Assista à íntegra da entrevista do ministro Miguel Rossetto blogueiros

Sem categoria

rossetto

 

Para quem anda insatisfeito com a política de comunicação do governo Dilma, uma boa notícia: o ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, Miguel Rossetto, recebeu blogueiros para um café da manhã nesta quinta-feira, 29 de janeiro, às 8h30, no Palácio do Planalto.

Assista, abaixo, à íntegra da entrevista.

 

105 comments

  • Vou assistir, até lá bolarei alguma pergunta. Me parece que o Rosseto é o cara responsável pela interlocução com a militância de esquerda. Agora, seria legal se o Berzoini marcasse uma conversa com voces.

  • Olá Eduardo,

    Gostaria de sugerir duas perguntas:

    1) O PIB de 2015 já está comprometido devido a crise de abastecimento de água na região metropolitana de São Paulo e devido á paralisação dos pagamentos dos contratos da Petrobras, causando um efeito cascata de demissões e falências.

    O impacto no PIB irá afetar a arrecadação do gov. federal, dos estados e municípios, provavelmente afetando 2016 e em uma espiral viciosa 2017 e 2018, quando teremos uma nova eleição presidencial.

    O que este governo trabalhista irá fazer para interromper esta espiral, salvando empregos e a economia do país nos próximos anos, inclusive, anulando o discurso da oposição que a oposição terá de que este governo quebrou o país?

    2) O que um simpatizante deste governo trabalhista teria a quem o aponta como responsável pela crise que vemos todos os dias na TV?

    Eduardo,
    desejo boa sorte amanhã.

    Emerson

  • Edu, minha sugestao e’ sobre regulacao economica da midia e como pensam em melhorar a comunicacao do governo.
    Aproveitando, quero sugerir que este blog entreviste a Marta. Votei nesta senhora por varias vezes e gostaria de ouvir dela, num ambiente popular de esquerda como este blog, o porque de tanta revolta.
    Nao a leio na midia tradicional. Abraco

    • Boa tarde, Manoel. Parabéns, você já realiza o controle de mídia mais eficiente que existe. Não consome o que não concorda. E viva a liberdade de imprensa.

  • sugestão de pergunta(s):

    Por que o governo teme (evita, não se estrutura para) enfrentar a guerra da comunicação?
    É porque gosta de apanhar calado?
    É por fascínio pelo tema do suicídio?

    Pedro Aurelio Zabaleta
    ex-presidente da Associação dos Empresários do Bairro Azenha
    Porto Alegre/RS

  • Eduardo, peço que você pergunte ao ministro Rossetto porque o governo não investe mais nas mídias alternativas, nos blogs. A internet é um veículo de comunicação poderoso e a maioria dos jornalistas blogueiros querem um Brasil melhor. Por que não melhorar a comunicação com vcs? Por que não dar mais entrevistas a vcs? Precisamos ter vias de comunicação e de divulgação que cheguem aos lares brasileiros com informações corretas e sem manipulação, que façam o contraponto à “grande” mídia, que está se lixando para o Brasil. Não é mais possível a Presidenta Dilma ser atacada dia e noite e ficar calada! Precisa partir pra cima desse povo que quer afundar o Brasil. Iremos junto com ela!

  • Ótima notícia. Sugestão de pergunta: por que o governo brasileiro não fortalece a TV Brasil e a NBR? Se eles acham ainda, depois das últimas eleições, que só a internet resolve? A revolta com o tratamento que a mídia está dando ao santo governador e a seu partido atingiu o limite pra mim. Minha paciência chegou ao terceiro volume morto!
    Outra: se o governo não teme que a Lava Jato seja o novo mensalão, se está confiante na justiça desta vez. Eu temo, e muito!

    • O governo fortalece, já que esses meios de comunicação público são financiados exclusivamente com verba pública. A força de um meio de comunicação depende principalmente de sua audiência. O problema é que a programação é medíocre, por isso ninguém assiste…

      • Luca, a programação não é medíocre. Quando digo fortalecer, quero dizer tornar mais atrativos também. Precisa haver marketing e a abertura do sinal no lugar de uma RedeTV da vida, por exemplo, pro povo assistir! Mas a programação é boa!

  • Não sei se torço, se corro ou me escondo embaixo da cama. Essa entrevista deveria ser convocada depois de domingo, quando a turma do jogo pesado e estimado da mídia toma posse no congresso. Só depois dos primeiros desvarios do tucanato e dos afins, poderemos ter chão para reação. Sei que há questões importantes para se fazer ao Rosseto. Mas não se pode dar munição para essa oposição distópica. A não ser que comecemos a provocar a oposição com o eco que esta faz com o discurso de qualquer governista. Ela não tem argumentos próprios, a não ser para abrir uma CPI contra o Brasil, já nem é mais contra Dilma, Lula ou quem quer que seja. Ela faz CPIs para destruir nossa economia, nossas riquezas e nossas conquistas. Não precisa ser vidente para saber que depois de tanta reclamação por parte da indústria de nosso país, que não havia investimento, que a produção estava caindo, agora no sudeste começa a cair, de verdade, a produção por falta de investimentos de governos como o de São Paulo no sistema de abastecimento de água. E já começou o desemprego. O Skaf atrapalhou no que pode o início da gestão de Haddad, mas nunca o vi reclamando da seca que teve início no ano de 2014, mas que já era uma tragédia anunciada ainda no tempo do governo Serra. Não vou fazer nenhuma pergunta, só desejar boa sorte e muita força ao Rosseto.

  • Depois chamem os engomadinhos que nunca enfiaram um prego numa barra de sabão para dar empregos aos desempregados, ou seja, para dar de comer a milhões de brasileiros acossados pelo moralismo udenista de Globos, Moros e Cia. Isso que estão fazendo não se faz, que os culpados sejam rapidamente punidos mas essa de destruir a engenharia nacional, de levar à falencia empreiteiras que levaram décadas para se firmar, que construiram e estava construindo esse pais, isso não se faz. Tosco ver brasileiros apoiando essa loucura. Nenhum pais faz isso, os EUA sempre fizeram vista grossa para defender suas corporações mas Globo e Moro querem destruir o Brasil por pensaram que assim fazendo elegerão logo logo seu Silvio Berlusconi….Loucura total. A Alstom e Simens envolvidas no caso Trensalão Tucano foram fechadas por seus paises de origem? Não! Pelo contrário, estão mais vivas e atuantes do que nunca. Por causa da Globo e dr. Moro o Tio Sam esta sorrindo de orelha a orelha, aliás, o Dr. Moro merece mais um prêmio, este das mãos do Tio Sam por seus feitos….http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2015/01/28/lava-jato-moro-e-a-globo-ja-quebraram-o-brasil/

  • Porque a Presidenta não convoca Rede Nacional para explicar a População o que a Mídia esconde ou distorce sobre crise de água, luz e a questão da Petrobrás?

    Poque razão o MPF faz divulgação de Depoimentos sigilosos, cujas declarações estão sob segredo de Justiça?

    Porque razão o Governo continua fazendo publicidade com dinheiro público em um meio de comunicação que tem dividas fiscais? Não deveria apresentar certidões de débitos fiscais como os Clubes de Futebol e toda e qualquer empresa que fornece para o governo ou que recebe recursos públicos?

    De que forma o Governo poderia cobrar publicamente do STF a devolução d Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4650, proposta pela OAB que repousa a 300 dias na mesa de Gilmar Mendes?

  • Vejo a iniciativa como um primeiro passo após reunião ministerial em que Dilma falou da “guerra da comunicação” na reunião ministerial. Um bom sinal, apesar de tímido. Vai falar com quem está sempre apoiando o governo, mesmo que de forma crítica e responsável. É bom, tem repercussão, mantém a militância mais ativa. No entanto, o governo precisa é falar para a população como um todo. Precisa romper a muralha que a mídia construiu e aperfeiçoa a cada dia entre o que o governo faz e o que aparece para o povo. E, para isto, sem pensarmos em Leis que vão esbarrar neste congresso fisiológico e sedento por segundos na Globo, o governo precisa mexer onde ele tem total autonomia para isto – nas verbas. Precisa retirar toda e qualquer publicidade de veículos golpistas como a Veja (o que justifica financiar uma revista nazifacista? ela tem toda a liberdade para ser e fazer o que faz, mas sem o apoio de verbas públicas!). Precisa redistribuir verbas e valorizar os blogs de esquerda que sobrevivem pelo empenho de pessoas como você Eduardo, com sacrifício da sua própria atividade profissional, sem ter qualquer apoio. O governo tem que entender que esta imprensa atinge uma população significativa. Por que o Banco do Brasil, Caixa, Petrobras têm que continuar irrigando a grande mídia golpista e não podem colocar um anúncio em veículos da esquerda? Que masoquismo é este do governo? Por que nós que nos informamos por tais veículos não somos uma população alvo para a publicidade governamental?
    Sei que você não poderá fazer tais perguntas pois poderia estar advogando em causa própria. Mas certamente a subserviência do governo à grande mídia golpista é, para mim, insuportável a esta altura especialmente se considerarmos o cenário de dificuldades (reais) que está enfrentando e enfrentará não sei por quanto tempo.

  • FORA DE PAUTA

    Você sabia disso? Pois é exatamente o silêncio da Dilma que não permite que você saiba.

    http://www.brasil247.com/pt/247/economia/167372/Energia-e%C3%B3lica-Brasil-vive-revolu%C3%A7%C3%A3o-silenciosa.htm

    ENERGIA EÓLICA: BRASIL VIVE REVOLUÇÃO SILENCIOSA
    :
    Em meio a críticas e previsões da oposição e da imprensa de que o País está à beira de um racionamento, por falta de energia, uma revolução silenciosa acontece em estados como Rio Grande do Norte, Bahia, Ceará, Rio Grande do Sul e Piauí; é o avanço da energia eólica, que traz junto com ela uma forte geração de empregos, aumento da arrecadação e capacidade eólica instalada de cerca de 15 GW até 2018, mais que Itaipu ou Belo Monte; essa fonte abastece hoje cerca de 12 milhões de pessoas – o equivalente à cidade de São Paulo; até o final desse ano, o Brasil estará entre os dez maiores geradores de energia eólica no mundo; dados, pouco ou nada divulgados na mídia, descartam especulação sobre racionamento
    27 DE JANEIRO DE 2015 ÀS 10:30

    247 – As previsões de racionamento de energia no Brasil, intensificadas na mídia recentemente devido ao apagão ocorrido em dez estados e no Distrito Federal na semana passada, vêm acompanhadas, desde 2012, do argumento de falta de chuvas no Sudeste. Ignoram, porém, dados importantes sobre uma verdadeira revolução silenciosa que vem acontecendo, há vários anos, nas regiões Sul e Nordeste do País.

    A evolução da energia eólica, produzida em maior parte nos estados do Rio Grande do Norte, Bahia, Ceará, Rio Grande do Sul e Piauí, traz números impressionantes, capazes de descartar especulações sobre racionamento por falta de energia no Brasil. O ano de 2014 foi concluído com cerca de 5 GW instalados no País, que chegará em 2018 com, no mínimo, 15 GW já oficialmente autorizados, mais que as usinas de Itaipu ou Belo Monte.

    Existem ainda novas usinas eólicas sendo frequentemente liberadas para operação comercial em dezenas de municípios, como mostra o site Energia Mapeada, que compila dados oficiais da Aneel sobre energia limpa. “Até o fim de 2015, o Brasil já estará entre os dez maiores geradores de energia eólica no mundo”, afirma o engenheiro eletricista Alarico Neves Filho, responsável pela página.

    Atualmente dependente das chuvas para gerar 70% da energia elétrica, o Brasil tem potencial eólico capaz de abastecer quase três vezes a sua demanda, segundo estimativas mais recentes do setor. Além de ser hoje a fonte de expansão mais barata, a energia produzida através da força dos ventos é também a mais ecologicamente correta.

    Viabilidade

    Pesquisada há mais de 50 anos, a energia eólica economicamente viável tem pouco mais de 20 anos. Os países precursores dessa tecnologia ficam na Europa: Dinamarca e Alemanha. Recente no Brasil, ela vem contribuindo significativamente para o desenvolvimento do País, abastecendo hoje cerca de quatro milhões de casas, ou 12 milhões de pessoas – o equivalente à cidade de São Paulo – segundo dados da Associação Brasileira de Energia Eólica.

    Presente no Senado em um debate sobre o assunto, a presidente da entidade, Élbia Melo, defendeu que o Brasil precisa superar uma “visão turva” sobre essa fonte de energia, que a coloca em desconfiança sob o argumento de que esse recurso seria “sazonal e intermitente”. Ela destacou que toda fonte que vem da natureza é, por definição, sazonal e intermitente, mas que é possível conter riscos no caso da eólica por meio do aumento da quantidade de geradores montados.

    Foram contratados desde 2009, a partir do primeiro leilão competitivo com participação eólica, mais de 12 GW de capacidade eólica instalada, o que representa cerca de 10% de toda a matriz energética brasileira, incluindo as fontes nuclear, hidrelétrica, carvão, biomassa e outras. A energia eólica hoje instalada representa cerca de 4% do total de energia para o sistema e deve crescer fortemente nos próximos anos, podendo chegar a 10% em 2018.

    • Boa Tarde, André. Tenho uma dúvida. Quando você disse que havia votado consciente em Dilma, você quis dizer que sabia que ela faria exatamente o contrário do que havia dito em campanha (representante de um grande banco na equipe econômica, subir juros, mexer em direitos trabalhistas, subir tarifas públicas), e ainda atribuía tais ações ao adversários? Abraço

      • Se você igual ao Aético estariam tão indignados? Leiam sobre as medidas tomadas. Se informem em várias fontes. Vejam o estrago que o juiz Moro está fazendo com o País e com a vida dos trabalhadores. Youssef é criminoso de carteirinha já ganhou o benefício da delação premiada desse mesmo juiz há dez anos atrás e voltou ao mundo do crime. Agora o mesmo juiz está dando o mesmo benefício e regalias a ele. Tem caroço nesse angu gente!

        • Youssef é um criminoso sim. Mas sozinho não está agindo. É apenas um operador. E o que o Moro está fazendo de mal aos trabalhadores? Não entendi. Desmascarar um imenso esquema de corrupção que desvia recursos públicos que poderiam ser aplicados na melhoria de saúde, educação e segurança em benefício dos….trabalhadores!!!! Como desviar recursos públicos melhora a vida dos trabalhadores? Só se for a vida do partido dos trabalhadores. Espero que o moderador não censure minha resposta. Abraço.

      • O que ela disse na campanha, não.

        O que gente desonesta disse que ela disse na campanha.

        São coisas bem diferentes.

        Vivemos no país dos espantalhos…

        • Marina Silva se associando aos banqueiros, subindo juros e o vídeo da campanha mostrando sumir o prato de comida da mesa dos brasileiros. Disse que não mexeria nos direitos trabalhistas nem que a vaca tussa. Se não foi ela, foi o João Santana então…

          • Cara, ela disse que não promoveria nem o ARROCHO, nem a inflação, nem o desemprego pra arrumar a casa, como os neoliberais SEMPRE fazem. Ou vc não lembra dos anos FHC, com o salário subindo MENOS do que a inflação, o desemprego de 25%, etc? O salário dos funcionários públicos ficaram congelados por OITO ANOS, caraca!

            Na campanha, o futuro ministro da economia de Aébrio disse que um pouco de desemprego é bom, e que o salário mínimo havia subido rápido demais. Era ISSO que ela disse que não faria. E NÃO FEZ, pelo menos por enquanto.

            Direitos previdenciários não são trabalhistas. E foi nisso que ela mexeu. E topicamente. E, na imensa maioria dos casos, de forma POSITIVA. Por exemplo, exigir carência pra pensão por morte – que é vitalícia – é apenas questão de bom senso.

  • Problemas ambientais semelhantes ocorridos nos EUA exigiram interferência do Governo central..O Governo paulista deve ser atropelado sim caso continue sendo irresponsável..Junto com HADDAD devem coordenar a luta contra a falta de água

  • Pergunta como a presidenta quer que seus ministros vençam a batalha da comunicação se ela não lhes dá munição? Por exemplo uma nova lei de comunicações.

  • Ministro, quando finalmente veremos a Secom parar ou diminuir a frenética distribuição de dinheiro aos inimigos (globo, sbt, band, folha, etc etc etc)?

  • Por quê a polícia federal nunca pensou em investigar o afundamento de P-36? Como é que uma Plataforma novíssima sofreu uma explosão? Isso aconteceu durante o (des)governo FHC.

    • Talvez se tívessemos uma Ley de Medios a Polícia Federal estaria livre das ações orquestradas pelos tucanos, assim investigaria os motivos criminosos que causaram a queda da plataforma de petróleo. Talvez até mesmo o ministério público iria pedir a quebra dos sigilos fiscais, bancários e telefônicos da então direção tucana da Petrobrás.

      O ministério público pede a quebra dos sigilos fiscais dos presidentes da Petrobrás de 2003 para cá, mas de 2003 para trás ninguém pediu. A Petrobrás não tinha nenhum problema de corrupção antes de 2003?

  • Gostaria de saber se o governo já declarou a guerra que irá fazer com que os ministros travem batalhas contra a desinformação…

    Gostaria de saber se a Presidenta lançará os seus pares na arena ou se ela como todo bom comandante estará no front das batalhas…

  • Pergunte Edu, por que Dilma não tem um porta-voz para dar entrevista coletiva todos os dias para desfazer as manipulações da imprensa Tucana? Por que as Mirians, Mervais, Sardenbergs, Wacks e outros, dizem o que querem do Governo e fica tudo por isso mesmo? Por que o Governo permite que os Blogs “sujos” sejam tão massacrados pela imprensa Tucana? Desculpa Edu, é só um desabafo.

    • Porque a imprensa é livre e o governo não tem nada que ver com embate entre os diferentes meios de comunicação. Caso alguém se sinta injuriado ou caluniado, existe a justiça para esses conflitos. Assim funciona democracia, algo que muitos de vocês não entendem…

      • Ah, sim, funciona tão bem que a regulamentação direito de resposta até hoje não passou. E vimos bem quantos direitos de resposta foram concedidos contra injúrias na imprensa.

        Todos rapidíssimos! Uma maravilha!

        Haja paciência!

  • Tem que se comunicar mesmo ..já convencer será um outro desafio

    Triste mesmo é pensar que pra quem anda insatisfeito COM o governo Dilma, que a 1a saída esta a pouco menos de QUATRO ANOS luz de distancia.

    Oito ou oitenta, setenta, se não der sessenta, ou 120 mesmo

    ..e foi assim, apurando ATIVOS imobilizados SUPERAVALIADOS da ordem de R$ 60 bi (88 up, e 28 down), mais ainda um subsídio forçado JÁ COMPROVADO doutros R$ 60 bi dados à gasolina (este que DESTRUIU a viabilidade de inúmeros projetos energéticos alternativos pro país nos últimos tempos), foi assim, somando R$ 120 bi, que os acionistas minoritários (feitos de OTÁRIO pelo governo dos esquerzóides) foram dormir ontem, vendo suas ações desabarem mais 10%..

    ..ainda por cima sabendo que correm o risco de ficarem sem dividendos por causa da equipe de “conselheiros” comandada e indicada há mais de DÉCADA, direta ou indiretamente, por DILMA, a gerente.

    Alguns podem até pensar, mas é início de mandato, equipe trocada, revitalizada, pq do pessimismo, afinal, afinal vc prometeu um período de armistício ?

    Pois é ..mas vcs viram a CARA da DIlma no discurso ? ..mal educada, bruta com assessores ..carrancuda, rabugenta, mal humorada, pensando que tem o rei na barriga (embora, pela aparência, parece mesmo que ainda carrega um bebe foca lá dentro)

    NÃO ..a mulher não sabe sorrir, liderar, cativar, ser agradável ..é incrível como uma pessoa desse calibre (tipo um Collor) chega a comandar um país como o nosso ?!

    Aí eu olho as medidas na economia ..verdade é que ainda são tímidas ! tanto pelas receitas, como quanto nas despesas (e não que não sejam necessárias, hein ?!)

    ..e PIOR que sobraram pros INVESTIMENTOS (como mais corte e/ou adiamento pras usinas etc etc etc)..

    ..PIOR que a INTERVENÇÃO CRIMINOSA no cambio continua ..e os exageros FARSESCOS depositados na eficiência do PLACEBO SELIC, este que comeu a BOA PARTE do ajuste feito pelos cortes até agora, continuam presentes.

    falar em desindexação, reestruturação e ordenamento de mercado (que vai desde padronização de embalagens, a máquinas de consulta de preços e deságua em combate a oligopólios por ex), nem de longe ..ao contrário, foi um ministro aventar a possibilidade para uma nova correção do SM e logo de cara levou um CALA BOCA público !!!

    Ouvir sobre novos planos, metas, desafios, NADA ..só ficamos mesmo na certeza de que a vaca tossiu ..e na duvida de que se até o final do mandato ela irá VOAR..

    ..e o discurso aberto dirigido à sociedade ?

    Ao invés de altivo, propositivo, positivista, chegou a ser depressivo, pareceu mais um libelo a justificativas e INTRIGAS, defesas de quem sabe que tem culpas e passivos a saldar, típico de quem NÃO tem o controle e pede por clemência, inocência e mais paciência, esta que da minha parte já acabou faz uns 4 anos atrás. Reveja um trecho:

    https://www.youtube.com/watch?v=uq6gqftRdc0

    nota – presidentE Dilma, a Petrobrás TUNGOU R$ 180 bi de novos acionistas coletados nos anos de LULA, destes R$ 60 bi já foram pro SACO, convenhamos, o trecho mostrado no vídeo em vc fala das “Vezes que tentaram no BRASIL desprestigiar o Capital Nacional estavam tentando, na verdade diminuir a sua independência, a sua concorrência, e nós não podemos deixar que isso ocorra, nós devemos punir as pessoas, não destruir as empresas”

    PresidentE Dilma, com as ações das empresas, na BOVESPA, valendo hoje cerca de 1/2 do que valiam no início do seu mandato (em muito casos 1;3, 1/4, 1/5 e até 1/6) , o que a sra pensa que seria mesmo “desprestigiar o capital Nacional” ???

    ..A sra acha que uma política de governo não tem nada a ver com este quadro calamitoso de falta de rumo ? ..e depois vem falar de capital Nacional, como se períodos desaprumados como o que vivemos com você, não nos “ajudam” a sermos FAGOCITADOS a preço de banana pelos países mais poderosos ? ..francamente DILMA ??!!

    PresidentE, realmente tb penso que as empresas NÃO podem ser “destruídas” e com elas os empregos ..mas que seus proprietários (não só diretores) tem a OBRIGAÇÃO legal de repor CENTAVO por CENTAVO do que roubaram da sociedade, do governo e dos minoritários, ah minha cara, daqui já não me resta a mínima sombra de duvidas.

    enfim ..vamos ver sob que PROJETO o governo vai querer se comunicar ..e se for pra enrolar já antecipo, na sociedade brasileira contemporânea, JÁ NÃO HÁ MAIS ESPAÇO PRA ISSO !!!!

    e lembra da 1a vez que cantei esta musica pra vc Dilma ?? ..tá fazendo 4 anos, desde quando vc prometeu e não cumpriu, ao aumentar a SELIC em 2011, assim que assumiu ..tal qual agora, em 2015, ali a vaca tb tossiu.

    https://www.youtube.com/watch?v=lyY6xYET1Xs

    • A SABESP ó: plec, plec, plec já faliu há tempo. Não cumpre mais nem a finalidade para a qual foi criada: fornecer água potável pra população. Pior: sem que a rede globo desse um pio. Alarido mesmo só contra a Petrobrás, procurando inviabilizar nossa principal empresa pública e assim poder entregar os poços de petróleo às petroleiras multinacionais. Não é assim, seu babaca manipulado?

  • Eduardo e demais blogueiros, uma sugestão:
    Tentem marcar uma entrevista com a Presidenta Dilma pelo menos a cada quatro meses.
    Dilma tem, caso queira utilizá-lo, um trunfo de importância capital na área de comunicação:
    Os “Blogs Sujos”.
    Fica a sugestão.

  • Edu, porque um governo trabalhista vai mexer nas aposentadorias? Quem se aposentou com redução de 50% devido ao FATOR, em caso de morte, seus dependentes irão sofrer uma nova redução de 50%? É muita maldade para quem trabalhou desde os 14 anos. Questão de Direito Humano, não acha?

    • Olá meu amigo, não e bem assim. Procure ler a legislação ou seja a Medida Provisória, para entender o que está sendo proposto. Não acredite apenas naquilo que sai no PIG

      • Almir, se o FHC e o Serra foram carrascos com os trabalhadores aposentados criando o tal fator para lhes tungar a aposentadoria então por que o partido trabalhista que tanto defende os trabalhadores não acabou com ele? Tiveram 12 anos pra fazer isso e até agora nada. Continuamos no aguardo.

        • Gozado, pq vc não reclama da EC 41/03, a reforma previdenciária, que criou o teto salarial dos servidores públicos?

          Foi, DE LONGE, a pior sacanagem já feita com aposentados (no caso, inativos). Um verdadeiro roubo, atingindo direitos adquiridos.

          Cadê a indignação?

          Ou não é conveniente se indignar com isso?

  • Quem não conhece esse dai(Rossetto) que o compre…
    No RS ele não se elege nem pra vereador de cidade de 1000 habitantes, o doido in casu, fazia parte do governo Olivio Dutra 1998-2002, governo este que.
    1- mandou embora a montadora Ford do estado, pois no dia combinado para receber os executivos da mesma, o Sr, Olivio Dutra (então governador) recebia no palácio o pessoal do MST que 8 anos antes tinha degolado um soldado da Brigada Militar no centro de Porto Alegre.
    2- empossou como secretário de segurança o tal de Bisol que no seu período afrouxou pro MST.

    O desgoverno Olivio/ Rosseto, quebrou o RS, e até hoje o estado paga milhoes em indenizações á produtores rurais que de 1998 á 2002 tiveram suas terras invadidas pelo MST e não desocupadas, pois a dupla petista não cumpriu sequer uma determinação judicial nesse sentido, dai o estado paga a conta…
    Por isso Rosseto já tentou de tudo e não foi eleito, Olivio em 2014 tentou o senado e o povo gaucho deu uma resposta á ele , Não!
    Diante de tanta incopetência , olivio ganhou no governo lula o cargo de ministro, e rossetto agora iden, ou seja, para estar no governo Dilma , basta ser incompetente e impopular.
    Em tempo: será que Dilma sairia sozinha aqui na Av. Paulista????

    • O Celso, pelo visto, andou vendo muito a RBS e lendo a ZH… Suas observações são um tanto enviezadas…Mude de canal. Atribuir ao Olívio o descalabro das finanças do Estado… vá contar isso nos EUA.

      • Quando Britto saiu do governo, deixou o cofre cheio para olivio, e olivio deixou o cofre vazio para Rigoto, sem contar que olivio foi o governador que mais teve apontamentos pelo tribunal de contas, isso é fato concreto.

      • Roque, o tal do Celso é tucano e assíduo frequentador do PIG. Ele vive no mundo imaginário do PIG e do PSDB. Além do que ele é tão imparcial quanto o imparcialismo da famiglia Marinho.

  • Eduardo, pergunte ao Rosseto qual a austeridade para a política de publicidade, porque até o momento a mídia anuncia com muita alegria austeridade para o povo… Não seria o caso de cortar verbas neste sentido para os grandes veículos de comunicação que mente diariamente para o povo, desinforma?

  • Se Dilma não resolver logo o problema da regulação da mídia,ela sofrerá um golpe,não sei,se militar ou do judiciário. Se não vai tentar fazer a regulação da mídia, é só dizer;Se vai tentar fazer a regulação da mídia tem que fazer logo,se não fizer logo ela será derrubada do poder.

      • Criadores das más notícias, isso sim.

        Até de tapiocas eles reclamam. E isso quando não inventam, como o grampo sem áudio e fazendas do Lulinha e fichas policiais falsas e tantas outras canalhices.

        Tem que ser muito cego, ou muito sem vergonha, pra não ver que a imprensa mente descaradamente e chamá-la de “mensageira”.

  • pelo menos agora o governo esta se comunicando , que é uma coisa muito boa. sem comunicaçao , nao tem como saber quem é quem nessa batalha. e nao pode de jeito nenhum deixar o pig esgoto pautar a comunicaçao do governo. sem comunicaçao é impossivel governar.

  • Poxa, Edu, liguei as 9:35 e já estava na parte final. De qualquer forma, gostei. O ministro foi convincente em defender que o governo não fez ruptura. Pelo menos achei isso.
    De fato, o FHC promoveu medidas neoliberais, como parece que a Dilma está fazendo, pelo menos em parte. Acontece que os tucanos quebraram o BRasil três vezes e desempregaram milhões. É preciso aguardar os resultados do tal reajuste, antes de dizer que Dilma governa com o programa do Aécio, como falaram as meninas blogueiras.
    O Rosseto é o contraponto ao Levy. Só que este último está toda hora no pig. E o Rosseto vai ficar só no NBR? E nos blogs sujos? Por mais que a blogosfera cresça com o trabalho hercúleo do Edu entre outros, ainda não tem como competir com o alcance da mídia pig.
    Mas sem dúvida, a Dilma está melhorando em relação ao primeiro mandato na área da comunicação, mesmo que a conta-gotas.
    Pelo menos não teve omelete com a Ana Maria Braga e sim pão e manteiga com o Edu!

    • Decorou a cartilha direitinho, hein? Quando FHC quebrou o Brasil? Isso é mentira, ele recorreu a empréstimos externos justamente para não quebrar. A última vez inclusive por causa do risco Lula de ganhar a eleição, que conseguiu enganar a classe média com a famigerada “Carta ao Povo Brasileiro”. Tenho apenas 30 anos. Infelizmente não creio que vá viver o suficiente para que seja consertado o estrago que 16 anos de governo petista fez com o Brasil…

        • 12 anos, mas ganhou a eleição para mais 4…12+4=16…bastante tempo para continuar o “legado”. Incompetência administrativa, distribuição de cargos estratégicos por pura afinidade política sem qualquer competência técnica (por exemplo, cargo tal é da cota de Renan).
          Corrupção endêmica não pelo vil metal simplesmente, mas um neobanditismo oficial se associando ao que mais de podre existe na velha política (Sarneys, Calheiros, Collors, Barbalhos), para se manter no poder.
          Mas uma coisa agradeço, Eduardo. Com certeza temos opiniões diferentes, mas agradeço o fato de não estar censurando meus posts, coisa que acontecia na época eleitoral. Abraço.

          • Durante a campanha eleitoral eu bloqueei quem lutava para eleger Aécio ou Marina, pois entendi que seria ruim para o país

          • A menor taxa de desemprego da história, a saída de dezenas de milhões da fome, o combate efetivo e eficiente à miséria, a redução das desigualdades sociais, o aumento real dos salários são realmente muito ruins pro país.

            Bom mesmo seria voltar às filas de emprego, do pão, do combustível…

            Imagina a tucanada de volta… se com crises localizadas, como a da Russia, eles deixaram o país quebrar, imagina o que aconteceria diante da maior crise da economia mundial desde 29?

            Estaríamos todos mendigando, em vez de vir aqui pra ler vc torcer pra se ferrar.

      • FHC quebrou o país três vezes. Teve que recorrer a empréstimos pra poder pagar suas dívidas. E esses empréstimos vieram com custos imensos.

        O resultado daquilo que vc se ilude achando que era “boa administração” pode ser perfeitamente exemplificado pelas filas kilométricas pra tudo que havia na época. MAs, mais especificamente, pra EMPREGO.

        Tivemos o segundo maior desemprego do mundo à época. 25%!

        O patrimônio brasileiro foi entregue a preço de banana e perdemos 100 BI de dólares, POR BAIXO.

        A “jenialidade” de FHC NÃO acabaou com a inflação, como dizem por aí. Apenas a transformou em dívida pública. ISSO foi o plano real de que tanto vcs se orgulham pq ninguém nunca lhes disse a verdade.

        Mesmo assim, a inflação de FHC terminou em 12% aa. E os juros da dívida que “conteve” a inflação chegou a 45%. A dívida interna em relação ao PIB decuplicou.

        Se não fosse o Lula, hoje estaríamos na situação da Grécia ou, pior, da Ucrânia. Afinal, foi o MESMO “plano real” – na verdade, o plano do FMI, do consenso de Washington – que foi implantado em todos esses lugares, e exatamente com o mesmo objetivo: quebrar o Estado e reduzi-lo ao máximo, escravizando o país com uma dívida impagável.

        E todos na mesma época.

        Vc deveria é estar agradecendo, Lula não apenas tirou 40 milhões da miséria absoluta e acabou com a epidemia de fome e levou água pro Nordeste, etc. Ele tirou o nosso pé da armadilha na qual FHC nos colocou.

        E que estrago os 12 anos de PT legaram? Temos uma economia estável, apenas em 2 anos ela se tornou um pouco mais complicada, ambos devidos a uma crise econômica mundial histórica, estamos construindo a infraestrutura necessária pro país crescer (isso quando o MP tucano deixa…), estamos com a inflação perfeitamente controlada, crescemos bem mais nesses 12 anos do que nos 12 anteriores e, acima de tudo, reduzimos a pobreza, acabamos com a fome e temos uma das melhores taxas de desemprego do mundo. Investimentos em educação e saúde nos fizeram avançar, o país passou a ser respeitado no mundo, etc.

        E não tem fila nem pra arrumar emprego de lixeiro, nem pra comprar pão.

        Tudo o que vc pode dizer contra esse governo é de “corrupção”, que nada mais é do que exageros de uma imprensa opositora. A da Petrobrás, por exemplo, vem da época do seu querido FHC – que, como sempre, não é sequer investigado, pois a PF, o MP e o judiciário foram COMPLETAMENTE instrumentalizados pela tucanada.

        Mas, pelo menos, há investigação hoje, coisa que não havia com o engavetador geral dos tucanos.

        O estrago, cara, foi causado pela tucanada, isso sim. Ainda estamos pagando E CARO tanto pelas BURRADAS que eles cometeram, como pelas canalhices. E com 40 anos, espero viver o suficiente pra ver esse estrago todo ser eliminado. Especialmente essa estupidez neoliberal de fazer dívida pra controlar inflação.

  • UM MILAGRE: apesar de todo o terrorismo midiático, o

    desemprego em dezembro cai para 4,3%, o menor índice da história

    Fonte: http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/

    A taxa de dezembro da Pesquisa Mensal de Emprego (PME) divulgada nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) ficou 0,5 ponto percentual abaixo da que foi registrada em novembro, e também aquém da mediana das expectativas em pesquisa da Reuters, de 4,6 por cento.

    Com isso, a taxa média de desemprego do ano passado ficou em 4,8 por cento, também marcando o menor nível histórico, abaixo dos 5,4 por cento vistos em 2013.O desemprego brasileiro caiu a 4,3 por cento em dezembro e igualou a mínima histórica, mas a principal razão para isso foi a menor procura por trabalho.

    Em 2014, a média anual da população desocupada foi estimada em 1,176 milhão de pessoas, 10,8% abaixo da média de 2013, quando era 1,318 milhão. Já a média da população ocupada teve um recuo de 0,1% em relação ao ano anterior, passando de 23,116 milhões de pessoas para 23,087 milhões.

    Em dezembro de 2014, o nível de desemprego chegou a 4,3%, queda em relação a novembro, quando era 4,8%. A taxa registrada no mês foi igual em comparação ao mesmo período de 2013, mantendo o menor nível de toda a série histórica.

    A PME é baseada nos dados das regiões metropolitanas de Recife (PE), Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Salvador (BA), Rio de Janeiro (RJ) e Porto Alegre (RS). A pesquisa não inclui no cálculo de desemprego pessoas que não estão trabalhando, mas também não estão buscando emprego‏.

  • Duas perguntas básicas para iniciar o café sem manteiga, de forma que possa valer a pena, ao menos para o ministro transmitir a “dona muda e surda”, que não estamos nadica contentes com quem elegemos e que controle remoto é inocência muita ou patetice extrema, sem outra opção:
    1. Quando começam as pedras não ficarem umas sobre as outras, como permanecem, sobre o episódio “capa da Veja / Petrobrás?
    2. Vendo à edição do Jornal da Globo de ontem o ataque animalesco de William Waak e Cristiane Pelágio ao governo e a Petrobrás, o governo justifica como, continuar alimentando essas bestas para ser estraçalhado por quem confessa-se, há muito, líder da oposição?

  • Petrobrás : um tiro no pé e na tapa dos cearenses
    A Petrobrás deu uma bandeira à oposição de bandeja. Anunciou o cancelamento das 02 Refinarias Premium (MA e CE ) .A oposição e os coxinhas de uma modo geral estão soltando fogos de alegria. Como vamos defender a Dilma assim? Fica difícil…

  • A roubalheira na Petrobras vem de longe e aumentou mais ainda com a frouxidão que FHC permitiu fazer nos rigores da licitação. A Dilma resolveu estancar essa sangria e vejam no que deu: a mídia e a oposição, somados aos interesses internacionais, colocou-a à beira do impeachment ou da ingovernabilidade. Nenhum governo antes dela teve coragem de botar a mão nesse vespeiro. A gente se pergunta: não seria melhor ela também ter fingido que não via essa excrecência? Podemos continuar a ter esperança no Brasil? É óbvio que com o superfaturamento das obras o custo Brasil fica nas alturas, mas e agora, o que vai acontecer, é o que ficamos a pensar. Todos contra ela, até o MP, que deveria ser imparcial, a PF do Lava-Jato, o juiz Moro ( criado numa família anti-petista e próximo ao tucanato ), o que vai ser? A mídia recebendo bilhões da SECOM, a Dilma sem estratégia de comunicação com o eleitor, a votação na próxima segunda-feira para presidente da Câmara, com o Cunha quase favorito, a falta ‘água em SP começando a parar o comércio e daqui a pouco a indústria, o que vai ser?

    • Estancar a roubalheira como? Aprovando a compra da refinaria de Pasadena? Ou mantendo Graça Foster na presidência enquanto o valor da empresa despenca?

  • Por favor pergunte por que as refinaria Premium 1 e 2 foram canceladas depois de se gastar quase , nossa, 3 bilhoes de reais? Será que as referidas refinarias estão catalogadas no cartório onde Lula registrou todas as obras de seu governo/

    • MARCITA:
      Por que as refinarias Preium I e II foram adiadas e não canseladas?
      Porque refinarias não podem ser afundadas como a P36 que custa 10 vezes
      o projeto das refinarias que podem ser executado logo apos o boicote do preço
      do petroleo.
      E garanto que vc com toda sua sabedice não tira a P36 do fundo do mar e muito
      menos aprova sua investigação te manjo sonegadora…

  • Fora de Pauta

    Fonte: http://www.portalmetropole.com/2015/01/empresas-comecam-deixar-sao-paulo-pela.html

    São Paulo: O caos se aproxima, mas o Alckmin é inocente, diz o PIG

    Empresas começam a deixar São Paulo pela falta d’água – http://www.portalmetropole.com/2015/01/empresas-comecam-deixar-sao-paulo-pela.html

    Várias empresas estudam deixar São Paulo pela crise hídrica e economia do estado pode afundar

    Por redação, com SpressoSP A crise hídrica em São Paulo está levando empresas a direcionarem seus investimentos a outros estados. Indústrias estão migrando para Paraná, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Nordeste para reduzir o uso do mineral. Empresas do ramo de bebidas, papel e celulose, inclusive, fizeram o que o governador Geraldo Alckmin não fez: enxergaram uma possível estiagem, aliada à falta de planejamento, e, desde o ano passado, vêm se preparando para não sofrerem com os prejuízos da seca.

    A Coca-Cola e a Ambev, por exemplo, começaram, a partir do segundo semestre de 2013, a investir R$2,4 bilhões em plantas de matérias primas no Paraná. A Coca-Cola afirmou que “ações para mitigar os efeitos da crise hídrica estão sendo estudadas”. Já a Ambev, está com novas instalações em Ponta Grossa e, de acordo com a prefeitura da cidade, foram investidos R$580 milhões.

    Porém, a Ambev diz que não sairá do estado, pelo menos por enquanto. Transferir parte dos investimentos para outros estados foi uma solução encontrada por essas companhias para os custos no tratamento da água, já que, quanto mais baixos os níveis dos rios, mais dificuldades para retirar lama e sujeira.

    Confira o artigo original no Portal Metrópole: http://www.portalmetropole.com/2015/01/empresas-comecam-deixar-sao-paulo-pela.html#ixzz3QFSMji1p

  • Ainda há lunáticos capazes de elogiar o cafajeste do Antonio Brito, que entregou o estado em conluio com o incompetente do FHC. O Olívio não mandou a Ford embora, ele estava negociando com ela quando os deputados gaúchos foram à Brasilia pedirem a intervenção do FHC para a Bahia dar mais “incentivos” para a multinacional, e assim, poderem dizer essa bobagem que o idiota aí de cima disse. Os governos do pmdb foram um caos para o estado. Um catastrófico do Brito RBS, e dois pífios do Simon e do Rigotto que começaram e terminaram e ninguém notou.

  • Assistir a toda a entrevista, pulei apenas pequenos trechos menos importantes, e antes de começar a analisá-la, e, com isso destacar os aspectos mais importantes, gostaria de dizer que uma falta terrível foi não haver nenhuma pergunta referente à Operação lava Jato e aos prejuízos que a Petrobrás, as empreiteiras e a Economia brasileira vêm sofrendo, por sinal, ontem o Blog de PHA noticiou que já estão havendo grandes demissões nas empreiteiras e com isso quadros sociais gravíssimos em cidades onde grandes obras da Petrobrás estão instaladas; refinarias, estaleiros, petroquímicas, que já demandam até ações de socorro das prefeituras dessas localidades, que de uma hora para a outra veem suas Economias ruírem,, já que as demissões das empresas ligadas à Petrobrás prejudicam o comércio e os serviços dessas cidades. Não rpecisa ser um Gênio para perceber o efeito dominó que isso gerará na Economia brasileira e na própria capacidade do Brasil explorar o Pré-Sal, ajudando os colonizados de plantão que sonham em desmontar a Petrobrás, a Partilha e entregar o pré-sal aos EUA. Sobre a entrevista, quero parabenizar a Blogueira Maria Frô(Conceição Oliveira)por seu desabafo que sintetiza de forma clara o que a verborragia de Rosseto tentou esconder. NÃO SE TRATA DE ACHAR QUE DILMA ESTÁ FAZENDO O MESMO QUE AÉCIO OU MARINA FARIAM, ÓBVIO QUE ELES FARIAM UM “AJUSTE” NEOLIBERAL MUITO MAIS EXTREMO, NEM DE SER CONTRA O GOVERNO COMO FAZ A ESQUERDA BURRA. MAS SIM DE ENTENDER QUE ESTE GOVERNO É UM GOVERNO DE COALIZÃO, PORTANTO DE DISPUTA, E NESTE MOMENTO ESTÁ REFORÇANDO DE FORMA CONTUNDENTE SEU VIÉS CONSERVADOR, ADOTANDO MEDIDAS QUE PODEM E VÃO PREJUDICAR MUITO O BRASIL, QUANDO JÁ PASSOU DA HORA, PELA EVOLUÇÃO QUE O PAÍS PASSOU NESTES ÚLTIMOS DOZE ANOS EM TERMOS DE ECONOMIA E PORQUE SE ESTE GOVERNO FRACASSAR E A ECONOMIA ENTRAR EM RECESSÃO(E AS MEDIDAS NEOLIBERAIS ADOTADAS GERAM RECESSÃO)OS CONSERVADORES VOLTARÃO AO PODER E MERGULHARÃO O BRASIL NUM NEOLIBERALISMO DE EFEITOS AINDA PIORES QUE OS DA ERA FHC, DEVIDO AO GRAU DE INTENSIFICAÇÃO QUE O CAPITALISMO NEOLIBERAL ATINGIU NOS ÚLTIMOS ANOS. Portanto, deve-se avisar-se a Rossetto que o Governo não poderia dificultar o acesso da população a benefícios previdenciários para gerar Caixa(e ainda por cima usando a desculpa de “fraudes”. “Fraude”, como casamentos arranjados, se combate com investigação e não tornando mais difícil o acesso ao benefício, até porque as novas regras também poderão ser fraudadas), enquanto deixa de tomar medidas que cobram daqueles que têm mais, e conseguiram através do nosso modelo excludente e exploratório, e têm que ser penalizados, por uma questão moral e Econômica, em benefício da Sociedade. Deixar de taxar grandes fortunas ou de diminuir os juros é sim dar uma guinada conservadora sem justificativa econômica concreta, mas só explicável pela medo de encarar essa briga política. Para se ter uma ideia do quão furadas são as justificativas do Governo, só com o aumento da Selic que o BC acaba de anunciar, o Brasil pagará mais R$20 bilhões anuais aos detentores dos títulos da dívida pública; banqueiros estrangeiros e grandes capitalistas nacionais; o mesmo valor que os “ajustes” de Joaquim Levy e seus neoliberais(as quais Rossetto tenta dar uma capa de “necessários”)irão “economizar” neste mesmo período. LITERALMENTE O GOVERNO VAI RETIRAR DOS MAIS POBRES E ENTREGAR AOS MAIS RICOS ATRAVÉS DO AUMENTO DA SELIC. CADÊ A EFICIÊNCIA ECONÔMICA NISSO? QUANTO LEVY NÃO ECONOMIZARIA SE REDUZISSE A SELIC, E DEIXASSE DE TER MEDO DE MÍRIAN LEITÃO E DOS BANQUEIROS ESTRANGEIROS, E MANTIVESSE INTACTOS OS BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS. Ainda conclamaria as forças de esquerda a apoiá-lo nessa jornada, que inclui democratizar a mídia para que a Globo pare de vender ao Brasil que reduzir a Selic é um crime, para que comecemos a avançar nas modificações estruturais nos pilares de nosso atraso, como disse Conceição Oliveira. Depois de ter-se acesso a esse dados, fica impossível acreditar que não se trata de uma escolha política, sem qualquer “justificativa econômica, que vai afetar os mais frágeis, incluindo-se os jovens que têm maior rotatividade no emprego e não receberão o seguro desemprego, resultante de uma falta de coragem do Governo Dilma de comprar essa briga e ir para a esquerda, o que além de ser o correto em termos de opção política, ainda geraria muito mais recursos econômicos. Não vamos entrar numa de PSOL e começar a ajudar a direita, mas também não podemos negar que o Governo Dilma cedeu sim à direita, da qual não deixará de apanhar do mesmo jeito, e corre o risco de mergulhar o país numa crise econômica por adotar a receita errada, o que será usado pela direita para culpar o modelo desenvolvimentista, o modelo que Dilma abandona ao optar pelo neoliberalismo de Levy, e fazer campanha em em favor de um candidato neoliberal puro sangue, que mergulhará o Brasil no mesmo caos que vive a Europa, já que não tenham dúvida que a Globo jamais dirá que foram as medidas conservadoras do Governo Dilma que quebraram o Brasil , mas culpará exatamente as ações corretas. É isso que Dilma tem que entender e, intensificando o que disse Maria Frô, escolher definitivamente a briga em sua ação política, entendendo que quem quer agradar a todos, ou talvez a apena um único lado, acaba paralisado ou vira escravo.

  • Bom, vou dizer o que eu senti:

    1. Disposição espacial estranha, formal, que demarcou uma diferença: o Rosseto ficou em outra mesa, diagonal à dos blogueiros (não foi assim no encontro com Dilma e Lula).

    2. Ficou mais Pergunta-Resposta que diálogo porque pareceu haver uma distância entre o que interessava aos blogueiros e o que o discurso pronto estava podendo entregar.

    3. Resposta recalcitrante sobre a Ley de Medios: será que quer dizer que não se terá a “coragem” para essa iniciativa tão necessária?

    4. O ministro deve abandonar as tamancas, a entonação de defesa e entrar em sintonia, parando para entender o que as perguntas estão expressando. As blogueiras transmitiram indignação em termos ideológicos – o ministro “reagiu” ao invés de “compreender” que na verdade elas repercutem o que tantos estão sentindo aqui “embaixo”.

    5. O Edu logo de cara nos representou, colocou nossa estranheza diante da dificuldade de comunicação do governo, da escolha de ministros polêmicos, da sensação de estelionato eleitoral, etc. Ao responder, o ministro tem que ter em mente que através dos blogueiros fala com a militância e que esta não quer só dados, mas posicionamentos políticos.

    6. Em alguns momentos me pareceu que, por viver lá nas esferas, ele não alcançou realmente o que está acontecendo cá em nossos corações e mentes (rs). Talvez isto aconteça com muitos que ficam muito tempo no poder. Hora de se reciclarem, voltarem a comer pão com mortadela na padoca da esquina.

    Ótima a iniciativa, esses encontros são também um exercício; ao se repetirem ficarão mais em sintonia e produzirão um resultado produtivo para “nóis” aqui. Parabéns ao governo e aos blogueiros. Vamos ver se nos próximos diálogos não ficamos com a impressão de que estamos diante de projeto desenvolvimentista e não claramente de esquerda, um projeto progressista que avança dentro de estruturas nas quais não se pretende mexer/mudar.

  • Só mais uma observação: claro que um encontro no planalto tende a ser mais formal; aquele que houve aqui com o Padilha, achei mais produtivo e interessante, as colocações puderam ser mais aprofundadas.

  • Desemprego cai e seguro-desemprego dispara? Queremos direitos, não fraudes
    29 de janeiro de 2015 | 18:46 Autor: Fernando Brito

    Fonte: Tijolaço – http://tijolaco.com.br/blog/?p=24446

    carteira

    Não é preciso dizer que sou, e a vida inteira, contrário a qualquer retirada de direitos de trabalhadores.
    Mas, igualmente, sou contra espertezas e arranjos que se possam fazer com dinheiro que pertencem ao trabalhador.

    Hoje, quando os jornais noticiaram o primeiro déficit desde 1997, algo ficou pelo meio dos textos e pode ter passado despercebido.

    É que os gastos com seguro-desemprego (e, em escala menor, abono salarial) responderam por R$ 10 bilhões, dos R$ 17 bilhões do déficit total do Tesouro.
    Um crescimento de 21,7%.

    Como são vinculados ao mínimo, estes valores subiriam 6,78%, se tivessem de atender ao mesmo número de trabalhadores desempregados.
    Subiram o triplo.

    E deveriam ter caído, porque o desemprego, em 2013, foi de 5,4 por cento; e em 2014, ficou em 4,8 por cento, a menor marca da história.

    Algumas pessoas, todas com a maior boa-fé, estranharam aqui que eu tivesse defendido regras mais duras na regulamentação do seguro desemprego.

    Não preciso fazer demagogia e não confundo cortes moralizadores com cortes desastrados, que atinjam os programas de distribuição de renda e os investimentos públicos.

    Defendi e defendo, porque não vou ser hipócrita de negar que formou-se uma teia de cumplicidade entre empregados e empregadores para demissões simuladas, com devolução de multa do Fundo de Garantia e recebimento “por fora” (e menor) enquanto dura a percepção do seguro desemprego.

    Claro que isso exige a regulamentação do dispositivo constitucional que pune a rotatividade excessiva de mão de obra.

    Que não é simples e não pode ser linear.
    Mas é dever do governo e deveria ser também das centrais sindicais encontrar caminhos para eliminar o mau uso de um seguro que, este ano, deve ter chegado perto de 10 milhões de beneficiários.
    Hipocrisia não faz bem a ninguém.

    E hipocrisia com dinheiro que pertence ao trabalhador (é com recursos do PIS que se paga o seguro) é pior ainda.

    As regras mais corretas podem não ser exatamente as que o governo anunciou, é preciso verificar se elas atingem injustamente trabalhadores.

    Mas que é preciso regras diferentes das atuais, é.

    Tanto para a rotatividade quanto para as “espertezas”.

  • Após acumular dívidas de mais de US$ 6 milhões, o Brasil perdeu os direitos no TPI (Tribunal Penal Internacional), entidade sediada em Haia. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o País passa por uma saia-justa, tendo a segunda maior dívida de um país nas Nações Unidas.

    • Agora que CUBA cedeu À realidae dos fatos ..só faltam 2 reconhecerem que o mercado fala mais alto ..um é a Coréia do Norte ..o outro é DILMA Du-chefe

      • Quem cedeu à realidade foram os EUA. Afinal, foram eles que impuseram o embargo com o propósito EXPLÍCITO de derrubar o governo cubano e mudar o sistema político e, agora, estão se rendendo ao fato de que Cuba resistiu por décadas. Vão terminar o embargo SEM que o governo caia, nem que o regime mude.

        A economia existe pra servir aos cidadãos e não estes pra servir ao seu precioso deus mercado. Os cidadãos falam mais alto, no final. Mais do que o capital que deles se alimenta.

    • Isso pq os encargos foram elevados.

      E isso a imprensa que vc repete não informa. Há uma discussão diplomática acontecendo, não foi mera má vontade, nem falta de condições de pagar.

  • Edú, desculpe-me máis não dá para aguentar mais. Será que não há ninguem nos quadros do PT ou Governo Federal que possa assumir a defesa da Petrobrás antes que ela seja destruída. A lambança que está sendo feito pelo Pig e operadores tucanos da Lava jato, tem que ser rebatida, prá ontem, pois até rebaixamento de notas por aquelas mafiosas agência americanas de risco (que somente operam os interesses americanos). Por mais honesta que a Graça Foster e atual Conselho da Petrobrás sejam, é uma de uma ingenuidade e precariedade administrativa de dar dó. É uma tragédia para a Petrobrás e seus milhões de acionistas minoritários, além da destruição da soberania brasileira.

    O Pig e sócios tucanos inventaram o fantástico número de 88 bilhões de possível baixa contábil, em função dos desvios /corrupção através do chamado cartel. Pois, este número não existe. Ninguem sabe ainda quanto foi. E seja qual número for, já foi pago pela Petrobrás e os ativos ou obras já estão incorporados ao patrimônio da Empresa. O que tem que ser feito é cobrar dos corruptores e corruptos, a devolução à Petrobrás, dos valores pagos a mais. Quem tem que receber dinheiro é a Petrobrás. E, se for o caso realizar uma reavaliação dos ativos.

    Más, como a Dilma/Gov. Federal e Graça são pautados pelo Pig, parece que não tem mais ninguém raciocinando. Não é que a Graça Foster ainda dá entrevista assumindo que o valor absurdo pautado pelo Pig pode ainda ser maior. Desculpe-me novamente, mais é uma “Anta Política”, alquém precisa reagir urgentemente, e não mais serão estas figuras que estão aí.

    Além de eleitor do Lula e da Dilma, sou também minoritario da Petrobrás ha mais de 20 anos e, estou sentindo duplamente a tragédia se aproximando: na perda da Petrobrás e soberania Nacional e no bolso pois, assim como eu, milhares de minoritários estão vendo seu patrimônio ir pelo Ralo.

    Sérgio

    • Desculpe, mas você realmente escreveu isso? Está sendo irônico? A imprensa destruindo a Petrobrás? Só pode estar de brincadeira. O PT acabou com a Petrobrás de uma forma tão intensa, seja pela incompetência, seja pela roubalheira, que nem privatizando dá jeito. Quem quer comprar isso?

      • Cara, saia desse seu universo paralelo. A Petrobrás é hoje a maior petrolífera de capital aberto do mundo! Como que o PT “destruiu” a Petrobrás, quando ela bate recordes TODOS OS MESES?

        É uma afirmação irreal e absurda.

        A corrupção na Petrobrás vem há décadas. Nunca foi um problema. Mas a imprensa está, SIM, exagerando, pressionando, fomentando uma PERCEPÇÃO falsa da realidade.

        E isso pq o PT se propôs a investigar e “não deixar pedra sobre pedra”.

        Caraca, o operador chefe da coisa é TUCANO. Foi colocado lá por eles. Já declarou que quem mais recebeu dinheiro do esquema foi o PSDB. E vc vem me falar que a culpa é justamente de quem o colocou pra FORA da Petrobrás?

        Ah, vá procurar água na Cantareira…

  • Merecedores pela presença, embora de poucos, pelo modo prático, vivenciado e direto de faar, perguntar, refletir e se apresentarem, sem ternos, nem gravatas, os Blogueiroscumpriram mais uma vez com sua missão de bem entrevistar o ministro, que os convidou ao Planalto. Quanto a ele, não devo, nem psso opinar em termos semelhantes. Tomara que, após a experiência desta enetrevista, pelo exemplo de seus interlocutores, em particular, seguido o jeito de comportar-se de Lula, tomara que aprendar a ser prático, coloquial e empático ao pretender prestar contas do Governo Federal, cuja Presidente ele serve com a tremenda responsabilidade de que só é ministro, porque mais de 50 miljões de eleitores votaram em Dilma. E não podem ser tratados como entes desencarnados, dados de planilhas ou pura e simplesmente gente boa e pacata, dizendo sempre e semepre amém ou esconjurando acertos e dedsacertos,, partidos de “generosaas” fontes de (des)informação das esfreras que rolam pelos corredores ou gabinetes de palácios brasilenses.

  • Edu, ontem assisti apenas ao finzinho da entrevista, só vi na integra hoje. Duas coisas me chamaram a atenção: apesar do apoio dos chamados blogs sujos à eleição da Dilma ano passado, as críticas a esse início de governo foram feitas nos assuntos nos quais o governo merece ser criticado, ou seja, não tem essa conversa de chapa branca, a cobrança será realizada. Parabéns. Outro assunto ainda me chama a atenção, este governo demonstra que não vai partir pra luta contra a grande mídia, e isso me parece um erro. Tudo bem que o acesso à internet têm aumentado no país, que hoje em dia basta procurar que encontramos espaço para combater as mentiras da grande mídia, mas ainda acho muito pouco por parte do governo, tem que ser mais incisivo, tem que ir pra tv combater a mentira da elite brasileira. Tem que deixar claro quem é quem, as diferenças entre as formas de pensar este país. Nisso os governos do PT falharam e pelo andar da carruagem, continuarão falhando.
    Quanto às respostas do governo, na pessoa do ministro Rosseto, tiro uma conclusão: ou estamos diante dos maiores gênios da politica, ou diante dos maiores inocentes. Repito, o governo tem que ser incisivo contra a mentira contada pela grande mídia, deveria investir mais numa tv publica como contraponto a esse lixo que vemos diariamente. Seria uma forma também de melhorar a educação da população, de torna-lo mais crítico em
    Relação ao que consome como informação.

  • …-a atual e futura falta de água em S.Paulo ,é culpa única e exclusivamente dos governos que por alí passaram neste últimos vinte anos… digo atual e futura, porque não estando levando a sério os avisos que a própria Natureza nos tem dado dia após dia,mês, após mês,ano após ano…-a região sudeste ´a maior aglomeração populacional da América Latina…é certo que os poucos reservatórios de água ,e a bacia ou vale do parahiba não dará para suprir a região por muito tempo…-o melhor recurso é a prevenição…-acredito precisarão serem feitos grandes aquedutos e túneis para a transposição de águas da bacia do Paraná e quem sabe do Prata…”serão obras faraônicas que so se concretizarão com as vontades políticas dos governos dos estados do Rio de Janeiro,S.Paulo Paraná e Minas gerais com a colaboração do governo federal… -em vez de lutarem pelo poder sem tréguas,devem lutar por uma causa comum evitando futura desertificação daquela região…-a meu ver, as chuvas cairão em lugares indesejados d’oravante…afetando a “gregos e troianos”…-outras soluções para o caso,serão paliativas e repetitivas …-a todos ,boa sorte…-SHALLON !… -Goethe-Br

  • Concordo com os ajustes quanto as fraudes sr. Ministro, mas não foi abordada a questão do corte de 40% da pensão por morte, isso não é ajuste, é esbulho do montante contribuído, atinge sim o direito do trabalhador, a MP não traz regras de transição, quem já contribuiu não pode ter esse montante cortado, neste ponto o discurso é completamente falacioso, o corte foi claro, não há falar em simples ajuste e que não fere o direito do contribuinte da previdência, vai cair neste tocante, nem que seja pelo judiciário.

  • Para a esquerda, a embromação de uma sala de espera de hospital. Sem saber se será atendida por um médico coxinha, cubano ou até se vai ter médico. Esperança, muita fé para quem acredita além de muita dor e sofrido silêncio.

Deixe uma resposta