O preço de deslegitimar o poder e a política

Crônica

 

Estive ontem (17.6) na manifestação de São Paulo contra o preço das passagens no transporte público, no Largo da Batata, zona Oeste da cidade. Cheguei às 16 horas e permaneci entre os manifestantes até por volta das 19 horas, quando empreendi uma epopeia pra voltar pra casa.

Descendo a rua Cardeal Arcoverde de carro, acompanhei a procissão de jovens que se estendia por quarteirões. Todos no mesmo rumo, todos com o mesmo ar contrito e de determinação nos rostos.

Encontrei um estacionamento estrategicamente localizado a pouco mais de um quarteirão do Largo. “Fecha às 20 horas”, disse-me o manobrista, caixa e, provavelmente, tudo o mais naquele terreno descoberto, com chão de terra e convertido em estacionamento.

Já na Brigadeiro Faria Lima, a algumas centenas de metros do Largo, já não caminhavam pelas calçadas, mas no meio da rua. Um ou outro carro passava, desviando dos pedestres, agora donos da via, como se os motoristas pedissem desculpas por estarem onde não deviam.

Ao longe, grandes bandeiras brancas e vermelhas se erguiam de uma massa humana que me impressionou por ser tão grande a uma hora do horário previsto para o início da manifestação. Nas bandeiras brancas, as letras UJS (ou algo assim) e, nas vermelhas, PSTU.

Agora faltavam menos de cem metros pra chegar à aglomeração. Uma juventude bonita e evidentemente universitária. As idades variando entre 15 e 30 anos, no máximo. Aqui e ali, algumas pessoas maduras. Senhoras com cabelos loiros, homens grisalhos, todos com aparência próspera.

Os comerciantes iam fechando as portas e os trabalhadores da região passavam apressados. Pareciam assustados. Alguns comentavam que não sabiam como fariam pra chegar em casa, mas ninguém prestava atenção neles – além deste que escreve.

Para um carro grande, prateado, tinindo de novo, do qual não me ocupei de ver a marca. Desce um homem corpulento, cabelos grisalhos, calça social, camisa social com o botão do colarinho aberto, de onde pendia uma gravata afrouxada.

De repente, o veículo é cercado por um grupo de três garotas e cinco rapazes. O homem circunda o veículo e, com o porta-malas já aberto, tira dele vários quadros com uns 40 centímetros de largura por quase um metro de comprimento.

Os quadros de madeira recobertos por material gráfico de boa qualidade citam “corrupção”.

O motorista engravatado diz alguma coisa ao grupo de jovens e arranca com o veículo.

Chego ao limite da aglomeração. Grades de cerca de 1, 5 metro separam o extremo da calçada do Largo da via dos carros. Aproveito um poste metálico próximo pra subir nelas segurando-me nele, de forma a ter uma visão melhor da aglomeração e registrar imagens.

Um grupo de jovens passa por mim dizendo que fora “sacanagem” o que fizeram com o repórter da Globo Caco Barcelos, que seria “boa gente”. Decido ir atrás pra escutar mais, tomando cuidado em não ser percebido.

Descubro que o repórter foi expulso da manifestação e que havia um grupo que pretendia impedir o trabalho de qualquer um que fosse da Globo, porque a emissora “queima o filme” do protesto.

Percebo que as bandeiras do PSTU sumiram. Pergunto a uma garota se viu pra onde foram e ela me explica que os que as portavam foram convencidos a não exibi-las.

Presto mais atenção e vejo, a uns 50 metros, uma única bandeira vermelha, só que pequena. Olhando melhor, percebo ser do PT. Decido ir lá ver quem a carrega.

Ao chegar já não era uma bandeira, mas duas. Modestas em tamanho, diante das outras. Uma, empunhada por uma jovem negra, baixinha, que olhava assustada ao redor. A outra, por um rapaz loiro, cabelos longos e óculos. Também parecia tenso.

Começamos a conversar com os dois e logo aparece o deputado federal pelo PT paulista Paulo Teixeira, com mais duas pessoas. Fico sabendo que outros parlamentares, de vários partidos, foram ao protesto de modo a “garantir o direito dos manifestantes”.

Naquele momento, com a chegada do deputado, as pessoas em volta começam a entoar um refrão contra bandeiras partidárias. Algo como “Sem par-ti-do, sem par-ti-do”.

Os dois jovens permanecem impassíveis com suas bandeiras. Ao contrário dos que portavam as do PSTU, não foram convencidos. Foram apupados. Mas permaneciam impassíveis na missão que se impuseram.

Os gritos aumentam, mas os dois jovens continuam firmes. Uma aglomeração se forma em volta de nós. Ouço palavrões. Peço à moça e ao seu companheiro que baixem seus estandartes. O rapaz me atende, mas a moça não.

Começam empurrões e xingamentos. Ouço alguém dizer “blogueiro petralha, filho da puta”.

Alguém arranca a bandeira da mão da moça e a empurra, ela cai, seu companheiro reage, há chutes, mais palavrões. Os contrários às bandeiras são maioria esmagadora – ou melhor, são todos.

No empurra-empurra, sou separado do deputado petista e de seu grupo. E dos dois valentes porta-estandartes.

Nesse momento, uma quantidade imensa de pessoas – pareceram-me centenas – começa a entoar um cântico: “Hei, PT, vai tomar no cu!!”

Tento filmar, acredito ter filmado, mas quando chego em casa percebo que o empurra-empurra interrompeu o vídeo, no qual só se pode ouvir “Hei, PT, vai tom (…)”.

Tudo pode ser assistido no vídeo ao fim do texto.

Ouço alguém falando em “blogueiro do PT” e percebo que é hora de uma retirada estratégica. Embrenho-me na multidão até chegar à rua, que atravesso. Dali em diante, decido acompanhar tudo de longe.

Já anoitece e vejo fumaça e luminosidade colorida no meio da massa. Parecem ser fogos de artifício ou coisa que o valha, mas não consigo me certificar.

Ouço mais cânticos contra o PT. Arrisco chegar perto e uma mulher branca, alta, aparentando uns trinta e poucos anos discursa contra “mensaleiros” e diz que “O PT tem mesmo que se ferrar”.

Decido sair dali. Contorno a manifestação. Um grupo bem menor, de umas dez pessoas, entoa “O povo não é bobo, abaixo a rede Globo”.

Contorno mais um pouco a manifestação e vejo mais movimentação. E gritam “Sem violência, sem violência”. Percebo que está havendo um enfrentamento físico.

Chego próximo a um grupo bem maior em que, lá no meio, vejo cartazes em que só consigo ler “Alckmin” e “PM”, por conta do empurra-empurra. Parece haver divergência ali também.

Decido que é hora de ir. Enquanto retorno ao estacionamento, vejo os trabalhadores passando rentes à parede, passo rápido. Mulheres de saias e cabelos longos, de mãos dadas com crianças, olhar no chão.

Um homem magro, de uns quarenta anos, de boné, malha de lã bege e puída, calça suja de tinta e de tudo mais que se possa imaginar carrega uma mochila, apressado. Decido tentar falar com ele.

Digo que sou jornalista e se poderíamos conversar. Pergunto se veio participar da manifestação.

— Não, senhor, não tenho nada a ver com isso.

Insisto. O que ele acha de tudo aquilo? Fica nervoso. Diz que não sabe de nada, principalmente como vai chegar em casa, em Ferraz de Vasconcelos.

As passarelas sobre a avenida estão lotadas de trabalhadores andando apressados. Parecem robôs. Nem olham pros lados e ninguém olha pra eles. Alguns estão sentados, outros de pé nas paradas. Olhares perdidos no espaço.

Volto ao estacionamento, percebo que não conseguirei ir em frente na Faria Lima, dobro à direita, faço uma opção errada e caio, de novo, no Largo da Batata, agora intransitável.

Carros, ônibus, caminhões e até uma legião de motocicletas parados, presos entre manifestantes à frente, atrás, dos lados.

Ouço a sirene de uma ambulância. Os carros começam a subir nas calçadas, fazendo o possível pra dar passagem. A ambulância só consegue chegar até os manifestantes e estanca. Alguns saem do caminho, mas a maioria não dá a menor bola.

Um senhor de uns sessenta anos, com uma mulher mais ou menos da mesma idade no banco do passageiro, desce do carro e começa a xingar os manifestantes, falando da ambulância. Um jovem forte se aproxima, desafiador, mas é dissuadido por outros manifestantes.

Consigo chegar à Marginal do Rio Pinheiros, totalmente parada. Já são mais de oito horas da noite. Começo a tentar cortar por ruas transversais, disparo por avenidas vazias e acabo indo parar no Alto da Lapa.

Tento me localizar, que não conheço bem a região. Apelo ao GPS do celular, mas a bateria acaba.

Paro em um posto de gasolina. Três frentistas conversam com um homem mais ou menos com os mesmos cinquenta e tantos anos que eu, dono de uma Pajero negra, novinha, sendo abastecida até a tampa.

Paro o carro na bomba, mando abastecer e peço pra deixarem eu carregar um pouco o celular. Sou prontamente atendido. Digo que vai demorar um pouco. Dizem-me que “hoje não adianta ter pressa”.

Começamos a conversar. O assunto, claro, o caos na cidade. O motorista da Pajero tem sotaque nordestino. Está muito bravo com a Polícia. Xinga de tudo quanto é nome. Fala da foto da repórter da Folha com o olho arrebentado por uma bala de borracha.

Os frentistas só olham, sorridentes, mas não dão palpite. Como se estivessem em uma aula, tentando aprender alguma coisa – talvez o que “bacanas” como eu e meu novo amigo nordestino esperam ouvir deles quando forem perguntados sobre o assunto.

Pergunto como sair dali e minhas opções imediatas, segundo dizem os frentistas, é a Lapa ou voltar ao Largo da Batata.

O motorista da Pajero diz que vai me ajudar, que sabe como ir cortando até a Cerro Corá. Dali posso pegar a Rebouças, diz, pra voltar à região da Paulista, onde resido.

— Vem atrás de mim. Vou te escoltar até lá. Quando eu ligar o pisca-alerta vou entrar à esquerda e você, à direita. Vai subindo, sempre pra cima, mas fica à sua esquerda. Vai cair na Cerro Corá. De lá você pergunta.

Explico que, de lá, eu me viro.

Sigo-o até que faça a manobra combinada. Buzino, ele buzina de volta e vamos cada um cuidar da própria vida.

Surpreendo-me com a Heitor Penteado e a Rebouças. Parece que estou em um domingo às sete da manhã. Vazia. Não se vê viva alma nas ruas. Nem gente, nem carros, ônibus, motos, nada.

Já são quase 21 horas. Duas horas pra chegar até lá.

Ouço na CBN que já há manifestantes na Paulista. Decido voltar pela Rebouças até a Oscar Freire, fazer o retorno e tomá-la em direção ao Paraíso.

Tudo vazio. Assustadoramente vazio.

Continuo ouvindo a rádio que toca – ou que, segundo dizem, “troca” – notícia. Agora falam que manifestantes estão passando em frente da Globo, na Berrini. E que outros tantos estão indo ao Palácio dos Bandeirantes.

Minha mulher me liga no celular recém-carregado, preocupada. Acalmada, relata que o Jornal Nacional disse que a Globo foi xingada pela manifestação.

PT, Alckmin, Globo…

Penso comigo que foi nisso que deu a mídia deslegitimar cotidianamente a política e o poder e seus críticos estimularem a descrença nela. Sobrou pra todo mundo. Pensando bem, era até previsível.

*

315 comments

  • A culpa é de Lula da Silva e do PT, que corromperam como “nunca dantes” o poder e a política. E, sendo deles, podem pô-la em quem quiserem. A “mídia” não-cooptada – e livre, portanto, para denunciar as assombrosas mazelas do lulopetismo – é, como sempre, o alvo principal. Não seria melhor renunciar, diante do ‘brado retumbante” que se levanta, ao ‘projeto raso, seco e golpista de poder”, e começar a pensar um pouco no país? Teriam o apoio de todos. Até daqueles que, como eu, andam abominando a política. Não só a praticada pelo PT, mas, também, a da ‘base alugada” e, também, da “oposicinha” (a única oposição do mundo que é a favor, já que não se opõe a nada de “tudo o que está aí”)..

      • Se as minhas idéias encontram, em oposição a elas, pessoas da sua estirpe, capazes de se expressar de forma tão chula, então elas só podem estar certas! E não há que me perguntar que espécie de merda você encontra pela frente, se a merda de que você fala saiu da sua cabeça doentia e da sua boca suja, não é mesmo?!

      • Claudio, esse cara pertence ao partido Nazista! Não consegue enxergar um milímetro a frente. Só vê o que seu preconceito deixar!

        • Nada disso, companheiro! Você só estaria com razão em supor isso de mim se eu fosse petista como você. Quanto a enxergar ou não, tenho a certeza de que enxergo, sim. Por exemplo; só de ler o que você escreveu, logo enxerguei a toupeira que você é.

      • Você acha que todo mundo é espelho seu, “Ottário”? Olhe bem, e vai ver que o “idiOtta” que você enxerga em mim não é outro senão você mesmo. E a Globo não tem culpa de você ser um arrematado “idiOtta”. Se tivesse, você não seria apenas um “idiOtta”, mas, sim, um “vidiOtta”..

      • Claro que me dá uma pista do que está acontecendo. Os baderneiros que se afastaram da manifestação pacífica para ir barbarizar às portas “do Alckmin” e “da Globo” só podem ser os “militontos” do seu partido e de partidos afins, que estavam saudosos do cacete da polícia!

        • Sei…. então quem reclama contra o truculento alckmin e contra a deturpadora globo é baderneiro, e quem reclama contra o governo e o PT é o pacífico. Dedução de direitóide é assim, seu amado mestre “cerra” ensinou bem a vcs.

          • Apesar de todas as provocações sofridas,e para o desespero do PT, o “truculento” governo do estado deu uma lição de civilidade ontem. Foi o grande vencedor, escapando da arapuca que estava armada para ele. Já a “deturpadora Globo”, a exemplo de outros veículos de comunicação, não fez outra coisa senão louvar as manifestações, minimizando a violencia dos manifestantes, e sempre criticando a ação da polícia.

            Quanto a ter mestre, quem usa cuida. Ou seja, como você tem o seu, de quem lambe as botas e copia a truculencia, deve imaginar que os outros se comprazem com o mesmo tipo de servilismo.

          • Pois é, eu vi o show de civilidade que o seu amado alckmin fez, mandando bala de borracha e gás lacrimogênio no povo, e não foi nos manifestantes que estavam a frente do palácio do governo, têm imagens na internet mostrando a polícia descendo o sarrafo nas pessoas que gritavam “sem violência”, que inclusive podiam até ter colegas seus direitóides lá. Vi relatos de jornalistas que apanharam. Sua amada globo, no início esta contra o movimento, por ser iniciado pelo MPL, basicamente pela extrema esquerda, mas vcs do cansei – grupo de maurinhos e patricinhas que odeiam o pobre estar subindo de vida – estão se aproveitando do momento para ganhar bônus político para tentarem colocar o seu amador aecinho do pó lá, para voltar a ter o país que tínhamos há 10 anos.

            Por falar em truculência no fim de seu vômito. Veja quem manda a polícia descer o sarrafo em pobre, como fizeram no Pinheirinho, em favor de especuladores pilantras.

          • Pois é. Você viu, sim, o show de selvageria e barbárie que os esbirros do seu partido e dos seus partidos-cúmplices – provavelmente, tão esquerdofrênicos quanto você! – deram nas ruas de diversas capitais do país, arremetendo, por meio de atos de terrorismo explícito, contra o patrimônio público, invadindo prédios, agencias bancárias e lojas, saqueando, agredindo, covardemente, policiais e, até mesmo, outros manifestantes, e por aí afora…. Enquanto isso, a Globo e outros veículos de comunicação, esforçavam-se por justificar os desmandos dessa bandalha toda, fiel à cartilhinha lulopetista do politicamente correto, que manda que se deve, a qualquer custo, passar a mão na cabeça de aloprados, baderneiros e vândalos de tudo quanto é tipo. Não foi assim que o seu partido se aliou, gostosamente, aos sarneys,collors, malufs, renans, jucás, barbalhos et caterva, para barbarizar o país? E não foi assim, também, que ele se solidarizou com ditadores e déspotas do mundo todo? Pois é…

            Quanto ao mais, não dá nem para responder, uma vez que você agride de tal forma a língua portuguesa que mereceria ser preso por vandalismo gramatical.

          • Quem promoveu tal barbaridade e depredação do patrimônio público foram mau elementos como vc, um direitóide que vem aqui me chamar de esquerdofrênico e cúmplice é um tremendo de um vagabundo, pois ao me agredir, vc mostra sua face de troll imbecil que vem aqui para agredir e não para discutir, então, por isto, vc deve ser limado daqui, seu baderneiro de meia tigela. Quem foi preso fazendo depredação do patrimônio público foi um fascista que nem vc. A sua queridinha globo esforça-se para colocar de volta os seus amados a todo custo, e vale tudo para isto, inclusive, no início dos protestos, aclamar a truculenta polícia de seu amado alckmin para descer a madeira em cima dos participantes das manifestações que estavam lá sem fazer baderna. Este foi o estopim para que a aderência ao movimento em nível nacional. O seu partido já é uma associação de bandidos piores do que os que vc citou, um “cerra”, um “aócinho do pó”, um tarso geireissati, um bornhausen, um acm, um agripino maia, um demóstenes, um arruda et caterva são ótimos exemplos de bandidos. Falando-se em solidarização com ditaduras, não preciso nem dizer que vcs amam ditaduras, tanto é que aqui na América latina, vcs foram fundo nos golpes. Vcs amam tanto ditaduras, que vcs adoraram as ditaduras implantadas com apoio dos seus amados governos dos EUA mundo a fora.

          • Sinto muito, companheiro, mas se quiser que lhe responda novamente, é necessário que escreva no mesmo idioma que eu. Você há de se dar conta de que é simplesmente impossível entender o que você escreve. E, como se não bastasse, as suas idéias são tão chulas que fico a pensar se existe alguma massa cinzenta dentro do seu cérebro ou, pelo menos, aqueles dois neurônios que até os imbecis têm: o tico e o teco.. Se dependerem de gente como você para defendê-los, Lula da Silva e seus aloprados companheiros estão perdidinhos da silva!

            Volte para o ensino fundamental, companheiro! Urgentemente! Aproveite as cotas!

          • Volte vc para o primario, imbecil, vc eh apenas um trollzinho de baixa catagoria. Vc, parte de uma elite podre e nojenta deste pais, que odeia pobre, vem aqui nos desmerecer. Va lamber as botas dos seus amados que destruiram o pais 3x. Eh por causa de maus elementos como vc que este pais ainda tem uma demanda muito grande de mazelas a se corrigir, e os ladroes que vc tanto ama, so fizeram tudo aqui piorar. Depois disto, vem um imbecil hipocrita como vc aqui, dando uma de santo e querendo por a culpa por tudo de ruim no pt. Vc nao esta nem ai para o povo, vc so quer que seus amados canalhas voltem a presidencia.

    • Caro Lucas, muito claro o que a tua turma quer: renúncia da Dilma com a posse do Temer, o melhor dos mundos para a oposição ridícula.

      Ontem pregavam o impeachment da Dilma na internet, crime previsto apenas se a mandatária cometer crime de responsabilidade. Outros pediam a renúncia da mesma como você pediu.

      Parece que estão fomentando o golpe a la 1964. O clima está muito parecido. Só falta o comandante Enzo Peri conclamar o exército a restaurar a ordem e aplicar o AI-qualquer coisa. Parece que é isso que muita gente quer. Um golpe.

      Mas, a despeito de tudo isso, considerei o ato como um protesto contra todos os políticos.

      Estou achando que vários movimentos sociais vão para as ruas defender seu ponto de vista, e nesse contexto é bem provável que haja violência entre os próprios manifestantes.

      • Meu caro Marcos, preste atenção:

        Não está nada claro que eu tenha turma, ao contrário de você, que parece ter; eu não afirmei, em lugar algum que quero a renúncia da Dilma, mesmo porque nem é ela que nos desgoverna, pois só obedece ordens do outro; eu jamais poderia desejar a posse do Temer, que é aliado do governo que está desgraçando o país; e não acredito que haja oposição no país, já que, se houvesse, estaria na rua, berrando contra as atrocidades que o PT vem cometendo.

        Não sei se pregavam, ontem, o impeachment da Dilma na internet, ou se pediam a renúncia dela. Só sei que não fiz uma coisa nem outra. E, se fizesse, de nada adiantaria, pois ela seria salva pela “oposicinha”, como aconteceu, em 2005, com o Lula da Silva.

        Não parece que em 1964 tenha havido “golpe”, mas, sim, um contragolpe. E o clima de hoje está muito parecido com o de então. Só falta o o PT conclamar suas milícias e aplicar o AI -13 ou coisa parecida. Parece que é isso que muita gente quer. Um golpe.

        Mas, com tudo isso, eu só poderia considerar o ato, enquanto pacífico, como um protesto contra a situação que o PT criou no país; e o ato, enquanto beligerante, como um atentado de militantes de partidos políticos de esquerda contra o Estado Democrático de Direito.

        Por fim, também acho que vários movimentos sociais estão indo para as ruas defender sua idéias e, nesse contexto, é bem provável que haja violência entre os próprios manifestantes. Como, aliás, já vem acontecendo.

        • “Não seria melhor renunciar, diante do ‘brado retumbante” que se levanta, ao ‘projeto raso, seco e golpista de poder”, e começar a pensar um pouco no país?”. Extraído do seu primeiro post.

          Se isso aqui não é sugestão de golpe, melhor parar a discussão por aqui, até por que você chamou de “contragolpe” uma tomada de poder inconstitucional pelos militares. Já vi que contigo não haverá debate. Gracias.

          • Ai, que preguiça! Acho que vou ter que desenhar para você, companheiro. O que estou dizendo no texto é que seria melhor o lulopetismo renunciar ao seu “projeto raso, seco e golpista de poder”, e pensar no país. O golpe, no caso, é do PT e, não, contra o PT! Além do mais, não me referi à Dilma, nem sugeri, muito menos, que ela deveria renunciar ao governo. A não ser que você mesmo esteja admitindo que o PT não saiba governar de outra forma que não seja aplicando golpes. Como o do mensalão, por exemplo. Portanto, leia de novo o texto que você citou, companheiro. Pode ser que entenda, agora.

            Quanto ao fato de eu ter chamado de contragolpe “uma “tomada de poder inconstitucional pelos militares”, você teria sido mais prudente se, antes de me contestar, tivesse ido ao dicionário para ver qual é o significado desse vocábulo.

            De qualquer modo, pelo menos numa coisa você não deixa de ter razão. Desse jeito, não pode haver debate mesmo. Mesmo assim, gracias.

    • A culpa é de imbecis como você, Lucas Daniel, que ouve, lê e acredita em tudo que a midia golpista despeja nos meios de comunicação e depois fica falando bobagens por aí.
      Você que não conhece a história do PT e de Lula não nenhuma moral para criticá-los, aliás, acho que você não conhece história nenhuma. É um autêntico analfabeto político, isso sim.

      • Não, a culpa poderia ser de “imbecis como você”, Claudio SJ. De você, que é do tipo que nem sequer tem noção do que diz e faz. Mas, na verdade, a culpa é daqueles que, tendo lavado o seu cérebro, jogaram -no fora depois, junto com a água da lavagem. É por isso que você “ouve, lê e acredita em tudo que a midia governista despeja nos meios de comunicação e depois sai falando bobagens por aí”.

        Você não conhece a verdadeira história de Lula da Silva e do PT, mas, se a conhecesse, haveria de criticá-los tanto quanto eu. Mas, analfabeto político e jejuno em História como é, não seria difícil que continuasse lambendo as botas desses que lavaram o seu cérebro para melhor explorar a sua ignorancia.

    • Se a culpa é do Lula da Silva e do PT a história dirá, já em relação ao seu explicitado “analfabetismo político” a culpa é toda sua, sem chance de repassá-la canhestramente a outros.

      • “Sem chance”. A culpa do Lula da Silva e do PT é, hoje, um fato. Amanhã, será história. Quanto ao “analfabetismo político” que você tenta, “canhestramente, repassar” para mim, não passa de uma projeção do seu, que é o real. Freud “explicita”

    • Lucas Daniel, sorry, mas você está errado, pelo menos no caso de SP. O que vem ocorrendo em Sampa não pode ser imputado ao PT (ou então, impute-se a ele no máximo 5% da culpa). Haddad chegou há pouco. Não tem nem seis meses de governo.

      Quem não fez metrô? Quem construiu esses contratos que vigoram? Resposta: quem vem governando SP. Ponto. A única coisa interessante que vimos em Sampa, a favor do transporte, foi feita pela Martha Suplicy, com o bilhete único.

      Sobre o movimento que vem ocorrendo no resto do Brasil, é interessante e pode melhorar o Brasil. Aliás, melhor ele acontecer com um governo federal mais sensível do que com um governo demotucano capitaneado por Serra, por exemplo. Ele já teria jogado os tanques e os bofes sobre a população.

      • Luiza, sorry, mas não desvie o foco. Eu não me referi a São Paulo, em particular. Reportei-me, tão somente, ao que Lula da Silva e o PT fizeram e fazem, corrompendo o poder e a política “como nunca se viu antes na história deste país”. Uma simples releitura – mais atenta, porém – do meu texto poderá confirmar isto. Não obstante, considero um grande privilégio que São Paulo tenha escapado, por enquanto, da sanha corruptora do “poderoso chefão” e de seus aloprados caudatários.

        Quanto à observação que você faz sobre o movimento que vem ocorrendo no resto do Brasil, parece ignorar que ele se dá num cenário de rápida deterioração da economia, com um claro viés de estagflação, depois de uma década inteira em que o governo lulopetista nada fez para conferir sustentabilidade ao desenvolvimento do país. Sem falar na corrupção, que já ultrapassou todas as medidas possíveis e imagináveis.

        Por fim, no que diz respeito à conjectura que você faz sobre como Serra reagiria frente ao vandalismo que radicalóides de partidos políticos aliados do PT, bem como grupelhos afins, vêm tentando imprimir ao movimento, eu suponho que ele faria o mesmo que outros governantes têm feito até o presente momento, ou seja, agiria em defesa do Estado Democrático de Direito. Por certo, jamais passaria a mão na cabeça de aloprados e baderneiros, como Lula da Silva e o PT rotineiramente fazem, por ideologia, vocação e ofício.

        • Lucas, SP é o espelho do Brasil, o maior de todos. Os problemas são gerais, mas se São Paulo se salva, as outras cidades também poderão se salvar.

          Vale lembrar que SP, cidade e Estado, tem sido área de domínio tucano. Os tucanos não melhoraram em nada o transporte público da cidade. São Paulo, nossa querida Sampa, está feia, suja, não merece isso. A quem imputar isso? Aos tucanos.

          Finalizando, qual é o problema de conjecturar? O pensar é livre, certo?

          • Você pode atribuir as mazelas de São Paulo, cidade e estado, aos tucanos ou a quem mais lhe aprouver. Não dá para acreditar, no entanto, que a cidade e o estado mais importantes do país estariam em melhores condições se estivessem sob o governo do PT. Bastar verificar como está o país depois de uma década de dominação petista, com pleno usufruto dos dividendos do Plano Real (Lula da Silva e o PT foram contra!) e de um longo período de extraordinária expansão da economia mundial: desestruturação da macroeconomia, inflação de volta, juros elevados, descontrole nos gastos públicos, endividamento crescente, níveis preocupantes de inadimplencia da população, infraestrutura sucateada, desindustrialização, crescimento medíocre, descaso total em relação às reformas prometidas, corrupção ultrapassando todos os limites, degradação política e institucional, adulteração de dados e estatísticas, maquiando as contas públicas, e por aí afora. Por sinal, recuso-me a acreditar que haja alguém que, estando em pleno gozo da razão, não veja nenhuma relação entre esse alarmante cenário que se configura no país, depois de dez anos de populismo lulopetista, e a vultuosa avalanche de manifestantes que começa a ganhar as ruas.
            .
            Finalizando, onde foi que eu disse que há algum problema em conjecturar? Tanto não há que, ao responder, eu também, conjecturei. Quanto ao pensar, claro que é livre! Pelo menos enquanto o PT não consiga cerceá-lo, que vontade não lhe falta para tanto.

  • O dia em que o povo acordar, muito político vai perder o sono ..e ontem, convenhamos, foi uma noite de insonia pra MAIORIA deles.

    Ontem foi um marco na história deste país ..não um daqueles que será capaz de nos mudar e renovar pq, infelizmente, nosso problemas e vícios são muito mais profundos do que gostaríamos.

    Mas foi um dia em quem que eu vi pela primeira vez um movimento apartidário surgir, SEM MÍDIA, sem barão, sem político de qq facção ..um movimento sem identidade, nem unanimidade, mas recheado de cidadania e de civilidade, de boa vontade.

    Ontem foi um dia em que o POVO anônimo disse chega, estamos descontentes, e não é só com este ou com aquele, mas com TODOS

    ..todos que insistem em tergiversar, em nos enganar, manipular ..grupos que após TRINTA ANOS do fim duma ditadura (esta que ainda é responsabilizada por tudo de ruim que existe neste país), grupos que ainda não nos deram respostas satisfatórias pra saúde, educação, transportes, pra infra, pra justiça e pra falta de ética e sobre de CORRUPÇÃO que ainda impera de forma inconsequente em todos os níveis e instâncias dos poderes.

    Grupos que tal qual os militares INSISTEM a todo momento em nos criarem leis, regras, tributos, taxas disso ou daquilo que tornam nossas vidas burocráticas, um verdadeiro inferno diante dum ESTADO que continua a oprimir em prol duns dois ou três.

    • ontem a ROLHA falava em 65 mil pessoas, hoje em 50 em SP

      Francamente, o Largo da Batata estava tomado ..a Faria LIMA quase que de ponta a ponta (8 pistas, mais canteiros e calçadas) indo da Rebouças a Cidade Jardim ..estações de metro no entorno, por dentro e por fora ..e os caras me falam em 50-65 mil, um Pacaembú ?

      Horas depois o grupo se dividiu em 3 ..um foi pra Marginal, outro seguiu as Águas Espraiadas e Eng,Behini pra ir alcançar lá embaixo (uma bela puxada) a Ponte estaiada da Rede Globo/Marta ..isso enquanto um terceiro ia ocupar a Paulista

      65 mil ? sei sei ..de 150-200 mil é o meu palpite ..ainda mais se considerarmos a população flutuante que sau mais cedo ou chegou mais tarde pra se juntar ao movimento

      e o melhor de tudo, em todos, na frente da caminhada nenhum político profissional de terno e gravata, de braços dados com seus camaradas e só pensando em como conquistar o voto das massas amansadas

      • então, e o secretário TATO do Haddad disse uma coisa correta, não basta protestar, tem que ter propostas ..e aí ele propõe que:

        Deve-se criar uma CIDE (mais um imposto) municipal pro pessoal que tiver carro SUBSIDIAR o pessoal que anda de ônibus

        resp : eu já penso o contrário, já que é pra ser na base do UNI DUNI TE, eu escolho você ..melhor dizendo, acho que a família do TATO é quem tem que pagar pra todos, o que acham ?

        ..e mais, TATO acha que o estudante que paga meia e que tiver condições de pagar inteira, deve fazê-lo

        resp : meu deus, como pode ? ..e quem faria o controle ? ..será que teríamos que enviar o IR, fora a declaração de COR que já fazemos, pra prefeitura ? ..será que ela terá que contratar funcionário pra fazer a checagem e os arquivos ?

        ORAS oras francamente sr TATO, o sr entende de CUSTO e DESPESA !!!! PQ o sr não vai pra casa e nos deixa em PAZ ???

        PQ em suas propostas você não propõem a ISENÇÃO fiscal de todo sistema com contrapartida em corte de CUSTEIO, desperdícios e corrupção de 10% hein ? ..inclusive nos impostos sobre o DIESEL ?

        PQ vc não propõe que os cobradores sejam APOSENTADOS pois suas funções já não fazem mais sentido ?

        PQ não é arrojado e propõe um estudo de como seriam as tarifas se o sistema fosse ESTATIZADO e não contivesse o LUCRO do empresário sovina ?

        e sobre se integrar o bilhete unico plenamente a GRANDE SP, ao metro e a CBTM ?? ..ou sobre o transporte funcionar 24 horas em SP e poder contar com opções mais baratas e LIMPAS como os monotrilhos ao invés do famigerado e BILIONÁRIO metrô que nunca chega, nada ?

        http://www.estadao.com.br/noticias/cidades,usuario-de-carro-deve-financiar-os-onibus-defende-secretario-de-haddad,1043408,0.htm

        ps – antigamente existia o boato de que a tarifa de ônibus , por ser de difícil auditagem e controle, tb financiava partido, será que isso ainda hoje é válido no CAIXA 2 ?

      • Aqui em Curitiba eu vi tanta gente passando no centro que nem dá de arriscar um chute de quantos eram. E estou realmente, mas realmente surpreso que o “bovino” povo brasileiro mostrou ontem que não é tão bovino assim.

      • Palavra do COMANDANTE da TROPA DE CHOQUE ontem em BH dito em entrevista a uma emissora de TV

        “..tudo estará bem enquanto forem respeitadas e obedecidas a orientação dada pela FIFA para que se mantenham a 1 km do estádio..”

        vou repetir

        “..tudo estará bem enquanto forem respeitadas e obedecidas a orientação dada pela FIFA para que se mantenham a 1 km do estádio..”

        caraca, não bastasse estes CAFAJESTES mafiosos deitarem e rolarem impunemente por sobre a boa fé do povo, atentando inclusive com seu atrevimento e dinheiro contra a legislação do país (vide liberação de bebida em dia de copa) ..agora até policia segue suas orientações ..não dá pra suportar, tá muito difícil mesmo…

        LULA, lulinha e LULÂO, será que valeu mesmo encher a bola e bolso destes caras ???

        http://www.youtube.com/watch?v=HQ6ovbDQk_8

  • Concordo plenamente que a mídia desmoraliza a atividade política para desmoralizar a Democracia.

    Porém, para militantes antigos e democratas do PSDB está difícil defender o Alkmin e sua repressão.

    Também para militantes antigos e socialistas do PT está difícil defender o Haddad e seu aumento de tarifa.

    Não só a mídia , mas também os políticos profissionais desmoralizam a Política e a Democracia.

  • Eu assisti pela Record por um bom tempo. Chamou-me a atenção o fato de ter visto pouquíssimos negros e praticamente nenhum manisfestante com “ares de pobre”. Tive a impressão nítida de os manifestantes não serem eleitores de Lula e Dilma. Parece que esses ficaram em casa.

    Chegará o momento de os eleitores de Dilma e Lula saírem também às ruas?

    Nesse mundo digitalizado, com todos os dados e informações à disposição dos grandes provedores da “computação nas nuvens”, temos que ficar muito atentos.

    Pode ser que tenham entidades despejando muito dinheiro e manipulando informações.

    Os eleitores de Lula e Dilma que fiquem muito atentos e espertos, pois o mundo é outro.

  • Ele ( a mídia) demonizaram a política e o resultado está ai.

    Não pense o PIG que o está acontecendo favorece o candidato deles.

    Se há uma coisa boa e impossível de acontecer é a ‘oposição’ e a mídia medieval capitalizar algo do que vem ocorrendo nas ruas… SIMPLESMENTE IMPOSSÍVEL.

    • Indignados de Facebook já estão tratando o Joaquim Barbosa como futuro presidente do Brasil. Já eu, acho que quem se favorece é a Marina.

    • Nos protestos, além da passagem de onibus, o que mais se grita é contra a Copa e os estádios que custaram não sei quanto bihões.
      Os que vaiaram são contra a Copa, mas pagaram mais de 200 Reais para assistir o jogo da seleção.
      Pois é, uma manifestação amorfa e esquizofrênica. Já virou Reality Show. O Pedro Bial está comentando com a Fatima Bernardes na Globo

  • Há um diferença nessas “deslegitimações” citadas por você : a mídia desmoraliza a política e o Poder, vendendo a ideia de que eles não servem e que os únicos que merecem “confiança” são organizações autoritárias e/ou não constituídas através do voto, como o Judiciário, os militares. Enquanto que os que deslegitimam a mídia, o fazem em relação a UM tipo de mídia, conservadora, ou melhor a um tipo de organização da mídia, oligopolizada nas mãos do grupo conservador; ou seja, mídia conservadora pode e deve existir, mas que se assuma como conservadora e principalmente que coexista com veículos com outro tipo de orientação, progressista, moderada; e principalmente que todos hajam seguindo as diretrizes de um Código de Ética que regule o uso da informação de maneira honesta, de modo a ser respeitada a Verdade factual, separar-se opinião de fato, dar voz a todos os envolvidos em qualquer assunto; não propagar preconceitos; estimular a educação intelectual da população. Ou seja, ao contrário dos críticos da política, que pretendem suprimí-la da vida coletiva para substituí-la pela imposição autoritária de seus desejos; já que ainda representam o poder econômico e têm o monopólio da força, portanto a supressão democrática os beneficia diretamente; os críticos da mídia não pretendem extirpá-la; (os “inimigos da pollítica têm a força para colocar no lugar da democracia), os que “deslegitimam” a mídia atual pretendem colocar AINDA MAIS MÍDIA DENTRO DO DEBATE SOCIAL, só que uma mídia plural, controlada por diferentes setores sociais, na qual todas as ideologias possam expressar-se. Quanto às passeatas, observando seu relato mantenho minha tese : o quadro pintado em seu texto mostra uma clara organização destinada a transformar as passeatas em mobilizações para atacar o Governo Dilma, a “organização” por trás disso(sujeito em carro de luxo entregando placas contra a “corrupção” para jovens brancos e universitários)evidencia que há uma estrutura maior, a qual tenho certeza que é organizada pelos partidos de direita, mídia e devidamente coordenada pela CIA(gente loira falando contra “mensaleiros”; ataques supostamente à “política”, mas que visam o PT ou babaquices generalizadas sobre “protesto contra tudo o que esta aí” – E o que “está aí que é tão ruim, caras pálidas!? Um país que se torna potência a cada dia, retira 40 milhões de pessoas da miséria; constroi universidades em ritmo acelerado para nelas incluir negros e pobres; diversifica suas parcerias comerciais; descobre a maior reserva de petróleo dos últimos tempos no planeta). Em suma, esse tipo de discurso vazio e preconceituoso, completamente sem amparo na realidade dos fatos, é característico da direita e, não só isso, é um retrato fiel da “interpretação” conservadora da realidade nacional, baseada como já disse em generalizações e preconceitos, e relinchada em uníssono não somente pela ditadura midiática, mas por qualquer um dos relatos do Departamento de Estado dos EUA sobre o Brasil, conforme pode-se comprovar nos documentos já divulgados pelo weakleaks, mostrando que é de lá que nasce a construção desse discurso(todos sabem a “vinculação”, aliás a servidão, dos donos da mídia brasileira aos interesses e consequentemnete ao discurso dos ianques), independentemente desse monte de absurdos ilógicos serem desmentidos diariamente pelos fatos e pelos números que comprovam o excelente momento porque atravessa o país. Assim, essa “argumentação” presente nas manifestações evidencia o caráter conservador que as organizou(a manifestação de Brasília já teve comprovada sua natureza artificial : tratou-se uma manifestação paga, organizada por “funcionários” públicos; aquela elitezinha retardada que passa em concursos por ter dinheiro para adestrar-se nos cursos preparatórios caríssimos e odeia o PT; os quais evidentemente não teriam os milhares de reais necessários para o levar-se à frente um ato dessas proporções, muito acima do poder econômico de simples membros da classe média alta, o que mostra que são apenas testas de ferro de interesses maiores). Contudo, por terem arrastado multidões usando o vago mote da “insatisfação”(problemas e insatisfações todos os têm, mas não que mereçam atos dessa proporção, não num país que atravessa o excelente momento vivido pelo Brasil), as maniefstações não tiveram como impedir que outros interesses, contrários à pauta conservadora, passassem a fazer parte dos atos(até porque nenhum multidão está de fato relacionada aos “ideais” de uma elite ignorante e egoísta), o que acabou por desnorteá-los, já que bastiões do conservadorismo também passaram a ser atacados,deixando-os desnorteados diante de protestos que pretendiam instrumentalizar cirurgicamente para a satisfação de seus interesses. Ou ao menos acreditavam que conseguiriam vender essa imagem. Ataques à Globo, Alckmin; repúdio da organização mais ou menos central do movimento, o MPL, que não permitiu que os atos fôssem instrumentalizados pela pauta conservadora, negando adesão às “sugestões” da PM de São Paulo que pretendia incluir ataques aos “mensaleiros”, nada mais global e tucano, entre as reinvindicações da organização central dos atos; mostram que os conservadores perderam o controle de sua massa de manobra e começam a assustar-se com os acontecimentos. É verdade que o povo ainda está em sua maioria alijado desse processo, os trabalhadores assustados mostram a distância da população desses atos, mas a constituição de uma rebeldia saudável no movimento, que não aceitou sujeitar-se aos anseios da direita, mostra que as forças populares organizadas na Sociedade civi podem sim , se agirem com coesão, organicidade e procurando usar o maior número possível de militantes, apossar-se do discurso dos manifestantes; em sua larga maioria formada por jovens alienados e despolitizados(sem contar os mauricinhos fascistas); e transformar os atos em protestos contra o QUE DE FATO ESTÁ ERRADO, COMO A CONCENTRAÇÃO DA OPINIÃO E DA INFORMAÇÃO NAS MÃOS DE TREZE FAMÍLIAS, A CONCENTRAÇÃO DA TERRA E DA RIQUEZA NAS MÃOS DE MENOS DE 1% DA POPULAÇÃO, A IMPUNIDADE QUE PROTEGE O GRUPO POLÍTICO CONSERVADOR, PRINCIPALMENTE O PSDB, QUE ATÉ HOJE NÃO TEVE AS INVESTIGAÇÕES DOS CRIMES DAS PRIVATIZAÇÕES OU DO “MENSALÃO” TUCANO LEVADAS ADIANTE; O HERMETISMO QUE TRANSFORMA GRANDE PARTE DA MÁQUINA ESTATAL EM FEUDO CONTROLADO POR OLIGARQUIAS; A INGERÊNCIA E A SUBORDINAÇÃO DO PAÍS AOS DITAMES DO CAPITAL FINANCEIRO INTERNACIONAL. TODAS ESSAS SÃO INSATISFAÇÕES “VERDADEIRAS”; DEIXADAS DE LADO PELAS GENERALIZAÇÕES BABACAS DA CLASSE MÉDIA E DA ELITE, IGNORANTES E PRECONCEITUOSAS; QUE PODEM VIR A SE TRANSFORMAR NO MOTE DESSAS PASSEATAS, TRANSFORMANDO-AS DE GOLPE PRONTO DE UMA DIREITA SABOTADORA, QUE APOSTAVA NA DESINFORMAÇÃO DAS PESSOAS PARA IMPOR-SE ATRAVÉS DA SABOTAGEM, NUMA OPORTUNIADDE PARA REVISARMOS OS VERDADEIROS PROBLEMAS DO PAÍS, APONTANDO QUEM SÃO DE FATOS OS RESPONSÁVEIS POR ELES, DESMISTIFICANDO OS QUE PRETENDEM ESCONDÊ-LOS COM SUAS PSEUDOCRÍTICAS SUPERFICIAIS E INCONDIZENTES COM A REALIDADE, E MOSTRANDO QUEM E O QUE DE FATO PRECISA SER COMBATIDO ANTES DE TUDO, ATRAVÉS DO APOIO POLÍTICO CONSCIENTE E MOBILIZADO ÀS FORÇAS POLÍTICAS VIÁVEIS QUE ESTÃO NO PODER E DEVEM SER ESTIMULADAS PARA APROFUNDAREM AS MUDANÇAS EM RELAÇÃO À CONSTRUÇÃO DE UMA SOCIEDADE IGUALITÁRIA.

  • me senti aí em Sampa participando da manifestação,muito bom seu relato e cada dia Platão fica mais moderno “não há nada de errado com aqueles que não gostam de politica,simplesmente serão governados por aqueles que gostam”.é exatamente isso que vemos sobrou pra todo mundo.

  • O povo está acordando e sem tutela de partidos e sindicatos, não sei se a “culpa” é da imprensa de deslegitimar os políticos, pergunto não são eles que se deslegitimam com essa roubalheira que tem sido a copa?? O movimento é supra partidário e para dizer chega nesse estado de coisas em que o pais se encontra.

    • O povo, é? Aproveitando a minha ignorância no assunto e a sua certeza absoluta, dá para explicar como se dá essa roubalheira que tem sido a Copa?

  • Ue, não queriam o povo na rua? O que acho é muito que farão isso a semana inteira e depois se cansam, voltam pra suas vidinhas e continuam votando nos políticos medíocres como o atual governador de um São Paulo.

  • Prezado Eduardo. Pela felicidade dos trolls locais nos comentários, acho que já podemos inferir que se trata de golpe mesmo… Dilma paga o preço de não se comunicar e o povo brasileiro vai pagar com sangue, suor e lágrimas o retrocesso à subserviência de antigamente.

  • Eduardo, a mídia transforma tudo em merda. Foi assim com a educação, antes desse setor ser considerado o 2o. melhor negócio do mundo (o primeiro eram os bancos, até banco falido vale muito). Depois foi a vez dos profissionais de educação (hoje é mais difícil ser professor), veio o desmonte da saúde e a elitização de alguns setores da medicina. Os médicos que atendem em hospitais públicos sofrem tanto quanto profissionais da educação (falta de condições, ameaças físicas pela população que que é mal atendida e numa situação de fragilidade física e emocional). Ela desmantela tudo com seu lobby bem pago. Os trabalhadores do sistema financeiro da rede privada vão perdendo seus postos de trabalho e diminuindo seu poder de reivindicações. Os movimentos sociais nunca foram respeitados, é só olhar para o MST como ele representado pela imprensa corporativa. Não há nesse movimento nenhum ataque à justiça, só ao seu setor repressivo. O MPL, ao contrário do que se pensa está muito articulado, é político, tem lado, mas não abre em revelações antecipadas ao que veio. Penso que quem ganha nessa história, é o recém formado partido Mobilização (quem diria, do medíocre Roberto Freire) e a Rede Sustentável da Marina. Estão preparando o terreno. Ainda é cedo para avaliar a entrevista do Roda Viva, estou pensando sobre o grupo.

  • Desde o começo eu digo que este movimento era uma farsa, que não era contra o aumento de ônibus.

    Para estas pessoas 20 centavos (ou 10 centavos para estudante) não é nada .

    Os reais usuários dos transportes públicos de SP estão alheios a isto, quem está fazendo este movimento é quem não o usa ou não o usa direto, como os trabalhadores.

    A esquerda moderada jamais poderia se deixar seduzir por estes caras, mas se deixaram; se iludem, viajam na maionese. É aquele venho romantismo suicida …

    Como venho dizendo: vão se arrepender amargamente.

  • MPL…se diz apolitico…. esta totalmente infiltrado de tucanos e agentes de todas as instituiçoes publicas do grupo do Serra , pois tem muitas da reivindicaçoes que favorece os corruptos de direita, como a nao votaçao da PEC 37, interessa ao MPE, MPF, STF, STJ e outros…..como por exemplo: Promotor Zagallo que pediu pra meter bala nos manifestantes que depois ele arredonda!!! é o que esta sendo feito em todos os processos onde há mortos(executados) por policiais militares do Brasil, eles matam os jovens a torto e a direito, sem que o povo fique sabendo, pois a midia corrupta tambem é deles!!! Tourinho Neto soltou Cachoeira e promoveu o Demostenes, e amparou Perillo!!! Gilmar Mendes defende com unhas e dentes o Daniel Dantas e o Serra!!! Marco Aurelio Mello soltou o Calciolla e protege o FHC!!! PGR GURGEL, prevaricador, que atraves de meios ilicitos tem todos do Congresso Nacional na mao, e faz o que quer neste Brasil!!!, alem de outros como FUX, JB, CELSO MELLO, MACABU, NAPOLEAO, MASLOUM e outros porcarias……a quem interessa fortalece o MP e o PODRE JUDICIARIO? a direita podre e corrupta!!! Mas, alem da passagem zero, gostei muito do FORA REDE GLOBO……..

  • Caro Eduardo
    Essa manifestação, que começou por motivos mais do que justos, sofreu tentativas de manobras, contra os governos do PT em SP, RS e BA, e na esfera federal contra a Dilma e contra o PT, mas, em SP, a truculência do governo Alckmin, fez as coisas virarem contra eles. Os repórteres da globo, tiraram do microfone a sua identificação.
    Agora será uma luta, para onde direcionar essa manifestação.A direita, PSOL, PSTU e PCO já sabem para onde mirar os canhões.Alckmin mudou a rota.
    Saudações

  • Edu a direita tomou as ruas, o golpe virá em 2014 como homenagem aos 50 anos do de 1964. Acabou a democracia no brasil, todo movimento que se inicia em sp não pode dar em boa coisa. O paulista é racista e preconceituoso, não admite melhora de vida aos mais pobres, não admite direitos iguais aos seus, e já está se levantando contra. Logo, logo aparece a marina e sua rede, para fisgar a juventude fascista de sp.

  • Com tanta gente junta e com a adrenalina lá em cima nada como a globo tentar vender através de seus “comunicadores” a perpetuação dos poderes da PGR!!!

  • Edu,

    Talvez você possa me esclarecer.
    Que é dos nossos vereadores. E quanto aos membros de nossa querida Assembleia Legislativa.
    Não estou ouvindo um pio sequer dos eleitos pelo povo.
    No congresso, aqui e ali algumas vozes esparsas.
    É. Desnudaram o rei. Parece que descobriram que nossos representantes trabalham só para si.
    E não adianta culpar apenas o Haddad (que acabou de chegar) ou o Alckmin (que está lá apenas por vinte anos). Alguém teria que conversar com esse povo, saber o que e como querem resolver os problemas apontados.
    Será que a saída é atender melhor a população? Será que as ditas obras públicas deverão ser feitas a preço justo? Acabaremos com o caixa 2 de eleição que todos sabemos que é feito por todos?
    Olha, a corrupção está em muitos governantes, mas é facilmente encontrada em seus chefes de gabinetes, presidentes de autarquias, fiscais e muitos outros (de todas as esferas).
    Quem sabe estamos às portas de um novo Brasil.
    Assim espero.

  • Edu eu sinto muito, mas os blogueiros sujos têm tido uma percepção nebulosa sem definição. Pelo menos até agora pelo que vejo, o reacionário Reinaldo Azevedo está sendo coerente em suas convicções. É o que falta nos sujos. A militância do PT tem que organizar, pois acredito que o que tem dentro da cabeça dessa molecada, além da falta de respeito à democracia, são massas de manobra de mimes anti pt do facebook. O afrouxo das instituições tende a piorar a situação. Em Wall Streat, o governo cedeu? A Casa Branca permitiria uma manifestação em suas grades destas proporções. Não existe manifestação apartidária. Cada um toma partido. Nenhuma manifestação no mundo é apartidária. Quem é apartidário é massa de manobra. Não corroboro por ser anti-tucano em derrubar os portões do Palácio dos Bandeirantes ou destruir a Assembléia Legislativa de qualquer estado. Isso é vandalismo principalmente daqueles que dizem defender o Estado de Direito. Eleição se ganha no voto. E não no tapetão. Passou disso é ditadura. Se não é por 0,20 centavos, é por saudades da ditadura. Não me convenço! Simples assim.

  • “Cobri o golpe na Venezuela contra o Chávez e escrevi um livro cujo título é Midiático Poder. Estive no Egito quando da deposição do Mubarak para cobrir aquele evento. Em 94, cobri a revolta zapatista no México. Não arriscaria uma unha para afirmar que as manifestações de hoje têm algo a ver com golpe de Estado. Com todo respeito, dizer isso neste momento é delírio. Basta os partidos que se dizem de esquerda fazerem a lição de casa, que podem sair dessa história rearrumando seus rumos.” Renato Rovai, jornalista (http://on.fb.me/16duf8m)

    Saiu de cena o MENSALÃO, que não levou ninguém às ruas, e entrou no palco, e na pauta jornalística, sobretudo, o PROTESTO… A essas alturas do campeonato, tudo é possível. Governante nenhum resiste a tamanho cerco popular por muito tempo. Duvido muito que os governantes de esquerda tenham meios de “fazer a lição de casa”. O comprometimento com os financiadores de suas campanhas, a essas alturas do campeonato, claramente os imobiliza. Por que mesmo o Haddad, até agora, não suspendeu o aumento? Por que será? A única chance de reação do governo parece ser via mídia tradicional. Arnaldo Jabour parou de falar mal dos protestos. Analistas Globais comparam, agora, as manifestações às passeatas do “FORA COLLOR”… O governo, muito provavelmente, tem na mudança de enfoque da cobertura da imprensa a sua grande esperança. Surpreende como as coisas mudam. O blogueiro Eduardo Guimarães estava certo quando dizia que a eleição de 2014 não estava garantida. A essas alturas do campeonato, nem o término do mandato de Dilma Rousseff está garantido.

  • Mais uma vez digo, bacana essas manifestações, mas vejo que, pelo relatado, a pancadaria vai comer, em breve, na casa de Noca. Haverá um racha na manifestação.
    No Rio de Janeiro estava bonito, mais de 100 mil. No fim, quebre-quebra por conta de um “pequeno” grupo.
    Esse negócio de misturar manifestações de diversas insatisfações do “sou contra tudo isso que está aí” não é uma boa, não dá em nada (ou dá em golpe).
    Já aconselhei meu filho adolescente a não entrar nessa. Ninguém faz manifestação assim em Pirituba ou em Itaquera, ou em Bangu ou Madureira. Essa manifestação está muito “esbranquiçada”. Um cheiro forte de classe média da Zona Oeste de São Paulo, da turma de Higienópolis. Essa não é a minha turma, nem a dele.
    De centavos a meus direitos, contra aumento de impostos mas com passe livre. Loucura total. É um samba do crioulo doido em forma de passeata.
    O Movimento do Passe Livre não quer passe livre agora, mas redução de tarifa, e hoje na Radio “Estragão” o líder do movimento disse que poderia ser evitado o aumento da passagem caso o Prefeito revisse a possibilidade de instalar o bilhete único – que para implantar custaria R$ 240 milhões -, que só beneficiaria 15% da população. De repente os 15% que mais dependem de transporte público, né, que moram na periferia de São Paulo, e contra um tema de campanha eleitoral – uma promessa de campanha – vencedor nas urnas. Diagnóstico: chororô de perdedor. Ou seja, o “povo” mesmo se ferra. Prevalece o mais pra quem não precisa. Está faltando a “lógica” do social na manifestação.
    Creio que o que o Prefeito, independente de qualquer coisa – deve fazer é uma auditoria nessas “planilhas de custos” das empresas de ônibus – concessionárias -, mas como contra-golpe ao golpe dos vinte centavos mandar um projeto de passe livre para a Câmara dos Vereadores com a conta a ser paga pela gente apoiadora da manifestação – no IPTU de todos, mas com progressividade na turma da Zona Oeste/Sul e de Higienópolis (que não queria Metrô na porta po ser diferenciada). E claro, cobrar apoio incondicional do Movimento do Passe Livre. Ir além do bilhete único, não com a redução de tarifas, mas com Passe Livre já (coisa que sempre apoiei). E xeque nos líderes do Movimento do Passe Livre.

  • Não concordo que a mídia seja responsável por isto, responsáveis são os políticos corruptos, os mensaleiros, o governo do PT, os ladrões do dinheiro público. A mídia apenas leva a informação ao povo, e este está indignado com o que está vendo. A mídia apenas cumpre o seu papel e muito bem feito, por este motivo o PT tenta cercear a mídia e fala em regulamentação.

  • QUEM SABE FAZ A HORA

    Sou favorável a livre manifestação pacífica, para propor soluções para o Brasil, pois quem sabe faz a hora, não espera acontecer. Por isso, os jovens brasileiros devem aproveitar esse momento, para propor ideias para a nação, como a lei da ficha limpa, e não de depredarem os bens públicos e e criar conflitos. Jovens por que não recolher assinaturas para fazer que o congresso trabalhe para transformar o Brasil? Se o seu representante público, não honra o seu voto, com lisura e ética, mande um recado para o mesmo, assinando esses projetos de lei de iniciativa popular, que tem muito, mais força, que uma proposta de um só parlamentar. Jovens não sejam massa de manobra e usem com inteligência esse movimento, e construam os seus sonhos de um país mais justo, solidário e de paz para todos.

  • O PT se assemelhou em tudo aos tucanos.
    O Brasil para e a presidenta faz o que?
    Se esconde e solta uma nota ridicula e o país a deriva, já que sua chefe maior é uma covarde, junto com o PT que se esconde atras dos malditos tucanos.

  • ESTAVA DEMORANDO….Até eu se pudesse estaria lá.o povo já foi “no seu limite . Isso não é manifestação só pela passagem de onibus, mas sim por tudo de errado que esse nosso Brasil está passando; Eles certos politicos não acordam…. E até me pergunto; como puderam sair , caminhar nas ruas? se a violencia chegou tambem ao seu limite? cadê a mudança deste codigo penal? a maioridade em questão? tudo está ali em cada rosto. foram bardeneiros? então? será que aqui no nosso Brasil a “primavera vai chegar?A MAIOR DITADURA É O DESCASO DE POLITICO “FILHO DAS TREVAS QUE SÓ PENSAM NO SEU BOLSO. só é cego quem quer ser, E não só xingam pt e etc e tal é GERAL!!! E DÁLHE POVO , vamos sim abrir a boca , senão a camutinga explode!!!!SEM ESQUEÇER O DINHEIRO QUE ESTÃO GASTANDO COM A” COPA” tudo palhaçada e o povo coitado assistindo…. parabens para cada um que esteve lá , eu em casa assistindo e ver que meu Brasil ainda tem solução. Uma delas pelar cada politico safado e dar um banho de urtiga em plena “avenida paulista” quem sabe eles com a ardida nãofaz seus cerebros funcionarem para o bem, a maioria dos podres , enfraquecem os poucos dos bons politicos que ainda sobrevivem e não sei até quando!!! As ruas estavam lindas cheia do valor maior”nosso povo ” SR. EDUARDO GUIMARÃES por favor sei que és do bem , então apoie tambem sem levantarmos bandeira a lado algum a não ser a da justiça ” um bom dia a todos de coração feliz , pois eu vi que ainda aqui se tem coragem!!!!

  • Parabéns pela isenção no relato. Muito rico para quem está longe das manifestações. Não caiu na tentação de aproveitar para seu lado político. Pecou apenas pela conclusão, culpando a mídia. Na verdade, acho que ninguém com mais de 40 sabe analisar causas e fatores destas manifestações.

  • ‘Passe Livre’ vale mais – por Arnaldo Jabor (http://glo.bo/11M5BIG)

    “Errei na avaliação do primeiro dia das manifestações contra aumento das passagens”.

    A grande imprensa parece ter visto no PROTESTO o potencial destrutivo para o governo que o MENSALÃO não teve. Se a imprensa não adotar outro enfoque, qual será a capacidade de reação do governo?

  • Edu, bom dia.

    Por favor, avise o Nassif que não é possível o acesso ao Blog dele. Aparece uma letrinhas em código, números, etc. Acho que é trabalho de hackers.

  • Fazer aliança com satanás (PMDB e a corja suja da política) para garantir a governabilidade dá nisso. Todos sabem o preço: satanás da com a colher e toma com a concha.

  • A meu ver, os manifestantes estão imbuídos de uma grande insatisfação e esta é das mais variadas causas.
    Sobretudo os manifestantes demonstram insatisfação com o que leêm nos jornais, veêm na TV e ouvem nas rádios.
    Os manifestantes(os verdadeiros) apesar de informados, ainda desconhecem muita coisa e acabam sendo usados como massa de manobra.
    Vejam bem; para aquele que vê o Brasil de fora, entenderá que o país está uma maravilha, pois tem emprego, cresce, apoia estudantes em vários programas, criou escolas técnicas, novas faculdades, salário real com ganhos acima da inflação, melhor distribuição de renda, estradas, ferrovias e milhares de coisas mais que nunca vimos ou tivemos. Ocorre que, nas cidades onde vivemos nosso dia a dia, somos massacrados pelos Prefeitos que nada fazem ou quando fazem fazem mal feito.
    O serviço de transporte de massa é o que mais causa insatisfação e estresse. O serviço praticado por péssimos empresários(dono de empresa, não é empresário), em realidade “bandidos”, oferecem péssimos ônibus, com péssimos motoristas e cobram um preço absurdo quando comparado com o serviço prestado e a renda média da população.
    O PT, representado por Lula e Dilma, já deveria de haver buscado junto aos Governadores e Prefeitos, principalmente, os do partido, uma mudança radical nos transportes nas cidades.
    Vejam o caso do Rio de Janeiro ! É deprimente e absurdo o serviço prestado, porém a Dilma continua dando afagos no Eduardo Paes, o qual é um excelente exemplo da incompetência pública.
    Quanto ao Sérgio Cabral, não existem palavras que possam expressar o péssimo político que é , em todos os aspectos.
    O que mais incomoda ao cidadão é o que ele vivencia diariamente e a Dilma e o PT, ainda não se deram conta.
    Vão aprender nas eleições de 2014 e aí meu amigo, Inês é morta.

  • Edu,
    Como é linda a juventude

    Caminhando e cantando
    Ivan Lourenço

    Caminhando e cantando e seguindo a canção
    Somos todos iguais braços dados ou não
    Nas escolas nas ruas campos construções
    Caminhando e cantando e seguindo a canção

    Então vem vamos embora que esperar não é saber
    e quem sabe faz a hora não espera acontecer

    Então vem vamos embora que esperar não é saber
    e quem sabe faz a hora não espera acontecer

    Pelos campos a fome em grandes plantações
    Pelas ruas marchando indecisos cordões
    Ainda fazem da flor seu mais nobre refrão
    E acreditam nas flores vencendo o canhão

    Há soldados armados amados ou não
    Quase todos perdidos de armas na mão
    Nos quartéis lhes ensinam uma antiga lição
    De morrer pela pátria e viver sem razão

    Nas escolas nas ruas campos construções
    Somos todos soldados armados ou não
    Caminhando e cantando e seguindo a canção

    Os amores na mente as flores no chão
    A certeza na frente a história na mão
    Caminhando e cantando e seguindo a canção
    Aprendendo e ensinando uma nova lição

    Então vem vamos embora que esperar não é saber
    e quem sabe faz a hora não espera acontecer

    Então vem vamos embora que esperar não é saber
    e quem sabe faz a hora não espera acontecer

  • Roma, essa manifestação da turma “jovem” sobrou para todo mundo. Falar em corrupção agora é apenas jogar no “colo” do PT, querer desconstrui-lo simplesmente. Quem vc acha que entrará no lugar vazio? Talvez vc pense que o PSOL seja melhor, ou então, escolhemos um desses jovens para ocupar a presidencia, o que acha?

    • tem razão Marco, sobrou pra todos, que bom.

      Quanto a quem irá ocupar o VAZIO, este é o problema, penso que NÃO temos não.

      quanto ao PSOL, e respeitosamente a qq outro P ou R (de rede, só pra me garantir), tô fora

      minha decepção é muito grande com todos, agora milito pelo VOTO em BRANCO ou NULO, ao menos até que uma democracia verdadeiramente PARTICIPATIVA e transparente, consequente e cidadã, e NÃO esta titirica de voto secreto e obrigatório, nos seja entregue

      abrá

  • Eu vi esse movimento como algo alvissareiro, necessário para sacudir nossos políticos e dá uma pequena amostra a eles de quem é o patrão, quem de fato manda. Mas claramente se observa que se trata de um movimento difuso, contraditório que está se movimentando em torno de inúmeras causas, simultaneamente, muitas das quais inatingíveis e pela vias propostas não vão conseguir mudar muita coisas. A menos que em meio a esse movimento tenha um CHE, um Fidel rumo a Sierra Maestra. Do contrário como essas reivindicações estapafúrdias serão atendidas? Só há duas maneiras de mudar o estabelecimento: pelo voto como a democracia forma de governo da maioria dos povos livres, permite, ou pela revolução com seu principal instrumento: a luta armada. O relato acima demonstra que está havendo exagero, exacerbamento que deslegitima o movimento e à medida que o tempo passa a forma como está sendo conduzida o movimento pode fazer a população retirar seu apoio. O tempo pode ser um grande inimigo desse movimento. Eu já não defendo mais como o defendia nos seus primórdios.

  • Estamos vivenciando uma nova fase do que chamo de evolução social no Brasil. Após o plano real em 1994 faltou uma visão humana para entender qual seria a próxima necessidade da população após se debelar a inflação. FHC não percebeu isso e está pagando seu preço, assim como seu partido. Lula trouxe a inclusão social e econômica que já atingiu seu pico, mas ainda necessita ser explorada para a parcela da população que ainda vive em condições precárias.

    Agora estamos em um novo ciclo de evolução pois surgiu uma geração “antenada e conectada” com o mundo através da internet e que não se guia por televisão, jornais e revistas tradicionais, tratadas neste espaço como “velha mídia”. Essa nova geração de brasileiros buscará a qualidade dos serviços públicos já que não aceitará pagar por saúde, educação e transporte como as gerações anteriores. Dilma tocou nesse ponto da melhoria dos serviços públicos no início do mandato mas não houve materialização dessa questão, seja por falta de ação ou pela divisão de responsabilidades com Estados e Municípios.

    Assim, o que essas manifestações precisam agora é apresentar propostas objetivas e não genéricas para que o movimento ganhe a adesão das gerações anteriores. Dizer que é contra a corrupção todos estão de acordo, mas onde está a corrupção de forma objetiva? Quem está roubando? Esse tipo de postura não agrega até porque os mecanismos atuais de controle (Controladorias, Ministério Público, Polícia Federal) permitem localizar esses focos de corrupção com mais efetividade.

    Querem melhorias no transporte, mais que tipo? Seria melhor indicar que AÇÕES OBJETIVAS deveriam ser tomadas. Por exemplo, os corredores de ônibus com embarque e desembarque pelo lado esquerdo em SP deveriam ser expandidos e circulariam nesse espaço apenas com linhas exclusivas nas avenidas estruturais (Paulista, Faria Lima, etc) com destino a terminais de ônibus, preferencialmente com conexão às linhas de trem e metrô. Isso é uma medida efetiva de melhoria e não um discurso genérico.
    Essa deve ser a abordagem para que o movimento cresça e ganhe legimitidade perante às gerações anteriores: propor AÇÕES OBJETIVAS aos agentes públicos a partir da percepção dos USUÁRIOS do serviço público.

    O que o movimento não pode deixar de tocar é no Judiciário pois este é o poder em que não há eleição direta pela população e vive à margem dos anseios da maioria da população, esquecendo-se que também é um serviço público. Os representantes do Judiciário dizem que o problema da impunidade está nas leis. Então ninguém melhor que esses representantes para indicarem quais as leis que permitem manobras legais e que precisariam serem modificadas pelo poder Legislativo. Como se vê, sairíamos da postura genérica do contra para a proposição de ações objetivas e efetivas.

  • Concordo,Eduardo.

    Mas ainda dá tempo da Esquerda(leia-se PT) reagir,basta a Dilma e o PT acordarem da letargia e começarem a agir.

    por exemplo: mandando embora José Eduardo Cardozo e Paulo Bernardo dos ministérios da Justiça e Comunicações,revogar a nomeação do Afif,começar a discutir o Marco Regulatório do setor de Comunicações,Haddad revogar o aumento das passagens jogando a bomba no colo do Alckmin além de outras medidas.

    E mais uma vez,Lula parece ser o cara talhado pra fazer a ponte entre o povo e o governo(apesar de achar que Leonel Brizola seria agora o homem mais capacitado pra isso,se ainda estivesse vivo).

    Se a Esquerda e o PT fizerem isso que disse,podem estar dando um passo decisivo pra mudar verdadeiramente a relação entre o poder publico e o povo,caso contrário o risco do Brasil cair nas mãos de um espertalhão de direita é imenso.

    Acorda PT!!!!
    Acorda Dilma!!!!!!

    O Lula já acordou e com certeza irá arrebentar a coluna dos golpistas que tentam reverter o curso das manifestações a seu favor.

    Afinal só ele e Leonel Brizola foram os políticos que melhor entenderem a atenderam aos anseios e a voz do povo Brasileiro.

  • As bandeiras do movimento.
    1ª O “passe livre”. Desnecessário dizer que se trata de reivindicação pueril. O sistema constitucional brasileiro firma-se no protagonismo da iniciativa privada, quando não nas parcerias público-privadas. O estado tem carências financeiras nas áreas de saúde, segurança e educação. Não haveria verba para bancar sozinho o transporte público.
    2ª A corrupção. Como o mensalão mineiro, do PSDB, nunca causou indignação, dessume-se que o movimento é contra o PT. Aliás, atende a um mote recorrente nas redes sociais: “ou para a roubalheira ou paramos o Brasil”. O movimento congrega, basicamente, a ultraesquerda, a direita, a burguesia tucana e desocupados. Não se pode negar certa valentia aos manifestantes, que enfrentam a polícia. Muitas vezes, porém, essa valentia é de aluguel: em Brasília altos funcionários públicos pagaram para que desocupados queimassem pneus próximo ao estádio Mané Garrincha.
    3ª A PEC 37. Esse projeto de emenda constitucional confere ao MP a faculdade de investigar, prerrogativa da polícia. A OAB/SP manifestou-se contrariamente: não é correto o MP, que participa do processo judicial, investigar. Os procuradores-gerais da Justiça, nos estados, são indicados pelo governador e isso abre a possibilidade de perseguições políticas, como tem sido comum. Claro que o MP não participaria de todas as investigações, só das que escolhesse, logicamente por critérios políticos.
    4ª Os gastos com a Copa do Mundo. Entramos aqui no campo das proposições inconclusas: o sujeito lança uma ideia e não aprofunda o raciocínio. Um jornalista do portal Terra diz que é a favor das manifestações porque está sendo gasto dinheiro público nas obras da Copa. O que devemos fazer, então, para que não se gaste dinheiro público? O certo seria criar o futebol-empresa, como na Europa. Os clubes seriam capitalizados e não precisariam recorrer a verbas públicas. FHC tentou implantar o futebol-empresa, com a Lei Pelé, mas, diante da resistência da bancada da bola e, diga-se de passagem, do PT, desistiu definitivamente da empreitada. Aliás, FHC desistiu de muitos projetos, como a transposição do Rio São Francisco e a tributação de grandes fortunas, para ficarmos só nesses casos. Se não implantarmos o futebol-empresa, porém, não adianta chiar contra os gastos públicos com futebol.

  • Eduardo, parabéns pela disposição de sempre.

    Lamento que a minha previsão tenha se concretizado e você tenha sido xingado em meio a esta fera de mil cabeças invocada pela despolitização e ingenuidade nacional.

    Só quem nunca se importou com o próprio país vai poder viver este dia sem pensar nos desdobramentos e significados que a “primavera do cansei” vai provocar.

    Não há mais dúvida nenhuma que a questão da MPL foi completamente tomada pelo mais vingativo e intransigente sentimento golpista, foram anos negando a legitimidade do partido que governa o país, anos de escandalos fabricados tudo desaguando num 2013 em que tudo conseguiu ser focado num mesmo ponto: O julgamento do mensalão.

    O que temos é um partido condenado, um governo desligitimado e vitórias se transformando em derrotas.

    Todo este panorama é muito triste, a mídia pode ter conseguido abrir uma caixa de pandora que coloque em risco tudo o que foi conquistado.

  • O movimento tem um forte viés de direita, com palavras de ordem como “abaixo todos os partidos” e outras do tipo.

    No entanto, a repressão violenta dos governadores tucanos acabou tirando argumentos das lideranças que tentam levar o movimento a se colocar contra o governo federal.

    A atitude mais alienada está na tag “Brasil acordou”. Ora, já ocorreram greves gerais, o MST ocupou fazendas, sindicatos lutam todo ano por reajustes e melhores condições de trabalho. Mas esses mauricinhos e patricinhas de classe média alienada acha que o Brasil se resume a eles.

    Nem tudo está perdido: os manifestantes foram ao palácio dos bandeirantes, e cercaram a Globo. É hora de a esquerda agir.

    • Aqui no Rio, foi uma palhaçada, Locatelli. Um hapening. UMa performance coletiva. Dizem que as “pessoas estão contra tudo que está ai”, mas não sabe bem o que.
      Na verdade é aquela coisa de gente “descolada” que quer estar onde “as coisas estão acontecendo”. Engrossada por gente do Cansei, anarco-punks e a extrema-esquerda inconsequente.
      Acredito que aqui não tem ninguém no Passe Livre.
      A Globo vai transmitir a próxima. E está pedindo para os organizadores deixarem o auge para depois da novela

    • Locatelli,

      E o que me diz da pancadaria e quebra-quebra da prefeitura hoje?… pela sua lógica, onde tem manifestação tem culpado… é isso? Ontem no palácio dos Bandeirantes, hj na prefeitura…

      um caos.

  • Edu; estou de saco cheio! A mídia venceu, novamente. Todos os chavões da mídia estavam lá. Os protestantes só gritavam o que a mídia os ensinou. Não sabem nada sobre o próprio país. São teleguiados. Filhos de classe-média burra e subserviente aos comandos da mídia. Eles não conhecem o próprio país!!! Queria estar enganada. Adoraria estar enganada! O que mais me assusta é ver pessoas sendo manipuladas por manipulados. Você acredita que eles querem mudar alguma coisa para melhor? Eles não sabem o que é melhor, como mudá-las. Eles odeiam políticos, mas não sabem dos corruptores porque a mídia não fala deles. Eles não bradaram contra o poder econômico, contra o terrorismo midiático, contra o abuso do grande capital, dos pedágios, nada. Me perdoem os manipulados pelos manipulados, mas é broxante vê-los cair no conto da juventude midiática, novamente. Abraço, amigo Edu. Vamos pagar caro por essa “revolta” teleguiada.

  • Pela primeira vez neste país as grandes redes de comunicações do país ( Globo, Folha e Veja) não monopolizam as informações. Devem estar todos assustados, basta ler o que alguns colunistas da Folha escreveram ontem e hoje pra sentir o atordoamento de não saberem o que está acontecendo. Acabou o monopólio da informação na era digital. Viva! Sou totalmente a favor de movimento APARTIDÁRIO.

  • Vamos todos protestar.
    Protestar é bom,mas não dá pra ficar até mais tarde na rua,porque amanhã a gente tem que trabalhar ou estudar na faculdade.
    Alias…tinha alguma faixa pedindo mais empregos ou acesso dos jovens ao ensino superior no protesto?

  • Caro Eduardo,

    Gosto do debate das ideias, pois, como dizia Mao Tse Tung, é da contradição que nasce o novo… E a grande contradição do governo Dilma é esta: após a eleição, Dilma passou a bater nos sindicatos, federações e servidores públicos; e de uma forma mais virulenta, nos servidores do Judiciário Federal…note-se que tanto sindicatos e servidores públicos formam (ou formavam) a base que, historicamente, votaram, apoiaram e fizeram campanhas para o PT. Pois bem. Derrepentemente, Dilma passou a tratar essa base de apoiadores a chicote. Mas não só isso. Paralelo ao tratamento de inimigo dispensado aos servidores e movimento sindical, Dilma passou a fazer afagos a inimigos figadais e históricos do PT: a mídia canalha e golpista, que inclusive tentou impedir a sua eleição, e empresários e políticos de direita, que se situam ao lado do que de pior existe no espectro político brasileiro. Ou seja, servidores públicos e sindicalistas não mudaram: nossas causas continuam as mesmas: por uma recomposição do serviço público no Brasil, além de uma recomposição salarial para todos os trabalhadores.. Dilma, sim, mudou. Abandonou a política salarial dos trabalhadores no serviço público e a recomposição do Estado, efetivadas pelos 02 governos Lula e, numa verdadeira síndrome de Estocolmo, se apaixonou pelos velhos algozes: mídia golpista, empresários gananciosos e apátridas e políticos de direita da pior espécie.. Então aí, nessa clivagem, Dilma fez uma opção preferencial pelos ricos e pela elite golpista desse país, achando que, um dia, algum governo do PT será aceito por eles. Então, que Dilma, embalada pelos novos aliados e novas opções políticas, colha o que plantou!

  • Díficil entender como conseguiram colocar tanta gente nas ruas, mas fácil perceber quem serão os beneficiados com “isto que está aí”, só sei que se assemelha ao que aconteceu na Argentina, sei que da greve da PM baiana semelhante em violencia a polícia de Alckim,( que prá mim foi propositada para produzir esta manifestação de ontem), o lider do movimento o soldado Prisco foi eleito vereador pelo PSDB que diga-se de passagem sozinho não teria como bancar uma campanha milionária para vereador, e ACM neto prefeito de Salvador. se assemelha ao que aconteceu no Paraguai e Guatemala, a direita faz história, o PIG conseguiu colocar nas ruas 100.000 pessoas, fácil pedir a renúncia de Dilma, e nós fazemos o que? deixamos o golpe acontecer? e ainda falamos em democracia em jovens nas ruas, caras pintadas, derrubando não um ditador mas um presidente eleito pelo voto, que eles não tem, 100.000 não representam os milhões de votos que Dilma teve, triste.

  • Não acredito que o Povo esteja representado por estes manifestações.
    Até agora não entendi quais são as reivindicações. A impressão que tenho é que só querem aparecer, tirar fotos, filmar e postar no Face.
    E como sempre, já tem gente debitando todas as mazelas do Brasil na conta do PT e do Lula. Indignação seletiva, como sempre.

    • Acreditas sim , éo povo tirando prá fora tudo o que está o engasgando….e naõ tem essa de pcertos partidos se fazerem de vitima , ninguem quer saber o partido politico de cada cidadão que lá esteve mostrando sua cara!!!!isso não cola mais ,….EITA POVO LINDO.

  • Correto Eduardo, a mídia golpista tanto fez,chamando políticos dia e noite de corruptos, safados e ladrões, culminando com a farsa do mensalã pelo stf, desligitimaram a política de tal forma, que os jovens parecem não querer saber de politica e tem ojeriza quando se fala a palavra autoridade, seja de centro, esquerda ou direita, alias estão acampados na porta do palácio dos bandeirantes e o tucano Alckmin refem dentro dele.

    E agora José, o que colocar no lugar para dialogar com esse pessoal que não tem bandeira nem ideais definidos.

    Parece que o tiro da midia golpista foi no pé, e como voce disse, vai sobrar pra todo mundo.

    O próximo capitulo é hoje as 17,00 horas na praça da sé.

    Depois da besteira que desencadeou, a mídia vai partir rapidinho para a politica de ” redução de danos “, pois está claro que não vai ser bom para ninguém, nem para os tucanos, seus prediletos.

      • A culpa é toda da mídia? então nossos políticos que espoliam o Brasil não têm culpa?
        Tenha paciência….
        Isso é muita ignorância………..

          • O tema da discussão é: desmoralização da classe política!

            Sobre esse aspecto, os políticos são os únicos culpados… Tentar transferir a responsabilidade para a mídia q denuncia ao inves de responsabilizar os maus politicos, é tolice!

            Sobre os corruptores, deveriam ser presos, junto com os corruptos…

          • Corruptores só existente porque tem gente que aceita ser corrompida.
            Você está achando que os corrompidos são santos? o problema está nos corruptores?
            Os coitadinhos dos políticos não aguentam a pressão e acabam por ceder aos corruptores? É isso?
            Tá díficil…………………….

  • A MÍDIA VENCEU.
    Vocês desmoralizaram o pais e seus dirigentes. Vocês esconderam o lado bom do Brasil e alardearam o ruim, muitas vezes não existindo. Tentaram desmoralizar a conquista da Copa do Mundo, mas estão ganhando muito dinheiro com a sua realização.

    Você passaram para a população que o Brasil é um país falido e que tudo estar errado, quando na verdade somos um dos poucos que não fomos atingidos de cheio pela a crise mundial.

    Vocês tiveram a oportunidade de passar para a população a verdade e criticar de forma honesta. Mas não. Preferiram seletivamente apoiar uns e destruir outros.

    O resultado está sendo colhido, com sérios prejuisos para a população e a imagem do Brasil no exterior.

    O maior prejuíso ficará para vocês, que prostituíram a finalidade da imprensa, que é de informar e não incentivar ódio, destruição e preconceito.

    Lamentavelmente, não só vocês, mas todos o Brasil vai sentir este estilo espúrio de se fazer jornalismo. O resultado, merece uma reflexão.

    • Caro Eduardo, Se todos os dias há o “minuto de ódio ” promovido pela mídia, fica difícil conter a marcha da família com Deus pela liberdade. Eu, sinceramente, estou assustada com tanta capitalização do movimento feita pela direita. Acho difícil chegar nessa reflexão interna no estado e partidos políticos. Agora o que vai interessar é manter a legitimidade do poder. Lamentável, mas estão querendo acabar mesmo com a democracia. Isso é o que eu acho

    • ahhhhhhhhhhhhhhhh foi a mídia q desmoralizou os “dirigentes” do país?

      mas q fofo…

      pensei q tivessem sido os mensaleiros, os aloprados, os corruptos, as “Rose” da vida a encaixar indicados nas diretorias das estatais…

      pensei q tivessem sido os sangue-sugas, os “probos” q estão quebrando a Petrobras…

      pensei q fossem os deputados se dando aumento e mordomias…

      pensei q tivesse sido o congresso dos mais podres q esse país já teve…

      mas q bom q nem são culpados os políticos e sim a maldita imprensa q teima em publicar o q deveria ser escondido!

      hj vou dormir mais tranquilo…

      • e os seus amados? da privataria, do mensalão tucano, da lista de furnas, do mensalão do dem e outras desgraças maiores que fizeram ao país, como quebrar 3x e gerar o maior desemprego da história.

          • É culpa da mídia sim, pois estes ela esconde por ser escândalos de amigos seus. Mas a própria mídia também tem os seus, como o apoio e o dinheiro que receberam da ditadura, de apoiar assassinatos e torturas, de roubar terrenos para construção de suas sedes, enfim…

      • Luis Carlos Cortinhas, seu estúpido!

        O problema é a generalização que a mídia promove!

        É o esteriótipo batido dia e noite, assim como o de que todo servidor público é vagabundo, todo baiano é preguiçoso etc.

        Mas o melhor de tudo nessa história, e que estou vendo na redes sociais, é que a maior vítima, mais que partidos e políticos, foi a Rede Globo, que está sendo xingada e esculachada por simpatizantes tanto de esquerda, quanto de direita.

        • estupido é vc, seu idiota!

          e não há generalização alguma dos malfeitos na mídia!

          cada escândalo tem nome dos envolvidos…

          vc, um palhaço mal educado, é q quer um atalho mais fácil e culpar a mídia por uma coisa q só os políticos, em sua maioria preocupados apenas em “ganhar o seu”, são responsáveis!

          e mais educação ao se referir aos outros!

          • Desculpe, não quis me referir a você, mas a colocação!

            É lógico que os corruptos têm culpa!

            Mas a mídia nunca mostra que existe o joio e o trigo e todo mundo é jogado no mesma vala, ou faz santo quem lhe interessa!

            E não adianta, não tem outro jeito, é pela política que as coisas acontecem, ainda que se tenha uma revolução e se comece tudo de novo, será pela política.

            Não adianta desmoralizar todo mundo, e falar que está tudo errado, sempre! Sabe por que? Porque daqui a pouco as pessoas de bem não vão querer participar da política, pois o simples fato de se falar que é político vai ser como ser um leproso na idade média! Aí os canalhas, que não se importam com isso, realmente vão tomar conta.

            Acho que a proposta aqui, do dono do blog , é que mudem os políticos, mas que mude a mídia também, que seja realmente democrática, principalmente aquela que se utiliza de concessões públicas!

            Desculpe de novo.

          • Luis,

            Ninguem é contra a atividade política!

            O q defendo é q, muito mais do q a mídia q relata os casos, o mau político é q desmoraliza os políticos.

            Culpar a manchete e não o fato a q ela se refere, é uma tolice…

            Citei alguns casos q ganharam destaque na imprensa e poderia citar tantos outros…

            Os políticos, com seu corporativismo, com inúmeros exemplos de desrespeito à vontade popular, outros reconhecidamente corruptos assumindo o poder, são os verdadeiros culpados pela desmoralização!

            Quanto ao seu “tratamento” no post anterior, tá esquecido.

    • Caramba, mas nem com toda essa gente na rua vocês conseguem abrir os olhos? Ficam tocado a mesma tecla. Evoluam. E olhem que eu ainda estou de pé atrás com essas manifestações, haja vista aquela gente do Palácio do Planalto pega nas manifestações. Tem gato na tuba.

  • E sem a política, resta o quê? Esse amontoado de palavras de ordem, reivindicações difusas e gritos? Sinceramente, acho que nos fazem muita falta as aulas de história. Basta ler um bocadinho para lembrar (ou aprender) que todo “movimento” que propõe o fim da política e dos políticos, em geral, abre o caminho para uma aventura autoritária e para a violência do Estado. Sem essa!

    • Querem outra ditadura? Não conhecem o passado recente de nosso país e, não têm a capacidade de reconhecer os grandes avanços que o Brasil tem alcançado. Lamentável!

  • O problema desses protestos é que as reivindicações são muito genéricas, como combate à corrupção, ou “passar o país a limpo”. Meu medo é que a multidão sinta falta de algo concreto, a passe a buscar um Judas, que, provavelmente, cairá no colo da Dilma. Já tem petição pro impeachment dela no facebook. A direita está agindo rápido. Resta a nós ficarmos olhando?

      • Esse papo “contra a corrupção”, lançado tão genericamente, é claramente papo de cansados. E a descrição do homem bem vestido num carro zero mostra isso.

  • Eduguim, a “revolução” é cheirosa e branca ou os não tão cheirosos, negros, pardos e mulatos não gostam de serem filmados no protesto? O “exagerado” e lúcido Nelson Rodrigues se vivo fôsse poderia dizer, “Não vi um negro”?
    Pelas imagens e relato do ato, parece que ainda não foi dessa vez que o Brasil de verdade foi às ruas e a massa cheirosa, engrossando o coro dos descontentes, parece estar um tanto quanto incomodada, talvez com a nova concorrência, a ponto dos filhotes sacrificarem-se em ir às ruas de carona com o MPL.

  • muito bem, Edu! espero que desta vez nós, os brasileiros, consigamos levar estes movimentos adiante! política como deve ser, democracia como deve ser, em todas as instâncias!

  • Eduardo,

    e vc aajudando à manifestção contra o sistema, ou a democracia, com o post de ontem!

    Qundo a manifestção é contra tudo e todos e ao mesmo tempo, é contra a democracia!

    ótima oportunidade para os urubus de plantão, com ajuda da extrema esquerda infantil, e os leitores de Veja, darem o golpe, pois no voto não ganham!

    Então pare de frescura, de pisar em ovos e vá direto no ponto.

    É isto mesmo que vc concluiu no final, mas escreva mais sobre sito e seja mais direto, e saia de cima do muro!

    Se não vamos perder tudo o que conquistamos nos ultimos 10 anos!

    Estão brigando com fogo, e continuando assim vão queimar as proprias mãos! Pessoas totalmente despolitizadas e de não sabem como funciona o sistema democrático, com a juda educacuional da mídia!

    Deu nisto! Mas é bom tomar cuidado!

    Já vimos este filme antes!

    Abcs

  • EDUARDO,

    TENTA FALAR COM AS LIDERANÇAS DO MOVIMENTO PRA COLOCAR EM PAUTA
    UMA REFORMA POLÍTICA ATRAVÉS DE UMA ASSEMBLEIA CONSTITUINTE.
    O BRASIL TEM DE ACABAR COM O PRIVILÉGIO DOS POLÍTICOS, DOS EMPRESÁRIOS,
    DOS MAGISTRADOS, DOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO ETC.
    SÓ ATRAVÉS DE UMA NOVA CONSTITUIÇÃO É QUE SE ACABAM ESSES PRIVILÉGIOS.

  • Nesta manifestação tinha de tudo: aqueles apartidários que realmente queriam protestar contra o valor da passagem e das más condições do transporte público, os petistas que queriam provocar a polícia pra causar danos à imagem do governador tucano, os anti-petistas que protestavam contra o prefeito e o governo federal pelos gastos absurdos pra copa do mundo e a extrema esquerda (PSTU e congêneres) que queriam botar fogo no circo em todos os lados.
    Como sempre houve abusos absurdos. Interromperam a marginal pinheiros, pararam ônibus mandando motorista, cobrador e passageiros descer sob ameaça, etc.

    http://edition.cnn.com/2013/06/18/world/americas/brazil-protests/index.html?hpt=hp_t3

  • A mídia criou um monstro e acredita que vai conseguir controlá-lo… Está conseguindo transformar a sociedade num grupo de pelotões de linchamento rivais, um querendo acabar com o outro.

    Aliás, vamos dar crédito a quem merece: quem montou essa estrutura de comunicação e desmontou a estrutura educacional de forma extremamente eficiente foram nossos queridos militares. Parabéns a vocês, o seu legado continua ferrando o país até hoje! Que todos vocês vivam muito, mas muito mesmo, para poder admirar a conclusão da sua obra civilizatória!

    Ano que vem a coisa vai ser ainda pior, muitos tentando levar vantagem política sobre essa indignação, acho que caminhamos céleres rumo a uma guerra civil. Mas, com tantos grupos diferentes e nenhuma coesão, não dá pra tentar imaginar um desfecho; a coisa mais próxima que me vêm à cabeça são os intermináveis conflitos africanos, que misturam política, tradição, tribalismo, vingança pura e simples e um monte de outros fatores, deixando a situação completamente indeterminada.

  • http://www.em.com.br/app/noticia/politica/2013/06/18/interna_politica,407852/depois-dos-protestos-senado-acelera-para-reduzir-tarifa-de-transporte-publico.shtml

    Pois aí está o link do que os políticos fazem
    Aproveitam a balbúrdia e votam uma lei para desonerar…. OS EMPRESÁRIOS DE ÔNIBUS.
    Em suma, como eles entendem que a crise se deve a passagem de ônibus, e não ao descrédito da política como ela está sendo feita, resolvem meter a mão no bolso da população, porque desonreação é paga pela população, como um todo, para que os empresários de ônibus, tadinhos, consigam absorver o duro impacto de deixarem de faturar mais alguns milhões.
    Que tal desonerar o meu imposto de renda, ou os juros do meu cartão de crédito , ou os alimentos, os remédios?
    Nada disso. O governo ajuda quem banca as campanhas e dane-se quem os elegeu.

  • Olha, acho uma pena que não haja a menor possibilidade de uma dessas lideranças passar um dia no poder. E tentar aprovar pelo menos uma pauta, um projeto com ou sem base aliada. Mas, ainda chegam lá. Como disse Brecht, são os que virão depois de nós.

  • .. As ruas estão tomadas por mauricinhos tucanalhas, vestidos com camisetas da Hollister ( 250 reais) Tênis Nike ( 600reais), Calças Jeans Lewis ( 400 reais), Celulares de 2000 reais….kkk, todos “reclamando” do aumento de 20 centavos nas passagens dos ônibus…que dará pouco mais de QUATRO reais no mês.
    Enquanto isso, os outros 99% da população brasileira, estão dormindo para poder ir TRABALHAR no dia seguinte….
    Este pessoal dos 4%, membros do CANSEI não desistem…kkkkk

    • peixoto-pres.prudente/sp
      18/06/2013 • 12:50

      Tudo bem, só que essa merda está se espalhando pelo país.
      Veja vc; até São Gonçalo – alem Niteroi-, Nova Iguaçu já está com
      sua principal via fechada e transtornando a cidade no horário
      em que os operários estão voltando p casa.
      Tá fedendo essa m…

  • Eduardo, deu para ver no seu vídeo que a manifestação é orquestrada. É o próprio movimento “Cansei” juvenil (e imbecil).
    Em 64 foram as senhoras de Santana que saíram às ruas (sempre motivadas pela mídia) para derrotar o comunismo. Hoje são os jovens da classe “mérdia” servindo de massa de manobra tentando derrubar o PT (já que nas urnas isso não acontece). Haja saco!
    Precisamos aprender a ler o que a mídia nos esconde: se eles são os 5% (será que chega a tanto?) de descontentes, então somos os 95% restantes que estamos ao lado de um governo que trouxe e continua a trazer mudanças consideráveis à vida da população. Veja lá no seu vídeo: a classe trabalhadora está fora disso.
    O que esse pessoal quer? Uma taxa mais alta de desemprego? Um salário mínimo de volta a 100 dólares?
    O Brasil de joelhos ao FMI? Voltar à fila para querer se aposentar? Um aeroporto vazio como antes? Carros e universidades só para os ricos?
    Sinto muito, Eduardo! Mas sinto mesmo é um cheiro de golpe no ar…
    A Globo não dá ponto sem nó. Fez uma novela para emplacar um jovem que iria melhorar o país (“Que Rei sou eu”), lembra? Agora acabou de fazer uma novela onde o herói era o mocinho do Exército que se uniu à uma mocinha do povo para salvá-la das garras… Bom, agora há outra novela cujo herói é um mocinho bonito da Aeronáutica combatendo a corrupção, etc…
    Será que já não vimos esse filme???

  • Está na hora de alguém botar ordem nessa bagaça. Se é pra ter revolução, que seja a socialista. Quem entende de política, quem conhecer as saídas e os melhores caminhos será ouvido. Porque em todo o grupo social existe a liderança.

    Quem dormiu tanto tempo quer saber das novidades, e como nós estamos com insônia a muitos anos devemos ter a paciência de esclarecer, pra quem ta chegando agora, das lutas de verdade que estão acontecendo no Brasil.

    Depois da fraca entrevista do grupo MLP no roda morta da tv tucana, percebi o quão também estão perdidos. É o momento de o PT mostrar sua força de mobilização e militância. Nem 1% da população do Brasil saiu as ruas ontem. Tem muita gente que falta nessa marcha, MST, centrais sindicais, movimentos sociais, todos com o governo brasileiro que precisa dar uma resposta e admitir os erros. Se é por mais que o passe livre, eu quero a reforma agrária, a reforma política e do judiciário. Quero principalmente o MARCO REGULATÓRIO DA MÍDIA ( ou lei de médios).

    Este é o momento de forçarmos às reformas porque os governantes estão sim tremendo! Se o ritmo continuar o mesmo, o movimento irá se polarizar e quem sabe uma esquerda mais organizada de coalizão irá surgir.

    Essa geração cresceu com LULA e DILMA, não conheceram o período das trevas, mas querem muito mais, mesmo sem entender como. Ainda enxergam miséria, ainda são assaltados, ainda convivem com a desigualdade social. Ficar criticando de fora não vai mudar muita coisa, é hora de mostrar o caminho.

    Escolhi ver o copo meio cheio, já refleti sobre o pior que pode acontecer e resolvi não deixar que as conquistas sejam menosprezadas. Vou pra rua e vou defender o meu Partido do Trabalhadores, sem bandeira mas com ideologia, porque tenho a absoluta certeza que a estrela vermelha ainda brilha.

    Não é hora de virar as costas pra juventude que pede ajuda, não é hora de cometer o mesmo erro, e também não é hora de se resignar. É mais uma batalha companheiros e só vejo a vitória! Sempre!

  • O que verdadeiramente estaria por trás dessas manifestações e tumultos ?

    Segue um “Ireport” da CNN com uma análise sobre os possíveis motivos que estão levando a essa situação.
    Segundo o artigo não é apenas a baixa qualidade e alto preço do transporte mas os altos impostos, os baixos investimentos em saúde educação e infraestrutura e a corrupção.

    http://ireport.cnn.com/docs/DOC-988431

    saudações

  • Um exercício de raciocínio interessante: Com Dilma e o PT no governo, estamos testemunhando essa movimentação toda… O que estaria acontecendo se Serra tivesse sido eleito? Certamente, a mídia estaria colocando panos quentes o tempo todo; mas isso seria suficiente para conter o inconformismo (ou, no caso de Serra, possível revolta) popular? Quem quiser gerenciar o Brasil daqui por diante, tem que levar em conta o possível, e até muito provável, clima popular de descontentamento que terá pela frente… Resultado de mais de quinhentos anos de desmandos e benefício descarado a uma pequeníssima parte, em detrimento de todo o resto da população…

  • Vi uma mocinha carregando um cartaz escrito “vem para a rua que a rua é a maior arquibancada do Brasil”. Isso é o slogan da propaganda de um carro que passa nos intervalos dos jogos.
    Virou espetáculo midiático. Imagens coloridas, slogans de marketing, muita adrenalina e pouco cérebro

  • O poder da mídia é realmente avassalador. Se o movimento se transformar em “contra tudo isso que tá aí”, Veja , Globo , Folha e Estadão não perderão essa oportunidade histórica de ideologizar e dar-lhes uma bandeira, que aliás, é a única que concordam em gênero, número e grau: A cabeça da Dilma!

    Duvidam? Basta um Globo Repórter ligando “os caras pintadas de 92 aos olhos-roxos de 2013″ e pronto. Veremos o ódio contra a presidenta espumando na boca dos filhos dos (muitos) leitores da imprensa burguesa pelas ruas de todo o Brasil.

    Jovens, não se deixem enganar como muitos de seus pais se deixaram: A Globo e a Veja não representam seus anseios e são CONTRA O BRASIL!

  • É incrível essa mania de deslegitimar a classe média quando ela protesta por alguma coisa que não é do interesse. Só que vocês esquecem (fingem esquecer) que é essa mesma classe média (com relógios e carros caros) que foram pra rua nas diretas já, no impeachment do collor, e mesmo antes, quem apanhou da ditadura foi muita gente da classe média também. Na época o povão ‘verdadeiro’, ‘legítimo’, que vocês gostam tanto, estava aplaudindo o Médici no maracanã.
    Esse movimento de agora pode ser até uma babaquice (eu nem tenho opinião formada sobre isso), mas, se for, não é por ser da classe média.
    Aliás, queria saber de vocês, quem do atual governo NÃO é da classe média (não vale a Marta, que é da classe Alta).

    • Falou bonito! Assino embaixo. Até hoje a maioria esmagadora dos que escreve aqui defendia o direito de manifestação, o levante das massas, etc…foi só perceberem que o establishment contra o qual as manifestações estão se voltando inclui o PT que as opiniões por aqui mudaram…não esqueçam do “churrascão da gente diferenciada” foi organizado pela mesma “juventude alienada” dos protestos de agora, e na época receberam apoio irrestrito dos leitores…indignação seletiva demais a de vocês daqui..

  • DUVIDAS E CERTEZAS

    1- Minhas duvidas:

    – O que é isto que esta acontecendo?
    – quem lucrará, direita ou esquerda??
    – vai passar, é só mais um modismo como tantos outros no Brasil???
    – no final de tudo viraremos uma Espanha ou Itália com a vitoria dos conservadores ou uma Argentina com a vitoria uma guerreira??
    – o que mais esta por trás de tudo isto, caso tenha mais alguma coisa por trás???
    – como o império do norte esta vendo isto, tem alguma participação???
    – não vai dar em nada por ser mero fogo de palha??
    – surgiram novas lideranças capazes de ocupar os espaços políticos??

    2- Minhas certezas:

    – hoje existe a UNE e existe os estudantes;
    – hoje existe a CUT e existe os trabalhadores;
    – hoje existe os detentores de mandatos no PT e existe a militância;
    – o governo do PT não construiu canais de comunicações- especialmente para os mais jovens-modernos. Basta ver a rede Brasil, lamentavel;
    – a SECOM é a globo no planalto;
    – governo e respectivo partido se acomodaram;
    – a mídia, especialmente na gestão Dilma, reina sozinha;
    – boa parte dos protestos deste movimento são pautados pelo discurso udenista da velha mídia;
    – a Dilma esta isolada no planalto cercada pela corja formada pela Gleize, Zé Cardozo, Paulo Bernardo, Ideli e Helena Chagas;
    – a Dilma precisa sair do castelo;
    – a Dilma precisa entender que o PIG é canalha, cansei de externar minha preocupação com o simbolismo da ida a FSP;
    – o Governo é pautado pela mídia, basta ouvir um “ai” que recua, principalmente de questões que envolve as minorias;
    – se o governo não reagir -ontem- a vaca vai para o brejo.

    O que vocês acham amigos das minhas duvidas e certezas?? estou certo ou errado???

  • Caro Marcos, preste atenção:

    Não está nada claro que eu tenha turma, ao contrário de você, que parece ter; eu não afirmei, em lugar algum que quero a renúncia da Dilma, mesmo porque nem é ela que nos desgoverna, pois só obedece ordens do outro; eu jamais poderia desejar a posse do Temer, que é aliado do governo que está desgraçando o país; e não acredito que haja oposição no país, já que, se houvesse, estaria na rua, berrando contra as atrocidades que o PT vem cometendo.

    Não sei se pregavam, ontem, o impeachment da Dilma na internet, ou se pediam a renúncia dela. Só sei que não fiz uma coisa nem outra. E, se fizesse, de nada adiantaria, pois ela seria salva pela “oposicinha”, como aconteceu, em 2005, com o Lula da Silva.

    Não parece que em 1964 tenha havido “golpe”, mas, sim, um contragolpe. E o clima de hoje está muito parecido com o de então. Só falta o o PT conclamar suas milícias e aplicar o AI -13 ou coisa parecida. Parece que é isso que muita gente quer. Um golpe.

    Mas, com tudo isso, eu só poderia considerar o ato, enquanto pacífico, como um protesto contra a situação que o PT criou no país; e o ato, enquanto beligerante, como um atentado de militantes de partidos políticos de esquerda contra o Estado Democrático de Direito.

    Por fim, também acho que vários movimentos sociais estão indo para as ruas defender sua idéias e, nesse contexto, é bem provável que haja violência entre os próprios manifestantes. Como, aliás, já vem acontecendo.

    • Estas são algumas das situações que o Partido dos Trabalhadores criou para o país: em 2002 (sob FHC) um salário mínimo comprava 16 quilos de alcatra, hoje compra 35 quilos. Comprava 110 quilos de arroz, hoje compra 310 quilos. Em 2002 (sempre sob o ilustre professor FHC), com o barril de petróleo a 25 dólares, um salário mínimo comprava 110 litros de gasolina; hoje, com o barril a mais de 70 dólares, o salário mínimo compra 220 litros do fóssil combustível. Até há alguns meses minha conta de energia variava entre 110 e 120 reais; hoje varia entre 70 e 80 reais. E tem muito mais coisas que o Partido dos Trabalhadores criou para o país, só que a imprensa golpista, criminosamente, oculta essas coisas.

      • Nada disso, companheiro! No final do governo FHC, o país viveu um período de grande instabilidade econômica, provocado pelo “risco-Lula”, que se baseava no pânico dos investidores em relação a um governo que viria para “mudar tudo o que está aí”. Mas eram só bravatas, como confessaria depois o maior bravateiro da história deste país. Logo depois, ele assinava a Carta ao Povo Brasileiro, que era, na verdade, a sua rendição à agenda econômica dos tucanos e ao mercado. Aderiu ao Plano Real, a que tanto havia contestado, e se beneficiou da expansão da economia mundial que viria logo em seguida.

        É por isso, e só por isso, companheiro, que “o salário mínimo comprava 16 quilos de alcatra, e hoje compra 35 quilos, comprava 110 quilos de arroz, e hoje compra 310 quilos. Em 2002 (sempre sob o “risco-Lula”), com o barril de petróleo a 25 dólares, um salário mínimo comprava 110 litros de gasolina; hoje, com o barril a mais de 70 dólares, o salário mínimo compra 220 litros do fóssil combustível. Até há alguns meses, a sua conta de energia variava entre 110 e 120 reais; hoje varia entre 70 e 80 reais”. E olhe que estou confiando na sua “contabilidade criativa” de petista.

        O resto? Bem, o resto é gogó e papagaiada de quem, depois de sete anos de vacas gordas, não conseguiu dar sustentabilidade ao desenvolvimento do país. E a consequencia está aí, com a volta da inflação, inadimplencia da população, juros elevados, gastança desenfreada, endividamento crescente, desindustrialização, corrupção sem precedentes, e por aí afora. Essas são as “muitas coisas que o partido, dito dos trabalhadores, criou para o país”. Um cenário caótico, que explica, em grande parte, a estrondosa vaia que o governo Lula-Dilma recebeu no Mané Garrincha e as manifestações que estão sacudindo as ruas do país.

  • Seu relato é fiel ao que se verifica nas ruas de Porto Alegre, acho que por aqui os manifestantes são mais politizados e escolhem alvos mais certeiros como tentar ir à sede da RBS/globo protestar, a brigada militar (PM) impede.

    Vê-se pouca gente de classe média mais madura nas manifestações, a esmagadora maioria são jovens (de classe média), ativistas sem vínculos partidários e a turma do esquerdismo (PSOL/PSTU) por óbvio.

    Segundo relatos de gente de dentro quem tem promovido atos de vandalismo é o pessoal ligado à federação anarquista, ou seja, anarquista em sua grande maioria.

    Mas concordo com você, toda essa gente e sua manifestação é fruto de décadas de catequese midiática com o discurso de que a política não presta.

  • O relato do Edu, sobre esses dois valentes jovens ptistas sendo agreditos por causa de suas bandeiras, mostra sem duvida o carater golpista dessas manifestações….cabe o governo e o pT por seu pesoal na rua para mosytrar que somos , mais do que eles…e assim barrar o golpe da globo!!!

    • A questão é que antigamente o PT não governava nada e assim, tinha total legitimidade para carregar suas bandeiras(não que eu ache que não as tenha mais, mas chego lá…), só que o ônus de virar governo é virar vidraça. E podem tentar emplacar o mantra de que o Brasil Mudou e tal, que não cola. Os beneficiários do bolsa-família, realmente, tiveram uma sobrevida bem-vinda, mas esses mesmo beneficiários sofrem horrores sem médicos e escolas descentes e etc, tal qual acontecia antes do PT chegar ao poder.

      Assim sendo, governando o país há 10 anos, sem resolver seus problemas estruturais, tu acha que uma manifestação que realmente parece ter um caráter de “contra-todos”, mas também contra o péssimos serviços públicos prestados no país, vai lidar bem com uma bandeira do PT no meio.

      Acabou-se o tempo em que os militantes petistas podiam xingar e berrar a vontade sem respingar em um companheiro de partido.

      • quem foi que acabou com a cpmf, um imposto justo, mais os pais desta mesma gurizada que saiu na rua foram contra, eles e os tucanos…quem sonega mais de 400 bilhões em impostos neste país..os pobres??? ou os empresários deste país, os ricos???

        saúde e educação de hoje, não é a mesma que tínhamos na época dos governos militares, sarney,collor e fhc…tenho certeza disso!!

        • 1) quem acabou com a CPMF, graças a Deus, diga-se de passagem, foi a base aliada q traiu o PT e votou com a oposição! A oposição, sozinha, não tinha votos pra derrubar a CPMF…

          2) Se a CPMF era tudo isso de maravilhoso, pq o PT foi contra, quando era oposição?

          achar q o PT é melhor do q os outros partidos (todos podres) é a maior prova de alienação (pra ser educado)!

          • Luis Carlos, ou você é mal intencionado ou ingenuo.

            A o fim da CPMF como muito bem lembrado é a prova que esta massa sabotadora nunca quis saber de mais recursos para saúde, porque simplesmente não quer ver o PT sendo o agente destas transformações.

            40 bilhões a menos no orçamento da saúde, o um preço alto demais pela “desconfiança partidarizada” ou pela ignorância ou a descrença total em politicas de estado.

          • Diogo Vilela

            faltou explicar pq o PT foi contra a CPMF quando era oposição…

            o PT não queria mais recursos pra saúde?

            vc é mal informado ou ingênuo?

  • a melhor forma de protesto é se abster de votar. A multa = R$ 3; é mais barato do que pegar um onibus ida e volta, ou gastos com gasolina, além de poupar o esforço de ter que enfretar transito, filas e outros transtornos. As abstenções tem crescido nas ultimas eleições. Em 2010, nas eleições presidenciais, segundo dados do TSE, 21,46% dos 135 milhões de eleitores aptos a votar não compareceram às urnas. A Dilma teve 41% dos votos destes 135 milhões. Se abster é muito mais efetivo como protesto do que votos brancos e nulos, e quando os brancos e nulos migrarem para as abstenções e chegar a 51% de abstenções não há posse.

  • Edu, sabemos que há “mandantes” por trás desse MPL. E os empresários do transporte? não estariam fazendo esse jogo, para a prefeitura pagar a eles o que estipularem? Não seriam os grande sinteressados na passagem grátis?

  • É difícil acreditar no que leio aqui: a mídia desmoralizou a política!!!!!
    Como se nossa classe política precisasse de ajuda pra isso. Como se Renan, Henrique Alves, Sarney e outros menos cotados, e que são nossa elite política hoje fossem muito morais. Como se as mordomias e privilégios gozados por todos que estão no poder (nos 3 poderes), de forma acintosa e obscena não fossem lenha pra essa fogueira. Como se as barganhas por cima e por baixo do pano, as trocas de partido indecentes, a venda de apoios e outras cositas más fossem irrelevantes. Como se o baixo nível político que o PT atingiu, com Lula, jogando no lixo anos de construção de uma proposta ética, fosse pouco. Como se o descaso que Dilma trata temas caros para as minorias, por conta do apoio da base evangélica, não fosse nada demais.
    A lista é enorme e todos conhecem, não é preciso ficar repetindo nada.
    Realmente a culpa é da mídia. PQP!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Eu acompanho todas sessões da Câmara Federal, Senado e julgamentos do STF: não vejo nada disso que a midia tanto propaga, esses todos trabalham muito mais que os midiáticos.

    • Meu caro, a mídia corporativa ataca a corrupção? Mas por que nunca vai atrás dos corruptores, aqueles que “molham a mão” dos corruptos? Não é mesmo interessante? Tente responder por si mesmo.

      Em tempo, veja como a midia pensa, nas origens, sobre o movimento:

      http://www.viomundo.com.br/denuncias/quando-a-folha-incitou-alckmin-a-bater-no-grupelho.html

      Agora a mídia tentar encapsular o movimento em um discurso de direita “bem direitosa”. É mole? É claro que ninguém acredita.

      As reivindicações dos jovens são muito importantes. O PT e sua base aliada precisam incluir os jovens na comunicação e em suas realizações. Aliás, eu me pergunto: se houvesse mais comunicação dos governos petistas e outros com as pessoas, isso estaria ocorrendo?

  • Manifestações são legítimas, desde que pacíficas. E precisam ter pauta. Caso contrário, tornam-se aglomerados de sem sentido, de boiada.

    Resguardado o caráter pacífico (depredações não têm nada a ver), penso que a cidade de São Paulo, por meio de sua Prefeitura, tem uma bela oportunidade de mostrar ao resto do Brasil como lidar com esse momento interessante. O movimento por um transporte decente em SP e nas grandes cidades é legítimo, senão vejamos, apenas no caso de SP:

    1) Por que o metrô não cresce? Por que cresce 1 km por ano? (e isso é anterior a Haddad).
    2) Em que bases os contratos com as empresas de transporte urbano foram firmados? (antes de Haddad).
    3) Por que uma passagem custa R$3,20? Como se chegou a esse patamar?
    4) Por que não abrir as planilhas de custos das empresas? Não se trata de concessões?

    A hora é de ouvir, aprender e rever. Quanto aos governadores e prefeitos, precisam ter suas polícias atuando com bastante calma. Não precisa machucar pessoas, matar pessoas.

    Finalizando, um ponto interessante: quem está ligando para a Seleção Brasileira na Copa das Confederações?

  • Vi parte do programa de ontem roda viva os militantes Nina e Lucas deixaram claro que a bandeira deles é baixar as tarifas de transportes urbanos trens metro e ônibus.

  • “Sem chance”: a culpa do Lula da Silva e do PT é, hoje, um fato. Amanhã, será história. Quanto ao meu suposto “analfabetismo político”, não passa de uma projeção “canhestra” do seu, que é o real. Freud “explicita”.

  • Vi a parte da entrevista dos “escolhidos” pelo Movimento do Passe Livre (MPL) no “Roda Morta”. Efetivamente são inteligentes, bastante determinados. Carece de serem nominados, até pelo fato de o movimento ser horizontalizado, sem cacique, sem pagé, só “índios” esclarecidos. Um é professor de História (gostei disso).
    Esperemos que os “aproveitadores” não se criem na aba do chapéu deles. A “direitona” está doida pra colar tudo nas costas da Presidente Dilma e do PT. Estão, como Jabores e Alexandre Garcia da vida, aderindo ao movimento pra enxertar o contra tudo e contra todos, PEC 37, “mentirão”, etc. e tal. Os “escolhidos” do MPL – surgido no Forum Social Mundial faz uns 8 anos – como porta-vozes pro “Roda Morta” estão querendo engrossar o Movimento com o fim de pressionar os Governos Municipais – e já conseguiram – para reduzirem a passagem. Eles são articulados, parecem saber até aonde vão. Sabem que a reboque vem tudo, igual a arrastão, puxa o peixe, o peixinho e o lixo do fundo. A liderança aparenta está nas mãos deles – MPL. O poder de convocar, mobilizar a teia social, também.
    Meu filho adolescente diz que eles tem ideologia, pensam o social e sabem dos reflexos no econômico. E o transporte público gratuito é pré-requisito, um direito anterior, de acesso aos demais direitos sociais, como saúde, educação, trabalho, lazer, dentre outros. É um direito instrumentalizador dos demais direitos sociais. O serviço de transporte público bom e eficiente – e gratuito, por óbvio – pode ser o diferencial entre São Paulo continuar viva ou morrer por falta de circulação. São Paulo sofre infarte todos os dias. Isso vale para o Rio de Janeiro, Salvador, Brasília, Porto Alegre. O “colesterol” dos carros é ruim e está elevado. Tem pouco colesterol bom, o do transporte público.
    E o “colesterol” bom vai atrair investimentos, vai trazer integração à cidade, dar alguma qualidade de vida à grande cidade, dar mais tempo pro trabalhador ter direito ao lazer, a estudar, a cuidar dos filhos, reduzindo “as perdas” econômicas – que hoje já ocorrem, estão “precificadas” – que os engarrafamentos – os infartos e as tromboses, segundo estudo do IPEA, citado pelo MPL, seria de R$ 32 bilhões só em São Paulo – representam para o dia-a-dia paulistanos. Em suma, se o Governo de São Paulo transformasse R$ 32 bilhões das perdas em transporte público por ano provavelmente a economia de São Paulo deixe de perder mais alguns bilhões por ano. Enfim, realocaria R$ 32 bilhões em transporte público. Reduziria o custo São Paulo. Baita discussão, hein?
    Os “cansados” estão se infiltrando, e os “cansados” não querem nem saber de nada, não querem discutir ou contraditar. Os “cansados” querem confundir, querem “chacrinhar”, querem “golpear”. O MPL sabe disso. E tem a dimensão disso. São do movimento social. E sabem que a “direitona” está com o objetivo de fazer deles – um limão – uma limonada. Na greve, os líderes sabem como iniciar uma greve, e devem saber como acabar. Isso vale para os MPL e demais movimentos sociais.
    E, por fim, efetivamente vi capacidade de serem novos líderes. Até serem cooptados pelas empreiteiras, concessionárias de serviço público, empresariado, aqueles que “pingam” grana nas campanhas eleitorais (o financiamento público de campanha no bojo da reforma política é o real mal do Brasil; além do PIG). Os corruptores andam livres, leves e soltos Brasil afora. E o Brasil, assim, sempre será esse Brasil. Um novo Brasil passa por isso, devolver o interesse público para esfera do público, e não para esfera dos interesses privados. Brava gente – apesar de, ainda, muito “esbranquiçada” – está mostrando seu valor.

  • Neste momento, os senadores Paulo Paim e Eduardo Suplicy fazem demagogia na tribuna com os manifestantes. Nem se deram conta de que a batata dos políticos gigolôs de mandato está assando nas ruas …

    • Eduardo ‘SUPLÍCIO” demágogo por natureza , dá tristeza só ao ver a cara dele, imaginas ouvindo suas lorotas de ultrapassado……é um suplicio……já devia estar aposentado , politica prá ele já foi….

  • A mídia golpista ainda mente com o número de pessoas na passeata!! O Datafolha calculou 65 mil pessoas. Éramos quase meio milhão. Me convenci disso após ter visto toda a passeata, desde a Faria Lima até a Berrini, depois ponte estaiada e Av. Morumbi. Isso sem contar as aglomerações na Paulista.

    Eles querem diminuir o movimento, mas não vão conseguir!!!

  • Edu. Eu “larguei mão”. Tenho dois filhos pequenos para criar. A partir de hoje sou um “alienado político”. Vou cuidar da minha vida. Cansei de defender o governo Lula/Dilma/PT e acusar o PSDB/Serra/FHC. Cansei de postar no facebook a famosa frase de Joseph Pullitzer sobre a “mídia corrupta”. Também acredito que a culpa de tudo isso é mais da mídia corrupta do que dos polítcos corruptos. A mídia escolheu um lado, protegeu alguns e demonizou outros. Pra retomar o poder vale tudo, até desestabilizar o país. Um abraço e boa sorte. Vou ficar de longe só olhando. Fui!

    • Caro ANDRE, não se vá , ao contrario, agora tá ficando bom demais, isso é uma sacudida nos cabeçudos srsrsrsrr digo para esses politicos que ainda acham que o povo é mereca!!!!

  • Desculpa Sr Eduardo Guimarães, mas foi a “mídia” que deslegitimou a política ou foram os políticos e os partidos como o PT que quando chega ao poder se limita a dar um cala a boca nos pobres (que o sr retrata no seu relato quase como debeis-mentais alienados e assutados) com bolsa-família, enquanto atende GOSTOSAMENTE os interesses da Katia Abreu (p. ex) e da bancada conservadora hipócrita-moralista evangélica cedendo até em questões de saúde pública?

    Sim a mídia brasileira sempre buscou despolitizar o povo. Óbvio porque ela expressa os interesses e as ideias das elites que querem que tudo permaneça como está. Mas já passou da hora de políticos como os do PT fazerem um mea-culpa e se tocarem que não é tentando fingir que não houve mensalão ou que o governo do PT no fundo pouca diferença tem do do PSDB (e em vários aspectos como demarcação de terras indígenas e reforma-agrária e DHs é francamente pior) que colaboram pra fazer a população confiar nos políticos que viraram verdadeiros agenciadores de interesses pessoais e privados.

    E pelo jeito o Sr só se aproximou da turma de cansados, mas certamente não imagina que aquela multidão era formada SÓ por eles ou que sequer eram expressivos?

    Aquilo é descontentamento de quem não aguenta mais partido político SEJA QUAL FOR que chega no poder e se ajeita aos mesmos esquemas de de sempre e nada muda.

    Transportes péssimos e tarifas indecentemente caras para lucro milionário de empresários inescrupulosos

    Saúde pública sucateada e cada vez pior, quando não tornada em verdadeiro balcão de negócios como aqui em São Paulo do PSDB.

    Enfim, chega de partidarizar o descontentamento real das pessoas – sejam classe média ou os pobres que o sr retrata como gado assustado.

    Chega de defender esse governicho neoliberal da Dona Dilma amigo dos privatistas e dos ruralistas e dos conservadores mais hipócritas que existem que são o que usam a fé do povo para angariar poder político.

    Ontem, quem tava lá, – e não nego que haja muitos do cansei querendo tirar casquinha antiPT -, não era alienado e ou manipulado pelo PIG não.

    Tanto é que até o símbolo-mór do PIG teve que esconder seus símbolos normalmente tão orgulhosamente mostrados como sinal de poder e influência.

    Não sei se esse movimento difuso – e que cada qual tenta cinicamente puxar para sua própria sardinha – tem fôlego. Eu gostaria muito que tivesse. E que mostrasse aos políticos que não dá mais pra eles chegarem ao poder e simplesmente se acomodar aos velhos esquemas de interesses e corrupção e só variar no tamanho do cala-boca pros mais pobres.

    Reconheço que o governo Lula fez um bom governo – diante do que o Brasil estva acostumado – foi um governo muito bom. Mas Dilma tem sido um desastre.

    PSDB é um lixo, mas o PT virou a mesma coisa
    E não venham colocar isso na conta do PIG não.

    • rapaz…

      louvo a sua lucidez mas aqui vai ser dificil de encontrar “eco”…

      pros petistas e lulistas deste blog, o grande vilão é a mídia q teima em mostrar o q deveria ser escondido!

      não são os políticos corruptos os culpados pelo descredito da classe política… é a “mídia golpista”!

      e é incrível como essa “tese” se transformou em certeza e pensamento único por aqui…

      o problema não é o crime, mas a manchete no dia seguinte!

      e durma-se com um barulho desses…

  • Vejo que a grande imprensa e a oposição usam o MPL inchando-o com outros protestos e demandas . Por isso muitos não entendem os protestos e/ou acham difusos demais. O MPL quer a redução imediata do aumento das tarifas e o objetivo mediato é a tarifa zero e mudança de rumo nos transportes públicos. Não vi outro movimento com tamanha adesão. Participei do primeiro protesto no vão do Masp do MSM, vi o cansei, o ato contra a corrupção, vi protestos de professores e nenhum outro teve tanta gente. O programa roda viva de ontem mostrou bem isso. Os entrevistadores, quase todos, querendo deturpar o movimento para torna-lo palatável para os discursos eleitorais da oposição para 2014. O MPL é um legítimo movimento social. Para quem recebe salário mínimo, R$ 3,20 é muito caro, é um percentual muito elevado no salário para se deslocar pela cidade.

  • Parabéns, Eduardo, pelas brilhantes palavras expressadas com relação a este falso movimento inflado pela mídia golpista. A rigor, bastaria a foto acima para expressar a avacalhação que se tornou o nosso Brasil. Até mesmo pessoas despudoradas e sem o menor moral para dizer qualquer coisa, como o monstruoso ser da foto acima, se acham no direito de opinar a respeito de questões cruciais na vida dos brasileiros. O povo, ora o povo, blasfemam os pecadores. O povo está onde sempre esteve nos trens, no transporte coletivo rumo ´s suas famílias na periferia. O que vimos ontem em São Paulo? A elite burguesa deixou os carros importados na garagem e foi às ruas protestar sabe-se lá contra o que. E o povo de verdade? Por que não fazem um movimento como esse pelas ruas de Itaquera, Guaianazes, São Miguel ou Grajaú? Por que nestes bairros, Eduardo o povo sabe diferenciar entre aquele que lhes deu dignidade a partir de 2002 e aqueles oportunistas que tentam a qualquer custo tomar o poder legitimamente conquistado. O Brasil precisa ser alertado contra esta onda golpista que caminha sob o manto da imoralidade e da depravação. Feliz é o País que conta com Homens como você para alertar a sociedade brasileira.

    • Em política é preciso fazer as coisas no tempo certo. A questão mais uma vez se coloca: Quando o PT irá as ruas mostrar de verdade em quem o Povão confia? Quando os intelectuais mais conscientes e as lideranças populares irão realmente se movimentar ? Já não chega de tanta inércia?…algumas pesquisas indicam que mais de 80% desses jovens são contra os partidos, concordando com o depoimento de Eduardo Guimarães.

    • “Até mesmo pessoas despudoradas e sem o menor moral para dizer qualquer coisa, como o monstruoso ser da foto acima, se acham no direito de opinar a respeito de questões cruciais na vida dos brasileiros.”

      Que bonito! Se não bastasse que pessoas não-alinhadas com o PT queiram opinar a respeito de questões cruciais na vida dos brasileiros, agora também seres monstruosos como o da foto querem também poder opiniar!!? Onde chegamos!!!

      Vai caindo a máscara….

      • Ricardo, como petista que sou, posso dizer que pessoas como aquela da foto não me representam e tampouco representam o Partido dos Trabalhadores

  • A construção dessas mentalidades _ uma espécie de MIDIOPATAS, que acreditam mais nas escandalizações da midia que em seus próprios olhos e sentidos _ já vem se construindo há anos. O grande prócer dessa construção é, sem dúvida alguma, a Rede Globo. Parece que só Brizola teve a lucidez de observar a extensão do fenômeno. Mas, este abominável método pode ser visto também na grande obra de Bergman “O Ovo da Serpente”, um filme muito esclarecedor sobre como se atua na construção das mentalidades ao longo do tempo.

  • Grande Edu! Você que é tão atuante, não pode JAMAIS ficar sem celular, meu caro! Uma pequena dica: compre URGENTEMENTE um carregador veicular para quando seu celular te deixar na mão, você poder carregá-lo plugando o carregador na entrada do acendedor de cigarros (ou tomada de 12V) do carro, tomando o cuidado de fazer isso com o motor ligado, para não descarregar a bateria! Em qualquer camelô, shopping popular ou na rua Santa Efigênia você encontra de todos os tipos!

  • ——- Atenção Jundiaí e cidades vizinhas ————–

    Ajude a mudar o Brasil. Venha fazer parte desse momento Histórico trazendo sua insatisfação para as ruas.

    * Calendário de Manifestações em Jundiaí

    # 5ª. feira (20.06) – 18h – o ponto de encontro será o viaduto da avenida Jundiaí, na Nove de Julho.

    Pauta: – solidariedade aos paulistanos que estão protestando contra o aumento de tarifa de ônibus em São Paulo;

    – exigir que o prefeito Pedro Bigardi cumpra promessa de campanha de reduzir a tarifa de ônibus a R$ 1 nos finais de semana;

    – fim da corrupção na política.

    # sábado (22.06) – 14h – Av. Nove de Julho.

    Pauta: protesto contra a PEC 37, que tira poder de investigação criminal do Ministérios Público e facilita a corrupção.

  • Milton Coelho da Graça falou, Milton Coelho da Graça avisou…
    Ontem, no Programa Roda Viva com dois líderes do Movimento Passe Livre o jornalista Milton Coelho da Graça fez uma acusação gravíssima: que os secretários de Transporte das prefeituras de todas as grandes cidades – e citou nominalmente São Paulo e Rio – são nomeados pelos empresários que exploram o transporte coletivo, em troca de dinheiro doado às campanhas de vereadores, prefeitos, governadores etc. Com isto impõem as tarifas que querem. Hoje o prefeito Haddad se reuniu com os líderes do movimento, e todos os membros do Conselho da Cidade sugeriram baixar os R$ 0,20 da tarifa e tirar a diferença dos lucros dos empresários. E qual a voz que se levantou contra? A do secretário de Transportes Jilmar Tatto! Para ele, “não é possível espremer tanto assim os empresários das concessionárias de transporte para viabilizar a revogação do aumento”. Não acreditam? Leiam a notícia no portal UOL: http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2013/06/18/haddad-sinaliza-reducao-da-tarifa-em-sp-secretario-propoe-imposto-sobre-a-gasolina-da-bomba.htm

  • Dilma tem aprovação maior, aos 30 meses de mandato, que tinham Lula ou FHC a essa altura.

    A inflação está controlada e não há desemprego.

    Todos têm o que comer nesse Brasil de hoje.

    PORTANTO, VAMOS ÁS RUAS PROTESTAR:

    A hora é a mais adequada.

  • Eduardo, vamos fazer a devida crítica ao PT, porque se não houver, ele não saírá da inércia. Há quanto tempo os blogueiros progressistas têm chamado atenção para a ausência de diáologo com os movimentos? Há quanto tempo tem sido falado que não há diálogo com a militância?

    Há quanto tempo se fala aqui em politizar as massas? Há quanto tempo se fala aqui que eles tentam a todo tempo ser aceito pela direita e sabem que jamais serão? Um governo de esquerda mas que foi para o centro e que o centro não o reconhece, simples assim.

    Agora vai ser bom porque terão de bater cabeça e encontrar novos desafios. O PT já saiu de um mensalão, tem sobrevivo a duras críticas, mas continua inerte. Então, encontrem uma solução, eu estou aqui vou votar na Dilma, mas vou criticar muito a postura do PT, tenha certeza disto.

    Não sou de direita nem serei, quando estou indignada tenho postura extremista de ultra esquerda. Mas de uma coisa eu sei, espero que eles encontrem uma saída. A política está nas redes sociais, mas ninguém tem um colchão de votos que eles tem e este, continua, ainda, intocável.

  • Haddad precisa urgentemente suspender o aumento da tarifa e convocar a sociedade para discutir o transporte público, incentivando o debate político por via democrática.

    Ânimos exaustados só servem à soluções temerárias.

    A situação atual é muito perigosa, os jovens do MPL estão de parabéns, mas não tem noção do risco que estamos correndo no momento. Os 20 centavos a mais podem ser um problema bem pequeno se os protestos levarem à queda do governo Dilma.

  • Por que aumentos em percentuais bem acima da inflação cometidos pelas gestões Serra/Kassab não mereceram tanta barulheira? Sei que a história sempre tem dessas coisas; um “comam brioches” que a gente não consegue entrever, mas…;

    Por que, quando daqueles aumentos, as sedes de PSDB e DEM (então partido do prefeito) não sofreram danos?

    Se a briga é quanto aos aumentos das passagens em geral, incluindo trens e metrôs, por que a sede do PSDB, do governo estadual responsável pelos aumentos, não sofreu depredações nas atuais manifestações?

    Só esclarecendo: graças dou aos céus que a sede dos tucanos não tenha sofrido ataques. Ainda bem! Só gostaria de entender por que a sede do PT em São Paulo, partido do prefeito que deu o menor reajuste em anos na passagem, foi atacada.

    Há outras coisas estranhas acontecendo:

    – a imprensa não está se esforçando em desinflar as multidões, o que costuma fazer em manifestações de movimentos sociais;

    – segundo reportagens, paulistanos passaram a não mais reclamar de efeitos no trânsito;

    – muita gente execrando a participação de galera ligada a partidos, quando o caso, ou elogiando a ausência de colorações partidárias na maioria dos eventos.

    Quanto a este último, vale lembrar que a política é feita pelos partidos. Consequentemente, não dá para se imaginar mudanças políticas de qualquer monta sem a participação dos partidos.

    Qualquer sujeito do MPL que, por exemplo, queira seguir carreira política, não o fará se não filiar-se a alguma agremiação.

    Muitos execram os partidos por pura ignorância. Outros, não tenho dúvidas, é por DNA golpista mesmo. Ou seja, no fundo sonham ver a política “limpada” dos partidos, quem sabe pelos militares, pelos juízes do STF, pela imprensa…

    Sou a favor da tarifa zero, assim como a moçada do MPL. Lembro-me da proposta da ex-prefeita Luiza Erundina: tarifa zero subsidiada por aumento progressivo do IPTU. Apoio com entusiasmo a ideia.

    Será que a meninada que está nas ruas de São Paulo têm conversado com seus pais sobre essa forma de financiar o transporte público na Capital?

    Não sendo possível esse caminho, defendo a estatização total do transporte público, com cobranças de tarifa um pouco mais em conta – mas com cobrança, de qualquer forma.

    Estatização total, sem qualquer eufemismo do tipo concessão, parceria etc.

    Neste último caso, o que estariam falando agora os nossos amigos da imprensa?

  • “esquerdismo ,doença infantil do comunismo”…0 PT perdeu o dialogo com a sociedade .A Dilma assiste o “SAI DE BAIXO” e as novelas …tem medo da Globo. O PT não politizou a sociedade,enterrou a LEI DE MEIOS. No face já aparecem msg pedindo a renuncia dela.Parece 64. A culpa é do própio PT

  • Começou a Revolução: Uni-vos!

    Manifestações tomaram as ruas das capitais por todo o Brasil. O povo mostrou que unido jamais será vencido. Pessoas marginalizadas do processo político e social levantaram-se.

    Tomemos como exemplo São Paulo. A grandiosa e vitoriosa manifestação do dia 17 de junho começou em Pinheiros. Uma gigantesca multidão se reuniu neste bairro e a partir dali parou a cidade. Exigindo o resgate da cidadania e da dignidade. Pelo fim da exclusão e da opressão!

    Os deserdados de Pinheiros finalmente conseguiram quebrar as correntes da miséria e da ignorância. Agora poderão se erguer livres da opressão, contra a elite mesquinha, racista e reacionária e fazer valer a sua voz. Que isto sirva de exemplo para Higienópolis, Morumbi, e demais bolsões vítimas do preconceito e da segregação da capital paulista. Uni-vos Vila Madalena e Vila Nova Conceição!

    No Rio de Janeiro o ímpeto popular se faz presente em regiões outrora alheias e alienadas. O apartheid social se rompeu. Depois de séculos as comunidades do Leblon, de Ipanema e até mesmo da distante e esquecida Barra da Tijuca romperam os grilhões!

    Nada poderá deter o avanço das massas populares. A gente diferenciada da Oscar Freire e da Vieira Souto se fará ouvir em altos brados:

    De pé, ó vitimas da fome
    De pé, famélicos da terra
    Da idéia a chama já consome
    A crosta bruta que a soterra.
    Cortai o mal bem pelo fundo!

    Após cinco séculos o sol fulgura para estas vítimas dos poderosos! Os jovens da USP, da PUC e da FGV não mais serão vitimados pela brutal polícia militar e nem terão os seus futuros tolhidos pelos pérfidos aristocratas!

    Camaradas! Avante!

  • E finalmente o Haddad vai falar com Lula… e espero que eles, juntos, reconheçam o problema da comunicação do PT!!!

    parecem que não precisam mais dos movimentos sociais… essa é a impressão.

  • Pela diversidade das reivindicações trata-se de uma manifestação da maioria escravizada por uma ínfima minoria conservadora e antidemocrática. Aqui no Brasil e no mundo todo. Nunca houve tanta desigualdade e nunca foi tão grande o fosso entre a minoria minoritária exageradamente rica e a maioria que produz mas continua pobre.

  • Alguma coisa me diz que o marqueteiro indiano, aquele contratado a US$ 1 milhão por um dos candidatos na última eleição à presidente, está por trás de tudo.

  • Eduardo,estive lá também,fiz meu relato no post anterior assim que cheguei em casa(por isso que estava horrível)tive que fazer porque no retorno à minha casa li aquele texto seu,se enchendo de esperança…é uma pena Edu,levamos porrada diuturnamente dos dois lados do espectro ideológico e quando surge uma oportunidade para dar uma sacudida nesta juventude que chega agora à vida adulta e não conhece por vivência o Brasil de 11 anos atrás o que encontramos?Crianças bem nascidas tendo aulas de fascismo!
    continuo triste..

    • Também estou triste, logo agora que o Brasil está como nunca esteve, quanta coisa foi conquistada, e esses jovens sem a mínima noção do que estão fazendo vão fazer tudo desmoronar, vamos voltar a ser aquele país de pires na mão para o FMI, vamos voltar a ser aquele país do desemprego total, alta inflação, concentração de riqueza, empresas gigantes engolindo as médias e pequenas empresas, o fantasma do neoliberalismo está ao nosso lado. Se esses jovens continuar se manifestando, aquele poder que sugou o Brasil desde o golpe de 64, estará de volta. Eles sentirão vergonha do que estão fazendo hoje, pois, isso arruinará as suas vidas.

  • Edu, a nossa presidenta DEVE ir em rede nacionais pois, hoje mesmo na estação Pinheiros tinha um cartaz enorme pedindo impeachment pra Dilma, e já está rolando no face um abaixo assinado. ACORDA DILMA, ESTÁ POR UM FIO PARA O GOLPE DE ESTADO.

  • Eduardo essa manifestação deveria ser batizada de GTA, simples assim.
    Os empresários de transporte tem tido muito lucro, logo esses vinte centavos deveriam vir deles.

  • Atenção para uma ironia que irá entrar na pauta de discussões. Hoje, no jornal das 18 horas na GNT, um professor de História da UFF convidado para comentar sobre os manifestos ficou indignado quando a Leilane noticiou que a Dilma estava reunida em SP com o Lula, o Haddad e o João Santana. Perguntou porque a Dilma não chamou um sociólogo ou um historiador para a reunião e se ela pensava que era a Maria Antonieta. Na minha opinião, embora respeite esse professor e o ache bem superior a muitos especialistas que são convidados pela Vênus platinada, jamais compararia a Dilma com MAria Antonieta, a dos brioches. Desculpe pela falha da memória, só Freud ou a idade mesmo para explicar meu súbito esquecimento. Mas, vamos lá. Esse professor foi várias vezes comentar resultados de pesquisas políticas e sabe muito bem que marqueteiro não só lida com imagens, lida com gestão de crises. E eu abomino alguns gestores de crise que conheci. E depois, num cenário totalmente doido, onde até Glorinha Khalil dá pitacos para o vestuário de manifestante, onde jovens que se reúnem no Iguatemi, o shopping mais ‘in’ de Sampa, saem escoltados por seus seguranças, a gente só pode contrapor a ironia e dizer: professor, tudo está mudando. Além do mais, se não me engano, o João Santana não é publicitário, ele tem uma visão social tão importante e legítima quanto ao do professor. Vejam esse trechinho de uma entrevista sua para o blog Campanhas e Mandatos.”Santana é egresso do jornalismo político (foi um repórter destacado à época das denúncias que culminaram na renúncia do Presidente Collor), o que lhe dá sobre as questões da comunicação política um olhar em geral diferente de alguns dos seus colegas, oriundos da publicidade. Faz parte desse olhar diferenciado uma preocupação com os aspectos mais científicos da comunicação política. Ele é um estudioso do assunto. No sábado em que conversamos (10 de março) ele falou com conhecimento e paixão sobre os desenvolvedores das teorias da moderna propaganda política (como Sergei Tchakhotine) e sobre aqueles que as materializaram na prática, muitas vezes intuitivamente (como Napoleão Bonaparte, Simon Bolívar, Getúlio Vargas, Fidel Castro ,Hugo Chavez e Lula), para uma silenciosa e atenta plateia de centenas de futuros candidatos. É um marqueteiro peculiar, que pensa a relação entre a história, a política e as campanhas eleitorais.” Professor, presta a atenção! Esse não é o cenário da revolução francesa, nem Dilma é Maria Antonieta.

  • Oi, Edu
    vou participar da manifestação aqui, em Belo horizonte, no sábado. A pauta vai ser a democratização do acesso à midia. Quero levar o nome do Movimento dos Sem Mídia. Você sabe de alguém mais daqui que faz parte do movimento? Há algo organizado para BH?

  • Desconfiei desse movimento desde o começo.

    Enquanto se manteve pelo preço das passagens a adesão foi razoavelmente pequena.
    A partir do momento que as redes sociais associaram as vaias na Dilma ao movimento passe livre a coisa ganhou corpo. Os protestos estão se dando inclusive em locais que as passagens nao tiveram reajuste.
    Acabo de ouvir na Band News o repórter que está entre os manifestantes que já há muitas faixas pedindo o impeachment da Dilma.
    Faixas contra Maluf, Kassab…..exceto o Alckmin.

    Alguém viu a participação do povo em algum desses movimentos?
    – Manifestacao dos bombeiros por melhores salarios no Rio de Janeiro . Quantos manifestantes a favor?
    – Protesto dos policiais civis reivindicando melhores salarios e condicoes de trabalho e que se transformou em campo de batalha – inclusive com tiros trocados entre estes e os policiais militares diante do Palácio dos Bandeirantes em São Paulo ?
    – A marcha do campo e dos trabalhadores rurais sem terra já recebeu alguma palavra de apoio desses que hoje estão na Paulista?

    Por acaso houve cobrança pública contra a progressão continuada dos estudantes de escolas públicas paulistas cujos jovens concluem o ensino médio semi-analfabetos?

    Houve convulsão ou indignação dos paulistanos com os crescentes números da violëncia?

    Exemplos não faltam -poderia elencar aqui “n” situações que ensejariam a ida às ruas.

    Por isso acho que há um cunho político, sim. A hipocrisia do paulistano que é contra o PT não tem limite.

    • Nao receberam e jamais receberão qualquer apoio dessa juventude alienada. Nenhum movimento que comece através de sp será bom para o brasil.

  • Quem diria que toda a pauta foi imposta pelas manifestações. Estamos cansados de implorar aos deuses que o povo acorde e se manifeste. Quem teria condições de organizar se sua origem inconclusa, profética. Agora o PT foi instado a dar uma resposta. Seja qual for quem ganhará será o Brasil

  • (Salvas as conotações próprias do contexto:)

    “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” Joseph Pulitzer


    “Se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” Malcolm X



    Ley de Medios Já ! ! !

  • (Salvas as conotações POSITIVAS (as evidentemente positivas, se as há) próprias do contexto:)

    “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” Joseph Pulitzer


    “Se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” Malcolm X



    Ley de Medios Já ! ! !

  • Na verdade os governos se tornaram reféns dos empresários mafiosos do transporte público, uma verdadeira máfia toma conta deste setor há muito tempo, quantos sindicalistas do setor já morreram? não existe um município que esta salvo desta praga, algum cara pálida aí acredita que o lucro das empresas é 6% apenas! que credibilidade estas planilhas apresentadas pelas empresas tem? porque não se faz uma auditoria pra saber de fato quais os custos e o lucro real destas empresas? todos esses empresários afirmam operar com prejuízos e todos estão cada vez mais ricos, nunca vi gostar tanto de prejuízo!

    • É verdade, esses empresários dos transportes públicos realmente estão ganhando cada vez mais. Na cidade de Mauá (SP), aqui da região do Grande ABC, tem um empresário riquíssimo do ramo de transporte público que foi recentemente condenado à prisão, em regime semiaberto, por sonegação fiscal. Ele não recolhia tributos trabalhistas. Aqui em Santo André, tem o Ronan Pinto, que inclusive foi convocado para depor na CPI do caso Celso Daniel, e que domina o ramo de transporte público na cidade. É riquíssimo. E ainda por cima é dono do maior jornal de circulação aqui na região do ABC. O prefeito Luiz Marinho, de SBCampo, que é do PT, sofreu horrores com a perseguição desse jornal, o Diário do Grande ABC, de propriedade do Sr. Ronan Pinto. Praticamente todos os dias o jornal trazia uma notícia ruim do Luiz Marinho. Mas, apesar de toda essa perseguição, Marinho conseguiu ser reeleito no 1o. turno, graças ao excelente governo que fez em SBC. Agora, vejam só o problemão que o prefeito da cidade de Santo André tem nas mãos: aí do prefeito se não ceder aos interesses do Ronan Pinto e aí o coitado, na certa, sofrerá perseguições em seu jornal. Esses empresários choram muito mas estão faturando cada vez mais. Em compensação os ônibus estão cada vez piores. E dá medo só de pensar nas pressões que eles exercem sobre os prefeitos quando seus interesses estão em jogo.
      Mas de todas essas manifestações que estamos vendo, alguns fatos chamam a atenção: 1) Porque só a sede do PT em SP sofreu depredação: 2) Porque o prédio da Prefeitura de SP quase foi invadida pelos manifestantes visto que o Haddad já se mostrou inclinado a reduzir a tarifa dos ônibus e até se reuniu com os líderes do MPL enquanto que o Alckmin nem se deu o trabalho de marcar um encontro com esses líderes. Há algumas coisas acontecendo que estão deixando algumas dúvidas no ar ….

      • Helena, Haddad deveria re estatizar o transporte público municipal, isso vai puxar o tapete dos empresários e principalmente dos golpistas. E o município não terá prejuízo, será somente a verba que necessitará para ter de volta, que o lucro rapidinho virá. Os funcionários ficarão mais felizes, pois, os salários deles caiu muito desde que deu a concessão do transporte.

    • Isso mesmo. Você escreveu muito bem. Nada contra as pessoas ganharem dinheiro, mas precisa de transparência e razoabilidade. É preciso dar transparência total nessas prestações de serviços públicos.

  • Em que deu o movimento “Cansei”? Nada. Em que deu o movimento “Occupy Wall Street”? Nada. Então esse movimento “da hora”, sem objetivo definido, sem pauta séria, não vai dar em nada. Logo, logo, eles cansam e vão achar aquelas passeatas uma chatice. Vai durar menos que aquele outro fenômeno bem tolinho, a “Luíza do Canadá”.

  • Podem achar e até mesmo dizer que é mais um das “tais” teorias conspiratórias mas… O que eu acho é que há algum princípio de legitimidade nessa onda de protestos (de grande parte da juventude, geralmente impulsiva… e propensa a mudanças, que acredita serem positivas) mas que acaba, como tudo, sendo sempre aproveitado pela direitona esc#%$rota através de infiltrações e desvios já em alguns dos momentos iniciais através de seus agentes locais. Não é impossível (ou é muito possível) que $$ia e Mo$$ad estejam insuflando parte desses manifestantes por meio de seus serviçais locais do P$DBo$ta e DEMoníacu$$, a quem agradaria muito um clima geral de instabilidade. É a chance que têm. Se já fizeram uma vez (ou mais), como em 64, por que não fariam outra vez ? Ou alguém acredita que viraram mocinhos ? Que estão satisfeitos com os recentes governos progressistas e includentes (mas ainda in-perfeitos) do Brasil ? O grande capital especulativo internacional anônimo defendido pelas ‘siglas’ $$ia e Mo$$ad mostra suas garras como em outros lugares do mundo, querendo criar confusão, que é o que lhe($$) interessa e de que podem sempre aproveitar alguma coisa, sempre agindo sob disfarces e operando em surdina (ou nem tanto). Se há algum princípio de legitimidade, algum germe positivo em algumas reivindicações, logo isso é contaminado pela ação deletéria de interesses político-economicos escusos agindo sob a fachada de bandeiras sociais repito, ao meu ver, em princípio legítimas. Mas como confiar em quem conclama para a ação usando, por (mau, inicialmente) exemplo a ‘chamada’ #ChangeBrazil ? É de se ficar com um pé (direito) atrás, principalmente depois do relatado pelo prezado blogueiro progressista deste admirável Blog da Cidadania.

    (Salvas as conotações POSITIVAS (as evidentemente positivas, se as há) próprias do contexto:)

    “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” Joseph Pulitzer


    “Se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” Malcolm X



    Ley de Medios Já ! ! !

  • “Quando escrito em chinês a palavra crise compõe-se de dois caracteres: um representa perigo e o outro representa oportunidade.”( John F. Kennedy ).

    Dilma aproveita a oportunidade e faça uma meia culpa na TV, do tipo: “ouvi o clamor das ruas, então estou destinando TODAS as verbas publicitárias do governo e estatais para a saúde pública bla bla bla… ”

    Está mais que na hora de enfrentar o PIG, senão sinto muito.

  • Eduardo, outro dia postando aqui, falei com você que manifestações são legítimas e disse inclusive que, sou favorável a manifestações que provoquem depredações do sistema, sobretudo aqueles que representam poder. Mas não aprovo depredações que roubem aquilo que não é seu. Isto para mim, é vandalismo.

    Outra coisa, temos por muito tempo discutido as falhas do PT, mas entendo que, se o PT tiver de sair, ou melhor a Dilma, que ela saia pelas urnas. Então, estou afirmando aqui, que não apoio mais estas manifestações. No início, havia, sim, intenções, mas perderam o controle, há pessoas operando por trás para causar o caos e termos um golpe, como tivemos em todos os países que a chamada Primavera aconteceu. Golpe de Estado não aprovo. O vídeo abaixo é bastante interessante.

    http://www.diariodocentrodomundo.com.br/so-vamos-parar-quando-a-gente-colocar-1-milhao-2-milhoes-3-milhoes-20-milhoes/

  • Eu acho que não sobrou para todo mundo, pois neste momento de condenação dos políticos e da polítca como um todo a Marina Silva se beneficia e muito com o seu discurso de mudar tudo isso aí.

  • Enquanto damos a cara para bater o ex- presidente Lula e a presidenta Dilma apóiam o movimento dos mackenzistas que logo darão o golpe no país e em seu governo. A esquerda neste país é medíocre. Lula e Dilma se merecem. Game over para esses estadistas medíocres. Ou eles estão achando que os ativistas do Mackenzie irão apoiá- los? Que papel ridículo o da esquerda brasileira. Entreguem esse pais nas mãos destes que querem mudar, rescrever a história do Brasil. Isso aqui não tem solução. E qualquer discurso depois dessa arregada é balela…! Esquerda de verdade está em Cuba, Argentina, Venezuela, isso aqui é qualquer coisa sem definição. To fora desses antigos ídolos.

  • Entrei na FSP para ler o Jânio de Freitas sobre o projeto do Romero Jucá sobre atos terroristas e, curiosa, fui ler os comentários dos leitores. Tem um que assina Abajour que está pregando que atos terroristas são necessários para lutar contra políticos e suas mazelas. Segundo ele “Só assim teremos mudanças. Políticos com medo é ótimo. Principalmente contra a sua própria vida”. E quem acredita no voto e no Estado pleno de direito, como é fica? Os oportunistas estão acesos. por todos os lados. Incendiando. Estão como pinto no lixo. Se isso é a revolução, é o novo, pára esse mundo que quero saltar. Já vi esse filme.


  • “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” Joseph Pulitzer


    “Se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” Malcolm X



    Ley de Medios Já ! ! !

  • então, e todos voltaram a PERDER

    -PERDEU o GOVERNO ESTADUAL BIPOLAR do Geraldo que ora manda a policia entocaiar pra depois bater, e ora manda a polícia se ausentar, mesmo diante da selvageria infiltrada de radicais, bandidos, marginais e LADRÕES que ontem, por exemplo, puderam depredar e ROUBAR a vontade no centro Velho e metrô de SP.

    Pior disso tudo é que tudo estava sendo televisionado, e por TRÊS HORAS a Policia Militar do GERALDO ALCKIMIN do PSDB, que inclusive deveria estar presente pra PROTEGER os manifestantes, não deu as caras.

    ALIÁS eu mesmo tentei ligar pro 190 e o telefone NÃO respondia, e quando atendia me deixavam minutos e minutos na espera até eu ter que desistir ..sinceramente, uma sindicância séria precisa ser aberto pra apurar as atitudes CRIMINOSAS do governo e do comando da PM.

    -PERDEU a PREFEITURA que já teve tempo de apresentar alguma proposta e que o máximo que conseguiu foi fazer uma reunião a PORTAS FECHADAS com 100 iluminados pra logo resolverem NADA ..pior, tudo adornado com um prefeito titubeante e aparentemente fraco, DESINFORMADO sobre os dados e interesses que estariam em jogo.

    -PERDEU o MOVIMENTO que ainda insiste em agir como crinaça mimada, um movimento que NÃO da um tempo, tempo pra se negociar e se retirar a faca que não lhes sai entre os dentes ..atitudes que num momento de crise não somam, tensionam, acirram os ânimos

    • CASO a parte, perdeu MUITO o GOVERNO FEDERAL e seus ministro desinformados.

      Gleisi do Paraná veio a público pra dizer que pelas ações do Governo Central as passagens poderiam sofrer mais abatimentos ..depois, percebendo, correu pra se desdizer e informar que os descontos (que pra ela seriam de R$ 0,23) já teriam sido efetuados ..tá de brincadeira né loira ?

      PIOR DE TODOS foi o ministrozinho Gilbertinho Baixinho Carvalhinho que como um franciscano virgem ainda fia rezando a deus e se dando uma de MANÈ ao dizer que esta querendo entender o que se passa.

      O que se passa Gilbertinho ?? você quer saber ? eu te conto:

      Há anos que o povo esta mandando sinais de que NÃO aguenta mais a rivalidade tucano petista ..que ele povo quer RESULTADOS e não PROJETOS inexequíveis, que não quer mais ficar vendo disputa inconsequente entre QUADRILHAS de delinquentes.

      Há anos Carvalhinho que o povo vive escutando na TV sobre melhorias nisso e naquilo, em rasgos estatísticos, isso tudo pra depois ter que sair e não encontrar TRANSPORTE público, nem ruas ou estradas, muito menos saúde, moradia e a tão sonhada segurança e JUSTIÇA pra suas vidas.

      VOCÊ sabe Gilbertinho em quanto estão os GASTOS COM A COPA, sabe ?

      Divulga-se que já chegaram em R$ 33 BILHÕES carvalhinho ..e isso ainda não acabou ..valor que se somado ao incentivo pro CARRO (mais R$ 20 bi nos últimos anos) daria pra se construir MUITO MONOTRILHO, ou quase R$ 2 milhões de moradias DIGNAS populares.

      Pior mesmo talvez tenha sido o papel da DILMA ..DILMA que não fala com a alma, que só lê discursos vazios ..ela que NÃO toma atitudes espontâneas, e que a todo momento vem se socorrer com o tio ..ela que tal qual o gilbertinho, ainda diz que esta tentando digerir o que se passa.

      Não DILMA, não há nada pra se digerir, a coisa é pra se engolir a seco mesmo, e pra se agir ..então AJA pombas !!!!

    • ontem ouvi de analistas dizendo que a insatisfação com os governos é grande ..tá, já é um passo da direção da análise correta ..mas não é só isso não

      A POPULAÇÃO esta cansada dos PODERES CONSTITUÍDOS ..tanto do executivo, como do judiciário e do legislativo com suas leis abjetas e que atentam contra nossos melhores valores ..

      A População esta cansada desta democracia que não escuta e que só ajuda a encher as burras duns poucos que pro povo, quando invariavelmente os conduzem a seus tronos vitalícios, estas autoridades lhes viram a bunda.

      CHEGA !! ..queremos participar, estão dizendo ;;aliás, só o Gilberto não deve estar ouvindo ..vai ver que é por causa da baixa estatura (de líder, quero dizer)

      Aliás, por exigir de mudanças profundas é que, infelizmente, eu me reservo o direito de temer o que eventualmente esta por vir pois, reitero, devido ao nosso modelo CAUDILHESCO, hoje nós não temos líderes, ideologias, nem modelos a altura pra nos conduzir.

      e é como eu dizia, e que ERA válido lá pra trás, e que não se aplica pra 2014:

      Se não foi com LULA, agora só com os ETs

      • Romanelli, Lula flanou na boa hora econômica mundial, não fez nada de concreto a não ser aumentar as ditas benesses sociais. E, sim, a Copa do Mundo e Olimpíadas no Brasil foram obra dele, inclua aí os subsídios aos estádios que estão construídos e que consumiram bilhões/milhões de reais, boa parte do BNDS. A conta sempre chega.

        • RAMIZA querida

          Penso que o PRIMEIRO governo de LULA nos revolucionou frente ao que vínhamos tendo.

          Ele estancou com a presença dum Estado mais altivo e ativo, com o crédito farto, o aumento real do SM, c/programas de incentivo (PAC, desonerações etc), troca e escolha de novos parceiros e estratégias internacionais (pagto ao FMI e CHINA por ex) ele estancou a crise, desemprego, depressão, endividamento e explosão nas contas interna e externas que capeavam.e que nos deixavam constantemente de joelhos.

          Isso RAMIZA, ninguém nunca vai poder reescrever, isso já é história e esta nos registros, são DADOS estatísticos inquestionáveis (o aumento da renda, a queda do endividamento, aumento de reservas, crescimento, emprego etc etc etc).

          Ocorre que depois, munido de SOBERBA e popularidade enebriantes, desgastes consecutivos pelas promessas não entregues (submarinos, navios, estradas, ferrovias, portos etc etc) e de uma base sofrível e claudicante (tipo com Afif, Kassab e Maluf), infelizmente ele preferiu NADAR de costas, a dar de ombros a ter que enfrentar novos desafios.

          Convenhamos, do que foi feito e prometido em LULA – o retorno (2007-2010), e DILMA (2011-???), tudo já teria cabido no primeiro, no máximo dentro da primeira metade do segundo mandato ..piro que ainda faltaram as ditas reformas (a saúde, transportes coletivos, segurança e justiça, cód penal e civil, ref.tributária etc).

          Agora, quanto aos excessos que se seguiram (fora os que virão tipo o desnecessário e inoportuno TREM BALA) e não se reciclaram (tipo o incetivo EXAGERADO dado a industria automobilística em troca de moradias, tudo lambuzado com a escolha dos “campeões amigos”) inclusive, com o país BANCANDO com dinheiro e crédito público a FARRA da FIFA e COI (que no início diziam que não seria assim, mas com dinheiro privado) aí concordo ..a conta esta chegando agora ..e vai sair caro.

          ..e só pra lembrar um pouco do que muito, por puro preconceito e radicalismo, muitos deixaram de ouvir

          http://www.youtube.com/watch?v=PyMsbkXM0nE

          • “Ramiza querida”

            Era só o que faltava, romance entre rommamala e ranzinza…

            Ô Eduguim, o teu blog é de política, não de fofoca de telenovela….
            Corta, corta, corta!!!!

  • O MOMENTO exige medidas DRÁSTICAS e definitivas

    Pra mim, a unica forma de se colher um proveito nisso tudo é a Prefeitura ir mundo além do que o movimento sonha.

    O tempo é de NOVAS CONCESSÕES.

    NÃO faz sentido a população ter que dar LUCRO pra empresário sovina montado num esquema NADA transparente ..LUCRO gerado de monopólio e em serviço essencial, diga-se.

    Dizer que o buraco subsidiado é de R$ 1,6 bi/ano não resolve ..a população quer saber de quanto é devido ao ônibus, quanto ao metro e/ou ao modelo hibrido que se criou – o bilhete QUASE unico – …mais ainda..

    de quanto disso tudo vai pro bolso do empresário na forma de LUCRO ? ..lucro que se o sistema tivesse que ser estatizado desaparecia.

    Portanto, pro momento, além de incentivos do tipo redução de tributos sobre a MO e óleo DIESEL, pra mim seria sensato aproveitarmos o momento em que não há quebra de contrato para então re-ESTATIZARMOS O SISTEMA.

    e aí, quem vai querer pegar o gato pelo rabo ?

    Sem duvida, se bem desenhado, com isso jogaríamos a passagem pra MUITO abaixo dos R$ 2,50, não duvidem ..ainda mais se abatermos o imposto Estadual ..aí que poderia ficar mesmo perto de R$ 2,0 ..e sem precisar ser SUBSIDIADO ..bastando aqui ser administrado com seriedade, sem desvios nem ROUBALHEIRA

    http://www.youtube.com/watch?v=1fvOoN8dUFA

  • e deixaram o menino FELICIANO solto ao invés de enjaulá-lo ?

    Desgraçado, o cretino não se deu conta do risco que esta correndo

    ELE é por princípio um ANTI cristão típico ..ele condena criaturas que são o que são e que foram feitas por DEUS

    A SOCIEDADE não pode, não deve, NÃO tem o direito de impor um comportamento ao indivíduo, a menos que este esteja em local público.

    NÃO existe a cura ou tratamento pra quilo que NÃO é doença ..isso é um CRIME contra a HUMANIDADE e já chegou o momento de parar com esta bobagem.

    DEMOCRACIA exige seriedade

    Infelizmente estes crentes dementes tementes estão extrapolando e oferecendo outras ovelhas pra lhes servir de espiação a suas próprias consciências e ações.

    Lamento informar a quem não sabe que ontem, DENTRO DO PODER LEGISLATIVO DO BRASIL, uma certa comissão de direitos aprovou que se siga com a pauta pra se tentar validar o projeto da “CURA GAY”

    ..sinceramente, não sei o que é pior pra nossa gente, se estes crentes, ou se os muçulmanos radicais ..tá difícil ..muito difícil

  • Sempre é bom lembrar como o PIG via o movimento, na origens:

    http://www.viomundo.com.br/denuncias/quando-a-folha-incitou-alckmin-a-bater-no-grupelho.html

    Lembremo-nos também de que ameaça também é oportunidade. Se o PT/Base aliada souberem tirar desses manifestações as devidas lições, poderão se fortalecer. Os Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário precisam ouvir mais as pessoas. Nada substitui ouvir. Os melhores planos de desenvolvimento das cidades, dos estados e do governo central não podem prescindir de ouvir o que as pessoas têm a dizer.

    Exemplificando: as pessoas querem um transporte muito melhor do que isso que se apresenta. O transporte em Sampa é horroroso. Precisamos de muito mais metrô e de ônibus sem pessoas em pé, espremidas (e a preços razoáveis). Mesmo quem anda de carro, sofre com tudo, perde tempo, irrita-se com o trânsito parado, os engarrafamentos. Mais: o transporte é péssimo em todas as grandes cidades do Brasil. Os contratos de concessão com empresas de transporte não têm transparência. As planilhas de custos não são abertas, ninguém conhece os critérios de precificação. Resumindo: os tempos são de ouvir, de fazer e de dar transparência nas transações públicas, incluindo (por que não?) as concessões de comunicação.

  • Vocês já conseguiram responder à pergunta: A quem interessa esse movimento do Brasil?

    Outra: Quem é o “Hitler” da hora que está no comando?

    Qual o perfil desses jovens que estão nas ruas? O que eles querem na realidade? Eles tem noção da situação?

    Quem juntará os “cacos” do Brasil depois do caos instalado? Aécio? FHC? Marina? Joaquim Barbosa? Quem será o “salvador da pátria”?

    Por que a recomendação de “NÃO USAR BANDEIRA DE PARTIDOS”? Isso não seria uma armadilha contra o PT?

    Não seria melhor que os manifestantes de esquerda fossem para as manifestações com as bandeiras do PT e apresentarem sua pauta própria?

    Não é ingenuidade imaginar que essas manifestações não tem partido?

    Vocês tem visto bom número de negros e pessoas com “ares de pobres” na manifestações?

    Onde estarão os que estão satisfeitos com o Brasil de hoje? Eles existem? Quantos são? Chegará o momento de eles também saírem às ruas?

    “The game is over” é aplicável ao PT, que chegou ao governo mas não ao poder? Ainda haverá tempo?

    Será que Dilma já descobriu que tem de fazer política? Que fez demasiadas concessões à direita e à mídia? Ainda haverá tempo?

    Será que tudo teve início e foi possível à direita a partir do amarelamento de Odair Cunha e toda a CPI do Cachoeira?

    Será que o PT se tornou agora uma espécie de PTMDB?

    Será que o povo (o real, e não esse que está nas ruas) será grato ao que Lula fez por ele?

    Como será esse novo Brasil? Vai voltar a tirar os sapatos? Voltará ao FMI? Acabará com a Petrobras e com o Banco do Brasil? Voltará ao salário mínimo de U$70 ? Voltará a ser quintal da potências do velho mundo? Perderá sua autonomia conquistada nos últimos anos?

  • Pois é pessoal. Pode-se dizer que finalmente o PIG/DEM/PSDB/PPS/Extrema esquerda – principalmente a extrema esquerda – conseguiram fazer um barulho grande desta vez. O maior prejudicado nisto será o governo e o PT, sem dúvidas. O grande culpado de esta situação ter ocorrido é o próprio governo, que não fez a regulação da mídia. A mídia atacou tanto o governo, com seus exageros e factóides que eles se tornaram verdade para um grande número de pessoas. Quando o governo vai acordar e se defender. Quando o PT vai acordar e se defender. Tá na hora de se fazer as passeatas em prol do governo e desmentir a maior agremiação corrupta do país que é o PIG/DEM/PSDB/PPS.

  • O pessoal “revoltado com o governo que nada fez” no facebook está publicando a ficha falsa de Dilma, a ação do MPF de Brasília que bloqueava os bens de Lula que já foi julgada e anulada por desmérito por ter um enquadramento errado e a falsa entrevista da forbes dizendo que Lula é um dos maiores bilionários do mundo.

    Cadê Dilma seu controle remoto para mudar isto?

    • Vcs dos 4% tanto fizeram com seus PIGs que já conseguiram aumentar. 4% são os que odeiam o governo atual e o PT, existem os que acharam ruim, os que acham regular, os que acham bom e os que acham ótimo. Com certeza que o governo vai ter um revés nisto. Isto é culpa do próprio governo que não quer se defender de vcs. Vcs estão conseguindo vender a imagem de que tudo de ruim no país vem do PT, e que antes do PT o Brasil era um paraíso, com emprego, sem crises e todo mundo feliz.

  • olha só que surprise – o nivel tá baixo mesmo…

    Oi, dilma, amorim, ze cardoso— faiz o seguinte:
    *Deixa redigido agora mesmo um declaro de Estado de Emergencia em seis capitais…
    *Liga pros seis governadores , ordena-lhes garantir a segurança inclusive de patrimonios.
    *Envia as FNS para os locais, e aquartela as próprias nos quarteis do exercito e da FAB.
    *Va a TV, informa ISSO e diga que se exagerarem , a Emergencia entra em cena nessas capitais em minutos estando tudo hoje cautelarmente preparado com antecedência. Eu tô brincando? Tô não.
    ———————————
    E a educação deve estar muuito ruim mesmo em sp porque ate agora não vi uma frase com pe .e.cabeça, uma proposta contra ou a favor, seja ate contra a CONTRA.MAO ou pró CONTRA.BAIXO, exceto ‘ zerem o bilhete de onibus’.

  • Eduardo, continuo assustado de ver saindo cada vez mais representantes cansados desta tal revolta jovem que a maioria dos blogueiros progressistas ainda bate palmas.

    Veja este exemplo:

    http://www.youtube.com/watch?v=ZApBgNQgKPU&feature=player_embedded

    Esta garota não esta insatisfeita com as desigualdades, ela simplesmente tem a ousadia de colocar todo um conjunto de identidades nacionais abaixo.

    É a Juventude cansada, que sempre fez questão de demonstrar sua descrença e desamor pelo país.

    Tem vlogueiro e podcaster que nunca apoiou um movimento social, falando em ir pras ruas, em mobilizar o povo.

    Infelizmente Edu, chegamos tarde demais, e pouco pode ser feito.

  • A GOZAÇÃO DOS SONEGADORES E A VINGANÇA DO PICOLÉ DE CHUCHU.

    Os grandes sonegadores de impostos deste país devem ter se divertido enormemente com a passeata de ontem em São Paulo.

    Os grandes sonegadores de impostos deste país construíram o impostômetro no Bairro Santa Efigênia, em São Paulo, para mostrar o quanto você, contribuinte compulsório, paga de imposto. Os construtores do impostômetro não pararam de gargalhar ontem no edifício da FIESP (Federação da Indústria do Estado de São Paulo), gozando, eu imagino, com “a cara” da classe média que tentava protestar pacificamente contra os elevados impostos que ela paga, dentre outras coisas. Eles, os sonegadores, deixaram até as luzes da FIESP acesa, porque gozação só tem sentido às claras.

    Compreendam o porquê desta minha especulação acessando a matéria que se encontra a seguir: http://www.conversaafiada.com.br/pig/2013/06/06/por-que-o-pig-omite-a-lavagem-de-dinheiro/

    Não esperem que este assunto seja discutido no Jornal Nacional. Ou vocês sabem das coisas nos blogs sujos, ou ficam comendo mosca: a verdade, aquela que incomoda as elites, nunca vai ser discutida pelo PIG nos telejornais do PIG.

    E ainda ontem, a polícia do Picolé de Chuchu abriu as pernas para o pessoal (uma quadrilha?) que saqueou lojas, roubou televisores, celulares e tentou atear fogo a um edifício, enquanto os manifestantes protestavam pacificamente em outros locais da cidade, segundo o mostrado pela Band News. E temos que admitir que se não fosse a Guarda Municipal, o prédio da Prefeitura teria sido completamente depredado.

    Esse espetáculo foi mostrado ao vivo pela Band News, “a desgraça em primeiríssimo lugar”, com a polícia do Sr. Alckmin, no maior relaxamento. Nem tanto nem tão pouco, não é Sr. Alckmin!?

    Está claro que ontem foi o dia da vingança do Picolé de Chuchu contra o Haddad e contra as críticas que o governador recebeu por ter ordenado a polícia, nas primeiras manifestações, que baixasse o cacete nos manifestantes. E a vingança é um prato a ser saboreado a frio, como diz o ditado popular. E o Alckmin, o homem do Opus Dei, o está saboreando até agora.

  • Caro Eduardo,

    Penso que do limão, se pode fazer uma limonada.
    nesta questão do transporte, o Governo Federal poderia instituir uma subvenção (R$ 0,10 ou R$ 0,20 por passagem) para as prefeituras que fizessem IMEDIATA licitação (de caráter aberto e nacional) do transporte urbano.
    As empresas desse setor dominam a pauta e estão “na sombra” entra prefeito e sai prefeito.
    Só uma licitação ampla e transparente abrirá esta caixa preta.
    e, de quebra, coloca os prefeitos na obrigação de licitar para ter a subvenção.

  • Novo estilo de golpe: direita busca as ruas e ressuscita inflação

    por Luiz Felipe Albuquerque, do setor de comunicação do MST

    – Filho, você vai no ato amanhã?

    – Claro, mãe. Por quê?

    – Olha, realmente não sei nada de política, mas peço que não, porque acho que vai rolar um Golpe de Estado.

    Parece absurdo, mas esse diálogo – que de fato ocorreu com um amigo – é sintomático.

    No meio da manifestação desta segunda-feira (17), em São Paulo, começou a se falar sobre uma suposta ocupação do Congresso Nacional.

    Foi preocupante.

    – Sabe como se chama isso?

    Disse um companheiro de organização.

    – Golpe de Estado.

    Felizmente, como sabemos, não foi o que ocorreu. Mas esse momento de tensão nos leva a algumas reflexões.

    Logo após a manifestação da última quinta-feira, a linha editorial dos principais meios de comunicação mudou de tom radicalmente.

    Se na quinta pela manhã eles inescrupulosamente pediam à Polícia Militar agir com violência, na sexta as principais manchetes repudiavam a ação dos PMs. Se não pode vencê-los, junte-se a eles, e busque cooptá-los.

    A mudança de discurso é significativa. Representa um oportunismo da direita para criar um clima de instabilidade nacional. Agora, as manchetes centralizam suas forças principalmente sobre o governo federal.

    A preocupação com os megaeventos esportivos, o distanciamento do PT com as massas e sua incapacidade de diálogo, a suposta popularidade da presidência em queda, as vaias na abertura da Copa das Confederações.

    A pauta política está dada. Agora, a direita busca a pauta econômica para concretizar seu discurso e desestabilizar o governo. E, com isso, começam a retomar a questão da inflação.

    O editorial da Folha desta segunda diz que, com exceção dos beneficiados do novo programa federal Minha Casa Melhor, “todos os outros brasileiros, em contraste, veem sua capacidade de consumo estreitar-se de forma acelerada, sob o golpe duplo do aumento da inflação (que já corrói os salários) e dos juros (que deve onerar as compras a prazo)”.

    A história nos ensina que as contra-ofensivas se realizam com mais sucesso se for respaldada de um artefato sólido, ao entrelaçar elementos políticos aos econômicos.

    E é o que estão buscando. “Dilma Rousseff resvalará para o autoengano, porém, se desconsiderar que as vaias vieram na semana em que se espalharam pelo país protestos contra altas de preços (tarifas de transportes) e contra o que alguns percebem como mau emprego de verbas públicas (nos eventos esportivos, entre outros)”.

    E já atestam como fato dado que, no ano pré-eleitoral, “são fortes os sinais de que se rompe a bolha de otimismo que levou Dilma ao Planalto”.

    “O que aflige os brasileiros é a perda de poder aquisitivo, com a inflação, e a incapacidade do Estado de apresentar soluções concretas para a crise nas áreas vitais de saúde, educação, segurança e transportes. Mais consumo e mais futebol não resolvem nada disso”, termina o editorial.

    Mentira. Os espasmos inflacionários que a tese dominante tanto aposta evolui pouco perto do estardalhaço. A última nota técnica do Dieese (abril), mostra que entre março de 2012 a março de 2013, o IPCA evoluiu 6,59%, enquanto os preços dos alimentos, 13.49%.

    Se não fosse o problema do subgrupo alimento, que ocorre devido a problemas sazonais e estruturais da agricultura brasileira (como bem coloca Gerson Teixeira em seu artigo O agronegócio é ‘negócio’ para o Brasil?), o IPCA teria sido de 5.07%, segundo simulação feita pelo Ministério da Fazenda. A meta central de inflação dentro do intervalo de tolerância é de 6,5%.

    Tentam misturar as coisas, confundir e influenciar sobre um movimento ainda bem descentralizado. Soma-se a isso o fato da grande maioria (a redundância aqui é proposital) dos que participaram das manifestações não serem organizados e, ainda, rechaçarem violentamente partidos políticos e não terem uma compreensão clara sobre a necessidade organizativa.

    Ao longo da marcha, bandeiras do PSTU foram tomadas por algumas pessoas. A Juventude do PT foi ameaçada por outro grupo e teria apanhado, não fossem outras organizações que estavam por perto e apaziguaram a situação. Boa parte do clima era de ódio com a política, com políticos e com partidos.

    O momento é delicado. É necessário que a esquerda tenha isso em mente e, se ainda é possível, também colocar uma responsabilidade e necessidade do PT deixar de ser bundão, ser mais protagonista, polarizar o debate e politizar as massas.

    E é o momento das forças de esquerda unificarem a luta, incidirem sobre o debate político ideológico e pressionar o PT a tomar alguma posição. Sempre reforçando a pauta central: diminuição dos preços do transporte público, e não ampliando como a direita pretende.

    A direita, longe de ser boba, está se aproveitando. E para capitalizar essa gente e servir a ela como massa de manobra, não é preciso muito devido o grau de despolitização que o período neoliberal nos deixou.

    Sem dúvida, as políticas sociais dos governos petistas melhoraram a vida do povo em muito, mas apenas no âmbito do consumo. Sem nunca se preocuparem com o processo de politização da classe trabalhadora. O que nada garante que num momento de polarização do debate e uma ofensiva da direita, as massas saiam às ruas em defesa desse governo ou partido.

    Se outrora o trabalho de base pelo PT era uma das prioridades, há muito ele foi abandonado. E esse vazio político deixado tem que ser preenchido e aproveitado por essa aliança de forças dentro da esquerda.

    Ainda resta um dilema ao PT: ou o maior partido político que ainda se diz de esquerda vai para a ofensiva, ou corre um sério risco de dar um tiro no próprio pé.

    Enfim, de fato, não acredito que as angústias de Golpe de Estado estejam colocados por hora, mas sem dúvida é um importante momento de reflexão para ocasiões futuras.
    Média:
    Cancelar
    Nota 1
    Nota 2
    Nota 3
    Nota 4
    Nota 5

    • Foram centenas de pessoas, não foram pagas. As estimativas são de 500 pessoas violentas ontem na prefeitura. Mantive contato com gente da prefeitura. Agora, estão descobrindo o que se disse aqui desde sempre: você não pode jogar uma massa dessas na rua e depois dizer que não tem nada com isso.

  • O Governo Federal tem que aproveitar o momento e ALTERAR, por força de lei, o modo como se faz

    propaganda junto à imprensa. Por que o governo tem que PAGAR UMA FORTUNA à GLOBO, BAND, SBT,

    RECORD, etc. para demonstração de suas ações??? Isso deve ser pensado imediatamente!!! Essa imprensa

    que, através de atos absurdos como o COLAR DE TOMATES da Ana Maria Braga para criar INFLAÇÃO na

    cabeça de muitos, tem que ter obrigações também com o país!!!! Essa economia daria muito bem para baixar

    as tarifas no transporte. Devemos levantar essa BANDEIRA!!!!

    • A mídia brasileira deveria ser democratizada pra acabar com o monopólio das grandes editoras e assim como diz o amigo Tor deveria haver uma lei que punisse a maneira como essas empresas passam uma propaganda, a Globo mascara tudo do jeito que quer, além de outras mídias que falam que Dilma pronunciou o corte da internet no Brasil se continuarem os protestos. Tenham santa paciência, esses imbecis so querem ver o circo pegar fogo pra tirar proveito de tudo. O Brasil ta cheio de pessoas que so querem se aproveitar da inocência dos outros pra roubar dinheiro. E quem rouba é o próprio povo, os o exercito brasileiro e suas licitações, as prefeituras e governos de estados e suas licitações, os familiares de políticos que ganham dinheiro do estado sem sequer trabalhar. O sistema ta fudido e pra salvar, so com fortes ações da policia federal fiscalizando as licitações, arrecadação de impostos e sua distribuição para os estados e a sua utilização final, e o governo federal pondo em pratica as punições para quem for corrupto.

  • Oi Edu! Hoje ver o pessoal do movimento MPL do RJ, no programa da Fátima Bernardes, me fez ficar cética com tudo. Fiquei pensando… Agora eles vão ao Ana Maria, Faustao, Caldeirão…, Estrelas e quem sabe Globo Repórter … A Globo fala de movimentos sociais, que sempre condenou, escondeu, barbarizou, fez montagens, etc e tal, com muita emoção e alguns com lagrimas nos olhos…Agora democraticamente se abre “Aos movimentos sociais” da moda com muito amor e afeto… Será que já engoliu o movimento e ira imprimir a pauta???? Sei não
    Abraços fraternos

  • Eduardo, aconteceu o que você temia:

    -A mídia monopolizou e esta direcionando este movimento que virou modismo; o MPL e os partidos de esquerda perderam totalmente o controle dos protestos que esta mais para a marcha por Deus, Pátria e Família de 64;

    -No momento atual, infelizmente, tenho certeza que por bem ou por mal a direita mais reacionária volta ao planalto- porque do poder nunca saíram- em 2014. A vaca foi para o brecho!!;

    -A falta de uma verdadeira consciência política dá nisto. Depois da moda “fora collor” a juventude voltou para casa e tivemos que aguentar o FHC por 2 mandatos;

    -A comunicação do Governo ainda é analógica na era digital. Que inveja da cristina!!!!

    -Boataria articulada do bolsa família e agora isto, humm….esta muito esquisito!!!! É muita ingenuidade de alguns companheiros achar que o lado de la é bobinho. Já ouço o refrão abaixo a rede globo, o povo não é bobo há mais de 30 anos e o povo continua bobo;

    -Mais hoje tem a internet, dirão alguns; realmente, só que se você der uma rápida olhada pelas redes sociais poderão observar que mais de 80% dos comentários são de idiotas reacionários, desculpe a redundância.

    ESTA É A CRUEL REALIDADE, O RESTO É INGENUIDADE (espero estar errado)

    • Concordo plenamente. A vaca já foi pro brejo. Nós vamos verter lágrimas de sangue pelos próximos quatro anos, e talvez oito:

      com a privataria da Petrobras, Banco do Brasil e CEF.
      Com o fim do pagamento do 13° salário, que só não cairá se os pastores evangélicos reagirem, pois o dízimo em dezembro é sempre maior por causa do 13°.
      Aposentadoria aos 45 ou 50 anos de serviço, e compulsória aos 80 anos.
      Privatização das escolas públicas.
      Corrupção fora dos noticiários, pois a grande mídia é sócia dos corruptos.
      O pior é que até filiados ao PT já se renderam à mídia. Conheço um, que quando me disse que era filiado ao PT-MG, quase caí para trás. No dia em que fui a casa dele, vi exemplares de VEJA espalhados para todo o lado. E ele quando digo alguma coisa em defesa do PT reage aos gritos.

      Retrocesso total.

    • A gente não pode deixar isso acontecer, força minha gente, acreditem que o Brasil vai continuar com esse desenvolvimento de esquerda, a direita se depender de muitos nao vai voltar ao poder. EU CONTINUAREI COM O PT, pois foi o partido que trouxe mais voz para o povo desprovido e mais dignidade. Muitas vezes o governo paga por tomar boas atitudes e se ferra mesmo, pois as pessoas beneficiadas nao conseguem entender a mensagem do beneficio dado e acabam virando vagabundos. O fome zero tem um propósito, ajudar as famílias pobres, mas eles preferem deixar de trabalhar so para ganhar o dinheiro e acabam com o intuito de somar. Entao pra poder ajudar a gente tem que educar essas pessoas.

      • Da minha parte eu vou contribuir com o meu voto para que a Dilma seja reeleita. Também irei contribuir com a conversa boca a boca, a fim de conscientizar o pessoal. Lembrar que em 2002 havia um projeto de lei para acabar com o 13° salário, e que Lula mandou retirá-lo. Se votarmos na direita significa que iremos retroceder. Por isso devemos conscientizar.

        Mas continuo achando que o PT acordou tarde, se é que acordou.

      • Meu amigo, onde eu trabalho tenho uma colega que hoje está na universidade federal além de sua filha e de seu marido. Agora eu pergunto. Quando nós poderámos ver uma familia de negros, pobres e da periferia ter 100% de seus membros na federal?
        No entanto vive curtindo textos contra a Dilma e o PT no facebook.
        Lamentável.
        Um abraço

  • Para o bem ou para o mal, o povo brasileiro se mobilizou. Dentre tantas notícias infelizes do movimento nestes dias, esta é a grande e melhor notícia. Quantas e quantas vezes, neste espaço, reclamamos do comodismo deste povo.

    Grande injustiça são as críticas ao PT, partido que atua dentro do atual cenário político e que inegavelmente conseguiu os melhores resultados neste cenário. Em outro, poderá se reposicionar, retornando as suas origens, sem a necessidade de “cartas ao povo brasileiro”.

  • O que a polícia do Alckmim não divulga os anarquistas do Black Bloc, também participantes do “Rock in Rua”, investigam e divulgam

    (Do Tijolaço) – “…foi identificado um dos vândalos que destruiu vidraças da Prefeitura de São Paulo, ontem.

    A Secretaria de Segurança divulgou que “ele foi identificado como Tiago – o sobrenome não foi divulgado nem a idade. Os policiais foram até a casa dele, mas ele não dormiu no local. Segundo a polícia, ele continua sendo procurado”.

    O cidadão é o mesmo que ficou conhecido por “melar” o resultado do desfile do Carnaval paulistano no ano passado e se chama Tiago Ciro Tadeu Faria

    Quem identificou o cidadão foi o grupo anarquista BlackBloc, que divulgou no Facebook:

    Gostaria de deixar claro que o Black Bloc não teve nada a ver com os atos na prefeitura de SP, como foi noticiado na Rede Record. Isto inclui o cara de branco quebrando os vidros da prefeitura, e incitando os manifestantes a fazerem o mesmo. Através de nossas pesquisas, o nome do mesmo é Tiago Ciro Tadeu Faria, o cara que rasgou os votos da apuração das escolas de samba no carvanal de SP em 2012.

    Tiago portava uma máscara antigás e fazia parte de um grupo de cerca de dez provocadores que incitava à depredação.

    Vai ser interessante saber que estava pagando Tiago”.

  • Sr. Eduardo,

    Boa tarde.
    Uma das bandeiras dos movimentos dos últimos dias é pela não aprovação da PEC37, como mostrado na figura que ilustra seu post.
    Nunca vi aqui uma desaprovação sua a tal projeto de emenda.
    O que o sr. diz sobre ela?

    Grande abraço,
    Heitor.

  • Eduardo, ainda me recordo quando você dizia que A Dilma não deveria ficar trocando ministros por qualquer denúncia do PIG. Você é um sábio. Os Facistas estão nas ruas e breve no Planalto. A esquerda perdeu as ruas….

  • Nisso que deu o PT se afastar do povo de se aproximar de Eike Batista, Collor, Renam, Maluf, Sraney, se asfatar do povo, rasgar sua bandeira de moraliade política que esistia até 2002, o corme e do dorme em sindicatos…agora não chora, não fique de mimimi , não foi o povo que mudou de lado e sim o PT

  • Nisso que deu o PT se afastar do povo de se aproximar de Eike Batista, Collor, Renan, Maluf, Sarney, se afastar do povo, rasgar sua bandeira de moralidade política que existia até 2002, o come e do dorme em sindicatos…agora não chora, não fique de mimimi , não foi o povo que mudou de lado e sim o PT. Não fale uma bobagem que o movimento é despolitizado é despartidarizado.


  • “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” >>> Joseph Pulitzer


    “Se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” >>> Malcolm X



    Ley de Medios Já ! ! !

  • Essa criminalização da política está tomando ares assustadores. Não gostei de muita coisa que vi na segunda-feira, aqui no Rio.

    Uma massa amorfa, sem saber muito para onde ir. Fiquei, em vários momentos, com medo da ascensão de uma extrema-direita.

    Depois vi as imagens, na Globo (infelizmente), das hostilidades contra o militante do PCO em SP (no Rio só vi vaias).

    Tenho manifestado cotidianamente a meus amigos o perigo de vaiar e isolar os partidos políticos das manifestações.

    Espero que possa haver uma lição nessa história toda: não precisa levar 200 mil à rua para toda, qualquer e cada causa, nem fechar permanentemente as ruas, “até o fim”, como prega o Anônimos. Basta aprender a fazer um ativismo consciente no dia a dia.

  • Nunca gostei do Reinaldo Azevedo, sempre achei suas opiniões tacanhas e reacionárias. Mas até ele parece ter compreendido o que está acontecendo. Não são manifestações contra o atual Governo e o projeto político da esquerda. São manifestações para ampliação da agenda política progressista do País e pela reciclagem dos quadros políticos dentro das estruturas partidárias de esquerda: http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/os-liberais-do-miolo-mole-coloquem-o-burro-na-sombra-movimento-que-esta-nas-ruas-provocara-uma-reciclagem-do-pt-pela-esquerda-podera-tornar-o-resultado-das-urnas-ainda-mais-inospito-para-a-democraci/

  • eduardo. em balneario camboriu a passeata,- terça feira – só de mauricinhos e patricinhas a palavra de ordem era: DILMA, VAI TOMAR NO C.

  • ALERTA, ALERTA, ALERTA POVO BRASILEIRO PARA O GOLPE DE ESTADO DA CIA CONTRA A DEMOCRACIA BRASILEIRA- DERRUBAR A DILMA DO PODER ATRAVÉS DAS INJÚRIAS E CALÚNIAS DIVULGADAS REPETIDAMENTE PELA IMPRENSA PARA NO FIM DE TUDO ISSO, ENTREGAR O NOSSO VALIOSO PRÉ-SAL AOS EUA!
    PARALELO AS MANIFESTAÇÕES QUE ESTÃO NAS RUAS, A REDE GLOBO QUE TOMOU CARONA NO MOVIMENTO, E OUTRAS REDES ESTÃO A INJURIAR, DIFAMAR E CALUNIAR A DILMA, O PT E O LULA; FAZENDO ACUSAÇOES INFUNDADAS DE CORRUPÇÃO. REPETITIVAS EM TODOS OS ORGÃOS DE IMPRENSA (TÉCNICA NAZISTA DE TRANSFORMAR UMA MENTIRA EM VERDADE PELA REPETIÇÃO- LAVAGEM CEREBRAL) CONTRA O PT, CONTRA OS PARTIDOS DE ESQUERDA QUE APOIAM A DILMA E TAMBÉM CONTRA O LULA E O GOVERNO DILMA. PARA ISSO, PARA AMENIZAR UM PROCESSO CRIMINAL, COMO SEMPRE, ELES VÃO USAR O VERBO NO TEMPO DA INCERTEZA, COMO POR EXEMPLO: FULANO “TERIA” ROUBADO, BELTRANO “SERIA” CORRUPTO OU SICRANO “FACILITARIA” O USO INDEVIDO E ETC. TEM MUITO DÓLARES AÍ ROLANDO PARA COMPRAR OS ETERNOS VENDILHÕES DA PÁTRIA QUEREM GANHAR MUITOS DÓLARES COM A ENTREGA DO PRÉ-SAL (TRILHÕES DE EUROS), PARA O GOVERNO DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA! VALHAM-TE DEUS DILMA E LULA!!!

Deixe uma resposta