Um golpe “belo, recatado e do lar”

Crônica

cunha

Abaixo, a explicação (esquisitíssima e pouco crível) do ministro Teori Zavascki para ter demorado quase cinco meses para julgar pedido da Procuradoria Geral da República feito ao STF em meados de dezembro do ano passado a fim de que a Corte afastasse Eduardo Cunha da Presidência da Câmara e do Congresso nacional:

Esse é o relatório do caso, cumprindo registrar que o pedido foi formulado em dezembro de 2015, às vésperas do recesso do Judiciário e das férias forenses, de modo que o seu processamento somente pôde ocorrer, de modo efetivo, a partir de fevereiro do corrente ano, quando se oportunizou ao requerido o exercício da defesa e do contraditório, na forma recomendada pela Constituição Federal. Ademais, uma sucessiva ocorrência de fatos supervenientes – registrados ao longo da presente decisão – determinou que apenas em data recente o pedido veio a ostentar as adequadas condições para ser apreciado, o que a seguir se faz

O diabo mora nos detalhes. As “adequadas condições” a que se refere o ministro seriam Cunha defenestrar Dilma antes da degola? É o que muita gente pensa, que esperaram Cunha fazer o trabalho sujo de conduzir um processo viciado contra a presidente da República para depois descartarem-no como o lixo que é.

Outros pensam que o afastamento de Cunha é jogo de cena e não ocorrerá, pois bastará Gilmar Mendes pedir vistas do processo para que tudo volte à estaca zero.

Como se sabe, Mendes não se furta a interromper processos de interesse da sociedade com o propósito escancaradamente cristalino de procrastinar resultados que considera adversos aos próprios interesses. Porém, só o Plenário do STF pode revogar a decisão de Teori.

Em resumo: Gilmar não tem como ajudar Cunha

A teoria mais plausível, porém, é a de que a defenestração de Cunha na véspera do afastamento quase que irreversível de Dilma por seis meses constitua-se em uma espécie de higienização do golpe, com vistas a dar uma aparência de limpeza a um processo imundo, enlameado de alto a baixo por estar jogando no lixo 54 milhões de votos sem preenchimento dos requisitos constitucionais para que seja levado a cabo.

Há, porém, quem ainda acredite no STF e sonhe com uma decisão corajosa e correta daquela Corte após o afastamento de Cunha – se Gilmar não lhe devolver o mandato e o cargo. A decisão do Supremo afetaria também atos cometidos pelo (momentaneamente) ex-presidente da Câmara. Atos como a instalação do processo de impeachment…

Em um mundo ideal – em que a justiça prevalecesse –, ao considerar que Cunha não tem condições morais de estar à frente da Casa dos Representantes do povo o Supremo deveria determinar que um processo da gravidade do afastamento de uma presidente eleita e reeleita pela maioria dos brasileiros voltasse à estaca zero, na Câmara.

Contudo, com o que menos se pode contar hoje, no Brasil, é com justiça por parte de um Judiciário posto de cócoras por enormes manifestações de rua financiadas sabe-se lá por quem e popularizadas por impérios de mídia.

Seja como for, o efeito imediato dessa decisão oportunista – ainda que correta no mérito, não no timing – sobre Cunha é conferir ares de funcionamento normal às instituições na antevéspera de uma decisão do Senado que jogará no lixo 54 milhões de votos, número que corresponde à maioria do eleitorado brasileiro.

O golpe encabeçado por Michel Temer, assim, assume as supostas qualidades atribuídas pela mídia amiga à sua mulher. O Brasil está sofrendo um golpe travestido, com carinha de recatado, todo envergonhado. Um golpe belo, recatado e do lar, como convém a esses grupos hipócritas que apoiam esse ato criminoso.

*

PS: vem aí a mãe de todas as delações premiadas, a de Eduardo Cunha. Tremei, tucanos, peemedebês e congêneres

PS 2: delação premiada de Cunha leva até a Globo pro buraco

65 comments

  • Como comentei no face,a reação de Cunha é que vsi confirmar mais esta jogada.Se aceitar sem partir para a chantagem,escancara a armação.Ou mesmo se fizer alguma ameaça mas nada pratico,continuam demonstrando a armação.Sr o Cunha ameaçar,chantagear para no minimo ficar com o cargo ai pode se acreditar em algo.Mas tambem temos que esperar a decisão do plebario do STF.Mas como ja disse o Paulo Moreira Leite não ha mais como salvar a imagem do STF.

  • Saiu a deposição de Cunha, achei bom mais estou triste, confirma que vem chumbo grosso por ai, Lula e Dilma que abram os olhos e todos os progressistas, Cunha é cortina de fumaça para legalizar o ilegal.

  • O que o escalão mais próximo a Dilma “Desavisada” Rousseff (Mercadante, Zé Cardozo, Pepe Vargas e Cia. Ltda. ) está esperando para ingressar no STF com ação que impeça que essa farsa de impeachment paraguaio, protagonizado pelo “Ilibado Cunha”, prossiga, se está irremediavelmente bichado juridicamente na origem, quer no mérito, quer na forma a jato que tramita, quer na competência ética de quem o conduziu ao atropelo, a toque de caixa, a passo de ganso (ou seria de pato Skaf?), até ser votado naquela “suruba cívica, religiosa e familiar”, considerada o dia da Vergonha Nacional, 17 de abril de 2016.
    Basta de dorminhocos!
    Acordem e vamos fazer pressão nesse STF do cabo eleitoral Gigi falastrão, da conivência, da faca no pescoço, do pronunciamento não nos autos, mas na mídia parceira, nessa casa de tolerância seletiva para poderosos e intolerância preditiva para os que defendem os fracos.
    Onde já se viu esperar 5 meses para defenestrar esse mafioso petulante, apenas pela conivência bandida do gajo fazer o serviço sujo para os golpistas da Casa Grande.

  • Caro Eduardo,

    O Poder Judiciário degradou-se totalmente. O STF está todo partidarizado, e como tal, age de acordo com o calendário político, que agora é comandado pelo Senado Federal.

    Em tempo: Sem nenhuma crítica a você ou ao blog, pela primeira vez, salvo engano, percebo a sua descrença com o Poder Judiciário, manifestada no antepenúltimo parágrafo deste post.

  • Estou propenso a achar “antes nunca do que tarde”. Já que fomos feitos palhaços pelo supremo (de frango?) melhor seria de camarote assistirmos o circo pegar fogo. De nada adiantaria mas, data vênia, divertir-nos-íamos um pouco. Porque agora é esperar Inez morta. E aí chorar eu posso.

      • Gostaria muito de acreditar nisto Edu. Mas continuo achando que tudo faz parte do roteiro e os “bandidos” principais na visão do comando, entrarão em cena brevemente.
        É triste, mas é para isso todo esse enredo escabroso….

      • Eduardo,
        Não é possível que você realmente, de verdade, mesmo contra todos os fatos, acredite no seu PS1 e PS2! Eu tenho sido ingênua e tolamente esperançosa, mas você é insuperável! Todas as decisões que o stf tem tomado até agora para investigação ou afastamento, seja em relação ao Cunha, seja em relação aos tucanos, foi previamente acordado. Cronometrado em mês, dia e hora a cada conquista alcançada pelo bandido Cunha. Que fatos existem para que você tenha essa esperança?! Qual é a ideologia que norteia e tem norteado as ações do Eduardo Cunha? Respondo. DINHEIRO!!! Algum poder é sua segunda motivação. Mas a primordial é o dinheiro. Por uma razão bem simples. O poder é naturalmente adquirido com o DINHEIRO. Ele sabe, sempre soube o que lhe ocorreria. Sabia que o ministro Teori pediria seu afastamento depois de cumprir com seu dever. Ademais, ele está sendo afastado do cargo, não na iminência de ser preso. O bandido Cunha, nunca, nunca será preso. Se, por algum descuido do supremo isso ocorrer, não fará delação, pois antes de entrar em uma sela terá negociado sua permanência nela por somas vultosas, que certamente, neste momento já estão sendo acordadas. Será inocentado e continuará com a missão que jesus lhe incumbiu, de ser o testa de ferro da plutocracia brasileira, para que ela, também como sempre, continue envolta em seu “manto sagrado” de classe abastada, porém “idônea, justa e moral”, cuja única e honesta preocupação é pensar no bem-estar do país, para aqueles que realmente, de fato e de direito mais precisam: eles, somente eles e por eles mesmo.
        Abraços
        Maria Antônia

        • Eu ia fazer este comentário, quando parei para ler o seu.Concordo!

          A delação premiada só estar servindo para incriminar inocente e proteger os amigos.

          Os honestos são inimigos dos desonestos e estes são amigos de outros desonestos.

  • Hipocrisia em grau máximo.
    O Btrasil mergulha no retrocesso evolutivo da humanidade. Uma falsa elite (midia, oposição, justiça) que está ai para vender as nossas riquezas aos interesses externos conforme a expressão “Pior que os estrangeiros que nos compram são os brasileiros que nos vendem” (Serra como exemplo vendendo a Petrobras)

    A auto estima, a alma de uma nação vai demorar gerações para ser reconstruida………

    Vamos continuar a lutar contando com os amigos de ideais. O paradigma cidadão é o SERVIÇO, a solidariedade aos mais vulneraveis

  • Se houver esta Justiça desejada, como vc colocou no texto, é certo que o quase governo golpista terá muitas dores de cabeça para manter firme em torno de si, a volúvel base parlamentar de apoio feita por deputados do “Centrão” fisiológico, fora do PMDB.

    Talvez não no momento de chegada à cadeira da Presidência, mas daqui a 1 ano, quando começarem a fazer efeito as medidas “impopulares” e outras aberrações.

    E que são os responsáveis pela segurança ou insegurança política, que o Executivo deve ter para tramitação e aprovação de matérias de seu interesse, sem aperto.

    Só foram mantidos a favor do impeachment tão somente pela capacidade de garantia de benefícios futuros, articulados por Cunha junto a Temer. Se essas garantias começarem a cair, a governabilidade desmorona.

  • Concordo em tudo com você e, mais uma vez, o Lula tinha razão:
    o STF acovardou-se, apequenou-se e mostrou sua cara !!!

  • Infelizmente, na minha humilde opinião, trata-se apenas da solução encontrada para remover o celerado deputado da sucessão presidencial.

    De resto, segue o golpe…

  • Vamos fazer um Bolão?

    Quantos minutos o Jornal Nacional vai dedicar ao afastamento do Cunha?

    Eu aposto que será em 2 minutos e 30 segundos….

  • tremei PT e afins ..pois Cunha, inspirado pela vingança, NÃO se furtaria a falar tudo o que sabe e/ou ouviu dizer do governo PT/pmdb ..dilm e lula .escondendo eventualmente os pecados de outros que ainda poderiam tentar lhe ofertar guarida ..visto que o período de cana e penitência dele e da esposa parece que serão longos, atravessando futuros governos.

    • Não se esqueça dos tucanos, dos DEMOs e de outras desgraças de direita. Se Cunha envolver alguém do PT, provavelmente será como a delação de Delcídio, sem pé nem cabeça, que carece de provas.

  • Caro Edu,
    lúcido, como sempre!
    Assino, linha por linha seu post.
    Grande abraço.
    PS: Estou entre os que não acreditam no Judiciário, infelizmente.

  • Li toda a sentença da liminar concedida contra o Deputado Eduardo Cunha (link da sentença abaixo) e destaquei quatro pontos que valem a pena se debruçar para a feitura de matérias e análises políticas sobre o fato.

    Em tempo: Estou com a capacidade de elaboração reduzida pelo fato de estar enfermo, espero estar em forma em alguns dias.

    Extraído do processo de Eduardo Cunha

    Assim, a partir de quando um parlamentar passa a ser alvo de investigação por crime comum, perante o foro apropriado, também esses agentes políticos haverão de se sujeitar a afastamentos temporários da função, desde que existam elementos concretos, de particular gravidade, que revelem a indispensabilidade da medida para a hígida sequência dos trabalhos judiciários.
    No âmbito do Poder Executivo, isso fica ainda mais evidente, pois o próprio Presidente da República – que, como se sabe, ostenta a superlativa condição de Chefe de Estado, Chefe de Governo e Chefe da Administração Pública Federal – fica automaticamente suspenso do exercício de suas funções caso tenha contra si recebida, relativamente a infrações penais comuns, uma correspondente denúncia ou mesmo uma simples queixa-crime(art. 86, § 1º, I, da CF)

    10. O progresso das investigações traz, conforme exposto pelo Ministério Público, outras evidências de que a suposta utilização de deputados federais para apresentação de requerimentos na Câmara dos Deputados, com finalidade ilícita, teria sido repetido em outras situações pelo requerido. Nesse sentido, o Procurador-Geral da República sustenta que “os fatos indicam que existe um grupo de parlamentares, liderados por Eduardo Cunha, que vem se valendo dos respectivos mandatos e prerrogativas, tais como poder de requisição e convocação, a fim de pressionar e intimidar terceiros, empresários ou qualquer pessoa que possa contrariar os interesses do grupo criminoso do qual Eduardo Cunha faz parte” (fl. 27).

    Além disso, o Procurador-Geral da República identifica outros indícios de que essa mesma forma de atuação – requerimentos para pressionar empresários para obtenção de vantagens espúrias – teria
    ocorrido, por exemplo, em relação ao grupo empresarial Schahin. O Ministério Público expõe documentalmente que foram apresentados mais de trinta requerimentos na Câmara dos Deputados em face dessa empresa, “incluindo requerimentos de informações, convites para audiências em
    comissões, pedidos de auditorias ou fiscalizações […] sem contar esta última CPI da Petrobras, foram formuladas trinta e duas proposições” (fl. 33), sendo que os pedidos (fls. 1.026-1.161), em sua maioria, “partiram de cinco parlamentares ligados a Eduardo Cunha, entre eles: João Magalhães e Carlos Willian, então do PMDB mineiro, Altineu Cortês – do PR do RJ – indicado por Eduardo Cunha
    para uma sub-relatoria da CPI da Petrobras, Alexandre Santos, Nelson Burnier e Solange Almeida, os três do PMDB do RJ” (fl. 42).

    http://static.congressoemfoco.uol.com.br/2016/05/afastamento_cunha.pdf

  • A delacao premiada do Cunha:
    A Dilma e o Lula forcaram ele fayzer tudo o que ele fez e a votar acelerar o impeachment para desmoralizar o congresso, o STF e a PGR. Ele pobre Cunha nao tinha como resistir…

  • Tres ou quatro ou cinco Instituições deste nosso pais se prostituiram, ao que veementemente parece…, ao longo deste processo. A contagem numérica pode ser relativa, mas sua realidade subjacente é substantiva.
    Ninguem mais levará a serio, se ja nao o faziam, um Tcu, um PGR, um STF, um juiz da PF, pra nao falar de um mero regimento do Congresso. E varios aumentos de vencimentos dessa escoria togada vem vindo ai!!!!!!
    Isto tudo apressará em um futuro proximo a exigencia por uma nova Constituinte?
    o.x.a.l.a.

  • Entendo que se o Deputado Eduardo Cunha não tem condições morais de ser Presidente da Câmara e mesmo de manter seu mandato, ele ter presidido e decididamente influenciado no Impeachment da Presidente, é um tapa na cara em primeiro lugar do sistema democrático, em segundo de todos os brasileiros que prezam a democracia e em terceiro lugar dos que votaram em Dilma Roussef. Eduardo Cunha cai por pressão popular.A sessão do Golpe Parlamentar precisa ser anulada. O Ministro do Supremo Teori Zavascki sai muito mal na fita, pois deixou um meliante comandar uma das mais importantes sessões da Câmara de toda a história e só tomou uma atitude, que já deveria ter tomado há meses, quando Ricardo Levandowsky ia apresentar um paliativo para o STF votar, qual seja: Cunha não poderia assumir a Presidência nas viagens de Temer . É hora dos movimentos populares convocarem enormes manifestações de rua em prol da da manutenção do mandato de Dilma ou o processo voltar a estaca zero quando a Câmara tiver um Presidente decente!!!

    • Não tenho conhecimento em direito, mas, o simples bom senso diz que, se Eduardo Cunha não tinha condições de exercer o cargo,todos os seus atos tornaram se inválidos.

  • É uma pena que essa delação premiada a justiça não aceita de jeito nenhum, ela não é louca de dar um tiro de canhão no próprio pé, já pensaram se ele de raivinha resolvesse abrir a latrina?

  • Eduardo informe ai no BLOG ..em manchete ..a titulo de Interesse Público ..A USINA de Belo Monte acaba de ser inaugurada comercialmente por DILMA ..a mídia não noticia nada colega..

    • É, Romanelli, só ficamos sabendo das coisas boas feitas pelo governo Dilma só na época das eleições, porque as propagandas eleitorais veiculadas pela televisão não tem como a Globo e outros canais da TV aberta deixar de divulgar.

  • Se Teori, tardiamente, reconhece os crimes de kunha,
    será que o mouro também o fará em relação a mulher e a filha do elemento, sócias no roubo? Será que ele vai conduzir coercitivamente as “elementas” para o xadrez de Curitiba? Ou será verdade que ele só está prendendo “capoteiros” e petistas?

  • E o Lewandovsky? Estou arrependido de ter confiado nele… Até a Katia Abreu mereceu meu olhar ameno… o 43… aquele assim, de lado, desconfiado, mas…

    • Confesso que a Kátia Abreu me surpreendeu, só não sei até quando.
      A justiça não. Faz tempo que digo que a justiça tem lado e não é o do povo.
      Do povo ela só quer o salário.
      É jogo de cartas marcadas.

  • Como será o amanhã? Como reagiremos? Como impediremos o enredo já traçado?

    Exclusivo! A trama internacional que sustenta o GOLPE NO BRASIL!!!

    ESPIONAGEM, CHANTAGEM, AMEAÇAS, CRIMES!!!

    O acovardamento do STF e toda a JUSTIÇA brasileira tem um porquê!

    Parlamentares amedrontados, instituições neutralizadas, compra de votos, O SUBMUNDO DO GOLPE que nos atinge.

    Leiam em: LUZ, CÂMERA, AÇÃO!!! A HORA DO CONTRAGOLPE CHEGOU!!!

    #AssembleiaNacionalPopularConstituinte

    https://rebeldesilente.wordpress.com/2016/05/04/luz-camera-acao-a-hora-do-contragolpe-chegou/

  • O STF também é o golpe. Capanga escalado pelo capital para fazer o serviço de faxina da imundície do golpe. Até agora, tem se dado bem! Será esta ação a busca de justificativa deles para deixar derrubar Dilma e prender Lula? Estão querendo limpar o próprio poleiro? Querendo lavar as togas sujas? Não nos enganarão!!!

  • briga interna deles.. o que aconteceu é que o lewandowski forçou o julgamento (marcou para hoje) e o teori irritadinho resolveu chutar o pau da barraca, já que essa decisão já estava pronta há meses (estaria ele deixando o cunha solto para golpear o governo?).. seja como for, fica claro que estão jogando com as “formalidades”, ignorando a essência do problema.. não existe justiça.. miseravelmente a justiça mais cara do mundo também é a pior..

  • Ótima reflexão. Mas, acredito que se soubermos levar esta vitória, podemos usar a saída dele como luta. O Ministro José Cardozo, hoje na defesa da presidenta já falou com exatidão sobre o que significa este afastamento pelo STF. Sim, conhecemos todo o script do golpe, mas tentemos contabilizar pequenas vitórias a nosso favor.

  • Confesso que se o impeachment da Dilma realmente passar, eu nem quero saber o que vai acontecer com o Cunha. Não me interessa mais. Preferia até que ficasse, para enlamear ainda mais esses merdas que vêm por aí.

  • É, gente boa, ficou feio mesmo pro Teori o ‘momento adequado’, pois o ‘timing’ da coisa toda ficou bem evidente, conforme destacado no incisivo artigo em tela.

    Todavia, fato é que uma vez decretada a ilegalidade do exercício de Cunha na presidência da minúscula câmara federal, resulta caracterizada a inexorável invalidez de todo o processamento do impixe, posto que conduzido por parlamentar sem o mínimo de condições legais, éticas e morais para a direção do falacioso feito golpista.

    Agora, se o STF quiser ainda resgatar mínimas aparências de respeitabilidade, deve tratar de prover medida que se espera venha a ser ajuizada com o intuito de suspender o prosseguimento da tramitação do impixe no Senado, até que seja julgado o mérito das questões relativas à falta de comprovação de crime de responsabilidade da Presidente, bem como da questão relativa à patente falta de lisura do processamento na câmara.

    E não é hora de abandonar a ampla defesa da democracia. A disposição da resistência democrática não deve esmorecer, pois ainda existe também a possibilidade de serem revertidos no Senado ao menos oito ou nove dos votos já declarados a favor do impixe.

    Ainda há muito caminho a percorrer, com disposição que não se deve abalar diante da concreta probabilidade de efetivação do golpe de estado em marcha no Brasil. Mesmo que o jogo tenha cartas já marcadas no senado, ainda não é irreversível, de modo que o debate político deve continuar a ser conduzido com método, a fim de resultar na ampla divulgação das evidências da farsa, materializada no golpe do impixe sem crime.

    Ademais, urge definir e encaminhar uma medida judicial adequada a cobrar do STF a emergencial apreciação do mérito da questão relativa à inexistência de fundamento apto a embasar o processo de impeachment nas condições exigidas pela constituição federal, antes do prosseguimento do feito no parlamento.

    Difundir a luz da verdade, e clamar pelo cogente respeito às normas constitucionais e aos princípios jurídicos do devido processo legal e da efetiva prevalência do Estado Democrático de Direito, este é o caminho para obstar a marcha do fascismo.

    E toda essa discussão deve ser amplamente divulgada em todos espaços políticos, bem como toda a discussão acerca das razões de classe e dos interesses geopolíticos que explicam os verdadeiros motivos do golpe em marcha e os riscos reais para o futuro.

    É preciso divulgar em todos os espaços políticos, e para todos os públicos, de todas as classes, a minuciosa demonstração dos fatos que comprovam não serem as pedaladas fiscais, nem a liberação de verba suplementar, práticas que configurem crime.

    Quanto maior for o número de pessoas para as quais sejam apresentadas as evidências da absoluta inexistência de crime de responsabilidade da Presidente Dilma, maior será o número de pessoas cientes da gravíssima ameaça de golpe contra a democracia.

    Ademais, é indispensável destacar que, apesar de criticáveis, as pedaladas fiscais não envolvem nenhuma forma de apropriação indébita nem de desvio de finalidade.

    É preciso também frisar, com máxima ênfase, que os decretos de créditos suplementares foram embasados em solicitações formais formuladas por instituições públicas, algumas inclusive do próprio poder judiciário, que apontavam a necessidade de evitar assim a inviabilização de programas sociais e a interrupção de atividades essenciais do Estado.

    E a prova de que tais decretos de créditos suplementares foram firmados de maneira correta é o fato de que o congresso nacional veio depois a referendar tais decretos.

    O debate político precisa tratar também das funestas intenções daqueles que objetivam assumir o poder de forma ilegítima. É preciso demonstrar com clareza que o motivo do golpe é exatamente abrir espaço para um governo ilegítimo, para permitir a adoção de políticas que jamais seriam viabilizadas nas urnas, por serem rejeitadas pelo povo.

    Além disso, a militância progressista deve prosseguir seu trabalho de conscientização da coletividade acerca do fato de que os golpistas, e até mesmo seus asseclas fascistóides, não são nosso inimigos, mas sim adversários em um luta que é política, e que será vencida pela cidadania organizada exatamente por lutarmos de forma democrática.

    As discussões no parlamento devem lembrar aos senadores que, em tempos de internet e mobilidade de dados, seria impossível evitar que a grande maioria das pessoas, no país e no exterior, tivessem plena ciência do que na verdade significa o golpe do impixe. Bem como que o conhecimento da realidade acerca do golpe de estado em marcha fará com que todo e qualquer parlamentar flagrado a apoiar a farsa do impixe fique caracterizado como um cúmplice do verdadeiro crime, praticado contra a democracia brasileira.

    Isto significa que todos os golpistas atuantes no impixe irão com isso determinar sua própria extinção política, pois serão sempre responsabilizados pelas cruéis agressões à democracia e aos direitos sociais, e pela flagrante violação do Estado Democrático de Direito, bem como por todos os retrocessos daí resultantes.

    Quando forem defrontados com a evidência de que o voto a favor da farsa do impixe trará consequências altamente negativas para suas biografias e para as perspectivas futuras de suas respectivas trajetórias políticas, a maioria do senado perceberá que barrar o prosseguimento do golpe de estado em marcha é um dever de consciência.

  • Bem, se não fosse Cunha a “fazer o trabalho sujo de conduzir um processo viciado para defenestrar Dilma”, teria sido outro em seu lugar.
    Afinal foram 367 votos favoráveis ao impeachment e 137 contrários. Ou seja, mais de 70% dos deputados acharam que a presidente cometeu o crime de responsabilidade…
    E quando há a vontade da expressiva maioria da casa não é seu presidente que deve impedir.
    Portanto, o “trabalho sujo” é da casa e não do Cunha. Critique os eleitores desses 367 deputados que escolheram “golpistas” para representá-los…

    • Não é bem assim. CUnha tem no mínimo 200 deputados nas mãos (alguns analistas contabilizam 250). Por “nas mãos” quero dizer, deputados que foram financiados por ele (por empresas que ele intermediou) com dinheiro sujo na base de caixa 2 de forma ilegal. Claro que ele guardou as provas dos pagamentos e com isso pode delatar e fazer os deputados não apenas perderem os respctivos mandatos mas ficarem sujeitos a processos que os podem colocar na cadeia.

      Esse poder é pessoal do CUnha, sem o próprio mandato a chantagem para passar o GOLPE ficaria mais difícil porque ele teria que guardar cacife para se proteger da justiça. Além disso não estar presente lá, na hora faria a pressão dele ser muito menos efetiva. Os deputados poderiam por exemplo faltar à sessão e ele não teria condições de ameaçar os ausentes como fez.

      • O bandido Eduardo Cunha tem a maior bancada da Câmara dos Deputados, bancada esta formada por pessoas que tem vários processos na justiça, bancada esta formada por evangélicos, latifundiários, empresários corruptos e diversos canalhas (como o tal de Paulinho da Farsa).

  • A nossa Corte Suprema tornou-se uma instituição caricatural, sem nenhuma credibilidade. O cartunista Aroeira a representa de modo fiel. Estão conseguindo se igualar aos deputados CUnhistas. A propósito, onde estão os adoradores do Cunha? Será que estão chorando copiosamente pelo CUnha? Desculpem-me a infâmia mas este desabafo estava entalado na garganta.

  • TCHAU, QUERIDO!!!! E nunca mais volte!

    Yessssssssssssssssssss! Cunha fora! Pelo menos, por enquanto…mas espero que seja definitivo. Meu Deus! Como fiquei feliz quando eu li a noticia hoje de manha… foi como se tivessem tirado uma pedra enorme das costas de milhares de brasileiros que como eu, está revoltada com as tramoias e picaretagem deste golpista filho de uma p****ta chamado EDUARDO CUNHA.

    O Paulinho da Força está todo “irritadinho” porque tiraram seu protegido do poder…. ahahahahah Bem feito!

  • Prezado Eduardo:

    alguns juristas dizem que o governo pode recorrer da decisão de Eduardo Cunha devido à decisão do STF.
    O defensor do governo, senhor José Eduardo Cardoso disse que vai recorrer.

    pergunto.

    Quando um grupo de parlamentares de apoio ao governo foi falar com o ministro presidente do STF, ele disse que não havia fechado a porta para o governo recorrer da decisão da Câmara. Teria sido alí um sinal do que viria a acontecer com Eduardo Cunha ?

  • Engraçado reclamar da demora em condenar o Cunha, até que o processo dele correu rápido, vide tantos outros tão ou mais bandidos que ele por aí, à solta, com extensa folha corrida, por exemplo, o Renan ! Isso para não citar outro, que voces sabem muito bem de quem se trata, que só agora começa a ser indiciado. E mais, conforme já foi dito, e interpretado erroneamente por muitos, com Cunha, sem Cunha, o caso da Dilma teria o mesmo desfecho, não foi ele quem induziu a maior parcela do Congresso a votar da forma como ocorreu.

    • Foi, sim. Teori Zavascki explicou como ele ameaçava, chantageava e manipulava os votos dos parlamentares usando o cargo. Tudo que foi aprovado sob Cunha é passível de revisão. E a Globo News acaba de revelar que a imprensa internacional está dizendo que o artífice do impeachment é o político mais corrupto do Brasil, que ele caiu e que o golpe pode ter uma reviravolta. Daí o desânimo da Globo News

  • Cunha X STF …
    O espertalhão não é esperto em tudo. Ele não atendeu o Supremo no caso do aumento do judiciário e anunciou que examinaria o assunto depois do impedimento da presidente. Nesta manobra ele se ferrou, o Supremo não perdoou.

  • Não sou psiquiatra, mas ouvi de alguns da área médica que o Cunha é psicopata. E, eles se defendem e atacam friamente sem nenhum escrúpulo. Não tem amigos nem inimigos. Prevalecem as suas óticas de defesa e de ataque pelas suas sobrevivências ou ganâncias, não importa a quem. Temer e et caterva que ponham a barba de molho, porque se ele, Cunha, for preso, e isso, pela lógica deve acontecer, se a justiça for justiça, vamos acreditar, não vai sobrar nenhum dos deputados financiados por ele, Cunha, nas suas campanhas eleitorais.

  • A calma de Gilmar mendes e o sumiço de Moro entregaram o acordo feito entre Cunha e o STF. Cunha tá tranquilão. Na entrevista, parece que nem é com ele. Ainda declarou que na quarta o Brasil se livrará do PT! Como país inteiro já sacou, esse afastamento foi treta.
    Se não foi. Moro vai prender Cunha, a mulher e a filha ainda hoje. Vamos ver.

  • DILMA FICA…
    Cunha e temer saem.
    Sempre acreditei na reversão desse impedimento e agora mais ainda.
    Temos que usar nossas forças. Sempre aborreço um pouco o PT, o Instituto LULA, e os Movimentos Sociais…
    Dilma precisa ter oportunidade para governar sem o PMDB.
    E tudo precisa voltar ao normal, o PT e o governo precisam melhora…

  • Há que vigiar e não dormir: o afastamento de Cunha pode ser o “Halls” que facilite a prisão do Lula. Estamos vivendo em tempos sombrios!

  • O ministro Lewandowski disse que o “STF tem o seu tempo”, este tempo não é o mesmo tempo dos mortais cidadãos brasileiros, também não é o tempo do insignificante ato de 54 milhões de eleitores que escolheram Dilma presidenta. O STF tem o seu tempo precioso para impor um golpe contra a sociedade brasileira, para promover uma instabilidade jurídica e política.

    Contra bandidos do PMDB e do PSDB o tempo necessário para esfriar e levar ao esquecimento (por decurso de prazo) os crimes cometidos. Contra os movimentos sociais, o PT e outros partidos de esquerda, o tempo célere, escorregadio e fulminante, com o uso de teorias dos domínios dos fatos, dos conjuntos das obras, das literaturas que permitem, para fazer a justiça e cassar direitos políticos e sociais do povo brasileiro.

    Devemos denunciar todos os dias a falta de legitimidade deste STF, que decidiu ficar do lado do crime, das elites, das famiglias do PIG e contra o povo.

  • A Teori(a) da conspiração fica cada vez mais esculhambada.
    Muita gente inventando coisas.
    Ícones do Jornalismo, cada um a sua maneira, transmitindo sua opinião ou parecer, sobre o comportamento de cada Instituição supostamente envolvida no Golpe.
    Quero me resumir aos acontecimentos no STF.
    Muito embora essa Côrte tenha sido coniventes em outros golpes, a situação também era outra.
    Hoje, temos um STF “equilibrado”, salvo raras exceções como Gilmar Mendes.
    Assim, depois de vermos o delinquente Cunha ser massacrado por 11 a 0 resta-nos a esperança de que o STF vai manter sua lógica e desaprovar tudo o que o defenestrado fez enquanto Presidente da Câmara.
    Inclui-se aí, a abertura do impeachment.
    Digo pois, que se o STF se omitir ou até mesmo dar provimento ao impeachment, estará avalizando um crime cometido pelo bandido que hora condena.
    Não há escolha para o STF.
    Esse resultado de 11 a 0 não pode ser uma simples “lavagem de mãos”, não tem sentido.
    A Côrte estará irremediavelmente desmoralizada se aceitar o afastamento da DILMA.
    Como disse acima, a situação agora É outra.
    Temos um povo muito mais esclarecido e decidido.
    Temos muitos mais líderes para convocar o povo a defender a democracia.
    Enganam-se aquele que pensam que se LULA for preso, tudo acabará.
    Terão que prender a todos.
    Afirmo isso, porque estamos sendo informados a cada instante pela Blogosfera sobre o andamento do Golpe e seus protagonistas.
    Não há mais como os golpistas esconderem algo sem serem descobertos.
    E o povo reagirá imediatamente, com LULA ou sem ele.
    O STF não tem escolha.
    Ou honra sua decisão, ou fecha as portas.
    Sempre alerta Brasileiros.

Deixe uma resposta