Se popularidade de Temer piorar ainda mais nas pesquisas, Dilma volta

Análise

virada capa

 

Os sinais estão todos aí, só não vê quem não quer. A reportagem que você vai ler a seguir mostra que o governo Michel Temer está se enforcando sozinho e explica porque o jogo político começa a experimentar uma reviravolta surpreendente no Brasil.

Confira:

“O ministro de combate à corrupção do presidente interino do Brasil, Michel Temer, renunciou segunda-feira depois de uma gravação secreta mostrar que ele tentou frustrar arrebatadora investigação de corrupção que gira em torno Petrobras, a empresa nacional de petróleo.

A queda de Fabiano Silveira, cujo título era ministro da transparência, é outro golpe para um governo que parece mancar de um escândalo a outro poucas semanas depois de o Sr. Temer substituir Dilma Rousseff.

Dilma foi suspensa como presidente para enfrentar acusações de manipulação orçamentária em um processo de impeachment.

Um dos principais assessores do Sr. Temer, Romero Jucá, deixou o cargo na semana passada como ministro do Planejamento após outra gravação indicaram que o centrista Partido do Movimento Democrático Brasileiro, ou P.M.D.B., tinha provocado a queda de Dilma para frustrar o inquérito sobre o esquema de corrupção na Petrobras.

Em um ambiente cada vez mais paranoico na capital, Brasília, membros da elite política e empresarial do país estão gravando secretamente um ao outro com o objetivo de reunir o que oferecer em uma delação premiada. Sergio Machado, político que foi executivo-chefe de uma unidade de transporte da Petrobras por mais de uma década, transformou-se em um tesouro para os investigadores, com suas gravações.

Ao fazê-lo, o Sr. Machado, que foi acusado de ajudar a orquestrar o esquema de suborno na Petrobras, está traindo várias figuras políticas graúdas às quais gravou. Incluindo José Sarney, ex-presidente; Renan Calheiros, chefe do Senado; e Sr. Jucá, ex-ministro do Planejamento que continua um senador e presidente da P.M.D.B.

Na última revelação, o Sr. Machado gravou conversa telefônica neste ano envolvendo o Sr. Calheiros e o Sr. Silveira. Na época, o Sr. Silveira integrava o Conselho Nacional de Justiça, um órgão de supervisão do Judiciário do Brasil.

Nessa gravação, que teve partes transmitidos no fim de semana na rede de televisão Globo, o Sr. Silveira foi ouvido aconselhando o Sr. Calheiros sobre como enganar os promotores.

Um porta-voz do Sr. Silveira disse que os comentários foram ‘tirados de contexto’.

O Sr. Calheiros, juntamente com uma série de outros políticos poderosos, está sob investigação sob acusações de que embolsou enormes subornos no esquema Petrobras. Cerca de 40 políticos, magnatas de negócios, estrategistas de campanha e financiadores de campanhas foram presos desde que promotores começaram a investigar o esquema dois anos atrás.

O Sr. Temer tinha resistido a demitir o Sr. Silveira mesmo depois de funcionários do ministério anteriormente chamado de Controladoria Geral ter impedido o Sr. Silveira de entrar no prédio na segunda-feira por conta das investigações. Mas aumentou a pressão sobre o Sr. Silveira durante o dia e ele caiu.

‘É decepcionante que o ministro encarregado da transparência esteja agora sob suspeita de fazer parte de uma operação de encobrimento’, disse Alejandro Salas, o diretor para as Américas da Transparência Internacional, um grupo internacional de combate à corrupção.”

A novidade contida na matéria acima é que não foi escrita por nenhum blog “petista”. Você acaba de ler tradução de reportagem do maior jornal do mundo, o The New York Times, publicada nesta segunda-feira (31/5), conforme mostra imagem abaixo.

Para acessar a matéria original do NYT, clique na imagem abaixo

virada 1

 

É impressionante como Temer não faz nem questão de disfarçar as suas intenções nefastas. Formou um ministério essencialmente composto de investigados por corrupção e, ó que surpresa, surgem gravações mostrando que eles são mesmo corruptos.

O humorista Gregório Duvivier foi quem melhor definiu esse aspecto impressionante do governo Michel Temer na divertidíssima crônica The ‘House of Soraya, que você pode ler abaixo.

virada 2

“A política nacional tá melhor que “House of Cards”! Quem diz isso nunca viu “House of Cards”. Acho uma falta de respeito com “House of Cards”.

Se fosse uma série, teria reviravoltas. Mas não. Desde o primeiro episódio que tá todo o mundo dizendo que é golpe. Tudo indica que é golpe. Eis que, na quinta temporada, os roteiristas escrevem uma grande revelação: ouvimos o ministro do Planejamento planejando (perceberam a sacada do roteirista?) um golpe. “Óóóóóóó”, grita a plateia, meu deus! “Que surpresa! Por essa não esperávamos!”

Se fosse uma série de qualidade, Temer não teria tanta cara de vilão. Desde “Super Xuxa Contra o Baixo Astral” não se vê um malvado tão caricato –até ACM, o Toninho Malvadeza, achava Temer uma escolha óbvia demais para o papel: “Parece mordomo de filme de terror”. Nem no pior filme de James Bond (“007 contra o Foguete da Morte”, que se passa, não por acaso, no Brasil) se pensou num malvado tão obviamente malvado. Qualquer criança de seis anos quando vê um sujeito pálido com rosto esticado e voz de sarcófago sabe que é “do mal”. “Foi ele, mamãe!”, as crianças gritariam no teatro infantil. “Foi o vampiro que matou!”.

Numa série de respeito, os vilões tentam, pelo menos, fingir que são “do bem”: não escalariam um ministério só com homens, não receberiam o Frota no Ministério da Educação e, sobretudo, não revelariam todo o plano maléfico nem para o melhor amigo.

Esse recurso de roteiro é um truque baixo. Nunca entendi por que o vilão, quando finalmente encurralava o super-herói, perdia tanto tempo explicando o plano para o mocinho, em vez de simplesmente matá-lo –o tempo que levava explicando o plano era o tempo necessário para o herói se livrar das amarras. O áudio de Jucá combinando tirar Dilma, não porque ela está investigada, mas porque ela deixava investigar, parece o capítulo final de “Maria do Bairro”, em que Soraya revela: “Sou eu, Soraya! Sua pior inimiga!”. Sim, todo o mundo já sabia que era você, Soraya. Quer dizer, todo o mundo, menos a Maria do Bairro, claro.

A maioria das pessoas que clamavam pelo impeachment recebeu o áudio de Jucá tal qual Maria do Bairro: com surpresa. Cristovam Buarque disse que estava perplexo, que “não imaginava” nada disso quando votou pelo impeachment. Ih, rapaz, tenho várias coisas pra te contar. Sabe o Clark Kent? Era a verdadeira identidade do Super-Homem. Sim! Por isso eram tão parecidos! Mas não espalha”

A situação está tão feia para os golpistas que a colunista mais tucana do Brasil, Eliane Cantanhêde, do Estadão, pediu arrego. Não se sabe a quem ela se dirigiu, mas escreveu um apelo para que “deem um tempo” para Temer, senão Dilma volta. Um trecho desse apelo “de$intere$$ado” de Cantanhêde pela salvação do governo golpista de Temer dá a medida da confusão mental dessa mulher.

“Tanto quem é a favor quanto quem é contra o afastamento de Dilma tem de ter em mente a responsabilidade coletiva com a história e que só há três saídas para um país mergulhado em tantas crises. Fora disso, não há alternativa, a não ser anarquia. Uma saída é dar uma trégua para Temer governar e a equipe de Henrique Meirelles tentar por a economia em ordem nesses dois anos e meio, para entregar para os eleitores em 2018 um país razoavelmente saneado. Temer não é perfeito e o PMDB tornou-se muito imperfeito, mas ele foi escolhido por Dilma e por Lula e eleito na chapa do mesmo PT que anima os queimadores de pneus, os invasores da Cultura, os que gritam “Fora Temer” e uma turma que mora fora – uns, há tantas décadas, que deveriam estar mais preocupados com o Trump”

A colunista deveria pedir “trégua” a Temer. Ele que pare de nomear bandidos para seu ministério, extinguir políticas públicas e alardear planos “brilhantes” como diminuir a assistência pública de saúde em um país que, de Norte a Sul, clama por mais atendimento médico, não menos.

Contudo, o desespero da colunista do PSDB (agora, peemedebista desde criancinha) mostra que, sim, a militância pela democracia está aproveitando tão bem as oportunidades oferecidas pelos golpistas para serem desmascarados que o jogo está mudando.

O mais importante nesse texto é que Cantanhêde confirma informação que este Blog obteve, de que no Congresso já é senso comum que Dilma vai voltar se Temer continuar sendo trucidado todo santo dia.

O que Cantanhêde não considera é que várias pesquisas dão Temer como mais impopular que Dilma. Inclusive, não para de circular boato de que a petista recuperou aprovação e aumentou muito a rejeição ao impeachment.

Não é à toa que os institutos de pesquisa estão congelados. Não pesquisaram mais nada depois do golpe. A mídia não tem absolutamente nenhuma curiosidade em aferir a (im) popularidade de Temer.

Contudo, apesar de essas Cantanhêdes da vida acharem que podem fazer as pessoas engolirem um governo como esse só por raiva de Dilma, vai ser difícil de mudar esse quadro. A imprensa internacional não acredita na grande imprensa brasileira, tanto que está mandando suas próprias equipes de reportagem para o Brasil para cobrir a crise política.

Nos EUA, por exemplo, há uma legião de blogueiros e vlogueiros importantes e respeitados difundindo os fatos reais sobre o golpe. Um desses jornalistas norte-americanos divulgou por web TV um comentário arrasador para os golpistas. Trata-se do excelente programa Os Jovens Turcos (The Young Turks).

Assista.

Como bem relata o apresentador, não é ele quem está achando que houve um golpe no Brasil; a mídia de seu país e as de outras potências do dito “primeiro mundo” já sacaram que o golpe é golpe. Daí que a pressão sobre o Senado não vem só daqui, mas vem “de lá”…

A esta altura, qualquer pesquisa que surgir mostrando a quantas anda a popularidade de Temer e a opinião da opinião pública sobre o impeachment poderá influir fortemente sobre a decisão que o Senado tomará daqui a alguns meses sobre o mandato de Dilma.

Até aqui, os institutos de pesquisa ligados a impérios de comunicação, o Datafolha e o Ibope, abstiveram-se de divulgar pesquisas sobre a popularidade de Temer, de seu governo, de Dilma e do impeachment. Mas será difícil segurar por muito tempo.

A mídia espera que, daqui a pouco, Temer pare de cometer, digamos, temeridades, e de, assim, adiantar a bola para os adversários chutarem, para, só então, ir a campo pesquisar a opinião pública em busca de algum resultado menos ruim para o golpista.

Não é muito provável que isso aconteça. E o que é pior para os golpistas: se o clima que está se formando contra Temer no país mostrar piora de seu governo nas pesquisas, senadores que votaram pelo afastamento de Dilma podem mudar de ideia.

Detalhe: para Dilma recuperar o cargo, só faltam três senadores. Se aqueles que votaram contra seu afastamento mantiverem o voto e mais três votarem contra o golpe, não vai ter golpe. Nesse contexto, dois senadores já avisaram que agora vão votar contra o impeachment.

*

PS: Não sei se precisava dizer, mas é por tudo isso que não estão saindo pesquisas. Mas uma hora vão ter que sair. Senão, os interessados têm que pagar por ao menos uma pesquisa mostrando o que a maioria dos brasileiros está achando da troca de governo que apoiou.

  • Carl

    “Nesse contexto, dois senadores já avisaram que agora vão votar contra o impeachment.”

    Será Eduardo?!

    Eu posso está enganado, mas acredito que esses dois senadores estão querendo mais dinheiro para votar a favor do golpe. Você não acha?

    • eduguim

      Não, não, acho que as pesquisas serão fundamentais para que os senadores decidam seus votos. Se a situação de Temer continuar piorando acho que vão debandar

      • fausto

        Gostaria de creditar mas tá difícil. Exemplo o Romário, que precisa da globo para eleger-se a Prefeito no Rio. E todos do PMDB com o Temer dando os ministérios e cobertura ao ataque à lava jato, mesmo seletiva assusta os golpistas. E a mídia tradicional, que esta dando uma de imparcial somente para jornalistas internacionais ficarem calados. Acho difícil mas a esperança é a última que morre.

        • Felipe Matheus

          Que nada! O Peixe sabe que com essa pecha de golpista será rejeitado e levará uma surra na eleição do Rio.

  • Haroldo Mourão Cunha

    Edu, há duas saídas para o Brasil:

    1 – Dilma volta;

    2 – Instala-se, definitivamente, a ditadura.

    Não há terceira via possível. E, ela voltando, pegará terra mais arrasada do que Lula, pois sabia-se (o comando do PT e aliados) disso, mas agora o buraco é mais embaixo, não haverá tempo de reconstrução, pois os outros atores continuarão os mesmos: stf, congresso e mídia!
    A nata dos déspotas e seus (…) estarão dia após dia sabotando de todas as formas possíveis e imagináveis como não fazer de Lula ou quem ele indicar, presidente do Brasil!

    • Maria Antônia Ferreira Monteiro

      Haroldo,
      Só existe uma saída para a presidenta, caso volte, eu não acredito que volte. Tem que voltar com um pacto com toda a sociedade que votou nela, juntamente com todos os movimentos sociais, os partidos de esquerda e todos os políticos, intelectuais e aqueles que, sejam de esquerda ou não, tenham a ideologia que tiver, estejam na vera, preocupados com os rumos do País; numa guerra diária, nas ruas, cada dia um movimento diferente, contra todos os deputados federais e senadores, assim mesmo, contra. Gritando-lhes em alto e bom som, que não terão mais nossos votos, se, urgentemente não fizerem Reforma Política, Reforma Tributária, Reforma da Saúde, da Educação, Reforma da Dívida Pública e Regulação da Mídia. Estarei dentro, mudarei minha rotina, para que todos os dias possa ir às ruas, participar de um movimento diferente. Se a pressão não funcionar, dentro de poucas semanas dar para saber dos efeitos, convoca um plebiscito para que nós, o povo, decidamos pelo País que queremos ter. Somos nós, os de classe média e média baixa e os bem mais pobres que, verdadeiramente sofremos com a corrupção e a supressão de direitos legais e sociais. Os ricos de todas as classes, estão andando e cagando para a existência de democracia ou de garantias constitucionais. Estamos vendo e vivendo o que o dinheiro poder comprar. Com pouquíssimas exceções, sabemos de que lado o judiciário do mais baixo e imprestável à chamada suprema corte está, e por quê está! Se ela voltar querendo negociar, vai caí no mesmo erro. Não poderá mais dizer que será vítima. Sabe claramente o que pensam sobre ela e como a tratam! Não poderá dizer como o Cristovam Buarque que “se enganou” com o Golpista Temer. Como ele, o Cristovam, se não puder fazer mais nada pelo País, mate-se e se enterre, mas não o prejudique muito mais, cometendo enganos grosseiros e estúpidos e depois dizer que foi enganado (a)! Se se comportar como uma verdadeira mulher de brio que sei que ela é, estaremos juntos, se quiser compor com a choldra golpista, dará apenas continuidade aos mesmos erros para um segundo e definitivo golpe, porque aí terá perdido nosso apoio, para sempre. Mesmo porque essa merda toda só chegou até aqui porque ela não falou, se calou e tratou os golpistas como aliados, o tempo inteiro! Não dar para ficar alimentando lobos para no momento oportuno, nos devorar!
      Abraços
      Maria Antônia

    • Maria Abadia

      É golpe e esse interino é um lixo e quero que Dilma volte mas vai encontrar o mesmo congresso, com os mesmos bandidos e uma crise imensa e aí? Esse é o meu medo. Estou analisando a idéia de eleições para varrer esses bandidos e corruptos.

  • Fábio José Vieira
  • Seba

    Xiii, olha ai, de novo a Mídia Golpista petista da Folha ataca.

    Desta vez atacou o Guru mestre tucano, FHC, publicando o que o ex-deputado Pedro Corrêa disse em sua delação premiada sobre a suposta compra de votos para a emenda da reeleição. Tudo sem provas.

    Essa mídia golpista sempre querendo sujar a reputação de nossos grandes políticos que tanto fizeram pelo povo brasileiro…

    http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2016/06/01/delator-da-lava-jato-desenterra-emenda-da-reeleicao-no-governo-fhc.htm

    • eduguim

      Não entendi. Havia possibilidade de não divulgar isso? Vou lhe explicar uma coisa – e já publiquei aqui matéria da BBC contendo a informação a seguir:a imprensa internacional tem divulgado várias matérias sobre a parcialidade da imprensa brasileira. E está mandando equipes próprias para cobrir a política brasileira porque não dá para confiar no que divulga a imprensa local. Quem sentiu muito o golpe foi a Folha, que tem se esmerado em aparentar isenção publicando várias matérias ruins para a direita, pois a Folha tem ambições quanto à própria imagem. Já Veja, Estadão, Globo, esses só querem recuperar o controle do país e estão pouco se lixando o que dirão deles mundo afora.

  • Ivan

    Eduardo, com mais esses dois senadores citados juntando-se ao total dos que votaram a favor de Dilma (caso nenhum desses traiam) então já é mais provável que a Presidenta voltará e o golpe será derrotado?

    Aproveitando o ensejo, muito boas as imagens desse post e de todos os outros seus. Vocé que os faz? onde voce arranja esses flagrantes?

  • José Ricardo Romero

    Até um relógio quebrado acerta as horas duas vezes ao dia. Essa Cantanhêde é uma bossal e desqualificada mas disse uma verdade: “Temer não é perfeito e o PMDB tornou-se muito imperfeito, mas ele foi escolhido por Dilma e por Lula e eleito na chapa do mesmo PT…” Desde o início do primeiro mandato do Lula e ininterruptamente por todos os quase 14 anos no governo PT, durante 4 eleições seguidas, o lulopetismo fez alianças com o pmdb e este partido, seus líderes, partidários, ministros, presidentes de estatais… sempre traíram descaradamente o governo. Sempre submeteram o governo a chantagem aplicando o princípio que é a razão de ser deste partido: o balcão de negócios (com a coisa pública, é claro) e no momento em que a fraqueza do governo devido a campanha para o golpe, desde as últimas eleições em que Dilma ganhou, urdido pela quadrilha judiciário/congresso/pig, abandonou o barco e abraçou o golpe. Claro, para ficar com a maior parte da pilhagem que está assolando o país. Graças à doença infantil lulopetista da governabilidade e republicanismo. É uma fato histórico que precisa ser estudado pelos sociólogos e políticos do futuro esta cegueira voluntária do pt em relação àquilo que configura o que existe de pior na política do Brasil desde sempre: o clientelismo. Ora, se a Dilma voltar? Vai fazer tudo igual ao que sempre fez, para seguir o figurino.
    Muitas forças políticas de esquerda como o PCdoB, estão fazendo uma campanha para a Dilma convocar um plebiscito para novas eleições (o pt, ora veja, não quer nem ouvir falar nisso). Um chazinho de camomila para resolver a prisão de ventre em que se encontram as nossas instituições. Mas, vá lá. Algo pode se mover a partir daí, intestinamente. Só faria sentido se fosse um laxante fortíssimo: eleições gerais a nível federal.

    • eduguim

      Mas José, com quem o PT governaria se não tivesse PMDB, PP, PR e outras porcarias? Você viu na votação do impeachment da Câmara quanto somam os partidos de esquerda puros. Foram 137 votos, a Câmara tem 513 deputados, de forma que só com partidos de esquerda não dá para governar o Brasil, tem que fazer aliança. Sem aliança com um PMDB ou um PSDB, não dá pra governar. Simples assim

      • Wilson Alves

        Tem gente que só consegue somar dois mais dois.

        O pessoa lê política todos os dias, mas até ontem não entendeu que numa democracia, seja ela presidencialista ou parlamentarista é praticamente impossível governar sem ter maioria no Congresso.

        Até ontem, vai que hoje, num lampejo de consciência, a pessoa se dê conta do óbvio. Aguardemos.

      • José Ricardo Romero

        Durante 14 anos o luloetismo não tomou nenhuma medida para converter está distorção na prática da política brasileira para uma política de acordos baseado em princípios, e não em troca de cargos, vantagens e fechando os olhos e até participando de corrupção. Dificil? Certamente, mas poderia ter feito um esforco continuo, com clareza, com manifestacoes explicitas neste sentido para ir mudando as coisa aos poucos. Foi engolido pelas facilidades e pela pressa, pelo assembleismo tipico da pratica petista doente de democratismo. Quanto ao republicanismo é uma questão de postura, de entendimento do exercício de poder e poderiam ter fechado questão de forma absoluta desde o primeiro momento..O problema do lulopetisco não é o que ele fez, mas o que não fez e por omissão levou à destruição das conquistas dos trabalhadores brasileiros.

        • Wilson Alves

          É… Ainda não foi dessa vez que caiu a ficha de Romerinho.
          Aguardemos, pois; o dia só acaba às 23:59.

      • Junior

        Mas agora que o PT brigou com todo mundo, chamando STF, PF, imprensa, a classe média e, principalmente, todos os partidos que compõe essa maioria que tirou Dilma, de golpistas, corruptos, etc, como ele pretende voltar ao poder e governar só com os 137? Comprando novamente o apoio desses partidos golpistas? Ou por revolução??

      • Rudnelson

        Ou seja, você está admitindo implicitamente que não dá para governar sem fisiologismo político.

  • Pedro Accioli

    Boa tarde Edu!

    Perfeito comentário! Eu creio que logo logo a imensa maioria da população vai pedir a volta de Dilma, e vão ter que convocar novas eleições!

    Um abraço!

    • eduguim

      Outro abraço, Pedro

  • Romanelli

    claro que foi GOLPE

    ..não que mama Dilma não merecesse ser EXPULSA do Planalto ..mas expulsa com classe, evidente ..não com o país tendo que encarar JOSE Serra como Ministro e Aloísio Nunes como líder deste governo temerário.
    .
    Pior de tudo foi assistir ontem Aócio, com a maior cara lavada, conclamar o povo para a paz e congraçamento ..mas que cara de PAU ?! ..e Pedro Parente na Petrobrás (valha-me deus)

    ..os caras entram pelas portas do fundos ..cospem na nossa já tão sofrida e debilitada democracia ..e ainda tiram uma com a cara da povo que por mais de uma vez já disse que NÃO quer eles também

    Delfim Neto, o consultor de TODOS os governos, disse que se foi golpe, sua mãe seria uma locomotiva elétrica ..parabéns pra Dona General Delfin Eletric, então ?!

    Olha ..sem duvida que gostaria que o IMPEACH não passasse ..mas, bom mesmo seria se no SEGUNDO seguinte Dilma e Temer renunciassem ou ..sei lá. promovendo um entendimento com as diversas correntes ..que as lideranças conseguissem mudar as regras pra ainda este ano promoveram eleições diretas

    Aliá, quem sabe o TSE – pra parecer coisa de primeiro mundo – não poderia ajudar e mandar numa só tacada estes dois ESTRUPÍCIOS pra casa

  • nilo walter

    Sinceramente Dilma/Lula devem continuar combatendo o golpe.
    Sou contrário retorno Dilma.
    Sem apoio político será pior do que antes do seu afastamento.
    Deve ir pro meio do povo e defender eleições para todos os níveis já .

    • eduguim

      Ela pode voltar e convocar eleição

      • Luiz Antonio Franke Settineri

        Edu, Ela pode até convocar eleições mas só se forem gerais, pois nenhum brasileiro merece estes congressistas… De Vereador a Presidente, com deputados e senadores e governadores junto!

      • Fernando

        Edu, não quero nova eleição se a Dilma voltar que governe até 2018, convocar nova eleição é o mesmo que aceitar a derrota,ai o golpe,a direita e principalmente a globo ganha!!!

      • Beto Lima

        É isso Edu. Tem que voltar, para ridicularizar publicamente todos aqueles que conspiraram contra ela e a Democracia.
        Imagine o moral (se é que ainda existe) da Mídia brasileira, com o retorno dela?
        Retorna sim, e no mesmo dia convoca eleições e desmoralize os traidores. Vai ser hilário.

      • Ruy Acquaviva

        Sem o retorno de Dilma o Paíos nunca mais vai ter estabilidade política. BAstará uma maioria de ocasião no Congresso para derrubar o presidente eleito.
        Acho que a convocação de novas eleições é uma solução aceitável porque da forma como esse Congresso se acha completamente corrompido será muito difícil para Dilma, que com certeza vai ser chantageada de todas as formas possíveis, governar.
        Mas tem que ser eleições gerais MESMO. Para presidente e Congresso. Só para presidente não resolve nada. Se for eleito um presidente que não aceite ser refém do CUnha, como o boçal do Temer é, ele vai ser destituído da mesma forma.
        Na verdade o certo seria eleições para a esfera estadual também, mas isso eu já acho impossível. Já acho extremamete dificil eleições para o parlamento porque aquela cambada de ladrões no Senado e na Câmara não vai querer largar o osso.

  • Dilma Coelho

    1- Em princípio eu pediria que se parasse de contar vitória antes do tempo, é melhor a surpresa;
    2 – Essa eliane cantanhêde sofre de um mal que ataca muitas mulheres do tipo dela: INVEJA. Vocês não sabem o que a inveja causa. Também há homem invejoso. A inveja é um sentimento de tristeza, muitas vezes de frustração, perante o que o outro tem e a própria pessoa não tem, ou nuca terá. Esse é o caso da cantanhêde e ela nem sempre percebe ou não quer perceber. A DILMA, causa muita inveja, por suas realizações, sua postura , seu caráter e por ter conseguido algo que poucas mulheres brasileiras conseguirão. Poucas são as mulheres que têm inveja e são equilibradas e saudáveis, uma inveja sem frustração. A Dilma tem um quê pessoal, algo que poucos compreendem, é algo natural. Ela tem consciência de seu papel no mundo.
    Temer não é presidente! Está presidente INTERINO!
    Cunha morreu, Temer agoniza, Dilma renasce!!!
    Fracassado o golpe no Senado, michel tenebroso será preso ou anistiado?

    • Alci

      Fabulosa síntese. Meus parabéns

      • Alci

        Dilma Coelho disse: ela tem consciência de seu papel no mundo. Caramba! Valeu Dilma C e R.

    • Alci

      Dilma Coelho digitou: ela tem consciência de seu papel no mundo.

    • Wilson Alves

      Juro que fiquei procurando o lugar de clicar pra curtir, Dilma.

      Beijão, linda.

    • Lenita

      A verdade Dilma Coelho é tb que nossa Coração Valente deixa a maioria das pessoas admiradas. Ela é de uma bravura ímpar e poucos homens e mulheres podem se igualar. Enfrentar tudo que ela enfrentou nos dois últimos anos, com tanta dignidade e fibra, é de fato excepcional.
      #VoltaDilmaDarling

  • José Carlos Vieira Filho

    Eduardo, espero que volte. Mas, se voltar, nada pode ser o mesmo, esse estupro do País deve ser totalmente erradicado.

  • Fantástico esse comantário da TV americana, Eduardo.

    O comentarista está bem informado, utiliza argumentos de uma lógica indiscutível e ainda pór cima exibe uma

    refinada ironia.

    • eduguim

      Basta querer se informar, Jairo. Se um americano consegue, no Brasil só está desinformado quem quer

  • Roberto de Paulo

    Governo de canalhas com ajuda do medíocre STF.

  • Lenita

    Edu, ótima retrospectiva dos fatos marcantes dos últimos dias e semanas. Concordo contigo que a posição dos golpistas está complicada. De temeridade em temeridade o vampiro perde o chão a cada passo e descompasso. Verdade que dificilmente alguém lúcido e normal poderia desejar um morcego-golpista-traíra no lugar da nossa Coração Valente ! Gente, nem dá pra comparar !! #ForaCondeDracula

  • Julio Bessat

    Então faço-lhe uma pergunta muito simples; se Dilma voltar, como vai governar com um congresso francamente hostil, com uma baixíssima aceitação popular e com a possibilidade de ter suas contas de 2015 recusadas pelo TCU ?

    • eduguim

      O Congresso é hostil conforme está a popularidade do governante. Há informações (extra-oficiais) de que Dilma estaria com aprovação acima de 30% e a maioria dos brasileiros, agora, estaria reprovando o impeachment. Ibope e Datafolha vão ficar na moite, mas cabe ao PT e aos partidos que o apoiam fazerem uma pesquisa urgente. Deviam fazer simultaneamente com Vox Populi e Ibope

      • Segundo “O Globo” de hoje, já são 8 senadores a mudarem o voto. Contudo, seus principais colunistas, notadamente Merval Pereira, querem passar a ideia de que se Dilma voltar, não vai conseguir governar. Contudo, não é bem assim. Basta que o cadáver político de Eduardo Cunha seja enterrado, pois tem sido ele o principal obstáculo à superação dos problemas econômicos e sociais do Brasil. Em ordem decrescente de importância, seus parceiros têm sido: Sérgio Moro, Aécio Neves, Gilmar Mendes, FHC, Romero Jucá, Tasso Jereissati, Paulo Skaf, Paulinho da Força, José Sarney, Ronaldo Caiado…, com o apoio amplo, geral e irrestrito da mídia poderosa tupiniquim.

      • wanildo alves

        Caro Eduardo Guimarães, será que o aumento dos servidores, tendo a frente o Judiciário (STF) já não faz parte da conta do golpe?. Quem vai bancar esse aumento sessenta bilhões ( R$. 60.000.000.000)?. Vai sobrar mais uma vez para o contribuinte (com o possível retorno da CPMF). Esse pacote de bondades já foi proposto ao governo anterior e não foi aceito. Acho que o governo ilegítimo do Michel Temer, está querendo fazer política de aproximação com o funcionalismo público às custas do sacrifício do País inteiro.

  • Wilson Alves

    Eleição direta agora seria o plano B do golpe.

    Dilma jamais concordaria com esta estultice, até porque, ganhou as eleições para governar por quatro anos, mas não governou um dia sequer.

    É preciso haver respeito à democracia. Quem ganha governa, quem perde vai para a oposição.
    Simples assim.

  • Herbert

    Caro Eduardo,

    É preciso termos muito cautela em afirmar que a presidente Dilma voltará. Alguns parlamentares do PT já andam propalando por aí, que o Michel Temer já não tem mais os votos suficientes para aprovar o impeachment no Senado Federal. A mesma afirmação foi dita por esses parlamentares, antes da votação na Câmara dos Deputados e todos sabemos o que aconteceu. Não devemos subestimar a capacidade dos golpistas. Eles têm a liderança da Rede Globo, que tem o poder de influenciar muita gente neste país, e é temida principalmente pela classe política. Esses caras, tramaram muito bem esse golpe e farão de tudo para não deixar a presidente Voltar ao poder.

  • Salvador J. Ferreira

    Mais uma bela pagina, Eduardo
    Prá mim, não precisa desenhar. O texto, com as inserções diz tudo.

  • Roberto Ribeiro

    Dias atrás vi um vídeo na internet onde uma “cartomante” joga as cartas para Temer e ao ler o (kkkkkk) “oráculo” diz: “vai cair, vejo ratos por todo lado”.
    Ninguém precisa “jogar e ler cartas” para ver a infestação de ratos que é esse governo golpista e usurpador do traidor Michel Temer.
    Haja ratos! E chefiados por um ratazana-mor.

  • Valerio

    Com essa “elite” ignorante, prepotente, hipócrita, corrupta, egoista, incompetente, movida por ódio de classe mandando no Brasil, elegendo todo Congresso, indicando os Procuradores Gerais da Republica, os Ministros do STF etc etc ??? Não acredito!!!

  • Carlos Henrique

    Não são 3, mas apenas 2 Senadores que precisam mudar o voto para que ela retorne. Por esse motivo, o PT e as forças populares deveriam realizar essa pesquisa agora. Já há indícios de Senadores mudando o voto, o Conversa Afiada fala em dois senadores(Romário e um do PDT, cujo nome não me recordo), que poderiam mudar o voto. Já no Tijolaço, republica-se matéria do Valor, onde se fala em 15 Senadores(estimativa de senadores que apoiam Dilma). Não sou tão otimista, acho que Dilma tem chances reais de voltar, mas há muitos interesses e muito dinheiro em jogo. Não nos esqueçamos do que já venho alertando, foi a mídia conservadora, Globo e Folha, que divulgaram as tais gravações e não fizeram isso para ajudar Dilma. pretendem tornar a Lava(Golpe) a Jato inatacável. Há muitos trechos das gravações em que as conversas não revelam nenhuma ilegalidade, mas apenas críticas à Golpe a Jato, que é um mar de irregularidades jurídicas; violação ao princípio do juiz natural, prisões preventivas por por prazo indefinido, ultrapassando o limite legal de 90 dias; delações transformadas em provas indiscutíveis; e Globo e sua turma transformam essas críticas em crimes hediondos. Essa blindagem à Golpe a Jato não é gratuita, pretendem transformar a Operação no grande ator político nacional; um ator autoritário e sem respaldo no voto popular; e essa assunção irá ocorrer com a prisão de Lula, pretendida desde sempre pela Golpe a Jato, prisão essa que se baseia em nada, agora são as delações de um bandido sobre o envolvimento de Lula na farsa do “mensalão”, um assunto já julgado e do qual Lula foi inocentado pelo MP. É claro que devemos usar esse conflito entre os golpista, mídia(Globo à frente)e Golpe a Jato mostrando a Temer quem manda, a nosso favor, mas sempre preparando-nos para o grande combate que deve ser feito ao Governo temer, a mobilização na ruas; conscientes que não podemos ser guiados em nossa ação pelas denúncias da mídia e que a capacidade organizativa e de atuação das forças populares precisa sustentar-se num grande plano destinado a unir todos os setores progressistas para derrubar o golpe e recolocar Dilma no poder. Esqueçamos propostas diversionistas; como essa bobagem de convocar eleições, isso legitimaria o golpe; e proponhamos a coesão em torno da volta de Dilma, centrada numa grande aliança programática de esquerda contra o golpe e destinada a aprofundar de forma acelerada as mudanças progressistas no Brasil, começando pela democratização da mídia, do Judiciário e da terra…

  • Luís CPPrudente

    A presidenta Dilma tem que voltar e pedir eleições gerais, incluindo aí a Câmara dos Deputados formados por uns trezentos picaretas e o Senado formado por uns 55 canalhas. É preciso renovar o Congresso Nacional, retirar a bancada evangélica, a bancada da bala e a bancada do latifúndio de lá, devolvendo estes mandatos ao povo brasileiro.

    Fora golpista e traidor Michel Temer.

  • valéria PE

    Sempre que posso converso com as pessoas sobre o que representa esse governo das trevas. Não esquecendo de sugerir que desliguem a globo. Ainda existe muita gente que não tem ideia de tudo o que vai perder. O inferno terá que ser ampliado para acomodar esses seres do mal.

  • Lene Lapa

    Edu, eu não entendo a campanha a favor de novas eleições. De que serve novas eleições com esse Congresso ou mesmo com essa estrutura política. Eu creio que deveríamos focar na volta da Dilma para restabelecer a normalidade democrática e até 2018 o Governo Dilma estabelecer uma pauta mínima com a sociedade, reestruturando o Governo detonado pelos GOLPISTAS, as políticas sociais atingidas e definindo alguns itens para ajudar na saída da crise como a CPMF, o IRPF dos lucros e imposto sobre fortuna para ajudar na receita. E, fundamentalmente, conduzir uma Reforma Política que permita que as eleições de 2018 resulte num sistema de correlações de forças mais favoráveis para a maioria da população. Fortalecendo inclusive o Presidencialismo, pois o Parlamentarismo seria a pá de cal para as esquerdas no Brasil.

  • carlos reis

    Só faltou no pronunciamento do sr. Temer mencionar que a herança maldita já vem deste de 2015 com a sabotagem do psdb, dem e pmdb. Inviabilizando o governo de aprovar os ajuste para impedi que mergulhaste nunca crise mais profunda ainda, nem mesmo os jornalista se atentaram para isso. É so buscar noticias referente a politica e economia do inicio de 2015 que veremos fatos tratados diariamente negativamente levando diversos segmentos empresarial ao descredito ou medo e também a sociedade em geral. E lamentável que as polaridades na política não respeita as derrotas nas eleições elevando uma crise política profunda e pior desestruturando as famílias brasileiras.

  • O JUIZ

    Caro Eduardo,
    A matéria toda é importante e ao mesmo tempo assustadora pelas revelações que faz.
    A inércia dos Comandantes Petistas, quanto a encomendarem uma pesquisa para medir a popularidade de DILMA, pode estar ligada diretamente a uma estratégia de guerra.
    Penso aqui com meus botões, que isso ainda poderá ocorrer mais perto do julgamento pelo Senado.
    Até lá, o Ministro Teori ainda deverá lançar algumas bombas políticas em Brasília.
    Se tivermos, por exemplo, a queda de mais um Ministro, Temer não vai segurar o rojão.
    Essa pesquisa tão reclamada por nós, pode até já estar encomendada, para ser divulgada na hora certa.
    E penso que essa hora ainda não chegou.
    O falastrão, mas correto Requião, disse hoje que o Impeachment no Senado, já era…
    Como ele já havia afirmado isso, quando o processo estava na Câmara, vamos dar um “desconto”.
    Só que agora, é no Senado e lá tem muito menos políticos do que na Câmara.
    Assim, é mais fácil fazer previsões.
    Todos já sabemos que Renan está atolado até o pescoço.
    Creio que o Min Teoria esteja com uma bomba de proporções inimagináveis em suas mãos, pronta para ser detonada.
    Conta-se que ele ficou recluso em seu gabinete hoje, pelo dia todo.
    Tomara que essa bomba se chame PMDB.

  • JOHN JAHNES

    Parece ironia ou paradoxo, mas é a verdade cruel: esses policiais que batem em jovens que protestam contra os corruptos dos governos TEMER e ALCKMIN, são os mesmos que morrem de medo de andarem unifominzados quando estão saindo ou chegando em seu local de serviço, por causa do bandidos que são quem eles deveriam realmente combater.
    SERÁ QUE AO CHEGAREM EM SUAS CASAS ESSES POLICIAIS DORMEM TRANQUILOS POR TEREM CUMPRIDO SEU DEVER CRUEL DE BATER EM GENTE QUE NADA DE MAL FEZ?
    Enquanto esses policiais mal remunerados, batem em inocentes manifestantes, o governo que eles defendem (FORA TEMER, FORA ALCKIMIN) DÁ UM AUMENTO MEJESTOSO AOS MARAJÁS DA JUSTIÇA, COMO PAGAMENTO POR ELES TEREM APOIADO E DADO COMO LEGAL O GOLPE QUE OS CORRUPTOS EFETUARAM CONTRA A DEMOCRACIA BRASILEIRA.
    • Um megagolpe dentro do golpe – TEMER remunera STF, MPF e TCU.
    http://www.ocafezinho.com/2016/06/01/um-megagolpe-dentro-do-golpe-temer-remunera-stf-mpf-e-tcu/
    • Mais de 58 BILHÕES DE REAIS de dinheiro público para pagar a ajuda dos “BANDIDOS TOGADOS” no golpe contra a democracia brasileira.
    https://www.youtube.com/watch?v=03Lbuc_9oyI

  • João

    TAGS PETISTAS:

    Tags:
    PT e Lavagem Cerebral; ilusionismo; arrogância; vigilância ideológica; guerrilha virtual; “robozinhos”; blogs petistas; denegação; Publicidade Petista; gravame; Seita Política; astúcia; mitomania; PT pratica Lavagem Cerebral; frase-feita; Ersatzbrot; PT e a mídia; inverdade; grosseria; autoritarismo petista; mediocrização; narrativa fantasiosa; inflexibilidade; enfermidade epidêmica; recusa; Ideologia Digital Petista; Ideologia Digital do PT; obnubilação; coercitividade; embuste; ardil; gosto do poder; campanhas ardilosas; Partido dos Trabalhadores; inculto; peças publicitárias do PT; isenção passiva; Mobilização de Ambientes Virtuais pelo PT; obstinação; rigidez; blogs de inclinação petista; falta de aderência com a realidade; estratagema; retórica Petista; Propaganda; tramóia; ponto-cego; blogs financiados pelo Estado; picaretagem do PT; agnosia visual; Hegemonia petista; campanha de velhaco; fome de Poder; trapacice; enceguecimento; força coerciva mental; subterfúgio; patrulhamento; bloguista comprado Paulo Nogueira; adestramento; Ideologia Petista; turvação; truculência; clichê; chavão; bordão; lugar-comum; uso da máquina pública; Lulopetismo; imagem estereotipada; pseudo-intelectual; negação; aparelhamento do Estado pelo PT; cegueira ambiental; mediocridade;  Ersatzkaffee; marketing Petista; APARELHAMENTO IDEOLÓGICO; identificação com a comunicação de massas; ‘Brasil pra inglês ver’; ‘A Copa das Copas’; Autoritarismo; “Danoninho vale por um bifinho”; POPULISMO; amestrar; Coca-Cola da mais vida;  pseudo-esquerda.

  • Roger

    E o senador Walter Pinheiro será que vi poder votar? Ele parece que aceitou um cargo pra ser alguma coisa no estado da bahia acho.

  • Cláudio

    :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: …
    .:.
    * 1 * 2 * 13 * 4
    *************
    .:.
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…)
    ! ! ! ! Lula 2018 neles ! ! ! !
    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

  • Angelica Della Monica T. Lapolla

    Vamos dar corda para esse governo se enforcar cada vez mais. Temer, Aécio, etc. são tão caras-de-pau que ainda têm a coragem de vir à frente da TV falar-nos asneiras, achando-nos todos uns idiotas. Foram os mentores do quanto pior melhor para darem o golpe e saem com essa de união, tolerância, etc. como se fôssemos nós que criamos isso tudo. Quem se valeu do MBL, do Vem Prá Rua, do apoio da FIESP e do SKAF, que por sinal sumiu, e de outros golpistas? Quem dispendeu tantos recursos para arregimentar tanta gente? Se querem tolerância, etc. a bem do país, por que não propuseram uma saída para a crise, ao contrário, chantagearam a Dilma exaurindo-a, para depois traí-la. Lembro-me quando Lula, em tempos de crise, propunha saídas a classe política. Por que esses parlamentares não agiram assim? Só tem uma resposta, são oportunistas, traidores e golpistas. Quanto eleições gerais eu pergunto para quê se os que aí estão foram eleitos pelos que irão elegê-los, provavelmente novamente? É jogar dinheiro fora. Precisamos sim, mas de reformas políticas e econômicas, sem que isso venha tirar os direitos das minorias sociais. Também gostaria de saber se a crise é tão grande, o porquê do Congresso aprovar aumento salarial? Enquanto isso estados e municípios não dão nem o reajuste da inflação aos servidores. A casta pode e a plebe que morra de fome?

  • Lili Santos

    Antes da Câmara votar pelo impedimento o discurso era semelhante: havia números suficientes para barrar o processo, no entanto, deu naquele horror.

    Agora mais uma vez essa ilusão.

    Não confio nesse Senado e nas figuras que sinalizam possível voto contrário. O país devia parar, em vez de ficar aguardando que isso, talvez, aconteça, pois depois não tem mais volta.

    Se foi fácil comprar 367 deputados, imagina senadores.

  • Maria

    1.Um professor da PUC já explicou que a SELIC não é proveniente do mercado mas combinação.
    O orçamento continuará pagando?

    2. A Força Tarefa pode jogar entre a delação da Odebrecht e OAS e ninguém faz nada? Por que não as duas, e bem rápido, com Acordo de Leniência?

    3. Por que a mídia podre evita falar da situação de Demanda em Retração por tempo desconhecido no mundo? Quais vantagens o governo de Usurpação tirará disso e quais consequencias deixará para o próximo?

    4. Pressionarmos os senadores com e-mails como fizemos antes. Lutarmos em todas as frentes.

  • manoel

    Edu, aprecio muito seu trabalho, persistente e otimista. Tenho uma visão diferente do que acontece hoje. Os golpistas, mídia, judiciário, tucanos e garras internacionais já dão como “jogo jogado” a saída da Dilma e o que ocorre agora é uma nova jogada para enfraquecer o pmdb, que na visão destes, não deve ser o destinatário do golpe. Sabemos pra quem foi feito todo este movimento.
    Porém entendo que a diferença entre o remédio e a droga é a dose. Ainda pode haver esperança, mas não acredito no que ouço de mudança de opinião dos senadores. Conhecedor de nossos políticos, sabemos muito bem o que procuram neste momento, em que o dinheiro está no balcão.
    A luta tem que intensificar-se nas ruas. Único lugar que conhecemos. Abraço

  • Fabio

    Edu, raramente você me responde, mas gostaria de uma informação sua, se puder.
    Com a volta da Dilma, presidenta eleita constitucionalmente e chefe suprema das Forças Armadas.
    Ela não pode dar um golpe realmente constitucional, fechando o Congresso (casa de corruptos), destituindo o STF e convocar eleições gerais para 90 dias.
    Com esse congresso de bandidos e um STF sujo de nada adianta novas eleições.
    Se der um candidato de esquerda eles vão tramar do mesmo jeito.
    A saída é, fecha o congresso, proíbe os atuais de serem candidatos, renova-se e passa a ter um STF com juristas renomados, com mandatos de 8 anos.
    É uma medida extrema sim, mas o momento requer isso.
    Golpe por golpe, uma quadrilha de bandidos ja deu.
    Te falo, se a Dilma fizer isso ela terá total apoio do povo, que roga pela dissolução desse congresso e que tenha novas eleições gerais.

    • Junior

      Quem é golpista, mesmo?
      Quer dizer que se alguma instituição não lhe agrada, deve ser derrubada?
      Na Venezuela é assim? Tá gostando?

      • Fabio

        Junior, o que o Congresso fez?
        Não gostou da instituição Presidenta da Republica e está tentando derruba-la.
        Antes de olhar para fora, olhe para o seu próprio país e veja o caos que a sua direita provocou.
        Não aceitaram os 54 milhões de votos que a Dilma teve e para piorar estão desmantelando o Brasil.
        Golpe o país já se vive.
        Não jogue na Venezuela o que o seus queridos Aécio, Cunha e Cia estão fazendo com o Brasil.

      • Maria

        Cínico Júnior,

        A instituição golpeada por lixos foi presidência legal da República. Porque agora temos governo Golpe.

        Governo Golpe declarado pela maioria dos países do mundo.

        • Junior

          Então já que foi golpe, então vamos a um contra-golpe militar, certo?
          E tudo que Maduro faz na Venezuela é justificável, né?
          Beleza!!
          Quando vejo respostas assim fico aliviado de termos nos livrados dos bolivarianos por aqui, e completar minha certeza que tão cedo, quiçá nunca, voltarão!!!

    • El Bartho

      Perfeito Fabio vc acertou na mosca, já tem troll golpista nervoso! TODOS que converso de direita ou esquerda tem a mesma visão. Pena que a Dilma é defensora de um republicanismo ingênuo.

  • Osvaldo

    Por outro lado, a ameaça de mudar o voto no impeachment pode ser mais uma chantagem para ganharem mais dinheiro.

    O Senado é lixo.

  • Seba

    A Globo golpista informa que o nosso procurador geral da república (também golpista) pede que STF prossiga com investigações contra o Aécio Neves.

    Esses golpistas querem sujar a honra do nosso honorável e honestíssimo Senador que tanto faz pelo seu povo…

    http://g1.globo.com/politica/operacao-lava-jato/noticia/2016/06/janot-pede-que-stf-prossiga-com-investigacoes-sobre-aecio-neves.html

  • Seba

    A Mulher de Cunha informou à à Justiça que ele autorizava compras de luxo que ela fazia e que não sabia de nada da origem do dinheiro…
    Que absurdo! A justiça quer incriminar essa pobre mulher inocente que recebia sua mesadinha do maridão sem saber o que se passava para a graninha cair na conta dela…

    http://g1.globo.com/politica/operacao-lava-jato/noticia/2016/06/mulher-de-cunha-diz-justica-que-ele-autorizava-compras-de-luxo.html

  • Leo F.

    Assim como muitos comentaristas aqui do Blog, fico com 1 pé e meio atrás com a divagação de que Dilma poderia voltar.

    É muito nebuloso ainda o atual cenário político com Temer. Sabemos dos tipos de arranjos que foram feitos, à base dos achaques e conchavos, pelo interino com o centrão fisiológico do Congresso.

    Cuja extensão se revela ir até, para a não surpresa de muitos, a boa parte do Poder Judiciário deste país.

    Levando em consideração que os vazamentos recentes de áudios, incriminando “jogadores” políticos importantes do PMDB e a própria equipe de governo, são uma tática de chatangem velada pelo MPF e PGR, considero remota a possibilidade de que Dilma volte

    Porque, vejam bem, não há aqui (e não sejamos ingênuos) qualquer tentativa de “moralização” da realidade do nosso sistema político pelo Janot e sua turma.

    Ontem aparentemente em caráter de urgência, o Executivo deu sinal verde para a aprovação no Parlamento dos reajustes ABSURDOS de salários e encargos dos servidores em carreira de Estado no Judiciário e Executivo (Juízes, promotores e etc). Isso depois do Meirelles ter apresentado ao mercado, uma estimativa de déficit em 170,5 bilhões. Até agora esperando o Sardemberg e a Miriam Leitão darem ataques de nervos, que acho que não vão acontecer rsrs.

    Ou seja, colocaram uma coleira no Interino Golpista.
    A estabilidade da base de sustentação e até da própria vida do governo fake, em troca do comando estratégico do país, nas mãos da casta de Procuradores e Juizes Federais de grande pompa.
    A Policia Federal ja disse que vai entubar uma lista tríplice para decisão do Diretor_geral da corporação ser feita, pelo Executivo. Igualzinho ao que já é feito para a PGR.

    E assim, seguem as mordomias e poderes totais para os grupos privilegiados, dentro de nossas instituições.

  • Elza

    Edu, o desgoverno do pilantra esta se dismilinguindo em praça pública, por isso vão antecipar a eleição na Comissão de Impeachment, era para ser agosto ou setembro, porém hoje li no UOL que anteciparam para julho, sinceramente achei que Lula e Dilma iriam percorrer o país reunindo multidões, não consigo entender por que estão estão tão parados, esperam o golpe se consumar pra dar uma de vitima?

  • Jorge Juca

    É importante que os jornalistas independentes prestem atenção a uma questão que está sendo totalmente ignorada pela mídia tradicional, que é o voto do senador Ivo Cassol, que votou a favor da aceitação do impeachment na primeira votação no senado. Cassol, notório bandido que rouba a população brasileira há décadas, foi condenado em 2013 por fraudes em licitações a uma pena de 4 anos e oito meses de prisão. Foi o único político condenado pelo STF desde o Mensalão, coisa que evidentemente contrasta com os discursos moralistas que tivemos que aturar naquele julgamento com grande repercussão pública. Desde então, o julgamento dos recursos vem se arrastando com uma velocidade que parece resultado do cruzamento de uma tartaruga, uma lesma e Rubens Barrichello.

    Após mais de três anos da condenação de Cassol, finalmente vieram ao plenário para julgamento os terceiros embargos de declaração. Geralmente o STF julga esse tipo de recurso em listas, em julgamento que demoram menos de 30 segundos. Nesse caso, como a rejeição levaria à prisão de um senador, Carmen Lúcia optou por ler um longo voto de mais de uma hora esmiuçando os argumentos do recorrente, que são totalmente improcedentes, tentativas de rediscutir um caso que tem provas absolutamente avassaladoras.

    Ocorre que Dias Toffoli pediu vista do caso após a leitura do voto por Carmen Lúcia. É provavelmente a primeira vez na história que alguém pede vista de terceiros embargos, num recurso totalmente improcedente, depois de três anos em que o caso se arrasta. Pra quem acompanha um pouco essa coisa de julgamentos sobre crimes do colarinho branco, é bem claro que se trata de pedido de vista encomendado – para não dizer pago.

    Sinceramente, já que Cassol é um bandidão, muito provavelmente seu suplente, que não sei nem quem é, deve ser da mesma laia. Como os corruptos estão todos a favor do impeachment, suponho que sua prisão resultaria na troca de um sim por outro sim, ou seja, não interferiria no resultado. Contudo, como tem toda a história do impeachment rolando e várias manipulações envolvendo isso, é importante verificar bem o que está havendo e se Toffoli, que tem se mantido completamente alinhado com Rede Globo/Gilmar desde o Mensalão, pode estar tentando manipular o voto de Cassol. Acima de tudo, é raríssimo conseguir pegar um desses caras – esse é o único político condenado pelo STF desde 2012 – e o julgamento precisa ser concluído. A questão precisa de atenção dos veículos de informação, e Globo, veja e Folha não vão cobri-lo de forma honesta. A bola está com os blogs.

  • Douglas otaviani Tôrres

    Imagino as presões que devem estar sofrendo o Romario e Cristovam Buarque.Dinheiro,cargos e depois ameaças,midia atacando suad reputações,familia.Foi assim na camara,teve deputado que esteve de manha com Lula e a tarde votou pelo impeachment.O jogo é pesado,não ha escrupulos,midia e judiciario tambem pegando pesado na pressão,não ha etica,lei.Então para mim este jogo so estara ganho ao fim da votação.So sei que se Dilma cair,alem do pacote de”maldades do governo Temer” com a insatisfação ja grande da sociedade organizada,virão protestos cada vez mais radicais,greves passeatas,desabastecimentos ate sabotagens.A direita so vai desistir,principalmente agora que esta com.o poder quase garantido,so desistira se bater no muro,que não tem como prosseguir,e se jogar o pais no caos,na recessão,FODAS.Espero que alguns membros do STF acordem para o buraco que irão ser tragados juntos.

  • joaquim

    este golpe não pode ser aceito.