Onde estavam Cantanhêde e FHC quando Lula encarou a ditadura?

Opinião do blog

 

A colunista da Folha de São Paulo Eliane Cantanhêde cometeu um texto revoltante na edição desta quinta-feira (27) daquele jornal, no qual cobrou exposição voluntária de Lula neste momento de crise política no Brasil. E, para variar, exaltou Fernando Henrique Cardoso por estar “se expondo” enquanto o petista teria “sumido”.

Segundo Cantanhêde, “O Brasil está de pernas para o ar e os Poderes estão atônitos diante da maior manifestação em décadas, mas o personagem mais popular do país, famoso no mundo inteiro, praticamente não disse nada até ontem”.

O “personagem” em questão deu algumas declarações, sim. Primeiro, endossou os protestos e, depois, convocou movimentos sociais e sindicatos para irem à rua disputar espaço com os fascistas e oportunistas que se assenhoraram das manifestações a fim de imporem suas pautas psicóticas, como extinção dos partidos, fechamento do Congresso e até volta da ditadura.

Mas, no geral, Lula vem se mantendo discreto, sim, sobretudo por respeito à líder política da Nação, a presidente Dilma Rousseff, quem tem o dever constitucional e a primazia política para indicar aos brasileiros que direção tomar, sempre convivendo com as críticas democráticas da oposição declarada e da não-declarada, à qual a colunista em questão pertence.

O que espanta na cobrança dessa senhora é o seu nível de amnésia – ou de má fé – ao sugerir oportunismo e covardia de um homem que foi à rua em um momento da história deste país em que não se podia denunciar e, assim, acuar as forças de repressão do Estado como fizeram os jovens que a polícia agrediu com violência desmedida.

Em 1979, sob a liderança de Lula, os metalúrgicos de São Bernardo do Campo e Diadema decidiram declarar greve geral da categoria. A reação das forças de repressão da ditadura, que desde o início da paralisação já era intensa, a partir dali se tornou ainda mais agressiva e violenta.

A Polícia Militar mobilizou toda a sua Tropa de Choque, cavalaria e soldados com cães para o ABC. A repressão não se limitou a bombas de efeito moral e balas de borracha. Quem enfrentava a ditadura não só corria risco de morte, mas de sofrer uma morte excruciante, sob tortura.

O ministro do Trabalho, naquele ano, decretou a segunda intervenção no sindicato presidido por Lula, cassando seus diretores da vida sindical, mas sem conseguir que se afastassem do comando do movimento.

Para calar Lula, a ditadura enviou agentes do DOPS à sua casa para prendê-lo, em uma operação coordenada pelo então governador Paulo Maluf que envolveu a prisão de inúmeros dirigentes sindicais em todo o ABC, inclusive sindicalistas e juristas de São Paulo.

Hoje é fácil sair à rua, convocar manifestações e denunciar a truculência policial. Hoje, FHC pode até dar pitacos sobre as massas que foram às ruas porque não corre risco de ir parar na cadeia ou de sumir da face da Terra. Aliás, quando esse risco era alto o “príncipe dos sociólogos” tratou de deixar o país, enquanto tantos outros ficaram e lutaram.

Àquela época, não se sabe onde andava a venenosa colunista da Folha. Provavelmente era uma menina. Talvez por isso não saiba que tanto ela quanto FHC precisarão comer muito arroz com feijão para cobrarem postura de um homem que se tornou famoso justamente por sua coragem diante de uma ditadura assassina.

190 comments

  • Edu, Lula não tem saída com gente como essa senhora. Se fala porque fala, se não fala porque não fala. O importane é pontuar que ele está sempre errado, …morrem de medo, é até engraçado!

  • Edu, o Lula ficar discreto é acertadíssimo da parte dele. Pelo que você falou, o de respeitar a autoridade da presidenta, mas também para não botar mais lenha na fogueira. O Lula desperta paixão e ódio. E tudo que precisamos agora é de razão.
    Ainda mais que se Lula foi quem incentivou a ida do PT às ruas, deve estar arrependido, pois foi um erro de avaliação. Um líder também, erra, e admite o erro.
    Deve estar medindo qual deve ser os próximos atos do PT.
    Porque ele não aconselha a CUT a não sair para as ruas?

  • “Mas, no geral, Lula vem se mantendo discreto, sim, sobretudo por respeito à líder política da Nação, a presidente Dilma Rousseff.”

    Até mais porque, se o Lula viesse a falar, a senhora da febre amarela iria chamar a presidente de fraca e afirmar que o Lula precisou intervir. As vezes eu me canso ao ler, não as seus post Eduardo, mas os colunistas de sempre, o noticiário tendencioso de sempre, todo dia aquela repetição, que você começa a ficar enjoado e vai se enojando. Então, eu procuro evitar ao máximo. Prefiro ler os blogs “sujinhos” que, pelo menos, faz o trabalho de ler as porcarias que essa senhora escreve e outras porcarias e, posteriormente, comenta. Eu estou voltando para o livros acadêmicos com uma análise mais aprofundada do que é o mundo e suas relações de poder. Voltei a ler o grande geógrafo Milton Santos e outros. Faz bem para a mente.

  • Edu,
    Abaixo a mensagem que enviei para a “colonista”(PHA) hoje de manhã;

    Sra. Eliane

    Eu acompanho suas colunas há um bom tempo, mesmo não concordando com o que a Sra, na maioria das vezes, escreve. Faz parte do aprendizado, creio. Embora tenha já quase 7 décadas de vida e de acompanhar a história e, principalmente os acontecimentos políticos de nosso país, há mais de meio século. Mas, como dizia minha mãe, o “saber não ocupa espaço”.

    Por falar em ocupar espaço, é lamentável que espaço tão nobre da Folha seja ocupado por tão lamentáveis comentários, como os que a Sra, infelizmente, obrigam seus leitores a digerirem em suas colunas. É escandalosamente manifesta a sua ojeriza ao PT e, especialmente, ao ex-presidente e figura maior do partido, Luís Inácio da Silva. Hoje, mesmo, em seu comentário, fica clara a sua tentativa de, pela enésima vez, de colocá-lo na mira de comentários de seus adversários políticos e alçar o seu querido FHC aos holofotes.

    Fica até nauseabundo tocar neste assunto, mas é triste ter que deparar, toda vez que começo a ler sua coluna, a sua terrível má vontade com o governo popular. Sua vontade, está claríssimo, seria a continuação ad aeternum do governo elitista tucano, do qual a Sra certamente é militante, e a perpetuação dos privilégios da Casa Grande, tão caros à sua casta.

    Seria o caso de recomendar-lhe uma luloterapia, quem sabe assim a Sra se livraria de vez dessa mania, que acomete a toda sua classe, de criticar o Lula, chovendo ou fazendo sol. Se o Lula faz uma declaração, seja ela sobre qualquer assunto, no dia seguinte todos vocês caem de pau nele. Se ele deixa de falar sobre o assunto que vocês gostariam que ele falasse, só para poder contrariá-lo, e ele não fala nada, aí então vocês (como seu comentário de hoje), começam a cobrá-lo, como se ele ainda fosse o nosso presidente. E o seu Darling boquirroto fala sim, não por que precisemos de seus palpites, nem que eles sejam necessários, mas por necessidade de sobrevivência dele e de sua incomensurável vaidade.

    Antonio Carlos Mantoani

    • O GIGANTE ACORDOU em 2003 e quem só percebeu agora é porque viveu os últimos 10 anos como sonâmbulo. Essa colonista porta voz da massa cheirosa é um caso típico de sonâmbulismo GRAVE.

  • Edu,
    Muito emocionada fiquei com estas lembranças.
    Quanto mais eles falam, mais nos dá chance de lembrar episódios que nos fazem emocionar, orgulhar e manter a admiração e respeito por estas lideranças.
    Lula e Dilma, os melhores, ainda farão este Brasil se levantar, e reverenciá-los pelo que, em pouco tempo, deram respostas às ruas de outrora…
    Estão, com imenso apoio popular, fazendo deste país uma nação respeitada aqui e fora. Novas lideranças estão sendo forjadas…e estão mobilizando com um chamamento dos movimentos sociais legitimados, para direcionar os poderes inoperantes, sabotadores, prevaricadores…
    As ruas continuarão tomadas , mais ainda agora que as pautas , as bandeiras apresentarão um contorno definido e bonito.
    Vamos com Lula e Dilminha para as avenidas… praças… ruas… becos…trilhos… caminhos de terra …mas vamos.

  • Essa venenosa colunista nunca escreveu uma linha sequer reconhecendo alguma coisa boa nos governos Lula e Dilma. Nada contra quem é do contra, mas assim também é irritante. Sempre que posso leio a coluna dela na vã esperança de encontrar alguma coisa sensata, porém sempre sem sucesso. E o pior é que a maioria dos leitores que comentam o texto vão sempre a favor dela. É nojento!

  • O pitbull Alexandre Frota revela o seu lado golpista. Hoje no programa “Morning Show”, na Rede TV disse que é anti-PT, que Lula e Dilma enganam o povo há de anos e o manifesto não pode parar; se for preciso invadir o Planalto e tomar o poder que se faça. Pregou o golpe ao vivo! Quem mandou a Dilma não fazer a Lei de Meios, agora nem o controle remoto resolve, todos os canais mostram e incentivam exaustivamente a marcha do golpe. Muitas são as faixas pedindo explicitamente a volta da ditadura militar. Essa é a grande contribuição que os jovens aventureiros do Movimento Passe Livre, apoiado por partidos de esquerda PSTU-PCO-PSOL, deram. Os esquerdistas insanos dissidentes do PT são o sonho de consumo da direita golpista, a porta de entrada para os fascistas.

    • Leva a mal, não, colega, mas dar audiência pro Alexandre Fruta (com ‘a’ mesmo) é ruim, hein?
      Este boçal metido a musculoso nem põe os pés mais aqui no Vale do Itajaí, em função de uma presepada que ele arrumou uns tempos atrás numa cidade aqui da região.
      Marcou quatro shows na mesma noite e numa das boates só chegou ás 5 da manhã, e quando foi avisado que não teria mais show e ele não receberia, começou a bater no proprietario da casa (acho que ele pensou que era como no Love Story da praça da República, aí em SP, que começa ás 7 da manhã…)
      Depois dessa , ficou marcado e nunca mais apareceu nestas bandas. Não faz falta mesmo….

  • Eduardo Guimarães, naquela época Cantanhêde “usava fraldas”?? Era “uma menina”?? Você é um gentleman. Se é assim eu e você éramos embriões. Quebra o meu galho. Abraços.

  • Edu,

    Eu sinto um misto de revolta e tristeza. O PIG continua incansável em seu trabalho de insuflar brasileiros que pensam estar exigindo seus direitos.
    Esta parcela pequena do povo brasileiro está sendo mesquinha e egoísta, além de deixarem claro que possuem raciocínio desse tamaninho.
    E idiotas e irresponsáveis como a estrelinha tucana permanecem jogando mentiras para os descerebrados e exigentes alienados.
    Olha, Edu, espero que os grotões despejem muitos e muitos votos na Dilma em 2014. Porque se dependermos dos exigentes vândalos teremos juros altos, desemprego, mais privataria e mais roubalheira, que é o que a limpinha oposição sabe fazer de melhor.
    Quero uma nação grande, sem miséria e sem desemprego. Em todas as regiões desse imenso país continente.
    Será que esse rebotalho de oposição pode dar algo que ao menos lembre o que está sendo feito pelo atual governo trabalhista do Brasil?
    Tenho certeza que não. Unamo-nos em desmascará-los de uma vez por todas.
    Abraço, amigo!

  • Belo texto Edu, ainda ontem um colega disse que estranhava a ausência de Lula, dando a entender que este estaria se escondendo,o meu maior espanto é que êle é advogado, na minha opinião, êle como muitos da sua época não valorizam o Lula sob o aspecto que seu texto aborda, a imagem que êle tem do Lula é de um agitador, sindicalista desonesto e que não gosta do trabalho.
    Pelas opiniões que emite é um adepto da meritocracia.

    abçs

  • Edu

    Parabéns!

    Você, como sempre, trazendo à tona LUZ para clarear estas pessoas que insistem em andar na escuridão, na ignorância. Pessoas que desconhecem a história deste país e principalmente deste grande líder, LULA.

  • Não sei o porquê de Edu e outros blogueiros “sujos” ainda se preocupam com a rainha da massa cheirosa, pois quem dá atenção às suas baboseiras é só a turma da kombi.

  • Perfeito, só para colaborar
    O ano de 2014 será o ano de muita coragem
    Lula sairá às ruas com sua afilhada federal por todos os cantos do Brasil e também com seus afilhados estaduais,

    Fica a sugestão para Tucanhede:
    Que esse homem de imensa coragem chamado Fernando pelo menos tenha coragem de sair nas fotos e em horário eleitoral de seu partido apoiando tudo aquilo que os tucanos fizeram nos verões passados. Sair às ruas já é pedi demais, não vou tão longe , afinal sua alteza pode machucar o pezinho ou pior descolar a sola do sapato italiano como em 2010, aquilo foi um desastre noticiado pela midia cativa como a nobreza de Fernando tinha chegado ao limite.

    Esse povo não sai nem durante o período democrático imagina na Ditadura. E olha que eles apoiaram a Ditadura.

    P.S. Cara, olha essa foto. Eu não me canso de me espantar com essa imagem. Todo mundo quetinho ouvindo o barbudo na maior concentração. Olha só isso, tudo tomado, e até hoje é assim. O Lula não envelhece, se ele for numa universidade é a mesma coisa, se for numa escola secundaria, até no jardim de infancia a meninada conhece e admira o cara,já FHC…

  • Só um adendo.

    Em 1979/1980 os grevistas tomavam pau da polícia quando se reuniam (mais ou menos como hoje), mas as “excruciantes torturas” já haviam cessado.

    Lula foi preso e (ainda bem) nunca foi torturado, assim como as demais lideranças sindicais da época.

    Não quero minimizar as greves de SBC – sou daquele região e muitos de minha família participaram ou foram afetados pelas greves -, mas em 79/80 os porões já não eram como em 73, 74…

    Um pouco “menos” no romantismo….

    • Não é bem assim, não senhor. De onde você tirou essa informação? No início dos anos 80, ainda morríamos de medo de tudo. E fazia sentido.

  • Indispensável resgate, Edu. Não digo que é uma resposta ‘à altura’ porque a venenosa é baixa mesmo, impossível acompanhar as platitudes dela. O único reparo que faria é o mesmo já apontado pelo Rafael: tendo em conta a decrepitude tanto dos princípios quanto dos métodos adotados pela ”colonista’, àquela época ela já devia viver entre o botox e o formol e, se então usasse fraldas, seriam geriátricas e cerebrais.

  • Quem esta mulher para dizer o que Lula tem de fazer. Qual é autoridade dela?
    Ainda por cima usa um jornal e uma televisão para fazer campanha eleitoral contra o governo.
    O único elogio que faço a ela, é ser parceira fiel do marido. As orientações que recebe dele, ela transforma em noticia negativa e agressivas contra quem não for do seu partido, PSDB.

  • como pode um jornal ainda deixar essa sra.já bem esquecida ainda ser calunista,ela bem podia fazer cia. a Danuza leão outra debilóide que se recolheu e foi lavar suas roupas num belo tanque.

  • Você tem toda razão, Edu.

    O nível e análise desta senhora é tão rasteiro, que, se Lula estivesse mais “presente”, ela o criticaria por interferência indevida no governo da Dilma, como se “ainda se sentisse presidente”.

  • Edu,

    Altamiro Borges escreveu em 06/6 /2013 _ “Eliane Cantanhêde, Miriam Leitão e Carlos Alberto Sardenberg – os dois últimos, serviçais da Rede Globo – são alguns dos mais famosos urubólogos da mídia. Vivem e ganham dinheiro prevendo desgraças. A colunista da Folha se diz “especialista” em política, mas gosta de dar seus pitacos sobre a economia. No triste reinado de FHC, ela justificou as privatizações, a redução do papel do Estado, a flexibilização das leis trabalhistas e outras medidas amargas do neoliberalismo. Já nos governos Lula e Dilma, Eliane Cantanhêde assumiu a “posição oposicionista” ferrenha – como ordenou a executiva do Grupo Folha e ex-presidenta da Associação Nacional dos Jornais (ANJ), Judith Brito.” _
    Assim no tempo da luta dos companheiros ela devia estar chafurdando alguma poça de lama que devia chamar de iniciação jornalistica e FHC, oba, oba isso sim que é macho, devia estar derrubando jornalistas da Grobu na sua garconière.

  • Eduardo, comecei a acompanhar a trajetória de Lula aí nessa época, 1979, quando comecei a despertar para a luta de classes que se trava no Brasil desde sempre. Lula é gentil demais com a imprensa quando diz que ele é um produto dela. Sei lá, sempre discordei disso… Naquele época, a imprensa que havia apoiado o golpe já sofria também com os desmandos militares (ou se os militares também perceberam o quanto a imprensa é vendida e a enquadraram, vá saber…). Aí a imprensa também precisava de alguém que peitasse os militares e aí, sim, se uniram a Lula simplesmente porque isso era bom para ela. Só isso.
    A imprensempresa, sim, é esse mesmo o nome, só fica ao lado daquilo que lhe é rentável, e LULA era para eles um bom negócio naquela época. Lula vendia como nunca. Lula agregava toda a oposição, toda a classe acadêmica, os intelectuais, enfim, tudo o que estava ao lado da justiça, da ética e da moralidade daquela época. O que sobrava? Os militares e a ARENA ( a antiga UDN que está aí até hoje). E a Cantanhede é a voz da UDN de hoje. Que vergonha!
    Ainda bem que temos você, Eduardo, para desmascarar e levantar a voz contra os golpistas de sempre.

  • Falam tanto de políticos e salários, mas nunca vi falarem das pensões vitalícia de filhas de militares, desembargadores e outros.
    Vemos estas mulheres que nunca casa para viver recebendo a polpuda pensão deixada pelo pai, elas constitui família, filhos, passam por muitos parceiros, acumulam pensão dos filhos também, mas não larga a teta da pensão dos pais.
    Agora porque ninguém fala nada seria medo dos generais ou desembarcadores.
    Quem vai levantar a caixa preta e saber quanto o pais paga para estas senhoras, seria uma boa pergunta a se fazer a Barbosa e generais ou mesmo a imprensa.
    Seria o medo que faz com que ninguém fale nada. caberia uma reportagem sobre este tema neste momento as mazelas dos poderes.

  • Essa provocadora barata, ao invés de tentar mais uma vez atingir Lula, deveria vir a público e pedir desculpas pelas mortes ocorridas por ocasião de sua campanha terrorista para vacinação em massa contra a febre amarela. Se tivesse um pingo de vergonha na cara, a cheirosa não mostraria sua tremenda cara de pau em nova tentativa de pressionar e emparedar o maior líder político que o Brasil já produziu. Essa senhora, se tirasse a cabeça da fossa da Casa Grande, teria observado que o alvo da sua missão como militante do Millenium, não só se pronunciou favorável as mesmas, como deu as coordenadas para que a farsa que a direita montava nas ruas, ao tentar cavalgar o movimento original que buscava a redução nos preços das tarifas, não prosperasse, exatamente o que anda agora ocorrendo, com exceção do partido da mídia que permanece manifestando-se e mantendo uma pauta virtual nas ruas, anabolizando até manifestação com vinte gatos pingados. Tal como o tomate, como disse a linguaruda, Lula não apareceu, nos cartazes dos manifestantes como alvo, o que ela não confessa ser o verdadeiro incomôdo. Não percebe a vil figura que tanto o tomate para a inflação, quanto Lula para a manifestação, foram compreendidos e deixados de lados pelo povo, que sábiamente já aprendeu a separar a “jornalista”, do trigo.

  • Cinica. mentirosa, desonesta, tenha vergonha na cara, pois LULA ja falou varias vezes sobre este momento do Brasil. Agora o que falta vc dizer é a verdade, pois este movimento praticado pela extrema direita tem como finalidade derrubar o governo democraticamente eleito pelo povo, assuma que é hitleriana. Alem do mais seu heroi é traidor da patria pois estava na folha de pagamento da fundação Ford que é um braço da CIA.

  • Edu, onde estão os milhões de brasileiros dos programas inclusivos: “Minha Casa Minha Vida” e “Bolsa Família”? E os negros universitários das cotas raciais? Apenas 10% deles nas ruas já superariam o número de protestantes em todo o Brasil. Cadê a gratidão e lealdade dessa gente? Inclusão social sem ideologização não impede o povo de ser massa de manobra. Excesso de pragmatismo, eis o pecado mortal do PT.

  • Êpa! Catanhêda não vestia fraldas, não. Esta perua na época já era uma senhora. Ela se lembra muito bem de todos estes acontecimentos.

  • Como sempre o velho PIG de guerra por intermédio dos(as) pseudos moralistas que compõe as castas, comem penca de banana, em seguida jogar as cascas na calçada para derrubar a liderança da Presidenta, vide intervenção do Lula…Vão ter que ralar outros 500 anos mais, para tentar dissimular alguma forma de influenciar na formação política do Metalúrgico.

  • Edu,

    Parabéns pelo texto e,
    como petista a mais de 20 anos, tenho que te agradecer por não deixar a história do presidente Lula ser esquecida.
    Essa juventude precisa saber quem lutou por eles no passado.

    Obrigado.

  • Eduardo, sei que uma cretina como esta tal de Tucanheda jamais vai ter um pingo de dignidade na cara, são pessoas como ela que ao longo da história humana só ajudam a tornar o mundo pior, mais apesar de não adiantar nada, mande o texto para este ser. Abraços

  • Essa mulher não é profissional. Ela age como torcedora desse fla x flu político(?) que insiste em continuar. O engraçado na senhora massa cheirosa e outros FOLHAS da puta é que quando a Dilma consulta o Lula eles saem repercutindo as idiotices que os inSetti corruptos da Veja afirmam – que a presidente é joguete mão do ex-presidente. Tenho certeza de que ser o Lula estivesse agora o tempo todo junto da presidente, o texto de dona febre amarela seria nessa linha: de que quem governa é Lula e não a Dilma.
    Catanhede é só mais uma revoltada porque o Lula não deixou o seu COISO ser presidente dos Estados Unidos do Brasil.

    • Tem mais coisas que foram reivindicadas pelo sindicato dos metalúrgicos na época, que beneficiaram também quem não queria fazer greve, mas que, ao receber os benefícios, não agradeciam.
      Exemplo:
      -Volkswagen São Bernardo
      O pátio de desembarque de funcionários fica na Av. Maria Servidei Demarchi (a famosa rota do frango com polenta). Os funcionários, dependendo do posto de trabalho, tinham que andar até 3 km dali até o local de trabalho e então marcar o ponto. Tinham, pois de tanto o sindicato brigar, os relógios de ponto foram colocados na entrada, de forma que o funcionario não precisasse chegar de 30 a 40 minutos antes do horario para bater o ponto. E antes que a Ramiza diga que isto não tem relevância, quero lembrá-la que, do ponto de vista da segurança do trabalho, o trabalhador já é considerado em serviço depois que põe o pé dentro da empresa. A Volks alegava que não, que só depois de bater o ponto. E dá-lhe peão andando dentro da empresa, sujeito a se atropelado por uma empilhadeira, cair algo em sua cabeça ou sofrer qualquer tipo de acidente dito de trabalho e não ter a cobertura do INSS devido a uma interpretação conveniente ao patrão do que deve ou não deve ser feito pelo trabalhador.
      Não trabalhei na Volks mas entrei lá uma duzentas vezes, a serviço da Embratel nas décadas de 80 e 90 e presenciei coisas assim.
      A luta de Lula, Vicentinho, Luis Marinho e outros não foi em vão, como a Ramiza e outros querem fazer crer.

  • Este post está interessante exatamente porque estamos falando do Lula. E isso me faz lembrar a primeira vez que o vi e ouvi. Existia na tv, não lembro o canal, um programa de entrevistas, no domingo a noite. O Lula foi convidado e os apresentadores indagaram sobre a relação entre seu discurso e sua roupa. Afinal estava bem trajado e tinha um discurso construído na perpectiva do mundo do trabalho, que como se sabe, era de onde falava. Rapidamente ele percebeu e perguntou aos apresentadores se por ser operário não podia usar terno bonito, sapato …Saibam, trabalho como torneiro mecânico numa montadora e quero ter carro também! Qual é o problema?

  • Eduardo, parabéns pela sua fantástica capacidade de colocar no papel tudo o que a gente pensa e não sabe como escrever. Muito obrigada por sempre insistir, por não desistir, por nos trazer de volta quando a vontade era de partir.

      • FHC foi voz divergente do regime militar e por isso teve que se exilar no Chile e depois na França. Na Europa não podia comer caviar porque vivia de subsidio do governo francês.
        Voltou ao Brasil e foi lecionar na USP mas foi aposentado compulsoriamente pelo AI-5 . Fundou, então, com outros pesquisadores cassados, o Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP), que se tornaria um núcleo de pesquisa e reflexão sobre a realidade brasileira.
        Ainda que silenciado pela ditadura militar, Fernando Henrique continuou pesquisando, fazendo palestras e escrevendo artigos na imprensa, sempre como crítico do regime militar e defensor de uma transição pacífica para a democracia.
        E Lula ? Jamais criticou o regime militar mas é certo que teve muita coragem em peitar a repressão e fomentar as greves do ABC. Seu compromisso não era com o contexto político do Brasil e sim com os salários da classe trabalhadora. Por isso acabou preso e, como ele mesmo admitiu num encontro no teatro Paiol em Curitiba, promoveu uma greve de fome mas não se apertou pois tinha balas no bolso.
        Alguma mentira no meu comentário ? Você sabe que não. O fato de não gostar de FHC não o autoriza a escamotear a história.

        • Exilado com passaporte, né? Sei, sei…
          “Fundou” o CEBRAP, né? Com uma ajudinha da Fundação Ford? Entendo…o Peter Bell já contou tudinho. E olha que o Bell é tão ou mais confiável do que o Mário Garnero.
          Tem gente que, definitivamente, ou é completamente cega ou rematada cavalgadura. Ou ambas as coisas.
          Estudaram istória com o Villa?

  • Essa militante do PIG,será tragada no próprio veneno.

    Ela não passa de serviçal da casa grande.

    Essa massa que ela fala que é cheirosa,na verdade é:

    MUITO PODRE!!!!!!

    Eduardo,como sempre formidável.

    Bateu lá….leva aqui!!! é isso aí.

  • Cola abaixo, como comentário, o e-mail que enviei hoje à ombudsman da Folha e à “colonista” Catanhêde sobre a coluna em questão.

    Mensagem original
    De: RICARDOZANONI
    Para: [email protected]
    Assunto: Cadê o Lula !
    Enviada: 27/06/2013 12:15

    Há poucos dias havia uma crítica generalizada, inclusive de “colonistas” da Folha, ao Lula por estar se intrometendo e, diziam, monitorando à Dilma. Bom, o cara está calado, os “colonistas” agora o criticam por não se manifestar. Elogiam o FHC, claro, são tucanos, ou cônjuges de tucanos, esses “colonistas”, por que dá as caras nas suas críticas. Óbvio ululante, diria Nelson Rodrigues, FHC é oposição e não perderia oportunidade de criticar. Esta sua coluna de hoje Sra. Catanhêde, é o que há de mais sórdido e cretino na imprensa brasileira. Aquela cretinice e canalhice que, afirmava Millor Fernandes, era a mídia brasileira. Esta coluna de hoje é a nata do que dizia Millôr.

    Ricardo Zanoni

  • Engraçado, quando Lula emite opinião, falam logo que ele não é mais presidente e não tem que falar nada; quando, aparentemente, “fica na dele” é acusado, difamado, questionado e vai por aí afora. Quanta perversidade dessa gente.

  • É apenas mais uma falastrona da velha mídia que quase ninguém leva a sério, como pode exigir a presença do Lula se ele não exerce cargo eleito a quase quatro anos! não sabe que existe prefeitos, governadores e uma presidenta eleita e estes é que devem responder a sociedade. ela, o professor aloprado Villa, Jabor, etc, todos eles apostam na ignorância, escrevem para estúpidos e idiótas

    • LAdy YellowFever é um lixo… mas tem coluna diaria na folha, tá sempre ganindo sua mentiras e distorções na globonews… SEMPRE TEM PALAVRA E MEIOS. Pois é…

      O Bernardo e a Helena já foram pra casa?

      LEI DE MEIOS JÁ!
      DIREITO DE RESPOSTA, JÁ!
      DEMOCRATIZAÇÃO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO, JÁ!

  • Se expondo, só pode ser piada de mal gosto. FHC é ABUTRE.

    A única que esta dando a cara a tapa é Dilma. FHC é o abutre que sorrateiramente junto com outros abutres querem se beneficiar da carniça.

  • Bem, se Lula traça um nexo causal entre a Terra ser redonda e a poluição, nada mas justo que nos blindar com uma pérola que mostre como o curintia e as manifestaçöes se assemelham.

  • Naqueles anos da “revolução” de 31.4/1.5, dia da mentira, os chefes militares e civis extrapolaram sempre.E esbravejaram estar salvando o Brasil da corrupção e da subversão.(!?). Mas, com relação às greves do ABC, cujo emblema está em São Bernardo e Diadema, na época, o secretário de estado, em S.Paulo, na secretaria do trabalho, era Edmundo Macedo. E quando prenderam Lula, ele ao vivo pela então TV Tupi, cantou como galo de briga o seguinte comunicado, cujo resumo e entoação lembrarei para sempre:”Acabamos com o líder.Esta na cadeia.”……… Todavia, nas voltas que o mundo dá, esse herói e ex-ministro do então governo de S.Paulo, viveu o bastante, para ver a derrota amaríssima ante “extinto líder” , que vence em outubro de 2002 o pleito eleitoral. E todas as Televisões, mesmo a contra gosto, só têm que noticiar. Lula é o Presidente do Brasil. Possuo uma edição da Revista Realidade, uma preciosidade. Capa com foto, cara a cara, de Ruy Mesquita e Lula. E dentro, várias páginas com fotos. E com depoimentos de Lula sobre vida sindical e vida nacional.E o registro de um discernimento social e politico, sobre o que Lula pensava sobre a realidade sindical e política na sociedade nacional e internacional. Esse “analfabeto” evolui mais. Conquistou melhores conceitos pragmáticos. Hoje é no Brasil e no mundo, apesar da cadavérica visão de seus adversários aqui, um estadista. No entanto, o que o legitima de modo irrefutável é ser um individuo, um cidadão coerente. Pois o que imagina, sente, pensa e realiza agora, está descrito, sintetizado e analisado naquela histórica reunião, em que foi entrevistado pessoalmente – quem diria, por Ruy Mesquita, do jornal O Estado de Paulo…

  • Olá, Eduardo!

    Onde o Príncipe estava durante as greves eu não sei. E deixo claro que concordo com o teor das críticas às mencionadas figuras.

    O problema, Eduardo, é, que, se não me falta a memória, em 1978, o pré-citado estava em campanha para ser senador pelo MDB, em S. Paulo. E buscava (e teve) o apoio do Lula para tanto.

    Voltas que o mundo dá!

    Assim, apesar da justeza na essência das críticas, como FC não estava comendo caviar em Paris, ao menos durante a campanha eleitoral de 1978, o resultado do equívoco poderá, no caso, até com certa razão, alvoraçar as aves de bico longo.

    Melhor corrigir. Em termos, claro.

  • Isso não passa de mais uma provocação desta senhora. Que, aliás, é grande especialista nessa “arte”. Acho que o presidente Lula faz muito bem de não dar as caras demasiadamente neste momento, porque a presidenta do Brasil é Dilma Rousseff e porque a liderança dele será fundamental nos dias que estão por vir. Portanto, é melhor não se desgastar no atual contexto. A presidenta tem se comportado de maneira exemplar, a meu ver. Com a serenidade e a firmeza necessárias em situações desse tipo. O momento é dela e de mais ninguém.

  • Parabéns pelo excelente texto!

    Vi o texto infeliz da Sra. Eliane Cantanhêde e percebi que todo post que se refere a Lula, PT, Dilma ou algo de esquerda, sempre criticando, fica exclusivo aos assinantes daquele pasquim!
    Os comentários são sempre dos “iguais”, são sempre apoiando as sandices que a “tropa de choque” tucana escreve!
    Como não vou dar dinheiro ao PIG, aliás quem compra VEJA e et caterva financia o crime organizado, fico impossibilitado de escrever umas verdades!
    De qualquer sorte eles perdem sempre, estão sempre manipulando, mentindo, enganando!
    E a verdade sempre aparece! Cedo ou tarde sempre aparece!
    Edu, mais uma vez PARABÉNS!!!!

  • mais é muita falta de vergonha na cara dessa direita midiatica….onde ela estava nem vou dizer, pra não ser censurado…

    Mais deixa estar!!!…li no tijolaço, que nosso eterno Presidente vai comandar a campanha pela reforma politica, no caso do plebiscito….ai quero ver a cara desses golpistas quando o Lula começar a falar na TV de novo!!!

  • Achava que aquelas greves era uma luta para melhores condições de trabalho e maiores salários, agora você elucida que Lula lutava contra a ditadura, só faltou algumas provas.

    Lula está acuado, isso é fato, pois as manifestações tem relação direta com o pífio governo que ele fez. Não entendo o porquê de você querer esconder o óbvio!!!

      • Nada disso ocorrerria se não tivesse a insatisfação!!! O governo da Dilma é um dos piores da história, em muitos aspectos, mas o maior problema dela é que não consegue falar, não saber fazer política!!!

        • O pior governo da história deste país foi do seu papai fhc, que quebrou o país 3x e nos deixou no maior desemprego da história. Esses protestos podem rendem quedas na avaliação de Dilma, mas esperemos para ver se eu papai alckmin também não cai. Sua amada globo esta lutando duramente para que os protestos caiam sem cima de Dilma e do PT.

          • Meu camarada, a batata já está no colo da Dilma, é um desejo de vocês que estivessem no colo do Alckim, mas a situação, restrita a SP, tornou-se uma insatisfação Nacional!! E com a incapacidade da presidnte, ela vai se enrolar mais ainda, ela tá perdida!

            E o governo do Fernando Henrique foi o melhor em todos os resultados, não dá nem para comparar com esses governos petistas!!!!

        • Bruno, onde você esteve nesses 60 anos? Ou você é muito retardado, tem problemas sério mental, ou você fica aí mentindo na cara dura. Como assim pior???????? Tá doido?????? o pior presidente que o Brasil teve sem dúvida nenhuma foi FFHHCC, quebrou o país, e NÃO QUERO NUNCA MAIS esse pilantra e toda sua quadrilha no poder, onde eles colocam as mãos apodrece. Não fica aí mentindo, que não somos idiotas. Lula TIROU o país do buraco que FFHHCC deixou.

          • De qualque prisma que se compare esse governo Dilma é o pior. Pegue a economia: descontrole total da inflação, maquiagem nas contas públicas, descredibilidade externa, desparada do dólar com crescimento das importações, crescimento pífio etc. Não vou nem tratar no campo político, porque política no governo Dilma não existe!!!
            Forte Abraço
            Bruno

      • O Governo Dilma foi bom o ruim foi que ela virou as costas aos que votaram nela. Começou recusando um projeto de regulação da mídia depois participou de um jantarzinho com os inimigos e de uma certa cozinha. No fim com um cabresto vestiu a fantasia de poste. Vai ser milagre se vencer a reeleição.

    • Bruno
      Pare de ouvir a CBN, radio globo, TV globo, folha, veja.
      Vc está envenenando-se com ossas bostas.
      Procure melhor ser informado.
      Lula tem mais diplomas de “doutor honoris causa” oferecidos
      por inúmeros países que seus líderes. Construiu mais Universidades que os
      últimos 20 presidentes do Brasil.
      Ora, tenha mais respeito por que mais o merece.

      • Salvador,
        Peço que vc leia esses aí, Globo e assemelhados, não se limite a ler os blogueiros governistas que só tem um trabalho: defender o governo petista a qualquer custo. Faça isso, no mínimo para fazer um contraponto!!! Doutor honoris causa e nada é a mesma coisa, isso só depende de uma decisão do colegiado superior da universidade. Lula montou um monte de centros universitários país a fora sem estrutura alguma, se você acha isso, paciência!!!

        Bruno

  • Ela não é colunista, é quintacolunista.

    O maior problema da sociedade brasileira é a falta de consciência histórica, consciência política.

    Por isso fica fácil para a Globo conduzir o povo.

    Vai ser difícil resistir à força das oligarquias, no Congresso ( antro de despachantes dos milionários ) já tomaram a pauta da presidenta e vão levar a coisa para o lado que lhes convém.

    O governo tem a minoria e, além disso, no PT há vários hipócritas e traidores.

    A direita enfrenta pouquíssima oposição, há pouquissimos líderes de esquerda no país.

    Lula venceu eleições não por consciência política do eleitor, mas pelo motivo de FHC ter sido um fracasso total no seu segundo mandato, levando o país ao desemprego em massa.

  • No caso dessa Tucanhede, não é de se estranhar, pois tudo o que o Lula faz ela acha ruim, e se ele não fizer, ela também acha. É uma atitude completamente irracional, a menos que trabalhe para o marido, marqueteiro do PSDB.

  • Como todo direitista, você não entende as mensagens que o Edu transmite e por isso as critica.
    Já, do lado de cá não temos esta ‘dificuldade’.
    Ademais, o texto acima e os comentários que você considera em “acordo com o blogueiro” retratam a pura verdade a respeito dessa ‘ilustre jornalista’.
    Só não vê quem não quer!

  • É impressão minha, ou diante da fraqueza do candidato do PIG, o tal Aécio dos Bilhões de desviu, eles estão tentando ressuscitar o FHC “privateiro”!?

  • Só para lembrar à velha jornalista, o presidente Lula não desapareceu. Ele está organizando algo que conhece muito bem. Uma manifestação de trabalhadores, centrais sindicais e estudantes para mostrar quem realmente tem moral para enfrentar as ruas. Ah, esqueci. A velha jornalista não deve saber disso, pois o detrito que ela trabalha não publica essas coisas.


  • “Com o tempo, uma imprensa [ = mídia ] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” >>> Joseph Pulitzer


    “Se você não for cuidadoso, os jornais [ = mídias ] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” >>> Malcolm X



    Ley de Medios Já ! ! !



  • Só gostaria de lembrar à velha jornalista, que o presidente Lula não está afastado. Ele está liderando algo que entende muito bem. Uma manifestação com trabalhadores, sindicatos e estudantes. Talvez essa senhora não tenha se informado disso, pois o detrito que ela trabalha não costuma divulgar esse tipo de notícia.

  • Ela não compostura e nem capacidade moral sequer para limpar a sola dos sapatos do Presidente Lula.
    Quantos títulos de reconhecimento, sejam nacionaisl ou internacionais recebeu?
    Que serviços de interesse do POVO brasileiro já prestou?
    Não passa de uma vendida aos interesses dos poderosos da mídia golpista.
    Que lave sua boca imunda antes de falar o nome de um Estadista reconhecido mundialmente como o Presidente Lula. Recolha-se a sua insignificância.

  • Eduardo, a Cantanhede não é tão nova assim. Já nos anos 80 ela devia estar em mesas bebericando em nome de alegrias pessoais. O problema é que de lá para cá as coisas mudaram, mas a cabeça da Cantanhede continua cimentada num mundo em que só a Folha acredita, daí as fichas falsas e o noticiário de quinta. A esquizofrenia tem tratamento, mas acho que Cantanhede está abusando de drogas inadequadas.

  • Onde estava Lula nos anos de chumbo do governo Médici? Onde estava Lula quando o Manuel Fiel Filho morreu sob tortura em 1976?
    O Lula só apareceu quando a dita já não era tão dura. Somente após o grupo moderado comandado pelo general Geisel, da qual fazia parte o padrinho do Lula, o general Golbery do Couto e Silva, ter afastado os linhas dura o sindicalista do ABC surgiu no cenário nacional. Antes disto era mais um sindicalista que nada dizia contra a ditadura militar. Apenas se engraçava para o lado das viuvinhas dos companheiros metalúrgicos.
    Pesquise o que Leonel Brizola falava do Lula nos anos oitenta… a criatura do Golbery…
    O FHC nada fez contra a ditadura militar, o Lula só apareceu quando ela já estava ruíndo, ou seja, fez ainda menos.

  • Definitivamente, discrição não é com o notório Lula da Silva. Ele adora posar de condestável da república. Mais do que isso, gosta de posar de dono da Dilma e do governo que deveria ser dela. Faz questão de que saibam que quem manda é ele. Já deu inúmeros exemplos disso. Mas, nas horas difíceis, quando alguma crise morde os seus calcanhares, costuma tomar chá de sumiço. Por covardia e cálculo político. Foi assim no auge do escândalo do mensalão, quando Duda Mendonça pôs a boca no trombone, no escândalo dos aloprados e, mais recentemente, e de modo emblemático, no Rosegate, sobre o qual ele já está há incríveis 216 dias sem dar um pio sequer. É o DNA dele. E fica dificil supor que um sujeito desse naipe tenha corrido algum risco no enfrentamento da ditadura. Numa época em que muitos opositores do regime lutavam, manu militari, para impor um outro tipo de ditadura no país, e outros partiam para o exílio, “para comer caviar”, ele continuou, normalmente, a sua boa vida de sindicalista, “assando os seus coelhinhos” em São Bernardo do Campo. O que se propala é que era protegidíssimo do Golbery do Couto e Silva – iminencia parda do regime – que queria fazer dele uma alternativa estratégica contra Brizolla, que este, sim, era temido como liderança popular. Há relatos bastante sugestivos da procedência disso. Os mais atrevidos identificam-no com o misterioso “Boi”, que delatava, na época, os sindicalistas que militavam nas hostes comunistas. Foi preso por causa de uma greve dada como ilegal. Na prisão, que durou pouco mais de trinta dias, foi muito bem tratado. A greve de fome que fez, com os outros presos, foi um fiasco: balas e bolachas, escondidas sob os colchões, eram gulosamente abocanhadas à noite. Foi aquinhoado, no entanto, por causa desse breve período de detenção, com uma pensão vitalícia de fazer inveja à grande massa dos aposentados deste país.

    Ave, Lula! “Se você não existisse, não precisaria ser inventado”.

  • Um pouco sobre o Lula dos anos 1970, por um velho conhecido dele, Mário Garnero:

    É uma preocupação justificável, pois o grande líder da esquerda brasileira costuma se esquecer, por exemplo, de que esteve recebendo lições de sindicalismo da Johns Hopkins University, nos Estados Unidos, ali por 1972, 1973, como vim a saber lá, um dia. Na universidade americana até hoje todos se lembram de um certo Lula com enorme carinho

    Lembro-me do primeiro Lula, lá por 1976, sendo apresentado por seu patrão Paulo Villares ao Werner Jessen, da Mercedes-Benz, e, de repente, eis que aparece o tal Lula à frente da primeira greve que houve na indústria automobilística durante o regime militar, ele que até então era apenas o amigo do Paulo Villares, seu patrão. Recordo-me de a imprensa cobrir Lula de elogios, estimulando-o, num momento em que a distensão apenas começava, e de um episódio que é capaz de deixar qualquer um, mesmo os desatentos, com um pé atrás.

    Foi em 1978, início do mês de maio. Os metalúrgicos tinham cruzado os braços, a indústria automobilística estava parada e nós, em Brasília, em nome da Anfavea , conversando com o governo sobre o que fazer. Era manhã de domingo e estive com o ministro Mário Henrique Simonsen. Ele estivera com o presidente Geisel, que recomendou moderação: tentar negociar com os grevistas, sem alarido. Imagine: era um passo que nenhum governo militar jamais dera, o da negociação com operários em greve. Geisel devia ter alguma coisa a mais na cabeça. Ele e, tenho certeza, o ministro Golbery.

    Simonsen apenas comentou, de passagem, que Geisel tinha recomendado que Lula não falasse naquela noite na televisão, como estava programado. Ele era o convidado do programa Vox Populi, que ia ao ar na TV Cultura-o canal semi-oficial do governo de São Paulo. Seria uma situação melindrosa. “Nem ele, nem ninguém mais que fale em greve”, ordenou Geisel.

    Saí de Brasília naquela manhã mesmo, reconfortado pela notícia de que ao governo interessava negociar. Desci no Rio com as malas e me preparei para embarcar naquela noite para uma longa viagem de negócios que começava nos Estados Unidos e terminava no Japão. Saí de Brasília também com a informação de que Lula não ia ao ar naquela noite.

    Mas foi, e, no auge da conflagração grevista, disse o que queria dizer, numa televisão sustentada pelo governo estadual. Fiquei sabendo da surpreendente reviravolta da história num telefonema que dei dos Estados Unidos, no dia seguinte. Senti, ali, o dedo do general Golbery. Mais tarde, tive condições de reconstituir melhor o episódio e apurei que Lula só foi ao ar naquele domingo porque no vai-não-vai que precedeu o programa, até uma hora e meia antes do horário, prevaleceu a opinião de Golbery, que achava importante, por alguma razão, que Lula aparecesse no vídeo. O general Dilermando Monteiro, comandante do II Exército, aceitou a argumentação, e o governador Paulo Egydio Martins, instrumentado pelo Planalto, deu o nihil obstat final ao Vox Populi.

    Lula foi a peça sindical na estratégia de distensão tramada pelo Golbery – o que não sei dizer é se Lula sabia ou não sabia que estava desempenhando esse papel. Só isso pode explicar que, naquele mesmo ano, o governo Geisel tenha cassado o deputado Alencar Furtado, que falou uma ou outra besteira, e uns políticos inofensivos de Santos, e tenha poupado o Lula, que levantava a massa em São Bernardo. É provável que, no ABC, o governo quisesse experimentar, de fato, a distensão. Lula fez a sua parte.

    Mais tarde, ele chegou a ser preso, julgado pelo Supremo Tribunal Federal, enfrentou a ameaça de helicópteros do Exército voando rasantes sobre o estádio de Vila Euclides, mas tenho um outro testemunho pessoal que demonstra o tratamento respeitoso, eu diria quase especial, conferido pelo governo Geisel ao Lula- por governo Geisel eu entendo, particularmente, o general Golbery. Dois ex-ministros do Trabalho- Almir Pazzianotto e Murilo Macedo – podem dar fé ao que vou narrar.

    Aí, já estávamos na greve de 1979, que foi especialmente tumultuada. O movimento se prolongava, a indústria estava parada havia quinze dias, e todos nós, exaustos, empresários e trabalhadores, tentávamos uma solução. Marcamos, no fim de semana, uma reunião na casa do ministro do Trabalho, Murilo Macedo, aqui em São Paulo.

    Domingo , 8 da noite. O ministro, mais o Theobaldo de Nigris, presidente da Fiesp, dois ou três representantes de sindicatos patronais, eu, pela indústria automobilística, e a diretoria dos três sindicatos operários, o de São Bernardo, o de São Caetano e o de Santo André. Reunião sigilosa. Coisas do Brasil: como era um encontro reservado, a imprensa ficou sabendo. Chegou antes de nós.

    Muita tensão, muito cansaço. E como o uísque do ministro era generoso, por volta das 2 da manhã tivemos a primeira queda. Literalmente, desabou sobre a mesa de negociações o deputado federal Benedito Marcílio, presidente do Sindicato de São Caetano, continuamos sem ele. Por volta das 4 e meia da madrugada , fechamos o acordo com Lula e com o outro (Pazzianotto servia como assessor jurídico do Sindicato de São Bernardo). Saem todos. Lula assume o compromisso de ir direto para a assembléia permanente em Vila Euclides, e desmobilizar a greve. O ministro do Trabalho, aliviado, ainda teve tempo de confidenciar: “Olha, se não saísse esse acordo, teria intervenção nos sindicatos”. Fomos dormir.

    Quando acordei, disposto a saborear os frutos do trabalhoso entendimento, sou informado de que, de fato, Lula tinha ido direto para a assembléia. Como prometera. Chegou lá e botou fogo na massa. A greve iria continuar. Acho difícil que ele tenha feito de má fé. Sujeito maleável, sensível, ele deve ter percebido que o seu poder de persuasão sobre a assembléia não era tão amplo assim. Cedeu. Mesmo sabendo que as conseqüências se voltariam contra ele, como havia dito o ministro Murilo Macedo: intervenção no sindicato, ele afastado. Foi o que se deu.

    Gostaria de lembrar ao Lula – que me trata como um desafeto – que sua volta ao sindicato, em 1979, começou a acontecer num escritório da Avenida Faria Lima, número 888, um dia depois da intervenção decretada. Ocorre que esse escritório era o meu e que ainda guardo uma imagem bastante nítida do Lula e do Almir Pazzianotto, sentadinhos nesse mesmo sofá que eu ainda tenho sob meus olhos, enquanto eu ligava alternadamente para o Murilo Macedo e para o Mário Henrique Simonsen, em Brasília.

    – Se a intervenção acabar no ato, eu paro a greve – dizia Lula.

    Eu transmitia o recado aos dois ministros que negociavam em nome do governo.

    – Não é possível, o governo não pode fazer isso. Pára a greve que, em quinze, vinte dias, o sindicato estará livre – me respondiam, de Brasília.

    Lula foi cedendo, aconselhado pelo Pazzianotto. Mas o acordo empacou num ponto:

    – Como é que vou lá propor isso à peãozada, se não tenho nenhuma garantia de que o governo vai cumprir a promessa de acabar com a intervenção? – observou ele, cauteloso.

    Confesso que também empaquei. Mas decidi arriscar:

    – E se for eu o fiador? – perguntei. Era a única garantia que poderia oferecer.

    – Como assim? – quis saber Pazzianotto.

    – O seguinte: se o Lula não voltar ao sindicato, eu, na qualidade de presidente da Anfavea, vou ao público e conto esta história, dizendo que eu também fui ludibriado. Entro nisso com vocês.

    Lula pensou um minuto:

    – Aceito.

    Liguei para o ministro Simonsen, para o Murilo Macedo, e, depois, para o Golbery, que prometeu: “Nós suspendemos a intervenção dentro de um mês e ele volta”.

    A greve terminou. A intervenção foi suspensa em dez dias. Lula voltou à presidência do Sindicato de Metalúrgicos de São Bernardo e Diadema, para se preparar para vôos mais ambiciosos, que eu ainda acompanho, à distância, com bastante interesse.

    No programa de tevê que citei, Lula reclamava de o Brasilinvest não ter pago seus débitos. O Brasilinvest nunca deveu aos trabalhadores, nem aos contribuintes brasileiros. Naquele momento em que Lula falava, os únicos credores com os quais os Brasilinvest ainda não tinha resolvido todas as suas pendências eram uns poucos bancos estrangeiros. Curioso que o presidente do Partido dos Trabalhadores tomasse as dores de banqueiros internacionais.“

    • Só tem uma falhazinha nesse texto.
      O Lula só vai ser presidente do PT na década de 80, pois na década de 70 não tinha PT ele foi fundado em 1980..
      Xiiiiiiii…. Acho que peguei alguém mentindo…

      kkkkkkkk

    • Mas… Rebola, q instrumento vc tocava na época, mesmo?
      Ah!… Sim.
      Esse Lula, neh?…. Vc se esqueceu, no seu depoimento, de contar q o Lula participou, lá em 89 e tantos, em Washington, daquelas reuniões q redundaram no famoso Consenso de Washington; podia omitir, até, q o FFHH lá estava, junto, com uma ONG, operando como coordenador, às expensas do Congresso americano… e q o Lula abandonou o servicinho, pra concorrer as eleições de 98… . Podia.
      Contudo, nós sabemos mto bem, q as atividades, posteriores do Lula foram bem diversas, do exemplo deixado pelo prof cardoso, Sabemos.] Eu não sei, não, cara; mas, vc deixa a impressão, assim, de quem está curtindo uma mágoa… Esse Lula, um simples operário, chegar onde chegou; Presidente da República, prestigiadíssimo; inclusive, no exterior. E vc, nada. Relegado, talvez, a conviver com suas frustrações…. Igual, ao Seu Quincas, um recalcado, q pensou desmantelar um partido político, apeando do poder seus líderes, em forma canhestra. E, parece, faz o gênero de se oferecer pra algo, mais… Agora, eu aposto q ele vai ficar igual a vc, Rebola, frustradão, entregue ao pijama.
      Eu na verdade entendo q o ex-Presidente sempre fez política. Dai, alguns entenderem ele estar sendo falso. Nada disso; fazia e faz política, com determinação. E o Golbery, personalidade forte e poderosa, percebeu, isso. Tanto, q afirmava: “Esse rapaz é mto inteligente. Ainda vai mto longe”… Sinto mto q o Golbery nem tenha notado, vc…. Sinto. Isso, está doendo em suas lembranças de um passado, inglório. O metalúrgico, não; chegou, de garoto descalço, correndo atrás de uma bola; à presidência da república.
      Essas histórias eu escutava, qdo jovem, desinteressado, no meio em q vivia…. E eram mtas, outras, interessantíssimas. q envolviam o Brizola; e; por exemplo, o Darci Ribeiro. Deixemos as reminiscências, pra lá, e pensemos o momento, ímpar, q vivemos. Eu lhe garanto q o ex-presidente faz o mesmo… Pq estamos, assim, num momento político de ruptura. Até, aqui, vivemos a era Lula; daqui pra frente, temos de forjar uma nova história Progressista; já q um modelo, vitorioso, se exauriu, diante das pressões, internas e externas. Pode continuar no seu pijama, remoendo passado; se isso lhe trás alegrias. Pq, agora, o ex-presidente deve estar maquinando uma forma de evoluir, diante do retrocesso q nos apresentam, os de passado conservador.

  • Mais um pouco sobre o Lula oculto:

    Feito sindicalista somente porque o irmão – o Frei Chico (filiado do PCB) – se achava inseguro para ser do conselho fiscal do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo, na chapa de Paulo Vidal, abençoada pelo regime militar, Lula logo caiu nas graças do Iadesil, onde já havia sido aluno, que pode ser considerada uma “ONG” montada com a ajuda da CIA para fabricar, subornar e cooptar os líderes sindicais no Brasil.

    Lula teve passagem pelo Iadesil (Instituto Americano de Desenvolvimento do Sindicalismo Livre), escola de doutrinação mantida desde 1963 em São Paulo, pelos norte-americanos da AFL-CIO (American Federation of Labor-Congress of Industrial Organizations)

    Em 1973 Lula foi apresentado ao General Golbery do Couto e Silva (fundador do SNI), num churrasco na casa deste na Granja do Riacho Fundo, na presença de centenas de empresários amigos de Golbery e financiadores do Movimento Militar de 1964.

    Posteriormente, ainda em 1973, o governo militar escolheu Lula para realizar treinamento sob os auspícios da AFL-CIO, com direito à interpretes, na Johns Hopkins University em Baltimore, Maryland, USA.

    Em 1975, antes mesmo de tomar posse como governador, Paulo Egydio deu posse a Luiz Inácio Lula da Silva como presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo.

    “Isso provocou uma reação da chamada comunidade de informações”, diz. Geisel teria perguntado “o que deu na cabeça” de Paulo Egydio. Ele explicou que Lula era adversário dos comunistas. Geisel relaxou: “Mas eu não sabia que ele tinha derrotado os comunistas”. Segundo Egydio, Golbery do Couto e Silva, da Casa Civil, manobrou para “atrair” Lula para a política.

    A Ivete Vargas disse que tinha estado com o ministro Golbery, na chácara dele, e que ele dissera que precisava trazer o Brizola para o Brasil, porque ele estava se tornando um mito muito forte fora do país. Que era melhor ele voltar e disputar eleição, porque assim perderia o prestigio politico. Fui ao Golbery e ele confirmou a conversa com a Ivete. Explicou que sua estratégia era estimular a imprensa para projetar o Luiz Inácio da Silva, o Lula, um grande lider metalúrgico de São Paulo como uma liderança inteligente expressiva, para ser preparado como o anti-Brizola. Sou testemunha deste tese do general Golbery. “

  • Miríades de informações. Navegando pelo meu Face tenho amigos diversos. Multiplicam-se entre os meus 26 amigos; de alguns aquelas placas-fotos desmerecendo Lula e Dilma e o PT; outros que os apóiam; outros tantos que não se manifestam (a maioria)
    Agora só viajo pelos blogs progressistas e por eles o quadro que vai resultar das manifestações até as eleições de 2014 para mim não dá para distinguir. Se contarmos somente com tais blogs tendo em vista as posições iniciais de Dilma estadista – o uso do controle remoto e o preferível barulho da imprensa ao silencio das ditaduras; dá para sentir uma perplexidade de que está em andamento um golpe como o que aconteceu em Honduras e no Paraguai; de maneira à brasileira.
    Ninguém contava com a explosão de tais manifestações. Elas não foram iniciadas por iniciativa da esquerdas ou da direita; daí que todos tentam encaminhá-las a seu favor.
    Daí que me resta concluir que se as mesmas não tiveram criadores; elas só podem ter sido fomentadas por energias transcendentes, energias compostas que abrangem ideais universais de confraternização e solidariedade. São para que se realizem as profecias de uma America Latina, berço de uma civilização.
    Conto que a presidenta Dilma intuída aceite o desafio de liderar o processo como resposta principalmente quanto aos meios de comunicação. Por ora o consolo é por ser sul americano que países como Argentina, Venezuela, Equador e Bolívia nos servem de exemplo.
    Os meios de comunicação do Brasil os considero como arautos necromantes que vivem de valores de um ciclo apodrecido e gasto; como o poder financeiro, o poder militar (os EUA) e tentam impedir a evolução do povo brasileiro e como tal veículos de crimes de lesa humanidade. E não se trata de censura, mas a regulamentação da Constituição quantos aos canais de radio e TV já que são concessões. Quanto a mídia escrita estará a depender da internet e do que nela se escreve; nós e os adversários.

  • Este comentário era para ser postado aas 19h13min (durante o horário da Voz Do Brasil, que estava escutando via internet) mas foi impedido (tenho as capturas de tela. A direita e seus lacaios, hackers?, controlam até quem posta e o que se posta nos blogs progressistas. Cuidado, prezado Eduardo). Tentando mais uma vez.

    “Com o tempo, uma imprensa [ = mídia ] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” >>> Joseph Pulitzer


    “Se você não for cuidadoso, os jornais [ = mídias ] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” >>> Malcolm X



    Ley de Medios Já ! ! !



  • Um dos maiores “testa de ferro” do imperialismo e da elite internacional, o sr. Mario Garnero, que em toda sua vida até agora não conseguiu quitar seus débitos, seus impostos devidos ao povo brasileiro, agora, segundo um outro PIB (pequeno idiota brasileiro) aí, se arvora como biógrafo do Presidente LULA. Quem viveu aquela época está cansado de saber que este monte de bobagens e calúnias que saíram da boca do grande lambedor de botas dos militares é puro ressentimento. Chega a dar náuseas, ânsia de vômito quando se lê comentários de certos visitantes aqui no Blog. São todos “pau mandado” e inocentes (não sei se tanto) úteis a serviço do atraso no País.

  • Acho que os artigos dessa velhota não deveriam nem ser comentados.
    No dia em que LULA for às ruas ela com suas rabuges criticará o FIlho do Brasil da mesma forma.

  • Cantanhêde quem, Eduardo? Eu já esperava por isso. Justo na semana das grandes manifestações “espontâneas” e “pacíficas” (só rindo) eles, do PIG ( A TV Cultura Tucana também faz parte, agora), chamaram FHC e Serra para dizer suas platitudes de sempre. Convidaram Lula? Foram entrevistá-lo ao vivo? Se o fizessem, já se sabe as perguntas que fariam. Se ele dissesse algo sobre as manifestações e sua opinião sobre o que fazer, Dilma seria, imediatamente, chamada de fantoche e ele de querer governar. O maior estadista brasileiro vivo, Presidente da República num dos melhores governos da nossa história (o de FHC foi o pior), foi solenemente “calado” pela mídia. Ela só gosta dos lamentáveis, Bernardo, José Eduardo, Mercadante e que tais. Depois, aparecem com a hipocrisia de sempre, perguntando por ele.

  • Menina nada! Pela aparência dela, deveria ser uma patricinha de classe média que, como as atuais patricinhas fascistas dessas “passeatas” de extrema-direita, fazia compras fúteis em lojas idiotas, enquanto líderes populares como Lula arriscavam sua vida enfrentando a classe dominante na luta contra a ditadura que ela patrocinou(ao mesmo tempo em que covardes pseudoesquerdistas, que em breve mostrariam sua verdadeira natureza ao se converterem em agentes da exploração estrangeira, como FHC, cocotavam pela Europa, escrevendo bobagens destinadas a “justificar” o roubo dos estrangeiros no nosso país). Aliás, Lula continua do lado em que sempre esteve, lutando contra a classe dominante que, dessa vez de uma forma só aparentemente “invertida”, usa uma arma que outrora pertencia exclusivamente ao povo, as manifestações, para sabotar as conquistas populares da Era Lula e Dilma. Afinal, só um canalha, um reacionário ou alguém com muito espírito de manada, desses que aderem a modismos e não têm coragem de contrapor-se ao senso comum, pode enxergar algum viés progressita ou reformistas em manifestações que, além de compostas por um corte social completamente diverso da realidade da maioria dos brasileiros(78% dos “manifestantes” têm nível universitário, contra 15% do Brasil, e os preferidos para presidente entre eles são joaquim Barbbosa e Marina, contra 62% do Brasil verdeiro que escolheu Dilma); têm nas suas propostas e no alvo de sua “indignação”, os mesmos escolhidos pela extrema direita brasileira, aqueles conservadores “cansados” que construíram essa merda de Sociedade que começamos a modificar após a vitória de Lula, erguida para 10% da população e para submeter-se à exploração dos EUA. Tanto é assim que, por trás da pretensa vacuidade de suas críticas, criada para proteger os “manifestantes” da crítica direta a um Governo superpopular, o que imediatamente os revelaria para a população e traria a antipatia dos cidadãos para os atos; há um roteiro tipicamente conservador, onde as causas dos problemas superficialmente apontados (maus serviços públicos, corrupção)não são apresentadas, o que induz à interpretação de que tais problemas “nasceram” com o atual Governo; ou quando o são, têm como alvo questões pontuais e localizadas, como a Copa do mundo, cuja único real defeito é o de serem facilmente relacionados ao governo Dilma, mas cuja ligação com problemas históricos de nossa Sociedade seria ridícula, se não fôsse o resultado de objetivos sórdidos. Em sintonia com esse ideário conservador claro dos “manifestantes”, embora usado de maneira ainda velada, causas históricas e concretas dos problemas citados, cuja relação com eles pode ser comprovada através de números, mas cuja modificação não está entre os planos da direita, ao contrário, fazem parte do modelo de sociedade por ela defendido, não são sequer mencionadas pelos “velhos-jovens” conservadores. Assim, a indicutível culpa do Sistema Financeiro nacional e Internacional pela falta de recursos públicos em áreas essenciais, como Saúde e educação (que poderiam estar bem melhores se o estado não tivesse que destinar milhões de seu Orçamento para o pagamento dos especuladores dos títulos da dívida pública, Bancos e fundos de investimento nacionais e estrangeiros)não é sequer lembrada pelos “reformistas” de araque, que não ousariam atacar um dos pilares do Capitalismo Internacional; como também a necessidade de taxar-se as multinacionais fabricantes de veículos, que lucram milhões com o mau tarnsporte coletivo que estimula a compra de carros; não faz parte da “indignação” dos filhinhos de papai; muito menos a necessidade em realizar-se uma reforma política que estabelecesse entre outars coisas o financiamento público de campanha, única maneira de eleger-se um congresso que representasse o povo e não os ricos, faz parte dos questionamentos para lá de direcionados, em um único sentido, o da direita, desses jovens. É do lado contrário a tudo isso, estimulando os movimentos sociais, sindicatos e Sociedade civil organizada para saírem ruas, que encontra-se Lula. Evidentemente dando a primazia do processo político à atual comandante da nação e das forças populares, Dilma Rousself, a quem cabe despertar seu partido, as forças de esquerda e o Brasil real para o verdadeiro caráter conservador dessas “manifestações”, caráter que pode ser também explicitado pelo apoio da mídia de direita(que nunca é a favor de qualquer mobilização popular, procurando denegrir até a mais pacífica das greves)e de próceres do atraso como Eliane Cantanhêde e FHC.

  • Não sei qual a grande surpresa com o fato de essa senhora falar mal de Lula e bem de FHC.

    Já faz muitos e muitos anos que é assim.

    Estranho é o fato de o governo ter ajudado tanta gente a melhorar de vida nos últimos anos e não estar colhendo os frutos agora. Não há manifestações pró-governo que façam frente às manifestações antigovernistas. Cadê a nova classe média?

    FHC apostava que a nova classe média seria conservadora até o último fio de cabelo.

    Parece ser verdade, em grande parte. Muita gente que comprou seu primeiro carro agora, há uns pouquíssimos anos, já está esquecido de que nunca teve carro antes. Só tem olhos para o trânsito que não anda e para os frequentes assaltos. Muitos também não têm nenhum apreço por esses que ainda não chegaram até agora à nova classe média: tem muita gente da nova classe média furioso pelo fato de ter dificuldades de pagar empregada doméstica. “Que negócio é esse de o governo conceder novos direitos trabalhistas para domésticas?”, questionam-se muitos integrantes da nova classe média.

    Muitos da nova classe média pensam mais: “Esse tal de bolsa família veio para fazer os pobres deixarem de trabalhar… é por isso que está tão ruim de achar mulher pra trabalhar aqui em casa! O povo não quer mais trabalhar”. Será que a nova classe média pode ser transformada em um bloco compacto e morre de amores pelo governo atual?

    Parece que muitos integrantes da nova classe média acham que só devem a si mesmos a recente ascensão social com que foram contemplados… Será mesmo que a nova classe média respeita partidos políticos, governantes e parlamentares? Pior… Será que a nova classe média é grande entusiasta até mesmo da democracia? É um caso a se pensar.

    Triste de quem é governo e não sabe se comunicar, prestando tanta reverência justamente aos seus algozes: o governo adora, ama de paixão, o que os autodenominados blogueiros progressistas chamam de Partido da Imprensa Golpista.

  • vamos coloca-la no seu devido lugar, ela é apenas uma pena amestrada do marketeiro tucano.

    Quanto ao Lula, acho que ele vai aparecer na hora certa, porque sinceramente só Lula salva

  • Edu companheiros!!! LULA DA SiLVA ,DOna Marisa,estao de plantao,dando apoio a Presidenta nos bastidores!! certezissima!!!nos aqui nos blogs…qdo a massa alucinogena direitista sair do ar como ja estao..LULA COMANDA A CADEIA DA LEGALIDADE NOS BASTIDORES!!! EM 61 BRIZOLA BRIZOLA COMANDOU NA RADIO… a presidenta deu xeque mate no plebiscito….=.VAMOS COBRA LO!! O POVO TRABALHADOR EM SILECIO TRABALHA NA VIGILIA CIVICA DE LULA…..sinto isto ao conversar com pessoas da classe CDE* Dilma dever ir a TV falar do plano,esmiuça lo- vi o ministro mantega expor na tv estatal o brasil bomba!!! rssss de bombar…..emprego renda,domingo expor em radio tv apos a copa:estabilidade economica,saude modal copa,bnds,aquilo que disse nas mensagens a naçao……edu copanheiros pedir audiencia a Presidenta dos blogs sujos…..!!! Importantissimo……o brasil real aquele que canta o hino nacional nas aberturas dos jogos!!! de arrepiar!!!DESTRINCHAR O PACTO JA!!!!! O JOIO FOI SEPARADO DO TRIGO NA MENSAGEM DE DILMA A NAÇAO…….senao a barbudia ainda pipocava!!!!!!! viva getulio jk jango lula silva arraes brizola darcy*DILMA ALUNA DE BRIZOLA E LULA!!!

  • A colona Cantanhêde quando escreveu esse artigo deixou escorrer entre os seus dentes o veneno de uma víbora.
    Essa víbora está cega de tanto ódio, a colona não consegue mais enxergar a realidade.

  • a peçonhenta calunista ,estava sendo gerada em algum ovo escondido ,na estufa da da mídia golpista .
    Desconcertados que estão ,ela e o” pig” ,com o direto de esquerda aplicado pela presidenta Dilma Roussef com a proposição dos cinco pactos , notadamente o plebiscito para que o povo e a nação se pronuncie sobre a reforma politica que deseja, estão a ponto de se envenenarem mordendo a própria língua.

  • Deixa esse pessoal que acha que entrou para classe média, querer rifar as conquistas que o Lula trouxe para Brasil. Se eles inadvertidamente levar a direita ao poder, não dou três anos para que esse pessoal estará certamente desempregado. A visão de Estado que o PT ainda cultiva, difere frontalmente do pessoal de direita, não só no Brasil, com em outros países. Por isso, afirmo, se o brasileiro, pobre, médio, estudantes, não pensarem bem, o futuro de muita gente, que hoje se acha, certamente amanhã vai experimentar as agruras de uma opção errada. Quem viver verá !

  • Essa figura lastimável foi a responsável pelo cancelamento da minha assinatura da fp ( letra minúscula) há 8 anos atrás. Sarei da minha gastrite!

  • EDU eu fui um privilegiado pois estou em algum ponto desta foto e participei da construção de um novo período da história do Brasil.Quanto a Cantanhede deveria estar em alguma redação vociferando como os donos da empresa onde ela trabalha exigindo que fossem jogados os cães de guarda da casa grande em cima dos trabalhadores, para que eles se colocassem em seus devidos lugares sem reclamar e é o que ela continua fazendo até hoje.

  • EUA, China, Hong Kong e Brasil são os paises que mais interessam aos investidores
    O que há de interesse estrangeiro de olho nas manifestações ninguém desconfia, depois da Libia o Brasil se tornou motivo numero 1 de cobiça
    Não sejam marionetes de interesses estrangeiros, jovens brasileiros

  • Você sabe quem é Eliane Cantanhêde? Não? Pois saiba:

    “Eliane Cantanhêde, chefe da sucursal de Brasília da Folha de S.Paulo, é mulher de Gilnei Rampazzo, um dos donos da GW, a produtora que cuidou das últimas campanhas eleitorais de Geraldo Alckmin e de José Serra. Gilnei Rampazzo é sócio de Luiz Gonzales, o marqueteiro escolhido pelo PSDB para coordenar a campanha presidencial de Geraldo Alckmin”.

    A informação é de um rola-bosta da revista-esgoto, ou detrito de maré baixa, logo, da turma dela.

    Com essa biografia profissional a serviço do PSDB, qualquer texto da Eliane deve ser lido com a parcimônia da dúvida, pelo menos.
    Eliane não é nenhuma bobinha. Pelo contrário, o texto dela tem objetivo claro, o de provocar algum incomodado a informar que Lula está sim trabalhando junto ao governo para buscar soluções políticas para a crise que afeta todos os poderes da Nação e algumas de suas instituições, uma delas os diversos veículos da mídia.

    Eliane quer uma declaração qualquer para usar contra Dilma e assim tentar desmoralizar o governo. O que ela faz há muitos anos. Numa das poucas vezes em que se apresentou com cara de otimismo e alegria nos últimos anos foi quando noticiou uma reunião do PSDB e disse que o evento tinha uma massa diferente das massas que frequentavam os ambientes petistas, porque era uma massa cheirosa. Eliane é isso, puro preconceito.

    • Gostei da pontualização do Vianna (provocar algum incomodado a informar que Lula está sim trabalhando junto ao governo).

      Aproveito pra lembrar de ter lido noticias que na repressão daquelas greves do ABC, o Exército apareceu de baioneta montada nos fuzis.

      • Eliseu eu estava presente nas assembleias na vila Euclides e não vi soldados do exercito participando da repressão e sim tropas da PM com todo o aparato repressivo da época, inclusive com os famosos BRUCUTUS que eram veículos blindados da tropa de choque e que lançavam jatos de água contra os manifestantes. Quanto ao exercito o que eu vi foram helicopteros em voos rasantes sobre o estádio apontando metralhadores em direção aos trabalhadores.

  • E preciso entender que Globo-Veja-Folha-Estadao tem o mesmo publico cativo. Eles estao encolhendo devagar. Eles precisam continuar escrevendo o que agrada sua audiencia, a nossa elite atrasada que apoia os partidos de direita como DEM e PSDB. A direita encontra conforto na Midia e vive em um Pais completamente diferente da realidade. Qualquer cidadao com um minimo de bom senso, consegue exergar que O Brasil pos Lula e’ outro Pais, e que o governo FHC foi um fracasso para a maioria da populacao, mas nao foi um fracasso para a elite que se beneficiou de seu governo, principalmente esta mesma Midia. Logo, e’ simples, esta gente quer esta turma de volta. Esta turma nao so agrada a elite como a ciranda financeira de poucos incluindo grupos internacionais que no momento nao tem mercado pra ganhar dinheiro facil no mercado financeiro. O que me preocupa, e’ a mentira e desinformacao que eles propagam que acabam confundindo o cidadao que nao tem posicao ideologica. Os blogs como este, estao fazendo um grande trabalho pra desmentir e continuar informando a verdade. Eu considero a Velha Midia, terrorista, e em qualquer democracia deste planeta estaria enfrentando as cortes. O avanco da democracia e dos obstaculos que o executivo encontra pra poder ser mais eficiente com suas politicas transformadores, avancaria muito mais rapido se houvesse a reforma da Midia. Ainda mais triste e’ que esta turma nao tem menor sensibilidade pela palavra “SOBERANIA” que sob sua gestao estaria ameacada. E’ preciso lembrar que o Brasil nao e’ so a sexta economia do planeta, mas que temos a maior bio-diversidade do Planeta, temos 18% de fresh water do planeta, o pre-sal, a Petrobras, enorme reservas minerais, muitas entre as maiores reservas do planeta. A luta pra afastar esta ideologia neo-liberal que quebrou a Europa e ainda assombra nossa soberania comeca pela reforma da Midia. Vamos a luta.

  • UAI cumpadi, e sobre REFORMA POLÍTICA – esta DISTRAÇÃO tentada por Brasília, nada ?

    NEM vc aqui vai propor debate, oferecer esclarecimento, nada, nadica ? ..vai deixar de novo pro Bernardo e a Gleisi de Mônaco, deitarem e rolarem ?

    Francamente, e depois quer que o povo fique ao vosso lado ?

    PRA que ? pra sermos novamente “voyeures” das orgias que a ESQUERDA ou direita fazem ao tomarem o poder em Brasília ?

    Reitero, você NÃO estão entendendo nada ..ou se esta, ERRA ao ficar fazendo cara de paisagem ao não PROPOR ou CLAMAR por nada ..ou será que pra vc, aí do Paraíso, esta tudo bem tb ?

    FALA verdade, num momento tão importante e RICO pra debates e aprendizagem, abrir artigo pra falar desta moça que já concordamos que merecia estar na cadeia é pouco, não ?

    e então, será que a reforma de DILMA vai contemplar, entre tantas, questões unânimes como?

    -FIM do voto secreto parlamentar, tanto pra cassação como pra votação de leis

    -FIM do voto obrigatório

    -IMPRESSÃO do voto eletrônico

    …ou até em questões polêmicas, mas coerentes, como:

    -FIM do voto pra menor INCONSEQUENTE e INIMPUTÁVEL

    -FIM do voto do ANALFABETO, isso em um país que JÁ DÁ escola gratuita pra todos ?

    • e sobre outras questões que admitem um UNIVERSO de opções:

      -será que esta reforma GARANTIRÁ a representativa isonômica e cidadã no Parlamentar Brasileiro ?

      Aquela do UM HOMEM, um voto . .ou será que a composição ainda vai respeitar o 7×70 dado a Estados FALIDOS e criados artificialmente pra poucos coronéis se refestelarem ?

      Lembre-se, hoje RR com 469 mil/habitantes tem 7 deputados (média de 67 mil votos), enquanto SP tem 42 milhões de habitantes e 70 parlamentares (média 600 mil votos)

      ..ou seja, pra todos os efeitos a OPINIÃO do cidadão Paulista (e isso vale pra TODOS os estados mais populosos) vale quase 10 vezes menos, DEZ vezes menos

      Será ? Será que aqui não era bom alertarmos sobre mais esta injustiça, que só beneficia caciques, aos nossos irmãos que estão nas ruas ?

      Pior que se formos ver o senado (que a tal reforma poderia diminuir pra DOIS senadores por Unidade Federativa, já que não dá pra acabar com aquela casa imprestável agora), a proporção sobe pra quase 100 ..ou seja, pro senado, a a OPINIÃO do cidadão brasileiro nascido dentro das terras de Roraima valem CEM VEZES mais dos que nascerem ladeados pelos rios e terras de Piratininga

      ..francamente

      e pensar ainda que os Estados mais populosos é quem pagam a conta por manterem estados artificiais que só tem município falido e cabide de emprego ..vai entender ??!1 ..e é destas bandeiras que eu falo pra você

      A propósito, o modelo do voto DISTRITAL proposto acabaria de VEZ, ou diminuiria esta desproporção ?

      ..LULA, luta pela democracia, exilados ..fala verdade, se formos observar de perto e com carinho, com neutralidade, ela NUNCA começou aqui de fato cumpadi ?

      • mais ainda ..teste de conhecimentos gerias

        Responda rápido, Quem são os 3 senadores por SP ?

        Eduardo, Aloysio e ..e ..quem disse MARTA errou, ela abdicou, hoje é ministra de Brasilia

        Hoje nosso 3o senador é do partido do Tiririca, um tal de Antonio Carlos (este que não é um Magalhães, ufa ..mas um Rodrigues ..do PR ..vai ver primo do Jair)

        e então, a tal reforma política vai acabar com o SUPLENTE de vez ?

        perguntas, debates, troca de conhecimento, vontades, respeito, consideração ao eleitor

        tá bom tá bom, pula meu comentário e vai pra outro que trate das madeixas da Cantanhede, ou dos doces lábios de THC ..eles são mais importantes

        http://www.youtube.com/watch?v=LRkyLtoITNc

        • Romanelli, por que você não faz seu próprio blog e escrever nele aquilo que VOCÊ quer discutir?

          Ah! sim, porque ninguém iria se interessar em ler.

          Mesmo assim vê se para de tentar mandar no que o Eduardo deve ou não colocar no blog DELE.

          É uma atitude tão boçal que constrange as pessoas por provocar vergonha alheia…

          • O comentário do Ruy foi a coisa mais sensata (depois do texto do Eduguim) que eu li.
            Estas sequencias de ‘sugestões’ sem pé nem cabeça, sem linha de raciocínio definida do romamala já estão dando nos nervos. Cai fora, velhaco!
            Vai criar seu blog e arrota suas excrescências lá!

  • Dobrem a língua para falar de FHC.
    Agora o tucano mor é um membro imortal da ABL.
    Ao lado de Sarney e Merval, Fernando Henrique tomará seu chá das cinco.
    Alguém aí tem orgulho de citar que no Brasil existe uma academia de letras?
    Além do Augusto, do Romanelli e do tal de Alati?

    • THC, eu ? ..mas só faltava essa

      Vc viu Eduardo Guimarães ? Viu como vc ajudou a plantar este boato a meu respeito ? e isto não lhe pesa na consciência ? Justo isso que vc condena que outros façam com os teus ?! ..só que com um detalhe, além de buscar não ofender, EU não sou condenado por ROUBO, traição a princípios, promessas, projetos, programas e compromissos esquecidos ou mal construídos, ou mesmo de INcompetência no trato com a coisa pública ..o que defendo aqui ou alhures é só a cidadania plena – esta que vc parece que só abraçou no titulo

      e a você “etc etc LEAKS” (bispo de igreja)

      Olha, se vc não percebeu (talvez por não saber ler nem entender o que eu escrevo) isso pode ser problema seu.

      Penso que sou dos poucos aqui que, SEM SER partidário de verdadeiras SEITAS, tem trazido inúmeras propostas que poderiam muito bem ser confrontadas com respeito e conteúdo por TODOS vocês.

      pra mim é assim, da dialética e do debate franco e respeitoso é que construímos, que norteamos uma verdadeira democracia

      Por favor cumpadi, tenha dignidade, me conteste, critique e aperfeiçoe, traga dados, idéias, cite e prove da fonte de suas informações, convença. revolucione a mim e a todos aqui com seus pensamentos, e não com tentativas tolas de desconstrução barata.

      CIDADANIA é mais que um nome, é antes de tudo ATITUDE e respeito diante dos seres e da vida.

      e repito – HOJE defendo o voto branco ou NULO …sei que isso não anula eleição ..defendo uma democracia mais plebiscitária, mais participativa e menos representativa, feita por homens opacos com seus votos secretos

      ..sei tb que se formos 51%, que os eleitos saberão que eles tem a legalidade, mas que a LEGITIMIDADE estará sempre com o povo que necessita e DEVE ser sempre escutado

      Então gente, ideías, vcs tem ? ..ou será que farão que nem a “Dilma ANTONIETA” que ao ouvir do povo que queria mais saúde, educação, transporte e justiça/segurança acenou com “brioches”, ups, com reforma política ?

  • Isto é o que eles querem que o Lula faça, pois qualquer coisa que ele disser será explorado negativamente pelo PiG. O consagrado e querido presidente Lula não pode ser pautado pela velha mídia e ele sabe muito bem disso.
    Abaixo a tucanalha!

  • Muitos chamam o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de “canalha” (pessoa sem moral, desonesta, patife, infame, velhaco) ao relembrar episódio em que teria lhe avisado sobre o esquema do mensalão no Congresso.
    Erraram no seguinte aspecto, se tirarmos o filtro da hipocrisia e se admitirmos que as atitudes e pensamentos dos nossos atuais políticos acarretam e proporcionam um Brasil nas atuais condições que vivemos, onde a morte, a dor, a violência, a fome e a miséria são fatos e regras; todos os políticos são CANALHAS.
    Esta generalização da canalhice que fundamenta o poder e o monopólio da canalhice mantém o Brasil injusto e pobre. Não acredito que Deus ligue para esta situação e queira interferir do contrário gostaria que Ele, uma única vez, fizesse os CANALHAS enxergarem o mal que fazem à humanidade e pediria a Deus que por um lapso de tempo abrisse a visão e o coração dos Canalhas que estão a todo o momento inventando subterfúgios mentais, religiosos e irracionais para justificarem o fato de serem assassinos da dignidade e felicidade humana, principalmente das crianças brasileiras.
    Sérgio Alberto Bastos da Paixão
    http://www.facebook.com/sergio.paixao.35

  • A Globo e o resto da mídia golpista devem achar que os brasileiros têm cérebro de amendoim como Homer Simpson.

    Quando o PT começou, eles acusavam: “esse partido não tem voto de trabalhadores, só de intelectuais”.
    Depois, quando Lula ganhou a eleição, a acusação se inverteu: “esse partido não tem voto de intelectuais, só de trabalhadores analfabetos”.

    Outra contradição aparece agora: quando Lula exerce sua liderança natural, os “jornalistas” do PIG reclamam: “quem governa, afinal, Dilma ou Lula?”. Neste momento em que Lula não está visível, Cantanhêde resmunga: “cadê o Lula?”.

    Aqui temos uma resposta a esses resmungos: http://www.tijolaco.com.br/index.php/exclusivo-plebiscito-sera-em-agostolula-vai-comandar-a-luta/

  • Não sei se alguém já comentou sobra a Catanhede vestir fraldas na época.
    Pesquisei no Google. Ela nasceu 1952, tem 61 anos. Começou no jornalismo ainda nos anos 60. Foi para o Jornal do Brasil no fim dos anos 70.

  • E a pergunta que não quer calar continua: quem são os promotores do vandalismo, dos saques e da violência nos protestos “pacíficos e apartidários”? Só sabemos que são os mesmos que vão se deslocando de um Estado para o outro, de acordo com o local da Copa das Confederações, aproveitando-se das aglomerações. Se são sempre os mesmos, por quê os serviços de informações não conseguem identificá-los, bem como quem os financia?

  • Veja o PHA hoje, coloca uma matéria que expõe as sonegações fiscais da globo e os crimes de evasão de divisas feitas por um dos filhos do Roberto Marinho, temos que cobrar ação do Ministério da Justiça e do PGR que só faz ação seletiva. Cadê o mensalão tucano? Cadê o Joaquim Barbosa que é relator do mesmo. essa gente dá nojo.

  • Caro Eduardo, já que esse cara é um tucanalha, lógico que está mentindo. É só isso que esses [tu]canalhas fazem.

    Todos conhecemos a História recente e sabemos que Lula foi o primeiro a enfrentar a ditadura organizando greves em uma época em que fazer isso levava a prisão, tortura e não raramente à morte.

    Lula só não foi preso em 78 e 79 por uma conjuntura de fatores que fizeram as forças repressoras avaliar que sua prisão iria provocar o aumento do movimento em defesa de seu líder. Mesmo assim não foram poucos os assassinos da ditadura (venerados pelos tucanalhas) que queriam sumir com o Lula.

    Acoragem e a liderança popular de Lula já está gravada de forma indelével na HIstória do Brasil, onde figura como o maior líder popular deste País, além de ser um dos maiores do mundo.

    Não é à toa que os [tu]canalhas são tão ressentidos com ele e seu imenso legado democrático.

  • Quem é Cantanhêde ? Qual foi sua grande contribuição para livrar o Brasil da ditadura? Qual são seus compromissos com a classe trabalhadora e com aqueles e aquelas que estavam abaixo da linha da miséria? Entretanto, eu sei onde estava o LULA. Eu e o mundo, todos nós temos conhecimento da trajetória deste retirante, mais famoso da face da Terra. Agora todos podem sair às ruas, mostrar seus cartazes e indignações, mesmo aquelas que o Centrão não deixou passar no processo Constituinte e, que, cinicamente, a grande imprensa e os grandes jornalões figem esquecer ou fazer que nunca aconteceu. Desavergonhados, simulam estar diante de inéditas reivindicações. Parece até que as organizações estudantis, organizações sindicais e outros movimentos da sociedade nunca apresentaram suas necessidades, que estratégicamente, na imensa mioria das vezes foram atacadas pelos editoriais das Tvs, jornais e rádios: comandados pelos grandes grupos empresariais ( nacionais e internacionais ) .A reinvindição do Passe Livre sempre foi atacada, aqui em Florianópolis. Há dez anos, quando começaram as primeiras manifestações de rua, o Projeto de Lei era desqualificado e atacado pela imprensa local e, diziam que os estudantes não precisavam , pois o que estava em jogo era a saúde econômica das empresas, pois o município não tinha condições para investir no Passe Livre. Sabemos que a “PODEROSA” emissora de TV, usar o PASSE LIVRE como catalisador da desestabilização do Governo Dilma. Porém nossos estudantes sabem, muito bem, fazer a leitura desta realidade e não permitirão ser usados para propósitos reacionários e anti-democráticos. Quanto ao Dr. Sorbone Fernando Henrique Cardoso, é necessário que ele se acostume com o seu lugar na história do Brasil, na posição de VENDILHÃO DA PÁTRIA e CAPACHO DO NEOLIBERALISMO. Enquanto isso, LULA não sai dos sonhos dos brasileiros que lutam por um país justo, portanto ele não precisa falar, porque o POVO sabe o que ele pensa.

  • NA ÁREA SOCIAL LULA SE INTITULA O CRIADOR DO BOLSA FAMÍLIA, SENDO QUE FHC FOI QUEM PRIMEIRO INTRODUZIU UM PROGRAMA DE DISTRIBUIÇÃO DE RENDA, CONSTITUIDO PELO BOLSA ESCOLA, BOLSA ALIMENTAÇÃO, PETI ( PROGRAMA DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO INFANTIL, AUXILIO GÁS ENTRE OUTROS, CONTEMPLANDO NA ÉPOCA CINCO MILHÕES DE BRASILEIROS, E LULA SIMPLESMENTE UNIFICOU ESTES BENÉFICIOS CHAMOU DE BOLSA FAMÍLIA E SE CONSIDERA O SALVADOR DOS POBRES NO PÁIS. A ÚNICA COISA QUE ELE FEZ FOI AMPLIAR O BENÉFICIO ATENDENDO UM MAIOR NÚMERO DE BRASILEIROS, ALGO QUE QUALQUER UM QUE ASSUMISSE A PRESIDÊNCIA NATURALMENTE FARIA, DANDO CONTINUIDADE AO PROGRAMA. AINDA NO GOVERNO FHC FOI IMPLANTADO O GASODUTO BRASIL-BOLIVIA E CRIADO A FUNDEF ( FUNDO DE DESENVOLVIMENTO DO ENSINO FUNDAMENTAL) GARANTINDO MAIS RECURSOS PARA O ENSINO FUNDAMENTAL, IMPLEMENTOU OBRAS DE INFRAESTRUTURA EM PRATICAMENTE TODO PAÍS COMO PORTOS DE PECÉM (CE) SUAPE (PE) E SEPETIBA E DUPLICAÇÃO DAS PRINCIPAIS ESTRADAS FEDERAIS ENTRE OUTROS. CRIOU O ATUAL CÓDIGO DE TRANSITO BRASILEIRO ( MAIS RIGOROSO ) E A LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL. CRIOU NO GOVERNO ITAMAR E CONSOLIDOU EM SEU GOVERNO O PLANO REAL COM UMA POLÍTICA ECONOMICA DE ALTA CATEGORIA DANDO ESTABILIDADE AO PAÍS E COLOCANDO O BRASIL NO RUMO PARA O DESENVOLVIMENTO, DEPOIS DE ANOS DE INFLAÇÃO ALTA. VALE RECORDAR QUE FHC QUANDO ASSUMIU A PRESIDÊNCIA ELE PEGOU UM PAÍS COM PATIO INDUSTRIAL FALIDO, COM UM CONGRESSO ALTAMENTE CORRUPTO, E COM O LULA DO PT COMO ADVERSÁRIO POLÍTICO E CRÍTICO ARDORO DE SEU GOVERNO, CRIANDO TODAS DIFICULDADES PARA QUE ELE NÃO CONSEGUISSE IMPLEMENTAR SUAS REFORMAS ( O PT NÃO ASSINOU A CONSTITUIÇÃO DE 1988, VOTOU CONTRA A LEI DE RESPONSABILIDADE FICAL, NÃO CONCORDOU COM A CRIAÇÃO DO PROER, MOVEU SINDICATOS DE MOVIMENTOS SOCIAS CONTRA O GOVERNO DE FORMA CALUNIOSA E IDEOLÓGICA SEM SE PREOCUPAR SE SUAS AÇÕES PODERIAM OU NÃO PREJUDICAR O BRASIL, OU SEJA O PT NUNCA SOMOU SEMPRE FOI DO CONTRA). FHC DIFERENTE DE TODOS PRESIDENTES QUE TIVEMOS CRIOU O SISTEMA DE TRANSIÇÃO DE GOVERNO TENDO A DIGNIDADE DE CUMPRIR QUANDO LULA ASSUMIU A PRESIDÊNCIA. PRIVATIZOU AS AÇÕES QUE O GOVERNO TINHA DA VALE, 27%, ALGUMAS RODOVIAS, A MAIORIA DOS BANCOS ESTADUAIS, O SISTEMA TELEFÔNICO BRASILEIRO ( VALE RECORDAR QUE TODAS ESTAS EMPRESAS GERAVA ALTOS DÉFICITS, COBRAVA ALTOSPREÇOS ATRASAVA ENTREGAS E MANTINHA GRANDE DEMANDA REPRIMIDA, ALÉM DE SERVIR PARA POLÍTICOS APADRINHAREM FAMILIARES, RETIRAR DINHEIRO PRA CAMPANHAS, INCHANDO A MAQUINA PÚBLICA E BUROCRATIZANDO PROCESSO) E ESTAS EMPRESAS HOJE GERAM MAIS EMPREGOS, MAIS IMPOSTOS E MELHORES SERVIÇOS A POPULAÇÃO. FHC ELABOROU O PLANO DIRETOR DA REFORMA DO ESTADO, SANCIONOU A LEI DO PETRÓLEO E ASSIM ACABOU COM O MONOPÓLIO ESTATAL DO PETRÓLEO NO BRASIL, ATACANDO TODAS AS FONTES DE DEFICIT PÚBLICO NO BRASIL, ELIMINANDO O PROBLEMA CRÓNICO DA INFLAÇÃO, E AINDA FEZ A REFORMA DA PREVIDÊNCIA. APROVOU LEIS MAIS DURAS SOBRE CRIMES CONTRA O SISTEMA FINANCEIRO E UMA LEI CRIMINALIZANDO A TORTURA POLICIAL. FOI NO GOVERNO FHC QUE SE AMPLIOU O INVESTIMENTO NO ENSINO PRIVADO SUPERIOR E HOUVE UM SALTO NOS ÍNDICES DE BRASILEIROS CURSANDO ENSINO SUPERIOR. DUPLICOU O TRECHO BH-SP-CU-FLORIANÓPOLIS 1290 KM , A BR 232 (RECIFE-CARUARU), JOÃO PESSOA-CAMPINA GRANDE, INCREMENTANDO A ECONOMIA NORDESTINA. ASFALTOU AS RODOVIAS DE TERRA DA REGIÃO NORTE PARA MELHORAR A ECONOMIA, FEZ A RODOVIA BR-174 988 KM LIGANDO MANAUS, BOA VISTA E A FRONTEIRA COM VENEZUELA, E COM PERU E BOLÍVIA AO ASFALTAR A RODOVIA BR-317 331 KM LIGANDO RIO BRANCO E ASSIS, NA TRIPLICE FRONTEIRA. O PAÍS DEU UM SALTO NA ÁREA DA SAÚDE, ENTRE VÁRIAS OUTRAS MEDIDAS QUE COLOCOU O BRASIL NOS TRILHOS, COMO APROVAÇÃO DE VÁRIAS EMENDAS A CONSTITUIÇÃO QUE FACILITARAM A ENTRADA DE EMPRESAS ESTRANGEIRAS NO BRASIL O QUE AJUDOU A ACIRRAR A CONCORRÊNCIA INTERNA E DIMINUINDO PREÇOS BENEFICIANDO A POPULAÇÃO. ADOTOU A TERCEIRIZAÇÃO DE DETERMINADOS SERVIÇOS PÚBLICOS EM ÁREAS CONSIDERADAS NÃO ESSENCIAIS PODENDO ASSIM O GOVERNO DESOCUPAR A AGENDA E DIMINUIR A BUROCRÁCIA NESTES SETORE. LULA PEGOU O BRASIL ENCAMINHADO PARA SER UMA NAÇÃO BEM DESENVOLVIDA, TINHA NA ÉPOCA GRANDE PARCELA DA POPULAÇÃO APOIANDO, CONGRESSO A SEU FAVOR, UMA ECONOMIA MUNDIAL EXTREMAMENTE FAVORAVEL ( AO CONTRÁRIO DO FHC QUE EM SEU SEGUNDO MANDATO A ECONOMIA MUNDIAL TEVE UMA GRANDE RECESSÃO, OBRIGANDO O GOVERNO AUMENTAR OS JUROS E UM AUMENTO SIGNIFICATIVO DA DÍVIDA INTERNA) E SIMPLESMENTE NÃO FEZ NEHUMA REFORMA QUE O BRASIL HOJE TANTO NECESSITA, INSTITUCIONALIZOU A CORRUPÇÃO NO BRASIL ( O GOVERNO FHC TAMBÉM FOI MARCADO POR CORRUPÇÕES, CRISE NO SISTEMA ENERGÉTICO POR FALTA DE CHUVA, PLANEJAMENTO E AUSÊNCIA DE INVESTIMENTOS NO SETOR, MAS VALE RECORDAR QUE O GOVERNO FHC, QUANDO ASSUMIU O PAÍS PEGOU UMA HERANÇA PESADISSIMA DE POLITICOS QUE A DECADAS CORROMPEM O SISTEMA, ACM, SARNEY, CIRO GOMES ENTRE OUTRAS DEZENAS DE FAMÍLIAS QUE A ANOS IMPERAM NO PODER BRASILEIRO) MAS O PT ALÉM DE NÃO APOIAR NENHUMA MEDIDA BENÉFICA AO BRASIL NA GESTÃO DO FHC, FOI UM PARTIDO TERRORISTA E MORALISTA, QUE QUANDO ASSUMIU O GOVERNO MANTEVE ESTAS OLIGARQUIAS NO PODER. LULA COM EXPERIÊNCIA APENAS NA VIDA SINDICAL, AO INVÊS DE SEGUIR A POLÍTICA DE INVESTIMENOTS EM INFRA-ESTRUTURA ELE ADOTOU A POLÍTICA DE CAPITAL DE ESTADO, INCHANDO A MAQUINA PÚBLICA, DEIXANDO O MODELO DE GESTÃO PÚBLICO MAIS ARCAICO E BUROCRATIZANDO A VIDA DOS BRASILEIROS, DE EMPRESÁRIOS E EMPREENDEDORES. COMO PREFERIU NÃO ADOTAR REFORMAS DE MÉDIO E LONGO PRAZO FEZ MIMOS FISCAIS A DETERMINADOS SETORES DA INDUSTRIA ( LINHA BRANCA E AUTOMOBILISTICA) COM POLÍTICAS IMEDIATISTAS QUE EM NADA ACRESCENTA AO PÁIS, QUE APÓS DEZ ANOS VIU QUE O MAIS IMPORTANTE É A MOBILIDADE URBANA, A SAÚDE E A EDUCAÇÃO. LULA NÃO IMPÓS O BRASIL PERANTE A AMÉRICA DO SUL POR QUESTÕES IDEOLÓGICAS, DANDO PREJUIZO A PETROBRÁS NA BOLIVIA E NA VENEZUELA, AUMENTOU EM 100 MILHÕES O VALOR PAGO AO PARAGUAI POR ITAÍPU. LULA FOI UM RETORCESSO NA POLÍTICA BRASILEIRA, E IMPONDO MUITAS TENTATIVAS DE QUE SEU PARTIDO PERPETUE NO PODER, PORÉM NÃO SE GOVERNA COM MEDIDAS IMEDIATISTAS, NEM COM POPULISMO, POIS ELE DEIXOU A DILMA UM PAÍS PIOR DO QUE QUANDO ELE ENCONTROU E ELEGEU AINDA UMA MULHER QUE SURGIU DO NADA PARA NÃO FAZER NADA. O QUE A DILMA FEZ EM DOIS ANOS DE GOVERNO? SIMPLESMENTE NADA E O RESULTADO FOI UMA INSTISFAÇÃO GERAL DA POPULAÇÃO BRASILEIRA, E UMA DESACRETIDAÇÃO EM TODAS AS INSTITUIÇÕES NO BRASIL INDEPENDENTE DE BANDEIRA. A QUESTÃO NÃO É AONDE ESTA LULA OU FHC E SIM O QUE CADA UM FEZ PELO BRASIL E LULA SIMPLESMENTE IMPLANTOU UMA POLITICA DE RETROCESSO NO BRASIL, LOBOTOMIZANDO TODA USA MILITÂNCIA QUE O DEFENDE CEGAMENTE ACREDITANDO QUE ELE ESTA ISENTO DE SUAS FRAUDES POR FRAUDES DE GOVERNOS PASSADOS….O BRASIL TEM QUE OLHAR PRA FRENTE E COMEÇAR A PUNIR SEUS CRIMINOSOS HOJE PARA QUE AMANHA NOSSOS FUTUROS POLÍTICOS TENHAM MAIS POSTURA COM O DINHEIRO PÚBLICO E O CIDADÃO

  • Eis a Cantanhéde, paga pelos herdeiros do Frias, aquele emprestador de carros para torturadores do Doi-Codi, a “diva”, especialista em tudo, agora pitonisa, a pronunciar a frase lapidar: “reeleição foi para o Beleléu”!!!!
    Nunca os Frias, Mesquitas e Marinhos moveram uma só palha pelo povo brasileiro. Os seus empregados trabalham para multiplicarem, dia após dia, as suas fortunas mal adquiridas, especialmente à época da ditadura, com demonização e cassação de adversários, perseguições desalmadas aos concorrentes e com polpudos ganhos e sonegação e dívidas perdoadas na base da chantagem e de todas as formas repugnantes e reprováveis, com estatais, erário, etc. A obra “A PRIVATARIA TUCANA” traz evidências, obra encaminhada às centenas de exemplares ao Procurador Gurgel que os olvidou, isto antes da derrota da PEC 37. A investigação da PRIVATARIA TUCANA dos amigos da Cantanhéde, esta sim, foi para o Beleléu. E a Cantanhéde, musa da febre amarela e da massa cheirosa silencia. Fala Cantanhéde!
    Pergunta: Cadê a voz da Cantanhéde quando, à época do mais nefasto desgoverno amparado nas costas dos oportunistas barões mafiomidiáticos, o desgoverno FHC, onde os seus ministros diziam estar no limiar da irresponsabilidade, corria frouxo e solto o endividamento do país e a entrega do patrimônio público em troca de propinas, de uma forma inédita e até hoje impune? Entreguismo inútil que empobreceu o país, deixando-o sem capacidade nenhuma de investimento e o seu povo diante do maior desemprego da sua história. À época do sorridente escarnecedor, o sociólogo prestes a tornar-se “imortal” pelas mãos dos marinhos, as reservas cambiais mal somavam US$ 15 bi, enquanto a dívida ascendia a mais de uma centena e meia de bilhões de dólares, Aquele governo era aliado do DataFalha e Globope, o governo dos sonhos da Dona Cantanhéde..
    Falar de corrupção a níveis estratosféricos de um período de governo vigente que tem deixado o país com quase 400 bi de dólares de reserva e dívida em valores muito inferiores às tais reservas? O que dizer então D. Cantanhéde, do (des)governo de antão, há mais de dez anos, que deixou o país nu, de joelhos e com a mão no bolso?
    O problema do governo da sra. Dilma não está só na Dona Marina, uma carismática nulidade que deixou o ministério do Lula porque não sabia de fato administrar a parte que lhe competia. A “evangélica” senhora aliou-se às ONGs estrangeiras que depenarão o país tão logo instalem um títere no Planalto, ainda mais se, graças aos rentistas Marinhos, Frias e banqueiros que cobram 200% ao ano de juros, vier a assumir e a instalar uma república de fanáticos religiosos, talhada na intolerância para com outras religiões. Com todo o seu carisma, a respeitável porém limitada Marina, caso assuma, certamente levará o país de volta ao entreguismo, ao rentismo e à bancarrota, pela ligação que possui com ONGs estrangeiras e amparada no uso político do fanatismo religioso. No entanto, o problema do governo Dilma não está somente na oposição oportunista dos que estão fora, sem discurso e que querem derrubá-lo por baixar o lucro dos rentistas e do deus mercado e procurar investir em produção, a partir das 12 mil obras importantes do PAC que afloram de posta a ponta no país. Infelizmente o maior problema do governo Dilma está lá dentro, onde conta com alguns ministérios, em especial o das Comunicações, totalmente sob as rédeas do Consórcio Globo-CIA, estes sim, os inimigos número 1 da independência e desenvolvimento da nação e do nosso povo.

  • Ora, todo mundo sabe, à exaustão, que o Lula da Silva sempre foge da raia quando a coisa aperta para o lado dele. Para citar alguns exemplos bem representativos, foi assim durante o mensalão, o Rosegate e também agora, quando tem permanecido mudo e calado diante da derrocada do governo da sua governanta.

  • Onde estava FHC?
    Em 1980 FHC era suplente de Franco Montoro no Senado, e trabalhava para restabelecer a democracia no Brasil por meios institucionais e não por ruptura como propunha o PT.
    Em 83 ele foi um dos lideres do movimento “Diretas Já” junto com Lula, Tancredo, Montoro, Covas, Suplicy e outros, e cuja primeira manifestação pública foi organizada pelo seu partido da época, o PMDB.

Deixe uma resposta