coisa bem clara: se eu tiver que me transformar naqueles que combato para combatê-los, prefiro entregar os pontos. Até porque, acho desnecessário usar esses métodos quando há outros tão mais eficientes como, por exemplo, usar a verdade, que considero uma força da natureza.”

    http://edu.guim.blog.uol.com.br/arch2009-11-15_2009-11-21.html#2009_11-18_18_02_20-3429108-0 acessado:25 de maio 2011

    “O Limite da fé

    Quero muito que o governo Dilma dê certo, mas quero deixar claro que não apoiei as idéias de Lula ou a candidatura de Dilma por causa do ex-presidente. Apoiei o ex-presidente e a candidata que escolheu pelas idéias dele e pelo governo que fez. Ou seja, eu jamais apoiaria um político sem saber por que estou apoiando, e é isso o que estou vendo acontecer com algumas pessoas respeitáveis.
    Uma coisa posso garantir: do lado em que estiver o PIG, não fico nem que a vaca tussa. Se o governo de Dilma se tornar o queridinho da imprensa golpista assim como foi o de FHC, vou para a oposição. Porque essa imprensa é a causa e o efeito de tudo que há de ruim neste país e representa as oligarquias podres que tornaram o Brasil um dos campeões de injustiça social.”

    http://www.blogcidadania.com.br/2011/02/o-limite-da-fe/ acessado 25 de maio 2011

    Penso que a sua influência neste blog deva ser levado a sério, a verdade só aparece se estamos munidos de informação.
    Aqui as criticas dos comentários não acontecem em cima do que tá escrito, o autor do comentário ganha um rótulo.

    O Marcelo de Matos se engana quando anuncia que o comentário está em local errado, é aqui mesmo que deve estar. Estou para construir não destruir, meus comentário não são pessoais, são indagações, ingênuas pode ser.

    Para que não me rotulem de Demo-Tucano vou contar qual minha posição politica.
    No ano de 2002 estive em Porto alegre para o FSM II ano em que a festa só acabaria no ano seguinte após FHC entregar a Faixa de Presidente para o Lula, onde estive também, depois de comer melancia com farinha na comitiva do PT.
    Tambem estive na Maksoud Plaza numa reunião sobre qual o papel da esquerda no Brasil. No encontro dos Blogueiros Progressista participei todos os três dias. Então, acredito que não me cabe o rótulo de Demo-Tucano.

    A busca pela transparência só é possivel atravéz da informação.

    Abraço

    • Se o Palloci cair o PIG vai usar isso dizendo que é prova que havia alguma coisa errada.

      E se ele cair não tendo havido NADA, porque de fato NADA há, então o PIG poderá derrubar quem ele quiser e quando quiser.

      Estou debatendo esse assunto a dias desafiando a todos acusadores, principalmente os mais inflamados, a dizerem o que o Palloci fez de errado e até agora nenhum me disse. Só mentiras do tipo “vendeu informação privilegiada” (mentira, ele não dispunha de informação privilegiada) e insinuações do tipo “aí tem coisa” e “eu não acredito nele” que nada dizem exceto da imensa má-fé de quem fala.

      Deixar um ministro cair sem haver NADA é deixar o governo nas mãos da imprensa e isso não vai acontecer.

      • Abel Botelho

        se não houvesse NADA, o ex presidente não teria tirado o pijama e ido em desabalada carreira para Brasília tentar por panos quentes. nunca vi tanta humilhação a um governante como essa sofrida pela Dilma com essa intromisão do Lula.

      • Mayrpedrao

        Por que toda responsabilidade em relação as explicações cairam sobre a Presidenta Dilma?
        O Palocci recebe apoio de quem este blog e todos os outros sempre tiveram asco, Serra. Não tem nada estranho nisso. A veja sempre muito feroz em seus ataques, neste caso não, pelo contrário, encontrou virtudes num petista, coisa que nunca aconteceu.
        Não tem nada estranho? Este é o papel da Presidenta, salvar um membro do governo a qualquer custo, a cima dos interesses da nação?

  • Ed.Lima

    O que está em jogo,p/ o PIG e os Demotucanoides, é a Eleição de Aecinho em 2014,desgastar,desgatar e desgastar o Gov.Dilma p/ cacifa-lo eleitoralmente.ÊLLES só não sabem que na próxima,teremos uma dupla IMBATÌVEL(DILMA-LULA)2014.Bye,bye Aécio.Em 2018(LULA-DILMA) atéééééé……..

    • Essa tática deu errado em 2005 e 2010 e tem chances muito menores ainda de ter sucesso em 2014. É o suicídio político da direita demotucana. Conheço pessoas que se enganaram no primeiro e no segundo mandato do Lula, mas que agora estão achando uma palhaçada essa onda de denúncias vazias contra o Palloci. Nós ainda vamos ver esse tiro sair pela culatra e atingir os demotucanalhas midiáticos que estão mirando.

      E digo mais, os inimigos do Palloci que estão tentando aproveitar essa onda vão acabar avaliando que foi um enorme erro e se arrependendo de dar essa força para uma campanha sórdida e mentirosa como essa, que pode (e eu acho que vai) se virar contra eles mesmos.

  • Celeste

    Excelente, Eduardo! Também concordo com vc em genêro e número e estou indignada com tudo isso!!
    Não sou muito fã de Palocci, mas odeio injustiça e não vejo nenhum crime cometido por ele.
    Fico impressionada com a cegueira dessas pessoas que embarcam nesse processo de crucificação e sangria desatada contra o ministro, como bestas feras… irracionais…pobres coitados dignos de pena!!!
    Só espero que a nossa Presidenta não fraqueje e entregue o Ministro aos leões.

  • José do Ceará

    Enquanto o consórcio do inferno(pig+psdb+dem) apostam em dossiês,denúncias e etc, vejam o que aconteceu ,hoje, no Nordeste Brasileiro(Ceará) : Inauguração de mais uma UNIVERSIDADE FEDERAL.

    Unilab integrará povos da Língua Portuguesa
    Qua, 25 de Maio de 2011 16:55
    O governador Cid Gomes acompanhou o ministro da Educação Fernando Haddad, nesta quarta-feira (25), durante a inauguração da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), sediada no município de Redenção, no Ceará. Na universidade serão atendidos inicialmente 360 estudantes das nações que fazem parte da Comunidade Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP): Portugal, Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Moçambique e Timor Leste.

    Durante a cerimônia, Cid Gomes anunciou que se for concretizada o sonho da oferta do curso de Medicina da Unilab, o Governo Estadual construirá no município, mais um hospital regional de alta complexidade, o Hospital Regional do Maciço de Baturité. O Governador também citou que já está dotando a região de infraestrutura para facilitar o desenvolvimento dos municípios do Maciço. “ Tenho o compromisso de duplicar o trecho da CE-060 entre os municípios de Pacatuba e Redenção; construir a estrada que ligará os municípios de Redenção a Pacoti”, explicou.
    O titular do Executivo estadual lembrou ainda que a implantação da Unilab contou com o papel fundamental do ex-presidente Lula que foi responsável pela expansão do ensino superior no Ceará. “Tínhamos quatro Institutos Federais de Educação Ciência e Tecnologia (IFC), estamos atualmente com 18 e até o fim de julho, serão 23 Institutos. A oferta de cursos da Universidade Federal no Interior eram apenas dois. Hoje são 28 cursos ofertados no Interior do Estado”, citou.
    O Governador também destacou que através da parceria com o Ministério da Educação (MEC), o Governo do Estado está construindo 130 escolas de educação profissional. “Todos os municípios com mais de 25 mil habitantes estão recebendo essas unidades para dá oportunidades aos jovens do Interior cearense. Na semana passada inauguramos a unidade número 70 e nesta terça-feira vamos inaugurar mais uma escola profissionalizante em Beberibe”, disse. Cid Gomes também agradeceu ao ministro pelo apoio aos projetos de educação na área da educação.

    Para Fernando Haddad, o Ceará é um estado referência na educação. E para ele, Redenção, por ser a 1ª cidade a abolir a escravidão, teria que sediar uma unidade de educação. “Só a liberdade não nos basta. Precisamos da educação que é uma segunda libertação”, destaca. O Ministro lembrou que a concretização da implantação da Unilad surgiu da ideia do ex-presidente Lula em pagar uma dívida histórica com os países do continente africano. Fernando continuou a afirmar que já está no Congresso Nacional, a pedido da presidenta Dilma Rousseff, a medida que visa implantar 200 unidades de cursos técnicos federais, que juntamente com as 400 já implantadas, mudará o perfil dos jovens brasileiros.
    O representante do Governo Federal aproveitou para anunciar ao Governador que o município de Sobral será assunto, nos próximos dias, dos educadores do mundo. Isso porque, segundo ele, a educação em Sobral é padrão de referência e que o município é o único do Nordeste na avaliação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) a estar entre os 100 primeiros em desempenho escolar. “Sobral é um exemplo nacional”.
    A Unilab, nesta fase inicial está ofertando os cursos de Agronomia, Administração Pública, Ciências da Natureza e Matemática, Enfermagem e Engenharia de Energias. Mas de acordo com o reitor, Paulo Speller, já há a provocação por parte da Universidade da ampliação para ofertas de cursos de Medicina, Farmácia e Saúde Pública. Começa a funcionar no antigo Centro Administrativo da Prefeitura de Redenção, que recebeu aproximadamente R$ 7 milhões do Governo Estadual para investimentos em reformas e ampliação. Mas de acordo com Cid, um terreno de 130 hectares já está sendo disponibilizado e a licitação está prevista para o próximo mês de setembro, para abrigar definitivamente a Universidade.

  • janes salete

    A mídia lava a alma com os justiceiros tupinicas! A imprensa sabe que eles adoram um escandalozinho toda semana e ela “tira partido” disso. O brasileiro está sendo levado pela mídia, a fazer “justiça” imediata, mas, claro, só enquanto o acusado for o vizinho.

  • Osvaldo

    Prezado Eduardo,

    Concordo totalmente contigo.

    Qualquer pessoa com um mínimo de bom senso percebe que a intenção da mídia não é fiscalizar ou cobrar moralidade.

    É criar muitas dificuldades para a Dilma.

    E para os tucanos criar facilidades.

    Quem ainda não notou isso até hoje?

    Que democracia é essa?

  • Décio

    Cacilds, devem ter enterrado uma cabeça de burro no andar da Casa Civil, porque, vou te contar, hein!!!!
    O Zé, depois a Erê e agora o Palocci!!!
    A coisa tá feia.

  • Edu, acho que o grande problema é que o Palocci é um dos ministros mais neoliberais de Dilma. É por isso que muitos blogueiros progressistas querem que ele vá embora.

  • Pedro Soto

    Prezado Eduardo
    Essa questão da atitude da mídia com relação à quebra do sigilo bancário (antes era um crime capital e hoje “não estamos nem aí”) dá bem uma idéia de quais são as verdadeiras intenções dessa gente com relação ao futuro do nosso país.
    Eles estão se lixando para o que é honesto ou moral ou imoral ou seja lá o que for. A única coisa que realmente almejam é enfraquecer o governo Dilma para a volta dos seus interesses político-econômicos ao poder. Em resumo, só pensam na volta das famigeradas privatizações, cortes de aposentadorias, demissão de funcionários públicos, arrocho salarial, cortes de impostos para os mais ricos, submissão total aos Estados Unidos na política externa e todo o resto que já estamos cansados de conhecer da cartilha neoliberal.
    Eles só não sabem é que estão perdendo tempo com a grande maioria do povo brasileiro que, como no meu caso, não lêem, não assistem e não ouvem nada que venha do PIG porque têm mais o que fazer.
    Portanto, que ladrem à vontade. As urnas os esperam.

  • Carlos Henrique

    Assino embaixo de cada letra do que você diz! Apenas aconselho a que comecemos a agir logo contra tamanha arbitrariedade, lembrando novamente que muito mais do que defender o Sr.Antônio Palocci, passamos sim, a defender o princípio básico de uma democracia moderna, aquele que diz QUE TODOS SÃO IGUAIS PERANTE A LEI. Aliás, defendemos ainda mais do que isso, defendemos a manutenção de princípios jurídicos elementares, uma vez que a OAB, que deveria defender esses princípios, mantém-se muda. Hoje ouvi algo no rádio do carro que deixou-me chocado : a MÍDIA TENTA RESSUCITAR O CASO FRANCENILDO! ISSO É UM ABSURDO, JÁ QUE PALLOCCI FOI INOCENTADO DO CASO POR ACÓRDÃO DO STF(ÚLTIMO GRAU RECURSAL)JÁ TRANSITADO EM JULGADO. PORTANTO, NÃO CABE MAIS QUESTIONAMENTO SOBRE O FATO. NÃO INTERESSA A OPINIÃO DE NINGUÉM : DECISÃO JUDICIAL NÃO SE DISCUTE, SE CUMPRE. E ASSIM É EM TODA SOCIEDADE DEMOCRÁTICA CIVILIZADA, EXATAMENTE PARA IMPEDIR QUE NOS PERCAMOS EM QUERELAS OPINATIVAS INTERMINÁVEIS. A mídia ignora; além do direito de defesa de Pallocci, além da obviedade de que ex-membros da equipe econômica de FHC enriqueceram muito mais que o ex-Ministro, agora até mesmo esse princípo básico do direito. SE CONTINUARMOS ASSIM, ONDE VAMOS PARAR? A MÍDIA DESENTERRARÁ CASOS JÁ DECIDIDOS PELA JUSTIÇA; À REVELIA DESTA E DO QUE DETERMINA A LEI; SEMPRE QUE DESEJAR ATINGIR SEUS ADVERSÁRIOS. DEPOIS DA “FACA NO PESCOÇO” DO STF, CONFORME RELATOU O MINISTRO LEVANDOVISKY, TAMBÉM TEREMOS MAIS ESSA COAÇÃO AO ESTADO DE DIREITO, FEITA PELOS BARÕES DA COMUNICAÇÃO? SE TIVEREM ÊXITO COM TAIS TRUCULÊNCIAS LEGAIS AGORA, O QUE NÃO FARÃO DENTRO DE ALGUNS MESES, QUANDO SE JULGARÁ O CASO DO INEXISTENTE MENSALÃO(QUE OBVIAMENTE SERÁ REVELADO COMO O QUE DE FATO FOI, UM CASO DE CAIXA 2, O QUE DESMORALIZARÁ OS CORONÉIS ELETRÔNICOS E SEUS “JORNALISTAS” AMESTRADOS); DE QUE VIOLÊNCIAS CONTRA A LEI E A INSTITUCIONALIDADE NÃO SERÃO CAPAZES PARA PROVAREM O ABSURDO QUE QUISEREM? NÃO PODEMOS PERMITIR QUE ESSAS BARBARIDADES, QUE OS BARÕES DA COMUNICAÇÃO E SEUS JAGUNÇOS VÊM PRATICANDO, TENHAM ÊXITO. E MAIS, DEVEMOS DENUNCIÁ-LAS NAS RUAS E PARA O MUNDO, COMEÇANDO POR EXIGIR DO MINISTÉRIO PÚBLICO, GUARDIÃO DA LEI, QUE REAJA DIANTE DO ATAQUE QUE ESSA LEI VEM SOFRENDO. PESSOALMENTE, ATÉ ACHO QUE EXISTEM INDÍCIOS CONTRA PALLOCCI. TODAVIA, SÃO APENAS INDÍCIOS, NECESSITAM DE UMA INVESTIGAÇÃO E DE UM PROCESSO LEGAL PARA VIRAREM CONDENAÇÃO(ATÉ LÁ, PALLOCI É INOCENTE); ALÉM DO QUE, TAIS INVESTIGAÇÕES SÓ TÊM MORAL PARA OCORRER SE AÇAMBARCAREM TODOS OS EX-MEMBROS DAS EQUIPES ECONÔMICAS GOVERNAMENTAIS(COMO PÉRSIO ARIDA, ANDRÉ LARA RESENDE, ARMÍNIO FRAGA)QUE ENRIQUECERAM MUITO MAIS DO QUE PALLOCCI. COMO TAMBÉM DEVE INVESTIGAR PORQUE NINGUÉM QUESTIONOU OS ESTRANHOS ENRIQUECIMENTOS DESSES TUCANOS NA ÉPOCA. ALÉM DISSO, ESSE PROCESSO CONTRA PALLOCCI JÁ INICIAR-SE-IA COM UM VÍCIO, POIS SURGIRIA EM CIMA DE UMA PROVA OBTIDA DE FORMA ILEGAL : FALO DA VIOLAÇÃO DO SIGILO FISCAL DO MINISTRO(REALIZADO PROVAVELMENTE PELA DECLARAÇÃO DO ISS DA EMPRESA DELE, O QUE INCRIMINA A PREFEITURA DE SÃO PAULO), CRIME QUE TAMBÉM DEMANDA A ABERTURA DE MAIS UMA INVESTIGAÇÃO. ASSIM, OU INVESTIGAMOS TODOS, OU JAMAIS AS FORÇAS DEMOCRÁTICAS PODEM PERMITIR INVESTIGAÇÕES SELETIVAS; AO SABOR DAS ANTIPATIAS POLÍTICAS E INTERESSES DE ALGUNS; POIS SÃO AÇÕES COMO ESSA QUE DESANDAM EM PRÁTICAS AUTORITÁRIAS AINDA PIORES, COMO AS QUE JÁ VEM REALIZANDO A MÍDIA, CAPAZ DE DESMORALIZAR ATÉ UMA DECISÃO DO STF. EDUARDO, ASSINO QUALQUER MEDIDA LEGAL QUE O MSM TOME CONTRA ESSES DESPAUTÉRIOS DOS BARÕES DA COMUNICAÇÃO.

    • JÁ QUE PALLOCCI FOI INOCENTADO DO CASO POR ACÓRDÃO DO STF mentira!

      • Carlos Henrique

        CAMPINEIRO : MENTIRA NADA, SEU PSICOPATA TRAVESTIDO! O ACÓRDÃO DO STF; RELATADO E VOTADO; INOCENTOU PALLOCCI POR FALTA DE PROVAS! PILANTRAS DA SUA LAIA, E OS “PILANTRAS-CHEFE” QUE COMANDAM VOCÊS; QUEREM IGNORAR A JUSTIÇA QUANDO CONVÉM AOS SEUS OBJETIVOS DESONESTOS. VOCÊ NÃO PRESTA, POIS TEM OBRIGAÇÃO DE ADMITIR FATOS CONCRETOS. A “DENÚNCIA” QUE A MÍDIA TENTA LEVAR A CABO; A DE QUE A CAIXA TERIA CULPADO PALLOCCI NO CASO FRANCENILDO; FOI RETIRADA DA DEFESA QUE A CAIXA APRESENTOU NA AÇÃO DE INDENIZAÇÃO QUE O CASEIRO MOVE CONTRA ELA! O QUE ESSES PILANTRAS ESPERAVAM QUE A CAIXA ALEGASSE EM SUA DEFESA!!??? ERA ÓBVIO QUE OS ADVOGADOS DA CAIXA TENTARIAM CULPAR O OUTRO ENVOLVIDO, MESMO QUE JÁ INOCENTADO. ESSA É A TÁTICA DE DEFESA MAIS ELEMENTAR QUE EXISTE. SE A CAIXA NÃO TENTAR LIVRAR-SE DA CULPA, NÃO NECESSITARIA DE PROCESSO E TERIA PAGO ESPONTANEAMENTE A FRANCENILDO. ALEGAÇÃO DE UM RÉU EM DEFESA NÃO PODE SER LEVADO A SÉRIO COMO COMPROVAÇÃO DE NADA(A MENOS QUE POSSUA ALGUMA PROVA MATERIAL, O QUE NÃO É O CASO). QUALQUER RÉU TEM O DIREITO DE ALEGAR O QUE QUISER, O QUE NÃO SE PODE É TRANSFORMAR ALEGAÇÃO EM FATO, JÁ QUE É APENAS UMA ALEGAÇÃO. DO MESMO MODO, PALLOCCI TAMBÉM CULPOU A CAIXA. COM UMA DIFERENÇA FUNDAMENTAL, PALLOCCI JÁ TEVE SUA CULPA LIVRADA PELO STF; EM ACÓRDÃO TRANSITADO EM JULGADO(NÃO INTERESSA A SUA OPINIÃO!)E AS ALEGAÇÕES DA CAIXA AINDA TERÃO SUA VALIDADE ANALISADA POR SENTENÇA DE JUÍZO DE 1º GRAU, SOB A QUAL CABERÁ RECURSO. ENQUANTO ISSO, SÃO APENAS ALEGAÇÕES! DEU PARA ENTENDER, DEBILÓIDE! OU VOCÊ NÃO QUER ENTENDENDER?

        • Christoph (ex Campineiro)

          Não teve, mentiroso, eles decidiram que não abririam processo contra ele por falta de provas.
          Com as ultimas confissões da Caixa estas provas existem.
          BABACA
          Alias nem sei pq entrei nesta de debater com um aloprado como vc

          • Carlos Henrique

            BABACA E ALOPRADO É VOCÊ, SEU ANORMAL, CAPAZ DE ESCONDER-SE EM APELIDOS IDIOTAS E NOMES PATÉTICOS(“EX-CAMPINEIRO, CHRISTOPH” : VOCÊ É O QUE, SEU DOENTE MENTAL!? NÃO TEM IDENTIDADE, CARA, É APENAS UM TROLL DE MERDA, UM VERME, UM IDIOTA A REPETIR OS SLOGANS PRÉ-FABRICADOS DAQUELES QUE TE EXPLORAM). A EXTINÇÃO DO PROCESSO SEM JULGAMENTO DO MÉRITO É TAMBÉM UMA DECISÃO EXPRESSA EM ACÓRDÃO, O QUAL FOI RELATADO POR GILMAR MENDES, CUJO VOTO FOI FAVORÁVEL À EXTINÇÃO, E ACOMPANHADO PELA MAIORIA DA CORTE. AS ALEGAÇÕES DA CAIXA, SUA AMEBA, NÃO SÃO PROVA DE NADA. SÃO APENAS ALEGAÇÕES DA PARTE DEMANDADA EM UMA AÇÃO DE INDENIZAÇÃO. QUALQUER UM PODE ALEGAR O QUE QUISER EM SUA DEFESA, RETARDADO! A VALIDADE DESSAS ALEGAÇÕES SERÁ DECIDIDA PELO JUÍZO, QUE OBVIAMENTE LEVARÁ EM CONTA SE SÃO RESPALDADAS POR ELEMENTOS PROBATÓRIOS. SÓ DECLARAÇÕES NÃO CONSEGUIRÃO JAMAIS UMA DECISÃO FAVORÁVEL QUE VIESSE A DAR-LHES ALGUMA LEGITIMIDADE. POR ENQUANTO, SÃO APENAS ALEGAÇÕES. ALÉM DO QUE, FEITAS EM 1º GRAU, ISTO É, CABEM RECURSOS EM MAIS DUAS INSTÂNCIAS. JÁ A DECISÃO QUE INOCENTOU PALOCCI(E DA QUAL VOCÊ, EM SEU PRIMEIRO RELINCHO, DISSE QUE NÃO EXISTIA, ERA MENTIRA, PARA DEPOIS CONFIRMÁ-LA EM SEU SEGUNDO RELINCHO! O QUE PROVA QUE VOCÊ É UM MENTIROSO SAFADO!)FOI DADA NA INSTÂNCIA JUDICIÁRIA MÁXIMA, PORTANTO NÃO CABE MAIS RECURSO, E PALLOCI ESTÁ DEFINITIVAMENTE INOCENTADO DO CASO, INDEPENDENTE DA “OPINIÃO” DE QUEM QUER QUE SEJA, INCLUINDO-SE NESSE QUEM QUER QUE SEJA OS PAPAGAIOS AMESTRADOS DA DIREITA COMO VOCÊ! IDIOTA!

          • Acertei o fígado do cara.

            Hilário,

            Pelo menos rende uma boa diversão.

  • NALDO

    O aécio não fez o mesmo? Se utiliza de uma empresa pra usar bens caros como os seus carrões? Essa crise acaba rapido se os governistas criarem uma cpi pra investigar o palocci e o aecio juntos.

    • Donizeti – SP

      Boa Naldo, esse é o caminho para acalmar os ” defensores da ética e da moral ” alheias!

      E além do Aécio, sugiro investigar nessa CPI as relações negociais entre a filha do Serra e a irmã do banqueiro Daniel Dantas.

      Esse assunto some da imprensa num passe de mágica.

  • Milton Roberto freitas

    PHA: “Esqueçam o que escrevi sobre o PGR e Joaquim Barbosa”

    Quem ainda é fã de Paulo Henrique Amorim (PHA), é recomendável ler tudo dele, nunca pela metade. Depois tirem as próprias conclusões.

    Se ler só a metade, corre o risco de ver-se desmentido pelo próprio blogueiro na manhã seguinte, e ainda nem perceber.

    Um exemplo de vandalismo contra a boa informação, contra 2 pessoas, de poderes externos, desvinculadas do governo Lula, é a mudança de tratamento, em apenas 3 meses neste ano, ao Procurador Geral da República, Antônio Fernando de Souza, e ao Ministro do STF, Joaquim Barbosa.

    Em 25 de março deste ano, a operação Satiagraha corria a pleno vapor, só que em sigilo.
    PHA acusava Antônio Fernando de Souza e Joaquim Barbosa de protegerem Daniel Dantas, ao deixá-lo de fora do processo do “mensalão” que denunciou 40 pessoas.

    Clique na imagem para ampliar
    A mesma acusação desta nota contra o PGR e Joaquim Barbosa, ele repetiu na entrevista à Revista Fórum, após sua demissão do IG, e percorreu a Internet.

    3 meses depois, deflagrada a Satiagraha, o blogueiro foi DESMENTIDO quando tornou-se público que o PGR pediu à Joaquim Barbosa (que autorizou) remeter às instâncias inferiores as investigações sobre quem não detinha foro privilegiado, como Daniel Dantas. Esta foi a origem do processo nas mãos do Juiz De Sanctis.

    PHA deixou de tratar o PGR e Joaquim Barbosa como “protetores de Dantas”, e no melhor estilo “esqueçam o que escrevi” passou a tratá-los como “heróis”, já em 8 de julho deste ano, dia da Satiagraha.

    Clique na imagem para ampliar
    Depois disso várias notas foram publicadas pelo blogueiro elogiosa aos dois.

    Agora o alvo do vandalismo informativo de PHA é o governo Federal, o único governo que colocou Dantas e tantos outros do colarinho branco na cadeia.

    Vamos ver quanto tempo dura esta tentativa de linchamento (que não está dando muito certo, haja visto a popularidade do presidente), até o dia em que o trabalho sigiloso da PF vier a público, desmentindo NOVAMENTE o blogueiro.

    É por estas e por outras que a gente pede mais seriedade e responsabilidade nas críticas ao governo que está lá em Brasília, justamente defendendo nossos interesses.

    PHA ja pediu a cabeça de todo mundo no governo até do Lula .
    Mas é bom saber que ele vai com a maioria ,onde der mais ibope ,se for para ser progressista ele vai na onda .
    Lula deu certo ele até ama o nunca dantes .
    Assim se forem tirados todos que ele pede o Brasil fica parado para ele fazer as suas escolhas .
    Bem quem acompanha PHA sabe de quantos ele ja pediu a cabeça .

  • Fernanda

    Eduardo,
    O Palocci deve estar cantando aquela musiquinha pro PIG e Mercado Financeiro… “voce pagou com traição a quem sempre lhe deu a mão…”
    Só desestabilizar o governo não deve ser a única motivação dessa camarilha. Tem que haver muitas outras coisas pra bater no (primeiro) ministro. Quanto mais eu leio, mais clara fica a certeza de que tudo isso nada mais é do que “fogo amigo”. Tá cheirando coisa do PT + PMDB, os chamados aloprados.

  • Marcos Gomes

    Eduardo me desculpa, mas defender o palocci, não dá. O pig é seletivo? é. Outros já fizeram a mesma coisa? sim. Mas convenhamos, eu fui eleitor da Dilma, mas jamais gostaria de vê-lo no governo. É o mais tucano dos Petistas. Convenhamosdepois de sua saída estrepitosa do governo, saída essa que permitiu a mudança de rumo da economia… oxalá, ele jamais deveria ter voltado. Não agrega em nada, leva para a porta da presidência convescote e sempre deixará o governo em situação barançosa. Você é consultor e sabe que esses valores divulgados são imorais se forem verdadeiros, não podemos esquecer que ele exercia um cargo público durante o ocorrido. Não movo uma palha para condená-lo, mas também não moverei nenhuma para absolvê-lo. Pois, é reincidência

  • Marcos Gomes

    Queira me desculapr oo erro Leia-se “situação embaraçosa”

  • alex

    EDU … olha cara, estou triste .. desalentado com todo este merdeiro.
    Não estou tendo ânimo nem mais para trafegar nos blogs. Sabe aquela broxada que bate?
    Lendo seu post, acho tudo plausível .. mas .. mas
    Edu, o cara – o Palocci – sabe e sabia que no pé dele estaria a direitaça e toda a mídia PIG do país…
    Ele era alvo … Ainda mais se vc pro poder. Então, meu caro, repito, deveria ter ido pra iniciativa privada, como fez um monte de ex-ministros da Fazenda de outros partidos. Fosse ser chairman de uma companhia, presidente de banco, consultor … mas depois de uma trajetória conturbada voltar ao poder!!!
    Putz, Edu .. defender uma burrice .. uma teimosia desta como?
    Outra coisa: comprar um APzão de quase 7 milhões no quadrilátero dos Jardins, pedaço demarcado pelos “quatrocentões paulistanos” … PRA QUÊ?
    Olha, nem preciso dizer que isto vai contra os principios da carta petista, do PT …
    Estou mau cara … não consigo ir pra blogosfera brigar…
    apesar, repito, de ver alguns fundamentos no seu post acima, como por exemplo: tratamento diferenciado que a MIDIA SEM VERGONHA dá para os patrões Tucanos.

    • eduguim

      É o que eles querem. Desanimar as pessoas, fazê-las pegar nojo da política. O que querem é despolitizar a sociedade. Mas o país real, ah, esse está muito longe desse moralismo. O país real, de gente real, de pessoas que melhoraram de vida e que sabem o quanto vale e que estão dando uma banana para essa história de que a destruição de Palocci é a redenção da sociedade – e de todos os que o precederam e sucederão. Antes assim

      • emanuel rego lima

        “eles” quem cara-pálida….?

        O PHA está entre “eles”?
        O Rodrigo Viana também?
        O Pierre?
        Sem falar em tantos outros que não tem a mesma disposição para “dar a cara a tapa” mas acham que o palocci fez uma caca monumental…

        Essa coisa meio esquizofrênica ( me perdoe…) de jogar toda a culpa, toda a mazela, toda a dificuldade em cima “deles” faz parte da cartilha, eu sei… mas também vai ficando um tanto ou quanto desgastada.

        Quem são “eles”…?

        Certamente são todos aqueles que não são “nós”, como bem delimitou o Lula ao propor uma arenga entre “nós” e “eles”.

        Ok, ok…

        Mas insisto?

        Quem são “eles”?

        Quem “somos nós”?

        • eduguim

          Vocês são o câncer do Brasil. Vamos anular essa infecção com democracia. Espere e verá

          • Salvador

            Isso aí. Montou no muar, meteu as esporas e ainda usou a tala.

          • MayrPedrao

            Eles são o PIG, que não bate como antes, por que será? O Palocci não merece tal energia a seu favor.
            Até então cobram explicações, ele tem o direito de não da-las, mas e a Presidenta Dilma, será que será ela que vai fazer esse papel.
            O grande inimigo do Palocci é ele mesmo.
            Enquanto houver essa defesa partidaria apenas para uma pessoa não avançaremos, não tem um ditado sobre maçãs podres? Será mesmo que o Palocci era realmente a grande escolha da Presidenta Dilma para a Casa Civil?

          • emanuel rego lima

            Sua resposta irritada reforça meus argumentos.

            Não me considero menos democrata que a médias das pessoas com um minimo de informação politica.
            Também não me considero mais….

            Assim como não considero “antidemocraticos” os que discordam de meus pontos de vista, salvo se estivermos tratando especificamente da democracia e os oponentes argumentem desconsiderando-a, o que parece não ser o caso….

            Portanto, amigo, sem demonização, por favor….

            Com essa fúria que transparece de seus comentarios temo que possamos retroceder aos tempos do “Brasil: Ame-o ou deixe-o” ( toc, toc, toc) de triste memória.

            Quem viveu não tem saudades.
            Eu não tenho.
            Vc tem?

            PS- 1 Alias, o “nós” e “eles” do Lula trazia muito do mesmo veneno contido na estúpida frase dos milicos.
            De minha parte, e ao contrário, ainda acredito ( romantico que sou…) que em se tratando de Brasil, todos somos “nós”.
            Não há “eles”….

          • eduguim

            Mas quem implantou o Ame-o ou deixe-o foram vocês

          • Christoph (ex Campineiro)

            Não , foram eles!

          • Afirmação para lá de democrática. Esta será a democracia implantada para extirpar nos ??

        • Emanuel esse é o nosso pessoal, nós nos orgulhamos de todos eles, de PHA a Rodrigo Vianna, passando pelos comentaristas, é o nosso pessoal e pronto

      • Ricardo

        endoideceu.

    • Felipe

      É crime comprar um apto caro? Se for, melhor prender um monte de gente aí, só com base nesta informação.
      Prestar atenção neste problema simplesmente no fato é perigoso. Primeiro: houve algo ilícito na consultoria do Palocci? Segundo: se não houve ilícito, fere a ética? Terceiro: se fere a ética, o que pode ser feito para evitar? Quarto: quem quebrou o sigilo de um ministro? Se não tinha investigação ocorrendo, foi uma clara violação de direitos civis.
      Não tenho simpatias pelo Palocci, mas derrubá-lo de forma ilegal é a pior situação que pode ocorrer… Cadê a PF?

  • Lei de Comunicação JÁ !

    Ou o PIG vai destruir o Governo.
    Bem quanto ao Brasil , o PIG quer que se PHODDA!!!!!
    Com ph de farmácia e 2 d’s de Toddy.

    • MayrPedrao

      Se é assim, por que não vemos o Palocci nas capas das revistas?

  • Antes da eleição escrevi em todos os blogs políticos que, se “não matar a Direita todos os dias, ela te mata no dia seguinte”.

    Está aí à prova.

    Sem Lei de Comunicação, não se governa neste país.

  • ANTONIO CARLOS FREITAS

    Prezado Eduardo e leitores.

    Chega. Não dá mais pra ler esses artigos onde se tenta encontrar, montar teses capazes de sustentarem comportamentos, imorais mesmo senhor Eduardo, onde a ética está anos-luz de distância. O dia em que esses valores estiverem razoavelmente restabelecidos na política nacional e mundial aí esses argumentos básicos poderão ser utilizados.
    O jogo, senhor Eduardo, é jogado. A política nacional é baseada em sujeira das grossas. Não tem moleza não! Bobeou, dança! A oposição de hoje, apoiada na mídia, é suja sim. Mas e daí. Isto não dá a ninguém o direito de ser imoral, pra dizer o mínimo. Pois pra mim, isto é corrupção pura. Grossa. Quer dizer que ser ministro é garantia de se tornar milionário? É normal? Brincadeira.
    Senhor Eduardo, sua tese não se sustenta.
    Mas o senhor não é o único. Seu colega PHA sustenta categoricamente a honestidade deste código do Aldo Rebelo, que está querendo que acreditemos que pode agradar aos nossos ruralistas, aos verdes, aos camponezes…brincadeira. E eu sou Papai Noel. Não sou idiota. Se os ruralistas querem A, eu quero B. E tenho certeza que minha escolha é a melhor.
    Então, hoje, já comecei a rever meus conceitos. Nossa política é lama pura. Não dá pra ver de outra maneira.

    • eduguim

      Luto contra esse sentimento há muito tempo. E continuarei lutando. É o que querem. Não conseguirão. Na verdade, cada vez menos gente cai nessa. O povo já aprendeu a não dar bola para o denuncismo. Essa “opinião pública” que em 2005 se entregou não impediu que o povo ignorasse tudo aquilo e seguisse avançando.

      • MayrPedrao

        Edu, eles estão ganhando. Quem esta fazendo o papel de quem e pra quem? O que não deveria acontecer vai acontecer, a Presidenta Dilma vai por a cara a tapa. Será que isso é direito? A discussão gira em torno, para alguns, de denuncismo, mas cadê aquele papel sujo que o PIG sempre fez? Não tem nada estranho neste comportamento do PIG? A Globo bem curta em seus ataques, a Veja apontando virtudes no Palocci, Serra e Aécio cheios de dedos para falar do caso, não ha nada de estranho nisso?

      • MIguel Justino

        Eduardo você está certo. Esta Mídia tá fazendo barulho atoa. Este casodo Palooci ja, já vai ser esquecido. O mais difícil foi em 2005. A Mídia (Çerrista e os TucanosDemos) tentaram de todas formas e deram com os burros nágua!Í sto que tá acontecendo agora é “biscoito”. O povo olha é o bolso, pois sabem que estes politicos como os TucanoDemos e o Temmer não estão nem ai pra vida do povo. Portanto……!

  • Gerson Carneiro

    Homenagem à turma do contra:

    Vai cair, vai cair, vai cair
    A estrela do céu
    Vai cair
    A noite no mar
    Vai cair
    O nível do gás
    Vai cair
    A cinza no chão
    Vai cair
    Juízo final
    Vai cair
    Os dentes de Jó
    Vai cair
    O preço do caos
    Vai cair
    Peteca no chão
    Vai sair
    O sol outra vez
    Vai sair
    Um filho pra luz
    Vai sair
    Da cara o terror
    Vai sair
    O expresso 22
    Vai sair
    A máscara azul
    Vai sair
    O verde do mar
    Vai sair
    Um novo gibi
    Vai sair
    Da cara o suor
    Vai subir
    Cachorro urubu
    Vai subir
    O elevador
    Vai subir
    O preço do horror
    Vai subir
    O nível mental
    Vai subir
    O disco voador
    Vai subir
    A torre babel
    Vai subir
    O Cristo pro céu
    Vai subir
    A chama do mal
    Vai cair
    Estrela do céu
    Vai cair
    A noite no mar
    Vai cair
    O nível do gás
    Vai cair
    A cinza no chão
    Vai cair
    Juízo final
    Vai cair
    Os dentes de Jó
    Vai cair
    O preço do caos
    Vai cair
    Peteca no chão
    Vai sair
    O sol outra vez
    Vai sair
    Um filho pra luz
    Vai sair
    Da cara o terror
    Vai sair
    O expresso 22
    Vai sair
    A máscara azul
    Vai sair
    O verde do mar
    Vai sair
    Um novo gibi
    Vai sair
    Da cara o suor
    Vai subir
    Cachorro urubu
    Vai subir
    O elevador
    Vai subir
    O preço do horror

    Dentadura Postiça
    Composição : Raul Seixas

  • Trazíbulo Meireles de Souza

    Essa velha mídia e a oposição são de arrepiar. Infelizmente ainda pautam muitos veículos de comununicação, como as rádios pelo interior afora. A blogosfera progressista já furou muito o bloqueio, não fosse isso o estrago seria maior.

  • Thiago V.

    Desculpe chegar tão tarde na conversa!

    Mas olha a opinião da Ombudsman da Folha (ABAIXO) sobre a “denúncia”…puxa puxa que puxa….é dura a vida de um cargo cuja função é “não atacar nem defender…”

    ****************

    A Folha deu um “furaço” no domingo passado com a reportagem sobre aumento do patrimônio do ministro Antonio Palocci. Parabéns.

    Índice | Comunicar Erros

    O texto abaixo contém um Erramos, clique aqui para conferir a correção na versão eletrônica da Folha de S.Paulo.

    OMBUDSMAN

    SUZANA SINGER [email protected] @folha_ombudsman

    Mamãe, eu quero polemizar

    Colunista critica quem amamenta em público, provoca a ira de leitoras e responde sugerindo que o problema é a ignorância

    Fotos Arquivo Pessoal

    COLUNISTA e leitores se bateram de frente na semana que passou. O jornalista João Pereira Coutinho, 34, criticou, na Folha.com, mães que amamentam em público (http://bit.ly/mNgZIw), provocando a ira de muitas mulheres.
    Em “Mamonas celestinas”, Coutinho defende que o argumento de que a amamentação é tão natural que pode ser feita na frente dos outros não é suficiente. Se fosse assim, por que não liberar a masturbação, o sexo e a ida ao banheiro?
    O tema veio à baila por causa de um “mamaço”: protesto realizado no último dia 12, depois que uma mulher foi impedida de dar o peito ao filho numa sala de exposição.
    Quarenta e cinco mulheres e dois homens escreveram indignados para mim. Ninguém a favor. No site, foram postados 337 comentários, 88% contra Coutinho.
    A arquiteta Ana Nogueira, 37, que vive na Arábia Saudita, ficou “entristecida” ao ver que um formador de opinião “jovem e culto” defende um pensamento tão “conservador”. “Apesar de a sociedade árabe ter inúmeras limitações às liberdades femininas, é permitido dar de mamar em locais públicos. A maternidade aqui é tratada com muito respeito”, conta Ana, mãe de um menino de dois anos.
    A secretária Milena Costa Gardesani, 33, de Santo André (SP), que amamentava até o mês passado, achou “bizarra” a comparação com a masturbação e com o sexo. “Até entendi o ponto de vista dele, de que as mulheres devem se preservar, mas as comparações foram ofensivas e de extremo mau gosto”, disse.
    O colunista retrucou. Na quinta-feira, escreveu “Ponto de ordem” (http://bit.ly/jIESTT), em que acusava as indignadas de não entenderem ironia, porque, “em 99% dos casos, os leitores são literais”. Esclarecia que apenas apontava o “bom senso” de que é melhor alimentar bebês privadamente.
    Citava, sem explicar, a expressão “reductio ad absurdum”, tipo de argumento lógico no qual alguém assume uma hipótese e dela deriva uma consequência absurda ou ridícula, para concluir que a suposição original deve estar errada.
    Ao final, agradecia aos poucos que haviam entendido seu argumento e apontava o leitor ideal: “inteligente, com humor e fair play”.
    Mais ira. “Ele nos chamou de burras, me senti ainda mais ofendida”, escreveu a geógrafa Pilar Cunha, 33.
    Apareceram, porém, alguns “leitores ideais” do colunista. “A amamentação foi usada como gancho para falar da necessidade de as pessoas se preservarem mais. Era uma brincadeira do Coutinho, mas hoje se leva tudo ao pé da letra”, afirmou a engenheira Patrícia Mello Tostes, 30, de Florianópolis (SC).
    Coutinho tem razão quando afirma que não foi contra a amamentação nem disse que ela equivalia à masturbação, apesar de, em sua evolução retórica pró-privacidade, ter recorrido aos exemplos do sexo solitário e do explícito.
    O colunista pegou pesado e o revide foi no mesmo nível. Foi chamado de “tarado”, “mal-amado”, “mal amamentado” e “filho de chocadeira”. Uma leitora concluiu que ele deve ter sofrido terríveis intervenções durante o parto.
    Sobrou inclusive para a Folha. Leitores questionaram o jornal por dar guarida a texto tão “preconceituoso”, um “desserviço à saúde pública”. “Respeito a liberdade de expressão, mas não respeito um jornal que valoriza esse tipo de expressão”, disse Pilar.”Vale tudo em nome da pluralidade?”, perguntou um internauta. Vários exigiram uma “retratação” da empresa.
    O jornal se orgulha de seu plantel de colaboradores e os instiga a terem posições fortes, mas isso não significa subscrever o que dizem. Há que se respeitar vozes dissonantes. Como disse Marcelo Coelho, na sexta-feira na Ilustrada, ser politicamente incorreto é hoje motivo de orgulho no país.
    Só que Coutinho sentiu o baque da repercussão e exorbitou em seu segundo texto. Desdenhar os leitores, insinuar que são ignorantes é ofender aqueles que são a razão de existir do jornal. Faltou ao colunista “fair play”, o mesmo atributo que ele não enxerga em quem o criticou.

    A Folha deu um “furaço” no domingo passado com a reportagem sobre aumento do patrimônio do ministro Antonio Palocci. Parabéns.

    Índice | Comunicar Erros

    Suzana Singer é a ombudsman da Folha desde 24 de abril de 2010.
    O ombudsman tem mandato de um ano, renovável por mais dois.
    Não pode ser demitido durante o exercício da função e tem estabilidade por seis meses após deixá-la.
    Suas atribuições são criticar o jornal sob a perspectiva dos leitores, recebendo e verificando suas reclamações, e comentar, aos domingos, o noticiário dos meios de comunicação.

    Cartas: al. Barão de Limeira 425, 8º andar, São Paulo, SP CEP 01202-900, a/c Suzana Singer/ombudsman, ou pelo fax (011) 3224-3895.

    Endereço eletrônico: [email protected].
    Contatos telefônicos: ligue 0800 0159000; se deixar recado na secretária eletrônica, informe telefone de contato no horário de atendimento, entre 14h e 18h, de segunda a sexta-feira.

    • eduguim

      Grade furo, foi olhar a declaração de renda do “suspeito”. Que furaço, não?

  • Soaresbb

    Pessoal,

    A questão não é se Palocci é igual aos outros da oposição, mas sim, se devemos aceitar que a mídia/oposição “julgue” mais uma vez, da mesma forma que aconteceu com Dirceu e muitos outros; Primordialmente temos que lutarmos por Palocci, até por que não tem nenhum fato contra ele até agora, por mais que não sejamos admiradores do Palocci, como é o meu caso, temos que pensar racionalmente, sem paixão ou mágoa, o importante é vencer esta guerra midiática partidária e prostituída.

    • Mayrpedrao

      Isso mesmo, a questão não é Palocci, é Dimal. A guerra tem de ser travada não para uma cargo político que enriqueceu sua empresa licitamente, é maior que isso, é o Brasil. Interesses privados não podem estár acima dos interesses de um país. Será que agora não vai ser o governo que se “prostituira”, já foi a lei ambiental, agora o “kit-gay”, o que mais vai será feito para não perdermo o Palocci. Isso pode ser considerado vitória?

  • Se há uma coisa a que a ética tucano-midiática não resiste é à comparação,,,,…então vamos comparar a estrondosa evolução patrimonial, que subiu 20 vezes em vários anos, com a de Verônica Serra, que subiu 50.000 vezes em 42 dias. Isso mesmo: 50 mil vezes:

    Empresa da filha do José Serra cresceu 50.000 vezes em apenas 42 dias

    Quarta-feira 25, maio 2011

    Em primeira mão no blog Os Amigos do Brasil em 25/05/2011 às 23:40 –

    A imprensa brasileira que divulgou o dossiê Palocci, noticiando que seu patrimônio aumentou 20 vezes em 4 anos, o que dirá do aumento vertiginoso de 50.000 vezes da empresa da filha de José Serra (PSDB/SP) em 42 dias?

    Verônica Allende Serra, filha de José Serra, era sócia da empresa DECIDIR.COM BRASIL, já conhecida de outras reportagens.

    A empresa teve seu capital multiplicado por 50.000 (cinquenta mil vezes)… repetindo para você ter certeza do que está lendo: 50 MIL VEZES!

    E isso em apenas 42 dias.

    A empresa foi criada no dia 8 de fevereiro de 2000, com capital de R$ 100,00 (cem reais).

    Quinze dias depois, no dia 22 de fevereiro de 2000, o nome da empresa mudou para “Decidir.com Brasil S.A.” e a sócia Verônica Allende Serra (filha de José Serra) assumiu o cargo de Diretora e de Vice-presidente da empresa.

    Em 21 de março de 2000, passados 42 dias da criação da empresa, o capital foi aumentado para R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais), ou seja 50 mil vezes o valor incial.

    Detalhes:

    Verônica Allende Serra não era apenas filha de José Serra. Também era sócia do pai em outra empresa, de consultoria, simultaneamente: na ACP – ANÁLISE DA CONJUNTURA ECONÔMICA E PERSPECTIVAS LTDA (conforme citado na ação proposta do Ministério Público Federal, aqui)

    José Serra era ministro da Saúde no governo de Fernando Henrique Cardoso, nesta época, e pré-candidato à presidência da República.

    O Ministério Público Federal apurou que José Serra NÃO DECLAROU sua empresa de consultoria à Justiça Eleitoral, nas eleições em que concorreu em 1994, 1996 e 2002.
    Documentação comprova:

    Nosso blog não precisou bisbilhotar o sigilo fiscal na Secretaria de Fazenda de São Paulo (comanda pelo serrista Mauro Ricardo), para obter os documentos abaixo:

    http://osamigosdobrasil.com.br/2011/05/25/empresa-da-filha-do-jose-serra-cresceu-50-000-vezes-em-apenas-42-dias/

    • Luiz

      Pois é, tanto a filha quanto Serra estavam prestes a se tornar ministros da Casa Civil quando enriqueceram….

    • Izabel

      Isso não está sendo discutido e divulgado na mídia. Pois deveria. Só os blogs sujos para fazer este favor.
      Existia um livro com todas as informações a respeito do Çerra prestes a ser editado e colocado no mercado. Por onde andará? Sumiu?

    • ALON

      É essa esquerda que não queremos, a esquerda que não corta na própria raíz.
      Palocci além de não dar explicações sobre seu enriquecimento omiti algumas coisas.
      A oposição está fazendo seu papel como oposição, e devemos aceitar, pois somos uma democracia.
      Acredito eu, espero que isso demore ou não aconteça, que quando formos oposição novamente nossos pedidos por cobrança de transparência seja aceito como legitimo.
      Esses jargões que vão aparecendo na boca dos políticos quando são questionados não sejam mais usados.
      “Intriga da oposição, desestabilizar o governo, governabilidade”, sejam extintas do vocabulário dos políticos quando estes são interrogados.
      Queremos apenas uma coisa, explicação.
      Parece que para alguns isso é muito.
      Dilma Neles novamente, principalmente no Palocci.

  • Felipe

    Violaram o sigilo fiscal de um ministro e a PF não fez nada? Esperam algo?

  • Doni


    Gerson carneiro

    Cita RAUL SEIXAS depois de miuto tempo faz quase todos nos chorar.

    E também estou de pé de com Eduardo que devemos lutar, desitir jamais ” desistie é para os mais fracos” e acreditar em denuncia muitos acreditam….. mas para os mais fortes a denuncia tem que ser verdadeira..e com provas concretas .

  • Dani Tristão

    Muito obrigada Edu!!!

  • Avelino

    Caro Eduardo
    O PIG faz a festa, de um lado ele joga Palocci na arena da esquerda que aceita, agora o Aldo, que também a esquerda quer ver morto. A direita mudou a tática e está dando certo.A esquerda está se auto-devorando, para alegria deles.
    Saudações

    • A direita se anima `toa. Uma votação na Câmara, que terá que passar pelo Senado, voltar para a Câmara, e submeter-se ao direito de veto da Presidenta, é muito pouco para alguém dizer que “a esquerda está se auto-devorando”.
      Mas já vi um blog do esgoto publicar “Vencemos!”, referindo-se à vitória local da direita na França…
      Quem não tem votos (nem programa, nem líderes, nem base social) no Brasil, precisa mesmo festejar qualquer vitória fascista em qualquer parte do mundo.

  • Ednaldo Correia Fonseca

    Vamos levantar a bandeira de se fazer junto a Receita Federal umlevantaento “honesto” da fortuna de TODOS os políticos brasileiro e inclusive do integrantes do PiG !!!

  • Luiz

    Este blog insiste em omitir a informação mais grave: não foram 20 milhoes em quatro anos. Deste montante, 10 milhões entraram pro bolso dele nos DOIS MESES seguintes à eleição de Dilma. Certamente as empresas estavam interessadíssimas em ter consultoria com o próximo ministro forte do governo…

    O escândalo é flagrante e o governo ter aceito a chantagem da bancada religiosa é a maior prova de que, se Palocci for investigado, não sobra nada. Se não devessem, não temeriam os evangélicos.

    • Palocci recebeu 10 milhões por serviços de assessoria prestados durante 1 ano. Informe-se, repita as pagaiadas do pig, senão vc será visto como um deles

      • Roberto Pereira

        Amigo, eu conheço pagamento quinzenal, mensal, semanal e até diário, mas pagamento ANUAL – ainda mais de valores tão pequenos (ironia – senão o Aguaviva não entende) eu desconhecia.

        • eduguim

          provavelmente não é do mundo dos negócios

    • O João Campos(PSDB-GO), colega de faculdade, veio com esta pegadinha de que Dilma teria cedido às chantagens tipo “ou vcê tira o kit anti-homofobia ou a gente convoca Palocci”, conheço meu gado, claro que João Campos está mentindo, está querendo jogar o eleitorado GLTB contra Dilma, quem sabe assim o pessoal vota nele para prefeito de Aparecida de Goiânia. Sujeira pouca é bobagem.

      • Mayrpedrao

        Espera um pouco, pode ser que não tenha sido mesmo feito um acordo sobre Palocci e o “kit-gay” antes da votação, mas agora virou verdade. Quando uma bancada se propõe a fazer tal afirmação quer o quê?
        Desestabilizar o governo? Mostrar seu poder?
        O estado deve ser laico e neste momento a bancada EvanjoCatólica apareceu.

      • Roberto Pereira

        Gilberto Carvalho deu essa informação LOGO APÓS se encontrar com a bancada evangélica, católica e da família.

        Ou será que nem o que o Gilberto Carvalho diz pessoalmente se pode acreditar mais?

        É armação do PIG também?

        Governo Dilma recuou covardemente na questão do kit anti-homofobia por pura CHANTAGEM dessa bancada evangélica nojenta que não aceita que vivemos num estado laico.

        Os direitos humanos da D. Dilma valem só para o Irã.

        Aqui os aiatolás evangélicos pintam e bordam.

        UMA VERGONHA ISSO QUE ACONTECEU.

        Desmoralização total.

        A conta do Palocci está custando caro.

        • eduguim

          ABGLT: vídeo mostrado a Dilma não é do kit anti-homofobia http://jb.com.br/.EUG #brasil via @JornaldoBrasil

  • A direita-burra e sem votos quer cassar o direito de ex-membros dos governos trabalhistas… trabalharem. Se foi tudo dentro da lei, se os impostos devidos foram recolhidos, se o currículo de um ex-ministro da Fazenda é valorizado pelos contratantes, onde está o erro?
    Aliás, a mesma direita-burra (e sem votos) quer também cassar o direito do ex-presidente Lula de fazer política! Aplaude as baboseiras de um Fernando Henrique, mas exigem que Lula se recolha ao silêncio, sem nem dar palestras remuneradas (como, aliás, faz seu antecessor).
    O pavor da direita-burra é que Lula volte ao palco, e postergue os sonhos de Serra, Aécio e outros para 2022, ou mais tarde…

  • ruy marcondes garcia

    Caro Eduardo,
    Compartilho de sua indignação relativamente à hipocrisia daqueles que condenam o Ministro Palocci, sem que haja, materialmente, prova de que ele tenha cometido qualquer crime; o mesmo comportamento não se observa quando se trata de enriquecimento exponencial de notórios tucanos que ocuparam cargos no governo.
    É evidente que todos eles, Palocci inclusive, utilizaram, em proveito próprio, informações privilegiadas de que dispunham em razão da natureza das funções que exerceram. O que embora não seja, em princípio, ilegal, é uma prática profundamente imoral e anti-republicana.
    A investigação sobre a origem da multiplicação do patrimônio do Ministro Palocci será, dessa forma, permanentemente colocada como moeda de troca no Congresso, como um meio de chantagear o governo. Foi exatamente esse o comportamento da bancada religiosa (evangélicos e católicos) relativamente à distribuição, pelo MEC, do que eles chamam de “kit gay”.
    Portanto, acho que é necessário pensar seriamente em substituí-lo, pois é evidente que a permanência do Ministro fragiliza muito o governo, não obstante todas as considerações sobre a hipócrita seletividade das acusações que o incriminam, enquanto se ignora solenemente as mesmas práticas quando realizadas pelos tucanos e afins.
    No entanto, acho que a cabeça do ministro não deveria ser entregue de graça. É preciso sair da defensiva. Porque não se aproveita o momento para se propor uma CPI que investigue a evolução patrimonial de todos os ex-ministros da Fazenda e ex-presidentes do Banco Central dos últimos governos? Seria uma forma de se livrar do problema insolúvel que a permanência de Palocci representa para o governo, e colocar, de quebra, a oposição nas redes. Acho que é a típica situação em que se deve fazer, do limão, uma limonada.
    Um abraço.

  • raul soares

    Edu,
    tem à ver com este texto.

    Empresa da filha do José Serra cresceu 50.000 vezes em apenas 42 dias
    Quarta-feira 25, maio 2011

    Em primeira mão no blog Os Amigos do Brasil em 25/05/2011 às 23:40 -A imprensa brasileira que divulgou o dossiê Palocci, noticiando que seu patrimônio aumentou 20 vezes em 4 anos, o que dirá do aumento vertiginoso de 50.000 vezes da empresa da filha de José Serra (PSDB/SP) em 42 dias?

    Verônica Allende Serra, filha de José Serra, era sócia da empresa DECIDIR.COM BRASIL, já conhecida de outras reportagens.

    A empresa teve seu capital multiplicado por 50.000 (cinquenta mil vezes)… repetindo para você ter certeza do que está lendo: 50 MIL VEZES!

    E isso em apenas 42 dias.

    A empresa foi criada no dia 8 de fevereiro de 2000, com capital de R$ 100,00 (cem reais).

    Quinze dias depois, no dia 22 de fevereiro de 2000, o nome da empresa mudou para “Decidir.com Brasil S.A.” e a sócia Verônica Allende Serra (filha de José Serra) assumiu o cargo de Diretora e de Vice-presidente da empresa.

    Em 21 de março de 2000, passados 42 dias da criação da empresa, o capital foi aumentado para R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais), ou seja 50 mil vezes o valor incial.

    Detalhes:

    Verônica Allende Serra não era apenas filha de José Serra. Também era sócia do pai em outra empresa, de consultoria, simultaneamente: na ACP – ANÁLISE DA CONJUNTURA ECONÔMICA E PERSPECTIVAS LTDA (conforme citado na ação proposta do Ministério Público Federal, aqui)

    José Serra era ministro da Saúde no governo de Fernando Henrique Cardoso, nesta época, e pré-candidato à presidência da República.

    O Ministério Público Federal apurou que José Serra NÃO DECLAROU sua empresa de consultoria à Justiça Eleitoral, nas eleições em que concorreu em 1994, 1996 e 2002.

    Documentação comprova:
    Nosso blog não precisou bisbilhotar o sigilo fiscal na Secretaria de Fazenda de São Paulo (comanda pelo serrista Mauro Ricardo), para obter os documentos abaixo:

    Por Zé Augusto

    inShare121Share211
    Enviar por email 18 comentários

    18 Comentários
    Francisco Xavier / 26/05/2011
    Por que eu tenho que defender o Palocci acusando adversários? Eu preferia o tempo em que toda vez que estourava um escândalo, não havia ninguém do PT envolvido.
    O Palocci é reicidente em escândalos. Ele tem DNA de tucano: fez as primeiras privatizações, em Ribeirão Preto, o que ainda constrange nosso discurso contra as privatizações; é da inteira confiança dos mais ricos do Brasil; e, coerente com isso, não gosta de pobres – vide a fúria com que enfrentou o caseiro. Quisera eu, pobre sonhador, que usasse o mesmo vigor contra a elite sonegadora, usurpadora deste país.

    Francisco

    Responder
    Zé Augusto / 26/05/2011
    Esta nota não defende ninguém. Cobra tratamento igual da imprensa para todos. Se Palocci deve explicar a variação de patrimônio, a família Serra também tem que explicar. Se tem que explicar os clientes, os contratos, Serra e sua filha que eram sócios, também tem.
    Você está julgando o Palocci só pelas informações do PIG. Palocci está longe de ser um político de minha preferência ideológica, mas as críticas à ele são exageradas. Em Ribeirão Preto, ele vendeu ações mas manteve o controle estatal. É diferente de privatizar a empresa (os tucanos é que acusam de ser a mesma coisa, mas não é). Os ricos realmente vêem ele como melhor quadro do PT, mas os ricos o vêem como um plano B. Eles não trocam nenhum tucano por ele. Palocci votou contra os empresários pela manutenção da CPMF, pelo marco regulatório do pré-sal, quando ministro lutou para garantir aumento real do salário mínimo, as verbas do bolsa-família, etc. Votou com o PT e com o governo em tudo. O caso do Fancenildo foi muito errado e foi burrice, mas não foi contra o caseiro, foi contra os senadores da oposição que foram atrás do caseiro.

    Responder
    Davina / 26/05/2011
    Faço minha as suas palavras, to fora, ou explica ou vaza e responde pelos a seus atos, quem defende ladrão é advogado PAGO!

    Responder
    Zé Augusto / 26/05/2011
    Quem acusa há 8 anos os outros de ladrão por qualquer coisa é jornalista corrupto PAGO por tucanos ou por donos de jornais demo-tucanos, para voltarem ao poder e ao controle dos cofres públicos e gorda verbas publicitárias.
    Tá na cara que você está fora do seu ninho. Não exige explicação do Serra, e só exige de gente do governo Dilma e Lula. Por sinal, Palocci está dando explicações, você é que se recusa até a pensar se podem ser razoáveis. Já quanto à Serra, tem uns 20 anos de escândalos sem dar explicação nenhuma e você prefere abafar mantendo a pauta só no Palocci para fazer cortina de fumaça.

    Responder
    Márcio / 26/05/2011
    Perfeito. Concordo com você. Neste país e com esta imprensa parece que só o PT erra e está envolvido em escândalos. Concordo que não se deve defender coisas erradas mas ser justo na investigação e, sobretudo, na divulgação.

    Responder
    Ventura / 26/05/2011
    Bem, agora temos que por esse material para circular, afinal quais interesses havia na mídia que não divulgaram essas informações tão “suspeitas” ????

    Responder
    Ester Maria / 26/05/2011
    Ok, mas isso justifica enriquecimento descarado de alguém do “nosso lado” (sic)? Não quero acreditar que nossa presidenta sustentará um ministro correndo o risco de pôr a perder nosso projeto de um “Brasil rico sem pobreza”!
    Democracia e transparência PARA TODOS, num PAÍS DE TODOS, é o que esperam os “amigos da presidenta”.
    Ester

    Responder
    Zé Augusto / 26/05/2011
    Esta nota não defende ninguém. Cobra tratamento igual da imprensa para todos. Se Palocci deve explicar a variação de patrimônio, Serra e sua filha também tem que explicar.
    Até agora, pelo que se sabe, o Palocci não cometeu nada ilícito, não fez nada contra o Brasil em sua consultoria, não pegou dinheiro público, e sua conduta como deputado foi a mesma de qualquer deputado do PT. Ele não votou em nada contra o trabalhador e a favor de empresário.
    Ele ficou rico na vida privada, ganhando dinheiro de milionários mais ricos, que pagam pelo que ele é e por suas opiniões e análises. Eu posso discordar da escolha individualista dele enriquecer, em vez de dedicar-se exclusivamente ao coletivo, mas não posso condená-lo, porque até agora nada indica que ele tenha enriquecido desonestamente. Ele encontrou quem pague muito pela imagem dele, e não recusou ganhar dinheiro.

    Responder
    Pedro Cesar / 26/05/2011
    Será que alguém aí sabe o o que é “capital social” de uma empresa? Qualquer aula de finanças básica ensina isso… meu Deus…

    Responder
    Zé Augusto / 26/05/2011
    Uma empresa que é aberta com capital social de R$ 100,00 e em 42 dias depois resolvem aumentar para R$ 5 milhões, é completamente fora do normal em qualquer aula de finanças.

    Responder
    Pedro Cesar / 26/05/2011
    Caro Zé Augusto,

    Primeiro se informe sobre o significado de “capital social” no estabelecimento de uma empresa, pois é complicado ficar dando opiniões sem um conhecimento mínimo… acho que dessa aula você faltou para participar de alguma passeata.

    E a sua resposta é mais tortuosa ainda. O problema não é os R$5 milhões, mas sim ter passado de R$100 para R$5 milhões?? Ou seja, se já tivesse declarado R$5 milhões no início não teria problema???

    kkk

    Responder
    Zé Augusto / 26/05/2011
    Você é que está torturando o raciocínio para justificar o injustificável.
    Se a empresa tivesse sido aberta com R$ 5 milhões geraria menor suspeita. Pelo menos haveria alguma coerência nos atos. Estamos falando de 42 dias. Não são 42 meses.

    Responder
    Davina / 26/05/2011
    Ainda assim perdeu pro Palocci que FATUROU 10 MILHÕES em 2 meses…

    Essa estorinha que o PSDB rouba mais que PT… não cola mais…
    ERA SÓ FALTA DE OPORTUNIDADE PRO REALIZAR O ASSALTO!

    Responder
    Zé Augusto / 26/05/2011
    Essa nota não acusa ninguém de ladrão. Pede explicações por algo prá lá de estranho. Mas pelo seu raciocínio, se tivessem dois ladrões, só um que seja filiado ao PT deveria ser investigado e ir para cadeia. Os tucanos poderiam continuar roubando à vontade? Cuidado com essa sua “ética”, hein. A Polícia Federal, hoje, não é mais aquela dos tempos do FHC.

    Responder
    Rosa Maria Cocco / 26/05/2011
    Pelo que li no documento da Junta Comercial, o objeto social da empresa da filha do serra é concessão de crédito para as oscips????????????

    Meu Deus! As oscips foram criadas por lei no segundo mandato de FHC, próximo da data da alteração do objeto social da empresa da filha do serra. Então ninguém nunca desconfiou de exploração de prestígio nisso aí?????????

    CPI na decidir.com já!

    Responder
    Luis / 26/05/2011
    Excelente. Matéria prova que tucanos fizeram antes do PT e que a “imprença” do capital é leniente com eles. Mas, e daí?
    Isso não elimina o incômodo causado pela “última do Palocci”.
    Palocci é excelente médico e entende muito de investimento financeiro. Podia ganhar seu dinheirinho, na forma tradicional do capital (drenando alíquotas do capital produtivo -indústria- para o improdutivo – capital bancário). E pronto.
    Por que, nós, petistas temos de pagar a conta do Delúbio,do Palocci de aloprados? O Zé Dirceu, vá lá, foi injustiçado. É chato, é pedante, mas nenhuma suspeição de corrupção cai sobre ele. Nem o PIG ousa afirmar isso. Mas dizer que os tucanos foram “estranhos” antes não me conforta. Sou Militante político há 33 anos e Petista há 32 (fui do movimento pró-PT. Sempre fui delegado em encontros e sempre votei contra “atalhos” para se chegar ao governo. É que por esses atalhos, alguns companheiros poderiam aprontar… parece que isso ocorreu. Talvez tenham se sentido seduzidos pela “etiqueta”, a ética pequena da burguesia francesa. Só que isso é coisa do ínício do século XIX.

    Responder
    Jose Emílio Guedes Lages / 26/05/2011
    Uai! E no blog Conversa Afiada do Paulo Henrique Amorim não saiu sequer uma notinha. O que será que está acontecendo? Está esperando apurar,como deve ser feito, para se manifestar?
    Ô seu PHA, mudou você ou estamos mudados?

    Responder
    Luciano / 26/05/2011
    O PHA deve estar esperando sair alguma coisa na Fôlha. Só depois ele deverá publicar algo.
    Atualmente ele só tá servindo pra isso!

    Responder

    Trackbacks / Pingbacks
    Empresa da filha do José Serra cresceu 50.000 vezes em apenas 42 dias – […] http://osamigosdobrasil.com.br/2011/05/25/empresa-da-filha-do-jose-serra-cresceu-50-000-vezes-em-ape… […]
    Deixe seu comentário
    Clique aqui para cancelar a resposta.
    Nome (Obrigatório)

    Mail (não será publicado) (Obrigatório)

    Website

    Pesquisa

    + Recentes + Comentados + Visitados Empresa da filha do José Serra cresceu 50.000 vezes em apenas 42 dias
    Receita Federal e Justiça desmentem tucanos e Folha.
    No passado recente, tudo era culpa do Lula, agora é do Palocci
    José Serra 2012 faz 1 a 0 com dossiê Palocci. Com ajuda de blogs “sujos”.
    Exclusivo: Vídeo ‘proibido’ da Globo sobre Lula
    Olha aí a campanha eleitoral antecipada!:Político morto e insepulto lança blog criticando Lula
    Exclusivo: Vídeo ‘proibido’ da Globo sobre Lula
    José Serra 2012 faz 1 a 0 com dossiê Palocci. Com ajuda de blogs “sujos”.
    Pacto de silêncio da TV Globo com o SNI, no atentado do Riocentro
    Mídias sociais

    Amigos do Brasil

    Nuvem de Tags
    blog Economia notícia PSDB
    Categorias
    Selecionar categoria Destaque Uncategorized
    Arquivos
    Selecionar o mês maio 2011 abril 2011
    Amigos & Amigos

    ©2011 Maples Tecnologia

  • Fabio Amaral Di Fini

    José Cláudio Ribeiro da Silva e Maria do Espírito Santo. Desta vez, não apenas um (como foi com Chico Mendes) ou uma (como foi com a irmã Dorothy Stang), mas um casal de mártires em defesa do que é todos: o patrimônio natural do Brasil. É preciso cobrar ações rápidas das polícias e a definição e condenação dos responsáveis!

  • alvaro crespo

    EU ACHO GRAÇA NA OMISSÃO DE COMPARAÇÕES

    Empresa da filha do José Serra cresceu 50.000 vezes em apenas 42 dias
    Quarta-feira 25, maio 2011

    Em primeira mão no blog Os Amigos do Brasil em 25/05/2011 às 23:40 -A imprensa brasileira que divulgou o dossiê Palocci, noticiando que seu patrimônio aumentou 20 vezes em 4 anos, o que dirá do aumento vertiginoso de 50.000 vezes da empresa da filha de José Serra (PSDB/SP) em 42 dias?

    Verônica Allende Serra, filha de José Serra, era sócia da empresa DECIDIR.COM BRASIL, já conhecida de outras reportagens.

    A empresa teve seu capital multiplicado por 50.000 (cinquenta mil vezes)… repetindo para você ter certeza do que está lendo: 50 MIL VEZES!

    E isso em apenas 42 dias.

    A empresa foi criada no dia 8 de fevereiro de 2000, com capital de R$ 100,00 (cem reais).

    Quinze dias depois, no dia 22 de fevereiro de 2000, o nome da empresa mudou para “Decidir.com Brasil S.A.” e a sócia Verônica Allende Serra (filha de José Serra) assumiu o cargo de Diretora e de Vice-presidente da empresa.

    Em 21 de março de 2000, passados 42 dias da criação da empresa, o capital foi aumentado para R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais), ou seja 50 mil vezes o valor incial.

    Detalhes:

    Verônica Allende Serra não era apenas filha de José Serra. Também era sócia do pai em outra empresa, de consultoria, simultaneamente: na ACP – ANÁLISE DA CONJUNTURA ECONÔMICA E PERSPECTIVAS LTDA (conforme citado na ação proposta do Ministério Público Federal, aqui)

    José Serra era ministro da Saúde no governo de Fernando Henrique Cardoso, nesta época, e pré-candidato à presidência da República.

    O Ministério Público Federal apurou que José Serra NÃO DECLAROU sua empresa de consultoria à Justiça Eleitoral, nas eleições em que concorreu em 1994, 1996 e 2002.

    Documentação comprova:

    http://osamigosdobrasil.com.br/2011/05/25/empresa-da-filha-do-jose-serra-cresceu-50-000-vezes-em-apenas-42-dias/

  • Fernando Trindade

    Você está certo Eduardo.
    Infelizmente tem muita gente boa na esquerda que não tem está percebendo o que está em jogo.

  • Carlos.

    Mas sempre foi assim, a gente já percebeu faz tempo: quando o vazamento é contra os amigões do peito e aliados da mídia porca, o crime é o vazamento em si; quando o vazamento contém informações contra os inimigos da mídia porca e seus aliados, o vazamento não tem a menor importância. A hipocrísia desta direita se revela toda neste pequeno jogo de palavras. Lamentável é que tem gente que se acha inteligente e não percebe isso.

  • Primorosa esta análise do Edu. Como diria o professor Pasquale, é isso.
    Violação de sigilo fiscal, quando a “vítima” tem bico, é CRIME HEDIONDO. Quando tem barba, vira contravençãozinha não meredora de atenção.
    Idiossincrasia midiática, “apenas”.

  • alex

    Empresa da filha do José Serra cresceu 50.000 vezes em apenas 42 dias

    Quarta-feira 25, maio 2011

    Em primeira mão no blog Os Amigos do Brasil em 25/05/2011 às 23:40 –

    A imprensa brasileira que divulgou o dossiê Palocci, noticiando que seu patrimônio aumentou 20 vezes em 4 anos, o que dirá do aumento vertiginoso de 50.000 vezes da empresa da filha de José Serra (PSDB/SP) em 42 dias?

    Verônica Allende Serra, filha de José Serra, era sócia da empresa DECIDIR.COM BRASIL, já conhecida de outras reportagens.

    A empresa teve seu capital multiplicado por 50.000 (cinquenta mil vezes)… repetindo para você ter certeza do que está lendo: 50 MIL VEZES!

    E isso em apenas 42 dias.

    A empresa foi criada no dia 8 de fevereiro de 2000, com capital de R$ 100,00 (cem reais).

    Quinze dias depois, no dia 22 de fevereiro de 2000, o nome da empresa mudou para “Decidir.com Brasil S.A.” e a sócia Verônica Allende Serra (filha de José Serra) assumiu o cargo de Diretora e de Vice-presidente da empresa.

    Em 21 de março de 2000, passados 42 dias da criação da empresa, o capital foi aumentado para R$ 5.000.000,00 (cinco milhões de reais), ou seja 50 mil vezes o valor incial.

    Detalhes:

    Verônica Allende Serra não era apenas filha de José Serra. Também era sócia do pai em outra empresa, de consultoria, simultaneamente: na ACP – ANÁLISE DA CONJUNTURA ECONÔMICA E PERSPECTIVAS LTDA (conforme citado na ação proposta do Ministério Público Federal, aqui)

    José Serra era ministro da Saúde no governo de Fernando Henrique Cardoso, nesta época, e pré-candidato à presidência da República.

    O Ministério Público Federal apurou que José Serra NÃO DECLAROU sua empresa de consultoria à Justiça Eleitoral, nas eleições em que concorreu em 1994, 1996 e 2002.
    Documentação comprova:

    Nosso blog não precisou bisbilhotar o sigilo fiscal na Secretaria de Fazenda de São Paulo (comanda pelo serrista Mauro Ricardo), para obter os documentos abaixo: (leia mais)

    fonte: http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/

  • O Palocci vai ficando e governo perdendo. Até cpi pode sair. è tudo que o Pig quer.

  • isaias

    sr, eduardo até hoje não tinha lido um artigo tão lúcido e prático .O páis precisa de democrats como o sr.
    O sr. está certo é preciso ver os fatos antes e apontar o dedo e sair gritando denuncismos infundados.

  • Adilson

    Edu,

    Os demotucanos e o PIG não têm autoridade moral, tampouco são éticos para falar de enriquecimento ilícito.

  • Ronaldo

    Eduardo, vocês precisam desmistificar este caso Paloci. Veja bem um carroceiro de pipoca com um capital de 1.000,00 pode em 4 anos aumentar em perto de 20 vezes seu capital, é só saber investir. Tem motorista de táxi que começa sendo empregado e em pouco tempo compra seu carro e trabalha por conta, é mais que 20 vezes. O Paloci como ex-ministro e consultor como outros até menos que outros, têm capacidade de fazer consultoria e aumentar seu capital. Veja o ex-presidente Lula, parece que agora é que começou a ganhar dinheiro. Vocês blogueiros estão muito no jogo destes pessimistas, deveriam tratar em seus congressos de blogueiros, de puxarem notícias positivas do governo. Vocês só andam a reboque de notícias ruins que a mídia/oposição constroem. Falem da transposição, do emprego, dos aeroportos, da minha casa minha vida, do saneamento, enfim… Vocês estão mais pentêlhos que o PIG/Oposição juntos.

  • Leonardo Meireles Câmara

    Com todo o respeito…

    Nessa você viajou na maionese. Palocci é um espertalhão a serviço de seus próprio interesses e do grande capital internacional utilizando-se de cargo público de forma inadmissível.

    Toda a luta histórica da esquerda foi, entre outras coisas, para banir este tipo de prática da vida política nacional. Você está fazendo um contorcionismo verbal incrível para defende o indefensável.

    Mais cedo ou mais tarde ele cai, e o governo vai melhorar muito, mas muito mesmo. Assim como aconteceu com o governo Lula.

    Palocci não é nada. Vai cair e ninguém vai se lembrar de nenhuma contribuição positiva dele. Só das maracutaias.

  • maria benedita

    DO que eu li, ficou marcado o que o José do Ceará disse, o que não sai no jornais. É tudo que de bom esses tucanos sequer pensaram ,imaginaram fazer. Esses tucanos (os demos também claro). É esse pré-sal que eles (demotucanos et catervas) estão de olho, e por isso querem voltar ao poder de qualquer forma. É essse Brasil que fora tão desprezado durante tanto tempo e que agora está se levantando.É o que não sai nos jornais que temos que ver e pensar. E pensar porque não sai. Os tucanos estão desarvorados (isto mesmo mesmo, sem árvores, sem chão, sem projeto para esse imenso país) Essa imprensa sem escrúpulos, que nos assedia com notícias escolhidas a dedos por seus donos o tempo todo. Que nos cobrem com notícias destorcidas, e querem pautar o governo . Um governo que se elegeu à sua revelia, que se elegeu apesar de todas suas mentiras. Essa imprensa não pode governar o país. Ela tem de ser desmascarada o tempo todo. Não podemos ficar à mercê deles, agora que temos a internet, temos como nos defender. Viva o o nosso povo que merece um Brasil melhor, que está sendo construido finalmente.

  • CelsSiebra

    É lamentável Eduardo, após ler os comentários neste blog, constatar que ainda existem pessoas que apesar de se propagarem apoiadores de suas idéias, ainda continuam pensando de acordo com o grande PIG.
    O grande circo armado em torno do Palocci nos traz de vota todo o desespero do tucanato, que diga-se não merece ter uma ave tão linda como seu símbolo do partido. Apesar do seu enorme bico o tucano (ave) não é tão voraz como tem sido o partido em se lançar em acusações e, como você ja bem disse, em negar, na mídia, os dirieitos civis do senhor Palocci. Mas o que me deixa mais inquieto é a ausência da formação de consciencia e percepção de alguns de seus apoiadores, que ainda aplaudem falsos valores.

  • Caros colegas leiam esse texto e veja como e claro o q Miguel do Rosario faz uma analise interessante e merecedor de uma reflexao.

    O caso Palocci: ingenuidade, oportunismo e manipulação Postado em Sem categoria

    Um excelente e lúcido texto do Miguel do Rosário, não deixem de ler

    O caso Palocci: ingenuidade, oportunismo e manipulação Atacar Palocci seria uma excelente oportunidade para este blogueiro demonstrar sua independência em relação ao governo Dilma. Afinal, de fato, ser blogueiro (blogueiro político, para ser mais exato) tornou-se uma espécie de cargo militar na guerra midiática em curso no Brasil desde a assunção da esquerda ao poder, em 2003. A gente vê os erros em nosso próprio campo, mas a prioridade é defender o nosso lado e atacar o adversário. Não é uma filosofia muito bonita, do ponto-de-vista da ética jornalística, mas é a realidade concreta, como diria Lênin. E os jornais, na verdade, são apenas mais hipócritas, quando negam ter igualmente uma postura orgânica em defesa de uma ideologia e dos partidos políticos que a professam. A gente nunca está totalmente à vontade nessa guerra, todavia, e sonhamos em abandonar a farda e nos tornarmos verdadeiramente imparciais. E aí que se dane Palocci e Dilma. Eles que se virem. Eu sou um blogueiro livre! A derrota da mídia, neste sentido, nunca é completa, porque seus candidatos podem perder as eleições, mas os periódicos continuam a circular normalmente, e a audiência do Jornal Nacional permanece estável. Além do mais, os vitoriosos, para vencerem, tiveram que assumir alguns valores do adversário, mesmo que disso não tenham consciência. De qualquer forma, essa é a democracia que temos, e não é correto sermos maniqueístas ou dramáticos.

    Nem o nosso campo político é composto de santos, nem nossos adversários são demônios ansiosos para destruir o Brasil. Passado o processo eleitoral, temos que buscar a paz; não sou eu que digo; é o que consta no preâmbulo da nossa Constituição: Nós, representantes do povo brasileiros, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado democrático, (….) uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias (…). Enfim, eu poderia atacar Palocci, e mostrar como eu sou independente. No entanto, não o farei pelos seguintes motivos: Não sou juiz nem policial. Não gosto desse papel. Não o faço nem com quadros políticos que eu combato. Quem pode definir se fulano cometeu crime ou não é a Justiça, e quem tem a função de investigá-los é a polícia ou o Ministério Público. Poderia citar aqui o “jornalista investigativo”, mas essa é uma atividade que tem sido tão vilipendiada por elementos desonestos e parciais que prefiro deixá-la de fora.

    Não concordo com a demonização política de Palocci, pintado como um quadro inútil e incompetente. É injusto atribuir o conservadorismo dos primeiros anos do governo Lula apenas à Palocci. Ele soube, sim, corajosamente, assumir o ônus de tudo, para preservar o presidente e o governo, mas Palocci não fez mais do que seguir as diretrizes traçadas por Lula, e Lula, por sua vez, seguiu as diretrizes traçadas pela necessidade e pelas condições políticas e econômicas do momento. Desde então, parte da esquerda estigmatizou Palocci. Todavia, por mais incômodo que seja para a esquerda aceitar, os desdobramentos da história provaram que sua política econômica estava certa. Ele mesclou conservadorismo econômico e ativismo social. Quem pagou a dívida externa com o FMI não foi Guido Mantega; foi Palocci. Quando chegou a crise política, e o governo foi posto no pelourinho da mídia, seus defensores estavam armados com as estatísticas que a gestão Palocci lhes forneceu. Inflação baixa, forte crescimento econômico, acelerado processo de distribuição de renda em marcha, dívida externa paga. Palocci assumiu todos os ônus, junto à esquerda, pelas políticas conservadoras, deixando que Lula figurasse como um deus olímpico, livre de qualquer peso simbólico das decisões difíceis. Tanto que hoje, os que defendem a queda de Palocci alegam que Dilma deve se realinhar ao “lulismo” para poder governar. Ora, Palocci não foi “lulismo”? Na verdade, o Palocci de hoje é um articulador político, sem nenhuma influência sobre a política econômica, enquanto na gestão anterior era o titular do Ministério da Fazenda! Tanto é que os agentes do mercado, da vida real, tem a opinião de que a política econômica de Dilma está bem mais à esquerda que a de Lula. Ou seja, uma volta ao lulismo seria um retrocesso conservador… Confunde-se ainda o último governo de Lula, quando ele estava livre do constrangimento de se reeleger, e o governo vinha na sequência de uma série de vitórias, no campo da popularidade, sobre a mídia corporativa, confunde-se esse último ano com seus oito anos de mandato. Durante quantos anos, nosso querido Paulo Henrique Amorim não chamou Lula de “o presidente que tem medo”? Durante quantos anos, Lula não foi acusado de “neoliberal” e de apenas dar continuidade à gestão anterior? Voltando a Palocci, nosso combativo e ansioso blogueiro agora acusa o ex-ministro de ter consultado o filho de Roberto Marinho para escrever a Carta aos Brasileiros. Cita uma página do livro do professor Venício Lima, o qual sabe-se lá como teve acesso à íntegra de uma conversa privada, particular, para acusar Palocci de ter recebido “instruções” do líder-máximo das organizações Globo. Ora, em primeiro lugar, quem assinou a carta aos brasileiros foi o então candidato Luiz Inácio Lula da Silva. Palocci ligou para empresários, da indústria e da comunicação, e ajudou a redigir, mas quem determinou as diretrizes e apôs seu nome ao final do texto foi Lula. E sem hipocrisia e ingenuidade, a função daquela carta foi justamente acalmar a histeria de empresários e mídia por conta da iminente vitória de Lula. Então que se culpe Lula, não Palocci. A santificação atual da figura de Lula significa uma apolitização absurda da história. Lula foi grande não apenas por suas decisões em favor dos pobres, mas também em função de sua política de conciliação e diálogo, em relação aos ricos. E isso sem contar os aspectos mais sombrios e questionáveis dessa aliança do lulismo com as elites. O discurso de que Dilma deveria voltar ao lulismo não tem sentido. Voltar é retroceder. Retroceder é ser retrógrado. O governo Dilma tem de avançar, simplesmente. Para isso, porém, é preciso acertar o ritmo dos passos, saber recuar em alguns momentos, acelerar em outros. Pode ainda fazer como Lula, que alternava momentos de recuo político e avanço nas políticas sociais, com outros de avanço político e recuo no social. E todo esse vai-e-vem não se dá somente em função dos humores da “mídia velha”, mas em virtude de análises concretas sobre a atual correlação de forças, a nível mundial, além do puro, singelo e inocente cálculo macro-econômico propriamente dito, o qual, apesar de ser demonizado como vício neoliberal, existe de fato. Eu acho que o governo Dilma tem força suficiente para aguentar o tranco de uma eventual queda de Palocci. Se houver algo de concreto, ele terá de sair. Não boto a mão no fogo por Palocci assim como não fiz com nenhuma figura do governo Lula. Quanto às denúncias de enriquecimento, mais uma vez apelo à Justiça. Não vou condenar Palocci simplesmente por ganhar dinheiro. Arminio Fraga comprou o MacDonalds América Latina por 1,5 bilhão de dólares logo após sair do governo FHC. André Lara Resende, de pobre ficou miliardário, com haras até na Inglaterra. Palocci comprou um apartamento de 6 milhões de reais. Não digo isso para repetir o discurso de que “se eles fazem, nós também podemos fazer”, mas para mostrar que o mercado costuma receber ex-integrantes de equipe econômica com muita generosidade. Alguns dizem que a lei é falha, ou que a quarentena imposta é pequena. Não sei. Nesse ponto, prefiro o ceticismo. Se a quarentena fosse excessiva, ou se proibíssemos que ex-membros da equipe econômica ganhassem dinheiro em consultorias, abertamente, declarando ao fisco, estaríamos estimulando que o sujeito ganhasse dinheiro por baixo dos panos. É a lei da oferta e da procura. A mídia explora a nossa realidade pequeno-burquesa. Apartamento de seis milhões, faturamento de vinte milhões em 2010! Que horror! Por outro lado, analisando bem, é melhor que os políticos faturem de maneira transparente, como fez Palocci, registrando tudo na Receita e pagando devidamente seus impostos, do que ganhem seu dinheiro “por fora”, como fez aquele governador do Distrito Federal, de triste memória. Em nossa vida de simples mortais, esses valores são fora-do-comum, mas lembremos que no alto do pirâmide social, respira-se outro oxigênio. Apresentadores de TV ganham milhões por mês, jogadores de futebol ganham milhões por mês, donos de agências de publicidade ganham milhões por mês, banqueiros ganham BILHÕES por mês. Falemos de ética. Muitos questionam a ética nas ações de Palocci. Que segredos de Estado ele vendeu? Bem, esse é um ponto realmente difícil de ponderar. Ele poderia ter vendido secretamente, se quisesse, com grana depositada em contas no exterior (se é que não o fez). A solução talvez só venha quando tivermos computadores regendo o governo, programados para não divulgarem nenhuma informação. Até porque nem sabemos que tipos de informação existem cujos segredos não podem ser divulgados de maneira nenhuma, nem sabemos que Palocci os divulgou. Não sabemos de nada. Em tese, Palocci pode ter vendido por milhões supostos segredos, mas não os mais importantes. Pode ter ganho dinheiro vendendo informação anódina ou mesmo falsa. Se são segredos, nem os empresários saberão. Ou então, pode sim, ter vendido informação importante, sigilosa. A única maneira de estarmos seguros com nossas equipes econômicas, seria tomar alguma medida drástica, à la Pérsia Antiga, como mandar degolar todos seus integrantes assim que terminasse sua gestão. A única bóia à qual podemos nos agarrar volta sempre a ser a inevitável confiança que temos em nosso presidente da república. É ele ou ela, ao cabo, que tem a posição privilegiada de ver o quadro completo. Sabe os segredos de Estado. Tem o controle dos serviços de inteligência. Tem muito mais poder do que nós, portanto, de averiguar os eventuais mau-feitos do senhor Antonio Palocci. Não digo que devemos confiar cegamente em nossa presidente. Não estou dizendo isso. Digo que há situações em que não há outra saída. Temos que confiar ou não. Se não confiamos, então vamos afirmar honestamente. Não confio na Dilma. O fato de não confiarmos, porém, não significa que nós estamos certos e ela errada. Às vezes não confiamos e ela está certa. Neste caso, há um problema de comunicação, e o governo sempre terá um problema de comunicação, na medida em que a mídia brasileira é notoriamente uma mídia de oposição, partidária e, frequentemente, desonesta. O que não podemos fazer, enquanto cidadãos, é deixar de acreditar no sistema democrático brasileiro. Que é falho, como em todo mundo. Deficiente, cheio de brechas por onde escapolem os poderosos. Mas é o que temos, e não existe sistema infalível. A democracia brasileira está em construção, como aliás a democracia no mundo inteiro. Está se fortalecendo ano a ano. Nosso Ministério Público hoje é muito mais forte, competente, jovem e idealista do que há vinte anos. O mesmo vale para o Judiciário. Não farei elogios ao Legislativo, mas lembrarei mais uma vez o pensamento de Wanderley Guilherme dos Santos: a massa votante hoje no Brasil é infinitamente maior do que em qualquer época passada. Temos mais eleitores e um percentual maior de eleitores sobre a população total do que em qualquer época. Se o Legislativo é bom ou ruim, é uma questão do voto popular, e as distorções decorrentes do financiamento de campanha estão sendo igualmente discutidas democraticamente pelos próprios congressistas, para que seja aprimorada. Enfim, se Palocci cometeu um crime, compete ao Ministério Público, à Polícia Federal, ao Judiciário, ao Legislativo, decidirem. O que nunca aprovarei é o justiçamento midiático. Da mesma forma não aprovo que setores da blogosfera surfem nesse justiçamento para acertar contas com um quadro com o qual não nutrem afinidade política. Se achamos que o governo Lula foi bom, temos que aceitar a função de Palocci no processo. E se temos alguma coisa a criticar acerca da Carta aos Brasileiros e da política econômica dos primeiros anos do governo Lula, não é justo crucificar Palocci. Não acho lógica interpretação de que o governo Lula foi bom apesar de Palocci. Saindo do terreno das suposições, do passado e das suspeitas, Antonio Palocci é quadro político importante para o governo, por causa de seu diálogo com o grande empresariado e com as forças de centro-direita. Seria uma indesculpável ingenuidade da esquerda achar que o governo Dilma não deve dialogar com esses setores, ou que deveria tratá-los com truculência. São esses setores que pagam as campanhas políticas. São esses setores que fazem investimentos no país. São esses setores que tem o poder de derrubar presidentes. A grande mídia é aliada desses setores, e bate no governo para enfraquecê-lo e torná-lo (o governo) ainda mais dependente dos grandes empresários. A ideia de que um governo de esquerda deve amparar-se apenas nos movimentos sociais é arriscada. O governo Chávez vive em crise desde sua posse por conta disso, o que tem se refletido severamente na economia venezuelana, que só cresce quando o preço do petróleo sobe, e sofreu um brutal processo de desindustrialização e fuga de investimentos produtivos nos últimos anos. O sucesso de Lula foi justamente, ao contrário de Chávez, estabelecer um pacto social entre o trabalho e o capital. Em seus momentos mais difíceis, Lula sempre apelou para as massas, mas nunca deixou de dialogar com a elite econômica. Mesmo fazendo uma política econômica mais à esquerda do que Lula, a atual presidenta não tem a experiência do velho sindicalista para discursos inflamados contra as elites e em favor do povo. Ela não tem nem saúde física para isso. Lula era forte como um touro, um fenônemo da natureza que só a brutal seleção genética do Nordeste miserável pode produzir. Dilma tem saúde frágil, ainda mais depois do câncer com o qual teve de lutar há poucos anos. Temos que avaliar também esses aspectos reais, físicos, porque a nossa democracia é feita de gente de carne e osso, e não de heróis ou símbolos. As perseguições da mídia destroem não apenas reputações, mas também a saúde e a psicologia de suas vítimas (mesmo que essas vítimas sejam culpados na justiça). Dificilmente veremos Dilma a vociferar em comícios para centenas de milhares de pessoas. Ela nunca foi uma sindicalista de massa. Experimentou apenas a eleição majoritária de um partido já consolidado, com recursos, que podia lhe dar todo o conforto necessário. Mas é uma mulher corajosa, astuta, culta, e incorruptível. Saberá enfrentar com serenidade o teste de sua primeira crise política. O que não podemos exigir é que ela lance um ministro importante como o chefe da Casa Civil aos leões ao primeiro toque de corneta dos adversários. Palocci pode cair, mas só depois de muita luta, e defendido galhardamente por Dilma, por seu partido e aliados. Quanto à questão ética, é na verdade uma questão de Justiça. Se não fez nada proibido ou ilegal, não faz sentido condenar Palocci por ganhar dinheiro num país selvagemente capitalista como o Brasil, onde ou você ganha muito dinheiro ou é tragado e triturado pelo sistema. Em se tratando de um político, essa regra ainda é mais válida, porque ele tem de possuir recursos suficientes para, ao menos, pagar seus advogados, visto que é raro que um quadro partidário relevante atravesse sua carreira sem enfrentar duros embates jurídicos. Vide o caso do diretor do FMI, Dominique Strauss-Kahn. Se por acaso ele for inocentado (e imagine, apenas hipoteticamente, que ele seja inocente), terá sido pelos milhões de euros que conseguiu acumular ao longo de sua vida, pois é o que vem gastando e gastará para bancar advogados, fiança, assessores de comunicação e a própria prisão domiciliar (que custa até 200 mil dólares por mês). Claro que esses riscos não justificam que alguém cometa qualquer ilegalidade. Cito-os apenas para mostrar que o dinheiro ajuda bastante um político a se livrar de problemas, e Palocci já enfrentou graves questões na justiça. Sabe o que é estar na linha de tiro, abandonado por aliados, tratado como pária da sociedade, tendo como amigos apenas advogados de taxímetro estourado. Não me espanta que tenha decidido ganhar dinheiro. Se passou dos limites da lei, no entanto, aí é um caso para o Ministério Público investigar… Minha função, como blogueiro, não é julgar a ética pessoal de Palocci, nem me arvorar especialista em questões jurídicas. Eu faço uma análise política da conjuntura e dou minha opinião. Claro que posso estar errado, mas na minha humilde opinião Palocci é a bola da vez. Caindo Palocci, a mídia virá em cima do próximo quadro, e assim sucessivamente, até o fim dos tempos. Esse filme a gente já viu. A grande imprensa morde fundo, sem piedade, aplainando o terreno para a chegada de seu novo herói, ou para vender caro uma trégua mais adiante. Política (no Brasil e no resto do mundo), definitivamente, não é aconselhada para ingênuos.

    http://oleododiabo.blogspot.com/

  • Jose Eduardo Dyonisio

    Além de desgastar o governo Dilma, a direita quer esconder o fracasso do PSDB em SP, agora que foi cancelada a Copa América por aqui. E a questão de SP possivelmente ficar sem qualquer jogo da copa do mundo. Pela imprtância desse estado, o mínimo seria a abertura da copa. Só que a decadência de SP depois de quase 20 anos de direita, volver, é tamanha, que nem estádio temos pra jum joguinho sequer. Seria interessante o blogueiro tratar desse assunto, quando houver possibilidade.

  • Olavo

    Palocci ta engrupindo o PT. Se o governo Lula só vingou de verdade depois que ele saiu, não entendi por que ele foi colocado neste governo. Não entendi nada. Mas militante e simpatizante, como dizem os nomes só militam e simpatizam, nada mais. Se o cara tinha todas essas credenciais negativas, como foi parar lá, se alguém conseguir explicar direito, bem.

  • spin

    A zelite brasileira boba que não é, veio com esta coisa do “escândalo” Palocci para confundir a base de Dilma
    Sem base,sem apoio popular, como ocorreu com Collor, o impeachement seria questão de tempo, Temer assumiria a presidencia e, em 2014 apoiaria Collor
    Abram os olhos, vejam o que de fato há por trás do tal “escândalo” Palocci
    Leia este texto de Dora Kramer dando um jeitinho de se pensar no impeachment de Dilma
    http://www.viomundo.com.br/humor/no-terceiro-turno-o-impeachment-de-dilma.html

  • JULIANO

    Verdade. Os tucanos podem enriquecer, quebrar sigilos , a Folha não fala nada.
    Os petistas não. Já percebi esse esquema do Pig.

  • MarcosM

    Saiu um texto muito bom sobre isso no conversa afiada: http://www.conversaafiada.com.br/politica