PMDB pode ter que voltar ao governo com o rabo entre as pernas

O impeachment subiu (de novo) no telhado. A intensidade da reação no Brasil e no exterior deu aos aliados não peemedebistas (que ficavam com o osso enquanto o PMDB ficava com o filé) a narrativa de que precisavam para tomarem o lugar do principal sócio governista. Na verdade, porém, o PMDB não precisa nem voltar com rabo entre as pernas porque nunca foi – seus ministros continuam onde sempre estiveram. Mas o partido vai ter que mudar de discurso rapidinho

O fim do seu “reinado” nefasto está próximo, senhor Eduardo Cunha

O pedido de impeachment que o senhor acolheu, senhor Cunha, nada mais é do que tentativa de tirar a presidente Dilma do cargo para que Michel Temer, agora presidente, interrompa as investigações. Apesar dessas manobras imorais – que fizeram o procurador-geral da República chamar o senhor “delinquente” -, meu senhor, o seu “reinado” nefasto está no limiar do fim. O cerco se aperta e o senhor sabe muito bem que as decisões que o STF está tomando ao lhe ter dado 10 dias para se defender e ao determinar a quebra dos seus sigilos prenunciam que seu afastamento será determinado. Falta pouco, senhor Cunha.

Janot recebe representação contra Cunha na terça; leia o documento

Nesta terça-feira, 15 de dezembro de 2015, o signatário do Blog da Cidadania estará na Capital da República Federativa do Brasil para entregar ao procurador-geral da República, doutor Rodrigo Janot, representação pedindo providências para retirar Eduardo Cunha da Presidência da Câmara. Clique na imagem para ler a representação e deixe no Blog seu comentário da apoio ao documento. Você estará ajudando a fazer história.

Jurista Dalmo Dallari diz que STF barrará impeachment. De novo!

Dalmo Dallari, professor da Universidade de Paris, da Unesco, um dos juristas mais respeitados do mundo foi quem primeiro previu que o STF iria barrar abertura impeachment, tentada pouco tempo atrás por Eduardo Cunha através da mudança de rito do processo dispensando maioria de 2/3 dos deputados. Agora, Dallari diz que o STF barrará o golpe DE NOVO se for provocado, e recomenda ao governo um mandado de segurança sustanto o processo de impeachment. Leia a entrevista que Dallari deu ao Blog neste quinta-feira

Cunha cometeu crime ao acolher impeachment de Dilma para se proteger

A decisão de Cunha de acolher pedido de impeachment contra Dilma no mesmo dia em que o PT anuncia que votará contra ele na Câmara coroa a sua conduta criminosa de usar o cargo que ocupa para se defender. Agora que o Partido resolveu enfrentar a chantagem de Cunha, não há retorno. E se não há retorno, que vá para cima dele com todas as armas possíveis. E o recurso à Justiça é uma dessas armas. Essa é a hora de o PT mostrar toda a coragem de que é acusado de não ter.

Pressão da sociedade inviabiliza chantagem de Cunha e acelera sua queda

Neste 1o de dezembro de 2015 o Brasil viu acontecer um processo bonito. Eduardo Cunha vinha chantageando Dilma e o PT com processo de impeachment caso os deputados do partido não salvassem sua pele no Conselho de ética. A sociedade reagiu. As redes sociais fervilharam. Sucessivas entidades repudiaram a chantagem. Cunha não poderá perpetrá-la. E sua desfaçatez e arrogância finalmente o enterraram. Sua cassação é questão de tempo e a Câmara não terá como aceitar o impeachment proposto por um bandido. A democracia está vencendo. É para comemorar. Muito.

PT deve trocar mandato de Dilma pela cassação de Eduardo Cunha?

O PT enfrenta uma escolha de Sofia no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados. Por muito tempo, este Blog formou opinião de leitores. Desta vez, são eles que podem formar a do Blog. O que você acha? Vale a pena o PT trocar o mandato de Dilma e o naufrágio da economia pela cassação de Cunha? Por outro lado, vale a pena o partido se submeter a um chantagista barato como esse, que, lá na frente, poderá fazer novas chantagens?

Desmontando nova farsa contra Lula, a do “jantar com Cunha”

A mais nova farsa contra Lula é de um jantar com Eduardo Cunha que o ex-presidente teria tido na semana passada. Essa, porém, é só mais uma das incontáveis farsas contra a Lula a serem desmontadas, apesar de que continuam sendo produzidas em escala industrial e se espalhando à velocidade da luz enquanto que os desmascaramentos dessas armações viajam de carroça, o que torna a mentira, hoje, muito mais rápida e “eficiente” do que a verdade, como todos podem notar. Então vamos ao trabalho: clique na imagem para saber a verdade. E divulgá-la

“Paulinho da Força” quebra decoro com apoio a Cunha no Conselho sem Ética

Na manhã desta terça-feira (11/11), “Paulinho dá força” deu entrevista tão revoltante à Rádio Jovem Pan que até um antipetista fanático como o dublê de historiador Marco Antonio Villa (o entrevistador) se revoltou. “Paulinho” entrou no Conselho de ética pela porta dos fundos (através de farsa que você conferirá no post) e anuncia, a quem quiser ouvir, que poupará Cunha para “derrubar” Dilma. Ouça a entrevista (clique na imagem) e veja se esse sujeito não deu causa a que qualquer deputado peça sua expulsão da Câmara dos Deputados.

Quem elegeu Cunha que embale; não cobrem do PT sua cassação

O que a direita mais quer é que o PT invista com força contra Cunha para ele colocar o impeachment em pauta e transformar a governança do país em uma roleta. Não caia nessa, PT. Derrubar Cunha não é sua responsabilidade. Não o elegeu presidente da Câmara. Além disso, quem deve derrubá-lo em breve não é o Legislativo, mas o Judiciário, pois sua situação está ficando insustentável.